EM L O I M 03 IMPÉRIO H E S10 m F R R T I D A

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EM L O I M 03 IMPÉRIO H E S10 m F R R T I D A"

Transcrição

1 re MA.IN.A. jflio INDEPE MDEISTTB D ir e e to ii-g eren te Joaquim de fízeved o OFFICINAS IMPRESSORAS T Y P. C O M M E R C I fíl RUA PARANA' N. 391 OURINHOS AKRO V (Est.de S. Paulo) O U R IN H O S, Sabbado 5 de Outubro de Num* 2 C 6 EM L O I M 03 IMPÉRIO H E S10 m F R R T I D A Ramayana de Chevalier (Copyrigh da ^Excelsior» para «A Voz do Povo»). Para alguém. Escuta, cidadão do com a sua garganta secca Mundo, este ruido de azas e a sua respiração de Parte feliz e sê mui venturosa presagas que cruza os bochôrno. Lá nessa terra que te faz contente, céos da Terra, neste ins- Entramos na Abyssi- Que eu ficarei carpíndo eternamente stante! Uma nova Bel- nia. Em Dire-Darva ha A tua ausência acerba e dolorosa* gica, semente de morte, desfiladeiros que serão surge na Africa. O direito Termopylas, e em Erkes Parte sorrindo e parte alegremente das gentes, malfei ido as ravinas crenadas de Alma de Santa em vesperal radiosa nas entrelinhas dos tratados, cardos nús haverão de Leva em tua alma uma illusão ditosa, esta prestes a agoni- cortar os sapatos ferra Deixa em meu peito um padecer silente* sar pelo imperativo dos dos dos invasores. E que canhões. pés supportarão sapatos Parte e esquece que ficou distante Desce comigo o Mar dentro desse monstro de Um peito triste que sómente tinha, Vermelho. Atravessa o areia? Fervem as dernas, Doce consolo em teu gentil semblante* canal de Suez, que hes- escaldam os planaltos, seps abriu, margeia as fulgem as abóbadas gra- Deixa minívalma qual palmeira nua, abruptas barrancas que niticas. Ao longe, pelas Mas leva ao menos uma saudade minha, fecham o hemi-cvclo do janellas do trem vemos Deixa comigo uma saudade tua! *. golfo de Aden e desembarca comigo emdjbouti. Harrar, a cubiçada Haros pincaros que cintam Diadema O calor é massacrante. rar, estratégica e ululante. A pelle brilhante dos Breve passamos entre negros parece um congo- Ankober e Arnosi. D e platos de Danakil e para j topo as achas romanas? léo de nankin embrulhando corpos rijos. Ha vastas regiões ao norte quietas do lago Tana, os de homens recrutados na pois de passarmos pelas o noroeste, nas aguas \ Que importa os milhões albornozes, capudes, fêz, dos lagos Abyata e Lan- guerreiros se exercitam Italia, e os transportes de carapinas, molambos. gana, a composição da flechando crocodilos e o guerra, e os porta-aviões, Aqui e ali, um kepi Djbouti Railway, enfia trocano esturra de odio e os centenares de carros doirado e rubro de offi- vertiginosa, na directriz conclamando os athletas blindados, e os innumecial irancez. Palmeiras de Addis-Abeba. de Chilga e do Qondar, ros «tanks» de assalto, esguias e sósinhas nas Lá, você verá. cidadão que chegam, suados co- que obedecem o <duce»? dunas cálidas. Pés chatos do Mundo, a colmeia do m.o hyppopotamos contando façanhas do Sudão quieta. O Império Negro A Abyssinia espera que se achatam no chão Império Negio. Não será como laminas negras. um «kraal > perdido no Inglez. tem tres alliados. Mas Fuzis, lanças, bandeiras, munição. Tomemos í na de onde espreita um sas negras, imperialistas, gítimos, insosphimaveis. deserto Será uma caver Que importa os cami tres alliados sinceros, le a estrada de ferro. A! rebanho de leões. Para que acampam, em algazarra, nos largos da Eri darão a victoria. Tres Tres alliados que lhes artéria aorta que se es- o Norte, onde já brilham galha para o Mar, em os sabres italianos, defen- thréa? Que importa o amigos leaes: o calor Djbouti, começa no coração da Ethiopia. Es- intransponíveis do Tigre. nio, que descança inquie crivado de cruzes e de dem-n a os ^desfiladeiros brilho rapido do allumi- de 45.0 á sombra; o areial tamos no trem. Corremos. O areial é immenso. as montanhas se enchem fascistas na Somalia? ros inatingíveis. De Sakote e de Adowa, to no corpo dos aviões mormaço; os desfiladei Já não ha casas, nem de carabineiros negros Que importa o sono trágico dos cruzadores que com a sua civilisação, Que venha a Europa cabanas, nem refúgios. que olham a Erithréa. Nas lindez da Somalia Accendem-se fachos fulguram ao sol, ao largo com a sua força, com a Ingleza o deserto começa incendiários nos visos dos de Massana, levando no sua crueldade. O Direito,

