NESS-A TOUCH SCREEN 7" C/ MODEM

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NESS-A TOUCH SCREEN 7" C/ MODEM"

Transcrição

1 QUIPMNTOS ONTROLOS OMPRSSOR LTRNTIVO // LTRÇÃO LYOUT-IM MUTI PR SOPOST OTÃO MRÊNI LLN9 0 07/0/ LTRÇÃO O MOM O LYOUT LOUV // INLUSÃO O ORINTTIVO O LÇO OMUNIÇÃO IO V. 00 8/0/ INIIL TOS R. T MOTIVO VR. 0/0 ORINTTIVO O LÇO OMUNIÇÃO / N NSS- 9/0 ORINTTIVO LIÇÃO O LÇO OMUNIÇÃO OM UM NSS- 8/0 IMNSÕS O SNSOR TMP. 000 TRNSMISSOR PRSSÃO 7/0 NOTS, LNS OS NOMNLTURS 6/0 LIST PRIÉRIOS /0 LIST MTRIIS /0 IRM LIMNTÇÃO OMUNIÇÃO - IM() /0 IRM INTRLIÇÕS O MÓULO MP-0 /0 IRM RL LIM. OM. /0 LYOUT O OL ÍNI XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ IRM INTRLIÇÃO OL P P-T-SQ-00-R.VS 0/ 0

2 OM PU PWR ON S S S S S S S VIST INRIOR XTRN VIST RONTL XTRN 00 VIST RONTL INTRN 0 VIST LTRL XTRN Ø7 x,0,0 NOT TR-0 T.U NOT otão de mergência () IM x0(00mm) RT-0 MP-0 O-0 x0(mm) M-0 90 L~L NOT ~ OM. NTRS SÍS NLÓIS NOT NOT LIM. NTRS SÍS IITIS MIS URÇÃO PR IXÇÃO 00x00x00mm Medidas em mm XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ LY-OUT O OL P-T-SQ-00-R.VS : / 0

3 NOT 7 TR 0///0Vac 6V 0 Vac L./ 0 Vac L./ 6 V V 7 0V V V 6 7 0V V , PR TORIO (/) 0 Vac L. / RT + - S S S - + S ONTOR 9 NTN Vcc N M-0 ONTOR SM MOM SM/PRS UL IP T.U.. 0Vac P=00W NOT N + Vac L - L MP-0 RS8 SUP. OM. I VI PR IM L. / 8 9 Vcc N RS O-0 ONVRSOR SMX07 L L L L RR TRR PL PR TORIO (/) VÃO PR IM L. / + - RS 8 PR TORIO (/) PR TORIO (/) J LIMNTÇÃO S+NUTRO+TRR OU S+S+TRR XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ N P US OM. SUPRVISÃO NTR IRM LIM. OM.() 00 ML ML - + US OM. SUPRVISÃO SÍ OMUNIÇÃO MOUS RS8 OL P-T-SQ-00-R.VS / 0

4 INTR OMM-MÁQUIN (IM-0) TOUSRN OM + - MP-0 L. / RS 8 8 Vdc 9 L. / 8 9 XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ IRM LIMNTÇÃO OMUNIÇÃO - IM() OL P-T-SQ-00-R.VS / 0

5 T S NL NL NL Vcc Vcc S-0 MP-0 S S-0 S-0 S- S R PL S Vac 0Vac 0Vac L. / RI NOT MR V MR V MR V R liente R quip LIÇÃO -0 ~0m.. -0 ~0m. - ~0m SINL ~0m.. ~0m.. ~0m.. PRIÉRIOS - ~ 0Kgf/cm² - ~ 0Kgf/cm² - ~ 0Kgf/cm² ~ 0 PRSSÃO SUÇÃO -0 PRSSÃO SR -0 PRSSÃO ÓLO - TMPRTUR SUÇÃO T-0 TMPRTUR SR T-0 TMPRTUR ÓLO T- VO VO LOQUIO XTRNO 0=OK =LRM RLÉ TRMIO 0=OK =LRM STTUS LIO 0=SL. =LIO OTÃO MRÊNI 0=OK =LRM VO LI/SLI MOTOR º STÁIO LI/SLI VS º STÁIO LI/SLI VS º STÁIO LI/SLI VS º STÁIO ISPONÍVL PR ONIURÇÃO VS º STÁIO OU LRM RL ~ S-0 S ~ 00 ~0m ~0m VISTO VISTO MPO SUPR OMISSION. XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ IRM INTRLIÇÕS OMUM O MÓULO MP-0 (VÁLVULS N) OL P-T-SQ-00-R.VS / 0 -

6 ITM QT UNI. INTIIÇÃO Q Q MP-0 IM-0 RT TR-0 SRIÇÃO LIST MTRIIS MOLO / R. ÓIO MIROLU INT IX + PL ÇO PINT 00X00X MR PL IÇÃO/ORNS 00 x 00 L0760 MT ONTROLOR MIROPROSSO MPL N U 0P 6TR MIROLU IM TOU SRN MT6070IP 7" MT U.V. WINTK PL RTIIOR TNSÃO SX00 SÍS 0.6.L. MIROLU TRNSORMOR V - V - V 0///0V 6V -09 WIK M-0 MOM SM/PRS RS UL IP UOIIT ST SUPORT PR TRILO (TM M) 6 mm -077 NIVX 8 / ORN SR, T O. P PONIX MNO TMP TMP P,/ -008 PONIX MNO 6 ORN SR, UL UL T O. P PONIX MNO TMP TMP UL P,/ UL -009 PONIX MNO ~ ORN USÍVL SRSI P/TS -0 PONIX MNO TMP TMP P SI R. P86-07 PONIX MNO POST POST SP O PONIX MNO POST POST S K R PONIX MNO TRR RR TRRMNTO LTO INO -07 NIVX T.U.. SUPORT P/ TOM MORN TIW 9 M O-0 M-0 NTN SM NT-N INTR.OM. /8 ISOLO SM O 9/LMINI SMX07 0..L60.T8 MIROLU O INTR 0MM 9/L 0.7.M80.6 MIROLU XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ LIST MTRIIS, PRIÉRIOS, LNS OS NOMNLTURS OL P-T-SQ-00-R.VS / 0

7 LIST PRIÉRIOS ITM QT UNI. INTIIÇÃO SRIÇÃO MOLO / R. ÓIO MIROLU INT -0/0/ TRNSMISSOR PRSSÃO (-~0K/M) INOX, O m 0..K. WIK T-0/0/ SNSOR TMPRTUR / O PV 000mm K.S8 RUS PR T- POÇO TRMOMÉTRIO P/ 000 INOX 0mm 0..K9.N MIROLU PR T-0/0 NIPL POÇO TRMOMÉTRIO P/ 000 INOX 00mm 0..K9.N MIROLU NIPPL - OR PR TRNSMISSOR PRSSÃO INOX 0..K6. MKOLN XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ LIST PRIÉRIOS OL P-T-SQ-00-R.VS 6/ 0

