agosto/setembro 2012 Ano ix nº anos de concurso público Equipamento inédito na América Latina Mochilão pela Europa

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "agosto/setembro 2012 Ano ix nº 91 50 anos de concurso público Equipamento inédito na América Latina Mochilão pela Europa"

Transcrição

1 agosto/setembro 2012 Ano ix nº 91 Informativo mensal para os EMPREGADOS da cemig 50 anos de Três Marias concurso público Equipamento inédito na América Latina Mochilão pela Europa

2 04 POnto a ponto Concurso Público 06 especial Três Marias 09 boas ideias Equipamento inédito 12 Memória Acampamento 800 novos empregados Usina comemora 50 anos Cesta aérea isolada Empregados relembram convivência 03 da redação Cemig Melhor Amiga do Esporte 08 Meu trabalho Reconhecimento internacional 05 gente nossa Trabalho voluntário 11 turismo Mochilão pela Europa E X P E D I E N T E Informativo mensal para os empregados da Cemig Redação: Ilustração: Editado pela Superintendência de Comunicação Empresarial (CE) Correspondência interna: SA/19/ A2 Fone: (31) Editor Responsável: João Batista Pereira - Reg. No 6159 MTE Coordenação de edição: Terezinha Crespo de Rezende, João Batista Pereira, Paulo Tarso Rezende Tobias, Adelle Soares, Isabela Souza e Roosevelt Rodrigo Adelle Soares, Cristianna Sant Anna, Isabela Souza, Juliana Pizarro e Renata Ellera Estagiários: Jéssica Pires e Rafaella Barboza Apoio: Comitê de Comunicação da Cemig e Equipe Comunicação e Imagem da RC Fotos: Eugênio Paccelli, Gláucia Rodrigues, Ronaldo Guimarães e colaboradores Henry Bernardo, Rafael Marques e Weisvisthértini Barbosa Diagramação: Interface Comunicação Empresarial Impressão: Gráfica 101 Tiragem: 10 mil exemplares Filiado à:

3 Da Redação 50 anos de história EDITORIA Melhor Amiga do Esporte Em reconhecimento ao incentivo às atividades esportivas de Minas Gerais, a Cemig conquistou o primeiro lugar do Prêmio Empresário Amigo do Esporte, na categoria Melhor Amiga do Esporte Estadual, por ter investido R$ 3,4 milhões em projetos esportivos em A premiação é desenvolvida pelo Ministério do Esporte e tem como objetivo homenagear empresas e pessoas físicas que apoiam, na forma de patrocínio ou doação, projetos desportivos e paradesportivos por meio da Lei de Incentivo ao Esporte. Cemig fecha contrato com a Samarco Minerações No dia 1º de agosto, a Cemig assinou contrato de fornecimento de energia elétrica para as unidades industriais da Samarco Minerações, localizadas em Minas Gerais e Espírito Santo. Com o acordo firmado, serão fornecidos no período de 2014 até 2022, montantes de energia que atingirão 409 MW médios. Para o presidente da Cemig, Djalma Morais, a assinatura desse contrato é a confirmação de uma parceria estabelecida de longa data e demonstra a relação de respeito e confiança entre as duas empresas. Empresa transparente No dia 20 de setembro, ocorreu a cerimônia de entrega do Troféu Transparência 2012, concedido pela Anefac-Fipecafi- Serasa Experian. A Cemig foi listada, mais uma vez, entre as corporações de capital aberto com faturamento acima de R$ 5 milhões. Segundo Mario Lúcio Braga, gerente de Contabilidade (CR/CB), o prêmio significa que estamos conseguindo atender o objetivo de disponibilizar as demonstrações de uma forma bem clara e que os usuários tenham todas as informações necessárias para a tomada de decisão. Sinônimo de desenvolvimento para o Brasil e, principalmente para Minas Gerais, entrava em operação, há 50 anos, o primeiro grande empreendimento hidrelétrico do País: a Usina de Três Marias. Com finalidades múltiplas, como produção de energia elétrica, controle de enchentes, irrigação e melhoria nas condições de navegação do rio São Francisco, a Usina foi a primeira grande obra da Cemig. Localizada na região Central do estado, a UHE Três Marias começou a ser construída em 1958 e, em 1962, entrou em operação com duas unidades geradoras com 66 MW de potência cada. Atualmente, com mais quatro, sua potência instalada aumentou para 396 MW, energia suficiente para abastecer 1,1 milhão de pessoas. Naquela época, sem infraestrutura adequada, foram grandes as dificuldades para construir a usina. A comunicação era feita pelo rádio e a estrada de terra era de difícil acesso. Entretanto, os obstáculos foram vencidos e Três Marias se tornou exemplo de obra bem sucedida. Quem nos conta todo esse percurso é Hugo Belisário, técnico projetista da Cemig na década de 50, que participou ativamente da construção. Não deixe de ler a matéria especial! Além disso, no ponto a ponto, você irá conferir uma entrevista com o superintendente do RH, Ricardo Luiz Diniz, sobre o Concurso Público da Cemig, além de informações sobre o concurso interno. E tem mais! A Cemig adquire caminhão com lança isolada de maior alcance da América Latina; saiba como era o dia a dia no acampamento de Três Marias quando a cidade ainda não tinha infraestrutura adequada; e conheça a Europa sem sair de casa! A visita será guiada pelo empregado Ezequiel Campos. 03

4 Ponto a ponto Concurso Público No ano de 2013, a Cemig receberá novos profissionais para compor seu quadro de trabalho. Para realizar a seleção, a Empresa abriu concurso com vaga para 800 pessoas, entre técnicos, nível superior e operacional. Nesta edição, o superintendente de Recursos Humanos (RH), Ricardo Luiz Diniz Gomes, explica as mudanças das novas admissões na vida dos empregados e da Empresa, além de falar sobre mobilidade e seleção interna. Assim, estamos criando as condições para que estes novos empregados, juntamente com os demais, possam dar seguimento ao sucesso que a Cemig vem apresentando em toda sua história. EG - Quais os benefícios para a Empresa? RL - A característica da Cemig é de uma Empresa na qual os empregados permanecem por muitos anos, pois fazem carreira e aqui se aposentam. Tudo isso alinhado a um negócio no qual os projetos também são de longa duração e o produto perene. Alguns fatores devem ser bem gerenciados para que não tenhamos empregados capacitados e desenvolvidos sempre com os mesmos pensamentos e com a mesma cultura, perdendo um pouco a percepção das coisas novas. A mescla de novos empregados certamente influenciará a nossa cultura e entendemos esta mudança como um fator positivo. A Empresa também se beneficiará com a aquisição de novos talentos, que se associarão às nossas competências tão bem exercidas, ampliando nossa capacidade intelectual, produtividade e prontidão para enfrentar os desafios empresariais. EG - E quanto ao processo de integração dos novos empregados? RL - Sabemos a importância do processo de integração dos novos empregados, que devem ser bem acolhidos e informados. Por isso, estamos trabalhando o Primeira Energia, evento onde são passadas informações gerais sobre a Cemig e sobre os nossos negócios. Mas, só isso não basta. Eles também deverão ser acolhidos em seu local de trabalho, receber, gradativamente, novas informações na medida em que consigam absorvê-las, saber exatamente em qual posição vão jogar, e quais os resultados são esperados do ponto de vista individual, de equipe e corporativo. EG - Qual a posição e percepção da Cemig quanto à chegada dos novos empregados? RL - A Cemig não é diferente de outras organizações nas quais as alterações do quadro de pessoal são um procedimento natural. O que teremos agora é uma grande renovação do quadro de pessoal, assim como já tivemos em outras oportunidades, em função de desligamentos de empregados ocorridos nos últimos anos. O importante é que a Empresa está se preparando para receber um novo conjunto de empregados, dentro de um planejamento quantitativo e qualitativo de pessoal, alinhado à estratégia empresarial. Nesse contexto, as questões de dimensionamento de equipes, revisão de competências, otimização de processos, reestruturação organizacional e observância das questões legais e regulatórias precederam a decisão de novas contratações. EG - Quais são as condições que os empregados terão se comparados ao atual quadro de pessoal? RL - Os novos terão todas as condições para que seja desenvolvido um trabalho de qualidade, alta produtividade e competitividade, com ferramentas de reconhecimento e valorização da meritocracia, atuando na construção de uma Empresa cada vez mais sólida. Para os atuais empregados, estas condições foram fruto de transformações já vivenciadas ao longo de anos de trabalho na Cemig. Para os novos, será a oportunidade de entrar em uma Empresa que já passou por grandes transformações para sobreviver e se destacar no setor elétrico nacional. EG - A RH tem previsão de um concurso interno? RL - Considerando que as demandas empresariais são permanentes e dinâmicas, e que a gestão qualitativa e quantitativa do quadro de pessoal deve ser uma prática também permanente, a Diretoria Executiva autorizou que, ao concluirmos o processo aberto de concurso público, no qual depositamos nossa expectativa de atrair novas competências para a Empresa, façamos uma nova avaliação do nosso quadro de pessoal, abrindo oportunidades para transferências internas por meio da mobilidade e para a realização de mais um certame de seleção interna, que será a quarta nos últimos seis anos. Esses processos devem ocorrer no final de

