Rio de Janeiro, Subúrbio.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Rio de Janeiro, Subúrbio."

Transcrição

1 Rio de Janeiro, Subúrbio. No subúrbio, a correria era total, caixotes eram revirados, alimentos jogados por todos os lados. Um fugitivo corria da polícia com pressa, assustada estava Helena, que tinha que aguentar o traste do seu ex-namorado todo dia, fugindo da polícia. Helena Não tem jeito mesmo, é todo dia a mesma coisa! O celular começa a tocar e Helena não facilita na hora de atender. Malu (Nervosa) Lhe pago, mais não é pra ficar na rua não, sua lerda! (Suspiro) Se eu chegar em casa e você não estiver lá... Ai mesmo que tu vai ter motivos de ficar na rua. Malu desliga o celular na cara de Helena. Helena (Suspiro) Ai meu Deus! O que eu faço agora? A van do bairro para perto de sua casa e surpresa, toma uma atitude de imediato, para não perder o emprego. Helena corre para não perder a van e quase é atropelada. Helena Perai perai, colega... valeu em! Ela atravessa e entra na van, suspirando frequentemente.

2 Estacionamento Barra da Tijuca O local se encontrava vazio, o que complementava o local, era um longo tapete vermelho, feito a medida para Maria Luísa. Ela desce e logo uma enorme multidão se forma, correndo em direção ao local. Malu Suburbanos e de classes mediarias, como é que vocês adivinharam que eu cheguei? (Sorriso) Um beijo na mão de vocês. Ela caminha pelo tapete vermelho, sorridente, com a mão para o alto acenando a todos. Condomínio Delux Entrada Segurança Nilton prepara o condomínio, para todos receberam bem a Dona Maria Luisa. Nilton Não se preocupa não, está todo mundo sabendo da chegada da maior estrela do eletro-pop.

3 Casa de Rafael Mariléia Posso saber o que o moço, está fazendo? Rafael - Tentando preparar um projeto, que irei levar a Empresa Damasco, mais o trânsito, provavelmente estará horrível hoje com a chegada da tal cantora. Mariléia Mais você não pode perder essa oportunidade, é chance única meu filho, está na hora de alguém subir na vida nessa casa. A sua irmã ela é totalmente diferente de você, ela é uma boa moça, honesta e determinada. Você também deveria ser assim. Rafael Como assim? Você deveria prestar mais atenção na sua filha. Rafael leva o projeto debaixo de seus braços e sobe a escada correndo, entrando no quarto de Anita, violentamente. Anita - (Cantando) Mais não vai pensando... Que eu vou te chamando, não... Rafael (gritando) Você não tem vergonha, não? Nossa mãe dá um duro danado e a senhorita ainda fica dançando funk? Vai estudar! Mariléia O que está acontecendo, aqui? E que som alto é esse? Anita Mãe eu não queria falar, mais o Rafael, botou som alto e ficou dançando funk aqui.

4 Mariléia encara Rafael. Condomínio Delux Helena Seu Nilton, a bruaca já chegou? Nilton Sei não, Helena. Helena sobe a escadaria e entra pelos fundos na Mansão em 3D. Ela troca a sandália, por um tamanco e quando chega na cozinha, dá de cara com a patroa. Malu Tá querendo perder o emprego? Helena começa a andar naturalmente, escondendo o susto, caminhando mais para dentro da cozinha, sorridente. Helena Oh dona Maria Luísa, já chegou? Que bom! Então, fui ali pegar as compras da casa, com o Nilton. A casa tá toda em ordem, a senhora viu? Maria Luísa caminha e a olha fixamente. Malu Lhe pago não é pra ficar de bate-coxa, quando chego em casa, quero ser servida! Merenda pronta, em uma hora, dieta de proteína. Helena faz careta pra patroa e logo a retira, quando vê sua patroa virando e a encarando. Malu E é melhor que esteja boa! Helena Sim senhora. Maria Luísa se retira da cozinha.

5 Helena Mulherzinha azeda dos infernos. Algumas horas depois... Maria Luísa Tô um poço de gostosura, esse vestido me deixa roliça? Marcelo Que nada, você está ótima! Marcelo observa a roupa de Maria Luísa Maria Luísa Que foi? Tá caída? Marcelo Não, mais está com uma marquinha de ferro de passar, tá visível isso! Mais a Helena, realmente... Maria Luísa (Nervosa) Eu não acredito que aquela abestada.. Helena Trouxe o lanche, dona Maria Luísa. Malu encara Helena. Fim do capítulo

6

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje.

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. MENININHA Na escola estão Pedro e Thiago conversando. PEDRO: Cara você viu o jogo ontem? THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. PEDRO: Bah tu perdeu um baita jogo.

Leia mais

Olá Pessoal Eu Sou a Vitoria e Vou Contar Para Vocês Uma História Que Eu Mesma Criei,Espero Que Vocês Gostem Vamos-Lá.

Olá Pessoal Eu Sou a Vitoria e Vou Contar Para Vocês Uma História Que Eu Mesma Criei,Espero Que Vocês Gostem Vamos-Lá. Sozinha Em Casa. Olá Pessoal Eu Sou a Vitoria e Vou Contar Para Vocês Uma História Que Eu Mesma Criei,Espero Que Vocês Gostem Vamos-Lá. 1.SOZINHA EM CASA: Em Uma Pequena Villa Avia Garota Chamada Eduarda

Leia mais

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada.

