Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Profa. Cleide de Freitas. Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS"

Transcrição

1 Profa. Cleide de Freitas Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS

2 O que vimos na aula anterior Ideias e Oportunidades Oportunidades x Experiência de mercado O que é um plano de negócios? Identificação e análise de oportunidades Estudo do mercado Empreendedorismo no Brasil e no mundo Empreendedores corporativos Formas de financiamento O processo empreendedor

3 O que vamos ver hoje Por que as empresas quebram? Estrutura detalhada do plano de negócios; Plano de Marketing; Estratégia té de Vendas; Estrutura Organizacional; Plano Financeiro; Tipos de Empresa

4 Por que as empresas quebram? Estudo do SEBRAE divulgado em maio 2010 apresentou, entre outros dados, a diminuição da taxa de mortalidade das MPEs de 71% para 58%. A taxa de mortalidade das micro e pequenas empresas no primeiro ano de vida também caiu, de 35% para 27%.

5 Principais causas A falta de incentivos e subsídios apropriados à exportação de produtos fabricados por MPE s; A alta taxa de juros (SELIC); O difícil acesso ao crédito e a exigência de contrapartidas abusivas para se pleitear financiamentos junto às instituições financeiras; A alta concorrência estrangeira, especialmente asiática e americana; O peso dos encargos para a contratação, manutenção e dispensa de empregados.

6 Dificuldades de planejamento Toda empresa necessita de um planejamento do seu negócio para poder gerenciá-lo e apresentar sua idéia a investidores, bancos, clientes etc; Toda entidade provedora de financiamento, fundos e outros recursos financeiros necessita de um plano de negócios da empresa requisitante para poder avaliar os riscos inerentes ao negócio;

7 Noções básicas das áreas A maioria dos micro e pequenos empresários não conhecem os conceitos básicos de planejamento, vendas, marketing, fluxo de caixa, ponto de equilíbrio, projeções de faturamento etc, por isso não conseguem colocá-los l objetivamente em seu PN.

8 Quem são os clientes do PN? O próprio empreendedor. Sócios e empregados; Sócios em potencial. Parceiros em potencial (distribuidores, representantes). t Órgãos governamentais de financiamento, bancos, capitalistas de risco (para obtenção de recursos de qualquer fonte). Grande clientes atacadistas, distribuidores. Franqueados.

9 Interatividade As MPEs ainda apresentam um índice muito alto de falência. Esses números estão ligados a: a) Falta de planejamento e experiência de mercado; b) Fechamento dos portos para a importação c) Incentivos por parte do governo d) Crédito fácil nas instituições particulares e) Falta de concorrência

10 Como fazer um plano de negócios? O que será feito e por quem? (O empreendimento) O que será oferecido ao mercado? (O produto/serviço) A quem será oferecido? Quem serão os fornecedores e competidores diretos? (O ambiente de mercado) Como será feito o atendimento aos clientes? (O plano de marketing) Quanto será gasto? Quanto será o retorno? (O plano financeiro) Qual o prazo de execução das ações? Quais serão as metas e qual o prazo para atingi-las? (O cronograma de ações e metas)

11 Estrutura do plano de negócios Como desenvolver um Plano de negócios? Como distribuir informações dentro das seções? Como se analisa o mercado? Como fazer projeções financeiras?

12 Estrutura do plano de negócios Planos de Negócios 1. Capa 2. Sumário 3. Sumário executivo 4. Produto/Serviço 5. Mercado 6. Descrição da empresa 7. Estratégia de negócio 8. Plano de marketing 9. Planejamento e Desenvolvimento 10.Plano Financeiro 11.Anexos

13 1. Capa Dados da empresa Dados dos proprietários Mês e ano em que o plano foi elaborado Número da cópia Nome do autor do plano de negócios.

14 2. Sumário É imprescindível para a apresentação do Plano de Negócios como um índice; Deve constar todas as seções e subseções com suas respectivas páginas; Sua organização causará uma boa impressão, refletindo na imagem da empresa;

15 3. Sumário executivo Principal seção de todo o plano; Composto por um breve resumo da empresa ou negócio; O objetivo deve estar explícito; Deve enfatizar também o seu mercado potencial e o seu diferencial competitivo e tecnológico.

16 3. Sumário executivo (2) Alguns questionamentos devem ser seguidos como parâmetro: O que se pretende fazer para aproveitar as oportunidades? O que é preciso para potencializar as oportunidades? Por que os empreendedores acreditam que terão sucesso? Todas essas informações devem atrair o investidor, incentivá-lo. Lembrando que deve ser escrito no final.

17 Resumo da empresa Deve-se apresentar, em linhas gerais a própria empresa. O que é a oportunidade a ser aproveitada, e qual o produto ou serviço será comercializado. O que a empresa vende e como o faz. Forma legal de existência (Ltda., S/A, empresa individual, cooperativa, etc.), e os dados e informações sobre os proprietários, com seus currículos resumidos, Qual o plano de implementação da empresa? Localização e instalações

18 4. Produto ou serviço Nesta seção, deve-se informar todas as características, bem como diferenciais oferecidos. O ciclo de vida dos produtos Características e benefícios Estratégias de produtos Tecnologia Pesquisa e desenvolvimento, Produção e distribuição

19 Interatividade No sumário executivo, encontramos: a) O índice do plano de negócios; b) As informações financeiras; c) Um resumo sobre o negócio, com todos os dados d para convencer o investidor; d) O histórico do empreendedorismo no mundo; e) As novas tendências de investimentos.

20 5. Mercado Momento de pesquisa, onde o empreendedor deve mostrar seu conhecimento sobre o mercado: Consumidores Concorrentes Fornecedores Participação de mercado

21 Produto: posicionamento Está relacionado à maneira como os consumidores percebem a empresa e seu produto/serviço em relação à concorrência: A marca; A embalagem; O rótulo; A garantia (apoio); A qualidade; O design (estilo);

22 6. Descrição da empresa Empresa já existente o investidor deve entender o seu funcionamento e o que ela deseja com o plano de negócios. Nova empresa somente determinar os tópicos a seguir. Definições: Missão Equipe gerencial Estrutura organizacional Localização e infra-estrutura Segurança Parceiros estratégicos

23 7. Estratégia do negócio Análise SWOT Pontos fortes, fracos, Oportunidades e Ameaças. Qual a origem dos investimentos necessários: recursos próprios ou de terceiros? No caso de recursos de terceiros, qual a sua composição? Em que consistirão as parcerias para viabilizar o negócio?

