DESCARTE CONSCIENTE: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UMA COOPERATIVA EM TRÊS LAGOAS MS.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DESCARTE CONSCIENTE: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UMA COOPERATIVA EM TRÊS LAGOAS MS."

Transcrição

1 DESCARTE CONSCIENTE: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UMA COOPERATIVA EM TRÊS LAGOAS MS. ADEMIR MASSAL Discente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS GILSON DIAS DE ARAÚJO Discente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS JÉSSICA HENNING Discente docurso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS JOSÉ QUEIROZ Discente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS RAFAELA RUMÃO Discente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS ELISANGELA DE AGUIAR ALCALDE Docente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS SAMIRA GAMA DA SILVA Docente do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS RESUMO Esse artigo tem como objetivo mostrar a importância da implantação de uma cooperativa de descarte consciente. A cooperativa disporia de vários meios para sua divulgação e com isso promoveria apresentações, projetos de conscientização do meio ambiente que proporcionaria a todos um conhecimento em relação ao descarte correto do óleo de cozinha e os locais adequados de coletas do óleos, mostrando de forma objetiva a população, de que esse resíduo precisa ser descartado com responsabilidade para que o ambiente em si não seja degradado da forma como anda acontecendo. Seriam abordados métodos de reutilização do óleo, onde a comunidade aprenderia todo processo de transformação do óleo em sabão artesanal. Conheceriam a importância de uma empresa capacitada na obtenção de informações necessárias à conscientização de todos no recolhimento e descarte dos óleos de cozinha de maneira adequadas à prevenção, controle e combate à poluição das águas, garantindo assim um ótimo local para se trabalhar. Palavras-chave: Coleta; Descarte; Meio Ambiente; Sabão artesanal

2 INTRODUÇÃO O objetivo em montar essa cooperativa na cidade vem com o propósito de mostrar a sociedade e a toda população três-lagoenses, que o Óleo de cozinha é uma preocupação enfrentada não só aqui, mas em todo o Brasil. Portanto o óleo de cozinha precisa ser descartado com responsabilidade para que o ambiente em si não seja degradado da forma como anda acontecendo. Com esse método de reutilização do óleo de cozinha o meio ambiente será menos degradado, com esse propósito a população terá uma nova ferramenta para dar destino a esse produto de forma transparente e transmitir a eles o modo correto do descarte desses resíduo e a importância de se conhecer uma Empresa capacitada no recolhimento e descarte do Óleos de cozinha. Para a conscientização de todos sobre a importância do descarte correto do material, reutilizar esses resíduos de maneira ecologicamente correta com métodos que irão contribuir no desenvolvimento e andamento da natureza em seu ciclo natural, fará o bem à nós mesmos, tendo também uma imensidão de benefícios a natureza. 1 INICIATIVAS DA COOPERATIVA COM SUA PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO A proposta de implantação da cooperativa tem a iniciativa de mostrar sua Missão, Visão e Valores, onde a missão da cooperativa Descarte Consciente é, reaproveitar o óleo de cozinha que são descartados incorretamente no meio ambiente para produzir sabão em prol da comunidade. E sua visão, é produzir sabão de forma ecologicamente correta com propósito de proteger o meio ambiente, gerar lucro para manter a cooperativa e ajudar a comunidade. Portanto, seus valores serão trabalhados em cima da preservação do meio ambiente e apoio a comunidade de forma sustentável. Através dessa iniciativa temos o propósito de mostrar a sociedade e a toda

3 população três-lagoense, que o Óleo de cozinha é uma preocupação enfrentada não só aqui, mas em todo Brasil, e tendo isso em vista, levar mais informações as pessoas para que esse conteúdo seja tratado com mais seriedade, pois é do interesse de todos. A falta de informação da população faz com que parte do óleo de cozinha seja despejado de forma inadequada no meio ambiente, causando danos, entupimento dos canos e encarecendo os processos das estações de tratamento, poluindo rios e Riachos. Dados da Sabesp indicam que 1 litro de óleo jogado na pia ou no vaso sanitário pode vir a contaminar aproximadamente 1 milhão de litros de água, dificultando os processos de tratamento. Torna-se preocupante à medida em que o descarte inadequado está relacionado à falta de informação da população, bem como da inexistência de mecanismos de coleta seletiva e destinação para a sua reciclagem e/ou reaproveitamento. Por isso, a proposta de implantação da cooperativa Descarte Consciente, pode contribuir para o aumento da conscientização da população bem como a diminuição dos impactos ambientais negativos. Sendo assim, o óleo de cozinha usado pode servir como matéria-prima na fabricação de diversos produtos, tais como biodiesel, tintas, óleos para engrenagens, sabão, detergentes, entre outros. O produto transformado pode trazer vantagens competitivas e evitar a degradação ambiental e problemas no sistema de tratamento de água e esgotos, assim como todos já sabem que é preciso dar um fim correto, a pilhas e baterias, a população precisa aprender que o óleo de cozinha igualmente tem de ser descartado com responsabilidade para que o ambiente em si não seja degradado de uma forma como anda acontecendo. Baseado no que foi descrito acima serão abordados alguns métodos e conhecimentos sobre como reutilizar o óleo de cozinha descartado em suas residências de maneira incorreta, e com isso garantir que o futuro da população e a preservação do meio ambiente não sofra nenhum dano ou impacto pelo descarte indevido desse resíduo em locais não apropriados. Portanto, o intuito dessa implantação será para transmitir de forma transparente

4 a toda população deixando-a ciente do quanto a coleta e o descarte correto desse resíduo é importante e que pode proporcionar grandes benefícios futuros a todos, por isso é importante conhecer melhor qual será a empresa capacitada que irá instruir onde e como descartar esses tipos de óleo antes de alguma atitude indevida sem se quer ter uma orientação técnica reconhecida. O intuito é divulgar essas informações através de panfletos levando todo o conhecimento a população, e com base nesse desenvolvimento, implantar essa cooperativa em Três Lagoas, já que não há uma empresa específica na cidade que possa atender toda a população. Dentro dessa cooperativa serão apresentados projetos relacionados a preservação ambiental voltados para os descarte de Óleo de cozinha e seu reaproveitamento de forma a amenizar boa parte da dificuldade encontrada em todo o pais, através desse trabalho será proporcionado a toda população da cidade um local especifico e apropriado onde as coletas serão levadas e reutilizadas de forma ecológica como por exemplo: transformação e confecção de novos produtos derivados do Óleo, como sabão. A cooperativa também terá um local apropriado para cursos e treinamentos com pessoas aptas a instruir da melhor forma possível as pessoas para o descarte correto do Óleo de cozinha. Os cursos serão voltados somente para pessoas de baixa renda sendo os mesmos isentos de quaisquer atributos dentro da empresa no que diz respeito ao curso, e dentro das palestras abordadas no processo, serão apresentadas formas corretas para os descartes e reutilização desses materiais coletados e processos importantes de reutilização desse Óleo para que a população possa de certa forma contribuir no desenvolvimento da fauna e flora, e além disso obter uma renda extra na fabricação do sabão após o curso. Os métodos utilizados para essa divulgação será indo a campo, com objetivo de levar conhecimentos a outras Empresas, sendo elas: bares, lanchonetes, restaurantes, locais onde haja grande concentração de pessoas e assim atingir todas as camadas da sociedade, afinal todos utilizam óleo de cozinha, mas como já é de conhecimento, infelizmente a maioria das pessoas fazem o descarte de forma incorreta o que impacta