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. Era Uma Vez A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. A ratinha tinha uma felpa de ferro e pensava

Leia mais

era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada.

era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada. O MENINO E O BÚZIO era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada. se cada ida era uma volta para a chegada, cada chegada já emendava noutra

Leia mais

Certo dia, chegou uma mensagem do rei, informando que sua filha, a princesa, escolheria o futuro esposo entre os jovens do reino.

Certo dia, chegou uma mensagem do rei, informando que sua filha, a princesa, escolheria o futuro esposo entre os jovens do reino. João Bobo U m velho fazendeiro tinha três filhos: dois eram cultos e orgulhosos e o terceiro era simples e humilde. Ele passava horas caminhando pelos campos, brincando com os animais e colhendo frutas

Leia mais

A TURMA DO ZICO EM: GRIPE SUÍNA, TÔ FORA!

A TURMA DO ZICO EM: GRIPE SUÍNA, TÔ FORA! WARLEY DI BRITO A TURMA DO ZICO EM: GRIPE SUÍNA, TÔ FORA! PERSONAGENS: BASTIANA... Mãe FIRMINO... Avô ZICO... Filho CENÁRIO e FIGURINO: Uma casa simples, por ser uma esquete educativa de 8 minutos a peça

Leia mais

O QUE SOBE, DESCE... Por. Marcelo Gomes Soares

O QUE SOBE, DESCE... Por. Marcelo Gomes Soares O QUE SOBE, DESCE... Por Marcelo Gomes Soares Copyright 2009 by Marcelo Gomes Soares Todos os direitos resevados. Tel: (71)3314-4483 (71)8889-5015 marcelogomessoares7@gmail.com O QUE SOBE, DESCE... ROTEIRO

Leia mais

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar...

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... O pequeno Will A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... Então um dia tomei coragem e corri até mamãe e falei: - Mãeee queria tanto um irmãozinho, para brincar comigo!

Leia mais

Maria Luiza Braga (UFRJ)

Maria Luiza Braga (UFRJ) Entrevista Maria Luiza Braga (UFRJ) André Felipe Cunha Vieira Gostaria( de( começar( esta( entrevista( agradecendo( por( você( aceitar( nosso( convite(e(nos(receber(em(sua(casa.(ler(seu(currículo(lattes(é(um(exercício(de(

Leia mais

A LOIRA DO CEMITÉRIO. Por JULIANO FIGUEIREDO DA SILVA

A LOIRA DO CEMITÉRIO. Por JULIANO FIGUEIREDO DA SILVA A DO CEMITÉRIO Por JULIANO FIGUEIREDO DA SILVA TODOS OS DIREITOS RESERVADOS RUA: ALAMEDA PEDRO II N 718 VENDA DA CRUZ SÃO GONÇALO E-MAIL: jfigueiredo759@gmail.com TEL: (21)92303033 EXT.PRAÇA.DIA Praça

Leia mais

Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs!

Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs! Era só um sonho. Imagine com Munhoz e Mariano. Feito por uma fã muito apaixonada, que estava afim de compartilhar com as outras fãs! Já estava com muita saudades! No dia em que poderia ir em um show, aconteceu

Leia mais

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 1 Altos da Serra Novela de Fernando de Oliveira Escrita por Fernando de Oliveira Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 03 2 CENA 01. CAPELA / CASAMENTO. INTERIOR.

Leia mais

PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS

PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS FERNANDO CAETANO TAVOLARO - RA00147628 TRABALHO DE LINGUAGEM AUDIOVISUAL E GAMES STORYBOARD SÃO PAULO 2014 INTRODUÇÃO DA HISTÓRIA

Leia mais

Todo mundo vai à festa da Giovanna. MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso?

Todo mundo vai à festa da Giovanna. MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso? Todo mundo vai à festa da Giovanna MADE Oi, tudo bem gente? Eu sou a Made, a mãe da Nana e da Nina, e queria contar um história também? Eu posso? SEU LOCUTOR É claro, Dona Made! Que bom! A senhora é muito

Leia mais

Bibi e o Triciclo Fantasma!

Bibi e o Triciclo Fantasma! Bibi e o Triciclo Fantasma! NINA Vamos contar uma história de fantasma, Nana? NANA Ah, Marina, história de fantasma eu não sei nenhuma... NINA Pense, Nana, pense uma! NANA- Ah, sei lá... Não gosto muito

Leia mais

O ASCENSORISTA Afonso Nilson

O ASCENSORISTA Afonso Nilson O ASCENSORISTA Afonso Nilson Primeira encenação no XIII Festival Internacional de Teatro Universitário de Teatro de Blumenau, pelo grupo Entretantos (Brusque/SC), com direção de Luciano Mafra, Julho 1999.

