Faça a diferença, invista em você, em sua empresa e no futuro... Programa de Capacitação Profissional Caderno de Curso 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Faça a diferença, invista em você, em sua empresa e no futuro... Programa de Capacitação Profissional 2010. Caderno de Curso 1"

Transcrição

1 Faça a diferença, invista em você, em sua empresa e no futuro... Programa de Capacitação Profissional 2010 Caderno de Curso 1

2 Índice Introdução...03 Curso 1 METODOLOGIA E AVALIAÇÃO DO ENEM...04 Curso 2 TECNOLOGIAS E O ENSINO DA MATEMÁTICA...04 Curso 3 RECREACIONISTA DE CRECHE E EDUCAÇÃO INFANTIL Curso 4 TRABALHOS EM E.V.A...07 Curso 5 QUANDO AS CRIANÇAS SENTEM FALTA DE ACEITAÇÃO Curso 6 APRENDENDO O TRABALHO DO SEU CONTADOR...09 Curso 7 PLANEJAMENTO E ELABORAÇÃO DE PROJETOS...10 Curso 8 GRAFISMO INFANTIL: Análise dos símbolos gráficos no desenho...11 Curso 9 EDUCAÇÃO AMBIENTAL...12 Curso 10 O CONTADOR DE HISTÓRIAS...13 Curso 11 AS CRIANÇAS PRECISAM DE DISCIPLINA Programa de Capacitação Profissional 2010

3 Introdução Neste ano, damos seqüência ao compromisso de oferecer às escolas filiadas cursos de capacitação profissional, nas diversas áreas, com vistas à otimização dos serviços prestados, e como contrapartida a satisfação dos pais, alunos e profissionais que compartilham a qualidade da educação em nossas escolas. O ano passado foi formalizado o primeiro passo para a promoção do Programa de Capacitação Profissional com a disponibilidade de dezenove cursos com assuntos diversos, todos de interesse do universo escolar, alguns de conteúdo prático para atuação dos professores em sala de aula. Assim, apresentamos a versão do Programa de Capacitação para o ano de Os cursos oferecidos tem como função: refletir, ensinar, discutir, aprender e aprender como se aprende a fim de abrir o fórum de debate pertinente aos educadores, gestores, orientadores e coordenadores. Nada como discutir e conhecer algo com os nossos pares e com eles construir e reconstruir conceitos pensando cada um de nós como frutos de nossas práticas. Convidamos, para dar conta da temática proposta pelo SINEPE, especialistas em cada área com larga experiência e reconhecido saber para que na forma de palestras, workshoping, oficinas entre outros, proporcionassem a vivência e crescimento individual e a partir destes, a melhoria de sua condição de trabalho. Inovamos nessa edição quando descentralizamos os locais de cursos. Alguns serão ministrados nas cidades satélites, também. Para tanto, atentem para o calendário, locais e horas desses eventos. Aproveitem ao máximo essa oportunidade oferecida pelo SINEPE e continuaremos a desenvolver a melhoria da qualidade dos serviços que orgulhosamente prestamos à nossa cidade. Amábile Pacios Caderno de Curso 3

4 CURSO 1 METODOLOGIA E AVALIAÇÃO DO ENEM Propiciar oportunidade de entendimento da metodologia do MEC para as avaliações do ENEM. A ser definido pelos orientadores do ENEM. Público Alvo: Diretores, professores, coordenadores e demais interessados. Orientadores: Técnicos do Ministério da Educação ENEM. Data: 23/03 às 16h30 Local: Sede do SINEPE [Auditório] Plano Piloto CURSO 2 TECNOLOGIAS E O ENSINO DA MATEMÁTICA Desenvolvimento e validação de jogos matemáticos de crianças com necessidades especiais para a aprendizagem da matemática. Desenvolvimento da autonomia moral e intelectual da criança e os papeis dos educadores infantis. Estruturação lógica na criança: vivências de desenvolvimento do pensamento multiplicativo (não centrado) e o papel da medição pedagógica como provocação. Quantificação e contagem: desenvolvimento de habilidades e competências por meio de situações significativas. A importância dos jogos na educação matemática na infância: construção do número. Vivências culturais e pedagógicas com medidas na infância: primeiros usos e vivências com os instrumentos de medida Metodologia: Oficinas, vivências e debates reflexivos teórico-metodológicos. Avaliação: Formativa, processual, a cada encontro Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. 4 Programa de Capacitação Profissional 2010

5 Orientador: Dr. Cristiano Alberto Muniz Doutorado em Ciências da Educação, Université Paris Nord, Parias França. Mestrado em Educação Brasileira, Universidade de Brasília, Brasília, Brasil. Graduação em Bacharel e Licenciatura em Matemática, Universidade de Brasília, Brasília, Brasil. 10 livros de mediação e conhecimento matemático. Jogos matemáticos para crianças portadoras de necessidades especiais no âmbito do Projeto Hercules e Jiló Faculdade de Educação. 1º Encontro Data: 07/04 2º Encontro Data: 13/04 3º Encontro Data: 20/04 4º Encontro Data: 27/04 5º Encontro Data: 04/05 Oficina Local: Sede do SINEPE Plano Piloto Número de turmas: 1 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 Número de horas/aula totais: 18 I nvestimento R$ 50,00 por participante As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 3 RECREACIONISTA DE CRECHE E EDUCAÇÃO INFANTIL Refletir sobre a necessidade da formação continuada do professor da Educação Infantil, por meio da práxis pedagógica, para a compreensão do processo de produção do conhecimento da criança. Favorecer a formação crítica e criativa de professores que atuam na educação infantil, destacando seu papel profissional como educador na atual sociedade brasileira. Refletir acerca de concepções (de educação, de criança, de infância, de currículo, de avaliação) que fundamentem a prática pedagógica e compreender a relação entre elas. Compreender a necessidade da articulação entre as diferentes áreas do conhecimento para a construção e uma visão mais ampla e adequada da realidade a partir de um saber não fragmentado. Caderno de Curso 5

