Jamb Cultura. Segunda viagem do Departamento Cultural da AMB. Boa Leitura

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Jamb Cultura. Segunda viagem do Departamento Cultural da AMB. Boa Leitura"

Transcrição

1 Jamb Cultura Este caderno é parte integrante do Jornal da Associação Médica Brasileira (JAMB) Coordenação: Hélio Barroso dos Reis Bimestral julho/agosto de 2012 nº 16 Foto: Arquivo particular Dan Ferreira de Mendonça médico, otorrinolaringologista, nascido em Vitória (ES), em 27/02/1957, formado em Medicina pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), em 1981, fez residência em Otorrinolaringologia pelo Instituto de Otorrinolaringologia de Minas Gerais. Fez várias exposições individuais e coletivas de 1974 até 1996, ganhando prêmios nas categorias pintura e desenho em salões universitários da Universidade Federal do Espírito Santo. Em 2009, lançou o livro "Pés no Chão e a Cabeça nas Nuvens", que conta sua trajetória de artista plástico a construtor de instrumentos musicais de corda, percussão e instrumentos cirúrgicos para laringe, mantendo atividades de pinturas e esculturas. Autor: Dan Ferreira de Mendonça Título: Touro Dimensões: 30x10x22 Técnica: Aço inoxidável Ano: 2003 Acervo: Pessoal Boa Leitura Segunda viagem do Departamento Cultural da AMB A viagem cultural da AMB deste ano está prevista para o mês de novembro: será um cruzeiro marítimo de sete noites pela América do Sul com partida e chegada pelo porto de Santos, e paradas nas cidades de Punta Del Leste e Montevidéu (Uruguai) e Buenos Aires (Argentina). Escolhemos para esta viagem o MSC Magnífica, um dos cruzeiros mais luxuosos e mais modernos do mundo da MSC Cruzeiros. Tem capacidade para receber hóspedes e muitas opções de lazer: saunas, banhos turcos, academia de ginástica, salão de beleza, área para relaxamento e salas de massagem, solário, piscinas, pista de jogging, minigolfe, patinação no gelo, quadras de tênis e basquete. Conta com cinco restaurantes, 12 bares, cyber café, teatro com poltronas, cinema, cassino e discoteca. Durante a viagem estamos prevendo palestras culturais, cuja programação ainda está sendo definida pela diretoria cultural. O caro leitor encontrará na página 28 deste Jamb matéria detalhada sobre esta viagem, com roteiro, preços, formas de pagamento, informações e reservas. Nesta edição do JC, destacamos o trabalho do otorrinolaringologista Dan Ferreira de Mendonça, de Vitória (ES). Há ainda uma homenagem de Gerson Augusto P. de Azevedo ao cinquentenário da morte do médico e cientista Manoel de Abreu, o criador da abreugrafia, e a quem devemos os passos iniciais do fantástico avanço alcançado hoje pela medicina diagnóstica por imagem. Na seção de crônicas, aprecie o agradável texto de João Evangelista Teixeira Lima em Viagem de férias e seus transtornos, ou Diário de uma grávida, de Roberto Passos do Amaral Pereira. No espaço poético, Medicina de amor e arte", de Edmir A. Lourenço e o acróstico Drogas, de autoria de Arnóbio Moreira Félix. Por fim, anotem e curtam as "Dicas Culturais" com eventos nas cidades de Manaus (AM), Belo Horizonte (MG) e Curitiba (PR). Tenham uma BOA LEITURA! Hélio Barroso dos Reis Ortopedista e Diretor Cultural da AMB Vitória, ES 121

2 Homenagem A minha homenagem ao cinquentenário de morte do médico e cientista Manoel de Abreu - o criador da abreugrafia! Manoel de Abreu Abreugrafia em serie (filme 35m.m) Não podemos esquecer certas pessoas e feitos. E torço para que muitos colegas, um de cada regional esteja se animando e escrevendo um artigo sobre os primeiros, os pioneiros, os professores etc. A radiologia é o máximo. A curiosidade só mata o gato. Dr. Antonio Carlos Pires Carvalho Membro Titular do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR). A Radiologia tem seus líderes transformadores. Entre outros Manoel de Abreu, Nicola Casal Caminha, Waldir Maymone e mais recentemente Giovanni Guido Cerri. O autor. Abreugrafia (definição) - É a fotografia do écran fluorescente sob a ação dos Raios X. Manoel de Abreu fez e escreveu Ciência Foi Cientista!. Dr. Itazil Benício dos Santos Prof. Titular de Radiologia da Fac.Med.UFBA In Memoriam. Ciência e Arte devem ser tratadas como duas faces, da mesma moeda. Leonardo da Vinci Pintor, inventor, músico, filósofo, anatomista, engenheiro, arquiteto, matemático e um dos maiores benfeitores da humanidade Os aparentes defeitos do homem do saber acabam se tornando virtudes. Miguel Reale Jurista paulista, Imortal da Academia Brasileira de Letras (ABL). Ele é um homem que aprendi a admirar. Como membro titular do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) e também membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores - Regional Bahia (SOBRAMES), achei que deveria me associar às homenagens que a Sociedade Paulista de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (SPR) e entidades afins estão lhe prestando com este artigo, para que muitos possam ter uma ideia ainda que ligeira, sobre a pessoa deste grande brasileiro (paulista) de história fascinante. A pretensão deste autor, reafirmo, não é escrever um texto que resultasse num trabalho de pesquisa de forma analítica com o estabelecimento prévio de datas e dos acontecimentos, e sim traçar um panorama abrangente da evolução deste médico e cientista. É importante resgatá-lo nos seus 50 (cinquenta) anos de morte. Manoel de Abreu teve alguns biógrafos, dentre eles é destaque o Dr. Elvio A. Tuoto, da Universidade Federal do Paraná, e mais recentemente o jornalista e historiador Oldair de Oliveira. Cabe salientar, entretanto, que o Prof. Dr. Itazil Benício dos Santos, radiologista (BA), saiu na frente dirse-ia, ao ser inovador em livro cujo título é Vida e Obra de Manoel de Abreu - o criador da abreugrafia, Irmãos Pongetti Editora, Rio de Janeiro, O primeiro biógrafo é o desbravador dessa selva intrincada e misteriosa que é sempre a vida dos gênios. Obra que certamente servirá de manancial para os estudiosos vindouros, quando o tempo disser, em última palavra, que o nome de Manoel de Abreu representa para a ciência mundial e o grande brasileiro colocado em seu pedestal de glória, não apenas como um sábio, não apenas como um esteta, mas sobretudo como um dos grandes benfeitores da humanidade, sentenciaram os Irmãos Pongetti. Depois de formado em Medicina pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, o jovem Manoel de Abreu, cheio de sonhos, embarca para Paris para aperfeiçoar-se nos hospitais. Nesta ocasião, ele apresentou à Academia de Medicina de Paris o trabalho sobre Densitometria Pulmonar. 122

