O Despertar da Cidadania

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Despertar da Cidadania"

Transcrição

1 O Despertar da Cidadania EDUCAÇÃO LINGUÍSTICA: PRÁTICAS EM PARCERIAS Nome: Isolda Regina Coitinho Araujo e Jailson Luiz Jablonski Título da unidade: O Despertar da Cidadania Ano escolar: 9º ano Objetivo: O projeto tem como objetivo geral redescobrir e retomar valores, para que nossos alunos cultivem o respeito aos Símbolos Nacionais, abrangendo o desenvolvimento da leitura, do canto e da recriação de texto a partir do Hino Nacional. Tempo estimado: Oito aulas 1. Vamos começar dialogando com os alunos, para saber a extensão do conhecimento deles em relação ao tema proposto. *O que é um Hino? *O que ele conta? *Como é a música? *E a melodia? *E a letra? *O que é rima? *Um Hino tem rima? *Quando devemos cantar o Hino? *Quais os lugares em que cantamos o Hino? *Nós cantamos em pé ou sentados? Por quê? *Todos os países tem um Hino? Após esta discussão, cantaremos o Hino Nacional. REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

2 Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heroico o brado retumbante, E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos, Brilhou no céu da Pátria nesse instante. Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao som do mar e à luz do céu profundo, Fulguras, ó Brasil, florão da América, Iluminado ao sol do Novo Mundo! Se o penhor dessa igualdade Conseguimos conquistar com braço forte, Em teu seio, ó Liberdade, Desafia o nosso peito a própria morte! Do que a terra mais garrida Teus risonhos, lindos campos têm mais flores, Nossos bosques têm mais vida, Nossa vida" no teu seio "mais amores. Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Brasil, um sonho intenso, um raio vívido, De amor e de esperança à terra desce, Se em teu formoso céu, risonho e límpido, A imagem do Cruzeiro resplandece. Brasil, de amor eterno seja símbolo O lábaro que ostentas estrelado, E diga o verde-louro dessa flâmula - Paz no futuro e glória no passado. Gigante pela própria natureza, És belo, és forte, impávido colosso, E o teu futuro espelha essa grandeza. Mas se ergues da justiça a clava forte, Verás que um filho teu não foge à luta, Nem teme, quem te adora, a própria morte. Terra adorada Entre outras mil És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Terra adorada Entre outras mil És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Dos filhos deste solo És mãe gentil, Pátria amada, Brasil! Dos filhos deste solo És mãe gentil, Pátria amada, Brasil! REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

3 2. Conhecendo os autores... *O que são autores? *Quais autores vocês conhecem? *Onde podemos encontrar informações sobre autores? *Vocês já ouviram falar em textos biográficos? *O que são textos biográficos? *Como estamos falando no Hino Nacional, vocês já ouviram falar no Joaquim Osório Duque Estrada? *Ou no Francisco Manuel da Silva? Agora, leia os textos biográficos sobre Joaquim Duque Estrada e Francisco Manuel da Silva e descubra quem eles são: Joaquim Duque Estrada Ano de nascimento Há quantos anos ele nasceu? Cidade e estado onde nasceu: O que ele era? O que ele criou para o Brasil? Ano em que ele morreu: Há quantos anos ele morreu? Joaquim Osório Duque-Estrada (Paty do Alferes, 29 de abril de 1870 Rio de Janeiro, 5 de fevereiro de 1927) foi um poeta, crítico literário, professor e ensaísta brasileiro. REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

4 Foi membro da Academia Brasileira de Letras, mas o que lhe deu nome foi a autoria da letra do Hino Nacional Brasileiro e a sua atividade de crítico literário na imprensa brasileira do início do século XX. Fonte: Francisco Manuel da Silva Ano de nascimento Há quantos anos ele nasceu? Cidade e estado onde nasceu: O que ele era? O que ele criou para o Brasil? Ano em que ele morreu: Há quantos anos ele morreu? Francisco Manuel da Silva (Rio de Janeiro, 21 de fevereiro de 1795 Rio de Janeiro, 18 de dezembro de 1865) foi um compositor, maestro e professor brasileiro. Sua obra de composição não é considerada de grande originalidade, mas foi o autor de uma única peça que se tornou célebre, a melodia do atual Hino Nacional Brasileiro. REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

5 Fonte: 3. O que diz a história sobre o Hino... *O professor mostrará um vídeo aos seus alunos, mas antes fará algumas perguntas, as quais serão respondidas pelos mesmos no momento em que estão assistindo ao vídeo. Com base no vídeo que veremos, responde às perguntas abaixo: a) Por que o Hino foi criado? b) Qual era a situação do Brasil? c) Qual foi a data da primeira vez em que o Hino foi tocado? d) Em que lugar do Rio de Janeiro o hino foi tocado pela primeira vez? e) Quando comemoramos o Dia do Hino Nacional Brasileiro? f) O que foi comemorado no dia 07 de setembro de 1922? Vídeo: REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

