Unidade I MARKETING ESPORTIVO E. Profa. Daniela Menezes

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Unidade I MARKETING ESPORTIVO E. Profa. Daniela Menezes"

Transcrição

1 Unidade I MARKETING ESPORTIVO E CULTURAL Profa. Daniela Menezes

2 Marketing Esportivo Antes de entendermos o que realmente é Marketing Esportivo, vamos entender o que é Marketing. Segundo Philip Kotler ( 2006), Marketing é um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo que necessitam e o que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros.

3 O que é Marketing?... Marketing é o processo de planejar e executar a concepção, a determinação do preço, a promoção e a distribuição de idéias, bens e serviços para criar trocas que satisfaçam a metas individuais e organizacionais. AMA (American Marketing Association)

4 Marketing x Vendas Marketing é a arte de vender produtos. Será?

5 O Marketing moderno Atualmente o Marketing deve construir relacionamentos duradouros onde todos os envolvidos no processo de troca se sintam ganhadores. Os profissionais de marketing devem criar ou despertar no consumidor a necessidade e/ou desejo por algo.

6 Marketing Esportivo Marketing esportivo pode ser conceituado como: Uma ferramenta de especialização das aplicações dos conceitos de marketing tradicional a produtos de esporte (clubes, federações, eventos esportivos) e a produtos não esportivos, mas que possuam ligação direta com o esporte (produtos de consumo em geral).

7 Marketing Esportivo A partir da definição de Marketing esportivo criou-se dois conceitos importantes: Marketing do esporte; Marketing através do esporte.

8 Marketing Esportivo Exemplos de Marketing do Esporte Fonte: Fonte: Fonte:

9 Marketing Esportivo Exemplos de Marketing através do esporte:

10 Marketing Esportivo A união dessas duas forças, clubes que buscam atender ou criar necessidades e/ou desejos em seus torcedores e empresas interessadas em atingir esses torcedores, é que faz do marketing esportivo uma força diferenciada.

11 Interatividade O Marketing esportivo é uma ferramenta para aplicar os conceitos de marketing tradicional a produtos de esporte e a produtos não esportivos. Identifique as duas forças que compõem o Marketing esportivo: a) Nossos clubes de coração e a mídia alternativa; b) Clubes que buscam atender ou criar necessidades e/ou desejos em seus torcedores e empresas interessadas em atingir esses torcedores; c) Modalidades esportivas e a indústria do esporte; d) Eventos esportivos e Atletas; e) Dirigentes de clubes esportivos e atletas;

12 A indústria do esporte Antes de entendermos o que é indústria do esporte, vamos entender o conceito de indústria: "Indústria é um mercado que vende a consumidores produtos semelhantes ou estreitamente relacionados. Porter (1985)

13 A indústria do esporte Pode-se definir a indústria do esporte como o mercado no qual os produtos oferecidos aos compradores têm a ver com esporte, fitness, recreação, lazer e podem incluir, entre outros, atividades, bens, serviços, pessoas, lugares ou ideias.

14 A indústria do esporte Exemplificação de produtos oferecidos: Fonte: Livro Texto, Marketing Esportivo e Cultural, Unidade I, 2009, UNIP Interativa

15 Segmentação de produtos esportivos Segmento de prática esportiva: prática esportiva oferecida aos consumidores como produtos de participação ou entretenimento. Exemplo: Aulas de ginástica.

16 Segmentação de produtos esportivos Segmento de produção esportiva: produtos necessários ou desejados para a realização da prática esportiva. Exemplos: Bola de futebol, cesta de basquete, capacete para automobilismo. Fonte: DigitalMedia/43312C-01_CN1_0953.jpg

17 Segmentação de produtos esportivos Segmento da promoção esportiva: Produtos oferecidos como instrumentos para se promover o produto esportivo. Exemplos: Revistas dirigidas ao esporte. Fonte:

18 A indústria do esporte pelo mundo No mundo, a indústria do esporte movimenta algo em torno de US$ 1 trilhão. A cada gol, cesta ou raquetada, as caixas registradoras das empresas de marketing esportivo rodam numa velocidade impressionante. Trata-se, hoje, de uma das mais lucrativas indústrias do planeta, que contribui para o nascimento de grandes companhias da noite para o dia.

19 A indústria do esporte pelo Brasil A indústria esportiva no Brasil movimenta, em média, R$ 31 bilhões por ano e vem crescendo anualmente. Já ultrapassa os 3% do PIB brasileiro. Só os torcedores do Flamengo têm um poder de consumo maior do que o da população da Venezuela e cerca de 65% do que o da Argentina.

20 Números da indústria do esporte Nos Estados Unidos, a indústria do esporte gera US$ 613 bilhões por ano, representando 6,7% do PIB (dados de 2002). Em 1982, a indústria americana de esporte era composta de apenas dez investidores, hoje são 3,4 mil empresas. Os canais de televisão com programação esportiva dobraram nos Estados Unidos. Em 1997 eram 69. Hoje são mais de 130.

21 Números da indústria do esporte Custo de um comercial na final do campeonato de futebol americano (SuperBowl) ultrapassa US$ 70 mil/segundo. Na Europa, os direitos de transmissão esportiva dobraram desde 1992: de US$ 1,47 bilhão para US$ 3,3 bilhões.

22 Interatividade A indústria do esporte trata-se, hoje, de uma das mais lucrativas indústrias do planeta e esse crescimento propiciou a segmentação dos produtos esportivos. Dentre os mais comuns, identificamos o segmento da produção esportiva que desenvolve: a) Práticas oferecidas a consumidores como produtos de participação; b) Esportes oferecidos como produto para expectadores; c) Produtos oferecidos ec como o instrumentos tos para a se promover o produto esportivo; d) Produtos necessários ou desejados para a realização da prática esportiva; e) Atividades recreativas.

23 Investimento no esporte Por que investir no esporte? O esporte possui algumas características que o transformam num produto único: Fidelidade, paixão e fé; Conhecimento, experiência e estratégia; Garra, determinação e superação; Qualidade de vida, saúde e satisfação.

24 Investimento no esporte Profissão, educação e perspectiva; Auxílio, doação e integração social; Contato, recreação e descoberta; Emoção, apoio e alegria

25 Investimento no esporte Pode-se então identificar no esporte três elementos fundamentais: Parceria; Investimento; Retorno.

26 Investimento no esporte Por que uma marca investe no esporte? Por uma percepção diferenciada; Identidade de marca; Esporte agrega valor à marca; Ao patrocinar equipes ou projetos relacionados ao esporte, a marca passa a ter o status de promotor social.

27 Investimento no esporte Como utilizar: 1. Fidelidade Com a fidelidade, o investidor terá a garantia da manutenção de sua base de clientes, formada pelos torcedores e aficionados do clube em que ele investe ou patrocina com sua marca.