3 Alguns anos depois, publicou o livro Radiodiagnostic dans la tuberculose pleuro-pulmonares. Foi aí que ocorreu um episódio interessante: para publicar este livro, os editores exigiram o prefácio do Dr. E. Rist, presidente da Comissão Sobre Tuberculose. Abreu pediu então ao Dr. Rist que prefaciasse o seu livro. Este, depois de lê-lo detidamente, pediulhe somente que mudasse o texto em alguns pontos assinalados no original, quanto à suposta superioridade da radiologia sobre a estetoacústica. Abreu concordou inteiramente e o livro foi finalmente publicado. Com essa atitude de grandeza interior de Manoel de Abreu, fica a lição da maior das virtudes - A HUMILDADE! De volta de Paris (depois da permanência de oito anos) para o Brasil, se fixa no Rio de Janeiro. E quando trabalhou como chefe da antiga Inspetoria de Profilaxia contra a Tuberculose, tem a ideia fixa já desde o tempo que esteve em Paris França de tentar pela segunda vez (embora ainda sem êxito) fotografar o écran fluorescente que foi levado pela repercussão que alavancou em seu espírito o problema ainda sem qualquer solução da tuberculose na fase epidêmica que o Rio de Janeiro atravessava. Nesse ínterim, torna-se membro da Academia Nacional de Medicina. Representou para ele um coroamento. À moda dos acadêmicos, um novo amanhecer. Em 1929, sete de setembro, casa-se com a Srª. Dulce Evers de Abreu, em São Paulo, na casa dos pais dele. Abreu continuou perseguindo seus ideais no sono, na vigília e até mesmo acordado. Quando parecia desistir de tudo, ouvia uma voz ao longe que lhe dizia: Avante! Avante! O poeta maranhense disse: Viver é lutar / Se o duro combate / Os fracos abate / Aos fortes, aos bravos / Só pode exaltar. Em 1936, na sua terceira tentativa de fotografar o écran fluorescente usando ao exame em massa sistemática, obteve as primeiras fluorografias de apreciável valor informativo em condições de serem utilizadas no exame das coletividades. Estava criado o novo método de exame coletivo a que se chamou roentgenfotografia, fluoroscopia e mais tarde denominaram de ABREUGRAFIA. Na corrida científica para fotografar o écran fluorescente, a paráfrase de um dos nossos maiores escritores e também médico, o mineiro Guimarães Rosa, se torna verdadeira para o médico e cientista paulista: Chegou a hora e vez de Manoel de Abreu. Anos depois, acho que inspirado no seu mestre, Itazil, dizia: O homem tem que ser determinado: se tem em mente um ideal, deve realizá-lo logo e não deixá-lo para depois, senão fica naquela coisa: é hoje, amanhã, é hoje, amanhã e acaba não realizando nunca. Demais! Abreu então lembrou-se da frase de Vitor Hugo (escritor francês): O homem precisa ser visto. Ele viajou país afora para divulgar a sua criação, o seu invento, pois o teste que registra a imagem do tórax na tela de Raios X espalhou-se pelo mundo. O inventor do exame, já indicado ao Prêmio Nobel em 1950, teve o invento batizado com o seu nome aqui no Brasil. Comemora-se no dia 4 de janeiro (dia de seu nascimento) o Dia Nacional da Abreugrafia. Abreu tornou-se membro honorário da Sociedade Argentina de Radiologia. Inaugura-se o primeiro posto de abreugrafia no Centro de Saúde nº 3, Rio de Janeiro. Depois, tornase professor catedrático de Radiologia Clínica da Faculdade de Ciências Médicas no Rio de Janeiro. Torna-se também membro honorário do Colégio Americano de Radiologia e da Associação Paulista de Medicina. Em 30 de janeiro de 1962 falece no Rio de Janeiro. Selecionei algumas de suas frases famosas ditas na época: - No Brasil se lê pouco, se escreve pouco; precisase ler mais, escrever mais; o papel é caro, o impresso também é caro. - Na leitura, só na leitura, está a chave da liberdade. - Aqui estou humilde, inspirado veemente em companhia dos meus amigos, na Santa Cidade de Salvador, onde o Brasil nascia para ele defender os fracos e sonhar o sonho da liberdade (declaração num simpósio sobre a abreugrafia na Bahia). Em 1965 foi fundado o Clube Manoel de Abreu e se tornou um tradicional evento científico promovido pela Sociedade Paulista de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (SPR). O clube contempla em média seis reuniões ao ano. No decorrer dos anos o uso da abreugrafia acabou sendo abolida, considerada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) um método de diagnóstico já superado, obsoleto, baseado em estatísticas, cuja alegação era que o tratamento da tuberculose é cada vez mais eficaz, as recidivas da doença continuam a ser muito raras, o custo operacional muito caro, dentre outras razões que não mais justificavam a aplicação a que se destinou em massa. Restou-lhe apenas o valor simbólico e histórico. A lição que se tira de tudo isso é que precisamos investir mais tempo e mais dinheiro para criar tecnologias a fim de mudar o panorama da saúde humana. 123

