PROGRAMA DINÂMICA DE METAS 2010 RELATÓRIO FINAL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA DINÂMICA DE METAS 2010 RELATÓRIO FINAL"

Transcrição

1 PROGRAMA DINÂMICA DE METAS 2010 RELATÓRIO FINAL

2 PROGRAMA DINÂMICA DE METAS 2010 RELATÓRIO FINAL INTRODUÇÃO METODOLOGIA RESULTADO CONCLUSÃO

3 INTRODUÇÃO O Poder Judiciário passa por um largo processo de reformulação de suas ferramentas de gestão, movimento sinalizado com o franco estímulo por parte do Conselho Nacional de Justiça CNJ - para adoção de planejamentos estratégicos por parte das diversas unidades do sistema 1. Desde o ano de 2009, como parte desse processo, o CNJ estabeleceu metas de nivelamento para todo o Poder Judiciário e no ano corrente metas prioritárias, já diferenciadas em relação aos diversos ramos do sistema. O pressuposto desse processo de modernização é a percepção de que a explosão de demandas dirigidas ao sistema judicial como parte do processo de redemocratização consolidado com a Constituição Federal de 1988, colocou em xeque sua capacidade de resposta a tal desafio, com a qualidade e a celeridade exigidos pelos seus usuários. A despeito do diagnóstico sempre corrente da inadequação de normas legais para lidar com essa explosão de demandas, o fato é que outra dimensão do problema parece residir na deficiência dos mecanismos gerenciais da máquina do Poder Judiciário, ângulo a partir do qual o presente relatório opera. Portanto, o enfrentamento dessa realidade passa pela figura do juiz-gestor 2 e pela modernização dos sistemas de gestão do Judiciário, com prioridade para a gestão de processos de trabalho, de pessoas e orçamentária. Dentro desse largo contexto, diversos questionamentos são postos, especialmente a partir da adoção de metas específicas direcionadas às unidades do sistema judicial brasileiro. Pouco debatidas e articuladas ao longo de seu processo de construção, o fato é que a adoção de metas vem despertando polêmicas e resistências que, ao fim e ao cabo, podem estar ligadas a um dos elementos centrais de uma gestão com qualidade: ausência de comunicação e informação eficazes. Com isso coloca-se em risco uma oportunidade para, de fato, pensar e agir dentro do sistema judicial de forma transparente e com qualidade. É dentro desse contexto que a Amatra 1³ propôs romper o isolamento dos juízes no processo de discussão, construção e efetivação das metas prioritárias de 2010, com a pretensão de superar o discurso simplista da ineficácia como mero subproduto da oposição dos magistrados em relação ao processo de mudança. 1 Sinal desse momento é a meta de nivelamento nº1 de 2009, alcançada por 98,60% dos Tribunais brasileiros ( - consulta em 5/7/2010). 2 brasileiros. Categoria com a qual se pretende assinalar a necessidade de qualificação gerencial dos juízes 3 Trabalho coordenado pela Diretoria Cultural e Diretoria de Integração Regional.

4 METODOLOGIA Para a preparação dos trabalhos foi idealizado o programa denominado dinâmica de metas 2010 cujo escopo foi captar a percepção dos magistrados acerca das expectativas, necessidades e ações práticas imaginadas para poder alcançar as metas estabelecidas por parte do CNJ. Foram, assim, aplicados questionários estruturados, através dos quais procurou-se captar o nível de informação dos juízes sobre as metas e o planejamento estratégico do Tribunal Regional do trabalho da 1ª Região, o canal de comunicação utilizado para tal fim e a expectativa quanto ao seu cumprimento. A Amatra1 é um associação civil composta de 336 associados, sendo 253 juízes em atividade, 82 aposentados e 1 pensionista. A amostra foi selecionada a partir de convites para reuniões setoriais coordenadas por seus diretores nas quais foram aplicados os questionários. O resultado revelou ser representativa por alcançar 54,15% dos magistrados associados em atividade 1 (N-253), apenas excluídos aqueles afastados do trabalho por diversos motivos. Foram distribuídos 137 questionários e obtidas 107 respostas, nos seguintes termos: Total remetido/ respondido Juízes capital 58/58 = 100% Juízes interior 39/39 = 100% 40/10 = 25% Percebe-se que o índice de retorno das respostas valida o levantamento por alcançar a marca de 78 pontos percentuais (ou 32% da população pesquisada). Paralelamente, com o fim de levantar necessidades e ações práticas, foram elaboradas dinâmicas presenciais em grupos compostos por no máximo doze pessoas, nas quais os próprios magistrados (diretores da Amatra1) atuaram como coordenadores e fomentadores das discussões. Esse processo de interação foi imaginado como uma possibilidade de captar o maior número possível de visões e estabelecer um canal eficaz de comunicação. Em seguida, numa reunião ampliada realizada no dia 17 de junho de 2010, foram compilados os pontos suscitados nas reuniões setoriais, de tal modo que o relatório fornecesse o produto final desse esforço coletivo com as necessidades de ordem material, de pessoas e relacionadas à informática 2 detectadas pelos magistrados. Foram apontadas, ainda, ações práticas e sugestões de boas práticas como integrantes do relatório final. 1 Importa observar a participação nas dinâmicas de magistrados não associados o que demonstra o alcance da iniciativa e sua repercussão no ambiente da magistratura. 2 Para melhor compreensão dos grupos foi adotada a categoria informática como referência para os problemas relacionados à Tecnologia da Informação - TI.

5 RESULTADO Do ponto de vista da metodologia aplicada a proposta surtiu efeitos captados em análises críticas elaboradas pelos coordenadores das reuniões setoriais integradas aos anexos desse relatório. A análise quantitativa cuja finalidade foi captar o nível de informação, a expectativa dos magistrados quanto ao cumprimento das metas e os problemas para sua execução sinalizou como eixo central não existir entre os magistrados da 1ª Região uma oposição contundente em relação ao programa de metas elaborado pelo CNJ. Apontou, ainda, ser alto o nível de informação acerca do tema e ser a lista amatra 1 o veículo mais eficaz de comunicação entre os juízes. Por outro lado, carências em termos de pessoas e informática são percebidas como centrais para o cumprimento das metas. Essa percepção é melhor detalhada na segunda etapa da dinâmica onde são apontados aspectos concretos relacionados a tais categorias. Nesse sentido essa percepção será confirmada e explicitada em seguida. Vale observar, ainda, que mesmo o planejamento estratégico do TRT, recentemente aprovado, é do conhecimento de boa parte dos juízes, embora os magistrados da capital tenham demonstrado menor nível de informação. Por sinal, são significativas as discrepâncias de informação entre as categorias desembargadores, juízes da capital e do interior o que parece sinalizar a importância de estratégias diferenciadas para lidar com magistrados que atuam em ambientes distintos dentro do regional. Você conhece o planejamento estratégico do TRT/RJ aprovado em dezembro 2009? Sim Não Valores absolutos Valores percentuais Sim Não 1 Lista de discussão coordenada pela diretoria da Amatra1 na rede mundial de computadores (internet), por adesão espontânea dos associados.