5 Lixo se transforma em luz gente noss A Benedito realiza trabalho voluntário em prol do meio ambiente Lâmpadas usadas são recuperadas e doadas Ao se deparar com uma grande quantidade de lâmpadas eletrônicas usadas sendo jogadas fora sem reutilização, o eletricista de telecomunicações da Gerência de Soluções e Manutenção de Telecomunicações (TI/TC), Benedito Hélio de Aquino, juntou a criatividade aos seus conhecimentos de eletrônica para torná-las úteis novamente. As lâmpadas usadas viram resíduos, e não há postos de trocas para sumir com elas. Então, surgiu a ideia de recuperar as lâmpadas por meio da troca de seus componentes eletrônicos, que garante a recuperação de grande parte das lâmpadas queimadas, tornando-as reutilizáveis, esclarece. Com a ajuda dos seus amigos de trabalho para separar o maior número possível de lâmpadas, Benedito utiliza suas horas de folga para colocar a mão na massa. Faço o possível para recuperar todas as lâmpadas compactas. As que não dão certo envio ao almoxarifado para a destinação adequada conforme procedimento da Cemig, explica o eletricista. Ao recuperar as lâmpadas eletrônicas, Benedito evita que elas tenham um destino inadequado e que possam se quebrar aci- dentalmente no meio do caminho, liberando o vapor de mercúrio que elas contêm. Considerado uma substância tóxica nociva ao ser humano e ao meio ambiente, o mercúrio será aspirado por quem as manuseia, podendo causar sérios danos à saúde e ao meio ambiente. Para evitar o risco de quebrar e completar o processo adequadamente, seguindo os princípios ambientais, as lâmpadas recuperadas são embaladas corretamente para garantir a segurança até o local da reutilização. Doação Além do cuidado com o meio ambiente, o trabalho voluntário de Benedito tem um importante reflexo social: as lâmpadas recuperadas são doadas para as pessoas carentes da região, proporcionando redução no valor da conta de energia. Essas pessoas recebem as lâmpadas recuperadas a custo zero, com a possibilidade de retornarem novamente para serem recicladas ou como fonte de peças de reposição, explica Benedito. A recuperação é feita através da troca de seus componentes eletrônicos Quebrou? Saiba o que fazer! - Não use aspiradores de pó para limpar. - Logo após o acidente, ventile o ambiente: abra portas e janelas. - Saia do local por, no mínimo, 15 minutos. - Para limpar, use luvas e avental para evitar contato do material com a pele. Coloque tudo em um saco plástico. - Com um papel umedecido, retire os pequenos caquinhos que ainda restarem, sem retirar as luvas. - Coloque o papel dentro do saco plástico e feche bem. - Coloque todo o material dentro de um segundo saco plástico. Lacre-o para evitar a contínua evaporação do mercúrio liberado. - Logo após a limpeza, lave as mãos com água corrente e sabão. 05

6 ESPECIAL Meio século Eu sou aquele operário que com a pá de terra ajudou a construir essa barragem. Foi com essas palavras emocionadas que um empregado da Cemig expressou o sentimento de todos os trabalhadores que participaram da construção da barragem da primeira grande obra realizada pela Cemig: a usina hidrelétrica (UHE) de Três Marias! Oficialmente denominada Bernardo Mascarenhas, a usina começou a ser construída em 1958, empregando cerca de 10 mil pessoas, e foi inaugurada no dia 25 de julho de Sua barragem, entretanto, foi inaugurada um ano antes pelo presidente Juscelino Kubitscheck, sendo considerada, na época, a maior do Brasil e uma das maiores do mundo. O empreendimento originou de um plano idealizado em 1948 e elaborado com orientação do engenheiro e primeiro presidente da Cemig, Lucas Lopes, para o desenvolvimento da região do Vale do São Francisco. Sua construção foi custeada com recursos orçamentários da Comissão do Vale do São Francisco (CVSF), órgão subordinado à Presidência da República, encarregado de formular e executar um plano de desenvolvimento de longo prazo para a região do rio São Francisco e principais afluentes em Minas Gerais, Bahia, Alagoas, Sergipe, Pernambuco e Goiás. O financiamento ficou por conta do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDE), cabendo à Cemig a responsabilidade financeira pela construção da casa de força ao pé da barragem, a compra dos equipamentos eletro- mecânicos e a implantação do sistema de transmissão até Belo Horizonte. Histórico Em dezembro de 1950, o Plano Geral para o Aproveitamento Econômico do Vale do São Francisco, elaborado sob a orientação do engenheiro e presidente da Cemig, Lucas Lopes, definiu que a regularização do rio São Francisco era a questão-chave para o desenvolvimento regional, recomendando a construção de uma série de barragens para a melhoria das condições de navegação nas épocas de estiagem, o controle das enchentes que periodicamente assolavam as populações ribeirinhas, a produção da hidroeletricidade, a irrigação, o aproveitamento agrícola das áreas vazantes e o saneamento urbano. A usina de Três Marias foi o primeiro empreendimento hidráulico do país com múltiplas finalidades, como controle da vazão do rio para permitir a navegação e evitar enchentes no trecho após a barragem, irrigação, turismo e lazer e geração de energia. Ela começou a funcionar com duas unidades geradoras com 66 MW de potência cada e, gradualmente, mais quatro entraram em operação, aumentando sua potência instalada para 396 MW, energia suficiente para abastecer 1,1 milhão de pessoas ou metade da população de Belo Horizonte. Já a sua barragem era considerada a mais importante do País, proporcionando a retenção de um volume de água estimado, no mínimo, em 5 milhões de m³, permitindo, entre outras finalidades, produzir substancial quantidade de energia. Bacia Hidrográfica: Rio: São Francisco Bacia: rio São Francisco Área de drenagem (km²): Vazão média de longo tempo (m³/s): 681,01 Vertedouro: Tipo: Superfície controlada Capacidade máxima (m³/s): Nº de comportas: 7 (CS) No dia 25 de julho, a UHE comemorou seu aniversário de 50 anos Barragem: Tipo: Terra Homogênea Comprimento (m): Altura máxima (m): 75 Cota do coroamento: 576,23 06

