DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DA CULTURA SEMESTRE: Segundo semestre de 2011 CARGA HORÁRIA: 60 (sessenta) horas/aula CRÉDITOS: 04 (quatro)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DA CULTURA SEMESTRE: Segundo semestre de 2011 CARGA HORÁRIA: 60 (sessenta) horas/aula CRÉDITOS: 04 (quatro)"

Transcrição

1 Obtido em: CARGA HORÁRIA: 60 (sessenta) horas/aula CRÉDITOS: 04 (quatro) EMENTA: A disciplina tem por objetivo introduzir os alunos no debate teórico e metodológico sobre a cultura de um ponto de vista da análise histórica. Propõe-se aqui examinar as principais matrizes teóricas que embasam os estudos históricos, desde a Escola dos Annales até as contribuições da Antropologia, passando pelas discussões sobre o imaginário e o mito. Dado o perfil teórico da disciplina, será escolhido um recorte temático de acordo com a área de pesquisa do professor encarregado de ministrá-la, focando ora a Europa da Época Moderna, ora o Ocidente Medieval, ora o Brasil Colônia, cabendo aqui inclusive uma abordagem mais afeita à história social da arte. UNIDADE I P R O G R A M A - TEORIA, MÉTODOS E ABORDAGENS UNIDADE II - CULTURA, MITO E ARTE PRÉ-HISTÓRICA UNIDADE III - FÉ E ARQUITETURA NA IDADE MÉDIA UNIDADE IV - O HOMEM DO RENASCIMENTO UNIDADE V - LEONARDO DA VINCI UNIDADE VI - SHAKESPEARE E O TEATRO ELISABETANO UNIDADE VII - ARTE HOLANDESA NO SÉCULO XVII: PAISAGEM, RETRATO E NATUREZA MORTA. 29

2 Obtido em: UNIDADE VIII - VIDA E MORTE BARROCA UNIDADE IX UNIDADE X UNIDADE XI UNIDADE XII - - ARTE BARROCA - REALIDADE E REPRESENTAÇÃO - UMA HISTÓRIA DOS SENTIDOS - PALADAR E ODOR NA ÉPOCA MODERNA - OS CONTOS POPULARES E A CULTURA NA ÉPOCA MODERNA SADISMO E LIBERTINISMO UNIDADE XIII - MODERNIDADE E IMPRESSIONISMO UNIDADE XIV - VAN GOGH, O MALDITO UNIDADE XV - REPRESENTAÇÕES DA MULHER NA ARTE DO SÉCULO XIX UNIDADE XVI - ORIENTALISMO NA ARTE E NA LITERATURA UNIDADE XVII - COLONIALISMO E TOTALITARISMO BIBLIOGRAFIA BÁSICA ALPERS, Svetlana. A arte de descrever: a arte holandesa no século XVII. São Paulo: EDUSP, ARAÚJO, Leonardo C. Pintura de Gênero Holandesa do Século XVII e Johannes Vermeer. ARENDT, Hannah. As origens do totalitarismo. Rio de Janeiro: Documentario, ASSIS, Machado de. Dom Casmurro. Rio de Janeiro: Ediouro,

3 Obtido em: BARROS, José D Assunção. Arte é coisa mental - reflexões sobre o pensamento de Leonardo da Vinci sobre a arte. In: História da cultura material. Patrimoniuss, BERMAN, Marshall. Tudo o que é sólido desmancha no ar: a aventura da modernidade. São Paulo: Companhia das Letras, BETTELHEIM, Bruno. A psicanálise dos contos de fadas. 2ª. ed. Rio de Janeiro: BURKE, Peter. O que é história cultural. Rio de Janeiro: Zahar, CHABOD, Federico. Escritos sobre el Renacimiento. Trad., México, Fondo de Cultura Económica, CHARTIER, Roger. A história cultural entre práticas e representações. Rio de Janeiro: Bertrand, COLI, Jorge. Van Gogh: a noite estrelada. Coleção Encanto Radical. São Paulo: Brasiliense, O que é arte. São Paulo: Brasiliense, CONRAD, Joseph. O coraçao das trevas. Porto Alegre: L&PM, Raquel Gryszczenko Alves Gomes. O lugar das trevas: Leituras e releituras de O Coração das Trevas em tempos de pós-modernismo. Disponível em CORBIN, Alain. Saberes e odores: o olfato e o imaginário social nos séculos XVIII e XIX. São Paulo: Companhia das Letras, DA VINCI, Leonardo. Tratado de pintura (introdução, tradução e notas de Angel González García), Madrid: Editora Nacional, DARNTON, Robert. O Grande massacre de gatos e outros episódios da história cultural francesa. Rio de Janeiro: Graal, DELUMEAU, Jean. A civilização do Renascimento. Trad. Manuel Ruas. Lisboa: Editorial Estampa, EAGLETON, Terry. A idéia de cultura. São Paulo: Editora da UNESP, FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. 4ª. ed. Petropolis: As palavras e as coisas: uma arqueologia das ciências humanas. 8ª ed. São Paulo: Martins Fontes, GEERTZ, Clifford James. As interpretações das culturas. Rio de Janeiro: LTC,