6 Público Alvo: Educadores e demais interessados. Orientadores: Andréa Stuart Correia Nancy de Fátima Mestre em Educação pela Universidade de Brasília, Especialista em Supervisão Escolar pela UFRJ e graduada em Pedagogia pela Universidade de Brasília. Atualmente é assessora Psicopedagógica da Educação infantil do Colégio Marista de Brasília e Coordenadora do curso de Pós graduação a distância em Educação Infantil da Universidade GAMA Filho / CETEB (Posead). Atuou como Coordenadora do curso de Pedagogia da Universidade Paulista UNIP- campus Brasília, Coordenadora dos cursos de Pós-Graduação em Metodologias de Ensino da Universidade GAMA Filho / CETEB, Analista da Área Pedagógica (MEC/FNDE) e como consultora educacional na formação de professores. ²Pedagoga, Mestre em Educação, Especialista em Saúde Peri Natal, educação e desenvolvimento da criança pequena (UNB/Universidade VI de Paris), Coordenadora Intermediária da SEDF, Consultora do MEC/COEDI e Assessora Psicopedagógica do Colégio Marista de Brasília. 1ª Turma 1º Encontro Data: 12/04 2º Encontro Data: 16/04 3º Encontro Data: 27/04 4º Encontro Data: 06/05 5º Encontro Data: 13/05 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto 2ª Turma 1º Encontro Data: 19/04 2º Encontro Data: 22/04 3º Encontro Data: 29/04 4º Encontro Data: 10/05 5º Encontro Data: 20/05 Local: Colégio Católica - Taguatinga Número de turmas: 2 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site 6 Programa de Capacitação Profissional 2010

7 CURSO 4 TRABALHOS EM E.V.A. Desenvolver habilidades de corte e montagem em E.V.A. como forma de tornar a escola mais atraente e subsidiar os dias comemorativos do ano letivo. 1º dia: Trabalho com lembrancinhas para comemorações escolares. 2º dia: Painéis para parede chamando atenção para as datas. 3º dia: Trabalho com bolas. Capacitação para a importância dos trabalhos gráficos como instrumentos pedagógicos. Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientadora: Maria Veronice Alves Lopes Capacitação para a importância dos trabalhos gráficos como instrumentos pedagógicos. Subsidiar os professores e coordenadores para elaboração de trabalhos nas datas comemorativas. 1ª Turma 1º Encontro Data: 09/04 2º Encontro Data: 16/04 3º Encontro Data: 23/04 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto 2ª Turma 1º Encontro Data: 03/05 2º Encontro Data: 17/05 3º Encontro Data: 19/05 Local: Colégio Católica - Taguatinga 3ª Turma 1º Encontro Data: 12/08 2º Encontro Data: 16/08 3º Encontro Data: 20/08 Local: Santa Rita de Cássia - Sobradinho Número de turmas: 3 Caderno de Curso 7

8 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 5 QUANDO AS CRIANÇAS SENTEM FALTA DE ACEITAÇÃO Subsidiar o professor para que capacite seus alunos a se compreender como seres humanos. A compreensão se concretizará quando os mesmos sentirem a Escola como instrumento de valorização e aceitação. Ler um poema: Aceitação Dorothy Law Nolte. Dinâmica. Quando deve existir aceitação? Condições necessárias para desenvolver uma boa aceitação. Atitudes que afetam a aceitação. Atitudes que geram a aceitação. Consequências da falta de aceitação. Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientadora: Rosália R. Figueiredo Atualmente cursando Gestão de Recursos Humanos (UNIP). Superior incompleto em Psicologia. Formação de Facilitadores, Conselheiros e terapeutas Cristãos. Fundadora e Diretora do Colégio Logos (Goiânia). Formada em COACHING. Professora do Ensino Fundamental no Colégio Logos, Chapeuzinho Vermelho e Colégio Pequeno Príncipe. (Goiânia) 1980 a ª Turma 1º Encontro Data: 04/08 2º Encontro Data: 11/08 Local: Santa Rita de Cássia - Sobradinho 8 Programa de Capacitação Profissional 2010

9 2ª Turma 1º Encontro Data: 18/08 2º Encontro Data: 25/08 Local: Colégio Católica - Taguatinga Número de turmas: 2 Número de encontros: 2 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 Número de horas/aula semi-presenciais: 6 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 6 APRENDENDO O TRABALHO DO SEU CONTADOR Subsidiar a reprodução contínua dos instrumentos de demissão / admissão / conciliação, como fiscalizador das normas negociadas. Normas negociadas. Uso exclusivo da racionalidade lógica. Compressos controlados na demissão / admissão / conciliação. Público Alvo: Diretores, coordenadores e demais funcionários do serviço de pessoal das escolas. Orientador: Arquimedes Alves da Silva Contador, especialista em serviço de pessoal, consultor trabalhista. 1ª Turma 1º Encontro Data: 04/05 2º Encontro Data: 06/05 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto 2ª Turma 1º Encontro Data: 12/05 2º Encontro Data: 14/05 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto Caderno de Curso 9

10 Número de turmas: 2 Número de encontros: 2 Número de horas/aula presenciais por encontro: 6 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 7 PLANEJAMENTO E ELABORAÇÃO DE PROJETOS Conceito e importância do planejamento e da aplicação de projetos no âmbito educacional; tipos de planejamento; modelos de projetos interventivos e preventivos; estrutura e elaboração de projetos educacionais; projeto político-pedagógico. Aprender a elaborar projetos educacionais a serem aplicados em âmbito escolar. Compreender a importância do planejamento para o bom desenvolvimento do processo educativo no ambiente escolar. Elaboração de material didático e análise de qualidade dos projetos. Aula expositiva: Atividades com ou em grupo: estruturação de um projeto educacional a ser aplicado em sala de aula. Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientador: Leandro Gabriel dos Santos Graduado em Pedagogia, Especialista em Administração Educacional e Mestre em Políticas Públicas e Gestão Educacional pela UnB. Atualmente, é orientador educacional e coordenador de Programas de Correção de Fluxo dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental da Secretaria de Educação do DF; coordenador e docente do curso de Pedagogia da Universidade Paulista UNIP; docente do curso de pedagogia das Faculdades Espam; professor-tutor no curso de Pedagogia da UAB/UnB; supervisor de programas a distância do CEAD/UnB; professor-tutor nos cursos do PosEaD CETEB/ Gama Filho. FINATEC/UNB Função: Tutor (curso de Educação na Adversidade, promovido em parceria entre o MEC SECAD e UNB. Diretor de Secretariado e Executivo da Associação dos Alunos de Baixa Renda da Universidade de Brasília BRASÍLIA AABA - UNB 10 Programa de Capacitação Profissional 2010

11 1º Encontro Data: 13/05 Oficina 2º Encontro Data: 20/05 Oficina 3º Encontro Data: 27/05 Oficina Local: Sede do SINEPE Plano Piloto Número de turmas: 1 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 Número de horas/aula totais: 18 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 8 GRAFISMO INFANTIL: Análise dos símbolos gráficos no desenho. Subsidiar a reflexão e análise dos traços e características essenciais do grafismo infantil, como uma das fases do desenvolvimento infantil e no processo de aquisição das primeiras aprendizagens da infância e, ainda, como elemento estruturador da escrita e como instrumento de análise para o diagnóstico da personalidade. Saber identificar no desenho características emocionais como: a valorização e desvalorização de personagens; agressividade; egocentrismo; flexibilidade mental; depressão; impulsividade; dificuldades de contato; etc. Instrumentos pedagógicos de coleta do grafismo na escola. Evolução do grafismo de acordo com Vigotsky e Piaget. A importância do desenho como instrumento psicológico. As técnicas projetivas. Interpretação de alguns aspectos gerais do desenho. A interpretação do desenho. Significação das cores no desenho. Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientadora: Rosângela Macedo Formada em Psicologia com experiências nas áreas: Clinica, Médica e Hospitalar, Desenvolvimento Humano e Docência Superior. Especialista em Psicologia Transpessoal, pelo Instituto da Pessoa-RJ. Especialista em Psicologia Médica Caderno de Curso 11

