Edital 97/95 Regulamento Geral dos Parques de Estacionamento Municipais. (Versão em vigor, com as alterações efectuadas pelo Edital n.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Edital 97/95 Regulamento Geral dos Parques de Estacionamento Municipais. (Versão em vigor, com as alterações efectuadas pelo Edital n."

Transcrição

1 Edital 97/95 Regulamento Geral dos Parques de Estacionamento Municipais (Versão em vigor, com as alterações efectuadas pelo Edital n.º 59/96) CAPÍTULO I Princípios Gerais Artigo 1º (Âmbito de Aplicação) O presente Regulamento será aplicado a todos os parques de estacionamento municipais, quer aos existentes, quer aos que a Câmara Municipal de Lisboa venha a instalar à superfície, nos termos do artigo 67º do Código da Estrada, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 114/94, de 03 de Maio. Artigo 2º (Limites Horários) 1 - Os parques funcionarão ininterruptamente. 2 - O estacionamento entre as e as horas fica sujeito, de 2ª a 6ª feira, ao pagamento das taxas referidas no artigo 4º, independentemente da hora de saída. 3 - Aos sábados o estacionamento entre as e as horas fica sujeito ao pagamento das taxas referidas no artigo 4º, independentemente da hora de saída. 4 - Aos sábados a partir das horas, domingos e feriados o estacionamento é gratuito. 5 - Nenhum veículo poderá permanecer nos parques por um período de tempo superior a 24 horas. 6 - Qualquer alteração ao período de estacionamento pago poderá ser efectuado por despacho do Presidente da Câmara Municipal, ou pelo Vereador em quem a competência seja delegada.

2 Artigo 3º (Classe de Veículos) 1 - Só podem estacionar nos parques de estacionamento municipais, os veículos automóveis ligeiros, com excepção das auto-caravanas. 2 - Os ciclomotores e motociclos só poderão estacionar nos parques municipais, quando para tal estiverem autorizados. Artigo 4º (*) Taxas 1 - A tabela de taxas aplicável nos Parques de Estacionamento do Corpo Santo, Pavilhão Carlos Lopes e Praça do Comércio é a seguinte, dentro de cada período de 24 horas: PERÍODO TAXA Primeira meia-hora 90$00 1 hora 110$00 2 horas 220$00 3 horas 360$00 4 horas 530$00 5 horas 710$00 6 horas 890$00 7 horas 1.070$00 8 horas 1.250$00 9 horas 1.420$00 10 horas 1.600$00 11 horas 1.780$00 12 horas 1.900$00 mais de 12 horas 2.000$ Poderão ser vendidas assinaturas mensais e cartões de crédito de estacionamento, até ao limite máximo de 40% do número de lugares existentes em cada parque e com as seguintes taxas: Assinatura mensal Cartões de crédito de estacionamento

3 Praça do Comércio $ $00 até 50 horas Corpo Santo $ $00 até 100 horas Pavilhão Carlos Lopes $ Sempre que o utente perca ou extravie o ticket de ingresso no Parque será cobrada uma taxa igual ao período máximo de permanência. (*) Alteração introduzida pelo Edital n.º 59/96, publicada em Boletim Municipal n.º 123 de 1996/06/25, constante de fls e 1442, em vigor desde 1996/06/21. CAPÍTULO II Isenções Artigo 5º (Isenções do pagamento da taxa) 1 - Estão isentos do pagamento da taxa referida no artigo 4º do presente Regulamento: a) As viaturas oficiais da C.M.L.; b) Os titulares de cartões de livre trânsito para estacionamento. 2 - Os tipos de cartões de livre trânsito a utilizar, bem como os seus critérios de atribuição serão definidos por despacho do Presidente da C.M.L, ou do Vereador em quem a competência seja delegada. 3 - A emissão dos cartões de livre trânsito competirá à EMEL - Empresa Pública Municipal de Estacionamento de Lisboa, EPM, mediante indicação expressa da C.M.L., da identificação dos respectivos titulares. Artigo 6º (Furto ou extravio do cartão de livre trânsito) Em caso de furto ou extravio do cartão de livre trânsito, deverá o seu titular comunicar de imediato o facto à EMEL, sob pena de responsabilidade solidária pelos prejuízos resultantes da sua má utilização.

4 CAPÍTULO III Fiscalização Artigo 7º (Agentes da fiscalização) A fiscalização do cumprimento das disposições do presente Regulamento será exercida por agentes de fiscalização da E.M.E.L. devidamente identificados. Artigo 8º (Atribuições) Compete aos agentes da fiscalização, nos parques de estacionamento municipais: 1 - Esclarecer os utentes sobre as normas estabelecidas no presente Regulamento, bem como acerca do funcionamento do parque. 2 - Zelar pela segurança dos veículos. 3 - Promover o correcto estacionamento. 4 - Participar aos agentes da Polícia de Segurança Pública as situações de incumprimento. CAPITULO IV Infracções Artigo 9º (Estacionamento proibido) Nos parques de estacionamento é proibido estacionar: a) Veículos destinados à venda de quaisquer artigos ou a publicidade de qualquer natureza; b) Veículos de classe ou tipo diferentes daqueles a que o parque tenha sido exclusivamente afecto nos termos do artigo 3º; c) Sem o pagamento da taxa fixada nos termos do artigo 4º.

5 Artigo 10º (Estacionamento abusivo) Considera-se estacionamento abusivo: O do veículo que permanecer no parque, por período superior a quarenta e oito horas para além do limite máximo permitido, nos termos do n.º 5, do artigo 2º. Artigo 11º (Actos ilícitos praticados sobre os equipamentos) É proibido destruir, danificar, desfigurar ou tornar não utilizáveis os equipamentos instalados. CAPÍTULO V Sanções Artigo 12º (Regime aplicável) Sem prejuízo da responsabilidade civil e, ou penal que ao caso couber, as infracções ao disposto no presente Regulamento são sancionadas nos termos do presente capítulo. Artigo 13º (Coima) Incorre em infracção punível com coima de 5.000$00 a $00, em conformidade com o n.º 2 do artigo 68º do Código da Estrada, o proprietário do veículo que se encontre em estacionamento proibido. Artigo 14º (Remoção do veículo) 1 - O veículo abusivamente estacionado poderá ser removido.