24 7. Estratégia do negócio (2) Qual será o segmento de mercado a ser explorado? Qual será o diferencial da empresa em relação a preço e qualidade? E quaisquer questões que o empreendedor considere como pontos críticos para o sucesso do seu negócio. Será nesse momento que a visão de negócio do empreendedor será avaliada.

25 8. Plano de marketing Quais serão os métodos utilizados para vender os produtos/serviços? Quais os diferenciais perceptíveis pelo cliente? Como será a política de preços? Qual será a projeção de vendas e quais critérios serão adotados?

26 8. Plano de marketing (2) Quais os canais de distribuição que a empresa irá utilizar para chegar ao cliente no momento certo? Quais serão as estratégias de promoção/comunicação ç e publicidade da empresa para disponibilizar o produto/serviço ao mercado? A estratégia de marketing está relacionada aos 4P s do marketing, sigla que abrevia os termos: Produto, Preço, Praça e Promoção.

27 Principais formas de promoção O sucesso de um produto não depende somente da sua promoção, mas também da maneira como a sua Promoção é transmitida. Propaganda (Impressa, TV, Rádio, Internet) A Venda Pessoal é caracterizada pelo contato direto entre o representante da empresa e o consumidor.

28 Principais formas de promoção (2) A Publicidade consiste em transmitir informações sobre o produto/serviço ou sobre a empresa. Internet: ferramenta das mais importantes, custa menos do que as ferramentas tradicionais de comunicação e proporcionou aumentar muito as ações de Marketing Direto.

29 Interatividade O Plano de Marketing envolve os 4Ps de marketing, que são: a) Propaganda, Praça, Produto e Preço b) Produto, Preço, Praça e Promoção c) Produto, Preço, Praça e Publicidade; id d d) Propaganda, Praça, Produto e Promoção; e) Publicidade, Praça, Promoção e Preço

30 Estratégia de vendas A estratégia de vendas também está relacionada diretamente à estratégia de marketing traçada pela empresa. Aqui o empreendedor deve explicitar o argumento central de venda que irá adotar, ou seja, o que será enfatizado em seu produto/serviço como ponto forte para que ele seja atrativo a seu público alvo.

31 Estrutura organizacional A equipe de profissionais envolvidos deve ter as competências necessárias para implementar o que foi planejado. A estrutura deve ser eficiente, de maneira que seja o menos custosa possível, e em termos de eficácia, para que atinja os resultados desejados pelos investidores. Aqui deve ser detalhado as formas de remuneração, avaliação e remuneração da equipe.

32 9. Planejamento e desenvolvimento Nesta seção deve ser explanado sobre o planejamento que deve ser feito para possibilitar o desenvolvimento físico do produto/serviço: Tempo (cronograma) Perdas (contingências)

33 10. Plano financeiro a) O fluxo de caixa (com um horizonte de pelo menos 3 anos); b) O balanço patrimonial; c) O uso de capital e suas fontes; d) As necessidades d de investimento; t e) A DRE (Demonstração de Resultado do Exercício) de cada ano projetado; f) A análise dos principais indicadores financeiros do negócio g) Payback h) Break even point (ponto de equilíbrio)

34 11. Anexos Esta seção deve conter todas as informações e bases de cálculos que o empreendedor julgar relevantes; Não há limite de conteúdos e a única exigência é a relação dos CV s dos sócios e principais dirigentes da empresa.

35 Tipos de empresa Prestação de Serviços Comércio Atacadista Distribuidora Empresa Industrial Agropecuária Empresa Mista - agrega mais de uma das características dos outros tipos de empresa

36 Abrir uma nova empresa Contrato Social Registro da empresa Quanto tempo demora Quanto custará

37 Considerações finais Clareza, objetividade e persuasão no texto; Informações com bases reais; Uma boa pesquisa de mercado; Comprovação de viabilidade d através de números, gráficos, cases de sucesso; Se possível, apresentação pessoal impecável nas reuniões com investidores. Faça um check list e revise o texto 10 vezes se necessário, mostre para outras pessoas, exercite seu potencial de persuasão.

38 Interatividade Todos os passos do Plano de Negócios são essenciais para garantir o sucesso do empreendimento. Qual deles pode inviabilizar o negócio? a) Plano de marketing; b) Resumo da empresa; c) Estratégia de vendas; d) Visão de futuro da empresa e) Plano financeiro.

39 ATÉ A PRÓXIMA!

PLANO DE NEGÓCIO, O QUE É?

PLANO DE NEGÓCIO, O QUE É? PLANO DE NEGÓCIO P l a n o d e N e g ó c i o é u m documento capaz de mostrar toda a viabilidade e estratégias do negócio, do ponto de vista e s t r u t u r a l, a d m i n i s t r a t i v o, estratégico,

Leia mais

Instituto de Economia - UFRJ IEE Economia do Empreendedorismo Professora: Renata La Rovere Tutor: Guilherme Santos

Instituto de Economia - UFRJ IEE Economia do Empreendedorismo Professora: Renata La Rovere Tutor: Guilherme Santos Instituto de Economia - UFRJ IEE 531 - Economia do Empreendedorismo 2016.2 Professora: Renata La Rovere Tutor: Guilherme Santos Os empreendedores precisam saber planejar suas ações e delinear as estratégias

Leia mais

SEM0530 Problemas de Engenharia Mecatrônica II

SEM0530 Problemas de Engenharia Mecatrônica II SEM0530 Problemas de Engenharia Mecatrônica II Prof. Marcelo A. Trindade Departamento de Engenharia Mecânica Escola de Engenharia de São Carlos - USP Sala: 2º andar do Prédio da Mecatrônica (ramal 9400)

Leia mais

MAI5027 Empreendedorismo. Plano de Negócios. Profa. Ellen Francine ICMC/USP

MAI5027 Empreendedorismo. Plano de Negócios. Profa. Ellen Francine ICMC/USP MAI5027 Empreendedorismo Plano de Negócios Profa. Ellen Francine ICMC/USP 1 Motivação Por que preparar um plano de negócios? 2 Processo Empreendedor Identificar e avaliar a oportunidade Desenvolver o plano

