QUESTIONÁRIO DO DIRETOR. Senhor(a) Diretor(a),

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUESTIONÁRIO DO DIRETOR. Senhor(a) Diretor(a),"

Transcrição

1 2013 QUSTONÁRO O RTOR Senhor(a) iretor(a), s avaliações do Sistema Nacional de valiação da ducação ásica (S) são compostas por dois tipos de instrumentos de avaliação: as provas aplicadas aos estudantes e os questionários socioeconômicos, que devem ser respondidos pelos estudantes, professores e diretores das escolas avaliadas. O presente questionário tem como objetivo coletar dados acerca da formação profissional, práticas gerenciais e do perfil socioeconômico e cultural dos diretores das escolas em que a avaliação está sendo aplicada. Para responder a cada questão deste questionário, preencha, no RTÃO-RSPOST, o campo correspondente à alternativa de sua escolha. Utilize caneta esferográfica de tinta preta. sua colaboração ao preencher este questionário será de grande valia para o êxito da avaliação e para o aprimoramento da educação brasileira. Por gentileza, escreva o seu P. NÚMRO O SU P

2 Questionários S Questionário do iretor NORMÇÕS ÁSS - stas questões são sobre sua formação, experiência profissional e características funcionais. 1. QUL É O SU SXO? Masculino. eminino. 2. VOÊ POR NOS ZR SU X TÁR? té 24 anos. e 25 a 29 anos. e 30 a 39 anos. e 40 a 49 anos. e 50 a 54 anos. 55 anos ou mais. 3. OMO VOÊ S ONSR? ranco (a). Pardo (a). marelo (a). ndígena. Não sei. Preto (a). Não quero declarar. 4. QUL É O MS LTO NÍVL SOLR QU VOÊ ONLUU (TÉ RUÇÃO)? Menos que o nsino Médio (antigo 2.º grau). nsino Médio Magistério (antigo 2.º grau). nsino Médio Outros (antigo 2.º grau). nsino Superior Pedagogia. nsino Superior urso Normal Superior. nsino Superior Licenciatura em Matemática. nsino Superior Licenciatura em Letras. nsino Superior Outras Licenciaturas. nsino Superior Outras áreas. 5. Á QUNTOS NOS VOÊ OTV O NÍVL SOLR- SSNLO NTRORMNT (TÉ RUÇÃO)? á menos 2 anos. e 2 a 7 anos. e 8 a 14 anos. e 15 a 20 anos. á mais de 20 anos. 6. NQU M QU TPO NSTTUÇÃO VOÊ OTV SU PLOM NSNO SUPROR. 7. QU ORM VOÊ RLZOU O URSO NSNO SUPROR? Não conclui o ensino superior. Privada. Pública ederal. Pública stadual. Pública Municipal. Não conclui o ensino superior. Presencial. Semipresencial. distância. 8. NQU O URSO PÓS-RUÇÃO MS LT TTULÇÃO QU VOÊ POSSU. 9. NQU ÁR TMÁT O URSO PÓS-RUÇÃO MS LT TTULÇÃO QU VOÊ POSSU. Não fiz ou não completei curso de pós-graduação. tualização ou perfeiçoamento (mínimo 180 horas). specialização (mínimo de 360 horas). Mestrado. outorado. Não fiz ou não completei curso de pós-graduação. ducação, enfatizando alfabetização. ducação, enfatizando linguística e/ou letramento. ducação, enfatizando educação matemática. ducação outras ênfases. Outras áreas que não a ducação. 10. OMO RTOR, QUL É, PROXMMNT, O SU SLÁRO RUTO?(OM ONS, S OUVR). té R$ 678,00. ntre R$ 1.357,00 e R$ 1.695,00. ntre R$ 2.374,00 e R$ 2.712,00. J ntre R$ 4.747,00 e R$ 6.780,00. ntre R$ 679,00 e R$ 1.017,00. ntre R$ 1.696,00 e R$ 2.034,00. ntre R$ 2.713,00 e R$ 3.390,00. K R$ 6.781,00 ou mais. ntre R$ 1.018,00 e R$ 1.356,00. ntre R$ 2.035,00 e R$ 2.373,00. ntre R$ 3.391,00 e R$ 4.746, LÉM RÇÃO ST SOL, VOÊ XR OUTR TV QU ONTRU PR SU RN PSSOL? Sim, na área de ducação. Sim, fora da área de ducação. 12. ONSRNO TOS S TVS QU VOÊ XR (NTRO OR ÁR UÇÃO), QUL É, PROXMMNT, O SU SLÁRO RUTO? (OM ONS, S OUVR). té R$ 678,00. ntre R$ 1.357,00 e R$ 1.695,00. ntre R$ 2.374,00 e R$ 2.712,00. J ntre R$ 4.747,00 e R$ 6.780,00. ntre R$ 679,00 e R$ 1.017,00. ntre R$ 1.696,00 e R$ 2.034,00. ntre R$ 2.713,00 e R$ 3.390,00. K R$ 6.781,00 ou mais. ntre R$ 1.018,00 e R$ 1.356,00. ntre R$ 2.035,00 e R$ 2.373,00. ntre R$ 3.391,00 e R$ 4.746, QUL É SU R ORÁR TRLO SMNL, OMO RTOR, NST SOL? 14. VOÊ SSUMU RÇÃO ST SOL POR MO : Mais de 40 horas. 40 horas. e 20 a 39 horas. Menos de 20 horas. oncurso público apenas. leição apenas. ndicação apenas. Processo seletivo apenas. Processo seletivo e leição. Processo seletivo e ndicação. Outra forma. 15. POR QUNTO TMPO VOÊ TRLOU OMO PROSSOR NTS S TORNR RTOR? 16. Á QUNTOS NOS VOÊ XR UNÇÕS RÇÃO? 2/7

