CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO"

Transcrição

1 CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO Sistema Aberto DISCIPLINA: Introdução à Administração FONTE: BATEMAN, Thomas S. SNELL, Scott A. Administração Construindo Vantagem Competitiva. Atlas. São Paulo, IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 1

2 Criatividade Um fazendeiro resolveu colher algumas frutas em sua propriedade. Pegou um balde vazio e seguiu rumo às árvores frutíferas. No caminho, ao passar por uma lagoa, ouviu vozes femininas que provavelmente invadiram suas terras. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 2

3 Criatividade Ao se aproximar lentamente, observou várias garotas nuas se banhando na lagoa. Quando elas perceberam sua presença, nadaram até a parte mais profunda da lagoa e gritaram: nós não vamos sair daqui enquanto você não deixar de nos espiar e for embora. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 3

4 Criatividade O fazendeiro responde: eu não vim aqui para espiar vocês, eu só vim alimentar os jacarés! MORAL DA HISTÓRIA: A criatividade é o que faz a diferença na hora de atingirmos nossos objetivos. Criatividade X Inovação IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 4

5 O que um administrador precisa ter para ser eficiente e eficaz? 1 - EXPERIÊNCIA adquirida no exercício de atividades profissionais. 2 - BOM-SENSO adquirido por meio da qualidade da formação moral, cultural e profissional. 3 - CONHECIMENTO adquirido por meio do estudo dos princípios, teorias e instrumentos da ciência da administração. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 5

6 Os administradores são UNIVERSAIS porque administram qualquer organização os tipos de organizações: grandes e pequenos negócios, hospitais, escolas, governos, igrejas os níveis: executivos, administradores, dirigentes, padres as áreas funcionais: recursos humanos, contabilidade, finanças, vendas, marketing, produção IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 6

7 POR QUE estudar administração? Mesmo que um administrador tenha bomsenso, é preciso estudar e desenvolver os conceitos e os instrumentos de administração para saber colocá-los em prática de modo adequado no tempo certo nas condições adequadas. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 7

8 Conhecimento implica em SABER FAZER Muitas empresas estão FALIDAS apesar de seus administradores terem experiência e bom-senso. O que eles não têm é competência, ou seja, saber fazer de manejar com habilidade as funções de administração: Planejar: estabelecer ações para fazer o futuro Organizar: alocar recursos certos na ordem certa Liderar: influenciar pessoas para atingir objetivos Controlar: monitorar ações, processos e pessoas IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 8

9 CONHECER o conhecimento que já existe A EXPERIÊNCIA é muito importante na administração, como em qualquer outra profissão. Porém, existem conceitos, posturas, mecanismos e experiências já vivenciadas (CONHECIMENTO) que podem ser aprendidas mais rapidamente no curso de administração, tornando o profissional melhor e mais rapidamente preparado para o pleno exercício da função de administrador em qualquer empresa, em qualquer lugar e em qualquer posição. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 9

10 Sistemas Definição - Sistema é um conjunto de elementos interconectados, de modo a formar um todo organizado. Em outras ciências - É uma definição que acontece em várias disciplinas, como biologia, medicina, informática e administração. Objetivo - Todo sistema possui um objetivo geral a ser atingido. Classificação - Quanto à sua natureza, os sistemas podem ser FECHADOS e ABERTOS. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 10

11 Sistema ABERTO e FECHADO FECHADOS: não apresentam intercâmbio com o meio ambiente que os circunda. Sendo assim, não recebem nenhuma influência do ambiente e por outro lado não influenciam. Não recebem nenhum recurso externo e nada produzem que seja enviado para fora. ABERTOS: são os sistemas que apresentam relações de intercâmbio com o ambiente, por meio de entradas e saídas. Os sistemas abertos trocam matéria, energia e informação regularmente com o meio ambiente. São eminentemente adaptativos, isto é, para sobreviver devem reajustar-se constantemente às condições do meio. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 11

12 O que é um Sistema Aberto? Sistema aberto é um conjunto de partes interdependentes que processa insumos em saídas. Uma empresa é um SISTEMA ABERTO, administrado, projetado e operado para atingir determinado conjunto de objetivos. PROCESSAMENTO SAÍDAS INSUMOS FEEDBACK IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 12

13 Partes de um Sistema Aberto IMPUT (entradas) - São recursos do ambiente colocados na empresa para que ela funcione: Materiais; Dinheiro; Pessoas; Instalações; Informações, conhecimento etc. OUTPUT (saídas) - São resultados gerados pelo processamento da empresa que vão para o ambiente: Lucro ou prejuízo; Produtos e serviços; Produto/serviço bom ou ruim. FEEDBACK (retroalimentação) - É a resposta de pessoas (clientes, funcionários, outras pessoas) sobre a satisfação ou insatisfação dos produtos e serviços: Reclamações ou elogios; Mais ou menos compras; Sugestões; Satisfação ou insatisfação dos clientes, comunidade, funcionários, fornecedores etc. IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 13

14 Administração Uma boa administração ajuda uma empresa a sobreviver e vencer em uma competição com outras empresas. Para sobreviver e vencer, é preciso obter VANTAGEM sobre os concorrentes, ou seja, ser melhor que os concorrentes em fazer coisas de VALOR para os consumidores. Vantagem Competitiva IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 14

