Os Mitos e a Realidade

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Os Mitos e a Realidade"

Transcrição

1 Setembro 2009 Ano II nº05/09 Nesta edição: Os Mitos e a Realidade Editorial- Os mitos e a Realidade 1 sonhos. Rir com os que riem saudavelmente e confortar os que choram. Eles precisam de nós. Assunto temático Mitos na saúde Três mitos da medicina popular 7 Os mitos na Saúde Infantil Oito mitos das dietas Verão: Mitos sobre os perigos do sol para a pele Mitos do exercício Mitos sobre Diabetes Mitos sobre Saúde da Mulher Banda desenhada Os mitos são crenças populares que foram passando de geração em geração ao longo dos séculos. Podem ter um fundo de verdade ou não. São a interpretação que os povos fazem dos fenómenos naturais. Antigamente, quando os povos viviam em comunhão com a natureza, as estações do ano e os ciclos lunares tinham uma profunda importância. Eles compreendiam, amavam e respeitavam a Terra, o Sol, a Lua, as florestas, as tempestades, os animais, os mares e os rios. Do comportamento de todos estes elementos dependia a sua sobrevivência, e os homens sentiram necessidade de lhes prestar culto. O passar do tempo era uma conquista e não uma perda; por isso, a vida era vivida segundo a segundo, porque nunca estava garantida. Então nasceram as seguintes ideias seculares para podermos conquistar cada segundo da nossa vida: DOMINAR a nossa língua, dizendo sempre menos do que aquilo que pensamos. PENSAR bem antes de fazer uma promessa e, se a fizermos, não a quebrar. Não importa quanto nos custe cumprila nem o tempo que demoramos, mas devemos concretizá-la. NUNCA deixar passar a oportunidade de incentivar uma pessoa ou de lhe dizer algo agradável. É sempre bom ouvir palavras agradáveis, especialmente quem se encontra num momento negativo. TER interesse pelas pessoas que nos rodeiam, pelas suas famílias, lares e 1 SER ALEGRE. Rir das boas histórias e aprender a contá-las. Transmitir alegria é um dom que todos podemos ter; só temos que dar-lhe a atenção necessária para o ganhar. CONSERVAR a nossa mente aberta para tudo. Lembrar que não há verdades absolutas. É uma virtude podermos desfrutar e conservar a amizade de pessoas que pensam de maneira diferente. DEIXAR que as nossas virtudes falem por si mesmas e evitar falar das fraquezas e das falhas dos outros. Abstermo-nos das intrigas e maledicências. TER cuidado com os sentimentos dos outros. É mais fácil ferir do que reparar o que foi feito. NÃO fazer caso dos comentários sobre a nossa pessoa. Viver de maneira que nada possa dar-lhes crédito e eles acabarão por ser esquecidos. Sermos nós mesmos. NÃO ser excessivamente zeloso dos nossos direitos e desleixado nos nossos deveres. Trabalhar, ter paciência, conservar a calma, crermos em nós próprios, sermos firmes, e receberemos a nossa recompensa. Tal como os fenómenos naturais e os problemas da vida, também a saúde e os seus problemas foram sendo alvo, ao longo de séculos, de sabedoria popular e mitos. Este boletim fala-nos essencialmente de crenças populares sobre a saúde com as quais muitos de nós crescemos e convivemos e do que realmente se sabe hoje sobre as mesmas. Américo Varela

2 Ano II nº05/09 Página 2 Os mitos na Saúde Ninguém sabe ao certo como nascem algumas ideias feitas, mas a verdade é que se disseminam como uma praga e acabam por se tornar leis inabaláveis. O problema é que, em alguns casos, esses mitos se generalizaram de tal forma que a própria comunidade médica acabou por acreditar neles. Rachel V. Vreeman e Aaron E. Carroll, pediatras, publicaram, em Dezembro de 2007, um artigo no British Medical Journal, intitulado Medical Myths, em que analisam alguns desses mitos. São sete, os mitos que os autores desmontam. Com a devida vénia, eis um resumo desse curioso artigo: 1. É aconselhável beber cerca de oito copos de água por dia Não se sabe como se chegou a esta quantidade, mas talvez tenha sido por causa de uma recomendação datada de 1945, que dizia que uma quantidade apropriada de água ingerida por adulto deverá ser à volta de 2,5 litros por dia. Uma média aceitável será a de 1 mililitro por cada caloria de comida. Ora, esta recomendação não tem qualquer base científica. A maioria das pessoas consome a quantidade necessária de líquidos na alimentação do dia a dia. Pelo contrário, a ingestão exagerada de água pode levar a intoxicação, hiponatrémia e até á morte. Bom senso, portanto. 2. Só usamos 10% do cérebro Diz-se que foi Einstein que disse isto, mas ninguém o ouviu dizer e ele também não o escreveu ele lado nenhum. Hoje está provado que nenhuma área do nosso cérebro é inactiva, a menos que tenha sofrido um enfarto, claro. 3. O cabelo e as unhas continuam a crescer, mesmo depois de mortos Não passa de um mito, muito generalizado na literatura policial. O que acontece é que, com a morte, o corpo desidrata-se e as áreas em redor dos pêlos e das unhas mirram, o que faz parecer que aqueles crescem. 4. Cortar o cabelo rente faz com que ele cresça com mais força Outro mito que cai por terra quando nos apercebemos que a parte viva do cabelo é que está por baixo da pele, no folículo. O que se corta é a parte morta do cabelo. Portanto, podem rapar a cabeça à vontade, que não é por isso que o cabelo nasce mais forte. 5. Comer peru (ou batatas) faz sono 2

3 Ano II nº05/09 Página 3 Os mitos na Saúde A culpa seria do triptofano, que existe no peru e que poderia induzir uma certa sonolência. No entanto, a quantidade de triptofano que existe no peru é idêntica à que existe no frango, no queijo ou na carne de porco. O que provoca a sonolência post-prandial é a consequente diminuição do fluxo sanguíneo e da oxigenação cerebral. Se se acompanhar uma suculenta refeição com vinho, a sonolência é garantida. 6. Ler com pouca luz faz mal à visão Não está provado. Existem muitos estudos que provam que ler com pouca luz pode provocar efeitos transitórios na visão (visão turva, secura dos olhos, aumento do pestanejo), mas não afecta a visão de modo permanente. 7. Os telefones móveis criam interferências electromagnéticas nos hospitais Na Clínica Mayo, em 2005, fizeram-se 510 testes com 16 aparelhos hospitalares e 6 marcas diferentes de telefones móveis e registaram-se, apenas, 1,2% de interferências. Parece, portanto, que os telemóveis não interferem com os aparelhos médicos, embora seja de bom tom mantê-los afastados das enfermarias. Estes foram os 7 mitos que os autores ingleses desmontaram mitos que, na sua opinião, são muitas vezes propalados pela imprensa e pelos próprios médicos e cientistas. Mas há outros mitos, os que nasceram de alguma lenda, de alguma anedota, de algum facto longínquo e que se foram perpetuando, de geração em geração. De facto, parece que é mais fácil acreditar, por exemplo, que a água de lavar tremoços faz baixar a glicemia do que aceitar fazer meia hora diária de exercício físico, para obter um melhor controlo metabólico dessa mesma doença. Diz o povo que cuidados e caldos de galinha, nunca fizeram mal a ninguém, mas nem sempre o povo tem razão. É o que vamos provar com os seguintes exemplos: 1. Não se pode tomar banho quando se está menstruada Claro que pode! A menstruação faz parte da vida da mulher, acontece todos os meses durante décadas e o duche, o banho ou a natação não têm nada a ver com isso. 3