5 diretamente no meio ambiente. As informações serão levadas a toda população de forma direta e indiretamente, sendo divulgadas em sites vinculada à página da instituição para melhores esclarecimentos relacionados a armazenagem, descarte e reutilização do Óleo de cozinha e na produção do sabão. Com esse propósito, a pretensão é mostrar a sociedade que pode-se agir em prol da natureza de forma correta com o descarte do óleo, e assim contribuir de forma mais ecológica. Fazer toda a diferença não é um simples ato de obrigação, mas sim um grande respeito ao próximo e aos que vivem em um local onde a respeitos múltiplos quando se trata de preservação ambiental. Portanto dentro do que foi discutido acima a proposta de implantação da cooperativa Descarte Consciente criou objetivos para que essa iniciativa se efetive de modo que todos contribua não só com a própria empresa mas sim com o principal parte fragilizada que é o meio ambiente em si. Através desses meios traçamos os objetivos geral da empresa que é a criação de uma cooperativa para o descarte do óleo de cozinha em locais apropriados. E outro objetivo específicos que será, reutilizar o óleo de cozinha para transformação do sabão, promover a conscientização da importância à destinação adequada do óleo de cozinha, desenvolver novos meios de renda para população e em seguida criar um local específico e apropriado para os treinamentos. 2. EQUIPAMENTOS PARA PRODUÇÃO Figura 1- Reator motorizado para sabão em barra com caixas para o resfriamento da massa.

6 Fonte: FERNANDES, Adair Antônio. MSS - Industria de Máquinas para Sabões e Sabonetes Ltda. (2013). O reator possui dois tanques em aço carbono, um de 250 kg e outro de 130 kg de capacidade, aquecimento a gás, motor de 1/2Cv trifásico, ou monofásico e que vem acompanhado de um conjunto de 10 caixas para resfriamento da massa. Essa máquina tem uma produção de 400 kg/dia. Este equipamento é compatível para fabricação de sabão de coco, além de outros tipos de sabões feitos com óleo reciclado, gordura animal ou qualquer outro tipo de gordura, tem sua produção inicial de 2000 pedaços/dia e serve para todos os tipos de sabão, com acabamento igual extrusão e seu espaço físico é de 30 a 50 m². Figura 2- Extrusão com cortador para fabricar e cortar o sabão produzido.

7 Fonte: FERNANDES, Adair Antônio. MSS - Industria de Máquinas para Sabões e Sabonetes Ltda. (2013). Constitui-se de uma extrusão múltipla, com 02 (dois) estágios, motor de 7.5 CV trifásico cortador adaptado. Pode ser fabricado sabão com base pronta, fabricando a própria base com sebo animal ou óleo vegetal reciclado, e sua produção é de 200 kg/hora. 2.1 FORMAS DE ARMAZENAGEM Figura 3- Bombona plástica de 200 litros para coleta do óleo

8 Fonte: Mercado livre (2013). Esse recipiente é feito de polietileno de alta densidade (PEAD), com capacidade nominal de 220 Litros com a tampa removível de rosca Altura de 110 cm e Diâmetro de 60 cm, Bocal Interno de 26 cm pesando 11 kg e seu valor é de R$ 50,00. Figura 4 Container plástico de 1000 litros para estocagem do o óleo.

9 Fonte: Mercado livre (2013) Esse é um container de plástico com capacidade de 1000 litros, com grade de aço galvanizado, bandeja inferior; válvula de saída com tampa rosqueada de fácil manejo, para promovem melhor aproveitamento de espaço, podem ser empilhados, tem altura de 114 cm, aresta 1 de 120 cm, aresta 2 de 100 cm, com preço unitário de R$ 290,00. CONSIDERAÇÕES FINAIS

10 Tendo em vista a falta de conhecimento da população, pretende-se com realização da proposta de implantação da cooperativa buscar caminhos para que as pessoas possam se conscientizar e ter um compromisso maior agindo de forma correta quando for efetuar o descarte do óleo de cozinha, e acreditar que iniciativos como esse é algo importante que podemos fazer tendo consciência de que o óleo pode trazer danos muito graves. Com o desenvolvimento da cooperativa, poder contribuir com a sociedade, agir e interagir em prol do meio ambiente, é um dos mais importantes objetivos a ser atingido em no projeto e um dos primeiros passos é a conservação e preservação do meio ambiente na reciclagem do óleo de cozinha com a fabricação do sabão. Esse propósito foi desenvolvido para proporcionar grandes benefícios futuros a todos, contribuir para o aumento da conscientização da população bem como a diminuição dos impactos ambientais negativos. Portanto, com base nesse desenvolvimento a população da cidade terá um local especifico e apropriado para transformação e confecção de novos produtos derivados do Óleo, e com o produto transformado pode trazer vantagens competitivas na obtenção de lucro para si através dessa aprendizagem e evitar a degradação ambiental. Acreditar na capacidade de conquista fortalece os objetivos, o Descarte Consciente veio através desse trabalho transformar e mobilizar toda população da cidade de que o meio ambiente precisa ser protegido de todo e qualquer problema que venha lhe causar algum dano, e assim ter a consciência de que não só o óleo de cozinha, mas, como outros materiais reutilizáveis tenha o seu descarte de forma correta. Por isso, ficar de olho no óleo é muito importante a nossas vidas e para que natureza siga o seu ciclo natural e com respeito a todos e principalmente ao meio ambiente que nossa equipe de trabalho agradece por depositar confiança, e respeito para com a natureza, pois, atitudes como essa pode fazer a diferença.

11 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS OLIVEIRA, Sonia - coordenadora Educacional-Unid. Metropolitana Centro. PROGRAMA DE RECICLAGEM DE ÓLEO (PROL). Disponível em: < acesso em: 13/09/2013 às 11:46 minh. FERNANDES, Adair Antônio. MSS - Industria de Máquinas para Sabões e Sabonetes Ltda. Disponível em: < acesso em: 16/09/2013 às 08:30 minh. Mercado Livre. Disponível em: < bombonas-200l-240l-tipo-azeitona-tampa-rosca-tambor-plastico-_jm> acesso em: 16/09/2013 às 14:05 minh.

