Onde procurar o (anor)mal?

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Onde procurar o (anor)mal?"

Transcrição

1 Opção Lacaniana online nova série Ano 4 Número 11 julho 2013 ISSN Marcelo Veras O massacre de Newtown, cidade tranquila de Connecticut, onde um rapaz de vinte anos assassinou vinte crianças e seis adultos, levou a administração de Obama a abrir um debate sem precedente sobre a interpretação da Segunda Emenda da Constituição Americana: Sendo necessária uma milícia bem organizada para a segurança de um Estado livre, o direito do povo de ter e de portar armas não será transgredido. Assim, o Outro tal como consta nos direitos reconhecidos pela constituição tenta avaliar o real de uma violência insensata, que divide cada um dos americanos entre o peso dos ideais e a descoberta do sem limites da pulsão de morte. As imagens desse massacre são indissociáveis de uma reflexão sobre o mal. Penso em Levinas e sua interrogação sobre a face do mal na sociedade contemporânea. O debate sobre a origem do mal é colocado novamente nos Estados Unidos onde se busca respostas diante da incomensurável singularidade de uma decisão ética: ética, metafísica, real? As respostas inquietam tanto quanto as questões. Em um de seus artigos recentes, Gina Kolata, jornalista científica do New York Times, aborda a complexidade de certas interpretações provenientes da pesquisa sobre o genoma, que visa encontrar no sequenciamento genético a resposta aos horrores tais como o massacre de Newtown 2. A ideia de localizar o mal nas anomalias da origem não é nova. Trata-se de uma saga que atravessa os séculos e reaparece em cada progresso tecnológico. Busca-se uma 1

2 escritura científica que possa apagar a contingência que há em toda decisão ética. Conserva-se ainda a lembrança de um dos capítulos mais sombrios do eugenismo na América, quando na primeira metade do século passado, sessenta mil americanos foram esterilizados contra sua vontade por causa de retardamento, de doença mental ou de comportamentos socialmente inaceitáveis, tais como a prostituição ou a delinquência. Esses fatos são descritos por Philip Reilly em um livro onde ele cita o discurso do presidente da Corte Suprema da Administração Roosevelt: Seria melhor para todos se, em vez de esperar que os degenerados cometam crimes para serem executados ou que eles se deixem morrer de fome em consequência de sua imbecilidade, a sociedade pudesse eliminar aqueles que são manifestamente incapazes de prolongar a espécie. O princípio que torna a vacinação obrigatória seria suficiente para prescrever a ligadura das trompas de Falópio 3. Tratando a anomalia como um vírus responsável pelo mal, o homem normal, assim reificado, aparece como o duplo do homem de bem. Tudo que foge à normalidade é uma ameaça. No entanto, quando o mal surge na mais calma das cidades americanas, a ameaça é ainda mais grave, pois ela mostra que o véu da normalidade não é um abrigo perfeito contra o mal. Como qualquer acontecimento real, leva algum tempo para que massacres, como aquele de Newtown, se tornem semblantes. Ocorreu o mesmo quando as torres gêmeas foram derrubadas. O mundo ficou tão perplexo que, ainda hoje, uma grande parte da população ocidental pode se lembrar exatamente onde estava e o que estava fazendo no momento traumático em que ouviu a notícia. Aquele momento ficou marcado precisamente por ter escapado às coordenadas simbólicas e ter explodido no real. Assim, é por encontrar um semblante cobrindo a irrupção do mal que os pesquisadores da Universidade de Connecticut querem, agora, analisar os genes de Adam Lanza, 2

3 o jovem autor do massacre, e se munir de indicadores genéticos que associariam a sua passagem ao ato a um cálculo preditivo do real. É o que pensa, desse caso, o Dr. Arthur Beaudet, presidente do departamento de pediatria e de biologia molecular e celular do Baylor College of Medecine de Houston. Segundo ele, assassinatos como aqueles de Virginia Tech, Columbine ou Newtown estão de tal modo longe da normalidade que eles possuem provavelmente uma base genética 4. Os Americanos estão divididos entre aqueles que reconhecem os perigos de uma sociedade cada vez mais armada e aqueles que buscam o mal como uma doença que possa ser identificada e tratada. Os efeitos sobre a política de saúde mental não tardaram. Não é fácil enfrentar o poderoso lobby da NRA (National Rifle Association 5 ) que nega toda a responsabilidade e propõe, a partir desses atos isolados de violência, intensificar a elaboração de protocolos de periculosidade das doenças mentais. Depois de Newtown, pelo menos seis Estados empreenderam uma revisão dos seus dispositivos de saúde mental. O Estado de New York foi além. Uma nova lei, assinada em 15 de janeiro último, obriga os clínicos da saúde mental a prevenir as autoridades em casos de pacientes potencialmente violentos. A School Threat Assessment Response Team Program, ligada diretamente ao Serviço Secreto dos Estados Unidos, dirigida por Dr. Beliz, é agora um extenso programa de conexão entre a saúde mental e os serviços secretos americanos, que tem por objetivo identificar as potenciais ameaças nas escolas americanas 6. Novas luzes, velhas sombras Um estudo recente publicado na The Lancet nos permite refletir sobre a situação atual da psiquiatria. Nesse artigo, financiado pelo importante NIH (National Institute of Health), pesquisadores alegam ter encontrado um mesmo 3

4 marcador genético nos cinco principais transtornos psiquiátricos atuais: transtornos do espectro autista, hiperatividade e transtorno de déficit de atenção, transtorno bipolar, depressão maior e esquizofrenia 7. Para aqueles que apostam nas causas genéticas das doenças mentais, o artigo representa um passo importante, os resultados não seriam desprezáveis e nem poderiam ser ignorados, nem mesmo pelos mais ardentes defensores da causalidade psíquica dos estados mentais. O estudo compreende nada menos que casos e casos de controle analisados; sua amplitude é, então, monumental. Todavia, esse artigo ameaça, sobretudo, a febre taxonômica da psiquiatria do DSM. Uma vez identificada uma base genética comum, tratar-se-á, concluem os autores, de proceder uma reconsideração dos diagnósticos psiquiátricos. Assim, a nova versão do espectro genético anuncia, doravante, além do simples espectro autístico, os fundamentos de um mundo do espectro generalizado. Nenhuma genética séria ousaria dizer que um dado genético isolado seria capaz de determinar um efeito sobre o comportamento humano 8. Embora digam frequentemente os não cientistas, o determinismo biológico levado ao extremo, que sugere que um único gene poderia causar uma doença mental, é uma ideia totalmente obsoleta 9. Mas, para o grande público, a ideia que prevalece é que os cientistas procuram o gene da violência, da homossexualidade, etc. Recentemente, os comentários do psicólogo e pastor Silas Malafaia sobre a base genética da orientação sexual (visando condenar a escolha homossexual) foram retomados massivamente pela imprensa brasileira e provocaram um vivo manifesto da Sociedade Brasileira de Genética se opondo ao pastor nestes termos: Este aspecto do comportamento humano é resultado de uma interação complexa entre os genes e o ambiente, não tendo nenhum dos dois um papel determinante por si mesmo 10. Pode-se criticar certos aspectos a 4