6 Você jáconhecia as metas aprovadas pelo CNJ para o ano de 2010? 92 Sim Não 15 Valores absolutos Como tomou conhecimento? Sítio do TRT / CNJ Conversa com colegas Lista Amatra Informativos impressos da Amatra Imprensa Outros Valores percentuais 1 Lista de discussão coordenada pela diretoria da Amatra1 na rede mundial de computadores (internet), por adesão espontânea dos associados.

7 Dentro das metas do CNJ há3 relacionadas diretamente ao trabalho dos juízes de primeiro grau. Qual ésua expectativa quanto ao seu cumprimento em 2010? cumprimento em 2010? Alta Média Baixa Não há possibilidade Valores absolutos Dentro das metas do CNJ há3 relacionadas diretamente ao trabalho dos juízes de primeiro grau. Qual ésua expectativa quanto ao seu cumprimento em 2010? Alta Média Baixa Não há possibilidade Valores percentuais

8 Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Materiais Alta Média Baixa Valores absolutos Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Materiais Alta Média Baixa Valores percentuais

9 Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Pessoas 90 Alta Média Baixa 13 4 Valores absolutos Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Pessoas Alta Média Baixa Valores percentuais

10 Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Informática Alta Média Baixa 6 Valores absolutos Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta Informática Alta Média Baixa Valores percentuais

11 A segunda etapa sinaliza um vasto ementário de problemas, carências, mas também de soluções para seu enfrentamento. Trata-se de um diagnóstico daqueles que estão na linha de frente do sistema e que podem fornecer uma visão mais próxima da realidade. Para melhor compreensão do apurado foram criadas categorias de análise específicas para necessidades de ordem material, de pessoal e de informática, com as respectivas ações concretas. Uma categoria residual procurou agrupar boas práticas já existentes ou sugeridas. I-Necessidades Materiais: 1) Diagnóstico com dados atualizados mensalmente sobre os processos objeto da meta; 2) Extensão da Assistência judiciária gratuita às perícias; 3) Espaço físico, mobiliário, assistência técnica, conexão de rede e internet, principalmente nas unidades do interior; 4) Novas Varas; Ações concretas: 1) Apresentação no início de cada ano dos processos incluídos nas metas de nivelamento (obs: As metas de 2010 somente foram apresentadas em março). 2) Efetivação da Resolução 35 do TRT/RJ (custeio de perícias); 3) Implementação da meta 9, inclusive em relação ao interior (velocidade de conexão) 4) Novas instalações para as Varas de Nova Iguaçu, Nilópolis, São Gonçalo e Itaguaí; 5) Aprovação de projetos de lei destinados a criação de novas Varas a partir da resolução do TRT já aprovada; 6) Instalação imediata da Vara de Barra Mansa já criada por Lei; 7) Criar central de cargas para entrega/devolução de autos por juizes substitutos;

12 II) Necessidades pessoas: 1) Concurso público para juiz substituto; 2) Acréscimo de servidores (especialmente o segundo contador em cada unidade de 1º Grau, segundo assistente de juiz e segundo secretário de audiência); 3) Aumento do número de cargos de juízes substitutos; 4) Melhor gerenciamento da distribuição de juízes substitutos pelas unidades; 5) Implementação da Resolução CSJT 63/2010. Ações Concretas: 1) Criar regra fixando período de carência para movimentação de servidor recém admitido; 2) Realização sucessiva de concursos para a magistratura até o preenchimento total do número de vagas; promoção dos juízes e retorno dos juízes convocados para atuação em Segundo Grau. 3) Prorrogação do prazo de validade do último concurso de servidores; 4) Distribuição imediata de servidores com base na Resolução 63 do CSJT; 5) Capacitação de servidores visando o desenvolvimento de habilidades em gestão de pessoas, recursos e rotinas de trabalho. 6) Apoio institucional e estrutural ao magistrado para capacitação em escolas judiciais nos cursos de formação continuada.

13 III) Necessidades de Informática (TI): 1) Aprimoramento do sistema de acompanhamento processual sapweb 1 (linguagem clara, comunicação imediata de alterações com os devidos esclarecimentos, redução de atalhos, interligação de operações com as diversas funcionalidades do sistema, aumento da banda larga); 2) Tornar o sapweb amigável ao usuário independente de capacitação. Ações Concretas: 1) Criação de núcleos regionais de apoio na área de informática; 2) Pactuação do convênio Juriscalc com TRT da 8ª Região. 3) Gerar aplicativo que permita a pesquisa de jurisprudência no sapweb; 4) Rever processo de trabalho relacionado ao lançamento de acórdãos (possibilitar lançamento de mais de um acórdão em processo que exija mais de um julgamento). IV) Outras Sugestões: 1) Pautas especiais de conciliação em fase de execução e demandas relacionadas às metas; 1) Adoção de estratégias e planos de ação específicos para lidar com as necessidades relatadas. 2) Ampliar o número de Súmulas do TRT; 3) Criar mecanismos de participação efetiva de servidores e magistrados na gestão do TRT; 4) Engajamento dos advogados no processo de modernização da gestão; 5) Criar mecanismos que possibilitem o efetivo cumprimento da meta 4, quando for necessária a remessa dos autos ao Ministério Público do Trabalho para a coleta de assinatura do Procurador-Chefe. 6) Aprimorar comunicação interna. 1 Sistema de acompanhamento de processos do TRT da 1ª Região.

14 CONCLUSÃO O programa dinâmica de metas 2010 revelou ser uma oportunidade importante para que os magistrados da 1ª Região pudessem explicitar suas ansiedades, dúvidas e percepções acerca de um problema comum. Na visão da Amatra 1 essa falta de comunicação entre as unidades do Regional revela um problema de coordenação que compromete a idéia da gestão com estratégia. Comprometer pessoas, pensar para agir, planejar, controlar, executar, corrigir, são elementos dessa nova visão no âmbito do Regional cuja implementação, por certo, demanda tempo, experimento. A contribuição da Amatra 1 vai no sentido de aprimorar o processo e permitir sua ampliação com a integração efetiva dos juízes, não como meros destinatários das diversas demandas, mas como elementos ativos, sem o que seus resultados poderão ser perdidos. Os juízes manifestaram suas visões, problemas e propostas que, esperamos sejam considerados no enfrentamento dos problemas do TRT da 1ª Região inaugurando um novo tempo de cooperação, participação e ação tendo em vista a melhoria contínua dos serviços judiciários oferecidos à população do Estado do Rio de Janeiro. A diretoria da Amatra 1, com essa iniciativa, abre uma oportunidade para agregar valor ao processo de modernização da gestão no âmbito do TRT da 1ª Região, com a incorporação dos juízes. Por outro lado espera que esse esforço seja acompanhado da adoção de planos efetivos para lidar com um desses elementos da gestão estratégica, as metas prioritárias de 2010.