Barra Limpa Caipira Colégio Nossa Senhora da Glória

Barra Limpa Caipira Colégio Nossa Senhora da Glória Colégio Nossa Senhora da Glória Escola: Colégio Nossa Senhora da Glória Cidade: Francisco Beltrão (PR) Categoria: Sustentabilidade Professor responsável: Cláucia Cuzzi Turma Envolvida: 9º Ano Período:

Leia mais

Objetivo Geral: Objetivos Específicos:

Objetivo Geral: Objetivos Específicos: Objetivo Geral: Desenvolver na Comunidade uma consciência cidadã-participativa, espírito de cooperação e solidariedade e o despertar quanto à importância da preservação do meio ambiente através da Reutilização,

Leia mais

Sabão Ecológico - Espuma & Brilho

Sabão Ecológico - Espuma & Brilho Sabão Ecológico - Espuma & Brilho EE Profª Ernesta Xavier Rabelo Orsi Professor(es) Apresentador(es): Ronaldo Vieira Pinto Realização: Foco do Projeto Nessa eletiva os alunos serão protagonista em suas

Leia mais

Clã Pioneiro Myrddin. G. E. AR Albino Bueno de Camargo 261. D.R.A.C.O.PIO Dia regional de ação comunitária pioneira

Clã Pioneiro Myrddin. G. E. AR Albino Bueno de Camargo 261. D.R.A.C.O.PIO Dia regional de ação comunitária pioneira Clã Pioneiro Myrddin G. E. AR Albino Bueno de Camargo 261 D.R.A.C.O.PIO Dia regional de ação comunitária pioneira Sorocaba / São Paulo Outubro / 2010 Projeto Reciclagem de Óleo Sandro José Martins Morais

Leia mais

REPROCESSAMENTO DO ÓLEO DE COZINHA USADO

REPROCESSAMENTO DO ÓLEO DE COZINHA USADO 1 REPROCESSAMENTO DO ÓLEO DE COZINHA USADO Andrea Barbosa Delfini de Paulo 1 Arion Guedes Diogo 2 Cíntia Cargnin Cavalheiro Ribas 3 Lizete Marisa de Macedo 4 Mayara de Fatima Esper Cury 5 Valdeir De Almeida

Leia mais

PROJETO EXTENÇÃO: ÓLEO SUJO, CIDADE LIMPA!

PROJETO EXTENÇÃO: ÓLEO SUJO, CIDADE LIMPA! PROJETO EXTENÇÃO: ÓLEO SUJO, CIDADE LIMPA! Alexandre A. D. E. Santos 1 (IC), Ana Carolina C. Silva 1 (IC), Arthur I. do Prado 1 (IC), Geicyellen F. Dias 1 (IC), Jaqueline S. Costa 1 (IC), Kelly C. A. Borges

Leia mais

PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: RESÍDUOS

PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: RESÍDUOS PENSE NO MEIO AMBIENTE SIRTEC TEMA: RESÍDUOS Setembro/2014 Você conhece a Política Ambiental Sirtec? Disponível nos murais e no site da empresa PRINCÍPIOS DA POLÍTICA AMBIENTAL - SUSTENTABILIDADE Sustentabilidade

Leia mais

Descarte incorreto de óleo lubrificante gera multa em oficina de Novo Progresso

Descarte incorreto de óleo lubrificante gera multa em oficina de Novo Progresso Descarte incorreto de óleo lubrificante gera multa em oficina de Novo Progresso O descarte incorreto pode gerar danos irreversíveis à saúde e ao meio ambiente. Óleo escorrendo pela rua Além de danos à

Leia mais

FISPQ. Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico. DETERGENTE MALTEX (Neutro, Citrus, Coco, Guaraná, Laranja, Limão, Maça, Maracujá)

FISPQ. Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico. DETERGENTE MALTEX (Neutro, Citrus, Coco, Guaraná, Laranja, Limão, Maça, Maracujá) Página 1 de 6 DETERGENTE MALTEX (Neutro, Citrus, Coco, Guaraná, Laranja, Limão, Maça, Maracujá) 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1.1. Nome do produto:detergente Maltex 1.2. Aplicação: Utilizado

Leia mais

PRODUÇÃO DE SABÃO ARTESANAL A PARTIR DE ÓLEO COMESTÍVEL RESIDUAL COMO INSTRUMENTO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Resultados preliminares 1

PRODUÇÃO DE SABÃO ARTESANAL A PARTIR DE ÓLEO COMESTÍVEL RESIDUAL COMO INSTRUMENTO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Resultados preliminares 1 PRODUÇÃO DE SABÃO ARTESANAL A PARTIR DE ÓLEO COMESTÍVEL RESIDUAL COMO INSTRUMENTO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Resultados preliminares 1 Jailson de O. Rodrigues Júnior 2 ; Alberto José O. de Mello 3 ; Thais

Leia mais

CADERNO DE PROGRAMA AMBIENTAL EDUCACIONAL. Escola SENAI Celso Charuri Unidade Sumaré CFP 512. Programa de Coleta de Óleo Comestível Usado

CADERNO DE PROGRAMA AMBIENTAL EDUCACIONAL. Escola SENAI Celso Charuri Unidade Sumaré CFP 512. Programa de Coleta de Óleo Comestível Usado CADERNO DE PROGRAMA AMBIENTAL EDUCACIONAL Escola SENAI Celso Charuri Unidade Sumaré CFP 512 Programa de Coleta de Óleo Comestível Usado Programa Nº 01/2017 Sumário 1. Objetivo -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Alphamat Serviços. Rua Anna Morales Tomasi, 167. Telefone: / Jd Santo Amaro CEP

Alphamat Serviços. Rua Anna Morales Tomasi, 167. Telefone: / Jd Santo Amaro CEP Alphamat Serviços Rua Anna Morales Tomasi, 167 Jd Santo Amaro CEP 18074-677 Sorocaba - SP Telefone: 15 3313-2857/9115-8535 Email: alphamat.me@ig.com.br Site: www.alphamat.com.br 1 Cestos Expositores Plásticos

Leia mais

COLETA SELETIVA EM BARUERI

COLETA SELETIVA EM BARUERI COLETA SELETIVA EM BARUERI Além do material reciclável, Barueri também está coletando óleo de fritura usado para a reciclagem. Saiba mais e participe desta ação em benefício do nosso meio ambiente COLETA

Leia mais

FISPQ. Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico. LAVA ROUPA MALTEX (Tradicional, Coco)

FISPQ. Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico. LAVA ROUPA MALTEX (Tradicional, Coco) Página 1 de 5 LAVA ROUPA MALTEX (Tradicional, Coco) 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1.1. Nome do produto:lava Roupa Maltex 1.2. Aplicação:Lava sem deixar resíduos e com mais maciez, é a solução

Leia mais

PMAS Resíduos perigosos Dia Mundial do Meio Ambiente. nº 06/2016

PMAS Resíduos perigosos Dia Mundial do Meio Ambiente. nº 06/2016 PMAS Resíduos perigosos Dia Mundial do Meio Ambiente nº 06/2016 Você conhece as políticas da empresa? Disponíveis nos murais e no site da empresa Gestão de Resíduos Perigosos De acordo com a ABNT NBR 1004:2004

Leia mais

LIXO ELETRÔNICO: origens e reaproveitamento

LIXO ELETRÔNICO: origens e reaproveitamento LIXO ELETRÔNICO: origens e reaproveitamento Marcos Felipe Friske dos Santos 1 ; José Henrique Blenke de Almeida Lucena 2 ; Angelo Augusto Frozza 3 INTRODUÇÃO Segundo (MIGUEZ, 200-), "Lixo Eletrônico é

Leia mais

GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO

GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO PROJETO CAMPUS VERDE INTRODUÇÃO Atualmente a questão ambiental tem sido constantemente discutida em virtude do aumento da degradação do meio ambiente e

Leia mais

ALTERNATIVAS E IDEIAS SUSTENTÁVEIS PARA UMA MELHOR UTILIZAÇÃO DO LIXO ATRAVÉS DA RECICLAGEM E REAPROVEITAMENTO

ALTERNATIVAS E IDEIAS SUSTENTÁVEIS PARA UMA MELHOR UTILIZAÇÃO DO LIXO ATRAVÉS DA RECICLAGEM E REAPROVEITAMENTO Josuel Da Silva Nascimento Filho Pedro Henrique Silva de Almeida Universidade Federal de Pernambuco josuel_filho@hotmail.com almeida.phs@gmail.com Estagio de pesquisa: Concluída ALTERNATIVAS E IDEIAS SUSTENTÁVEIS

