prática, trabalhos acadêmicos, estudo de casos, dinâmicas, relatórios, entre outros. 1. REGISTRO ACADÊMICO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "prática, trabalhos acadêmicos, estudo de casos, dinâmicas, relatórios, entre outros. 1. REGISTRO ACADÊMICO"

Transcrição

1

2

3 1. REGISTRO ACADÊMICO Ao ingressar na Faculdade Pitágoras, o aluno é identificado por um número - seu Registro Acadêmico ou RA - que o acompanhará durante todo o curso de graduação, devendo ser mencionado em todos os documentos e atos escolares. 2. REGIME ESCOLAR O regime dos cursos da Faculdade Pitágoras é o seriado semestral. Isto significa que o aluno é matriculado em um semestre e não em disciplinas. A frequência às aulas e a participação nas demais atividades escolares são direitos dos alunos e permitidos apenas àqueles regularmente matriculados, nos termos do contrato de prestação de serviços assinado entre as partes e que regulamenta os serviços educacionais prestados pela Instituição. 3. AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM 3.1. Disciplina A avaliação de aprendizagem é feita por disciplina, de forma continuada ao longo do semestre. A apuração do desempenho escolar poderá levar em consideração vários instrumentos de avaliação, tais como: provas escrita e/ou prática, trabalhos acadêmicos, estudo de casos, dinâmicas, relatórios, entre outros Frequência A frequência às aulas e demais atividades acadêmicas é obrigatória e o aluno que não obtiver a frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento), independentemente de outros resultados obtidos, estará reprovado na disciplina Cálculo da Média Final de Aproveitamento Semestral O semestre é dividido em 2 (dois) Ciclos Avaliativos, sendo que em cada um deles, denominados bimestre, há 1 (uma) avaliação oficial e 1 (uma) parcial, por disciplina. A avaliação Oficial deverá ser composta de questões objetivas e/ou discursivas, com resultados avaliados de 0 (zero) a 10 (dez), compondo 70% (setenta por cento) do valor da nota de cada Ciclo Avaliativo. A avaliação Parcial poderá ser composta por prova(s), teste(s), simulações, exercícios, aulas práticas, arguições, etc. O resultado da avaliação parcial deverá ser de 0 (zero) a 10 (dez), compondo 30% (trinta por cento) da nota de cada Ciclo Avaliativo. 3

4 Fórmula de cálculo da Nota do Ciclo Avaliativo (Bimestre): Nota de Ciclo Avaliativo = (Avaliação Oficial x 0,7) + (Avaliação Parcial x 0,3) A média final de aproveitamento será a média aritmética entre as notas obtidas nos dois Ciclos Avaliativos, expressa no intervalo de zero a dez. Considera-se aprovado o acadêmico que obtiver nota igual ou superior a 6 (seis); Fórmula de cálculo da Média do Semestre: Média do semestre = (Nota do 1º Ciclo Avaliativo.) + (Nota do 2º Ciclo Avaliativo) Avaliação de Segunda Chamada Ao final de cada semestre letivo, haverá uma única avaliação substitutiva de cada disciplina, com matéria cumulativa, como alternativa ao aluno que não realizou a avaliação oficial. Em cada disciplina será realizada somente uma avaliação de segunda chamada por semestre letivo, mesmo que o aluno tenha faltado às duas avaliações oficiais. Nesse caso, ao se submeter à segunda chamada, terá sua nota atribuída ao 2 o Ciclo Avaliativo, ficando com 0 (zero) na avaliação oficial do 1 o Ciclo. Para a realização da avaliação de segunda chamada será cobrada uma taxa cujo valor é estabelecido pela Faculdade. Esta taxa será acrescida ao boleto da mensalidade posterior à realização da avaliação Aprovação e dependência Caso o aluno não obtenha a média mínima necessária para aprovação, ou seja, 6 (seis), deve submeter-se ao Exame Final, desde que a sua média seja no mínimo 4 (quatro). O Exame Final será composto de todo conteúdo ministrado na disciplina durante o semestre, sendo avaliado por meio de questões objetivas e ou discursivas, com resultados avaliados de 0 (zero) a 10 (dez). Média menor ou igual a 3,9 (três inteiros e nove décimos) acarretará a reprovação imediata do aluno. O resultado final da disciplina será a média aritmética entre o exame final e o resultado total obtido no semestre anterior ao exame final, sendo considerado aprovado o aluno que obtiver média final igual ou superior a 6 (seis ). Fórmula de cálculo do resultado final após Exame Final: (Média das notas do 1º e 2º. Ciclos Avaliativos) + (Nota do Exame Final) 2 4

5 4. INFORMAÇÕES ACADÊMICAS A Faculdade Pitágoras tem como política garantir a segurança dos seus alunos, não fornecendo dados acadêmicos via telefone, , por correspondência escrita ou verbalmente a terceiros, incluindo pais, familiares ou cônjuges, mesmo havendo comprovação do parentesco. É muito importante que o cadastro do aluno seja constantemente atualizado, pois o e o telefone são utilizados para contatos e respostas de solicitação. Nos casos em que o aluno necessitar de documentação e estiver impossibilitado de comparecer à Faculdade, a solicitação poderá ser realizada por outra pessoa, via procuração, assim como a retirada dos documentos. Devese prestar atenção aos prazos, pois quando a solicitação ocorrer após a data limite, o aluno terá seu parecer comprometido, podendo ser indeferido. 5. DISCIPLINAS SEMIPRESENCIAIS Processos tecnológicos e digitais são, hoje, uma realidade no mundo contemporâneo. Nesse compasso, a Faculdade Pitágoras oferece uma parte do conteúdo programático dos cursos reconhecidos pelo MEC mediante disciplina semipresencial. O aluno desenvolve o conteúdo pelo portal acadêmico e realiza as avaliações oficiais em sala de aula. Além da comodidade e flexibilidade de levar o estudo para outras esferas, o aluno tem contato e aprende a operar ferramental metodológico e pedagógico de vanguarda. 6. ESTUDO DIRIGIDO (ED) O Estudo Dirigido foi desenvolvido para o suporte aos alunos na obtenção de um conhecimento interdisciplinar em conteúdos que serão cobrados do discente durante a sua vida profissional, integrando-o às competências curriculares de cunho humanista previstas nos Projetos Pedagógicos dos cursos ofertados pela Faculdade. O ED é obrigatório e faz parte da grade da turma. É uma atividade à distância, realizada no portal do aluno. A frequência do aluno é obtida a partir do cumprimento das atividades que serão disponibilizadas no portal e a sua nota resultará da realização da prova online, disponível no portal em data estabelecida pela Faculdade. A aprovação no ED somente se dá com uma frequência mínima de 75% e também com uma nota na prova de, no mínimo 6 (seis), sendo a prova baseada nas atividades trabalhadas. 5