15 VANTAGENS competitivas 1 - Competitividade em custos 2 - Produtos da qualidade desejada pelos clientes 3 Velocidade no atendimento das necessidades dos clientes 4 - Inovação de novos bens e serviços Aumento seu Valor IA_02_CONCEITO DE ADMINISTRAÇÃO-Sistema Aberto 15

Níveis de Administração

Níveis de Administração PAPEL DO ADMINISTRADOR Níveis de Administração DISCIPLINA: Introdução à Administração FONTE: BATEMAN, Thomas S. SNELL, Scott A. Administração Construindo Vantagem Competitiva. Atlas. São Paulo, 1998. IA_04_PAPEL

Leia mais

EnEPA. II Encontro de Ensino e Pesquisa em Administração da Amazônia Gestão e Sustentabilidade na Amazônia ISBN:

EnEPA. II Encontro de Ensino e Pesquisa em Administração da Amazônia Gestão e Sustentabilidade na Amazônia ISBN: EnEPA II Encontro de Ensino e Pesquisa em Administração da Amazônia Gestão e Sustentabilidade na Amazônia ISBN: 978-85-7764-083-6 TIPO RESUMO EXPANDIDO ÁREA TEMÁTICA ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO,

Leia mais

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo Sistemas de Informações Gerenciais A Empresa e os Sistemas de Informação Conceito de Sistemas Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário

Leia mais

Aula 02. Conceito de Sistemas 22/08/2012

Aula 02. Conceito de Sistemas 22/08/2012 Aula 02 Conceito de Sistemas. Componentes genéricos de um sistema. Performance e padrões de sistema. Variáveis e parâmetros de sistema. Sistemas de Informação TADS 4. Semestre Prof. André Luís 1 2 Conceito

Leia mais

Aula 03. Parâmetros dos Sistemas TGS X S.I. 22/08/2012. O Conceito de Sistemas. Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação

Aula 03. Parâmetros dos Sistemas TGS X S.I. 22/08/2012. O Conceito de Sistemas. Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação Aula 03 O Conceito de Sistemas Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação Teoria Geral de Sistemas TADS 2. Semestre Prof. André Luís 1 2 TGS X S.I. Parâmetros dos Sistemas Um sistema

Leia mais

DEFINIÇÃO DE ANÁLISE DO AMBIENTE

DEFINIÇÃO DE ANÁLISE DO AMBIENTE Análise do Ambiente DEFINIÇÃO DE ANÁLISE DO AMBIENTE - É o processo de monitoração do ambiente organizacional que visa identificar os riscos e oportunidades, tanto presentes como futuros, que possam influenciar

Leia mais

SOBRE A EQUIPE. SOBRE A I9Gestão

SOBRE A EQUIPE. SOBRE A I9Gestão SOBRE A EQUIPE A equipe da I9Gestão é formada por consultores experientes, altamente qualificados e apaixonados pelo que fazem. SOBRE A I9Gestão A I9Gestão Consultoria & Treinamento é especializada na

Leia mais

Gestão da Inovação. Os processos de Gestão da Inovação praticados pelas organizações não evoluíram com os ambientes dinâmicos de negócios.

Gestão da Inovação. Os processos de Gestão da Inovação praticados pelas organizações não evoluíram com os ambientes dinâmicos de negócios. Gestão da Inovação Gestão da Inovação Os processos de Gestão da Inovação praticados pelas organizações não evoluíram com os ambientes dinâmicos de negócios. Não existem evidências confirmando a melhor

Leia mais

Gestão do clima organizacional - Prof. Ms. Marco A. Arbex

Gestão do clima organizacional - Prof. Ms. Marco A. Arbex Gestão do clima organizacional: Introdução Prof. Ms. ORGANIZAÇÃO A Organização pode ser definida como a união de pessoas com objetivos em comum. Exemplos de organizações: Escolas Hospitais Família Exército

Leia mais

AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS

AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS Gestão de Projetos O que é um Projeto? O que é Gerência de Projeto? O que é um Projeto? Um empreendimento único e não-repetitivo, de duração determinada, formalmente organizado

Leia mais

GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS NÍVEL DE SERVIÇO E ESTRATÉGIA LOGÍSTICA. Prof. Dr. Daniel Caetano

GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS NÍVEL DE SERVIÇO E ESTRATÉGIA LOGÍSTICA. Prof. Dr. Daniel Caetano GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS NÍVEL DE SERVIÇO E ESTRATÉGIA LOGÍSTICA Prof. Dr. Daniel Caetano 2016-1 Objetivos Avaliar diferentes perspectivas de medição de nível de serviço Entender a importância do

Leia mais

Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Agenda Teoria geral dos sistemas Características do sistema Empresa como sistema Subsistema

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS AULA 03 UFPR. Prof.ª Nicolle Sotsek Ramos

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS AULA 03 UFPR. Prof.ª Nicolle Sotsek Ramos SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS AULA 03 UFPR Prof.ª Nicolle Sotsek Ramos BREVE REVISÃO Sistemas de informações como combustível para as organizações (dentro e fora da organização); Sistema de informação