4 Ano II nº05/09 Página 4 Os mitos na Saúde Não senhor, o sangue não sobe à cabeça, como algumas avós diziam, como se existisse um túnel entre o útero e a caixa craniana. E também não é verdade que uma mulher menstruada não possa fazer bolos, porque a massa não cresce. Basta experimentar. 2. A água de lavar tremoços faz descer a glicemia Mentira que facilmente se comprova. Alguns doentes com diabetes, sobretudo no início da doença, ainda acreditam que isso é possível e fazem o sacrifício de beber aquela água, na esperança de fazer baixar a glicemia. Para tornar a coisa mais científica, alguns usam fórmulas com múltiplos de 7: colocam 7 tremoços dentro de água e deixam-nos ficar de um dia para o outro, bebendo depois a água; fazem o tratamento durante 21 dias, descansam 7 dias e repetem-no mais 21 dias. Se a água de lavar tremoços fizesse alguma coisa à diabetes, a indústria farmacêutica já tinha inventado um xarope a partir dessa água ou comprimidos com essência de tremoço. 3. Andar descalço sobre mosaico provoca blenorragias Hoje em dia, a blenorragia não é tão frequente como na primeira metade do século passado. Nesse tempo, e durante muitos anos, havia quem acreditasse que a blenorragia era provocada por andar descalço, sobre mosaico. Parece que o pénis se constipava, coitado Claro que quase toda a gente sabe que a blenorragia é uma doença sexualmente transmissível, que se pode evitar usando o preservativo, mas ainda aparece, de vez em quando, um ou outro homem, queixando-se dos malefícios do mosaico 4. As gemadas dão força Não dão nada... As nossas avós é que estavam convencidas disso e impingiam-nos gemadas com açúcar e, por vezes, um pouco de vinho do Porto. Comer ovos crus pode é aumentar o risco de salmonelose e consequente diarreia. 5. Comer muitos doces provoca diabetes É mentira. A diabetes do adulto (tipo 2) é uma doença genética, uma herança dos nossos pais e/ou avós. Claro que, ao comermos muitos doces, aumentamos de peso e os gordos desenvolvem diabetes mais precocemente. 6. Rodelas de batata na testa melhoram a enxaqueca As pessoas que sofrem, de facto, de enxaqueca sabem que isto não é verdade. Mesmo os medicamentos específicos para o alívio da enxaqueca são, muitas vezes, ineficazes. As rodelas de batata poderão, se calhar, dar uma sensação de frescura 4 e, ao fim de algum tempo, um cheiro incomodativo. 7. Se é natural, pode não fazer bem, mas mal não faz O mito do "natural" é um dos mais arreigados. Se é natural, é porque não faz mal. Alguns dos mais mortíferos venenos são naturais. A cicuta, por exemplo, é uma planta parecida com o agrião, mas é melhor não a colocar numa salada. O ópio, a heroína, a cocaína, o haxixe - tudo isso é natural... mal não faz? As correntes de ar provocam gripe Não provocam coisa nenhuma. A gripe é uma doença infecciosa, provocada por um vírus. Se estivermos numa corrente de ar, podemos apanhar uma gripe se, ao nosso lado, estiver um amigo nosso, já doente, que tussa para cima de nós. A corrente de ar limita-se a empurrar os vírus de um para o outro.

5 Ano II nº05/09 Página 5 Os mitos na Saúde 9. Tomar banho quando se faz a digestão, pode matar Úlceras nervosas não existem. Quase todas as úlceras são provocadas por uma bactéria, chamada helycobacter pylori ou pela acção nefasta de antiinflamatórios. Em princípio, não mata ninguém... a menos que vá mergulhar no Oceano e não saiba nadar. Claro que, ao fazer exercício, o sangue é desviado para os músculos e a digestão pode ser mais lenta, mas um simples mergulho, para se refrescar, ou um duche, mesmo em plena digestão, não faz mal nenhum. O mesmo se passa com outras actividades, como cortar o cabelo ou cortar as unhas, durante a digestão. 10. Comer cenoura, faz bem aos olhos A cenoura é rica em vitamina A e a deficiência grave em vitamina A causa cegueira, mas uma coisa não tem nada a ver com a outra. Se a alimentação é equilibrada, não é mais uma ou duas cenouras que vão fornecer a quantidade de vitamina A suficiente para evitar, por exemplo, que um míope precise de óculos. 11. Truques para acabar com os soluços Há muitos e todos derivam de alguma crença ancestral. Um desses truques consiste em beber pequenos golos de água, sucessivamente, até que os soluços parem. Eventualmente, eles acabarão por parar, com ou sem golos de água, mas a pessoa sempre está entretida. Também toda a gente conhece o truque de meter um susto à vítima dos soluços que, desse modo, para além do incómodo dos soluços passa a ter, também, uma taquicardia No que respeita aos bebés engasgados, crê-se que a situação se resolve soprando na moleirinha das crianças. Será que o ar soprado passa através da membrana e vai desentupir as vias aéreas? Claro que não, mas enquanto a mãe está entretida a soprar na cabeça do filho, o engasganço acaba por passar por si próprio. 12. A beringela faz baixar o colesterol O que faz baixar o colesterol é uma dieta correcta e a prática de exercício físico regular. Agora, querer continuar a comer de tudo e passar horas sentado em frente à televisão, a beber água de beringela, não vai fazer baixar o seu colesterol, claro. Não há qualquer estudo que comprove que a beringela baixe o colesterol, mas esta ideia generalizou-se recentemente, embora haja várias correntes: para uns, é beringela com sumo de laranja, em jejum; para outros, a beringela associa-se ao sumo de limão. 13. Fumar haxixe faz menos mal que fumar tabaco É um mito muito generalizado e completamente errado: os 5 cigarros de haxixe têm mais alcatrão e mais substâncias carcinogéneas que os de tabaco. Além disso, o consumo de haxixe pode desencadear, em indivíduos susceptíveis, alterações da personalidade mais ou menos graves. 14. A pílula engorda O que engorda são os bolos, os chocolates e a falta de exercício. Se a pílula engordasse, teríamos ainda mais mulheres obesas do que já temos. Milhões de mulheres, em todo o mundo, tomam a pílula e há as que ganham peso, as que o mantêm e as que emagrecem. A pílula não tem nada a ver com isso. 15. A masturbação causa tudo e mais alguma coisa É um mito que está a desaparecer, felizmente. No entanto, nas gerações mais antigas cria-se que a masturbação masculina (porque da masturbação feminina ninguém falava) podia provocar cegueira, fazer crescer pêlos nas mãos, levar à tuberculose, provocar olheiras, emagrecer e mais uma série de aldrabices óbvias. 16. Os nervos podem provocar úlceras de estômago O stress pode, de facto, aumentar a produção de ácido clorídrico pelo estômago e ser responsável por sintomas dispépticos, como azia.

6 Ano II nº05/09 Página 6 Os mitos na Saúde 17. Faz bem urinar sobre as feridas Este é um dos mitos mais desmiolados. Urinar sobre uma ferida poderá, quanto muito, aliviar a bexiga, se estiver muito aflito 18. O café cura as bebedeiras formando um quadriculado. E por que não em círculos? Ninguém sabe. O sarampo está praticamente erradicado mas, ainda há cerca de 20 anos era habitual, quando uma criança estava com sarampo, pendurar, no seu quarto, panos vermelhos e tapar o candeeiro com papel vegetal, também vermelho. Este tipo de folclore de gestos mágicos, para afastar as doenças, tem diminuído com o passar dos anos, mas, em alguns lugares, Em primeiro lugar, o melhor é não ficar bêbado. Mas se estiver com um copo a mais, o café só vai piorar as coisas: como é diurético, vai fazê-lo urinar mais, o que aumenta a desidratação e piora o seu mal estar. Artur Couto e Santos 19. Dar sangue normaliza a tensão dos hipertensos Dar sangue é um acto nobre, de solidariedade desinteressada, que deve ser aplaudido e estimulado. Mas não faz nada do que se diz para aí: que os hipertensos ficam com a tensão normalizada quando dão sangue, que as dores de cabeça melhoram, que o peso aumenta, etc. 20. Tintura de iodo melhora as pontadas Os mais novos não devem conhecer esta prática, mas há alguns anos, quando alguém tinha uma dor, tipo pontada, no tórax, nomeadamente no decorrer de uma pneumonia, era costume pintarem-lhe as costas com traços de tintura de iodo, 6

7 Ano II nº05/09 Página 7 Três mitos da medicina popular 1. A espinhela caída A espinhela caída seria uma doença caracterizada por dores no estômago, costas e pernas, acompanhadas por extremo cansaço. A espinhela corresponderia à extremidade inferior do esterno, o apêndice xifóide, e seria definida como um pequeno osso, flexível, situado na boca do estômago. Um médico que observe um doente com espinhela caída, não encontrará nada. Só um "entendido" poderá diagnosticar o mal. Para se saber se a espinhela está caída, o "entendido" tira a "medida" do paciente. Com um fio de algodão ou uma toalha, mede o comprimento desde a ponta do dedo mindinho à ponta do cotovelo ou o tamanho do braço em posição vertical e depois, de um ombro ao outro. Se as medidas coincidirem, a espinhela está normal. Caso contrário, diz-se que a espinhela está caída. O tratamento consiste, basicamente, em rezas, como a que segue: Espinhela caída,/ portas para o mar;/ Arcas, espinhelas,/ em teu lugar.// Assim como Cristo/ Senhor Nosso andou/ pelo mundo arcas,/ espinhelas levantou. 2. O bucho virado Esta doença parece que ataca mais os bebés. Se uma criança vomita com frequência, não aumenta de peso e tem a pele pálida e macilenta, diz-se que tem o bucho virado. Mais uma vez, não vale a pena levá-la ao médico porque ele não vai resolver nada. A "entendida" será a pessoa indicada para colocar o bucho no lugar. Como ela o faz já é mais discutível. Uns dizem que o abdómen da criança tem que ser untado com azeite; outros preconizam colocar um pano à volta da barriga da criança e prendê-lo com um alfinete d'ama 3. A cobra ou cobro É o nome que se dá em algumas regiões do país, nomeadamente no Alentejo, à zona ou herpes zooster. Como se sabe, caracteriza-se pelo aparecimento de vesículas na pele, semelhantes às da varicela, mas mais confluentes, e acompanhadas de sensação de ardor, prurido e/ou dor. Sem tratamento, as vesículas vão progredindo, seguindo o território do nervo afectado. O cobro surge muitas vezes no tronco e vai evoluindo num determinado espaço intercostal. Segundo a tradição, quando as vesículas dessem a volta ao corpo todo, isto é, quando a cobra juntava a cabeça com o rabo, o doente morria. 7 O tratamento era feito com trigo queimado numa forja de um ferrador de cavalos (consultar vol12/vol12_n2_2005_ pdf). Artur Couto e Santos