2 banido dos grandes centros, pediu asylo em Addis-Abeba. E os abyssinios hospedaram-no com todas as honras. E para defendel-o, armaram todos os seus negros c mobiiisaram os seus tres alliados: O calor já começou o combate. Mais tarde será o areial. E, por fim, os precipícios. Meia duzia de ethiopes nos penhascos, devorarão divisões inteiras de Mussolini. E os aviões, e os cruzadores, e os gazes, perder-se-ão, impotentes diante do immenso cemitério branco do deserto. De Ogaden a Amhara, de Kaffa a Magdala, todos os chuças, todos os rabres, todos os neg.os estão de pé, pela salva ção de seu império. A sombra de Menelik acompanha-lhes o passo, na emboscada certeira. E se perderem, perderão com a mesma alma heróica dos pretos que honraram o quilombo brasileiro dos Palmares. Haverá certamente um outro Lumbó que, diante da Patria humilhada e vencida, sf atirará, em holocausí/í á liberdade, dos píncaros de Shaa: Hallie Sehssié, o Negus. Nome Cidade Rua E s t a d o 4 Envie-nos.A. X 7 O Z D O D O X Z O 5/10/ E9ÜTÜÜT8S5E E o grande remedio de ef feito sensacional. Seus milhares de attestados são verdadeiros Vêde: ATTESTADO N O Dr. Arthur de Souza, medico illustre da Liga contra a Tuberculose do Rio de Janeiro e de grande clinica nessa capital, especialista dos pulrwes e das creanças, mandou-nos gentil e expontaneamente, o attestado seguinte: E me grato attestar que tenho empregado com o mais feliz exito o preparado denominado CONTRA- TOSSE, nos casos de bronchites agudas ou symptomaticas, maxime na tosse dos tuberculosos, como excepiorante antiséptico e como sedativo heroico. Asseguro mesme que este produeto nacional substitue com as mais brilhantes vantagens qualquer congenere de origem extrangeira, o que affirmo na fé do meu grau. Dr- Arthur de Souza R. S. Luiz Gonzaga, 166 Rio de Janeiro (Firma reconhecida). O COKTBATOSSE vende-se em toda a parte. Deposito em tod^s as drogarias do Brasil. BLOCK Dc BfirEL cc h3 'p*; de SUPERIOR LINliO Í3 & NESTA PAPELARIA V. S. deseja obter um folheto elucidativo sobre o tratamento da ASTHMA. p e lo IXA60PE ANTI-iOTIAncO CAtm O MENDES? o coupon abaixo e o receberá na volta do correio. Lab. Phco. Industrial Camargo Mendes S. A. Caixa, 3413 São Paulo Í.J Redactor fidm itte-se um como socio de industria, desde que possa assumir a direcção geral do movimento de obras e redacção DIRIdIR-SE T\ ESTfl REPflCÇAO 1 Oeslllti&ãto 1 jjl & O h! caminheiro o que tu tens soffrido, $ Que em teu semblante trazes estampado, O teu soffrer acerbo, amargurado, Implacavel, cruel e mal contido? ^ f I Perdeste por acaso um ente amado, t ^ á Que entre todos te fosse extremecido? Ou vens de muito longe foragido, à i Aos dissabores do amor malfadado? Eu soffro de uma dôr que não tem cura, â Responde o caminheiro tristemente E viverei na eterna "desventura, $ f Porque a mulher a quem amava tanto, Tão pura e bella, quanto foi innocente, á Hoje é perjura, e causa este meu prantol Chavantes, 935 Ivariles AGENTES VENDEDORES Estamos precizando com urgência, de pessoas activas e desomb >r.açadas, para serem nossos Agentes-vendedores, nessa praça, para a collocação dos nossos afamados produetos de grande consumo em todas as classes sociaes, lucrando com 2 ou 3 lioras de serviço diario de a semanaes. Capital insignificante para inicio da Representação. Concederemos exclusividade de vendas nessa praça. Para immediato inicio das vendas, rogamos a todas as pessoas interessadas nos escrever, juntando endereço e 3 $000 em dinheiro, sob carta registrada, para a remessa de AMOSTRAS, CATÁLOGOS E DETALHES DOS NOSSOS PRODUCTOS. Laboratorio Clareei - Caixa Postal, São Paulo PHARMACIAS DE PLANTÃO AMANHÃ, DIA 6 DE O U TUBR O DE 1935 Santa Therezmha e Madeira" tf BE0$0!UIMMIOTm m A ÀSTKCL06IA offerece-lhe hoje a RIQUEZA. Aproveite-a sem H demora e conseguirá FORTUNA e FELICIDADE. Orientando-me pela data de nascimento de cada pessoa, descobrirei o modo seguro que com minha experiencia todos podem ganhar na loteria sem perder uma só vez Mande seu endereço e 600 réis em sellos. para enviar-lhe ORA TIS 0 SE0REQ0 DA FORTUNA" - Milhares de attestados provam as minhas palavras. - Meu eade- reço: Prof PAKCHAN6 T0N6 - G ra l. M itre R o s á r io (S. F é) (R e p. A r g e n tin a )

3 _ s s o s # s Tosses! Bronchites! Rouquidão! Asthma! SCoqueluche! Escarros de sangue! Tuberculoso! O C O N T R A T O S S E a jpe& C U I D A D O! A O O B I T A B S Ó E* o remedlo cujo effeito é sensacional. Médicos notáveis o receitam. O CONTRATOSSE é inoffensivo e o maior tonico pulmonar que até hoje foi descoberto. Tem milhares de attestados verdadeiros! O C O N T R A T O S S E " <u s_ cv EE o U I d}x "tí t/l c- - Z_ CJ u. <o u to rc 6 ÇV rçj E o 03 O U (V Escriptorio Juridico - Commercia! Qual sambar qual nada! Sambando d estu eu comesto dôr de dentes horrível. 0 que eu quero s C a f i a s p i r i n a Nas dotes de cabeça, as mais violentas, a Cafiaspirina tem uma acção prompta e energica; é tambem da maior efficacia contra as dores de dentes, de ouvido, rheumaticas, etc. Recuse tudo que não fâr CAFIASPIRINA o remedio de confiança garantido pela Cruz Bayer r Edifício <Moieíra Garcez» Saía Sobreloja P H O N E, S f i o u Vianna, i a c n f a c l r a e Raul t e AVENIDA JOÃO PESSOA - CURITYBA - Paraná ADVOCACIA EISA: GERAI, Seeções especial-zadas para: recebimento de vencimentos de funccionarios, porcentagens, contas, etc., em todas a srepartições publicas; cobranças amigaveis e judiciaes de titulos e contas de qualquer natureza; legitimação, divisão, venda e compra de terras. 3epü iieiro ; e Oaninhas á Marilia Está correndo diariamente esta Jardineira entre estas duas cidades, sahindo daqui ás 9,30 e chegando a Marilia ás 16,30, passando pelas seguintes localidades: figua Suja, São Pedro do Turvo, Macaco, Nova Columbia e Marilia PRtÇuS S ó ida. Ida e volta dos. 23$ooo 4 0$ooo Estacionamentos: OM UA RB IIN I -TA H O S E p o 3s t ao ç *.o t e xe ap oe no s ã o B r a s i l e i r a O Proprietário: Cezar Guimarães ELIXIR DEN06UEIR»! Empregado com successo em todal as moléstias provenientes da syphilii e im purezas do sa n g u e : li? ' FE R n AS ESPINHAS ULCER-5 "C Z M A S MANCHAS DA PELLE 'ARIHRGS FLORES BRANCAS RHEUMATISMO SCROPHULAS SYPHILIT1CAS e finalmente em todas as affccções cuja orittarca registrada e m Se*8 8 A V A R IA Milhares de curados t Vinho C reosotado do pharm.-chlm. JOÃO DA SILVA SILVEIRA Poderoso Tonico e Fortificante Empregado com grande successo na fraqueza geral. R ECO NST1TUINTE DE l.a ORDEM NUMERADOKES Vende-se 2 em perteito estado typ. Commercial-OURINHOS