8 NOTS S NTRS SÍS NLÓIS OMUNIÇÃO POM SR PSSOS NUM MSM TUULÇÃO, PORÉM SPROS IRUITOS IITIS. S NTRS SÍS IITIS POM SR PSSOS NUM MSM TUULÇÃO, JUNTMNT OM IRUITOS M 0Vac. IM SOPOST TOM USO SPÍIO PR LIMNTÇÃO NOTOOKS IM VNTILOR OS OS OM PR ML TRO R. SR TRROS M PNS UM S XTRMIS R PRVR TRILO ILTRM TS PR IXÇÃO TRO O R. ONTROLOR, MOM RTIIOR. OS IXR OS NTN OM ML O MOM OR SR TRROS M UTOMÇÃO, PNS UM S PRRÊNI, XTRMIS POSIIONÁ-L NO LOL MIS RTO POSSÍVL, PRÓXIMO JNLS PORTS. É ROMNÁVL RISTRO PRSSÃO PR MNUTNÇÃO O TRNSMISSOR. LN OS NOMNLTURS ITM 6 7 L/M MR SIMOLOI L/M MR SRIÇÃO INO LXÍVL 70V #,0mm² (/) NTI-M INO LXÍVL 70V #,0mm² () NTI-M INO LXÍVL 70V #,0mm² () NTI-M INO LXÍVL 70V #,0mm² () NTI-M O PR TORIO x0,mm² (/) O PR TORIO x0,mm² (/) O MN PLIÇÃO S () / NUTRO () S () / S () NTR IITIS 0Vac NTR IITIS Vdc SÍS IITIS NTRS SÍS NLÓIS OMUNIÇÃO OMUNIÇÃO I INTRLIÇÕS INTRNS Q - UTOMÇÃO R ONIIONO MP - MÓULO PRINIPL M - MÓULO XPNSÃO - ORN ÚSIVL TR - TRNSORMOR - NTR NLÓI S - SÍ NLÓI - NTR IITL S - SÍ IITL - LOO OMUNIÇÃO - LOO NLÓIO - LOO IITL R - RÉU ORNS RI - RÉU ORNS INTRN (UTOMÇÃO) R PL - RÉU ORNS O ONTROLOR - OTÃO MRÊNI IM - INTR UMNO-MÁQUIN N - ONTOR PR INTR OPRÇÃO RMOT O - ONVRSOR O PR TORIO x0,mm² OM LINM - R. POLIRON 0M INO SINLO LXÍVL,0mm² () - R. PIRLLI PIRSTI NTILM O PR TORIO x0,mm² - R. POLIRON 0M O TRIO TORIO x0,mm² - R. POLIRON 0M R O US NTRS SÍ IITIS SNSORS NLÓIOS SNSORS NLÓIOS / VÁLVULS INTRLIÇÕS XTRNS XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ NOTS, LNS OS NOMNLTURS OL P-T-SQ-00-R.VS 7/ 0

9 LTROUTO ONTOR SINL SU P/ ORN NTR NLÓI O UTOMÇÃO ONULT 000,00 mm² x#0,mm² 0,0 0,0 O TRIO TORIOx0,mm² (//) R. POLIRON 0M SNSOR TMPRTUR 000 MIROLU NOT 8 OR (/ S MO - 7/6-0UN- (MO)) MIROLU TUULÇÃO LUV /'' N O TRNSMISSOR PRSSÃO XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ IMNSÕS O SNSOR TMP. 000 TRNSMISSOR PRSSÃO OL P-T-SQ-00-R.VS : 8/ 0

10 LÇO OMUNIÇÃO OM NSS- NSS- Quadro de utomação anal de ntrada anal de Saída anal do Modem Resistores Terminadores XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ ORINTTIVO O LÇO OMUNIÇÃO / NSS- OL P-T-SQ-00-R.VS 9/ 0

11 LÇO OMUNIÇÃO NTR NSS- PRIMIRO NSS- SUNO NSS- ÚLTIMO NSS- anal de ntrada anal de Saída anal do Modem anal de ntrada anal de Saída anal do Modem anal de ntrada anal de Saída anal do Modem 0 ML onectar o resistor de 00Ω no canal de entrada do primeiro NSS ML + US OM. SUPRVISÃO NTR ML ML + US OM. SUPRVISÃO SÍ ML etalhe da ligação de comunicação do canal do modem no ultimo NSS-. Interligue o canal do modem com o canal de saída e conecte o resistor de 00Ω. - + ML ML 0 onecte apenas os canais de entrada e saída. XUTIVO // RRÊNI e Q 8/0/ ORINTTIVO O LÇO OMUNIÇÃO / N NSS- OL P-T-SQ-00-R.VS 0/ 0

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO EXXA -SL

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO EXXA -SL 3 4 7 8 9 0 QUIPMNTOS ONTROLOS XX SL (L44) - RJ4- /SNSORS - IM SOPOR 30.400.83.7 XX SL (L44) - RJ4- /SNSORS - IM MUTIR 30.400.84. IRM INTRLIÇÃO UTOMÇÃO XX -SL 3 0// INTIIÇÃO OS SNSORS UMI PRSSÃO /03/4

Leia mais

8/8 6/8 5/8 4/8 3/8 2/8 1/8 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 2 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 1 MOTIVO ÉRITON S. VER.

8/8 6/8 5/8 4/8 3/8 2/8 1/8 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 2 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 1 MOTIVO ÉRITON S. VER. 3 4 6 7 8 9 ÁR S MÁQUIN QUIPMNTOS ONTROLOS STÁIOS À 8/8 NOTS, LN OS NOMNLTURS 7/8 LIST PRIÉRIOS 3 7/04/ LTRÇÃO OS USÍVIS, NOTS, LNS OS LIST MTRIIS TOS 77 6/8 /8 4/8 LIST MTRIIS IRM INTRLIÇÕS O MÓULO M-0.

Leia mais

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS P2 COM SENSORES NESS P2 SEM SENSORES

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS P2 COM SENSORES NESS P2 SEM SENSORES 0 QUIPMTOS OTROLOS OMPRSSOR PRUSO IRM ITRLIÇÃO UTOMÇÃO 0.0.. SS P OM SSORS 0.0..0 SS P SM SSORS /0/ ILUSÃO O MOLO SM SSORS 0/0/ LTRÇÃO MR O TRSUTOR ORRT URO URO /0/ RVISÃO S IMSÕS O LYOUT /0/ LTRÇÃO O

Leia mais

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS LRC MULTILINHAS C/ IHM

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS LRC MULTILINHAS C/ IHM 4 5 6 7 8 9 0 QUIPNOS ONROLOS 5 LINS RSRIOS OU LINS ONLOS LIN RSRIOS IR INRLIÇÃO UOÇÃO NSS LR ULILINS O I 8 0/0/5 URÇÃO LRÇÃO OS UNIUS, RPOSIIONNO O POLI LRÇÂO N LIS RIIS LOUV 7 7 0/0/5 LRO O LYOU, SUSIUIO

Leia mais

+12V. 0.1uF/ 100V RL4 :A ULN2003A C3 3 U1:D LIGA/ DESLIGA CARREGADOR. 10uF/ 16V C2 4 1N4148 D1 1 1N K GND 10K BC337 R2 5 CRISTAL DE 2 0 MHZ

+12V. 0.1uF/ 100V RL4 :A ULN2003A C3 3 U1:D LIGA/ DESLIGA CARREGADOR. 10uF/ 16V C2 4 1N4148 D1 1 1N K GND 10K BC337 R2 5 CRISTAL DE 2 0 MHZ ДХILUIR P/ LRR RL_ R To l. er a l es. Num. QU M PRVR IOO P O RROR MIOR V R LMJ U: UZZR R 0 ILUIR P M PRLLO OM ONTTO O RL 0.u/ 00V V R 0 0 R 0 verm elho U: ULN00 U: LMJ 0 ULN00 U: LI/ LI RROR V N R 0u/

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS COLHEDORA DE CAPIM. Rev /01

CATÁLOGO DE PEÇAS COLHEDORA DE CAPIM. Rev /01 TÁLOO PÇS Rev. 0.0/0 OLOR PIM N 00 Implementos Netz Ltda. one: () -7 / -00 ndereço: RS, KM, - ao lado da O do rasil Santa Rosa - RS ÍNI N00 (VISÃO RL OLOR PIM) 0 N00 (LIST PÇS OLOR PIM) 0 N0 (J MT I) 0

Leia mais

Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld

Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld i~éé هê pلا o~ا cêëن~ضëëي نن~êة aلëيêلâي vêâ~هاة cêةاê~ض~هاةë êâ~هاة M m~êيلëي êةنëةه _لر~ننيلننâ~éليةنOلêلâينلهàةêه~ T OT _لر~نن _لر~نن نêا~ضOEâ~éليةنOFKاçإ

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR EIO DE DETERINANTES Dtrmt um mtrz su orm Sj mtrz: O trmt st mtrz é: Emlo: Vmos suor o sstm us quçõs om us óts y: y y Est sstm quçõs o sr srto orm mtrl: y Est qução r três mtrzs:.

