PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 8.º ANO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS - 8.º ANO"

Transcrição

1 DE PORTUGUÊS - 8.º ANO Ano Letivo PERFIL DO ALUNO No final do 8.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir discursos/textos orais com diferentes graus de formalidade, finalidade e complexidade, recorrendo a vocabulário, estruturas gramaticais diversas e mecanismos de coesão discursiva e reconhecendo aspetos da variação da língua. ler, interpretar e apreciar textos de diferentes tipologias e graus de complexidade, utilizando procedimentos adequados à organização e tratamento da informação e reconhecendo aspetos da variação da língua. planificar e redigir com coerência e correção linguística textos de tipologia diversificada, procedendo à revisão dos mesmos. escrever para expressar conhecimentos. ler, interpretar e apreciar textos literários, apreendendo as referências culturais e os valores transmitidos, adquirindo gosto pelo texto literário. conhecer e explicitar aspetos das classes de palavras e da sintaxe, bem como reconhecer propriedades das palavras e formas de organização do léxico. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 1 de 8

2 1.º PERÍODO Oralidade DOMÍNIOS SUBDOMÍNIOS/CONTEÚDOS OBJETIVOS Intencionalidade comunicativa (informar, narrar, descrever, explicar e persuadir); Sínteses; Debates; Apresentações orais de contos de autores portugueses. Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, tratar e reter a informação. Participar oportuna e construtivamente em situações de interação oral. Produzir textos orais corretos, usando vocabulário e estruturas gramaticais diversificados e recorrendo a mecanismos de coesão discursiva. Produzir textos orais (5 minutos) de diferentes tipos e com diferentes finalidades. n.º de aulas previstas De 50 a 54 Leitura Textos narrativos, biográficos, páginas de um diário e de memórias, expositivos, de opinião, críticas, comentários, descrições, cartas de apresentação, currículos, reportagens, entrevistas, roteiros. Ler em voz alta. Ler textos diversos. Interpretar textos de diferentes tipologias e graus de complexidade. Utilizar procedimentos adequados à organização e tratamento da informação. Ler para apreciar textos variados. Reconhecer a variação da língua. Escrita Elaborar planos, resumos e sínteses de textos informativos; Textos expositivos e argumentativos; : biográficos, páginas de um diário e de memórias, cartas de Planificar a escrita de textos. Redigir textos com coerência e correção linguística. Escrever para expressar conhecimentos. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 2 de 8

3 apresentação, roteiros, relatórios, comentários. Escrever textos expositivos. Escrever textos argumentativos. Escrever textos diversos. Rever textos escritos. Educação literária Recursos expressivos: antítese, perífrase, eufemismo Leitura Orientada Texto narrativo A abóbada, Alexandre Herculano Assobiando à vontade, Mário Dionísio A inaudita guerra da Av. Gago Coutinho, de Mário de Carvalho O último Grimm, Álvaro Magalhães Ler e interpretar textos literários. Apreciar textos literários. Ler e escrever para fruição estética. (v. Listagem PNL) Gramática Classes de palavras (consolidação) Nomes, adjetivos, verbos, pronomes, determinantes, advérbios, quantificadores, preposições, conjunções, interjeições. Reconhecer classes de palavras. Sintaxe Pronome pessoal em adjacência verbal (orações subordinadas; conjugação do futuro e do condicional); Funções sintáticas Coordenação e subordinação: divisão e classificação de orações Explicitar aspetos fundamentais da sintaxe do português. Propriedades das palavras e formas de organização do léxico Neologismos Polissemia e monossemia Campo semântico Reconhecer propriedades das palavras e formas de organização do léxico. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 3 de 8

4 Sinonímia e antonímia, hiperonímia e hiponímia, meronímia e holonímia. Acentuação, sinais de pontuação Sempre que necessário, os conteúdos devem continuar a ser mobilizados e avaliados. 2.º PERÍODO Oralidade DOMÍNIOS SUBDOMÍNIOS/CONTEÚDOS OBJETIVOS Intencionalidade comunicativa (informar, narrar, descrever, explicar e persuadir); Sínteses; Debates; Apresentações orais; A variação da língua. Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, tratar e reter a informação. Participar oportuna e construtivamente em situações de interação oral. Produzir textos orais corretos, usando vocabulário e estruturas gramaticais diversificados e recorrendo a mecanismos de coesão discursiva. Produzir textos orais (5 minutos) de diferentes tipos e com diferentes finalidades. Reconhecer a variação da língua. n.º de aulas previstas De 40 a 44 Leitura Ler em voz alta. Ler textos diversos. Interpretar textos de diferentes tipologias e graus de complexidade. Utilizar procedimentos adequados à Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 4 de 8

5 organização e tratamento da informação. Ler para apreciar textos variados. Reconhecer a variação da língua. Escrita Planificar a escrita de textos. Redigir textos com coerência e correção linguística. Escrever para expressar conhecimentos. Escrever textos expositivos. Escrever textos argumentativos. Escrever textos diversos. Rever textos escritos. Educação literária Recursos expressivos: ironia Leitura Orientada Texto narrativo O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá, de Jorge Amado A Eneida de Virgílio Contada às crianças e ao Povo (adapt. João de Barros) O Hobbit, de J.R.R. Tolkien (textos) Ler e interpretar textos literários. Apreciar textos literários. Ler e escrever para fruição estética. (v. Listagem PNL) Gramática Classes de palavras Sintaxe Pronome pessoal em adjacência verbal (orações subordinadas; conjugação do futuro e do condicional); Funções sintáticas Concordância (sujeito composto-verbo) Coordenação e subordinação: divisão e Reconhecer classes de palavras. Explicitar aspetos fundamentais da sintaxe do português. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 5 de 8

