FACULDADE DE ARARAQUARA IESP Instituto Educacional do Estado de São Paulo Rua Miguel Cortez, 50, Vila Suconasa, Araraquara/SP Tel:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FACULDADE DE ARARAQUARA IESP Instituto Educacional do Estado de São Paulo Rua Miguel Cortez, 50, Vila Suconasa, Araraquara/SP Tel: 3332-4093"

Transcrição

1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Direito da Faculdade de Araraquara CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este Regulamento dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Direito. CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 2º. As Atividades Complementares são componentes curriculares destinados a enriquecer o perfil do formando, possibilitam o reconhecimento, por avaliação, de habilidades, conhecimentos e competências do aluno, inclusive adquiridas fora do ambiente acadêmico, englobando a prática de estudos e atividades independentes, opcionais, de interdisciplinaridade, especialmente nas relações com o mundo do trabalho e com as ações de extensão junto à comunidade. Art. 3º. Considera-se como Atividade Complementar toda e qualquer atividade, não compreendida nas práticas pedagógicas previstas no desenvolvimento regular das disciplinas e atividades do Curso de Direito. Parágrafo Único. Deve-se levar em conta na sua admissibilidade a conexão do conteúdo formativo da atividade com o Curso de Direito, em uma perspectiva interdisciplinar, e analisar-se a sua relevância para o processo de ensino-aprendizagem. Art. 4º. Para fins de registro acadêmico da carga horária, as Atividades Complementares estão divididas em: Art. 4º. As Atividades Complementares se apresentam como práticas acadêmicas obrigatórias para todo aluno, não permitem dispensa e podem ser desenvolvidas sob múltiplas formas. Parágrafo único: Estão fixadas em uma carga horária de 280 horas e seu cumprimento é considerado requisito indispensável à conclusão do curso e colação de grau do aluno. Art. 5º As atividades Complementares compõem-se das seguintes modalidades enumeradas abaixo: I) Monitorias a) O Exercício de monitoria deverá ser realizado de acordo com regimento da Faculdade de Araraquara. b) A função do monitor poderá ser criar se autorizada pela Mantenedora e, dentro das necessidades técnico-científicas.

2 c) O monitor será o aluno que tenham bom aproveitamento no conjunto de seus estudos e apresentam mais de 1/3 (um terço) das disciplinas exigidas no curso em que estão matriculados. d) Será considerado monitor, além da especificação acima, aquele que for aprovado no processo seletivo de vaga e disciplina. II- Programa de Iniciação Científica a) Entende-se por programa de iniciação científica, as atividades de investigação científica no âmbito de projetos de pesquisa, com a orientação de professores, visando o aprendizado de métodos e técnicas, além do desenvolvimento da mentalidade e criatividade científica. b) Poderá ocorrer através de grupos de estudo e grupos de interesse em produção intelectual. c) Os professores e alunos interessados em desenvolver grupos de iniciação científica, deverão elaborar plano de relatório de suas atividades e solicitar junto a Coordenação do Curso o encaminhamento do projeto para aprovação. III- Cursos realizados em outras áreas afins. a) O aluno tem a possibilidade de se matricular em disciplinas de outros cursos e que tenham implicações ou correlações com o campo que esteja ligado, abrindo-se assim uma perspectiva interdisciplinar na sua formação. b) O aluno terá que apresentar ao término do período letivo, isto é, prazo máximo de entrega das AC, atestado que comprove sua participação (freqüência mínima de 75%) e aprovação na disciplina cursada, ficando sujeito à aceitação e aprovação da Coordenação do Curso. IV- Leituras Específicas e Consultas Bibliográficas sob Supervisão Docente. a)o docente possui a responsabilidade de apresentar aos alunos meios para o desenvolvimento de habilidades e conhecimentos na área jurídica. b)leitura, pesquisa e análise de textos, bem como trabalhos relacionados as disciplinas servem para a complementação de estudos e aquisição de conhecimento, assim como o portifólio.