Leia mais

Suspeitas. por. Ton Freitas

Suspeitas. por. Ton Freitas Suspeitas por Ton Freitas Registo F.B.N.: 661025 Contato: ton.freitas@hotmail.com INT. CAPELA - DIA Está ocorrendo um velório. No caixão ao centro está MARIA LUIZA, bonita, jovem. Em volta estão sentadas

Leia mais

QUATRO CARAS NUMA NOITE QUALQUER. Um roteiro. Thiago de Assumpção

QUATRO CARAS NUMA NOITE QUALQUER. Um roteiro. Thiago de Assumpção QUATRO CARAS NUMA NOITE QUALQUER Um roteiro De Thiago de Assumpção 2 Quatro caras numa noite qualquer FADE IN: CENA 1 INT. CLUBE DA SINUCA NOITE. A câmera mostra a porta do clube de sinuca vista por dentro,

Leia mais

Microssérie de Cleiton Cardoso. Escrita por. Cleiton Cardoso. Direção *** Direção Geral *** Núcleo *** Personagens deste capítulo

Microssérie de Cleiton Cardoso. Escrita por. Cleiton Cardoso. Direção *** Direção Geral *** Núcleo *** Personagens deste capítulo Microssérie de Cleiton Cardoso Escrita por Cleiton Cardoso Direção *** Direção Geral *** Núcleo *** Personagens deste capítulo Olga Marisa Jonas Rafael Emiliano Saulo Andreia Sandra Participação especial

Leia mais

Não saia de seu Caminho! Sinopse: Uma Menina, indo atrasada da casa da avó para a escola. No caminho seu ônibus quebra e ela tem que tomar um caminho

Não saia de seu Caminho! Sinopse: Uma Menina, indo atrasada da casa da avó para a escola. No caminho seu ônibus quebra e ela tem que tomar um caminho Não saia de seu Caminho! Sinopse: Uma Menina, indo atrasada da casa da avó para a escola. No caminho seu ônibus quebra e ela tem que tomar um caminho alternativo, onde encontra com um sujeito estranho.

Leia mais

MADAME SILMARA- um, dois, três, quarto, cinco, seis, sete, oito, nove dez JOANA-Não precisa mais tirar as cartas.

MADAME SILMARA- um, dois, três, quarto, cinco, seis, sete, oito, nove dez JOANA-Não precisa mais tirar as cartas. DIÁLOGOS: 00.01.32 MADAME SILMARA- um, dois, três, quarto, cinco, seis, sete, oito, nove dez. 00.02.02 JOANA-Não precisa mais tirar as cartas. 00.02.03 MADAME SILMARA - Não? 00.02.04 JOANA -Não. A senhora

Leia mais

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô.

Eu queria desejar a você toda a felicidade do mundo e Obrigado, vô. Parabéns para o Dan Tocou o telefone lá em casa. Meu pai atendeu na sala. Alô. Meu avô, pai do meu pai, do outro lado da linha, fez voz de quem não gostou da surpresa. Eu liguei pra dar parabéns ao Dan.

Leia mais

Então você. vai ser PAI

Então você. vai ser PAI Então você vai ser PAI Então você e sua companheira estão grávidos. Você sabe que precisa comprar uma casa maior. Tem que ter mais espaço pra criança. Tem que ter mais um quarto no apartamento. Tem que

Leia mais

O VELÓRIO DA DONA JUSTINA

O VELÓRIO DA DONA JUSTINA O VELÓRIO DA DONA JUSTINA (MINI COMÉDIA) Autor: Ivan Ferretti Machado Sinopse: O texto tenta mostrar a intensidade e ao mesmo tempo o poder mutativo que envolve as palavras, através dos diálogos, onde

Leia mais

PORTA ABERTA. Por RODRIGO MESSIAS CORDEIRO. Baseado no Conto Porta Aberta de RODRIGO MESSIAS CORDEIRO

PORTA ABERTA. Por RODRIGO MESSIAS CORDEIRO. Baseado no Conto Porta Aberta de RODRIGO MESSIAS CORDEIRO PORTA ABERTA Por RODRIGO MESSIAS CORDEIRO Baseado no Conto Porta Aberta de RODRIGO MESSIAS CORDEIRO 1 - INT. NOITE HALL DE ENTRADA André, trinta e poucos anos, alto, usa óculos, segura em uma das mãos

Leia mais

MONÓLOGO MAIS UMA PÁGINA. Por Ana Luísa Ricardo Orlândia, SP 2012

MONÓLOGO MAIS UMA PÁGINA. Por Ana Luísa Ricardo Orlândia, SP 2012 MONÓLOGO MAIS UMA PÁGINA Por Ana Luísa Ricardo Orlândia, SP 2012 FUNDO PRETO CHEIO DE ESTRELAS. UM BANQUINHO UM VIOLÃO ÚNICO PERSONAGEM QUE SERÁ TRATADO COMO O CANTOR E ESTARÁ VESTIDO COMO CANTOR DE BARZINHO.

Leia mais

o casamento do fazendeiro

o casamento do fazendeiro o casamento do fazendeiro ERA uma fez um fazendeiro que ele sempre dia mania de ir na cidade compra coisas mais ele tinha mania de ir sempre de manha cedo um dia ele acordou se arrumou e foi pra cidade,

Leia mais

Mestre Painho de Oxalá

Mestre Painho de Oxalá Mestre Painho de Oxalá e o sumiço do macaco de Jeremias Texto: Frank Ferraz A Cena se passa em uma casa aonde Mestre Painho de Oxalá Atende.)(Um birô, aonde estará a sua secretaria, um banco ou cadeiras

Leia mais

NADA É POR ACASO. um roteiro. Fábio da Silva. 02/09/2008 até 22/09/2008

NADA É POR ACASO. um roteiro. Fábio da Silva. 02/09/2008 até 22/09/2008 NADA É POR ACASO um roteiro de Fábio da Silva 02/09/2008 até 22/09/2008 Copyright 2008 by Fábio da Silva Todos os direitos reservados silver_mota@yahoo.com.br 2. NADA É POR ACASO FADE IN: INT. APARTAMENTO

Leia mais

Introdução. Homens buscam uma mulher que tenha algo a lhes a acrescentar, que traga valor pra vida dele. Nada diferente do que

Introdução. Homens buscam uma mulher que tenha algo a lhes a acrescentar, que traga valor pra vida dele. Nada diferente do que 0 Introdução Sim. Existem muitas mulheres disponíveis, mulheres inclusive mais jovens que você e com aquele brilho natural dos 20 e poucos anos de idade. Mas isso não precisa ser um problema para você.