Leia mais

Campanha Passaporte Verde Plano de Ação do Estabelecimento

Campanha Passaporte Verde Plano de Ação do Estabelecimento Campanha Passaporte Verde Plano de Ação do Estabelecimento Bagagem São Paulo / SP INFORMAÇÕES DO ESTABELECIMENTO Nome: Bagagem Cnpj: 07.125.666/0001-15 Cadastur: Ramo de Atividade: Restaurantes e Bares

Leia mais

EDUCAÇÃO CONTINUADA SOBRE RESIDUOS SÓLIDOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE VOLTADA À ENFERMAGEM DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO EVANGÉLICO DE CURITIBA HUEC

EDUCAÇÃO CONTINUADA SOBRE RESIDUOS SÓLIDOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE VOLTADA À ENFERMAGEM DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO EVANGÉLICO DE CURITIBA HUEC EDUCAÇÃO CONTINUADA SOBRE RESIDUOS SÓLIDOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE VOLTADA À ENFERMAGEM DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO EVANGÉLICO DE CURITIBA HUEC KUBRUSLY, Adriana; KROKER, Eloísa Lago; OLIVEIRA, Manuela Mariah

Leia mais

[PROJETO RETORNA PET]

[PROJETO RETORNA PET] 2009 PROJETO RETORNA PET AUTORES: JOSE MACIO DE ANDRADE MISLAINE SOUZA SANTANA SANDRO PINTO LEITE DE OLIVEIRA [PROJETO RETORNA PET] Projeto sustentável desenvolvido para rede varejista. PROJETO PROPOSTO

Leia mais

PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL

PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL Vitória, A. Freire 1 ; Kaline, R. M. Ferreira 2 ; Didiane, S.Silva 2. 1

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID Plano/ Relatório de Atividades (PIBID/UNESPAR) Tipo do produto:

Leia mais

Carlos Eduardo Godoy (Prof. Amparo) 1

Carlos Eduardo Godoy (Prof. Amparo)   1 Coleta Seletiva Consciência limpa Carlos Eduardo Godoy (Prof. Amparo) E-mail: cecgodoy@gmail.com 1 Proposta da palestra Apresentar para a Comunidade Móbile informações importantes sobre Responsabilidade

Leia mais

Lauralice de C. F. Canale Prof. Associada EESC/USP

Lauralice de C. F. Canale Prof. Associada EESC/USP LUBRIFICANTES&LUBRIFICAÇÃO INDUSTRIAL R. Carreteiro P.N. Belmiro ASM Handbook Volume 18 CURSO DE GESTÃO DE ÓLEO LUBRIFICANTE AUTOMOTIVO USADO Eng. Mecânico Carlos Alexandre Thalheimer Lauralice de C. F.

Leia mais

PRIMEIRA OFICINA DE CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA REGIÃO DO SERTÃO

PRIMEIRA OFICINA DE CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA REGIÃO DO SERTÃO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS HÍDRICOS PRIMEIRA OFICINA DE CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA REGIÃO DO SERTÃO SUMÁRIO INFORMAÇÃOES

Leia mais

Projeto Óleo Amigo SANTA CRUZ DO RIO PARDO S/P REALIZAÇÃO: ONG RIO PARDO VIVO PARCERIAS: SABESP/SEC MUN DE MEIO AMBIENTE

Projeto Óleo Amigo SANTA CRUZ DO RIO PARDO S/P REALIZAÇÃO: ONG RIO PARDO VIVO PARCERIAS: SABESP/SEC MUN DE MEIO AMBIENTE Projeto Óleo Amigo SANTA CRUZ DO RIO PARDO S/P REALIZAÇÃO: ONG RIO PARDO VIVO PARCERIAS: SABESP/SEC MUN DE MEIO AMBIENTE INTRODUÇÃO DESCARTE DO ÓLEO DE COZINHA Forma uma película sobre a ÁGUA, que provoca

Leia mais

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2012

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2012 Pedagogia: Aut. Dec. nº 93110 de 13/08/86 / Reconhecido Port. Nº 717 de 21/12/89/ Renovação Rec. Port. nº 3.648 de 17/10/2005 Educação Física: Aut. Port. nº 766 de 31/05/00 / Rec. Port. nº 3.755 de 24/10/05

Leia mais

Econômico Fórmula concentrada que permite economia no gasto do produto quando diluído.

Econômico Fórmula concentrada que permite economia no gasto do produto quando diluído. Drax Desengraxante / Desengordurante Eficiente Formulação especial que garante a eficácia do produto na remoção de sujidades pesadas no piso, como graxas e óleos de equipamentos. Versátil Pode ser utilizado

Leia mais

ARTIGO COM APRESENTAÇÃO BANNER - RESÍDUOS SÓLIDOS E LÍQUIDOS DIAGNÓSTICO SOBRE O DESTINO FINAL DO ÓLEO DE FRITURA USADO DAS CANTINAS DO CAMPUS DA UFPA

ARTIGO COM APRESENTAÇÃO BANNER - RESÍDUOS SÓLIDOS E LÍQUIDOS DIAGNÓSTICO SOBRE O DESTINO FINAL DO ÓLEO DE FRITURA USADO DAS CANTINAS DO CAMPUS DA UFPA ARTIGO COM APRESENTAÇÃO BANNER - RESÍDUOS SÓLIDOS E LÍQUIDOS DIAGNÓSTICO SOBRE O DESTINO FINAL DO ÓLEO DE FRITURA USADO DAS CANTINAS DO CAMPUS DA UFPA MARIA DA GLÓRIA GOMES CRISTINO, JESSICA LEONAN LIMA

Leia mais

COMO DESCARTAR SEUS RESÍDUOS DE MANEIRA CONSCIENTE

COMO DESCARTAR SEUS RESÍDUOS DE MANEIRA CONSCIENTE COMO DESCARTAR SEUS RESÍDUOS DE MANEIRA CONSCIENTE O PROBLEMA - O descarte de resíduos é uma das práticas mais impactantes do ponto de vista socioambiental. Além de sobrecarregar os aterros, ele ocasiona

Leia mais

Licenciandos; 3 Coordenador. I Encontro de Sensibilização Ambiental do Lourdes Guilherme. Tema: Revitalização do espaço escolar e qualidade de vida

Licenciandos; 3 Coordenador. I Encontro de Sensibilização Ambiental do Lourdes Guilherme. Tema: Revitalização do espaço escolar e qualidade de vida MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) Subprojeto Biologia Carla Tatiane 1 ; Evanoel Nunes 2 ; Ivaneide Alves

Leia mais

Faculdades Adamantinenses Integradas FAI Subprojeto: CIÊNCIAS BIOLOGICAS

Faculdades Adamantinenses Integradas FAI Subprojeto: CIÊNCIAS BIOLOGICAS EDUCAÇÃO ALIMENTAR E COMBATE AO DESPERDÍCIO ALVES, Weslley de Oliveira ; PETEAN, Samir Gouvêa; CAMARGO, Caroline Feresin; MEIRA, Daiane Aguiar; ALVES, Tatiane Laís; SILVA, Daniele de O. M.; JACOB, Edelma