3 V- Participação em Programas de Extensão são atividades desenvolvidas junto a Projetos de Extensão desenvolvidos pela instituição ou por outras instituições de Ensino Superior, desde que oficialmente comprovado. Esses projetos devem ter caráter de atendimento à comunidade e fornecer possibilidade de aplicação direta dos conteúdos de uma ou mais disciplinas curriculares. VI- Participação em eventos científicos no âmbito do Direito e áreas fins, dentro ou fora da Faculdade de Araraquara, por meio de cursos de extensão e participação em eventos científicos em outras instituições, visitas a órgãos públicos ou entidades particulares ligadas a área de abrangência do curso. a)serão reconhecidos pela instituição, cursos, palestras, seminários, congressos, conferências, oficinas, visitas técnicas, entre outras. b)tais atividades devem ser adequadas à formação do aluno. c)considera-se a participação do aluno, na forma passiva ou ativa, ou seja, na condição de participante, palestrante, instrutor ou apresentador. VII- Visitas Técnicas ligadas à área de abrangência do curso. CAPÍTULO III- DA COMPROVAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 6º Atividades Complementares serão comprovadas por documentos que garantam a a aprovação da atividades na categoria. Art. 7º O aluno deverá juntar o máximo de comprovações, tendo em vista garantir a sua autenticidade, bem como o cumprimento significativo da atividade, tais como: a) Folder e folheto da atividade e evento; b) Programa e conteúdo da atividade, informando carga horária; c) Nome, ramo de atuação, endereço, telefone da entidade; d) Cópia da ficha de inscrição; e) Comprovante de pagamento (se aplicado); f) Declaração de participação; g) Crachá de identificação e acesso a eventos, dentre os outros;

4 h) Exibição de certificados. Art. 8º As atividades complementares são validadas de acordo com as normas estabelecidas e pontuação contida no quadro abaixo. Art. 9º. Para fins de acompanhamento e controle pelo Coordenador/Supervisor de Atividades Complementares, com vistas à integralização, o aluno deve requerer o aproveitamento da atividade realizada, mediante formulário próprio. Parágrafo Único. Para o aproveitamento da carga horária em Atividade Complementar o Supervisor de Atividades Complementares considerará as disciplinas já cursadas pelo aluno no momento da realização da atividade. Art. 10. As atividades complementares possuem uma pontuação específica correspondente a uma carga horária determinada em regulamento próprio, abaixo descriminado: Opções Possíveis valores Comprovantes Semana Jurídica Congressos e seminários 4 horas por palestra Tempo constante no documento Relatório por cada atividades desenvolvida + lista presença Certificado + relatório das atividades desenvolvidas Livros e análise crítica orientada pelo professor (máximo 3 por semestre) Visitas técnicas orientada por professor Atividade Social Palestras Extras e Outras Apresentações Até 10 horas por livro 4 a 8 horas por visita (considerar o tempo da visita) 5 horas para arrecadação de objetos; 2 horas para comparecimento em instituição (apenas p/ entrega); 5 horas colaboração no evento (entrega mais participação). 3hs a cada palestra Ficha crítica do livro e resenha manuscrita Foto + relatório + assinatura do professor responsável Declaração + relatório das atividades desenvolvidas + fotografias Certificado + relatório das atividades desenvolvidas

5 Cursos em outras IES (línguas e outros) Cursos extracurriculares em outras IES (área do Direito) 8 hs por curso Resumo do curso + Certificados Até 15 horas Resumo do curso + Certificados Organização de Eventos Até 10 horas por evento Certificado de Presença + relatório Projeto aprovado assistencial Até 10 horas por projeto Presença + Relatório Monitor da Atividade Complementar 10 horas por semestre Presença + relatório + nomeação Artigos e Questionamentos oferecidos por professores, atividade em sala no horário da AC. Trabalhos indicados pelos professores das disciplinas do curso PORTIFÓLIO (resumo das disciplinas, com supervisão do docente, manuscrito) 2 hs ou a hora determinada pelo professor, máximo 5 horas por trabalho 2 horas para pesquisa jurisprudencial comentada 5 horas para artigo redigido pelo aluno, seguidas as regras da ABNT (no máximo 15 páginas) Máximo 5h horas ou quantidade menor a critério do professor. OBS: Pode ser apresentado de todas as disciplinas ATIVIDADE NO SEJUSC Horas efetivas na instituição. Relatório + nome na lista de presença + aluno assistente Trabalho com visto do professor responsável Trabalho com visto do professor responsável + Relatório crítico Relatório do trabalho desenvolvido CAPÍTULO IV- DO PRAZO PARA A ENTREGA DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 11 Os comprovantes das Atividades Complementares deverão ser entregues junto ao setor responsável e/ou Coordenador/Supervidor de Atividades Complementares 1 (um) mês antes do término do semestre letivo, data pré-fixada em calendário acadêmico. 1º Caso o aluno não tenha entregado até esta data, deverá fazê-lo nestas mesmas condições no ano seguinte, em forma de dependência.