Leia mais

ANEXO I MODELO DE PLANO DE NEGÓCIOS

ANEXO I MODELO DE PLANO DE NEGÓCIOS ANEXO I MODELO DE PLANO DE NEGÓCIOS 1. Resumo Executivo (Síntese das principais informações que constam em seu PN. É a principal seção do Plano de Negócios, pois através dele é que o leitor decidirá se

Leia mais

SSC570 Empreendedores em Informática. Plano de Negócios. Profa. Ellen Francine ICMC/USP

SSC570 Empreendedores em Informática. Plano de Negócios. Profa. Ellen Francine ICMC/USP SSC570 Empreendedores em Informática Plano de Negócios Profa. Ellen Francine ICMC/USP 1 Motivação Por que preparar um plano de negócios? 2 Processo Empreendedor Identificar e avaliar a oportunidade Desenvolver

Leia mais

Gestão e Empreendedorismo

Gestão e Empreendedorismo Unidade III Gestão e Empreendedorismo Eliomar Borges Furquim Plano de negócios (PN): uma Visão geral. Objetivo específico - Ao concluir este módulo, você vai ser capaz de compreender o que é um Plano de

Leia mais

Como escrever um business plan

Como escrever um business plan Como escrever um business plan Prof. Fábio Campos O processo empreendedor Identificar e avaliar a oportunidade criação e abrangência da oportunidade valores percebidos e reais da oportunidade riscos e

Leia mais

Conceito de Plano de Negócio e seu uso como ferramenta de planeamento e gestão.

Conceito de Plano de Negócio e seu uso como ferramenta de planeamento e gestão. Conceito de Plano de Negócio e seu uso como ferramenta de planeamento e gestão. Direcção de Desenvolvimento Agrário DIRDEA Msc. Eng. Agrónoma Elielda Fernandes elieldafernandes@sodepacangola.com Como ser

Leia mais

Informações sobre os Roteiros

Informações sobre os Roteiros Informações sobre os Roteiros O MakeMoney traz roteiros especialmente desenvolvidos para elaboração de Planos de Negócios, Estudos de Viabilidade e Planos de Inovação e Competitividade. Este documento

Leia mais

PRÁTICA PROFISSIONAL (PP) I e II (TCC I e II) ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIOS

PRÁTICA PROFISSIONAL (PP) I e II (TCC I e II) ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIOS PRÁTICA PROFISSIONAL (PP) I e II (TCC I e II) ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIOS Disciplinas: 254CD-04 Projeto de Negócios (TCC I - Via Empreendedora/240h) 254PN-04 Plano de Negócios (TCC II - Via Empreendedora/240h)

Leia mais

Criando um Plano de Negócios Eficiente e Colocando em Prática

Criando um Plano de Negócios Eficiente e Colocando em Prática Criando um Plano de Negócios Eficiente e Colocando em Prática 1 OBJETIVO Transformar idéias em negócios com impacto social e ambiental Escrever um plano de negócio força você a pensar disciplinadamente

Leia mais

Douglas Fabian. Bacharel em Administração. MBA Gestão Estratégica de Pessoas

Douglas Fabian. Bacharel em Administração. MBA Gestão Estratégica de Pessoas Douglas Fabian Bacharel em Administração MBA Gestão Estratégica de Pessoas PLANO DE NEGÓCIOS PLANO DE NEGÓCIOS O que é um plano de negócios? INSTRUMENTO DE PLANEJAMENTO É um documento que especifica, em

Leia mais

CURSO DE SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria nº 433 de 21/10/2011 DOU de 24/10/2011 PLANO DE CURSO

CURSO DE SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria nº 433 de 21/10/2011 DOU de 24/10/2011 PLANO DE CURSO CURSO DE SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria nº 433 de 21/10/2011 DOU de 24/10/2011 Componente Curricular: Ética e Empreendedorismo Código: Pré-requisito: Período Letivo:

Leia mais

Nesse artigo falaremos sobre:

Nesse artigo falaremos sobre: Este conteúdo faz parte da série: Plano de Negócios Ver 7 posts dessa série O sumário executivo é um resumo inicial do plano de negócios. Uma espécie de aperitivo que ilustra o que o leitor encontrará

Leia mais

ANEXO E: Análise de Risco e Providências Pertinentes - Conferência inicial

ANEXO E: Análise de Risco e Providências Pertinentes - Conferência inicial ANEXO E: Análise de Risco e Providências Pertinentes - Conferência inicial Credenciais dos patrocinadores Análise de risco do país Credibilidade do estudo de viabilidade e plano de negócios (incluindo

Leia mais

Plano de negócios. Sua necessidade, erros a não cometer e tipologias. Estrutura base

Plano de negócios. Sua necessidade, erros a não cometer e tipologias. Estrutura base Plano de negócios Sua necessidade, erros a não cometer e tipologias Estrutura base O que é um plano de negócios? Um Plano de Negócios é um Plano base, essencial para a estruturação e defesa de uma nova

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS Disciplina: Matemática Financeira 10 h/a Ementa: O valor do dinheiro no tempo. Conceitos de juros, taxas de juros, principal,

Leia mais

Objetivos desta aula. Noções de Marketing 21/10/09

Objetivos desta aula. Noções de Marketing 21/10/09 Noções de Marketing 21/10/09 Atendimento. Marketing em empresas de serviços. Marketing de relacionamento. Segmentação de mercado e segmentação do setor bancário. Propaganda e Promoção. Satisfação, Valor

Leia mais

1. Curso Superior de Tecnologia em Comércio Exterior:

1. Curso Superior de Tecnologia em Comércio Exterior: LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA APTOS AO REGISTRO NO CRA-GO 1. Curso Superior de Tecnologia em Comércio Exterior: 1.1. Tecnologia em Exportação e Importação; 1.2. Tecnologia em Gerência de Comércio Exterior;

Leia mais

O que é o business plan

O que é o business plan O que é o business plan O business plan nada mais é do que o termo em inglês referente ao nosso tão famoso plano de. Essa é uma das melhores ferramentas para te ajudar a ter uma visão completa do seu negócio.