8 Ano II nº05/09 Página 8 Os mitos na Saúde Infantil No passado mês de Dezembro, o expresso publicou um texto da autoria de Vera Lúcia Arreigoso, intitulado "Os 25 Mitos da Pediatria". Baseado nas opiniões de diversos pediatras nacionais (Luís Pinheiro, do Hospital de Cascais, Anselmo da Costa, do Colégio da Especialidade, António Simões de Azevedo, do Serviço de Neonatalogia do Hospital de Santa Maria, Luís Januário, da Sociedade Portuguesa de Pediatria e Gonçalo Cordeiro Ferreira, do Hospital D. Estefânia), o referido texto desfaz alguns mitos com os quais muitos de nós crescemos. O que segue, é uma adaptação e um resumo desse texto, com a devida vénia. Esterilização não é necessária Os biberões têm que ser bem lavados, a fim de se retirarem os resíduos, mas não é necessário ferver ou esterilizar. Aliás, nem devia ser necessário lavar biberões, uma vez que o aleitamento materno exclusivo até aos 6 meses é o que está indicado. Aleitamento e cólicas Todos estão de acordo que o aleitamento materno é o ideal e, se possível, exclusivo até aos 6 meses de vida do bebé. E não vale a pena retirar da alimentação da mãe laranjas, cebolas, leguminosas ou chocolate, porque não é isso que vai diminuir as cólicas do bebé. A alimentação durante a gravidez e a amamentação deve ser variada e equilibrada. Vitaminas Não fazem falta nenhuma. Se a alimentação da criança for variada e equilibrada, as vitaminas podem ficar na prateleira da farmácia. Uma excepção: a vitamina D, durante o primeiro ano de vida. Chorar é bom O bebé chora por várias razões: tem fome, tem cólicas, em a fralda molhada ou está, simplesmente, a exprimir as suas emoções. Tem esse direito. Deixe-o chorar um bocadinho, para que ele possa aliviar as tensões. Fora com o pó de talco O pó de talco seca a pele e as pequenas partículas que ficam a pairar no ar, podem ser inaladas pelo bebé. Os toalhetes também devem ser usados com moderação: ao limparem a sujidade, podem arrastar a camada superficial da pele, que é protectora. O bacio pode esperar Não há pressa em retirar a fralda. O controlo precoce do esfíncter pode ser mais pernicioso do que benéfico. Por volta dos dois anos e picos, é uma boa altura para tentar passar da fralda para o bacio. 8

9 Ano II nº05/09 Página 9 Os mitos na Saúde Infantil As botas ortopédicas estão fora de moda O exercício é que forma o pé - não o calçado ortopédico. O melhor é deixar a criança andar descalça, sempre que possível. Febre não é doença A febre é um sintoma. Se surgir isoladamente, não precisa de se ir a correr ao médico. Esperar 3-4 dias. Muitas vezes, a febre vai-se embora sem que se faça nenhum tratamento. Tosse também não é doença A tosse é um mecanismo de defesa; ajuda a eliminar as secreções e a respirar melhor. Na maior parte das situações, o xarope pode ficar ao lado das vitaminas, na prateleira da farmácia. O flúor já era Hoje em dia, os especialistas dizem para começar a escovar os dentes o mais precocemente possível e os todo os dentífricos têm flúor. Os suplementos de flúor já não se usam. As regras são para se cumprir As crianças precisam de regras e têm que perceber que não podem fazer tudo o que lhes apetece. Deve haver diálogo, pode haver negociação mas, no final, a criança tem que entender que os pais é que têm a última palavra. Artur Couto e Santos 9

10 Ano II nº05/09 Página 10 Oito mitos das dietas Chegamos à Primavera e as revistas e os jornais enchem-se de dietas milagrosas. Uma curta visita a qualquer livraria ou à zona dos hipermercados onde se vendem livros e o grande destaque vai para livros que prometem emagrecimento milagroso, graças a dietas fantásticas. O grande mito de emagrecer sem grande esforço renova-se todas as primaveras e esvai-se em cada verão quando, na praia, se comprova que os portugueses estão cada vez mais gordos. 2. Deixar de comer para emagrecer Bom... se se quiser fazer greve de fome por qualquer razão política ou económica, enfim, vivemos numa democracia e cada um expressa-se como pode. No entanto, se se quiser perder peso, não é fazendo jejuns mais ou menos prolongados, saltando refeições que se consegue - é exactamente ao contrário: fazendo diversas refeições ao longo do dia. 3. Eu só como iogurtes magros Diz-se que mais de metade da população do país tem excesso de peso... e fala-se de crise, o que parece contraditório... As chamadas dietas de emagrecimento estão carregadas de mitos. Vamos tentar desmontar alguns deles: E quanto açúcar têm esses iogurtes magros? O facto de se auto-intitularem magros não quer dizer que não tenham açúcar nenhum. Poderá não ter gordura mas, por vezes, têm mais hidratos de carbono do que os iogurtes "normais". 1. Perder peso com comprimidos 4. Deixei de comer pão e continuo a engordar! Pode ser que se consiga, durante um curto período de tempo, perder algum peso, apenas tomando certo tipo de comprimidos que diminuem o apetite ou aumentam o volume das fezes. No entanto, ao fim de algum tempo, tudo voltará ao que era dantes. Não é possível perder peso só com comprimidos - uma dieta equilibrada e exercício físico adequado são factores determinantes. Tudo o resto, ou é fantasia, ou são comprimidos que interferem com o funcionamento da tiróide e, nesse caso, podemos não estar a falar de emagrecimento, mas de casos de polícia... É bem feita! O pão é um excelente alimento. Juntamente com a batata, o pão tem sido vilipendiado por muitas "dietas de trazer por casa". Enfim, pão com chouriço, talvez não seja uma boa opção, mas ir tomar o pequenoalmoço ao café, comendo um mil-folhas e um galão com dois pacotes de açúcar, é bem pior do que o tradicional pãozinho com manteiga... Moderação é a palavra de ordem 10

11 Ano II nº05/09 Página 11 Oito mitos das dietas 5. Não sei como engordo - só como fruta! 8. O queque engorda menos porque é seco E a fruta tem frutose, que é um açúcar, portanto, se comer três peras ao pequeno-almoço, uma laranja a meio da manhã, um melão ao almoço, uvas, cerejas e nêsperas ao longo do resto do dia, é provável que não consiga perder peso. Mais uma vez, bom senso e moderação. O queque e o bolo de arroz têm cerca de 20 gramas de gordura cada um, isto é, a mesma quantidade que um pastel de nata, que será aquilo a que se deve chamar um "bolo molhado" - em oposição aos outros, os tais "bolos secos". Um bolo é um bolo é um bolo e ponto final. 6. A salada engorda?! Artur Couto e Santos Se for afogada em maionese ou se estiver cheia de nozes e outros alimentos hipercalóricos, misturado com paté de atum ou creme de frutos do mar, mais vale comer um pequeno bife do que uma salda destas Estou mais gordo! Deve ser do ar! Não é, de certeza. Está provado: o ar não engorda! Vários estudos científicos vieram dar razão àqueles que acreditam que o ar apenas serve para respirar e que não há ninguém que consiga viver só do ar. As pessoas que fazem afirmações destas, esquecem-se que não andam mais de 10 metros por dia, que passam o serão sentados, em frente à televisão e que comem exageradamente, durante meses, anos e décadas! 11

12 Ano II nº05/09 Página 12 Verão: Mitos sobre os perigos do sol para a pele Além do envelhecimento da pele, o excesso à exposição solar, segundo relatório a OMS (Organização Mundial de Saúde), causa cerca de 60 mil mortes por ano, em todo o mundo. Estima-se que mais de 90% da carga global de doenças como melanoma e outros cancros de pele seja causada pela exposição à radiação ultravioleta, UV. Queimaduras solares frequentes durante a vida predispõe ao cancro de pele. Vejamos alguns dos mitos sobre os perigos do excesso à exposição solar. Pele bronzeada é sinónimo de pele saudável Ao contrário do mito das décadas de 60/70, a pele bronzeada não é sinónimo de saúde e beleza, mas está de facto a criar uma defesa contra a agressão do sol. Este, em excesso, obriga as células a produzir mais melanina para proteger a pele. Pessoas negras não precisam usar protector solar Apesar de a pele negra ser mais resistente por ter uma quantidade maior de melanina ninguém está livre do cancro de pele. Por isso, o protector deve ser usado SEMPRE e o factor mínimo de protecção é o 15. O número do factor de protecção solar está relacionado com a cor da pele Independente do tipo de pele, deve-se usar sempre protector solar de, no mínimo, FPS 15 ou maior. FPS é a abreviação de Factor de Protecção Solar e significa que, usando um filtro com FPS 15, a pele levará 15 vezes mais tempo para ficar vermelha do que sem protecção. Peles claras e pessoas ruivas exigem maiores cuidados, pois são mais propensas ao cancro de pele. É importante lembrar que o protector deve ser aplicado em quantidade generosa por todo o corpo 30 minutos antes da exposição solar. Protectores físicos como bonés e guarda-sol substituem o protector solar Eles devem sim ser usados, mas como um complemento ao protector solar. É ideal que o guarda-sol seja grosso para bloquear bem a passagem do sol. Não podemos deixar de proteger as orelhas, os olhos e os lábios (há protectores específicos para essa região que não devem ser dispensados). Américo Varela 12