6 2º O não cumprimento das normas acima impede a colação de grau do aluno até que a situação seja regularizada. CAPÍTULO V DO COORDENADOR/SUPERVISOR DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 12. O Coordenador/Supervisor de Atividades Complementares é nomeado pelo Coordenador do Curso, dentre professores do quadro permanente de docentes do Curso de Direito, para o exercício do conjunto de atividades de orientação básica ao aluno e de administração dos atos relativos à política, ao planejamento e à supervisão das Atividades Complementares. Art. 13. É de competência do Coordenador/Supervisor de Atividades Complementares: I organizar calendário de Atividades Complementares, incluindo o elenco de atividades institucionais informando, para divulgação, à Coordenação do Curso de Direito; II acompanhar e controlar a participação dos alunos em ações e eventos promovidos pela Instituição, que visem o aproveitamento sob a forma de Atividades Complementares; III apreciar e decidir a respeito da validade de documentos apresentados pelos alunos, que objetivem aproveitamento de ações e eventos externos sob a forma de Atividades Complementares; IV enviar à Secretaria o resultado da avaliação das Atividades Complementares de cada aluno, para os registros cabíveis; V produzir, semestralmente, relatório de atividades desempenhadas à frente da Supervisão e Atividades Complementares, informando à Coordenação do Curso de Direito o detalhando as Atividades Complementares desenvolvidas pelos alunos e aceitas, acompanhado dos documentos comprobatórios de realização, com a indicação das cargas horárias e da freqüência registrada de cada um dos alunos, com vistas à integralização da carga horária.

7 Parágrafo Único. Das decisões do Coordenador/Supervisor de Atividades Complementares caberá, em 05 (cinco) dias, recurso à Coordenação do Curso de Direito. CAPÍTULO VI DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Art. 14. Os casos omissos serão decididos pelo Coordenador do Curso de Direito. Art. 15. Este Regulamento entra em vigor na data de sua aprovação pelo NDE do Curso de Direito.

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este Regulamento dispõe sobre as Atividades Complementares na Faculdade do Futuro. CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

Faculdade Monteiro Lobato

Faculdade Monteiro Lobato REGULAMENTO N º 04/2015 Dispõe sobre a forma e o prazo de integralização das atividades complementares e seminários na Faculdade Monteiro Lobato. Art. 1º - A integralização das atividades complementares/seminários,

Leia mais

DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS FACULDADE DO ESTADO DO MARANHÃO FACEM REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Este

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Este Regulamento dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Direito. CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2017 1 Este documento visa apresentar o regulamento das atividades complementares curriculares que envolvem vivências relacionadas à extensão, à iniciação científica,

Leia mais

FACULDADE DE ARARAQUARA CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO

FACULDADE DE ARARAQUARA CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO REGULAMENTO DE TRABALHO DE CURSO ARARAQUARA 2015 REGULAMENTO DO TRABALHO DE CURSO DE DIREITO Dispõe sobre a forma de operacionalização do Trabalho de Curso. CAPÍTULO I DAS

Leia mais

FACULDADE DE ODONTOLOGIA

FACULDADE DE ODONTOLOGIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA ANEXO II REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES I Das Atividades Artigo 1º As Atividades Complementares estão de acordo com as políticas do Conselho Nacional de Educação

Leia mais

Capítulo I Das Disposições Gerais

Capítulo I Das Disposições Gerais 18 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Todos os alunos do curso de agronomia deverão cumprir 200 horas de atividades complementares para atenderem as exigências curriculares visando a obtenção de título. As atividades

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE ENSINO DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA

ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE ENSINO DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE ENSINO DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA Esta estrutura contempla atividades complementares que têm como objetivo ampliar a formação do profissional de modo a desenvolver habilidades

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS PORTARIA NORMATIVA Nº. 01, 23 DE AGOSTO DE 2013.

COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS PORTARIA NORMATIVA Nº. 01, 23 DE AGOSTO DE 2013. COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS PORTARIA NORMATIVA Nº. 01, 23 DE AGOSTO DE 2013. Institui as normas e as atividades de visitas técnicas aprovadas para o aproveitamento

Leia mais

CONSELHO DO CURSO DE DIREITO. Resolução nº 01/2015 do Conselho do curso de graduação em Direito do ILES/Ulbra Itumbiara/GO

CONSELHO DO CURSO DE DIREITO. Resolução nº 01/2015 do Conselho do curso de graduação em Direito do ILES/Ulbra Itumbiara/GO CONSELHO DO CURSO DE DIREITO Resolução nº 01/2015 do Conselho do curso de graduação em Direito do ILES/Ulbra Itumbiara/GO Dispõe sobre as atividades complementares do curso. CONSIDERANDO o que determina

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FACULDADE VICENTINA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Estabelece normas para o funcionamento das Atividades Complementares do curso de filosofia da Faculdade Vicentina. SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Art.