Leia mais

Disciplina: GIO Gestão das Informações Organizacionais Lista de Exercícios B1

Disciplina: GIO Gestão das Informações Organizacionais Lista de Exercícios B1 Disciplina: GIO Gestão das Informações Organizacionais Lista de Exercícios B1 1) Quais os três principais pontos de um sistema de informação competitiva: a) Tecnologia da informação, vantagem competitiva

Leia mais

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS Prof. Marcelo Mello Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS Gerenciamento de serviços Nas aulas anteriores estudamos: 1) Importância dos serviços; 2) Diferença entre produtos x serviços; 3) Composto de Marketing

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS

ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS ADMINISTRAÇÃO GERAL CONCEITOS BÁSICOS Atualizado em 27/10/2015 CONCEITOS BÁSICOS Administração, em seu conceito tradicional, é definida como um conjunto de atividades, princípios, regras, normas que têm

Leia mais

GUIA SOBRE CONTROLADORIA ESTRATÉGICA

GUIA SOBRE CONTROLADORIA ESTRATÉGICA GUIA SOBRE CONTROLADORIA ESTRATÉGICA SUMÁRIO INTRODUÇÃO 3 AFINAL, O QUE É UMA CONTROLADORIA ESTRATÉGICA? 6 COMO ELA FUNCIONA NA PRÁTICA? 10 O QUE FAZ UM CONTROLLER? 14 COMO FAZER UMA CONTROLARIA DA MELHOR

Leia mais

O que é planejamento estratégico?

O que é planejamento estratégico? O que é planejamento estratégico? Um dos fatores de sucesso das empresas é possuir um bom planejamento. Mas o que é planejamento? Nós planejamos diariamente, planejamos nossas atividades, nossas finanças,

Leia mais

Estrategias para Busca de Emprego

Estrategias para Busca de Emprego Estrategias para Busca de Emprego Apresentação Atualmente o problema de desemprego atinge a todos. Não importa se é homem, mulher, jovem, adulto, se tem ou não experiência nem o seu nível de qualificação,

Leia mais

O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO

O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO Fernanda Zorzi 1 Catherine Chiappin Dutra Odir Berlatto 2 INTRODUÇÃO Esta pesquisa apresenta como tema principal a gestão financeira através

Leia mais

GESTÃO DO CONHECIMENTO. Professor Sergio Loncan

GESTÃO DO CONHECIMENTO. Professor Sergio Loncan GESTÃO DO CONHECIMENTO Professor Sergio Loncan OBJETIVO Incentivo à reflexão e estudo da Gestão das estruturas de conhecimento das organizações tanto públicas como privadas, de maneira a se poder buscar

Leia mais

Cadeia de valor: agregando valor

Cadeia de valor: agregando valor MSc. Paulo Cesar C. Rodrigues paulo.rodrigues@usc.br www.paulorodrigues.pro.br Mestre em Engenharia de Produção A principal preocupação de empresas, tanto de produto como de serviços, tem se voltado para

Leia mais

GST0045 GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTO Aula 02: Cadeias de Valor

GST0045 GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTO Aula 02: Cadeias de Valor GST0045 GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTO Aula 02: Cadeias de Valor Objetivos O aluno deverá ser capaz de: Entender a visão cíclica de uma Cadeia de Suprimentos. Conhecer os ciclos de processos de uma Cadeia

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação. Visão Sistêmica. Conceitos, componentes, tipos, subsistemas,

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação. Visão Sistêmica. Conceitos, componentes, tipos, subsistemas, Visão Sistêmica Conceitos, componentes, tipos, subsistemas, 1 Conceito de Sistemas Um conjunto de partes integrantes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo unitário com o mesmo determinado

Leia mais

MODELAGENS. Modelagem Estratégica

MODELAGENS. Modelagem Estratégica Material adicional: MODELAGENS livro Modelagem de Negócio... Modelagem Estratégica A modelagem estratégica destina-se à compreensão do cenário empresarial desde o entendimento da razão de ser da organização

Leia mais

Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini

Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini Apresentação do Professor Formação Acadêmica: Bacharel em Sistemas de Informação Pós graduado em Didática e Metodologia para o Ensino Superior

Leia mais

Definição / Abordagem de Processos

Definição / Abordagem de Processos Definição / Abordagem de Processos Ao longo da história dos processos produtivos e administrativos, as organizações têm crescido em tamanho, complexidade e requisitos. Para assegurar a qualidade, a eficácia

Leia mais

MBA em Gerenciamento de Projetos. Teoria Geral do Planejamento. Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula

MBA em Gerenciamento de Projetos. Teoria Geral do Planejamento. Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula MBA em Gerenciamento de Projetos Teoria Geral do Planejamento Professora: Maria Erileuza do Nascimento de Paula SOBRAL - CE 2014 O que é Planejamento É um processo contínuo e dinâmico que consiste em um