6 2 - Sempre que o proprietário devidamente notificado, não regularize a situação no prazo máximo de quarenta e oito horas, será o veículo removido. 3 - Se o veículo não tiver a indicação do nome e residência do proprietário, nos termos legais, é dispensada a notificação procedendo-se de imediato à remoção do veículo. 4 - As despesas com a remoção e o depósito serão pagas pelo responsável do veículo. Artigo 15º (Processo penal) Quem infringir o disposto no artigo 11º sujeitar-se-á às sanções previstas no Código Penal, designadamente as consagradas no artigo 308º. CAPÍTULO VI Disposições Finais Artigo 16º (Competências) 1 - Compete à C.M.L., através do Departamento de Tráfego, executar e fiscalizar o cumprimento do presente Regulamento. 2 - Serão exercidas pela E.M.E.L. - Empresa Pública Municipal de Estacionamento de Lisboa, E.P.M., as competências relativas à execução do presente Regulamento, nos parques municipais cuja gestão lhe está atribuída. Artigo 17º (Norma revogatória) São revogados todos os Regulamentos municipais existentes sobre os parques de estacionamento.

7 Artigo 18º (Entrada em vigor) O presente Regulamento entrará em vigor 30 dias após a sua publicação no Boletim Municipal.

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA. (Versão em vigor, com as alterações introduzidas pela Deliberação n.

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA. (Versão em vigor, com as alterações introduzidas pela Deliberação n. REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA (Versão em vigor, com as alterações introduzidas pela Deliberação n.º 2/AM/99) Capítulo I Dos Princípios Gerais Artigo 1.º (Âmbito de aplicação)

Leia mais

Regulamento Municipal de Remoção e Recolha de Veículos

Regulamento Municipal de Remoção e Recolha de Veículos CAPÍTULO I Âmbito de aplicação Artº 1º Âmbito de aplicação O presente Regulamento pretende dotar o Município de um instrumento que estabeleça regras referentes à acção de fiscalização assim como à remoção

Leia mais

REGULAMENTO DE PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE PINHEL PREÂMBULO

REGULAMENTO DE PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE PINHEL PREÂMBULO REGULAMENTO DE PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE PINHEL PREÂMBULO No concelho de Pinhel, e em especial no centro da cidade de Pinhel, existe uma grande oferta de comércio e

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL PARA O PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO TRIBUNAL DE CAMINHA

REGULAMENTO MUNICIPAL PARA O PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO TRIBUNAL DE CAMINHA REGULAMENTO MUNICIPAL PARA O PARQUE DE ESTACIONAMENTO JUNTO AO TRIBUNAL DE CAMINHA Regulamento Municipal do Parque de Estacionamento Junto ao Tribunal de Caminha Considerando a necessidade da Câmara Municipal

Leia mais

REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO MUNICÍPIO DE BRAGANÇA

REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO MUNICÍPIO DE BRAGANÇA REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO MUNICÍPIO DE BRAGANÇA CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1º Âmbito de aplicação 1 - O presente Regulamento aplica-se aos seguintes parques de

Leia mais

REGULAMENTO 114/LP/15. Regulamento Específico. Zona de Estacionamento de Duração Limitada 114 Loures

REGULAMENTO 114/LP/15. Regulamento Específico. Zona de Estacionamento de Duração Limitada 114 Loures REGULAMENTO 114/LP/15 Regulamento Específico Zona de Estacionamento de Duração Limitada 114 Loures Artigo 1.º Lei Habilitante O presente regulamente é elaborado e aprovado ao abrigo das competências conferidas

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO NOTA JUSTIFICATIVA Tendo em vista proceder à alteração dos períodos parciais diurnos e nocturnos relativos ao

Leia mais

Regulamento municipal das zonas de estacionamento de superfície de duração limitada taxada do concelho de Ferreira do Zêzere

Regulamento municipal das zonas de estacionamento de superfície de duração limitada taxada do concelho de Ferreira do Zêzere Regulamento municipal das zonas de estacionamento de superfície de duração limitada taxada do concelho de Ferreira do Zêzere Regulamento n.º 709/2010. D.R. n.º 168, Série II de 2010-08-30 Aprovado pela

Leia mais

Página 1 de 7 PO.07_REG.07

Página 1 de 7 PO.07_REG.07 REGULAMENTO DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE MIRANDELA Preâmbulo Considerando que o progressivo aumento do parque automóvel e, consequentemente, da procura de estacionamento para satisfação

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DA CALHETA MADEIRA

CÂMARA MUNICIPAL DA CALHETA MADEIRA REGULAMENTO NOTA JUSTIFICATIVA De acordo com o número 2 do artigo 70º do Código da Estrada os parques e zonas de estacionamento podem ser afectos a veículos de determinada categoria e ter utilização limitada

Leia mais

Projeto de Regulamento de Estacionamento Diurno do Edifício sede da Freguesia da Estrela Preâmbulo

Projeto de Regulamento de Estacionamento Diurno do Edifício sede da Freguesia da Estrela Preâmbulo Projeto de Regulamento de Estacionamento Diurno do Edifício sede da Freguesia da Estrela Preâmbulo A sede da Junta de Freguesia da Estrela tem a disponibilidade de 41 lugares de estacionamento, os quais

Leia mais

Regulamento Geral de Estacionamento e Circulação das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada

Regulamento Geral de Estacionamento e Circulação das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada Regulamento Geral de Estacionamento e Circulação das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada CAPITULO I CONCEITOS GERAIS SECÇÃO I ENQUADRAMENTO Artigo 1º Enquadramento legal Ao presente regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DA PRAÇA 5 DE OUTUBRO NOTA JUSTIFICATIVA Com a construção do Parque de Estacionamento Subterrâneo da Praça 5 de Outubro pretendeu-se