28 Investimento no esporte 2. Paixão A paixão que envolve os esportes poderá determinar ações que mexam com esse sentimento, o que facilitará a inclusão de novos clientes, tanto entre torcedores como entre aqueles que se identificam com o clube patrocinado.

29 Investimento no esporte 3. Conhecimento Sabendo explorar o conhecimento esportivo, o investidor apresentará um valor agregado que diferenciará sua marca no mercado. 4. Determinação A determinação que é exigida no esporte poderá fazer com que a marca do investidor seja reconhecida como forte e segura.

30 Investimento no esporte 5. Superação Superação é outra qualidade esportiva. Sabendo manejá-la, sua marca atingirá seus objetivos em relação aos consumidores e clientes. 6. Saúde Nada melhor do que vincular a marca a algo que é reconhecidamente associado à prática esportiva: a saúde.

31 Investimento no esporte 7. Satisfação Sem dúvida o esporte é uma atividade que transmite satisfação aos seus adeptos. Essa é mais uma qualidade a ser associada aos produtos do patrocinador. 8. Educação Esporte também é educação. Por isso, esse é um fator que sempre agrega valor à marca.

32 Investimento no esporte 9. Integração social Em um país coberto por desigualdades, a integração social que resulta da prática esportiva ou de seu acompanhamento é um fator decisivo de diferenciação e de visibilidade para a marca do investidor.

33 Investimento no esporte 10. Descoberta Novas modalidades, novas metas a serem atingidas, novos equipamentos que aprimoram a performance dos esportistas. Tudo isso faz parte do cotidiano esportivo. A associação do componente inovação com a marca pode ser muito vantajoso.

34 Interatividade Existem diversas características do esporte que transformam o produto em algo único. Mas podemos identificar no esporte três elementos fundamentais, que são: a) Parceria, investimento e retorno; b) Mídia alternativa, parceria e custo alto; c) Investimento, paixão e custo alto; d) Parceria, investimento e fidelidade; e) Paixão, falta de reconhecimento e investimento; t

35 Empresas envolvidas com esporte No Brasil o envolvimento das empresas de diversos setores com o esporte vem crescendo e isso dá-se possivelmente porque: Materiais e equipamentos esportivos: Compõem uma grande indústria diversificada e especializada em produção de equipamentos e materiais esportivos. Quantos mais esportes forem praticados e por um número maior de pessoas maiores serão as vendas dessas empresas.

36 Empresas envolvidas com esporte Patrocinadores esportivos: As empresas investem principalmente no esporte de alto rendimento, que acontece em lugares de repercussão nacional. Outras investem em esporte comunitário e de base, em busca do reconhecimento da comunidade. O patrocínio é tão importante atualmente em um time que influencia diretamente em seu desempenho.

37 Empresas envolvidas com esporte Cogestoras É crescente a participação de empresas, não só como patrocinadoras, mas também como cogestoras, em times profissionais. Os motivos que levam companhias a trabalhar em sistema de cogestão com os clubes são os problemas de organização e administração que estes apresentam.

38 Empresas envolvidas com esporte De marketing esportivo: São especializadas na utilização do esporte, por outras empresas, como veículo de propaganda, entre outras atividades. Na avaliação dos resultados dos patrocínios incluem relatório geral, em que são mencionadas as inserções na imprensa.

39 Empresas envolvidas com esporte De novos produtos e serviços ligados aos esportes: Atuam na produção dos mais diferentes produtos e também na prestação serviços, entre eles: Empresas promotoras de eventos esportivos; Exemplo: Yescom Entretenimento Esportes e Comunicação. Fonte das imagens:

40 Empresas envolvidas com esporte Empresas administradoras de equipamentos esportivos; Exemplo: Fonte: sportmix.com.br

41 Empresas envolvidas com esporte Empresas especializadas adas em compra e venda de bilhetes para eventos esportivos; Exemplo: Empresa Ingresso fácil. Fonte:

42 Empresas envolvidas com esporte Agências que vendem pacotes para eventos esportivos; Exemplo:Empresa Keith Prowse. Fonte: http//virgula.uol.com.br/ver/noticia/esporte/2009

43 Empresas envolvidas com esporte Empresas especializadas em licenciamento para a venda de camisetas, bonés, chaveiros etc.; Exemplo: Fonte:

44 Natureza Natureza Empresas que investem no esporte devem possuir algumas características essenciais: Marcas fortes ou potencialmente fortes; Buscar novas formas de comunicação com seu público.

45 Natureza Natureza O esporte deve ser utilizado como mídia alternativa, para ênfase: Reforço da marca; Melhoria da imagem.

46 Natureza Natureza Essa relação é o que pode-se denominar de tripé do marketing esportivo:

47 Natureza Natureza Assim, ao associarmos uma marca, produto ou empresa a um atleta, clube ou esporte, estamos buscando na verdade: Valorização; Divulgação; Rejuvenescimento (quando necessário).

48 Natureza - mídia É um aspecto muito importante isso porque sozinho o esporte já tem espaço em qualquer veículo de comunicação. Quando inserimos numa ação de marketing o esporte auxilia na: Regionalização da mídia; Segmentação do mercado.

49 Natureza - mídia É importante percebemos que o esporte deve ser visto como mídia alternativa. Observe a tabela:

50 Natureza - mídia Além de menores custos, o investimento em patrocínios esportivos pode, muitas vezes, ter maior alcance que ao utilizar a mídia convencional: O retorno de uma marca ou produto envolvido em patrocínio de eventos esportivos é quatro vezes maior do que o de uma boa campanha publicitária, Darren Marshall, vice-presidente da SRI Sponsorship Research International.

51 Natureza - mídia Na avaliação de resultados de utilização do esporte como ação de marketing podemos encontrar tanto o retorno direto, de imagem ou publicidade, como o indireto, a elevação das vendas. Fonte: livro texto: Marketing Esportivo e Cultural, UNIP Interativa

52 Natureza - mídia Pode-se afirmar que para o brasileiro o marketing esportivo é um novo segmento de mercado de comunicação que também utiliza ações convencionais de marketing como marketing promocional ou o trabalho de marca.

53 Natureza - mídia Pode-se identificar no entanto características diferentes da propaganda tradicional: Faz do consumidor não apenas um objetivo a ser buscado, mas lhe dá também a chance de participar ativamente desse mercado; Chega ao consumidor de forma muito rápida e mais direta, possibilitando ótima resposta em termos de imagem e de vendas.

54 Conceitos Observe alguns conceitos do Marketing esportivo: Uma ação privada, de indivíduos ou empresas, destinada a beneficiar uma atividade esportiva de interesse público; Alternativa diferenciada de comunicação de um produto, serviço ou imagem;

55 Conceitos Compreende ações que visem à melhoria ou à fixação de uma imagem institucional; Utiliza o conceito de esporte com veículo (mídia); É uma estratégia mercadológica; É uma modalidade de marketing promocional; É um poderoso instrumento para a construção e preservação da imagem institucional da empresa.