Leia mais

O que é Fluxo de Caixa Projetado. O que é o Fluxo de Caixa Projetado

O que é Fluxo de Caixa Projetado. O que é o Fluxo de Caixa Projetado Toda empresa possui o seu fluxo de caixa. Pode ser feito à moda antiga, no papel, em uma simples planilha do Excel, com entradas e saídas, ou então com planilhas mais elaboradoras. A verdade é que o gestor

Leia mais

Desafio das organizações a busca da excelência na gestão

Desafio das organizações a busca da excelência na gestão LUCIANA MATOS SANTOS LIMA llima@excelenciasc.org.br GESTÃO Desafio das organizações a busca da excelência na gestão LUCIANA M. S. LIMA A O mundo vive em constante mudança. Enquanto você lê este texto,

Leia mais

Estratégia de Operações

Estratégia de Operações Estratégia de Operações Prof. MSc. Hugo J. Ribeiro Junior Engenharia de Produção - 9º período Janeiro de 2011 SUMÁRIO 1. Introdução; 2. Competências Essenciais; 3. Prioridades Competitivas; 4. Estratégia

Leia mais

empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO.

empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO. empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO. PROCESSO EMPREENDEDOR SE DESENVOLVE AO LONGO DO TEMPO E SE MOVE POR MEIO DE FASES DISTINTAS, MAS INTIMAMENTE

Leia mais

Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I

Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I Recursos e PRP (Processo de Realização do Produto) Prof. Marcos César Bottaro Os Recursos RECURSOS: é tudo que gera ou tem a capacidade de gerar riqueza

Leia mais

PORQUE ESCOLHER A ADMINISTRAÇÃO?

PORQUE ESCOLHER A ADMINISTRAÇÃO? PORQUE ESCOLHER A ADMINISTRAÇÃO? MELO, Taiza Bertoni Freire¹ CARVALHO, Juliane Cristina Macarroni² FONSECA, Renata Cristina Vieira³ TEIXEIRA, Sabrina Suellen dos Santos OLIVEIRA, Glaucia Rodrigues Maldonado

Leia mais

Clique para editar o estilo do. título mestre

Clique para editar o estilo do. título mestre 1 A empresa é uma organização. O mundo de hoje é uma sociedade composta de organizações. Organizações são constituídas de: Pessoas Recursos não-humanos (como recursos físicos e materiais, recursos financeiros,

Leia mais

PLANEJAMENTO E AGREGAÇÃO DE VALOR EM EMPREENDIMENTOS RURAIS

PLANEJAMENTO E AGREGAÇÃO DE VALOR EM EMPREENDIMENTOS RURAIS PLANEJAMENTO E AGREGAÇÃO DE VALOR EM EMPREENDIMENTOS RURAIS Profª Caroline P. Spanhol CONTEXTUALIZAÇÃO Necessidade de eficiência e eficácia; Competitividade A gerência do negócio assume grande importância,

Leia mais

UNEMAT SINOP Ciências Contábeis

UNEMAT SINOP Ciências Contábeis UNEMAT SINOP Ciências Contábeis Organização Sistemas e Métodos(FA) Professora: Priscila Pelegrini priscila_pelegrini@unemat-net.br Sinop 2016/1 Controles e Avaliações SISTEMAS ASPECTOS BÁSICOS Objetivos

Leia mais

PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO

PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO PRINCÍPIOS DA GESTÃO PARA A EDUCAÇÃO Prof. Dr. Bernardo Meyer Departamento de Ciências da Administração - CAD Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO - A educação vive um processo

Leia mais

AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS

AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS AULA 6 TÉCNICAS E PRINCÍPIOS DE LIDERANÇA PARA GESTÃO DE PROJETOS Gestão: [Do lat. gestione.] S. f. Ato de gerir; gerência, administração. Tabela 1 Habilidades do Gerente de Projetos, segundo Kerzner (1992)

Leia mais

Planejamento de carreira do Arquiteto

Planejamento de carreira do Arquiteto Planejamento de carreira do Arquiteto Sonho Diz o que você quer Meta Diz onde você quer chegar Você inicia um planejamento Quando você traça metas pergunte-se: 1. Onde eu quero chegar? 2. Quais os processos

Leia mais

Prof. Me.Léo Noronha. Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES

Prof. Me.Léo Noronha. Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES Prof. Me.Léo Noronha Unidade I GESTÃO DAS INFORMAÇÕES ORGANIZACIONAIS Objetivos Cultura da informação Informação Estratégica O papel do administrador de sistemas de informação Para entender o papel do

Leia mais

Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios. Capítulo 1. Sistemas de Informação

Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios. Capítulo 1. Sistemas de Informação Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Capítulo 1 Sistemas de Informação Gerenciais na Era Digital 2 1

Leia mais

Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS

Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS Passo a Passo da Venda de MÓVEIS PLANEJADOS Instrutor/Orientador Sigmar Sabin www. sigmarsabin.com.br comercial@ sigmarsabin.com.br 41.99666.8183 Whats APOIO Gandara Representações Realização Parabéns!!!