5 propósito desta Sociedade 11, mas parece bem possível estabelecer um diálogo entre os psicanalistas e os geneticistas, o que seria muito pouco provável com certas pessoas de posições muito impregnadas de preconceitos, como aqueles do pastor. Os progressos das teorias genéticas evidenciam que até mesmo a herança poligênica deve estar associada a efeitos ambientais e interativos, mas o fascínio pela ideia de que os comportamentos são causados pelo real do corpo está sempre presente. Novamente, em dezessete de março último, na Folha de São Paulo, o escritor Fernando Luiz Vianna, ele próprio pai de uma criança autista, criticou severamente os psicanalistas que culpabilizaram os pais de autistas, uma vez que, segundo ele, o autismo é fundamentalmente genético. As modificações genéticas ocorreram após milhares de anos, não há nenhuma evidência de mudanças biológicas significativas desde que o Homo sapiens apareceu há anos. Entretanto, as alternâncias políticas, os avanços tecnológicos, a emergência de novos comportamentos e sintomas induzem mudanças a um ritmo desenfreado. É o que levou Stephen Jay Gould a identificar nessa evolução uma ruptura com a evolução darwiniana, própria às variações genéticas em si mesmas: A evolução cultural pode avançar tão rápido porque ela vai contra a evolução biológica - então lamarquiana, pela hereditariedade dos caracteres adquiridos. O que uma geração aprende é transmitido a outra pela escrita, pela educação, pelos rituais, pelas tradições e todo um conjunto de métodos que os seres humanos desenvolveram para assegurar a continuidade da cultura 12. Nada mais impressionante que os avanços da ciência genética nas últimas décadas. No entanto, é impossível explicar as mudanças no comportamento humano sobre bases 5

6 que são praticamente imutáveis desde que as primeiras civilizações surgiram na terra. Penso que a psicanálise tem a obrigação de dialogar com a ciência, e não de lutar contra ela. É a ciência que nos mostra o real. Mas, tal como para a arte, a psicanálise não deve analisar a ciência. A ciência ensina a psicanálise. Promovendo a queda permanente dos S 1, ela revela o horizonte onde jazem, não a subjetividade de nossa época, mas seus sintomas. O verdadeiro problema é o cientificismo, a promoção de falsas ciências que acrescentam ao real, fora de sentido da ciência, o peso dos ideais. Francis Galton, antropólogo, estatístico e meteorologista, era primo de Darwin. Ele levou a sério a tarefa de dar sentido às obras de seu ilustre primo, tendo sido pai de dois conceitos que, cem anos mais tarde, não cessaram de se inscrever na interface complexa entre ciência e moral: a psicometria e o eugenismo 13. A combinação desses dois pensamentos permitiu à sociedade definir qual é a norma e, em seguida, construir a segregação radical de tudo o que escapa à normalidade. Parasitas Há uma diferença fundamental entre o corpo da medicina e o corpo da psicanálise. Para a medicina, há o corpo saudável, e a presença de um parasita será sempre considerada como uma ameaça para este organismo. A cura, nesse caso, implica a supressão dos sintomas. Para a psicanálise, o ser se identifica ao sintoma, e a causa é um parasita de uma outra ordem. Esse parasita veio do Outro, e a contingência deste encontro muda a relação com a natureza. Trata-se de um parasita chamado linguagem. Neste caso, o remédio que permitiria eliminar o sintoma, teria por efeito secundário, como lemos nas bulas de alguns medicamentos: exitus letalis 14. 6

7 1 Texto originalmente publicado em Lacan Quotidien, nº 312, datado de 15 de abril de Disponível em: <www.lacanquotidien.fr>. 2 KOLATA, G. (24/12/2012). Seeking Answers in Genome of Gunman. In: New York Times. 3 REILLY, P. (1991). The surgical solution: a history of involuntary sterilization in the United States. Baltimore: Johns Hopkins University Press. 4 KOLATA, G. Op. cit. 5 Esta associação, segundo as palavras do Dr. Jeffrey A. Lieberman, presidente eleito da American Psychiatric Association (APA) é muito mais poderosa que todos os lobbies da saúde mental. A NRA sustenta a tese de que o massacre de Newtown foi causado por uma doença mental e não pela posse de armas semiautomáticas. Cf. GOODE, E. (31/01/2013). Focus on Mental Health laws to curb violence is unfair. In: New York Times. 6 GOODE, E. (14/03/2013). Focusing on violence before it happens. In: New York Times. 7 Identification of risk loci with shared effects on five majors psychiatry disorders: a genome-wide analysis. (17/03/13). In: The Lancet. Disponível em: <http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/piis (12) /fulltext>. 8 VERAS, P. (24/11/2012). Ce que la Science ne peut pas lire. In: Lacan Quotidien, nº 253. Disponível em: <http://www.lacanquotidien.fr/blog/wpcontent/uploads/2012/11/lq-253.pdf>. 9 Esta ideia teve grande repercussão no início do último século com os trabalhos de Goddard sobre a base genética do retardo mental e da criminalidade. Cf. GODDARD, H. H. (1922). The criminal imbecile: an analysis of three remarkable murder cases. Macmillan Co. 10 Cf. manifesto completo no site da Sociedade Brasileira de Genética. Disponível em: <http://sbg.org.br/2013/03/manifestoda-sociedade-brasileira-de-genetica-sobre-bases-geneticas-daorientacao-sexual/>. 11 Por exemplo, quando o manifesto diz "Não há nenhuma prova de uma variável ambiental que possa modificar de modo permanente a orientação sexual do indivíduo". 12 JAY GOULD, S. (1991). A falsa medida do homem. Martins Fontes, p GALTON, F. (1884). Hereditary genius. New York: D. Appleton. 14 N.T.: exitus letalis: morte fatal. 7

Feminilidade e Violência

Feminilidade e Violência Feminilidade e Violência Emilse Terezinha Naves O tema sobre a violência e a feminilidade apresenta-se, nas mais diversas áreas do conhecimento, como um tema de grande interesse, quando encontramos uma

Leia mais

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável.