6 Para esta avaliação, não haverá Exame Final e nem Segunda Chamada. Em caso de reprovação, o aluno acumulará o respectivo ED para o próximo semestre, não acarretando encargos financeiros. Para conhecer todas as normativas do ED, o aluno deverá realizar a leitura prévia do Manual que estará disponível em seu portal. 7. ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades Complementares de ensino, pesquisa e extensão são parte integrante da formação superior. São desenvolvidas à parte dos ED s e exigidas de acordo com a matriz curricular do seu curso. As atividades complementares visam a enriquecer a formação do aluno, incentivando o desenvolvimento das potencialidades individuais e promovendo a autonomia. São consideradas Atividades Complementares participações em cursos de extensão, eventos, disciplinas e estágios extracurriculares, entre outros. Os alunos podem realizar Atividades Complementares desde o 1º semestre de matrícula no curso, a qualquer momento, inclusive durante as férias escolares. Todas as atividades devem ser comprovadas pelo próprio aluno. Para tanto, deverá registrar no SAA - Serviço de Atendimento ao Aluno, quando matriculado no último período de integralização do curso, todos os seus certificados e comprovantes do desempenho das Atividades Complementares. A documentação será remetida ao coordenador do curso que fará a contagem das horas aproveitáveis, segundo o Regulamento de Atividades Complementares próprio do curso. 8. SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO ALUNO SAA (Secretaria e Tesouraria) O Serviço de Atendimento ao Aluno é o setor de apoio e controle documental de todas as atividades escolares e responde pela escrituração, guarda, recuperação e informação dos registros dos atos acadêmicos. O setor tem por finalidade estabelecer um canal de comunicação entre a Instituição e os alunos, quando existirem dúvidas ou necessidade de orientação por parte destes. É por meio desse setor que o aluno recebe esclarecimentos dos caminhos que devem ser seguidos para a solução dos problemas do dia-a-dia acadêmico, protocola solicitações acadêmicas e/ou financeiras e retira documentos solicitados. Os horários de atendimento devem ser observados nos murais das faculdades ou solicitados na própria central. 6

7 9. PORTAL DO ALUNO A Faculdade Pitágoras criou um canal de serviços e informações que permite ao aluno acompanhar online sua vida acadêmica, 24 horas por dia. É possível consultar notas, faltas, situação financeira, fazer a impressão de boletos bancários e solicitar diversos documentos, como declaração de matrícula e histórico escolar. Com esse serviço, o aluno faz a solicitação, gerando uma taxa de prestação de serviço que será cobrada em conjunto com a próxima mensalidade. Cumprido o prazo estipulado, basta comparecer ao SAA para retirar o documento solicitado. Como acessar: no site da Faculdade o aluno deve clicar no link Serviços Acadêmicos e, em seguida, em Central do Aluno. No Portal do Aluno, o próprio acadêmico pode alterar as informações referentes ao seu endereço, e telefone. As alterações dos dados cadastrais não disponíveis para alteração, tais como RG, CPF, nome ou data de nascimento, devem ser solicitadas no SAA, pessoalmente, via requerimento próprio e com cópia de documento comprobatório. 10. REVISÃO DE AVALIAÇÃO O aluno que tiver dúvidas quanto à nota atribuída numa avaliação oficial poderá requerer, via SAA, a revisão da avaliação correspondente. A solicitação deverá ser feita no prazo de 7 (sete) dias corridos contados a partir da data da publicação da nota no portal acadêmico, sob pena de indeferimento liminar. Somente avaliações escritas à caneta geram direito à revisão. A revisão da avaliação será feita pelo professor e, se houver eventuais incorreções na nota, essas poderão ser alteradas para cima ou para baixo, conforme o caso. Vencido o prazo de solicitação da revisão, valerá a nota lançada. 11. COMPENSAÇÃO DE AUSÊNCIAS Não há abono de faltas. A compensação de ausências às aulas com trabalhos acadêmicos é prevista em lei, em três situações: - Decreto-Lei 1.044/69: doenças infectocontagiosas ou outras que exijam afastamento superior a 15 dias ininterruptos; - Lei 6.202/75: amparo a gestação, parto e puerpério; 7

8 - Decreto-Lei 715/69: relativo à prestação de serviço militar (Exército, Marinha e Aeronáutica). O aluno amparado pela legislação poderá solicitar ao SAA a compensação de ausência às aulas por meio de requerimento (assinado pelo aluno ou por seu procurador), acompanhado do laudo médico ou documentação específica do serviço militar. O pedido deve ser protocolado no SAA em tempo hábil de até 5 (cinco) dias, a contar da data do afastamento. A partir desse processo, serão conhecidos os prazos e as condições para a entrega dos trabalhos acadêmicos. O aluno enquadrado no regime de compensação de ausência não está dispensado das avaliações individuais (presenciais), das práticas de campo e dos estágios programados para o semestre letivo em que estiver matriculado, devendo procurar a coordenação de seu curso para a realização dessas atividades. 12. MATRÍCULAS Matrículas Iniciais São aquelas efetuadas quando o candidato se matricula pela primeira vez na Faculdade Matrículas Subsequentes A cada início de semestre, o aluno deverá efetivar a renovação do seu vínculo com a Faculdade, quitando o boleto de janeiro ou julho e confirmando seu horário no portal do aluno, preferencialmente, antes do início das aulas. Nos casos especiais, em que necessite de auxílio para realizar sua enturmação, o aluno deverá, pelo próprio portal, contatar seu coordenador, para os devidos ajustes. Para tanto deverá clicar no link monte seu horário e depois em solicitar aprovação. A não-renovação da matrícula implicará na perda do vínculo contratual com a faculdade, conforme Contrato por Adesão à Prestação de Serviços Educacionais assinado entre as partes. O aluno que não se enturma não tem seu nome lançado na lista de chamadas, nem poderá se submeter às avaliações Trancamento de Matrícula Poderá ser concedido o trancamento de matrícula, com base em justificativa apresentada pelo aluno ao coordenador do curso, para efeito de suspensão temporária de seus estudos, mantendo sua vinculação à faculdade e seu direito à renovação de matrícula, desde que haja vaga no curso e a solicitação ocorra dentro dos prazos estabelecidos. 8