15 ANEXO Questionário: Meta 1: julgar quantidade igual à de processos de conhecimento distribuídos em 2010 e parcela do estoque, com acompanhamento mensal; Meta 2: julgar todos os processos de conhecimento distribuídos (em 1º grau, 2º grau e tribunais superiores) até 31 de dezembro de 2006 e, quanto aos processos trabalhistas, eleitorais, militares e da competência do tribunal do Júri, até 31 de dezembro de 2007; Meta 3: reduzir a pelo menos 10% o acervo de processos na fase de cumprimento ou de execução e, a 20%, o acervo de execuções fiscais (referência: acervo em 31 de dezembro de 2009); Meta 4: lavrar e publicar todos os acórdãos em até 10 dias após a sessão de julgamento; Esse questionário é destinado a captar suas expectativas, necessidades e ações práticas porventura pensadas sobre a execução das metas prioritárias estabelecidas por parte do CNJ para o ano de 2010 (acima apresentadas). As perguntas comportam uma resposta e não é necessária sua identificação. Desde já agradecemos sua participação e esperamos contar com a sua presença na próxima reunião para fixação dos pontos que integrarão o relatório final dessa ação coletiva coordenada pela Amatra1. 1)Você conhece o planejamento estratégico do TRT/RJ aprovado em dezembro 2009? ()Sim () Não 2) Como tomou conhecimento? ()Consulta sítio do TRT ()Conversa com colegas ()Consulta à lista amatra ()Através dos informativos impressos da amatra ()Imprensa ()Outros 3) Você já conhecia as metas aprovadas pelo CNJ para o ano de 2010? ()Sim ()Não 4) Como tomou conhecimento? ()Consulta sítio do CNJ ()Conversa com colegas ()Consulta à lista ()Através dos informativos impressos ()Imprensa ()Outros

16 ANEXO 5) Dentro das metas do CNJ há 3 relacionadas diretamente ao trabalho dos juízes de primeiro grau. Qual é sua expectativa quanto ao seu cumprimento em 2010? ()Alta ()Média ()Baixa ()Não há possibilidade de cumprimento 6) Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta: Materiais: ()Alta ()Média ()Baixa Pessoas: () Alta () Média () Baixa Informática: ()Alta () Média () Baixa 7) Como sugestão apresente no máximo três necessidades e três ações que do seu ponto de vista permitiriam que você cumprisse as metas, no todo ou em parte: Necessidades: Ações concretas:

17 ANEXO

18 ANEXO

19 ANEXO

20 ANEXO

21 ANEXO

22 ANEXO Sim Não Sítio do TRT / CNJ Conversa com colegas Lista Amatra Informativos impressos da Amatra Imprensa Outros 2) Como tomou conhecimento? Sim Não 3) Você já conhecia as metas aprovadas pelo CNJ para o ano de 2010? Sítio do TRT / CNJ Conversa com colegas Lista Amatra Informativos impressos da Amatra Imprensa Outros 1)Você conhece o planejamento estratégico do TRT/RJ aprovado em dezembro 2009? ) Como tomou conhecimento?

23 ANEXO Alta Média Baixa Não há possibilidade 5) Dentro das metas do CNJ há 3 relacionadas diretamente ao trabalho dos juízes de primeiro grau. Qual é sua expectativa quanto ao seu cumprimento em 2010? Alta Média Baixa 6) Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta - Materiais Alta Média Baixa 6) Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta - Pessoas Alta Média Baixa 6) Dentre os recursos abaixo mencionados estabeleça o grau de prioridade para viabilizar o cumprimento da meta - Informática

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO INTRODUÇÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO INTRODUÇÃO Assegurar o acesso à justiça, de forma efetiva, na composição dos conflitos decorrentes das relações de trabalho. Missão Institucional do TRT da 8ª Região. INTRODUÇÃO Prática adotada pelo Tribunal Regional

Leia mais

RELATÓRIO DE DESEMPENHO DAS METAS NACIONAIS

RELATÓRIO DE DESEMPENHO DAS METAS NACIONAIS TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO 2013 RELATÓRIO DE DESEMPENHO DAS METAS NACIONAIS Dezembro - 2013 2 RELATÓRIO DE DESEMPENHO DAS METAS NACIONAIS 2013 METAS DE NIVELAMENTO PARA AS CORREGEDORIAS

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL Este questionário objetiva diagnosticar a realidade dos tribunais em relação às aprovadas no II Encontro Nacional do Judiciário, bem como subsidiar medidas concretas a serem adotadas

Leia mais

A ESTRATÉGIA DO TRT-3ª REGIÃO

A ESTRATÉGIA DO TRT-3ª REGIÃO A ESTRATÉGIA DO TRT-3ª REGIÃO Plano Plurianual 2010-2014 Considerando o caráter dinâmico do processo de planejamento estratégico, o monitoramento e as revisões periódicas vêm auxiliar a Administração,

Leia mais

ESTATÍSTICA PROCESSUAL E RESUMO DAS ATIVIDADES PROMOVIDAS PELA PRESIDÊNCIA.

ESTATÍSTICA PROCESSUAL E RESUMO DAS ATIVIDADES PROMOVIDAS PELA PRESIDÊNCIA. 1 ESTATÍSTICA PROCESSUAL E RESUMO DAS ATIVIDADES PROMOVIDAS PELA PRESIDÊNCIA. Apresento a Vossas Excelências um breve relato da estatística processual relativa ao primeiro semestre deste ano, bem como

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SCJ Nº 001/2013 O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA DÉCIMA OITAVA REGIÃO, no uso de suas

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SCJ Nº 001/2013 O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA DÉCIMA OITAVA REGIÃO, no uso de suas PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SCJ Nº 001/2013 O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA DÉCIMA OITAVA REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, CONSIDERANDO que o avanço tecnológico,

Leia mais

NOÇÕES DE GESTÃO PÚBLICA

NOÇÕES DE GESTÃO PÚBLICA WELTOM A. DE CARVALHO NOÇÕES DE GESTÃO PÚBLICA TEORIA 140 Questões Gabaritadas da FCC por Tópicos (2013 2004) A apostila abrange o conteúdo programático cobrado em alguns concursos púbicos, organizados

Leia mais

CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011

CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011 CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011 Mariana Ghirello Todo ano, o Conselho Nacional de Justiça se reúne com os presidentes dos Tribunais de Justiça para identificar as necessidades do Poder

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ÓRGÃO: TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 2ª REGIÃO UNIDADE:

PODER JUDICIÁRIO ÓRGÃO: TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 2ª REGIÃO UNIDADE: 2ª REGIÃO E PORTARIA CONJUNTA SOF/SEGEP Nº 5 - ANEXO I, TABELA 1 a) cargos efetivos do quadro de pessoal do órgão. CARREIRA / CLASSE / ESCOLARIDADE / PADRÃO Ocupados Ativos Estáveis Não-Estáveis Subtotal

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO RONDÔNIA E ACRE

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO RONDÔNIA E ACRE PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO RONDÔNIA E ACRE GLOSSÁRIO DE METAS DO PLANO DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL Versão: 1.0 Atualização: outubro/2013 Porto Velho

Leia mais

ANEXO I MATRIZ DE INDICADORES E METAS

ANEXO I MATRIZ DE INDICADORES E METAS ANEXO I MATRIZ DE INDICADORES E S 31 MATRIZ DE INDICADORES e S Indicador 1 - Visão Visão: Ser reconhecido como um dos 10 Regionais mais céleres e eficientes na prestação jurisdicional, sendo considerado

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho)

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPUTADO POLICARPO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) Dispõe sobre a criação de cargos de

Leia mais

Competências Capacitação e Desenvolvimento

Competências Capacitação e Desenvolvimento TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO Rondônia / Acre TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO Rondônia / Acre IDENTIDADE ORGANIZACIONAL DO TRT 14ª REGIÃO (2009/2014) Missão Solucionar conflitos

Leia mais

Levantamento de Governança de TI 2014

Levantamento de Governança de TI 2014 Levantamento de Governança de TI 2014 Resultado individual: CONSELHO ADMINISTRATIVO DE DEFESA ECONÔMICA Segmento: Executivo - Sisp Tipo: Autarquia A classificação deste documento é de responsabilidade

Leia mais

ATA DA CORREIÇÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO POSTO AVANÇADO DE VALENÇA

ATA DA CORREIÇÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO POSTO AVANÇADO DE VALENÇA 1 ATA DA CORREIÇÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO POSTO AVANÇADO DE VALENÇA Aos treze dias do mês de setembro do ano de dois mil e onze, compareceu à sede do Posto Avançado de Valença o Excelentíssimo Senhor FERNANDO

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA JUSTIÇA DO TRABALHO DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS

IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA JUSTIÇA DO TRABALHO DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS Anexo - Modelo de Gestão de Pessoas 936/2012 - Segunda-feira, 12 de Março de 2012 Conselho Superior da Justiça do Trabalho 1 Página 1 de 14 IMPLANTAÇÃO DO MODELO DE GESTÃO DE PESSOAS POR COMPETÊNCIAS NA

Leia mais

PROJETOS DA ADMINISTRAÇÃO PARA O BIÊNIO 2008/2009

PROJETOS DA ADMINISTRAÇÃO PARA O BIÊNIO 2008/2009 PROJETOS DA ADMINISTRAÇÃO PARA O BIÊNIO 2008/2009 LINHAS DE AÇÃO PROJETOS DESCRIÇÃO EXCELÊNCIA NO ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS / CELERIDADE Locação do 2º prédio na esquina da Av. Augusto de Lima com rua Mato

Leia mais

O Processo Eletrônico como Instrumento de Eficiência da Administração Judiciária

O Processo Eletrônico como Instrumento de Eficiência da Administração Judiciária O Processo Eletrônico como Instrumento de Eficiência da Administração Judiciária ENAMAT Curso de Formação Continuada de Teoria Geral do Processo Eletrônico Brasília-DF, setembro de 2011 Rubens Curado Silveira

Leia mais

Analisado por: Diretor do Departamento de Informações Gerenciais da Prestação Jurisdicional (DEIGE)

Analisado por: Diretor do Departamento de Informações Gerenciais da Prestação Jurisdicional (DEIGE) Proposto por: Equipe do Departamento de Informações Gerenciais da Prestação Jurisdicional (DEIGE) Analisado por: Diretor do Departamento de Informações Gerenciais da Prestação Jurisdicional (DEIGE) Aprovado

Leia mais

O CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA A E O DIAGNÓSTICO DOS JUIZADOS ESPECIAIS. Comissão dos Juizados Especiais

O CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA A E O DIAGNÓSTICO DOS JUIZADOS ESPECIAIS. Comissão dos Juizados Especiais O CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA A E O DIAGNÓSTICO DOS JUIZADOS ESPECIAIS Comissão dos Juizados Especiais Formulário rio dos Juizados Criminais Estatísticas da Justiça Federal e prognósticos de seguros -

Leia mais

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho EMAT-18. CERTIFICO E DOU FÉ que o Pleno do Egrégio Tribunal

Leia mais

Relatório Metas Nacionais do Judiciário Diagnóstico Situacional TJAL

Relatório Metas Nacionais do Judiciário Diagnóstico Situacional TJAL Relatório Metas Nacionais do Judiciário Diagnóstico Situacional TJAL Assessoria de Planejamento de Modernização do Poder - APMP Divisão de Estatística do Tribunal de Justiça - DETJ Assessoria de Planejamento

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N. 13, DE 8 DE DEZEMBRO DE 1987

LEI COMPLEMENTAR N. 13, DE 8 DE DEZEMBRO DE 1987 LEI COMPLEMENTAR N. 13, DE 8 DE DEZEMBRO DE 1987 Dá nova redação aos artigos que menciona, entre outras providências, da Lei Complementar n. 3, de 12 de janeiro de 1981, que dispõe sobre a Organização

Leia mais

Carteira de Projetos da Seção Judiciária do RS

Carteira de Projetos da Seção Judiciária do RS Página 1 Carteira de Projetos da Seção Judiciária do RS Projeto I Padronização e Melhoria dos Procedimentos das Varas Federais, Juizados e Turmas Recursais Escopo: Implementação de método de gerenciamento

Leia mais

DESEMBARGADOR SÉRGIO ANTÔNIO DE RESENDE PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MINAS GERAIS

DESEMBARGADOR SÉRGIO ANTÔNIO DE RESENDE PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MINAS GERAIS DISCURSO DESEMBARGADOR SÉRGIO ANTÔNIO DE RESENDE PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MINAS GERAIS ABERTURA DO 79º ENCONTRO NACIONAL DO COLÉGIO PERMANENTE DE PRESIDENTES DE TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DO BRASIL

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007)

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Publicação: 29/08/03 RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Cria a Superintendência da Gestão de Recursos Humanos, estabelece seu Regulamento e dá outras providências. A CORTE SUPERIOR

Leia mais

MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS

MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS PALMAS TO, 2015 1. Informações Gerais O presente Manual da Católica do Tocantins, mantida pela União Brasiliense de Educação e Cultura (UBEC)

Leia mais

TRT/Gestor. TRT/Gestor. OBS: Implantação de um banco nacional de bens penhorados deve ser um resultado do PJE, a médio prazo.