Leia mais

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I 1 3Mr P e re s, R e s e r h D i re t r I D C B rs i l Br 0 0metr Cis e Bn L rg n Brsil, 2005-201 0 R e s l t s P ri m e i r T ri m e s t re e 2 0 0 7 Prer r Prer r Met e Bn Lrg em 2 0 1 0 n Brs i l : 10

Leia mais

INCLUSO. consulte RELÓGIO DIGITAL. Vinhedo Tel: 55 (19) 3886-3003 Daniela - (19) 3515-5673

INCLUSO. consulte RELÓGIO DIGITAL. Vinhedo Tel: 55 (19) 3886-3003 Daniela - (19) 3515-5673 ML E 9.9.235.582 O V - º37 - BL/MO/JUHO/2013 V E O O HOW-OOM EEL E M E OM.04 07 quím E LO.01 lu MELHO EÇO MEO OVE!!! M u MEO E EEU.02.08 MEE f EE ul l B Ep p qu m: m Vál 01 /m 3013 /julh 2013 LUO ul ELO

Leia mais

Prgrmçã O Mu s u Év r, p r l ém f rcr s s i g ns «vi s i t s cl áss i cs» qu cri m s p nt s c nt ct nt r s di v rs s p úb l ic s qu vi s it m s c nt ú d s d s u ri c s p ó l i, p r cu r, c nc m i t nt

Leia mais

DIMENSÕES DO PRODUTO / DIMENSIONS PRODUCT F2 11

DIMENSÕES DO PRODUTO / DIMENSIONS PRODUCT F2 11 RK RTRÔ 85 INSÕS RUT / INSINS RUT L / W x / x / - 1620 x 388 x 547 TNÇÃ: VÍ NTG ISNÍVL N SIT www.olivar.com.br TNÇÃ ST RUT NÃ SR RRST S: TS S ÇS SÃ NURS. X: 1915X-X 05 (nº da peça) 3 3 2 1 03 08 1 05 UIS

Leia mais

ADESIVO PARAFUSO TRANSPORTE 2 7

ADESIVO PARAFUSO TRANSPORTE 2 7 9 0 Nº O ITM Nº PÇ QT. 0.00. - STRUTUR RVISÃO 0 0 N.. LOLIZÇÃO SRIÇÃO - RTIR O ONJUNTO MORTOR RONTL 0 T SOLIITO POR MOIIO POR 9/0/0 GUILHRM RNNO - SI 0.00.(x) / NTR 0.00.(x) 09/0/0 RNNO RNNO 0.00. - RLO

Leia mais

ЈАВНО ПРЕДУЗЕЋЕ "УРБАНИЗАМ" ЗАВОД ЗА УРБАНИЗАМ, НОВИ САД 21000 НОВИ САД, БУЛЕВАР ЦАРА ЛАЗАРА 3 СТУДИЈА ЗАШТИТЕ ЖИВОТНЕ СРЕДИНЕ НА ПОДРУЧЈУ НОВОГ САДА

ЈАВНО ПРЕДУЗЕЋЕ УРБАНИЗАМ ЗАВОД ЗА УРБАНИЗАМ, НОВИ САД 21000 НОВИ САД, БУЛЕВАР ЦАРА ЛАЗАРА 3 СТУДИЈА ЗАШТИТЕ ЖИВОТНЕ СРЕДИНЕ НА ПОДРУЧЈУ НОВОГ САДА ЈАВНО ПРЕДУЗЕЋЕ "УРБАНИЗАМ" ЗАВОД ЗА УРБАНИЗАМ, НОВИ САД 21000 НОВИ САД, БУЛЕВАР ЦАРА ЛАЗАРА 3 СТУДИЈА ЗАШТИТЕ ЖИВОТНЕ СРЕДИНЕ НА ПОДРУЧЈУ НОВОГ САДА ДИРЕКТОР Мр Александар ЈЕВТИЋ, дипл. инж. грађ. НОВИ

Leia mais

TCC COBERTURA S/ ESC PROF. DR. CARLOS EDUARDO DIAS COMAS

TCC COBERTURA S/ ESC PROF. DR. CARLOS EDUARDO DIAS COMAS T RTUR / PRF. R. RL UR I M 1/8 R. PR WI RVIÇ UITÓRI PÁTI RVIÇ PÁTI RVIÇ RR LH RI P Ç XP IÇÕ ITR TRUÇÃ UM T P Ç IÇÕ M LG M IT M ÁRI ULI IT FMI ÁRI I XP F IL P Ç XP IÇÕ MU U XP IÇ IT P V. M RR Õ LHR RR I

Leia mais

ERROS ESTACIONÁRIOS. Controle em malha aberta. Controle em malha fechada. Diagrama completo. Análise de Erro Estacionário CONSTANTES DE ERRO

ERROS ESTACIONÁRIOS. Controle em malha aberta. Controle em malha fechada. Diagrama completo. Análise de Erro Estacionário CONSTANTES DE ERRO ERROS ESTACIONÁRIOS Control Mlh Abrt Fhd Constnts d rro Tios d sistms Erros unitários Exmlo Control m mlh brt Ação bási, sm rlimntção A ntrd do ontroldor é um sinl d rrêni A síd do ontroldor é o sinl d

Leia mais

soluções sustentáveis soluções sustentáveis

soluções sustentáveis soluções sustentáveis soluções sustentáveis 1 1 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 2 2 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 3 3 APRES ENTAÇÃO A KEYAS S OCIADOS a tu a d e s d e 1

Leia mais

PRINCÍPIO DAS PRENSAS VULCANIZADORAS SHAW-ALMEX

PRINCÍPIO DAS PRENSAS VULCANIZADORAS SHAW-ALMEX PRINÍPIO S PRNSS VULNIZORS SHW-LMX. RRS TRNSVRSIS Liga de alumínio de alta resistência. Menor peso devido à ausência de cilindros hidráulicos ou parafusos de torque. s dimensões dependem da largura da

Leia mais

CD CORAÇÃO DA NOIVA - 1. O SENHOR É BOM INTR:E D A/C# C7+ B E D A/C# O SENHOR É BOM C7+ B E SEU AMOR DURA PARA SEMPRE ELE É BOM...