6 classificação de orações Frase ativa e passiva Pontuação Morfologia Processos regulares e irregulares de formação de palavras Explicitar aspetos fundamentais da morfologia. Sempre que necessário, os conteúdos devem continuar a ser mobilizados e avaliados. 3.º PERÍODO Oralidade DOMÍNIOS SUBDOMÍNIOS/CONTEÚDOS OBJETIVOS Intencionalidade comunicativa (informar, narrar, descrever, explicar e persuadir); Sínteses; Debates. Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, tratar e reter a informação. Participar oportuna e construtivamente em situações de interação oral. Produzir textos orais corretos, usando vocabulário e estruturas gramaticais diversificados e recorrendo a mecanismos de coesão discursiva. Produzir textos orais (5 minutos) de diferentes tipos e com diferentes finalidades. n.º de aulas previstas De 30 a 34 Leitura Ler em voz alta. Ler textos diversos. Interpretar textos de diferentes tipologias e graus de complexidade. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 6 de 8

7 Utilizar procedimentos adequados à organização e tratamento da informação. Ler para apreciar textos variados. Reconhecer a variação da língua. Escrita Planificar a escrita de textos. Redigir textos com coerência e correção linguística. Escrever para expressar conhecimentos. Escrever textos expositivos. Escrever textos argumentativos. Escrever textos diversos. Rever textos escritos. Educação literária Recursos expressivos: assonância, aliteração, anáfora; apóstrofe, ironia Leitura Orientada Texto poético (poemas selecionados) Texto dramático A ilha encantada (A Tempestade, de W. Shakespeare), de Hélia Correia; e textos selecionados. Ler e interpretar textos literários. Apreciar textos literários. Ler e escrever para fruição estética. (v. Listagem PNL) Gramática Classes de palavras Morfologia Sintaxe Monólogo Discurso indireto livre Atos de fala (verbos performativos ou que exprimam adequadamente o propósito ilocutório) Reconhecer classes de palavras. Explicitar aspetos fundamentais da sintaxe do português. Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 7 de 8

8 Sempre que necessário, os conteúdos devem continuar a ser mobilizados e avaliados. ESTRATÉGIAS /ATIVIDADES Domínios: Oralidade identificação de diferentes tipologias de enunciados; leitura de textos e outros documentos autênticos; escuta de enunciados orais para inferências; exercícios de compreensão de tipologia variada; visionamento de documentos audiovisuais de diferentes tipologias; debates. Domínios: Leitura, Escrita e Educação Literária leitura expressiva de enunciados escritos de tipologias variadas; descrição de imagens documentos; resposta a questionários; produção de textos curtos e extensos orientados e de diferentes tipologias; aplicação de regras gramaticais em contexto; jogos didáticos; troca de mensagens; diálogos, entrevistas; dramatizações Domínio: Gramática aquisição de léxico e de regras de gramática e sistematização das mesmas; realização de exercícios de tipologia diferenciada INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO Exercícios escritos de avaliação Fichas de avaliação Grelhas de observação direta Trabalhos de extensão curricular Caderno diário Telefone: Fax: Telefone: Fax: Página 8 de 8

2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 8.º ANO

2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 8.º ANO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ BELCHIOR VIEGAS ESCOLA BÁSICA 2.3 POETA BERNARDO DE PASSOS PORTUGUÊS 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 8.º ANO (cerca de 165 aulas) 1 ORALIDADE Interpretar discursos orais com diferentes

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO DE PORTUGUÊS 6.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 6.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir textos orais com diferentes finalidades e coerência, apresentando

Leia mais

As Metas Curriculares de Português, para o 3º Ciclo, apresentam cinco características essenciais:

As Metas Curriculares de Português, para o 3º Ciclo, apresentam cinco características essenciais: DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 9º ANO C Ano Letivo: 204 /205. Introdução / Metas Curriculares Na disciplina de Português o desenvolvimento do ensino será orientado por Metas Curriculares cuja definição

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PEDROUÇOS. Planificação de Português

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PEDROUÇOS. Planificação de Português AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PEDROUÇOS Escola Básica 2/3 de Pedrouços Planificação de Português 7. 7ºano de escolaridade Ano letivo 2012/2013 Expressão oral Compreensão oral 1. o Período (+-64 aulas ) ))))))))646464+66666646

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA MAR 2014/2015 Curso Vocacional - Planificação anual de Português Número total de aulas: 110

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA MAR 2014/2015 Curso Vocacional - Planificação anual de Português Número total de aulas: 110 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FIGUEIRA MAR 2014/2015 Curso Vocacional - Planificação anual de Português Número total de aulas: 110 Módulo 1 Técnicas e modelos de 35 aulas Notícia Reportagem Entrevista Carta Requerimento

Leia mais

Oralidade. Departamento Curricular de Língua Materna e Humanidades Ano Letivo 2015 / 2016

Oralidade. Departamento Curricular de Língua Materna e Humanidades Ano Letivo 2015 / 2016 DOMÍNIOS Oralidade Metas curriculares 1. Escutar para aprender e construir conhecimentos. 2. Produzir um discurso oral com correção. 3. Produzir discursos com diferentes finalidades, tendo em conta a situação

Leia mais

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades Avaliação Tempo

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades Avaliação Tempo AGRUPAMENTO DE ESCOLAS N.º 1 DE GONDOMAR EB 2/3 de Jovim PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 1º Período 5º Ano ANO LETIVO 2013/2014 Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades Avaliação Tempo Conhecer o alfabeto.

