REGULAMENTO GERAL DAS OLIMPIADAS UFS de outubro à 30 de novembro de 2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO GERAL DAS OLIMPIADAS UFS 2008. 25 de outubro à 30 de novembro de 2008"

Transcrição

1 1 DAS OLIMPIADAS UFS de outubro à 30 de novembro de 2008 São Cristóvão 2008

2 2 SUMÁRIO TÍTULO I CAPÍTULO I DA APRESENTAÇÃO 3 CAPÍTULO II DOS OBJETIVOS 3 CAPÍTULO III DA JUSTIFICATIVA 3 TÍTULO II CAPÍTULO IV DO LOCAL 4 CAPÍTULO V PÚBLICO ALVO 4 TÍTULO III CAPÍTULO VII DOS PODERES 6 TÍTULO IV CAPÍTULO VIII DAS INSCRIÇÕES 7 CAPÍTULO IX DA COMPOSIÇÃO DAS EQUIPES 8

3 3 CAPÍTULO X DAS PREMIAÇÕES 9 CAPÍTULO XI DO SISTEMA DE COMPETIÇÃO 9 TÍTULO V CAPÍTULO XII DO CONGRESSO TÉCNICO GERAL 10 CAPÍTULO XIII DO CALENDÁRIO 11 CAPÍTULO XIV DA ARBITRAGEM 12 CAPÍTULO XV DOS UNIFORMES 12 CAPÍTULO XVI DOS BOLETINS 13 CAPÍTULO XVII DO ATENDIMENTO MÉDICO 13

4 4 OLIMPÍADAS UFS 2008 TÍTULO I CAPÍTULO I DA APRESENTAÇÃO: Art. 1. O Grupo Sport, entidade formada por estudantes de educação física bacharelado, da Universidade Federal de Sergipe UFS, que atua no desenvolvimento esportivo desde 2008 e o DCE/UFS, entidade representativa de todos os estudantes da UFS, sem fins lucrativos, atua na defesa da qualidade acadêmica e pelos direitos dos estudantes desta instituição, desde O grupo Sport e o DCE/UFS também trabalham para viabilizar lazer e atividades lúdicas para os estudantes. É do nosso interesse organizar os primeiros jogos internos na UFS, mesclando os esportes mais praticados no meio. Diante disso, iremos estimular a integração entre nossos estudantes, estimular a pratica desportiva e formar atletas para representar a instituição em seus diversos níveis. CAPÍTULO II - DOS OBJETIVOS:

5 5 Art. 2. AS OLIMPÍADAS UFS tem como seus objetivos: a) Promover a integração e mobilização dos participantes durante a realização da competição; b) Possibilitar o acesso a informações e regras gerais básicas dos esportes componentes nos jogos; c) Valorizar e estimular a prática do exercício físico como meio de integração e promoção da saúde. d) Propiciar a identificação de talentos desportivos na UFS para representar nossa instituição a nível local, estadual, regional e nacional. CAPÍTULO III - DA JUSTIFICATIVA: Art. 3. A universidade é um núcleo de ensino que tende a formação humana, em que os jovens começam a discerni seus ideais de cidadania e buscam suas bases sociológicas na sociedade. Diante disto, o jovem não deve se prender ao conteúdo abordado em sala de aula, mas também desenvolver atividades extra classes, lúdicas, como exemplo a pratica desportiva. Está é uma ferramenta de inclusão social e melhoria na qualidade de vida. Quem a pratica desenvolve melhor sua prática motora, melhora seu rendimento corpóreo, elimina o nível de stress e desenvolve a integração, solidariedade, fair-play, fraternidade e cooperação. Estes últimos são as características do verdadeiro espírito olímpico e oportunidade melhor para difundir esses ideais do que o ano olímpico.

6 6 Este ano a olimpíada será realizada na cidade de Pequim, na China, em que lá participará os melhores atletas representando suas nações em suas respectivas modalidade. Sendo assim o Grupo Sport e DCE/UFS irão organizar o primeiro evento de grau olímpico na universidade, trazendo para a sua realidade a prática das modalidades mais freqüentes e disputadas em seu meio. É certo que existem vários questionamentos sobre os esportes de alto rendimento e esportes competitivos, mas esclarecemos que não é de nossa intenção trazer um modelo de competição brusca e sim trazer a melhoria na qualidade de vida, informações básicas sobre as modalidades e integração do meio universitário. CAPÍTULO IV DO LOCAL: Art. 4. O evento ocorrerá no complexo poli desportivo do Departamento de Educação Física da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e demais campi em Aracaju. CAPÍTULO V DO PÚBLICO ALVO: Art. 5. Todos os alunos da graduação dos cursos da UFS, do sexo masculino e feminino devidamente vinculado aos seus respectivos cursos da UFS.

7 7 CAPÍTULO VI DOS PODERES: Art. 6. Nas OLIMPIADAS UFS, serão reconhecidos os seguintes poderes: a) Comitê de Honra; b) Comitê Organizador; c) Comissão Disciplinar. Parágrafo Primeiro O Comitê de Honra das OLIMPÍADAS UFS será composto, pelo Ministro dos Esportes, pelo Governador do Estado, pelo presidente da PETROBRAS regional, pelo presidente do Banco do Brasil regional, pelo Prefeito da Cidade, pelo Secretário dos Esportes no Estado, pelo Reitor da UFS, pela PRO-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS da UFS, pelo chefe de DEPARTAMENTO da UFS, pelo Presidente do DCE/UFS e pelo Presidente do Grupo Sport. Parágrafo Segundo O Comitê Organizador das OLIMPÍADAS UFS será composto por representantes do Grupo Sport e do DCE/UFS. O Diretor Geral do Comitê Organizador será auxiliado por cinco Diretores Gerais Adjuntos que, por sua vez, serão indicados pelo mesmo. As áreas funcionais serão assim distribuídas: a) Direção Geral; b) Gerência Técnica:

8 8 b.1) Coordenação de Modalidades e locais da Prática desportiva; b.2) Coordenação de Resultados; c) Gerência Administrativa e Secretaria Geral: c.1) Coordenação Administrativa; e) Gerência Financeira; f) Gerência de Marketing e Informática: f.1) Coordenação de Marketing; f.2) Coordenação de Merchandising; f.3) Coordenação de Informática g) Gerência de Serviços aos organizadores: g.1) Coordenação de Alimentação; i) Gerência Médica: i.1) Coordenação Médica Local; Parágrafo Terceiro A Comissão Disciplinar será nomeada pelo Grupo Sport nos termos da Legislação em vigor, sendo composta por 06 membros do grupo. Art. 7. A Comissão Organizadora deverá preparar, até 30 (trinta) dias após o encerramento das OLIMPÍADAS UFS, o relatório geral de suas atividades, para ser entregue a Reitoria da UFS.