56 Características Observe algumas características do Marketing esportivo: Tipo de marketing promocional; Mídia alternativa que atinge de forma rápida e direta o consumidor; Mídia participativa, porque permite a participação direta ou indireta do consumidor;

57 Características Elemento de fixação e divulgação de marcas e conceitos; Estratégia de marketing e comunicação que envolve menores riscos e custos e apresenta diferentes alternativas de investimento, por causa das inúmeras possibilidades esportivas existentes; Elemento de reforço de imagem para seus investidores.

58 Interatividade Empresas que investem no esporte devem possuir duas características essenciais: a) Atuar em um mercado segmentado e buscar alternativas de marketing promocional; b) Possuir marcas fortes ou potencialmente fortes e buscar novas formas de comunicação com seu público. c) Ser líder de mercado e buscar a melhora de sua imagem institucional; d) Ser uma empresa recente no mercado e buscar mídia alternativa; e) Possuir um alto capital para investimento no esporte e buscar atrair torcedores para consumirem seus produtos;

59 ATÉ A PRÓXIMA!

Marketing Esportivo e Cultural

Marketing Esportivo e Cultural Marketing Esportivo e Cultural Professor conteudista: Fernando F. Malagrino Revisora: Maria Teresa Larocca Sumário Marketing Esportivo e Cultural Unidade I 1 DEFINIÇÃO...1 2 A INDÚSTRIA DO ESPORTE...2

Leia mais

Marketing esportivo. I Seminário DESCOR de Pesquisa. Agenda 14/11/2016. Prof. Dr. André F. A. Fagundes. FAGEN/UFU

Marketing esportivo. I Seminário DESCOR de Pesquisa. Agenda 14/11/2016. Prof. Dr. André F. A. Fagundes. FAGEN/UFU I Seminário DESCOR de Pesquisa Marketing esportivo Prof. Dr. André F. A. Fagundes FAGEN/UFU andre.fagundes@ufu.br Prof. Dr. André F. A. Fagundes 1 Agenda A indústria do esporte. Consumidor esportivo. Marketing

Leia mais

Unidade I. Marketing. Profª. Daniela Menezes

Unidade I. Marketing. Profª. Daniela Menezes Unidade I Marketing Profª. Daniela Menezes O que é Marketing? Marketing é:...um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo que necessitam e o que desejam com a criação, oferta

Leia mais

MARKETING MIX DE MARKETING E FIDELIZAÇÃO. TAMIRES CARDOSO DE SOUZA - Aluna do 6º semestre de Administração de Empresas UNIFIA

MARKETING MIX DE MARKETING E FIDELIZAÇÃO. TAMIRES CARDOSO DE SOUZA - Aluna do 6º semestre de Administração de Empresas UNIFIA MARKETING MIX DE MARKETING E FIDELIZAÇÃO TAMIRES CARDOSO DE SOUZA - Aluna do 6º semestre de Administração de Empresas UNIFIA RESUMO Quando falamos em marketing, o que vem em mente da maioria das pessoas

Leia mais

RELATÓRIO ABERTO AO TORCEDOR GAMENSE TERTULIANO PINHEIRO

RELATÓRIO ABERTO AO TORCEDOR GAMENSE TERTULIANO PINHEIRO RELATÓRIO ABERTO AO TORCEDOR GAMENSE TERTULIANO PINHEIRO PROJETO INICIAL Em 8 de maio de 2014, a 10 Sports e o publicitário Tertuliano Pinheiro começaram um trabalho na Sociedade Esportiva do Gama. O

Leia mais

Promoção Turística Internacional Copa do Mundo 2014 EMBRATUR. Brasília, 25 de agosto de 2011

Promoção Turística Internacional Copa do Mundo 2014 EMBRATUR. Brasília, 25 de agosto de 2011 Promoção Turística Internacional Copa do Mundo 2014 EMBRATUR Brasília, 25 de agosto de 2011 Plano Aquarela Marketing Turístico Internacional do Brasil Desde 2005 é a base metodológica de todo o trabalho

Leia mais

HIGHER BRIDGE COMPANY. Partindo de uma história familiar com mais de 30 anos de experiência no

HIGHER BRIDGE COMPANY. Partindo de uma história familiar com mais de 30 anos de experiência no CAPA HIGHER BRIDGE COMPANY Partindo de uma história familiar com mais de 30 anos de experiência no ensino de esportes, Higher Bridge desenvolveu o programa de ensino de idiomas por meio dos esportes. Reconhecidos

Leia mais

PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5

PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5 PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5 Brasil, País do ingresso mais caro do Mundo PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Curitiba-PR Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais

Promoção. Prof. Me. André F. A. Fagundes 1. Disciplina: Administração Mercadológica 2º semestre de 2009

Promoção. Prof. Me. André F. A. Fagundes 1. Disciplina: Administração Mercadológica 2º semestre de 2009 Disciplina: Administração Mercadológica 2º semestre de 2009 Promoção Prof. M e André F. A. Fagundes Prof. M e André F. A. Fagundes 1 Comunicação de marketing É o meio pelo qual as empresas buscam informar,

Leia mais

PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO CULTURAL

PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO CULTURAL PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO CULTURAL. Conexões para transformar Projeto aprovado na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura www.planetacultura.com.br SUMÁRIO Introdução O Programa de Integração Cultural Escopo Circuito

Leia mais

Presidente. Conselho Diretor. Diretor Geral. Jurídico. Comunicação. Fla-Gávea Meio/Corporativo. Esportes Olímpicos Futebol.

Presidente. Conselho Diretor. Diretor Geral. Jurídico. Comunicação. Fla-Gávea Meio/Corporativo. Esportes Olímpicos Futebol. Presidente Conselho Diretor Jurídico Diretor Geral Comunicação Fla-Gávea Meio/Corporativo Marketing Esportes Olímpicos Futebol Diretor Geral Fred Luz Conduzir a elaboração e execução dos planos estratégicos

Leia mais

Potencial da Indústria do Esporte no Brasil

Potencial da Indústria do Esporte no Brasil Potencial da Indústria do Esporte no Brasil setembro / 2010 Perspectivas Globais (indústria do esporte) Participação do esporte no PIB das nações desenvolvidas entre 2,0% e 2,5%. Na década d de 1990 participação

Leia mais

PROMOÇÃO DE VENDAS & MERCHANDISING

PROMOÇÃO DE VENDAS & MERCHANDISING PROMOÇÃO DE VENDAS & Prof. Msc. Nilvo A. Colucci 2s 2016 OBJETIVOS DA AULA Aula inaugural: apresentações iniciais e do conteúdo. Fundamentação teórica e alinhamento de conceitos. 1 - Definições e conceitos;

