Revista de Imprensa Diário de Notícias, , Biografias de Manuel de Lucena hoje apresentadas 1

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Revista de Imprensa 25-03-2015. 1. Diário de Notícias, 25-03-2015, Biografias de Manuel de Lucena hoje apresentadas 1"

Transcrição

1

2 Revista de Imprensa Diário de Notícias, , Biografias de Manuel de Lucena hoje apresentadas 1 2. i, , Heróis da Terra que viraram cidadãos nobres 2 3. TV 7 Dias - Novelas, , A filha do Super Pai 3 4. Agência Ecclesia Online, , Cultura: José Tolentino Mendonça destaca «obra imortal» de Herberto Helder Diário do Minho, , Isabel Jonet comenta em Famalicão filme Comboio Noturno para Lisboa Expresso Online, , Conheça o currículo da nova diretora-geral da AT Expresso Online, , Conheça o currículo da nova diretora-geral do Fisco Local.pt Online, , De Garcia de Orta a Harry Potter. novos olhares sobre as "Jóias da Carreira da Índia" Portugal Mundial Online, , A verdade sobre os prazos de validade dos alimentos - Portugal Mundial Mirante - Economia, , ISLA de Santarém comemorou trigésimo primeiro aniversário Pessoal, , Programa Avançado de gestão para o Turismo 25

3 A1 ID: Tiragem: Period.: Diária Âmbito: Informação Geral Pág: 43 Área: 5,26 x 30,00 cm² Corte: 1 de 1

4 A2 ID: Tiragem: Period.: Diária Âmbito: Informação Geral Pág: 48 Área: 18,62 x 25,65 cm² Corte: 1 de 1

5 A3 Tiragem: Pág: 13 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 1 de 9

6 Tiragem: Pág: 14 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 2 de 9

7 Tiragem: Pág: 15 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 3 de 9

8 Tiragem: Pág: 16 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 4 de 9

9 Tiragem: Pág: 17 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 5 de 9

10 Tiragem: Pág: 18 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 6 de 9

11 Tiragem: Pág: 19 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 7 de 9

12 Tiragem: Pág: 20 Period.: Semanal Área: 13,50 x 19,50 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 8 de 9

13 Tiragem: Pág: 1 Period.: Semanal Área: 10,73 x 1,75 cm² ID: Novelas Âmbito: Interesse Geral Corte: 9 de 9

14 A12 Cultura: José Tolentino Mendonça destaca «obra imortal» de Herberto Helder Tipo Meio: Internet Data Publicação: Meio: URL: Agência Ecclesia Online Lisboa, 24 mar 2015 (Ecclesia) - O poeta madeirense Herberto Helder, um dos maiores nomes da literatura portuguesa contemporânea, morreu esta segunda-feira aos 84 anos na sua casa em Cascais. Em entrevista concedida hoje à Agência ECCLESIA, o padre e também poeta José Tolentino Mendonça, conterrâneo do autor, destaca a "imortalidade da sua obra e da sua experiência" de vida. Um legado que "permanecerá para lá do desaparecimento do poeta e que constitui um dos patrimónios mais intensamente originais que a cultura portuguesa de todos os tempos produziu", salientou o atual vice-reitor da Universidade Católica Portuguesa. Natural do Funchal, Herberto Hélder de Oliveira é considerado o maior poeta português da segunda metade do século XX e estreou-se na literatura com a obra "O Amor em Visita", em Durante quase 60 anos, a par de outras ocupações profissionais, inclusivamente como redator e repórter, publicou dezenas de títulos como a "Apresentação do Rosto", uma autobiografia apreendida pela Censura em 1968; a "Vocação Animal" em 1971; "A cabeça entre as mãos" em 1982; "A faca não corta o fogo", em 2008 e "Servidões" em Em 1994 o autor viu ser-lhe atribuído o Prémio Pessoa como reconhecimento por uma obra literária impar no contexto do país, no entanto recusou o galardão por querer permanecer fora dos holofotes. O padre José Tolentino Mendonça, antigo diretor do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura, recorda um homem que "mergulhou profundamente nas dimensões do silêncio e do mistério". "A sua palavra nada tem da ruidosa sonoridade do tempo mas Herberto Helder é como o poeta mineiro que com uma luz na testa escava as profundidades mais recônditas do silêncio, do coração", apontou. O último trabalho de Herberto Helder, intitulado "A morte sem Mestre", foi escrito em 2013 e publicado em meados do ano passado pela Porto Editora. À Agência ECCLESIA, José Tolentino Mendonça descreve a forma como aquele autor o influenciou na juventude. De tal modo que o primeiro poema que escreveu, em 1990 com 24 anos, teve como título "A infância de Herberto Helder". "Os seus poemas foram o meu primeiro mapa para a abordagem à própria poesia e através dos seus versos aprendi uma música que até aí não sabia que o mundo possuía", frisou o vice-reitor da UCP. O funeral de Herberto Helder está marcado para esta quarta-feira e segundo a Porto Editora será "reservado à família". JCP

15 A13 Tiragem: 8500 Pág: 13 Cores: Preto e Branco ID: Period.: Diária Âmbito: Regional Isabel Jonet comenta em Famalicão filme Comboio Noturno para Lisboa A presidente do Banco Alimentar Contra a Fome, Isabel Jonet, vai estar na sexta-feira, na Casa de Camilo Centro de Estudos, em Vila Nova de Famalicão, a partir das 21h45, para participar em mais uma sessão de Um Livro, Um Filme. A iniciativa, que tem entrada gratuita, decorre desde 2006 e conta, todos os meses, com a presença de uma personalidade da vida pública portuguesa para apresentar um filme, preferencialmente baseado numa obra literária. Comboio Noturno para Lisboa, realizado pelo dinamarquês Bille August, foi o filme escolhido por Isabel Jonet para exibir e comentar esta sexta-feira. Baseado no romance homónimo do escritor suíço Pascal Mercier, o filme tem Lisboa como cenário e do elenco fazem parte atores como Beatriz Batarda, Nicolau Breyner, entre outros nomes portugueses e estrangeiros. Licenciada em Economia pela Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa, Isabel Jonet nasceu em Lisboa a 16 de fevereiro de Em 1993 iniciou a sua atividade como voluntária no Banco Alimentar Contra a Fome, instituição que atualmente preside. Em maio de 2012, foi nomeada presidente da Federação Europeia dos Bancos Alimentares. Área: 7,82 x 11,28 cm² Corte: 1 de 1

16 A14 Conheça o currículo da nova diretora-geral da AT Tipo Meio: Internet Data Publicação: Meio: URL: Expresso Online Licenciada em Gestão pelo ISEG, em 1993, Helena Borges, 52 anos, entrou para a então Direção-Geral de Contribuições e Impostos em :45 Terça feira, 24 de março de 2015 "O currículo académico e profissional, evidencia a competência técnica, aptidão, experiência profissional e formação adequadas ao exercício das respetivas funções", pode ler-se no despacho de nomeação da nova diretora-geral da Autoridade Tributária e Aduaneira, publicado esta segunda-feira em "Diário da República", assinado pela ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque Helena Borges irá acumular as funções de Diretora-Geral da Autoridade Tributária e Aduaneira com as de Diretora de Finanças de Lisboa, cargo para o qual foi nomeada em Nota Curricular 1 - Dados de identificação Nome: Helena Maria José Alves Borges; Data de nascimento: 7 de julho de 1962; Naturalidade: Lisboa. 2 - Habilitações académicas Licenciatura em Gestão pelo Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade Técnica de Lisboa, 1989/93; Mestrado em Gestão de Empresas, INDEG/ISCTE, 2003/2005, concluída a parte escolar; Curso Avançado em Gestão Pública (CAGEP), INA, abril de 2009; Técnica da Administração Tributária Assessora Principal, da Direção-Geral dos Impostos, desde agosto de Atividade profissional 3.1 Cargos Desempenhados/Atividades Desenvolvidas : Diretora de Finanças de Lisboa, em regime de substituição; : Subdiretora Geral na Autoridade Tributária e Aduaneira, com responsabilidades na Área de Planeamento, Organização e Comunicação e na coordenação do Gabinete de Gestão das Reformas, criado por despacho do Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, de , com o objetivo de garantir os procedimentos inerentes à extinção da Direção Geral dos Impostos (DGCI), Direção Geral das Alfandegas e dos Impostos Especiais sobre o Consumo (DGAIEC) e Direção -Geral de Informática e Apoio aos Serviços Tributários e Aduaneiros (DGITA) e à criação da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT); : Diretora de Finanças Adjunta na Direção de Finanças de Lisboa, onde assumiu responsabilidades na Área da Justiça Administrativa, Justiça Contenciosa e Investigação Criminal Fiscal;