7 de boa energia Como tudo começou... por Hugo Belisário, 82 anos, aposentado da Cemig, participante da construção da Usina: Três Marias foi um marco da grande evolução da Cemig. A Companhia cresceu muito, pois, até aquela época, a Empresa ainda não tinha feito grandes usinas. A última que havia sido construída era a de Salto Grande, entre 1949 e Em 1957, começaram algumas atividades em Três Marias, percorrendo 86 km de distância até Corinto, quando necessário. Com o projeto pronto, em 1958, começamos a construir a usina. A obra da UHE Três Marias durou em torno de 4 a 5 anos e contava com uma equipe preparada de alta qualidade técnica e experiências anteriores em pequenas usinas, principalmente a de Salto Grande, uma verdadeira escola para a maioria de nós. O início de uma cidade Para abrigar os empregados que ali trabalhavam, foi construída uma vila, fora da área da usina, que se transformou na cidade de Três Marias. Na época, a cidade era tão importante em termos de movimento de dinheiro e interesse, que chegou a ser o metro quadrado mais caro de Minas Gerais. Um lote no centro de Três Marias custava mais caro que em Belo Horizonte. Toda usina da Cemig também tinha uma vila de operadores, onde os trabalhadores, engenheiros e técnicos responsáveis pela operação ficavam. Havia hospital, área de refeitório, casa de visita, entre outras coisas. Esses empregados tinham sob controle a usina e todo o trabalho de prefeito para cuidar bem da moradia de todos. Hoje, com a tecnologia da informação, não há mais a necessidade de ter muita gente operando uma usina ou uma subestação, lembra Belisário. Naquele tempo, tínhamos uma dificuldade imensa para pegar a estrada de Belo Horizonte para a obra, pois a via era de terra e com difícil acesso. Levar e trazer equipamentos e materiais ou alterar projetos e situações era sempre complicado. A comunicação também não era fácil, sendo feita por rádio. Apesar de tudo, as dificuldades foram vencidas. Com a experiência que tive em Salto Grande, como técnico projetista, de levantar dados e montar o relatório de obras, fui convidado para fazer o mesmo em Três Marias. Eu ia uma vez a cada semana para fechar o relatório e pude participar ativamente de todo o processo. Quando a obra já estava em fase adiantada, tivemos um telex. Foi um sucesso! Quatro anos após a inauguração de Três Marias, em 1966, no início da construção da usina de Jaguara, localizada no município de Rifaina, nós já tínhamos alteração de projeto à distância. Hoje, o conceito de energia está mudando e por isso compensa fazer pequenas usinas que complementam a demanda e causam menor impacto ambiental. Antigamente a realidade era outra. Confira o depoimento dos nossos colegas Ronei Gomes, Itamar Flores, Renato Junio e Maria Lucimar na CemigNet Casa de força: Potência instalada (MW): 396 Nº de unidades geradoras: 6 Potência unitária (MW): 66 Energia Assegurada (MW médio): 239 Queda nominal (m): 46,1 Tipo de turbina: Kaplan Engolimento turbina (m³/s): 150 Reservatório: Área (km²): Volume total máximo (hm³): Volume útil máximo (hm³): NA mínimo operativo: 549,2 NA máximo operativo: 572,5 Municípios atingidos: Abaeté, Biquinhas, Felixlândia, Morada Novas de Minas, Paineiras, Pompéu, São Gonçalo do Abaeté e Três Marias (MG) A usina possui um dos maiores reservatórios da Cemig, com 1040km² e 21 bilhões de m³ de água 07

8 m eu trabalho Reconhecimento Internacional No dia 12 de agosto, durante abertura do 88º Encontro Anual da Sociedade Internacional de Arboricultura (ISA), na cidade de Portland, em Oregon, nos Estados Unidos, o engenheiro de Meio Ambiente da Gerência de Gestão do Meio Ambiente da Distribuição (MD/MA), Pedro Mendes, foi o 1º brasileiro agraciado com o prêmio da organização, por alcançar iniciativas que contribuem para o desenvolvimento da arboricultura no mundo. miar), criado pela Cemig em 2009 e do qual Pedro participa até hoje. Karla Simão Dentre as nove categorias da premiação, o engenheiro recebeu o Prêmio de Realizações (Award of Achievement), concedido aos membros da ISA em reconhecimento ao esforço de promover o avanço da organização. O prêmio mostra que estamos no rumo correto, no sentido de aprimorar as técnicas de arborização, resultando em melhores condições de trabalho para os profissionais futuros, declara Pedro. Profissional qualificado Engenheiro agrônomo especializado em Arboricultura em Sistemas Elétricos, Pedro Mendes foi indicado ao prêmio graças às diversas ações que realizou no Brasil, como a implantação do Campeonato Brasileiro de Escalada em Árvores e a tradução do Guia de Estudos para o exame de Certificação de Arboristas, financiada pela Cemig. Pedro é arborista certificado pela ISA desde 2007 e coordena o processo de manejo de vegetação da Cemig. Toda essa experiência foi fundamental para o início do Programa Especial de Manejo Integrado de Árvores e Redes (Pre- Pedro Mendes recebe prêmio da ISA, em Portland, Oregon/EUA estão A energia do lixo GEnergia alternativa que supre as necessidades da sociedade, respeita o meio ambiente e gera economia. Desde dezembro de 2010, a Cemig investe na energia gerada a partir do lixo, que conta com o benefício de 100% de desconto nas tarifas de transporte e ganhos de crédito de carbono. De acordo com Bráulio Machado Dolabella, da Gerência de Operação de Compra e Venda de Energia no Atacado (CV/AT), o biogás é gerado em um aterro sanitário completamente vedado com uma camada de argila, o que facilita a perfuração e a captação do gás, posteriormente tratado e usado como combustível para mover os motores da termelétrica para a geração de energia. Essa energia é enviada diretamente para uma subestação da Cemig, segue para a rede da Empresa e fica disponível para ser comercializada. Benefícios Além dessa energia contar com o benefício de 100% de desconto nas tarifas de transporte, ela é revendida a consumidores finais, que, em função disso, exercem sua opção de migrar do mercado cativo para o mercado livre economizando na conta de energia. Atualmente, o contrato entre Energás e Cemig GT prevê uma entrega firme de 1,1 MW médios, pelo período de março/12 a dezembro/15. Segundo Bráulio, ao tratar melhor os resíduos sólidos urbanos, a geração de energia a partir do biogás permite à geradora obter créditos de carbono, pois reduz a emissão de gases de efeito estufa na atmosfera. Com essa iniciativa, a Cemig contribui também para o desenvolvimento sustentável quando, através da compra, viabiliza fontes renováveis de energia. A Cemig está alinhada com a tendência de se investir em fontes alternativas de energia que, além de proporcionarem redução de custos para seus clientes, também atendem aos interesses da sociedade em relação à preservação do meio ambiente. Gerenciamento A Cemig possui uma gerência responsável pela compra e venda de energia no atacado e também uma gerência específica para a venda de energia incentivada para os consumidores. Além de manter contato estreito com os clientes já cadastrados, a Empresa faz, sistematicamente, uma prospecção de mercado para identificar os possíveis novos clientes para essa nova energia. 08

9 Equipamento inédito Boas ideias Arquivo Cemig Cesta aérea isolada agiliza os serviços de manutenção e garante segurança Desde o mês de agosto, a cesta aérea isolada de maior alcance da América Latina já está disponível para utilização pela Cemig GT. Adquirida da empresa americana Versalift/Condor, pelo valor de R$ 1,2 milhão, a cesta aérea eletricamente isolada, está instalada em um caminhão de tração 8X4, capaz de atingir uma altura de até 32 metros. O equipamento tem como objetivo agilizar atividades de manutenção em subestações (SE) e linhas de transmissão (LT), além de garantir maior segurança aos eletricistas e instalações. Segundo o técnico de sistemas eletromecânicos da Gerência de Planejamento e Engenharia de Manutenção da Transmissão, Cleber Vieira (PN/MT), a nova aquisição irá facilitar as atividades de manutenção ao possibilitar o serviço em linha viva do sistema elétrico. Com o acionamento da cesta aérea isolada, que pode atingir uma altura de 32 metros, teremos mais facilidade em fazer a manutenção em SE e LT com até 500 kv em linha energizada, explica Cleber. Nas subestações, a cesta aérea isolada será utilizada nos serviços de reaperto de conexões, mitigação de pontos quentes, substituição de equipamentos, tais como pára-raios, transformador de corrente, transformador de potencial, transformador de potencial capacitivo, e demais serviços de linha viva. Nas linhas de transmissão, o equipamento também será importante para diversos serviços em linha viva, como a troca de isola- dores, inspeções em cabos condutores, reaperto e instalação de espaçadores e amortecedores. A instalação de esferas de sinalização aérea em algumas LTs, por exemplo, poderá ser executada com a nova ferramenta, dispensando o uso de helicópteros, aponta o técnico. Agilidade e segurança A PN/MT, responsável pela prospecção, especificação e participação no desenvolvimento da cesta aérea isolada, desenvolverá instruções de manutenção para realização dos serviços em linha viva em LT e SE. Em breve, as equipes de Manutenção de Linhas de Transmissão estarão aptas para a plena utilização do caminhão com a lança isolada. Segundo Cleber, o interesse em adquirir esse tipo de equipamento existe na Cemig há mais de 10 anos, com a necessidade de se ganhar mais eficiência e segurança para os profissionais dos serviços de manutenção em LT e SE. A principal vantagem do novo veículo é possibilitar ao empregado a capacidade de realizar a manutenção sem que haja interrupção do circuito elétrico, o que traz mais segurança para as equipes de manutenção, instalações e terceiros, afirma. Devido à altura expressiva da lança isolada, o serviço torna-se mais ágil e reduz a necessidade de se utilizar muitos equipamentos de acesso, como andaimes e escadas isoladas, além de reduzir o número de empregados envolvidos na atividade. 09