4 5 10/1935 A. X Z O Z D O 1 P O X Z O elaria Commercíal Livros em branco e escolares, papeis em caixa, artigos de escriptorio. Bicos para prateleira Livros para Cartorios, com e sem margem. Tem sempre em stock: Rapeis Assetinado, Sulphite, Linho, Bond, Manilha, B. Fino, C. R. e dermania ; Tintas para impressão ; Enveloppes e Blocos commerciaes de diversas marcas. lua V endas exclusivam ente á d inheiro f u ç a i v e «àrsttiá, 301 ~ OUM1MHOS 1 r«-u,c f<tíd9 l W Í W W f T W v '4MI?? Si/-1~v W??????F <íü>stí'v>'4í5,l; 'kfaáitíb ^=d P A R A O S y-y F o rm ig u eiro s re n ite n te s y-y IN3 iff yy Em que só os p.pparelhos com fogo e folie produzem resultados INGREDIENTE JUBITER PRODDCTO DA E lekeiroz S{Â s P A U L O C A I X A S 5 5 ^ M1Í# 5Mfrí «$. 33M 2 Dr.HermeíínodeLeão MEDICO CLlülCil HED1C3 EIHaHSlEa A lta ciru rg ia, p arto s e m edicina em g eral AVENIDA ALTINO ARANTES O U R IN H O S E 6^11 c^3:. t-md è «n I f^f F j (r~t: I ^ E IX I 1 NÃO SE ÍLLUDAM se não fôr li d i z não é FO EM IC ID A Caixa Postal, 747 O D E J A N líl I R Q Otima Ocasião d e s e Fico? Hico...3 i Quer ficar rico? Quereis fazer fortuna e ganhar muito dinheiro? Qualquer pessoa cm horas vagas e ern sua própria casa podei á ganhar de 100$ a 300$ semanais como agente dos afamados productos INIDIAPIN, indispensáveis em todos os lares, casas comerciais, restaurantes. Não é preciso pratica nem emprego de capital. Mediante rs. 5$ remete-se amostras. Todos sem excepção homens, senhoras e creanças deverão aproveitar esta MAGNÍFICA OPORTUNI DADE! Escrevam imediatamente a Agencia INIDIAPIN. - Anapoiis - Goyaz. BW ISí í i í é s ÍO PENSílIBNTO, pira 1938 i$idqeoãauni V ende-se ziespaqpelaria

5 5/10/1935 A. x r o z 3 D O P O V O *.r 4. UM CONHECIHENÍQ BB F a i L I C O Umai wtetori à esperada Os bom VleiiiiOS se Impõem A C ooperativa V itivinicola S erran a da Est.ção Erechim do E stado do Rio G ran d e do Sul está de p arab én s Lu O Serviço Sanitario do Estado de São Paulo reconheceu em analyse detalhada, a pureza e excellencia dos vinhos de sua produqção. E o Posto de Inspecção Sanitaria de Vinhos, da Ir.spectoria do Policiamento da Alimentação Publica, representado pela Autoridade Sanitaria respectiva, sr. Clemente Santos Junior, ha dias nesta cidade de Ourinhos, procedeu ao levantamento da interdicção de 159 barris de vinho da producção da C ooperativa Vitivinicola Serrana da Estação Erechim Estado do Rio Grande do Sul, em deposito no estabelecimento commercial do sr. ÍTALO FERRARI, á AVENIDA JACYNTHO S A \ O termo de levantamento da interdicção foi lavrado em 3 vias uma das quaes se encontra no local referido, a vista de quem intereressar. Pudem pois, os degustadores do bom vinho preferirem os da Cooperativa Vitivinicola Serrana" DO BETADO DO RIO GBAHDB DO SUR V in te de absoluta p a m e issntas de corantes nocivas ü venda nesta cidade á 8UEHI08 MYKTH3 S no deposita da Sn. ITALO FE R R A R I Ih^i S O S * '

6 A VOZ DO POVO ASSIONATURAS finno... 15$000 S e m e str e.. 8 $000 S E l V E A I S r ^ I R T O I Z S n D E B E T x T I D Z B l S T T 3 3 D ir eeto p -G eren te Joaquim de fizevedo OFFICINAS IMPRESSORAS TYP. COMMERCIRL RUA PARANA N. 391 O U R IN H O S ARNO V (Est.de S. Paulo) O U R IN H O S, Sabbado 5 de Outubro de Num Opposições Erradas MARIO PINTO SERVA (Copyright da U. /. B.} para A Voz do Povo) O que todos devemos ver principal e maximamente, é o interesse da collectividade, do Estado, do paiz em conjuncto. Porque em uma Nação arruinada, todos os seus habitantes soffrem: os funccionarios deixam de receber os seus ordenados, o commercio se retrahe, a lavoura perece, as industrias se fecham, os impostos augmentam formidavelmente. Todos os ncgocios e todas as actividades decahem com a ruina do paiz, com a má situação do governo da Nação. Assim o dever das opposições no actual momento consiste em exponianeamente estudarem e proporem com os partidos situacionistas um programma severo de economias no Thesouro Federal. Porque do contrario o paiz vai á garra. Logo, essas opposições declamadoras, demolidoras, destruidoras de tudo e de todos, são apenas calamitosas, porque absolutamente inconscientes. Dizem os inglezes que os peores govern )s são preferíveis ás melhores revoluções. Uma nova revolução no Brasil enterraria definitivamente o nosso paiz. O dever de todos os brasileiros é apoiar o actual governo e a actual situação federal. Uma nova revolução no Brasil no minimo crearia em nosso paiz o regimen do Terror da revolução Franceza de Isto é, diariamente, seriam executados dezenas de indivíduos, sem mais norma de processo, sumarissimamente, como o temos visto mesmo em revoluções recentes e na própria Europa, na Allemanha, Áustria e outros paizes. Portanto, todos os brasileiros, que não quizerem a ruina completa do paiz e uma nova revolução com o regimen do Terror, com o fuzilamento summario, sem processo, de milhares de cidadãos, com todas as calamidades, devem logicamente, condemnar em absoluto essa opposição sem finalidade, cujo resultado pratico é crear a agitação, a inquietação, o alarme, um ambiente de insegurança, favorecendo assim o surto da anarchia e provo cando bernardas e movimentos inconseqüentes e deleíerios. Mas si a situação financeira do Thesouro da União é má ou péssima, si importa fundamentalmente decretar para o proximo anno um orçamento federal equi librado, a opinião publica no Brasil inteiro devia impor ás actuaes opposições que fizessem uma frente unica com os partidos governamentaes afim de fazerem face, em frente unica á grave situação das finanças federaes. As opposições brasileiras actuaes querem transformar o Brasil em uma especie de Mexico, theatro permanente de revoluções e bernardas. Não póde ser. Não podemos os brasileiros viver assim como bandoleiros e salteadores, de revolução em revolução. E si o governo federal actual, com o Codigo Eleitoral, respeitou religiosamente as opposições, estas, que, nos proximos pleitos, podem vir a ser maioria e vencer o governo, deviam ter a elementar intelligencia de trabalhar pelo equilíbrio financeiro do paiz, em logar de com a sua demagogia levarem o paiz á completa bancarrota. Urge as mais severas economias nas finanças federaes. Mas para tanto é preciso que o governo federal nesse sentido seja apoiado pelas opposições. Estamos gastando no orçamento federal aquillo que não temos direito de gastar. E é absolutamente necessário um programma de economias severas no governo da União. As emissões constituem balões de oxygenio que não remedeiam o mal, antes a aggravam enormemente. O facto essencial é que uma familia que tem uma renda de dois contos por mez não póde estar a gastar 5 contos. Ef o que está acontecendo com o governo federal. Elle está gastando muito; muitíssimo mais do que póde gastar. E por culpa de quem? Por culpa das opposições calamitosas da hora presente, que em lugar de imporem uma política de economias, entrando em accôrdo com os partidos do governo, levam a solapar, desmoralisar, achincalhar e demolir esse governo, e assim fazendo o que estão demolindo é o proprio paiz e nos arruinando, á toda a população nacional, a todos nós. CAMPANHA DO OURO O Departamento do Ouro da Santa Casa de S. Paulo, enviou a Santa Casta desta, a quantia de Rs. 477$900, cuja importância foi pela Directoria depositada n a Banca Francese e Italiana, elevando-se capital e juros em Rs. 22:41 õ$000 pertencentes a mesma. TRABALHOS DE PINTURA Continúa nesta cidade o sr. José Nunes Brandão, prof. de trabalhos em pinturas e gesso. As srtas. que desejarem se dedicar a esse mistér, pódem prccurar em casa de dona Maria Augusta da Silva, professora de Córte e Costura, que lhes fornecerá todos os esclareci» mentos necessários. SOCIAE3 Anníversarios Fizeram annos: Dia 2, o sr. Joaquim Leite, digno agente da Est. de Presidente Wenceslau. Fazem annos: Amanhã, o sr. Horacio Cintra; dia, 7, a sra. Guiomar R. Martins, filha do snr. Manoel R. Martins, fazendeiro nesta; dia 8, o snr. Olympio Tupiná, secretario da Prefeitura Municipal. Itinerantes De Londrina, aqui esteve o sr. João B. de Oliveira, agente comprador de pelles de caça; para Poços de Caldas, seguiu o sr. Antonio Martins Siqueira, telegraphista; para São Paulo, o sr. Carlos Beck; para o Rio de Janeiro, o sr. Annibal Ayres; afim de se incorporarem ao exercito, tambem seguiram para São Paulo, os seguintes srs.: José Be- raldo, Vicente R. Netto Durval Seifert. E uteból Realisa-se amanhã no campo do C. A. Ourinhense, um dos maiores embates futebolísticos até hoje realisados Serão contendores a pujante phalange do S. Paulo F. Clube, de Sorocaba com o respectivo C. A. O. Abrilhantará o jogo a banda musical Carlos Gomes. e