CD CORAÇÃO DA NOIVA - 1. O SENHOR É BOM INTR:E D A/C# C7+ B E D A/C# O SENHOR É BOM C7+ B E SEU AMOR DURA PARA SEMPRE ELE É BOM... C CORÇÃO NOIV - 1. O SNHOR É OM INTR: /C# C7+ /C# O SNHOR É OM C7+ SU MOR UR PR SMPR L É OM... Letra e Música: avi Silva C CORÇÃO NOIV - 2. SNTO É O TU NOM M TO TRR S OUVIRÁ UM NOVO SOM UM CNÇÃO MOR PRCORRRÁ

Leia mais

Rev /00. Metalúrgica Netz Ltda. Fone/FAX: (55) Endereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da AGCO do Brasil. Santa Rosa - RS.

Rev /00. Metalúrgica Netz Ltda. Fone/FAX: (55) Endereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da AGCO do Brasil. Santa Rosa - RS. TÁLOO PÇS Rev. 05.2013/00 ROÇIR Metalúrgica Netz Ltda. one/x: (55) 3511-1500 ndereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da O do rasil. Santa Rosa - RS. ÍNI R 1,3 (VISÃO RL ROIR RIOL 1300) 01 R 1,3 (LIST PÇS ROIR

Leia mais

DIMENSÕES Prof. 720mm 720mm CALDEIRA. Prod. de Vapor Kg/h (20 Cº) Quadro de comando. Resistências

DIMENSÕES Prof. 720mm 720mm CALDEIRA. Prod. de Vapor Kg/h (20 Cº) Quadro de comando. Resistências Geradores de Vapor aldeira Elétrica O gerador de vapor foi desenvolvido para saunas de maiores dimensões (clubes, hotéis, condomínios, etc.). caldeira gerador de vapor é fabricada em tubo mecânico de aço,

Leia mais

PROFIBUS-DP / INTERBUS-S IP 65

PROFIBUS-DP / INTERBUS-S IP 65 N U M T I ROIUS- / TRUS-S I 65 om sua construção robusta e proteção I65, este módulo bus pode ser montado diretamente no lado externo da máquina ou sistema sem a necessidade de proteção adicional. Sensores

Leia mais

GUARITA / FACHADA GUARITA / PLANTA COBERTURA

GUARITA / FACHADA GUARITA / PLANTA COBERTURA MP i:% MP i:% MP i:.0% ÚLMO ÁO LZ O VO: OMO FÊ L00 PLJMO LVMO O PL00 PLJMO PLJMO XÇÃO O OOL O POJO FLVOPP_Levantamento_ev0..0.0.0.0.0.0.0.00.0.0.0.0.0.0.0 MOLOG FÇÃO X V. OL FO.. PO LHO V G GÇ..0... L

Leia mais

FACULDADES UNIFICADAS DA. Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE B ARRETOS

FACULDADES UNIFICADAS DA. Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE B ARRETOS FACULDADES UNIFICADAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE BARRETOS Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 REGULAMENTO DO NÚ CLEO DE PRÁ TICA JURÍ DICA DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE

Leia mais

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 D A T A D E A B E R T U R A : 2 9 d e d e z e m b r o d e 2 0 1 0 H O R Á R I O : 9:0 0 h o r a s L O C A L D A S E S S Ã O P Ú B L I C A: S a l a d a C P L/

Leia mais

!" # $$ " " '# " *+,!$%!-"( "%&'%"($ )%" !" #$% " &"% '(%&!" ) '%" *+( $&"% +"", -$. &) $% /.")" /

! # $$   '#  *+,!$%!-( %&'%($ )% ! #$%  &% '(%&! ) '% *+( $&% +, -$. &) $% /.) / !" # $$ "!" #$% " &"% '(%&!" ) '%" *+( $&"% +"", -$. &) $% /.")" #%"0&"#"1$!"%"2&% 3 "%&'%"($ )%" " '# " *+,!$%!-"( /4 56673 Livros Grátis http://www.livrosgratis.com.br Milhares de livros grátis para

Leia mais

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem Quadro de conteúdos Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano Língua Portuguesa Matemática História Geografia Ciências Naturais Arte Inglês ABC da passarinhada O alfabeto Quantidade A ideia de quantidade Eu, criança

Leia mais

ondulete Múltiplo - MM

ondulete Múltiplo - MM ONULTS ONÕS ondulete Múltiplo - MM RTRÍSTI S: aixa de derivação e passagem múltipla (ondulete), fabricada em liga de alumínio, com cantos arredondados. om apenas 02 modelos e L, utilizando os adaptadores

Leia mais

======================== Œ œ»» Œ C7 ˆ_ ««G 7

======================== Œ œ»» Œ C7 ˆ_ ««G 7 1) É tã bnit n tr (ntrd) cminh cm Jesus (Miss d Temp mum cm crinçs) & 2 4 m œ É tã b ni t n_ tr me s s gr d, & œ t h brn c, ve ce s. & _ Mis s vi c me çr n ns s_i gre j; _u & j im c ris ti cm e gri, v

Leia mais

SUMÁRIO TEMPERADO - 10MM BOX FRISADO...16

SUMÁRIO TEMPERADO - 10MM BOX FRISADO...16 SUMÁRIO TEMPERADO - 08MM... 8 TEMPERADO - 10MM... 11 STANDART - 08MM... 13 STANDART - 10MM... 14 BOX LISO...15 BOX FRISADO...16 GRADIL... 18 FACHADA CORTINA... 22 FACHADA OMEGA... 23 FACHADA PELE DE VIDRO

Leia mais

CASA DE DAVI CD VOLTARÁ PARA REINAR 1. DEUS, TU ÉS MEU DEUS. E B C#m A DEUS, TU ÉS MEU DEUS E SENHOR DA TERRA

CASA DE DAVI CD VOLTARÁ PARA REINAR 1. DEUS, TU ÉS MEU DEUS. E B C#m A DEUS, TU ÉS MEU DEUS E SENHOR DA TERRA S VI VOLTRÁ PR RINR 1. US, TU ÉS MU US #m US, TU ÉS MU US SNHOR TRR ÉUS MR U T LOUVRI #m SM TI NÃO POSSO VIVR M HGO TI OM LGRI MOR NST NOV NÇÃO #m #m OH...OH...OH LVNTO MINH VOZ #m LVNTO MINHS MÃOS #m

Leia mais

Plugues e Tomadas Industriais

Plugues e Tomadas Industriais Plugues e Toms Inustriis Linh Inustril Instlções mis onfiáveis e segurs. CARACTERÍSTICAS GERAIS A Linh e Plugs e Toms Inustriis Soprno é ini pr onexão e iversos equipmentos, em mientes sujeitos pó, águ,

Leia mais

Edge. Perfil Perfil de alumínio anodizado com acabamento mate e fonte de luz LED integrada. Design: O/M

Edge. Perfil Perfil de alumínio anodizado com acabamento mate e fonte de luz LED integrada. Design: O/M Edge Design: O/M A Edge oferece uma luz intensa numa forma compacta e elegante. Discreta, moderna e facilmente integrável em qualquer espaço, a Edge apresenta as mesmas características ilimitadas, modulares

Leia mais

ANEXO II MODELO DE PROPOSTA

ANEXO II MODELO DE PROPOSTA Plnih01 ANEXO II MODELO DE PROPOSTA Lot Itm Dsrição Uni 1 2 3 4 5 Imprssão CARTAZ: Formto A4, 21x29,7 m, Ppl rilo, 120 g/m² Nº ors: 4/0 ors. Qunti Rgistrr: 6.000 Imprssão CARTAZ: Formto A4, 21x29,7 m Ppl

Leia mais

Unidut Cônico (UC) para terminal de eletroduto rígido ou flexível tipo Sealtubo (S.P.T.F. ou Tecnoflex) 1 1/4 a 2 2 1/2" a 4" Abrigada Ao tempo 1/2