4 Obtido em: GINZBURG, Carlo. Representação - a palavra, a idéia, a coisa. In: Olhos de madeira - nove reflexões sobre a distância. São Paulo: Companhia das Letras, GOMBRICH, E. H. A história da arte. Rio de Janeiro: LTC, GOUVEIA, Luis Monteiro. Texto sobre um texto que fala de um quadro em que se pinta um quadro. In: HAUSER, A. História social da literatura e da arte. São Paulo: Mestre Jou, HELLER, Agnes. O homem do renascimento. Lisboa: Presença, MARAVALL, Jose Antonio. A cultura do barroco: análise de uma estrutura histórica. São Paulo: EDUSP, VELAZQUEZ Y EL ESPIRITU DE LA MODERNIDAD. Madrid: CENTRO DE ESTUDIOS CONSTITUCIONALES, NIETO ALCAIDE, Victor Manuel. La luz, simbolo y sistema visual: (el espacio y la luz en el arte gotico y del renacimiento). 6ª. ed. Madrid: Catedra, PASSOS, Gilberto Pinheiro. Capitu e a mulher fatal: análise da presença francesa em Dom Casmurro. São Paulo: Nankin, PERRAULT, Charles. Títulos publicados pela Companhia das Letras: O BARBA-AZUL (2009), CHAPEUZINHO VERMELHO (2007), O PEQUENO POLEGAR (2005). PESAVENTO, Sandra Jatahy. História e literatura - uma velha nova história. Nuevo Mundo, Debates, PRAZ, Mário. A carne, a morte e o diabo na literatura romântica. Campinas: Ed. da UNICAMP, ROMEIRO, Adriana. Reflexões sobre Leonardo. Revista Locus, nº. 2, vol. 3, Juiz de Fora, ROSENFELD, Anatol. Shakespeare e o pensamento renascentista. In: Texto/Contexto. São Paulo: Perspectiva, ROUANET, Sérgio Paulo. O desejo libertino entre o iluminismo e o contra-iluminismo? Sergio Paulo Rouanet. In: NOVAES, Adauto. Desejo. São Paulo: Companhia das Letras, SADE, Marquis de; CARPEAUX, Otto Maria; ACCIOLY, D. Justine. Os infortúnios da virtude. Rio de Janeiro: Saga, SAID, Edward W. Orientalismo: o Oriente como invenção do Ocidente. São Paulo: Companhia das Letras, SCHAMA, Simon. O desconforto da riqueza. São Paulo: Companhia das Letras, SUSSKIND, Patrick. O perfume. Rio de Janeiro: Record,

5 Obtido em: THOMPSON, E. P. Costumes em comum. Estudos sobre a cultura popular tradicional. São Paulo: Companhia das Letras, WILLIAMS, Raymond. Cultura e sociedade. São Paulo: Nacional, Palavras-chave: um vocabulário de cultura e sociedade. São Paulo: Boitempo, VAN GOGH, Willians. Cartas a Theo. Porto Alegre: LP&M, ooo 33

(1) HOBSBAWM, Eric. Sobre História. São Paulo: Companhia das Letras, 1998. Cap. 10: O que os historiadores devem a Karl Marx?

(1) HOBSBAWM, Eric. Sobre História. São Paulo: Companhia das Letras, 1998. Cap. 10: O que os historiadores devem a Karl Marx? UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS PLANO DE ENSINO DE TEORIAS DA HISTÓRIA II CURSO/SEMESTRE LICENCIATUTA EM HISTÓRIA 3º SEMESTRE DISCIPLINA TEORIAS DA HISTÓRIA II CARÁTER DA

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS. Unidade Universitária Cora Coralina CURSO DE HISTÓRIA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS. Unidade Universitária Cora Coralina CURSO DE HISTÓRIA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA - CIDADE DE GOIÁS Curso: HISTÓRIA Disciplina: História Moderna Habilitação: LICENCIATURA Carga Horária Total: 64 h/a anuais 2 h/a semanais Carga Horária

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 DOU Nº 165 de 26/11/08 PLANO DE CURSO

CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 DOU Nº 165 de 26/11/08 PLANO DE CURSO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 DOU Nº 165 de 26/11/08 Componente Curricular: Sociologia Código: ENG - 000 Pré-requisito: ---- Período Letivo: 2013.1 Professor:

Leia mais

HISTÓRIA. DISCIPLINA: PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO CARGA HORÁRIA: 60h CRÉDITOS: 3.1.0

HISTÓRIA. DISCIPLINA: PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO CARGA HORÁRIA: 60h CRÉDITOS: 3.1.0 HISTÓRIA DISCIPLINA: PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO CARGA HORÁRIA: 60h CRÉDITOS: 3.1.0 A ciência psicológica. A constituição da subjetividade. Desenvolvimento e aprendizagem. Transtornos e dificuldades de aprendizagem.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS 1. EMENTA Análise das diferentes abordagens historiográficas acerca da transição das sociedades medievais européias ao capitalismo. Formação do Antigo Regime e surgimento do paradigma do homem moderno:

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA PONTOS REFERENTES AO CONCURSO PÚBLICO DO MAGISTÉRIO SUPERIOR EDITAL 021/2013 DISCIPLINA: Introdução aos Estudos

Leia mais

Contos de ensinamento da tradição oral

Contos de ensinamento da tradição oral Contos de ensinamento da tradição oral Os chamados contos de ensinamento, fazem parte da grande herança cultural formada pelos contos transmitidos oralmente, de geração para geração, ao longo de milênios.

Leia mais

PLANO DE CURSO. *Obs: alguns textos podem ser alterados durante o curso.

PLANO DE CURSO. *Obs: alguns textos podem ser alterados durante o curso. UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS, HUMANS, LETRAS E ARTES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA DISCIPLINA OPTATIVA: Tópicos Especiais em História Política: Trabalho, Política e Região

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA NUTRIÇÃO 2013 EMENTA

PROGRAMA DE DISCIPLINA NUTRIÇÃO 2013 EMENTA Faculdade Anísio Teixeira Portaria nº 552 de 22 de março de 2001 D.O.U. de 26/03/2001. Curso de Enfermagem Autorização: Portaria nº 888 de 18 de outubro de 2007 - D.O.U. de 19/10/2007 CURSO PROGRAMA DE

Leia mais

CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168

CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168 DISCIPLINA: Direitos Humanos CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168 1. EMENTA: Origem e evolução histórica dos Direitos Humanos. Dignidade humana e os Direitos