DATAS COMEMORATIVAS. DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA 20 de novembro

DATAS COMEMORATIVAS. DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA 20 de novembro DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA 20 de novembro Cartaz do Dia da Consciência Negra. Uma das poucas maneiras que os negros tinham para se livrar da escravidão era fugir das fazendas e formar quilombos.

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro Acólitos São João da Madeira Cancioneiro Índice Guiado pela mão...5 Vede Senhor...5 Se crês em Deus...5 Maria a boa mãe...5 Quanto esperei por este momento...6 Pois eu queria saber porquê?!...6 Dá-nos

Leia mais

Testemunha fiel Defender a vida até a morte

Testemunha fiel Defender a vida até a morte Bíblia:- A Sociedade no tempo de Jesus e sua Proposta Como funcionava a sociedade no tempo de Jesus e sua Proposta Testemunha fiel Defender a vida até a morte Nona Parte Por que querem matar Jesus? 1 Porque

Leia mais

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Música: Francisco Manuel da Silva (1795/1865) Letra: Joaquim Osório Duque Estrada (1870/1927) Ouviram

Leia mais

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor!

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor! TUDO POR AMOR A dor, o espinho vil, as lágrimas, o seu sofrer, o meu Senhor na cruz está. Não posso suportar! O que o fez se entregar, pagar o preço lá na cruz? Como um cordeiro foi morrer pra vir me resgatar!

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

IGREJA CRISTÃ MARANATA - LOUVOR

IGREJA CRISTÃ MARANATA - LOUVOR 6600 CHEGEMOS AO ALTAR DE DEUS (C) *Coro + G E F F E D C C E D E D E F F / F F F E D D / C E D E D E F F E D D Coro: * (A B C A / A B C A / A B C C C C B B B C A G )2x Cheguemos ao altar...c E D E D E

Leia mais

Oração ao finalizar o Ano 2015

Oração ao finalizar o Ano 2015 Oração ao finalizar o Ano 2015 QUE SEU AMOR SE EXTENDA POR TODA A TERRA Reunimos em oração no último dia do Ano para dar graças a Deus por tantos dons recebidos pessoalmente, na família, na comunidade,

Leia mais

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano.

As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império romano. Trabalho realizado por: Luís Bernardo nº 100 8ºC Gonçalo Baptista nº 275 8ºC Luís Guilherme nº 358 8ºC Miguel Joaquim nº 436 8ºC Índice; Introdução; As famílias no Antigo Egipto; As famílias no Império

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais

copyright Todos os direitos reservados

copyright Todos os direitos reservados 1 2 Espaço das folhas 3 copyright Todos os direitos reservados 4 Autor Jorge Luiz de Moraes Minas Gerais 5 6 Introdução Folha é apenas uma folha, uma branca cor cheia de paz voltada para um querer, um

Leia mais

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira NOVEMBRO/2012 Salve, salve nossa bandeira Impõe respeito em qualquer fronteira Suas cores são brilhantes Brilha tanto como diamantes. Respeitada em todo mundo Nos momentos da vida Essa Bandeira é sempre

Leia mais

Regulamento do Stud-Book Nacional do Cavallo de Puro Sangue, a que se refere o decreto n. 13.038, desta data CAPITULO I

Regulamento do Stud-Book Nacional do Cavallo de Puro Sangue, a que se refere o decreto n. 13.038, desta data CAPITULO I Regulamento do Stud-Book Nacional do Cavallo de Puro Sangue, a que se refere o decreto n. 13.038, desta data CAPITULO I DO STUD-BOOK NACIONAL DO CAVALLO DE PURO SANGUE Art. 1º O Stud-Book Nacional do Cavallo

Leia mais

A beleza persuade os olhos dos homens por si mesma, sem necessitar de um orador.