6 4. Entendendo o que diz o Hino. Vamos pensar: *Quem foi D. Pedro I? *O que ele era do Brasil? *O que ele fez para o Brasil? *Por que Grito do Ipiranga? *O que é o Rio Ipiranga? *Vocês sabem onde ele se localiza? *Como ele era antigamente? *E agora, como será que ele é? Sugestão: pode-se fazer uma pesquisa sobre o Rio Ipiranga. Fonte: Agora, leia o Hino e sublinhe as palavras que você não conhece. Depois, converse com o colega do lado sobre as palavras que você encontrou. (Sugestão: os alunos podem usar o dicionário). Vamos relacionar as palavras aos seus significados: (1) Margens plácidas. (2) Ipiranga. (3) Brado retumbante. (4) Imagem do Cruzeiro resplandece. (5) Impávido colosso. (6) Mãe gentil. (7) Fulguras (8) Florão. (9) Garrida. (10) Lábaro. (11) Clava forte. ( ) A "mãe gentil" é a pátria. Um país que ama e defende seus "filhos" (os brasileiros) como qualquer mãe. ( ) O "Cruzeiro" é a constelação do Cruzeiro do Sul que resplandece (brilha) no céu. ( ) Usado de maneira metafórica (figurada). "penhor desta igualdade" é a garantia, a segurança de que haverá liberdade. ( ) É o riacho junto ao qual D. Pedro I teria proclamado a independência. ( ) "Plácida" significa serena, calma. ( ) Clava é um grande porrete, usado no combate corpo-a-corpo. No verso, significa mobilizar um exército, entrar em guerra. ( ) Sinônimo de bandeira. "Lábaro" era um antigo estandarte usado pelos romanos. ( ) Grito forte que provoca eco. ( ) "Florão" é um ornato em forma de flor usado nas abóbadas de construções grandiosas. O Brasil seria o ponto mais importante e vistoso da América. REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

7 ( ) Do verbo fulgurar (reluzir, brilhar). ( ) Enfeitada. Que chama a atenção pela beleza. ( ) "Colosso" é o nome de uma estátua de enormes dimensões. Estar "impávido" é estar tranquilo, calmo. Fonte: 5. Vamos recriar o Hino. Com base no vocabulário, vamos reescrever o Hino trocando as palavras pelo seu sinônimo correspondente: VOCABULÁRIO Brado: grito Calva: arma primitiva de guerra Colosso: grande Espelha: espelha Flâmula: bandeira Florão: flor de ouro Formoso: lindo, belo Fúlgido: que brilha, cintila Fulguras: brilhas Garrida: enfeitada com flores Gentil: generoso, acolhedor Idolatrada: cultuada, amada Impávido: corajoso Lábaro: bandeira Límpido: puro, que não está poluído Ostentas: mostras com orgulho Penhor: garantia Plácidas: calmas, tranquilas Resplandece:_que_brilha,_iluminada REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

8 Retumbante: sim que se espalha com barulho Vívido: intenso Fonte: Ouviram do Ipiranga as margens De um povo heroico o, E o sol da Liberdade, em raios, Brilhou no céu da Pátria nesse instante. Se o dessa igualdade Conseguimos conquistar com braço forte, Em teu seio, ó Liberdade, Desafia o nosso peito a própria morte! Ó Pátria amada,, Salve! Salve! Brasil, um sonho intenso, um raio, De amor e de esperança à terra desce, Se em teu céu, risonho e, A imagem do Cruzeiro. Gigante pela própria natureza, És belo, és forte,, E o teu futuro essa grandeza. Terra adorada Entre outras mil És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao som do mar e à luz do céu profundo,, ó Brasil, da América, Iluminado ao sol do Novo Mundo! Do que a terra mais Teus risonhos, lindos campos têm mais flores, Nossos bosques têm mais vida, Nossa vida" no teu seio "mais amores. Ó Pátria amada,, Salve! Salve! Brasil, de amor eterno seja símbolo O que estrelado, E diga o verde-louro dessa - Paz no futuro e glória no passado. Mas se ergues da justiça a forte, Verás que um filho teu não foge à luta, Nem teme, quem te adora, a própria morte. Terra adorada Entre outras mil És tu, Brasil, Ó Pátria amada! REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

9 Dos filhos deste solo És mãe, Pátria amada, Brasil! Dos filhos deste solo És mãe, Pátria amada, Brasil! 6. Desenhando o Hino... A turma será dividida em grupos de, no máximo, cinco alunos, e cada grupo ficará responsável por uma estrofe do Hino, para que faça um desenho de forma criativa referente à estrofe definida para o grupo. Após este trabalho de criação, os trabalhos poderão ser expostos no mural da escola, num lugar de grande circulação, para que seja apreciado por todos e, assim, a turma sinta-se valorizada. 7. Avaliação A avaliação será feita ao longo das aulas com atividades propostas pelo professor, com a interação dos alunos, com a reescrita e pela criatividade do aluno com o desenho das estrofes. ANEXO Turmas de 3º a 6º ano - História em quadrinhos... Veja uma maneira bem divertida de aprender o Hino Nacional Brasileiro. Pode-se pedir para os alunos que procurem no dicionário as palavras que desconhecem para melhor entendimento. E enquanto os alunos pintam os desenhos, eles podem cantar o Hino. Fonte: REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

10 Jailson Luiz Jablonski - cursando Letras/Inglês na Uniritter de Porto Alegre, RS, trabalho na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Tempo Integral Oscar Schmitt, na Ilha das Flores em Porto Alegre, RS. Isolda Regina Coitinho Araujo - professora de Língua Portuguesa do 6º ao 9º ano, da Escola Estadual de Ensino Fundamental e de Tempo Integral Oscar Schmitt, na Ilha das Flores em Porto Alegre, RS. REVISTA BEM LEGAL Porto Alegre v. 3 Edição Especial

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve!