Leia mais

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA DE DISCIPLINAS OFERTADAS EM TERESINA/2015.1 HISTÓRIA

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA DE DISCIPLINAS OFERTADAS EM TERESINA/2015.1 HISTÓRIA EDITAL Nº 30/2015 PREG: RELATIVO AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROFESSOR FORMADOR, PROFESSOR ORIENTADOR E SUPERVISOR DE ESTÁGIO PARA O PARFOR/UFPI PRESENCIAL. EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA DE DISCIPLINAS

Leia mais

Prefeitura Municipal de Venda Nova do Imigrante

Prefeitura Municipal de Venda Nova do Imigrante INTRODUÇÃO II - DO OBJETO E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS III - DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA IV - DAS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO V - DO RECEBIMENTO DA DOCUMENTAÇÃO E DA PROPOST VI - ABERTURA DOS ENVELOPES VII - DA DOCUMENTAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ PLANO DE ENSINO Disciplina: HISTÓRIA DO BRASIL B Código: HH 159 Carga Horária 60 horas EMENTA: Estudos de revisão historiográfica sobre o Brasil Império e a República Velha.

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA

PROGRAMA DA DISCIPLINA PROGRAMA DA DSCPLNA Disciplina: Prática Código da Disciplina: Carga Horária Semestral: 45 Obrigatória: sim Eletiva: não Número de Créditos: 03 Pré-Requisitos: não EMENTA Refletir sobre a produção da prática

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA EDITAL DE SELEÇÃO Nº 01/2015 PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO EM HISTÓRIA O Programa de Pós-Graduação em História da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, da Universidade Federal de São Paulo,

Leia mais

PERÍODO: 93.2-97.2 PROGRAMA EMENTA:

PERÍODO: 93.2-97.2 PROGRAMA EMENTA: PERÍODO: 93.2-97.2 PROGRAMA EMENTA: O Arcadismo, o Romantismo e o Realismo na Literatura Portuguesa: poesia e prosa. 1. O Arcadismo 1.1 A produção árcade portuguesa 1.2 Bocage e sua expressão lírica 2.

Leia mais

Disciplina: Metodologia da Pesquisa Prof.Dr. Genilda D Arc Bernardes e Prof.Dra. Mirley Luciene dos Santos Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 2008

Disciplina: Metodologia da Pesquisa Prof.Dr. Genilda D Arc Bernardes e Prof.Dra. Mirley Luciene dos Santos Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 2008 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS UniEVANGÉLICA PROGRAMA DE MESTRADO MULTIDISCIPLINAR EM SOCIEDADE TECNOLOGIA E MEIO AMBIENTE Disciplina: Metodologia da Pesquisa Prof.Dr. Genilda D Arc Bernardes e Prof.Dra.

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - CCE/FAED. ÁREA DE CONHECIMENTO: História Moderna

CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - CCE/FAED. ÁREA DE CONHECIMENTO: História Moderna CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - CCE/FAED História Moderna O conceito de modernidade. Linhagens e passagens para a Era Moderna. A expansão marítima e comercial. A Reforma e a Contra-Reforma. O Renascimento

Leia mais

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE

FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE Credenciada pela Portaria/MEC nº 206/2002 D.O.U. 29/01/2002 ORGANIZAÇÃO SETE DE SETEMBRO DE CULTURA E ENSINO LTDA CNPJ: 03.866.544/0001-29 e Inscrição Municipal nº 005.312-3

Leia mais

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA - PGD

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA - PGD UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN CAMPUS AVANÇADO PROF.ª MARIA ELISA DE A. MAIA - CAMEAM DEPARTAMENTO DE LETRAS DL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS PPGL Curso de Mestrado Acadêmico

Leia mais

CURSO DE HISTÓRIA: EMENTAS DAS DISCIPLINAS NÍVEL I

CURSO DE HISTÓRIA: EMENTAS DAS DISCIPLINAS NÍVEL I CURSO DE HISTÓRIA: EMENTAS DAS DISCIPLINAS NÍVEL I 15201-04 Introdução ao Estudo da História Introdução ao estudo da constituição da História como campo de conhecimento, ao longo dos séculos XIX e XX,

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 250112B - Artes Visuais. Ênfase. Disciplina 0003853B - Filosofia Estética nas Artes Visuais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 250112B - Artes Visuais. Ênfase. Disciplina 0003853B - Filosofia Estética nas Artes Visuais Curso 250112B - Artes Visuais Ênfase Identificação Disciplina 0003853B - Filosofia Estética nas Artes Visuais Docente(s) Olimpio Jose Pinheiro Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

Dicionário. Conceitos. Históricos

Dicionário. Conceitos. Históricos Dicionário de Conceitos Históricos Kalina Vanderlei Silva Maciel Henrique Silva Dicionário de Conceitos Históricos Copyright 2005 Kalina Vanderlei Silva e Maciel Henrique Silva Todos os direitos desta

Leia mais

DISCIPLINA: Ciência Política. CH total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 1º SEMESTRE TURNO: Matutino/Noturno CÓDIGO: DIR103

DISCIPLINA: Ciência Política. CH total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 1º SEMESTRE TURNO: Matutino/Noturno CÓDIGO: DIR103 DISCIPLINA: Ciência Política CH total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 1º SEMESTRE TURNO: Matutino/Noturno CÓDIGO: DIR103 1. EMENTA: Conceito de Ciência Política. Ciência Política e Teoria do Estado. Evolução

Leia mais

Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970)

Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970) Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970) Prof. Me. Roger Marcelo Martins Gomes Universidade do Sagrado Coração, Bauru/SP e-mail: roger.gomes@usc.br Comunicação Oral Eixo 6 - Memória,