A Saúde mental é componente chave de uma vida saudável. Transtornos mentais: Desafiando os Preconceitos Durante séculos as pessoas com sofrimento mental foram afastadas do resto da sociedade, algumas vezes encarcerados, em condições precárias, sem direito a

Leia mais

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO

XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO XIII Encontro de Iniciação Científica IX Mostra de Pós-graduação 06 a 11 de outubro de 2008 BIODIVERSIDADE TECNOLOGIA DESENVOLVIMENTO EPB0178 QUEBRA DO SIGILO PROFISSIONAL EM CASOS DE PEDOFILIA GABRIELE

Leia mais

Resumos. Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica

Resumos. Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica Inovação em psicanálise: rumos e perspectivas na contemporaneidade Quarta-feira 10/6 10h30-12h Mesa-redonda Saúde mental e psicanálise

Leia mais

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH Distúrbio Bipolar, também conhecido como mania e depressão, é uma desordem do cérebro que causa mudanças não previstas no estado mental da pessoa,

Leia mais

Violência e doença mental: fato ou ficção?

Violência e doença mental: fato ou ficção? EDITORIAL 1 Violência e doença mental: fato ou ficção? Wagner F. Gattaz O episódio recente envolvendo os crimes de Francisco de Assis Pereira, o maníaco do parque, despertou na população e nos profissionais

Leia mais

Autismo. A cada um o seu genoma

Autismo. A cada um o seu genoma Autismo A cada um o seu genoma François Ansermet & Ariane Giacobino Autismo A cada um o seu genoma 1ª Edição POD KBR Petrópolis 2013 Coleção Psicanálise & Ciência - EBP Tradução Zelma Galesi Revisão e

Leia mais

A clínica dos bebês em tempos de autismo

A clínica dos bebês em tempos de autismo A clínica dos bebês em tempos de autismo Maria Cristina Kupfer A consulta às estatísticas sobre a incidência do autismo no mundo contemporâneo revela um aumento crescente dos casos de crianças atingidas

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 39

PROVA ESPECÍFICA Cargo 39 11 PROVA ESPECÍFICA Cargo 39 QUESTÃO 26 Alguns dos desafios às novas formas de acolher e tratar os doentes mentais, a partir das reformas psiquiátricas, são, EXCETO: a) O risco de se tratar dos sintomas,

Leia mais

1 É possível que você tenha TDAH?

1 É possível que você tenha TDAH? 1 É possível que você tenha TDAH? As experiências que você acabou de ler lhe parecem familiares? Estas são as vozes dos adultos com TDAH. O primeiro comentário atinge o próprio cerne do que é o TDAH. Esta

Leia mais

TÍTULO: ANÁLISE DAS FORMAS DE TRATAMENTOS PARA O TRANSTORNO DE ESPECTRO AUTISTA (TEA)

TÍTULO: ANÁLISE DAS FORMAS DE TRATAMENTOS PARA O TRANSTORNO DE ESPECTRO AUTISTA (TEA) TÍTULO: ANÁLISE DAS FORMAS DE TRATAMENTOS PARA O TRANSTORNO DE ESPECTRO AUTISTA (TEA) CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS SUBÁREA: PEDAGOGIA INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE ANHANGUERA DE

Leia mais

Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo CREMESP rayer@usp.br

Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo CREMESP rayer@usp.br Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo CREMESP rayer@usp.br Podemos pensar em duas éticas: a ética do próprio indivíduo e a ética do outro. Das diferenças e semelhanças entre elas é que surgirá

Leia mais

ANÁLISE DE RELATOS DE PAIS E PROFESSORES DE ALUNOS COM DIAGNÓSTICO DE TDAH

ANÁLISE DE RELATOS DE PAIS E PROFESSORES DE ALUNOS COM DIAGNÓSTICO DE TDAH Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 660 ANÁLISE DE RELATOS DE PAIS E PROFESSORES DE ALUNOS COM DIAGNÓSTICO DE TDAH Camila Rodrigues Costa 1, 2 Matheus

Leia mais

Sumário. 1 O início do enigma: o diagnóstico e suas angústias... 13. 2 Transtorno bipolar: a doença da instabilidade... 16

Sumário. 1 O início do enigma: o diagnóstico e suas angústias... 13. 2 Transtorno bipolar: a doença da instabilidade... 16 Sumário Prefácio... 9 1 O início do enigma: o diagnóstico e suas angústias... 13 2 Transtorno bipolar: a doença da instabilidade... 16 As faces do transtorno bipolar... 20 Depressão... 22 Sintomas da depressão...

Leia mais

PRÁTICAS ADAPTATIVAS, POLÍTICAS PÚBLICAS E O LUGAR DA PSICANÁLISE NO TRATAMENTO DO AUTISMO

PRÁTICAS ADAPTATIVAS, POLÍTICAS PÚBLICAS E O LUGAR DA PSICANÁLISE NO TRATAMENTO DO AUTISMO PRÁTICAS ADAPTATIVAS, POLÍTICAS PÚBLICAS E O LUGAR DA PSICANÁLISE NO TRATAMENTO DO AUTISMO Ana Elizabeth Araujo Luna Roseane Freitas Nicolau O presente trabalho é fruto de uma experiência realizada no

Leia mais

Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América

Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América Entrevistada: Elisa Alvarenga Diretora Geral do IPSM-MG e Presidente da FAPOL (Federação Americana de Psicanálise de Orientação Lacaniana). E-mail:

Leia mais

A psicologia tem uma dimensão prática que se integra em vários contextos e instituições sociais: escolas, hospitais, empresas, tribunais, associações

A psicologia tem uma dimensão prática que se integra em vários contextos e instituições sociais: escolas, hospitais, empresas, tribunais, associações PSICOLOGIA APLICADA A psicologia tem uma dimensão prática que se integra em vários contextos e instituições sociais: escolas, hospitais, empresas, tribunais, associações Os níveis de intervenção vão desde

Leia mais

Tratado do Paris contra o câncer

Tratado do Paris contra o câncer Tratado do Paris contra o câncer portugais portuguese 71 72 Profundamente pertubados pelas repercussões importantes e universais do câncer sobre a vida humana, o sofrimento humano, e sobre a produtividade

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Motricidade Humana 3. Ciclo de Estudos 1º 4.