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA. Capítulo I Das Disposições Gerais

REGULAMENTO DE MONITORIA. Capítulo I Das Disposições Gerais REGULAMENTO DE MONITORIA Dispõe sobre a regulamentação da Monitoria Capítulo I Das Disposições Gerais Art. 1 O presente regulamento estabelece normas para o processo seletivo de monitoria da Faculdade

Leia mais

Faculdades Ibmec-RJ. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Administração

Faculdades Ibmec-RJ. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Administração Faculdades Ibmec-RJ Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Administração I. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: Art.1 O presente regulamento tem por finalidade estatuir e normatizar

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (Ingresso até 2014/2 200 horas) Elaborado por: Profa. Me. Andréia Ayres Gabardo da Rosa Profa. Me. Karine Alves Gonçalves Mota PALMAS 2015 As atividades

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (400 horas) Elaborado por: Profa. Me. Andréia Ayres Gabardo da Rosa Profa. Me. Karine Alves Gonçalves Mota PALMAS 2015 As atividades complementares

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO UGB. Capítulo I Das Disposições Gerais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO UGB. Capítulo I Das Disposições Gerais REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO UGB Capítulo I Das Disposições Gerais Art. 1º. Este Regulamento dispõe sobre as Atividades Complementares nos Cursos de Graduação do

Leia mais

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS-FUPAC FACULDADE PRESIDENTE ANTONIO CARLOS DE UBERLÂNDIA

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS-FUPAC FACULDADE PRESIDENTE ANTONIO CARLOS DE UBERLÂNDIA FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS-FUPAC FACULDADE PRESIDENTE ANTONIO CARLOS DE UBERLÂNDIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Capítulo I Das Disposições Gerais ARTIGO 1º O presente Regulamento tem

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 050/ CEPE DE 25 de Outubro de 2006.

RESOLUÇÃO Nº 050/ CEPE DE 25 de Outubro de 2006. RESOLUÇÃO Nº 050/2006 - CEPE DE 25 de Outubro de 2006. APROVA A ALTERAÇÃO DA RESOLUÇÃO CEPE N.º 004/2003 NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. O Reitor da Universidade Castelo Branco, usando de suas atribuições

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 049, DE 11 DE FEVEREIRO DE Curso de Matemática/CPAN do Curso de Matemática do Câmpus do Pantanal/UFMS, a partir de 2015.

RESOLUÇÃO Nº 049, DE 11 DE FEVEREIRO DE Curso de Matemática/CPAN do Curso de Matemática do Câmpus do Pantanal/UFMS, a partir de 2015. RESOLUÇÃO Nº 049, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015. O CONSELHO DE CÂMPUS DO CÂMPUS DO PANTANAL, da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução

Leia mais

REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS

REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS Rua Prefeito Faria Lima, 400, Jardim Maringá, Londrina PR Fone: (43) 3031-5050 CEP: 86.061-450 1 REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO - ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL

REGULAMENTO - ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL Dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Engenharia Civil do Centro Universitário do Cerrado- Patrocínio UNICERP. Capítulo I Das Disposições Gerais Art. 1º. Este Regulamento dispõe sobre as

Leia mais

ANEXO II REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

ANEXO II REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ANEXO II REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Este regulamento é próprio das Atividades Complementares do Curso de Direito do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas - UDC e será regido por essas

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO (ANO LETIVO 2014)

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO (ANO LETIVO 2014) (35) 3690-8900 / 3690-8958 (fax) REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO (ANO LETIVO 2014) 1 Caracterização Os cursos de Engenharia de Produção do Brasil são regidos pelas

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICAS CURRICULARES COMPLEMENTARES - AACC

REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICAS CURRICULARES COMPLEMENTARES - AACC REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICAS CURRICULARES COMPLEMENTARES - AACC FACULDADE EVOLUÇÃO ALTO OESTE POTIGUAR - FACEP PAU DOS FERROS RN 2015 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS CURRICULARES COMPLEMENTARES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I. Da Natureza das Atividades Complementares