Leia mais

CURSO de ARQUITETURA e URBANISMO

CURSO de ARQUITETURA e URBANISMO ESCOLA de ARTES e ARQUITETURA CURSO de ARQUITETURA e URBANISMO Ramo: Projeto PROGRAMA DE CURSO E PLANO DE ENSINO Sequência: Projeto do edifício e urbano- paisagístico Disciplina: PROJETO VIII Projeto de

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE PLANO DE ENSINO PLANO DE ENSINO CÓDIGO 042 CÓD. CURSO CÓD. DISC. 17032441 CRÉDITOS UNIDADE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CURSO PROPAGANDA, PUBLICIDADE E CRIAÇÃO DISCIPLINA Evolução das Artes Visuais II ETAPA 2ª Período

Leia mais

4ª FASE. Prof. Amaury Pio Prof. Eduardo Gomes

4ª FASE. Prof. Amaury Pio Prof. Eduardo Gomes 4ª FASE Prof. Amaury Pio Prof. Eduardo Gomes Unidade I Tempo, espaço, fontes históricas e representações cartográficas. 2 Aula 1.1 Conteúdo O que é História I? 3 Habilidade Compreender o estudo da História

Leia mais

FIOCRUZ Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio Curso de Mestrado em Educação Profissional em Saúde

FIOCRUZ Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio Curso de Mestrado em Educação Profissional em Saúde FIOCRUZ Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio Curso de Mestrado em Educação Profissional em Saúde Epistemologia Carla Martins / Marco Antonio C. Santos / Virgínia Fontes 1º semestre 2015 3ªs feiras

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA

PROGRAMA DA DISCIPLINA UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA Curso: Licenciatura em História Disciplina: Métodos e técnicas de pesquisa Histórica Carga Horária: 45h Teórica: 45h Prática: Semestre: 23.2 Professor: Reinaldo

Leia mais

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PLANO DE ENSINO

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PLANO DE ENSINO Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PLANO DE ENSINO I. IDENTIFICAÇÃO DISCIPLINA Métodos e Técnicas de Pesquisa em Ciências Sociais CARGA HORÁRIA 72 CURSO Sociologia e Política

Leia mais

PORTUGUESA. Programa Curricular CULTURA. Docente Responsável Prof. Auxiliar Eduardo Duarte. Ano Lectivo 2013-2014 1. > CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

PORTUGUESA. Programa Curricular CULTURA. Docente Responsável Prof. Auxiliar Eduardo Duarte. Ano Lectivo 2013-2014 1. > CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Programa Curricular TEORIA DA ESCUL CULTURA PORTUGUESA Docente Responsável Prof. Auxiliar Eduardo Duarte eduardo.duarte@fba.ul.pt Ano Lectivo 2013-2014 2014 Ciclo de Estudos Licenciatura em Escultura Período

Leia mais

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO.

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO. ENSINO MÉDIO Conteúdos da 1ª Série 1º/2º Bimestre 2014 Trabalho de Dependência Nome: N. o : Turma: Professor(a): Yann/Lamarão Data: / /2014 Unidade: Cascadura Mananciais Méier Taquara História Resultado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE FILOSOFIA PROGRAMA DE PÓSGRADUACAO EM FILOSOFIA/PPGFIL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE FILOSOFIA PROGRAMA DE PÓSGRADUACAO EM FILOSOFIA/PPGFIL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE FILOSOFIA PROGRAMA DE PÓSGRADUACAO EM FILOSOFIA/PPGFIL DISCIPLINA OPTATIVA 2 SEMESTRE 2014 TEMA: GENEALOGIA, SUBJETIVIDADE

Leia mais

PLANO DE CURSO. Pré-requisito: ----- Professor: Argemiro Ribeiro de Souza Filho Titulação: Doutor em História Social pela USP

PLANO DE CURSO. Pré-requisito: ----- Professor: Argemiro Ribeiro de Souza Filho Titulação: Doutor em História Social pela USP CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Autorizado plea Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU de 30/08/10 Componente Curricular: HISTÓRIA DA ARQUITETURA E DA ARTE I Código: ARQ - 012 CH Total: 30 h Pré-requisito:

Leia mais

Itália berço do Renascimento

Itália berço do Renascimento RENASCIMENTO CULTURAL XIV e XVI Itália berço do Renascimento How does Late Linha Gothic art create do the tempo bridge between Byzantine and Renaissance art? Bizantino Virgin and Child Gótico Virgin and

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DO CURSO E AVALIAÇÃO

DESENVOLVIMENTO DO CURSO E AVALIAÇÃO Universidade Federal Fluminense Programa de Pós- Graduação em Educação (Mestrado/Doutorado) Disciplina: Epistemologia e Educação Prof.: Dr. Paulo Carrano E- mail: pc.carrano@gmail.com ; Blog: http://paulocarrano.wordpress.com

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo. Ênfase Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003735A - História do Urbanismo II: Do Renascimento ao Moderno Docente(s) Luiz Claudio Bittencourt Unidade Faculdade de Arquitetura,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS DESENVOLVIMENTO HUMANO E SOCIAL DIVISÃO DE APOIO AO DOCENTE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS DESENVOLVIMENTO HUMANO E SOCIAL DIVISÃO DE APOIO AO DOCENTE NORMAS COMPLEMENTARES EDITAL Nº. 003/2012 Processo Seletivo Simplificado para contratação de professores substitutos da Universidade Federal de Uberlândia UFU. 1. Informações Gerais 1.1. Área: Serviço

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO E INSTITUIÇÕES DO SISTEMA DE JUSTIÇA PPGDIR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO E INSTITUIÇÕES DO SISTEMA DE JUSTIÇA PPGDIR Disciplina: LINGUAGEM, DISCURSO E INSTITUIÇÕES DO SISTEMA DE JUSTIÇA. Regente: Profa. Dra. Mônica da Silva Cruz Carga horária: 60h Número de créditos: 04 Semestre letivo: 2013.2 1. EMENTA Bases epistemológicas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO DE ENFERMAGEM PLANO DE ENSINO TÍTULO: CORPOREIDADE E O PROCESSO DE CUIDAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO DE ENFERMAGEM PLANO DE ENSINO TÍTULO: CORPOREIDADE E O PROCESSO DE CUIDAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO DE ENFERMAGEM I. CÓDIGO: ENF 504 PLANO DE ENSINO II. TÍTULO: CORPOREIDADE E O PROCESSO DE CUIDAR III. SEMESTRE:

Leia mais

PROVAS DE AGREGAÇÃO A C

PROVAS DE AGREGAÇÃO A C PROVAS DE AGREGAÇÃO A ALVES, Jorge Fernandes A estruturação de um sector industrial a pasta de papel : plano de aula / Jorge Fernandes Alves.- Porto : [Edição do Autor], 1999.- 14 p.; 30 cm.- Plano apresentado

Leia mais

TÓPICO ESPECIAL: IMPÉRIOS IBÉRICOS NO ANTIGO REGIME

TÓPICO ESPECIAL: IMPÉRIOS IBÉRICOS NO ANTIGO REGIME TÓPICO ESPECIAL: IMPÉRIOS IBÉRICOS NO ANTIGO REGIME Optativa / Carga Horária: 60hs Ementa: O curso visa analisar a formação dos Impérios Ibéricos entre os séculos XV e XVIII, considerando-se a perspectiva

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS 1) IDENTIFICAÇÃO: Disciplina: Formação Territorial do Brasil Carga Horária: 60 h UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS PROGRAMA DE DISCIPLINA Curso:

Leia mais

PUB025. 36 5 o PROGRAMA DE DISCIPLINA ANO LETIVO CURSO 2015.2. Comunicação Publicidade & Propaganda DISCIPLINA CÓDIGO

PUB025. 36 5 o PROGRAMA DE DISCIPLINA ANO LETIVO CURSO 2015.2. Comunicação Publicidade & Propaganda DISCIPLINA CÓDIGO Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Prof.: Thiago Oliveira

Prof.: Thiago Oliveira Prof.: Thiago Oliveira O Renascimento foi um conjunto de transformações (Sociais, Econômicas, Políticas, Religiosas, Científicas e Artísticas) ocorridas na Europa a partir do Séc. XI, tendo seu auge durante

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo. Ênfase

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo. Ênfase Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003704A - História da Arquitetura I - Da Antiguidade ao Barroco Docente(s) Vladimir Benincasa Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes

Leia mais

Dicionário. Conceitos. Históricos

Dicionário. Conceitos. Históricos Dicionário de Conceitos Históricos Kalina Vanderlei Silva Maciel Henrique Silva Dicionário de Conceitos Históricos Copyright 2005 Kalina Vanderlei Silva e Maciel Henrique Silva Todos os direitos desta

Leia mais

UMA PROPOSTA DE EMPREENDEDORISMO E INSERÇÃO SOCIAL FEMININA: Projeto Paidéia em Campo Mourão

UMA PROPOSTA DE EMPREENDEDORISMO E INSERÇÃO SOCIAL FEMININA: Projeto Paidéia em Campo Mourão UMA PROPOSTA DE EMPREENDEDORISMO E INSERÇÃO SOCIAL FEMININA: Projeto Paidéia em Campo Mourão Eva Simone de Oliveira (acadêmica) e-mail: UNESPAR/Campo Mourão e- mail: Claudia Priori (Orientadora) INTRODUÇÃO

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 PLANO DE CURSO

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 PLANO DE CURSO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: SOCIOLOGIA Código: CTB - 111 Pré-requisito: ------- Período Letivo: 2013.1 Professor: Elton

Leia mais

Curso de Mestrado em Arquivos, Bibliotecas e Ciências da Informação Ano Lectivo de 2006/2007- Ramo Bibliotecas

Curso de Mestrado em Arquivos, Bibliotecas e Ciências da Informação Ano Lectivo de 2006/2007- Ramo Bibliotecas 1 UNIVERSIDADE DE ÉVORA DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA Curso de Mestrado em Arquivos, Bibliotecas e Ciências da Informação Ano Lectivo de 2006/2007- Ramo Bibliotecas Seminário de Bibliotecas Prof. Dr. Francisco

Leia mais

Conhecimentos Específicos

Conhecimentos Específicos PROCESSO SELETIVO 2012 Anos 12/12/2011 INSTRUÇÕES 1. Confira, abaixo, o seu número de inscrição, turma e nome. Assine no local indicado. 2. Aguarde autorização para abrir o caderno de prova. Antes de iniciar

Leia mais

CIRCOS-TEATRO E PARQUES-TEATROS EM JARAGUÁ DO (BRASIL): PERCUSO DE UMA PESQUISA HISTÓRICA 1

CIRCOS-TEATRO E PARQUES-TEATROS EM JARAGUÁ DO (BRASIL): PERCUSO DE UMA PESQUISA HISTÓRICA 1 060 CIRCOS-TEATRO E PARQUES-TEATROS EM JARAGUÁ DO SUL/SC (BRASIL): PERCUSO DE UMA PESQUISA HISTÓRICA 1 Ana Paula Moretti Pavanello Machado (PPGT/UDESC) 2 Edélcio Mostaço (Orientador) RESUMO: Este presente

Leia mais

O TRAJE DA CRIANÇA NA IDADE MÉDIA

O TRAJE DA CRIANÇA NA IDADE MÉDIA 11º Colóquio de Moda 8ª Edição Internacional 2º Congresso Brasileiro de Iniciação Científica em Design e Moda 2015 O TRAJE DA CRIANÇA NA IDADE MÉDIA The Child's Costume in The Middle Ages Neotte, Linda

Leia mais

Objetivos 1. Oferecer subsídios para problematizar a relação entre o jornalismo e o campo de produção artística e cultural;