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve! Estudo do Hino Nacional Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado retumbante E o sol da liberdade em raios fúlgidos, Brilhou no céu da Pátria nesse instante. Se o penhor dessa

Leia mais

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Música: Francisco Manuel da Silva (1795/1865) Letra: Joaquim Osório Duque Estrada (1870/1927) Ouviram

Leia mais

TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS

TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS 2 TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS ORGANIZADO E ESCRITO POR : Karina Atrib Ferreira de Sá ORIGINADO DO PROJETO HINO DESENVOLVIDO NA ESCOLA ESPECIAL PARA CRIANÇAS SURDAS- FRSP PROJETO COORDENADO

Leia mais

PAPO DE CRAQUE TRANSAMÉRICA ESPORTES

PAPO DE CRAQUE TRANSAMÉRICA ESPORTES PAPO DE CRAQUE De segunda à sexta-feira das 11h às 12h papodecraquecw@transanet.com.br @papodecraquecw facebook.com/papodecraquecw TRANSAMÉRICA ESPORTES Transamérica by GR Comunicação De segunda à sexta-feira

Leia mais

B I U I Ç Ã R O T SID 2 0 1 4

B I U I Ç Ã R O T SID 2 0 1 4 D R I B U I Ç Ã O T S I 2 0 1 4 EDITORIAL O Almanaque das Copas é mais um fruto do trabalho da marca Rádio Sete Colinas AM 1120, a qual estará no ano de 2014, completando de forma ininterrupta a retransmissão

Leia mais

Alfabetização e Letramento

Alfabetização e Letramento Associação Brasileira de Editores de Livros Escolares Alfabetização e Letramento Como os livros didáticos ilustram a trajetória da alfabetização no Brasil A primeira cartilha considerada genuinamente brasileira,

Leia mais

A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS

A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A independência do Brasil não aconteceu apenas uma vez, em 1822. Ela acontece todos os dias, quando lutamos por direitos como igualdade, democracia,

Leia mais

HINO NACIONAL BRASILEIRO

HINO NACIONAL BRASILEIRO HINO NACIONAL BRASILEIRO COMENTADO E INTERPRETADO Autor: Derly Halfeld Alves HINO NACIONAL BRASILEIRO A composição do nosso Hino Nacional foi inspirada na Independência do Brasil, tornando-se conhecido

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (04.05.2015) Maria, mãe de Jesus e nossa mãe Guia: 2.º Ciclo: Padre Luís Almeida 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Mi+ Si+ Uma entre todas foi a escolhida, Do#- Sol#+ Foste tu,

Leia mais

Desenho em Perspectiva. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Design de Interiores

Desenho em Perspectiva. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Design de Interiores Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Técnico em Design de Interiores Desenho em Perspectiva Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da

Leia mais

SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010.

SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010. SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010. MESTRE DE CERIMÔNIA: Boa noite. Damos início ao Seminário

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

ANO. Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR ANO DIÁRIO DE CLASSE

ANO. Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR ANO DIÁRIO DE CLASSE ANO Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR CÓDIGO DA TURMA CÓDIGO DA TURMA ANO DIÁRIO DE CLASSE Prezado(a) Professor(a), O trabalho pedagógico exige uma pratica avaliativa constante e processual.

Leia mais

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2008 NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL Quando Dom Pedro I ergueu a espada E independência pediu O povo gritou com força E liberdade conseguiu. Foram feitas outras bandeiras Para o

Leia mais

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro Acólitos São João da Madeira Cancioneiro Índice Guiado pela mão...5 Vede Senhor...5 Se crês em Deus...5 Maria a boa mãe...5 Quanto esperei por este momento...6 Pois eu queria saber porquê?!...6 Dá-nos

Leia mais

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2009 NOVEMBRO/2009 BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA Assim como nós, cidadãos, temos documentos para sermos identificados onde quer que estejamos, como brasileiros temos nossa

Leia mais

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira NOVEMBRO/2012 Salve, salve nossa bandeira Impõe respeito em qualquer fronteira Suas cores são brilhantes Brilha tanto como diamantes. Respeitada em todo mundo Nos momentos da vida Essa Bandeira é sempre

Leia mais

GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC

GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC ENCERRAMENTO DIA 24/05/2013 (6ª Feira) GINÁSIO DE ESPORTES DA A.E.M. 19 HORAS:- CONCENTRAÇÃO DAS EQUIPES 19H15 :- INÍCIO (composição da mesa / abertura com Hino Nacional).

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO

DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO ANO XLIV - VITÓRIA-ES, QUARTA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2010 - Nº 6582-06 PÁGINAS SMCS Composição, Diagramação, Arte Final. REPROGRAFIA Impressão 4ª SESSÃO LEGISLATIVA ORDINÁRIA

Leia mais

MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS. Cursos Técnicos

MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS. Cursos Técnicos MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS Cursos Técnicos 2009 DADOS PESSOAIS Nome: RA nº Turma: Periodo: Curso: Endereço Residencial: CEP: Cidade: UF: Fone: Celular: Fax: Endereço Comercial: CEP: Cidade:

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!)

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) Atualizado em: 25/09/2007 Este material contém louvores cifrados da coletânea para flauta doce e flauta transversal, e obedece às

Leia mais

CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: INTRODUÇÃO - JÖRG PALESTRA JÖRG - LADO TEOLÓGICO UMA DADIVA DE DEUS!

CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: INTRODUÇÃO - JÖRG PALESTRA JÖRG - LADO TEOLÓGICO UMA DADIVA DE DEUS! CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: Colocar as perguntas na caixa Introdução Rodada: Quem te explicou a sexualidade e como? Palestra Jorge Palestra Judite Respostas Conversa Tarefa INTRODUÇÃO

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

Projeto Meu Brasil Brasileiro

Projeto Meu Brasil Brasileiro 1 Projeto Meu Brasil Brasileiro 1.0 - APRESENTAÇÃO O presente projeto será realizado pelos estudantes da Escola Carpe Diem de forma transdisciplinar, sob a orientação do corpo docente como objeto de estudo

Leia mais

Introdução aos Processos Administrativos. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Secretariado

Introdução aos Processos Administrativos. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Secretariado Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Técnico em Secretariado Introdução aos Processos Administrativos Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Francisco José Pinheiro Secretária

Leia mais

FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA.

FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA. FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA. Em 25 de dezembro de 274, Lúcio Domício Aureliano, que foi imperador de

Leia mais

Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. Curso Técnico em Edificações.

Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. Curso Técnico em Edificações. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Canteiro de Obras Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Francisco José Pinheiro Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Leia mais

Manual Escolar. Conquistadosaber A cada passo uma conquista.

Manual Escolar. Conquistadosaber A cada passo uma conquista. Conquistadosaber A cada passo uma conquista. Manual Escolar 2013 trecos Impressos 9917-8256 / 9937-3420 Rua Santos Dumont, 143 Baixão - Fone: 3521-6337 Arapiraca AL e-mail: conquistadosaber2@hotmail.com

Leia mais

Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana.

Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana. Devocionais 1 Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana. Deus escolhe pessoas para transmitir a sua mensagem. No entanto, essas mensagens algumas vezes contêm mistérios e significados

Leia mais

HINÁRIO. Chico Corrente O SIGNO DO TEU ESTUDO. Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa)

HINÁRIO. Chico Corrente O SIGNO DO TEU ESTUDO. Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa) HINÁRIO O SIGNO DO TEU ESTUDO Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa) Chico Corrente 1 www.hinarios.org 2 01 O SIGNO DO TEU ESTUDO Marcha O signo do teu estudo Estou aqui para te dizer

Leia mais

ATO I CENA I KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT:

ATO I CENA I KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: ATO I CENA I (Salão nobre do palácio do Rei Lear. Entram Kent, Gloucester e Edmundo.) KENT: Pensei que o Rei preferisse o Duque de Albânia ao Duque de Cornualha. GLOUCESTER: Também sempre pensamos assim,

Leia mais

Cantigas de Roda. Falar ingles; Sete, oito, Comer biscoito; Nove, dez Comer pastéis. 1. A canoa virou

Cantigas de Roda. Falar ingles; Sete, oito, Comer biscoito; Nove, dez Comer pastéis. 1. A canoa virou 1. A canoa virou A canoa virou, Por deixá-la virar Foi por causa da (Sandra) Que não soube remar. Se eu fosse um peixinho E soubesse nadar Tirava a (Sandra) Do fundo do mar. 2. O sapo no saco (trava-língua)

Leia mais

TEMPLO JUAÇÃ DO AMANHECER CONSAGRAÇÕES

TEMPLO JUAÇÃ DO AMANHECER CONSAGRAÇÕES 1 CONSAGRAÇÕES Quando, por merecimento, um espírito encarnado consegue evoluir em sua jornada, ele sobe um degrau em sua longa trajetória, e a isso damos o nome de Consagração, pois ele se habilita a manipular

Leia mais

Rezar, cantar e crescer

Rezar, cantar e crescer Rezar, cantar e crescer Thereza Ameal e João Ameal Acordes A Mãe Eu gosto tanto da mãe (mãe) A mais querida, querida, querida (dizer rápido) (bonita também) E poder dar-lhe beijinhos m É a melhor coisa

Leia mais

HINÁRIO. Glauco O CHAVEIRÃO. www.hinarios.org. Glauco Villas Boas 1 01 HÓSPEDE

HINÁRIO. Glauco O CHAVEIRÃO. www.hinarios.org. Glauco Villas Boas 1 01 HÓSPEDE HINÁRIO O CHAVEIRÃO Tema 2012: Flora Brasileira Allamanda blanchetii Glauco Glauco Villas Boas 1 www.hinarios.org 2 01 HÓSPEDE Padrinho Eduardo - Marcha Eu convidei no meu sonho Meu mestre vamos passear

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG

MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG I EXERCÍCIOS SOBRE O USO DE CONECTIVOS: Observe o modelo: Frase errada: Embora o Brasil seja um país de grandes recursos naturais,

Leia mais

THEODORICO FERRAÇO DEM Presidente. MARCELO COELHO - PDT 1º Vice-Presidente. LUZIA TOLEDO PMDB 2º Vice-Presidenta

THEODORICO FERRAÇO DEM Presidente. MARCELO COELHO - PDT 1º Vice-Presidente. LUZIA TOLEDO PMDB 2º Vice-Presidenta ANO XLVI - VITÓRIA-ES, QUINTA-FEIRA, 17 DE MAIO DE 2012 - Nº 7045 08 PÁGINAS DPL - Editoração, Composição, Diagramação, Arte Final. Reprografia: Impressão 2ª SESSÃO LEGISLATIVA ORDINÁRIA DA 17ª LEGISLATURA

Leia mais

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus Mensagem de Cristo Jesus para a Maratona da Divina Misericórdia em Ávila, Espanha Sexta-feira, 6 de junho de 2014, às 15h Essa segunda jornada da Maratona da Divina Misericórdia foi especial e diferente,

Leia mais

Estrelas Estrelas nos olhos... Ele tem um brilho intenso nos olhos... Tem um brilho que se expande em estrelas nos meus olhos... Faz pensar...em ser brilho... Brilho nos olhos dele... Perfume de Amor Flor,

Leia mais

Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil.

Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil. 6. Humanização, diálogo e amorosidade. Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil. Santos, Marisa Alff dos 1 Resumo O presente trabalho tem como objetivo refletir sobre as práticas docentes

Leia mais

TALVEZ TE ENCONTRE AO ENCONTRAR-TE

TALVEZ TE ENCONTRE AO ENCONTRAR-TE TALVEZ TE ENCONTRE Vivaldo Terres Itajaí /SC Talvez algum dia eu te encontre querida Para renovarmos momentos felizes, Já que o nosso passado foi um passado lindo, Tão lindo que não posso esquecer Anseio

Leia mais

Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de agosto de 1963, há 52 anos.

Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de agosto de 1963, há 52 anos. Discurso de Luís Miguel Ferreira na Grande Festa da Mudança (10 de janeiro de 2016 Casa da Criatividade ) Eu tenho um sonho! I have a dream! Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

LETRAS CD "AQUI VOU EU" GABRIEL DUARTE

LETRAS CD AQUI VOU EU GABRIEL DUARTE CELEBRAREI TUA GLÓRIA - Gabriel Duarte Sairei ao teu encontro Pra o teu nome exaltar E em meio a tua glória Erguer as mãos E te adorar e te adorar Celebrarei tua glória, celebrarei. Celebro com dança,

Leia mais

POESIAS. Orientação: Professora Keila Cachioni Duarte Machado

POESIAS. Orientação: Professora Keila Cachioni Duarte Machado POESIAS Orientação: Professora Keila Cachioni Duarte Machado A flor amiga O ser mais belo e culto Emoções e corações Sentimentos envolvidos Melhor amiga e amada O seu sorriso brilha como o sol Os seus

Leia mais

1º Lugar CONCURSO JOGOS FLORAIS 2009. Poesia Subordinada a Mote

1º Lugar CONCURSO JOGOS FLORAIS 2009. Poesia Subordinada a Mote CORTEJO DIVINO I As ruas são um jardim E na festa mais singela, Ao abrir duma janela, Um perfume de alecrim. Gentes que mostram assim, Que o Mundo tem mais valor E, em traços de pintor, Há quem pinte bem

Leia mais

LÍNGUA INTERATIVIDADE REVISÃO 2 INTERATIVIDADE. Unidade II. Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20. Revisão e avaliação da unidade II.

LÍNGUA INTERATIVIDADE REVISÃO 2 INTERATIVIDADE. Unidade II. Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20. Revisão e avaliação da unidade II. Unidade II Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20 Revisão e avaliação da unidade II. 2 Ervas O caule das ervas (plantas herbáceas) é geralmente verde, ao contrário das árvores e arbustos.

Leia mais

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia)

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia) Vamos adorar a Deus //: SI LA SOL LA SI SI SI LA LA LA SI SI SI SI LA SOL LA SI SI SI LA LA SI LA SOOL SOOL :// Vamos adorar a Deus, Meu Senhor e Salvador Vamos adorar a Deus, com o nosso louvor. B I S

Leia mais

Memórias de um Vendaval

Memórias de um Vendaval 3 4 Memórias de um Vendaval 5 6 Carlos Laet Gonçalves de Oliveira MEMÓRIAS DE UM VENDAVAL 1ª Edição PerSe São Paulo - SP 2012 7 Copyright 2011, Carlos Laet Gonçalves de Oliveira Capa: O Autor 1ª Edição

Leia mais

Aluno (a): n o. Professora: Turma: Sala: Colégio Cenecista Dr. José Ferreira

Aluno (a): n o. Professora: Turma: Sala: Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Aluno (a): n o Professora: Turma: Sala: 2 o ano do Ensino Fundamental Colégio Cenecista Dr. José Ferreira 2015 1 Para você, o que é o poema? VERSOS E ESTROFES Poema é um texto organizado em versos e estrofes.

Leia mais

BANDEIRA NACIONAL. Clique para avançar. Ria Slides

BANDEIRA NACIONAL. Clique para avançar. Ria Slides BANDEIRA NACIONAL Clique para avançar A Bandeira Nacional é um dos Símbolos Nacionais, assim como o são o Hino Nacional, as Armas Nacionais e o Selo Nacional. É o Símbolo da nossa Pátria. O Símbolo do

Leia mais

Carlos Neves. Antologia. Raízes. Da Poesia

Carlos Neves. Antologia. Raízes. Da Poesia 1 Antologia Raízes Da Poesia 2 Copyrighr 2013 Editra Perse Capa e Projeto gráfico Autor Registrado na Biblioteca Nacional ISBN International Standar Book Number 978-85-8196-234- 4 Literatura Poesias Publicado

Leia mais

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 Imagine Maria procurando montar um álbum fotográfico sobre o nascimento de Jesus. Como colocar num mesmo álbum os sinais e experiências que marcaram aquele dia? 1 1. Senão vejamos:

Leia mais

AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1

AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1 AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1 AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 2 2006 ALBA NOSCHESE COORDENAÇÃO EDITORIAL: MÁRCIA DUARTE EDIÇÃO: MAIÁ MENDONÇA PROJETO GRÁFICO E DIREÇÃO DE ARTE: CLAUDIO

Leia mais

Gabinete de Apoio ao Aluno e à Comunidade Educativa (GACE)

Gabinete de Apoio ao Aluno e à Comunidade Educativa (GACE) Núcleos de Estudo Caderno de Apoio Núcleos de Estudo 1 Podes dizer-me, por favor, que caminho devo seguir para sair daqui? [perguntou a Alice] Isso depende muito de para onde é que queres ir disse o Gato.