13 Ano II nº05/09 Página 13 Mitos do exercício As verdades sobre a prática de exercício físico sofreram tantas transformações nos últimos vinte anos que praticamente apenas uma resistiu ao tempo: para ficar em forma tem que se mexer! Ora vejamos: Em que se acreditava Quem não sentir uma dorzinha no final do seu exercício não o realizou convenientemente. Exercícios abdominais são os melhores para perder a barriga A natação é o desporto mais completo que existe. Quem começa a fazer ginástica precisa saber que o resultado demora a aparecer Fazer exercícios com agasalhos e plásticos enrolados no corpo ajuda a emagrecer. O que se sabe hoje: A dor indica que algo está errado. Sentir certo cansaço muscular depois dos exercícios é normal, mas deverá passar em algumas horas. Sentir dor durante ou imediatamente após o treino pode ser sinal de alguma lesão ou de que está a forçar demais. Os abdominais apenas moldam os músculos e dão tonicidade, mas não queimam gordura. Para perder os quilos localizados, o ideal é associar exercícios abdominais a actividades cardiovasculares, os exercícios aeróbicos de longa duração, como caminhadas ou corridas, que queimam gordura, inclusive na barriga. Não existe desporto 100% completo. A modalidade deve ser escolhida de acordo com os objectivos e necessidades de cada um. Para pessoas que sofrem de alguns desvios posturais, a natação pode ser prejudicial, quando existem descompensações musculares e uma incorrecta técnica de natação. Os que se iniciam têm inúmeras vantagens sobre os veteranos na actividade física. Na fase inicial, quando as pessoas abandonam o sedentarismo, os resultados da prática aparecem em pouco tempo. Em cerca de dois meses, já é possível perceber a diferença, pois o ganho de massa muscular ou a perda de peso ocorrem em maior velocidade Essa mentira é bastante arriscada e pode trazer sérios danos para a saúde do praticante. Ela causa perda exagerada de água e pode desidratá-lo. É importante destacar que suor não indica emagrecimento, mas simplesmente perda de água no organismo. 13

14 Ano II nº05/09 Página 14 Mitos do exercício Em que se acreditava Não se deve beber água durante os exercícios. Praticar desporto é a melhor forma de emagrecer. Quanto mais exercício, melhor Fazer o exercício durante pouco tempo e poucas vezes é o mesmo que não fazer nada. Pode-se comer tudo o que apetecer desde que se faça exercício. O que se sabe hoje: Quando praticamos exercícios, perdemos água e electrólitos (sais minerais, como sódio). Repor a água perdida é fundamental para a manutenção do organismo e qualidade do exercício. Portanto, beba água antes, durante e depois do exercício. A prática de exercícios físicos é muito importante nos programas de emagrecimento. Mas a melhor forma de perder peso é associá-la a uma mudança de hábitos alimentares. Dessa forma, actua-se no balanço energético diminuindo a ingestão de calorias e aumentando o seu gasto Muitas pessoas acreditam que se algum exercício faz bem, então, mais exercício faz melhor. Mas lembre-se de que o desenvolvimento muscular não se verifica na sala de halteres. «Com a dieta e o repouso adequados, o organismo fortalece os músculos e os ossos em resposta ao exercício, de modo a estar preparado para a próxima sessão». Sem o descanso adequado, o corpo não terá a oportunidade de se reconstruir e regenerar. Esta ideia errada é responsável pelo abandono da actividade física por muitas pessoas e por evitar que outras iniciem a sua prática. Hoje em dia sabese que o importante é aumentar a realização de actividade física para além daquilo que se faz habitualmente, até se conseguir atingir os objectivos pretendidos. Qualquer acção que se tome para aumentar a actividade física vai ajudar e conta. O importante é começar... Quem me dera que fosse verdade mas, infelizmente, não é. «É bom premiar-se com alguns mimos de vez em quando». «Mas nem toda a gordura presente nas nossas comidas de plástico preferidas se vê a olho nu», acrescenta. «Alguma gordura fica escondida no organismo como gordura visceral.» Este tipo de acumulação de gordura é particularmente perigoso para a saúde. Claro que pode fazer exercício durante horas sem fim e continuar magro apesar de uma dieta de hambúrgueres e chocolates, mas as suas sessões de exercício terão muito melhores resultados se abastecer o organismo com alimentos saudáveis. Américo Varela 14

15 Ano II nº05/09 Página 15 Mitos sobre Diabetes Os mitos estão sempre presentes no imaginário da população, especialmente quando se fala em problemas crónicos, como a diabetes. O mito procura explicar os principais acontecimentos da vida, os fenómenos naturais. Pode-se dizer que o mito é uma primeira tentativa de explicar a realidade nem sempre correspondendo à mesma. Aqui vão alguns mitos sobre a diabetes a desmistificar: A ingestão do açúcar em excesso provoca diabetes. A ingestão do açúcar em excesso pode levar ao aumento de peso, o que poderia, por fim, ser o factor causador do aparecimento da hiperglicemia (aumento de açúcar no sangue). A doença está relacionada ao aumento de peso e ao sedentarismo, aliados à carga genética, isto no caso do Diabetes Mellitus Tipo 2. A investigação científica ainda não estabeleceu uma relação directa entre o consumo excessivo de açúcar e a Diabetes. No entanto, estes hábitos alimentares potenciam um excesso de peso e obesidade, que é o factor mais determinante da Diabetes tipo 2. A pessoa com diabetes pode consumir mel e açúcar mascavado sem problemas Estes produtos são naturais, mas têm glicose. Em Maio de 2002, foi divulgada uma reporta- gem que apontava para a cura da diabetes com derivados de mel. A afirmação, não é verdadeira. Por ser altamente absorvido, o mel pode modificar rapidamente a glicemia (hiperglicémia) por aumentar a concentração de glicose no sangue de um minuto para o outro. O seu consumo não deverá por isso ser livre e contínuo. A aplicação de insulina provoca dependência química. A aplicação de insulina não promove qualquer tipo de dependência química ou psíquica. A hormona insulina é importante para permitir a entrada de glicose na célula, tornando-se fonte de energia. Se produzimos naturalmente insulina no nosso organismo e não somos dependentes dela, também não o seremos com a insulina injectada. A pessoa com Diabetes insulino-dependente é dependente da insulina porque necessita dela para sobreviver pois o seu corpo (o pâncreas) não a produz! Quem tem diabetes deve fazer somente exercícios leves. A prática de exercícios físicos faz parte do tratamento da diabetes. Entretanto, existe o mito de que quem tem diabetes deve fazer exercícios leves, por ser menos resistente. Toda a pessoa com diabetes deve ser estimulada a fazer actividades físicas o maior número de vezes possível, respeitando contra-indicações, se as houver. De uma forma geral, os exercícios melhoram os níveis glicémicos, diminuem as doses de medicamentos orais e da insulina. Deve aconselhar-se sempre com o seu médico sobre o tipo de exercício 15

16 Ano II nº05/09 Página 16 Mitos sobre Diabetes Diabéticos que fazem uso de insulina sofrem de impotência sexual. Embora a impotência seja uma complicação da diabetes a sua ocorrência não está ligada ao uso da insulina. Pelo contrário, a falta de tratamento adequado no controle da glicemia, colesterol e pressão arterial aceleram e aumentam a probabilidade do seu aparecimento. Muitas vezes, introduzindo a insulina e controlando a glicemia, é possível melhorar o quadro de impotência sexual. Se o diabético está com a glicemia bem controlada, não sofre alteração de libido ou desejo sexual. Os diabéticos não devem comer alimentos ricos em hidratos de carbono (massa, arroz, feijão) lo da glicemia. Estes alimentos são componentes essenciais de uma alimentação saudável, visto serem fonte de energia para o organismo e conterem outros nutrientes importante, como as fibras alimentares, vitaminas e minerais. No entanto devem ser doseados na alimentação de maneira equilibrada. Aconselhese sempre com o seu nutricionista. Os diabéticos devem escolher produtos específicos para diabéticos. A alimentação recomendada para os diabéticos é semelhante à recomendada para a restante população. Habitualmente, os produtos para diabéticos não oferecem benefícios adicionais, visto que a sua relação custo/ benefício é desfavorável ao consumidor. É possível sentir os efeitos das alterações da glicemia sem o teste de glicemia. car no sangue) e hiperglicemia (aumento de açúcar no sangue). No entanto, não é possível ter uma percepção precisa, por isso é fundamental fazer testes de glicemia regularmente de acordo com o estabelecido com o seu médico ou enfermeiro de família. Os adoçantes artificiais provocam cancro. Há cerca de um século as pessoas com diabetes utilizam adoçantes artificiais regularmente. Depois de tanto tempo, não existem evidências científicas de maior incidência de cancro neste grupo. As pesquisas que levaram à resolução desta dúvida utilizaram doses 500 vezes maior do que a recomendável diariamente, sem maiores consequências. De referir ainda que os adoçantes artificiais (aspartame por ex.) não alteram o valor de glicemia enquanto que os adoçantes naturais (por ex. xilitol) já aumentam o valor da glicemia. Preste sempre atenção ao adoçante que utiliza. Abster-se do consumo de alimentos ricos em hidratos de carbono é prejudicial ao contro- 16 Com o tempo, poderá aprender a reconhecer alguns sintomas da hipoglicémia (baixa de açú-