17 : Secretária -Geral Adjunta na Secretaria -Geral do Ministério da Justiça, organismo onde assumiu responsabilidades em todas as áreas de atribuição, assegurou a substituição da Secretária -Geral nas suas faltas e impedimentos e onde teve sob sua direta responsabilidade a área dos Serviços Jurídicos e do Contencioso e a Unidade Ministerial de Compras; : Subdiretora -Geral na Direção Geral da Administração da Justiça, onde assumiu, entre outras, a responsabilidade pelas áreas da gestão e controlo orçamental, direito financeiro e pela implementação da reforma do contencioso administrativo, instalação e acompanhamento da atividade dos Tribunais Administrativos e Fiscais; 2002: Diretora de Finanças Adjunta na 2ª Direção de Finanças de Lisboa, dirigindo a área da Justiça Tributária; 1999/2002: Chefe da Divisão da Justiça Administrativa na 2ª Direção de Finanças de Lisboa; 1998/1999: Chefe de Divisão de Justiça Tributária/área oriental, na Direção de Finanças de Lisboa; 1996/1997: Subdiretora Tributária na Direção de Finanças de Lisboa; 1991/1996: Quadro Técnico de Fiscalização Tributária da DGCI; 1982/ Quadro Técnico Tributário da DGCI. 3.2 Funções de Representação do Ministério da Justiça No Instituto Nacional para a Reabilitação e Federação Portuguesa da Associação de Surdos, de fevereiro 2008 a abril 2010; Na Comissão Interministerial de Compras, órgão consultivo da Agência Nacional de Compras Públicas, E.P.E., de julho 2007 a abril 2010; No Conselho Consultivo da Comissão para a Igualdade e para os Direitos das Mulheres, de setembro 2005 a abril 2010; 3.3 Participação em Conferências e Seminários na União Europeia "Smart Cooperation" - Technical Conference of the Inter - American Center of Tax Administrations (CIAT), Amsterdam, The Netherlands (outubro 2012); The Stockholm Expert Meeting on Good Administration. The Swedish Agency for Public Management, Stockholm (dezembro, 2004); Implementation of Human Rights: the Efficiency of Justice in the Council of Europe and its Member States, Netherlands Ministry of Foreign Affairs NJCM, Dutch Section of the International Commission of Jurists, The Netherlands (abril, 2004); 3.4 Eventos em que participou como Oradora Convidada Compras Públicas: Mais Eficiência e/ou Mais Inovação - Desenhar e Construir Redes/A Legislação e o Governance das Compras Públicas, APDC - Associação para o Desenvolvimento das Comunicações (junho 2010); 1ª Convenção Nacional de Compras Públicas: Agregação de Necessidades e Aquisições ao abrigo dos Acordos Quadro/Unidade de Compras do Ministério da Justiça, Centro de Congressos da FIL (julho 2009);

18 III Encontro Nacional de Bibliotecas e Arquivos Jurídicos: "Arquivos Jurídicos na Justiça: a desmaterialização sem descurar a preservação", IDEFE, Faculdade de Direito de Lisboa (novembro 2008); Compras Públicas no Contexto da Sociedade de Informação, APDSI - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento dos Sistemas de Informação, Fundação Calouste Gulbenkian (maio 2008); 1, 2 e 3 Congresso Nacional de Contratação Eletrónica, OPET - Observatório de Prospetiva da Engenharia e da Tecnologia (setembro 2007, novembro de 2008 e novembro 2009); 4 - Formação Profissional I Congresso de Direito Fiscal/Direito Fiscal em Tempo de Crise - Auditório da Faculdade de Direito de Lisboa (novembro 2010); O Regime de Arbitragem Tributária, Universidade Católica Portuguesa (dezembro 2010); Seminário sobre a Prevenção dos Riscos de Corrupção, organização conjunta do Conselho de Prevenção da Corrupção e do Tribunal de Contas (março 2010); A Nova Lei da Responsabilidade Extracontratual do Estado: Aplicação Prática, INA (outubro 2009); Microsoft Project 2007, Rumos (maio 2009); O Novo Código dos Contratos Públicos, JurisNova e Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa (janeiro 2008); 5 Congresso Nacional da Administração Pública: Modernização, Desenvolvimento e Competitividade, INA (outubro 2007); Desenvolvimento de Competências em Liderança e Gestão, Leadership Business Consulting, 2006; Management by Objetives in Public Administration, INA/Maxwell School of Citizenship and Public Afairs, 2006; Interesse Público, Funções do Estado e Reforma da Administração - III Colóquio Internacional, ISCTE, 2005; Seminário de Alta Direção, INA, 2005; Novas Perspetivas na Contratação Pública, INA/ Tribunal de Contas, 2004; O Estado do Séc. XXI: Redefinição das Suas Funções, INA/Tribunal de Contas, 2004; O Novo Contencioso Administrativo, Instituto de Ciências Jurídico-Políticas da Faculdade de Direito de Lisboa, 2003.

19 A17 Conheça o currículo da nova diretora-geral do Fisco Tipo Meio: Internet Data Publicação: Meio: URL: Expresso Online Licenciada em Gestão pelo ISEG, em 1993, Helena Borges, 52 anos, entrou para a então Direção-Geral de Contribuições e Impostos em :45 Terça feira, 24 de março de 2015 "O currículo académico e profissional, evidencia a competência técnica, aptidão, experiência profissional e formação adequadas ao exercício das respetivas funções", pode ler-se no despacho de nomeação da nova diretora-geral da Autoridade Tributária e Aduaneira, publicado esta segunda-feira em "Diário da República", assinado pela ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque Helena Borges irá acumular as funções de Diretora-Geral da Autoridade Tributária e Aduaneira com as de Diretora de Finanças de Lisboa, cargo para o qual foi nomeada em Nota Curricular 1 - Dados de identificação Nome: Helena Maria José Alves Borges; Data de nascimento: 7 de julho de 1962; Naturalidade: Lisboa. 2 - Habilitações académicas Licenciatura em Gestão pelo Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade Técnica de Lisboa, 1989/93; Mestrado em Gestão de Empresas, INDEG/ISCTE, 2003/2005, concluída a parte escolar; Curso Avançado em Gestão Pública (CAGEP), INA, abril de 2009; Técnica da Administração Tributária Assessora Principal, da Direção-Geral dos Impostos, desde agosto de Atividade profissional 3.1 Cargos Desempenhados/Atividades Desenvolvidas : Diretora de Finanças de Lisboa, em regime de substituição; : Subdiretora Geral na Autoridade Tributária e Aduaneira, com responsabilidades na Área de Planeamento, Organização e Comunicação e na coordenação do Gabinete de Gestão das Reformas, criado por despacho do Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, de , com o objetivo de garantir os procedimentos inerentes à extinção da Direção Geral dos Impostos (DGCI), Direção Geral das Alfandegas e dos Impostos Especiais sobre o Consumo (DGAIEC) e Direção -Geral de Informática e Apoio aos Serviços Tributários e Aduaneiros (DGITA) e à criação da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT); : Diretora de Finanças Adjunta na Direção de Finanças de Lisboa, onde assumiu responsabilidades na Área da Justiça Administrativa, Justiça Contenciosa e Investigação Criminal Fiscal;