Leia mais

Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme

Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme Edição oficial do CICLUMIG Flor do Céu De acordo com revisão feita pelo Sr. Luiz Mendes do Nascimento, zelador do hinário. www.mestreirineu.org 1 01 - DIVINO PAI

Leia mais

Tempo do Natal. Vésperas

Tempo do Natal. Vésperas Tempo do Natal. DESDE A SOLENDADE DA EPFANA Hinos Vésperas Rei Herodes, porque temes A vinda de Cristo Rei, Que veio trazer aos homens Dos Céus o reino e a lei? Foram os Magos seguindo A estrela do Oriente

Leia mais

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real Alencastro e Patrícia CD: Ao Sentir 1- Ao Sentir Jairinho Ao sentir o mundo ao meu redor Nada vi que pudesse ser real Percebi que todos buscam paz porém em vão Pois naquilo que procuram, não há solução,

Leia mais

Hino de Alagoas. Letra: Luiz Mesquita Música: Benedito Silva

Hino de Alagoas. Letra: Luiz Mesquita Música: Benedito Silva Letra: Luiz Mesquita Música: Benedito Silva Hino de Alagoas Alagoas, estrela radiosa, Que refulge ao sorrir das manhãs, Da República és filha donosa, Magna Estrela entre estrelas irmãs. A alma pulcra de

Leia mais

Educação Moral e Religiosa Católica

Educação Moral e Religiosa Católica Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto Ano letivo: 205/6 Educação Moral e Religiosa Católica Planos de Unidade do 7º ano de escolaridade Unidade letiva : As origens Metas: B. Construir uma chave de

Leia mais

COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES

COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES 1 - HINO NACIONAL 2 - HINO À BANDEIRA NACIONAL 3 - HINO DA PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA 4 - HINO DA INDEPENDÊNCIA 5 - HINO DOS AVIADORES BRASILEIROS 6 - ARDOR DO INFANTE 7 - BANDEIRANTES

Leia mais

José da Fonte Santa. Magia Alentejana. Poesia e desenhos. Pesquisa e recolha de Isabel Fonte Santa. Edições Colibri

José da Fonte Santa. Magia Alentejana. Poesia e desenhos. Pesquisa e recolha de Isabel Fonte Santa. Edições Colibri José da Fonte Santa Magia Alentejana Poesia e desenhos Pesquisa e recolha de Isabel Fonte Santa Edições Colibri índice Nota Prévia 3 Prefácio 5 O Amor e a Natureza Desenho I 10 A rapariga mais triste do

Leia mais

Portuguese Poetry / 14-30 lines HS 5-6

Portuguese Poetry / 14-30 lines HS 5-6 Ai quem me dera 1. Ai, quem me dera, terminasse a espera 2. Retornasse o canto simples e sem fim, 3. E ouvindo o canto se chorasse tanto 4. Que do mundo o pranto se estancasse enfim 5. Ai, quem me dera

Leia mais

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama Page 1 of 6 Tudo Bem! Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia Cultural Educador: João Nascimento Borges Filho Poética

Leia mais

Os Símbolos Nacionais

Os Símbolos Nacionais Os Símbolos Nacionais Falar das origens das bandeiras, dos hinos, dos brasões de armas e dos selos não é tarefa fácil uma vez que o homem sempre tentou registrar seu dia a dia, seus feitos, sua passagem

Leia mais

Aluno(a): Nº. Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE. Análise de textos poéticos. Texto 1. Um homem também chora

Aluno(a): Nº. Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE. Análise de textos poéticos. Texto 1. Um homem também chora Lista de Exercícios Aluno(a): Nº. Professor: Daniel Série: 9 ano Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE Análise de textos poéticos Texto 1 Um homem também chora Um homem também

Leia mais

DICAS PARA UM ESTUDO EFICAZ

DICAS PARA UM ESTUDO EFICAZ 1 DICAS PARA UM ESTUDO EFICAZ PRESSUPOSTOS DA TÉCNICA Muitos problemas de insucesso escolar devem-se ao facto de os alunos não saberem estudar de modo eficiente. Existem alguns aspetos que devem ser levados

Leia mais

TEMPO PASCAL. Ofício das Leituras

TEMPO PASCAL. Ofício das Leituras TEMPO PASCAL "É importante, ainda, observar bem como a Igreja procura traduzir as multíplices relações que a unem a Maria em outras tantas atitudes cultuais, diversas e eficazes: em estudo atento, quando

Leia mais

o professor e o mundo da escola

o professor e o mundo da escola o professor e o mundo da escola Os professores estão no centro e na borda da sociedade e da cultura, percebendo, como cidadãos e como pais, além da prática que desenvolvem na sala de aula, as mudanças,

Leia mais

20/01/2016 Quarta-feira MATERNAL I EDUCAÇÃO INFANTIL

20/01/2016 Quarta-feira MATERNAL I EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I TARDE MATERNAL I MANHÃ 20/01/2016 Quarta-feira MATERNAL I EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I MANHÃ - Antes de executar suas tarefas, revise a parte teórica 2ª E 3ª AULA CONHECENDO AS VOGAIS- JOGOS

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 1) 6º Ano / Ensino Fundamental

CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 1) 6º Ano / Ensino Fundamental Leia atentamente o texto 1 e responda às questões de 01 a 12 assinalando a única alternativa correta. Texto 1 Uma história de Dom Quixote Moacyr Scliar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Leia mais

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil C Em F C... O Senhor ressurgiu,... Aleluia, aleluia! F Dm Dm7 G...É o Cordeiro Pascal,... Aleluia, aleluia! C Em F C Imolado por nós,...