9 O trancamento tem validade de até dois anos para os cursos de bacharelado e de licenciatura e de um ano para os tecnólogos (cursos superiores de curta duração). Para a reabertura da matrícula o aluno deve solicitar a reserva de vaga por escrito, no mês que precede o início do período letivo, e que será concedida mediante a existência de vaga. Não é permitido o trancamento de matrícula durante o primeiro semestre de integralização do curso Abandono de Curso O abandono caracteriza-se pela não confirmação de continuidade dos estudos. O aluno que abandonou o curso no 1º período letivo e que deseja retornar, só poderá fazêlo por meio de novo processo seletivo ou a partir de vagas remanescentes. O aluno que abandonou o curso a partir do 2º período letivo e que deseja retornar aos estudos deverá requerer o retorno em período de rematrícula, conforme prazos fixados no calendário acadêmico e desde que não tenha débitos pendentes com a Instituição. Quando o aluno não formaliza sua desistência ou cancelamento no semestre vigente, é considerado o abandono de curso, mesmo que não tenha utilizado as dependências ou os serviços oferecidos pela Instituição. Importante: O aluno que desistir do curso sem requerer tal desistência continuará a receber faltas nas aulas, terá contabilizadas as mensalidades escolares e outros débitos, podendo ser cobrado na forma judicial, uma vez que esse aluno estará ocupando uma vaga que a Instituição não poderá substituir sem a desistência ou cancelamento formalizado Desistência de Matrícula A desistência de matrícula pode ser solicitada formalmente pelo aluno, em formulário próprio, após o início das aulas do período letivo. Importante: para os casos de trancamento e desistência da matrícula é condição necessária estar em dia com as parcelas escolares, entre outros débitos (Biblioteca, requerimentos etc.). Caso a desistência de matrícula seja realizada no primeiro dia útil do mês, a parcela referente ao mês deverá estar quitada. Para trancar ou desistir da matrícula, o aluno deverá agendar um horário com o coordenador do curso. Nessa reunião receberá um formulário específico que deverá ser 9

10 validado pela Biblioteca e posteriormente apresentado ao SAA, para legitimação do processo Remanejamento de Curso O aluno poderá requerer remanejamento de curso desde que haja vaga no curso pretendido. O requerimento deverá ser formalizado no SAA e deverá se submeter às adaptações curriculares pertinentes Desligamento Haverá desligamento no caso de infração disciplinar de natureza grave, nos termos das normas escolares Reabertura de Matrícula Para retornar ao curso, o aluno com matrícula trancada deve requerer no SAA, dentro dos prazos estabelecidos, a reabertura de sua matrícula, estando sujeito à adaptação curricular Conclusão do curso O aluno que não concluir o curso no tempo regular, seja por motivo de trancamento de matrícula ou reprovação, estará sujeito ao jubilamento, na forma da legislação vigente. 13. BIBLIOTECAS As Bibliotecas Integradas da Faculdade Pitágoras mantém seu acervo aberto a consultas e todo o seu conteúdo pode ser pesquisado através da internet. O aluno, ao se matricular, é automaticamente inscrito como usuário, bastando apresentar o cartão de estudante para utilizar-se dos serviços. Para os alunos calouros que ainda não possuírem o cartão, estes poderão usufruir dos serviços mediante apresentação do comprovante de matrícula e documento de identidade com foto. O aluno pode fazer empréstimo domiciliar por um prazo de 7 (sete) dias. Depois desse período, deve devolvê-lo diretamente à biblioteca ou renovar seu empréstimo pelo site. Todos os títulos possuem um exemplar reservado apenas para consulta interna, ou que o aluno poderá pegar emprestado por duas horas, no máximo. A multa por atraso na devolução é de R$1,00 por hora ou por dia, dependendo do exemplar emprestado. As normas de funcionamento 10

11 obedecem ao regulamento próprio e estão disponíveis para consulta na própria Biblioteca. 14. LABORATÓRIOS A faculdade possui diversos ambientes para a prática profissional e que atendem a cursos específicos, além dos laboratórios de informática, utilizados por todos os cursos das diversas áreas. Para a utilização dos laboratórios é necessário o cumprimento de regulamento específico para cada área, observando-se a necessidade do uso de equipamentos de proteção individual, bem como os horários préestabelecidos. 15. CARTÃO DE ESTUDANTE O cartão é um documento de identificação funcional que facilita o acesso do aluno às dependências da faculdade, por meio do sistema de catraca eletrônica. Para confecção da identidade estudantil, será necessário que o aluno faça o cadastro através do site preenchendo os dados pessoais e fazendo a inclusão de uma foto 3x4, com fundo branco. A foto passará por uma avaliação e caso aprovada, o cartão será encaminhado para confecção. No endereço apontado, você encontrará um passo-a-passo para facilitar o processo de confecção do seu cartão estudantil. 16. CENTRAL DE ESTÁGIOS O SAA é o setor responsável pelos trâmites relativos aos Termos de Compromisso de Estágio. Para tanto, fornece, quando for o caso, modelos de contrato, promove o seguro do aluno, no caso de estágios obrigatórios, coleta assinaturas e mantém sob sua guarda os documentos inerentes ao processo. Através do portal de vagas, a Faculdade Pitágoras aproxima o aluno do mercado de trabalho e oferece várias oportunidades de estágio e emprego. Você poderá acompanhar as vagas pelo site ou pelo Além disso, o portal conta com um blog sobre gestão de carreiras que dará dicas de como preparar um bom currículo, como se portar em entrevistas, entre outras. 17. CONVÊNIOS E BOLSAS A Faculdade Pitágoras mantém convênios com diversas empresas e organizações que podem lhe conceder um desconto na mensalidade escolar. Procure se informar no 11