Objetivos 1. Oferecer subsídios para problematizar a relação entre o jornalismo e o campo de produção artística e cultural; 1 Dados de identificação Disciplina JORNALISMO E CULTURA E ARTE Professor Cassilda Golin Costa - golin.costa@ufrgs.br Período Letivo 2014/2 Sexta-feira 9h às 12h30 Sigla COM257 Créditos 4 Carga Horária

Leia mais

HISTÓRIA Resolução OBJETIVO 2001

HISTÓRIA Resolução OBJETIVO 2001 1 Tito Lívio, em História de Roma, referindo-se às lutas entre patrícios e plebeus que se estenderam do século V ao IV a.c., escreveu: "... apesar da oposição da nobreza, houve eleições consulares em que

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS PLANO DE ENSINO CÓDIGO UNIDADE 042 CÓD. CURSO CURSO 42501 COMUNICAÇÃO SOCIAL HAB: JORNALISMO CÓD. DISC. DISCIPLINA ETAPA CHS TEORIA PRÁTICA ANO 340.3451.1 ESTÉTICA E HISTÓRIA DA ARTE 4ª 04 04 2/2009 OBJETIVOS Desenvolver

Leia mais

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX História da Arte Profª Natalia Pieroni IDADE CONTEMPORÂNEA LINHA DO TEMPO - HISTORIOGRAFIA Período PRÉ-HISTÓRIA Origens do homem até 40000 a. C IDADE ANTIGA 40000

Leia mais

Prova Escrita de História da Cultura e das Artes

Prova Escrita de História da Cultura e das Artes EXAME FINAL NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova Escrita de História da Cultura e das Artes 11.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova 724/1.ª Fase 15 Páginas Duração da Prova:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA EMENTA DE CURSO DISCIPLINA: HISTÓRIA DA AMÉRICA II

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA EMENTA DE CURSO DISCIPLINA: HISTÓRIA DA AMÉRICA II UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA EMENTA DE CURSO DISCIPLINA: HISTÓRIA DA AMÉRICA II DOCENTE: PROFA. DRA. KARINA KOSICKI BELLOTTI 2º semestre de 2009 Horários: 4ª feira 13h30 às 15h30;

Leia mais

AVALIAÇÃO Testes escritos e seminários.

AVALIAÇÃO Testes escritos e seminários. CARGA HORÁRIA: 60 horas-aula Nº de Créditos: 04 (quatro) PERÍODO: 91.1 a 99.1 EMENTA: Visão panorâmica das literaturas produzidas em Portugal, Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito Curso de Direito Diurno PLANO DE ENSINO 1) Identificação Disciplina Direito e Política Código JUR 1010 Créditos

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2302N - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina 0003615B - História da Arte III

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2302N - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina 0003615B - História da Arte III Curso 2302N - Bacharelado em Design Ênfase Identificação Disciplina 0003615B - História da Arte III Docente(s) Joedy Luciana Barros Marins Bamonte Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação

Leia mais

PLANO DE ENSINO. RECURSOS: Quadro, giz, referências bibliográficas, material digitado e data-show.

PLANO DE ENSINO. RECURSOS: Quadro, giz, referências bibliográficas, material digitado e data-show. UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA Licenciatura em História Disciplina: História Contemporânea I Semestre: 1º/2014 PLANO DE ENSINO EMENTA: Estudo das

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARQUITECTURA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARQUITECTURA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARQUITECTURA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular HISTÓRIA

Leia mais

Literatura e cinema contemporâneos de expressão sociocultural Professor Dr. Jorge Alves Santana - Email: jorgeufg@bol.com.br

Literatura e cinema contemporâneos de expressão sociocultural Professor Dr. Jorge Alves Santana - Email: jorgeufg@bol.com.br 1 Literatura e cinema contemporâneos de expressão sociocultural Professor Dr. Jorge Alves Santana - Email: jorgeufg@bol.com.br Plano de Curso: Literatura e Cinema contemporâneos de expressão sociocultural

Leia mais

ESPAÇOS E ACTORES DA CIÊNCIA EM PORTUGAL (XVIII-XX)

ESPAÇOS E ACTORES DA CIÊNCIA EM PORTUGAL (XVIII-XX) ESPAÇOS E ACTORES DA CIÊNCIA EM PORTUGAL (XVIII-XX) C O O R D E N A Ç ÃO Maria Fernanda Rollo Maria de Fátima Nunes Madalena Esperança Pina Maria Inês Queiroz SUMÁRIO INTRODUÇÃO 7 ESPAÇOS E ACTORES: LUGARES

Leia mais

Renascimento Cultural

Renascimento Cultural Renascimento Cultural Séculos XIV ao XVII Prof. Dieikson de Carvalho Renascimento Cultural Contexto histórico Transição da Idade Média para Idade Moderna. Século XIV ao XVII. Resultado do Renascimento

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação.

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. DISCIPLINA: SOCIOLOGIA DO DIREITO E ANTROPOLOGIA PROFESSOR: ANDRÉ FILIPE PEREIRA REID DOS SANTOS TURMA: º AM /

Leia mais

15. Outros Temas. LIVROS E OUTRAS PUBLICAÇÕES: Campos, Ezequiel de (1915),

15. Outros Temas. LIVROS E OUTRAS PUBLICAÇÕES: Campos, Ezequiel de (1915), 15. Outros Temas ATÉ Á DÉCADA DE 40 Campos, Ezequiel de (1915), Carvalho, Augusto da Silva (1903), Martins, João Lopes da Silva (1897), Sousa, Francisco Luíz Pereira (1919), A grei: subsídios para a demografia