Leia mais

ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS

ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS CANTATA DE NATAL 2015 ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS 1. O PRIMEIRO NATAL AH UM ANJO PROCLAMOU O PRIMEIRO NATAL A UNS POBRES PASTORES DA VILA EM BELÉM LÁ NOS CAMPOS A GUARDAR OS REBANHOS DO MAL NUMA NOITE

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs TALVEZ VOCÊ TENHA SENTIDO

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs TALVEZ VOCÊ TENHA SENTIDO Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões 1 e 2. O MELHOR DE CALVIN / Bill Watterson OI, SUSIE,

Leia mais

IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA CENTRAL DE SUZANO ALAMEDA FERNANDO COSTA 207 JARDIM IMPERADOR

IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA CENTRAL DE SUZANO ALAMEDA FERNANDO COSTA 207 JARDIM IMPERADOR IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA CENTRAL DE SUZANO ALAMEDA FERNANDO COSTA 207 JARDIM IMPERADOR 1 ÍNDICE GERAL PÁGINA 3 DESCOBERTA ESPIRITUAL PÁGINAS 3-9 SERVINDO A OUTROS PÁGINAS 9-10 DESENVOLVENDO AMIZADE

Leia mais

RENDIMENTO NESTE PERÍODO

RENDIMENTO NESTE PERÍODO ALUNO (A): ANO: 5º ANO FUNDAMENTAL 23/11/2012 A SEGUIR ALGUMAS ORIENTAÇÕES PARA UM MELHOR RENDIMENTO NESTE PERÍODO: ( ) MELHORAR A CALIGRAFIA. ( ) MAIS ATENÇÃO NA ORTOGRAFIA. ( ) REALIZAR AS ATIVIDADES

Leia mais

SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O. Estamos agora no capítulo 20 de livro de Deuteronómio.

SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O. Estamos agora no capítulo 20 de livro de Deuteronómio. REFERÊNCIA: Deuteronómio 20-21:21 Data de Gravação: 05.05.04 hora: 12:18h PRODUTOR: Paulo Chaveiro Locução: Paulo Chaveiro OLÁ! CARO AMIGO/ EU SOU PAULO CHAVEIRO E ESTE É O PROGRAMA O SOM DO LIVRO QUE

Leia mais

Poemas de Ricardo Reis

Poemas de Ricardo Reis SUB Hamburg Fernando Pessoa Poemas de Ricardo Reis Edição de Luiz Fagundes Duarte PESSOANA EDIÇÕES LISBOA 2015 ÍNCM IMPRENSA NACIONAL-CASA DA MOEDA ÍNDICE GERAL PRÓLOGO 5 PARTE I 11 ODES PUBLICADAS POR

Leia mais

Palavra da Direção INFORMATIVO DO COLÉGIO APOIO

Palavra da Direção INFORMATIVO DO COLÉGIO APOIO MAIO D S T Q Q S S 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 INFORMATIVO DO COLÉGIO APOIO Palavra da Direção Todas as nossas homenagens àquelas que merecem o maior

Leia mais

REDAÇÃO ORIENTAÇÕES GERAIS

REDAÇÃO ORIENTAÇÕES GERAIS REDAÇÃO ORIENTAÇÕES GERAIS 1. A sua redação deverá ser escrita, rigorosamente, dentro do limite de 10 a 25 linhas. O candidato que não cumprir com esta determinação será penalizado com a perda de 3,0 pontos.

Leia mais

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana

HINOS DE DESPACHO. www.hinarios.org 01 O DAIME É O DAIME. O Daime é o Daime Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana HINOS DE DESPACHO Tema 2012: Flora Brasileira Estrela D Alva www.hinarios.org 1 2 01 O DAIME É O DAIME O é o Eu estou afirmando É o divino pai eterno E a rainha soberana O é o O professor dos professores

Leia mais

CANÇÃO DA ARTILHARIA. O mais alto valor de uma nação Vibra n'alma do soldado, ruge n'alma do canhão. (BIS) Hurra!... Hurra!... Hurra!...