Unidut Cônico (UC) para terminal de eletroduto rígido ou flexível tipo Sealtubo (S.P.T.F. ou Tecnoflex) 1 1/4 a 2 2 1/2 a 4 Abrigada Ao tempo 1/2 Unidut Reto (UR) para emendas de eletrodutos rígido c/ rígido brigada o tempo / UR 0- URT 0- UR 0- URT 0- UR 00- URT 00- / UR 0- URT 0- / UR - URT - UR 0- URT 0- / UR - URT - UR 00- URT 00-00 UR 0- URT

Leia mais

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 2013 ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 PS. 75 PS. 74 PS. 76 ES. 78 ES. 79 ES. 40 ES. 41 ES. 44 ES. 42 ES. 43

Leia mais

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM Messinki Tuote LVI-numero Pikakoodi PUSERRUSLIITIN EM 1551002 XV87 PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM 35 MM 10X

Leia mais

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG X () 59-5050 v. Jesus Candian, -. angueira Rural - C 500-000 - bá - G -mail: qualidade@moveisnovohorizonte.com.br RIR G TS T.: 55mm RG.: 00mm R.: 50mm CRT NSS ÁGIN N CK INK D (QR CD) ICH TÉCNIC RDT 00%

Leia mais

Tubos concreto simples - Ø 50cm o -27. BUEIRO Bloco 1. LOCAÇÃO Esc: 1: 100 Bloco 3. CORTE CC Esc: 1: 50 CANAL A N1. Esc: 1: 50 Entrada canal F

Tubos concreto simples - Ø 50cm o -27. BUEIRO Bloco 1. LOCAÇÃO Esc: 1: 100 Bloco 3. CORTE CC Esc: 1: 50 CANAL A N1. Esc: 1: 50 Entrada canal F MP D OIZÇÃO -8 1-7 -6 - -4-4 -3-3 -2-1 - -49 P R N aleta drenagem.3 aleta drenagem PIST ROMNTO 1. 1. 8. 4. 4. i 2,%.3 i 2,%.4 N I.4 P 272,739 i 2,667% P 271,89 ta pis acabad 27,829 ta pis acabad 27,729

Leia mais

Alteração da seqüência de execução de instruções

Alteração da seqüência de execução de instruções Iníci Busc d próxim Excut Prd Cicl busc Cicl xcuçã Prgrm Sqüênci instruçõs m mmóri Trdutr : Cmpilr X Intrprtr / Linkditr Cnvrt prgrm-fnt m prgrm bjt (lingugm máqui) Prgrm cmpil = mis rápi Prgrm Intrprt

Leia mais

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o NPQV Variável Educação Prof. Responsáv v el :: Ra ph aa el BB ii cc uu dd o ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO 2º Semestre de 2003 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO As atividades realizadas

Leia mais

A CANTONEIRA ABAS IGUAIS PESO ( Kg ) Milimetro Polegada Barra 6 m A C A C CT-001 0,600 12,70 1,20 1/2" CT-005 0,740 15,87 1,20 5/8" CT-007 0,890 19,05 1,20 3/4" CT-015 0,790 25,40 0,90 1" CT-016 0,980

Leia mais

FOI DEUS QUEM FEZ VOCÊ

FOI DEUS QUEM FEZ VOCÊ FOI DEUS QUEM FEZ OCÊ AMELINHA Arr Neton W Mcedo Crmo Gregory c c c Deus que fez vo - Deus quem fez vo - Deus quem fez vo- c Deus quem fez vo - J De-us 4 Deus quem fez vo - Deus quem fez vo - J Deus quem

Leia mais

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling Eu su iz, s iz Lirgi II (drn d prtirs) rdnçã: Ir. Miri T. King 1) Eu su iz, s iz (brr) & # #2 4. _ k.... k. 1 Eu su "Eu su iz, s iz!" ( "Lirgi II" Puus) iz, s _ iz, & # º #.. b... _ k _. Em cm Pi n cn

Leia mais

CERTIFICADO DE GARANTIA GUARDA ROUPA VIENA

CERTIFICADO DE GARANTIA GUARDA ROUPA VIENA INDÚSTRI OMÉRIO D MÓVIS MRX LTD Rua Laurindo Schaker, 614 airro Santa Rita P 89.900-000 x.postal 361 São Miguel do Oeste-S Fone +55 49 3631 3950 www.maxelmoveis.com.br maxel@maxelmoveis.com.br RTIFIDO

Leia mais

Controladores Lógicos Programáveis - CLPs. Interfaces de comunicação - IHMs. Servomotores & Drivers. Panasonic

Controladores Lógicos Programáveis - CLPs. Interfaces de comunicação - IHMs. Servomotores & Drivers. Panasonic ontroladores Lógicos Programáveis - LPs Interfaces de comunicação - IHMs Servomotores & rivers Panasonic Panasonic ontroladores Lógicos Programáveis - LPs PR Ultra-ompacto lta velocidade de processamento

Leia mais

CUBO DISCO REUNIDOR CENTRACANA - CTC DIREITOS RESERVADOS LEI 5772 DE 21/12/1971. Produto: S/E A3 01/22

CUBO DISCO REUNIDOR CENTRACANA - CTC DIREITOS RESERVADOS LEI 5772 DE 21/12/1971. Produto: S/E A3 01/22 0 0 9 0 enominação: IREITOS RESERVOS LEI 77 E //97 UO ISO REUNIOR ENTRN - T S/E 0/ 80 80 00 00 0 9 0 0 9 9 0 UO ISO REUNIOR 0 80 80 8 80 enominação: IREITOS RESERVOS LEI 77 E //97 HSSI ESPONTOR ENTRN -

Leia mais

A CANTONEIRA ABAS IGUAIS PESO ( Kg ) Milimetro Polegada Barra 6 m A C A C CT-001 0,600 12,70 1,20 1/2" CT-005 0,740 15,87 1,20 5/8" CT-007 0,890 19,05 1,20 3/4" CT-015 0,790 25,40 0,90 1" CT-016 0,980

Leia mais

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E J A R D I M

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E J A R D I M N Ú C L E O D E C O M P R A S E L I C I T A Ç Ã O A U T O R I Z A Ç Ã O P A R A R E A L I Z A Ç Ã O D E C E R T A M E L I C I T A T Ó R I O M O D A L I D A D E P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 027/ 2

Leia mais

Código G R$ 51,99 ICMS

Código G R$ 51,99 ICMS f O V - º37 - MO/JUHO/JULHO/2013 MEO 2013 Vh v E ( ul) 01 04 m x ul/ Há: 14h à 21h 15 18 m ul/ Há: 13h à 20h QUÍMEO L - Ml Quml - p 0-100 mm; - Lu 0,01 mm; - 0,02mm; - 3 õ: - lg/lg, - mm/plg, - z; - u

Leia mais

A Função Densidade de Probabilidade

A Função Densidade de Probabilidade Prof. Lorí Vili, Dr. vili@mt.ufrgs.r http://www.mt.ufrgs.r/~vili/ Sj X um vriávl ltóri com conjunto d vlors X(S). S o conjunto d vlors for infinito não numrávl ntão vriávl é dit contínu. A Função Dnsidd

Leia mais

Índice KF-017 DBL P / KF-017 DBL PC / KF-017 DS P / KF-017 DS PC / KF-111 DB P / KF-111 DS P 22 - KF-052 P / KF-052 PC / KF-057 P / KF-057 PC

Índice KF-017 DBL P / KF-017 DBL PC / KF-017 DS P / KF-017 DS PC / KF-111 DB P / KF-111 DS P 22 - KF-052 P / KF-052 PC / KF-057 P / KF-057 PC TÁLOO PROUTOS - 2014 pág Índice 01 - Sistema de ixação Rápida / orça de Retenção rampo Vertical 02 - K-631 / K-631 I / K-631 R / K-631 RI / K-631 L / K-631 IL / K-631 RL / K-631 RIL K-010 / K-010 R / K-011

Leia mais

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial.