9 9 CAPÍTULO VII DATAS E SEDES: Art. 8. A Etapa das OLIMPÍADAS UFS 2008 será realizada de 25 de outubro a 30 de novembro de 2008, e terá como sedes os campi São Cristovão e demais áreas em Aracaju. Parágrafo Único As modalidades de Atletismo, Futebol e Xadrez serão realizadas, respectivamente, no campus São Cristovão. CAPÍTULO VIII DAS MODALIDADES ESPORTIVAS: Art.9 As OLIMPIADAS UFS 2008 serão disputadas em 10 (dez) modalidades esportivas, a saber: Parágrafo Primeiro Modalidades Individuais: - Atletismo, Judô, Natação e Xadrez, todas nos naipes feminino e masculino. Parágrafo Segundo Modalidades Duplas: Vôlei de Praia, todas nos naipes feminino e masculino. Parágrafo Terceiro Modalidades Coletivas: - Basquetebol, Futebol, Futsal, Handebol e Voleibol, todas nos naipes feminino e masculino. CAPÍTULO IX DAS INSCRIÇÕES:

10 10 Art. 10. De 15/09/2008 à 10/10/2008, no DCE/UFS de segunda as sextas-feiras, das 8h às 12h e 14h às 21h, com o valor correspondente à R$ 100,00 para o futebol, R$ 40,00 para o futsal, R$ 25,00 para as modalidades coletivas, R$ 3,00 para as modalidades individuais e R$ 5,00 para as modalidades em duplas, sendo necessária a seguinte documentação: Xerox da carteira de identidade e horário individual do período 2008/2. Parágrafo Segundo O Diretor Geral e membros da Gerência Técnica não poderão participar da competição; Parágrafo Primeiro - Os voluntários poderão participar da competição, sendo que não estejam convocados para estar atuando no turno; Parágrafo Segundo - Será obrigatória a apresentação do RG original ou carteira de identificação da instituição no dia do evento. Parágrafo Terceiro - No caso das modalidades individuais o aluno tem direito a escolher as provas que lhe deseja participar. Parágrafo Quarta - A depender da demanda das equipes na competição, algumas alterações na fórmula de disputa podem ser realizadas, e por motivos óbvios (ex: pequeno número de participantes) não serão realizados. Portanto, o período pós-inscrição será crucial para as decisões finais, sobre a fórmula de disputa da competição. Parágrafo Sétimo Na Corrida Rústica, todos os atletas inscritos na competição poderão participar gratuitamente. Obs.: Caso não tenha o número mínimo de participantes haverá a devolução da taxa de inscrição para as equipes.

11 11 CAPÍTULO X DAS COMPOSIÇÕES DAS EQUIPES: Art. 11. Cada curso poderá inscrever um número ilimitado de atletas ou equipes, sendo que poderá convidar até 03 atletas de outro curso para integra uma equipe ou mais equipes nas competições de modalidades coletivas, respeitando o seu número mínimo de atletas. Parágrafo único No caso do futebol, poderá chamar até 06 (seis) atletas de outro curso para participar. Art. 12. Os dirigentes e técnicos (opcional) do mesmo curso poderão exercer função de técnico ou auxiliar técnico em qualquer modalidade durante a competição, respeitando os limites previstos na regra específica de cada modalidade. CAPÍTULO XI DAS PREMIAÇÕES: Art. 13. Medalhas de ouro, prata e bronze respectivamente para o 1, 2 e 3 colocados nos esportes coletivos, individuais e duplas e premiação em dinheiro: R$ 400,00 R$ 200,00 e R$100,00 para respectivamente, o primeiro, segundo e terceiro lugares no FUTEBOL E FUTSAL masculino; R$ 150,00 para o FUTSAL FEMININO;

12 12 R$ 60,00 para as modalidades coletivas; R$ 20,0 para a modalidade dupla; R$ 10,00 para cada prova das modalidades coletivas; campeões de cada modalidade e provas. Art. 14. No final das Olimpíadas UFS os 03 (três) cursos com melhor desempenho no quadro geral de serão designados os campeões dos jogos e irá receber troféus como homenagem. Parágrafo Único Caso não haja atletas suficientes para aquela modalidade ou prova, será cancelado e não haverá premiações. Art. 15. O critério para designar o curso campeão será o quadro de medalhas que terá um critério simples, em que respectivamente as medalhas de ouro terão valor maior. Parágrafo Único Caso dois ou mais cursos empatem no quadro geral de medalhas, terá como critério de desempate o maior número de medalhas de prata e persistindo no empate, entrará o número de medalhas de bronze. CAPÍTULO XII DO SISTEMA DE COMPETIÇÃO: Art. 16. Após o período de inscrições será definido e organizado todas as tabelas, horários e datas da competição, pela Comissão Organizadora.

13 13 Art. 17. Cada equipe deverá participar de no mínimo 02 (dois) jogos nas modalidades coletivas inscritas. Art. 18. O sistema de pontuação nos grupos para cada modalidade, será o estabelecido nos respectivos regulamentos específicos. Art. 19. No caso de muitas equipes inscritas numa só modalidade, serão criadas chaves especiais, assim primeira fase disputada entre o curso, centros e chave universitária. Art. 20. Em caso de empate na pontuação entre equipes do mesmo grupo serão utilizados os critérios estabelecidos nos regulamentos específicos de cada modalidade. Art. 21. As OLIMPIADAS UFS 2008 tem um Regulamento Específico de disputa para cada modalidade esportiva e a elas serão aplicadas as regras internacionais adotadas pelas Confederações Brasileiras da modalidade, em tudo que não contrarie este Regulamento. Art. 22. As competições das OLIMPÍADAS UFS 2008 serão realizadas nos locais e horários determinados pela Comissão Organizadora, sendo considerado perdedor por ausência (WxO), o aluno/atleta e/ou equipe que não estiver pronto no local do jogo ou prova, no máximo até 10 (dez) minutos após o horário estabelecido. Parágrafo Único Os casos de ausência (WxO) serão encaminhados à Comissão Disciplinar e estão passíveis de sanção de acordo com o Código Brasileiro de Justiça Desportiva que se aplica subsidiariamente. Art. 23. Em caso de WxO, para efeito de placar, será conferido o seguinte resultado à equipe vencedora: i. Basquetebol 20 X 00;