Leia mais

Introdução. Sucesso organizacional + Ambiente de Mudança. Adotar uma ESTRATÉGIA. Criar vantagem competitiva sustentada

Introdução. Sucesso organizacional + Ambiente de Mudança. Adotar uma ESTRATÉGIA. Criar vantagem competitiva sustentada Introdução Sucesso organizacional + Ambiente de Mudança Adotar uma ESTRATÉGIA Criar vantagem competitiva sustentada Elemento unificador que dá coerência e direcção às decisões individuais da empresa Introdução

Leia mais

Administração e Finanças

Administração e Finanças Estrutura do Plano de Negócio Profa. Fernanda Pereira Caetano Trabalho pesado é geralmente a acumulação de tarefas pequenas que não foram feitas a tempo. (Henry Cooke) Não existe uma estrutura rígida e

Leia mais

SUMÁRIO EXECUTIVO. 1 a ) Facilitar o entendimento do projeto, ao apresentar brevemente os principais tópicos, cenários, empresa e negócio;

SUMÁRIO EXECUTIVO. 1 a ) Facilitar o entendimento do projeto, ao apresentar brevemente os principais tópicos, cenários, empresa e negócio; SUMÁRIO EXECUTIVO O Sumário Executivo é a apresentação do projeto de empreendimento e, por isso, deve ser capaz de comunicar, esclarecer e cativar o leitor. Apresenta duas importantes funções: 1 a ) Facilitar

Leia mais

Quem somos. Mais de 20 anos de atuação nacional. Referência em pesquisas no Sul do Brasil.

Quem somos. Mais de 20 anos de atuação nacional. Referência em pesquisas no Sul do Brasil. Quem somos Mais de 20 anos de atuação nacional. Referência em pesquisas no Sul do Brasil. Experiência em projetos nos setores privado, mídia, entidades, público e político. Alguns de nossos clientes Principais

Leia mais

Gestão de micro e pequenas empresas. O que veremos hoje. Apresentação do professor. Contatos. Empreendedorismo. Fontes de novas ideias 31/01/2017

Gestão de micro e pequenas empresas. O que veremos hoje. Apresentação do professor. Contatos. Empreendedorismo. Fontes de novas ideias 31/01/2017 Gestão de micro e pequenas empresas Cursos de Verão da Faculdade Anhanguera de São José dos Campos O que veremos hoje 1. Conceitos básicos de empreendedorismo 2. Colocando as ideias no papel: o plano de

Leia mais

Política Institucional de Responsabilidade Socioambiental Mercantil do Brasil

Política Institucional de Responsabilidade Socioambiental Mercantil do Brasil Política Institucional de Responsabilidade Socioambiental Mercantil do Brasil versão 1.0 Belo Horizonte Julho - 2015 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 2 2. ABRANGÊNCIA... 3 3. ESTRUTURA DE GOVERNANÇA CORPORATIVA...

Leia mais

Você pode pensar que pode, ou pensar que não pode, em ambos os casos você está certo.

Você pode pensar que pode, ou pensar que não pode, em ambos os casos você está certo. Plano de negócios Plano de Negócios o que é? Você pode pensar que pode, ou pensar que não pode, em ambos os casos você está certo. Henry Ford Plano de Negócios o que é? O Plano de Negócios é um instrumento

Leia mais

Anexo 4. Termo de Referência do Plano de Negócios

Anexo 4. Termo de Referência do Plano de Negócios Anexo 4 Termo de Referência do Plano de Negócios I. Introdução 1.1. Este Termo de Referência tem por objetivo orientar as Proponentes na elaboração de seu Plano de Negócios, conforme definido no Edital,

Leia mais

Perfil Caliper de Vendas. The Inner Seller Report

Perfil Caliper de Vendas. The Inner Seller Report Perfil Caliper de Vendas The Inner Seller Report Avaliação de: Sr. João Vendedor Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: Perfil Caliper de Vendas The Inner Seller Report Página 1

Leia mais

Perguntas para desenvolver um grande Plano de Negócios

Perguntas para desenvolver um grande Plano de Negócios Perguntas para desenvolver um grande Plano de Negócios 1/5 1 - Qual é a sua Visão para o seu negócio? 1.1 - Quais problemas você resolve para os seus clientes? 1.2 - Se a sua empresa fosse perfeita em

Leia mais

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional Excelência na Gestão Desafio dos Pequenos Negócios INSTITUCIONAL SEBRAE MISSÃO Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia

Leia mais

17/10/2011. Construindo Planos de Negócios. Capítulo 1: Aspectos gerais do plano de negócios

17/10/2011. Construindo Planos de Negócios. Capítulo 1: Aspectos gerais do plano de negócios do plano Construindo Planos de Negócios 2011.2 Tipos Empresa de prestação de serviços Empresa de venda a varejo Empresa de vendas por atacado Distribuidora Empresa Industrial Empresa Mista do plano do

Leia mais

Curso de Administração Trabalho Integrado. Roteiro 2010/1 1º., 3º. e 5º. semestres 1. INTRODUÇÃO

Curso de Administração Trabalho Integrado. Roteiro 2010/1 1º., 3º. e 5º. semestres 1. INTRODUÇÃO Curso de Administração Trabalho Integrado Roteiro 2010/1 1º., 3º. e 5º. semestres 1. INTRODUÇÃO Trabalhar a interdisciplinaridade tem sido um desafio para muitos cursos de graduação. Outra questão é a

Leia mais

ROTEIRO PARA PLANO DE NEGÓCIOS

ROTEIRO PARA PLANO DE NEGÓCIOS ROTEIRO PARA PLANO DE NEGÓCIOS I. APRESENTAÇÃO: dizer o que você quer fazer, que projeto/trabalho é o seu: Montar uma empresa? Implementar atividades (numa empresa já existente)? Renovar métodos? Assimilar

Leia mais

Como Criar um Plano de Negócio

Como Criar um Plano de Negócio www.pwc.com/br Como Criar um Plano de Negócio Ferramenta vital para a continuidade da empresa Julho de 2010 O Plano de Negócio ou Business Plan é uma poderosa ferramenta gerencial para as empresas desde

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA A Microfranquia FRVendas faz parte do Grupo Net Branding, que atua no mercado de consultoria e treinamento desde 1998, através de seu diretor Fábio Fiorini, um dos principais especialistas

Leia mais

3. CNAE E FATURAMENTO: 3.1. CNAE Principal (Código e Descrição da Atividade Econômica Principal, conforme CNPJ):

3. CNAE E FATURAMENTO: 3.1. CNAE Principal (Código e Descrição da Atividade Econômica Principal, conforme CNPJ): BNDES/GOIÁSFOMENTO CARTA-CONSULTA 1. RESUMO DA OPERAÇÃO PROPOSTA: 1.1. Sobre a Empresa 1.1.1. Empresa/Proponente: 1.1.2. Objetivo Social: 1.1.3. Localização do Empreendimento Proposto (município): 1.2.