12 SAA sobre o portfólio de instituições conveniadas e os respectivos descontos. Vale observar que os convênios devem ser, obrigatoriamente, renovados a cada semestre, mediante apresentação de documentação comprobatória ao SAA. O aluno deve se atentar aos prazos e datas limites para apresentação da documentação, sendo que, para as renovações de matrícula referentes ao mês de janeiro, o aluno deverá apresentar a documentação até o dia 10 (dez) de dezembro; e para as relativas a julho, deverá entregá-la até o dia 10 (dez) de junho. Convênios e bolsas aqui tratados não são cumulativos, prevalecendo o de maior índice. 18. FINANCIAMENTO ESTUDANTIL Todos os cursos ofertados pela Faculdade Pitágoras podem ser custeados através do FIES Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior. As principais características são: financiamento de até 100% das mensalidades do curso; taxa de juros de 3,4% ao ano; parcelas do financiamento mensais e com valores fixos; parcela máxima de apenas R$50,00 por trimestre, durante o período de integralização do curso; 18 meses de carência após o período de financiamento; período de pagamento de até 3 (três) vezes a duração de curso mais 12 (doze) meses. Para maiores detalhes, procure o SAA da Unidade. Para informações complementares, acesse o SisFIES através do endereço eletrônico 19. DISPOSIÇÕES GERAIS Os professores são responsáveis pelo cumprimento dos Planos de Ensino das disciplinas que ministram e têm autonomia e responsabilidades no processo pedagógico dentro e fora da sala de aula. Os programas são estabelecidos pelos mesmos, nos termos do projeto pedagógico de cada curso e aprovados pela faculdade, visando aos objetivos pedagógicos planejados. Os direitos e deveres dos alunos constam no Regimento Interno da Faculdade e podem ser consultados na biblioteca. Todo aluno deve manter atitude digna e respeitosa frente aos colegas, professores e funcionários, em qualquer ocasião. O desrespeito e a atitude inadequada podem ser penalizados conforme o Regimento da Faculdade. A perturbação das atividades de aula constitui infração disciplinar de natureza grave, cabendo a quem de direito a devida punição. O trote físico a calouros (corte de cabelo, pintura etc.) é considerado pela faculdade como ato de desrespeito à 12

13 dignidade do calouro e de agressividade à sua integridade física. O ato será coibido pela administração da faculdade, aplicando-se as penalidades previstas (consulte a Lei nº , de 20/12/99). As dependências da faculdade compõem os ambientes em que o aluno passará boa parte do dia ou da noite, durante alguns anos. É fundamental que sejam mantidos limpos, agradáveis, saudáveis e seguros. De acordo com a Lei de 15/07/96, não é permitido fumar em sala de aula ou qualquer outro ambiente fechado da Instituição. 13

Manual do Candidato. Grupo Educacional LBS-FAPPES. Vestibular FAPPES 2016. WEST PLAZA R. Barão de Tefé, 247 - São Paulo - SP, 05003-100

Manual do Candidato. Grupo Educacional LBS-FAPPES. Vestibular FAPPES 2016. WEST PLAZA R. Barão de Tefé, 247 - São Paulo - SP, 05003-100 Grupo Educacional LBS-FAPPES CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006 Manual do Candidato Vestibular FAPPES 2016 1. Disposições Gerais 1.1. O Processo Seletivo consiste na seleção e classificação

Leia mais

GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA DISPENSA DE DISCIPLINA REQUERIMENTOS

GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA DISPENSA DE DISCIPLINA REQUERIMENTOS GUIA ACADÊMICO MATRÍCULA E REMATRÍCULA A matrícula é o ato formal do aluno com a UNIUV. Importa em direitos e deveres, tanto para o aluno como para a instituição. Sua efetivação ocorre após classificação

Leia mais

Regulamento de Matrícula

Regulamento de Matrícula Regulamento de Matrícula A Coordenadora do Curso de Direito da Faculdade Processus, juntamente com a Diretora do Curso, no exercício de suas atribuições, com o intuito de normatizar a efetividade e dinâmica

Leia mais

Matrículas 1º semestre letivo de 2014

Matrículas 1º semestre letivo de 2014 EDITAL 17/2013 PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Matrículas 1º semestre letivo de 2014 O UDF - Centro Universitário torna público o Edital de Matrícula dos Cursos de Graduação para o 1º semestre letivo de 2014, a

Leia mais

Grupo Educacional IPEC-FAPPES. CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006. Manual do Candidato. Vestibular FAPPES 2014

Grupo Educacional IPEC-FAPPES. CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006. Manual do Candidato. Vestibular FAPPES 2014 Grupo Educacional IPEC-FAPPES CREDENCIADO PELO MEC. DECRETO N 485 de 09/02/2006 Manual do Candidato Vestibular FAPPES 2014 r www.fappes.edu.b 1. Disposições Gerais 1.1. O Processo Seletivo consiste na

Leia mais

MANUAL DO ACADÊMICO - 2015

MANUAL DO ACADÊMICO - 2015 MANUAL DO ACADÊMICO - 2015 1. INFORMAÇÕES IMPORTANTES 1.1 - A matrícula deve ser renovada semestralmente. O período para a renovação de matrícula para o 1º semestre será até o dia 31 de janeiro de 2014,

Leia mais

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 ORIENTAÇÕES GERAIS Processo O processo de renovação de matrícula constitui-se de três etapas válidas para todos os alunos veteranos dos cursos de graduação:

Leia mais

Regulamento Geral. Programas Executivos IBMEC MG. REGULAMENTO GERAL PROGRAMAS EXECUTIVOS IBMEC BELO HORIZONTE Reprodução Proibida

Regulamento Geral. Programas Executivos IBMEC MG. REGULAMENTO GERAL PROGRAMAS EXECUTIVOS IBMEC BELO HORIZONTE Reprodução Proibida Regulamento Geral Programas Executivos IBMEC MG 0 TÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - Os Programas CBA, MBA e LL.M. são atividades docentes do Ibmec MG, dirigidos à formação e aperfeiçoamento dos participantes,

Leia mais

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins.

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins. EDITAL NRCA-SJP N.º 09/2015 DISPÕE SOBRE OS PROCESSOS DE INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE FAE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS. O Coordenador do Núcleo

Leia mais

MANUAL DO ALUNO 2014

MANUAL DO ALUNO 2014 MANUAL DO ALUNO 2014 APRESENTAÇÃO Caro Acadêmico, Agradecemos por você ter escolhido o IESG para sua formação profissional. No Manual do Aluno você encontrará informações importantes e necessárias para

Leia mais

TUTORIAL/RENOV.MATRÍCULA/GRAD.EAD RJ. Rio de Janeiro, 26 de novembro de 2014. Estimados Estudantes,

TUTORIAL/RENOV.MATRÍCULA/GRAD.EAD RJ. Rio de Janeiro, 26 de novembro de 2014. Estimados Estudantes, TUTORIAL/RENOV.MATRÍCULA/GRAD.EAD RJ Estimados Estudantes, Rio de Janeiro, 26 de novembro de 2014. Gostaríamos de manifestar nossa alegria e gratidão pela confiança em nossa Instituição durante o período

Leia mais

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte 1. FINANCIAMENTOS 1.1. PRAVALER O Crédito Universitário PRAVALER é um programa privado de financiamento de graduação presencial implantado em parceria com instituições

Leia mais

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO O que é o CredIes do IESB? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015.

ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015. ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015. Ao realizar a matrícula online, através do portal acadêmico do aluno, o

Leia mais

FACULDADE METODISTA GRANBERY GABINETE DA DIREÇÃO PORTARIA Nº 01/2015

FACULDADE METODISTA GRANBERY GABINETE DA DIREÇÃO PORTARIA Nº 01/2015 FACULDADE METODISTA GRANBERY GABINETE DA DIREÇÃO PORTARIA Nº 01/2015 Ementa: Altera e estabelece o Regulamento Financeiro para os cursos de graduação da Faculdade Metodista Granbery. O TESOUREIRO DO INSTITUTO

Leia mais

INFORMAÇÕES ACADÊMICAS

INFORMAÇÕES ACADÊMICAS INFORMAÇÕES ACADÊMICAS INGRESSO O ingresso na UNILAGOS é feito mediante processo seletivo (Vestibular) ou por outro processo previsto em lei. Também é possível ingressar por meio de transferência, dispositivo

Leia mais

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS REGULAMENTO 1.1 - O presente regulamento objetiva a concessão de Crédito Educativo para estudantes devidamente Matriculados nos cursos

Leia mais

EDITAL 002/2013 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014. Bacharelados: Administração; Educação Física; Nutrição e Enfermagem

EDITAL 002/2013 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014. Bacharelados: Administração; Educação Física; Nutrição e Enfermagem EDITAL 002/2013 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014 Guilherme Bernardes Filho, Mantenedor das Faculdades Integradas ASMEC, no uso de suas atribuições, torna público que, a partir de 19 de setembro de

Leia mais

ESAMC. MBA Executivo. Unidades: Sorocaba. Itapetininga

ESAMC. MBA Executivo. Unidades: Sorocaba. Itapetininga ESAMC MBA Executivo Unidades: Sorocaba Itu Itapetininga REGULAMENTO INTERNO DA INSTITUIÇÃO ÚLTIMA REVISÃO: NOVEMBRO/2009 SUMÁRIO ii 1) DO REGIME ESCOLAR... 1 1.1) CRITÉRIO DE CONTAGEM DE CRÉDITOS... 1

Leia mais

Normas e Procedimentos para os Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu (MBA, Especialização e Aperfeiçoamento)

Normas e Procedimentos para os Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu (MBA, Especialização e Aperfeiçoamento) Normas e Procedimentos para os Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu (MBA, Especialização e Aperfeiçoamento) 1 Contato com alunos O contato com o aluno de Pós-Graduação da UCS acontece, de forma preferencial,

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Em conformidade com a Resolução CNE/CES n 1, de 08 de Junho de 2007 e o Regimento da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Aprovado pelo Parecer CONSEPE

Leia mais

Faculdade Maurício de Nassau

Faculdade Maurício de Nassau Faculdade Maurício de Nassau EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 A Direção da Faculdade Maurício de Nassau de Manaus no uso de suas atribuições e com base nas disposições regimentais, no Dec. 99.490/90,

Leia mais

MESTRADO PROFISSIONAL EM ECONOMIA. Regulamento do Curso

MESTRADO PROFISSIONAL EM ECONOMIA. Regulamento do Curso MESTRADO PROFISSIONAL EM ECONOMIA Regulamento do Curso CAPÍTULO I DAS FINALIDADES DO PROGRAMA Artigo 1º - O Programa de Mestrado Profissional em Economia (MPE) tem os seguintes objetivos: I. formar recursos

Leia mais

Regulamento do Curso

Regulamento do Curso Regulamento do Curso Mestrado Profissional em Administração CAPÍTULO I DAS FINALIDADES DO PROGRAMA Artigo 1º - O Programa de Mestrado Profissional em Administração (MPA) tem os seguintes objetivos: I.

Leia mais

PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015.

PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015. PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015. O Diretor Geral da Faculdade Unida de Vitória, no uso das atribuições conferidas pelo Regimento Interno resolve regulamentar os procedimentos gerais

Leia mais

Faculdade Escola Paulista de Direito

Faculdade Escola Paulista de Direito Faculdade Escola Paulista de Direito MANUAL DO ALUNO Este manual tem por finalidade informar à comunidade universitária as normas e os procedimentos acadêmicos institucionais da Faculdade Escola Paulista

Leia mais

EDITAL N.º 001/2014 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014

EDITAL N.º 001/2014 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014 EDITAL N.º 001/2014 PROCESSO SELETIVO 1º SEMESTRE DE 2014 A Diretora Maria Aparecida Pinto, Diretora da Faculdade de São Lourenço, no uso de suas atribuições, torna público que, no período de 02 de setembro

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Antônio Corrêa de Lacerda Vice-Coordenadora: Profa. Dra. Regina Maria d Aquino Fonseca Gadelha Estarão abertas, no período de 01/04/2015 a

Leia mais

ALIANÇA TERESINA - MAURICIO DE NASSAU

ALIANÇA TERESINA - MAURICIO DE NASSAU ALIANÇA TERESINA - MAURICIO DE NASSAU EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 A direção da Faculdade Aliança / Faculdade Maurício de Nassau no uso de suas atribuições e com base nas disposições regimentais,

Leia mais

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013

SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013 Pág. 1 SECRETARIA GERAL EDITAL Nº 003/2013 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2013 A Secretária Geral, no uso de suas atribuições, e por ordem do Diretor Executivo da Faculdade Católica

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 FACULDADE MAURICIO DE NASSAU DE BELÉM MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL CREDENCIAMENTO: PORTARIA Nº 571, DE 13 DE MAIO DE, DOU 16 DE MAIO DE SEÇÃO I EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 O Diretor da Faculdade

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi)

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) O Presidente do CONSUP, no uso de suas atribuições regimentais, artigo 8 inciso

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

Calendário de Matrícula 1º Semestre de 2015. Calendário para Assinatura do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais e do Plano de Estudos

Calendário de Matrícula 1º Semestre de 2015. Calendário para Assinatura do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais e do Plano de Estudos Calendário de Matrícula 1º Semestre de 2015 Calendário para Assinatura do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais e do Plano de Estudos 2 e 3/1 Direito e Nutrição. 5/1 - Ciência da Computação, Sistemas

Leia mais

NORMAS E CRONOGRAMA DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2015 1. CRONOGRAMA DA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2015

NORMAS E CRONOGRAMA DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2015 1. CRONOGRAMA DA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2015 Prezado (a) estudante, NORMAS E CRONOGRAMA DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA PARA O 2º SEMESTRE DE 2015 Neste documento serão apresentadas orientações sobre a renovação de matrícula para o 2º semestre de 2015.