14 14 ii. Futebol 03 X 00; iii. Futsal 03 X 00; iv. Handebol 15 X 00; vi. Voleibol 03 X 00 (25 X 00, 25 X 00 e 25 X 00). CAPÍTULO XIII DO CONGRESSO TÉCNICO GERAL E ESPECÍFICOS: Art. 24. O Congresso Técnico Geral e ESPACÍFICO das OLIMPÍADAS UFS será realizado no DCE, nas datas e horários a seguir: 15/10 18H FUTEBOL 16/10 18H FUTSAL 17/10 15H BASQUETE 17/10 18H JUDÔ 20/10 15H VÔLEI 20/10 18H VÔLEI DE PRAIA 21/10 15H HANDEBOL

15 15 21/10 18H NATAÇÃO 22/10 15H XADREZ 22/10 18H ATLETISMO Parágrafo Único No Congresso Técnico poderão participar dos trabalhos, todos os componentes da Comissão Organizadora, sendo designados por seu respectivo presidente. Art. 25. O Congresso Técnico Geral será dirigido pelo Presidente e do Grupo Sport, Presidente do DCE/UFS e Coordenador de cada modalidade específica. Art. 26. Poderão participar do Congresso Técnico os membros das diversas áreas funcionais dos jogos, atletas e demais interessados, e nele serões tratados assuntos diretamente relacionados às OLIMPÍADAS UFS. CAPÍTULO XIV DO CERIMONIAL DE ABERTURA: Art. 27. O Cerimonial de Abertura das OLIMPÍADAS UFS 2008 será realizado no dia 23 de outubro de 2008 às 18h00, na UFS. CAPÍTULO XII DO CALENDÁRIO: Art. 28. Este é o calendário oficial das OLIMPÍADAS UFS 2008:

16 16 25/10 26/10 01/10 02/10 08/10 09/10 15/11 16/11 22/11 SAB DOM SAB DOM SAB DOM SAB DOM SAB Atletismo T Natação T Corrida Rústica 23/11 DOM 29/11 SAB Judô T Vôlei M/T M/T M/T M/T T Futebol M M M M M M M M Futsal T T T T T T T M Basquete M M M M Handebol T T T T Vôlei de T M T M Praia Xadrez T M Manhã T Tarde N Noite Datas de início das competições de cada modalidade 30/11 DOM 21/11 DOM M Datas das competições individuais Datas de término de cada modalidade

17 17 CAPÍTULO XIV DA ARBITRAGEM: Art. 28. Os componentes da equipe de arbitragem das OLIMPIADAS UFS serão designados pela empresa contratada pelo PETROBRAS S/A. Parágrafo Primeiro Quando solicitados, deverá ser de sua responsabilidade apresentar o regulamento e regras que serão seguidos no decorrer da competição. Parágrafo Segundo A quantidade de árbitros por modalidade será definida pela Direção Geral, conforme a necessidade do evento e solicitada para a empresa contratante dos árbitros. Art. 29. No caso de não comparecimento de qualquer membro da equipe de arbitragem até 30 (trinta) minutos antes do horário fixado para o início da competição, o Coordenador de Arbitragem da modalidade providenciará a imediata substituição do mesmo. CAPÍTULO XV DOS UNIFORMES: Art. 30. Cada equipe deverá se apresentar nos locais de competição, devidamente uniformizada, conforme especificações dos regulamentos geral e específico, e as regras de cada modalidade esportiva.

18 18 Parágrafo Primeiro Excepcionalmente, para as modalidades de Basquete, Futsal e Handebol, havendo coincidência de cores da camisa do goleiro com quaisquer outros jogadores, o Comitê Organizador fornecerá um colete de cor diferente. Art. 31. Nos uniformes é permitida no mínimo a inserção do número nas costas para identificação dos atletas à arbitragem, membros da comissão organizadora e equipe adversária. Art. 32. Os uniformes dos alunos deverão obedecer às regras oficiais de cada modalidade. Art. 33. As equipes que descumprirem qualquer um dos artigos anteriores com referência a uniformes, não poderão atuar na partida e persistindo irá ser automaticamente cumprido a regra do WO para a modalidade disputada. CAPÍTULO XVI DOS BOLETINS: Art. 34. Os comunicados oficiais das OLIMPÍADAS UFS, serão publicados através de boletins informativos do evento, que poderão ser distribuídos ou retirados na Secretaria Geral pelas pessoas devidamente credenciadas. Parágrafo Único Os boletins (Geral e Específicos de cada modalidade) serão numerados e datados e as informações neles contidas poderão ser alteradas semanalmente, sendo consideradas válidas as informações dos boletins mais atualizados.

19 19 CAPÍTULO XVII DO ATENDIMENTO MÉDICO: Art. 35. A Gerência Médica das OLIMPÍADAS UFS será coordenada por um ou mais médicos indicado pela Direção Geral. Parágrafo Primeiro Em caso de contusão no jogo, o atleta lesionado será avaliado pelo médico indicado pela Gerência Médica da competição. Art. 36. O Comitê Organizador não se responsabilizará pela continuidade do tratamento médico de acidentes de qualquer natureza, ocorridos com os participantes antes, durante e após as competições das OLIMPÍADAS UFS. Art. 37. O material médico disponibilizado nos locais de competição e na Gerência Médica das OLIMPÍADAS UFS, são de uso exclusivo para atendimento de lesões ocorridas durante os jogos, provas ou combate. BOA SORTE! DCE/UFS, gestão Integração para Mudar Grupo SPORT, gestão Sozinhos somos fortes, juntos somos imbatíveis

REGULAMENTO DOS JOGOS INTERNOS DO UNIPÊ JIPÊ 2015

REGULAMENTO DOS JOGOS INTERNOS DO UNIPÊ JIPÊ 2015 REGULAMENTO DOS JOGOS INTERNOS DO UNIPÊ JIPÊ 2015 Mantenedora Institutos Paraibanos de Educação - IPÊ Campus Universitário - BR 230 - Km 22 - Fone: (83) 2106-9200 - Cx Postal 318 - Cep: 58.053-000 João