TRT/Gestor. TRT/Gestor. OBS: Implantação de um banco nacional de bens penhorados deve ser um resultado do PJE, a médio prazo. GRUPO PROPOSTA IMPLEMENTAÇÃO MEDIDAS PARA A SEMANA DA EXECUÇÃO CENTRO-OESTE Curso de execução à distância patrocinado pela ENAMAT para todos os gestores, antes da semana de execução, de modo a disseminar

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009

RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009 1 RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre o Regimento Interno da Escola da Magistratura Regional Federal da Segunda Região. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA SEGUNDA REGIÃO, no

Leia mais

EMENTA CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO

EMENTA CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICO-ALVO: Os Cursos Técnicos são destinados a todos que estão cursando o 2º ano ou já completaram o Ensino Médio e que desejam aprender uma profissão, entrar no mercado de trabalho ou buscar uma melhor

Leia mais

1ª. Reunião de Análise Estratégica - 2012. Núcleo de Gestão Estratégica. Manaus, 05 de março de 2012

1ª. Reunião de Análise Estratégica - 2012. Núcleo de Gestão Estratégica. Manaus, 05 de março de 2012 1ª. Reunião de Análise Estratégica - 2012 Núcleo de Gestão Estratégica Manaus, 05 de março de 2012 Objetivos Divulgar os resultados da Metas Nacionais de 2011 e apresentar os desafios para 2012. Calendário

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SERVIÇO DE CONTROLE INTERNO PLANO DE AUDITORIA DE LONGO PRAZO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SERVIÇO DE CONTROLE INTERNO PLANO DE AUDITORIA DE LONGO PRAZO PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SERVIÇO DE CONTROLE INTERNO PLANO DE AUDITORIA DE LONGO PRAZO PARA O PERÍODO DE 2014 A 2017 NOVEMBRO - 2013 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

INSPEÇÃO REALIZADA NA 2ª VARA DE REGISTROS PÚBLICOS DA COMARCA DE FORTALEZA/CE

INSPEÇÃO REALIZADA NA 2ª VARA DE REGISTROS PÚBLICOS DA COMARCA DE FORTALEZA/CE INSPEÇÃO REALIZADA NA 2ª VARA DE REGISTROS PÚBLICOS DA COMARCA Magistratura, DE FORTALEZA/CE RELATÓRIO Excelentíssimo Senhor Desembargador Presidente do Conselho Superior da Em cumprimento à Portaria nº

Leia mais

CLEUSA REGINA HALFEN Presidente do TRT da 4ª Região/RS

CLEUSA REGINA HALFEN Presidente do TRT da 4ª Região/RS 1624/2014 Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região 2 A PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 4ª REGIÃO, no uso de suas atribuições, e considerando o que consta no PA nº 0008096-80.2014.5.04.0000,

Leia mais

DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA

DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA Como é sabido existe um consenso de que é necessário imprimir qualidade nas ações realizadas pela administração pública. Para alcançar esse objetivo, pressupõe-se

Leia mais

METAS CUMPRIDAS PCTI 2014/2015

METAS CUMPRIDAS PCTI 2014/2015 PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO PROGRAMA DE COMBATE AO TRABALHO INFANTIL (PCTI) GESTÃO REGIONAL METAS CUMPRIDAS PCTI 2014/2015 7.1. INICIATIVAS RELATIVAS À SOCIEDADE DIVULGAÇÃO

Leia mais

ANEXO A Estratégia do Tribunal de Justiça de Sergipe

ANEXO A Estratégia do Tribunal de Justiça de Sergipe RESOLUÇÃO Nº 10, DE 01 DE JUNHO DE 2011 Dispõe sobre o Planejamento e a Gestão Estratégica no âmbito do Poder Judiciário do Estado de Sergipe e dá outras providências. ANEXO A Estratégia do Tribunal de

Leia mais

MATERIAL DE APOIO PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA SAJ DIGITAL

MATERIAL DE APOIO PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA SAJ DIGITAL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO NÚCLEO PERMANENTE DE MÉTODOS CONSENSUAIS DE SOLUÇÃO DE CONFLITOS MATERIAL DE APOIO PARA UTILIZAÇÃO DO SISTEMA SAJ DIGITAL 1 Versão agosto/2012 Sumário 1. Introdução...

Leia mais

PROVIMENTO Nº 29/2005

PROVIMENTO Nº 29/2005 PROVIMENTO Nº 29/2005 Atualiza a disciplina da Seção IV, do Capítulo IX, do Tomo I, das Normas de Serviço da Corregedoria: subdividindo-a em Subseção I (itens 29 a 45-A) e Subseção II (itens 45-B a 45-O);

Leia mais

Comissão Permanente de Relações Sindicais e do Trabalho COPERSIND

Comissão Permanente de Relações Sindicais e do Trabalho COPERSIND C a r t i l h a d e P r o c e d i m e n t o s d o S i n d i c a t o P a t r o n a l n a N e g o c i a ç ã o C o l e t i v a e n o s P r o c e s s o s d e D i s s í d i o C o l e t i v o Comissão Permanente

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR Este questionário objetiva diagnosticar a realidade dos tribunais em relação às aprovadas no II Encontro Nacional do Judiciário, bem como subsidiar medidas concretas a serem

Leia mais

PLANO DE AÇÃO SINDICAL

PLANO DE AÇÃO SINDICAL PLANO DE LUTAS 1. Plano de carreira - Continua em pauta, reiniciar a discussão como TJ. ISONOMIA; 2. URV das pensionistas - Continua em pauta, TJ não aceita responsabilidade, ajuizamos ação; 3. Reajustes

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR NA MODALIDADE PRODUTO

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR NA MODALIDADE PRODUTO Ministério da Educação - MEC Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES TÍTULO DO PROJETO: Aperfeiçoamento institucional com vistas à melhoria dos programas, processos, projetos

Leia mais

PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO GRATIFICAÇÃO DE INCENTIVO À PRODUTIVIDADE DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DO TJPB

PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO GRATIFICAÇÃO DE INCENTIVO À PRODUTIVIDADE DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DO TJPB SUMÁRIO 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO... 2 1.1 Nome do projeto... 2 1.2 Responsável pelo Projeto... 2 1.3 Clientes do projeto... 2 1.4 Objetivo do projeto... 2 2. PLANEJAMENTO DO PROJETO... 3 2.1 Descrição

Leia mais

EDITAL SGP Nº 001/2014 CADASTRAMENTO INTERNO DE INSTRUTORES PARA MINISTRAR CURSOS DE CAPACITAÇÃO. PLANO DE CAPACITAÇÃO/2014 DA UNIVASF.