Leia mais

LIXO UNIVERSITÁRIO E AS FORMAS DE RECICLAGEM: ADOÇÃO DE PRÁTICAS DE CONSCIENTIZAÇÃO

LIXO UNIVERSITÁRIO E AS FORMAS DE RECICLAGEM: ADOÇÃO DE PRÁTICAS DE CONSCIENTIZAÇÃO LIXO UNIVERSITÁRIO E AS FORMAS DE RECICLAGEM: ADOÇÃO DE PRÁTICAS DE CONSCIENTIZAÇÃO Juliana do Nascimento Gomides 1 (PQ), Ismael Custodio Pereira Borges 2 * (IC), Regina Maria da Cruz 2 (IC), Renata Ferreira

Leia mais

FISPQ Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos

FISPQ Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos revisão: 01 Identificação do produto e da Empresa Nome do Natureza Química: Desinfetante de uso geral Autorização de Funcionamento / MS Nº: 3.04500.8 Produto Registrado na ANVISA/MS Nº: 3.0453434.6 Publicação

Leia mais

nº 09/2017 PMAS - Pense no Meio Ambiente SIRTEC Tema: GESTÃO DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS

nº 09/2017 PMAS - Pense no Meio Ambiente SIRTEC Tema: GESTÃO DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS nº 09/2017 PMAS - Pense no Meio Ambiente SIRTEC Tema: GESTÃO DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS POLÍTICA INTEGRADA DE SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE POLÍTICA INTEGRADA Disponíveis nos murais e no site da empresa

Leia mais

O papel estratégico da embalagem

O papel estratégico da embalagem O papel estratégico da embalagem Panorama do Setor ABRE 30 de Maio de 2017 Agenda Por Dentro do Aché Núcleo de Inovação A importância da integração no processo de inovação Núcleo de Desenvolvimento Desenvolvimento

Leia mais

Mostra de Projetos 2011 OLEO FUTURO

Mostra de Projetos 2011 OLEO FUTURO Mostra de Projetos 2011 OLEO FUTURO Mostra Local de: PONTA GROSSA Categoria do projeto: I PROJETOS EM IMPLANTAÇÃO Nome da Instituição/Empresa: FOCAM INDUSTRIA E COMERCIO LTDA Cidade: CARAMBEÍ Contato:

Leia mais

RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL: REAPROVEITAMENTO DO KRAFT E UTILIZAÇÃO DO MARKETING VERDE

RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL: REAPROVEITAMENTO DO KRAFT E UTILIZAÇÃO DO MARKETING VERDE RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL: REAPROVEITAMENTO DO KRAFT E UTILIZAÇÃO DO MARKETING VERDE Leonardo Wagnner Gomes de Souza 1, Emerson Tenório da Silva², Roberto Pereira da Silva Junior³ 1 Graduando no Curso

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA RESUMO O presente trabalho é requisito do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação

Leia mais

AGRUPAMENTO HORIZONTAL DE VILA NOVA DE MILFONTES. Projeto. Atividade de Enriquecimento Curricular das Ciências Experimentais. Água é vida!

AGRUPAMENTO HORIZONTAL DE VILA NOVA DE MILFONTES. Projeto. Atividade de Enriquecimento Curricular das Ciências Experimentais. Água é vida! Projeto Atividade de Enriquecimento Curricular das Ciências Experimentais Água é vida! Docentes: Marta Sousa Nélia Guerreiro Tema: Água é Vida! Turmas: Todas as turmas do agrupamento Apresentação: Este

Leia mais

Tema do Trabalho: A L og sti tica Reversa do Ól eo e Cozinha Usado

Tema do Trabalho: A L og sti tica Reversa do Ól eo e Cozinha Usado Tema do Trabalho: AL Logística Reversa do Óleo de Cozinha Usado Introdução Importante no preparo de alimentos através de fritura, são geradas grandes quantidades de resíduo de óleo de cozinha em residências

Leia mais

Curso de Licenciatura em Ciências da Natureza Componente Curricular: Educação e Saúde. Prof. Vanderlei Folmer / Msc. Maria Eduarda de Lima

Curso de Licenciatura em Ciências da Natureza Componente Curricular: Educação e Saúde. Prof. Vanderlei Folmer / Msc. Maria Eduarda de Lima Curso de Licenciatura em Ciências da Natureza Componente Curricular: Educação e Saúde Prof. Vanderlei Folmer / Msc. Maria Eduarda de Lima O que é lixo? Latim Lix : cinza ; Europa : resíduos domésticos

Leia mais

Projeto Dia de Cooperar

Projeto Dia de Cooperar Projeto Dia de Cooperar DESCARTE DE LIXO CONSCIENTE EM ABAETÉ Abaeté, 17 de Setembro de 2009. DESCARTE DE LIXO CONSCIENTE EM ABAETÉ Introdução O lixo é o responsável por um dos mais graves problemas ambientais

Leia mais

Sacolas Bioplásticas e a Coleta Seletiva da cidade de São Paulo

Sacolas Bioplásticas e a Coleta Seletiva da cidade de São Paulo Sacolas Bioplásticas e a Coleta Seletiva da cidade de São Paulo A Lei nº 15.374 de 2011 proíbe a disponibilização de sacolas plásticas descartáveis nos estabelecimentos comerciais do município de São Paulo.

Leia mais

III-101 ELABORAÇÃO DE PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE UM PORTO INDUSTRIAL

III-101 ELABORAÇÃO DE PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE UM PORTO INDUSTRIAL III-101 ELABORAÇÃO DE PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE UM PORTO INDUSTRIAL José Mariano de Sá Aragão (1) Engenheiro Civil pela Universidade Federal de Pernambuco - UFPE. Mestre em Hidráulica

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS SABÃO EM BARRA NUTRILAR

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS SABÃO EM BARRA NUTRILAR 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome: Sabão em Barra Marmorizado Nutrilar Verde e Azul Barras de 200g, 500g e 1000g Nome: Sabão em Barra Glicerinado Nutrilar Lavanda, Limão Neutro e Azul Pacotes

Leia mais

Contextualização do Ensino de Química ao Cotidiano através de Aulas Práticas: Aproveitamento do óleo de Frituras na Elaboração de Sabão Artesanal

Contextualização do Ensino de Química ao Cotidiano através de Aulas Práticas: Aproveitamento do óleo de Frituras na Elaboração de Sabão Artesanal Contextualização do Ensino de Química ao Cotidiano através de Aulas Práticas: Aproveitamento do óleo de Frituras na Elaboração de Sabão Artesanal Nkarthe Guerra Araújo 1, Tuilly de Fátima Macedo Rodrigues

Leia mais

Bons Fluídos. Vida Melhor.