Leia mais

REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO MUNICIPAIS

REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO MUNICIPAIS REGULAMENTO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO MUNICIPAIS Departamento de Serviços Urbanos e Ambiente/Divisão de Trânsito e Espaço Público pág. 1 / 12 Mod. 238/SQ 2 CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º

Leia mais

Regulamento de Trânsito e Estacionamento

Regulamento de Trânsito e Estacionamento Regulamento de Trânsito e Estacionamento 2012 Fevereiro/2009 CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Lei habilitante O presente Regulamento é elaborado ao abrigo do disposto no artigo 241.º da Constituição

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II TAXAS E ISENÇÕES

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II TAXAS E ISENÇÕES ÍNDICE REMISSIVO. Artigo 1º - Lei Habilitante. Artigo 2º - Âmbito de aplicação. Artigo 3º - Definições. Artigo 4º - Responsabilidades CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 5º - Taxas. Artigo 6º - Isenções

Leia mais

REGULAMENTO: Parque Municipal de Estacionamento de Veículos Pesados de Vale do Alecrim CÓD. N.º: DAGF - A - R

REGULAMENTO: Parque Municipal de Estacionamento de Veículos Pesados de Vale do Alecrim CÓD. N.º: DAGF - A - R CÂMARA MUNICIPAL DE PALMELA REGULAMENTO: Parque Municipal de Estacionamento de Veículos Pesados de Vale do Alecrim CÓD. N.º: DAGF - A - R - 001. ORIGINADOR: DAG *EMISSÃO: 29 / 04 / 2003. *REVISÃO N.º :

Leia mais

Regulamento de Estacionamento do Campus Académico do Lumiar

Regulamento de Estacionamento do Campus Académico do Lumiar Regulamento de Estacionamento do Campus Académico do Lumiar Artigo 1º Zonas de estacionamento do Campus 1. O Parque de estacionamento do Campus Académico do Lumiar, adiante designado apenas por Parque,

Leia mais

Regulamento Geral das Zonas de Estacionamento de duração Limitada e das Zonas de Acesso Automóvel Condicionado da Cidade de Espinho

Regulamento Geral das Zonas de Estacionamento de duração Limitada e das Zonas de Acesso Automóvel Condicionado da Cidade de Espinho Regulamento Geral das Zonas de Estacionamento de duração Limitada e das Zonas de Acesso Automóvel Condicionado da Cidade de Espinho José Barbosa Mota, Presidente da Câmara Municipal de Espinho, torna público

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL ESTACIONAMENTO CONDICIONADO E LUGARES DOS PARQUES E ZONAS DE DE USO PRIVATIVO

REGULAMENTO MUNICIPAL ESTACIONAMENTO CONDICIONADO E LUGARES DOS PARQUES E ZONAS DE DE USO PRIVATIVO CÂMARA MUNICIPAL DE PORTALEGRE REGULAMENTO MUNICIPAL DOS PARQUES E ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONDICIONADO E LUGARES DE USO PRIVATIVO 1 REGULAMENTO MUNICIPAL DOS PARQUES E ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONDICIONADO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO PREÂMBULO As recentes obras realizadas no âmbito do Urbcom, conferiram à vila uma filosofia diferente na utilização do espaço

Leia mais

Sumário REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DO CONCELHO DE CASCAIS REGULAMENTO ESPECÍFICO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO.

Sumário REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DO CONCELHO DE CASCAIS REGULAMENTO ESPECÍFICO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO. 03.07.2012 Sumário REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DO CONCELHO DE CASCAIS E REGULAMENTO ESPECÍFICO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO. EDITAL Nº 266/2012 Regulamento Geral

Leia mais

ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo

ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo Relativo à aquisição de combustíveis (gasóleo e gasolina sem chumbo 95) para as viaturas da ASSOL pela forma prevista neste Caderno de Encargos. Ajuste

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE PARQUES. Preâmbulo

REGULAMENTO GERAL DE PARQUES. Preâmbulo REGULAMENTO GERAL DE PARQUES Preâmbulo Com a revisão da política de estacionamento e mobilidade na cidade de Lisboa, tal como se encontra definida no âmbito do pelouro da Mobilidade, urge redefinir as

Leia mais

Artigo 1º. Alterações ao Regulamento das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada no Concelho de Matosinhos

Artigo 1º. Alterações ao Regulamento das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada no Concelho de Matosinhos Artigo 1º Alterações ao Regulamento das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada no Concelho de Matosinhos Os artigos 4º, 5º, 7º,9º, 10º, 11º, 13º, 15 passam a ter a seguinte redação: «CAPÍTULO I Artigo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE DIVINÓPOLIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE DIVINÓPOLIS DECRETO Nº 8984 INSTITUI E REGULAMENTA O ESTACIONAMENTO ROTATIVO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES NAS VIAS E LOGRADOUROS PÚBLICOS NO MUNICÍPIO DE DIVINÓPOLIS O Prefeito Municipal de Divinópolis, Vladimir Faria

Leia mais

Secção Central REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA. Preâmbulo

Secção Central REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA. Preâmbulo REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA Preâmbulo Considerando que o actual Regulamento das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada se encontra desactualizado em face das

Leia mais

Câmara Municipal de Mortágua

Câmara Municipal de Mortágua Câmara Municipal de Mortágua Regulamento de Ordenamento de Trânsito do Concelho de Mortágua A postura de trânsito em vigor no concelho de Mortágua, datada de 1 de Abril de 1962, no tempo da sua entrada

Leia mais

Regulamento Municipal de Estacionamento Público, de utilização Onerosa e de Duração Limitada. SECÇÃO I Dos Princípios Gerais

Regulamento Municipal de Estacionamento Público, de utilização Onerosa e de Duração Limitada. SECÇÃO I Dos Princípios Gerais Regulamento Municipal de Estacionamento Público, de utilização Onerosa e de Duração Limitada SECÇÃO I Dos Princípios Gerais Artigo 1º Âmbito de aplicação O presente regulamento disciplina o estacionamento

Leia mais

LEI N 5.879, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2012.