17 Ano II nº05/09 Página 17 Mitos sobre Diabetes Saber a verdade sobre a diabetes é fundamental para o bom controle da glicemia e prevenção de complicações. A doença pode trazer disfunção e falência de órgãos como rins, olhos, nervos, coração e vasos sanguíneos. Por isso, conhecer bem o problema, seguir as orientações médicas; ter uma alimentação saudável, praticar actividades físicas e tomar os medicamentos e a insulina, caso sejam necessários é essencial. Outro detalhe importante: os exames recomendados, seja para o controle da glicemia ou para evitar complicações crônicas, também não devem ser esquecidos. Por isso, fuja dos mitos e procure estar sempre bem informado. Encare o tratamento de forma positiva e aproveite a vida com mais tranquilidade. Enfermeira Joana Santos O mito é o nada que é tudo. O mesmo sol que abre os céus É um mito brilhante e mudo Fernando Pessoa 17

18 Ano II nº05/09 Página 18 Mitos sobre Saúde da Mulher Na consulta de Planeamento Familiar... Bom dia! Bom dia, Sr.ª Enfermeira... quero engravidar. Fazer o pino depois do acto sexual ajuda na concepção? Não é verdade. A gravidez é um momento muito importante, deve planeá-la! 1 2 Marque uma consulta pré-natal para esclarecer todas as dúvidas. Na consulta de Saúde Materna... Bom dia! O que Bom dia Sr.ª Enfermeira. Tenho muita a traz por cá? azia

19 Ano II nº05/09 Página 19 Mitos sobre Saúde da Mulher.quer dizer que o meu filho tem muito cabelo! Não! A azia não está relacionada com o cabelo do bebé! A azia tem relação com maus hábitos, ingerir líquido às refeições, ficar muito tempo sentada A hábitos, relação ingeri azia tem r com líquido maus às 2 3 Enfermeira Lúcia e Enfermeira Manuela 19

Antigamente, quando os povos viviam em comunhão com a natureza, as estações do ano e os ciclos lunares tinham uma profunda importância.

Antigamente, quando os povos viviam em comunhão com a natureza, as estações do ano e os ciclos lunares tinham uma profunda importância. Março 2009 Ano II nº02/09 Nesta edição: Do Mito à Realidade Editorial- Do mito à Realidade Assunto temático Mitos na saúde Três mitos da medicina popular 7 Os mitos na Saúde Infantil Oito mitos das dietas

Leia mais

PROJETO PROMOÇÃO DA SAÚDE E EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR

PROJETO PROMOÇÃO DA SAÚDE E EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR PROJETO PROMOÇÃO DA SAÚDE E EDUCAÇÃO SEXUAL EM MEIO ESCOLAR A Diabetes afeta cerca de 366 milhões de pessoas em todo o mundo e cerca de 1 milhão de Portugueses. A cada 7 segundos morre no Planeta Terra

Leia mais

EXERCÍCIO E DIABETES

EXERCÍCIO E DIABETES EXERCÍCIO E DIABETES Todos os dias ouvimos falar dos benefícios que os exercícios físicos proporcionam, de um modo geral, à nossa saúde. Pois bem, aproveitando a oportunidade, hoje falaremos sobre a Diabetes,

Leia mais

Diabetes. Introdução. Sintomas

Diabetes. Introdução. Sintomas Diabetes Introdução A diabetes desenvolve-se quando o organismo não consegue controlar a quantidade de glicose (açúcar) no sangue. Isto pode acontecer se o corpo não produzir quantidades suficientes da

Leia mais

No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo?

No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo? No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo? Seja Inverno ou Verão, abrace esta refeição! Sabia que o Pequeno-almoço ajuda a controlar

Leia mais

à diabetes? As complicações resultam da de açúcar no sangue. São frequentes e graves podendo (hiperglicemia).

à diabetes? As complicações resultam da de açúcar no sangue. São frequentes e graves podendo (hiperglicemia). diabetes Quando Acidente a glicemia vascular (glicose cerebral no sangue) (tromboses), sobe, o pâncreas uma das principais O que Quais é a diabetes? as complicações associadas à diabetes? produz causas

Leia mais

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças FACTORES DE RISCO Factores de risco de doença cardiovascular são condições cuja presença num dado indivíduo aumentam a possibilidade do seu aparecimento. Os mais importantes são o tabaco, a hipertensão

Leia mais

Diabetes e doença cardiovascular

Diabetes e doença cardiovascular Diabetes e doença cardiovascular A diabetes implica um risco aumentado de doença cardiovascular? Sim! As pessoas com diabetes têm um risco aumentado de doenças cardiovasculares, tais como a doença coronária

Leia mais

ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência

ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência 1. ALIMENTE-SE MELHOR Prevê-se que em 2025 1, só na Europa, o grupo etário mais idoso (acima dos 80 anos), passe de 21,4

Leia mais

http://ganharpeso.info

http://ganharpeso.info Saiba Porque Não Consegue Ganhar Peso Já pensou inúmeras vezes na sua vida porque é que não consegue ganhar peso nem massa muscular) e, em 90% dos casos, terá pensado que se deve à sua genética. Se os

Leia mais

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor MINISTÉRIO DA SAÚDE ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SAÚDE DO ALGARVE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor Durante os meses de Verão as temperaturas podem

Leia mais

CORAÇÃO. Na Saúde combata...os inimigos silenciosos! Trabalho Elaborado por: Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro

CORAÇÃO. Na Saúde combata...os inimigos silenciosos! Trabalho Elaborado por: Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro Trabalho Elaborado por: Na Saúde combata...os inimigos silenciosos! Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro CORAÇÃO Olá! Eu sou o seu coração, trabalho dia e noite sem parar, sem descanso semanal ou férias.

Leia mais

Confira a lista dos 25 melhores alimentos para emagrecer:

Confira a lista dos 25 melhores alimentos para emagrecer: Emagrecer nem sempre é uma das tarefas mais simples. A fórmula parece simples (dieta + exercício + descanso) porém diferentes pessoas precisam de diferentes soluções. Uma coisa é certa: qualquer ajuda

Leia mais

A PESSOA COM DIABETES

A PESSOA COM DIABETES A PESSOA COM DIABETES A diabetes mellitus é uma doença crónica com elevados custos humanos, sociais e económicos, em rápida expansão por todo o mundo. Calcula-se que Portugal terá, na segunda década deste

Leia mais

Primeiros socorros Material a ter na caixa de primeiros socorros:

Primeiros socorros Material a ter na caixa de primeiros socorros: Primeiros socorros Os primeiros socorros é o tratamento inicial dado a alguém que se magoou ou sofreu um acidente. Se o acidente for grave, não deves mexer na pessoa lesionada e chamar o 112, explicando-lhe

Leia mais

Os 25 mitos da pediatria

Os 25 mitos da pediatria Os 25 mitos da pediatria Conhecimentos inéditos sobre o desenvolvimento biológico estão a revolucionar os cuidados aos mais pequenos. Vera Lúcia Arreigoso Música na gravidez: Não é preciso nascer para

Leia mais

Trabalho elaborado por: 5/29/2007 USF Valongo. Enf. Anabela Queirós

Trabalho elaborado por: 5/29/2007 USF Valongo. Enf. Anabela Queirós Trabalho elaborado por: Enf. Anabela Queirós O que é a diabetes? Uma doença que dura toda vida Provocada pela ausência ou perda de eficácia da insulina; Provoca a subida de açúcar no sangue A diabetes

Leia mais

47 Por que preciso de insulina?

47 Por que preciso de insulina? A U A UL LA Por que preciso de insulina? A Medicina e a Biologia conseguiram decifrar muitos dos processos químicos dos seres vivos. As descobertas que se referem ao corpo humano chamam mais a atenção

Leia mais

Desportistas. Recomendações para Ondas de Calor. Saúde e Desenolvimento Humano

Desportistas. Recomendações para Ondas de Calor. Saúde e Desenolvimento Humano A prática regular e moderada da actividade física pode trazer benefícios substanciais para a saúde da população, como seja reduzir para metade o risco de doenças coronárias, baixar o risco de desenvolver

Leia mais

Tome uma injeção de informação. Diabetes

Tome uma injeção de informação. Diabetes Tome uma injeção de informação. Diabetes DIABETES O diabetes é uma doença crônica, em que o pâncreas não produz insulina em quantidade suficiente, ou o organismo não a utiliza da forma adequada. Tipos

Leia mais

Que tipos de Diabetes existem?