12 (Psicossomática/Psicanálise), pela UERJ/RJ. Docente da Pós Graduação nos Cursos de: Formação Psicanalítica, Psicopedagogia, Psicanálise e Inteligência Multifocal e Psicanálise e Educação. 1ª Turma 1º Encontro Data: 07/06 2º Encontro Data: 08/06 3º Encontro Data: 09/06 4º Encontro Data: 10/06 5º Encontro Data: 11/06 6º Encontro Data: 14/06 Local: Santa Rita de Cássia - Sobradinho 2ª Turma 1º Encontro Data: 21/06 2º Encontro Data: 22/06 3º Encontro Data: 23/06 4º Encontro Data: 24/06 5º Encontro Data: 25/06 6º Encontro Data: 28/06 Local: Colégio Católica - Taguatinga Número de turmas: 2 Número de encontros: 3 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site CURSO 9 EDUCAÇÃO AMBIENTAL Conhecer e desenvolver práticas inovadoras de Educação Ambiental (dinâmicas, equipamentos e sistemas de conectividades) sintonizadas com os cenários e desafios sócio-ambientais vigentes. Inovação em Dinâmicas e equipamentos para o desenvolvimento do processo de EA. Construção de análises sistêmicas e processos de ampliação da percepção. Cenários sócio-ambientais (mudança ambiental global), mitigação e adaptação: focos para desenvolvimento de propostas de práticas interdisciplinares. 12 Programa de Capacitação Profissional 2010

13 Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientador: Dr. Genebaldo Freire Mestre (MSc) e Doutor (PhD) em Ecologia. Autor de livros e referência na área de Educação Ambiental e Gestão Ambiental (www.genebaldo.com.br). Diretor do Programa de Mestrado e Doutorado em Planejamento e Gestão Ambiental da UCBV; coordena o Núcleo de Educação Ambiental do Prevfogo/Ibama. 1ª Turma 1º Encontro Data: 03/08 2º Encontro Data: 10/08 Local: Colégio Católica Taguatinga 2ª Turma 1º Encontro Data: 17/08 2º Encontro Data: 19/08 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto Número de turmas: 2 Número de encontros: 3 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 Número de horas/aula semi-presenciais: 9 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site A avaliação será realizada pela freqüência e participação dos alunos. CURSO 10 O CONTADOR DE HISTÓRIAS Contar histórias para as crianças consiste na forma mais lúdica de se transmitir o conhecimento. As histórias ficam impregnadas de caminhos e alternativas pedagógicas mágicas. Subsidiar os professores para que as histórias contadas às crianças sejam de fundamental importância como atuação dinâmica e contínua na construção e reconstrução do conhecimento. Caderno de Curso 13

14 Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientador: Rui Teles Escritor, Jornalista, Colunista e Palestrante. 1ª Turma 1º Encontro Data: 05/08 oficina 2º Encontro Data: 12/08 oficina 2º Encontro Data: 20/08 oficina Locais: Santa Rita de Cássia - Sobradinho 2ª Turma 1º Encontro Data: 16/09 oficina 2º Encontro Data: 17/09 oficina 2º Encontro Data: 20/09 oficina Locais: Colégio Católica - Taguatinga 3ª Turma 1º Encontro Data: 23/09 oficina 2º Encontro Data: 24/09 oficina 2º Encontro Data: 27/09 oficina Locais: Sede do SINEPE Plano Piloto Número de turmas: 3 Número de encontros: 3 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site Caso ocorram modificações nas datas, locais e horários previstos, as escolas serão CURSO 11 AS CRIANÇAS PRECISAM DE DISCIPLINA Acrescentar ao entendimento do professor, princípios que o capacitarão a entender e diferenciar o comportamento de cada aluno, até mesmo a expressão da rebeldia e violência, e ainda prepará-lo para lidar com situações adversas ao seu domínio. 14 Programa de Capacitação Profissional 2010

15 O que é disciplina? Princípios sobre a disciplina. Erros mais comuns na disciplina. Consequências quando há excesso/falta/intolerância na disciplina. Necessidades especiais mal interpretadas: Dislexia, TOC, DDA. Público Alvo: Professores, coordenadores e demais interessados. Orientadora: Rosália R. Figueiredo Atualmente cursando Gestão de Recursos Humanos (UNIP). Superior incompleto em Psicologia. Formação de Facilitadores, Conselheiros e terapeutas Cristãos. Fundadora e Diretora do Colégio Logos (Goiânia). Formada em COACHING. Professora do Ensino Fundamental no Colégio Logos, Chapeuzinho Vermelho e Colégio Pequeno Príncipe. (Goiânia) 1980 a ª Turma 1º Encontro Data: 08/09 2º Encontro Data: 15/09 Local: Sede do SINEPE Plano Piloto 2ª Turma 1º Encontro Data: 22/09 2º Encontro Data: 29/09 Local: Colégio Católica - Taguatinga Número de turmas: 2 Número de encontros: 2 Número de horas/aula presenciais por encontro: 3 As inscrições deverão ser feitas por meio do formulário disponível no site Caderno de Curso 15

16 Venha fazer parte do SINEPE/DF, o nosso Sindicato. SINDICATO DOS ESTABELECIMENTOS PARTICULARES DE ENSINO DO DISTRITO FEDERAL - SINEPE-DF SEPS Quadra 714/914 - Ed. Porto Alegre - Salas 401/413 - Brasília-DF (61) / Programa de Capacitação Profissional 2010

CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2013 INTRODUÇÃO: O presente trabalho apresenta a relação de Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu a serem reorganizados no

Leia mais

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA PROJETO PEDAGÓGICO

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA PROJETO PEDAGÓGICO CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA PROJETO PEDAGÓGICO Campo Limpo Paulista 2012 1 CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA Marcos Legais Resolução CNE CES 1 2002 Resolução CNE

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO INCLUSIVA 400h. Estrutura Curricular do Curso Disciplinas

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO INCLUSIVA 400h. Estrutura Curricular do Curso Disciplinas CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO INCLUSIVA 400h Ética profissional na Educação Fundamentos históricos, conceitos, sociais e legais na Educação Inclusiva Legislação Aplicável na Educação Inclusiva Fundamentos

Leia mais

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2010.2

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2010.2 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL Fase: 1ª Carga Horária: 30 h/a Prática: 30 h/a Créditos: 4 A biologia educacional e os fundamentos da educação. As bases biológicas do crescimento e desenvolvimento humano. A dimensão

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ ESTADO DO PARANÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ ESTADO DO PARANÁ A N E X O I E D I T A L D E C O N C U R S O P Ú B L I C O Nº 01/2015 D O S R E Q U I S I T O S E A T R I B U I Ç Õ E S D O S C A R G O S RETIFICAÇÃO

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) 2012 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL... 4 02 INVESTIGAÇÃO PEDAGÓGICA: DIVERSIDADE CULTURAL NA APRENDIZAGEM... 4 03 METODOLOGIA CIENTÍFICA...