20 : Secretária -Geral Adjunta na Secretaria -Geral do Ministério da Justiça, organismo onde assumiu responsabilidades em todas as áreas de atribuição, assegurou a substituição da Secretária -Geral nas suas faltas e impedimentos e onde teve sob sua direta responsabilidade a área dos Serviços Jurídicos e do Contencioso e a Unidade Ministerial de Compras; : Subdiretora -Geral na Direção Geral da Administração da Justiça, onde assumiu, entre outras, a responsabilidade pelas áreas da gestão e controlo orçamental, direito financeiro e pela implementação da reforma do contencioso administrativo, instalação e acompanhamento da atividade dos Tribunais Administrativos e Fiscais; 2002: Diretora de Finanças Adjunta na 2ª Direção de Finanças de Lisboa, dirigindo a área da Justiça Tributária; 1999/2002: Chefe da Divisão da Justiça Administrativa na 2ª Direção de Finanças de Lisboa; 1998/1999: Chefe de Divisão de Justiça Tributária/área oriental, na Direção de Finanças de Lisboa; 1996/1997: Subdiretora Tributária na Direção de Finanças de Lisboa; 1991/1996: Quadro Técnico de Fiscalização Tributária da DGCI; 1982/ Quadro Técnico Tributário da DGCI. 3.2 Funções de Representação do Ministério da Justiça No Instituto Nacional para a Reabilitação e Federação Portuguesa da Associação de Surdos, de fevereiro 2008 a abril 2010; Na Comissão Interministerial de Compras, órgão consultivo da Agência Nacional de Compras Públicas, E.P.E., de julho 2007 a abril 2010; No Conselho Consultivo da Comissão para a Igualdade e para os Direitos das Mulheres, de setembro 2005 a abril 2010; 3.3 Participação em Conferências e Seminários na União Europeia "Smart Cooperation" - Technical Conference of the Inter - American Center of Tax Administrations (CIAT), Amsterdam, The Netherlands (outubro 2012); The Stockholm Expert Meeting on Good Administration. The Swedish Agency for Public Management, Stockholm (dezembro, 2004); Implementation of Human Rights: the Efficiency of Justice in the Council of Europe and its Member States, Netherlands Ministry of Foreign Affairs NJCM, Dutch Section of the International Commission of Jurists, The Netherlands (abril, 2004); 3.4 Eventos em que participou como Oradora Convidada Compras Públicas: Mais Eficiência e/ou Mais Inovação - Desenhar e Construir Redes/A Legislação e o Governance das Compras Públicas, APDC - Associação para o Desenvolvimento das Comunicações (junho 2010); 1ª Convenção Nacional de Compras Públicas: Agregação de Necessidades e Aquisições ao abrigo dos Acordos Quadro/Unidade de Compras do Ministério da Justiça, Centro de Congressos da FIL (julho 2009);

21 III Encontro Nacional de Bibliotecas e Arquivos Jurídicos: "Arquivos Jurídicos na Justiça: a desmaterialização sem descurar a preservação", IDEFE, Faculdade de Direito de Lisboa (novembro 2008); Compras Públicas no Contexto da Sociedade de Informação, APDSI - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento dos Sistemas de Informação, Fundação Calouste Gulbenkian (maio 2008); 1, 2 e 3 Congresso Nacional de Contratação Eletrónica, OPET - Observatório de Prospetiva da Engenharia e da Tecnologia (setembro 2007, novembro de 2008 e novembro 2009); 4 - Formação Profissional I Congresso de Direito Fiscal/Direito Fiscal em Tempo de Crise - Auditório da Faculdade de Direito de Lisboa (novembro 2010); O Regime de Arbitragem Tributária, Universidade Católica Portuguesa (dezembro 2010); Seminário sobre a Prevenção dos Riscos de Corrupção, organização conjunta do Conselho de Prevenção da Corrupção e do Tribunal de Contas (março 2010); A Nova Lei da Responsabilidade Extracontratual do Estado: Aplicação Prática, INA (outubro 2009); Microsoft Project 2007, Rumos (maio 2009); O Novo Código dos Contratos Públicos, JurisNova e Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa (janeiro 2008); 5 Congresso Nacional da Administração Pública: Modernização, Desenvolvimento e Competitividade, INA (outubro 2007); Desenvolvimento de Competências em Liderança e Gestão, Leadership Business Consulting, 2006; Management by Objetives in Public Administration, INA/Maxwell School of Citizenship and Public Afairs, 2006; Interesse Público, Funções do Estado e Reforma da Administração - III Colóquio Internacional, ISCTE, 2005; Seminário de Alta Direção, INA, 2005; Novas Perspetivas na Contratação Pública, INA/ Tribunal de Contas, 2004; O Estado do Séc. XXI: Redefinição das Suas Funções, INA/Tribunal de Contas, 2004; O Novo Contencioso Administrativo, Instituto de Ciências Jurídico-Políticas da Faculdade de Direito de Lisboa, 2003.

22 A20 De Garcia de Orta a Harry Potter. novos olhares sobre as "Jóias da Carreira da Índia" Tipo Meio: Internet Data Publicação: Meio: URL: Local.pt Online LISBOA - Analisar as "Jóias da Carreira da Índia" sob duas perspectivas distintas, numa visita temática e numa conferência, são as sugestões do Museu do Oriente para os dias 25 e 26 de Março. Ambas as iniciativas são de entrada livre. Na quarta-feira, 25 de Março, pelas 18.00, a visita "A pedra de bezoar: a história de um antídoto de Garcia de Orta a Harry Potter" orientada por Jorge dos Santos Alves, professor da Universidade Católica Portuguesa, aborda a história da pedra de bezoar, considerada durante séculos um antídoto universal contra venenos. A pedra de Goa [exemplos da qual podem ser vistos na exposição], preparada pelos boticários jesuítas do Convento de São Paulo, era um bezoar artificial usado como medicamento contra vários males nos séculos XVI e XVII. No dia seguinte, às 18.30, Luísa Penalva, conservadora do Museu Nacional de Arte Antiga, apresenta "As Jóias da Índia". Em foco nesta conferência, as preciosas peças ostentadas durante séculos pelas mulheres goesas, e em que medida estas jóias reflectem as vivências sociais do território e os sincretismos das culturas cristã e hindu. A exposição "Jóias da Carreira da Índia" termina já no dia 26 de Abril. Visita temática "A Pedra de Bezoar: a história de um antídoto de Garcia de Orta a Harry Potter" com Jorge dos Santos Alves 25 de Março Gratuito Conferência "As Jóias da Índia" com Luísa Penalva 26 de Março Gratuito

23 A21 A verdade sobre os prazos de validade dos alimentos - Portugal Mundial Tipo Meio: Internet Data Publicação: Meio: URL: Portugal Mundial Online Será que devemos acreditar nos prazos de validade? Saiba até quando os alimentos podem mesmo ser consumidos porque nunca é tempo de desperdiçar comida. Aberta a porta do frigorífico, lança-se um olhar desconfiado à tampa do iogurte, à caixa dos ovos ou ao fiambre embalado. Já passaram alguns dias desde o fim do prazo de validade. Comer ou não comer, eis a indecisão. Resposta possível: arriscar e "seja o que Deus quiser". Mas uma coisa é certa: o produtor só se responsabiliza por uma eventual intoxicação alimentar até ao dia marcado no rótulo da embalagem. Dessa data em diante, a responsabilidade é nossa. E é grande. Ao deitar fora comida, também contribuímos para o aumento do desperdício alimentar. Os números da FAO, organismo da ONU para a Agricultura e a Alimentação, convidam à reflexão: 1,3 mil milhões de toneladas de comida no mundo vão, a cada ano, para o lixo. As condições inadequadas de armazenamento e transporte, a adopção de prazos de validade curtos e as promoções encorajadoras de compras em excesso são os principais motivos de desperdício. Solução, procura-se Para a Deco, prolongar os prazos de validade não reduz, por si só, as perdas alimentares. "É preciso gerir as compras, ser um consumidor pró-activo", diz Dulce Ricardo, daquela associação. "Deve-se estar atento às promoções, mas sem excessos, porque, depois, poupamos por um lado, para desperdiçarmos por outro." A opinião é partilhada pela ASAE: "Os retalhistas precisam de fazer a gestão adequada dos alimentos em stock. E mesmo o consumidor tem de fazer compras inteligentes", avisa Graça Mariano, directora do Departamento dos Riscos Alimentares e Laboratórios. Para que as compras inteligentes funcionem, é necessário saber distinguir entre data de durabilidade mínima ("consumir de preferência antes de.", ou "consumir de preferência antes do fim de.") e data limite de consumo ("consumir até."). A data de durabilidade mínima é aplicada ao arroz e às massas, às leguminosas secas, às conservas e enlatados, às bolachas e cereais, ao chocolate, ao azeite e ao óleo, entre outros produtos que não se degradam de forma rápida. Ultrapassado o prazo de validade destes alimentos, e mesmo existindo algumas alterações de sabor e textura, poderão ainda ser consumidos com relativa segurança. As bolachas ou os cereais, por exemplo, perdem a sua principal característica, a textura crocante, pelo que dificilmente o consumidor os quererá comer. Já a data limite em alimentos muito perecíveis, como queijo fresco, iogurtes, ovos, carne picada, salsichas frescas ou carne de aves deve ser respeitada. Também o cheiro da sopa azeda ainda antes de a ferver ou a cor acastanhada de um bife de vaca não deixam dúvidas de que não se deve comer. Mas não nos podemos fiar na análise dos alimentos à vista desarmada. "Tudo depende do nível de contaminação e da bactéria", explica Matilde Figueiredo, da Saport, uma spin off da Universidade Católica. O aspecto e o cheiro não dizem tudo Quando, em Abril de 2010, Sally Davies comprou um hambúrguer e batatas fritas, no McDonald's, estava longe de imaginar que, dias depois, os alimentos estivessem impecáveis, sem vestígios evidentes de decomposição. Diariamente, ao longo de três anos, a artista nova-iorquina vegetariana fotografou o hambúrguer e as batatas fritas só nas imagens recentes o pão dá sinais de estar ressequido. O Happy Meal Project provou que "um alimento contaminado pode ter um aspecto perfeitamente normal", alerta Dulce Ricardo, da Deco. "Qualquer carne fora do frio degrada-se, mas as bactérias mais patogénicas podem não dar sinais evidentes ", explica Graça Mariano, da ASAE. Outro caso insólito, também nos EUA, foi notícia, em David Whipple, do Utah, comprou um hambúrguer em Julho de 1999 e esqueceu-se dele, embrulhado no papel, dentro do bolso de um casaco. Encontrou-o dois anos depois sem sinais de bolor ou de deterioração. Continuou a observação da carne picada e já lá vão 14 anos. No programa de TV The Doctors, mostrou-se como, apesar de rijo, o hambúrguer não tem bolor ou fungos. Justificando-se, a McDonald's disse que a carne perde água, em forma de vapor, durante a confecção. E se o produto for deixado num local pouco