A beleza persuade os olhos dos homens por si mesma, sem necessitar de um orador. A beleza persuade os olhos dos homens por si mesma, sem necessitar de um orador. Algumas quedas servem para que nos levantemos mais felizes. A gratidão é o único tesouro dos humildes. A beleza atrai os

Leia mais

Saudades. Quantas vezes, Amor, já te esqueci, Para mais doidamente me lembrar, Mais doidamente me lembrar de ti!

Saudades. Quantas vezes, Amor, já te esqueci, Para mais doidamente me lembrar, Mais doidamente me lembrar de ti! Durante as aulas de Português da turma 10.º 3, foi lançado o desafio aos alunos de escolherem poemas e tentarem conceber todo um enquadramento para os mesmos, o que passava por fazer ligeiras alterações

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

HINÁRIO A ARTE DE AMAR

HINÁRIO A ARTE DE AMAR HINÁRIO A ARTE DE AMAR Tema 2012: Flora Brasileira Algodão do Cerrado (Cochlospermum vitifolium) CARLOS STRAZZER Carlos Augusto Strazzer 1 www.hinarios.org 2 I FÉ NA VIRGEM MARIA Oferecido por Isabela

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe

Leia mais

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia)

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia) Vamos adorar a Deus //: SI LA SOL LA SI SI SI LA LA LA SI SI SI SI LA SOL LA SI SI SI LA LA SI LA SOOL SOOL :// Vamos adorar a Deus, Meu Senhor e Salvador Vamos adorar a Deus, com o nosso louvor. B I S

Leia mais

«Tesouro Escondido» Já sei que estás para chegar Espero por ti na ponta do cais O teu navio vem devagar A espera é longa demais

«Tesouro Escondido» Já sei que estás para chegar Espero por ti na ponta do cais O teu navio vem devagar A espera é longa demais Letras Álbum Amanhecer João da Ilha (2011) «Tesouro Escondido» Já sei que estás para chegar Espero por ti na ponta do cais O teu navio vem devagar A espera é longa demais Já sei que és buliçoso Trazes

Leia mais

Mas o mais importante é que saiba que irei sempre te amar

Mas o mais importante é que saiba que irei sempre te amar Eterna gratidão Pai, há tantas coisas que queria te falar Mas o mais importante é que saiba que irei sempre te amar É meu protetor, companheiro e amigo Aquele que sempre esteve comigo. Desde o primeiro

Leia mais

Conceitos Básicos. Profetizou em Israel, durante o reinado de Jeroboão II (Século VIII a.c.), cumpre seu ministério por 30 anos

Conceitos Básicos. Profetizou em Israel, durante o reinado de Jeroboão II (Século VIII a.c.), cumpre seu ministério por 30 anos Oséias Salvação Conceitos Básicos Oséias, o profeta, era filho de Beeri. Profetizou em Israel, durante o reinado de Jeroboão II (Século VIII a.c.), cumpre seu ministério por 30 anos O nome Oséias era comum

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR Marcha Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe me disse Que é

Leia mais

Hinos em quaternário usando os acordes G, B7 e C (pressupondo A, D, E da apostila anterior)

Hinos em quaternário usando os acordes G, B7 e C (pressupondo A, D, E da apostila anterior) Hinos em quaternário usando os acordes, e (pressupondo,, da apostila anterior) ó 1 2 3 Sol 3 1 2 Si sétima 4 3 1 2 urso de Violão- Prof. P. Rolf J ietz 2001 a 2009 Página 1 Hinos em Ré maior Hino 5 - PLO

Leia mais

Dia da bandeira Tá na cara que é orgulho

Dia da bandeira Tá na cara que é orgulho Dia da bandeira Tá na cara que é orgulho 19 de novembro Hino à Bandeira Música de Francisco Braga Letra de Olavo Bilac Apresentado pela primeira vez em 15 de agosto de 1906 (Extraído do livro Bandeira

Leia mais

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2008 NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL Quando Dom Pedro I ergueu a espada E independência pediu O povo gritou com força E liberdade conseguiu. Foram feitas outras bandeiras Para o

Leia mais

MAIS DE TI JESUS (JULIANO SOCIO) SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS

MAIS DE TI JESUS (JULIANO SOCIO) SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS MAIS DE TI JESUS SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS TODAS AS ANGUSTIAS DO MEU CORACAO EU ENTREGO AO SENHOR POIS TUA PALAVRA ALIVIA A ALMA TUA GRACA ME ATRAIU PRA TI E A

Leia mais

Regras para o bem viver IV laboriosidade, temor do Senhor, cuidado dos próximos e uso sensato do poder

Regras para o bem viver IV laboriosidade, temor do Senhor, cuidado dos próximos e uso sensato do poder Regras para o bem viver IV laboriosidade, temor do Senhor, cuidado dos próximos e uso sensato do poder Segundo Tomo: Provérbios 10.1 a 22.16 LABORIOSIDADE Palavras chaves: trabalho diligente preguiçoso

Leia mais

IN S A In s titu t N a tio n a l

IN S A In s titu t N a tio n a l IN S A : U m a re d e d e 5 e s c o la s s u p e rio re s d e e n g e n h a ria O INS A de Rennes existe desde 1966 R ouen O INS A de Rouen existe desde 1985 O INS A de S trasbourg existe desde 2003 R

Leia mais

PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO. FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO...

PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO. FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO... CADÊ O BRASIL RICO? FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO... PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO.... E AQUI, DINHEIRO SOBRANDO NO FIM DO MÊS. DESTE

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

DEUS INFINITO Autor: Marília Mello Intro: F C/E B/D Db C F C/E B/D Db C F

DEUS INFINITO Autor: Marília Mello Intro: F C/E B/D Db C F C/E B/D Db C F DUS INFINITO utor: Marília Mello Intro: F / /D Db F / /D Db F m b F Senhor eu te apresento o meu coração m b F u coloco toda minha vida em tuas mãos b /b m Dm Porque sei que tudo sabes de mim, Senhor b

Leia mais

Arte em Movimento...

Arte em Movimento... Leonardo Koury Martins Arte em Movimento... Arte em Movimento... Sabemos que por mais que queremos as coisas certas, todas no lugar, fáceis de tocar ou de compreender tudo estará em constante transformação.