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I. Da Natureza das Atividades Complementares REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I Da Natureza das Atividades Complementares Art. 1º - As Atividades Complementares são componentes curriculares

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO CAPÍTULO I Das Considerações Preliminares Art.1º O presente Regulamento disciplina a oferta, o funcionamento e o registro acadêmico

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA. Manual de Horas Complementares

CURSO DE PEDAGOGIA. Manual de Horas Complementares FACULDADES INTEGRADAS DE RIBEIRÃO PIRES CURSO DE PEDAGOGIA Versão 2016 Manual de Horas Complementares Ribeirão Pires 2 Prezado acadêmico Este manual destina-se a orientar o aluno de Licenciatura em pedagogia

Leia mais

Macapá-2011 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Macapá-2011 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Macapá-2011 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º As Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE CIÊNCIAS ATUARIAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES BACHARELADO EM CIÊNCIAS ATUARIAIS Regulamento das

Leia mais

ANEXO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

ANEXO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ANEXO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os alunos do Curso de Direito pertencentes ao currículo 2002.2, deverão desenvolver, no mínimo, 300 (trezentas)

Leia mais

NÚCLEO DE PRÁTICA ACADÊMICA (NPA) REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES SUMÁRIO CAPÍTULO I: DA DEFINIÇÃO, PRÍNCÍPIOS E FINALIDADE...

NÚCLEO DE PRÁTICA ACADÊMICA (NPA) REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES SUMÁRIO CAPÍTULO I: DA DEFINIÇÃO, PRÍNCÍPIOS E FINALIDADE... SUMÁRIO CAPÍTULO I: DA DEFINIÇÃO, PRÍNCÍPIOS E FINALIDADE... 1 CAPÍTULO II: DA ORGANIZAÇÃO... 2 CAPÍTULO III: DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 3 CAPÍTULO IV: DISPOSIÇÕES FINAIS... 5 ANEXO I TABELA AVALIATIVA

Leia mais

Assunto: Regulamento das Atividades Complementares. O Diretor da Faculdade de Tecnologia Tupy Curitiba, no uso de suas atribuições,

Assunto: Regulamento das Atividades Complementares. O Diretor da Faculdade de Tecnologia Tupy Curitiba, no uso de suas atribuições, RESOLUÇÃO N o 105/2011 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Faculdade de Tecnologia Tupy Curitiba Assunto: Regulamento das Atividades Complementares. O Diretor da Faculdade de Tecnologia Tupy

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA ATIVIDADES COMPLEMENTARES MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA Ribeirão Pires 2016 Missão da FIRP

Leia mais

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES São Paulo 2010 I Das disposições gerais Art. 1º. O seguinte regulamento tem por objetivo

Leia mais

REGULAMENTO INSTITUCIONAL

REGULAMENTO INSTITUCIONAL FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL REGULAMENTO INSTITUCIONAL MONITORIA VOLUNTÁRIA CACOAL 2016 CAPÍTULO l DOS OBJETIVOS Artigo 1º - As presentes normas têm por objetivo organizar e disciplinar a

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS DESEMBARGADOR SÁVIO BRANDÃO - FAUSB

FACULDADES INTEGRADAS DESEMBARGADOR SÁVIO BRANDÃO - FAUSB FACULDADES INTEGRADAS DESEMBARGADOR SÁVIO BRANDÃO - FAUSB REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES VÁRZEA GRANDE - 2015 A Diretora Acadêmica da Faculdade Integradas Desembargador Sávio Brandão - FAUSB,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Porto Alegre, Março/2010 Regulamentação das Atividades Complementares A disciplina de Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ESTÉTICA DO UNISALESIANO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ESTÉTICA DO UNISALESIANO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ESTÉTICA DO UNISALESIANO As Atividades Complementares são componentes curriculares que possibilitam o reconhecimento, por avaliação, de habilidades,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DA FACULDADE DE COLIDER - FACIDER CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, bacharelado. Aos 20 dias do mês de agosto do ano de dois mil e treze, Coordenação do Curso de Administração, bacharelado da Faculdade

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA BACHARELADO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA BACHARELADO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA BACHARELADO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º As Atividades Complementares são componentes curriculares

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Campus Osasco

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Campus Osasco Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Campus Osasco UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS ATUARIAIS

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA FACULDADE CAMPO GRANDE FCG. Dispõe sobre as Atividades Complementares da FACULDADE CAMPO GRANDE - FCG

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA FACULDADE CAMPO GRANDE FCG. Dispõe sobre as Atividades Complementares da FACULDADE CAMPO GRANDE - FCG REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA FACULDADE CAMPO GRANDE FCG Dispõe sobre as Atividades Complementares da FACULDADE CAMPO GRANDE - FCG CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Este Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DA ÁREA DE SAÚDE DA ASCES.