Leia mais

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN Artigo 1º - Os Jogos Universitários tem como objetivo: * Incentivar a participação dos jovens em atividades saudáveis do ponto de vista social,

Leia mais

IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL

IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL 1 IV JOGOS ANEC 2015 REGULAMENTO GERAL TÍTULO I - DA FINALIDADE Art. 1º Os IV JOGOS ANEC têm a finalidade de estimular a prática esportiva, tornando-se mais um meio de formar nos valores os jovens dos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPIADAS UNIVERSITÁRIAS JUBS 2007. 09 a 17 de junho de 2007

REGULAMENTO GERAL OLIMPIADAS UNIVERSITÁRIAS JUBS 2007. 09 a 17 de junho de 2007 1 REGULAMENTO GERAL OLIMPIADAS UNIVERSITÁRIAS JUBS 2007 09 a 17 de junho de 2007 2 Mensagem do Presidente A cada nova edição, as OLIMPÍADAS UNIVERSITÁRIAS JUBS evoluem em termos de planejamento e organização,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL. www.fai.com.br/portal/jufai

REGULAMENTO GERAL. www.fai.com.br/portal/jufai REGULAMENTO GERAL MENSAGEM DOS ORGANIZADORES Em sua VIII edição, os Jogos Universitários das Faculdades Adamantinenses Integradas detém recordes de sucesso e participação no ano de 2014. Coordenar o maior

Leia mais

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO 3ª OLIMPÍADA ESTUDANTIL DE FLORIANÓPOLIS (OLESF)

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO 3ª OLIMPÍADA ESTUDANTIL DE FLORIANÓPOLIS (OLESF) REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO 3ª OLIMPÍADA ESTUDANTIL DE FLORIANÓPOLIS (OLESF) 03 A 14 DE OUTUBRO DE 2011 2011 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. Este Regulamento é o conjunto

Leia mais

Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido.

Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido. 2015 I- DA APRESENTAÇÃO Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido. II- DA IDENTIFICAÇÃO Art. 2 Aos professores de Educação Física do Colégio compete a

Leia mais

Art. 3º - No Novo Desporto Universitário NDU serão reconhecidos os seguintes poderes:

Art. 3º - No Novo Desporto Universitário NDU serão reconhecidos os seguintes poderes: REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO Art. 1º - O Novo Desporto Universitário NDU tem por finalidade reunir as Associações Atléticas Acadêmicas fundadoras e associadas a participar de atividades

Leia mais

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Atualizado em 24/02/2005 DOS OBJETIVOS Art. 1 o.- Promover o desporto educacional através de várias modalidades esportivas, dando a

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 OBJETIVO GERAL Formação para o pleno exercício da cidadania de crianças e adolescentes por meio do esporte. CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO

Leia mais

Campeonato. Metropolitano. Escolar

Campeonato. Metropolitano. Escolar Campeonato Metropolitano Escolar 2015 Regulamento Geral ÍNDICE Capítulo I - Disposições Preliminares 3 Capítulo II - Dos Objetivos 3 Capítulo III - Da Organização e Execução 3 Capítulo IV - Do Período

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE 1. As competições de basquete serão realizadas de acordo com as regras internacionais da FIBA e os regulamentos e normas do Novo Desporto Universitário 2012 NDU. 2. Cada

Leia mais

INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL

INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL INTERSÉRIES COLÉGIO MARISTA APARECIDA 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - Este regulamento é o conjunto das disposições que regem as competições da Interséries 2015. Art.

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX ART. 1º - DA FINALIDADE REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX Os JOGOS MULTIVIX modalidade Beach Soccer fazem parte do CIRCUITO VIDA SAUDÁVEL MULTIVIX, torneio universitário que tem por finalidade integrar

Leia mais

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO XX Copa PMU/ Futel de Futsal Regulamento Geral MASCULINO UBERLÂNDIA MG 1 XX COPA PMU/ FUTEL DE FUTSAL MASCULINO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XX COPA PMU/FUTEL DE FUTSAL MASCULINO tem por objetivo

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

CAPÍTULO I DA FINALIDADE

CAPÍTULO I DA FINALIDADE JOGOS ESCOLARES TV SERGIPE 2015 REGULAMENTO GERAL ÍNDICE CAPÍTULO I - DA FINALIDADE... 03 CAPÍTULO II - DA JUSTIFICATIVA... 03 CAPÍTULO III - DOS OBJETIVOS... 03 CAPÍTULO IV - DA REALIZAÇÃO... 03 CAPÍTULO

Leia mais

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR COPA LIGA PAULISTANA REGULAMENTO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem a Copa Liga Paulistana. Artigo 2º - A Copa tem por finalidade promover

Leia mais

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL REGULAMENTO 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL 1- DOS OBJETIVOS: A 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL tem como objetivo, a integração dos atletas de Futsal do clube, associados, e demais interessados

Leia mais

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Av.Presidente Antonio Carlos 40-3 Andar Centro Rio De Janeiro Cep 20020-010 Rio de Janeiro Tel.021-22623697 secretaria@conibrasile.org GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Dando continuidade ao trabalho desenvolvido

Leia mais

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo Regulamento 1 CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XIII COPA FUTEL DE FUTEBOL DE CAMPO tem por objetivo principal o congraçamento geral dos participantes e criar alternativas

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER PORTARIA G. CEL 16/2016 REGULAMENTO DA 3ª COPA DE VOLEIBOL DO ESTADO DE SÃO PAULO O Coordenador de Esporte e Lazer, no uso de suas atribuições, expede a presente Portaria, que estabelece o Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO COPA TV TRIBUNA VOLEI 2015

REGULAMENTO COPA TV TRIBUNA VOLEI 2015 REGULAMENTO COPA TV TRIBUNA VOLEI 2015 CATEGORIAS: MASCULINO: NASCIDOS EM 1999/2000/2001 E 2002 FEMININO: NASCIDAS EM 1999/2000/2001 E 2002 Comissão Organizadora: Demetrio Amono (TV Tribuna) Rosângela

Leia mais

REGULAMENTO VII JOGOS INTERNOS ED.FÍSICA VII JIEFI 2015.