4 Inauguração da herma em homenagem à memória do Professor Manoel de Abreu no jardim do Hospital São Sebastião, no Cajú, onde o cientista dirigiu desde 1944 o Serviço de Diagnóstico Pulmonar e Cadastro Torácico. Primeiro aparelho de abreugrafia, instalado no Centro de Saúde da Rua Rezende nº 128. Vêem-se Manoel de Abreu, Aloysio de Paula e técnicos (1936) Anos depois da morte de Manoel de Abreu, sua esposa Dulce Evers de Abreu, que não gerou filhos para o casal, pediu socorro ao governo do Estado do Rio de Janeiro e aos amigos do marido ilustre, pois estava passando necessidades financeiras. Ao tomar conhecimento do fato, Itazil saiu mais uma vez na frente, desta vez, em defesa da viúva do querido mestre. E escreve, portanto, um artigo na imprensa baiana (leia-se jornal A Tarde), inspirado na situação criada e que teve repercussão nacional. Assim ele disse (embora este autor reconheça que possa ser traído literalmente pela memória): O Mestre Abreu, no afã de seguir o seu ideal puro e com causa, talvez tenha se esquecido da estabilidade financeira familiar, uma vez que sua esposa saíra de sua zona de conforto. Será que ele estava mesmo certo?, indagou Itazil. Na verdade, na verdade, Itazil, o que disse revelou que parte vem da abordagem secundária que é conferida à FILOSOFIA Disciplina que nos ensina a duvidar e questionar. 124 A realidade é imperfeita, diria. O conceito de riqueza (financeira) para os homens de ciência como Manoel de Abreu, como ingredientes fundamentais na construção de uma família, apareceria perto do final da sua lista de valores. Antes dele (o valor financeiro) é importante desenvolver autoconhecimento. Para o cientista entre outras coisas é isso: Está quase sempre com a razão, mesmo 50 anos depois. Não é uma tarefa fácil harmonizar família com a profissão de médico (profissão que exige muito sacrifício e é considerada um verdadeiro sacerdócio). Cito os Profs. Drs. Alberto Serravalle e Almerio Machado (ambos de quem sou afeiçoado), ícones da Medicina da Bahia, como dois exemplos desta harmonia dos sonhos. À falta de um bom raciocínio recorro a citações para explicar melhor coisas que eu mesmo não consigo explicar tão bem. Em busca dessa referência como Nietzsche, cuido de burilá-lo (gravá-lo no espírito): O homem que possui muita felicidade é aquele que procura uma linguagem para essa felicidade de modo a poder reparti-la com os outros. Manoel Dias de Abreu foi um desses homens que demonstrou sentir, durante longa, excitante e útil passagem sobre a terra essa intensa felicidade e de poder repartí-la com os outros. Gerson Augusto Paes de Azevedo Radiologista, Salvador, BA

5 Crônica Viagem de férias e seus transtornos Nosso planeta é um livro e aquele que não viaja lê apenas seu prefácio. Bater com os costados em terras distantes sempre fascinou o ser humano. Entretanto, nem sempre viajar rima com relaxar. Não irei diluir o assunto, partindo para digressões sobre viagens internacionais, com suas complicadas logísticas, passaportes, barreiras de língua, fusos horários, extravios de bagagens e aeroportos superlotados. Descreverei apenas a simplória viagem que fiz há algumas semanas para o sul da Bahia. Como tudo na vida, viajar também depende de programação. O roteiro que traçamos rezava sair de Vitória às cinco da manhã para chegar a Porto Seguro às treze horas. Tudo parecia correr bem, mas quando passamos pela cidade de Pedro Canário, perplexos, nós verificamos a fila quilométrica que se estendia a nossa frente. Tratava-se de mais um desses desrespeitos ao direito de ir e vir do cidadão: O Movimento Sem Terra, sem ter nada o que fazer, queimava pneus, fechando a pista, impedindo todos de seguirem para seus destinos. Debaixo de sol escaldante, queimamos os miolos e a paciência durante três horas. Seguimos viagem. Nem bem rodamos alguns quilômetros, lá vem outro aborrecimento. Alguns urubus degustavam um cachorro morto no acostamento e, no exato momento que passamos, eles resolveram abandonar o cardápio. Todos voaram para o céu, com exceção de um que resolveu achar que o para-brisa do automóvel era aeroporto. Mirando o vidro com um perigoso trincado, passei o resto do percurso tenso e preocupado. Chegamos a Porto Seguro com quatro horas de atraso. A primeira coisa que me chamou atenção foi a beleza e o luxo do hotel. No entanto, esse entusiasmo murchou quando senti que o ar refrigerado somente ventilava, carecendo de manutenção há bastante tempo. Apesar do requinte da hospedagem, as toalhas pareciam com telas de pintar, de tão gastas que estavam. Mais tarde descobri que jamais devemos fechar um pacote de mais de cinco dias, durante a baixa temporada. Como nessa época sobram vagas, devemos reservar no máximo três dias para depois, conforme a situação, estender por mais algum tempo. Moral da história: ficamos presos a um pacote de sete dias, todos eles regados com chuva. Findado o encharcado tédio, rumamos para Morro de São Paulo, distante mais quinhentos quilômetros. Embora tivéssemos atrasado duas horas, parando em Itabuna para trocar o vidro do carro, fiquei satisfeito em saber que tudo voltara ao normal. Melíf luo engano. Eu nunca imaginaria que o caminhão rodando na minha frente fosse agir como aquele raio que cai no mesmo lugar. Mas, caiu. Quando um dos seus pneus feriu uma pedra localizada no asfalto, ela partiu em direção ao para-brisa novinho do carro. Dessa vez o estrago foi uma obra de arte: as rachaduras formaram a imagem daquele sol que tanto pedimos em Porto Seguro. Paramos em Ilhéus, para acertarmos o sinistro. Finalmente chegamos ao Morro de São Paulo, essa sucursal do paraíso. Com um sorriso na boca, que logo esmaeceu, fomos informados de que nossa reserva havia apagado do sistema e, por esse motivo, todos os quartos estavam ocupados. Esse foi um problema menor, pois logo encontramos vaga em outra pousada. Apesar de tudo ter acabado bem, durante nossa estada fui informado que, no único posto de saúde da bela ilha, o médico era boliviano e não tinha diploma. Fizemos figa com a mão. Retornamos com experiência e recordação. João Evangelista Teixeira Lima Clínico Geral e Gastroenterologista Vila Velha, ES 125