Leia mais

PROGRAMA DE COMPONENTES CURRICULARES

PROGRAMA DE COMPONENTES CURRICULARES U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A B A H I A SUPERINTENDÊNCI A ACADÊMI CA SECRETARI A GERAL DOS CURSOS PROGRAMA DE COMPONENTES CURRICULARES COM P O NENT E C UR RI C U L AR CÓDIGO N O M E COM - 311

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LAC1532T1 - Linguagem Visual I

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de São Paulo. Curso null - null. Ênfase. Disciplina LAC1532T1 - Linguagem Visual I Curso null - null Ênfase Identificação Disciplina LAC1532T1 - Linguagem Visual I Docente(s) Rita Luciana Berti Bredariolli Unidade Instituto de Artes Departamento Departamento de Artes Cênicas, Educação

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - História da Arte I

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso Arquitetura e Urbanismo. Ênfase. Disciplina A - História da Arte I Curso 2010 - Arquitetura e Urbanismo Ênfase Identificação Disciplina 0003714A - História da Arte I Docente(s) Vladimir Benincasa Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento Departamento

Leia mais

2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS

2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS 2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS I DISCIPLINA Fundamentos do Direito e do Estado Contemporâneos II - PROFESSOR Francisco Cardozo Oliveira III - CARGA HORÁRIA/PERÍODO 30 horas aulas

Leia mais

Total aulas previstas

Total aulas previstas ESCOLA BÁSICA 2/3 DE MARTIM DE FREITAS Planificação Anual de História do 7º Ano Ano Lectivo 2011/2012 LISTAGEM DE CONTEÚDOS TURMA Tema 1.º Período Unidade Aulas Previas -tas INTRODUÇÃO À HISTÓRIA: DA ORIGEM

Leia mais

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA - PGD. Linha de Pesquisa: Discurso, memória e identidade Disciplina: Discurso e História

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA - PGD. Linha de Pesquisa: Discurso, memória e identidade Disciplina: Discurso e História UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN CAMPUS AVANÇADO PROFª. MARIA ELISA DE A. MAIA - CAMEAM DEPARTAMENTO DE LETRAS DL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS PPGL Curso de Mestrado Acadêmico

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Campus de São Paulo PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES MESTRADO/DOUTORADO

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Campus de São Paulo PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES MESTRADO/DOUTORADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES MESTRADO/DOUTORADO PLANO DE ENSINO - 2014 DISCIPLINA: Relações entre Arte e Design na Contemporaneidade: diálogos, hibridismos e conflitos. PROFESSOR RESPONSÁVEL : Mônica

Leia mais

Journal of Transport Literature

Journal of Transport Literature JTL RELIT www.transport-literature.org ISSN 2238-1031 Journal of Transport Literature JTL Regras de formatação de Artigos 1. Aspectos Gerais Todos os artigos devem ser acompanhados do preenchimento de

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco. Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio

HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco. Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio HISTÓRIA DA ARTE Da Pré-história ao Barroco Professora: Vanessa Oliveira Arte 1ª série Ensino Médio O contexto de uma imagem nos apresenta o cenário geral em que ela foi produzida, sua função e o impacto

Leia mais

JORGE BORGES DE MACEDO (1921-1996) Por Álvaro Costa de Matos 1. 1. Bibliografia activa essencial

JORGE BORGES DE MACEDO (1921-1996) Por Álvaro Costa de Matos 1. 1. Bibliografia activa essencial JORGE BORGES DE MACEDO (1921-1996) Por Álvaro Costa de Matos 1 1. Bibliografia activa essencial É vastíssima a obra de Jorge Borges de Macedo. Ao todo engloba aproximadamente 400 títulos, ou talvez mais

Leia mais

GODARD E O CINEMA NOVO: BREVES APONTAMENTOS ACERCA

GODARD E O CINEMA NOVO: BREVES APONTAMENTOS ACERCA GODARD E O CINEMA NOVO: BREVES APONTAMENTOS ACERCA DA APROXIMAÇÃO CINEMANOVISTA DA OBRA GODARDIANA Jailson Dias Carvalho Ao longo da década de 1960, Jean-Luc Godard assumiu um papel cada vez mais preponderante

Leia mais

PIRENÓPOLIS EM FOCO Renata Oliveira Pina 1 ; Carlos Alberto Afonso de Lima 2 ; Marcos Gomes Vieira 2 ; João Guilherme da Trindade Curado 3

PIRENÓPOLIS EM FOCO Renata Oliveira Pina 1 ; Carlos Alberto Afonso de Lima 2 ; Marcos Gomes Vieira 2 ; João Guilherme da Trindade Curado 3 PIRENÓPOLIS EM FOCO Renata Oliveira Pina 1 ; Carlos Alberto Afonso de Lima 2 ; Marcos Gomes Vieira 2 ; João Guilherme da Trindade Curado 3 1 Bolsista PBIC/UEG, graduanda do Curso de Tecnologia em Gestão

Leia mais

CONSIDERAÇÕES FINAIS

CONSIDERAÇÕES FINAIS CONSIDERAÇÕES FINAIS Procuramos descrever e analisar três olhares distintos sobre a cultura popular: partimos dos debates entre folcloristas e acadêmicos, durante a consolidação das Ciências Sociais no

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Escola de Educação Física Curso de Mestrado em Lazer

Universidade Federal de Minas Gerais Escola de Educação Física Curso de Mestrado em Lazer Universidade Federal de Minas Gerais Escola de Educação Física Curso de Mestrado em Lazer TÓPICOS ESPECIAIS: MODERNIDADE E LAZER Prof. Dr. Victor Andrade de Melo 1. Ementa: No decorrer do século XIX, as

Leia mais

aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaa Barroco Barroco Profª Adalgiza

aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaa Barroco Barroco Profª Adalgiza aaa Barroco Origem em Roma no final do século XVI; Disseminado por toda a Europa e, através dos colonizadores espanhóis e portugueses, pelas Américas; Pouco influente nos países protestantes. Suas características