Bons Fluídos. Vida Melhor. Bons Fluídos. Vida Melhor. Indústria de Processos BOMBAS E COMPRESSORES CENTRÍFUGOS BOMBAS CENTRÍFUGAS API 610 OH6 As bombas centrífugas SUNDYNE verticais in-line de simples estágio de alta velocidade

Leia mais

CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF

CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF GAIO, Lucas Machado 1 ; CURADO, Isabela Cristina; RIBEIRO, Breno P. Marcondes; RODRIGUES, Juliana P.,

Leia mais

ATERRO SANITÁRIO DE RIO CLARO. Prof. Marcos Colégio Sta. Clara

ATERRO SANITÁRIO DE RIO CLARO. Prof. Marcos Colégio Sta. Clara ATERRO SANITÁRIO DE RIO CLARO Prof. Marcos Colégio Sta. Clara 1. CICLO DE VIDA DOS PRODUTOS - Observe um objeto perto de você. Você já parou para pensar do que ele é feito e quantas etapas foram necessárias

Leia mais

O ÓLEO DIESEL FORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO DO ÓLEO DIESEL. 500 (nas regiões de diesel metropolitano) 2.000 (nas regiões de diesel interior)

O ÓLEO DIESEL FORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO DO ÓLEO DIESEL. 500 (nas regiões de diesel metropolitano) 2.000 (nas regiões de diesel interior) O ÓLEO DIESEL Link da pesquisa http://www.br.com.br/wps/portal/portaldeconteudo Combustível derivado do petróleo, constituído basicamente por hidrocarbonetos, o óleo diesel é um composto formado principalmente

Leia mais

FONTES DE ENERGIA. Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se

FONTES DE ENERGIA. Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se exerce uma força. 2. Força moral; firmeza. 3. Vigor, força. 4. Filos. Segundo Aristóteles, o exercício mesmo da atividade, em oposição

Leia mais

Manual de Conduta Ambiental. Elaborado pelo Comitê Ambiental da Tramontina, para alinhar a conduta da Gestão Ambiental das unidades da empresa.

Manual de Conduta Ambiental. Elaborado pelo Comitê Ambiental da Tramontina, para alinhar a conduta da Gestão Ambiental das unidades da empresa. Manual de Conduta Ambiental Elaborado pelo Comitê Ambiental da Tramontina, para alinhar a conduta da Gestão Ambiental das unidades da empresa. A responsabilidade socioambiental é um dos valores que marcam

Leia mais

A tecnologia aplicada ao ensino: Inserindo computadores nas escolas

A tecnologia aplicada ao ensino: Inserindo computadores nas escolas 149 Saber Digital A tecnologia aplicada ao ensino: Inserindo computadores nas escolas Robson da Silva Oliveira Discente da Faeterj Paracambi rs.oliver89@gmail.com Wendell Carlos Motta Maciel da Silva Discente

Leia mais

O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA LUDICIDADE: ATIVIDADES LÚDICAS PARA OS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA LUDICIDADE: ATIVIDADES LÚDICAS PARA OS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA LUDICIDADE: ATIVIDADES LÚDICAS PARA OS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL Diliane Camargo, UFSM RESUMO: O presente texto é resultado preliminar de um projeto

Leia mais

Materiais: Folhas secas de serapilheira ou serragem; Resíduos orgânicos devidamente triturados; Regador; Termômetro digital (opcional).

Materiais: Folhas secas de serapilheira ou serragem; Resíduos orgânicos devidamente triturados; Regador; Termômetro digital (opcional). A compostagem é um processo de decomposição da matéria orgânica pela ação de fungos, bactérias e outros microrganismos que, em condições ótimas de umidade, temperatura e aeração, são capazes de transformar

Leia mais

MANUAL DO REPRESENTANTE DE TURMA. Manual do Representante de turma - Faculdade da FUNLEC

MANUAL DO REPRESENTANTE DE TURMA. Manual do Representante de turma - Faculdade da FUNLEC MANUAL DO REPRESENTANTE DE TURMA 2017 Parabéns! Você foi eleito(a) representante de sua turma. O que demonstra o seu interesse em contribuir com os seus colegas e a Faculdade da FUNLEC. Para uma boa atuação,

Leia mais

ECOBAGS: REUTILIZAÇÃO DE BANNERS NA PRODUÇÃO DE BOLSAS

ECOBAGS: REUTILIZAÇÃO DE BANNERS NA PRODUÇÃO DE BOLSAS ECOBAGS: REUTILIZAÇÃO DE BANNERS NA PRODUÇÃO DE BOLSAS Autores: Lariane Davila Borges de OLIVEIRA (Bolsista Interna); Isabela DAL-BÓ (Orientador IFC Campus Ibirama). Introdução O presente artigo refere-se

Leia mais

Projeto. Reciclagem de resíduos orgânicos urbanos utilizando composteiros de tela de arame. Realização:

Projeto. Reciclagem de resíduos orgânicos urbanos utilizando composteiros de tela de arame. Realização: Projeto Reciclagem de resíduos orgânicos urbanos utilizando composteiros de tela de arame Realização: Projeto Iniciativa de compostagem urbana desenvolvida em Visconde de Mauá, Resende RJ, a partir de

Leia mais

REGULAMENTO Pontuação 2 pontos Multiplus a cada R$ 1 em compras na Fast Shop

REGULAMENTO Pontuação 2 pontos Multiplus a cada R$ 1 em compras na Fast Shop REGULAMENTO Pontuação 2 pontos Multiplus a cada R$ 1 em compras na Fast Shop Ao realizar as compras na loja virtual da Fast Shop, em www.fastshop.com.br/multiplus ( hotsite ), você aceita e concorda com

Leia mais

Escola SENAI Alfried Krupp CFP 568

Escola SENAI Alfried Krupp CFP 568 Escola SENAI Alfried Krupp CFP 568 Projeto Coleta Seletiva Sumário 1. Objetivo: Descrição completa do objeto a ser executado --------------------------------- 3 2. Meta desejada: Descrição das Metas desejadas

Leia mais

O uso de recursos da natureza. Profª. Ms. Fabiana Chinalia FACULDADES COC 10 e 11 de novembro

O uso de recursos da natureza. Profª. Ms. Fabiana Chinalia FACULDADES COC 10 e 11 de novembro O uso de recursos da natureza Profª. Ms. Fabiana Chinalia FACULDADES COC 10 e 11 de novembro IMPACTO E REFLEXOS DO LIXO Na sociedade má qualidade de vida e saúde perdas materiais e humanas ; atrai insetos

Leia mais

Manual Coleta Seletiva DGA. Diretoria de Gestão Ambiental

Manual Coleta Seletiva DGA. Diretoria de Gestão Ambiental Manual Coleta Seletiva DGA Diretoria de Gestão Ambiental Universidade Federal de Pernambuco Superintendência de Infraestrutura Diretoria de Gestão Ambiental Diretora Maria de Fátima Morais Xavier Gerência

Leia mais

Tecido Photo Premium 131g

Tecido Photo Premium 131g I. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO Nome do Produto: Tecido para Impressão Solvente/UV/Látex Photo Premium 131g. Data de Emissão: 26 de Agosto de 2013. II. COMPOSIÇÃO/INFORMAÇÕES SOBRE INGREDIENTES NOME DO INGREDIENTE

Leia mais

DIRETRIZES DE SUSTENTABILIDADE II Feira da Sustentabilidade - Compartilhando novas leituras e inspirações 14 a 16 de abril de 2016 Piracicaba/SP

DIRETRIZES DE SUSTENTABILIDADE II Feira da Sustentabilidade - Compartilhando novas leituras e inspirações 14 a 16 de abril de 2016 Piracicaba/SP DIRETRIZES DE SUSTENTABILIDADE II Feira da Sustentabilidade - Compartilhando novas leituras e inspirações 14 a 16 de abril de 2016 Piracicaba/SP A ideia de sustentabilidade que começou a se propagar após