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DA ÁREA DE SAÚDE DA ASCES. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DA ÁREA DE SAÚDE DA ASCES. 1. JUSTIFICATIVA Tomando-se como referência a missão institucional ASCES que visa o favorecimento da qualificação formal,

Leia mais

EDITAL Nº 16, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2013

EDITAL Nº 16, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS DIRETORIA DE PESQUISA

Leia mais

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC Bom Jesus do Itabapoana RJ Atualizado em 2017 REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Art. 1º - O presente Regimento tem por finalidade estabelecer

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este regulamento disciplina o Trabalho de Conclusão de Curso - TCC dos Cursos das Faculdades Integradas Hélio Alonso,

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL PORTARIA Nº 04, DE 06 DE FEVEREIRO DE 2011

ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL PORTARIA Nº 04, DE 06 DE FEVEREIRO DE 2011 ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL PORTARIA Nº 04, DE 06 DE FEVEREIRO DE 2011 Dispõe sobre as normas operacionais para acompanhamento e registro das Atividades Complementares do Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Letras REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Letras REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamenta as Atividades Complementares do Curso de Letras do Centro de Comunicação e Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO Art.

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENFERMAGEM

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENFERMAGEM CAPÍTULO I DEFINIÇÃO Art. 1º As Atividades Complementares, com a sigla ACs, do Curso de Enfermagem têm a obrigatoriedade ditada pelas Diretrizes

Leia mais

COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2017/1

COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2017/1 COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2017/1 Manaus, Fevereiro de 2017 1 Tipo de Projeto ( x ) Formação Complementar (X) Extensão ( ) Formação de Professores (x ) Pesquisa Tema da Atividade:

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CIMATEC REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Fixa normas para as atividades complementares no âmbito da Faculdade de Tecnologia SENAI CIMATEC. CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

Leia mais

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS DE RIO PARANAÍBA COORDENAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Campus Universitário - Caixa Postal 22 - Rio Paranaíba - MG - 38810-000 REGULAMENTO N. 1, DE 8 DE AGOSTO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Baseando-se no Regulamento dos Cursos de Graduação da UFF e na Instrução de Serviço PROAC n.º 02, o Colegiado do Curso de Ciências

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE (UNI-BH) ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO (ACGs) CURSO DE NUTRIÇÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE (UNI-BH) ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO (ACGs) CURSO DE NUTRIÇÃO 1 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE (UNI-BH) ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO (ACGs) CURSO DE NUTRIÇÃO 1. DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO Entende-se como Atividades Complementares

Leia mais

FACULDADE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE - FAMA. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES- ACCs

FACULDADE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE - FAMA. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES- ACCs FACULDADE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE - FAMA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES- ACCs CLEVELÂNDIA PR 2016 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES- ACCs CURSO

Leia mais

FACULDADE DE JANDIRA

FACULDADE DE JANDIRA UNIESP S/A FACULDADE DE JANDIRA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES JANDIRA SP 2017 Via de Acesso João de Góes, 2335 Jardim Alvorada Jandira Cep.06612-000 - Fone: (11) 4081-8400 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial. Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador. ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial. Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador. ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento Jales 2016 APRESENTAÇÃO E EMENTA O presente texto visa

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS FLORESTAL INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS Rodovia LMG 818, km 06, Florestal MG, 35.690-000. Tel: (31) 3536-3300 COORDENAÇÃO DO CURSO DE AGRONOMIA Regulamento das Atividades

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL HABILITAÇÃO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL HABILITAÇÃO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL HABILITAÇÃO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA Artigo 1º - O presente Regulamento baseia-se na obrigatoriedade do cumprimento das horas

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO Art. 1 - O presente Regulamento baseia-se na obrigatoriedade do cumprimento das horas destinadas às