Leia mais

MARKETING INSTITUCIONAL. Prof. Daciane de Oliveira Silva

MARKETING INSTITUCIONAL. Prof. Daciane de Oliveira Silva MARKETING INSTITUCIONAL Prof. Daciane de Oliveira Silva Funções :Marketing Comercial e Marketing Institucional O QUE É MARKETING INSTITUCIONAL? Visa criar atitudes e comportamentos favoráveis nos stakeholders

Leia mais

Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS

Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS Profa. Cleide de Freitas Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS O que vimos na aula anterior Ideias e Oportunidades Oportunidades x Experiência de mercado O que é um plano de negócios? Identificação e análise de

Leia mais

Módulo 1 - Mês 1- Aula 3

Módulo 1 - Mês 1- Aula 3 PLANEJAMENTO BÁSICO Módulo 1 - Mês 1- Aula 3 PLANEJAMENTO BÁSICO Como construir renda estável em cada etapa 1. Etapas de Faturamento Para construir um rendimento estável, existe uma ordem a seguir. Na

Leia mais

Patrocínio Esportivo 4.6 Prospecção de Patrocinadores

Patrocínio Esportivo 4.6 Prospecção de Patrocinadores Patrocínio Esportivo 4.6 Prospecção de Patrocinadores Patrocínio Esportivo 4.6 Projeto Final Prospecção de Patrocinadores Desenvolvimento do Projeto Esportivo e Plano Comercial (aula 3) Definição de novos

Leia mais

As seguintes práticas são consideradas rigorosamente contrárias aos princípios do código de ética:

As seguintes práticas são consideradas rigorosamente contrárias aos princípios do código de ética: CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DO ESPORTE CLUBE VITÓRIA I. RAZÕES A gestão adequada de uma instituição esportiva como o Esporte Clube Vitória requer o estabelecimento de mecanismos para assegurar que os objetivos

Leia mais

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO A Gestão Participativa, com a construção de múltiplos canais de consulta, com a participação em decisões, com o controle Social,

Leia mais

O PROFISSIONAL ESTRATÉGICO DA COMUNICAÇÃO. Catarina Donda

O PROFISSIONAL ESTRATÉGICO DA COMUNICAÇÃO. Catarina Donda O PROFISSIONAL ESTRATÉGICO DA COMUNICAÇÃO Catarina Donda Programa Histórico Conceitos Desafios O que fazer Histórico da Comunicação Empresarial no Brasil ANOS 60 E 70 Falta de entendimento do papel do

Leia mais

Palavras-chave: Organização sem fins lucrativos. Administrador de organização sem fins lucrativos. Terceiro setor.

Palavras-chave: Organização sem fins lucrativos. Administrador de organização sem fins lucrativos. Terceiro setor. O ADMINISTRADOR DE ORGANIZAÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS Marcileia Costa dos Santos* RESUMO O Terceiro Setor compreende Organizações Sem Fins Lucrativos que buscam promover o bem estar social e mudanças na

Leia mais

Pelo 9 ano consecutivo, a RICTV Record em parceria com a Federação de Futebol Society do Paraná, promove a Copa RIC de Futebol , em Curitiba.

Pelo 9 ano consecutivo, a RICTV Record em parceria com a Federação de Futebol Society do Paraná, promove a Copa RIC de Futebol , em Curitiba. FUTEBOL 7 O FUTEBOL 7 O futebol Sete começou no ano de 1950, no Rio de Janeiro. Lá praticava-se o futebol de amigos nos quintais dos casarões da Tijuca, iniciando-se com o primeiro campo na Rua Uruguai,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO MERCADOLÓGICA. Prof. M. Sc. João Artur Izzo

ADMINISTRAÇÃO MERCADOLÓGICA. Prof. M. Sc. João Artur Izzo ADMINISTRAÇÃO MERCADOLÓGICA Prof. M. Sc. João Artur Izzo PRINCIPAIS CONCEITOS RELACIONADOS AO MARKETING O senso comum nos leva a crer que marketing significa vendas e propaganda, mas isso é um engano.

Leia mais

O círculo VIRTUOSO dos clubes de futebol

O círculo VIRTUOSO dos clubes de futebol PLURI Especial O círculo VIRTUOSO dos clubes de futebol Economista, Especialista em Gestão e Marketing do Esporte e Pesquisa de Mercado, Diretor da Pluri Consultoria, da BrSM e Sportfood Franchising e

Leia mais

Marketing, Consumo, Estado e Sociedade

Marketing, Consumo, Estado e Sociedade Marketing, Consumo, Estado e Sociedade Conceito de Marketing...um processo pelo qual se planeja e efetua a concepção, a fixação do preço, a promoção e a distribuição de idéias, bens e serviços que estimulam

Leia mais

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA 1 A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA O handebol é praticado em Indaiatuba há 20 anos. Nos primeiros anos sem um forte trabalho de base, os times foram montados com atletas migrados de outros esportes

Leia mais

BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO

BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO BUSCA DE FIDELIZACÃO DOS CLIENTES ATRAVES DA QUALIDADE NO ATENDIMENTO Taynná BECKER 1 Priscila GUIDINI 2 RESUMO: O artigo apresenta a importância da fidelização de clientes para as empresas, e como a qualidade

Leia mais

Ligas esportivas no Brasil: O que precisa mudar para desenvolver?

Ligas esportivas no Brasil: O que precisa mudar para desenvolver? Ligas esportivas no Brasil: O que precisa mudar para desenvolver? Geraldo R. H. Campestrini O sucesso recente de algumas ligas esportivas estrangeiras no Brasil chama a atenção por duas razões principais.

Leia mais

LIVE SPORTS MARKETING

LIVE SPORTS MARKETING LIVE SPORTS MARKETING A Live Sports Marketing é uma agência que existe desde 2006 e presta serviços de consultoria e assessoria de marketing esportivo para empresas e marcas que queiram utilizar e se beneficiar

Leia mais

Case: Crescendo na crise Zurich Seguros. Luís Reis October Miami

Case: Crescendo na crise Zurich Seguros. Luís Reis October Miami Case: Crescendo na crise Zurich Seguros Luís Reis October Miami Estratégias sólidas são resilientes Proposta Planejar o crescimento acelerado, utilizando parcerias como canal de distribuição alternativo

Leia mais

VISÃO PLURI O Estádio Mané Garrincha e a Lei da utilidade marginal decrescente

VISÃO PLURI O Estádio Mané Garrincha e a Lei da utilidade marginal decrescente VISÃO PLURI O Estádio Mané Garrincha e a Lei da utilidade marginal decrescente PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais

Introdução 1.1 Contextualização

Introdução 1.1 Contextualização 1 Introdução 1.1 Contextualização O patrocínio esportivo é uma das atividades promocionais de marketing que mais se desenvolveu nos últimos anos. Segundo Sandler e Shani (1989), em 1980 foram gastos US$

Leia mais

Carta de Brasília II

Carta de Brasília II 2 Carta de Brasília II O II Fórum Nacional de TVs Públicas, ancorado pela Carta de Brasília, afirma seu compromisso com o processo de democratização da comunicação social brasileira. Visando a conquista

Leia mais

Futebol Brasileiro fecha 2013 com arrecadação total de R$ 475 milhões

Futebol Brasileiro fecha 2013 com arrecadação total de R$ 475 milhões Futebol Brasileiro fecha 2013 com arrecadação total de R$ 475 milhões PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. São Paulo - Brasil Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais

Incorpore uma marca 1

Incorpore uma marca 1 Incorpore uma marca 1 Anne Lis SKRZYPIEC 2 Eveline SOBERANO 3 Fátima Dayane de OLIVEIRA 4 Luisa Verena PERINE 5 Profª Ms. Patrícia Piana Presas 6 FAE - Centro Universitário Franciscano do Paraná, PR RESUMO

Leia mais

1 O problema Contextualização do problema

1 O problema Contextualização do problema 1 O problema 1.1. Contextualização do problema A cada dia pode-se observar um aumento nas atividades de lazer, incluindo eventos culturais, esportivos e sociais, reunindo um grande número de participantes

Leia mais

PROGRAMAS DE JUVENTUDE NO MUNICÍPIO RIO DE JANEIRO BRENNER

PROGRAMAS DE JUVENTUDE NO MUNICÍPIO RIO DE JANEIRO BRENNER PROGRAMAS DE JUVENTUDE NO MUNICÍPIO RIO DE JANEIRO BRENNER, Ana Karina - Universidade Federal Fluminense GT: Movimentos Sociais e Educação / n.03 Agência Financiadora: FAPERJ Este trabalho relata resultados

Leia mais

Patrocínio Esportivo 2.6 revisão aula 1.6 Negócio Esporte

Patrocínio Esportivo 2.6 revisão aula 1.6 Negócio Esporte Patrocínio Esportivo 2.6 revisão aula 1.6 Negócio Esporte Patrocínio Esportivo 2.6 revisão aula 1.6 - visão sistêmica marketing esportivo - PRODUTO CANAIS comunicação alto rendimento educacional MERCADO

Leia mais

Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico GFAC Grupo de Formulação e Análises Curriculares

Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico GFAC Grupo de Formulação e Análises Curriculares Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico GFAC Grupo de Formulação e Análises Curriculares Eixo Tecnológico: Turismo, Hospitalidade e Lazer CAPÍTULO 3 PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO Especialização

Leia mais

INBOUND MARKETING FAÇA SUA EMPRESA GERAR RESULTADOS REAIS COM MARKETING DIGITAL

INBOUND MARKETING FAÇA SUA EMPRESA GERAR RESULTADOS REAIS COM MARKETING DIGITAL INBOUND MARKETING FAÇA SUA EMPRESA GERAR RESULTADOS REAIS COM MARKETING DIGITAL POR QUE O INBOUND MARKETING FUNCIONA? MUDANÇA NO PROCESSO DE COMPRA Talvez você se lembre como as coisas funcionavam ANTES

Leia mais

PROJETO SOCIAL EDUCAÇÃO E CIDADANIA PARA TODOS.

PROJETO SOCIAL EDUCAÇÃO E CIDADANIA PARA TODOS. ESADE ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, DIREITO E ECONOMIA. CURSO DE ADMINISTRAÇÃO RESPONSABILIDADE SOCIAL PROJETO SOCIAL EDUCAÇÃO E CIDADANIA PARA TODOS. Profª. Ana Elisa Pascottini. MARIA IANE CAMARGO

Leia mais

NO QUE ACREDITAMOS. O esporte é uma forma de criar e contar histórias.

NO QUE ACREDITAMOS. O esporte é uma forma de criar e contar histórias. Quem Somos NO QUE ACREDITAMOS O esporte é uma forma de criar e contar histórias. Uma boa história é composta por personagens interessantes, situações envolventes e um relato que se espalha, multiplica.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA BACHARELADO Introdução à Educação Física Apresentação e contextualização da Educação Física e da cultura universitária em geral; Discussão

Leia mais

plano COMUNICAÇÃO 2015

plano COMUNICAÇÃO 2015 plano COMUNICAÇÃO 2015 plano de comunicação Feira do Cavalo A Feira do Cavalo é uma das grandes apostas. Este evento não só posiciona Ponte de Lima e Portugal no circuito mundial equestre, como é, sem

Leia mais

Gestão de CLUBES ESPORTIVOS PAULO SÉRGIO MARTINS MARCO AURÉLIO PAGANELLA

Gestão de CLUBES ESPORTIVOS PAULO SÉRGIO MARTINS MARCO AURÉLIO PAGANELLA Gestão de CLUBES ESPORTIVOS PAULO SÉRGIO MARTINS MARCO AURÉLIO PAGANELLA 1 a edição Brasil 2015 Copyright 2015 Ícone Editora Ltda. Capa / Diagramação Suely Danelon Revisão Daniela Pita Proibida a reprodução

Leia mais

PLURI Especial O ciclo vicioso de um clube em crise

PLURI Especial O ciclo vicioso de um clube em crise PLURI Especial O ciclo vicioso de um clube em crise PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando Ferreira Economista, Especialista

Leia mais

Unidade II FINANÇAS EM PROJETO DE TI. Prof. Fernando Rodrigues

Unidade II FINANÇAS EM PROJETO DE TI. Prof. Fernando Rodrigues Unidade II FINANÇAS EM PROJETO DE TI Prof. Fernando Rodrigues Introdução à análise de risco Um projeto de TI, como qualquer outro projeto está sujeito a riscos no decorrer do seu desenvolvimento. Alguns

Leia mais

PERFIL DO CLIENTE IDEAL TEMPLATE

PERFIL DO CLIENTE IDEAL TEMPLATE PERFIL DO CLIENTE IDEAL TEMPLATE Faz sentido, certo?... Para vender um produto ou serviço, a primeira coisa que você deve fazer é ter clareza sobre QUEM é seu cliente ideal, onde ele está e quais são seus

Leia mais

CARTA DE NATAL. Nós, autodefensores presentes no 7 Fórum Nacional de Autogestão, Autodefensoria e Família em Natal-RN reivindicamos:

CARTA DE NATAL. Nós, autodefensores presentes no 7 Fórum Nacional de Autogestão, Autodefensoria e Família em Natal-RN reivindicamos: CARTA DE NATAL Nós, autodefensores presentes no 7 Fórum Nacional de Autogestão, Autodefensoria e Família em Natal-RN reivindicamos: ACESSIBILIDADE Que as políticas públicas de acessibilidade sejam respeitadas