Leia mais

ESCOLA BÁSICA FERNANDO CALDEIRA Currículo de Português. Departamento de Línguas. Currículo de Português - 7º ano

ESCOLA BÁSICA FERNANDO CALDEIRA Currículo de Português. Departamento de Línguas. Currículo de Português - 7º ano Departamento de Línguas Currículo de Português - Domínio: Oralidade Interpretar discursos orais com diferentes graus de formalidade e complexidade. Registar, tratar e reter a informação. Participar oportuna

Leia mais

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 346 779 COD. 152 870

AGRUPAMENTO DE CLARA DE RESENDE COD. 346 779 COD. 152 870 CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO ( Aprovados em Conselho Pedagógico de21 de outubro de 2014 ) No caso específico da disciplina de Português, do 6.º ano de escolaridade, a avaliação incidirá ao nível

Leia mais

ESCOLA SEC/3ºCICLO JOÃO GONÇALVES ZARCO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 8º ANO

ESCOLA SEC/3ºCICLO JOÃO GONÇALVES ZARCO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 8º ANO ESCOLA SEC/3ºCICLO JOÃO GONÇALVES ZARCO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 8º ANO Professores: Ana Maria Brito, Júlio Branco e Margarida Pinho Ano Letivo de 2015/2016 1.º período (51 aulas) Unidade 0 Uma

Leia mais

Compreensão/Expressão oral

Compreensão/Expressão oral ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL 3º C.E.B DISCIPLINA: Português ANO: 7º ANO : 2011/2012 SEQUÊNCIA 1 COMPETÊNCIAS/ Compreensão/Expressão oral Dispor-se a escutar. LEITURA

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2015/2016 PORTUGUÊS - 4ºANO

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2015/2016 PORTUGUÊS - 4ºANO . Interação discursiva Princípios de cortesia e cooperação Informação, explicação; pergunta. Compreensão e expressão Vocabulário: variedade e precisão Informação: essencial e acessória; implícita Facto

Leia mais

Planificação de Língua Portuguesa 7º ano 2012/2013. Conteúdos Leitura/Escrita/Oralidade Atividades de Diagnose. PNL O Cavaleiro da Dinamarca

Planificação de Língua Portuguesa 7º ano 2012/2013. Conteúdos Leitura/Escrita/Oralidade Atividades de Diagnose. PNL O Cavaleiro da Dinamarca Planificação de Língua Portuguesa 7º ano 2012/2013 Metas Compreensão do oral Capacidade de compreensão de formas complexas do oral, exigidas para o prosseguimento de estudos ou para a entrada na vida ativa;

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL. . Descrever e interpretar imagens; . Relatar vivências e experiências; . Produzir textos de caráter autobiográfico;

PLANIFICAÇÃO ANUAL. . Descrever e interpretar imagens; . Relatar vivências e experiências; . Produzir textos de caráter autobiográfico; AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 Curso Profissional - Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Ciclo de Formação:2013-2016 Nº do Projeto:099480/2013/12 PORTUGUÊS

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2015/2016 PORTUGUÊS - 3ºANO

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2015/2016 PORTUGUÊS - 3ºANO DIREÇÃO DE SERVIÇOS DA REGIÃO ALGARVE Agrupamento de Escolas José Belchior Viegas (Sede: Escola Secundária José Belchior Viegas) PLANIFICAÇÃO ANUAL 2015/2016 PORTUGUÊS - 3ºANO METAS Domínios/ Conteúdos

Leia mais

Ano letivo 2015/2016. Agrupamento de Escolas Dr. José Leite de Vasconcelos. Av. Dr. Francisco Sá Carneiro - 3610 134 Tarouca

Ano letivo 2015/2016. Agrupamento de Escolas Dr. José Leite de Vasconcelos. Av. Dr. Francisco Sá Carneiro - 3610 134 Tarouca Agrupamento de Escolas Dr. José Leite de Vasconcelos Av. Dr. Francisco Sá Carneiro - 3610 134 Tarouca Ano letivo 2015/2016 AEDJLV - Tarouca (Código 151944) Sede: Escola Básica e Secundária Dr. José Leite

Leia mais

2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 7.º ANO

2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 7.º ANO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ BELCHIOR VIEGAS ESCOLA BÁSICA 2.3 POETA BERNARDO DE PASSOS PORTUGUÊS 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL 7.º ANO (cerca de 165 aulas) 1 DOMÍNIO: ORALIDADE OBJETIVOS DESCRITORES DE

Leia mais

Ensino Básico- 2015/2016

Ensino Básico- 2015/2016 Ensino Básico- 2015/2016 Síntese da Planificação da Disciplina de Português do 8º Ano Unidades Temáticas Reportagem Conteúdos: Unidade 0 Diagnose Unidade 1 Texto Não Literário: Texto informativo; Roteiro;

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS ESCOLA BÁSICA 2/3 MARTIM DE FREITAS 2015/2016. Conteúdos

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS ESCOLA BÁSICA 2/3 MARTIM DE FREITAS 2015/2016. Conteúdos Português/ Planificação anual 9º ano, de acordo com as metas: conteúdos essenciais a trabalhar com os alunos. Domínios de Referência Conteúdos 1º Período ( 65 aulas) Compreensão do oral: texto jornalístico;

Leia mais

Português. Índice de aulas. Tipologias textuais

Português. Índice de aulas. Tipologias textuais Índice de aulas Tipologias textuais Texto narrativo Introdução ao texto narrativo: ação, personagens, espaço e tempo Introdução ao texto narrativo: narrador e modalidades do discurso A Vida Mágica da Sementinha:

Leia mais

Câmara de Lobos, 17 de setembro de 2014

Câmara de Lobos, 17 de setembro de 2014 GRUPO 300 Português 7.º / 8.º e 9.º anos TESTES DE AVALIAÇÃO LEITURA / EDUCAÇÃO LITERÁRIA / GRAMÁTICA portuguesa. 55% - escrever textos de diferentes tipologias. TRABALHOS INDIVIDUAIS / EM GRUPO 80% -

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PROFESSOR AGOSTINHO DA SILVA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO GRUPO DISCIPLINAR/CICLO: LÍNGUA PORTUGUESA/CEF 3º CICLO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PROFESSOR AGOSTINHO DA SILVA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO GRUPO DISCIPLINAR/CICLO: LÍNGUA PORTUGUESA/CEF 3º CICLO DOMÍNIO DOMÍNIO COGNITIVO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PROFESSOR AGOSTINHO DA SILVA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO GRUPO DISCIPLINAR/CICLO: LÍNGUA PORTUGUESA/CEF 3º CICLO DOMÍNIOS / INDICADORES DE DOMÍNIO INSTRUMENTOS

Leia mais

PROVA ESCRITA. INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Abril de 2015. Duração: 90 minutos (escrita) e 15 minutos (oral)

PROVA ESCRITA. INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Abril de 2015. Duração: 90 minutos (escrita) e 15 minutos (oral) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Abril de 2015 Prova 06 2015 2.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) Tipo de Prova: Escrita e Oral Duração: 90 minutos (escrita)

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas

Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas Ano Letivo 2015/2016 Planificação do trabalho a desenvolver no 5.ºA Grelha de conteúdos/aulas previstas Português Período Aulas Previstas Oralidade - Interpretar discursos orais breves. - Utilizar procedimentos

Leia mais

Agrupamento de Escolas Domingos Sequeira. INFORMAÇÃO: Prova de Equivalência à Frequência. DISCIPLINA: Inglês CÓDIGO DE PROVA: 367

Agrupamento de Escolas Domingos Sequeira. INFORMAÇÃO: Prova de Equivalência à Frequência. DISCIPLINA: Inglês CÓDIGO DE PROVA: 367 Agrupamento de Escolas Domingos Sequeira INFORMAÇÃO: Prova de Equivalência à Frequência DISCIPLINA: Inglês CÓDIGO DE PROVA: 367 TIPO DE PROVA: Escrita + Oral NÍVEL DE ENSINO/ANO: Ensino Secundário - 11º

Leia mais

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO 3º ANO (1º CICLO) PORTUGUÊS

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO 3º ANO (1º CICLO) PORTUGUÊS CRTÉRO EPECÍCO DE AVALAÇÃO 3º ANO (1º CCLO) PORTUGUÊ DOMÍNO OJETVO DECRTORE DE DEEMPENHO MENÇÕE Oralidade 1. Escutar para aprender e construir conhecimentos 2. Produzir um discurso oral com correção 3.

Leia mais

Metas Curriculares de Português

Metas Curriculares de Português Metas Curriculares de Português Ensino Básico 1.º Ciclo O domínio da ORALIDADE Helena C. Buescu, Maria Regina Rocha, Violante F. Magalhães Objetivos e Descritores de Desempenho Oralidade 1.º Ano Objetivos

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE FRANCÊS - 8.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE FRANCÊS - 8.º ANO DE FRANCÊS - 8.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No final do 8.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: compreender enunciados orais de tipologia variada de dificuldade intermédia; compreender

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR. Áreas Critérios de avaliação Instrumentos de avaliação

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR. Áreas Critérios de avaliação Instrumentos de avaliação EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Áreas Critérios de avaliação Instrumentos de avaliação Área de Formação Pessoal e social Revelar autonomia na higiene e alimentação. Demonstrar controlo de emoções, reações e atitudes.

Leia mais

3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)

3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALMANCIL (145142) Prova de equivalência à frequência de Inglês ( Prova escrita e oral ) nível V Ano letivo 2014 / 2015 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS À BEIRA DOURO Escola Básica e Secundária À Beira Douro- Medas

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS À BEIRA DOURO Escola Básica e Secundária À Beira Douro- Medas AGRUPAMENTO DE ESCOLAS À BEIRA DOURO Escola Básica e Secundária À Beira Douro- Medas Departamento de Línguas Estrangeiras - Inglês - 3º Ciclo - 7º Ano Planificação Anual 2010 / 2011 1º Período - Aulas

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Departamento de Línguas Grupos: 220; 300; 320; 330; 350 ESCOLA BÁSICA DO 2º CICLO DE PINHEL Critérios de Avaliação de Língua Portuguesa- 2º Ciclo O R A L I D A D E Componente Cognitiva

Leia mais

INGLÊS. 1. Objeto de avaliação INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova 06 2015

INGLÊS. 1. Objeto de avaliação INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova 06 2015 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Prova 06 2015 1ª e 2ª Fase Tipo de prova: Escrita / Oral 2º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga

Leia mais

FACE. Formação Avançada em Ciências da Educação CATÁLOGO DE FORMAÇÃO 2015

FACE. Formação Avançada em Ciências da Educação CATÁLOGO DE FORMAÇÃO 2015 FACE Modalidades de formação: A Cursos/Oficinas acreditadas pelo Conselho Científicopedagógico da Formação Contínua (CCPFC) B Módulos de Formação A Cursos/Oficinas acreditadas pelo CCPFC Desenvolvimento

Leia mais

ritmo; atividades. linguagem verbal e não verbal); filmes, etc); acordo com o interlocutor; respeitar opiniões alheias. textos;

ritmo; atividades. linguagem verbal e não verbal); filmes, etc); acordo com o interlocutor; respeitar opiniões alheias. textos; PLANO DE AULA 1º BIMESTRE LÍNGUA PORTUGUESA 6 º ANO CONTEÚDO ESTRUTURANTE: O DISCURSO COMO PRÁTICA SOCIALMENTE Professora: Rosangela Manzoni Siqueira CONTEÚDOS BÁSICOS: RETOMADA DOS GÊNEROS TRABALHADOS

Leia mais

As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do Programa da disciplina.