Que tipos de Diabetes existem? Que tipos de Diabetes existem? -Diabetes Tipo 1 -também conhecida como Diabetes Insulinodependente -Diabetes Tipo 2 - Diabetes Gestacional -Outros tipos de Diabetes Organismo Saudável As células utilizam

Leia mais

Programa Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) Campanha de Prevenção e Controle de Hipertensão e Diabetes

Programa Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) Campanha de Prevenção e Controle de Hipertensão e Diabetes Programa Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) Campanha de Prevenção e Controle de Hipertensão e Diabetes Objetivos: - Desenvolver uma visão biopsicossocial integrada ao ambiente de trabalho, considerando

Leia mais

Saiba quais são os diferentes tipos de diabetes

Saiba quais são os diferentes tipos de diabetes Saiba quais são os diferentes tipos de diabetes Diabetes é uma doença ocasionada pela total falta de produção de insulina pelo pâncreas ou pela quantidade insuficiente da substância no corpo. A insulina

Leia mais

ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO

ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO Lucia B. Jaloretto Barreiro Qualidade de Vida=Saúde=Equilíbrio Qualidade de Vida é mais do que ter uma boa saúde física ou mental. É estar

Leia mais

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor

Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor Algumas medidas podem salvar vidas durante uma onda de calor Quando ocorre uma Onda de Calor emitem-se Alertas: Amarelo ou Vermelho, com menos e mais gravidade, respectivamente. Devem adoptar-se cuidados

Leia mais

QUERO SABER... FIZ O TESTE E DEU ( POSITIVO ) Como é que uma pessoa se pode proteger do VIH/sida?

QUERO SABER... FIZ O TESTE E DEU ( POSITIVO ) Como é que uma pessoa se pode proteger do VIH/sida? Como é que uma pessoa se pode proteger do VIH/sida? Para NÃO APANHAR nas relações intimas e sexuais: 1. Não fazer sexo enquanto não se sentir preparado para usar o preservativo (pode experimentar primeiro

Leia mais

D I R E T O R I A D E S A Ú D E

D I R E T O R I A D E S A Ú D E Saúde In Forma Junho/2013 Dia 26 de Junho Dia Nacional do Diabetes Diabetes é uma doença metabólica caracterizada por um aumento anormal da glicose ou açúcar no sangue. A glicose é a principal fonte de

Leia mais

Entrevista para um Jornal Brasileiro via net.

Entrevista para um Jornal Brasileiro via net. 1 Entrevista para um Jornal Brasileiro via net. 1. Com a chegada do verão muitas pessoas procuram dietas que prometem fazer milagres. O que você, como nutricionista, teria para falar sobre essas dietas

Leia mais

Obesidade Infantil. O que é a obesidade

Obesidade Infantil. O que é a obesidade Obesidade Infantil O que é a obesidade A obesidade é definida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma doença em que o excesso de gordura corporal acumulada pode atingir graus capazes de afectar

Leia mais

1 Por que tomar café da manhã?

1 Por que tomar café da manhã? A U A UL LA Por que tomar café da manhã? Exercícios Acordar, lavar o rosto, escovar os dentes, trocar de roupa e... tomar o café da manhã. É assim que muitas pessoas começam o dia, antes de ir trabalhar.

Leia mais

5 Alimentos que Queimam Gordura www.mmn-global.com/aumenteseumetabolismo IMPRIMIR PARA UMA MAIS FÁCIL CONSULTA

5 Alimentos que Queimam Gordura www.mmn-global.com/aumenteseumetabolismo IMPRIMIR PARA UMA MAIS FÁCIL CONSULTA IMPRIMIR PARA UMA MAIS FÁCIL CONSULTA ÍNDICE Alimentos que Queimam Gordura TORANJA CHA VERDE E CHA VERMELHO AVEIA BROCOLOS SALMÃO TORANJA A dieta da Toranja já vem sendo discutida por algum tempo, mas

Leia mais

Oficina CN/EM 2012. Alimentos e nutrientes (web aula) H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo humano.

Oficina CN/EM 2012. Alimentos e nutrientes (web aula) H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo humano. Oficina CN/EM 2012 Alimentos e nutrientes (web aula) Caro Monitor, Ao final da oficina, o aluno terá desenvolvido as habilidade: H34 Reconhecer os principais tipos de nutrientes e seu papel no metabolismo

Leia mais

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO. (segunda parte) A ESCOLHA

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO. (segunda parte) A ESCOLHA OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO (segunda parte) A ESCOLHA Responda à seguinte pergunta: Você gosta de carro? Se você gosta, vamos em frente. Escolha o carro de seus sonhos: Mercedes,

Leia mais

Espaço Saúde SINAIS. Saiba como evitar os acidentes no primeiro ano de vida do seu bebé. O verão já lá vai, mas a vigilância continua! FRIEIRAS PÁG.

Espaço Saúde SINAIS. Saiba como evitar os acidentes no primeiro ano de vida do seu bebé. O verão já lá vai, mas a vigilância continua! FRIEIRAS PÁG. Espaço Saúde N º 7 O U T U B R O A D E Z E M B R O DE 2 0 1 3 SINAIS O verão já lá vai, mas a vigilância continua! P Á G. Saiba como evitar os acidentes no primeiro ano de vida do seu bebé 2 PÁG. 6 FRIEIRAS

Leia mais

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT APOIO: Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD Casa de Cultura da Beira/CCB CERjovem ATENÇAÕ MULHER MENINA! Fundação Portugal - África RESPOSTAS

Leia mais

O QUE SABE SOBRE A DIABETES?

O QUE SABE SOBRE A DIABETES? O QUE SABE SOBRE A DIABETES? 11 A 26 DE NOVEMBRO DE 2008 EXPOSIÇÃO PROMOVIDA PELO SERVIÇO DE MEDICINA INTERNA DO HOSPITAL DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO, EPE DIABETES MELLITUS É uma doença grave? Estou em

Leia mais

Perder peso Comendo. Pare de comer depressa

Perder peso Comendo. Pare de comer depressa Vou passar a você, algumas receitas que usei para poder emagrecer mais rápido e com saúde. Não direi apenas só sobre como preparar algumas receitas, mas também direi como perder peso sem sofrimento e de

Leia mais

Direcção-Geral da Saúde

Direcção-Geral da Saúde Assunto: PLANO DE CONTINGÊNCIA PARA AS ONDAS DE CALOR 2009 RECOMENDAÇÕES GERAIS PARA A POPULAÇÃO Nº: 24/DA DATA: 09/07/09 Para: Contacto na DGS: Todos os Estabelecimentos de Saúde Divisão de Saúde Ambiental

Leia mais

0800 30 30 03 www.unimedbh.com.br

0800 30 30 03 www.unimedbh.com.br ANS - Nº 34.388-9 0800 30 30 03 www.unimedbh.com.br Março 2007 Programa de Atenção ao Diabetes O que é diabetes? AUnimed-BH preocupa-se com a saúde e o bem-estar dos seus clientes, por isso investe em

Leia mais

MODIFICAÇÕES ESPERADAS DURANTE A GRAVIDEZ

MODIFICAÇÕES ESPERADAS DURANTE A GRAVIDEZ CORPO DA GRÁVIDA À medida que a gravidez evolui e o bebé se desenvolve, o corpo da mãe modifica-se, adaptando-se à nova situação. Nem sempre é fácil aceitar a transformação rápida que o corpo sofre durante

Leia mais

Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa

Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa Ministério da Saúde Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa Assunto: Para: Contacto na DGS: Ondas de calor medidas de prevenção Recomendações dirigidas à população Conhecimento de todos os estabelecimentos

Leia mais

Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos

Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos 1 Organização das Aulas Uma aula de Educação Física é composta por três partes sequenciais, cada uma com objetivos específicos. 1.1 Parte Inicial A parte inicial

Leia mais

A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008. Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista

A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008. Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008 Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL É Completa Fornece energia e todos os nutrientes essenciais

Leia mais

Amamentação. Factos e Mitos. Juntos pela sua saúde! Elaborado em Julho de 2011. USF Terras de Santa Maria

Amamentação. Factos e Mitos. Juntos pela sua saúde! Elaborado em Julho de 2011. USF Terras de Santa Maria Elaborado em Julho de 2011 USF Terras de Santa Maria Rua Professor Egas Moniz, nº7 4520-909 Santa Maria da Feira Telefone: 256 371 455/56 Telefax: 256 371 459 usf _terrassantamaria@csfeira.min-saude.pt

Leia mais

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus 2 Opa, aqui é Augusto Marmo idealizador do #Dietadafibra e neste e-book vou te mostrar um ponto chave para você atingir o seu peso ideal de forma fácil e saborosa. Eu utilizei os sucos detox para a desintoxicação

Leia mais

Cartilha de Prevenção. ANS - nº31763-2. Diabetes. Fevereiro/2015

Cartilha de Prevenção. ANS - nº31763-2. Diabetes. Fevereiro/2015 Cartilha de Prevenção 1 ANS - nº31763-2 Diabetes Fevereiro/2015 Apresentação Uma das missões da Amafresp é prezar pela qualidade de vida de seus filiados e pela prevenção através da informação, pois esta

Leia mais

ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL

ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL Formação sobre Promoção de Estilos de Vida Saudáveis em Contexto Escolar, Familiar e Envolvente Julho de 2009 ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL TERESA SOFIA SANCHO Gabinete de Nutrição Departamento de Saúde

Leia mais

SABOR. NUMEROSem. Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos do Ministério da Saúde.