Leia mais

Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você.

Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você. Universidade Anhembi Morumbi On-line. Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. Tudo a um clique de você. Educação a Distância Anhembi Morumbi Agora você pode estudar em uma universidade internacional

Leia mais

ANEXO I AO EDITAL PROP N 010/2013 ESPECIALIZAÇÕES 2014.1. Cursos de Especialização oferecidos: (CAMPI/NÚCLEOS)

ANEXO I AO EDITAL PROP N 010/2013 ESPECIALIZAÇÕES 2014.1. Cursos de Especialização oferecidos: (CAMPI/NÚCLEOS) ANEXO I AO EDITAL PROP N 010/2013 ESPECIALIZAÇÕES 2014.1 Edital de ofertas de cursos para o Programa de Pós- Graduação Lato Sensu da UESPI, conforme Resolução CONSUN nº 045/2003. Cursos de Especialização

Leia mais

ISSN: 1981-3031 O USO DO PORTFÓLIO: CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO CURSO NORMAL.

ISSN: 1981-3031 O USO DO PORTFÓLIO: CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO CURSO NORMAL. O USO DO PORTFÓLIO: CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO CURSO NORMAL. Autores: Leila Carla dos Santos Quaresma¹ leilac.pedagogia@gmail.com Profª Dr. Maria Aparecida Pereira Viana² vianamota@gmail.com

Leia mais

CURSO: LICENCIATURA DA MATEMÁTICA DISCIPLINA: PRÁTICA DE ENSINO 4

CURSO: LICENCIATURA DA MATEMÁTICA DISCIPLINA: PRÁTICA DE ENSINO 4 CAMPUS CARAGUATUBA CURSO: LICENCIATURA DA MATEMÁTICA DISCIPLINA: PRÁTICA DE ENSINO 4 PROFESSOR: ANDRESSA MATTOS SALGADO-SAMPAIO ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS PARA A PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO NO CURSO

Leia mais

1ª Oficina - 2013 Curso 4

1ª Oficina - 2013 Curso 4 1ª Oficina - 2013 Curso 4 1ª Oficina - 2013 Curso 4 Bem-vindo ao curso de formação de Professores do Programa Um Computador por Aluno PROUCA Iniciamos o nosso curso de formação desenvolvendo a 1ª Oficina

Leia mais

Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão Objetivo do curso:

Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão Objetivo do curso: Com carga horária de 720 horas o curso Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA 1 CURSO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 INVESTIGAÇÃO DA PRÁTICA DOCENTE I... 4 02 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO... 4 03 PROFISSIONALIDADE DOCENTE... 4 04 RESPONSABILIDADE

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO. Matriz 23

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO. Matriz 23 MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA Matriz 23 Junho de 2013 1 MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE LICENCIATURA

Leia mais

Categoria: A Estratégicas e políticas. Setor Educacional: 5 Educação continuada em geral. Natureza: B Descrição de projeto em andamento

Categoria: A Estratégicas e políticas. Setor Educacional: 5 Educação continuada em geral. Natureza: B Descrição de projeto em andamento FORMAÇÃO CONTINUADA NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: UMA EXPERIÊNCIA EM CURITIBA Maio/2007 Eloina de Fátima Gomes dos Santos Prefeitura Municipal de Curitiba eloinas@curitiba.org.br Cíntia Caldonazo

Leia mais

Especialização em Atendimento Educacional Especializado

Especialização em Atendimento Educacional Especializado Especialização em Atendimento Educacional Especializado 400 horas Escola Superior de Tecnologia e Educação de Rio Claro ASSER Rio Claro Objetivos do curso: De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases, especialmente

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR 1.ª SÉRIE DE OFERTA 99-8791-04 DIDÁTICA 160 0 160 99-8792-04

MATRIZ CURRICULAR 1.ª SÉRIE DE OFERTA 99-8791-04 DIDÁTICA 160 0 160 99-8792-04 Curso: Graduação: Regime: Duração: PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 04 (QUATRO) ANOS LETIVOS - MÁXIMO

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO ESCOLAR (Ênfase em Coordenação Pedagógica) PROJETO PEDAGÓGICO

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO ESCOLAR (Ênfase em Coordenação Pedagógica) PROJETO PEDAGÓGICO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO ESCOLAR (Ênfase em Coordenação Pedagógica) PROJETO PEDAGÓGICO Campo Limpo Paulista 2012 1 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO ESCOLAR Marcos Legais Resolução

Leia mais

Público Alvo: Investimento: Disciplinas:

Público Alvo: Investimento: Disciplinas: A Universidade Católica Dom Bosco - UCDB com mais de 50 anos de existência, é uma referência em educação salesiana no país, sendo reconhecida como a melhor universidade particular do Centro-Oeste (IGC/MEC).

Leia mais

Área de Ciências Humanas

Área de Ciências Humanas Área de Ciências Humanas Ciências Sociais Unidade: Faculdade de Ciências Humanas e Filosofia (FCHF) www.fchf.ufg.br Em Ciências Sociais estudam-se as relações sociais entre indivíduos, grupos e instituições,

Leia mais

III-Compreender e vivenciar o funcionamento e a dinâmica da sala de aula.