REGULAMENTO VII JOGOS INTERNOS ED.FÍSICA VII JIEFI 2015. REGULAMENTO VII JOGOS INTERNOS ED.FÍSICA VII JIEFI 2015. Regulamento Geral / JIEFI 2015 I FUNDAMENTAÇÃO Art. 1º - Este Regulamento é o conjunto de normas e disposições que regem as competições dos JOGOS

Leia mais

"Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9

Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos. Salmo 57.9 PROJETO J BA 2014 TEMA: COPA DO MUNDO FESTA DAS NAÇÕES "Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9 I - OBJETIVOS Regulamento Geral Ensino Fundamental II e

Leia mais

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - O IV Campeonato Brasileiro Escolar de Futsal é uma competição inter-colegial que tem por objetivo incentivar, no meio estudantil, a prática desportiva, enaltecendo

Leia mais

REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014

REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014 I - FINALIDADES ARTIGO 1º - A COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL, na categoria masculino/adulto, tem por finalidade congregar os alunos das unidades do Santo

Leia mais

REGULAMENTO I DOS VALORES

REGULAMENTO I DOS VALORES REGULAMENTO I DOS VALORES Artigo 1º - Valores e princípios que norteiam a 6ª COPA CERTUS 2011. a) Estimular a prática do Esporte como estratégia privilegiada da Educação; b) Valorizar a Cultura Esportiva;

Leia mais

IV COPA UNIMED BOM DE BOLA, MELHOR NA ESCOLA REGULAMENTO. Capítulo I Das Disposições Preliminares. Capítulo II - Dos Objetivos

IV COPA UNIMED BOM DE BOLA, MELHOR NA ESCOLA REGULAMENTO. Capítulo I Das Disposições Preliminares. Capítulo II - Dos Objetivos REGULAMENTO Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1 - A IV Copa Unimed Bom de Bola, Melhor na Escola de Futsal Masculino e Feminino tem como objetivo promover a integração da criança e do adolescente

Leia mais

III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF

III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF III JOGOS INTERNOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA JIEF REGULAMENTO GERAL I. Das Finalidades: O III Jogos Internos da Educação Física JIEF, tem por finalidade estimular a prática desportiva aos alunos do curso de Educação

Leia mais

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. Após todos os jogos REGULAMENTO I- FINALIDADES ARTIGO 1º - O TORNEIO FUTSAL DA FACULDADE NOVOS HORIZONTES,

Leia mais

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 6ª COPA NOVE DE JULHO DE FUTEBOL AMADOR 2016 REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 1 REGULAMENTO DA 6ª COPA NOVE DE JULHO 2016 CAPITULO I Da PARTICIPAÇÃO Esta copa contará com a participação de 48 (quarenta

Leia mais

REGULAMENTO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL

REGULAMENTO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL REGULAMENTO DO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL Etapas de Cuiabá/MT e Goiânia/GO ÍNDICE CAPÍTULO 1: 1.1 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE VOLEIBOL...04 1.2 DIREITOS DA CBV SOBRE OS EVENTOS

Leia mais

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa)

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) PROJETO J BA 2013 I - OBJETIVOS TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) - Promover a integração e a participação dos alunos do CBB, permitindo

Leia mais

XVII JAJUCE JOGOS ABERTOS DA JUVENTUDE CRISTÃ EVANGÉLICA DE SÃO CAETANO DO SUL REGULAMENTO GERAL

XVII JAJUCE JOGOS ABERTOS DA JUVENTUDE CRISTÃ EVANGÉLICA DE SÃO CAETANO DO SUL REGULAMENTO GERAL REGULAMENTO GERAL I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1 o ) Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem as competições dos XVI JAJUCE. Artigo 2 o ) As igrejas evangélicas que participam

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE XADREZ JERNS - JEES 2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE XADREZ JERNS - JEES 2014 GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E DA CULTURA COORDENADORIA DE DESPORTOS DESPORTO ESCOLAR CODESP REGULAMENTO ESPECÍFICO DE XADREZ JERNS - JEES 2014 Art. 1º - As

Leia mais

REGULAMENTO GERAL RIO GRANDE DO SUL ETAPA ESTADUAL 12 A 14 ANOS CAMPEONATO ESTUDANTIL. www.fundergs.rs.gov.br

REGULAMENTO GERAL RIO GRANDE DO SUL ETAPA ESTADUAL 12 A 14 ANOS CAMPEONATO ESTUDANTIL. www.fundergs.rs.gov.br REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO ESTUDANTIL DO RIO GRANDE DO SUL 2012 ETAPA ESTADUAL 12 A 14 ANOS www.fundergs.rs.gov.br Regulamento Geral ÍNDICE I - DA JUSTIFICATIVA... 3 II - DOS OBJETIVOS... 3 III - DA

Leia mais

JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015

JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015 JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015 II JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS REGULAMENTO GERAL DE 02 A 04 SETEMBRO 2015 2 INTRODUÇÃO O 6 Período de Licenciatura em Educação

Leia mais

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total.

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total. Circuito Open de Polo Aquático Campeonato de Polo Aquático realizado em águas abertas, com abrangência nacional e apoio da CBDA - Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos. Local: Praia do Porto da

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016 REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016 0 Sumário TÍTULO I - DA ORGANIZAÇÃO E EXECUÇÃO... 2 Seção I Organização e Execução:... 2 TÍTULO II - PERÍODO DE REALIZAÇÃO...