EDITAL SGP Nº 001/2014 CADASTRAMENTO INTERNO DE INSTRUTORES PARA MINISTRAR CURSOS DE CAPACITAÇÃO. PLANO DE CAPACITAÇÃO/2014 DA UNIVASF. EDITAL SGP Nº 001/2014 CADASTRAMENTO INTERNO DE INSTRUTORES PARA MINISTRAR CURSOS DE CAPACITAÇÃO. PLANO DE CAPACITAÇÃO/2014 DA UNIVASF. A Secretária de Gestão de Pessoas, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

Manifestação do Ministro Gilmar Mendes, no encerramento do II Encontro Nacional do Judiciário Belo Horizonte, 16/02/2009

Manifestação do Ministro Gilmar Mendes, no encerramento do II Encontro Nacional do Judiciário Belo Horizonte, 16/02/2009 Manifestação do Ministro Gilmar Mendes, no encerramento do II Encontro Nacional do Judiciário Belo Horizonte, 16/02/2009 Senhores, No encerramento destes trabalhos, gostaria de agradecer a contribuição

Leia mais

META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA.

META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA. META 01 do CNJ para 2011 CRIAR UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS NOS TRIBUNAIS PARA AUXILIAR A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA. PROJETOS ESTRATÉGICOS A carteira de Projetos Estratégicos do Tribunal

Leia mais

ÍNDICE ALFABÉTICO REMISSIVO DAS DIRETRIZES DE AÇÃO USL

ÍNDICE ALFABÉTICO REMISSIVO DAS DIRETRIZES DE AÇÃO USL ÍNDICE ALFABÉTICO REMISSIVO DAS DIRETRIZES DE AÇÃO USL Acordo ou crédito - pagamento mediante autorização de DA42/USLRP10 depósito na conta bancária do autor, do procurador, do escritório de advocacia

Leia mais

Conselho Nacional de Justiça

Conselho Nacional de Justiça Memória de Reunião Grupo de Trabalho Comitê Gestor Nacional PJe (Portaria 78/2014) Data Horário Local 20/08/2015 9h 2º andar Sala de Reuniões (213) I Participantes (presencial) Telefone/e-mail Rubens Curado

Leia mais

SWOT 2009 MP/PR OPORTUNIDADES ORGANIZADAS POR OBJETIVOS ESTRATÉGICOS

SWOT 2009 MP/PR OPORTUNIDADES ORGANIZADAS POR OBJETIVOS ESTRATÉGICOS SWOT 009 MP/PR OPORTUNIDADES ORGANIZADAS POR OBJETIVOS ESTRATÉGICOS Nº OCOR- % OPORTUNIDADES RÊNCIAS TOTAL OBJETIVOS ESTRATÉGICOS Informática: Sistema de automação de dados MP; instituição do processo

Leia mais

Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região

Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região Dezembro/2010 2 TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Missão: Prover soluções efetivas de tecnologia

Leia mais

PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ

PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ Setembro/2010 APRESENTAÇÃO Este documento denominado Metodologia é o primeiro produto apresentado

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇÃO DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO O INTERCÂMBIO DE CURSOS ENTRE O TRT8 E O INTERLEGIS RODOPIANO NETO Assessor de Planejamento e Gestão OBJETIVOS 1. Orientar

Leia mais

A VISÃO DOS TUTORES NA EAD DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS - uma sugestão de formação corporativa ao serviço público

A VISÃO DOS TUTORES NA EAD DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS - uma sugestão de formação corporativa ao serviço público 1 A VISÃO DOS TUTORES NA EAD DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS - uma sugestão de formação corporativa ao serviço público Goiânia GO abril/2015 Dayse Mysmar Tavares Rodrigues TJGO dmysmar@hotmail.com

Leia mais

Banco de Boas Práticas do Poder Judiciário cearense Boas Práticas de Gestão do TJCE

Banco de Boas Práticas do Poder Judiciário cearense Boas Práticas de Gestão do TJCE Banco de Boas Práticas do Poder Judiciário cearense Boas Práticas de Gestão do TJCE Informações gerais sobre a prática Título Integração Entre Equipes de Trabalho para Uniformização de Procedimentos Unidade

Leia mais

Relatório da 2ª Pauta Concentrada de 2012 DPVAT

Relatório da 2ª Pauta Concentrada de 2012 DPVAT Relatório da 2ª Pauta Concentrada de 2012 DPVAT Setembro, 2012 Relatório da 2ª Pauta Concentrada de 2012 - DPVAT O presente documento revela os resultados da V Semana de Conciliação de 2012 do Centro Judiciário

Leia mais

Resolução nº 102, de 15 de dezembro de 2009

Resolução nº 102, de 15 de dezembro de 2009 English Sobre o CNJ Presidência Corregedoria Atos Administrativos Ouvidoria Sistemas Programas de A a Z Mapa do Site Página Inicial Atos Administrativos Atos da Presidência Resoluções Resolução nº 102,

Leia mais

O INDICADOR ESTATÍSTICO DA CARGA DE TRABALHO DO RELATÓRIO JUSTIÇA

O INDICADOR ESTATÍSTICO DA CARGA DE TRABALHO DO RELATÓRIO JUSTIÇA O INDICADOR ESTATÍSTICO DA CARGA DE TRABALHO DO RELATÓRIO JUSTIÇA EM NÚMEROS DO CNJ APONTA A NECESSIDADE DA EQUALIZAÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO NOS TRIBUNAIS PARA CONCRETIZAÇÃO DA POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA TRIBUNAL DE JUSTIÇA SISTEMA DE DEPÓSITOS JUDICIAIS SIDEJUD LEGISLAÇÃO CORRELATA

ESTADO DE SANTA CATARINA TRIBUNAL DE JUSTIÇA SISTEMA DE DEPÓSITOS JUDICIAIS SIDEJUD LEGISLAÇÃO CORRELATA ESTADO DE SANTA CATARINA TRIBUNAL DE JUSTIÇA SISTEMA DE DEPÓSITOS JUDICIAIS SIDEJUD E LEGISLAÇÃO CORRELATA Florianópolis, março de 2011. 2 SUMÁRIO SISTEMA DE DEPÓSITOS JUDICIAIS SIDEJUD LEI N. 15.327,

Leia mais

Contrato de Empréstimo n.º 980/OC-BR. República Federativa do Brasil e o Banco Interamericano de Desenvolvimento

Contrato de Empréstimo n.º 980/OC-BR. República Federativa do Brasil e o Banco Interamericano de Desenvolvimento TERMO DE REFERÊNCIA Projeto BRA/97/032 Coordenação do Programa de Modernização Fiscal dos Estados Brasileiros - PNAFE Contrato de Empréstimo n.º 980/OC-BR entre a República Federativa do Brasil e o Banco

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 057/2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 057/2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 057/2011 1 NÚMERO E TÍTULO DO PROJETO Projeto OEI/BRA/10/002 - Atualização dos Processos de Gestão e Avaliação de Políticas e

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 32, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009. CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 32, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009. CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS (Texto compilado) AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 32, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009. Estabelece a Política de Capacitação e Desenvolvimento dos Servidores da Agência Nacional de Aviação