Leia mais

1º DE ABRIL UM ROTEIRO DE ANE KELLY PEREIRA, JOYCE DE OLIVEIRA, LUANA MOREIRA E KELEN CRISTINA ARAÚJO.

1º DE ABRIL UM ROTEIRO DE ANE KELLY PEREIRA, JOYCE DE OLIVEIRA, LUANA MOREIRA E KELEN CRISTINA ARAÚJO. 1º DE ABRIL UM ROTEIRO DE ANE KELLY PEREIRA, JOYCE DE OLIVEIRA, LUANA MOREIRA E KELEN CRISTINA ARAÚJO. CENA 1/CASA DA /NOITE Dizia a lenda que em todo dia 1 de abril aparecia um espírito do mal que aterrorizava

Leia mais

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes

Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes O ATAQUE NA PISCINA Bárbara uma mulher de 25 anos, queria atrasar o livro de uma escritora famosa chamada Natália, Bárbara queria contar uns segredos bombásticos antes de Natália, Bárbara não queria que

Leia mais

Lago Nebuloso. Por. José Nilton Palma

Lago Nebuloso. Por. José Nilton Palma Lago Nebuloso Por José Nilton Palma José Nilton Palma nitlonribeiro@hotmail.com INT. CASA - SALA - DIA, 22 anos, estatura mediana, cabelos negros, olha fixamente para..., 18 anos, estatura mediana, cabelos

Leia mais

Àhistória de uma garota

Àhistória de uma garota Àhistória de uma garota Gabriele é uma menina cheio de sonhos ela morava com sua mãe Maria seu pai Miguel Gabriele sofre muito ela tem apena 13 anos e já sofre Deus de quando ela era pequena a história

Leia mais

Sísifo. Por. Lisandro Gaertner

Sísifo. Por. Lisandro Gaertner Sísifo Por Lisandro Gaertner Creative Commons lgaertner@gmail.com Atribuição-Uso lisandrogaertner.net Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License INT. SAGUÃO - DIA (SEQUÊNCIA DE SONHO) CHEFE,

Leia mais

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 09 1 Altos da Serra Novela de Fernando de Oliveira Escrita por Fernando de Oliveira Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 09 2 CENA 01. DELEGACIA INT. / NOITE Sargento

Leia mais

ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14. R - não. Porque eu to deficiente. Eu trabalho m casa. Amputei a perna.

ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14. R - não. Porque eu to deficiente. Eu trabalho m casa. Amputei a perna. ENTREVISTA USF CARUARU USUARIA DIABETES 14/07/14 P - por favor, me diga sua idade. R - 56. Vou fazer para o mês. P - a senhora estudou? R - estudei até a 3ª série. P - 3ª série. A senhora tem alguma ocupação,

Leia mais

05 Quando a gente se aposenta Fica um pouco a imaginar Eu vou deixar esse porto Sem ter outro pra aportar Mesmo quando nossa âncora Já tem onde se

05 Quando a gente se aposenta Fica um pouco a imaginar Eu vou deixar esse porto Sem ter outro pra aportar Mesmo quando nossa âncora Já tem onde se 01 Desde que a gente nasce E começa a respirar A vida já vai mostrando Que teremos que lutar E a gente é obrigado A começar a chorar 02 Quando se olha ao redor E vê a vida passando A gente vai crescendo

Leia mais

Ramon. Cecília. Rodrigo. Isabel. Olivia. Rafael

Ramon. Cecília. Rodrigo. Isabel. Olivia. Rafael De Débora Costa PERSONAGENS: Carolina Oliveira Família Montenegro: Abner Julio Família Bueno: Caetano Karen Murilo Aline Angélica Gouveia Bueno Rosangela Palhares Bueno (Filhas de Karen e Laerte) Otávio

Leia mais

Marcio Amandus Atletas de Ouro

Marcio Amandus Atletas de Ouro Marcio Amandus Atletas de Ouro UMA CONTRIBUIÇÃO GRATUITA DO PROGRAMA ATLETAS DE OURO 2 De Coração, Para Todos Os Atletas Em especial, para o Mateus, Iohann e Henrique. Para todos os atletas que um dia

Leia mais

EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan

EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan (Entra um jovem em cena e se depara com um cartaz da campanha da fraternidade (2015). O jovem lê o lema em voz alta): JOVEM: (Lendo) Eu vim para servir! JOVEM:

Leia mais

Os Quatro Pilares de um Casamento Feliz. por. Lisandro Gaertner

Os Quatro Pilares de um Casamento Feliz. por. Lisandro Gaertner Os Quatro Pilares de um Casamento Feliz por Lisandro Gaertner Creative Commons lgaertner@gmail.com Atribuição-Uso lisandrogaertner.net Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License INT. NOITE

Leia mais

Texto 1 Meia Palavra Não Basta

Texto 1 Meia Palavra Não Basta PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 3 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 Meia Palavra Não Basta

Leia mais

ANEXO III IMAGENS DO 1º BLOCO DO PROGRAMA DE FRENTE COM GABI & WANESSA

ANEXO III IMAGENS DO 1º BLOCO DO PROGRAMA DE FRENTE COM GABI & WANESSA 176 ANEXO III IMAGENS DO 1º BLOCO DO PROGRAMA DE FRENTE COM GABI & WANESSA Imagens 01 a 04 do 1º Bloco: Em Plano Próximo (PP), após a veiculação da vinheta, de 00:00.25s aos 00:00.48s (tempo aproximado),

Leia mais

Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA - 2 ano 2 A e B 2 C e D Semana de 19 a 23 de outubro de 2015 quinta-feira terça-feira.

Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA - 2 ano 2 A e B 2 C e D Semana de 19 a 23 de outubro de 2015 quinta-feira terça-feira. Segunda-feira Curitiba, 19 de outubro de 2015. Leia o texto. COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA - 2 ano 2 A e B 2 C e D Semana de 19 a 23 de outubro de 2015 quinta-feira

Leia mais

Pontuação e entonação

Pontuação e entonação Sequência didática para a sala de aula 6 PORTUGUÊS Unidade 1 Brinquedos (páginas 32 a 34) 1 Objetivo: empregar adequadamente os sinais de pontuação. Aula 1: entonação e efeito de sentido dos sinais de

Leia mais

O Mistério da bolsa Grande

O Mistério da bolsa Grande O Mistério da bolsa Grande Gisela está indo para casa no Rio de Janeiro, após um mês de férias em Londres. Ela vive em um apartamento no Rio com dois amigos. Ela deixa seu avião às cinco horas. É uma hora

Leia mais

vetsaber.com.br https://www.youtube.com/watch?v=zpglr6dwgwi&feature=youtu.be 1/5

vetsaber.com.br https://www.youtube.com/watch?v=zpglr6dwgwi&feature=youtu.be 1/5 0:05 Então, vamos falar sobre uma das 0:10 coisas que você pode fazer no exame 0:14 neurológico que é bastante simples e dá 0:17 bastante informações: é só o beliscar 0:20 a pata do animal. Então, o que

Leia mais

Olhares. Rosângela Trajano. 2 - Por que não permitimos que os outros se aproximem de nós? 4 O que são as coisas mais simples do mundo para você?

Olhares. Rosângela Trajano. 2 - Por que não permitimos que os outros se aproximem de nós? 4 O que são as coisas mais simples do mundo para você? Olhares Ando pelas ruas e a multidão quase esbarra em mim. Tenho certeza que se me deitasse no chão seria pisoteada. As pessoas não olham mais para o chão, aliás as pessoas não olham mais nem para si mesmas.

Leia mais

"ESPELHO, ESPELHO MEU" Roteiro de. Deborah Zaniolli

ESPELHO, ESPELHO MEU Roteiro de. Deborah Zaniolli "ESPELHO, ESPELHO MEU" Roteiro de Deborah Zaniolli Copyright 2016 by Deborah Zaniolli Deborah Zaniolli Todos os direitos reservados contato@deborahzaniolli.com BN: 710355 Roteiro 2011 Piedade- SP 1. "ESPELHO,

Leia mais

Com Amor João Câmara e Nilde Câmara

Com Amor João Câmara e Nilde Câmara Com mor INTROD: D /D C#m F#m m ( m 7 ) D /D C#m F#m m C#m D D /D Com amor Deus criou C#m F#m O céu e o mar m Criou também as estrelas O sol e o ar D /D C#m F#m este amor predomina C#m F#m m todo o meu

Leia mais

Nº 36 C Domingo XXXI do Tempo Comum

Nº 36 C Domingo XXXI do Tempo Comum Nº 36 C Domingo XXXI do Tempo Comum-3.11.13 Como Zaqueu, quero acolher-te e mudar, Senhor Escuta-me, Senhor. Como Zaqueu, quero procurar-te, nem que seja preciso deixar coisas que me enchem a casa e a

Leia mais

FOI ESCRITO NAS ESTRELAS

FOI ESCRITO NAS ESTRELAS 1 FOI ESCRITO NAS ESTRELAS UM O homem corria procurando lugar pra se esconder. Os cães e os homens vasculhavam cada canto. Das janelas moças, senhoras, crianças e jovens queriam saber o que estava acontecendo.

Leia mais

10 segredos para falar inglês

10 segredos para falar inglês 10 segredos para falar inglês ÍNDICE PREFÁCIO 1. APENAS COMECE 2. ESQUEÇA O TEMPO 3. UM POUCO TODO DIA 4. NÃO PRECISA AMAR 5. NÃO EXISTE MÁGICA 6. TODO MUNDO COMEÇA DO ZERO 7. VIVA A LÍNGUA 8. NÃO TRADUZA

Leia mais

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo.

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. 1. É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. O arco-íris pode parecer muito estranho se você não

Leia mais

Jesus tinha entrado em Jericó e estava atravessando a cidade. Havia aí um homem chamado Zaqueu: era chefe dos cobradores de impostos e muito rico.