As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do Programa da disciplina. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALMANCIL (145142) Prova de equivalência à frequência de Inglês ( Prova escrita e oral ) nível V Ano letivo 2013 / 2014 1ª e 2ª fases 3.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução O

Leia mais

AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES

AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES ESCOLA BÁSICA LUÍS DE STTAU MONTEIRO - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº1 DE LOURES AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES DOMÍNIOS / CRITÉRIOS 2º Ciclo DISCIPLINA COGNITIVO / OPERATIVO E INSTRUMENTAL CONHECIMENTOS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES MAGALHÃES 1º CICLO. Critérios de Avaliação. 1º Ano

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES MAGALHÃES 1º CICLO. Critérios de Avaliação. 1º Ano AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO JACQUES MAGALHÃES 1º CICLO Critérios de Avaliação 1º Ano Disciplina: PORTUGUÊS Domínio Parâmetros de Avaliação Instrumentos de avaliação Ponderação Oralidade Assimilar e expressar

Leia mais

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades

Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades AGRUPAMENTO DE ESCOLAS N.º 1 DE GONDOMAR EB 2/3 de Jovim e Foz do Sousa PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 1º Período 5º Ano ANO LETIVO 2014/2015 Objetivos Domínios/ Conteúdos Atividades Conhecer o alfabeto.

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA LOGOTIPO MACMILLAN BRASIL Utilização colorido; preto/branco e negativo Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que

Leia mais

Informação - Prova de Equivalência à Frequência

Informação - Prova de Equivalência à Frequência Informação - Prova de Equivalência à Frequência Prova de Equivalência à Frequência de Inglês Código: 21 Ano de escolaridade: 9º (Decreto Lei n.º 139/2012, de 5 de julho e Despacho Normativo n.º 24-A/2012,

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 8.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 8.º ANO DE PORTUGUÊS 8.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 8.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir textos orais com diferentes graus de formalidade, finalidade

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual /Critérios de avaliação. Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português 1.º ano 2015/2016 Domínio (Unidade / Tema) Subdomínio / Conteúdos

Leia mais

Tipologia Textual O conto. Competências a trabalhar associadas ao processo CO L CEL

Tipologia Textual O conto. Competências a trabalhar associadas ao processo CO L CEL Ministério da Educação Agrupamento de Escolas da Senhora da Hora nº2 Novo Programa de Português do Ensino Básico Sequência Didáctica 5º ano Ano lectivo de 2010/2011 Tipologia Textual O conto Competências

Leia mais

Prova de Equivalência à Frequência de Português (Prova Oral) Informação Prova de Equivalência à Frequência. Prova 61 2014. 2.º Ciclo do Ensino Básico

Prova de Equivalência à Frequência de Português (Prova Oral) Informação Prova de Equivalência à Frequência. Prova 61 2014. 2.º Ciclo do Ensino Básico Informação Prova de Equivalência à Frequência Data: 2014.04.02 Prova de Equivalência à Frequência de Português (Prova Oral) Prova 61 2014 2.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 05 de julho

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CURSO VOCACIONAL 3º CICLO AMGE - Auxiliar de Manutenção e Gestão de Espaços CRITÉRIOS DE Ano Lectivo 2014/15 Coordenador do Curso: José Pedro Moutinho Critérios de Avaliação (14-15) VOCACIONAL C AMGE -

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES ENSINO SECUNDÁRIO Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos PLANIFICAÇÃO ANUAL INGLÊS MÓDULOS 7, 8 e 9 12º ANO TURMA F ANO LETIVO

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO. Departamento de 1º Ciclo. Ano letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO. 4º ANO DISCIPLINA: Português

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO. Departamento de 1º Ciclo. Ano letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO. 4º ANO DISCIPLINA: Português AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO Departamento de 1º Ciclo Ano letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO 4º ANO DISCIPLINA: Português PERÍODO 1º *Oralidade Interação discursiva >Princípio de cortesia;

Leia mais

* Tempo = 45minutos Grupo 300 Página 1 de 8

* Tempo = 45minutos Grupo 300 Página 1 de 8 Conteúdos Objectivos/Competências a desenvolver Tempo* Estratégias Recursos Avaliação Apresentação: Turma e professor Programa Critérios de avaliação Normas de funcionamento Conhecer os elementos que constituem

Leia mais

INGLÊS INFORMAÇÃO PROVA. 1. Objeto de avaliação. Prova de Equivalência à Frequência de. Prova 367 2016 Fases 1ª e 2ª. 10.º e 11.º Anos de Escolaridade

INGLÊS INFORMAÇÃO PROVA. 1. Objeto de avaliação. Prova de Equivalência à Frequência de. Prova 367 2016 Fases 1ª e 2ª. 10.º e 11.º Anos de Escolaridade INFORMAÇÃO PROVA Prova de Equivalência à Frequência de INGLÊS Prova 367 2016 Fases 1ª e 2ª 10.º e 11.º Anos de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de Julho 1. Objeto de avaliação A prova a que

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade

Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade Ano Letivo 2012/2013 Informação Prova de Equivalência à Frequência de Francês Prova escrita 9ºano de escolaridade Introdução O presente documento visa divulgar as características do exame de equivalência

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO Prova Extraordinária de Avaliação INGLÊS 2º Ciclo - 6.º Ano de Escolaridade Despacho Normativo

Leia mais

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013 09-10-2012 PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LETIVO 2012 / 2013 CURSO DE TÉCNICO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DISCIPLINA: FRANCÊS CONTINUAÇÃO N.º TOTAL DE MÓDULOS: 3 N.º ORDEM N.º DE HORAS DESIGNAÇÃO DO MÓDULO 1 27

Leia mais

Prova Escrita (Código 21) / 2015

Prova Escrita (Código 21) / 2015 Provas de equivalência à frequência INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS maio de 20 PROVA /21 20 3º Ciclo do Ensino Básico Prova Escrita (Código 21) / 20 O presente documento divulga informação

Leia mais

As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação em vigor e o Programa da disciplina.