Leia mais

INFORMATIVO AMBIENTAL

INFORMATIVO AMBIENTAL Nº24 Use menos possível equipamento e veículos que possam poluir o meio ambiente, pois provocam a poluição do ar. Procure sempre fazer caminhada, pois faz bem à saúde e ao bem estar. Assim você estará

Leia mais

FISPQ FICHA DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUIMICOS

FISPQ FICHA DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUIMICOS FISPQ n : 004 Data última revisão: 06/05/2011 Página:1/5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: Amaciante Blanc Nome da Empresa: Class Industria Química Endereço: Rua Claudino Gazzi,

Leia mais

Painel de Contribuição Núcleo Socioambiental - NSA (Fevereiro/2016)

Painel de Contribuição Núcleo Socioambiental - NSA (Fevereiro/2016) Núcleo Socioambiental - NSA Objetivo Estratégico / Iniciativa Estratégica/ Meta Estratégica 1. Aumentar para 5% os resíduos sólidos reciclados do TST Ação 1. Recolher Resíduos. Reaproveitamento de resíduos

Leia mais

Energias Renováveis BIODIESEL

Energias Renováveis BIODIESEL Energias Renováveis BIODIESEL Profª Elisa Helena Siegel Moecke UNISUL Universidade do Sul de Santa Catarina Apresentação Com o Protocolo de Kyoto (1997) muitos países se comprometeram com a redução da

Leia mais

MANUAL DO LÍDER DE TURMA

MANUAL DO LÍDER DE TURMA Criada em 1 de 6 MANUAL DO LÍDER DE TURMA Criada em 2 de 6 Parabéns! Você foi eleito (a) representante de sua turma. O que demonstra o seu interesse em contribuir com os seus colegas e a Escola Profissional

Leia mais

COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM COMUNIDADE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM ATIVIDADES Atividade Extra - Fórum SIEPE (Compensação da carga horária do dia 08/09/2012) A atividade foi postada no módulo X Atividade Módulo X - Fórum Agenda O cursista

Leia mais

Reutilização do óleo de cozinha no processo de saponificação: indústria obtém lucro apoiando o meio ambiente

Reutilização do óleo de cozinha no processo de saponificação: indústria obtém lucro apoiando o meio ambiente Reutilização do óleo de cozinha no processo de saponificação: indústria obtém lucro apoiando o meio ambiente Larissa Maria Soares de Farias, Bel. (Faculdade Boa Viagem) larissa.farias92@gmail.com Yna Oliveira

Leia mais

Palavras-chave: Educação Ambiental. Óleos e Gorduras Residuais (OGRs). Quantificação. Descarte.

Palavras-chave: Educação Ambiental. Óleos e Gorduras Residuais (OGRs). Quantificação. Descarte. QUANTIFICAÇÃO E DESCARTE DOS ÓLEOS E GORDURAS RESIDUAIS PARA PROMOÇÃO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL Jorge Vleberton Bessa de Andrade 1, Ítalo Magno de Melo Santos, João Roberto Pereira Nogueira 3, Maria Cristiane

Leia mais

Processo de Centrifugação de Cavacos

Processo de Centrifugação de Cavacos Processo de Centrifugação de Cavacos Guarany Ind. e Com. Ltda Melhoria Ambiental e Redução de Custos Objetivo do Trabalho Dar uma Melhor Disposição aos Resíduos e Sucatas Provenientes do Processo de Usinagem.

Leia mais

CIEP 305 HEITOR DOS PRAZERES PROJETO: CONHECENDO NOSSA TERRA

CIEP 305 HEITOR DOS PRAZERES PROJETO: CONHECENDO NOSSA TERRA CIEP 305 HEITOR DOS PRAZERES PROJETO: CONHECENDO NOSSA TERRA Projeto realizado pelas professoras Rita Enseki e Clarice com as turmas de 2º e 3º ano do Ensino Médio do ano letivo de 2007. Outubro de 2008

Leia mais

DIAGNÓSTICO PARTICIPATIVO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO CHAPÉU

DIAGNÓSTICO PARTICIPATIVO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO CHAPÉU DIAGNÓSTICO PARTICIPATIVO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO CHAPÉU CONHECENDO O MEIO AMBIENTE EM QUE VIVEMOS E OS SEUS PROBLEMAS Temos uma bela paisagem, arquitetura e patrimônio cultural (Rodolfo Gedeon, morador

Leia mais

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A SUA INTERDISCIPLINARIDADE

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A SUA INTERDISCIPLINARIDADE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A SUA INTERDISCIPLINARIDADE INTRODUÇÃO Autor: Franklin Vieira de Sá Instituição: Universidade Federal do Piauí E-mail: frankkkfalcon@hotmail.com A temática de Educação Ambiental

Leia mais

OFICIAL LIMPA E BRILHA

OFICIAL LIMPA E BRILHA OFICIAL LIMPA E BRILHA LIMPADOR UNIVERSAL Classificação: Detergente Propriedades É um produto para limpeza total, utilizado na manutenção de superfície em geral. Sua principal característica é manter a

Leia mais

BLOCOS DE CONCRETO PARA VEDAÇÃO A PARTIR DE AGREGADOS DE RESÍDUOS DE GESSO E CONCRETO: UMA CONTRIBUIÇÃO À GESTÃO DE RESÍDUOS E AO CONFORTO AMBIENTAL

BLOCOS DE CONCRETO PARA VEDAÇÃO A PARTIR DE AGREGADOS DE RESÍDUOS DE GESSO E CONCRETO: UMA CONTRIBUIÇÃO À GESTÃO DE RESÍDUOS E AO CONFORTO AMBIENTAL BLOCOS DE CONCRETO PARA VEDAÇÃO A PARTIR DE AGREGADOS DE RESÍDUOS DE GESSO E CONCRETO: UMA CONTRIBUIÇÃO À GESTÃO DE RESÍDUOS E AO CONFORTO AMBIENTAL Raquel de A. F. Ramos de CASTRO; Régis de Castro FERREIRA

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DAS ORGANIZAÇÕES (ASPECTO AMBIENTAL)

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DAS ORGANIZAÇÕES (ASPECTO AMBIENTAL) PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DAS ORGANIZAÇÕES (ASPECTO AMBIENTAL) EVOLUÇÃO DA ORGANIZAÇÃO ONTEM (MERCADO FECHADO E PROTEGIDO): CUSTOS + LUCRO = PREÇO DE VENDA A PROTEÇÃO AMBIENTAL é vista como um fator de

Leia mais

CAIXA PARA JATAÍ MODELO CANDIDÉS

CAIXA PARA JATAÍ MODELO CANDIDÉS CAIXA PARA JATAÍ MODELO CANDIDÉS Desenvolvida por: Daniel Pereira da Costa Graduando em Zootecnia pelo CEFET-Bambuí no ano de 2007 Material para a caixa: Espessura da madeira 2,5 cm Tipo: madeira branca

Leia mais

Unilever Brasil Sustentabilidade Cada Gesto Conta

Unilever Brasil Sustentabilidade Cada Gesto Conta Unilever Brasil Sustentabilidade Cada Gesto Conta 06/12/2011 Nossa visão Trabalhamos para criar um futuro melhor todos os dias. Ajudamos as pessoas a se sentirem bem, bonitas e a aproveitarem mais a vida