Leia mais

Carta para Gregor Mendel Vivian Lavander Mendonça e Sônia Lopes (agosto 2002)

Carta para Gregor Mendel Vivian Lavander Mendonça e Sônia Lopes (agosto 2002) Carta para Gregor Mendel Vivian Lavander Mendonça e Sônia Lopes (agosto 2002) 1 TEMA História da Genética OBJETIVOS Realizando esta atividade o estudante poderá estabelecer relações entre as idéias pioneiras

Leia mais

PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO. 1 o Ano. Disciplina

PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO. 1 o Ano. Disciplina PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO 1 o Ano Antropologia Epistemologia e História da Psicologia Estatística Ética e Cidadania Interpretação e Produção de Textos Científicos Métodos de Pesquisa em Psicologia

Leia mais

Fome de quê? Daniela Goulart Pestana

Fome de quê? Daniela Goulart Pestana Fome de quê? Daniela Goulart Pestana O trabalho a seguir fruto de um Cartel sobre sintomas alimentares, propõe a ser uma reflexão dos transtornos alimentares mais comuns de nossa contemporaneidade. O eixo

Leia mais

Direitos Reservados à A&R - Reprodução Proibida

Direitos Reservados à A&R - Reprodução Proibida Direitos Reservados à A&R - Reprodução Proibida AUTISMO: UMA REALIDADE por ZIRALDO MEGATÉRIO ESTÚDIO Texto: Gustavo Luiz Arte: Miguel Mendes, Marco, Fábio Ferreira Outubro de 2013 Quando uma nova vida

Leia mais

BULLYING: UMA AGRESSIVIDADE PRECONCEITUOSA. PALAVRAS CHAVE: Ambiente Escolar; Apelidação; Bullying Escolar.

BULLYING: UMA AGRESSIVIDADE PRECONCEITUOSA. PALAVRAS CHAVE: Ambiente Escolar; Apelidação; Bullying Escolar. BULLYING: UMA AGRESSIVIDADE PRECONCEITUOSA Fernando Martins da Silva 1 RESUMO Esta pesquisa tem por objetivo investigar as consequências para o desempenho escolar dos alunos que podem ser vitimas de bullying,

Leia mais

0 ebola pode filcar ainda pior. Novas estudos mostram que o virus pode ficar ma; resistente, mas dificilmente sera transmitido pel0 ar

0 ebola pode filcar ainda pior. Novas estudos mostram que o virus pode ficar ma; resistente, mas dificilmente sera transmitido pel0 ar 9 0 ebola pode filcar ainda pior. Novas estudos mostram que o virus pode ficar ma; resistente, mas dificilmente sera transmitido pel0 ar 4 Cristiane Segatto D izern que os rnenores frascos contern os piores

Leia mais

O exterior da inclusão e a inclusão do exterior

O exterior da inclusão e a inclusão do exterior O exterior da inclusão e a inclusão do exterior www.voxinstituto.com.br O tema do V Simpósio Derdic- "Mecanismos de exclusão, estratégias de inclusão" permitiu que a problemática da inclusão social do

Leia mais

MOURA, Marisa Decat de (ORG). Psicanálise e hospital 3 Tempo e morte: da urgência ao ato analítico. Revinter: Rio de Janeiro, 2003.

MOURA, Marisa Decat de (ORG). Psicanálise e hospital 3 Tempo e morte: da urgência ao ato analítico. Revinter: Rio de Janeiro, 2003. MOURA, Marisa Decat de (ORG). Psicanálise e hospital 3 Tempo e morte: da urgência ao ato analítico. Revinter: Rio de Janeiro, 2003. Prefácio Interessante pensar em um tempo de começo. Início do tempo de

Leia mais

Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil

Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil Fídias Gomes Siqueira 1 Andréa Maris Campos Guerra 2 [...] a gente carecia de querer pensar somente nas coisas

Leia mais

Dossiê Leituras do autismo

Dossiê Leituras do autismo Rev. Latinoam. Psicopat. Fund., III, 1, 189-194 RESENHAS DE ARTIGOS Estilos da Clínica, IV, 7, 2 o semestre de 1999 Dossiê Leituras do autismo A revista Estilos da Clínica, publicada pelo Instituto de

Leia mais

A questão do diagnóstico psicopatológico no Hospital psiquiátrico Jorge Vaz (Manicômio Judiciário- Barbacena/ MG)

A questão do diagnóstico psicopatológico no Hospital psiquiátrico Jorge Vaz (Manicômio Judiciário- Barbacena/ MG) 1 A questão do diagnóstico psicopatológico no Hospital psiquiátrico Jorge Vaz (Manicômio Judiciário- Barbacena/ MG) 1. INTRODUÇÃO O trabalho pretende indicar a realização de uma pesquisa, em desenvolvimento

Leia mais

RETIFICAÇÃO SUBJETIVA: OS CONTRAPONTOS ENTRE A CLÍNICA PSICANALÍTICA E A EPISTEMOLOGIA HISTÓRICA

RETIFICAÇÃO SUBJETIVA: OS CONTRAPONTOS ENTRE A CLÍNICA PSICANALÍTICA E A EPISTEMOLOGIA HISTÓRICA RETIFICAÇÃO SUBJETIVA: OS CONTRAPONTOS ENTRE A CLÍNICA PSICANALÍTICA E A EPISTEMOLOGIA HISTÓRICA Marcio Luiz Ribeiro Bacelar Wilson Camilo Chaves A expressão retificação subjetiva está presente tanto nas

Leia mais

AUTISMO E DECLARAÇÃO DE GUERRA À PSICANÁLISE IPB-CONVERGÊNCIA-RECIFE-MAIO, 2014

AUTISMO E DECLARAÇÃO DE GUERRA À PSICANÁLISE IPB-CONVERGÊNCIA-RECIFE-MAIO, 2014 AUTISMO E DECLARAÇÃO DE GUERRA À PSICANÁLISE IPB-CONVERGÊNCIA-RECIFE-MAIO, 2014 O grande segredo da psicanálise é que não há psicogênese. Lacan, Seminário III. Severina Sílvia Ferreira Em 2012, o autismo

Leia mais

DETECÇÃO DE RISCOS PSÍQUICOS EM BEBÊS DE BERÇÁRIOS DE CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE CURITIBA, ATRAVÉS DO PROTOCOLO IRDI-18