III-Compreender e vivenciar o funcionamento e a dinâmica da sala de aula. REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Artigo 1º -O Estágio Supervisionado de que trata este regulamento refere-se à formação de licenciados em Pedagogia

Leia mais

As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico

As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico Mariana Antoniuk 1 Dêivid Marques 2 Maria Angela Barbato Carneiro ( orientação) 3 Abordando as diferentes linguagens da criança neste ano, dentro do

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE SONDAGEM DA PRÁTICA PEDAGÓGICA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

QUESTIONÁRIO DE SONDAGEM DA PRÁTICA PEDAGÓGICA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA DE ENSINO SECRETARIA ADJUNTA DE PROJETOS ESPECIAIS QUESTIONÁRIO DE SONDAGEM DA PRÁTICA PEDAGÓGICA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO URE: ESCOLA:

Leia mais

O Papel do Pedagogo na Escola Pública CADEP

O Papel do Pedagogo na Escola Pública CADEP O Papel do Pedagogo na Escola Pública CADEP O Papel do Pedagogo na Escola Pública 1 A construção histórica do Curso de Pedagogia 2 Contexto atual do Curso de Pedagogia 3 O trabalho do Pedagogo prática

Leia mais

(Anexo II) DESCRIÇÃO ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO

(Anexo II) DESCRIÇÃO ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO (Anexo II) DESCRIÇÃO ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO... 3 2 ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO Missão: Atuar nas diferentes áreas (administração, planejamento e orientação educacional) com o intuito

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA:2013 EMENTA OBJETIVOS

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA:2013 EMENTA OBJETIVOS EIXO TECNOLÓGICO:Ensino Superior Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Física FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. Ministro da Educação Fernando Haddad. Secretário Executivo José Henrique Paim Fernandes

Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. Ministro da Educação Fernando Haddad. Secretário Executivo José Henrique Paim Fernandes Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro da Educação Fernando Haddad Secretário Executivo José Henrique Paim Fernandes Secretária de Educação Especial Claudia Pereira Dutra MINISTÉRIO

Leia mais

Problema de Aprendizagem: Possíveis Intervenções Psicopedagógicas

Problema de Aprendizagem: Possíveis Intervenções Psicopedagógicas Problema de Aprendizagem: Possíveis Intervenções Psicopedagógicas *Vanessa Ferreira Silva Breve histórico da psicopedagogia De acordo com Bossa (2000, p.37) a psicopedagogia surgiu na Europa, mais precisamente

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro Educação a Distância Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. A única diferença é a sala de aula que fica em suas

Leia mais

Trabalhos Aprovados: Eixo: Educação Infantil Manhã (8:30 às 12:00hrs.) Sala 26

Trabalhos Aprovados: Eixo: Educação Infantil Manhã (8:30 às 12:00hrs.) Sala 26 AS APRESENTAÇÕES ACONTECERÃO DIA 20/05 (QUARTA-FEIRA), NO PERÍODO DA MANHÃ E DA TARDE! Trabalhos Aprovados: Eixo: Educação Infantil Manhã (8:30 às 12:00hrs.) Sala 26 s: Práticas na leitura e escrita na

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS CAMPO GRANDENSES INSTRUÇÃO NORMATIVA 002/2010 17 05 2010

FACULDADES INTEGRADAS CAMPO GRANDENSES INSTRUÇÃO NORMATIVA 002/2010 17 05 2010 O Diretor das Faculdades Integradas Campo Grandenses, no uso de suas atribuições regimentais e por decisão dos Conselhos Superior, de Ensino, Pesquisa, Pós Graduação e Extensão e de Coordenadores, em reunião

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO

ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO Projeto escolar com a temática Livro Amigo produzido no ano de 2012, 2013 e em andamento em 2014, por todos os integrantes da escola e comunidade.

Leia mais

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí Instituto Superior de Educação - ISE

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí Instituto Superior de Educação - ISE DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 Do estágio curricular supervisionado A modalidade de Estágio Supervisionado é uma importante variável a ser considerada no contexto de perfil do egresso. A flexibilidade prevista

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM HISTÓRIA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM HISTÓRIA Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás Departamento de Áreas Acadêmicas I Coordenação de Ciências Humanas

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02 Sumário Pág. I) OBJETIVO 02 II) ESTRUTURA DO CURSO 1) Público alvo 02 2) Metodologia 02 3) Monografia / Trabalho final 02 4) Avaliação da aprendizagem 03 5) Dias e horários de aula 03 6) Distribuição de

Leia mais

APós-Graduação em Coaching é a mais avançada e profunda iniciativa de formação

APós-Graduação em Coaching é a mais avançada e profunda iniciativa de formação APós-Graduação em Coaching é a mais avançada e profunda iniciativa de formação em Coaching, com chancela e certificação pelo MEC. Desenvolvida pela Homero Reis e Consultores que atua no mercado formando

Leia mais

CARGO: PROFESSOR Síntese de Deveres: Exemplo de Atribuições: Condições de Trabalho: Requisitos para preenchimento do cargo: b.1) -

CARGO: PROFESSOR Síntese de Deveres: Exemplo de Atribuições: Condições de Trabalho: Requisitos para preenchimento do cargo: b.1) - CARGO: PROFESSOR Síntese de Deveres: Participar do processo de planejamento e elaboração da proposta pedagógica da escola; orientar a aprendizagem dos alunos; organizar as atividades inerentes ao processo

Leia mais

Currículo Profissional

Currículo Profissional Currículo Profissional Ana Luiza Amaral Sant Anna Borba Formação Acadêmica e Titulação Título de Especialista em Psicopedagogia pelo Conselho Regional de Psicologia/SP Pós-Graduada em Psicopedagogia Graduada

Leia mais

III CARAVANA DO SINEPE/SC 2015 JOINVILLE E REGIÃO

III CARAVANA DO SINEPE/SC 2015 JOINVILLE E REGIÃO III CARAVANA DO SINEPE/SC 2015 JOINVILLE E REGIÃO Prezados Educadores, Formação Contínua, comprometida com a qualidade e excelência do ensino particular, essa é a premissa do Programa de Formação Continuada

Leia mais

MEDICINA PROJETO POLÍTICO-PEDAGÓGICO DO CURSO DE MEDICINA (SÍNTESE)

MEDICINA PROJETO POLÍTICO-PEDAGÓGICO DO CURSO DE MEDICINA (SÍNTESE) PROJETO POLÍTICO-PEDAGÓGICO DO CURSO DE (SÍNTESE) Ao longo de mais de cinco décadas, a Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas) estruturou um ambiente acadêmico intelectualmente rico

Leia mais

Proposta de curso de especialização em Educação Física com ênfase em Esporte Educacional e projetos sociais em rede nacional.