LEI N 5.879, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2012. PREFEITURA MUNICIPAL DE PELOTAS GABINETE DO PREFEITO LEI N 5.879, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2012. Autoriza o Poder Executivo a instituir, a outorgar mediante licitação e dispõe sobre a operacionalidade do

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA Departamento de Serviços Urbanos e Ambiente/Divisão de Trânsito, Espaço Público e Viaturas Mod. 238/SQ 1 1 PREÂMBULO De acordo com as disposições

Leia mais

Decreto-Lei n.º 154/2003 de 15 de Julho

Decreto-Lei n.º 154/2003 de 15 de Julho Decreto-Lei n.º 154/2003 de 15 de Julho O Tratado de Amizade, Cooperação e Consulta entre a República Portuguesa e a República Federativa do Brasil, assinado em Porto Seguro em 22 de Abril de 2000, aprovado,

Leia mais

REGULAMENTO CAPITULO I Das Disposições Gerais Artº 1º (Leis Habilitantes) Artº 2º (Condições Gerais) Artº 3º (Utilização)

REGULAMENTO CAPITULO I Das Disposições Gerais Artº 1º (Leis Habilitantes) Artº 2º (Condições Gerais) Artº 3º (Utilização) REGULAMENTO CAPITULO I Das Disposições Gerais Artº 1º (Leis Habilitantes) O presente Regulamento tem como leis habilitantes: - O artº 64º, nº 2, alínea f), conjugado com o nº 7, alínea a) do mesmo artigo,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE AVEIRO. Preâmbulo

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE AVEIRO. Preâmbulo REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO MUNICÍPIO DE AVEIRO Preâmbulo Considerando que o atual Regulamento das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada no Concelho de Aveiro,

Leia mais

BOLETIM MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA. Edição Especial 15 de Junho de 2004

BOLETIM MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA. Edição Especial 15 de Junho de 2004 Edição Especial 15 de Junho de 2004 Regulamento Municipal das Zonas de Estacionamento Tarifado e de Du- ração Limitada da Venteira Alterações (Deliberações da CMA de 3 de Dezembro de 2003 e de 7 de Abril

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA Praça da República 7150-249 Borba Telf.: 268 891 630 Fax: 268 894 806 balcaounico@cm-borba.pt www.cm-borba.pt Contribuinte n.º 503 956 546 REGULAMENTO

Leia mais

EDITAL Nº 35/92 Regulamento de Publicidade

EDITAL Nº 35/92 Regulamento de Publicidade EDITAL Nº 35/92 Regulamento de Publicidade Faz-se saber que, ao abrigo da Lei nº 97/88, de 17 de Agosto, foi aprovado pela Assembleia Municipal, nos termos do artigo 51º, nº 3, alínea a) e artigo 39º,

Leia mais

PARTE H (2) Diário da República, 2.ª série N.º de fevereiro de 2014 MUNICÍPIO DE ALMADA. CAPÍTULO I Conceitos Gerais

PARTE H (2) Diário da República, 2.ª série N.º de fevereiro de 2014 MUNICÍPIO DE ALMADA. CAPÍTULO I Conceitos Gerais 5506-(2) Diário da República, 2.ª série N.º 37 21 de fevereiro de 2014 PARTE H MUNICÍPIO DE ALMADA Aviso n.º 2916-A/2014 Para os devidos efeitos, e nos termos do disposto no artigo 118.º do Código do Procedimento

Leia mais

HASTA PÚBLICA PROGRAMA DO CONCURSO

HASTA PÚBLICA PROGRAMA DO CONCURSO HASTA PÚBLICA CONCURSO POR HASTA PÚBLICA PARA ATRIBUIÇÃO DA CONCESSÃO DE 4 LOJAS COMERCIAIS E 6 ESPAÇOS DE VENDA EXISTENTES NO PISO INFERIOR DO MERCADO MUNICIPAL DE ESPINHO PROGRAMA DO CONCURSO ARTIGO

Leia mais

REGULAMENTO DE ACTIVIDADES DE TRANSPORTE DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TÁXIS

REGULAMENTO DE ACTIVIDADES DE TRANSPORTE DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TÁXIS REGULAMENTO DE ACTIVIDADES DE TRANSPORTE DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TÁXIS Preâmbulo O Decreto-Lei n.º 251/98, de 11 de Agosto, com a redacção introduzida pelas Leis nºs 156/99, de

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS E PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA 1. Preâmbulo

REGULAMENTO DAS ZONAS E PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA 1. Preâmbulo REGULAMENTO DAS ZONAS E PARQUES DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA 1 Preâmbulo A circulação automóvel está indissociavelmente ligada à questão do estacionamento. A concentração de um conjunto de serviços

Leia mais

REGULAMENTO ACESSO AO CAMPUS E INSTALAÇÕES E DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA

REGULAMENTO ACESSO AO CAMPUS E INSTALAÇÕES E DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA REGULAMENTO DE ACESSO AO CAMPUS E INSTALAÇÕES E DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA Preâmbulo A necessidade de se implementarem regras de acesso

Leia mais

MUNICÍPIO DE PENICHE

MUNICÍPIO DE PENICHE MUNICÍPIO DE PENICHE Regulamento municipal de parques de estacionamento condicionado e de zonas de estacionamento de duração limitada no Concelho de Peniche PREÂMBULO Considerando que o progressivo aumento

Leia mais

Data SUMÁRIO: REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DA ZONA HISTÓRICA DA VILA DE CASCAIS

Data SUMÁRIO: REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DA ZONA HISTÓRICA DA VILA DE CASCAIS Data 25.08.2014 Diretor: Carlos Carreiras Sede Praça 5 de Outubro,2754-501 Cascais SUMÁRIO: REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO CONTROLADO DA ZONA HISTÓRICA DA VILA DE CASCAIS 1 2 REGULAMENTO Das ZONAS