DETECÇÃO DE RISCOS PSÍQUICOS EM BEBÊS DE BERÇÁRIOS DE CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE CURITIBA, ATRAVÉS DO PROTOCOLO IRDI-18 DETECÇÃO DE RISCOS PSÍQUICOS EM BEBÊS DE BERÇÁRIOS DE CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE CURITIBA, ATRAVÉS DO PROTOCOLO IRDI-18 DOSSENA, Angelini Lucca 1 NASCIMENTO, Márcia Regina Aparecida do

Leia mais

TRANSTORNOS PSIQUIÁTRICOS E DA PERSONALIDADE

TRANSTORNOS PSIQUIÁTRICOS E DA PERSONALIDADE 1 TRANSTORNOS PSIQUIÁTRICOS E DA PERSONALIDADE José Henrique Volpi A idéia de buscar fora da pessoa os elementos que explicassem seu comportamento e sua desenvoltura vivencial teve ênfase com as teorias

Leia mais

Depressão e Espiritualidade. Roberto Lúcio Vieira de Souza Médico Psiquiatra Diretor Técnico do Hospital Espírita André Luiz (BH)

Depressão e Espiritualidade. Roberto Lúcio Vieira de Souza Médico Psiquiatra Diretor Técnico do Hospital Espírita André Luiz (BH) Depressão e Espiritualidade Roberto Lúcio Vieira de Souza Médico Psiquiatra Diretor Técnico do Hospital Espírita André Luiz (BH) Conceitos Tristeza emoção natural. Resposta à frustração, decepção ou fracasso.

Leia mais

Novos fundamentos para a psicanálise: Teoria da feminilidade generalizada

Novos fundamentos para a psicanálise: Teoria da feminilidade generalizada Novos fundamentos para a psicanálise: Teoria da feminilidade generalizada 2001 Novos fundamentos para a psicanálise: Teoria da feminilidade generalizada Márcio Peter de Souza Leite Conteúdo Argumento...

Leia mais

Opção Lacaniana online nova série Ano 3 Número 8 julho 2012 ISSN 2177-2673. Há um(a) só. Analícea Calmon

Opção Lacaniana online nova série Ano 3 Número 8 julho 2012 ISSN 2177-2673. Há um(a) só. Analícea Calmon Opção Lacaniana online nova série Ano 3 Número 8 julho 2012 ISSN 2177-2673 Analícea Calmon Seguindo os passos da construção teórico-clínica de Freud e de Lacan, vamos nos deparar com alguns momentos de

Leia mais

Os princípios da prática analítica com crianças

Os princípios da prática analítica com crianças Os princípios da prática analítica com crianças Cristina Drummond Palavras-chave: indicação, tratamento, criança, princípios. As indicações de um tratamento para crianças Gostaria de partir de uma interrogação

Leia mais

Artigo 1º - Fica autorizado o Poder Executivo a criar o Programa de Acessibilidade e Segurança da População LGBTT no Estado de São Paulo.

Artigo 1º - Fica autorizado o Poder Executivo a criar o Programa de Acessibilidade e Segurança da População LGBTT no Estado de São Paulo. PROJETO DE LEI Nº 173, DE 2015 Autoriza a criação do Programa Estadual de Acessibilidade e Segurança da População LGBTT no Estado de São Paulo e dá outras providências. A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO

Leia mais

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados POR ENTRETEMPOS, JORNAL FOLHA DE SÃO PAULO, 04.10.2015 Tião, como é chamado pelos amigos, não toma café. Ainda assim, motivado

Leia mais

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental DEPRESSÃO O que você precisa saber Fênix Associação Pró-Saúde Mental Eu admito que preciso de ajuda, pois sozinho não consigo... (Grupo Fênix: Os 6 Passos para a Recuperação) a 1 Edição São Paulo 2010

Leia mais

Autismo e Deficiência Intelectual.

Autismo e Deficiência Intelectual. Autismo e Deficiência Intelectual. Wagner Ranna. Pediatra. Psiquiatra. Psicanalista. Professor de Psicossomática Psicanalítica do SEDES. Psiquiatra CAPS Infantil da Lapa/PMSP/CRSCO/STS Lapa. Ex-professor

Leia mais

14 DE JUNHO DE 2009 A GENÉTICA ANTE A DOUTRINA ESPÍRITA - ALGUNS COMENTÁRIOS

14 DE JUNHO DE 2009 A GENÉTICA ANTE A DOUTRINA ESPÍRITA - ALGUNS COMENTÁRIOS 14 DE JUNHO DE 2009 A GENÉTICA ANTE A DOUTRINA ESPÍRITA - ALGUNS COMENTÁRIOS Recentemente, nasceu na Espanha um bebê selecionado geneticamente para curar uma doença de outra pessoa. Javier é o oitavo bebê

Leia mais

A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial.

A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial. A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial. Claudia Wunsch. Psicóloga. Pós-graduada em Psicanálise Clínica (Freud/Lacan) Unipar - Cascavel- PR. Docente do curso de Psicologia da Faculdade

Leia mais

ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! (SOBRE A POSIÇÃO DO ANALISTA NA DIREÇÃO DA CURA) 1

ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! (SOBRE A POSIÇÃO DO ANALISTA NA DIREÇÃO DA CURA) 1 ISSO NÃO ME FALA MAIS NADA! (SOBRE A POSIÇÃO DO ANALISTA NA DIREÇÃO DA CURA) 1 Arlete Mourão 2 Essa frase do título corresponde à expressão utilizada por um ex-analisando na época do final de sua análise.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PSICOLOGIA Ementário/abordagem temática/bibliografia básica (3) e complementar (5) Morfofisiologia e Comportamento Humano Ementa: Estudo anátomo funcional

Leia mais

Seminário Interno Anderson da Silva Ramos 24 de Março de 2009. Reformular a apresentacao para o envio do site

Seminário Interno Anderson da Silva Ramos 24 de Março de 2009. Reformular a apresentacao para o envio do site REBELO, Fernanda; CAPONI, Sandra. O gabinete do doutor Edelvito Campelo D Araújo: a Penitenciária Pedra Grande como espaço de construção de um saber (1933-1945) IN Revista História Ciências, Saúde - Manguinhos.