Leia mais

SÍNTESE DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (LEI , DE 02 DE AGOSTO DE 2010) NA PERSPECTIVA DAS CENTRAIS DE ABASTECIMENTO BRASILEIRAS

SÍNTESE DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (LEI , DE 02 DE AGOSTO DE 2010) NA PERSPECTIVA DAS CENTRAIS DE ABASTECIMENTO BRASILEIRAS SÍNTESE DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (LEI 12.305, DE 02 DE AGOSTO DE 2010) NA PERSPECTIVA DAS CENTRAIS DE ABASTECIMENTO BRASILEIRAS O QUE SÃO OS RESÍDUOS SÓLIDOS? Art. 3º, item XVI - material,

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN Victor Henrique dos Santos Silva 1 ; Arthur Brito Fernandes 2 ; Adriana Moura de Lima

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS RUI BARBOSA P R O J E T O

FACULDADES INTEGRADAS RUI BARBOSA P R O J E T O FACULDADES INTEGRADAS RUI BARBOSA P R O J E T O 2007 1 SUMÁRIO 1. IDENTIFICAÇÃO:...3 2. OBJETIVOS:...4 3. JUSTIFICATIVA:...5 4. ATIVIDADES:...7 5. CRONOGRAMA DE AÇÃO:...8 6. AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS...9

Leia mais

MEMÓRIA DA REUNIÃO DO GRUPO DE RESÍDUOS URBANO DO PLANO DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE CHAPECÓ

MEMÓRIA DA REUNIÃO DO GRUPO DE RESÍDUOS URBANO DO PLANO DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE CHAPECÓ MEMÓRIA DA REUNIÃO DO GRUPO DE RESÍDUOS URBANO DO PLANO DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE CHAPECÓ Data: 16-05-2014 Local: Sindicato de hotéis, restaurantes, bares e similares de Chapecó

Leia mais

Confederação Nacional de Mocidade Servos uns dos outros, pelo amor Gl 5.13 Secretaria de Responsabilidade Social SUMÁRIO UMP SUSTENTÁVEL

Confederação Nacional de Mocidade Servos uns dos outros, pelo amor Gl 5.13 Secretaria de Responsabilidade Social SUMÁRIO UMP SUSTENTÁVEL SUMÁRIO UMP SUSTENTÁVEL 1.0 Do Projeto... 02 1.1 Por um Brasil Mais Sustentável... 02 1.1.1 Sugestões de atividades... 02 1.1.2 Programa de coleta... 03 1.2 Descarte correto de óleo usado... 03 1.2.1 Descarte

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Capoeira - menino Pé no Chão

Mostra de Projetos 2011. Capoeira - menino Pé no Chão Mostra Local de: Dois Vizinhos Mostra de Projetos 2011 Capoeira - menino Pé no Chão Categoria do projeto: Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa: Associação Casa

Leia mais

Critério de Desenvolvimento da Embalagem de Transporte. Magda Cercan Junho/2013 São Paulo

Critério de Desenvolvimento da Embalagem de Transporte. Magda Cercan Junho/2013 São Paulo Critério de Desenvolvimento da Embalagem de Transporte Magda Cercan Junho/2013 São Paulo Magda Cercan Garcia Tecnôloga Mecânica em Processos de Produção e Projetos de Máquinas pela Faculdade de Tecnologia

Leia mais

Como participar? 1. Crie um brinquedo com embalagens cartonadas vazias e outros materiais recicláveis.

Como participar? 1. Crie um brinquedo com embalagens cartonadas vazias e outros materiais recicláveis. O concurso cultural Tirolzinho Transforma Reino Encantado está percorrendo o estado de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul, levando brincadeiras e educação ambiental para os alunos das escolas municipais

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO 16/09/2014 Página: 1/5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Nome da empresa: MULTQUÍMICA PRODUTOS QUÍMICOS LTDA Endereço: Rua Seimu Oguido, 196 - Parque ABC - CEP: 86075-140. Telefone

Leia mais

Sebo bovino, sais inorgânicos, óleos vegetais, corante e água.

Sebo bovino, sais inorgânicos, óleos vegetais, corante e água. 1- IDENTIFICAÇÃO Nome do produto: sabão em barra econômico marmorizado. Aplicação: O produto destina-se a lavagem de tecidos, louças, panelas e talheres. Estado físico: sólido. Embalagem: 200 g, 500 g

Leia mais

Foto 1. Foto 2. Fotos:

Foto 1. Foto 2. Fotos: Foto 1 Foto 2 Fotos: Projeto: Sistema ecológico para reaproveitamento total das águas de banheiros residenciais, industriais e comerciais Organização: Insaite Página: 1/1 23º Prêmio Expressão de Ecologia:

Leia mais

Fone: Florianópolis - SC 1

Fone: Florianópolis - SC 1 . CISTERNA 2350 L DADOS TÉCNICOS: Volume útil - 2300 L Material fabricado - Polietileno de média densidade Resitência UV - Fator UV 4 Peso corpo - 55 kg Altura total - 1.670 m Diâmetro máximo - 1,420 m

Leia mais

Multi-Uso Utilizável em qualquer tipo de superfície e equipamento.

Multi-Uso Utilizável em qualquer tipo de superfície e equipamento. Detergente Vero Plus Detergente de Uso Geral Econômico A concentração de ativos torna o Detergente Vero Plus um produto econômico no uso, requerendo uma pequena quantidade para uma limpeza eficiente. Versátil

Leia mais

EDITAL 06/2016 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAÇÃO EM INTERCÂMBIO DE PROJETOS DE EXTENSÃO - 2016

EDITAL 06/2016 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAÇÃO EM INTERCÂMBIO DE PROJETOS DE EXTENSÃO - 2016 EDITAL 06/2016 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAÇÃO EM INTERCÂMBIO DE PROJETOS DE EXTENSÃO - 2016 A Pró-Reitoria de Extensão- PROEX da Universidade Federal do Cariri-UFCA torna pública a abertura de

Leia mais

Questionário do Programa Bandeira Azul Brasil para Praias

Questionário do Programa Bandeira Azul Brasil para Praias Questionário do Programa Bandeira Azul Brasil para Praias 1. Informações sobre a praia candidata: 1.1 Nome da Praia 1.2 Região da Praia 1.3 Localização Geográfica Latitude: Longitude: 1.4 Nome do responsável

Leia mais

Oficinas Férias de Verão. Centro de Educação Ambiental. Programação

Oficinas Férias de Verão. Centro de Educação Ambiental. Programação Oficinas Férias de Verão Centro de Educação Ambiental Programação Semana de 30 de junho a 04 de Julho 30 de junho - 9h00-12h00 14h00-17h00 Oficina Use e Re-Use Local : CEA 01 de julho - 9h00-12h00 14h00-17h00

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Revisão Produto Data da revisão Página

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Revisão Produto Data da revisão Página 13/02/2014 Página 1 de 5 1. Identificação do produto e da empresa Nome Nº: 000050 SC Códigos / AASC1000V / AASC100V / ICPSC1000V / ICPSC10000V / ICPSC100V / 2. Identificação de perigos CLASSIFICAÇÃO DE

Leia mais