24 húmido, ainda perde mais água, secando em vez de apodrecer. Lição: o aspecto e o cheiro não devem substituir os prazos de validade. Frigorífico Evitar transmissão de odores e bactérias, protegendo os alimentos com película aderente ou em caixas herméticas Legumes e fruta devem ser guardados nas gavetas A carne e o peixe frescos podem estar dois dias no frigorífico. Após esse tempo, se não os usar, deve congelá-los Leite Um pacote "inchado", antes de o abrir, é mau sinal: o desenvolvimento de microrganismos pode provocar a formação de gás e um aumento do volume do pacote Guardar o leite ultrapasteurizado, depois de aberto, na porta (zona menos fria), e consumir dentro de 3 a 4 dias. Os leites pasteurizados ou do dia devem ir para o frio logo após a compra e, depois de abertos, duram até 3 dias Ovos Só podem estar 21 dias nas prateleiras dos supermercados embora tenham 28 dias de validade, desde a data da colocação. Garante-se, assim, que ainda possam permanecer uma semana em casa dos consumidores, com validade O frio ajuda a prolongar o prazo de validade Pré-embalados (queijo, queijo fresco, requeijão, fiambre, carne, salsichas frescas) A carne picada deve ser consumida até 24 horas. Outras carnes cruas podem ficar no frigorífico até 3 dias. As cozinhadas só resistem 1 a 2 dias. A temperatura no frigorífico deve rondar os 3ºC, mas nunca deve ser negativa, nem superior a 5ºC Na zona mais fria, arrume carne picada ou de aves, fiambre e charcutaria, peixe, cozinhados, conservas abertas e produtos de pastelaria Despensa Arroz, óleo, azeite, conservas, massas, enlatados, bolachas e cereais não se deterioram facilmente No caso do vinho, o processo de fermentação e a presença de sulfitos são conservantes Açúcar conservante natural Farinha como provem de cereais acumulados a granel, pode estar contaminada com substâncias químicas produzidas por fungos e mesmo parasitas. Atenção redobrada à validade Se os alimentos estiverem próximos do fim da validade, use-os numa receita e congele. Outro alerta: a congelação não elimina as bactérias, ao contrário da cozedura, mas suspende o seu desenvolvimento Fonte: Visão

25 A23 Tiragem: Pág: 4 Period.: Semanal Área: 23,00 x 14,05 cm² ID: Economia Âmbito: Regional Corte: 1 de 2

26 Tiragem: Pág: 1 Period.: Semanal Área: 7,96 x 2,65 cm² ID: Economia Âmbito: Regional Corte: 2 de 2

27 A25 ID: Tiragem: Period.: Mensal Âmbito: Outros Assuntos Pág: 6-7 Área: 6,14 x 6,43 cm² Corte: 1 de 1

Combate ao Desperdício Alimentar. Dicas e sugestões

Combate ao Desperdício Alimentar. Dicas e sugestões Combate ao Desperdício Alimentar Dicas e sugestões 2014 A alimentação ocupa um lugar importante na gestão da economia familiar. No entanto, nas casas portuguesas são desperdiçadas cerca de 324 mil toneladas

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Sexta-feira, 11 de dezembro de 2015. Série. Número 223

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Sexta-feira, 11 de dezembro de 2015. Série. Número 223 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 11 de dezembro de 2015 Série Sumário SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO Despacho n.º 470/2015 Nomeação em regime de substituição do Licenciado João Manuel

Leia mais

PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA

PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA PRÉMIO EMPREENDEDORISMO INOVADOR NA DIÁSPORA PORTUGUESA 2015 CONSTITUIÇÃO DO JÚRI Joaquim Sérvulo Rodrigues Membro da Direcção da COTEC Portugal, Presidente do Júri; Carlos Brazão Director Sénior de Vendas

Leia mais

A MIXIE RESPONDE TOP 10 DÚVIDAS DO ONLINE

A MIXIE RESPONDE TOP 10 DÚVIDAS DO ONLINE A MIXIE RESPONDE TOP 10 DÚVIDAS DO ONLINE DICA DA MIXIE - MARÇO 2014 1 SOCORRO! AS NATAS FICARAM LÍQUIDAS. O QUE FAZER? Use sempre natas indicadas para bater, ou seja, com pelo menos 35% de gordura. Quanto

Leia mais

CURRICULUM VITAE JOÃO MARTINS CLARO

CURRICULUM VITAE JOÃO MARTINS CLARO CURRICULUM VITAE JOÃO MARTINS CLARO I - QUALIFICAÇÕES ACADÉMICAS 1. Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa em 1976, com a classificação final de 15 valores. 2. Pós-graduado

Leia mais

DADOS PESSOAIS. Nome: Rui Pedro Costa Melo Medeiros. Data e local de nascimento: 1963, Lisboa. Nacionalidade: Portuguesa

DADOS PESSOAIS. Nome: Rui Pedro Costa Melo Medeiros. Data e local de nascimento: 1963, Lisboa. Nacionalidade: Portuguesa DADOS PESSOAIS Nome: Rui Pedro Costa Melo Medeiros Data e local de nascimento: 1963, Lisboa Nacionalidade: Portuguesa Correio eletrónico: rm@servulo.com 2 HABILITAÇÕES LITERÁRIAS Licenciatura em Direito

Leia mais

Fernando Correia. Principais atividades e funções atuais

Fernando Correia. Principais atividades e funções atuais 1 Fernando Correia Fernando António Pinheiro Correia nasceu em Coimbra em 1942. Jornalista. Docente universitário, com o grau de Professor Associado Convidado. Investigador em Sociologia, História e Socioeconomia

Leia mais

Professor Auxiliar Convidado Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP)

Professor Auxiliar Convidado Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP) M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Nacionalidade VALDEZ FERREIRA MATIAS, VASCO JORGE Portuguesa Data de nascimento 28/09/1953 Endereço Electrónico vjvaldez@gmail.com Contacto Telefónico

Leia mais

Currículos. 1. Membros do Conselho de Administração. 1.1. Administradores Executivos. 1.1.1. Presidente CA Luís Filipe Ottolini Coimbra

Currículos. 1. Membros do Conselho de Administração. 1.1. Administradores Executivos. 1.1.1. Presidente CA Luís Filipe Ottolini Coimbra Currículos 1. Membros do Conselho de Administração 1.1. Administradores Executivos 1.1.1. Presidente CA Luís Filipe Ottolini Coimbra Ano de Nascimento: 1944 - Licenciatura em Engenharia Aeronáutica e Mecânica

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Licenciado em Economia pelo ISE Instituto Superior de Economia em 1978/79. MBA em Finanças pela Universidade Católica em 1995

CURRICULUM VITAE. Licenciado em Economia pelo ISE Instituto Superior de Economia em 1978/79. MBA em Finanças pela Universidade Católica em 1995 CURRICULUM VITAE Franquelim Fernando Garcia Alves Nascido em 16/11/1954, 2 filhas Licenciado em Economia pelo ISE Instituto Superior de Economia em 1978/79 Revisor Oficial de Contas em 1987 MBA em Finanças

Leia mais

CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA. Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964.

CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA. Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964. CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA DADOS PESSOAIS: Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964. Estado civil: solteiro. Trabalha em Lisboa, com escritório na Rua

Leia mais

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL:

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL: CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL: Nome: Sandra Lopes Luís Morada: Rua de Entrecampos n.º 16, 2.º dto, 1000-152 Lisboa Portugal Data de Nascimento: 20. 05. 1979 Nacionalidade: Portuguesa Telefone: +351

Leia mais

NATURALIDADE: Cubal Angola DATA DE NASCIMENTO: 27.02.1961. ESTADO CIVIL: Casado

NATURALIDADE: Cubal Angola DATA DE NASCIMENTO: 27.02.1961. ESTADO CIVIL: Casado NOME: José António van der Kellen NATURALIDADE: Cubal Angola DATA DE NASCIMENTO: 27.02.1961 ESTADO CIVIL: Casado MORADA PROFISSIONAL: Direcção Regional de Lisboa, Vale do Tejo e Alentejo Av. António Augusto

Leia mais

Dados Pessoais. Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt

Dados Pessoais. Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt I Dados Pessoais JOÃO PEDRO OLIVEIRA DE MIRANDA Nascido a 28 de Agosto de 1972 Natural de Lisboa Contactos profissionais: joaomiranda@fd.ul.pt jmiranda@falm.pt 1 II Dados Curriculares 1. Ocupações actuais

Leia mais

JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 19 de julho de 2013

JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 19 de julho de 2013 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 19 de julho de 2013 Série Sumário VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Despacho n.º 114/2013 Designa, em regime de comissão de serviço, o DR. EMANUEL

Leia mais

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS 4696 Diário da República, 1.ª série N.º 151 7 de agosto de 2013 MINISTÉRIO DAS FINANÇAS Portaria n.º 252/2013 de 7 de agosto A 2.ª edição do Programa de Estágios Profissionais na Administração Pública

Leia mais

MEDIA TRAINNING. Programa

MEDIA TRAINNING. Programa MEDIA TRAINNING Comunicar em saúde Local HUC Centro de Simulação Biomédica dos Hospitais da Universidade de Coimbra Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, EPE Data 5 de Maio, 2012 Horário Manhã

Leia mais

Museu Nacional de Arqueologia

Museu Nacional de Arqueologia Museu Nacional de Arqueologia - História O atual Museu Nacional de Arqueologia (MNA) foi fundado em 1893 pelo Doutor José Leite de Vasconcelos (e daí a designação oficial mais completa do Museu, conforme

Leia mais

Do campo ao garfo: desperdício alimentar em Portugal 13 de Março 2013. Autores: Pedro Baptista Inês Campos Iva Pires Sofia Vaz

Do campo ao garfo: desperdício alimentar em Portugal 13 de Março 2013. Autores: Pedro Baptista Inês Campos Iva Pires Sofia Vaz Do campo ao garfo: desperdício alimentar em Portugal 13 de Março 2013 Autores: Pedro Baptista Inês Campos Iva Pires Sofia Vaz Projecto PERDA Prémio Ideias Verdes 2011 Coordenação David Sousa (Cestras)

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Segunda-feira, 4 de maio de 2015. Série. Número 78

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Segunda-feira, 4 de maio de 2015. Série. Número 78 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Segunda-feira, 4 de maio de 2015 Série Suplemento Sumário SECRETARIA REGIONAL DOS ASSUNTOS PARLAMENTARES E EUROPEUS Despacho n.º 191/2015 Nomeia em regime de substituição,

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Nacionalidade VALDEZ FERREIRA MATIAS, VASCO JORGE Portuguesa Data de nascimento 28/09/1953 Endereço Electrónico vjvaldez@gmail.com

Leia mais

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 3 Hemisfério esquerdo responsável pelo pensamento lógico e pela competência

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Segunda-feira, 19 de outubro de 2015. Série. Número 189

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Segunda-feira, 19 de outubro de 2015. Série. Número 189 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Segunda-feira, 19 de outubro de 2015 Série Sumário SECRETARIA REGIONAL DA ECONOMIA, TURISMO E CULTURA Despacho n.º 445/2015 Designa, em regime de substituição,

Leia mais

Programa 5 ao Dia. Um Alimentação Saudável está nas nossas mãos.

Programa 5 ao Dia. Um Alimentação Saudável está nas nossas mãos. Programa 5 ao Dia Um Alimentação Saudável está nas nossas mãos. O que é o Programa 5 ao Dia? Enquadramento Conceito Objectivos e Destinatários Associação 5 ao Dia Desenvolvimento Enquadramento Mudança

Leia mais

Conselho Nacional de Educação. Falecimento Prof. a Doutora Maria Teresa Ambrósio (1937-2006)

Conselho Nacional de Educação. Falecimento Prof. a Doutora Maria Teresa Ambrósio (1937-2006) Votos de Pesar VOTOS DE PESAR Conselho Nacional de Educação Falecimento Prof. a Doutora Maria Teresa Ambrósio (1937-2006) Faleceu hoje, vítima de doença prolongada, a Prof. a Doutora Maria Teresa Vieira

Leia mais

Plano de Formação 2010

Plano de Formação 2010 Plano de Formação 2010 Formando Unidade Orgânica Designação das acções de formação Data e duração Entidade Formadora/ Local Custo c/iva DIRIGENTES Participação no Colóquio "Quality of Legislation" da International

Leia mais

CURRICULUM VITAE MARIA LUISA PERDIGÃO ABRANTES. Rua Comandante Dangereux nº 60. Tel.: (244) 222391434/ (1-202) 288-8604. Fax: (+244) 222393381

CURRICULUM VITAE MARIA LUISA PERDIGÃO ABRANTES. Rua Comandante Dangereux nº 60. Tel.: (244) 222391434/ (1-202) 288-8604. Fax: (+244) 222393381 CURRICULUM VITAE Data de Nascimento: MARIA LUISA PERDIGÃO ABRANTES Rua Comandante Dangereux nº 60 Tel.: (244) 222391434/ (1-202) 288-8604 Fax: (+244) 222393381 23 de Julho de 1951 Luanda, República de

Leia mais

Autoridade de Segurança Alimentar e Económica. Alexandra Veiga Manuel Barreto Dias

Autoridade de Segurança Alimentar e Económica. Alexandra Veiga Manuel Barreto Dias Alexandra Veiga Manuel Barreto Dias SEGURANÇA ALIMENTAR Prevenir a presença de agentes patogénicos nos alimentos agentes biológicos microrganismos parasitas agentes tóxicos origem microbiana origem no

Leia mais

CURRICULUM VITAE NOME DATA DE NASCIMENTO HABILITAÇÕES LITERÁRIAS CONHECIMENTO DE LÍNGUAS EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL - JOSÉ MIGUEL SARDINHA - 15/09/59

CURRICULUM VITAE NOME DATA DE NASCIMENTO HABILITAÇÕES LITERÁRIAS CONHECIMENTO DE LÍNGUAS EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL - JOSÉ MIGUEL SARDINHA - 15/09/59 CURRICULUM VITAE NOME - JOSÉ MIGUEL SARDINHA DATA DE NASCIMENTO - 15/09/59 HABILITAÇÕES LITERÁRIAS - LICENCIADO EM DIREITO PELA FACULDADE DE DIREITO DE LISBOA (1984). 13 valores.grau de Mestre em Direito

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E

M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada Ana Teresa Bernardo Guia RUA CENTRO REPUBLICANO, 70 2º ESQ 2300 359 TOMAR, PORTUGAL Telefone 966 166 243 Correio

Leia mais

EDITAL PARA A ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) ATRIBUIÇÃO DE 6 (SEIS) BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

EDITAL PARA A ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) ATRIBUIÇÃO DE 6 (SEIS) BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL PARA A ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) ATRIBUIÇÃO DE 6 (SEIS) BOLSAS DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA No âmbito de protocolo celebrado com a Fundação de Ciência e

Leia mais

Apresentação do Projecto «Citius» e entrega de computadores portáteis com esta aplicação aos alunos do Centro de Estudos Judiciários Lisboa 2007-09-20

Apresentação do Projecto «Citius» e entrega de computadores portáteis com esta aplicação aos alunos do Centro de Estudos Judiciários Lisboa 2007-09-20 Apresentação do Projecto «Citius» e entrega de computadores portáteis com esta aplicação aos alunos do Centro de Estudos Judiciários Lisboa 2007-09-20 Não tendo podido estar presente na abertura das actividades