Leia mais

Mídia Kit Digital 2017

Mídia Kit Digital 2017 Mídia Kit Digital 2017 Visão Geral Adoramos todos os esportes e somos apaixonados pelo mundo da bola. A VE trabalha todos os dias para deixar todos os leitores como o maior número de informações do seu

Leia mais

Projeto de Alto Rendimento

Projeto de Alto Rendimento Projeto de Alto Rendimento - Associação Paulista de Esporte Cultura e Educação. A Apece é uma entidade sem fins lucrativos e de caráter esportivo,como histórico de seu trabalho, ela já realizou os seguintes

Leia mais

Atitudes - Disseminação Valores Santher

Atitudes - Disseminação Valores Santher P-57 CASE SANTHER - Valores que Geram Atitudes - Disseminação Valores Santher Fernando Milani fernando.milani@santher.com.br Daniela Santos daniela.santos@santher.com.br Thiago Matos thiago.matos@santher.com.br

Leia mais

DAFITI ABRE NOVO PROGRAMA DE ESTÁGIO

DAFITI ABRE NOVO PROGRAMA DE ESTÁGIO DAFITI ABRE NOVO PROGRAMA DE ESTÁGIO Publicado em 24.05.17 Já está aberto o programa de estágio do Dafiti Group através do site: https://www.99jobs.com/dafiti-group/jobs/10536-programa-de-estagio-dafiti-2017

Leia mais

Acordo de Acionistas. do Grupo CPFL Energia. Atual Denominação Social da Draft II Participações S.A.

Acordo de Acionistas. do Grupo CPFL Energia. Atual Denominação Social da Draft II Participações S.A. Acordo de Acionistas Política de da Investimento CPFL Energia Social S.A. do Grupo CPFL Energia Atual Denominação Social da Draft II Participações S.A. 1 Sumário 1. Introdução 3 2. Objetivo 4 3. Âmbito

Leia mais

Questões abordadas - Comunicação

Questões abordadas - Comunicação AULA 13 Marketing Questões abordadas - Comunicação Quais são as etapas envolvidas no desenvolvimento de um programa de propaganda? Como as decisões sobre promoção de vendas devem ser realizadas? Quais

Leia mais

VISÃO PLURI Elitização dos Estádios, um tiro no pé.

VISÃO PLURI Elitização dos Estádios, um tiro no pé. VISÃO PLURI Elitização dos Estádios, um tiro no pé. PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando Ferreira Economista,

Leia mais

Sportainment Sponsorship Essentials MANUAL DO CURSO

Sportainment Sponsorship Essentials MANUAL DO CURSO Sportainment Sponsorship Essentials Um novo contexto nos patrocínios da indústria de esportes &entretenimento, do conceito a comercialização, do planejamento a entrega, do brainstorm ao sucesso!" MANUAL

Leia mais

Profª. Daniela Menezes. Unidade I MIX DE MARKETING

Profª. Daniela Menezes. Unidade I MIX DE MARKETING Profª. Daniela Menezes Unidade I MIX DE MARKETING O que é marketing? Marketing em nosso cotidiano: Fonte:http://www.colgate.com.br/PDP/ MundodaCrianca/BR/Images/dicas/11.jpg Fonte:http://www.oraldent.com.br/hporaldent/upload/

Leia mais

DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

DEFICIÊNCIA INTELECTUAL DEFICIÊNCIA INTELECTUAL A Deficiência Intelectual caracteriza-se por um funcionamento intelectual inferior à média, associado a limitações adaptativas, que ocorrem antes dos 18 anos de idade. No dia a

Leia mais

DESCRIÇÃO DO PROJETO

DESCRIÇÃO DO PROJETO DESCRIÇÃO DO PROJETO I. NÚMERO DE CADASTRO DO PROPONENTE (login) 02SP008402007 Proponente: LIGA ESPORTIVA UNIVERSITÁRIA PAULISTA CNPJ: 07.263.223/0001-90 Endereço: AV. GOIÁS, 3400 Telefone(DDD): (11)4226-8317

Leia mais

Processo Nº / São Carlos Clube do Atletismo

Processo Nº / São Carlos Clube do Atletismo Processo Nº 58701001573/2009-80 SÃO CARLOS CLUBE O São Carlos Clube é um dos clubes mais tradicionais do interior do estado de São Paulo fundado em 1944. A história do clube e da cidade é bastante conhecida

Leia mais

SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil

SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil SISTEMA DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA Visão Geral, Evolução e Perspectivas no Brasil Buenos Aires Argentina 13 de Agosto de 2004 Leis de Incentivo no Brasil 1. Leis Nacionais 1. Lei Rouanet (8313/91)

Leia mais

O SAMPAIO CORRÊA É O TIME DO MOMENTO A CAMISA DE CLUBE MAIS USADA NO MARANHÃO É A DO SAMPAIO A MARCA MAIS FORTE DO ESTADO

O SAMPAIO CORRÊA É O TIME DO MOMENTO A CAMISA DE CLUBE MAIS USADA NO MARANHÃO É A DO SAMPAIO A MARCA MAIS FORTE DO ESTADO 2 O SAMPAIO CORRÊA É O TIME DO MOMENTO Com sede em São Luís, capital do Maranhão, o Sampaio Corrêa é um dos clubes de futebol mais populares do Norte/Nordeste. E que se fortaleceu muito nos últimos anos

Leia mais

Vamos dar uma olhada nos Processos de Produção Musical mas, antes, começaremos com alguns Conceitos Básicos.

Vamos dar uma olhada nos Processos de Produção Musical mas, antes, começaremos com alguns Conceitos Básicos. Vamos dar uma olhada nos Processos de Produção Musical mas, antes, começaremos com alguns Conceitos Básicos. O processo da produção musical tem sete pontos bem distintos. Antes de entender melhor os sete

Leia mais

Cidadão PROGRAMA DE AÇÃO CULTURAL CULTURA REGIONAL CENA CULTURAL DO ESTADO DE SÃO PAULO. entre

Cidadão PROGRAMA DE AÇÃO CULTURAL CULTURA REGIONAL CENA CULTURAL DO ESTADO DE SÃO PAULO. entre PROGRAMA DE AÇÃO CULTURAL DO ESTADO DE SÃO PAULO CULTURA REGIONAL Produção e exibição em 2009 - Série de TV sobre a Cultura Regional do Estado de São Paulo. Foram abordados 10 temas com mini-histórias

Leia mais

#CARANOVA RESUMO PLANO DE GESTÃO. Ricardo Barbosa Vice-Presidente. Cyro Delgado Presidente CHAPA CARA NOVA - CBDA