As informações apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação em vigor e o Programa da disciplina. Científico -Humanísticos/ 11.º Ano de Escolaridade Prova: E + O Nº de anos: 2 Duração: 90 minutos + 25 minutos Decreto-Lei n.º139/2012, de 5 de julho 1. Introdução O presente documento visa divulgar as

Leia mais

2013/2014 CONTEÚDOS TEMÁTICOS CONTEÚDOS GRAMATICAIS CALENDARIZAÇÃO UNIDADE

2013/2014 CONTEÚDOS TEMÁTICOS CONTEÚDOS GRAMATICAIS CALENDARIZAÇÃO UNIDADE Escolas João de Araújo Correia EB 2.3PESO DA RÉGUA Disciplina de Português 6º Ano Ano Letivo 2013/2014 CONTEÚDOS TEMÁTICOS CONTEÚDOS GRAMATICAIS CALENDARIZAÇÃO UNIDADE 0 Ponto de partida Reportagem televisiva

Leia mais

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro.

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro. Exame de equivalência à frequência de Inglês 05 3.º Ciclo do Ensino Básico Informação Exame de Equivalência à Frequência. Introdução O presente documento visa divulgar as características do exame de equivalência

Leia mais

Planificação anual Ano letivo: 2015/2016

Planificação anual Ano letivo: 2015/2016 Período: 1.º Ano Número total de aulas previstas: 39 Competências Compreensão oral: compreender textos orais, de natureza diversificada e de acessibilidade adequada ao Compreensão escrita: compreender

Leia mais

LICENCIATURA EM COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL PLANO DE TRANSIÇÃO

LICENCIATURA EM COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL PLANO DE TRANSIÇÃO LICENCIATURA EM COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL PLANO DE TRANSIÇÃO ENTRE O PLANO DE ESTUDOS EM VIGOR ATÉ AO ANO LETIVO 2014/2015 E O NOVO PLANO Artigo 1º (Âmbito) O presente plano regula o processo de transição

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE FRANCÊS 9.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE FRANCÊS 9.º ANO DE FRANCÊS 9.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 9.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: compreender enunciados orais em língua corrente de tipologia variada; compreender

Leia mais

Informação-Prova de Equivalência à Frequência COMPONENTE ESCRITA

Informação-Prova de Equivalência à Frequência COMPONENTE ESCRITA Agrupamento de Escolas do Viso Porto Prova de Equivalência à Frequência Espanhol (LE II) Prova 15 3º- Ciclo do Ensino Básico Informação-Prova de Equivalência à Frequência Tipo de Prova: Escrita e Oral

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE INGLÊS 8.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE INGLÊS 8.º ANO DE INGLÊS 8.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 8.º ano, o aluno deve ser capaz de: compreender frases isoladas e expressões frequentes relacionadas com áreas de prioridade imediata;

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência

Informação Prova de Equivalência à Frequência Ano letivo 2014/2015 Ensino Secundário - 1ª e 2ª Fase Disciplina de ESPANHOL (INICIAÇÃO BIENAL) - 375 Informação Prova de Equivalência à Frequência 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características

Leia mais

Turma: N. de alunos: Dia de aula: Hora: Sala:

Turma: N. de alunos: Dia de aula: Hora: Sala: 71 17.1. Distinguir os diversos tipos de resíduos. Manual Viva a Terra! 8, páginas 214, 215, 218, 226 e 227. Quais são os tipos de resíduos? Leitura, por um aluno, da informação contida no início da página

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 1º PERÍODO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 Unidades/Conteúdos Tempos Oralidade -Escutar para

Leia mais

2013/2014 (Despacho nº 13 599/2006 [2ª série], artigo 10º, ponto 9) 3º Ciclo 9º Ano CONTEÚDOS ANUAIS Português DESCRITORES DE DESEMPENHO

2013/2014 (Despacho nº 13 599/2006 [2ª série], artigo 10º, ponto 9) 3º Ciclo 9º Ano CONTEÚDOS ANUAIS Português DESCRITORES DE DESEMPENHO 2013/2014 (Despacho nº 13 599/2006 [2ª série], artigo 10º, ponto 9) 3º Ciclo 9º Ano CONTEÚDOS ANUAIS Português CONTEÚDOS/ COMPETÊNCIAS AULAS PREVISTAS 9ºA 9ºB 9ºC 160 157 160 DESCRITORES DE DESEMPENHO

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Direção de Serviços da Região Norte AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES ANO LETIVO 2015 / 2016 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS Prova (06) 2016 2º Ciclo do Ensino Básico O presente documento

Leia mais

Plano Curricular de Português. 6ºano Ano Letivo 2015/2016

Plano Curricular de Português. 6ºano Ano Letivo 2015/2016 Plano Curricular de Português 6ºano Ano Letivo 2015/2016 1º Período Conteúdos Programados Texto Narrativo: contos tradicionais, lendas e fábulas Categorias da Narrativa: Obra/autor Narrador (presente e