10 SER SUSTENTÁVEL Comunidade em foco Com o intuito de garantir uma comunicação de excelência e apresentar as decisões empresariais da Cemig para comunidades, a Empresa tem importantes e qualificados programas direcionados para esse público, além de uma Política de Comunicação que explicita as diretrizes e orientam a sua estratégia nesta área com a comunidade. O documento apresenta os objetivos e princípios que conduzem as ações com as comunidades, com a garantia de integridade, ética, riqueza e responsabilidade social nos trabalhos realizados, além de assegurar que as iniciativas implementadas sejam compreendidas pelos públicos com as quais a Empresa se relaciona: autoridades governamentais e do setor elétrico, investidores, clientes e consumidores, comunidade científica, fornecedores e prestadores de serviço, público interno, sociedade, comunidades e imprensa. Com isso, Energia Inteligente: importância do uso correto da energia elétrica a Cemig demonstra sua preocupação com o desenvolvimento das comunidades, assim como com a preservação do meio ambiente. Ações do programa Peixe Vivo De acordo com o gerente de gestão de meio ambiente da distribuição (MD/MA), Breno Sergio Lessa Moreira, a comunicação das ações de relacionamento da Companhia com as comunidades visa à construção de credibilidade e percepção do comprometimento da Empresa com as demandas da população. Nossa ação é baseada nos princípios da Política de Comunicação com a comunidade, por meio dos procedimentos internos que preservam os interesses da Empresa e da sociedade. Seguimos ainda a Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta profissional da Cemig, declara. 8 princípios que regem a Política de Comunicação com a Comunidade Princípio 1 A estratégia e as ações de comunicação da Cemig com as comunidades são pautadas pelas políticas, valores e princípios da Empresa. Princípio 2 A Cemig fundamenta suas decisões de comunicação de ações de relacionamento com a comunidade em processos estruturados de diagnóstico local ou setorial/temático e busca conhecer em profundidade a realidade com a qual se propõe a trabalhar. Princípio 3 A Cemig comunica e divulga que o cuidado e a preservação do meio ambiente são formas utilizadas pela Empresa de relacionamento com as comunidades. Princípio 4 A Cemig considera assuntos relacionados ao acesso e ao consumo de energia como um vetor relevante de comunicação de suas ações de relacionamento com a comunidade. Princípio 5 A Cemig utiliza-se de estratégias de comunicação de ações de relacionamento com a comunidade para reiterar seu compromisso com o desenvolvimento local, com a sustentabilidade e com o exercício da cidadania empresarial, acreditando que esse é um dos caminhos para contribuir com o desenvolvimento e a qualidade de vida em comunidades onde atua. Princípio 6 A Cemig valoriza a construção de parcerias intersetoriais e interorganizacionais para potencializar os resultados e a abrangência das iniciativas que implementa e ressalta essa questão na comunicação e divulgação de ações de relacionamento com a comunidade. Princípio 7 Por ser uma Empresa de economia mista que possui como acionistas investidores do setor privado e do setor público, esse último representado pelo Governo do Estado de Minas Gerais, a Cemig considera e valoriza aspectos que estejam alinhados com políticas públicas na comunicação e divulgação de suas iniciativas de relacionamento com a comunidade. Princípio 8 A comunicação da Cemig atua em sinergia com as áreas técnicas na estruturação da comunicação e divulgação das iniciativas de relacionamento com a comunidade. 10

11 Mochilão pelo velho continente O turism Tudo começou com a necessidade de mudança. A primeira foi vender um imóvel da família. A segunda foi convencer um amigo, preparar o roteiro, pegar uma mochila e viajar, durante 28 dias, por oito cidades da Europa: Barcelona, Paris, Amsterdam, Berlim, Praga, Viena, Budapeste e Munique. Foi assim que o engenheiro de tecnologia e normalização da Gerência de Desenvolvimento de Sistemas de Engenharia da Distribuição (TD/SD), Ezequiel Campos Pereira, aproveitou suas últimas férias, com a companhia do amigo Lucas Silva, que pertencia à mesma gerência e hoje trabalha na Axxiom. Ezequiel Campos morava há 31 anos no mesmo local e se viu no meio de uma grande mudança em sua vida. Logo senti que precisava fazer alguma coisa diferente, realmente tirar umas férias melhores e mais longas. Em conversa com o amigo Lucas, surgiu a ideia de realizarem, juntos, um mochilão pela Europa. A Europa encanta a todos com a sua riqueza cultural. As cidades evoluíram, acompanhando os avanços da população, mas mantiveram a sua essência histórica. As praças, parques e áreas verdes impressionam pela vastidão, beleza e cuidado. E para o deslocamento urbano, as pessoas contam com extensas malhas de trem, metrô e bonde. Em relação aos pontos turísticos, é muita coisa para ser vista. Entre palácios, parques, praças, museus e igrejas, destacaria a Basílica da Sagrada Família, projetada pelo arquiteto Gaudi, em Barcelona, obviamente o Louvre, em Paris, e também o Museu de Ciências de Munique, na Alemanha. Preparativos Com pouco tempo para planejar a viagem, os dois contaram com dicas e sugestões de amigos que já conheciam o continente e com o auxílio de diversos sites que falam sobre viagens e mochilões. O primeiro passo foi fechar o roteiro. Então, eles decidiram seguir um percurso circular, como mostra o mapa. Algumas pessoas optam por ir a Roma, outras não vão a Budapeste, por exemplo. Isso depende do gosto de cada um. Nós decidimos não ir a Londres às vésperas das olimpíadas, conta Ezequiel. Ao todo, foram 28 dias viajando de trem e avião pelos sete países O que vi e senti em cada uma das cidades: Barcelona (Espanha): impressiona pela beleza arquitetônica. Os detalhes são marcantes até nos postes de iluminação. Há uma diversidade de pessoas e opções de lazer. Para mim, é a capital do mundo. Uma das cidades mais bacanas que visitei. Paris (França): a cidade mais romântica de todas. Palácios, parques, praças, igrejas, tudo com muito charme. Grandiosidade arquitetônica: boa parte da riqueza do mundo está lá, como por exemplo o Musel do Louvre. Amsterdam (Holanda): é diferente de tudo que já vi: canais, bicicletas, lojas de café, distrito da luz vermelha. Achei uma cidade mais fria, artificial, a mais cara das visitadas. Berlim (Alemanha): organização e beleza. As coisas alemãs são diferentes, há capricho em tudo: decoração, sinalização e aquecedores por todas as partes. Praga (República Checa): cidade muito antiga, parece que regredimos mil anos no tempo. A população é obcecada por relógios. Há relógios em tudo quanto é parte da cidade. Viena (Áustria): organização e beleza. Muitos parques, jardins e praças. Budapeste (Hungria): pudemos ver mais do Leste Europeu, como os resquícios da dominação soviética. Munique (Alemanha): organização, beleza e capricho tal, como em Berlim. Há um parque no centro da cidade, cujo rio é limpo e as pessoas nadam. Museus fantásticos, como por exemplo, o Deutsch Museum e a Pinakotheke Modern. Alguns números Países: 7 Cidades: 8 Quilômetros rodados: km Passagem Brasil/Europa:R$ 1.950,00 Hospedagem: R$ 2.200,00 Deslocamentos internos: R$ 1.300,00 Gasto diário médio: R$ 160/dia (60 euros/dia) 11

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 1 Relatório de Sustentabilidade 2014 2 Linha do Tempo TAM VIAGENS 3 Política de Sustentabilidade A TAM Viagens uma Operadora de Turismo preocupada com a sustentabilidade, visa fortalecer o mercado e prover

Leia mais

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO DA CEMIG COM A COMUNIDADE Substitui a NO-02.15 de 23/06/2009

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO DA CEMIG COM A COMUNIDADE Substitui a NO-02.15 de 23/06/2009 03/08/2010 Pág.01 POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO DA CEMIG COM A COMUNIDADE Substitui a NO-02.15 de 23/06/2009 1. INTRODUÇÃO 1.1 A Política de Comunicação da CEMIG com a Comunidade explicita as diretrizes que

Leia mais

Categoria Franqueador Pleno

Categoria Franqueador Pleno PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2013 Dados da empresa FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Categoria Franqueador Pleno Razão Social: Astra Rio Saneamento Básico Ltda Nome fantasia: Astral Saúde Ambiental

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental

Política de Responsabilidade Socioambiental Política de Responsabilidade Socioambiental SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVO... 3 3 DETALHAMENTO... 3 3.1 Definições... 3 3.2 Envolvimento de partes interessadas... 4 3.3 Conformidade com a Legislação

Leia mais

Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG

Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG Roberto Proença da Silva Carlos Alberto Moura Companhia Energética de Minas Gerais - CEMIG Superintendência de Tecnologia da Informação - TI Gerência de

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida.

Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida. Geração de Energia a partir do lixo urbano. Uma iniciativa iluminada da Plastivida. Plástico é Energia Esta cidade que você está vendo aí de cima tem uma população aproximada de 70.000 mil habitantes e

Leia mais

Cidades e Biodiversidade

Cidades e Biodiversidade Cidades e Biodiversidade Curitiba, 26 a 28 de março Ronaldo Vasconcellos Vice-Prefeito de Belo Horizonte Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, é uma das maiores cidade do Brasil. BH Fica a 585 Km de

Leia mais

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 2 Liderança e Comunidade

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 2 Liderança e Comunidade Organizando Voluntariado na Escola Aula 2 Liderança e Comunidade Objetivos 1 Entender o que é liderança. 2 Conhecer quais as características de um líder. 3 Compreender os conceitos de comunidade. 4 Aprender

Leia mais

ENCONTRO NACIONAL DE CAMPISMO

ENCONTRO NACIONAL DE CAMPISMO ENCONTRO NACIONAL DE CAMPISMO MTUR/DEAOT/CGQT Campinas, 20 de março de 2010 ENCONTRO NACIONAL DE CAMPISMO POLÍTICAS DE INCENTIVO AO TURISMO NORMATIZAÇÃO DE CAMPINGS COPA DO MUNDO E OLIMPÍADAS REGISTRO

Leia mais

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida Soluções inteligentes em energia Energia para a vida O Brasil e o mundo contam com a nossa energia. A Prátil é uma empresa de soluções inteligentes em energia, que atua nos segmentos de infraestrutura

Leia mais

MARKETING VERDE E-BOOK GRATUITO DESENVOLVIDO PELA SITE SUSTENTÁVEL

MARKETING VERDE E-BOOK GRATUITO DESENVOLVIDO PELA SITE SUSTENTÁVEL MARKETING VERDE E-BOOK GRATUITO DESENVOLVIDO PELA SITE SUSTENTÁVEL Introdução: O marketing verde já não é tendência. Ele se tornou uma realidade e as empresas o enxergam como uma oportunidade para atrair

Leia mais

SAC: Fale com quem resolve

SAC: Fale com quem resolve SAC: Fale com quem resolve A Febraban e a sociedade DECRETO 6523/08: UM NOVO CENÁRIO PARA OS SACs NOS BANCOS O setor bancário está cada vez mais consciente de seu papel na sociedade e deseja assumi-lo

Leia mais

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários

SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras. Eduarda Ramires Silveira. Evelyn Victória Cardoso Lopes. Mel Suzane Santos Marques. Voluntários SEPARAR PRA QUÊ? Idealizadoras Eduarda Ramires Silveira Evelyn Victória Cardoso Lopes Mel Suzane Santos Marques Voluntários Joyce Thaís Mendes Alves Sílvia Rocha Pena Rodrigues Luíza Almeida Dias de Carvalho

Leia mais

Categoria Franqueador Máster

Categoria Franqueador Máster PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Categoria Franqueador Máster Dados da empresa Razão Social Spoleto Franchising Ltda. Nome fantasia Spoleto Data de fundação 07 de

Leia mais

Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira

Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira AULA Fundação 4 MATRIZ Universidade ELÉTRICA Federal de Mato Grosso do Sul 1 Matriz Energética Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira Prof. Márcio Kimpara Universidade Federal de Mato Grosso do Sul FAENG /

Leia mais

Sustentabilidade Ambiental na Cidade de Belo Horizonte

Sustentabilidade Ambiental na Cidade de Belo Horizonte Sustentabilidade Ambiental na Cidade de Belo Horizonte Vasco de Oliveira Araujo Secretário Municipal Adjunto de Meio Ambiente Prefeitura de Belo Horizonte Abril 2013 A Construção de uma Cidade Sustentável

Leia mais

Conhecendo a Fundação Vale

Conhecendo a Fundação Vale Conhecendo a Fundação Vale 1 Conhecendo a Fundação Vale 2 1 Apresentação Missão Contribuir para o desenvolvimento integrado econômico, ambiental e social dos territórios onde a Vale atua, articulando e

Leia mais

manual liga elo7 2.0 ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS

manual liga elo7 2.0 ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS Olá Elosetter, Então você está com vontade de organizar um evento? O Elo7 incentiva as ações que fortaleçam e integram a comunidade artesanal e

Leia mais

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS Versão 2.0 09/02/2015 Sumário 1 Objetivo... 3 1.1 Objetivos Específicos... 3 2 Conceitos... 4 3 Princípios... 5 4 Diretrizes... 5 4.1

Leia mais

PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor

PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor Dados da empresa Razão Social: Visa do Brasil Empreendimentos Ltda. Nome Fantasia:

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 3 } 1. INTRODUÇÃO: PARQUE TECNOLÓGICO CAPITAL DIGITAL - PTCD Principal polo de desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação do Distrito Federal, o PTCD

Leia mais

ONG ALTO ASTRAL REEDUCAÇÃO AMBIENTAL PROJETO ECOMÓVEL

ONG ALTO ASTRAL REEDUCAÇÃO AMBIENTAL PROJETO ECOMÓVEL A ONG ALTO ASTRAL 1. Nome do projeto de responsabilidade social. A Astral Saúde Ambiental, maior empresa de controle de pragas urbanas da América Latina, líder no mercado nacional com mais de 5.500 contratos

Leia mais

Roteiro para Apresentação de Projetos (Para sugestões da II OFICINA NACIONAL DE TRABALHO)

Roteiro para Apresentação de Projetos (Para sugestões da II OFICINA NACIONAL DE TRABALHO) MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SEDR - DEPARTAMENTO DE EXTRATIVISMO APOIO A GRUPOS VULNERÁVEIS SESAN COORDENAÇÃO GERAL DE CARTEIRA DE PROJETOS FOME ZERO

Leia mais

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES VOLVO DO BRASIL índice APRESENTAÇÃO...3 POLíTICA DE PATROCíNIOS DA VOLVO DO BRASIL...3 1. Objetivos dos Patrocínios...3 2. A Volvo como Patrocinadora...3 3. Foco de Atuação...4

Leia mais

Nome e contato do responsável pelo preenchimento deste formulário Luiz Antônio Jaeger (21) 9702 9194 luizantonio@parme.com.br parme@parme.com.

Nome e contato do responsável pelo preenchimento deste formulário Luiz Antônio Jaeger (21) 9702 9194 luizantonio@parme.com.br parme@parme.com. PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Categoria Franqueador Pleno Dados da empresa Razão Social Franquipar Franqueadora e Licenciadora de Marcas Ltda. Nome fantasia Parmê

Leia mais

ANEXO III Resolução 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima. Contribuição da Atividade de Projeto para o Desenvolvimento Sustentável

ANEXO III Resolução 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima. Contribuição da Atividade de Projeto para o Desenvolvimento Sustentável ANEXO III Resolução 1 da Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima Contribuição da Atividade de Projeto para o Desenvolvimento Sustentável Projeto: Geração de eletricidade a partir de fontes

Leia mais

Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar

Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar PARTICIPANTES Empresas ou organizações não-governamentais (ONGs) legalmente constituídas no Brasil. PRÉ-REQUISITOS Poderão

Leia mais

Guia de sustentabilidade para plásticos

Guia de sustentabilidade para plásticos Guia de sustentabilidade para plásticos Maio 2014 1 2 3 4 5 6 7 8 Introdução... 4 Contextualização dos plásticos... 6 Composição dos móveis e utensílios de plásticos...7 Requerimentos para materiais que

Leia mais

Receita infalível para uma boa viagem

Receita infalível para uma boa viagem Receita infalível para uma boa viagem Para que a tão sonhada viagem de férias não se transforme em um pesadelo, alguns cuidados básicos devem ser tomados. Pensando no seu conforto e na sua segurança nesse