Leia mais

Gestão Negócios OBJETIVO NESTA AULA. Gestão eficaz - Aula 18

Gestão Negócios OBJETIVO NESTA AULA. Gestão eficaz - Aula 18 eficaz - Aula 18 Utilizar os diferentes conhecimentos adquiridos até aqui em de para planejar e implantar um modelo de gestão eficaz. OBJETIVO NESTA AULA Conhecimento científico A universidade que queremos

Leia mais

mercado de cartões de crédito, envolvendo um histórico desde o surgimento do produto, os agentes envolvidos e a forma de operação do produto, a

mercado de cartões de crédito, envolvendo um histórico desde o surgimento do produto, os agentes envolvidos e a forma de operação do produto, a 16 1 Introdução Este trabalho visa apresentar o serviço oferecido pelas administradoras de cartões de crédito relacionado ao produto; propor um produto cartão de crédito calcado na definição, classificação

Leia mais

Gestão de Negócios OBJETIVO NESTA AULA. A Pirâmide das Finanças Pessoais - AULA 01

Gestão de Negócios OBJETIVO NESTA AULA. A Pirâmide das Finanças Pessoais - AULA 01 A Pirâmide das Finanças Pessoais - OBJETIVO Formar profissionais com atuação eficaz nas empresas, apresentando uma visão holística das diversas atividades e processos que interagem nos ambientes interno

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Mintzberg Define planejamento estratégico como sendo processo gerencial que possibilita ao executivo estabelecer o rumo a ser seguido pela empresa, com vistas a obter um nível

Leia mais

Uma síntese de gestão de custos para o segmento de serviços

Uma síntese de gestão de custos para o segmento de serviços Uma síntese de gestão de custos para o segmento de serviços Rosaly Machado (UTFPR) rosalymachado@uol.com.br Prof. Dr. Kazuo Hatakeyama (UTFPR) hatekeyama@pg.cefetpr.br Resumo: Em qualquer atividade empresarial,

Leia mais

08/08/2013. Plano de Ensino e Aprendizagem (PEA) Atividades Práticas Supervisionadas (ATPS) Apresentação do professor. Apresentação da Disciplina

08/08/2013. Plano de Ensino e Aprendizagem (PEA) Atividades Práticas Supervisionadas (ATPS) Apresentação do professor. Apresentação da Disciplina Apresentação do professor Nome: André Luís Belini de Oliveira Formação: Bacharel em Sistemas de Informação MBA em Gestão Estratégica de Negócios Especialista em Didática e Metodologia do Ensino Superior

Leia mais

Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica. Antonio Cabral

Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica. Antonio Cabral Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica Antonio Cabral acabral@maua.br Roteiro Desafio; Sistemas; O custo e o valor do controle de processo; Mapeamento; Principais indicadores usados

Leia mais

Manual de Ecodesign InEDIC

Manual de Ecodesign InEDIC Manual de Ecodesign InEDIC Ferramenta 4: A ferramenta da análise do mercado fornece uma abordagem prática aos conceitos teóricos explicados no capítulo 5. Com o objetivo de determinar o potencial do mercado

Leia mais

TÍTULO: ANÁLISE DA CONTABILIDADE GERENCIAL PARA O PEQUENO E MÉDIO PRODUTOR RURAL, COMO UMA FERRAMENTA DE GESTÃO.

TÍTULO: ANÁLISE DA CONTABILIDADE GERENCIAL PARA O PEQUENO E MÉDIO PRODUTOR RURAL, COMO UMA FERRAMENTA DE GESTÃO. TÍTULO: ANÁLISE DA CONTABILIDADE GERENCIAL PARA O PEQUENO E MÉDIO PRODUTOR RURAL, COMO UMA FERRAMENTA DE GESTÃO. CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA SUBÁREA: ESTATÍSTICA INSTITUIÇÃO:

Leia mais

CURSO ONLINE: O PROCESSO DECISÓRIO ORGANIZACIONAL

CURSO ONLINE: O PROCESSO DECISÓRIO ORGANIZACIONAL CURSO ONLINE: O PROCESSO DECISÓRIO ORGANIZACIONAL 1 O QUE SIGNIFICA ADMINISTRAR DECISÕES Administrar uma decisão é fazer uma escolha racional, dentre alternativas disponíveis e que se faz presente em todos

Leia mais

FLUXO DE CAIXA. Administração Financeira aplicação de recursos. distribuição CONCEITOS. Fluxo de caixa previsão de: ingressos desembolsos

FLUXO DE CAIXA. Administração Financeira aplicação de recursos. distribuição CONCEITOS. Fluxo de caixa previsão de: ingressos desembolsos 1 FLUXO DE CAIXA O fluxo de caixa é o instrumento que permite a pessoa de finanças planejar, organizar, coordenar, dirigir e controlar os recursos financeiros de sua empresa para determinado período. captação

Leia mais

DIOCESE DE GUARABIRA. Pastoral Familiar O QUE NÃO É PLANEJAMENTO PASTORAL MISSIONÁRIO

DIOCESE DE GUARABIRA. Pastoral Familiar O QUE NÃO É PLANEJAMENTO PASTORAL MISSIONÁRIO DIOCESE DE GUARABIRA Pastoral Familiar O QUE NÃO É PLANEJAMENTO PASTORAL MISSIONÁRIO Planejamento pastoral missionário não é uma caixa de mágicas nem um amontoado de quantificar não é planejar; Não é previsão