#CARANOVA RESUMO PLANO DE GESTÃO. Ricardo Barbosa Vice-Presidente. Cyro Delgado Presidente CHAPA CARA NOVA - CBDA RESUMO PLANO DE GESTÃO CHAPA CARA NOVA - CBDA Cyro Delgado Presidente Ricardo Barbosa Vice-Presidente NOSSA VISÃO GERAL QUEM É, E PORQUE CYRO DELGADO? Cyro Delgado é ex-atleta, medalhista olímpico e conhece

Leia mais

COLÉGIO CASTRO ALVES - EFMP

COLÉGIO CASTRO ALVES - EFMP COLÉGIO CASTRO ALVES - EFMP TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO Prof. Paulo Sérgio Tagata 1 HABILIDADES DO ADMINISTRADOR 1.1 OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM Ao finalizar o estudo deste capítulo, o aluno deverá

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI 1.1. A PREVI, para o cumprimento adequado de sua missão administrar planos de benefícios, com gerenciamento eficaz dos recursos aportados, buscando melhores soluções para assegurar os benefícios previdenciários,

Leia mais

Evolução do Marketing Rubro-Negro

Evolução do Marketing Rubro-Negro Evolução do Marketing Rubro-Negro Caminho para maior receita de patrocínios do Brasil Resgatando o ponto inicial... Instituição Flamengo frente a um cenário consolidado de crise (2012) Passivo elevado

Leia mais

A convergência dos meios como caminho inevitável para o sucesso das empresas de Marketing Direto: o caso Hermes notas preliminares.

A convergência dos meios como caminho inevitável para o sucesso das empresas de Marketing Direto: o caso Hermes notas preliminares. A convergência dos meios como caminho inevitável para o sucesso das empresas de Marketing Direto: o caso Hermes notas preliminares. 1 Ediana Abreu Avelar 2 e Paula Maria Iespa 3 Universidade Veiga de Almeida

Leia mais

O círculo vicioso dos clubes de futebol no Brasil

O círculo vicioso dos clubes de futebol no Brasil PLURI Especial O círculo vicioso dos clubes de futebol no Brasil Economista, Especialista em Gestão e Marketing do Esporte e Pesquisa de Mercado, Diretor da Pluri Consultoria, da BrSM e Sportfood Franchising

Leia mais

NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA

NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA NÃO EXISTE GESTÃO SEM COMUNICAÇÃO DANIEL COSTA O que é engajamento? Engajamento no trabalho é uma forma de agir em que o indivíduo, motivado por uma causa, expressa sua vontade e predisposição de fazer

Leia mais

Slide 1. Prof a. Tathyane Chaves. Slide 2

Slide 1. Prof a. Tathyane Chaves. Slide 2 1 Prof a. Tathyane Chaves 2 é o processo de planejar e executar a concepção, estabelecimento de preços, promoções e distribuição de ideias, produtos e serviços a fim de criar trocas que satisfaçam metas

Leia mais

Marketing no Desporto

Marketing no Desporto Marketing Desportivo Funchal, 23 de Abril 2007 Rui Pedro Caramez pcaramez@sapo.pt Marketing no Desporto O conceito emergente de mercado O novo papel do cliente de desporto Isolado Relacionado O Clube Desportivo

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE EDILTON JUNIOR SILVA JOÃO PEDRO MARQUES JULIANA NÓBREGA JATOBÁ JOGOS OLÍMPICOS 2016 Patrocínio e Lei de Incentivo ao Esporte Orientadora: Profª. Drª. Rosângela M.

Leia mais

RIO BRANCO RUGBY CLUBE POLÍTICA DE COTAS E CONTRAPARTIDAS

RIO BRANCO RUGBY CLUBE POLÍTICA DE COTAS E CONTRAPARTIDAS RIO BRANCO RUGBY CLUBE POLÍTICA DE COTAS E CONTRAPARTIDAS www.riobrancorugby.com.br Agenda 1. Rugby em Números 2. Rio Branco Rugby Clube 3. Engajamento e Visibilidade 4. Oportunidades 2 1. Rugby em Números

Leia mais

Os 30 TIMES mais VALIOSOS do SUL

Os 30 TIMES mais VALIOSOS do SUL PLURI ESPECIAL Os 30 TIMES mais VALIOSOS do SUL Autor Fernando Pinto Ferreira Economista, Especialista em Gestão e Marketing do Esporte, e Pesquisa de Mercado. fernando@pluriconsultoria.com.br Twitter:

Leia mais

TIM ativa apoio a clubes com ingresso pelo telefone

TIM ativa apoio a clubes com ingresso pelo telefone B O L E T I M OFERECIMENTO NÚMERO DO DIA 09/02/2015 60 milhões de euros é a oferta feita pela Qatar Airways para renovar o contrato com o Barcelona TIM ativa apoio a clubes com ingresso pelo telefone 193

Leia mais

PATROCÍNIO ESPORTIVO. Prof. Msdo Eduardo de Oliveira Cruz Carlassara

PATROCÍNIO ESPORTIVO. Prof. Msdo Eduardo de Oliveira Cruz Carlassara PATROCÍNIO ESPORTIVO Prof. Msdo Eduardo de Oliveira Cruz Carlassara Agenda O consumidor esportivo Fases do comportamento de consumo Tipos de marketing esportivo Patrocínio esportivo ( objetivo, seleção,

Leia mais

Manual de Aplicação de Selos

Manual de Aplicação de Selos Manual de Aplicação de Selos Introdução O esporte inspira uma sociedade para uma transformação social, equilibra para um bem-estar comum, enobrece para uma cidadania positiva e enche de orgulho uma nação.

Leia mais

Seu negócio no Facebook

Seu negócio no Facebook Seu negócio no Facebook Objetivo Demonstrar como o Facebook é uma poderosa ferramenta para atrair mais clientes e gerar vendas. 2 Estratégia O que podemos traçar como objetivos de negócio com o Facebook?