Leia mais

Transtornos Mentais diagnosticados na infância ou na adolescência

Transtornos Mentais diagnosticados na infância ou na adolescência Pediatria do Desenvolvimento e do Comportamento Transtornos Mentais diagnosticados na infância ou na adolescência Faculdade de Ciências Médicas Prof. Orlando A. Pereira Unifenas Transtorno de Deficiência

Leia mais

Canguilhem e as ciências da vida

Canguilhem e as ciências da vida Canguilhem e as ciências da vida 679 CANGUILHEM, G. Estudos de História e de Filosofia das Ciências: concernentes aos vivos e à vida Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2012 1 Lizandro Lui 1 Instituto

Leia mais

Comentários sobre o artigo Autismo e subjetividade materna

Comentários sobre o artigo Autismo e subjetividade materna Comentários sobre o artigo Autismo e subjetividade materna I Farei o comentário do texto Autismo e Subjetividade Materna do Núcleo de Pesquisa de Psicanálise e Criança Carrossel do IPB-Bahia que tem como

Leia mais

DECLARAÇÃO UNIVERSAL SOBRE O GENOMA HUMANO E OS DIREITOS HUMANOS

DECLARAÇÃO UNIVERSAL SOBRE O GENOMA HUMANO E OS DIREITOS HUMANOS DECLARAÇÃO UNIVERSAL SOBRE O GENOMA HUMANO E OS DIREITOS HUMANOS A Conferência Geral, Lembrando que o Preâmbulo da Carta da Unesco refere-se a os princípios democráticos de dignidade, igualdade e respeito

Leia mais

Falar de si na contemporaneidade. máquina de impostura? 1 Ana Paula Britto Rodrigues

Falar de si na contemporaneidade. máquina de impostura? 1 Ana Paula Britto Rodrigues Opção Lacaniana online nova série Ano 2 Número 5 Julho 2011 ISSN 2177-2673 : uma máquina de impostura? 1 Ana Paula Britto Rodrigues O que tem sido feito do silêncio no mundo atual? Acabou o silêncio? Se

Leia mais

AUTISMO NA SALA DE AULA

AUTISMO NA SALA DE AULA 13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( x ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA AUTISMO

Leia mais

Saúde Mental e trabalho: Contribuições da Psicologia da Saúde/reposicionamento do psicólogo nas equipes de saúde

Saúde Mental e trabalho: Contribuições da Psicologia da Saúde/reposicionamento do psicólogo nas equipes de saúde Saúde Mental e trabalho: Contribuições da Psicologia da Saúde/reposicionamento do psicólogo nas equipes de saúde SILVIA CURY ISMAEL HOSPITAL DO CORAÇÃO DE SÃO PAULO III Congresso dos Servidores de Saúde

Leia mais

A criança, a lei e o fora da lei

A criança, a lei e o fora da lei 1 A criança, a lei e o fora da lei Cristina Drummond Palavras-chave: criança, mãe, lei, fora da lei, gozo. A questão que nos toca na contemporaneidade é a do sujeito às voltas com suas dificuldades para

Leia mais

Crianças autistas e seus familiares: peculiaridades relacionais e afetivas a partir do atendimento em serviço de saúde paulistano

Crianças autistas e seus familiares: peculiaridades relacionais e afetivas a partir do atendimento em serviço de saúde paulistano Crianças autistas e seus familiares: peculiaridades relacionais e afetivas a partir do atendimento em serviço de saúde paulistano Primeiro autor Rosa Maria Monteiro López Antropóloga, Bacharel em Ciências

Leia mais

INIBIÇÃO, SINTOMA E FPS Cristiane Elael

INIBIÇÃO, SINTOMA E FPS Cristiane Elael 1 INIBIÇÃO, SINTOMA E FPS Cristiane Elael Sabemos que, antes dos 6 meses, o bebê ainda tem de seu corpo a idéia de uma imagem despedaçada. Suas relações com um outro diferenciado dela mesma, ou seja, suas

Leia mais

Primeiro Contato Histórias reais de um mundo desconhecido 1

Primeiro Contato Histórias reais de um mundo desconhecido 1 Primeiro Contato Histórias reais de um mundo desconhecido 1 Gabriela VICENTINO 2 Ivo STANKIEWICZ 3 Kelly Cristina SILVA 4 Mylena GAMA 5 Otávio Fernando LOPES 6 José Carlos FERNANDES 7 Pontifícia Universidade

Leia mais

A clínica da anorexia no hospital, um caso. Aline Martins 1. Selma Correia da Silva 2

A clínica da anorexia no hospital, um caso. Aline Martins 1. Selma Correia da Silva 2 A clínica da anorexia no hospital, um caso. Aline Martins 1 Selma Correia da Silva 2 Neste trabalho pretendemos discutir a articulação do discurso da Psicanálise com o discurso da Medicina, destacando

Leia mais

Como falar com uma pessoa poderá me ajudar?

Como falar com uma pessoa poderá me ajudar? Como falar com uma pessoa poderá me ajudar? Aline Cerdoura Garjaka Encontrei, no seminário de 1976-77, Como viver junto, de Roland Barthes, a seguinte passagem (cito): Portanto, eu dizia É com essas palavras

Leia mais

A chacina de Realengo entre a normalização espetacularizada e o espetáculo normalizador - Número 22-08/2011

A chacina de Realengo entre a normalização espetacularizada e o espetáculo normalizador - Número 22-08/2011 A chacina de Realengo entre a normalização espetacularizada e o espetáculo normalizador - Número 22-08/2011 O monstro é, paradoxalmente apesar da posição-limite que ocupa, embora seja ao mesmo tempo o

Leia mais

PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ

PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ MINISTÉRIO DA SAÚDE IMPACTO DA VIOLÊNCIA NA SAÚDE DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ VOCÊ É A PEÇA PRINCIPAL PARA ENFRENTAR ESTE PROBLEMA Brasília - DF 2008

Leia mais

Transtornos do Espectro do Autismo

Transtornos do Espectro do Autismo Transtornos do Espectro do Autismo O Município adotou o documento Ministerial, LINHA DE CUIDADO PARA A ATENÇÃO ÀS PESSOAS COM TRANSTORNOS DO ESPECTRO DO AUTISMO E SUAS FAMILIAS NA REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL,

Leia mais

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico -

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Alessandro Alves Toda vez que se pretende classificar algo, deve-se ter em mente que o que se vai fazer é procurar reduzir um fenômeno complexo que em

Leia mais

FREUD: IMPASSE E INVENÇÃO

FREUD: IMPASSE E INVENÇÃO FREUD: IMPASSE E INVENÇÃO Denise de Fátima Pinto Guedes Roberto Calazans Freud ousou dar importância àquilo que lhe acontecia, às antinomias da sua infância, às suas perturbações neuróticas, aos seus sonhos.