Leia mais

Estrutura do PDI 2014-2018

Estrutura do PDI 2014-2018 APRESENTAÇÃO O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG) além de constituir um requisito legal, tal como previsto no Artigo

Leia mais

12/05/2016 12/05/2016

12/05/2016 12/05/2016 12/05/2016 Programa Jornada fala sobre o trabalho voluntário O programa Jornada dessa semana vai exibir uma reportagem especial sobre o trabalho voluntário: uma atividade não remunerada, que tem objetivos

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

O Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica do Poder Judiciário brasileiro

O Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica do Poder Judiciário brasileiro O Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica do Poder Judiciário brasileiro Danielle da Costa Silva Administração de Órgãos do Poder Judiciário e do Ministério Público POSEAD Universidade

Leia mais

PLANO ANUAL DE AUDITORIA

PLANO ANUAL DE AUDITORIA PLANO ANUAL DE AUDITORIA PAA 2015 Novembro/2014 O controle interno não fiscaliza o gestor, mas fiscaliza para o gestor, evitando que possíveis erros sejam detectados a tempo. Severiano Costa Andrade -

Leia mais

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RORAIMA AMAZÔNIA: PATRIMÔNIO DOS BRASILEIROS SECRETARIA LEGISLATIVA

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RORAIMA AMAZÔNIA: PATRIMÔNIO DOS BRASILEIROS SECRETARIA LEGISLATIVA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RORAIMA AMAZÔNIA: PATRIMÔNIO DOS BRASILEIROS SECRETARIA LEGISLATIVA Publicado no Diário Oficial nº 1.346 de 05/07/96. LEI COMPLEMENTAR Nº 018 DE 05 DE JULHO DE 1996

Leia mais

XI MOSTRA NACIONAL DE TRABALHOS DA QUALIDADE NO PODER JUDICIÁRIO. 1.1. Identificação do Órgão: Tribunal de Justiça de Sergipe

XI MOSTRA NACIONAL DE TRABALHOS DA QUALIDADE NO PODER JUDICIÁRIO. 1.1. Identificação do Órgão: Tribunal de Justiça de Sergipe XI MOSTRA NACIONAL DE TRABALHOS DA QUALIDADE NO PODER JUDICIÁRIO 1. INTRODUÇÃO 1.1. Identificação do Órgão: Tribunal de Justiça de Sergipe 1.2. Unidades: Presidência do TJSE: (presid@tjse.jus.br) Presidente:

Leia mais

Plano Anual de Educação Institucional 2015

Plano Anual de Educação Institucional 2015 Plano Anual de Educação Institucional 2015 Sumário Apresentação Projetos Estratégicos do CEAF em 2015 Metodologia de Construção do Plano Anual de Educação Ações do CEAF Planejadas para 2015 Programa Direito

Leia mais

CARTA DO ENCONTRO REGIONAL EM RECIFE (Pernambuco e Alagoas)

CARTA DO ENCONTRO REGIONAL EM RECIFE (Pernambuco e Alagoas) CARTA DO ENCONTRO REGIONAL EM RECIFE (Pernambuco e Alagoas) Os Presidentes dos Tribunais de Justiça dos Estados de Pernambuco e Ceará, os Presidentes dos Tribunais Regionais do Trabalho das 6ª e 19ª Regiões,

Leia mais

- Setores da Corregedoria -

- Setores da Corregedoria - - Setores da Corregedoria - Calendário Logísitica Correições Assessoria Processo Administrativo Apoio Interno Núcleo de Apoio Corregedor Cadastro de Documentos Ouvidoria Promoções Controle do Trâmite Processual

Leia mais

11ª Mostra Nacional de Trabalhos de Qualidade do Judiciário Gestão de Pessoas

11ª Mostra Nacional de Trabalhos de Qualidade do Judiciário Gestão de Pessoas Apresentação 11ª Mostra Nacional de Trabalhos de Qualidade do Judiciário Gestão de Pessoas Identificação do órgão: Supremo Tribunal Federal Unidade: Secretaria de Recursos Humanos / Coordenadoria de Desenvolvimento

Leia mais

http://10.0.10.25/wpro/control/termoaberturactrl.php?opc=imprimir... Justiça Educacional Plano de Projeto

http://10.0.10.25/wpro/control/termoaberturactrl.php?opc=imprimir... Justiça Educacional Plano de Projeto 1 de 6 27/10/2011 15:49 Justiça Educacional Plano de Projeto 1. Escopo do projeto Objetivo do projeto Nos dias atuais o Magistrado tem sido exigido a exercer um novo papel na sociedade, e para isso, é

Leia mais

PORTARIA P N. 422, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA P N. 422, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA P N. 422, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014. Revisa o Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI para o período 2013-2018 e dá outras providências. O Presidente do TRE-RS, no uso de suas atribuições

Leia mais

Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel

Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Instituto de Informática Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel Belo Horizonte - MG Outubro/2007 Síntese

Leia mais

Portaria nº 111, de 23 de janeiro de 2014.

Portaria nº 111, de 23 de janeiro de 2014. PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO Portaria nº 111, de 23 de janeiro de 2014. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO, no uso de suas atribuições

Leia mais

AMBIÊNCIA EXTERNA / Ameaças

AMBIÊNCIA EXTERNA / Ameaças 22 A análise ambiental externa teve como foco os fatores predominantes do ambiente externo (oportunidades e ameaças) que influenciam ou podem vir a influenciar o desempenho do TRT, rumo ao alcance de sua

Leia mais

Breve Nota sobre o Desafio da Gestão de Pessoas no Poder Judiciário

Breve Nota sobre o Desafio da Gestão de Pessoas no Poder Judiciário Breve Nota sobre o Desafio da Gestão de Pessoas no Poder Judiciário Agostinho Teixeira de Almeida Filho Desembargador do TJ/RJ. Mestre em Poder Judiciário pela Fundação Getúlio Vargas-RJ. O direito administrativo

Leia mais

Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011

Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011 Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011 Dispõe sobre o Plano Nacional de Capacitação Judicial de magistrados e servidores do Poder Judiciário (Publicada no DJ-e nº

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Presidência Controladoria Interna PLANO DIRETOR CONTROLE INTERNO 2013-2014

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Presidência Controladoria Interna PLANO DIRETOR CONTROLE INTERNO 2013-2014 PLANO DIRETOR DE CONTROLE INTERNO 2013-2014 SUMÁRIO Pág. 1. INTRODUÇÃO 02 2. SISTEMA DE CONTROLE INTERNO 02 2.1 Conceituação 02 2.2. Marco legal 04 3. O CONTROLE INTERNO NO ÂMBITO DO TCEMG 4. CONTROLADORIA