Proposta de curso de especialização em Educação Física com ênfase em Esporte Educacional e projetos sociais em rede nacional. Proposta de curso de especialização em Educação Física com ênfase em Esporte Educacional e projetos sociais em rede nacional. JUSTIFICATIVA Esporte Educacional & Projetos Sociais Esporte como meio de inclusão

Leia mais

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO Conselho de Educação do Distrito Federal

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO Conselho de Educação do Distrito Federal Homologado em 13/12/2010, DODF nº 236 de 14/12/2010, pág. 36 Portaria nº 231 de 15/12/2010, DODF nº 239 de 17/12/2010, pág. 7 PARECER Nº 284/2010-CEDF Processo nº 460.000894/2009 Interessado: Centro de

Leia mais

CETEB. A adolescência e o ensino da língua inglesa 60. A aprendizagem criativa e o prazer de aprender 45. A comunicação em sala de aula 300

CETEB. A adolescência e o ensino da língua inglesa 60. A aprendizagem criativa e o prazer de aprender 45. A comunicação em sala de aula 300 Governo do Distrito Federal Secretaria de Estado de Educação Subsecretaria de Gestão dos Profissionais da Educação Coordenação de Administração de Pessoas Instituição CETEB A adolescência e o ensino da

Leia mais

Formação em Gestão Acadêmica

Formação em Gestão Acadêmica PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAL COORDENAÇÃO DE ENSINO E INTEGRAÇÃO ACADÊMICA NÚCLEO DE FORMAÇÃO PARA DOCÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR Formação em Gestão Acadêmica Cruz das Almas-BA

Leia mais

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2008.1A

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2008.1A 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL Fase: 1ª Prática: 15 h/a Carga Horária: 60 h/a Créditos: 4 A biologia educacional e os fundamentos da educação. As bases biológicas do crescimento e desenvolvimento humano. A dimensão

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO 1) UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE ITABERAÍ CURSO DE PEDAGOGIA ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO REGULAMENTO Itaberaí/2012 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE ITABERAÍ CURSO DE

Leia mais

Relação de Oficinas XI ENAP 2012. Segunda-feira 10 de setembro de 2012 (NOITE) 19h15 às 22h15h

Relação de Oficinas XI ENAP 2012. Segunda-feira 10 de setembro de 2012 (NOITE) 19h15 às 22h15h Relação de Oficinas XI ENAP 2012 Segunda-feira 10 de setembro de 2012 (NOITE) 15h 1) Bullying: estratégias de intervenção Palestrante: Ana Carina Stelko Pereira Formação: Psicóloga, Mestre em Educação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇADOR - SC CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 001/2015. ANEXO I - corrigida em 29/04/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇADOR - SC CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 001/2015. ANEXO I - corrigida em 29/04/2015 CÓDIGO DO ÁREA DE ATUAÇÃO REQUISITOS (ESCOLARIDADE/ FORMAÇÃO) TOTAL DE VAGAS JORNADA SEMANAL VENCIMENTO- BASE (R$) NÍVEL SUPERIOR 01 02 03 AUXILIAR DE BIBLIOTECA ESPECIALISTA EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS ESPECIALISTA

Leia mais

RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO. GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional

RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO. GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional Maria Madalena Dullius, madalena@univates.br Daniela Cristina Schossler,

Leia mais

COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão. Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional)

COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão. Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional) COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional) Universidade Federal de Roraima UFRR Brasil Especialista em Alfabetização (Prática Reflexiva

Leia mais

A MATEMÁTICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL (2ª EDIÇÃO) Tatiana Comiotto Menestrina 1 (Coordenadora da Ação de Extensão)

A MATEMÁTICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL (2ª EDIÇÃO) Tatiana Comiotto Menestrina 1 (Coordenadora da Ação de Extensão) A MATEMÁTICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL (2ª EDIÇÃO) Área Temática: Educação Tatiana Comiotto Menestrina 1 (Coordenadora da Ação de Extensão) Pamela Paola Leonardo 2 Marnei Luis Mandler 3 Palavras-chave: Matemática,

Leia mais

Cursos de Administração: qualidade necessária. XIV Fórum Internacional de Administração

Cursos de Administração: qualidade necessária. XIV Fórum Internacional de Administração Cursos de Administração: qualidade necessária XIV Fórum Internacional de Administração Rio de Janeiro, 18 de maio de 2015 ENSINAR, APRENDER, AVALIAR... TRAJETÓRIA DA AVALIAÇÃO EDUCAÇÃO SUPERIOR CAPES avaliação

Leia mais

Pós-Graduação Especialização em Psicomotricidade e/ou Educação Infantil. Local: Avenida Pereira Rego, 1545, Centro, Candelária

Pós-Graduação Especialização em Psicomotricidade e/ou Educação Infantil. Local: Avenida Pereira Rego, 1545, Centro, Candelária Pós-Graduação Especialização em Psicomotricidade e/ou Educação Infantil Local: Avenida Pereira Rego, 1545, Centro, Candelária Carga horária: 360 horas Resolução 01/2007 CES/CNE/MEC: "Art. 5. Os cursos

Leia mais

PLAYGROUND DA MATEMÁTICA: UM PROGRAMA DE EXTENSÃO VOLTADO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL

PLAYGROUND DA MATEMÁTICA: UM PROGRAMA DE EXTENSÃO VOLTADO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL ISSN 2316-7785 PLAYGROUND DA MATEMÁTICA: UM PROGRAMA DE EXTENSÃO VOLTADO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL Ivanete Zuchi Siple ivazuchi@gmail.com Marnei Mandler mmandler@gmail.com Tatiana Comiotto Menestrina comiotto.tatiana@gmail.com

Leia mais

Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso

Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso AUTO-AVALIAÇAO INSTITUCIONAL DO CURSO DE PEDAGOGIA FACED-UFAM / Professores Dimensão 1 - Organização Didático-Pedagógica do Curso Objetivos do Curso 01 - Tenho conhecimento do Projeto Pedagógico do Curso.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE ARTES VISUAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE ARTES VISUAIS ANEXO A SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE ARTES VISUAIS REGULAMENTO ESPECÍFICO DOS COMPONENTES CURRICULARES PRÁTICAS DE ENSINO DO CURSO DE LICENCIATURA

Leia mais

ANEXO III DESCRIÇÕES DE CARGOS MAGISTÉRIO PÚBLICO DO MUNICÍPIO DE CAMAÇARI

ANEXO III DESCRIÇÕES DE CARGOS MAGISTÉRIO PÚBLICO DO MUNICÍPIO DE CAMAÇARI ANEXO III DESCRIÇÕES DE CARGOS MAGISTÉRIO PÚBLICO DO MUNICÍPIO DE CAMAÇARI CARGO: PROFESSOR DESCRIÇÃO SUMÁRIA: Executar as atividades de regência de classe, planejamento escolar, participação na elaboração

Leia mais

CURSO DE EDUCAÇÃO FISICA ATIVIDADES EXTRA CURRICULARES

CURSO DE EDUCAÇÃO FISICA ATIVIDADES EXTRA CURRICULARES CURSO DE EDUCAÇÃO FISICA ATIVIDADES EXTRA CURRICULARES Com a crescente produção de conhecimento e ampliação das possibilidades de atuação profissional, o curso proporciona atividades extra curriculares