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC)

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA (RSC) Caroline Pinto Guedes Ferreira ANTECEDENTES Revolução industrial Processo rápido r e intenso de urbanização Uso intenso e indiscriminado dos recursos naturais

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas

OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas OS PRINCÍPIOS DA GESTÃO DA QUALIDADE: Benefícios e Aplicações Práticas Rev. 00 de Março/2013 1/208 1/ 42 Rodrigo Sousa Atuação: Instrutor de treinamentos Consultor e Auditor em Sistemas de Gestão da Qualidade

Leia mais

Questões Logísticas nas Guerras

Questões Logísticas nas Guerras Questões Logísticas nas Guerras Para onde e como deslocar as tropas? Que tipo de armas e equipamentos serão necessários? Quais as necessidades da tropa? Quem irá fornecer as armas, medicamentos, etc? Como,

Leia mais

AMBIENTE COMPETITIVO

AMBIENTE COMPETITIVO Objetivo AMBIENTE COMPETITIVO Entender como as forças ambientais influenciam a competitividade das empresas. Ser capaz de analisar o ambiente competitivo e formular estratégias empresariais Sumário Ambiente

Leia mais

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos

Gestão de Processos. Gestão de Processos na Saúde. Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos Gestão de Processos na Saúde Marcelo.Aidar@fgv.br 1 Gestão de Processos Identificação, mapeamento, redesenho e aprimoramento dos processos 2 O Ambiente de Negócios e os Stakeholders AMBIENTE DE AÇÃO INDIRETA

Leia mais

Conceitos Introdutórios. A Inflação nas Finanças. Demonstrações Contábeis

Conceitos Introdutórios. A Inflação nas Finanças. Demonstrações Contábeis Conceitos Introdutórios Mercado Financeiro Brasileiro A Inflação nas Finanças Demonstrações Contábeis Conceitos Introdutórios Retornar Conceitos Introdutórios ADMINISTRAÇÃO A administração é o processo

Leia mais

Introdução à Qualidade

Introdução à Qualidade Introdução à Qualidade Professor: Leandro Zvirtes UDESC/CCT 1 Introdução A Gerência da Qualidade quando focada na busca pela Qualidade Total possibilita a empresa dirigir seus esforços para: Melhorar de

Leia mais

ISO 9001: Abordagem de processo

ISO 9001: Abordagem de processo ISO 9001:2008 0.2. Abordagem de processo Apesar dos requisitos da ISO 9001 propriamente ditos só começarem no item 4 da norma, o item 0.2 Abordagem de processo, é uma exigência básica para a aplicação

Leia mais

Tipos de Indicadores. Conceito. O que medir... 25/08/2016

Tipos de Indicadores. Conceito. O que medir... 25/08/2016 Tipos de Indicadores 1 Conceito Características mensuráveis de processos, produtos ou serviços, utilizadas pela organização para acompanhar, avaliar e melhorar o seu desempenho ; OS INDICADORES NECESSITAM

Leia mais

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional

Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia nacional Excelência na Gestão Desafio dos Pequenos Negócios INSTITUCIONAL SEBRAE MISSÃO Promover a competitividade e o desenvolvimento dos pequenos negócios e fomentar o empreendedorismo para fortalecer a economia

Leia mais

Visão Geral. Compras

Visão Geral. Compras Compras Sumário Sumário... 2 1 Conceitos Básicos... 3 1.1 Objetivos Instrucionais... 3 2 Compras... 3 3 Gerenciamento de Compra... 4 4 Integrações... 4 5 Macrofluxo... 5 6 Conclusão... 5 2 TOTVS - Visão

Leia mais

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental 1. Introdução Júlia Fonseca 2010/2011 CICLO DE GESTÃO Planeamento Implementação Controlo de gestão Ciclo de gestão Planeamento Feedback Implementação Controlo Planear Dirigir e Motivar Controlar PLANEAMENTO

Leia mais

ANO 17 N O 36 2002 NOVOS RUMOS

ANO 17 N O 36 2002 NOVOS RUMOS NOVOS RUMOS ANO 17 N O 36 2002 ANO 17 N O 36 2002 NOVOS RUMOS NOVOS RUMOS ANO 17 N O 36 2002 ANO 17 N O 36 2002 NOVOS RUMOS NOVOS RUMOS ANO 17 N O 36 2002 ANO 17 N O 36 2002 NOVOS RUMOS NOVOS RUMOS ANO

Leia mais

Disciplina: Orçamento Empresarial. Contextualização

Disciplina: Orçamento Empresarial. Contextualização Disciplina: Orçamento Empresarial Contextualização A complexidade do ambiente onde as empresas atuam requer a adoção de estratégias e ferramentas adequadas para lidar com os constantes desafios e com a

Leia mais

Curso de Gerente de Loja - Ações Práticas que Geram Lucro

Curso de Gerente de Loja - Ações Práticas que Geram Lucro Curso de Gerente de Loja - Ações Práticas que Geram Lucro Módulo 1 Liderança e Gestão de Lojas de Varejo Tema 3 - Liderança Liderança Liderança: Como liderar uma equipe de vendas? Quais as habilidades