Leia mais

O Despertar da Cidadania

O Despertar da Cidadania O Despertar da Cidadania EDUCAÇÃO LINGUÍSTICA: PRÁTICAS EM PARCERIAS Nome: Isolda Regina Coitinho Araujo e Jailson Luiz Jablonski Título da unidade: O Despertar da Cidadania Ano escolar: 9º ano Objetivo:

Leia mais

O Espírito de Deus se move

O Espírito de Deus se move O Espírito de Deus se move Introdução: D A G D D A/C# G/B G/A D D A G D D A/C# G/B C9 G/B Gm/Bb G/A D A G D O Espírito de Deus se move, se move D A/C# No mundo inteiro Ele se move G/B G/A D E aqui neste

Leia mais

LIÇÃO 2 Esteja Preparado

LIÇÃO 2 Esteja Preparado LIÇÃO 2 Esteja Preparado Lembra-se do dia em que começou a aprender a ler? Foi muito difícil, não foi? No princípio não sabemos nada sobre leitura. Depois ensinaramlhe a ler as primeiras letras do alfabeto.

Leia mais

POEMAS DE JOVITA NÓBREGA

POEMAS DE JOVITA NÓBREGA POEMAS DE JOVITA NÓBREGA Aos meus queridos amigos de Maconge Eu vim de longe arrancada ao chão Das minhas horas de menina feliz Fizeram-me estraçalhar a raiz Da prima gota de sangue Em minha mão. Nos dedos

Leia mais

Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO.

Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO. Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO. TEXTO: 1 Entrando em Jericó, atravessava Jesus a cidade. 2 Eis que um homem, chamado Zaqueu, maioral dos publicanos e rico, 3 procurava ver

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana HINOS DE DESPACHO Tema 2012: Flora Brasileira Estrela D Alva www.hinarios.org 1 2 01 O DAIME É O DAIME O é o Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana O é o O professor dos professores

Leia mais

PRIMEIRO ATO ARGUMENTO

PRIMEIRO ATO ARGUMENTO PRIMEIRO ATO ARGUMENTO Entrando numa horta, procurando um falcão de sua propriedade, Calisto encontra Melibéia. Empolgado de amor por ela, põe-se a falar. Rechaçado por ela volta para casa angustiado.

Leia mais

Neste mês Festinclã 2001

Neste mês Festinclã 2001 Neste mês Festinclã 2001 No ano de 2001, a atividade estadual de Guias teve como tema Cantando a Vida. Os clãs de São Paulo soltaram a criatividade e o talento que incluiu além das tradicionais músicas

Leia mais

Da economia do tempo. Sêneca saúda o amigo Lucílio

Da economia do tempo. Sêneca saúda o amigo Lucílio I Da economia do tempo Sêneca saúda o amigo Lucílio Comporta-te assim, meu Lucílio, reivindica o teu direito sobre ti mesmo e o tempo que até hoje foi levado embora, foi roubado ou fugiu, recolhe e aproveita

Leia mais

SALMODIA COMPLEMENTAR

SALMODIA COMPLEMENTAR SALMODIA COMPLEMENTAR PARA TÉRCIA, SEXTA E NOA Depois da Invocação inicial Deus, vinde em nosso auxílio, diz-se o Hino da Hora Intermédia e a Salmodia correspondente ao momento do dia em que se faz a celebração.

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação...

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação... Sumário Agradecimentos... 7 Introdução... 9 1 - Um menino fora do seu tempo... 13 2 - O bom atraso e o vestido rosa... 23 3 - O pequeno grande amigo... 35 4 - A vingança... 47 5 - O fim da dor... 55 6

Leia mais

ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO. 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes. 2- Família - Twila Paris Versão: Aline Barros e Ronaldo Barros

ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO. 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes. 2- Família - Twila Paris Versão: Aline Barros e Ronaldo Barros ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes Me traz em tuas mãos o teu amor Eu trago em minhas mãos o meu amor E faz do teu abraço o meu abrigo Meu coração te ama e chama

Leia mais

Ideias Chave! Jogar para ganhar Jogar para não perder. Frutas & Raízes Trate das raízes para ter frutos melhores.

Ideias Chave! Jogar para ganhar Jogar para não perder. Frutas & Raízes Trate das raízes para ter frutos melhores. Ideias Chave! Jogar para ganhar Jogar para não perder. Frutas & Raízes Trate das raízes para ter frutos melhores. Declarações VS Afirmações Afirmações vs Declarações. P -> T - F -> A -> R Uma boa equação

Leia mais

Sete Trombetas (Lauriete)

Sete Trombetas (Lauriete) Sete Trombetas (Lauriete) Uma mistura de sangue com fogo A terça parte deste mundo queimará Eu quero estar distante, quero estar no céu Quando o anjo a primeira trombeta tocar Um grande meteoro vai cair

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!)

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) Atualizado em: 25/09/2007 Este material contém louvores cifrados da coletânea para flauta doce e flauta transversal, e obedece às

Leia mais

O rei Davi e o seu palácio

O rei Davi e o seu palácio O rei Davi e o seu palácio 2 Sm 11:1-5 Estes versículos registram um terrível e assustador período na vida do rei Davi que poderia ter sido evitado, se o mesmo não escolhesse desprezar suas responsabilidades

Leia mais

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação PSCDOR Introdução: D (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção D qual é o meu destino, minha vocação Carregar tua palavra, qualquer direção Dm Dm chamar outras almas, em outros mares pescar Pescador

Leia mais

Departamento de Especulações.indd 11 03/07/15 16:43

Departamento de Especulações.indd 11 03/07/15 16:43 1 Os antílopes têm uma visão dez vezes melhor do que a nossa, disseste me. Foi no início ou quase. O que significa que numa noite clara eles conseguem ver os anéis de Saturno. Ainda passariam alguns meses

Leia mais

PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O

PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O O s depós itos fos s ilíferos, o s s ítios paleontológ icos (paleobiológicos ou fossilíferos) e o s fós s eis q u e a p r e s e n ta m valores científico, educativo o u cultural

Leia mais

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Meus queridos brasileiros e brasileiras, É com muita emoção

Leia mais

care XIII meeting Dra. Adriana Vidal Schmidt Médica Alergista - Mestre pela UFPR Professora do Ambulatório de Cosmiatria SBME - Regional Paraná

care XIII meeting Dra. Adriana Vidal Schmidt Médica Alergista - Mestre pela UFPR Professora do Ambulatório de Cosmiatria SBME - Regional Paraná XIII meeting care Dra. Adriana Vidal Schmidt Médica Alergista - Mestre pela UFPR Professora do Ambulatório de Cosmiatria SBME - Regional Paraná Se o seu coração é absoluto e sincero, você naturalmente

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira CAPA Diego de Oliveira Castro EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro TÉRMINUS REVISÃO Rafael Martins de Oliveira Oliveira, Rafael Martins,

Leia mais

O PROFETA ELISEU Lição 64. 1. Objetivos: Ensinar que mesmo quando a vida é difícil que nunca devemos perder nossa esperança se estamos em Cristo.