Leia mais

Entrevista sobre a realidade da Genética com doutor Salmo Raskin

Entrevista sobre a realidade da Genética com doutor Salmo Raskin Entrevista sobre a realidade da Genética com doutor Salmo Raskin É especialista em Genética Clínica pela Sociedade Brasileira de Genética Clínica e em Genética Médica Molecular (DNA) pela Universidade

Leia mais

A Resolução CFM nº 1.974/2011

A Resolução CFM nº 1.974/2011 A Resolução CFM nº 1.974/2011 A Resolução CFM nº 1.974/2011 Publicada no Diário Oficial da União em 19/8/2011. Entra em vigor 180 dias após sua publicação. Ementa: Estabelece os critérios norteadores da

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL NO DIREITO POSITIVO Cíntia Cecília Pellegrini

A INFLUÊNCIA DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL NO DIREITO POSITIVO Cíntia Cecília Pellegrini A INFLUÊNCIA DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL NO DIREITO POSITIVO Cíntia Cecília Pellegrini RESUMO: Após a Segunda Guerra Mundial, a sociedade internacional passou a ter como principal objetivo a criação de acordos

Leia mais

A triagem como instrumento de comunicação entre Psicanálise e Psiquiatria

A triagem como instrumento de comunicação entre Psicanálise e Psiquiatria A triagem como instrumento de comunicação entre Psicanálise e Psiquiatria Thaís Augusto Gonçales Zanoni thaisagz.psi@gmail.com Psicóloga. Especialista em Saúde Mental, Psicopatologia e Psicanálise pela

Leia mais

Nova genética desestabiliza idéia de raça e coloca dilemas políticos

Nova genética desestabiliza idéia de raça e coloca dilemas políticos Nova genética desestabiliza idéia de raça e coloca dilemas políticos Por Carol Cantarino No final de 2005, o site Edge perguntou a 100 cientistas e filósofos do mundo todo: Qual a idéia mais perigosa presente

Leia mais

Transferência e desejo do analista: os nomes do amor na experiência analítica ou Amar é dar o que não se tem

Transferência e desejo do analista: os nomes do amor na experiência analítica ou Amar é dar o que não se tem 1 Transferência e desejo do analista: os nomes do amor na experiência analítica ou Amar é dar o que não se tem Palavras-chave: Transferência, Desejo do analista, Formação Que haja amor à fraqueza, está

Leia mais

INTERSETORIALIDADE E AUTISMO

INTERSETORIALIDADE E AUTISMO INTERSETORIALIDADE E AUTISMO Daniel de Sousa Filho Psiquiatra da Infância e Adolescência Mestre em Distúrbios do Desenvolvimento UPM Introdução Kanner, 1943 Asperger, 1944 Bleuler, 1906 Transtornos do

Leia mais

Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna

Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna Henrique Figueiredo Carneiro Liliany Loureiro Pontes INTRODUÇÃO Esse trabalho apresenta algumas considerações,

Leia mais

Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites?

Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites? Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites? Cláudia Fabiana de Jesus Psicóloga e Mestre em Psicologia da Saúde Estimular a reflexão sobre os limites das abordagens Repensar sobre os

Leia mais

Ser mãe hoje. Cristina Drummond. Palavras-chave: família, mãe, criança.

Ser mãe hoje. Cristina Drummond. Palavras-chave: família, mãe, criança. Ser mãe hoje Cristina Drummond Palavras-chave: família, mãe, criança. Hoje em dia, a diversidade das configurações familiares é um fato de nossa sociedade. Em nosso cotidiano temos figuras cada vez mais

Leia mais

Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade

Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade Nathália Fernandes Andreza Aparecida Polia Ranielí Gonçalves de Souza Halessandra Medeiros O Transtorno do Déficit de Atenção

Leia mais

OBJETIVOS: GERAL: Determinar a prevalência do alcoolismo em Policiais Militares do Estado do Amazonas.

OBJETIVOS: GERAL: Determinar a prevalência do alcoolismo em Policiais Militares do Estado do Amazonas. TÍTULO: ALCOOLISMO NA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO AMAZONAS. Autores: Fernando de Lima Ferreira; Aristóteles Alencar; Manoel Galvão; Giselle Oliveira da Costa; Márcia Maria Leão de Araújo; Roberta Kelly

Leia mais

A palavra Psiquiatria deriva do Grego e quer dizer "arte de curar a alma"

A palavra Psiquiatria deriva do Grego e quer dizer arte de curar a alma PSIQUIATRIA Psiquiatria é uma especialidade da Medicina que lida com a prevenção, atendimento, diagnóstico, tratamento e reabilitação das diferentes formas de sofrimentos mentais, sejam elas de cunho orgânico

Leia mais

TERAPIA GÊNICA. Brasília DF, Julho de 2010.

TERAPIA GÊNICA. Brasília DF, Julho de 2010. Apresentação desenvolvida pelas graduandas em Ciências Farmacêuticas: Ana Carolina Macedo Lima, Ariane Mugnano Castelo Branco, Caroline Cardoso Mendes Souza, Clarisse Danielli Silva Albergaria, Jéssica

Leia mais

México. Desaparecimentos JANEIRO DE 2014

México. Desaparecimentos JANEIRO DE 2014 JANEIRO DE 2014 RESUMO DO PAÍS México Após assumir o cargo em dezembro de 2012, o Presidente Enrique Peña Nieto reconheceu que a guerra contra as drogas iniciada por seu predecessor Felipe Calderón havia

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS

IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS Cayla Aparecida de Sousa 1 ; Cícero Marcelo Félix Junior 1 ; Sandra Cristina Catelan- Mainardes

Leia mais

O AUTISMO- NA CRIANÇA

O AUTISMO- NA CRIANÇA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MÉRTOLA Escola E,B 2,3 ES\Escola S. Sebastião de Mértola Curso Profissional de Técnico de Apoio Psicossocial- 3ºano Disciplina de Psicopatologia Geral Ano letivo 2013\14 Docente:

Leia mais

Loucura Mito e Realidade

Loucura Mito e Realidade Loucura Mito e Realidade Carmem Dametto Loucura Mito e Realidade 1ª Edição POD Petrópolis KBR 2012 Edição de texto Noga Sklar Editoração: KBR Capa KBR Copyright 2012 Carmem Dametto Todos os direitos reservados

Leia mais

Home A ABDA Sobre TDAH Locais Públicos de Tratamento Associe-se Profissionais Cadastrados Evento

Home A ABDA Sobre TDAH Locais Públicos de Tratamento Associe-se Profissionais Cadastrados Evento Page 1 of 6 Home A ABDA Sobre TDAH Locais Públicos de Tratamento Associe-se Profissionais Cadastrados Evento Contatos Sobre TDAH O que é o TDAH O que é o TDAH Fonte Imprimir E-m O que é o TDAH? O Transtorno

Leia mais

PLANO DE CURSO. Código: Carga Horária: 80h (Teoria: 60h; Prática: 20h) Créditos: 04 Pré-requisito(s): ------ Período: VII Ano: 2015.