Leia mais

FACULDADE JOAQUIM NABUCO-UNIDADE RECIFE MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1

FACULDADE JOAQUIM NABUCO-UNIDADE RECIFE MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 FACULDADE JOAQUIM NABUCO-UNIDADE RECIFE MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 Credenciamento - Ato autorizativo Portaria Nº 998 de 22/10/2007, publicada no DOU em 23/10/2007

Leia mais

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário. ATO ADMINISTRATIVO REITORIA Nº 45/2015 Aprova o Edital do Processo Seletivo do Programa de Integralização de Créditos para a Conclusão do Curso Superior de Teologia Vestibular 1º semestre de 2016 O REITOR

Leia mais

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO A Direção da SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde torna públicas as normas a seguir, que regem o Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014

VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014 VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014 EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO REFERENTE AO 1 o SEMESTRE DO ANO LETIVO DE 2014 O Diretor do Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro da Universidade

Leia mais

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br A Comissão de Acesso ao Ensino Superior informa que estão abertas as inscrições para o 1º semestre letivo de 2016, nas seguintes modalidades: 1º Processo Seletivo Agendado Edital 21/2015 (para novos alunos)

Leia mais

UNIGRAN Centro Universitário da Grande Dourados. MANUAL DO ALUNO da Pós-Graduação a Distância

UNIGRAN Centro Universitário da Grande Dourados. MANUAL DO ALUNO da Pós-Graduação a Distância UNIGRAN Centro Universitário da Grande Dourados MANUAL DO ALUNO da Pós-Graduação a Distância INTRODUÇÃO No curso de pós graduação em EAD da UNIGRAN o processo de aprendizagem é construído pelo próprio

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 32/CUn, DE 27 DE AGOSTO DE 2013.

RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 32/CUn, DE 27 DE AGOSTO DE 2013. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA ÓRGÃOS DELIBERATIVOS CENTRAIS CAMPUS UNIVERSITÁRIO TRINDADE CEP: 88040-900 FLORIANÓPOLIS SC TELEFONES: (48) 3721-9522 - 3721-4916 FAX: (48)

Leia mais

Prezado Aluno. Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento.

Prezado Aluno. Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento. Prezado Aluno Semestralmente os alunos que contrataram o FIES devem realizar o aditamento (a renovação) do seu contrato de financiamento. Atente-se ao seu e-mail e aos informativos no site da PUCPR, Portal

Leia mais

RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA

RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA O Presidente do CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO - FADISA, Professor Ms. ANTÔNIO

Leia mais

FACULDADE TOBIAS BARRETO MANTIDA PELA SOCIEDADE DE ENSINO SUPERIOR E PESQUISA DE SERGIPE LTDA- SESPS

FACULDADE TOBIAS BARRETO MANTIDA PELA SOCIEDADE DE ENSINO SUPERIOR E PESQUISA DE SERGIPE LTDA- SESPS FACULDADE TOBIAS BARRETO MANTIDA PELA SOCIEDADE DE ENSINO SUPERIOR E PESQUISA DE SERGIPE LTDA- SESPS CREDENCIAMENTO: PORTARIA MEC Nº 601 DE 20.05.2008, DOU 21DE MAIO DE 2008 SEÇÃO I. EDITAL DO PROCESSO

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS CURSOS DA FIPP

REGULAMENTO INTERNO DOS CURSOS DA FIPP REGULAMENTO INTERNO DOS CURSOS DA FIPP BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM

Leia mais

O regime adotado pela Faculdade Metodista Granbery é o seriado semestral. A matrícula é feita por períodos e renovada semestralmente.

O regime adotado pela Faculdade Metodista Granbery é o seriado semestral. A matrícula é feita por períodos e renovada semestralmente. INFORMAÇÕES ACADÊMICAS BÁSICAS 1. CURRÍCULO Para cada curso de graduação é organizado um currículo. O currículo abrange uma sequência de disciplinas/módulos hierarquizados(as) por períodos letivos, cuja

Leia mais

REGULAMENTO DA SECRETARIA GERAL

REGULAMENTO DA SECRETARIA GERAL FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DO BAIXO SÃO FRANCISCO DR. RAIMUNDO MARINHO FACULDADE RAIMUNDO MARINHO REGULAMENTO DA SECRETARIA GERAL A Secretaria Geral é o órgão que operacionaliza todas as atividades ligadas à

Leia mais

FACULDADE DIREÇÃO GERAL NORMA 029 1/5

FACULDADE DIREÇÃO GERAL NORMA 029 1/5 1. Dos Requisitos e Documentos para o Ingresso Para ingressar nos cursos de ensino superior o candidato deve ter concluído o Ensino Médio, prestar processo seletivo da IES ou ingressar por uma das formas

Leia mais

Apresentação. Prezado aluno,

Apresentação. Prezado aluno, A Faculdade São Judas Tadeu tem como missão promover a emancipação do indivíduo através da educação, compreendida pelo desenvolvimento do conhecimento, atitudes e valores e respeito à dignidade humana.

Leia mais

GUIA DO ALUNO 2014 1

GUIA DO ALUNO 2014 1 GUIA DO ALUNO 2014 1 GUI A DO ALUNO 1. Matrícula Para efetuar sua matrícula em Cursos PECE o candidato deverá comparecer no prazo estipulado, portando todos os documentos que são exigidos para a matrícula

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012 INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012 Aprovada pela RESOLUÇÃO CONSUNI/Nº 017/2012, Publicada no DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DO TO, Nº 3.670,no dia 13 de julho de 2012. Normatiza, no âmbito da

Leia mais

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Dispõe sobre os valores dos encargos educacionais para o 2º semestre de 2.015 da Faculdade de Vargem Grande Paulista FVGP. A Diretora da Faculdade

Leia mais

Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro. Fundação Educacional de Além Paraíba

Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro. Fundação Educacional de Além Paraíba Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro Fundação Educacional de Além Paraíba Regulamento de Monitoria Art. 1º A Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro admitirá, sem vínculo empregatício,

Leia mais

O presente processo terá validade para matrícula no primeiro semestre de 2015, através de ingresso por:

O presente processo terá validade para matrícula no primeiro semestre de 2015, através de ingresso por: EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA PARA 2015/1 Os Diretores Executivo e Técnico do SENAI CETIQT, no uso das atribuições que lhes conferem o Regimento Interno do SENAI CETIQT, tornam

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO. Ingressantes 2010. Junho/2010 Página 1 de 14

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO. Ingressantes 2010. Junho/2010 Página 1 de 14 REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO UNIDADE SÃO PAULO Ingressantes 2010 Página 1 de 14 SUMÁRIO 1. OBJETIVO DO CURSO 2. ESTRUTURA DO CURSO 2.1) Visão geral 2.2) Pré-requisitos 2.3) Critérios de contagem

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2015/2

EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2015/2 EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2015/2 CONSOLIDADO A Diretora da Faculdade Cenecista de Vila Velha-FACEVV, com sede no município de Vila Velha, Estado do ES, torna público, na forma regimental e em

Leia mais

Curso Atos Legais Turno. Vagas para o 1º período somente serão disponibilizadas em caso de vagas remanescentes do Vestibular.