Leia mais

NOTA OFICIAL N 50/2013 ATOS DA PRESIDÊNCIA

NOTA OFICIAL N 50/2013 ATOS DA PRESIDÊNCIA NOTA OFICIAL N 50/2013 Rio de Janeiro, 19 de março de 2013. ATOS DA PRESIDÊNCIA COPA BRASIL NORTE - 2013 Tornar sem efeito a Nota Oficial nº 29/2013 por força de alteração na programação, motivada pela

Leia mais

V ENCONTRO DESPORTIVO DOS SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ. Juazeiro do Norte-CE, 03 a 06 de dezembro de 2015

V ENCONTRO DESPORTIVO DOS SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ. Juazeiro do Norte-CE, 03 a 06 de dezembro de 2015 V ENCONTRO DESPORTIVO DOS SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ Juazeiro do Norte-CE, 03 a 06 de dezembro de 2015 REGULAMENTO GERAL NOVEMBRO-2015 REGULAMENTO GERAL TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

PROJETO E REGULAMENTO GERAL

PROJETO E REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADAS DO INSTITUTO EDUCACIONAL NOVOS TEMPOS PROJETO E REGULAMENTO GERAL Ensino Fundamental II e Médio OUTUBRO DE 2015 APRESENTAÇÃO: As Olimpíadas do Instituto Educacional Novos Tempos (OLIENT), visam

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT Árbitros Capacitados Equipe Campeã Copa do Queijo 2012 Divulgação com abrangência Segurança e Atendimento de Primeiros Socorros Estimativa de um bom Público CURVELÂNDIA MT REGULAMENTO 1 DAS FINALIDADES

Leia mais

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO Promoção: VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 PROMOÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SORRISO SMEL SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER CDL CÂMARA DOS DIRIGENTES LOJISTAS DE SORRISO REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER

REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER I DA PROMOÇÃO E OBJETIVOS Art. 1º A COPA CUCA 2015, é uma promoção da UEMG UNIDADE PASSOS, com a organização do CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DE PASSOS LICENCIATURA,

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS. Art. 1º- Este regulamento é o conjunto de disposições que rege os jogos internos do Colégio Facex edição 2014.

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS. Art. 1º- Este regulamento é o conjunto de disposições que rege os jogos internos do Colégio Facex edição 2014. Página 1 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º- Este regulamento é o conjunto de disposições que rege os jogos internos do Colégio Facex edição 2014. CAPÍTULO II DA FINALIDADE Art. 2º - Os jogos internos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares Artigo 1º REGULAMENTO GERAL 2016 Capitulo l Das disposições preliminares O presente regulamento determina as diretrizes e normas para as Competições da Federação Paulista de Basquete Sobre Rodas para o

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS

REGULAMENTO GERAL DOS REGULAMENTO GERAL DOS II JOGOS UNIVERSITARIOS UNIBRASIL 2009 I - DOS OBJETIVOS II JOGOS UNIVERSITARIOS UNIBRASIL 2009 Artigo 1º - Os II Jogos Universitários das Faculdades Integradas do Brasil, promovido

Leia mais

II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil

II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil II Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil Antes da pretensão de promover um campeonato, deve-se promover o homem em sua infinita potencialidade e complexidade, REVERDITO, SCAGLIA E MONTAGNER 2013....

Leia mais

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres.

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres. DA FINALIDADE: Art. 1º - Os JOGOS DE VERÃO ARCO SPM 2013 MODALIDADE VOLEIBOL 4X4, tem como finalidade principal, promover o congraçamento das equipes e o aumento da adesão à prática de exercícios físicos

Leia mais

EDITAL DE EXTENSÃO Nº 09/2016 CHAMADA INTERNA PARA PARTICIPAÇÃO DE EQUIPES ESPORTIVAS PARA OS III JOGOS INTERCAMPI DO IFRJ

EDITAL DE EXTENSÃO Nº 09/2016 CHAMADA INTERNA PARA PARTICIPAÇÃO DE EQUIPES ESPORTIVAS PARA OS III JOGOS INTERCAMPI DO IFRJ EDITAL DE EXTENSÃO Nº 09/2016 CHAMADA INTERNA PARA PARTICIPAÇÃO DE EQUIPES ESPORTIVAS PARA OS III JOGOS INTERCAMPI DO IFRJ O Pró-Reitor de Extensão, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO REGULAMENTO APRESENTAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Espírito Santo SESCOOP/ES está promovendo o 1º FUTCOOP INFANTIL MASCULINO, que será realizado no mês de julho

Leia mais

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE REGULAMENTO OFICIAL - 2015 Da Finalidade Art. 01 - A XI Copa Paulista de Futebol de Base, tem por finalidade o estimulo à prática esportiva saudável, ao caráter formativo

Leia mais

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO:

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO: FUTEBOL DE CAMPO Todos os atletas deverão apresentar o Documento Original (conforme Art.do Regulamento Geral) É obrigatório (e indispensável) o uso de caneleiras para todos os atletas participantes das

Leia mais

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE O I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO (SOCIETY), visa incrementar a prática de futebol de sete

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

Juventude Unida em prol de uma profissão que vale OURO.

Juventude Unida em prol de uma profissão que vale OURO. REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I 1ª OLIMPÍADA LUCA PACIOLI 2016 é um evento esportivo e cultural, com realização da Comissão Jovens Lideranças Contábeis e apoio do Conselho Regional de Contabilidade do Amazonas,

Leia mais

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO S. EVENTOS COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS A COPA CEPEUSP DE FUTEBOL DE CAMPO tem como objetivo a integração dos docentes

Leia mais

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 1. Competição: Quadrangular de Ascenso e Descenso do NBB 2012/2013 2. Bases legais a.

Leia mais

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite XXIV INTERAMIZADE Carta Convite O Colégio São Luís tem o prazer de convidar esta conceituada instituição de ensino a participar dos XXIV Interamizade 2014, principal evento esportivo de nosso calendário.

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA 3ª LUANDA COPA DE FUTEBOL JÚNIOR - 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA 3ª LUANDA COPA DE FUTEBOL JÚNIOR - 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA 3ª LUANDA COPA DE FUTEBOL JÚNIOR - 2015 I - DAS FINALIDADES Art.º 1º - A 3ª LUANDA COPA DE FUTEBOL JÚNIOR, Competição não-profissional coordenada e organizada pela Decathlon Marketing

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011.