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial. 6. Função Eponncil É todo função qu pod sr scrit n form: f: R R + = Em qu é um númro rl tl qu 0

Leia mais

5(6,67Ç1&,$(&$3$&,7Æ1&,$

5(6,67Ç1&,$(&$3$&,7Æ1&,$ 59 5(6,67Ç&,$(&$3$&,7Æ&,$ ÃÃ5(6,67Ç&,$Ã(Ã/(,Ã'(Ã+0 No pítulo 6 efinimos ução J σ omo seno um ensie e oente e onução. Multiplino mos os los po um áe S, el fiá: J.S σs (A (8. σs (A (8. Se o mpo elétio fo

Leia mais

Descrição do Produto. Dados para Compra

Descrição do Produto. Dados para Compra Descrição do Produto Os módulos supressores para pontos analógicos AL-3492 e AL-3493 foram desenvolvidos para oferecer alta proteção contra surtos de tensão em pontos de entrada ou saída analógicos. Por

Leia mais

ISO 9001 Empresa Certificada

ISO 9001 Empresa Certificada s unidades 3 e são especializadas na fabricação de peças microfundidas. quipamentos de última geração, laboratórios para ensaios e testes aliados à equipe qualificada, resultam em produtos de alta qualidade.

Leia mais

1. COMPONENTES PARA REBOQUE E CISTERNA 1.1. COMPONENTES PARA REBOQUE PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA MÁQUINAS AGRÍCOLAS. Página 11 de 123

1. COMPONENTES PARA REBOQUE E CISTERNA 1.1. COMPONENTES PARA REBOQUE PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA MÁQUINAS AGRÍCOLAS. Página 11 de 123 1. OMPONNTS PR ROQU ISTRN 1.1. OMPONNTS PR ROQU PÇS SSÓRIOS PR MÁQUINS RÍOLS Página 11 de 123 1.1. OMPONNTS PR ROQU OLHL PR NT ROQU máxima rebocável inâmica 00575 - Não certificada 84 29 100 30 109 M24

Leia mais

A N E X O P L A N O M U N I C I P A L D E E D U C A Ç Ã O 2 0 1 5 2024

A N E X O P L A N O M U N I C I P A L D E E D U C A Ç Ã O 2 0 1 5 2024 E S T A D O D E S A N T A C A T A R I N A P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E M A J O R V I E I R A S E C R E T A R I A M U N I C I P A L D E E D U C A Ç Ã O, C U L T U R A E D E S P O R T O C N

Leia mais

O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental

O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental Izac Trindade Coelho 1 1. I n t r o d u ç ão Ai de mim, ai das crianças abandonadas na escuridão! (Graciliano Ramos)

Leia mais

MAC0328 Algoritmos em Grafos. Administração. MAC328 Algoritmos em Grafos. Página da disciplina: ~ am/328. Livro:

MAC0328 Algoritmos em Grafos. Administração. MAC328 Algoritmos em Grafos. Página da disciplina:  ~ am/328. Livro: MAC0328 Algoritmos m Gros MAC328 Algoritmos m Gros Arnlo Mnl 1º Smstr 2012 http://spikmth.om/250.html Algoritmos m Gros 1º sm 2012 1 / 1 Págin isiplin: Aministrção Algoritmos m Gros 1º sm 2012 2 / 1 Liro:

Leia mais

ROUPEIRO SELENIUM / TOULON 3 PORTAS

ROUPEIRO SELENIUM / TOULON 3 PORTAS X () 59-5050 v. Jesus andian, -. Mangueira Rural - E 500-000 - bá - MG E-mail: qualidade@moveisnovohorizonte.com.br REIR ELENIM / TLN RT LT.: 55mm LRG.: 0mm R.: 555 mm RT N ÁGIN N EK LINK L (QR E) IH TÉNI

Leia mais

E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a. A n t o n i o P a i m

E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a. A n t o n i o P a i m E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a A n t o n i o P a i m N o B r a s i l s e d i me nt o u - s e u ma v is ã o e r r a d a d a c id a d a n ia. D e u m mo d o g e r a l, e s s a c

Leia mais

Questionário sobre o Ensino de Leitura

Questionário sobre o Ensino de Leitura ANEXO 1 Questionário sobre o Ensino de Leitura 1. Sexo Masculino Feminino 2. Idade 3. Profissão 4. Ao trabalhar a leitura é melhor primeiro ensinar os fonemas (vogais, consoantes e ditongos), depois as

Leia mais

Damper Corta Fogo. Séries FKA-TA-BR-90, FKA-TI-BR-60/120, TNR-F-BR-90/120 e FKR-D-BR-45/60 C4-004 TROX DO BRASIL LTDA.

Damper Corta Fogo. Séries FKA-TA-BR-90, FKA-TI-BR-60/120, TNR-F-BR-90/120 e FKR-D-BR-45/60 C4-004 TROX DO BRASIL LTDA. C4-004 Damper Corta Fogo Séries FKA-TA-BR-90, FKA-TI-BR-60/120, TNR-F-BR-90/120 e FKR-D-BR-45/60 TROX DO BRASIL LTDA. Rua Alvarenga, 2025 05509-005 São Paulo SP Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910

Leia mais

MATRIZES. Matriz é uma tabela de números formada por m linhas e n colunas. Dizemos que essa matriz tem ordem m x n (lê-se: m por n), com m, n N*

MATRIZES. Matriz é uma tabela de números formada por m linhas e n colunas. Dizemos que essa matriz tem ordem m x n (lê-se: m por n), com m, n N* MTRIZES DEFINIÇÃO: Mtriz é um tl d númros formd por m linhs n coluns. Dizmos qu ss mtriz tm ordm m n (lê-s: m por n), com m, n N* Grlmnt dispomos os lmntos d um mtriz ntr prêntss ou ntr colchts. m m m

Leia mais

Análise e Síntese de Algoritmos

Análise e Síntese de Algoritmos Anális Sínts Aloritmos Aloritmos Elmntrs m Gros [CLRS, Cp. 22] 2014/2015 Contxto Rvisão [CLRS, Cp.1-13] Funmntos; notção; xmplos Aloritmos m Gros [CLRS, Cp.21-26] Aloritmos lmntrs Árvors rnnts Cminos mis

Leia mais

euroset line family Instruções breves para telefones padrão

euroset line family Instruções breves para telefones padrão urot lin fmily Intruçõ brv pr tlfon prão Aprntção grl funçõ Aprntção grl funçõ Tlfon prão Chm xtrn 0 Extrn Rtom um ligção rcbi ( ) 1 Pênulo ( ) Atnimnto chm urgnt ou ntrnt xtrn (bp) Chm urgnt: pr o rml

Leia mais

PLANILHA ESTIMATIVA DADOS DA OBRA. Tipo de intervenção: INFRA-ESTRUTURA PARA CABEAMENTO ESTRUTURADO (CONDUTOS E CONDUTORES) VALOR