Leia mais

Sumário. Apresentação da sexta edição, xv. 1 Introdução, 1

Sumário. Apresentação da sexta edição, xv. 1 Introdução, 1 Sumário Apresentação da sexta edição, xv 1 Introdução, 1 2 O Processo Empreendedor, 7 A revolução do empreendedorismo, 8 O empreendedorismo no Brasil, 15 Análise histórica do surgimento do empreendedorismo,

Leia mais

Objetivo e Benefícios de um Plano de Marketing

Objetivo e Benefícios de um Plano de Marketing AULA 14 Marketing Objetivo e Benefícios de um Plano de Marketing Objetivo - Estabelecer todas as bases para a ação no mercado. Benefícios - Explorar uma oportunidade oferecida pelo mercado. - Integrar

Leia mais

Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para. empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o

Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para. empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o ABIMAQ Maio de 2014 BDMG Missão: Banco inovador, parceiro do cliente em soluções financeiras, para empresas comprometidas com a geração de oportunidades e o desenvolvimento sustentável de Minas Gerais.

Leia mais

Unidade: Planejamento de Marketing. Unidade I:

Unidade: Planejamento de Marketing. Unidade I: Unidade: Planejamento de Marketing Unidade I: 0 Unidade: Planejamento de Marketing Planejar é definir procedimentos de atuação com o objetivo de atingir determinada situação. No caso de um planejamento

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO NA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO NA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO NA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS Marketing Prof. Augusto Santana 31/01/2013 INTRODUÇÃO Atividade de Marketing Consiste em determinar as necessidades e

Leia mais

O potencial econômico para negócios relacionados às áreas de meio ambiente. Marco Antonio Fujihara Agosto de 2016

O potencial econômico para negócios relacionados às áreas de meio ambiente. Marco Antonio Fujihara Agosto de 2016 O potencial econômico para negócios relacionados às áreas de meio ambiente Marco Antonio Fujihara Agosto de 2016 Diagrama original de Fritjof Capra Diagrama de Capra revisto pelo LEIA Bases da Análise

Leia mais

APLICAÇÃO DO BPM PARA REESTRUTURAÇÃO DO PORTFÓLIO DE SERVIÇOS DA APEX-BRASIL

APLICAÇÃO DO BPM PARA REESTRUTURAÇÃO DO PORTFÓLIO DE SERVIÇOS DA APEX-BRASIL APLICAÇÃO DO BPM PARA REESTRUTURAÇÃO DO PORTFÓLIO DE SERVIÇOS DA APEX-BRASIL BPM Congress Brasília, 27 de novembro de 2012. Carlos Padilla, CBPP, Assessor da Gerência de Negócios. PANORAMA DA APEX-BRASIL

Leia mais

MARKETING. para Negócios. Prof. Ms. Luiz Carlos F M Corrêa APP Associação dos Profissionais de Propaganda Albieri & Corrêa Marketing e Eventos

MARKETING. para Negócios. Prof. Ms. Luiz Carlos F M Corrêa APP Associação dos Profissionais de Propaganda Albieri & Corrêa Marketing e Eventos MARKETING para Negócios Prof. Ms. Luiz Carlos F M Corrêa APP Associação dos Profissionais de Propaganda Albieri & Corrêa Marketing e Eventos MARKETING COMUNICAÇÃO ARTE ou CIÊNCIA CIÊNCIA SOCIAL Capaz de

Leia mais

SSC570 - Empreendedorismo Profa. Ellen Francine ICMC/USP

SSC570 - Empreendedorismo Profa. Ellen Francine ICMC/USP SSC570 - Empreendedorismo Profa. Ellen Francine ICMC/USP 1 O sucesso de um empreendimento depende muito da capacidade de se administrar financeiramente o negócio. O acompanhamento sistemático das finanças

Leia mais

EDITAL SENAI SESI DE INOVAÇÃO 2013

EDITAL SENAI SESI DE INOVAÇÃO 2013 EDITAL SENAI SESI DE INOVAÇÃO 2013 Plano de Negócios (Max 20 pág. sem anexos) Dados gerais do projeto 1. Resumo do Projeto; Descrever de maneira sucinta do que se trata o projeto. 2. Objetivo do Projeto;

Leia mais

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL DO BANCO DA AMAZÔNIA

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL DO BANCO DA AMAZÔNIA POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL DO BANCO DA AMAZÔNIA A Socioambiental (PRSA) substitui a Política Corporativa pela Sustentabilidade (2011), e incorpora a contribuição das partes interessadas

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS. Emerson Carlos Baú Msc Ciências Econômicas

PLANO DE NEGÓCIOS. Emerson Carlos Baú Msc Ciências Econômicas PLANO DE NEGÓCIOS Emerson Carlos Baú Msc Ciências Econômicas O QUE É PLANO DE NEGÓCIO? Um Plano de Negócio é um documento que descreve os objetivos de um negócio e quais passos devem ser dados para que

Leia mais

CEA439 - Gestão da Tecnologia da Informação

CEA439 - Gestão da Tecnologia da Informação CEA439 - Gestão da Janniele Aparecida Posicionamento Estratégico Segundo Michael Porter Uma empresa precisa seguir seis princípios fundamentais para estabelecer e manter um posicionamento estratégico diferenciado.