Leia mais

1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 659 SUMÁRIO

1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 659 SUMÁRIO MUNICIPAL C Â M A R A M U N I C I P A L D E L I S B O A 1.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 59 SUMÁRIO RESOLUÇÕES DOS ÓRGÃOS DO MUNICÍPIO ASSEMBLEIA MUNICIPAL Deliberações (Sessão de 3 de Outubro de

Leia mais

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS-TRANSPORTES EM TÁXI

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS-TRANSPORTES EM TÁXI REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS-TRANSPORTES EM TÁXI 1 CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Âmbito de aplicação O presente Regulamento aplica-se

Leia mais

Regulamento Municipal de Parques, Zonas de Estacionamento de Duração Limitada e Bolsas de Estacionamento CAPÍTULO I. Disposições gerais. Artigo 1.

Regulamento Municipal de Parques, Zonas de Estacionamento de Duração Limitada e Bolsas de Estacionamento CAPÍTULO I. Disposições gerais. Artigo 1. Regulamento Municipal de Parques, Zonas de Estacionamento de Duração Limitada e Bolsas de Estacionamento CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1.º O presente Regulamento tem como leis habilitantes o Código

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL TRÂNSITO E ESTACIONAMENTO (RMTE)

REGULAMENTO MUNICIPAL TRÂNSITO E ESTACIONAMENTO (RMTE) REGULAMENTO MUNICIPAL TRÂNSITO E ESTACIONAMENTO (RMTE) Regulamento n.º 09/2012 Aprovado em Câmara Municipal a 10/12/2015 Aprovado em Assembleia Municipal a 21/12/2015 PÁG. 01 / 09 PREÂMBULO O ordenamento

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTACIONAMENTO DO MUNÍCIPIO DE VILA NOVA DE GAIA

REGULAMENTO DE ESTACIONAMENTO DO MUNÍCIPIO DE VILA NOVA DE GAIA REGULAMENTO DE ESTACIONAMENTO DO MUNÍCIPIO DE VILA NOVA DE GAIA 2 Preâmbulo Considerando que o progressivo aumento do parque automóvel e, consequentemente, da procura de estacionamento para satisfação

Leia mais

Sumário PROGRAMA CEVAR - CONSERVAÇÃO DE ESPAÇOS VERDES DE ÁREA REDUZIDA (PROTOCOLOS DE COOPERAÇÃO PARA CONSTRUÇÃO/REQUALIFICAÇÃO E PARA A MANUTENÇÃO)

Sumário PROGRAMA CEVAR - CONSERVAÇÃO DE ESPAÇOS VERDES DE ÁREA REDUZIDA (PROTOCOLOS DE COOPERAÇÃO PARA CONSTRUÇÃO/REQUALIFICAÇÃO E PARA A MANUTENÇÃO) Separata 00 000 24 Março 2011 Sumário PROGRAMA CEVAR - CONSERVAÇÃO DE ESPAÇOS VERDES DE ÁREA REDUZIDA (PROTOCOLOS DE COOPERAÇÃO PARA CONSTRUÇÃO/REQUALIFICAÇÃO E PARA A MANUTENÇÃO) EDITAL Nº 119/2011 Programa

Leia mais

REGULAMENTO DE USO E GESTÃO DE VEÍCULOS DA DIREÇÃO-GERAL DE RECURSOS NATURAIS, SEGURANÇA E SERVIÇOS MARÍTIMOS

REGULAMENTO DE USO E GESTÃO DE VEÍCULOS DA DIREÇÃO-GERAL DE RECURSOS NATURAIS, SEGURANÇA E SERVIÇOS MARÍTIMOS REGULAMENTO DE USO E GESTÃO DE VEÍCULOS DA DIREÇÃO-GERAL DE RECURSOS NATURAIS, SEGURANÇA E SERVIÇOS MARÍTIMOS 1 Conteúdo Objeto... 3 Âmbito... 3 Caracterização da frota... 3 Secção II Utilização dos Veículos...

Leia mais

FUNDAÇÃO DE AURÉLIO AMARO DINIZ

FUNDAÇÃO DE AURÉLIO AMARO DINIZ FUNDAÇÃO DE AURÉLIO AMARO DINIZ ESTATUTOS: DA FUNDAÇÃO DE AURÉLIO AMARO DINIZ Da Denominação, Natureza e Fins CAPITULO I Artigo 1º - 1 A Fundação Aurélio Amaro Diniz é uma Fundação de Solidariedade Social,

Leia mais

Deliberação n.º 441/CM/2000 [(Proposta n.º 441/2000) Subscrita pelo Vereador Machado Rodrigues]

Deliberação n.º 441/CM/2000 [(Proposta n.º 441/2000) Subscrita pelo Vereador Machado Rodrigues] Deliberação n.º 441/CM/2000 [(Proposta n.º 441/2000) Subscrita pelo Vereador Machado Rodrigues] Considerando que: 1 - A Portaria n.º 878/81, de 1 de Outubro, criou o painel adicional de modelo 11 d, painel

Leia mais

ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO PELOS TRABALHADORES DA AUTARQUIA

ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO PELOS TRABALHADORES DA AUTARQUIA NORMAS DE UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO EDIFÍCIO PAÇOS DO CONCELHO SÉC. XXI PELOS TRABALHADORES DA AUTARQUIA As presentes normas têm por objecto: Artigo 1.º Objecto 1- Regulamentar

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO E CEDÊNCIA DE VIATURAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VIDIGUEIRA

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO E CEDÊNCIA DE VIATURAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VIDIGUEIRA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO E CEDÊNCIA DE VIATURAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VIDIGUEIRA Nota Justificativa De entre o apoio às organizações da sociedade civil e às entidades da

Leia mais

Despacho n.º 18419/2010, de 2 de Dezembro (DR, 2.ª série, n.º 239, de 13 de Dezembro de 2011)