Leia mais

PROJETO BIRIBOL FUTURO. O projeto

PROJETO BIRIBOL FUTURO. O projeto O projeto O Projeto Biribol Futuro visa apoiar a prática dessa categoria esportiva oferecendo maior contato do público com o esporte, oferecendo atividades para idosos, portadores de necessidades especiais,

Leia mais

NAMING RIGHTS DE ESTÁDIOS E ARENAS NO BRASIL

NAMING RIGHTS DE ESTÁDIOS E ARENAS NO BRASIL NAMING RIGHTS DE ESTÁDIOS E ARENAS NO BRASIL O mercado brasileiro de futebol nos próximos anos será extremamente beneficiado pela construção e reforma de estádios com vistas à realização da Copa de 2014

Leia mais

Implementação da Política de Responsabilidade Socioambiental (PRSA)

Implementação da Política de Responsabilidade Socioambiental (PRSA) Implementação da Política de Responsabilidade Socioambiental (PRSA) 20 de julho de 2015 Ref: Resolução BC nº 4327/14 1. ABRANGÊNCIA Esta política orienta o comportamento da Tática S/A D.T.V.M., que pautado

Leia mais

Administração do Relacionamento com os

Administração do Relacionamento com os Unidade II Administração do Relacionamento com os Clientes Prof. MSc. Marcelo S. Zambon Objetivos da Disciplina Neste módulo: Entendimento e importância da segmentação de mercado: O que são atributos valorizados

Leia mais

Gestão de Vendas Como administrar a sua empresa para transformá-la em uma máquina de vender

Gestão de Vendas Como administrar a sua empresa para transformá-la em uma máquina de vender Gestão de Vendas Como administrar a sua empresa para transformá-la em uma máquina de vender DICAS Para a sua leitura: Os itens do índice são clicáveis, então sinta-se à vontade para ler o conteúdo que

Leia mais

CONQUISTAS SELEÇÃO CLUBES OURO NO PAN DE TORONTO

CONQUISTAS SELEÇÃO CLUBES OURO NO PAN DE TORONTO DESENVOLVIDO POR PERFIL Diogo Hubner é um dos grandes nomes do Handebol nacional. Desde cedo chamou a atenção de professores, treinadores e Seleção Brasileira por sua garra e determinação. Sua relação

Leia mais

Objetivos desta aula. Noções de Marketing 21/10/09

Objetivos desta aula. Noções de Marketing 21/10/09 Noções de Marketing 21/10/09 Atendimento. Marketing em empresas de serviços. Marketing de relacionamento. Segmentação de mercado e segmentação do setor bancário. Propaganda e Promoção. Satisfação, Valor

Leia mais

PROPOSTA DE PATROCÍNIO 2017

PROPOSTA DE PATROCÍNIO 2017 PROPOSTA DE PATROCÍNIO 2017 SUMÁRIO 2 3 1. Introdução Pág. 5 2. Por que patrocinar? 4. Cotas de Patrocínio 5. Termos e Condições do Patrocínio Pág. 8 Pág. 10 Pág. 14 4 capítulo 1 Introdução 5 SOBRE O EVENTO

Leia mais

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES Dezembro de 2015 1 DISCLAIMER Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira

Leia mais

Trade Marketing A Visão do Anunciante

Trade Marketing A Visão do Anunciante Guia de Recomendações Trade Marketing A Visão do Anunciante Apresentação Objetivo A ABA - Associação Brasileira de Anunciantes, por meio de seu Comitê de Trade & Shopper Marketing, preparou este Guia de

Leia mais

INCENTIVO EM TODOS OS SENTIDOS

INCENTIVO EM TODOS OS SENTIDOS INCENTIVO EM TODOS OS SENTIDOS NOSSO DNA A IU 360 investe continuamente na inovação para aprimorar os serviços oferecidos aos seus clientes e, ao mesmo tempo, manter um relacionamento próximo com os consumidores.

Leia mais

FOCO COMPETITIVO DO APL DE MODA DE DIVINÓPOLIS. Divinópolis 12/07/2011 19:00h. 2ª Apresentação Pública VISÃO DE FUTURO

FOCO COMPETITIVO DO APL DE MODA DE DIVINÓPOLIS. Divinópolis 12/07/2011 19:00h. 2ª Apresentação Pública VISÃO DE FUTURO FOCO COMPETITIVO REFORÇO DA COMPETITIVIDADE DO APL DE MODA DE DIVINÓPOLIS 2ª Apresentação Pública VISÃO DE FUTURO Divinópolis 12/07/2011 19:00h Pauta Abertura Objetivo do projeto e plano de trabalho Cenário

Leia mais

O Beach Tennis é um esporte que surgiu na Itália, mais precisamente na província de Ravena, na década de 1980.

O Beach Tennis é um esporte que surgiu na Itália, mais precisamente na província de Ravena, na década de 1980. O Beach Tennis é um esporte que surgiu na Itália, mais precisamente na província de Ravena, na década de 1980. A modalidade chegou ao Brasil em 2008 e somos hoje a segunda potência no esporte, atrás apenas

Leia mais

Curso: Gestão de Adwords / Links Patrocinados

Curso: Gestão de Adwords / Links Patrocinados Curso: Gestão de Adwords / Links Patrocinados Data: 14 e 15 de Maio Localização: À Definir Carga horária: 16 Horas Sobre o Curso: Presencial Emissão Certificado Material de Apoio O Google hoje é um repositório

Leia mais

POLÍTICA DE PATROCÍNIOS DAS EMPRESAS ELETROBRAS. Política de Patrocínios das Empresas Eletrobras

POLÍTICA DE PATROCÍNIOS DAS EMPRESAS ELETROBRAS. Política de Patrocínios das Empresas Eletrobras Política de Patrocínios das Empresas Eletrobras Versão 2.0 19/05/2014 1 Sumário 1. Objetivo... 3 2. Conceito de Patrocínio... 3 3. Princípios... 3 4. Diretrizes... 4 4.1. Áreas de atuação... 4 4.2. Restrições...

Leia mais

Passe Rápido. Projeto Multiesportivo Educacional. Proposta de Patrocínio Esportivo via Lei de Incentivo ao Esporte (IR)

Passe Rápido. Projeto Multiesportivo Educacional. Proposta de Patrocínio Esportivo via Lei de Incentivo ao Esporte (IR) Proposta de Patrocínio Esportivo via Lei de Incentivo ao Esporte (IR) Passe Rápido Projeto Multiesportivo Educacional Nº SLIE 1408014-13 - Aprovado com nº do processo 58701.001725/2014-10 Campinas, 18

Leia mais

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Esportes e Lazer. Leis nº 6.529/05 e nº 6.551/06, Decretos nº /06, nº /06 e nº 16.

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Esportes e Lazer. Leis nº 6.529/05 e nº 6.551/06, Decretos nº /06, nº /06 e nº 16. - REGIMENTO INTERNO Secretaria de Esportes e Lazer Leis nº 6.529/05 e nº 6.551/06, Decretos nº 12.660/06, nº 12.979/06 e nº 16.385/15 I - Secretaria Executiva: - auxiliar e assessorar o Secretário Municipal

Leia mais

Pedro Soares é Fundador da Unikonsultoria, Consultor de Marketing Digital, Especialista em Vendas Online e Dedica se em Ajudar Empresários que Buscam

Pedro Soares é Fundador da Unikonsultoria, Consultor de Marketing Digital, Especialista em Vendas Online e Dedica se em Ajudar Empresários que Buscam Pedro Soares é Fundador da Unikonsultoria, Consultor de Marketing Digital, Especialista em Vendas Online e Dedica se em Ajudar Empresários que Buscam Aumentar os Resultados dos Negócios com a Ajuda da

Leia mais