Leia mais

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão - FACON. Catálogo de Cursos. Pós-graduação e Extensão. Conchas SP 2015.2

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão - FACON. Catálogo de Cursos. Pós-graduação e Extensão. Conchas SP 2015.2 * Catálogo de Cursos Pós-graduação e Extensão Edição 1º de Julho de 2015 Conchas SP 2015.2 Pós-Graduação e Extensão FACON Catálogo de Cursos de Pós-Graduação Direção Acadêmica Coordenação de Pós-Graduação

Leia mais

Pós-graduação Especialização em Educação Especial: Déficit Cognitivo/Deficiência Mental com Enfoque Pedagógico

Pós-graduação Especialização em Educação Especial: Déficit Cognitivo/Deficiência Mental com Enfoque Pedagógico Pós-graduação Especialização em Educação Especial: Déficit Cognitivo/Deficiência Mental com Enfoque Pedagógico Local: Taquari Carga horária: 400 horas. Resolução 01/2007 CES/CNE/MEC: "Art. 5. Os cursos

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSUEM PSICOLOGIA DO TRÂNSITO

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSUEM PSICOLOGIA DO TRÂNSITO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSUEM PSICOLOGIA DO TRÂNSITO O programa se destina ao desenvolvimento de habilidades relativas à Psicologia do Trânsito dentro de uma visão sistêmica. PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DO

Leia mais

CURSO EXCLUSIVO IBECO

CURSO EXCLUSIVO IBECO PÓS-GRADUAÇÃO EM DOCÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR EM ESTÉTICA CURSO EXCLUSIVO IBECO Destinado aos docentes que atuam ou que pretendem atuar no ensino superior e profissionalizante da área estética, o curso

Leia mais

EDUCAÇÃO ESPECIAL A DISTÂNCIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

EDUCAÇÃO ESPECIAL A DISTÂNCIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA EDUCAÇÃO ESPECIAL A DISTÂNCIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA Andréa Tonini José Luiz Padilha Damilano Vera Lucia Marostega Universidade Federal de Santa Maria RS RESUMO A UFSM vem ofertando Cursos de Formação

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II e III Coronel Fabriciano 2015 REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO O curso de Pedagogia organiza o seu Estágio Supervisionado

Leia mais

PROJETO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL 2014.2

PROJETO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL 2014.2 PROJETO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL 2014.2 APRESENTAÇÃO A Educação Infantil é a primeira etapa da Educação Básica e tem como finalidade o desenvolvimento integral

Leia mais

PLANO DE AÇÃO - 2014

PLANO DE AÇÃO - 2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE QUIXADÁ SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO PEDAGÓGICO PLANO DE AÇÃO - 2014 MISSÃO Assessorar as Regionais Educacionais, fortalecendo o processo

Leia mais

Projetos de apoio ao SUS

Projetos de apoio ao SUS Carta Convite: Facilitação dos Cursos de Especialização em Gestão da Vigilância em Saúde, Gestão da Clínica nas Redes de Atenção à Saúde, Regulação em Saúde no SUS e Gestão do Risco e Segurança do Paciente

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Introdução à Pedagogia Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 1º 1 - Ementa (sumário, resumo) A disciplina se constitui como

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO COLEGIADO: CES

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO COLEGIADO: CES PARECER CNE/CES 1.302/2001 - HOMOLOGADO Despacho do Ministro em 4/3/2002, publicado no Diário Oficial da União de 5/3/2002, Seção 1, p. 15. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO:

Leia mais

Projeto Pedagógico Institucional PPI FESPSP FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI

Projeto Pedagógico Institucional PPI FESPSP FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO PROJETO PEDAGÓGICO INSTITUCIONAL PPI Grupo Acadêmico Pedagógico - Agosto 2010 O Projeto Pedagógico Institucional (PPI) expressa os fundamentos filosóficos,

Leia mais

Faculdade de Alta Floresta - FAF REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE ALTA FLORESTA - FAF

Faculdade de Alta Floresta - FAF REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE ALTA FLORESTA - FAF REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE ALTA FLORESTA - FAF Alta Floresta/2011 Sumário DA FINALIDADE E DA COORDENAÇÃO 03 DOS OBJETIVOS 04 DO CURRÍCULO E DA CARGA HORÁRIA

Leia mais

SEMINÁRIOS TRANSDISCIPLINARES HISTÓRIA E PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO

SEMINÁRIOS TRANSDISCIPLINARES HISTÓRIA E PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO SEMINÁRIOS TRANSDISCIPLINARES HISTÓRIA E PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO AS PERSPECTIVAS POLÍTICAS PARA UM CURRÍCULO INTERDISCIPLINAR: DESAFIOS E POSSIBILIDADES Professor Doutor Carlos Henrique Carvalho Faculdade

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR APROVADO PELA RESOLUÇÃO

Leia mais

Objetivo geral: Formar especialistas em Práticas de Educação Infantil, tendo como referencial importante a concepção construtivista de aprendizagem.

Objetivo geral: Formar especialistas em Práticas de Educação Infantil, tendo como referencial importante a concepção construtivista de aprendizagem. Nome do Curso: ESPECIALIZAÇÃO EM PRÁTICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL Área do Conhecimento: Pedagogia / Didática / Educação Infantil Modalidade: Presencial OBJETIVOS Objetivo geral: Formar especialistas em Práticas

Leia mais

PROJETOS DE ENSINO: PROPOSTA NA FORMAÇÃO ACADÊMICA E DOCENTE PARA OS LICENCIANDOS EM CIÊNCIAS NATURAIS

PROJETOS DE ENSINO: PROPOSTA NA FORMAÇÃO ACADÊMICA E DOCENTE PARA OS LICENCIANDOS EM CIÊNCIAS NATURAIS PROJETOS DE ENSINO: PROPOSTA NA FORMAÇÃO ACADÊMICA E DOCENTE PARA OS LICENCIANDOS EM CIÊNCIAS NATURAIS FREITAS, M.L.L 1 PROJETOS DE ENSINO: PROPOSTA NA FORMAÇÃO ACADÊMICA E DOCENTE PARA OS LICENCIANDOS

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ CÂMPUS TELÊMACO BORBA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA Telêmaco Borba,

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE UNB PLANALTINA

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE UNB PLANALTINA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE UNB PLANALTINA EDITAL UnB/FUP/2014 2 a CHAMADA SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO DO CAMPO PARA O TRABALHO INTERDISCIPLINAR NAS

Leia mais

PNAIC. CEAD-UFOP: Coordenadora Geral: Profa. Dra. Gláucia Jorge Coordenador Adjunto: Prof. Dr. Hércules Corrêa