6 Crônica Diário de uma grávida O TESTE Chega o momento. Há dias aguardo o resultado do meu exame de gravidez. Neste momento tenho o envelope em minhas mãos. Mal consigo segurá-lo, meus dedos tremem como vara verde. Pego o telefone com dificuldade e ligo para o meu marido. Quero saber a resposta com ele perto de mim. Assim, logo que ele chega começo a me sentir mais confiante. Mesmo assim, abro-o vagarosamente e um frio sobe na minha barriga. Ah! O teste é positivo, que felicidade! Estou grávida! Vejo nos olhos do meu marido o sorriso de alegria. Nos meus, lágrimas de emoção caem molhando suavemente o meu rosto. Sinto vontade de gritar, falar para todo mundo que vou ser mãe. Pego o celular e ligo para os meus pais, que também ficam felizes com a notícia. A GRAVIDEZ Hoje, como sempre, desde que engravidei, permaneço longas horas em frente ao espelho, admirando e sentindo as transformações do meu corpo. Sinto-me cada dia mais bonita, e não vejo a hora de ter meu filho em meus braços, sentir o pulsar do seu coração ao ouvir a minha voz. Algumas vezes tenho enjoos que logo passam, ficando apenas a grande sensação de trazer alguém muito querido dentro do ventre e a emoção de poder realizar um grande sonho: ser mãe. O PARTO É primavera. Lindas dálias, azaleias e rosas florescem nos jardins. Estou descansando na varanda do meu apartamento com meus pés apoiados numa cadeira. De repente sinto uma pontada forte na barriga. Acho que está na hora do parto. Chamo meu marido, que liga para a ginecologista e seguimos para a maternidade. 126 Lá, paredes brancas, impessoais, familiar somente os olhos da minha médica (já que está de máscara e gorro) e a mão firme e amiga do meu companheiro. Respire fundo! Força! Força! Seu filho está quase nascendo, pede a doutora. Ela estava certa, em poucos minutos, o choro forte do meu filho quebra a monotonia daquela sala. A doutora coloca meu filho encostado no meu peito. Eu mal posso me conter de tanta felicidade, meu coração dá pulos de emoção. Meu filho instintivamente encontra meus seios. É impossível esquecer o seu rostinho de satisfação, comprovado quando adormece serenamente como um anjo. O FUTURO Amanhã deixo o hospital. Quero estar no aconchego do meu lar. Sei que tudo muda com a presença de um filho e que certamente, alguns dias, minha vida ficará de cabeça para baixo, perderei noites de sono. Agora, além de trabalhar fora, ser mulher, ainda terei que ser mãe. Bem, como filho não é computador, não vem com manual de instruções, terei que aprender a ser mãe ao vivo, no calor das emoções, sem ensaios ou rascunhos, apenas ensinando-lhe com muito amor, carinho e cumplicidade, a descobrir o mundo. Terei momentos difíceis, mas prazerosos, afinal, assim é feita a vida. Roberto Passos do Amaral Pereira Pediatra Vitória, ES

7 Espaço Poético Medicina de amor e arte A Medicina É como o Amor, Um processo dinâmico, Acróstico dobrado, com versos redondilho maior, para: Drogas Como a própria Vida! O dom De ensinar Medicina, Extrapola em tudo O amor inato pela vida! Quando se incisa uma pessoa, Drogas! O nome diz tudo. Risco de dor e de morte. O caminho é o estudo, Gostar de Deus e ser forte. Ela é a única beneficiada pelo ato operatório, Quando se ensina a diagnosticar, Para depois incisar e extirpar o mal, Atinge-se um alcance social Infinitamente maior, Que extrapola a arte, Na própria vida... As drogas são grandes vícios, Somos todos responsáveis. Dedicação e princípios, Respeito e amor, bem duráveis. Terminar boa conversa. A prevenção vale mais, Ser feliz é o que interessa!!! Edmir Américo Lourenço Otorrinolaringologista Jundiaí, SP Arnóbio Moreira Félix Ortopedista Belo Horizonte, MG 127