PLANILHA ESTIMATIVA DADOS DA OBRA. Tipo de intervenção: INFRA-ESTRUTURA PARA CABEAMENTO ESTRUTURADO (CONDUTOS E CONDUTORES) VALOR PLANILHA ESTIMATIVA Tipo de intervenção: INFRA-ESTRUTURA PARA CABEAMENTO ESTRUTURADO (CONDUTOS E CONDUTORES) VALOR ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UN QUANT. EMPRESA 1 - ELETRONOP EMPRESA 2 - ENERMAT EMPRESA 3 -

Leia mais

9. MODELAGEM DE CONVERSORES: MODELO DA CHAVE PWM

9. MODELAGEM DE CONVERSORES: MODELO DA CHAVE PWM Fns Chs C. 9 Mlgm nrsrs: ml h PWM J. A. Pml 9. MOEAGEM E CONERSORES: MOEO A CHAE PWM As lgs báss nrsrs CCCC ssum um h nrl ur nãnrl sss lmns lnrs nrns n m. A njun ss us hs r nm h PWM [9.]. O bj ns íul é

Leia mais

ACIONAMENTOS DAS BOMBAS HIDRÁULICAS

ACIONAMENTOS DAS BOMBAS HIDRÁULICAS IONMNTOS S OMS IRÁLIS cionamentos das ombas hidráulicas para equipamentos móveis projetadas para os mercados da construção, florestal, petrolífero, marítimo e agrícola. ear roducts é a fabricante líder

Leia mais

Easy Servo Motor Datasheet

Easy Servo Motor Datasheet Easy Servo Motor Datasheet 1. Marca do Produto Legenda de Part-Number LS-Leadshine ES-Easy Servo 2. Especificações Técnicas Part Number Nº de Ângulo de Nº de Holding Corrente por Resistencia por Indutância

Leia mais

CECOMETAL. Distribuidora Ltda. CECOMETAL Distribuidora Ltda. A entrega mais rápida e confiável de Campinas

CECOMETAL. Distribuidora Ltda. CECOMETAL Distribuidora Ltda. A entrega mais rápida e confiável de Campinas Distriuidor Ltd A entreg mis rápid e onfiável de Cmpins Ru José Gonçlves Mhdo, 132, Vil Elz Cmpins-SP - CEP: 141-5 Fone/Fx: (1) 3232-7 VIVO: (1) 1-546 ID:7* E-mil: eometl@eometl.om.r CECOMETAL Distriuidor

Leia mais

Energia Solar Acumuladores Inox TS

Energia Solar Acumuladores Inox TS cumuladores nox nergia Solar cumuladores nox TS cumuladores nox sem serpentina (TS) cumulador para QS. Pode ser utilizado como acumulador de inércia. epósitos cilindricos em chapa de aço inox S 444 ou

Leia mais

Radiador de ar móbil OK-ELD 0-6 com motor de corrente contínua

Radiador de ar móbil OK-ELD 0-6 com motor de corrente contínua Radiador de ar móbil OK-ELD 0-6 com motor de corrente contínua Símbolo Gerais Os radiadores de ar da série OK-ELD foram desenvolvidos especialmente para sistemas hidráulicos na área móbil na qual são requeridos

Leia mais

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 3490271 MA0417 TOCHA MIG PLUS 14 3MT UN 75,00 1 3490290 MA7043 TOCHA MIG ERGOPLUS 15 3MT UN 80,00

Leia mais

MESTRADO INTEGRADO EM ENGENHARIA INFORMÁTICA E COMPUTAÇÃO EIC0011 MATEMÁTICA DISCRETA

MESTRADO INTEGRADO EM ENGENHARIA INFORMÁTICA E COMPUTAÇÃO EIC0011 MATEMÁTICA DISCRETA 1. Tm 40 livros irnts qu vi gurr m 4 ixs ors irnts, olono 10 livros m ix.. Qunts possiilis tm istriuir os livros pls ixs irnts? Justiiqu.. Suponh gor qu tinh 60 livros. Qunts possiilis pr os olor ns 4

Leia mais

MHC-RG220 MANUAL DE SERVIÇO

MHC-RG220 MANUAL DE SERVIÇO M-R22 MNUL SRVÇO Versão.2.2 lique aqui razilian Model specificações Técnicas M-R22 Potência de Saída RMS Potência de Saída PMPO 22W watts (6 ohms a kz, %T) ntradas M NPUT UO L/R (tomadas R): Sensibilidade

Leia mais

PLANTA DE COBERTURA ESCALA... 1/75

PLANTA DE COBERTURA ESCALA... 1/75 2.56 20.00 15 1.84 RU ÇÍ 01 14 1.58.83 1.50 2.50 12.00 7.20 ' '.85 I J 01 02 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 TERÇ TERÇ ENVOLTÓRI E PROTEÇÃO À RIÇÃO IRET TRELIÇ RETNGULR EM LH 1.55 1.50 34.00 RU RÚN 20.00

Leia mais

REGULADOR PROPORCIONAL DE PRECISÃO SERIE REGTRONIC

REGULADOR PROPORCIONAL DE PRECISÃO SERIE REGTRONIC REGULDOR PROPORIONL DE PREISÃO SERIE REGTRONI Os reguladores proporcionais de pressão da serie REGTRONI feitos para regular com muita precisão a pressão de um projeto, com valores variáveis em função do

Leia mais

Código PE-ACSH-2. Título:

Código PE-ACSH-2. Título: CISI Ctro Itrção Srvços Iformtc rão Excução Atv Itr o CISI Cóo Emto por: Grêc o Stor 1. Objtvo cmpo plcção Est ocumto tm como fl fr o prão brtur chmos suport o CISI. A brtur chmos é rlz o sstm hlpsk, qu

Leia mais

+ = x + 3y = x 1. x + 2y z = Sistemas de equações Lineares

+ = x + 3y = x 1. x + 2y z = Sistemas de equações Lineares Sisms d quçõs Linrs Equção Linr Tod qução do ipo:.. n n Ond:,,., n são os ofiins;,,, n são s inógnis; é o rmo indpndn. E.: d - Equção Linr homogên qundo o rmo indpndn é nulo ( ) - Um qução linr não prsn

Leia mais

PERFIL TIPO: C, L, T, U...PG.2-14 PERFIL TIPO Z, PERFIL GUIA...PG PERFIL AÉREO, PERFIL RETANGULAR...PG18-22 PERFIS DIVERSOS...PG.

PERFIL TIPO: C, L, T, U...PG.2-14 PERFIL TIPO Z, PERFIL GUIA...PG PERFIL AÉREO, PERFIL RETANGULAR...PG18-22 PERFIS DIVERSOS...PG. PRIS TRNSPORT PRIL TIPO:, L, T, U...PG.-1 PRIL TIPO Z, PRIL GUI...PG.- PRIL ÉRO, PRIL RTNGULR...PG- PRIS IVRSOS...PG.- PRIS M ÇO INÓX...PG.- PRIS M ORRH SILION...PG.-... PRIL PRIL G. 1 S 00 S 00 S 000

Leia mais

Catálogo Capacitores p/ CFP/6 11/11/2004 11:23 Page I. Capacitores. Correção de Fator de Potência

Catálogo Capacitores p/ CFP/6 11/11/2004 11:23 Page I. Capacitores. Correção de Fator de Potência Catálogo Capacitores p/ CFP/6 11/11/2004 11:23 Page I Capacitores Correção de Fator de Potência s Catálogo Capacitores p/ CFP/6 11/11/2004 11:23 Page 2 Índice Página Apresentação 3 Dados Técnicos e Capacitores

Leia mais

Teoria dos Grafos Aula 11

Teoria dos Grafos Aula 11 Tori dos Gros Aul Aul pssd Gros om psos Dijkstr Implmntção Fil d prioridds Hp Aul d hoj MST Algoritmos d Prim Kruskl Propridds d MST Dijkstr (o próprio) Projtndo um Rd $ $ $ $ $ Conjunto d lolidds (x.