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. REGULAMENTO DAS FINALIDADES ART. 1º - O CAMPEONATO RURAL DE FUTEBOL MASTER é uma competição promovida, organizada e dirigida pela AMEC através da PREFEITURA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA Secretaria Municipal de Esporte e Lazer SEMEL EDITAL Nº. 001/2013

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA Secretaria Municipal de Esporte e Lazer SEMEL EDITAL Nº. 001/2013 EDITAL Nº. 001/2013 ESTABELECE O PROCESSO DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DA BOLSA ATLETA DE TERESINA. O Secretário municipal de Esportes e Lazer SEMEL, com base na Lei 4.049/2010, faz saber que

Leia mais

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES Capítulo 1 Da Finalidade Artigo 1º - A DANONE COPA DAS NAÇÕES tem como objetivo incentivar a prática esportiva no meio estudantil e comunitário e promover o intercâmbio,

Leia mais

XXIV CAMPEONATO BRASILEIRO SENIOR DE NATAÇÃO TROFÉU PROF. DALTELY GUIMARÃES REGULAMENTO

XXIV CAMPEONATO BRASILEIRO SENIOR DE NATAÇÃO TROFÉU PROF. DALTELY GUIMARÃES REGULAMENTO XXIV CAMPEONATO BRASILEIRO SENIOR DE NATAÇÃO TROFÉU PROF. DALTELY GUIMARÃES REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º Pelas Associações de Federações filiadas à Confederação Brasileira de Desportos

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU CAP. I: AS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART.1 - O torneio é uma Promoção do Colegiado do curso de Educação Física da Uniguaçu, apoiado pela Uniguaçu. ART.2

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER PORTARIA G. CEL 11/2015 REGULAMENTO DA 16ª COPA DE HANDEBOL DO ESTADO DE SÃO PAULO O Coordenador de Esporte e Lazer, no uso de suas atribuições legais, expede a presente Portaria, que estabelece o Regulamento

Leia mais

CIRCUITO VERÃO SESC DE ESPORTES 2013/2014

CIRCUITO VERÃO SESC DE ESPORTES 2013/2014 CIRCUITO VERÃO SESC DE ESPORTES 2013/2014 I. DA COMPETIÇÃO II. DA COORDENAÇÃO III. DAS FASES DA COMPETIÇÃO IV. DAS INSCRIÇÕES E PARTICIPAÇÕES V. DA PREMIAÇÃO VI. DA ARBITRAGEM VII. DA IDENTIFICAÇÃO VIII.

Leia mais

Do Cerimonial de Abertura OLIMGLOCK Da Identificação

Do Cerimonial de Abertura OLIMGLOCK Da Identificação SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E INOVAÇÃO ESCOLA DE EDUCAÇÂO BÁSICA MONSENHOR GREGÓRIO LOCKS Justificativa Olimpíadas Gregório Locks Regulamento Geral Artigo 1º - No seu Projeto Político Pedagógico,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA CENTRO DE DESPORTOS E RECREAÇÃO REGULAMENTO GERAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA CENTRO DE DESPORTOS E RECREAÇÃO REGULAMENTO GERAL 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA CENTRO DE DESPORTOS E RECREAÇÃO REGULAMENTO GERAL 56º Jogos Estudantis da Primavera Ponta Grossa 2011 1 2 CRONOGRAMA DE ATIVIDADES EVENTOS DATA HORÁRIO LOCAL INSCRIÇÃO

Leia mais

26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O

26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O 26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º - O 26º CAMPEONATO DE FUTSAL promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil 13ª Subseção

Leia mais

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO CAPITULO I Da Denominação e Participação Art. 1º - O Campeonato de Voleibol Masculino 2015 OAB SP/CAASP, organizado

Leia mais

I TORNEIO CAARN OPEN DE TRIO MISTO DE VÔLEI DE PRAIA REGULAMENTO GERAL

I TORNEIO CAARN OPEN DE TRIO MISTO DE VÔLEI DE PRAIA REGULAMENTO GERAL I TORNEIO CAARN OPEN DE TRIO MISTO DE VÔLEI DE PRAIA 2015 REGULAMENTO GERAL Artigo 1º. Evento: O 1º. Torneio Estadual de Trio Misto de Vôlei de Praia CAARN OPEN será realizado no dia 15 de agosto de 2015,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO

REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO XI JOGOS MACABEUS NACIONAIS DAS ESCOLAS JUDAICAS RIO DE JANEIRO / BRASIL 06 a 09 de setembro de 2012 REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO A Macabi Rio, entidade filiada à Macabi Brasil, e organizadora há 19 anos

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ESPORTES REGULAMENTO ESPORTIVO DO 4º ENATCHÊ

DEPARTAMENTO DE ESPORTES REGULAMENTO ESPORTIVO DO 4º ENATCHÊ Movimento Tradicionalista Gaúcho do Planalto Central MTG-PC DEPARTAMENTO DE ESPORTES REGULAMENTO ESPORTIVO DO 4º ENATCHÊ CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º O Encontro Esportivo, como parte das atividades

Leia mais

VI CIRCUITO AMAZONENSE DE KARATE 2014 CAPITULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

VI CIRCUITO AMAZONENSE DE KARATE 2014 CAPITULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES VI CIRCUITO AMAZONENSE DE KARATE 2014 CAPITULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art 1º Este regulamento tem por finalidade determinar as condições gerais para a realização do VI Circuito Amazonense de

Leia mais

MENSAGEM DO PRESIDENTE

MENSAGEM DO PRESIDENTE REGULAMENTO 2015 2 MENSAGEM DO PRESIDENTE Prezados Diretores, Coordenadores e Professores; Neste ano de 2015, a FRDEDF consolida dez anos de atividades em prol do desporto escolar da capital brasileira.

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL 1. Os jogos de Futsal serão realizados de acordo com as Regras Oficiais, salvo o estabelecido neste Regulamento. 2. Cada equipe poderá inscrever

Leia mais

I CAMPEONATO ESTADUAL ESCOLAR OLÍMPICO RUMO A 2016 BADMINTON / GINÁSTICA RÍTMICA / JUDO / TAEKWONDO

I CAMPEONATO ESTADUAL ESCOLAR OLÍMPICO RUMO A 2016 BADMINTON / GINÁSTICA RÍTMICA / JUDO / TAEKWONDO I CAMPEONATO ESTADUAL ESCOLAR OLÍMPICO RUMO A 2016 BADMINTON / GINÁSTICA RÍTMICA / JUDO / TAEKWONDO A - REGULAMENTO GERAL I - DO OBJETIVO Artigo 1º - O Campeonato Estadual Escolar Olímpico Rumo a 2016

Leia mais

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013.

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. REGULAMENTO Santa Helena, Outubro de 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUIÇO 2013 I DO REGULAMENTO Art. 1º - Este regulamento se destina a regulamentar

Leia mais

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08 Regulamento da 16º COPA AGAP DE NOVOS TALENTOS Edição 2015 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 11 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 13 CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares

Leia mais

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO JOGOS DO SESI 2014 FASE ESTADUAL MODALIDADES INDIVIDUAIS: ATLETISMO, NATAÇÃO, JUDÔ, TÊNIS DE MESA E XADREZ.