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE. Critérios de Avaliação de Português Ensino Secundário Cursos Científico-Humanísticos

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE. Critérios de Avaliação de Português Ensino Secundário Cursos Científico-Humanísticos AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE Escola Secundária da Portela Escola EB,3 Gaspar Correia Escola EB1 Catela Gomes Escola EB1/JI Quinta da Alegria Escola EB1/JI Portela Critérios de Avaliação

Leia mais

Informação n.º 14.13. Data: 2013.01.31. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral de Educação e Ciência. AE/ENA com ensino secundário CIREP

Informação n.º 14.13. Data: 2013.01.31. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral de Educação e Ciência. AE/ENA com ensino secundário CIREP Prova de Exame Nacional de Inglês Prova 550 2013 10.º e 11.º Anos de Escolaridade Para: Direção-Geral da Educação Inspeção-Geral de Educação e Ciência Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Secretaria

Leia mais

Escola Básica e Secundária de Alvide

Escola Básica e Secundária de Alvide Informação-Exame de equivalência à frequência de Inglês (prova escrita) Prova 06 2016 2.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência

Leia mais

Agrupamento de Escolas de S. Pedro do Sul 161780 Escola-sede: Escola Secundária de São Pedro do Sul

Agrupamento de Escolas de S. Pedro do Sul 161780 Escola-sede: Escola Secundária de São Pedro do Sul Agrupamento de Escolas de S. Pedro do Sul 161780 Escola-sede: Escola Secundária de São Pedro do Sul INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ENSINO SECUNDÁRIO ANO LETIVO: 2014/2015 1 ª / 2ª fases

Leia mais

PROVA ESCRITA. As informações sobre a prova apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do Programa da disciplina.

PROVA ESCRITA. As informações sobre a prova apresentadas neste documento não dispensam a consulta da legislação referida e do Programa da disciplina. INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ESPANHOL (LE II) Abril de 2015 Prova 15 2015 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) Tipo de Prova: Escrita e Oral Duração: 90

Leia mais

Critérios de Avaliação Departamento de Línguas. 2015/2016 Agrupamento de Escolas de Miraflores

Critérios de Avaliação Departamento de Línguas. 2015/2016 Agrupamento de Escolas de Miraflores Critérios de Avaliação Departamento de Línguas 2015/2016 Agrupamento de Escolas de Miraflores Aprovado em reunião de Conselho Pedagógico a 10 de Setembro de 2015 Cálculo da classificação interna a atribuir

Leia mais

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS CETÓBRIGA. Escola Básica dos 2º e 3º ciclos de Aranguez

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS CETÓBRIGA. Escola Básica dos 2º e 3º ciclos de Aranguez AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS CETÓBRIGA Escola Básica dos 2º e 3º ciclos de Aranguez INFORMAÇÃO - EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DO 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO 6º Ano de Escolaridade 2011/2012 PROVA

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE. Critérios de Avaliação de Português. Ensino Secundário Curso Profissional. Ano letivo 2015/2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE. Critérios de Avaliação de Português. Ensino Secundário Curso Profissional. Ano letivo 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE PORTELA E MOSCAVIDE Escola Secundária da Portela Escola EB 2,3 Gaspar Correia Escola EB1 Catela Gomes Escola EB1/JI Quinta da Alegria Escola EB1/JI Portela Critérios de Avaliação

Leia mais

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA OBJETIVOS: 1 ano Levar o estudante a realizar a escrita do próprio nome e outros nomes. Promover a escrita das letras do alfabeto. Utilizar a linguagem oral para conversar,

Leia mais

Grupo de Educação Especial

Grupo de Educação Especial Grupo de Educação Especial Critérios Gerais de Avaliação 2015/2016 De acordo com o Despacho normativo n.º 24-A/2012, artigo 8.º (ponto 10): 10 A informação resultante da avaliação sumativa dos alunos do

Leia mais

AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES

AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES ESCOLA BÁSICA LUÍS DE STTAU MONTEIRO - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº1 DE LOURES AVALIAÇÃO NAS DISCIPLINAS CURRICULARES DOMÍNIOS / CRITÉRIOS 3º Ciclo DISCIPLINA COGNITIVO / OPERATIVO E INSTRUMENTAL CONHECIMENTOS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ABEL SALAZAR 2015-2016 1º CICLO - 2º ANO DE ESCOLARIDADE PORTUGUÊS PLANIFICAÇÃO MENSAL DE JANEIRO DOMÍNIOS METAS/OBJETIVOS OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) MATERIAIS/ RECURSOS ORALIDADE

Leia mais

Completar, de forma guiada, pequenos diálogos Daily Routine Domínio Intercultural

Completar, de forma guiada, pequenos diálogos Daily Routine Domínio Intercultural DE INGLÊS 6.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 6.º ano o aluno deve ser capaz de: compreender e usar expressões familiares e quotidianas, assim como enunciados muito simples, que visam

Leia mais

Informação Prova de Equivalência à Frequência

Informação Prova de Equivalência à Frequência Informação Prova de Equivalência à Frequência Inglês Prova 06 2016 2º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa à prova de equivalência

Leia mais

INFORMAÇÃO -PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE INGLÊS DO 2º CICLO

INFORMAÇÃO -PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE INGLÊS DO 2º CICLO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE INGLÊS-2ºCICLO (PROVA ORAL) 1. INTRODUÇÃO O presente documento visa divulgar as características da prova de equivalência à frequência do ensino básico de Inglês, a