SABOR. NUMEROSem. Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos do Ministério da Saúde. SABOR Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos do Ministério da Saúde. Conteúdo produzido pela equipe de Comunicação e Marketing do Portal Unimed e aprovado pelo coordenador técnico-científico:

Leia mais

Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira DIABETES

Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira DIABETES Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira DIABETES Introdução Geralmente, as pessoas descobrem estar diabéticas quando observam que, apesar

Leia mais

treinofutebol.net treinofutebol.net

treinofutebol.net treinofutebol.net Alimentação do Desportista A alimentação pode influenciar positiva ou negativamente o rendimento dum atleta, devendo consequentemente ser orientada no sentido de não só melhorar a sua capacidade desportiva,

Leia mais

conhecer e prevenir DIABETES MELLITUS

conhecer e prevenir DIABETES MELLITUS conhecer e prevenir DIABETES MELLITUS 2013 Diretoria Executiva Diretor-Presidente: Cassimiro Pinheiro Borges Diretor Financeiro: Eduardo Inácio da Silva Diretor de Administração: André Luiz de Araújo Crespo

Leia mais

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde?

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? DICAS DE SAÚDE 2 Promova a sua saúde. Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? Veja o gráfico : 53% ao estilo de vida 17% a fatores hereditários 20% a condições ambientais 10% à assistência médica

Leia mais

DIABETES ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA OS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE

DIABETES ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA OS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE DIABETES ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA OS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE Governo do Estado da Bahia Jacques Wagner Secretário de Saúde do Estado da Bahia Jorge José Santos Pereira Solla Superintendência de Atenção

Leia mais

Mesomorfo, Ectomorfo ou Endomorfo? Qual o seu tipo físico?

Mesomorfo, Ectomorfo ou Endomorfo? Qual o seu tipo físico? Mesomorfo, Ectomorfo ou Endomorfo? Qual o seu tipo físico? Você provavelmente já notou que seu corpo não é o mesmo que o de seus amigos ou colegas de trabalho. Algumas pessoas tendem a ser mais magras

Leia mais

Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo 2013 www.luisascensao.pt

Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo 2013 www.luisascensao.pt Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo www.luisascensao.pt Página 1 de 10 Termos e Condições Madeira, Portugal. Autor: Luís Ascensão (o Ás). Todos os direitos reservados. Copyright 2012,

Leia mais

CUIDANDO DO SEU CORAÇÃO Controle e Prevenção da Doença Aterosclerótica Coronariana

CUIDANDO DO SEU CORAÇÃO Controle e Prevenção da Doença Aterosclerótica Coronariana HOSPITAL DAS CLÍNICAS - UFMG Programa de Reabilitação Cardiovascular e Metabólica Residência Multiprofissional em Saúde Cardiovascular CUIDANDO DO SEU CORAÇÃO Controle e Prevenção da Doença Aterosclerótica

Leia mais

especial iate LIAMARA MENDES

especial iate LIAMARA MENDES 54 Maio / Junho de 2013 especial use os alimentos a seu favor iate por LIAMARA MENDES Uma dieta equilibrada aliada a exercícios físicos pode ser considerada a fórmula ideal para a conquista do corpo perfeito.

Leia mais

ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES

ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES Os inquéritos foram realizados junto de alunos do 6º ano da Escola EB 2,3 de Matosinhos, durante o mês de Novembro de 24. Responderam ao inquérito 63

Leia mais

DIABETES MELLITUS. Ricardo Rodrigues Cardoso Educação Física e Ciências do DesportoPUC-RS

DIABETES MELLITUS. Ricardo Rodrigues Cardoso Educação Física e Ciências do DesportoPUC-RS DIABETES MELLITUS Ricardo Rodrigues Cardoso Educação Física e Ciências do DesportoPUC-RS Segundo a Organização Mundial da Saúde, existem atualmente cerca de 171 milhões de indivíduos diabéticos no mundo.

Leia mais

O QUE SÃO OS TRIGLICERÍDEOS?

O QUE SÃO OS TRIGLICERÍDEOS? O QUE SÃO OS TRIGLICERÍDEOS? Franklim A. Moura Fernandes http://www.melhorsaude.org Introdução Os triglicerídeos, também chamados de triglicéridos, são as principais gorduras do nosso organismo e compõem

Leia mais

Direcção-Geral da Saúde

Direcção-Geral da Saúde Assunto: PLANO DE CONTINGÊNCIA PARA ONDAS DE CALOR 2009 RECOMENDAÇÕES PARA DESPORTISTAS Nº: 29/DA DATA: 04/08/09 Para: Contacto na DGS: Todos os Estabelecimentos de Saúde Divisão de Saúde Ambiental INTRODUÇÃO

Leia mais

sobre pressão alta Dr. Decio Mion

sobre pressão alta Dr. Decio Mion sobre pressão alta Dr. Decio Mion 1 2 Saiba tudo sobre pressão alta Dr. Decio Mion Chefe da Unidade de Hipertensão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP)

Leia mais

Convivendo bem com a doença renal. Guia de Nutrição e Diabetes Você é capaz, alimente-se bem!

Convivendo bem com a doença renal. Guia de Nutrição e Diabetes Você é capaz, alimente-se bem! Convivendo bem com a doença renal Guia de Nutrição e Diabetes Você é capaz, alimente-se bem! Nutrição e dieta para diabéticos: Introdução Mesmo sendo um paciente diabético em diálise, a sua dieta ainda

Leia mais

Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle?

Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle? Agora que tenho diabetes... O que posso fazer para permanecer no controle? Tenho diabetes: o que isso significa, afinal? Agora que você recebeu o diagnóstico de diabetes, você começará a pensar em muitas

Leia mais

A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam.

A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam. Dieta durante o tratamento O que comer e o que evitar de comer Após a cirurgia A maioria das pessoas sente-se apta para comer outra vez após a cirurgia, aumentando o seu apetite à medida que os dias passam.

Leia mais

Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e. outros sintomas

Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e. outros sintomas Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e outros sintomas Nutricionista Camila Costa Unidade de Reabilitação Cardiovascular e Fisiologia do Exercício InCor/FMUSP Será que o que você come influencia

Leia mais

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus 2 Opa, aqui é Augusto Marmo idealizador do #Dietadafibra e neste e-book vou te mostrar um ponto chave para você atingir o seu peso ideal de forma fácil e saborosa. Eu utilizei os sucos detox para a desintoxicação

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE

FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE União Metropolitana de Educação e Cultura Faculdade: Curso: NUTRIÇÃO FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE Disciplina: INTRODUÇÃO A NUTRIÇÃO Carga horária: Teórica 40 Prática 40 Semestre: 1 Turno:

Leia mais

A Dieta Atkins promete não somente redução de peso, mas também uma melhoria no seu sistema cardíaco e funções da memória, dentre outros benefícios.

A Dieta Atkins promete não somente redução de peso, mas também uma melhoria no seu sistema cardíaco e funções da memória, dentre outros benefícios. DIETA DE BA IXO ÍNDICE DE GL IC E M IA (LOW CARB DIET ) A dieta de baixo índice de glicemia ou baixa em hidratos de carbono é indicada para tal por ser mais equilibrada e até é indicada para diabéticos

Leia mais

Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro. A Escolha é Somente Tua

Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro. A Escolha é Somente Tua Ana Cristina Pinheiro Mário Quintaneiro A Escolha é Somente Tua 1 Tabagismo significa abuso de tabaco. É o vício de fumar regularmente um número considerável de cigarros, cigarrilhas, charutos ou tabaco

Leia mais

FICHA TÉCNICA. ISBN: 978-989-96506-7-1 Novembro de 2010 APN

FICHA TÉCNICA. ISBN: 978-989-96506-7-1 Novembro de 2010 APN FICHA TÉCNICA Título: A criança e a Diabetes: Aqui aprendes a comer! Direcção Editorial: Alexandra Bento Concepção: Delphine Dias Corpo Redactorial: Delphine Dias, Ana Martins Produção Gráfica: Delphine

Leia mais

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final Laís Cruz Nutricionista CRN 3 18128 2013 Período de transição entre infância e vida adulta (dos 10 aos 19 anos de idade) Muitas transformações físicas, psicológicas e sociais Acelerado crescimento e desenvolvimento:

Leia mais

Coach Marcelo Ruas Relatório Grátis do Programa 10 Semanas para Barriga Tanquinho

Coach Marcelo Ruas Relatório Grátis do Programa 10 Semanas para Barriga Tanquinho Coach Marcelo Ruas Relatório Grátis do Programa 10 Semanas para Barriga Tanquinho Alimento I Toranja A dieta da Toranja já vem sendo discutida por algum tempo, mas não se sabia ao certo porque a Toranja

Leia mais

PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja.

PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja. INTERVAL TRAINING PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja. Com este material você vai conhecer o caminho mais rápido para

Leia mais

Valores diários recomendados de nutrientes, vitaminas e minerais.

Valores diários recomendados de nutrientes, vitaminas e minerais. Conteúdo Valores diários recomendados de nutrientes, vitaminas e minerais.... 2 Como ler os rótulos dos alimentos... 5 Dose de produto... 7 Calorias... 7 Quantidade de nutrientes... 8 Explicação da quantificação

Leia mais

Como podemos escolher os alimentos para crescer de forma saudável?

Como podemos escolher os alimentos para crescer de forma saudável? 1. Introdução A vida começa com a alimentação, e esta desempenha uma influência determinante no desenvolvimento emocional, mental, físico e social de cada um. A alimentação consiste em obter do ambiente

Leia mais

Este nível de insulina baixo também o ajuda a controlar a sua fome pois é o nível de insulina que diz ao seu cérebro que está na hora de comer.

Este nível de insulina baixo também o ajuda a controlar a sua fome pois é o nível de insulina que diz ao seu cérebro que está na hora de comer. A dieta da Toranja já vem sendo discutida por algum tempo, mas não se sabia ao certo porque a Toranja possui tantas capacidades para a perda de gordura e mesmo os cientistas se dividem sobre esse assunto.

Leia mais

Unidade 4 Funções da nutrição

Unidade 4 Funções da nutrição Sugestões de atividades Unidade 4 Funções da nutrição 8 CIÊNCIAS Nutrição. As proteínas, encontradas em alimentos como leite, ovos, carne, soja e feijão, são fundamentais para nossa saúde. Justifique essa

Leia mais

A importância do tratamento contra a aids

A importância do tratamento contra a aids dicas POSITHIVAS A importância do tratamento contra a aids Por que tomar os medicamentos (o coquetel) contra o HIV? A aids é uma doença que ainda não tem cura, mas tem tratamento. Tomando os remédios corretamente,

Leia mais

Proteger nosso. Futuro

Proteger nosso. Futuro Proteger nosso Futuro A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) é uma entidade sem fins lucrativos criada em 1943, tendo como objetivo unir a classe médica especializada em cardiologia para o planejamento

Leia mais

Perca Peso Acelerando Seu Metabolismo

Perca Peso Acelerando Seu Metabolismo Perca Peso Acelerando Seu Metabolismo Trazido Até Você Por http://www.vidasaudavelparavoce.com Perca Peso Acelerando Seu Metabolismo Termos e Condições Aviso Legal O escritor esforçou-se para ser o tão

Leia mais

E-book. 10 Maneiras Para Você Perder Peso Sem Sacrifícios. 10 Maneiras Para Você Perder Peso Sem Sacrifícios Que Funcionaram Comigo.

E-book. 10 Maneiras Para Você Perder Peso Sem Sacrifícios. 10 Maneiras Para Você Perder Peso Sem Sacrifícios Que Funcionaram Comigo. E-book 10 Maneiras Para Você Perder Peso Sem Sacrifícios Que Funcionaram Comigo. ÍNDICE Amido Resistente Beber água Café da manhã Açúcar PH do Sangue Capitulo 1 Capitulo 2 Capitulo 3 Capitulo 4 Capitulo

Leia mais

Mas se fumar é tão perigoso, por quê as pessoas começam a fumar? Introdução

Mas se fumar é tão perigoso, por quê as pessoas começam a fumar? Introdução Introdução O tabagismo é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável em todo o mundo. Introdução Introdução Cerca de um terço da população mundial adulta (1

Leia mais

RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS

RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS RISCOS PARA A SAÚDE RESULTANTES DA OCORRÊNCIA DE INCÊNDIOS Os incêndios florestais e urbanos para além das consequências económicas e ambientais, representam riscos para a saúde das populações decorrentes

Leia mais

POR QUE SER ATIVO ALBERTO OGATA

POR QUE SER ATIVO ALBERTO OGATA POR QUE SER ATIVO ALBERTO OGATA O nosso corpo é uma máquina fantástica, que não foi feita para ficar parada. Se você estiver realmente decidido a ter uma atitude positiva em relação a sua saúde e ao seu

Leia mais

Alimentação e Desporto. Samuel Amorim Centro Hospitalar Tondela-Viseu Viseu, 30 Novembro 2011

Alimentação e Desporto. Samuel Amorim Centro Hospitalar Tondela-Viseu Viseu, 30 Novembro 2011 Alimentação e Desporto Samuel Amorim Centro Hospitalar Tondela-Viseu Viseu, 30 Novembro 2011 Panorama nacional Apesar dos números relativos à obesidade infantil estarem continuamente acrescer O número

Leia mais

estimação tem diabetes?

estimação tem diabetes? Será que o seu animal de estimação tem diabetes? Informação acerca dos sinais mais comuns e dos factores de risco. O que é a diabetes? Diabetes mellitus, o termo médico para a diabetes, é uma doença causada

Leia mais

Principais propriedades físicas da água.

Principais propriedades físicas da água. BIOQUÍMICA CELULAR Principais propriedades físicas da água. Muitas substâncias se dissolvem na água e ela é comumente chamada "solvente universal". Por isso, a água na natureza e em uso raramente é pura,

Leia mais

Destaques brilhantes... xii. Introdução... xiii

Destaques brilhantes... xii. Introdução... xiii Destaques brilhantes... xii Introdução... xiii 1 Porque se envelhece?... 1 Estamos a assistir a uma lenta revolução na compreensão do processo de envelhecimento. Este pode não ser inevitável e é até possível

Leia mais

A diabetes é muito comum? Responsabilidade pessoal A história da diabetes

A diabetes é muito comum? Responsabilidade pessoal A história da diabetes Introdução A diabetes é muito comum? Se acabou de descobrir que tem diabetes, isso não significa que esteja doente ou que se tenha transformado num inválido. Há milhares de pessoas com diabetes, levando

Leia mais

GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014

GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014 GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014 Gestos que Salvam O que fazer? EM CASO DE EMERGÊNCIA O QUE FAZER Número Europeu de Emergência LIGAR PARA O NÚMERO EUROPEU

Leia mais

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE: ASSUMINDO A RESPONSABILIDADE

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE: ASSUMINDO A RESPONSABILIDADE OBESIDADE: ASSUMINDO A RESPONSABILIDADE Emagrecer é seu desafio, por isso termine essa luta com uma vitória pessoal: assuma a responsabilidade pessoal de cuidar de você no que for necessário e de perseguir

Leia mais

detecção do cancro do cólon

detecção do cancro do cólon Um guia sobre a detecção do cancro do cólon Por que motivo devo fazer o exame de rastreio?...because...porque I have todos a eles lot dependem of cooking to do. de mim....because...porque I have as minhas

Leia mais

Equipamento adequado. Tênis. Objetivo do tênis

Equipamento adequado. Tênis. Objetivo do tênis A corrida é uma atividade aeróbica que traz diversos benefícios para o nosso corpo e nossa mente. Quando praticada com regularidade, nos ajuda a perder peso e a aumentar a massa magra, além de aumentar

Leia mais

Guia do Paciente DAPAGLIFLOZINA

Guia do Paciente DAPAGLIFLOZINA Guia do Paciente DAPAGLIFLOZINA Índice Tratando seu diabetes tipo 2 com DAPAGLIFLOZINA 3 Como funciona? 4 Como devo utilizar? 5 Quais são os principais efeitos colaterais do tratamento com DAPAGLIFLOZINA?

Leia mais

Veículo: Jornal da Comunidade Data: 24 a 30/07/2010 Seção: Comunidade Vip Pág.: 4 Assunto: Diabetes

Veículo: Jornal da Comunidade Data: 24 a 30/07/2010 Seção: Comunidade Vip Pág.: 4 Assunto: Diabetes Veículo: Jornal da Comunidade Data: 24 a 30/07/2010 Seção: Comunidade Vip Pág.: 4 Assunto: Diabetes Uma vida normal com diabetes Obesidade, histórico familiar e sedentarismo são alguns dos principais fatores

Leia mais

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Perguntas Frequentes Perguntas frequentes sobre a gripe sazonal O que é a

Leia mais

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Ciências AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Graduada em História e Pedagogia, Doutora em Filosofia e Metodologia de Ensino, Autora da Metodologia ACRESCER. REGINALDO STOIANOV Licenciatura Plena em Biologia,

Leia mais

Como nosso corpo está organizado

Como nosso corpo está organizado Como nosso corpo está organizado Iodo Faz parte dos hormônios da tireoide, que controlam a produção de energia e o crescimentodocorpo.aleiobrigaaadiçãodeiodoaosaldecozinha. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO

Leia mais

Menos calorias com alimentação termogenica

Menos calorias com alimentação termogenica Menos calorias com alimentação termogenica Eliane Petean Arena Nutricionista CRN Rua : Conselheiro Antonio Prado N: 9-29 Higienópolis Bauru - SP Telefone : (14) 3243-7840 ALIMENTOS TERMOGENICOS Todo alimento

Leia mais