Leia mais

Clipping, Segunda-feira, 04 de Janeiro de 2010 Jornal do Commercio PE (28/12/09) - online Porto Gente (04/01/10) online

Clipping, Segunda-feira, 04 de Janeiro de 2010 Jornal do Commercio PE (28/12/09) - online Porto Gente (04/01/10) online Clipping, Segunda-feira, 04 de Janeiro de 2010 Jornal do Commercio PE (28/12/09) - online Porto Gente (04/01/10) online Pernambuco Na indústria, mais demanda por trabalho Texto publicado em 28 de Dezembro

Leia mais

Inteligência em. redes sociais. corporativas. Como usar as redes internas de forma estratégica

Inteligência em. redes sociais. corporativas. Como usar as redes internas de forma estratégica Inteligência em redes sociais corporativas Como usar as redes internas de forma estratégica Índice 1 Introdução 2 Por que uma rede social corporativa é um instrumento estratégico 3 Seis maneiras de usar

Leia mais

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE RESUMO Numa sociedade cada vez mais consciente, a proteção ao meio ambiente passa a ser objetivo de atenção de franquias com um posicionamento

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração O Prêmio Planeta Casa 2012 busca valorizar empresas, organizações da sociedade civil e profissionais das áreas de arquitetura, design,

Leia mais

PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: CONSUMO CONSCIENTE DE ENERGIA DISPOSIÇÃO ADEQUADA DE RESÍDUOS

PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: CONSUMO CONSCIENTE DE ENERGIA DISPOSIÇÃO ADEQUADA DE RESÍDUOS PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: CONSUMO CONSCIENTE DE ENERGIA DISPOSIÇÃO ADEQUADA DE RESÍDUOS Abril/2015 Fazer obras e serviços para transmissão, distribuição e uso de energia. Contribuir para o bem

Leia mais

DO PROGRAMA. www.ecolmeia.org.br

DO PROGRAMA. www.ecolmeia.org.br PROGRAMA DO PROGRAMA O Programa ECO RECICLA é uma iniciativa da OSCIP Ecolmeia em parceria com Cooperativas de Reciclagem, seus cooperados, o Primeiro e o Segundo Setor da Sociedade. Tem como objetivo

Leia mais

DELOITE TOUCHE TOHMATSU Código PO-SIGA POLITICA CORPORATIVA Revisão 02

DELOITE TOUCHE TOHMATSU Código PO-SIGA POLITICA CORPORATIVA Revisão 02 Pagina 1/6 ÍNDICE 1. OBJETIVO...3 2. ABRANGÊNCIA / APLICAÇÃO...3 3. REFERÊNCIAS...3 4. DEFINIÇÕES...3 5. DIRETRIZES E RESPONSABILIDADES...4 5.1 POLITICAS...4 5.2 COMPROMISSOS...4 5.3 RESPONSABILIDADES...5

Leia mais

Política Nacional de Resíduos Sólidos e Logística Reversa

Política Nacional de Resíduos Sólidos e Logística Reversa Política Nacional de Resíduos Sólidos e Logística Reversa Cristina R. Wolter Sabino de Freitas Departamento Ambiental O mundo será obrigado a se desenvolver de forma sustentável, ou seja, que preserve

Leia mais

Como saber se sua empresa é. Sustentável Guia Definitivo para Diagnóstico

Como saber se sua empresa é. Sustentável Guia Definitivo para Diagnóstico Como saber se sua empresa é Sustentável Guia Definitivo para Diagnóstico Sumário 02 Introdução Presença na estratégia Práticas Pré produção Práticas Produção Práticas Gestão Como verificar 03 04 06 07

Leia mais

Desde a criação do programa, a New Age implementou e tem monitorado diversas ações com foco ambiental, social e econômico.

Desde a criação do programa, a New Age implementou e tem monitorado diversas ações com foco ambiental, social e econômico. Faz parte da vontade da diretoria da New Age contribuir socialmente para um mundo melhor, mais justo e sustentável. Acreditamos que através da educação e com a experiência que temos, transportando tantos

Leia mais

PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE NAS UNIDADES DE SAÚDE

PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE NAS UNIDADES DE SAÚDE PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE NAS UNIDADES DE SAÚDE 118 IABAS Relatório de Gestão Rio de Janeiro 2010/2011/2012 Programa de Sustentabilidade nas Unidades de Saúde O Programa de Sustentabilidade promove

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO DE BIOLOGIA (EAD)

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO DE BIOLOGIA (EAD) UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO DE BIOLOGIA (EAD) TRABALHO DE BIOLOGIA GERAL RAQUEL ALVES DA SILVA CRUZ Rio de Janeiro, 15 de abril de 2008. TRABALHO DE BIOLOGIA GERAL TERMOELÉTRICAS

Leia mais

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Parceiros de serviços em nuvem gerenciada Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Implemente a versão mais recente do software da SAP de classe mundial,

Leia mais

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS Apresentação A Companhia de Saneamento de Minas Gerais, COPASA, criada em 1963, é uma empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Regional e Política

Leia mais

EVENTOS 2009 ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO. Ruth Goldberg. 04 de junho de 2009

EVENTOS 2009 ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO. Ruth Goldberg. 04 de junho de 2009 Responsabilidade Social Empresarial em Empresas Construtoras case Even Ruth Goldberg 04 de junho de 2009 Alinhando conceitos: SUSTENTABILIDADE EMPRESARIAL RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL E C O N Ô

Leia mais

X PRÊMIO SUL-MATO-GROSSENSE DE GESTÃO PÚBLICA CATEGORIA PRÁTICAS E IDEIAS INOVADORAS NA GESTÃO ESTADUAL

X PRÊMIO SUL-MATO-GROSSENSE DE GESTÃO PÚBLICA CATEGORIA PRÁTICAS E IDEIAS INOVADORAS NA GESTÃO ESTADUAL X PRÊMIO SUL-MATO-GROSSENSE DE GESTÃO PÚBLICA CATEGORIA PRÁTICAS E IDEIAS INOVADORAS NA GESTÃO ESTADUAL 1. Nome da prática ou ideia inovadora: Programa Canal de Ideias, sistema de sugestões. 2. Caracterização

Leia mais

Consumo Consciente Energia Elétrica

Consumo Consciente Energia Elétrica Consumo Consciente Energia Elétrica Agosto 2010 Planeta SUSTENTABILIDADE NO CONSUMO Incentivo ao consumo responsável e consciente IMPORTÂNCIA DA ENERGIA PARA O GRUPO Compra energia elétrica de 23 concessionárias

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE 12:43 Page 1 INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE Jardins é Page 2 LIXO UM PROBLEMA DE TODOS Reduzir a quantidade de lixo é um compromisso de todos. Uma pessoa é capaz

Leia mais

Nova sede Documento de doação do terreno entra para a fase final

Nova sede Documento de doação do terreno entra para a fase final www.aciaanapolis.com.br Nova sede Documento de doação do terreno entra para a fase final De 1º a 07 de Fevereiro de 2014 - Ano 09 - Nº 224 - Diretoria 2013/2015 Diretoria da Associação Comercial e Industrial

Leia mais

Jardins urbanos suspensos

Jardins urbanos suspensos Jardins urbanos suspensos Retirado do site: Mercado Ético - 16/06/2011 12:22:58 Seu nome é Jardins de Cristal (Crystal Gardens), uma referência direta à interessante combinação de vidro e verde. Mas os

Leia mais

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul GESTÃO FINANCEIRA para ficar no azul índice 03 Introdução 04 Capítulo 1 O que é gestão financeira? 06 Capítulo 2 Gestão financeira e tomada de decisões 11 13 18 Capítulo 3 Como projetar seu fluxo financeiro

Leia mais

Projeto UTE Rio Grande. Rio Grande do Sul Junho 2015

Projeto UTE Rio Grande. Rio Grande do Sul Junho 2015 Projeto UTE Rio Grande Rio Grande do Sul Junho 2015 I. Grupo Bolognesi II. Visão Geral dos Projetos III. Mão de Obra IV. Ações Sócio-Ambientais V. Impactos Positivos e Benefícios Visão Geral do Grupo Bolognesi

Leia mais

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba.