PLANO DE CURSO. Código: Carga Horária: 80h (Teoria: 60h; Prática: 20h) Créditos: 04 Pré-requisito(s): ------ Período: VII Ano: 2015. PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Enfermagem Disciplina: Assistência de Enfermagem em Saúde Mental Professor: Tito Lívio Ribeiro E-mail: thitolivio@gmail.com Código: Carga

Leia mais

O DIAGNÓSTICO DOS TRANSTORNOS DO ESPECTRO DO AUTISMO TEA

O DIAGNÓSTICO DOS TRANSTORNOS DO ESPECTRO DO AUTISMO TEA 1 MARIA ELISA GRANCHI FONSECA Psicóloga Mestre em Educação Especial UFSCAR TEACCH Practitioner pela University of North Carolina USA Coordenadora de Curso INFOCO FENAPAES UNIAPAE Coordenadora CEDAP APAE

Leia mais

DESAFIOS DA INCLUSÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA PSICOSSOCIAL NO MUNDO DO TRABALHO

DESAFIOS DA INCLUSÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA PSICOSSOCIAL NO MUNDO DO TRABALHO DESAFIOS DA INCLUSÃO Romeu Sassaki DE PESSOAS COM romeukf@uol.com.br DEFICIÊNCIA PSICOSSOCIAL NO MUNDO DO TRABALHO Romeu Kazumi Sassaki 7ª Reabilitação, Inclusão e Tecnologia de Curitiba (Reatiba) Equidade

Leia mais

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2 Homeopatia A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes (princípio parecido com o das vacinas) que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando

Leia mais

Latusa digital ano 2 N 19 outubro de 2005

Latusa digital ano 2 N 19 outubro de 2005 Latusa digital ano 2 N 19 outubro de 2005 Sinthoma e fantasia fundamental no caso do homem dos ratos * Cleide Maschietto Doris Rangel Diogo ** O Homem dos ratos 1 é um caso de neurose muito comentado,

Leia mais

OS LIMITES DE UMA CLÍNICA 1 M aria L uiza M ota M iranda

OS LIMITES DE UMA CLÍNICA 1 M aria L uiza M ota M iranda OS LIMITES DE UMA CLÍNICA 1 M aria L uiza M ota M iranda m otam irandam arialuiza@ yahoo.com Agradeço à organização deste evento, em particular ao Dr. Esdras Cabus, pela oportunidade de participar dessa

Leia mais

Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação

Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação Direitos LGBT: do casamento ao enfrentamento da discriminação Publicado em 28/06/2015, às 15h26 Atualizado em 28/06/2015, às 15h58 Sérgio Costa Floro* Especial para o NE10 #LoveWins tomou conta do discurso

Leia mais

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Messiano Ladislau Nogueira de Sousa Médico Psiquiatra com aperfeiçoamento em terapia psicanalítica Abril, 2014 Sumário Conceitos

Leia mais

Local: Escola Nossa Senhora do Carmo

Local: Escola Nossa Senhora do Carmo Assunto: Reunião/Palestra sobre saúde para orientar e esclarecer as dúvidas da população sobre as ações preventivas na área da saúde pública em virtude da construção da UHE Belo Monte. Redator: Eliane

Leia mais

1. O que são as clínicas do testemunho? Como e por que se constituiu o cartel? Quais os temas e como se articulam?

1. O que são as clínicas do testemunho? Como e por que se constituiu o cartel? Quais os temas e como se articulam? Almanaque on-line entrevista os integrantes do Cartel "Clínica do Testemunho": Jorge Pimenta, Lucíola Macêdo, Maria Clara Pêgo, Simone Pinho Ribeiro e Guillermo Belaga 1 (mais-um). Guillermo Belaga, em

Leia mais

A EVOLUÇÃO DA LUTA CONTRA O CÂNCER

A EVOLUÇÃO DA LUTA CONTRA O CÂNCER A EVOLUÇÃO DA LUTA CONTRA O CÂNCER Vanessa Gabriela Martins Pereira, Thaís Nogueira Silva, Laísa de Fátima Rangel, Karen Dias Ferreira, Hadassa Cristina Souza dos Santos, Gisele Aparecida de Castro Moreira,

Leia mais

Autismo e Aprendizagem

Autismo e Aprendizagem Autismo e Aprendizagem O termo autismo origina-se do grego autós, que significa de si mesmo. Foi empregado pela primeira vez pelo psiquiatra suíço Bleuler, em 1911, que buscava descrever a fuga da realidade

Leia mais

Stephen Grosz. A vida em análise. Histórias de amor, mentiras, sofrimento e transformação. Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges

Stephen Grosz. A vida em análise. Histórias de amor, mentiras, sofrimento e transformação. Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges Stephen Grosz A vida em análise Histórias de amor, mentiras, sofrimento e transformação Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges Como podemos ser possuídos por uma história que não pode ser contada Quero

Leia mais

02/03/2011 PERSPECTIVA SINDRÔMICA

02/03/2011 PERSPECTIVA SINDRÔMICA PSICOPATOLOGIA CLASSIFICAÇÕES DIAGNÓSTICAS COMPREENSÃO DAS SÍNDROMES Profa. Dra. Marilene Zimmer Psicologia - FURG 2 Embora a psicopatologia psiquiátrica contemporânea tenda, cada vez mais, a priorizar

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE FIGURAS... ÍNDICE DE QUADROS...

ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE FIGURAS... ÍNDICE DE QUADROS... ÍNDICE GERAL ÍNDICE DE FIGURAS... ÍNDICE DE QUADROS... SIGLÁRIO. XI XIV XVII 1. INTRODUÇÃO 1 1.1. Problemática de Investigação... 4 1.1.1. Problema.. 6 1.1.2. Natureza do Estudo... 9 1.1.3. Variáveis 10

Leia mais

Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança

Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança Manuela Rossiter Infância - tempo de brincar, coisa séria. Sônia Pereira Pinto da Motta O atendimento de crianças

Leia mais