Despacho n.º 18419/2010, de 2 de Dezembro (DR, 2.ª série, n.º 239, de 13 de Dezembro de 2011) (DR, 2.ª série, n.º 239, de 13 de Dezembro de 2011) Determina que os medicamentos destinados ao tratamento de doentes com artrite reumatóide, espondilite anquilosante, artrite psoriática, artrite idiopática

Leia mais

AVISO (19/GAOA/2015)

AVISO (19/GAOA/2015) AVISO (19/GAOA/2015) Humberto Fernando Leão Pacheco de Brito, Presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, submete a consulta pública, para recolha de sugestões, por um período de 30 dias, a contar

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MONTIJO ÍNDICE

CÂMARA MUNICIPAL DE MONTIJO ÍNDICE ÍNDICE PROJECTO DE REGULAMENTO MUNICIPAL DE REMOÇÃO DE VEÍCULOS ABANDONADOS... 3 NOTA JUSTIFICATIVA... 3 CAPÍTULO I... 4 ÂMBITO DE APLICAÇÃO... 4 Artigo 1º - Âmbito de aplicação... 4 Artigo 2º- Lei habilitante...

Leia mais

Regulamento de utilização do Parque de Estacionamento do. Centro Comercial a Céu Aberto

Regulamento de utilização do Parque de Estacionamento do. Centro Comercial a Céu Aberto Regulamento de utilização do Parque de Estacionamento do Centro Comercial a Céu Aberto Com a revisão da política de estacionamento e com o desenvolvimento do Centro Comercial a Céu Aberto, urge a necessidade

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO DO ESTORIL. Regulamento do Pagamento de Propinas de Licenciatura

ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO DO ESTORIL. Regulamento do Pagamento de Propinas de Licenciatura ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO DO ESTORIL Regulamento do Pagamento de Propinas de Licenciatura Nos termos previstos nos artigos 15.º e 16.º da Lei n.º 37/2003, de 22 de Agosto (Lei que define as

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA REGULAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO CENTRO CÍVICO DE CONDEIXA

CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA REGULAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO CENTRO CÍVICO DE CONDEIXA CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA REGULAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO DO CENTRO CÍVICO DE CONDEIXA CÂMARA MUNICIPAL DE CONDEIXA-A-NOVA REGULAMENTO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO SUBTERRÂNEO

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011

Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011 Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011 DOU de 8.2.2011 Dispõe sobre a apuração e tributação de rendimentos recebidos acumuladamente de que trata o art. 12-A da Lei nº 7.713, de 22

Leia mais

Projecto de Regulamento Municipal para a Gestão das Habitações Sociais propriedade do Município de Leiria. Nota justificativa

Projecto de Regulamento Municipal para a Gestão das Habitações Sociais propriedade do Município de Leiria. Nota justificativa 1 Projecto de Regulamento Municipal para a Gestão das Habitações Sociais propriedade do Município de Leiria Nota justificativa Considerando que o direito à habitação se encontra consagrado no ordenamento

Leia mais

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI - DO MUNICÍPIO DE VILA DO PORTO

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI - DO MUNICÍPIO DE VILA DO PORTO REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI - DO MUNICÍPIO DE VILA DO PORTO Preâmbulo Em 28 de Novembro de 1995 foi publicado o Decreto-Lei

Leia mais

REGULAMENTO DE TRÂNSITO DE SANTA COMBA DÃO

REGULAMENTO DE TRÂNSITO DE SANTA COMBA DÃO 1 INTRODUÇÃO O Regulamento de Trânsito em vigor na área do Município, publicado no Diário da República, II série n 78, apêndice 39, de 16/03/2001, no seu capítulo IX, define os locais e formas de estacionamento

Leia mais

U """N A VEREADORA k L- ; 'Av^-*

U N A VEREADORA k L- ; 'Av^-* (anexo XIII) d a a e e Ofdenamenfo do T e i r í t ó r i c Gabinete de Mobilidade PARECER: DESPACHO: A, PROPOSTA CONCORDO NOS TERMOS LEGAIS À PRÓXIMA REUNIÃO DO EXECUTIVO \E r"^vw DE X;' l U """N A VEREADORA

Leia mais

DECRETO N.º 238/XII. A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte: Artigo 1.

DECRETO N.º 238/XII. A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte: Artigo 1. DECRETO N.º 238/XII Estabelece o regime de acesso e de exercício da profissão de auditor de segurança rodoviária, de emissão dos respetivos títulos profissionais e de acesso e exercício da atividade de

Leia mais

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIRO DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI PREÂMBULO

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIRO DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI PREÂMBULO C Â M A R A M U N I C I P A L D E E S P I N H O REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIRO DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI PREÂMBULO Na sequência da autorização legislativa

Leia mais

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA Considerando - Que a Educação é um direito de todos, cabendo ao Estado promover a sua democratização, bem como as condições

Leia mais

MUNICÍPIO DE OURÉM Câmara Municipal EDITAL N.º 72/2010

MUNICÍPIO DE OURÉM Câmara Municipal EDITAL N.º 72/2010 EDITAL N.º 72/2010 Paulo Alexandre Homem de Oliveira Fonseca, Presidente da de Ourém, faz público que o REGULAMENTO DAS ZONAS E PARQUES DE ESTACIONAMENTO TARIFADO, aprovado nas reuniões camarárias de 17

Leia mais

Senado Federal Subsecretaria de Informações DECRETO Nº 2.794, DE 1º DE OUTUBRO DE 1998

Senado Federal Subsecretaria de Informações DECRETO Nº 2.794, DE 1º DE OUTUBRO DE 1998 Senado Federal Subsecretaria de Informações DECRETO Nº 2.794, DE 1º DE OUTUBRO DE 1998 Institui a Política Nacional de Capacitação dos Servidores para a Administração Pública Federal direta, autárquica

Leia mais

MUNICÍPIO DA FIGUEIRA DA FOZ

MUNICÍPIO DA FIGUEIRA DA FOZ MUNICÍPIO DA FIGUEIRA DA FOZ REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA A Câmara Municipal da Figueira da Foz, de acordo com o disposto no n.º 2 do artigo 67 do Código da Estrada, aprovado

Leia mais

Despacho N.º 32/2015

Despacho N.º 32/2015 Despacho N.º 32/2015 Publicam-se, em anexo, os Regulamentos de Propinas dos Ciclos de Estudos (1.º, 2.º e 3.º) e Pós-Graduação para o ano letivo de 2015/2016. Lisboa, 16 de julho de 2015 O Diretor (Prof.