Leia mais

Quatro gestores e um engenheiro

Quatro gestores e um engenheiro Tiragem: 26368 Pág: VIII Área: 26,85 x 36,48 cm² ID: 30707498 22-06-2010 Universidades Âmbito: Economia, Negócios e. Corte: 1 de 2 PRÉMIOS Foto cedida Os cinco finalistas do Prémio Primus Inter Pares,

Leia mais

JORNAL OFICIAL Terça-feira, 20 de agosto de 2013

JORNAL OFICIAL Terça-feira, 20 de agosto de 2013 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Terça-feira, 20 de agosto de 2013 Série Sumário SECRETARIA REGIONAL DOS ASSUNTOS SOCIAIS Despacho n.º 130/2013 Nomeação em comissão de serviço da licenciada Maria

Leia mais

SEMINÁRIO. Observatório da Nutrição e Alimentação em Portugal 1ª Edição. Fundação Calouste Gulbenkian 15:30. 21 de março de 2013

SEMINÁRIO. Observatório da Nutrição e Alimentação em Portugal 1ª Edição. Fundação Calouste Gulbenkian 15:30. 21 de março de 2013 SEMINÁRIO Observatório da Nutrição e Alimentação em Portugal 1ª Edição Fundação Calouste Gulbenkian 15:30 Programa do seminário 15:30 - Receção aos participantes 16:00 - Sessão de Abertura Dr. Helena Ávila

Leia mais

COMPRAR GATO POR LEBRE

COMPRAR GATO POR LEBRE PUBLICADO NA EDIÇÃO IMPRESSA SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 POR JM CAVALO POR VACA É A VERSÃO ATUAL DE COMPRAR GATO POR LEBRE O consumo da carne de cavalo é encarado, ainda, com uma certa conotação

Leia mais

CURRICULUM VITAE SÍNTESE JORGE JÚLIO LANDEIRO DE VAZ

CURRICULUM VITAE SÍNTESE JORGE JÚLIO LANDEIRO DE VAZ CURRICULUM VITAE SÍNTESE JORGE JÚLIO LANDEIRO DE VAZ MAIO DE 2012 1. DADOS PESSOAIS Nome: JORGE JÚLIO LANDEIRO DE VAZ 2. HABILITAÇÕES ACADÉMICAS 2011 Auditor de Defesa Nacional Curso de Defesa Nacional

Leia mais

MEDIA TRAINNING. Programa

MEDIA TRAINNING. Programa MEDIA TRAINNING Comunicar em saúde Local HUC Centro de Simulação Biomédica dos Hospitais da Universidade de Coimbra Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, EPE Data 5 de Maio, 2012 Horário Manhã

Leia mais

ESTATUTOS DOS SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL DA UNIVERSIDADE DE LISBOA

ESTATUTOS DOS SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL DA UNIVERSIDADE DE LISBOA ESTATUTOS DOS SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL DA UNIVERSIDADE DE LISBOA Artigo 1.º Natureza Os Serviços de Ação Social da Universidade de Lisboa, adiante designados por SASULisboa, são uma pessoa coletiva de direito

Leia mais

MAPA DE PESSOAL - 2012 (art.º 5.º da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º 3.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 03 de Setembro)

MAPA DE PESSOAL - 2012 (art.º 5.º da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º 3.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 03 de Setembro) MAPA DE PESSOAL - 202 (art.º 5.º da Lei n.º 2-A/2008, de 27 de Fevereiro e art.º.º do Decreto-Lei n.º 209/2009, de 0 de Setembro) GERAL, FINANÇAS E MODERNIZAÇÃO Decreto-Lei n.º 05/09, de 2/0. DEPARTAMENTO

Leia mais

CONSUMO CONSCIENTE DE ALIMENTOS Conteúdo desenvolvido pelo Instituto Akatu.

CONSUMO CONSCIENTE DE ALIMENTOS Conteúdo desenvolvido pelo Instituto Akatu. CONSUMO CONSCIENTE DE ALIMENTOS Conteúdo desenvolvido pelo Instituto Akatu. Os impactos do desperdício de alimentos. Pense em um prato de comida à sua frente. Imagine-o sendo jogado no lixo, sem piedade.

Leia mais

1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006. 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder

1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006. 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder Revista de Imprensa 08-11-2010 DNA 1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder 3 - Diário Económico, 28-10-2010,

Leia mais

1 - Expresso, 13-10-2007, Cascais empreende. 2 - Sol, 13-10-2007, Inovação precisa de dinheiro

1 - Expresso, 13-10-2007, Cascais empreende. 2 - Sol, 13-10-2007, Inovação precisa de dinheiro Revista de Imprensa Semana Europeia de Empreendedorismo 2007 DNA 1 - Expresso, 13-10-2007, Cascais empreende 2 - Sol, 13-10-2007, Inovação precisa de dinheiro 3 - Jornal da Costa do Sol, 11-10-2007, Inovar

Leia mais

JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 26 de abril de 2013

JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 26 de abril de 2013 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 26 de abril de 2013 Série Sumário VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL E SECRETARIA REGIONAL DO PLANO E FINANÇAS Despacho conjunto n.º 31/2013 Homologação

Leia mais

Contabilidade e Fiscalidade

Contabilidade e Fiscalidade www. indeg. iscte-iul. pt ARTICULA OS PRINCIPAIS TEMAS DE RELEVÂNCIA ATUAL E FUTURA NA ÁREA DA ATRAVÉS DE UMA ESTRUTURA PROGRAMÁTICA SÓLIDA E ABRANGENTE NA ÁREA CIENTÍFICA DA CONTABILIDADE Contabilidade

Leia mais

CURRICULUM VITAE. - Licenciatura em Engenharia da Produção de Óleos Alimentares, pela Escola Superior Agrária de Castelo Branco, concluído em 2002.

CURRICULUM VITAE. - Licenciatura em Engenharia da Produção de Óleos Alimentares, pela Escola Superior Agrária de Castelo Branco, concluído em 2002. CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS NOME: Maria Luisa Cruz Baptista Fernandes Rodrigues DATA NASCIMENTO: 05/09/67 IDADE: 38anos MORADA: Rua Padre Américo, n.º 24 2º Esq. 3000 Coimbra TELEFONE: 239 72 45 28

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária Brasília / DF 2010 2010 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Todos os direitos reservados. Permitida

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO: MINISTÉRIO DA AGRICULTURA

RELATÓRIO DE ESTÁGIO: MINISTÉRIO DA AGRICULTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO TECNOLÓGICO DEPARTAMENTO ENGENHARIA QUÍMICA E ALIMENTOS EQA5510: ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO FLORIANÓPOLIS, JULHO DE 2013. PROFESSOR ORIENTADOR: HAIKO

Leia mais

Dinâmica e Animação de Grupo

Dinâmica e Animação de Grupo Dinâmica e Animação de Grupo Desenvolvimento de Competências Turma G3D Leandro Diogo da Silva Neves 4848 Índice 1. Introdução... 3 2. Planeamento de desenvolvimento individual... 4 2.1 Competências...

Leia mais

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Uma alimentação equilibrada proporciona uma quantidade correcta

Leia mais

Uma receita de iogurte

Uma receita de iogurte A U A UL LA Uma receita de iogurte O iogurte, um alimento comum em vários países do mundo, é produzido a partir do leite. Na industrialização desse produto empregam-se técnicas diversas para dar a consistência,

Leia mais

Eliminação de processos e documentos de arquivo

Eliminação de processos e documentos de arquivo Eliminação de processos e documentos de arquivo OT-05 1 Enquadramento legal e objetivo da eliminação: A eliminação de documentos de arquivo é um ato de gestão que tem por objetivo, libertar o arquivo de

Leia mais

Módulo 1 Entendendo a contaminação dos alimentos

Módulo 1 Entendendo a contaminação dos alimentos Módulo 1 Entendendo a contaminação dos alimentos Aula 1 - O que é um Alimento Seguro? Por que nos alimentamos? A alimentação é uma atividade básica para o indivíduo manter- se vivo. Precisamos nos nutrir

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 12 de agosto de 2015. Série. Número 146

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 12 de agosto de 2015. Série. Número 146 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Quarta-feira, 12 de agosto de 2015 Série Sumário SECRETARIA REGIONAL DA SAÚDE Despacho n.º 372/2015 Designa no cargo de Chefe do Gabinete, o licenciado Miguel

Leia mais

Legislação MINISTÉRIO DAS FINANÇAS - GABINETE DA MINISTRA. Despacho n.º 11088-B/2014, de 1 de setembro de 2014

Legislação MINISTÉRIO DAS FINANÇAS - GABINETE DA MINISTRA. Despacho n.º 11088-B/2014, de 1 de setembro de 2014 Legislação Diploma Despacho n.º 11088-B/2014, de 1 de setembro de 2014 Estado: vigente Resumo: Designação dos subdiretores gerais e do diretor do Centro de Estudos Fiscais e Aduaneiros da AT Publicação:

Leia mais

DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA

DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA DURAÇÃO / COMPONENTE / DIPLOMA CURSO DE FORMAÇÃO AVANÇADA I Edição 2014 30 Horas lectivas / Teórica / Curso de Formação Avançada COORDENAÇÃO Coordenação Científica Prof.