Leia mais

LEITURAS E LEITORES DA COLEÇÃO BIBLIOTECA DAS MOÇAS. PONTOS PARA UMA PESQUISA A PARTIR DAS MARCAS DE LEITURA FEITAS POR NORMALISTAS i

LEITURAS E LEITORES DA COLEÇÃO BIBLIOTECA DAS MOÇAS. PONTOS PARA UMA PESQUISA A PARTIR DAS MARCAS DE LEITURA FEITAS POR NORMALISTAS i LEITURAS E LEITORES DA COLEÇÃO BIBLIOTECA DAS MOÇAS. PONTOS PARA UMA PESQUISA A PARTIR DAS MARCAS DE LEITURA FEITAS POR NORMALISTAS i Cássia Aparecida Sales M Kirchner ii Faculdade de Educação Unicamp

Leia mais

Sugestão de Atividade / História / 6ª Série (7º Ano)

Sugestão de Atividade / História / 6ª Série (7º Ano) Sugestão de Atividade / História / 6ª Série (7º Ano) COMPONENTE CURRICULAR: História SÉRIE/ANO: 6ª SÉRIE (7º Ano) INTERDISCIPLINARIDADE: Artes CONTEÚDO: Renascimento Cultural Eixo Temático I de Artes:

Leia mais

DISCIPLINA: PRÁTICA TRABALHISTA COD: ENEC60015 3 º PERÍODO E SEGURIDADE SOCIAL TIPO DE AULA EXPOSITIVA EXPOSITIVA

DISCIPLINA: PRÁTICA TRABALHISTA COD: ENEC60015 3 º PERÍODO E SEGURIDADE SOCIAL TIPO DE AULA EXPOSITIVA EXPOSITIVA PLANO DE AULA DISCIPLINA: PRÁTICA TRABALHISTA COD: ENEC60015 3 º PERÍODO E SEGURIDADE SOCIAL TOTAL DE ENCONTROS: 20 SEMANAS SEMANA CONTEÚDOS/MATÉRIA TIPO DE AULA TEXTOS, FILMES E OUTROS MATERIAIS 1 UNIDADE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE. Centro de Estudos Gerais. Instituto de Ciências Humanas e Filosofia. Departamento de Ciência Política

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE. Centro de Estudos Gerais. Instituto de Ciências Humanas e Filosofia. Departamento de Ciência Política UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Centro de Estudos Gerais Instituto de Ciências Humanas e Filosofia Departamento de Ciência Política Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Curso de Mestrado Título

Leia mais

Plano de Ensino. Ementa

Plano de Ensino. Ementa Curso: SIJ-TEC - Tecnologia em Sistemas de Informação Departamento: DCC - Ciência da Computação Disciplina: JOGOS E PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO Código: OTES03 Carga horária: 72 Período letivo: 2015/1 Professor:

Leia mais

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1 1 REPRESENTAÇÕES DA SOCIEDADE ESCRAVISTA BRASILEIRA NA VIAGEM PITORESCA E HISTORICA AO BRASIL, DE JEAN BAPTISTE DEBRET: UMA POSSIBILIDADE DE LEITURA NO LIVRO DIDÁTICO Emilia Maria F. da Silva emiliamfs@terra.com.br

Leia mais

Trajetórias da História Social e da Nova História Cultural: cultura, civilização e costumes no cotidiano do mundo do trabalho

Trajetórias da História Social e da Nova História Cultural: cultura, civilização e costumes no cotidiano do mundo do trabalho Trajetórias da História Social e da Nova História Cultural: cultura, civilização e costumes no cotidiano do mundo do trabalho Profa. Dra. Andrea Paula dos Santos Departamento de História e Mestrado em

Leia mais

Livros Recomendados. Apoio a projetos História de Portugal. Autores Títulos Editoras ISBN

Livros Recomendados. Apoio a projetos História de Portugal. Autores Títulos Editoras ISBN AA. VV. (Coord. Irene Flunser Pimentel e Maria Inácia Rezola) Democracia, Ditadura - Memória e justiça politica Tinta-da-China 978-989-671-202-0 AA. VV. (Coord. Maria Inácia Rezola e Pedro Marques Lopes)

Leia mais

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs História Oficina de História 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para ser uma ferramenta

Leia mais

PLANO DE CURSO. Curso: Mestrado em Direitos Humanos Ano: 2013 Semestre: 2º

PLANO DE CURSO. Curso: Mestrado em Direitos Humanos Ano: 2013 Semestre: 2º PLANO DE CURSO 1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Direitos Unidade: NDH Humanos (Mestrado) Disciplina: Gênero e Sexualidade: (Des)Construir conceitos e Código: Núcleo:

Leia mais

Título: Teoria do conhecimento histórico: Explicação, Compreensão e Narração

Título: Teoria do conhecimento histórico: Explicação, Compreensão e Narração Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Departamento de História Disciplina: FLH0401 Teoria da História II Profa. Dra. Sara Albieri Título: Teoria do conhecimento histórico: Explicação, Compreensão

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21.10.11, DOU de 24.10.11 PLANO DE CURSO

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21.10.11, DOU de 24.10.11 PLANO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21.10.11, DOU de 24.10.11 Componente Curricular: ARTE E CULTURA Código: --- Pré-requisito: --- Período Letivo: 2013.1

Leia mais

CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria no 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: Filosofia

CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria no 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: Filosofia CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria no 3.355 de 05/12/02 DOU de 06/12/02 Componente Curricular: Filosofia Código: DIR-112 Pré-requisito: Filosofia Geral Período Letivo: 2013.2 Professor: Ana Paula

Leia mais

E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L

E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L H I N O O F I C I A L J a y m e d e A l t a v i l a I A o r e m o! Po i s n o s s o n o r t e D e g l ó r i a s t r a ç a d o e s t á. F a ç

Leia mais