Leia mais

FUNDAÇÃO CASA DE REPOUSO D. MARIA MADALENA GODINHO DE ABREU PLANO DE ACTIVIDADES DIÁRIAS DOS UTENTES 2008

FUNDAÇÃO CASA DE REPOUSO D. MARIA MADALENA GODINHO DE ABREU PLANO DE ACTIVIDADES DIÁRIAS DOS UTENTES 2008 PLANO DE ACTIVIDADES DIÁRIAS DOS UTENTES 2008 6ª feiras PLANO DE ACTIVIDADES DIÁRIAS DOS UTENTES 2009 6ª feiras 5 de Janeiro de 2009 PLANO DE ACTIVIDADES DIÁRIAS DOS UTENTES 2010 6ª feiras 4 de Janeiro

Leia mais

CÓDIGO DA ESTRADA EDIÇÃO DE BOLSO

CÓDIGO DA ESTRADA EDIÇÃO DE BOLSO CÓDIGO DA ESTRADA EDIÇÃO DE BOLSO (4.ª Edição) Actualização N.º 5 Código da Estrada Edição de Bolso 2 TÍTULO: AUTOR: CÓDIGO DA ESTRADA EDIÇÃO DE BOLSO Actualização N.º 5 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA E DAS ZONAS DE ACESSO AUTOMÓVEL CONDICIONADO PREÂMBULO

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA E DAS ZONAS DE ACESSO AUTOMÓVEL CONDICIONADO PREÂMBULO REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA E DAS ZONAS DE ACESSO AUTOMÓVEL CONDICIONADO PREÂMBULO De acordo com as disposições combinadas previstas na alínea u) do nº1, alínea f)

Leia mais

REGULAMENTO DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA PARA A ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR

REGULAMENTO DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA PARA A ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MONDIM DE BASTO REGULAMENTO DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA PARA A ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR I Objeto e Âmbito O presente documento define e regula o funcionamento do Sistema de Gestão

Leia mais

R E G U L A M E N T O D E R E M O Ç Ã O E R E C O L H A D E V E Í C U L O S

R E G U L A M E N T O D E R E M O Ç Ã O E R E C O L H A D E V E Í C U L O S R EGULAMENTO D E R EMOÇÃO E RECOLHA DE VEÍCULOS Regulamento Municipal de Recolha de Veículos Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento tem por objecto a definição dos procedimentos para a remoção de viaturas

Leia mais

ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO MUSEU DACIÊNCIA

ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO MUSEU DACIÊNCIA ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO MUSEU DACIÊNCIA CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1º Denominação e natureza A Fundação Museu da Ciência, adiante designada por Fundação, é uma pessoa colectiva de direito privado,

Leia mais

A Fiscalização do Estacionamento

A Fiscalização do Estacionamento 2010 A Fiscalização do Estacionamento Miguel Marques dos Santos Índice Enquadramento Legal Âmbito Regras Gerais Resumo Conclusões 2 Enquadramento Legal Decreto-Lei n.º 203/2006, de 27 de Outubro, que aprova

Leia mais

Município de Cuba. Câmara Municipal REGULAMENTO MUNICIPAL DE FEIRAS DO CONCELHO DE CUBA. Nota Justificativa

Município de Cuba. Câmara Municipal REGULAMENTO MUNICIPAL DE FEIRAS DO CONCELHO DE CUBA. Nota Justificativa Município de Cuba Câmara Municipal REGULAMENTO MUNICIPAL DE FEIRAS DO CONCELHO DE CUBA Nota Justificativa O Decreto-Lei nº 42/2008, de 10 de Março, veio estabelecer o novo regime jurídico a que fica sujeita

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO CONCELHO DE CASCAIS. Preâmbulo

REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO CONCELHO DE CASCAIS. Preâmbulo REGULAMENTO GERAL DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA DO CONCELHO DE CASCAIS Preâmbulo Nos termos do nº 2 do artigo 70º do Código da Estrada, os parques e zonas de estacionamento podem ser

Leia mais

ARQUIVO FOTOGRÁFICO MUNICIPAL

ARQUIVO FOTOGRÁFICO MUNICIPAL ARQUIVO FOTOGRÁFICO MUNICIPAL REGULAMENTO INTERNO CÂMARA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ DIVISÃO DE CULTURA, MUSEU, BIBLIOTECA E ARQUIVOS ÍNDICE CAPÍTULO I Âmbito, Estrutura e Objectivos CAPÍTULO II Da Conservação

Leia mais

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA CONTROLADAS POR PARCÓMETROS. Vizela - Um Passado com Futuro SETOR DE TAXAS E LICENÇAS

REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA CONTROLADAS POR PARCÓMETROS. Vizela - Um Passado com Futuro SETOR DE TAXAS E LICENÇAS REGULAMENTO DAS ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA CONTROLADAS POR PARCÓMETROS Vizela - Um Passado com Futuro SETOR DE TAXAS E LICENÇAS INDICE: Nota Justificativa.... Pág. 3 Artigo 1.º - Âmbito

Leia mais

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI PREÂMBULO

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI PREÂMBULO REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS AUTOMÓVEIS LIGEIROS DE PASSAGEIROS - TRANSPORTES EM TÁXI PREÂMBULO Em 28 de Novembro de 1995, foi publicado o Decreto-Lei n.º 319/95, diploma que