Leia mais

Os sistemas de informação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia: contributo para uma perspectiva integrada da gestão da informação

Os sistemas de informação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia: contributo para uma perspectiva integrada da gestão da informação Os sistemas de informação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia: contributo para uma perspectiva integrada da gestão da informação Encontro Internacional de Arquivos Universidade de Évora 3-4 de Outubro

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Maria Luísa Perdigão Abrantes

CURRICULUM VITAE. Maria Luísa Perdigão Abrantes CURRICULUM VITAE Maria Luísa Perdigão Abrantes CURRICULUM VITAE MARIA LUISA PERDIGÃO ABRANTES 6210 Homespun Lane, Falls Church, VA. 22044, USA Tel:(1-571) 434 7861 Fax: (1-202) 962 0381 E-mail: milinvest@starpower.net

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA e CIÊNCIAS / 4º ano. Semana de 11 a 15 de agosto de 2014

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA e CIÊNCIAS / 4º ano. Semana de 11 a 15 de agosto de 2014 COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION LIÇÕES DE MATEMÁTICA e CIÊNCIAS / 4º ano Semana de 11 a 15 de agosto de 2014 Segunda-feira Curitiba, 11 de agosto de 2014. Um ônibus faz três vezes ao dia o percurso de ida

Leia mais

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida SETEMBRO Regresso à escola/adaptação Facilitar a adaptação/readaptação ao jardim de infância Negociar e elaborar a lista de regras de convivência Diálogo sobre

Leia mais

Decreto-Lei n.º 26/2012. de 6 de fevereiro

Decreto-Lei n.º 26/2012. de 6 de fevereiro Decreto-Lei n.º 26/2012 de 6 de fevereiro No âmbito do Compromisso Eficiência, o XIX Governo Constitucional determinou as linhas gerais do Plano de Redução e Melhoria da Administração Central (PREMAC).

Leia mais

Instituto de Cooperação Científica e Tecnológica Internacional

Instituto de Cooperação Científica e Tecnológica Internacional Registo de autoridade arquivística Instituto de Cooperação Científica e Tecnológica Internacional Identificação Tipo de entidade Entidade coletiva Forma autorizada do nome Instituto de Cooperação Científica

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

Alimentix 2. O teu jogo dos Alimentos. Jogar. Como Jogar?

Alimentix 2. O teu jogo dos Alimentos. Jogar. Como Jogar? Alimentix 2 O teu jogo dos Alimentos Jogar Como Jogar? Olá amigo! O Alimentix 2 é um jogo extraordinário onde vais poder explorar o fantástico mundo dos alimentos. Estás pronto? 1. O Alimentix 2 é composto

Leia mais

P A U L O G R A Ç A A d v o g a d o CURRICULUM VITAE. 1. NOME: Paulo Alexandre Pinto Correia Rodrigues da Graça.

P A U L O G R A Ç A A d v o g a d o CURRICULUM VITAE. 1. NOME: Paulo Alexandre Pinto Correia Rodrigues da Graça. CURRICULUM VITAE I. IDENTIFICAÇÃO PESSOAL 1. NOME: Paulo Alexandre Pinto Correia Rodrigues da Graça. 2. ESTADO CIVIL: Divorciado. 3. FILIAÇÃO: João Pinto da Graça e Maria Manuela Pinto Correia Rodrigues

Leia mais

Objectivos Proporcionar experiências musicais ricas e diversificadas e simultaneamente alargar possibilidades de comunicação entre Pais e bebés.

Objectivos Proporcionar experiências musicais ricas e diversificadas e simultaneamente alargar possibilidades de comunicação entre Pais e bebés. O estudo do desenvolvimento musical da criança é um campo de trabalho privilegiado pela CMT, tendo em conta o perfil curricular de alguns dos seus elementos, com ligações ao meio universitário. Um pouco

Leia mais

CATÓLICA RESEARCH CENTER FOR THE FUTURE OF LAW

CATÓLICA RESEARCH CENTER FOR THE FUTURE OF LAW CATÓLICA RESEARCH CENTER FOR THE FUTURE OF LAW ALGUNS VETORES FUNDAMENTAIS (Janeiro de 2013) Rui Medeiros Centro, Escola e Faculdade 1. Centro da Escola de Lisboa (ainda que transitoriamente) e que, nessa

Leia mais

Joana Margarida Gonçalo Ferreira de Oliveira

Joana Margarida Gonçalo Ferreira de Oliveira Curriculum Vitae Joana Margarida Gonçalo Ferreira de Oliveira Dados pessoais Morada: Rua Dona Estefânia nº 3, 4º. 1150-129 Lisboa Contactos: 91 4359997 jmgfoliveira@hotmail.com Local e data de nascimento:

Leia mais

JORNAL OFICIAL Quinta-feira, 27 de junho de 2013

JORNAL OFICIAL Quinta-feira, 27 de junho de 2013 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Quinta-feira, 27 de junho de 2013 Série Sumário VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Despacho n.º 104/2013 Designa o Licenciado, António Gil Fraga Gomes Ferreira,

Leia mais

Managing Team Performance

Managing Team Performance www.pwc.pt/academy Managing Team Performance Helping you push harder Lisboa, 22 e 24 de abril Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as melhores práticas de gestão contínua de performance e de resultados

Leia mais

A Formação Pós-Graduada na Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto

A Formação Pós-Graduada na Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto Universidade Agostinho Neto Faculdade de Direito Workshop sobre Formação Pós-Graduada e Orientação A Formação Pós-Graduada na Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto Por: Carlos Teixeira Presidente

Leia mais

Estudo sobre Empreendedorismo e Criação de Emprego em Meio Urbano e Fiscalidade Urbana - Apresentação de resultados 13 /Novembro/2012

Estudo sobre Empreendedorismo e Criação de Emprego em Meio Urbano e Fiscalidade Urbana - Apresentação de resultados 13 /Novembro/2012 Estudos de Fundamentação do Parecer de Iniciativa Competitividade das Cidades, Coesão Social e Ordenamento do Território Estudo sobre Empreendedorismo e Criação de Emprego em Meio Urbano e Fiscalidade

Leia mais

Em primeiro lugar, gostaria, naturalmente, de agradecer a todos, que se disponibilizaram, para estar presentes nesta cerimónia.

Em primeiro lugar, gostaria, naturalmente, de agradecer a todos, que se disponibilizaram, para estar presentes nesta cerimónia. Cumprimentos a todas as altas individualidades presentes (nomeando cada uma). Caras Colegas, Caros Colegas, Minhas Senhoras, Meus Senhores, Meus Amigos Em primeiro lugar, gostaria, naturalmente, de agradecer

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS COORDENAÇÃO Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof. Doutor Sérgio

Leia mais

CURRICULUM VITAE João Trabuco

CURRICULUM VITAE João Trabuco CURRICULUM VITAE João Trabuco Ponta Delgada, 1 de Março de 2008 1 DADOS BIOGRÁFICOS Nome: João Manuel Beliz Trabuco Filiação: Álvaro Velez Trabuco Catarina Lopes Beliz Data de nascimento: 20 de Abril de

Leia mais

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO Concurso externo de Ingresso para preenchimento de um posto de trabalho na categoria de Técnico de Informática do Grau 1, Nível 1, da carreira

Leia mais

PROPIEDADE INTELECTUAL NA INTERNET

PROPIEDADE INTELECTUAL NA INTERNET PROPIEDADE INTELECTUAL NA INTERNET Fundação Calouste Gulbenkian. Lisboa 2 de dezembro (09h-14h) Carlos Guervós Maíllo (Moderador) Subdirector General de Propiedad Intelectual (Secretaría de Estado de Cultura)

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Nome: Maria de Fátima da Silva Ribeiro. Morada: Rua do Crasto, 652, Hab. 3.2, 4150-243 Porto. Telefone: 226104452