Jesus tinha entrado em Jericó e estava atravessando a cidade. Havia aí um homem chamado Zaqueu: era chefe dos cobradores de impostos e muito rico. Lc 19, 1-10 Jesus tinha entrado em Jericó e estava atravessando a cidade. Havia aí um homem chamado Zaqueu: era chefe dos cobradores de impostos e muito rico. Zaqueu desejava ver quem era Jesus, mas não

Leia mais

Do tamanho de mim (Bento, 3 anos)

Do tamanho de mim (Bento, 3 anos) Do tamanho de mim (Bento, 3 anos) Erguer torres, construir castelos ou ainda inventar algo novo a partir de cilindros expostos sem uma proposta conduzida exige que as crianças exercitem habilidades bastante

Leia mais

Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho.

Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho. Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho. Viu um Coelho Branco, que corria e repetia sem arar: - Vou chegar tarde,

Leia mais

Tânia Abrão. Coração de Mãe. Coração De Mãe

Tânia Abrão. Coração de Mãe. Coração De Mãe Coração de Mãe Coração De Mãe Página 1 Coração De Mãe 1º Edição Agosto de 2013 Página 2 Coração De Mãe 1º Edição È proibida à reprodução total ou parcial desta obra, por Qualquer meio e para qualquer fim

Leia mais

(18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA?

(18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA? (18/04/2008) (EU): OIE BB (VC): OIIIIIIIIIIIIIII (EU): TUDO CERTO (VC): TUDO CERTIN.. (EU): CONSEGUINDO LEVAR A VIDA REAL A SERIO AGORA? (VC): HUAHSUASHUAHSUAHSUA SEI LÁ (EU): ENTENDO TUDO NO REAL TA DESABANDO

Leia mais

História Para as Crianças. A menina que caçoou

História Para as Crianças. A menina que caçoou História Para as Crianças A menina que caçoou Bom dia crianças, feliz sábado! Uma vez, do outro lado do mundo, em um lugar chamado Austrália vivia uma menina. Ela não era tão alta como algumas meninas

Leia mais

*PRECCI* Programa de Evangelização e Catequese Católico InfantoJuvenil TiaJane. Roteiro

*PRECCI* Programa de Evangelização e Catequese Católico InfantoJuvenil TiaJane. Roteiro Personagens: J- TIA JANE B- Anjo BENTINHO P- PEDRINHO C- CLARINHA Be- Bebel Roteiro J- É ano novo lalaia, é ano novo lalaia! Vou deixar tudo bonito pra esperar o menino Jesus que vai nascer!!! (cantando

Leia mais

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário epílogo O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário do rebuliço que batia em seu peito. Quase um ano havia se passado. O verão começava novamente hoje, ao pôr do sol, mas Line sabia que,

Leia mais

O PODER DO VERMELHO. Alessandra Ribeiro Diretora F. Executiva de Vendas Independente

O PODER DO VERMELHO. Alessandra Ribeiro Diretora F. Executiva de Vendas Independente O PODER DO VERMELHO Alessandra Ribeiro Diretora F. Executiva de Vendas Independente CHEGOU A HORA DE VOCÊ SE PROMOVER EM SUA EMPRESA!!! VAMOS DAR O PASSO MAIS IMPORTANTE EM SUA CARREIRA MARY KAY? ESSA

Leia mais

ainda não Luciano Cabral prostituta, vinte e cinco anos cliente, sessenta anos

ainda não Luciano Cabral prostituta, vinte e cinco anos cliente, sessenta anos ainda não Luciano Cabral personagens, vinte e cinco anos, sessenta anos (o apartamento é pequeno, com apenas dois cômodos: banheiro e quarto. O banheiro fica em frente à porta de entrada. No quarto, logo

Leia mais

Lista de Diálogo - Cine Camelô

Lista de Diálogo - Cine Camelô Lista de Diálogo - Cine Camelô Oi amor... tudo bem? Você falou que vinha. É, eu tô aqui esperando. Ah tá, mas você vai vir? Então tá bom vou esperar aqui. Tá bom? Que surpresa boa. Oh mano. Aguá! Bolha!

Leia mais

Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este

Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este Vivo num sonho que não é realidade Faz parte do meu viver Crescer sonhando esquecendo os planos Sou eu quem vivo esta é minha vida Prazer este EU Hoje deixei pra lá me esqueci de tudo Vivo minha vida sobre

Leia mais

UNIFORMES E ASPIRINAS

UNIFORMES E ASPIRINAS SER OU NÃO SER Sujeito desconfiava que estava sendo traído, mas não queria acreditar que pudesse ser verdade. Contratou um detetive para seguir a esposa suspeita. Dias depois, se encontrou com o profissional

Leia mais

Ah, o carrinho fica sempre próximo a porta, do lado de fora do quarto! Pra começar, você deve usar adequadamente os EPI*. Pra retirar o lixo, calce as luvas de borracha. Retire os sacos dos cestos, feche

Leia mais

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando

Tais (risos nervosos) Tem muita gente ne? (Se assusta com alguém que esbarra na corda) as pessoas ficam todas se esbarrando Não me leve a mal Começa a cena no meio de um bloco. Ao redor há confetes, purpurinas e latas de bebida para todo o lado. A música está alta. No centro há um grupo de foliões delimitados por uma corda

Leia mais

A namorada vaidosa. Personagens: Clarisse, Teresa e Julinho

A namorada vaidosa. Personagens: Clarisse, Teresa e Julinho A namorada vaidosa Personagens: Clarisse, Teresa e Julinho Quando a peça se inicia, Julinho está deitado no sofá, totalmente coberto e imóvel. Entram Clarisse e Teresa. Estou furiosa, Teresa! Fu-ri-o-sa!