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO JOGOS DO SESI 2014 FASE ESTADUAL MODALIDADES INDIVIDUAIS: ATLETISMO, NATAÇÃO, JUDÔ, TÊNIS DE MESA E XADREZ. REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO JOGOS DO SESI 2014 FASE ESTADUAL MODALIDADES INDIVIDUAIS: ATLETISMO, NATAÇÃO, JUDÔ, TÊNIS DE MESA E XADREZ. REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO - FINAL ESTADUAL MODALIDADES INDIVIDUAIS:

Leia mais

II CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE BASQUETE 3X3-2016 REGULAMENTO GERAL

II CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE BASQUETE 3X3-2016 REGULAMENTO GERAL II CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE BASQUETE 3X3-2016 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - O II Campeonato Brasileiro Escolar de Basquetebol 3x3 é uma competição inter-colegial que

Leia mais

REGULAMENTO BASQUETE 2009

REGULAMENTO BASQUETE 2009 REGULAMENTO BASQUETE 2009 Organização: Fórum das Associações dos Servidores das Agências Reguladoras Patrocínio: DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO BASQUETE - 2009 Art.01 - Este regulamento é o conjunto

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO Dispõe sobre as normas a serem estabelecidas no Regulamento do Campeonato de MÁSTER

Leia mais

Portaria 002/2009. Institui e regula Projeto de Incentivo aos Atletas de Judô de alto rendimento

Portaria 002/2009. Institui e regula Projeto de Incentivo aos Atletas de Judô de alto rendimento Portaria 002/2009 Institui e regula Projeto de Incentivo aos Atletas de Judô de alto rendimento O Presidente da Confederação Brasileira de Judô, no uso de suas atribuições estatutárias, em especial o previsto

Leia mais

REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL

REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL Art. I Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas da 6ª COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL a realizar-se dia 12 de Julho de 2015, no ginásio

Leia mais

Regulamento Geral da XI - Olimpíada da AAFC de 2016. Serra Negra - 15 a 19/05/2016

Regulamento Geral da XI - Olimpíada da AAFC de 2016. Serra Negra - 15 a 19/05/2016 1) Da estrutura: Regulamento Geral da XI - Olimpíada da AAFC de 2016 Serra Negra - 15 a 19/05/2016 1.1 - A Olimpíada da Associação dos Aposentados da Fundação CESP é evento dirigido e coordenado pela Presidência

Leia mais

XXV TORNEIO SUDESTE DE NATAÇÃO INFANTIL E JUVENIL TROFÉU ASSIS CHATEAUBRIAND

XXV TORNEIO SUDESTE DE NATAÇÃO INFANTIL E JUVENIL TROFÉU ASSIS CHATEAUBRIAND REGULAMENTO XXV TORNEIO SUDESTE DE NATAÇÃO INFANTIL E JUVENIL TROFÉU ASSIS CHATEAUBRIAND CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º - Pelos Clubes filiados à Federação Aquática do Estado do Rio de Janeiro, Federação

Leia mais

Federação Paulista de Futebol

Federação Paulista de Futebol Federação Paulista de Futebol RUA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL, 55 SÃO PAULO - SP Telefone (11) 2189-7000 Fax 2189-7022 REGULAMENTO ESPECÍFICO DO 3º CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL AMADOR DE SELEÇÕES DE

Leia mais

MUNICÍPIO DE CAMPO MOURÃO FUNDAÇÃO DE ESPORTES XI JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE CAMPO MOURÃO PROGRAMAÇÃO FUTSAL MASCULINO

MUNICÍPIO DE CAMPO MOURÃO FUNDAÇÃO DE ESPORTES XI JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE CAMPO MOURÃO PROGRAMAÇÃO FUTSAL MASCULINO MUNICÍPIO DE CAMPO MOURÃO FUNDAÇÃO DE ESPORTES XI JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE CAMPO MOURÃO PROGRAMAÇÃO FUTSAL MASCULINO DATA: 01/11/2012 Quinta Feira (MASCULINO) 19h45min Ed. Física (Bach)/Integrado X Gestão

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO

REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO REGULAMENTO TÉCNICO JOGOS DE INTEGRAÇÃO REGULAMENTO TÉCNICO DO BASQUETEBOL MASCULINO Art. 1 O torneio de basquetebol masculino será realizado de acordo com as regras estabelecidas pela Federação Internacional

Leia mais

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL 2011 REGULAMENTO 2011 1 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS: ARTIGO 1 A Copa Granbel de Futebol Infanto-Juvenil 2011 é uma organização da Granbel com

Leia mais

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes Período: 06/09 a 29/11 11 datas Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes COORDENAÇÃO: Prof. Eurico Gaspar de Oliveira CREF 0124 - G/BA CONTATO: (75) 8307-1261 / 9165-4938 / 3223.4158

Leia mais

I COPA PERNAMBUCO DE DOMINÓ DE SURDOS REGULAMENTO GERAL

I COPA PERNAMBUCO DE DOMINÓ DE SURDOS REGULAMENTO GERAL I COPA PERNAMBUCO DE DOMINÓ DE SURDOS REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento é o conjunto das disposições que regem a I Copa Pernambuco de Dominó

Leia mais

CARTA CONVITE. Campeonato Sergipano de Badminton 2015. I Etapa. De 21 e 22 de Março de 2015. Aracaju/SE

CARTA CONVITE. Campeonato Sergipano de Badminton 2015. I Etapa. De 21 e 22 de Março de 2015. Aracaju/SE CARTA CONVITE Campeonato Sergipano de Badminton 2015 I Etapa De 21 e 22 de Março de 2015 Aracaju/SE Enviar as inscrições para o e-mail eventos@badmintonsergipe.org.br até às 23:59 hrs (horário de Brasília)

Leia mais

5 a 7 de Setembro de 2014

5 a 7 de Setembro de 2014 A Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro, com a chancela da Confederação Brasileira de Judô, vem por meio deste, convidá-lo a participar da XI Copa Rio Internacional de Judô que acontecerá no Rio

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ JERNS JEES 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ JERNS JEES 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ JERNS JEES 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE XADREZ JERNS - JEES 2015 Art. 1º - As competições serão regidas pelas regras oficiais da FIDE em tudo que não contrariar o Regulamento

Leia mais