Leia mais

Gestão Mercadológica. Unidade 12 - Comunicação de Marketing. Capítulo 18 - Gerenciamento da comunicação de massa

Gestão Mercadológica. Unidade 12 - Comunicação de Marketing. Capítulo 18 - Gerenciamento da comunicação de massa Gestão Mercadológica Unidade 12 - Comunicação de Marketing Capítulo 18 - Gerenciamento da comunicação de massa Tópicos Desenvolvimento e gerenciamento de um plano de propaganda; Decisão sobre a mídia e

Leia mais

Publicidade e Propaganda. Trabalho Interdisciplinar PP 5 o semestre. 1 Apresentação. 2 Disciplinas envolvidas. 3 Objetivo. 4 Orientações gerais

Publicidade e Propaganda. Trabalho Interdisciplinar PP 5 o semestre. 1 Apresentação. 2 Disciplinas envolvidas. 3 Objetivo. 4 Orientações gerais Curso: Publicidade e Propaganda Semestre 5º semestre 2017/2 Trabalho Interdisciplinar PP 5 o semestre 1 Apresentação Consiste em Trabalho Interdisciplinar a ser realizado pelos alunos, em equipes, a partir

Leia mais

CAMINHOS DA INOVAÇÃO NA INDÚSTRIA GAÚCHA PRONEX PROGRAMA DE APOIO A NÚCLEOS DE EXCELÊNCIA

CAMINHOS DA INOVAÇÃO NA INDÚSTRIA GAÚCHA PRONEX PROGRAMA DE APOIO A NÚCLEOS DE EXCELÊNCIA Dado que as atividades de inovação podem estar tanto reunidas como espalhadas pelas mais diversas áreas da empresa, concentramos nossa atenção em quatro áreas: (1) Desenvolvimento, (2) Operações, (3) Administração,

Leia mais

+ PLANO DE NEGÓCIO = SUCESSO. Prof.ª Regis luiz gomes

+ PLANO DE NEGÓCIO = SUCESSO. Prof.ª Regis luiz gomes EMPREENDEDORISMO + PLANO DE NEGÓCIO = SUCESSO Prof.ª Regis luiz gomes PLANO DE NEGÓCIO O QUE É? É UM CONJUNTO DE INFORMAÇÕES QUE PERMITEM AO EMPREENDEDOR DECIDIR COM MAIS SEGURANÇA SOBRE O NEGÓCIO,

Leia mais

COMUNICADO. 1. Ambiente de Negócios 1.2 Contexto dos Pequenos Negócios no Brasil 1.3 Políticas públicas de apoio aos Pequenos Negócios

COMUNICADO. 1. Ambiente de Negócios 1.2 Contexto dos Pequenos Negócios no Brasil 1.3 Políticas públicas de apoio aos Pequenos Negócios COMUNICADO O SEBRAE NACIONAL Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, por meio da Universidade Corporativa SEBRAE, comunica que, na prova, serão avaliados conhecimentos conforme as áreas descritas

Leia mais

Aula III - Projetos. Prof.: Alessandra Miranda

Aula III - Projetos. Prof.: Alessandra Miranda Aula III - Projetos Prof.: Alessandra Miranda Empreendedorismo É o processo de criar algo diferente e com valor, dedicando tempo e o esforço necessários, assumindo os riscos financeiros, psicológicos e

Leia mais

Chamada Pública de Convocação e Seleção Nº 01/2015

Chamada Pública de Convocação e Seleção Nº 01/2015 de Inovações da Universidade Tecnológica - IUT Chamada Pública de Convocação e Seleção Nº 01/2015 Para seleção de empresas de base tecnológica para ingresso na de Inovações da Universidade Tecnológica

Leia mais

I I Simpósio de Iniciação Científica - SICFIC' 2015

I I Simpósio de Iniciação Científica - SICFIC' 2015 A Importância do Plano de Negócios para a Abertura de uma Loja de Roupas Femininas GOMES DE OLIVEIRA, ROSIANE S. (IC) 1 ; PONCHIO, JOÃO ADOLFO de R. (O) 2 1. Acadêmica de Administração de Empresas Faculdade

Leia mais

Estratégia de Marketing

Estratégia de Marketing Estratégia de Marketing Agenda da aula Apresentação e Ementa da disciplina Revisão dos principais conceitos do Marketing Ciclo de Vida do Produto Estratégia de Marketing: Ementa Estratégias do ciclo de

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA A Microfranquia FRVendas faz parte do Grupo Net Branding, que atua no mercado de consultoria e treinamento desde 1998, através de seu diretor Fábio Fiorini, um dos principais especialistas

Leia mais

REUNIÓN DEL COMITÉ TÉCNICO DE ALIDE PARA EL FINANCIAMIENTO DE LA MIPYME RURAL Y URBANA

REUNIÓN DEL COMITÉ TÉCNICO DE ALIDE PARA EL FINANCIAMIENTO DE LA MIPYME RURAL Y URBANA REUNIÓN DEL COMITÉ TÉCNICO DE ALIDE PARA EL FINANCIAMIENTO DE LA MIPYME RURAL Y URBANA ENCADENAMIENTO PRODUCTIVO Estrategia de Actuación para el sistema SEBRAE Paulo Alvim Gerente, Unidad de Acceso a Mercados

Leia mais

Como fazer o plano de marketing no plano de negócios

Como fazer o plano de marketing no plano de negócios Este conteúdo faz parte da série: Plano de Negócios Ver 7 posts dessa série Nesse artigo falaremos sobre: Por que o plano de marketing é essencial para o plano de negócios Como fazer o plano de marketing

Leia mais

A REALIDADE DOS PEQUENOS NEGÓCIOS

A REALIDADE DOS PEQUENOS NEGÓCIOS A REALIDADE DOS PEQUENOS NEGÓCIOS Principais dificuldades: Visão Preparo Cultura A REALIDADE DOS PEQUENOS NEGÓCIOS Principais dificuldades: Visão Preparo empresário por oportunidade x por necessidade Cultura

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA A Microfranquia FRVendas faz parte do Grupo Net Branding, que atua no mercado de consultoria e treinamento desde 1998, através de seu diretor Fábio Fiorini, um dos principais especialistas

Leia mais

Painel de Contribuição Núcleo Socioambiental - NSA (Fevereiro/2016)