Leia mais

Como se Fosse Ontem. Augusto Ferreira. Todos direitos reservados a Augusto Ferreira

Como se Fosse Ontem. Augusto Ferreira. Todos direitos reservados a Augusto Ferreira Como se Fosse Ontem De Augusto Ferreira Todos direitos reservados a Augusto Ferreira Email: augusto.g.ferreira@live.com 1. CB. PG do céu escuro, alguém disca números em um celular, o celular chama e cai

Leia mais

Tenho um espelho mágico no porão e vou usá-lo.

Tenho um espelho mágico no porão e vou usá-lo. Capítulo um Meu espelho mágico deve estar quebrado Tenho um espelho mágico no porão e vou usá-lo. Jonah está com as mãos paradas em frente ao espelho. Está pronta? Ah, sim! Com certeza estou pronta. Faz

Leia mais

Como fazer um Planejamento Financeiro Pessoal. Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série

Como fazer um Planejamento Financeiro Pessoal. Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série O que é: O planejamento financeiro pessoal é uma ferramenta de gestão aplicada aos seus recebimentos e gastos. Como o próprio

Leia mais

Grafia atualizada segundo o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009.

Grafia atualizada segundo o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009. Copyright 2010 by Caeto Grafia atualizada segundo o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009. Capa Elisa v. Randow Preparação Alexandre Boide Revisão Luciane

Leia mais

*CRIE UMA CAPA PARA O LIVRO

*CRIE UMA CAPA PARA O LIVRO *CRIE UMA CAPA PARA O LIVRO LL PRODUÇÕES O fantástico mundo de L.L A visita a um misterioso mundo 2 Luan Patrick Nascimento da Costa, paraense, nascido em 21/01/2012 em Belém Pará. 3 A visita a um misterioso

Leia mais

DAVI E O MENDIGO ELIANE GANEM TEATRO INFANTO-JUVENIL

DAVI E O MENDIGO ELIANE GANEM TEATRO INFANTO-JUVENIL DAVI E O MENDIGO ELIANE GANEM TEATRO INFANTO-JUVENIL 1 APRESENTAÇÃO Davi e o Mendigo é uma peça inédita, que fala sobre o cotidiano da vida de crianças de classe média, que vivem hoje confinados nos condomínios

Leia mais

A História dos Três Porquinhos

A História dos Três Porquinhos SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: 0 / / 03 UNIDADE: III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

O PREÇO DO ALVORECER

O PREÇO DO ALVORECER O PREÇO DO ALVORECER Um amor inesquecível Sabe essas manhãs, quando você não tem nada para fazer e resolver sair sem rumo? Então, uma manhã dessas resolvi sair e fui até uma praça próximo da minha casa,

Leia mais

SEMANA DO ESPANHOL DE VERDADE MATERIAL DE APOIO AULA 2

SEMANA DO ESPANHOL DE VERDADE MATERIAL DE APOIO AULA 2 SEMANA DO ESPANHOL DE VERDADE MATERIAL DE APOIO AULA 2 O que você vai encontrar neste material? Hola! Neste material complementar da Aula 2 da Semana do Espanhol de Verdade eu vou te mostrar : Revisão

Leia mais

Produção de texto. Observe a imagem e produza um texto narrativo, com no mínimo 10 linhas, a partir do título proposto

Produção de texto. Observe a imagem e produza um texto narrativo, com no mínimo 10 linhas, a partir do título proposto E. E. Ernesto Solon Borges Disciplina: Língua Portuguesa Profª. Regente: Vania Progetec: Cristina Ano: 8º Ano A Alunos: Dayane Sales e Emily Cristina Data: 12/11/2014 Produção de texto Se eu tivesse um

Leia mais

Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? Lá no pátio...

Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? Lá no pátio... Na escola do Carlinhos, na hora do recreio, aconteceu algo muito interessante! Vamos ver o que houve? TRIIIIIMMMMM!!!! Eba! Recreio!! Vamos descer lá no pátio, Carlinhos? Vamos, sim, Bruno! Você depois

Leia mais

"A HORA DO SIM" Roteiro de. Deborah Zaniolli

A HORA DO SIM Roteiro de. Deborah Zaniolli "A HORA DO SIM" Roteiro de Deborah Zaniolli Copyright 2016 by Deborah Zaniolli Deborah Zaniolli Todos os direitos reservados contato@deborahzaniolli.com BN: 704.709 Roteiro 2011 Piedade- SP 1. "A HORA

Leia mais

AURORA O CANTONOVELA Luiz Tatit

AURORA O CANTONOVELA Luiz Tatit AURORA O CANTONOVELA Luiz Tatit A) Marcando compasso Oi, estou aqui outra vez Esperando por ela, esperando Você lembra como ela era antes? Você marcava algum encontro A qualquer hora Lá estava ela: Aurora!

Leia mais

Quando Acontece... A Intriga

Quando Acontece... A Intriga A Intriga A Intriga Marcia Pimentel 2 Marcia Pimentel Quando Acontece... A Intriga Marcia Pimentel 3 A Intriga Marcia Pimentel 4 Copyright 2010 By Marcia Pimentel Título: Quando Acontece... A Intriga Todos

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO 2010 Texto I A lebre e a tartaruga Era

Leia mais

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno.

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno. Meu lugar,minha história. Cena 01- Exterior- Na rua /Dia Eduardo desce do ônibus com sua mala. Vai em direção a Rose que está parada. Olá, meu nome é Rose sou a guia o ajudara no seu projeto de história.