O PROFETA ELISEU Lição 64. 1. Objetivos: Ensinar que mesmo quando a vida é difícil que nunca devemos perder nossa esperança se estamos em Cristo. O PROFETA ELISEU Lição 64 1 1. Objetivos: Ensinar que mesmo quando a vida é difícil que nunca devemos perder nossa esperança se estamos em Cristo. 2. Lição Bíblica: 2 Reis 2, 4, 5 (Base bíblica para a

Leia mais

RAABE E A TRAVESSIA DO RIO JORDÃO

RAABE E A TRAVESSIA DO RIO JORDÃO Momento com Deus Crianças de 09 a 11 anos NOME: DATA: 06/04//2014 RAABE E A TRAVESSIA DO RIO JORDÃO Versículos para Decorar: 1- Vocês que temem ao Senhor, confiem no Senhor! Ele é o seu socorro e o seu

Leia mais

O Arrebatamento da Igreja

O Arrebatamento da Igreja Texto Base: 1Ts 4.13-18 O Arrebatamento da Igreja "Não queremos, porém, irmãos, que sejais ignorantes com respeito aos que dormem, para não vos entristecerdes como os demais, que não têm esperança. Pois,

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

O primeiro texto em II Rs 6:1 7 (versão RA), onde um servo perdeu um machado e o profeta Eliseu faz um ato profético e o machado flutua.

O primeiro texto em II Rs 6:1 7 (versão RA), onde um servo perdeu um machado e o profeta Eliseu faz um ato profético e o machado flutua. Vigie com os Valores e Ferramentas espirituais. Veremos dois textos que falam sobre perda, e tiraremos a lição para nossas vidas, para Não perdermos o que Deus já nos deu, e para que isso não aconteça,

Leia mais

Segredo revelado: água que chapa-barriga.

Segredo revelado: água que chapa-barriga. Segredo revelado: água que chapa-barriga. Passo a passo a receita da mistura mágica que tira fome e chapa barriga Uma incrível combinação de água e elementos que saciam a fome, hidratam e chapam a barriga.

Leia mais

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos.

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Esperança em um mundo mal Obadias 1-21 Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Introdução Obadias É o livro mais curto do Antigo Testamento. Quase nada se sabe sobre o autor.

Leia mais

CANTOS PARA O NATAL CANTO DE ENTRADA:

CANTOS PARA O NATAL CANTO DE ENTRADA: CANTO DE ENTRADA: CANTOS PARA O NATAL 01. PEQUENINO SE FEZ (SL 95): J.Thomaz Filho e Fr.Fabretti Pequenino se fez nosso irmão, Deus-conosco! Brilhou nova luz! Quem chorou venha ver que o Menino tem razão

Leia mais

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESTUDO 4 Palavra Viva RELEMBRANDO SANTIFICAÇÃO Nossos três grandes inimigos: O MUNDO A CARNE O D IABO 'Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque

Leia mais

Vai ao encontro! de quem mais precisa!

Vai ao encontro! de quem mais precisa! Vai ao encontro! 2ª feira, 05 de outubro: Dos mais pobres Bom dia meus amigos Este mês vamos tentar perceber como podemos ajudar os outros. Vocês já ouviram falar das muitas pessoas que estão a fugir dos

Leia mais

A palavra APOCALIPSE vem do grego e significa REVELAÇÃO. O livro não revela o fim do mundo, mas trata-se de um livro sobre as revelações de Jesus

A palavra APOCALIPSE vem do grego e significa REVELAÇÃO. O livro não revela o fim do mundo, mas trata-se de um livro sobre as revelações de Jesus - Oi, dona Jurema, como vai? - Tudo bem, e o senhor? - Dona Jurema, a senhora que lê a Bíblia, do que mais gosta? - Ah! Gosto do Apocalipse. O meu entendimento é fraco, mas, esse livro me traz conforto

Leia mais

CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO

CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO 1. UM POUCO ALÉM DO PRESENTE (10º DOMINGO) 1. Um pouco além do presente, Alegre, o futuro anuncia A fuga das sombras da noite, A luz de um bem novo dia. REFRÃO: Venha teu reino,

Leia mais

Padrão de Marido Fernando Leite 15.02.2015

Padrão de Marido Fernando Leite 15.02.2015 Padrão de Marido Fernando Leite 15.02.2015 Introdução: 16 À mulher, ele declarou: o Multiplicarei grandemente o seu sofrimento na gravidez; com sofrimento você dará à luz filhos. Seu desejo será para o

Leia mais

HINÁRIO Transformação

HINÁRIO Transformação HINÁRIO Transformação Tema 2012: Flora Brasileira Pau-de-rosas (Physocalymma scaberrimum) www.hinarios.org Apolo 2 1 ORAÇÃO DA TRANSFORMAÇÃO Oh! Meu pai, livrai-me da autocomiseração e da preguiça. Dême

Leia mais

U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s...

U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s... U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s... Aqui não estão as mensagens mediúnicas, mas algumas palavras

Leia mais

Perdão Marca de Maturidade

Perdão Marca de Maturidade Perdão Marca de Maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Mateus 18.15-22 15 - Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão; 16 - Mas, se não te ouvir,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2009 NOVEMBRO/2009 BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA Assim como nós, cidadãos, temos documentos para sermos identificados onde quer que estejamos, como brasileiros temos nossa

Leia mais

Você é um Cristão Embaixador ou Turista do Reino de Deus?

Você é um Cristão Embaixador ou Turista do Reino de Deus? Você é um Cristão Embaixador ou Turista do Reino de Deus? 2 Coríntios 5:18-20 Ora, tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, a saber,

Leia mais

#101r. (Continuação) Apocalipse 13:1~10; a besta que subiu do mar.