Curso Atos Legais Turno. Vagas para o 1º período somente serão disponibilizadas em caso de vagas remanescentes do Vestibular. Edital de Convocação para Ingresso nos cursos da Graduação em 2015/1 através de Transferência Interna de Curso e Transferência Externa entre Faculdades A Diretora Geral da Escola Superior de Propaganda

Leia mais

FACULDADE DA IGREJA MINISTÉRIO FAMA Programa de Integralização de Créditos em Teologia CONVALIDAÇÃO REGULAMENTO DO CURSO DE CONVALIDAÇÃO

FACULDADE DA IGREJA MINISTÉRIO FAMA Programa de Integralização de Créditos em Teologia CONVALIDAÇÃO REGULAMENTO DO CURSO DE CONVALIDAÇÃO FACULDADE DA IGREJA MINISTÉRIO FAMA Programa de Integralização de Créditos em Teologia CONVALIDAÇÃO REGULAMENTO DO CURSO DE CONVALIDAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Por muito tempo, a teologia

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES EDITAL Nº 003/2014 O CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA, por intermediário da Diretoria de

Leia mais

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago.

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago. EDITAL N 03 /2011-2 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES EDITAL N 01 /2012-1 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Institui o Regulamento dos cursos de Pós-graduação lato sensu em da Escola de Direito de Brasília EDB, mantida pelo Instituto Brasiliense de Direito

Leia mais

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1 Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1 ANO MÊS DIA EVENTO OUTUBRO Publicação da programação do semestre (disciplinas e horários) online no site da Faculdade. 30 Comunicar por e-mail e publicar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2015 Graduação Presencial

PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2015 Graduação Presencial PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2015 Graduação Presencial Manual do Candidato PROVA AGENDADA O Universitário Módulo, atendendo a Portaria Normativa MEC n o 40, de 12.12.2007, resolve promover Processo Seletivo

Leia mais

Prezado(a) Vestibulando(a),

Prezado(a) Vestibulando(a), MANUAL DO CANDIDATO Prezado(a) Vestibulando(a), Idealizada, planejada e construída dentro de um projeto pedagógico e estrutural para ser a melhor faculdade de tecnologia do País, na FIAP você encontra

Leia mais

PORTARIA Nº. 002/2015

PORTARIA Nº. 002/2015 PORTARIA Nº. 002/2015 A Diretoria do INSTITUTO EDUCACIONAL JAGUARY IEJ entidade mantenedora da FACULDADE DE JAGUARIÚNA FAJ, no uso de suas atribuições estabelece regras para a liberação do parcelamento

Leia mais

EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA (REMATRÍCULA)

EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA (REMATRÍCULA) EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA (REMATRÍCULA) O Diretor Geral da Faculdade Sumaré, no uso de suas atribuições legais e regimentais, torna pública, para conhecimento do corpo discente, a abertura do período,

Leia mais

EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016

EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016 EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016 A Direção Geral da Faculdade Iguaçu, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, de acordo com a legislação vigente e Regimento Geral, torna

Leia mais

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

FACULDADE DARCY RIBEIRO. Manual do Aluno FTDR. Fortaleza Ceará

FACULDADE DARCY RIBEIRO. Manual do Aluno FTDR. Fortaleza Ceará FACULDADE DARCY RIBEIRO Manual do Aluno FTDR Fortaleza Ceará SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 5 2. CURSOS... 5 3. PROCEDIMENTOS... 5 4. CARTEIRAS ESTUDANTIS... 12 5. DIREITOS E DEVERES DO ALUNO... 13 6. REGIME

Leia mais

Regulamento. Setor de Processos

Regulamento. Setor de Processos Regulamento Setor de Processos Sumá rio 1. OBJETIVO... 2 2. SOLICITAÇÃO... 2 2.1 DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA... 2 3. CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DO UNIMAIS... 4 4. LIMITE DE VAGAS... 4 5. COMUNICAÇÃO DO RESULTADO...

Leia mais

INSTITUTO CIMAS DE ENSINO

INSTITUTO CIMAS DE ENSINO INSTITUTO CIMAS DE ENSINO MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS ACADÊMICOS ESPECIALIZAÇÃO TÉCNICO EM NÍVEL MÉDIO EM MAMOGRAFIA ESPECIALIZAÇÃO TÉCNICO EM NÍVEL MÉDIO EM TOMOGRAFIA Autorização de Funcionamento

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2014 Graduação Presencial Manual do Candidato PROVA AGENDADA

PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2014 Graduação Presencial Manual do Candidato PROVA AGENDADA PROCESSO SELETIVO 2º Sem/2014 Graduação Presencial Manual do Candidato PROVA AGENDADA A Universidade Cidade de São Paulo UNICID, atendendo a Portaria Normativa MEC n o 40, de 12/12/2007, resolve promover

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 38 de 30/12/2011 - CAS

RESOLUÇÃO N o 38 de 30/12/2011 - CAS RESOLUÇÃO N o 38 de 30/12/2011 - CAS O Conselho Acadêmico Superior (CAS), no uso de suas atribuições conferidas pelo Estatuto da Universidade Positivo (UP), dispõe sobre as normas acadêmicas dos cursos

Leia mais

EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015

EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 A Faculdade FAPAN Instituição de Ensino Superior comprometida a observar o padrão de qualidade

Leia mais

EDITAL DE MATRÍCULA PÓS-GRADUAÇÃO PARA O 2º SEMESTRE DE

EDITAL DE MATRÍCULA PÓS-GRADUAÇÃO PARA O 2º SEMESTRE DE EDITAL DE MATRÍCULA PÓS-GRADUAÇÃO PARA O 2º SEMESTRE DE 2012 O Presidente do Conselho Universitário (CONSU) do Uniítalo, Prof. Dr. Marcos Antônio Gagliardi Cascino, no uso de suas atribuições legais e