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência Desde 1998, por lei, toda distribuidora de energia precisa investir em ações que reduzam o desperdício de energia elétrica. Uma determinação

Leia mais

5 dicas incríveis de Facebook Ads para iniciantes. 1 INTRODUÇÃO

5 dicas incríveis de Facebook Ads para iniciantes. 1 INTRODUÇÃO 5 dicas incríveis de Facebook Ads para iniciantes. 1 INTRODUÇÃO Este e book foi criado após ter percebido uma série de dúvidas de iniciantes em Facebook Ads. O seu conteúdo é baseado na utilização da plataforma

Leia mais

Já foi o tempo em que podíamos considerar de lixo os resíduos sólidos urbanos

Já foi o tempo em que podíamos considerar de lixo os resíduos sólidos urbanos RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS Já foi o tempo em que podíamos considerar de lixo os resíduos sólidos urbanos pois, com as palavras do Aurélio, lixo são coisas inservíveis, o que indica a sua inexistência, uma

Leia mais

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING 1 ÍNDICE 03 04 06 07 09 Introdução Menos custos e mais controle Operação customizada à necessidade da empresa Atendimento: o grande diferencial Conclusão Quando

Leia mais

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA OPERACIONAL (PTO)

EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA OPERACIONAL (PTO) EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DOS AEROPORTOS INTERNACIONAIS BRASÍLIA CAMPINAS GUARULHOS EDITAL DO LEILÃO Nº 2/2011 ANEXO 9 DO CONTRATO PLANO DE TRANSFERÊNCIA

Leia mais

Há quase três décadas, o O PRAZER DO RECONHECIMENTO. inside

Há quase três décadas, o O PRAZER DO RECONHECIMENTO. inside O PRAZER DO RECONHECIMENTO Por Fabiane Abel Há quase três décadas, o Prêmio Anefac Profissional do Ano escolhe anualmente os melhores executivos das áreas de Finanças, Administração e Contabilidade, levando

Leia mais

GUIA DE SOCIAIS EM REDES BOAS PRÁTICAS EM GESTÃO DO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO MELHORES PRÁTICAS. MELHORES RESULTADOS.

GUIA DE SOCIAIS EM REDES BOAS PRÁTICAS EM GESTÃO DO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO MELHORES PRÁTICAS. MELHORES RESULTADOS. GUIA DE BOAS PRÁTICAS EM GESTÃO DO ATENDIMENTO E RELACIONAMENTO EM REDES SOCIAIS MELHORES PRÁTICAS. MELHORES RESULTADOS. APRESENTAÇÃO OBJETIVO A ABA - Associação Brasileira de Anunciantes, por meio de

Leia mais

PLATAFORMA ELIPSE E3 TRAZ AGILIDADE E SEGURANÇA AO SISTEMA ELÉTRICO DO SERVIÇO DE TRENS URBANOS DO RIO DE JANEIRO OPERADO PELA SUPERVIA

PLATAFORMA ELIPSE E3 TRAZ AGILIDADE E SEGURANÇA AO SISTEMA ELÉTRICO DO SERVIÇO DE TRENS URBANOS DO RIO DE JANEIRO OPERADO PELA SUPERVIA PLATAFORMA ELIPSE E3 TRAZ AGILIDADE E SEGURANÇA AO SISTEMA ELÉTRICO DO SERVIÇO DE TRENS URBANOS DO RIO DE JANEIRO OPERADO PELA SUPERVIA Este case apresenta a aplicação da solução Elipse E3 para automatizar

Leia mais

SEGURANÇA SOBRE DUAS RODAS

SEGURANÇA SOBRE DUAS RODAS SEGURANÇA SOBRE DUAS RODAS Autor João Batista Weiss CEMIG DISTRIBUIÇÃO RESUMO Esse trabalho tem o objetivo de compartilhar com outras entidades o sucesso obtido na redução de acidente de transito e pessoal

Leia mais

Página 1 de 19 Data 04/03/2014 Hora 09:11:49 Modelo Cerne 1.1 Sensibilização e Prospecção Envolve a manutenção de um processo sistematizado e contínuo para a sensibilização da comunidade quanto ao empreendedorismo

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GOVERNANÇA PÚBLICA ALINNE SILVA E QUADROS

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GOVERNANÇA PÚBLICA ALINNE SILVA E QUADROS UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GOVERNANÇA PÚBLICA ALINNE SILVA E QUADROS BLOG DA COHAB: A SOLUÇÃO PARA A COMUNICAÇÃO INTERNA DA EMPRESA RELATÓRIO

Leia mais

Estrada Real é Nossa vai dar descontos em restaurantes. Passaporte ER chega ao Caminho do Sabarabuçu. Programa do IER treina condutores dos parques

Estrada Real é Nossa vai dar descontos em restaurantes. Passaporte ER chega ao Caminho do Sabarabuçu. Programa do IER treina condutores dos parques Ano 1 Nº 3 Informativo Estrada Real é Nossa vai dar descontos em restaurantes Pág. 02 Novo portal do Instituto Estrada Real é lançado Pág. 03 Passaporte ER chega ao Caminho do Sabarabuçu Pág. 05 Programa

Leia mais

27/11/2009. Entrevista do Presidente da República

27/11/2009. Entrevista do Presidente da República Entrevista exclusiva concedida por escrito pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, para o jornal Metro, edição São Paulo e edição ABC Publicada em 27 de novembro de 2009 Jornalista: Muitos

Leia mais

eccosystems@eccosystems.com.br janaina@eccosystems.com.br

eccosystems@eccosystems.com.br janaina@eccosystems.com.br eccosystems@eccosystems.com.br janaina@eccosystems.com.br 51 3307 6597 A ECCOSYSTEMS está estruturada para a prestação de serviços de engenharia, consultoria, elaboração de estudos, planejamento, projetos

Leia mais

Apoio: BIT Company Franchising Rua Fidêncio Ramos, 223 conj. 131 13º andar Vila Olimpia

Apoio: BIT Company Franchising Rua Fidêncio Ramos, 223 conj. 131 13º andar Vila Olimpia Nome da empresa: BIT Company Data de fundação: Julho de 1993 Número de funcionários: 49 funcionários Localização (cidade e estado em que estão sede e franquias): Sede em São Paulo, com franquias em todo

Leia mais

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR Já pensou um bairro inteirinho se transformando em escola a

Leia mais

Cidadania Global na HP

Cidadania Global na HP Cidadania Global na HP Mensagem abrangente Com o alcance global da HP, vem sua responsabilidade global. Levamos a sério nossa função como ativo econômico, intelectual e social para as Comunidades em que

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 131, DE 11 DE MARÇO DE 2003

RESOLUÇÃO Nº 131, DE 11 DE MARÇO DE 2003 RESOLUÇÃO Nº 131, DE 11 DE MARÇO DE 2003 Dispõe sobre procedimentos referentes à emissão de declaração de reserva de disponibilidade hídrica e de outorga de direito de uso de recursos hídricos, para uso

Leia mais

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica.

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica. PROJETO ATUALIZAR 2015 TEMA SISTEMA CANTAREIRA DATA DE APLICAÇÃO 09 a 13/03/2015 PROFESSORES RESPONSÁVEIS Cristiane e Felipe 1. SUGESTÕES DE PONTOS QUE PODEM SER ABORDADOS 1.1. A importância da água 1.2.

Leia mais

A Maior Triagem Odontológica do Mundo. Tá, entendi. Agora, como eu vou fazer isso?