#101r. (Continuação) Apocalipse 13:1~10; a besta que subiu do mar. (Continuação) Apocalipse 13:1~10; a besta que subiu do mar. #101r Na aula passada, iniciamos o estudo do cap13 de Apocalipse, onde, como falamos de certa forma descreve o personagem mais importante da

Leia mais

Felizes são aqueles que ajudam os pobres

Felizes são aqueles que ajudam os pobres Felizes são aqueles que ajudam os pobres Havia um homem rico LUCAS 16:19-31 que se vestia de púrpura e de linho fino e vivia no luxo todos os dias. Diante do seu portão fora deixado LUCAS 16:19-31 um mendigo

Leia mais

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama Page 1 of 6 Tudo Bem! Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia Cultural Educador: João Nascimento Borges Filho Poética

Leia mais

A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA

A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA Ap 21.9-11 - E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das sete últimas pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a noiva, a esposa do Cordeiro.10

Leia mais

PArte I. O ALfAbetO POrtuguês. Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: érre ésse. jóta. dablio cápa ipsilon

PArte I. O ALfAbetO POrtuguês. Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: érre ésse. jóta. dablio cápa ipsilon PArte I guia de fonética O ALfAbetO POrtuguês Ouça o alfabeto português. Letra: Letra: a á n éne b bê o ó c cê p pê d dê q quê e é r érre f éfe s ésse g guê t tê h agá u ú i i v vê j jóta w dablio k cápa

Leia mais

Encontro dos Coordenadores de Caravana. Elaine Ribeiro Psicóloga

Encontro dos Coordenadores de Caravana. Elaine Ribeiro Psicóloga Encontro dos Coordenadores de Caravana Elaine Ribeiro Psicóloga A fé em Deus nos faz crer no incrível, ver o invisível e realizar o impossível. Vamos conversar sobre... 1) Turismo Religioso e Peregrinação

Leia mais

Paciência, digo paciência! Fico bem, escolho a calma e vou além. Gentileza. Com bom humor Aceito as coisas que não posso controlar

Paciência, digo paciência! Fico bem, escolho a calma e vou além. Gentileza. Com bom humor Aceito as coisas que não posso controlar Gentileza Vou ceder meu lugar para você sentar Você primeiro, o que eu quero é te animar Gentileza, Gentileza Na correria do dia a dia parar alguém e perguntar: - Está tudo bem?, - Como vai você? Naquele

Leia mais

AÇÕES HUMANITÁRIAS O maior exemplo de amor ao próximo: O Bom Samaritano

AÇÕES HUMANITÁRIAS O maior exemplo de amor ao próximo: O Bom Samaritano 1 AÇÕES HUMANITÁRIAS O maior exemplo de amor ao próximo: O Bom Samaritano Texto extraído do livro: Humanização a Luz do Mundo Autor: Rev. Dr. Adenor Gonçalves dos Santos Jesus diante de seus seguidores

Leia mais

POR QUE COISAS MÁS ACONTECEM SE EXISTE DEUS?

POR QUE COISAS MÁS ACONTECEM SE EXISTE DEUS? POR QUE COISAS MÁS ACONTECEM SE EXISTE DEUS? Recentemente, uma notícia chamou atenção nos jornais: uma mãe, que acabara de buscar o seu filho de 02 anos em uma creche, empurrava o carrinho de bebê ao longo

Leia mais

Hábito 1: Sê Proactivo Tu não és um cão de Pavlov. Hábito 2: Começa com o fim em mente Plantas e Funerais. Hábito 3: Primeiro o mais importante

Hábito 1: Sê Proactivo Tu não és um cão de Pavlov. Hábito 2: Começa com o fim em mente Plantas e Funerais. Hábito 3: Primeiro o mais importante Hábito 1: Sê Proactivo Tu não és um cão de Pavlov. Hábito 2: Começa com o fim em mente Plantas e Funerais. Hábito 3: Primeiro o mais importante Quadrante II, Diga não, defina prioridades, regras e objectivos.

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

Torre de Belém. Guia de visita dos 6 aos 12 anos. Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos/ Torre de Belém. Página 1 de 12

Torre de Belém. Guia de visita dos 6 aos 12 anos. Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos/ Torre de Belém. Página 1 de 12 Torre de Belém Guia de visita dos 6 aos 12 anos Serviço Educativo do Mosteiro dos Jerónimos/ Torre de Belém Página 1 de 12 A Torre de Belém foi mandada construir pelo rei D. Manuel I, em 1514, para defender

Leia mais

Lei de 11 de Agosto de 1827 - Crêa dous Cursos de sciencias Juridicas e Sociaes, um na cidade de S. Paulo e outro na de Olinda.

Lei de 11 de Agosto de 1827 - Crêa dous Cursos de sciencias Juridicas e Sociaes, um na cidade de S. Paulo e outro na de Olinda. Lei de 11 de Agosto de 1827 - Crêa dous Cursos de sciencias Juridicas e Sociaes, um na cidade de S. Paulo e outro na de Olinda. Decreto de 9 de Janeiro de 1825 - Crêa provisoriamente um Curso Jurídico

Leia mais

soluções sustentáveis soluções sustentáveis

soluções sustentáveis soluções sustentáveis soluções sustentáveis 1 1 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 2 2 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 3 3 APRES ENTAÇÃO A KEYAS S OCIADOS a tu a d e s d e 1

Leia mais

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!... SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...) A cada manhã 71 (A cada manhã as misericórdias se renovam...)

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

HIGIENE E CUIDADOS COM A CRIANÇA : AS LIÇÕES DOS ALMANAQUES DE FARMÁCIA - 1920 A 1950 MAGALHÃES

HIGIENE E CUIDADOS COM A CRIANÇA : AS LIÇÕES DOS ALMANAQUES DE FARMÁCIA - 1920 A 1950 MAGALHÃES HIGIENE E CUIDADOS COM A CRIANÇA : AS LIÇÕES DOS ALMANAQUES DE FARMÁCIA - 1920 A 1950 MAGALHÃES, Maria das Graças Sândi - USF, GT: História da Educação / n.02 Agência Financiadora: não contou com financiamento

Leia mais

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve!

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve! Estudo do Hino Nacional Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado retumbante E o sol da liberdade em raios fúlgidos, Brilhou no céu da Pátria nesse instante. Se o penhor dessa

Leia mais

DEUS SEMPRE EMMANUEL. Psicografia: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER

DEUS SEMPRE EMMANUEL. Psicografia: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER DEUS SEMPRE Psicografia: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER ÍNDICE ANOTAÇÃO. AÇÃO A PRECE DA ROSEIRA BUSCANDO O ALVO CADA HORA CONFIA E SEGUE CONFIEMOS DEFESA DESCANSO EM PAZ ERGUE-TE MOMENTOS DE LUZ ORAÇÃO E LUZ

Leia mais

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.)

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.) 32988 Quarta-feira 22 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Ou tu bro de 2003 Art. 3º O Gru po Parlamentar reger-se-á pelo seu regulamento in ter no ou, na falta deste, pela decisão da ma i o ria absoluta de seus mem

Leia mais

Portanto, sempre existiu aqueles que eram de Deus, e aqueles que não eram de Deus, ou seja, os santos, e os pecadores.

Portanto, sempre existiu aqueles que eram de Deus, e aqueles que não eram de Deus, ou seja, os santos, e os pecadores. Santidade ao Senhor Antigo Testamento Ex 28:36 "Também farás uma lâmina de ouro puro e nela gravarás à maneira de gravuras de selos: Santidade ao Senhor." Novo testamento 1 Pe 1:15 "mas, como é santo aquele

Leia mais