Leia mais

Ao Teu Lado (Marcelo Daimom)

Ao Teu Lado (Marcelo Daimom) Ao Teu Lado INTRO: A9 A9 Quero estar ao Teu lado, não me importa a distância Me perdoa a insegurança, tenho muito a aprender E/G# E7 ( F# G#) A9 Mas em meus poucos passos, já avisto a esperança E/G# Também

Leia mais

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo.

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. 1º CASO À = ao / Às = aos Avaliação teórica 01 Na 1ª frase, coloque ao (s), a (s), o (s) Na 2ª frase, coloque a, as, com ou sem acento. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. Sou

Leia mais

SEM DESTINO. (Contos) Clóvis Oliveira Cardoso

SEM DESTINO. (Contos) Clóvis Oliveira Cardoso Índice 01 Índice; 02 SEM DESTINO (Contos) 03 Agradecimentos; 04 SENHOR... 05 Sigmund Freud; 06 Para Tânia; 07 DEUS sobre todas as coisas; 08 Beberam do próprio veneno; 12 A falta de experiência; 16 Um

Leia mais

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília:

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Gabriele Fernanda Cordeiro Barbosa Um amor inacabado Você sente algo por ela sim. Vai falar com ela! Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Vamos, Ceci, vai lá falar

Leia mais

PECADO ORIGINAL Capítulo 17 PECADO ORIGINAL. Novela de. Rômulo Guilherme. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME

PECADO ORIGINAL Capítulo 17 PECADO ORIGINAL. Novela de. Rômulo Guilherme. Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME PECADO ORIGINAL Novela de Rômulo Guilherme Criada e escrita por RÔMULO GUILHERME Cena 01/Prefeitura/Gabinete prefeito/int/dia Rufino e Jofre continuam conversando. Rufino - Isso foi uma ameaça? Jofre -

Leia mais

Que estúpido, meu Deus! Que estúpido! Como pude não notar durante tanto tempo?! Quase dois anos e eu, sem a menor, a mínima desconfiança.

Que estúpido, meu Deus! Que estúpido! Como pude não notar durante tanto tempo?! Quase dois anos e eu, sem a menor, a mínima desconfiança. 1 Que estúpido, meu Deus! Que estúpido! Como pude não notar durante tanto tempo?! Quase dois anos e eu, sem a menor, a mínima desconfiança. Desconfiar Do que eu ia desconfiar?! Não. De nada nem de ninguém.

Leia mais

REAL FICÇÃO. Um Roteiro. Ale Silva

REAL FICÇÃO. Um Roteiro. Ale Silva 1 REAL FICÇÃO Um Roteiro De Ale Silva Copyright 2007 by Ale Silva Todos os direitos reservados 2 REAL FICÇÃO FADE IN: 1. EXT. CALÇADA DIA, uma senhora de sessenta anos está varrendo a calçada de sua casa.

Leia mais

apresenta A u t o r : J o s é R o b e r t o T o r e r o Livro para colorir

apresenta A u t o r : J o s é R o b e r t o T o r e r o Livro para colorir apresenta A u t o r : J o s é R o b e r t o T o r e r o Livro para colorir A u t o r : J o s é R o b e r t o T o r e r o Livro para colorir I Numa pequenina cidade no interior do Brasil, um pai e seu

Leia mais

LEITURA ORIENTADA NA SALA DE AULA

LEITURA ORIENTADA NA SALA DE AULA LEITURA ORIENTADA NA SALA DE AULA UMA AVENTURA NA CIDADE COLEÇÃO UMA AVENTURA ATIVIDADES PROPOSTAS Leitura integral na sala de aula, por capítulos, um ou dois por aula Compreensão da narrativa Distinção

Leia mais

AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A

AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A APRESENTAÇÃO AO LONGO DESTE SEMESTRE AS CRIANÇAS DO 1º ANO REALIZARAM EM DUPLA UM TRABALHO DE PRODUÇÃO

Leia mais

Os Perigos da Floresta

Os Perigos da Floresta Rubens de Almeida Oliveira Os Perigos da Floresta Editora BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens RUBENS DE ALMEIDA OLIVEIRA Os Perigos da Floresta RECIFE -PE JAN/2007 Coordenação

Leia mais

CRIE SEU CANTOR VIRTUAL

CRIE SEU CANTOR VIRTUAL CRIE SEU CANTOR VIRTUAL CRIE SEU CANTOR VIRTUAL Já pensou que ótimo seria se você pudesse ter um VOCALOID só seu para cantar junto com seu favorito? É possível você ter um cantor virtual com a sua voz

Leia mais

A ÚLTIMA BELEZA. O JOVEM TURISTA Amor. Vou levar... É tão lindo. Parece vivo. Olhe. A JOVEM TURISTA Será que ele sairá do quadro e voará até nós?

A ÚLTIMA BELEZA. O JOVEM TURISTA Amor. Vou levar... É tão lindo. Parece vivo. Olhe. A JOVEM TURISTA Será que ele sairá do quadro e voará até nós? Roteiro A ÚLTIMA BELEZA FADE IN EXT. PRAÇA DO BAIRRO - DIA Miguel, 40 anos, estatura mediana, negro, cabelos crespos. Está sentado entre um quadro grande de um beija-flor e uma dezena de quadros de demais

Leia mais