A Maior Triagem Odontológica do Mundo. Tá, entendi. Agora, como eu vou fazer isso? A Maior Triagem Odontológica do Mundo. Em 18 de Março de 2013, o mundo inteiro vai sorrir mais bonito. Neste dia, realizaremos juntos em todo o Brasil, 10 países da América Latina e Portugal a MAIOR TRIAGEM

Leia mais

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Em 2013, a Duratex lançou sua Plataforma 2016, marco zero do planejamento estratégico de sustentabilidade da Companhia. A estratégia baseia-se em três

Leia mais

A Fundação Espaço ECO

A Fundação Espaço ECO www.espacoeco.org Sustentabilidade que se mede A Fundação Espaço ECO (FEE ) é um Centro de Excelência em Educação e Gestão para a sustentabilidade, que mede e avalia a sustentabilidade por meio de metodologias

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Quem não sabe administrar tostões, não sabe administrar milhões. Atenção para estas perguntas: Você possui uma conta corrente ou poupança separada para o seu negócio? O que você

Leia mais

PRS - Programa de Responsabilidade Social do Crea-RS

PRS - Programa de Responsabilidade Social do Crea-RS PRS - Programa de Responsabilidade Social do Crea-RS Gestão de Administração e Finanças Gerência de Desenvolvimento Humano e Responsabilidade Social Junho/2014 Desenvolvimento Sustentável Social Econômico

Leia mais

Resultados dos Estudos Preliminares da Captura e Utilização de Biogás dos Aterros Sanitários de Uberaba e Santana do Paraíso

Resultados dos Estudos Preliminares da Captura e Utilização de Biogás dos Aterros Sanitários de Uberaba e Santana do Paraíso Resultados dos Estudos Preliminares da Captura e Utilização de Biogás dos Aterros Sanitários de Uberaba e Santana do Paraíso Belo Horizonte, 26 de Abril de 2011 Jim Michelsen SCS Engineers & Frederico

Leia mais

Em 20 anos, Brasil poderá gerar 280 MW de energia do lixo

Em 20 anos, Brasil poderá gerar 280 MW de energia do lixo Em 20 anos, Brasil poderá gerar 280 MW de energia do lixo Fabíola Ortiz - 28/02/13 Potencial de produção de energia vinda dos aterros pode dobrar em 20 anos, se a lei de resíduos sólidos for cumprida.

Leia mais

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS

PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS PROGRAMA DE INTERCÂMBIO PROFISSIONAL TALENTOS GLOBAIS AIESEC em Belo Horizonte Rua dos Goitacazes, 1159 - Sala 2107 Barro Preto - Belo Horizonte - MG Fone: (31) 2512-1019 belohorizonte@aiesec.org.br facebook.com.br/aiesecbh

Leia mais

A experiência de Belo Horizonte:

A experiência de Belo Horizonte: A experiência de Belo Horizonte: a construção de uma capital sustentável Vasco de Oliveira Araujo Secretário Municipal de Meio Ambiente Prefeitura de Belo Horizonte Junho 2012 Belo Horizonte e RMBH (34

Leia mais

AS TRANSFORMAÇÕES NA PAISAGEM A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO LAGO DE FURNAS NO MUNICÍPIO DE FAMA-MG

AS TRANSFORMAÇÕES NA PAISAGEM A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO LAGO DE FURNAS NO MUNICÍPIO DE FAMA-MG AS TRANSFORMAÇÕES NA PAISAGEM A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO LAGO DE FURNAS NO MUNICÍPIO DE FAMA-MG Tamiris Batista Diniz tamirisbdiniz@hotmail.com Discente Geografia UNIFAL-MG 349 Ana Rute do Vale ana.vale@unifal-mg.edu.br

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE CONSULTORIA

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE CONSULTORIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE GESTÃO PARA REMEDIAÇÃO E PROTEÇÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS DA SUB-BACIA ATIBAIA COM ENFASE NO RESERVATÓRIO DE SALTO GRANDE AMERICANA SP TERMO DE REFERÊNCIA

Leia mais

Nota técnica Março/2014

Nota técnica Março/2014 Nota técnica Março/2014 Sistemas de Saneamento no Brasil - Desafios do Século XXI João Sergio Cordeiro O Brasil, no final do ano de 2013, possuía população de mais de 200 milhões de habitantes distribuídos

Leia mais

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política No Brasil, há poucas experiências conhecidas de uso de ferramentas de monitoramento de mídias sociais em campanhas políticas. Uma delas

Leia mais

Concurso Planear Estarreja (orientações para a implementação)

Concurso Planear Estarreja (orientações para a implementação) (orientações para a implementação) Escolas Programa de Regeneração Urbana da Cidade de Estarreja Fases do Fase 1. Diagnóstico Fase 2. Estratégia e Plano de Ação 2 Exercícios para preparação de diagnóstico

Leia mais

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LI ESTAMOS PASSANDO PELA MAIOR TRANSFORMAÇÃO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. VALORIZAR PESSOAS

Leia mais

GUIA DE RECEBIMENTO E OFERECIMENTO DE PRESENTES, BRINDES, HOSPITALIDADE E CONTRAPARTIDAS DE PATROCÍNIO

GUIA DE RECEBIMENTO E OFERECIMENTO DE PRESENTES, BRINDES, HOSPITALIDADE E CONTRAPARTIDAS DE PATROCÍNIO GUIA DE RECEBIMENTO E OFERECIMENTO DE PRESENTES, BRINDES, HOSPITALIDADE E CONTRAPARTIDAS DE PATROCÍNIO (Síntese adaptada do normativo interno PG-0V1-00034-0 Guia de Recebimento e Oferecimento de Presentes,

Leia mais

Número de funcionários: Aproximadamente 1200 colaboradores na sede administrativa e industrial.

Número de funcionários: Aproximadamente 1200 colaboradores na sede administrativa e industrial. PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 Categoria Franqueador Máster Dados da empresa Razão Social: IBAC Indústria Brasileira de Alimentos e Chocolates Nome Fantasia: Cacau Show Data de fundação:

Leia mais

COM. 02 - PUBLICAÇÕES

COM. 02 - PUBLICAÇÕES 1 de 9 PUBLICAÇÕES MACROPROCESSO MARKETING E PROCESSO PUBLICAÇÕES - PUBLICAÇÕES 1. OBJETIVO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 2 3. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 2 4. PROCEDIMENTOS... 2 4.1 DEFINIÇÃO DO SERVIÇO E SUA

Leia mais

A confluência dos vídeos e a Internet

A confluência dos vídeos e a Internet WHITEPAPER A confluência dos vídeos e a Internet Por que sua empresa deveria investir em vídeos em 2013 e como a Construção Civil pode utilizar os vídeos como diferencial competitivo. 1 Saiba como os vídeos

Leia mais

BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA

BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA BNDESPAR INGRESSA NO CAPITAL SOCIAL DA RENOVA ENERGIA Por meio de um investimento estratégico de até R$314,7 milhões, a BNDESPAR ingressa no capital social da Renova Energia. Parceria de Longo Prazo A

Leia mais

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Este assunto normalmente é tratado quando se aborda a coleta de dados no ciclo de Inteligência. No entanto, o fenômeno das redes sociais, atualmente, cresceu

Leia mais

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva.

Palavra chave: Capital Humano, Gestão de Pessoas, Recursos Humanos, Vantagem Competitiva. COMPREENDENDO A GESTÃO DE PESSOAS Karina Fernandes de Miranda Helenir Celme Fernandes de Miranda RESUMO: Este artigo apresenta as principais diferenças e semelhanças entre gestão de pessoas e recursos

Leia mais

Máxima Nova Classe Média autoestima 33%

Máxima Nova Classe Média autoestima 33% Máxima é a primeira revista mensal totalmente voltada para os desejos e as necessidades da mulher da Nova Classe Média. Sua missão é ajudá-la a resolver as questões do seu dia a dia e ser fonte de inspiração

Leia mais

Como criar um clube de vantagens em sua empresa

Como criar um clube de vantagens em sua empresa Como criar um clube de vantagens em sua empresa Uma publicação Introdução Atrair e reter bons funcionários no mundo competitivo atual é cada vez mais difícil e caro. Por este motivo, torna-se muito importante

Leia mais

Repotenciação de usinas hidrelétricas: capacitação do IEE/USP com vistas à otimização energética do parque brasileiro

Repotenciação de usinas hidrelétricas: capacitação do IEE/USP com vistas à otimização energética do parque brasileiro Superintendência de Regulação dos Serviços de Geração - SRG Workshop: Repotenciação de Usinas Hidrelétricas Brasília-DF 14 de julho de 2011 Repotenciação de usinas hidrelétricas: capacitação do IEE/USP

Leia mais

Política de Viagem Quatro Estações

Política de Viagem Quatro Estações 1 Gestão De Viagens Corporativas Construindo Uma Política De Viagens Mais Efetiva O documento em questão visa difundir informações, consolidar as práticas de mercado que nós consideramos importantes na

Leia mais

Caio Luiz de Carvalho Presidente

Caio Luiz de Carvalho Presidente Caio Luiz de Carvalho Presidente Os desafios do Brasil Deixar de ser espectador e se tornar ator do processo. Todos os brasileiros. Profissionais ou espectadores, envolvidos diretamente ou não. Muitas

Leia mais