Leia mais

Código Bitolas A C D B EPBL012 ( ) 1/2 21,1 13, ,8 EPBL034 ( ) 3/4 26,2 14, ,3 EPBL100 ( ) 1 33, ,7

Código Bitolas A C D B EPBL012 ( ) 1/2 21,1 13, ,8 EPBL034 ( ) 3/4 26,2 14, ,3 EPBL100 ( ) 1 33, ,7 ELETRODUTOS E ONEXÕES DE PV Eletrodutos de PV lasse, com ou sem rosca, nas cores branca, vermelha, cinza e preta Sem rosca om rosca D ódigo itolas D EPL012 ( ) 1/2 21,1 13,5 3000 1,8 EPL034 ( ) 3/4 26,2

Leia mais

Hipofracionamento de dose pode ser considerado tratamento padrão para todas as pacientes? NÃO. Robson Ferrigno

Hipofracionamento de dose pode ser considerado tratamento padrão para todas as pacientes? NÃO. Robson Ferrigno Hipofracionamento de dose pode ser considerado tratamento padrão para todas as pacientes? NÃ Robson Ferrigno Estudos fase III Estudo N Período Esquema Seguimento Publicação CNDENSE 1224 1993 1996 16 x

Leia mais

< ()& : 555>?

< ()& : 555>? P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r r t r Pr r sé rt r P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r ss rt çã r s t rt s r q s t s r t çã tít str t r r

Leia mais

Par de muletas com mola recuperadora. Alumínio e zamak injectados. 12 par. 8 parafusos inox e 1 perno de 8mm

Par de muletas com mola recuperadora. Alumínio e zamak injectados. 12 par. 8 parafusos inox e 1 perno de 8mm Características Ref. 2 par 8 parafusos inox e 2 2 par 7 8 parafusos inox e 2 par 8 parafusos inox e 3043 2 par 8 parafusos inox e 3042 2 par 8 parafusos inox e 3 Muleta com espelho 3079 LUMARCA CATÁLOGO

Leia mais

REFERÊNCIA E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS REFERÊNCIA E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS COPOS BANDEJA BANDEJAS EMBALAGEM CAIXA NCM/SH CÓDIGO REF: DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS ABNT (NBR 14865) PACOTE/UNIDADE C. BARRAS EAN 13

Leia mais

NATURE INSPIRATION BY KRION

NATURE INSPIRATION BY KRION NATURE INSPIRATION BY KRION NATURE INSPIRATION Íni Lvos Lvtórios 7 Frros Lv-loiçs 15 KRION Sris KRION Sris 21 Asorios Assórios 23 5 6 NATURE INSPIRATION BY KRION 7 Lvos Lvtórios B201 70 2.75 50 1.96

Leia mais

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS -

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS - P N E U M A T I C VÁLVULAS SÉRIE, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS DADOS TÉCNICOS /8 /4 / Pressão operacional: monoestável biestável pré-operada Pressão mínima de atuação Var. da temper. operacional Diâmetro nominal

Leia mais

Linha de Produtos sem Rosca

Linha de Produtos sem Rosca Linha de Produtos sem Rosca 25 NR 8302 Unidut Reto (UR) Parafuso zincado Eletroduto rígido Unidut Reto Vedação Eletroduto rígido Para emenda de eletrodutos rígido com rígido Substitui a luva convencional,

Leia mais

ATENÇÃO ATENCIÓN WARNING. As dimensões indicadas neste catálogo podem ser modificadas a qualquer momento sem prévio aviso.

ATENÇÃO ATENCIÓN WARNING. As dimensões indicadas neste catálogo podem ser modificadas a qualquer momento sem prévio aviso. CÁLOGO E ERMINIS PR MNGUEIRS HIRÁULICS CLOGO E CONEXIONES PR MNGUERS HIRÁULICS HIRULIC HOSE FIINGS CLOGUE ERMINIS PR MNGUEIRS HIRÁULICS ENÇÃO s dimensões indicadas neste catálogo podem ser modificadas

Leia mais

Grafos. Luís Antunes. Grafos dirigidos. Grafos não dirigidos. Definição: Um grafo em que os ramos não são direccionados.

Grafos. Luís Antunes. Grafos dirigidos. Grafos não dirigidos. Definição: Um grafo em que os ramos não são direccionados. Luís Antuns Grfos Grfo: G=(V,E): onjunto vértis/nós V um onjunto rmos/ros E VxV. Rprsntção visul: Grfos não irigios Dfinição: Um grfo m qu os rmos não são irionos. Grfos irigios Dfinição: Um grfo m qu

Leia mais

de comando electropneumático com alimentação de pilotagem interna / externa e ligação eléctrica M12

de comando electropneumático com alimentação de pilotagem interna / externa e ligação eléctrica M12 Série /PH DISTRIBUIDOR D GVT ISO 99/ Tamanho de com alimentação de pilotagem interna / externa e ligação eléctrica M INFORMÇÕS GRIS FUÍDO DISTRIBUÍDO PRSSÃO D UTIIZÇÃO : r ou gás neutro, filtrado, lubrificado

Leia mais

Série EN Manual de instalação

Série EN Manual de instalação Série EN Manual de instalação Documento controlado por órgão regulador. Nenhuma alteração está autorizada sem a prévia aprovação do órgão StoneL Corporation One StoneL Drive 67 US Highway 9 Fergus Falls,

Leia mais

Transmissor de Pressão Submersível 2.75

Transmissor de Pressão Submersível 2.75 Folha de Dados Transmissor de Pressão Submersível 2.75 Geral Os transmissores de pressão da MJK foram desenvolvidos para medição de nível pela imersão do transmissor de pressão em tanques abertos, poços

Leia mais

Lista de Exercícios 1 Eletrônica Analógica

Lista de Exercícios 1 Eletrônica Analógica Lista de Exercícios 1 Eletrônica Analógica Prof. Gabriel Vinicios Silva Maganha www.gvensino.com.br 1) Quantos elétrons de valência tem um átomo de silício? a) 0 b) 1 c) 2 d) 4 e) 8 2) Marque qual ou quais

Leia mais

C 3 4 DUCHA ND (AT) FORM. A2. Ver BOM PROJETO DESENHO APROVAÇÃO 03/06/ /02/2014

C 3 4 DUCHA ND (AT) FORM. A2. Ver BOM PROJETO DESENHO APROVAÇÃO 03/06/ /02/2014 TÁOO PÇS RPOSÇÃO YR U S TORN RS ÉTRS U S TRÔN PN..R ucha letrônica N.00W 0V... PN..R ucha letrônica N.00W V... PST..R ucha letrônica Star sem Turbo.00W 0V... PST..R ucha letrônica Star sem Turbo.00W V...

Leia mais

Sistemas Incêndio Catálogo Tabela de Preços 2014

Sistemas Incêndio Catálogo Tabela de Preços 2014 Catálogo Tabela de Preços 2014 1 Sistemas Incêndio Catálogo Tabela de Preços 2014 KITS KIT FS4000/2 167,2 Kit composto por 1 x FS4000/2, 1 x FD3050, 2 x FD8030 (com base), 2x baterias 12v/4amp KIT FS4000/4

Leia mais