CANÇÃO DA ARTILHARIA. O mais alto valor de uma nação Vibra n'alma do soldado, ruge n'alma do canhão. (BIS) Hurra!... Hurra!... Hurra!... CANÇÃO DA ARTILHARIA Composição: Jorge Pinheiro Eu sou a poderosa Artilharia Que na luta se impõe pela metralha, A missão das outras armas auxilia E prepara o campo de batalha Com seus tiros de tempo e

Leia mais

HINÁRIO A ARTE DE AMAR

HINÁRIO A ARTE DE AMAR HINÁRIO A ARTE DE AMAR Tema 2012: Flora Brasileira Algodão do Cerrado (Cochlospermum vitifolium) CARLOS STRAZZER Carlos Augusto Strazzer 1 www.hinarios.org 2 I FÉ NA VIRGEM MARIA Oferecido por Isabela

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

Joana Lapa. Lettera Amorosa Iluminações e Sombras. Apresentação: Robert Bréchon e Maria João Fernandes. Edições Afrontamento

Joana Lapa. Lettera Amorosa Iluminações e Sombras. Apresentação: Robert Bréchon e Maria João Fernandes. Edições Afrontamento Joana Lapa Lettera Amorosa Iluminações e Sombras Apresentação: Robert Bréchon e Maria João Fernandes Edições Afrontamento Novo livro de poesia, Lettera Amorosa Iluminações e Sombras, de Joana Lapa (pseudónimo

Leia mais

Projeto: As diferenças culturais e econômicas no contexto da Copa do mundo

Projeto: As diferenças culturais e econômicas no contexto da Copa do mundo PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE RAFAEL JAMBEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE RAFAEL JAMBEIRO Projeto: As diferenças culturais e econômicas no contexto da Copa do mundo Rafael Jambeiro, junho 2014 Argumento: Sem

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA 1º PERÍODO

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA 1º PERÍODO 1º PERÍODO Prezados pais, Encaminhamos a Programação da 3ª Etapa de 2015, material que serve de apoio para o acompanhamento das habilidades que serão desenvolvidas. Lembramos que este planejamento é flexível

Leia mais

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 27ºDOMINGO DO TEMPO COMUM (02/10/11) Parábola dos Vinhateiros Poderia ser feito um mural específico para esta celebração com uma das frases: Construir a Igreja

Leia mais

SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA

SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA SALESIANOS DO ESTORIL - ESCOLA PROJETOS DE VOLUNTARIADO CRID MIMAR As professoras: Ana Paula Ramalho Paula Cristina Baptista Maria João Coelho Pinto Susana Costa 5.º ANO A 6.º ANO B 7.º ANO A SAIR DE NÓS

Leia mais

ÍNDICE 30. SAPO DA BARRIGA VERDE

ÍNDICE 30. SAPO DA BARRIGA VERDE ÍNDICE 1. CORUJA...02 2. A ORQUESTRA...02 3. A PIPOCA...03 4. A VIAGEM...03 5. ABUNI...04 6. ACAMPAMENTO ESCOTEIRO...04 7. ACAMPEI LÁ NA MONTANHA...05 8. ADEUS VALES E MONTES...05 9 ARAM TSAM TSAM...05

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? RESUMO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? RESUMO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? Luciana Vitória Lettieri Otto Profª. Drª. Rosa Maria Hessel Silveira RESUMO Este artigo

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

VIRAL. Para quem? Hoje em dia até uma ideia se pode tornar VIRAL.

VIRAL. Para quem? Hoje em dia até uma ideia se pode tornar VIRAL. VIRAL Hoje em dia até uma ideia se pode tornar VIRAL. VIRAL é uma exposição interativa que explora o que é o contágio e como funciona, revelando fenómenos biológicos, sociais e questionando o seu impacto

Leia mais

A VOZ DA RESSURREIÇÃO

A VOZ DA RESSURREIÇÃO A VOZ DA RESSURREIÇÃO 24 A VOZ DA RESSURREIÇÃO Sexta-feira, 20 de dezembro de 2013 Cali, Colômbia Para maiores informações poderá visitar o Site: www.opoderdapalavrapura.com Ou através do e-mail: contato@opoderdapalavrapura.com

Leia mais

NOVENA DE NOSSA SENHORA AUXILIADORA. 7º DIA: Sonho da jangada (MB VIII, 275-282) Nossa Senhora não abandona quem nela confia.

NOVENA DE NOSSA SENHORA AUXILIADORA. 7º DIA: Sonho da jangada (MB VIII, 275-282) Nossa Senhora não abandona quem nela confia. NOVENA DE NOSSA SENHORA AUXILIADORA 7º DIA: Sonho da jangada (MB VIII, 275-282) Nossa Senhora não abandona quem nela confia. ACOLHIDA FICO FELIZ Fico feliz em vir em tua casa, erguer minha voz e cantar.

Leia mais

Bilhete 084/14. Bilhete 084/14 Santo André, 25 de novembro de 2014. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil.

Bilhete 084/14. Bilhete 084/14 Santo André, 25 de novembro de 2014. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos do 1º ano. Senhores Pais dos alunos do 1º ano. Senhores Pais dos alunos da turma 1F8.

Leia mais

Mauro Savi. 8º presidente da Nelore MT 2013 a 2014

Mauro Savi. 8º presidente da Nelore MT 2013 a 2014 Mauro Savi 8º presidente da Nelore MT 2013 a 2014 Mauro Savi veio de Medianeira, Paraná, e chegou a Mato Grosso há 31 anos. A primeira parada foi em Rondonópolis, depois seguiu para Coxim, Mato Grosso

Leia mais

Banda Marcial faz alas, na escadaria, tocando para acolher a todos até a entrada do salão.

Banda Marcial faz alas, na escadaria, tocando para acolher a todos até a entrada do salão. Dia 21 de novembro uma homenagem especial pelos 150 anos de nascimento de Madre Clélia. Madre Clélia, festeja na eternidade o dom dos 150 anos de vida. Celebrando o dia 21 de novembro Quero que minhas

Leia mais