8 Jamb Dicas Culturais Manaus/AM MISAM - Museu da Imagem e do Som do Amazonas Criado em 2000, foi instalado com tecnologia de ponta em parceria com empresas privadas e tem por objetivo pesquisar, coletar, conservar, divulgar e popularizar acervos de imagens, áudio e vídeo relativos à Amazônia, através da imagem, do áudio e do vídeo. Todo o acervo é restrito a pesquisa in loco, não podendo ser reproduzido ou emprestado. Endereço: Praça Heliodoro Balbi, s/n - Centro Manaus, Amazonas Horário de visitação: Terça-feira a domingo, das 9h às 18h30 Telefone/Fax: (92) PABX: (92) Ramal: ; Acervo peças (aproximadamente) Preço: Entrada Franca Funcionários/BH Em 26 de abril de 1982, foi inaugurada no foyer da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, a Galeria de Arte Paulo Campos Guimarães. Desde então, escritores, artistas plásticos e de artes visuais têm apresentado trabalhos relevantes no âmbito da cultura e da literatura. A ocupação do espaço se dá por meio de seleção pública, que acontece anualmente, no mês de outubro, através de edital publicado pela galeria. Para participar é necessária a apresentação do portfólio do artista, com pelo menos cinco fotos dos trabalhos a serem expostos. A análise da proposta é feita por uma comissão de seleção. A Galeria também recebe escritores para lançamentos de livros, com agendamento prévio. Passarela do Prédio Anexo Professor Francisco Iglésias - Neste espaço singular, artistas e escritores apresentam e divulgam seus trabalhos. A sua ocupação ocorre por meio do mesmo edital, publicado anualmente, pela Galeria de Artes Paulo Campos Guimarães. Horário de funcionamento: De segunda a sexta, das 8h às 20h. Sábado, das 8h às 12h Telefone: (31) Localização: Anexo Professor Francisco Iglésias Rua da Bahia 1889, Funcionários Belo Horizonte Curitiba/PR Museu do Expedicionário Dotado de valioso e original acervo, o Museu do Expedicionário revela e ilustra, de forma didática, a participação dos soldados do Brasil no último conflito mundial. Além do farto material histórico, como fotografias, filmes, mapas, livros e ilustrações, referente à participação brasileira, através da Força Expedicionária Brasileira, da Força Aérea Brasileira e da Marinha de Guerra do Brasil, outras peças e documentos cedidos pelas diversas nações envolvidas no conflito podem ser admirados. Endereço: Praça do Expedicionário s/nº - Alto da XV - Curitiba - Paraná Telefone/Fax: (41) / Horário de visitação: De terça a sexta-feira, das 10:00 às 12:00 e das 13:00 às 17:00. Sábado e domingo das 13:00 às 17:00 Colaboração O Jamb Cultura é um espaço aberto que estimula a literatura e valoriza as manifestações culturais do Brasil. Para isso, convidamos os médicos a enviar artigos, crônicas, poesias, textos sobre cultura e história da Medicina para o Conselho Editorial. A/C Hélio Barroso dos Reis (Diretor Cultural): Rua São Carlos do Pinhal, 324 Bela Vista São Paulo/SP - CEP: ou pelo Participe e colecione! Normas para publicação de artigo no Jamb Cultura 1) ser médico(a) associado (a) à Associação Médica Brasileira, através da Federada de sua região. 2) texto de aproximadamente 1 lauda, em arial 12. 3) se houver fotografias, favor identificá-las, colocar o crédito e enviar em 300 dpi, anexadas fora do texto (JPG). 4) o material será apreciado pelos membros do Conselho Editorial antes de sua publicação. JAMB CULTURA Edição Bimestral JULHO e AGOSTO de Presidente: Florentino de Araújo Cardoso Filho Coordenador e Diretor Cultural: Hélio Barroso dos Reis Diretora de Comunicações: Jane Maria Cordeiro Lemos Diretor de Marketing: José Carlos Vianna Collares Filho Conselho Editorial ( ): Antonio Roberto Batista (Campinas/SP - região Sudeste) Armando José China Bezerra (Brasília/DF - região Centro-Oeste) Carlos David Araújo Bichara (Belém/PA - região Norte) Gilson Barreto (Campinas/SP região Sudeste) Giovanni Guido Cerri (São Paulo/SP região Sudeste) Guido Arturo Palomba (São Paulo/SP região Sudeste) Hélio Barroso dos Reis (Vitória/ES região Sudeste) José Luiz Gomes do Amaral (São Paulo/SP região Sudeste) Murillo Ronald Capella (Florianópolis/SC região Sul) Roque Andrade (Salvador/BA região Nordeste) Yvonne Capuano (São Paulo/SP região Sudeste) Apoio cultural: Departamento de Comunicações da AMB Secretária: Denilia Dias Revisão: Natália Cesana Projeto Editorial: Sollo Comunicação 5) ao enviar ao Conselho, informar autorização de publicação. 6) assinar o artigo com: nome, especialidade, cidade, estado e endereço para correspondência. O Jamb Cultura somente publica matérias assinadas, as quais não são de responsabilidade da Associação Médica Brasileira 128

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos.

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos. 1) Como está sendo a expectativa do escritor no lançamento do livro Ser como um rio que flui? Ele foi lançado em 2006 mas ainda não tinha sido publicado na língua portuguesa, a espera do livro pelos fãs

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

Amar Dói. Livro De Poesia

Amar Dói. Livro De Poesia Amar Dói Livro De Poesia 1 Dedicatória Para a minha ex-professora de português, Lúcia. 2 Uma Carta Para Lúcia Querida professora, o tempo passou, mas meus sonhos não morreram. Você foi uma pessoa muito

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês 3 Truques Para Obter Fluência no Inglês by: Fabiana Lara Atenção! O ministério da saúde adverte: Os hábitos aqui expostos correm o sério risco de te colocar a frente de todos seus colegas, atingindo a

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais

Duração: Aproximadamente um mês. O tempo é flexível diante do perfil de cada turma.

Duração: Aproximadamente um mês. O tempo é flexível diante do perfil de cada turma. Projeto Nome Próprio http://pixabay.com/pt/cubo-de-madeira-letras-abc-cubo-491720/ Público alvo: Educação Infantil 2 e 3 anos Disciplina: Linguagem oral e escrita Duração: Aproximadamente um mês. O tempo

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO.

VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO. VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO. Qualquer hora é hora de falar sobre doação de órgãos. Pode ser à mesa do jantar, no caminho para o trabalho ou até mesmo ao receber este folheto.

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas).

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Titulo - VENENO Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Corta para dentro de um apartamento (O apartamento é bem mobiliado. Estofados

Leia mais

Entrevista 1.02 - Brenda

Entrevista 1.02 - Brenda Entrevista 1.02 - Brenda (Bloco A - Legitimação da entrevista onde se clarificam os objectivos do estudo, se contextualiza a realização do estudo e participação dos sujeitos e se obtém o seu consentimento)

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

eunice arruda - poesias alguns (poemas selecionados de eunice arruda)

eunice arruda - poesias alguns (poemas selecionados de eunice arruda) eunice arruda - poesias alguns (poemas selecionados de eunice arruda) propósito Viver pouco mas viver muito Ser todo o pensamento Toda a esperança Toda a alegria ou angústia mas ser Nunca morrer enquanto

Leia mais

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro.

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro. Enquete Um estudo feito por matemáticos da Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, mostrou que o dia preferido pelas pessoas é o domingo. Os pesquisadores analisaram 2,4 milhões de mensagens pela

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES. (Do Sr. JÂNIO NATAL) Senhor Presidente,

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES. (Do Sr. JÂNIO NATAL) Senhor Presidente, COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES REQUERIMENTO N O, DE 2011 (Do Sr. JÂNIO NATAL) Requer a realização de Audiência Pública para debater questões relativas à aviação civil brasileira. Senhor Presidente, Requeiro,

Leia mais

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido.