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA / 3º CEB DE AMORA

ESCOLA SECUNDÁRIA / 3º CEB DE AMORA ESCOLA SECUNDÁRIA / 3º CEB DE AMORA Departamento de Línguas CURSOS PROFISSIONAIS 2012-2015 COMUNICAR EM FRANCÊS 12º ano MÓDULOS- 5-6-7-8-9 PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014/2015 Prof.ª: Maria Isabel Chorão COMPETÊNCIAS

Leia mais

FRANCÊS Nível 3 2016. 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril)

FRANCÊS Nível 3 2016. 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS Nível 3 2016 Prova 16 / 2016 1ª e 2ª Fase 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril) O presente documento divulga informação

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver no 7ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas

Planificação do trabalho a desenvolver no 7ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas Ano Letivo 2015/2016 Planificação do trabalho a desenvolver no 7ºA Grelha de Conteúdos/Aulas Previstas Português Período Aulas Previstas Texto não literário: Notícia, reportagem, texto expositivo, entrevista,

Leia mais

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro, bem como o Despacho n.º 15971/2012, de 14 de dezembro.

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro, bem como o Despacho n.º 15971/2012, de 14 de dezembro. Prova de Equivalência à Frequência de Inglês Nível 5 Prova 21/2014 Informação Prova Data:16.maio.2014 3º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n. º 139/2012, de 5 de julho O presente documento divulga informação

Leia mais

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos PORTUGUÊS 7º ano Ano letivo 2015 2016 ORALIDADE LEITURA / EDUCAÇÃO LITERÁRIA 1º PERÍODO CONTEÚDOS

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos PORTUGUÊS 7º ano Ano letivo 2015 2016 ORALIDADE LEITURA / EDUCAÇÃO LITERÁRIA 1º PERÍODO CONTEÚDOS Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos PORTUGUÊS 7º ano Ano letivo 2015 2016 1º PERÍODO CONTEÚDOS ORALIDADE Elementos constitutivos do texto publicitário. Ouvinte. Informação. Princípios reguladores

Leia mais

ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO

ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO Escola Secundária Dr. Solano de Abreu Abrantes ENSINO SECUNDÁRIO CIENTIFICO HUMANÍSTICO DISCIPLINA: Espanhol Iniciação ANO: 10º ANO LETIVO 2012/2013 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO Prova Extraordinária de Avaliação INGLÊS 3º Ciclo - 8.º Ano de Escolaridade Despacho Normativo

Leia mais

Tipo de prova: Escrita e Oral

Tipo de prova: Escrita e Oral INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA 1ª e 2ª Fases Prova 06 2014 Tipo de prova: Escrita e Oral 2º Ciclo do Ensino Básico O presente documento divulga

Leia mais

alemão; espanhol; francês; inglês Dezembro de 2013

alemão; espanhol; francês; inglês Dezembro de 2013 Informação-Exame Final Nacional Línguas estrangeiras alemão; espanhol; francês; inglês Dezembro de 2013 Provas 501; 547; 517; 550 2014 11.º Ano de Escolaridade O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ACTIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS PREVISTAS

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA

PLANEJAMENTO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE LÍNGUA PORTUGUESA ANO: 6º anos PROFESSOR(A):

Leia mais

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. FLÁVIO GONÇALVES PÓVOA DE VARZIM Critérios Específicos de Avaliação DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS ANO LETIVO 2014/15 Critérios de avaliação específicos da disciplina de

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE CONTEÚDO ESTRUTURANTE

PLANO DE TRABALHO DOCENTE CONTEÚDO ESTRUTURANTE COLEGIO ESTADUAL DARIO VELLOZO ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSIONAL Rua Haroldo Hamilton, 271 Centro - CEP 85905-390 Fone/Fax 45 3378-5343 - Email: colegiodariovellozo@yahoo.com.br www.toodariovellozo.seed.pr.gov.br

Leia mais

Informação - Prova de Equivalência à Frequência Inglês (Continuação) Código da Prova: 358 2014 12.º Ano de Escolaridade

Informação - Prova de Equivalência à Frequência Inglês (Continuação) Código da Prova: 358 2014 12.º Ano de Escolaridade Disciplina Inglês (cont.) Código - 358 2013/2014 Informação - Prova de Equivalência à Frequência Inglês (Continuação) Código da Prova: 358 2014 12.º Ano de Escolaridade 1. Introdução As informações sobre

Leia mais

AGRUPAMENTO VERTICAL DE REDONDO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. HERNÂNI CIDADE INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA (ORAL E ESCRITA)

AGRUPAMENTO VERTICAL DE REDONDO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DR. HERNÂNI CIDADE INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA (ORAL E ESCRITA) INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA (ORAL E ESCRITA) 1. INTRODUÇÃO ENSINO BÁSICO 2ºCICLO O presente documento visa divulgar as características do Exame de Equivalência à Frequência Escrita e

Leia mais

» INTRODUÇÃO » OBJETO DA AVALIAÇÃO

» INTRODUÇÃO » OBJETO DA AVALIAÇÃO INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INGLÊS COMPONENTES ESCRITA E ORAL PROVA 06 2016 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)» INTRODUÇÃO Nos termos do n.º 8, do

Leia mais

358 INGLÊS (continuação-12.ºano) escrita e oral 12.ºano de escolaridade

358 INGLÊS (continuação-12.ºano) escrita e oral 12.ºano de escolaridade informação-prova de equivalência à frequência data: 18. 05. 2016 358 INGLÊS (continuação-12.ºano) escrita e oral 12.ºano de escolaridade curs os c ien t íf ico -h um an ísticos formação específica 2016

Leia mais