Leia mais

PLANO PARA DESENVOLVIMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

PLANO PARA DESENVOLVIMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE CNEC DE VILA VELHA - FACEVV VERSÃO 04 - ATUALIZADA EM: 01/04/2011 - COORDENADOR DE ESTÁGIOS DA FACEVV PLANO PARA DESENVOLVIMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FISIOTERAPIA CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FISIOTERAPIA CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FISIOTERAPIA CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Art.1º O presente Regulamento disciplina a oferta, o funcionamento e o registro acadêmico das

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SECRETARIADO EXECUTIVO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SECRETARIADO EXECUTIVO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE SECRETARIADO EXECUTIVO Art. 1º A Coordenação do Curso de Secretariado Executivo, para o cumprimento das Atividades Curriculares Complementares,

Leia mais

REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º As Complementares (AC) atendem ao Parecer n 776/97 da CES, que trata das Diretrizes Curriculares dos cursos de graduação,

Leia mais

REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º As Atividades Complementares (AC) atendem ao Parecer n 776/97 da CES, que trata das Diretrizes Curriculares dos Cursos

Leia mais

RESOLUÇÃO 003/2015 COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA

RESOLUÇÃO 003/2015 COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA RESOLUÇÃO 003/2015 COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA O COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA, nas atribuições do Art. 46, inciso VII, do Regimento Geral, aprova a seguinte resolução, relacionada às Atividades

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE ARTHUR THOMAS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE ARTHUR THOMAS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE ARTHUR THOMAS Art. 1º. As Atividades Complementares Obrigatórias para o Curso de Graduação em Direito totalizam 240

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES INTRODUÇÃO A Resolução nº 1, de 2 de fevereiro de 2004, que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Administração, Bacharelado,

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares. do CURSO DE PEDAGOGIA

Regulamento das Atividades Complementares. do CURSO DE PEDAGOGIA 1 GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR SETI UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR CAMPUS APUCARANA Regulamento das Atividades Complementares do CURSO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS Artigo 1º - O presente Regulamento baseia-se na obrigatoriedade do cumprimento das horas destinadas

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE REDENTOR METROPOLITANA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE REDENTOR METROPOLITANA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE REDENTOR METROPOLITANA Art. 1º O presente Regulamento integra o Projeto Pedagógico dos Cursos de Graduação da FACULDADE REDENTOR

Leia mais

Manual de Atividades Complementares

Manual de Atividades Complementares CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Manual de Atividades Complementares Belo Horizonte 1 Prezado(a) aluno(a): Este é o Manual de Atividades Complementar

Leia mais

RESOLUÇÃO. Santa Rosa, RS, 24 de abril de 2014.

RESOLUÇÃO. Santa Rosa, RS, 24 de abril de 2014. RESOLUÇÃO CAS Nº 04/2014 DISPÕE A CRIAÇÃO E REGULAMENTAÇÃO DO NÚCLEO DE PRÁTICAS CONTÁBEIS VINCULADO AO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS DAS FACULDADES INTEGRADAS MACHADO DE ASSIS FEMA. O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FACULDADE MARECHAL RONDON REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA São Manuel 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM FARMÁCIA DA FMR As Atividades Complementares,

Leia mais

TABELA DE CARGA HORÁRIA: Aproveitamento de Atividades Complementares-AC.

TABELA DE CARGA HORÁRIA: Aproveitamento de Atividades Complementares-AC. TABELA DE CARGA HORÁRIA: Aproveitamento de Atividades Complementares-AC. Código da Atividade Ensino Monitoria de disciplina Monitoria em Disciplina (s) do Curso de (Nome do Curso). Ensino Monitoria de

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS - CCHS CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS - CCHS CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS - CCHS CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Capítulo I - Do Conceito e das Finalidades Art. 1º. O presente

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009

COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009 COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009 Institui as normas e as atividades aprovadas para o aproveitamento de carga horária para compor atividades

Leia mais

FACULDADE ALDETE MARIA ALVES Instituição Ituramense de Ensino Superior

FACULDADE ALDETE MARIA ALVES Instituição Ituramense de Ensino Superior REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE ALDETE MARIA ALVES FAMA 1 CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º. O presente Regulamento disciplina as Atividades Complementares

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA outubro/2010

Leia mais

Dispõe sobre as atividades complementares a serem cumpridas pelos alunos do Curso de Direito, como requisito para a graduação.

Dispõe sobre as atividades complementares a serem cumpridas pelos alunos do Curso de Direito, como requisito para a graduação. 1 COORDENAÇÃO DO CURSO DE DIREITO RESOLUÇÃO Nº 02 DE 14 DE MARÇO DE 2005. Dispõe sobre as atividades complementares a serem cumpridas pelos alunos do Curso de Direito, como requisito para a graduação.