CURRICULUM VITAE. Nome: Maria de Fátima da Silva Ribeiro. Morada: Rua do Crasto, 652, Hab. 3.2, 4150-243 Porto. Telefone: 226104452 CURRICULUM VITAE Nome: Maria de Fátima da Silva Ribeiro Morada: Rua do Crasto, 652, Hab. 3.2, 4150-243 Porto Telefone: 226104452 Data e local de nascimento: 23 de Setembro de 1965 Porto Estado Civil: Casada

Leia mais

I - Disposições gerais. Artigo 1.º Âmbito da cooperação

I - Disposições gerais. Artigo 1.º Âmbito da cooperação Decreto n.º 25/2002 Acordo de Cooperação na Área da Educação e Cultura entre a República Portuguesa e a Região Administrativa Especial de Macau da República Popular da China, assinado em Lisboa, em 29

Leia mais

ENSINO LIGAÇÕES OBJECTIVOS CURRICULUM NACIONAL

ENSINO LIGAÇÕES OBJECTIVOS CURRICULUM NACIONAL O Capítulo 1.2, Micróbios Inofensivos, destaca os benefícios de alguns micróbios examinando diversos meios e métodos para podermos utilizá-los em nosso benefício. Através da actividade fabricar iogurte,

Leia mais

Os microrganismos e suas funções

Os microrganismos e suas funções ós na ala de Aula - Ciências 6º ao 9º ano - unidade 3 essa unidade, as atividades propostas visam colaborar para desenvolver novas perspectivas sobre a fermentação, processo realizado por fungos e bactérias.

Leia mais

Comunicar PAPA. Jornal. Bento XVI recebe José Maria Neves no Vaticano. Administração Pública. www.governo.cv

Comunicar PAPA. Jornal. Bento XVI recebe José Maria Neves no Vaticano. Administração Pública. www.governo.cv Jornal Comunicar Administração Pública Governo de Cabo Verde Edição Gratuita Mensal nº18 Setembro de 2010 Edição Especial www.governo.cv www.governo.cv PAPA Bento XVI recebe José Maria Neves no Vaticano

Leia mais

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS INSTITUTO DIPLOMÁTICO

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS INSTITUTO DIPLOMÁTICO VAGAS PARA ESTÁGIOS SERVIÇOS INTERNOS 1º SEMESTRE DE 2013/2014 SERVIÇO VAGAS PERFIL DO ESTAGIÁRIO DESCRIÇÃO DAS FUNÇÕES A DESEMPENHAR Divisão de Arquivo e Biblioteca/IDI (Instituto Diplomático) Vaga I-1/1S/1314

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 11 Pronunciamento sobre a questão

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO / ESPECIALIZAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO DA SEGURANÇA ALIMENTAR

PÓS-GRADUAÇÃO / ESPECIALIZAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO DA SEGURANÇA ALIMENTAR PÓS-GRADUAÇÃO / ESPECIALIZAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO DA SEGURANÇA ALIMENTAR FORMAÇÃO SGS ACADEMY LOCAL: LISBOA, PORTO E FUNCHAL GRUPO SGS PORTUGAL O Grupo SGS Société Générale de Surveillance S.A é a maior

Leia mais

CURSO DE GASTRONOMIA Disciplina : matérias primas Conceito e Tipo de Matéria Prima

CURSO DE GASTRONOMIA Disciplina : matérias primas Conceito e Tipo de Matéria Prima CURSO DE GASTRONOMIA Disciplina : matérias primas Conceito e Tipo de Matéria Prima Profª. Nensmorena Preza ALIMENTO Toda substância ou mistura de substâncias, no estado sólido, líquido, pastoso ou qualquer

Leia mais

Pós-Graduação Leadership & Management. 3ª Edição

Pós-Graduação Leadership & Management. 3ª Edição Pós-Graduação Leadership & Management 3ª Edição 2010/2011 Leadership & Management Direcção Científica Prof. Doutor José Verissimo Doutora Teresa Passos A Direcção Executiva é partilhada entre o IDEFE e

Leia mais

CURRICULUM VITAE (RESUMIDO)

CURRICULUM VITAE (RESUMIDO) CURRICULUM VITAE (RESUMIDO) Nome: MANUEL JOÃO ALVES, Data de nascimento: 29 de Dezembro de 1957, Estado Civil: casado, Naturalidade: Santiago da Guarda Ansião, Residência: Rua São Salvador da Baía, n.º

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA Procedimento Concursal para. Recrutamento de 20 Técnicas/os Superiores

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA Procedimento Concursal para. Recrutamento de 20 Técnicas/os Superiores INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA Procedimento Concursal para Recrutamento de 20 Técnicas/os Superiores Nos termos do disposto no nº 2 do artigo 47º da Lei nº 82-B/2014, de 31 de dezembro, e do nº 5 do

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 2 DE ABRANTES CURRICULUM VITAE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 2 DE ABRANTES CURRICULUM VITAE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 2 DE ABRANTES CURRICULUM VITAE ALCINO JOSÉ BRÁS HERMÍNIO Curriculum Vitae Alcino José Brás Hermínio Página 1/6 INFORMAÇÃO PESSOAL Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) BRÁS HERMÍNIO,

Leia mais

Nuno Miguel Lopes da Silva

Nuno Miguel Lopes da Silva Nuno Miguel Lopes da Silva Data de Nascimento: 08 de Janeiro de 1974 Local de Nascimento: Portimão Nacionalidade: Portuguesa Estado Civil: Divorciado H A B I L I T A Ç Õ E S L I T E R Á R I A S Formação

Leia mais

Domingo é dia de macarronada

Domingo é dia de macarronada Domingo é dia de macarronada Eixo(s) temático(s) Vida e ambiente / ser humano e saúde Tema Interações entre os seres vivos / o caminho cíclico dos materiais no ambiente / interação entre os seres vivos

Leia mais

7) Providenciar e estimular a publicação de estudos sobre o Direito de Macau;

7) Providenciar e estimular a publicação de estudos sobre o Direito de Macau; REGULAMENTO DO CENTRO DE REFLEXÃO, ESTUDO, E DIFUSÃO DO DIREITO DE MACAU DA FUNDAÇÃO RUI CUNHA CAPÍTULO I - DEFINIÇÃO E OBJECTIVOS Artigo 1º - Definição O Centro de Reflexão, Estudo, e Difusão do Direito

Leia mais

1. Introdução. 2. O que é a Roda dos Alimentos?

1. Introdução. 2. O que é a Roda dos Alimentos? 1. Introdução Educar para uma alimentação saudável é essencial na tentativa de ajudar os jovens a tornar as escolhas saudáveis escolhas mais fáceis. Educar para comer bem e de uma forma saudável, constitui

Leia mais

INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS?

INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS? INTERVENÇÃO DO SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO NO SEMINÁRIO DA APAVT: QUAL O VALOR DA SUA AGÊNCIA DE VIAGENS? HOTEL TIVOLI LISBOA, 18 de Maio de 2005 1 Exmos Senhores ( ) Antes de mais nada gostaria

Leia mais

Evento. Como preparar o futuro financeiro dos. portugueses. Dossier de Imprensa

Evento. Como preparar o futuro financeiro dos. portugueses. Dossier de Imprensa Evento Como preparar o futuro financeiro dos portugueses Dossier de Imprensa 1 Índice Como preparar o futuro financeiro dos portugueses. 3 Data, local e área do evento 3 Confirmação de presença 3 Programa

Leia mais

JORNAL OFICIAL. 2.º Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 20 de maio de 2015. Série. Número 90

JORNAL OFICIAL. 2.º Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 20 de maio de 2015. Série. Número 90 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Quarta-feira, 20 de maio de 2015 Série 2.º Suplemento Sumário SECRETARIA REGIONAL DAS FINANÇAS E DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Despacho n.º 253/2015 Redefine as regras

Leia mais

Vogal do Conselho da Caixa Geral de Depósitos, S.A., desde 1 de Outubro de 2004.

Vogal do Conselho da Caixa Geral de Depósitos, S.A., desde 1 de Outubro de 2004. Norberto Emílio Sequeira da Rosa Currículo Data de Nascimento: 3 de Abril de 1955 Cargos que Exerce: Vogal do Conselho da Caixa Geral de Depósitos, S.A., desde 1 de Outubro de 2004. Membro não executivo

Leia mais

Plataforma de Formação e Discussão para a Promoção do Emprego Qualificado Porto, julho2012

Plataforma de Formação e Discussão para a Promoção do Emprego Qualificado Porto, julho2012 Plataforma de Formação e Discussão para a Promoção do Emprego Qualificado Porto, julho2012 Enquadramento As sucessivas e dependentes crises financeiras - do subprime e das dívidas soberanas - têm levado

Leia mais