Painel de Contribuição Núcleo Socioambiental - NSA (Fevereiro/2016) Núcleo Socioambiental - NSA Objetivo Estratégico / Iniciativa Estratégica/ Meta Estratégica 1. Aumentar para 5% os resíduos sólidos reciclados do TST Ação 1. Recolher Resíduos. Reaproveitamento de resíduos

Leia mais

VERSÃO RESPOSTAS PROVA DE MARKETING

VERSÃO RESPOSTAS PROVA DE MARKETING UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DE RIBEIRÃO PRETO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DE ORGANIZAÇÕES PROCESSO SELETIVO DOUTORADO - TURMA 2011 VERSÃO

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FIC RENDA FIXA SIMPLES 22.918.245/0001-35 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FIC RENDA FIXA SIMPLES 22.918.245/0001-35 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FIC RENDA FIXA SIMPLES 22.918.245/0001-35 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o SANTANDER

Leia mais

Plano de Negócios fevereiro-2003

Plano de Negócios fevereiro-2003 Plano de Negócios fevereiro-2003 Goiabadas Maria Amália Ltda. Este documento pertence à Goiabadas Maria Amália Ltda. e as informações nele contidas são de caráter confidencial, não estando autorizada sua

Leia mais

SUPLEMENTO: A OPINIÃO DOS EMPREENDEDORES Avaliação de 2016 e perspectivas para Fevereiro/ 2017

SUPLEMENTO: A OPINIÃO DOS EMPREENDEDORES Avaliação de 2016 e perspectivas para Fevereiro/ 2017 SUPLEMENTO: A OPINIÃO DOS EMPREENDEDORES Avaliação de 2016 e perspectivas para 2017 Fevereiro/ 2017 Destaques Quanto ao ano de 2016, na opinião de 53% dos proprietários de micro e pequenas empresas, os

Leia mais

Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia

Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia Política de Sustentabilidade do Grupo Neoenergia 1 Índice: 1. Introdução 2. Objetivo 3. Abrangência e público-alvo 4. Referências 5. Valores 6. Princípios de Sustentabilidade 7. Responsabilidades 8. Atualização

Leia mais

Feira do Empreendedor

Feira do Empreendedor Feira do Empreendedor 2018 O Sebrae O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) é uma entidade privada que promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos

Leia mais

QUER VENDER POR QUANTO?

QUER VENDER POR QUANTO? QUER VENDER POR QUANTO? Guia para definição de preços e sobre como realizar promoções. 1 QUER VENDER POR QUANTO? Guia para definição de preços e sobre como realizar promoções. 3 ÍNDICE Introdução 5 Capítulo

Leia mais

Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação

Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação Bruno da Costa Feitosa bcfeitosa@gmail.com Resumo Este documento apresenta o planejamento estratégico de uma pequena empresa do ramo

Leia mais

Metodologias de PETI. Prof. Marlon Marcon

Metodologias de PETI. Prof. Marlon Marcon Metodologias de PETI Prof. Marlon Marcon PETI O PETI é composto de: Planejamento Estratégico da organização, que combina os objetivos e recursos da organização com seus mercados em processo de transformação

Leia mais

Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS. Prof. Marcelo Mello

Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS. Prof. Marcelo Mello Unidade II PLANO DE NEGÓCIOS Prof. Marcelo Mello Introdução Legislação tributária brasileira, os tributos, impostos, contribuições e taxas. Não nos ateremos aos percentuais incidentes, pois a legislação

Leia mais

A DMA Consultoria e Treinamento é uma empresa que preza pelo desenvolvimento humano e pessoal, focado em diversas áreas da organização e do indivíduo.

A DMA Consultoria e Treinamento é uma empresa que preza pelo desenvolvimento humano e pessoal, focado em diversas áreas da organização e do indivíduo. A DMA Consultoria e Treinamento é uma empresa que preza pelo desenvolvimento humano e pessoal, focado em diversas áreas da organização e do indivíduo. A DMA acredita que um profissional capacitado e potencializado

Leia mais

MBA EM GESTÃO E ESTRATÉGIA EMPRESARIAL

MBA EM GESTÃO E ESTRATÉGIA EMPRESARIAL PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GESTÃO E ESTRATÉGIA EMPRESARIAL Objetivos do Curso O curso tem por objetivo capacitar os participantes no desenvolvimento de competências relacionadas com a utilização dos

Leia mais

GESTÃO DA COMUNICAÇÃO DIGITAL. Marketing nas Redes Sociais + Google Adwords

GESTÃO DA COMUNICAÇÃO DIGITAL. Marketing nas Redes Sociais + Google Adwords Marketing nas Redes Sociais Prezado(a), Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE MARKETING

ADMINISTRAÇÃO DE MARKETING ADMINISTRAÇÃO DE MARKETING Teoria Geral da Administração Professora: Daniele Campos Grupo: Cassius Silva Abreu Italo B. Leão Bettega Luiza Cunha de Menezes Natália Souto Pereira Raphael Gebhard Martins

Leia mais

Escola São Paulo de Ciência Avançada - 4ª Chamada (Chamada FAPESP 18/2011)

Escola São Paulo de Ciência Avançada - 4ª Chamada (Chamada FAPESP 18/2011) FAPESP :: Home» Chamadas de Propostas Escola São Paulo de Ciência Avançada - 4ª Chamada (Chamada FAPESP 18/2011) Auxílio à Pesquisa Organização de Evento Científico Escola São Paulo de Ciência Avançada

Leia mais

Diretriz Nacional de Comunicação. Sistema Unimed

Diretriz Nacional de Comunicação. Sistema Unimed Diretriz Nacional de Comunicação Sistema Unimed Diretriz de Comunicação Definição Política ou Diretriz de Comunicação é um processo articulado de definição de valores, objetivos, diretrizes, normas e estruturas,

Leia mais

PROJETO ACESSO AQUAVIÁRIO AOS PORTOS

PROJETO ACESSO AQUAVIÁRIO AOS PORTOS PROJETO ACESSO AQUAVIÁRIO AOS PORTOS PROPOSTA DE MODELO DE CONCESSÃO CONTRIBUIÇÕES À SEP (A VISÃO DOS USUÁRIOS NO DESENVOLVIMENTO DO PROJETO) MAIO/2015 4 (QUATRO) PRESSUPOSTOS BÁSICOS MODELO:. Parceria

Leia mais

Curso de Desenvolvimento de Negócios Sociais e Inclusivos

Curso de Desenvolvimento de Negócios Sociais e Inclusivos Curso de Desenvolvimento de Negócios Sociais e Inclusivos O curso de Desenvolvimento de Negócios Sociais e Inclusivos visa a despertar o interesse de pessoas que queiram empreender na área social. Trata-se

Leia mais

Objetivo: mostrar que não é mais caro, o mais conhecdio, mas o mais gostoso e de maior qualidade.