Leia mais

Marli de Oliveira Macedo¹, Michele Rodrigues². Introdução

Marli de Oliveira Macedo¹, Michele Rodrigues². Introdução 99 BALANCED SCORECARD COMO FERRAMENTA DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Marli de Oliveira Macedo¹, Michele Rodrigues² Resumo: O planejamento estratégico é o processo administrativo que estabelece a melhor direção

Leia mais

Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação

Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação Planejamento Estratégico de Uma Pequena Empresa do Ramo de Panificação Bruno da Costa Feitosa bcfeitosa@gmail.com Resumo Este documento apresenta o planejamento estratégico de uma pequena empresa do ramo

Leia mais

Ementário EMBA em Gestão de Projetos

Ementário EMBA em Gestão de Projetos Ementário EMBA em Gestão de Projetos Grade curricular Disciplina MATEMÁTICA FINANCEIRA - N FUNDAMENTOS DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS E GERENCIAMENTO DE ESCOPO - N GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS GESTÃO

Leia mais

08/11/2011 ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PRODUTOS OU SERVIÇOS FLUXO DE MATERIAIS

08/11/2011 ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PRODUTOS OU SERVIÇOS FLUXO DE MATERIAIS Uma Abordagem Introdutória ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS Na realidade, toda indústria é um fluxo contínuo de materiais que são processados ao longo de várias atividades no sistema produtivo. Essa dinâmica

Leia mais

Gestão em Saúde LIDERANÇA

Gestão em Saúde LIDERANÇA Gestão em Saúde LIDERANÇA Profa. Ms. Raquel J. Oliveira Lima A administração tinha como objetivos principais: alcançar a eficiência e eficácia, Hoje alcançar a excelência por meio da eficiência e eficácia

Leia mais

Como fazer o projeto (usando os formulários fornecidos)

Como fazer o projeto (usando os formulários fornecidos) Projeto de Desenvolvimento Pessoal e Ministerial Propósito A partir do entendimento e aplicação dos conteúdos aprendidos no CTL, cada participante deverá elaborar um projeto pessoal para seu crescimento

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES SISTEMAS DE INFORMAÇÕES INTRODUÇÃO Prof. Ms.Fulvio Cristofoli www.fulviocristofoli.com.br fulviocristofoli@uol.com.br Conceitos O QUE É UM DADO? MATÉRIA PRIMA? Fluxo de fatos brutos Elemento ou quantidade

Leia mais

Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã

Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã Aula 2 Estágios de Uso Estratégico dos Sistemas de Informaçã ção Grinaldo Lopes de Oliveira (grinaldo@gmail.com) Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Agenda Histórico da

Leia mais

Sejam Muito Bem-Vindos!!! Saiba Como Aumentar as Suas Conversões com Passos Simples

Sejam Muito Bem-Vindos!!! Saiba Como Aumentar as Suas Conversões com Passos Simples Sejam Muito Bem-Vindos!!! Saiba Como Aumentar as Suas Conversões com Passos Simples FOCO NO CLIENTE # O foco no cliente ajuda você a atingir as suas metas. # Descubra o que os clientes querem e ofereça

Leia mais

Administração. Empreendedorismo Governamental. Professor Rafael Ravazolo.

Administração. Empreendedorismo Governamental. Professor Rafael Ravazolo. Administração Professor Rafael Ravazolo www.acasadoconcurseiro.com.br Administração Aula XX EMPREENDEDORISMO GOVERNAMENTAL Empreender significa fazer acontecer. É planejar, organizar, dirigir e controlar

Leia mais

ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO

ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO Origens da Teoria de Sistemas: ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO Ludwig von Bertalanffy (1901 a 1972) teve grande influência na Teoria Geral dos Sistemas. Esse alemão dizia que os sistemas não podem

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Tatiana Dornelas de Oliveira Residente de Administração em Gestão Hospitalar do HU/UFJF residecoadm.hu@ufjf.edu.br Como você enxerga o planejamento em nossas vidas? Definições

Leia mais

GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO GLOSSÁRIO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO AÇÕES ESTRATÉGICAS Ações que objetivam, basicamente, o aproveitamento das oportunidades, e potencialidades, bem como a minimização do impacto das ameaças e fragilidades.

Leia mais

COMO OBTER SUCESSO NO SEU NEGÓCIO MARY KAY COM UMA ADMINISTRAÇÃO TOP

COMO OBTER SUCESSO NO SEU NEGÓCIO MARY KAY COM UMA ADMINISTRAÇÃO TOP COMO OBTER SUCESSO NO SEU NEGÓCIO MARY KAY COM UMA ADMINISTRAÇÃO TOP :) VENDAS? OU VENDAS! :D VENDER ENVOLVE TRÊS ELEMENTOS: CLIENTE PRODUTO CONSULTORA DE BELEZA INDEPENDENTE AS CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS

Leia mais

Em falar nisso, você tem realizado PLANEJAMENTO de suas atividades?