Leia mais

PORTARIA DAC Nº 005/06

PORTARIA DAC Nº 005/06 PORTARIA DAC Nº 005/06 A Diretora Acadêmica, da FAP - Faculdade de Apucarana, no uso de suas atribuições regimentais; CONSIDERANDO a importância de regulamentar as normas do Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

FACULDADE SANTA EMÍLIA - JOAQUIM NABUCO-UNIDADE OLINDA MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1

FACULDADE SANTA EMÍLIA - JOAQUIM NABUCO-UNIDADE OLINDA MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 FACULDADE SANTA EMÍLIA - JOAQUIM NABUCO-UNIDADE OLINDA MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 Com sede Av. Doutor Augusto Moreira, 1704 e 1502 Casa Caiada - Olinda Legislação

Leia mais

MANUAL DO ESTUDANTE PÓS GRADUAÇÃO Lato Sensu

MANUAL DO ESTUDANTE PÓS GRADUAÇÃO Lato Sensu Prezado(a) Estudante, É com satisfação que lhe apresentamos o Manual do Estudante. Aqui você encontra orientações importantes sobre diversos procedimentos, processos e requerimentos ligados ao seu curso.

Leia mais

10/04/2015 regeral_133_146

10/04/2015 regeral_133_146 Seção VI Da Transferência Art. 96. A UNIR aceita transferência de discentes oriundos de outras instituições de educação superior, de cursos devidamente autorizados, para cursos afins, na hipótese de existência

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES

REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES 1. DEFINIÇÃO DE CURSOS LIVRES 1.1. Os Cursos Livres, de acordo com o artigo 42, da Lei nº 9.394/1996, são cursos abertos à comunidade, condicionada

Leia mais

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan?

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan? Manual O que é o CISNE Finan? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias da CISNE que possibilita ao aluno regularmente matriculado pagar 50% da mensalidade durante seus

Leia mais

Processos Seletivos 2015 Educação a Distância VESTIBULAR DESTAQUE 2015.2

Processos Seletivos 2015 Educação a Distância VESTIBULAR DESTAQUE 2015.2 Processos Seletivos 2015 Educação a Distância VESTIBULAR DESTAQUE 2015.2 Aditamento nº 15 ao Edital de Vestibular de 2015 Educação a Distância, que rege o Vestibular DESTAQUE 2015.2 EaD online a ser realizado

Leia mais

PEC-PG CNPq e CAPES. 8. Recomendações

PEC-PG CNPq e CAPES. 8. Recomendações PEC-PG CNPq e CAPES 8. Recomendações a) O Estudante-Convênio deverá matricular-se no primeiro semestre letivo do ano imediatamente subseqüente ao que se candidatou ao PEC-PG. Poderá, no entanto, ser concedida

Leia mais

BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX

BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX BEM-VINDO AO IZABELA HENDRIX ESTAR NA VANGUARDA É ESTAR À FRENTE. É APONTAR OS CAMINHOS E SER REFERÊNCIA. O Izabela Hendrix representa a vanguarda na educação, com ações pioneiras que começaram há mais

Leia mais

Faculdade HSM Núcleo de Prática Acadêmica (NPA) Manual de orientações para o cumprimento das horas de Atividades Complementares

Faculdade HSM Núcleo de Prática Acadêmica (NPA) Manual de orientações para o cumprimento das horas de Atividades Complementares Faculdade HSM Núcleo de Prática Acadêmica (NPA) Manual de orientações para o cumprimento das horas de Complementares 2014 As Complementares abrangem o ensino, a pesquisa e a extensão, estão fixadas em

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015 O CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA, por intermédio da Diretoria Acadêmica

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO

REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO I - DA PROMOÇÃO a. FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA, pessoa jurídica de direito privado, devidamente inscrita no CNPJ nº 07.939.776/0001-10, com sede

Leia mais

EDITAL N.º 43/2014 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA DE 2015-1

EDITAL N.º 43/2014 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA DE 2015-1 EDITAL N.º 43/2014 EDITAL DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA DE 2015-1 DIVULGA O PRAZO DE RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA E DE OUTROS PROCEDIMENTOS ACADÊMICOS REFERENTES AO 2º SEMESTRE DE 2014 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

EDITAL nº 092/2014 VALORES DOS SERVIÇOS EDUCACIONAIS PARA O ANO DE 2015

EDITAL nº 092/2014 VALORES DOS SERVIÇOS EDUCACIONAIS PARA O ANO DE 2015 EDITAL nº 092/2014 VALORES DOS SERVIÇOS EDUCACIONAIS PARA O ANO DE 2015 Por ordem do Prof. Me. João Batista Gomes de Lima, Magnífico Reitor do Centro Universitário São Camilo Campus Ipiranga, inscrito

Leia mais

EDITAL nº 03/2015 TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA

EDITAL nº 03/2015 TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA EDITAL Nº 03/2015 O Diretor da Faculdade Metropolitana de Anápolis FAMA, no uso de suas atribuições e demais disposições legais, aprova e torna público o processo seletivo para transferência de candidatos

Leia mais

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos 1 ESCOLA SUPERIOR NACIONAL DE SEGUROS Manual do Candidato da Graduação Processos Seletivos Rua Senador Dantas, 74 Térreo; 2º e 3º andares Centro Rio de Janeiro RJ Tel. 33801044 33801046 33801535 2 A Escola

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE MONITORES

PROCESSO SELETIVO DE MONITORES PROCESSO SELETIVO DE MONITORES A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), por meio da Pró-Reitoria de Ensino (PRE), torna pública a abertura das inscrições para seleção de Monitores do Programa Institucional

Leia mais

MANUAL DE MONITORIA. Agosto de 2010

MANUAL DE MONITORIA. Agosto de 2010 MANUAL DE MONITORIA Agosto de 2010 1 A Faculdade São Francisco de Assis - UNIFIN oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de monitorias. Apenas será considerado

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO 1 REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO O Professor Dr. Marcus Vinícius Crepaldi, Diretor Geral da Faculdade de Tecnologia do Ipê FAIPE no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno e, considerando

Leia mais

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 Dispõe sobre as formas de ingresso e sobre o Processo Seletivo para admissão de alunos nos cursos de graduação, na Faculdade de Música do Espírito Santo Maurício de Oliveira. RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 O

Leia mais

Especialização e MBAs FACULDADES INTEGRADAS ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE - SP

Especialização e MBAs FACULDADES INTEGRADAS ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE - SP FACULDADES INTEGRADAS ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE - SP MANUAL DO ALUNO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Agosto/2009 INFORMAÇÕES IMPORTANTES Dia e Horário das aulas: As aulas serão

Leia mais