Objetivo: mostrar que não é mais caro, o mais conhecdio, mas o mais gostoso e de maior qualidade. Briefing 1) Modelo de briefing, por Gilmar Santos. Retirado de SANTOS, Gilmar. Princípios da Publicidade. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2005. Target: 14 a 60 Objetivo: mostrar que não é mais caro, o mais conhecdio,

Leia mais

FUNDAMENTOS DE CUSTOS CÁLCULO DA MARGEM E PONTO DE EQUILÍBRIO

FUNDAMENTOS DE CUSTOS CÁLCULO DA MARGEM E PONTO DE EQUILÍBRIO FUNDAMENTOS DE CUSTOS CÁLCULO DA MARGEM E PONTO DE EQUILÍBRIO Ponto de Equilíbrio Ponto de equilíbrio: - Quanto eu tenho que vender para obter lucro? - Por quanto eu vou vender os serviços? Calculo da

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Agosto de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Continuação do Domínio de Processos PO (PO4, PO5

Leia mais

Empreendedorismo. Profa. Ellen Francine Barbosa. (slides originalmente elaborados pelo Prof. Dr. José Dornelas) Copyright 2008

Empreendedorismo. Profa. Ellen Francine Barbosa. (slides originalmente elaborados pelo Prof. Dr. José Dornelas) Copyright 2008 Empreendedorismo Profa. Ellen Francine Barbosa (slides originalmente elaborados pelo Prof. Dr. José Dornelas) Questão fundamental Quais são seus planos profissionais? Vida Acadêmica Funcionário de Empresa

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES DO INSTITUTO ODEON CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento tem por objetivo definir os critérios e as condições a serem observados pelo INSTITUTO

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC)

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) Caroline Pinto Guedes Ferreira ANTECEDENTES Revolução industrial Processo rápido r e intenso de urbanização Uso intenso e indiscriminado dos recursos naturais

Leia mais

Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade

Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade Faculdade Luciano Feijão Luís Gustavo de Andrade Frederico Relatório de Estágio Supervisionado II Diagnóstico organizacional da Empresa Criativa Publicidade Sobral/2015 Faculdade Luciano Feijão Luís Gustavo

Leia mais

A CONSTRUÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS E VIABILIDADE ECONÓMICA E FINANCEIRA

A CONSTRUÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS E VIABILIDADE ECONÓMICA E FINANCEIRA A CONSTRUÇÃO D E VIABILIDADE ECONÓMICA E FINANCEIRA O que é um plano de negócios e para que serve Um Plano de Negócios é um documento base que sintetiza um vasto conjunto de informação essencial sobre

Leia mais

dialeto design de estratégia

dialeto design de estratégia O Studio Dialeto é uma empresa especializada em design estratégico com foco para o segmento de serviços. Desenvolve suas propostas através de etapas de trabalho padronizadas e participação colaborativa

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA

APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA APRESENTAÇÃO DA FRANQUIA A Microfranquia FRVendas faz parte do Grupo Net Branding, que atua no mercado de consultoria e treinamento desde 1998, através de seu diretor Fábio Fiorini, um dos principais especialistas

Leia mais

PROJECTO CRIAR EMPRESA

PROJECTO CRIAR EMPRESA PROJECTO CRIAR EMPRESA Plano de Negócios Pedro Vaz Paulo 1. PROJECTO CRIAR EMPRESA 1. Projecto Definição 1. Âmbito do negócio 2. Inovação 3. Concorrência 4. Análise SWOT 5. Plano de Negócios 2. PLANO DE

Leia mais

Edital de Projetos de Extensão FORMULÁRIO PADRÃO DE INSCRIÇÃO DE PROJETO

Edital de Projetos de Extensão FORMULÁRIO PADRÃO DE INSCRIÇÃO DE PROJETO Edital de Projetos de Extensão FORMULÁRIO PADRÃO DE INSCRIÇÃO DE PROJETO 1. Título do Projeto: Instrumentos gerenciais para a consolidação da estratégia competitiva nas micro e pequenas empresas associadas

Leia mais

GUIA PARA EMPREENDEDOR DE SUCESSO

GUIA PARA EMPREENDEDOR DE SUCESSO GUIA PARA EMPREENDEDOR DE SUCESSO EMPREENDER É COLOCAR NA PONTA DO LÁPIS O MUNDO É MOVIDO POR EMPREENDEDORES Movido por mentes inquietas e inconformadas que planejam e colocam em prática. Pessoas que pensam

Leia mais

Pesquisa Expectativa dos Pequenos Negócios Gaúchos

Pesquisa Expectativa dos Pequenos Negócios Gaúchos Pesquisa Expectativa dos Pequenos Negócios Gaúchos Planejamento e Orçamento 2º trimestre/2013 Julho 2013 Objetivo Aferir, por meio de um índice, as expectativas dos empresários das empresas de micro e

Leia mais

Mkt Internacional Introdução ao Marketing

Mkt Internacional Introdução ao Marketing Introdução ao Marketing Profa. Marta Fleming O Que é Marketing? Marketing é a atividade e o conjunto de instituições e processos para a criação, a comunicação e a entrega de ofertas que tenham valor para

Leia mais

Aula 3 Assunto: Modelos para Plano de Negócios

Aula 3 Assunto: Modelos para Plano de Negócios DISCIPLINA: Constituição de novos empreendimentos Aula 3 Assunto: Modelos para Plano de Negócios Prof Ms Keilla Lopes Mestre em Administração pela UFBA Especialista em Gestão Empresarial pela UEFS Graduada

Leia mais