Em falar nisso, você tem realizado PLANEJAMENTO de suas atividades? O mundo globalizado nos impõem grandes mudanças é precisamos estar sempre atualizados e preparados para enfrentar os novos desafios. Para tanto é preciso saber onde estamos, observar os acontecimentos

Leia mais

Como fazer o plano de marketing no plano de negócios

Como fazer o plano de marketing no plano de negócios Este conteúdo faz parte da série: Plano de Negócios Ver 7 posts dessa série Nesse artigo falaremos sobre: Por que o plano de marketing é essencial para o plano de negócios Como fazer o plano de marketing

Leia mais

2ª Parte Competindo com a Tecnologia de Informação

2ª Parte Competindo com a Tecnologia de Informação 2ª Parte Competindo com a Tecnologia de Informação Objectivos de Aprendizagem Identificar várias estratégias competitivas básicas e explicar como elas podem utilizar Tecnologias da Informação para confrontar

Leia mais

Tema Custo Fixo, Lucro e Margem de Contribuição

Tema Custo Fixo, Lucro e Margem de Contribuição Tema Custo Fixo, Lucro e Margem de Contribuição Projeto Curso Disciplina Tema Professor(a) Pós-Graduação Engenharia da Produção Custos Industriais Custo Fixo, Lucro e Margem de Contribuição Luizete Fabris

Leia mais

Organizações. Prof. Gerson Volney Lagemann. Conceito de Organização

Organizações. Prof. Gerson Volney Lagemann. Conceito de Organização Organizações Prof. Gerson Volney Lagemann Conceito de Organização Conceito clássico (Escola Clássica), organização é um conjunto de duas ou mais pessoas que realizam tarefas, seja em grupo, seja individualmente

Leia mais

Tendências em Sistemas de Informação

Tendências em Sistemas de Informação Prof. Glauco Ruiz Tendências em Sistemas de Informação Os papéis atribuídos à função dos SI têm sido significativamente ampliados no curso dos anos. De 1950 a 1960 Processamento de Dados Sistemas de processamento

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: Renato Custódio da Silva

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: Renato Custódio da Silva PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Técnico Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Ética e Cidadania Organizacional Eixo Tecnológico: Gestão e

Leia mais

Mês da Micro e pequena empresa

Mês da Micro e pequena empresa Mês da Micro e pequena empresa O QUE VOCÊ PRECISA PRA MELHORAR o seu negócio. ACESSE LOJASEBRAEAM.COM.BR PROGRAMAÇÃO UNIDADE CENTRO OUTUBRO / 2017 (AV. LEONARDO MALCHER, 924, CENTRO) CURSO DATA HORÁRIO

Leia mais

global trainee program

global trainee program global trainee program SIstemA Industrial Global. 2 2 A Tenaris é líder global na produção e no fornecimento de tubos de aço e serviços relacionados para a indústria mundial de energia e para outras aplicações

Leia mais

QUEM É ANDRÉ DAMASCENO? Empresário, professor e especialista em Marketing. Ajudo diariamente profissionais e empresas a terem mais resultados

QUEM É ANDRÉ DAMASCENO? Empresário, professor e especialista em Marketing. Ajudo diariamente profissionais e empresas a terem mais resultados QUEM É ANDRÉ DAMASCENO? Empresário, professor e especialista em Marketing. Ajudo diariamente profissionais e empresas a terem mais resultados utilizando o marketing digital e as redes sociais. Criei essa

Leia mais

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 3.1

Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 3.1 Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 3.1 3 OBJETIVOS OBJETIVOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, ORGANIZAÇÕES, ADMINISTRAÇÃO E ESTRATÉGIA O que os administradores precisam saber sobre organizações

Leia mais

Empreendedorismo. Prof. MSc. Márcio Rogério de Oliveira

Empreendedorismo. Prof. MSc. Márcio Rogério de Oliveira Empreendedorismo Prof. MSc. Márcio Rogério de Oliveira Unidades da Disciplina: As Empresas; Mortalidade, Competitividade e Inovação Empresarial; Empreendedorismo; Processo Empreendedor; Instituições de

Leia mais

Eficiência e Eficácia

Eficiência e Eficácia Eficiência e Eficácia Desempenho das Organizações A eficiência é determinante da eficácia: caso haja recursos disponíveis, e estes forem utilizados corretamente, a probabilidade de atingir os objetivos

Leia mais

CUSTO-META ASPECTOS RELEVANTES

CUSTO-META ASPECTOS RELEVANTES CUSTO-META ASPECTOS RELEVANTES 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS O custo-meta pode ser tratado como uma poderosa ferramenta de redução de custos, seus conceitos, princípios, objetivos, forma de se chegar ao custo-meta

Leia mais

Indicadores de Desempenho

Indicadores de Desempenho Indicadores de Desempenho 1 Conceito Características mensuráveis de processos, produtos ou serviços, utilizadas pela organização para acompanhar, avaliar e melhorar o seu desempenho. OS INDICADORES NECESSITAM

Leia mais

Administração das Operações Produtivas

Administração das Operações Produtivas Administração das Operações Produtivas MÓDULO 14: A VISÃO DA QUALIDADE, DOS SISTEMAS E DOS MELHORAMENTOS Mesmo tendo sido acabado todo o projeto do produto e do processo, resta a atividade contínua do

Leia mais