Leia mais

CLIPPING DE NOTÍCIAS DO PODERJUDICIÁRIO GESTÃO ESTRATÉGICA CONSELHOS TRIBUNAIS SUPERIORES

CLIPPING DE NOTÍCIAS DO PODERJUDICIÁRIO GESTÃO ESTRATÉGICA CONSELHOS TRIBUNAIS SUPERIORES CLIPPING DE NOTÍCIAS DO PODERJUDICIÁRIO GESTÃO ESTRATÉGICA CNJ CONSELHOS http://www.cnj.jus.br/ 12/08/2014 II Encontro Nacional debate formação de servidores do Judiciário (http://www.cnj.jus.br/noticias/cnj/29333-ii-encontronacional-debate-formacao-de-servidores-do-judiciario)

Leia mais

Preservar é direito do cidadão e dever do Estado

Preservar é direito do cidadão e dever do Estado RESOLUÇÕES DO III ENCONTRO NACIONAL DA MEMÓRIA DA JUSTIÇA DO TRABALHO APROVADAS PELA PLENÁRIA, JÁ COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS A PARTIR DOS DESTAQUES OFERECIDOS. Preservar é direito do cidadão e dever

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 11/06/2014 13:47:32 Endereço IP: 200.253.113.2 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA

JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA CONFORMAÇÃO CONSTITUCIONAL Constituição Federal (OBS: o Decreto 4.346/02 exige o cumprimento do contraditório na apuração das infrações disciplinares) Art. 92.

Leia mais

PORTARIA Nº 4.984 DE 11 DE JULHO DE 2013. (Republicação) (Texto compilado com as alterações promovidas pela Portaria nº 3.

PORTARIA Nº 4.984 DE 11 DE JULHO DE 2013. (Republicação) (Texto compilado com as alterações promovidas pela Portaria nº 3. PORTARIA Nº 4.984 DE 11 DE JULHO DE 2013. (Republicação) (Texto compilado com as alterações promovidas pela Portaria nº 3.029/2014) Regulamenta a Gratificação por Encargo de Curso no âmbito da Justiça

Leia mais

*F08DE65C* PROJETO DE LEI N.º, de 2015. (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO)

*F08DE65C* PROJETO DE LEI N.º, de 2015. (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO) PROJETO DE LEI N.º, de 2015. (DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO) Dispõe sobre a criação de cargos de provimento efetivo no Quadro de Pessoal da Secretaria do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região e

Leia mais

Esta Rotina Administrativa (RAD) se aplica aos Juizados Especiais Cíveis, passando a vigorar a partir de 18/10/2013.

Esta Rotina Administrativa (RAD) se aplica aos Juizados Especiais Cíveis, passando a vigorar a partir de 18/10/2013. Proposto por: Equipe do Juizado Especial Cível Analisado por: Representante da Administração Superior (RAS Coordenador) Aprovado por: Juiz Direito Coordenador do SIGA/JEC 1 OBJETIVO Estabelecer critérios

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 07 DE 30/05/2014 (DJE 04/06/2014)

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 07 DE 30/05/2014 (DJE 04/06/2014) INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 07 DE 30/05/2014 (DJE 04/06/2014) EMENTA: Implanta o Sistema Processo Judicial Eletrônico-PJe nas Varas Cíveis da Capital e dá outras providências. O Presidente do Tribunal de Justiça

Leia mais

Módulo 9 A Avaliação de Desempenho faz parte do subsistema de aplicação de recursos humanos.

Módulo 9 A Avaliação de Desempenho faz parte do subsistema de aplicação de recursos humanos. Módulo 9 A Avaliação de Desempenho faz parte do subsistema de aplicação de recursos humanos. 9.1 Explicações iniciais A avaliação é algo que faz parte de nossas vidas, mesmo antes de nascermos, se não

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PORTARIA N.º 652, DE 19 DE MAIO DE 2011 RESOLVE: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PORTARIA N.º 652, DE 19 DE MAIO DE 2011 RESOLVE: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS PORTARIA N.º 652, DE 19 DE MAIO DE 2011 A SECRETÁRIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, especialmente em referência ao disposto no artigo 25, da Constituição Federal de 1988, e ao

Leia mais

Conselho Nacional de Justiça

Conselho Nacional de Justiça Conselho Nacional de Justiça Autos: PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS - 0006845-87.2014.2.00.0000 Requerente: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB Requerido: CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA - CNJ Ementa: PEDIDO

Leia mais

ATRIBUIÇÕES ESSENCIAIS DA FUNÇÃO

ATRIBUIÇÕES ESSENCIAIS DA FUNÇÃO PERFIL DE CARGO S 1- DADOS DA VAGA Cargo: Analista Função: Analista de Cooperativismo e Monitoramento Unidade Estadual: Sescoop- Maranhão Carga Horária: 40h/ semanais Salário: R$ 1.663,00 (hum mil seiscentos

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA PROVIMENTO N. 2/2014/CM

ESTADO DE MATO GROSSO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA PROVIMENTO N. 2/2014/CM PROVIMENTO N. 2/2014/CM Atualiza a política de gratificação por encargo de curso ministrado/desenvolvido pelos magistrados e servidores do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso que atuarem como instrutores

Leia mais

ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s. Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto

ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s. Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto ITINERÁRIO FORMATIVO DE DIRETORES DE SECRETARIA DE VT s Coordenador: Desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto 1. PROCESSO DE TRABALHO 1.1. Esfera Administrativa Planejamento Análise da realidade

Leia mais

Competência dos Juizados da Fazenda Pública (valor da causa, matéria e procedimentos)

Competência dos Juizados da Fazenda Pública (valor da causa, matéria e procedimentos) Competência dos Juizados da Fazenda Pública (valor da causa, matéria e procedimentos) Antonio Vinicius Amaro da Silveira Juiz de Direito Turma Recursal da avini@tj.rs.gov.br I Introdução Art. 98, I, da

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014 COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO SENAI DR/ES N 026/2014 15/06/2014 O SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial torna pública a realização de processo seletivo para provimento de vagas observados

Leia mais

EXPECTATIVAS COM RELAÇÃO AO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

EXPECTATIVAS COM RELAÇÃO AO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO EXPECTATIVAS COM RELAÇÃO AO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Novos tempos para o Poder judiciário; Sucesso total; Acredito que o seminário plantou a semente de pensar a estrutura do ambiente em que se trabalha

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO Aula 01 Servidores PúblicosP Profº.. Francisco De Poli de Oliveira 1. INTRODUÇÃO Trata o nosso estudo sobre os servidores públicos, quando abordaremos os elementos introdutórios

Leia mais

Tribunal de Justiça de Pernambuco Poder Judiciário ANEXO I REQUISIÇÃO

Tribunal de Justiça de Pernambuco Poder Judiciário ANEXO I REQUISIÇÃO ANEXO I REQUISIÇÃO 1. OBJETIVO Contratar serviços especializados de consultoria (pessoa jurídica) para orientar as equipes do Centro de Estudos Jurídicos - CEJ e da Assessoria de Planejamento e Gestão

Leia mais