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Assim que ela entrou, eu era qual um menino, tão alegre. bilhete, eu não estaria aqui. Demorei a vida toda para encontrá-lo. Se não fosse o

Leia mais

ulher não fala muito Mulher pensa alto

ulher não fala muito Mulher pensa alto ulher não fala muito Mulher pensa alto bla bla PROF. GRETZ Mulher não fala muito. Mulher pensa alto. Reflexões bem humoradas para uma ótima vida a dois Florianópolis 2014 1. Silêncio 7 2. Percepção 13

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO

SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO FAÇA ACONTECER AGORA MISSÃO ESPECIAL SEU GUIA DEFINITIVO PARA PLANEJAR E EXECUTAR DE UMA VEZ POR TODAS SEU SONHO ENGAVETADO RENATA WERNER COACHING PARA MULHERES Página 1 Q ue Maravilha Começar algo novo

Leia mais

Atividade: Leitura e interpretação de texto. Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto

Atividade: Leitura e interpretação de texto. Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto Atividade: Leitura e interpretação de texto Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto Orientações: 1- Leia o texto atentamente. Busque o significado das palavras desconhecidas no dicionário. Escreva

Leia mais

INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009

INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009 INVERNO Um roteiro de Mikael Santiago 25/05/2009 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS COPYRIGHT MIKAEL SANTIAGO mikael@mvirtual.com.br RUA ITUVERAVA, 651/305 JACAREPAGUÁ RIO DE JANEIRO - RJ (21)9879-4890 (21)3186-5801

Leia mais

Autor (a): Januária Alves

Autor (a): Januária Alves Nome do livro: Crescer não é perigoso Editora: Gaivota Autor (a): Januária Alves Ilustrações: Nireuda Maria Joana COMEÇO DO LIVRO Sempre no fim da tarde ela ouvia no volume máximo uma musica, pois queria

Leia mais

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário epílogo O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário do rebuliço que batia em seu peito. Quase um ano havia se passado. O verão começava novamente hoje, ao pôr do sol, mas Line sabia que,

Leia mais

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em conjunto com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com perguntas respondidas pelo presidente Lula Manaus-AM,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM Roteiro para curta-metragem Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM SINOPSE José é viciado em drogas tornando sua mãe infeliz. O vício torna José violento, até que

Leia mais

De Profundis.indd 25 20/05/15 18:01

De Profundis.indd 25 20/05/15 18:01 Janeiro de 1995, quinta feira. Em roupão e de cigarro apagado nos dedos, sentei me à mesa do pequeno almoço onde já estava a minha mulher com a Sylvie e o António que tinham chegado na véspera a Portugal.

Leia mais

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance Sobre o autor: Meu nome é Rodrigo Marroni. Sou apaixonado por empreendedorismo e vivo desta forma há quase 5 anos. Há mais de 9 anos já possuía negócios paralelos ao meu trabalho e há um pouco mais de

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

Curso Intermediário de LIBRAS

Curso Intermediário de LIBRAS Curso Intermediário de LIBRAS 1 Curso Intermediário de LIBRAS 2 Unidade 2 Fazer as compras Sábado foi dia de ir ao Tok Stok. Nós, casal, fomos passear e dar uma voltada para olhar os moveis e objetos.

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

PESQUISA DE CABELEIREIRA/TÉCNICO DE ESTÉTICA:

PESQUISA DE CABELEIREIRA/TÉCNICO DE ESTÉTICA: Fundo Perpétuo de Educação PESQUISA DE CABELEIREIRA/TÉCNICO DE ESTÉTICA: Os depoimentos, ensinamentos e metas dos participantes mais bem sucedidos. A escolha da escola fez a diferença na sua colocação

Leia mais

Relato de parto: Nascimento do Thomas

Relato de parto: Nascimento do Thomas Relato de parto: Nascimento do Thomas Dia 15 de dezembro de 2008, eu já estava com 40 semanas de gestação, e ansiosa para ter meu bebê nos braços, acordei as 7h com uma cólica fraca, dormi e não senti

Leia mais

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR Introdução: Aqui nesse pequeno e-book nós vamos relacionar cinco super dicas que vão deixar você bem mais perto de realizar o seu sonho

Leia mais

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe!

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! *MELHOR MÃE DO MUNDO Coaching para Mães Disponíveis, www.emotionalcoaching.pt 1 Nota da Autora Olá, Coaching

Leia mais

Esta edição segue as normas do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

Esta edição segue as normas do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. [2] Luciano Portela, 2015 Todos os direitos reservados. Não há nenhum empecilho caso queira compartilhar ou reproduzir frases do livro sem permissão, através de qualquer veículo impresso ou eletrônico,

Leia mais

QUAL É A SUA MAIOR DÚVIDA?

QUAL É A SUA MAIOR DÚVIDA? QUAL É A SUA MAIOR DÚVIDA? Sonhos, Execução e Responsabilidade. ROBERTO FERMINO (ROCO) Q uer saber... Esta semana você é minha prioridade! Fiquei tão movido pelas dúvidas e mensagens de apoio que o mínimo

Leia mais

14 segredos que você jamais deve contar a ele

14 segredos que você jamais deve contar a ele Link da matéria : http://www.dicasdemulher.com.br/segredos-que-voce-jamais-deve-contar-aele/ DICAS DE MULHER DICAS DE COMPORTAMENTO 14 segredos que você jamais deve contar a ele Algumas lembranças e comentários

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

O que procuramos está sempre à nossa espera, à porta do acreditar. Não compreendemos muitos aspectos fundamentais do amor.

O que procuramos está sempre à nossa espera, à porta do acreditar. Não compreendemos muitos aspectos fundamentais do amor. Capítulo 2 Ela representa um desafio. O simbolismo existe nas imagens coloridas. As pessoas apaixonam-se e desapaixonam-se. Vão onde os corações se abrem. É previsível. Mereces um lugar no meu baloiço.