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE LETRAS

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE LETRAS FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE COSTA RICA - REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE LETRAS COSTA RICA/MS 2009 I. IDENTIFICAÇÃO Entende-se por Atividades Complementares as atividades extracurriculares

Leia mais

ANEXO B REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Da caracterização

ANEXO B REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Da caracterização ANEXO B REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamento aprovado pela Comissão de Curso em 25 de maio de 2012 Este anexo regulamenta as Atividades Acadêmica- Científico-Culturais do Curso de Engenharia

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO Este regulamento normatiza o cumprimento da carga horária relativa às atividades complementares para os cursos de graduação da Faculdade

Leia mais

Resolução 101/REITORIA/UNIVATES Lajeado, 30 de agosto de 2007

Resolução 101/REITORIA/UNIVATES Lajeado, 30 de agosto de 2007 Resolução 101/REITORIA/UNIVATES Lajeado, 30 de agosto de 2007 Reedita a Resolução 058/REITORIA/UNIVATES, de 19/07/2006, que aprova o Regulamento de Atividades Complementares de cursos de graduação do Centro

Leia mais

P O R T A R I A. Curitiba, 22 de janeiro de André Luís Gontijo Resende Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Extensão FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO

P O R T A R I A. Curitiba, 22 de janeiro de André Luís Gontijo Resende Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Extensão FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO PORTARIA PROEPE N.º 31/2014 APROVA O REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO, BACHARELADO, MATRIZ CURRICULAR 2013, DA FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO. O Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art.1º O presente Regulamento tem por finalidade normatizar as Atividades Complementares nas modalidades presencial e Educação

Leia mais

Regulamentação de Atividades Complementares. Bacharelado em Sistemas de Informação Unileste-MG

Regulamentação de Atividades Complementares. Bacharelado em Sistemas de Informação Unileste-MG Regulamentação de Atividades Complementares Bacharelado em Sistemas de Informação Unileste-MG COORDENAÇÕES DA AREA DE CIÊNCIAS EXATAS Estabelece normas e critérios de horas para a realização das atividades

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DA INDÚSTRIA IEL

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DA INDÚSTRIA IEL REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DA INDÚSTRIA IEL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1 As Atividades Complementares são componentes da

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO CURSO DE PSICOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO CURSO DE PSICOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO CURSO DE PSICOLOGIA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS CUIABA 2009 1 ATIVIDADES COMPLEMENTARES ACADEMICO-CIENTIFICO-CULTURAIS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA NORMAS COMPLEMENTARES PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DO CEFET-BA Normas adicionais

Leia mais

NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES

NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES NORMAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES INDEPENDENTES Art. 1º As Complementares Independentes integram o currículo do curso de graduação de Fonoaudiologia, no sentido da sua flexibilização, sendo

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA REGULAMENTO DAS ATIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA REGULAMENTO DAS ATIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA DA CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º - Este regulamento

Leia mais

Faculdade De Quatro Marcos REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Faculdade De Quatro Marcos REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2014 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 Disposições preliminares... 3 CAPÍTULO II... 3 Das atividades complementares... 3 Seção I... 4 Atividades de iniciação científica...

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Psicologia é uma atividade obrigatória, em consonância

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS 1 MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA ESCOLA DE NEGÓCIOS PALMAS TO, 2015 2 1. AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Este manual define as orientações básicas das Atividades Complementares da Escola de Negócios

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTABEIS 2010

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTABEIS 2010 1 REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTABEIS 2010 BARRA DO GARÇAS/2010 2 SUMÁRIO SUMÁRIO... 1 1.0. ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 3 1.1. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES...

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades Complementares constituem-se em ações de ensino, pesquisa e extensão de caráter obrigatório a serem desenvolvidas pelo acadêmico no transcorrer do curso de graduação

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Capítulo I DA NATUREZA Art. 1º. O Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Computação do Câmpus Jandaia do Sul da UFPR prevê a realização

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC CURSO DE SERVIÇO SOCIAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO CAPÍTULO I DA NATUREZA

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC CURSO DE SERVIÇO SOCIAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO CAPÍTULO I DA NATUREZA UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC CURSO DE SERVIÇO SOCIAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO CAPÍTULO I DA NATUREZA Art. 1º O presente regulamento fixa diretrizes e normas básicas para o funcionamento dos estágios

Leia mais