PNAIC. CEAD-UFOP: Coordenadora Geral: Profa. Dra. Gláucia Jorge Coordenador Adjunto: Prof. Dr. Hércules Corrêa PNAIC POLO DE POÇOS OS DE CALDAS Equipe do PNAIC-CEAD CEAD-UFOP: Coordenadora Geral: Profa. Dra. Gláucia Jorge Coordenador Adjunto: Prof. Dr. Hércules Corrêa Supervisão de avaliação ão: Profa. Dra. Carla

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE PEDAGOGIA, Licenciatura REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das disposições gerais O presente documento

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PEDAGOGIA Disciplina: Comunicação e Expressão Ementa: A leitura como vínculo leitor/texto através do conhecimento veiculado pelo texto escrito. Interpretação:

Leia mais

PSICOPEDAGOGIA. DISCIPLINA: Desenvolvimento Cognitivo, Afetivo e Motor: Abordagens Sócio Interacionistas

PSICOPEDAGOGIA. DISCIPLINA: Desenvolvimento Cognitivo, Afetivo e Motor: Abordagens Sócio Interacionistas PSICOPEDAGOGIA DISCIPLINA: Fundamentos da Psicopedagogia EMENTA: Introdução e fundamentos da Psicopedagogia. O objeto de estudo. Visão histórica e atual. Concepções que sustentam a Psicopedagogia. O papel

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PSICOPEDAGOGIA - Clínica e Institucional

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PSICOPEDAGOGIA - Clínica e Institucional 1 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PSICOPEDAGOGIA - Clínica e Institucional A Psicopedagogia e seus desdobramentos conceituais podem ser vistos, na atualidade, como um movimento de novas buscas e conhecimentos.

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL, MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE. PRA QUÊ? COMO E COM O QUE?

EDUCAÇÃO AMBIENTAL, MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE. PRA QUÊ? COMO E COM O QUE? EDUCAÇÃO AMBIENTAL, MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE. PRA QUÊ? COMO E COM O QUE? Realização: Secretaria Municipal de Educação Execução: Instituto o Barriga Verde Palestrantes/Oficineiros: Antonio Fernando

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Alfabetização Carga Horária Semestral: 80 horas Semestre do Curso: 5º 1 - Ementa (sumário, resumo) História

Leia mais

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES EDIT MARIA ALVES SIQUEIRA (UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA). Resumo Diferentes instrumentos de avaliação (ENEM, SIMAVE) tem diagnosticado o despreparo dos alunos

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE ENSINO FUNDAMENTAL DE 9 ANOS

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE ENSINO FUNDAMENTAL DE 9 ANOS PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE ENSINO FUNDAMENTAL DE 9 ANOS Perguntas mais frequente e respostas do Departamento de Políticas Educacionais. 1. Qual é a nomenclatura adequada para o primeiro ano do ensino fundamental

Leia mais

MBA LIDERANÇA E GESTÃO DE PESSOAS

MBA LIDERANÇA E GESTÃO DE PESSOAS MBA LIDERANÇA E GESTÃO DE PESSOAS Apresentação MBA desenvolvido pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro ), uma das mais conceituadas e reconhecidas Universidades do país, em parceria com a Integração

Leia mais

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO 1º N1 1. Espaços e Práticas Culturais 40h N1 2. Oficina de Artes Visuais 80h N1 3. Prática de Leitura e escrita 80h

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 257/06-CEE/MT

RESOLUÇÃO Nº 257/06-CEE/MT RESOLUÇÃO Nº 257/06-CEE/MT Dispõe sobre a Implantação do Ensino Fundamental para Nove Anos de duração, no Sistema Estadual de Ensino de Mato Grosso, e dá outras providências. O CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: PEDAGOGIA LICENCIATURA FORMAÇÃO PARA O MAGISTÉRIO EM EDUCAÇÃO INFANTIL SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização:

Leia mais

Palestras e Cursos da Área Pedagógica

Palestras e Cursos da Área Pedagógica Portfólio Palestras e Cursos da Área Pedagógica Pedagogia dos Projetos Construir um cenário para demonstrar que os projetos podem ser uma solução e não um serviço a mais para o professor. Enfatizar a necessidade

Leia mais

AS RELAÇÕES DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO

AS RELAÇÕES DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO AS RELAÇÕES DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E O TRABALHO DO TUTOR COMO MEDIADOR DO CONHECIMENTO SOEK, Ana Maria (asoek@bol.com.br) Universidade Federal do Paraná (UFPR) - Brasil HARACEMIV,

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL. COORDENADORA Ângela Maria Soares Ferreira amsoares@ufv.br

EDUCAÇÃO INFANTIL. COORDENADORA Ângela Maria Soares Ferreira amsoares@ufv.br EDUCAÇÃO INFANTIL COORDENADORA Ângela Maria Soares Ferreira amsoares@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2009 327 Currículo do Curso de Licenciatura ATUAÇÃO O Licenciado em é formado para atender as exigências

Leia mais

Centro Educacional Pró-Hope

Centro Educacional Pró-Hope Centro Educacional Pró-Hope A escola da Casa Hope As pessoas que são atendidas pela Instituição sofrem com a carência financeira, a doença e o afastamento da rede familiar e social de apoio. Tudo isso

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 111 DE 18 DE JULHO DE 2011.

RESOLUÇÃO Nº. 111 DE 18 DE JULHO DE 2011. RESOLUÇÃO Nº. 111 DE 18 DE JULHO DE 2011. O PRESIDENTE DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o

Leia mais

Orientação educacional e gestão saudável. Profa. Oliria Mendes Gimenes omgudi@yahoo.com.br

Orientação educacional e gestão saudável. Profa. Oliria Mendes Gimenes omgudi@yahoo.com.br Orientação educacional e gestão saudável Profa. Oliria Mendes Gimenes omgudi@yahoo.com.br CONCEITO A Orientação Educacional é entendida como um processo dinâmico, contínuo e sistemático, estando integrada

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º 1 - Ementa (sumário, resumo) Fundamentos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA RESOLUÇÃO/UEPB/CONSEPE/003/2009. UNIVERSIDADE ESTADU DA PARAÍBA APROVA O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA, DO CENTRO DE EDUCAÇÃO - CEDUC, QUE REFORMULA

Leia mais

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP Regulamento do Curricular Supervisionado do Curso de Graduação em Pedagogia - Licenciatura Faculdade de

Leia mais

RESOLUÇÃO CUNI Nº XXXX

RESOLUÇÃO CUNI Nº XXXX RESOLUÇÃO CUNI Nº XXXX Aprova o Projeto Acadêmico CECANE/UFOP. O Conselho Universitário da Universidade Federal de Ouro Preto, em sua xxxx reunião ordinária, realizada em xxx de xxx de 2011, no uso de

Leia mais