Leia mais

M U N I C Í P I O D E V A L E N Ç A C ÂM ARA MUNIC I PAL

M U N I C Í P I O D E V A L E N Ç A C ÂM ARA MUNIC I PAL REGULAMENTO MUNICIPAL DE ESTACIONAMENTO Artigo 1º Âmbito de aplicação O presente regulamento é aplicável ao trânsito na Cidade de Valença. Artigo 2º Paragem e estacionamento 1 Considera-se paragem a imobilização

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO RIBEIRA DA BOAVENTURA CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS. ARTIGO 1.º Objeto

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO RIBEIRA DA BOAVENTURA CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS. ARTIGO 1.º Objeto REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DO RIBEIRA DA BOAVENTURA CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS ARTIGO 1.º Objeto O presente Regulamento visa, nos termos do disposto no Código da Estrada e

Leia mais

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535 PROGRAMA DE HASTA PÚBLICA Para atribuição do direito de ocupação efetiva de natureza precária da loja n.º 4 no Mercado de Quiaios Artigo 1.º Identificação A loja objeto de hasta pública localiza-se no

Leia mais

Custos do Mercado. Regulamento n.º 1/2005, de 22 de Janeiro de 2007 B.O n.º 4 - I Série

Custos do Mercado. Regulamento n.º 1/2005, de 22 de Janeiro de 2007 B.O n.º 4 - I Série Custos do Mercado Regulamento n.º 1/2005, de 22 de Janeiro de 2007 B.O n.º 4 - I Série Regulamento n.º 2/2006, de 22 de Janeiro de 2007 B.O n.º 4 - I Série Rectificação do Regulamento n.º 2/2006, de 5

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA FINANÇAS E TRABALHO, SOLIDARIEDADE E SEGURANÇA SOCIAL. 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA FINANÇAS E TRABALHO, SOLIDARIEDADE E SEGURANÇA SOCIAL. 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016 1112 Diário da República, 1.ª série N.º 64 1 de abril de 2016 ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Lei n.º 8/2016 Procede à décima alteração ao Código do Trabalho, aprovado pela Lei n.º 7/2009, de 12 de fevereiro,

Leia mais

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI DO MUNICÍPIO DE ALBUFEIRA

REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI DO MUNICÍPIO DE ALBUFEIRA REGULAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO DE ALUGUER EM VEÍCULOS LIGEIROS DE PASSAGEIROS TRANSPORTE EM TÁXI DO MUNICÍPIO DE ALBUFEIRA Regulamento do Transporte Público de Aluguer em Veículos Ligeiros de Passageiros

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DA CALHETA MADEIRA

CÂMARA MUNICIPAL DA CALHETA MADEIRA NOTA JUSTIFICATIVA Devido ao aumento do tráfego automóvel na Vila da Calheta tornou-se necessário encontrar uma solução por forma a disciplinar o trânsito e o estacionamento, passando este objectivo, também,

Leia mais

Lista de Abreviaturas... 17. Prefácio... 19. Nota dos Autores... 21. Preâmbulo à proposta de Lei... 23. Lei n.º 22-A/2007, de 27 de Junho...

Lista de Abreviaturas... 17. Prefácio... 19. Nota dos Autores... 21. Preâmbulo à proposta de Lei... 23. Lei n.º 22-A/2007, de 27 de Junho... Lista de Abreviaturas............................... 17 Prefácio.......................................... 19 Nota dos Autores.................................. 21 Preâmbulo à proposta de Lei.........................

Leia mais

ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO

ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO Considerando: O relevo formativo, social, cultural e cívico do voluntariado e o papel importante que a Universidade de Aveiro (UA) pode desempenhar

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO SALÃO POLIVALENTE

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO SALÃO POLIVALENTE Junta de Freguesia da Brandoa REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO SALÃO POLIVALENTE Ao abrigo da competência regulamentar das Autarquias Locais consagrada no artigo 241.º da Constituição da República Portuguesa,

Leia mais

Deliberação n.º 2/AM/99

Deliberação n.º 2/AM/99 Deliberação n.º 2/AM/99 Considerando o actual Regulamento Geral das Zonas de Estacionamento de Duração Limitada, publicado no Boletim Municipal de 1995/10/10, na base do qual, aliás se tem vindo a aprovar

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DE CERVE1RA REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO CENTRO COORDENADOR DE TRANSPORTES DE VILA NOVA DE CERVEIRA CAPITULO 1

CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DE CERVE1RA REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO CENTRO COORDENADOR DE TRANSPORTES DE VILA NOVA DE CERVEIRA CAPITULO 1 CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DE CERVE1RA REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DO CENTRO COORDENADOR DE TRANSPORTES DE VILA NOVA DE CERVEIRA CAPITULO 1 OBJECTWO E ÂMBITO DE APLICACÕES ARTIGO 1. O presente regulamento

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA

CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA CONCURSO PÚBLICO CESSÃO DE DIREITO DE OCUPAÇÃO CORETO DA PRAÇA DO ALMADA 1 PROGRAMA DE CONCURSO 1 OBJETO DO CONCURSO O presente concurso tem por objeto a cessão do direito de ocupação do rés-do-chão do

Leia mais

TARIFÁRIO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO E ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA

TARIFÁRIO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO E ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA TARIFÁRIO DOS PARQUES DE ESTACIONAMENTO E ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA 1. ZONAS DE ESTACIONAMENTO DE DURAÇÃO LIMITADA (ZEDL): 1.1. O tarifário a praticar nas ZEDL é o seguinte: 1.1.1. 0,60-1.ª

Leia mais

Regulamento Específico da Zona de Estacionamento de Duração Limitada de Alfama 042. Preâmbulo

Regulamento Específico da Zona de Estacionamento de Duração Limitada de Alfama 042. Preâmbulo Regulamento Específico da Zona de Estacionamento de Duração Limitada de Alfama 042 Considerando que: Preâmbulo O Bairro de Alfama, enquanto zona histórica, caracteriza-se por uma reduzida dimensão dos

Leia mais