Leia mais

A PREENCHER PELO ALUNO

A PREENCHER PELO ALUNO Prova Final do 1.º e do 2.º Ciclos do Ensino Básico PLNM (A2) Prova 43 63/2.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura

Leia mais

Coaching para pessoas disponíveis, ambos

Coaching para pessoas disponíveis, ambos Nota da Autora 1001 maneiras de ser Feliz, é o meu terceiro livro. Escrevi Coaching para mães disponíveis e Coaching para pessoas disponíveis, ambos gratuitos e disponíveis no site do Emotional Coaching.

Leia mais

COLTON BURPO. para criancas. com Sonja e Todd Burpo. A história real de um menino que esteve no céu e trouxe de lá uma mensagem

COLTON BURPO. para criancas. com Sonja e Todd Burpo. A história real de um menino que esteve no céu e trouxe de lá uma mensagem # # BASEADO NO LIVRO QUE MAIS VENDE EM PORTUGAL para criancas A história real de um menino que esteve no céu e trouxe de lá uma mensagem COLTON BURPO com Sonja e Todd Burpo Ilustrado por WILSON ONG O

Leia mais

RECADO AOS PROFESSORES

RECADO AOS PROFESSORES RECADO AOS PROFESSORES Caro professor, As aulas deste caderno não têm ano definido. Cabe a você decidir qual ano pode assimilar cada aula. Elas são fáceis, simples e às vezes os assuntos podem ser banais

Leia mais

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias Lucas Zanella Collin Carter & A Civilização Sem Memórias Sumário O primeiro aviso...5 Se você pensa que esse livro é uma obra de ficção como outra qualquer, você está enganado, isso não é uma ficção. Não

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE A CRIANÇA NA PUBLICIDADE Entrevista com Fábio Basso Montanari Ele estuda na ECA/USP e deu uma entrevista para e seu grupo de colegas para a disciplina Psicologia da Comunicação, sobre sua história de vida

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 5

Transcrição de Entrevista nº 5 Transcrição de Entrevista nº 5 E Entrevistador E5 Entrevistado 5 Sexo Feminino Idade 31 anos Área de Formação Engenharia Electrotécnica e Telecomunicações E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

Apoio: Patrocínio: Realização:

Apoio: Patrocínio: Realização: 1 Apoio: Patrocínio: Realização: 2 O ANJO Hans Christian Andersen 3 Contos de Hans Christian Andersen Hans Christian Andersen nasceu em Odensae, em 2 de abril de 1805, e faleceu em Conpenhague em 1875.

Leia mais

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais)

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Tempo para tudo (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA Do Autor: ficção Não te deixarei morrer, David Crockett (Contos e Crónicas), 2001 Equador (Romance), 2003 Premio Grinzane Cavour Narrativa Straniera (Itália) Rio das Flores

Leia mais

paraíso Novo rumo no Inspiração one experience Relatos de quem tem história

paraíso Novo rumo no Inspiração one experience Relatos de quem tem história Novo rumo no paraíso Como uma viagem para a ilha de Saint Barths fez a mercadóloga Jordana Gheler trocar a carreira que tinha no Brasil por outra muito mais ensolarada [ depoimento concedido a Ana Luiza

Leia mais

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento.

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. museudapessoa.net P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. R Eu nasci em Piúma, em primeiro lugar meu nome é Ivo, nasci

Leia mais

O dia em que parei de mandar minha filha andar logo

O dia em que parei de mandar minha filha andar logo O dia em que parei de mandar minha filha andar logo Rachel Macy Stafford Quando se está vivendo uma vida distraída, dispersa, cada minuto precisa ser contabilizado. Você sente que precisa estar cumprindo

Leia mais

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque Fantasmas da noite Uma peça de Hayaldo Copque Peça encenada dentro de um automóvel na Praça Roosevelt, em São Paulo-SP, nos dias 11 e 12 de novembro de 2011, no projeto AutoPeças, das Satyrianas. Direção:

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Escola Municipal de Ensino Fundamental David Canabarro Florianópolis, 3892 Mathias Velho/Canoas Fone: 34561876/emef.davidcanabarro@gmail.com DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Stefani do Prado Guimarães Ano

Leia mais

Entrevistado por Maria Augusta Silva. Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração.

Entrevistado por Maria Augusta Silva. Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração. ANDRÉ LETRIA Entrevistado por Maria Augusta Silva Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração. Um traço sinónimo de qualidade. Desenho e cor para a infância. Aos 26 anos

Leia mais

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares BOLA NA CESTA Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares 25/04/2012 SINOPSE Essa é a história de Marlon Almeida. Um adolescente que tem um pai envolvido com a criminalidade. Sua salvação está no esporte.

Leia mais

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com TRECHO: A VOLTA POR CIMA Após me formar aos vinte e seis anos de idade em engenharia civil, e já com uma

Leia mais

Problemas de raciocínio logico

Problemas de raciocínio logico Problemas de raciocínio logico Os Quatro Pontos Estes 4 pontos devem ser unidos com 3 linhas retas, atendendo as seguintes condições: ao traçar as linhas não levantar o lápis do papel, não passar duas

Leia mais

Nova revolução para pequenas empresas. O nascimento de uma nova estratégia de negócios

Nova revolução para pequenas empresas. O nascimento de uma nova estratégia de negócios O DADO DAS EMPRESAS Nova revolução para pequenas empresas O trabalho é uma parte necessária e importante em nossas vidas. Ele pode ser o caminho para que cada trabalhador consiga atingir seu potencial

Leia mais

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter Distribuição digital, não-comercial. 1 Três Marias Teatro Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter O uso comercial desta obra está sujeito a direitos autorais. Verifique com os detentores dos direitos da

Leia mais

INT. BIBLIOTECA (1960) - DIANTE DO BALCãO DA BIBLIOTECáRIA

INT. BIBLIOTECA (1960) - DIANTE DO BALCãO DA BIBLIOTECáRIA INT. BIBLIOTECA (1960) - DIANTE DO BALCãO DA BIBLIOTECáRIA Carolina e, acompanhados de, estão na biblioteca, no mesmo lugar em que o segundo episódio se encerrou.os jovens estão atrás do balcão da biblioteca,

Leia mais

Amor em Perspectiva Cultural - Mário Quintana. 1. A amizade é um amor que nunca morre. (Mário Quintana)

Amor em Perspectiva Cultural - Mário Quintana. 1. A amizade é um amor que nunca morre. (Mário Quintana) Page 1 of 5 Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia da Cultura Educador: João Nascimento Borges Filho Amor em Perspectiva

Leia mais

Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12. Ele ficava olhando o mar, horas se o deixasse. Ele só tinha cinco anos.

Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12. Ele ficava olhando o mar, horas se o deixasse. Ele só tinha cinco anos. Contos Místicos 1 Contos luca mac doiss Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12 Prefácio A história: esta história foi contada por um velho pescador de Mongaguá conhecido como vô Erson. A origem:

Leia mais

MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho

MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho VERSÍCULOS PARA DECORAR ESTA SEMANA Usamos VERSÍCULOS a Bíblia na PARA Nova DECORAR Versão Internacional ESTA SEMANA NVI Usamos

Leia mais

Belo reparo. capítulo um. No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas. Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor

Belo reparo. capítulo um. No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas. Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor capítulo um Belo reparo Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas preciosas com ouro. O resultado é uma peça que nitidamente foi quebrada,

Leia mais

FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA. Alícia Flores Jardim

FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA. Alícia Flores Jardim FAZENDO SEXO APÓS O CÂNCER DE PRÓSTATA Alícia Flores Jardim Dedicatórias Dedico este trabalho a meu pai que morreu em janeiro de 2013, após um câncer de próstata descoberto tardiamente. Ao meu marido

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

Iracema estava na brinquedoteca

Iracema estava na brinquedoteca Estórias de Iracema Maria Helena Magalhães Ilustrações de Veridiana Magalhães Iracema estava na brinquedoteca com toda a turma quando recebeu a notícia de que seu sonho se realizaria. Era felicidade que

Leia mais

FECOMÉRCIO VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 14.10.15 EDITORIA: ECONOMIA

FECOMÉRCIO VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 14.10.15 EDITORIA: ECONOMIA FECOMÉRCIO VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 14.10.15 EDITORIA: ECONOMIA VEÍCULO: PORTAL NO AR DATA: 13.10.15 Em 13 de outubro de 2015 às 16:10 Cidades Sesc Saúde Mulher inicia atendimentos na Maternidade

Leia mais

Assim nasce uma empresa.

Assim nasce uma empresa. Assim nasce uma empresa. Uma história para você que tem, ou pensa em, um dia, ter seu próprio negócio. 1 "Non nobis, Domine, non nobis, sed nomini Tuo da gloriam" (Sl 115,1) 2 Sem o ar Torna-te aquilo

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens Arthur de Carvalho Jaldim e Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR

Leia mais

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956).

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956). 1. INTRODUÇÃO 1.1. MINHA RELAÇÃO COM A FOTOGRAFIA Meu pai tinha uma câmara fotográfica. Ele não era fotógrafo profissional, apenas gostava de fotografar a família e os amigos (vide Foto 1). Nunca estudou

Leia mais

Faces da Classe Média. Fevereiro de 2014

Faces da Classe Média. Fevereiro de 2014 Faces da Classe Média Fevereiro de 2014 Nos últimos anos o Brasil passou por uma das mais profundas mudanças de sua história 2 Pirâmide Losango AB AB Alta C DE Crescimento da Classe Média C DE Média Baixa

Leia mais

João Pessoa Tão grandiosa, tão rica, tão diversa, que é até difícil descrever uma capital de tantos sinônimos. Uma cidade que transmite sossego ao atravessar longos caminhos de verdes abundantes, inspira

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL. Emanuel Carvalho

COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL. Emanuel Carvalho COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL Emanuel Carvalho 2 Prefácio * Edivan Silva Recebi o convite para prefaciar uma obra singular, cujo título despertou e muita minha atenção: Como escrever um livro infantil,

Leia mais

...existe algum motivo legal que impeça a sentença de ser pronunciada?

...existe algum motivo legal que impeça a sentença de ser pronunciada? Levante-se o réu. 6 ...capítulo um Fiquei de pé. Por um momento vi Glória de novo, sentada no banco no píer. A bala acabara de atingir a sua cabeça, de lado, o sangue ainda nem tinha começado a escorrer.

Leia mais

Dormia e me remexia na cama, o coração apertado, a respiração ofegante. Pensava:

Dormia e me remexia na cama, o coração apertado, a respiração ofegante. Pensava: Não há como entender a ansiedade sem mostrar o que se passa na cabeça de uma pessoa ansiosa. Este texto será uma viagem dentro da cabeça de um ansioso. E só para constar: ansiedade não é esperar por um

Leia mais

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207 OLHAR GLOBAL Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas A poeira do renascimento 36 Fotografe Melhor n o 207 Olivier convida pessoas que encontra na rua ou na internet para posarem

Leia mais

Um na Estrada Caio Riter

Um na Estrada Caio Riter Um na Estrada Caio Riter PROJETO DE LEITURA 1 O autor Caio Riter nasceu em 24 de dezembro, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. É bacharel em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Pontifícia

Leia mais

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa MODELO 1 Compreensão da Leitura e Expressão Escrita Parte 1 Questões 1 20 O Luís enviou cinco mensagens através do telemóvel. Leia as frases 1 a 5. A cada frase corresponde uma mensagem enviada pelo Luís.

Leia mais

Orama Valentim já tem data marcada para no desafio, o Miss Brasil em setembro

Orama Valentim já tem data marcada para no desafio, o Miss Brasil em setembro Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro Gerência de Comunicação Jornal: Cidade: Data: Página: Seção: Ururau.com.br Campos 11/08/2013 WEB 11 de agosto de 2013 16:24 CIDADES E REGIÃO - É

Leia mais

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus CURSO DE DESENVOLVIMENTO HUMANO E ESPIRITUAL DESCUBRA A ASSINATURA DE SUAS FORÇAS ESPIRITUAIS Test Viacharacter AVE CRISTO BIRIGUI-SP Jul 2015 Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus I SABER

Leia mais