3 Questionários S Questionário do iretor 17. Á QUNTOS NOS VOÊ É RTOR() ST SOL? 18. Á QUNTOS NOS VOÊ TRL N ÁR UÇÃO? 19. URNT OS ÚLTMOS OS NOS, VOÊ PRTPOU LUM TV SNVOLVMNTO PROSSONL? 20. S VOÊ PRTPOU LUM TV SNVOLVMNTO PROSSONL NOS ÚLTMOS OS NOS, OMO VOÊ VL O MPTO PRTPÇÃO M SU TV OMO RTOR? Não participei. Sim, e não houve impacto. Sim, e houve um pequeno impacto. Sim, e houve um impacto moderado. Sim, e houve um grande impacto. 21. NOS ÚLTMOS OS NOS, VOÊ OSTR TR PRTPO MS TVS SNVOLVMNTO PROSSONL O QU VOÊ PRTPOU? omando das Questões 22 a 25 S VOÊ OSTR TR PRTPO MS TVS SNVOLVMNTO PROSSONL, OS SUNTS MOTVOS MPRM SU PRTPÇÃO? Não gostaria de ter participado. 22. O desenvolvimento profissional era muito caro/eu não podia pagar. 23. ouve conflito com o meu horário de trabalho. 24. Não tinha disponibilidade de tempo. 25. Não houve oferta em minha área de interesse. 26. NOS ÚLTMOS OS NOS, VOÊ ORNZOU LUM TV ORMÇÃO ONTNU (TULZÇÃO, TRNMNTO, PTÇÃO T.) NST SOL? 27. QUL O QUNT ONTS ST SOL QU PRTPOU S TVS ORMÇÃO ONTNU QU VOÊ ORNZOU NOS ÚLTMOS OS NOS? Não foram organizadas atividades de formação continuada. Poucos professores. Um pouco menos da metade dos professores. Um pouco mais da metade dos professores. Quase todos ou todos os professores. RTRÍSTS QUP SOLR - ostaríamos de lhe perguntar sobre as atividades e composição da equipe escolar 28. QUL É O PRNTUL PROSSORS OM VÍNULO STÁVL NST SOL? Menor ou igual a 25%. e 26% a 50%. e 51% a 75%. e 76% a 90%. e 91% a 100%. 30. LÉM VOÊ, QUM PRTP O ONSLO SOLR? Não existe onselho scolar. Professores, funcionários, alunos e pais/responsáveis. Professores, funcionários e pais/responsáveis. Professores, alunos e pais/responsáveis. Professores, funcionários e alunos. Professores e pais/responsáveis. Outros. 29. O ONSLO SOLR É UM OLO RLMNT ONSTTUÍO POR RPRSNTNTS SOL OMUN QU TM OMO OJTVO OMPNR S TVS SOLRS. NST NO, QUNTS VZS S RUNU O ONSLO SOLR? Não existe onselho scolar. Nenhuma vez. Uma vez. Não existe onselho de lasse. Nenhuma vez. Uma vez. uas vezes. Três vezes ou mais. uas vezes. Três vezes ou mais. 31. O ONSLO LSS É UM ÓRÃO ORMO POR TOOS OS PROSSORS QU LONM M TURM/SÉR. NST NO NST SOL, QUNTS VZS S RUNU O ONSLO LSS? 3/7

4 Questionários S Questionário do iretor 32. NST NO NST SOL, OMO S U LORÇÃO O PROJTO PÓO? Não sei como foi desenvolvido. Não existe Projeto Pedagógico. Utilizando-se um modelo pronto, sem discussão com a equipe escolar. Utilizando-se um modelo pronto, mas com discussão com a equipe escolar. Utilizando-se um modelo pronto, porém com adaptações, sem discussão com a equipe escolar. Utilizando-se um modelo pronto, porém com adaptações e com discussão com a equipe escolar. laborou-se um modelo próprio, mas não houve discussão com a equipe escolar. laborou-se um modelo próprio e houve discussão com a equipe escolar. POLÍTS, ÇÕS PRORMS SOLRS - ostaríamos de lhe perguntar sobre as políticas utilizadas para admissão e alocação de alunos, bem como outras atividades desenvolvidas nesta escola. 33. ST SOL PRTPOU PROV RSL 2011? Não sei. omando das Questões 34 a 36 VOÊ ON OS RSULTOS O S (PROV RSL /OU N) 2011? 34. ST SOL? 35. O SU MUNÍPO? 36. O SU STO? Minha escola não participou. Meu município não participou. 37. NST NO, QUL O O RTÉRO PR MSSÃO LUNOS NST SOL? 38. NST NO, OMO O STUÇÃO ORT VS NST SOL? Prova de seleção. Sorteio. Local de moradia. Prioridade por ordem de chegada. Outro critério. pós o processo de matrícula, a escola ainda tinha vagas disponíveis. procura por vaga na escola preencheu todas as vagas oferecidas. procura por vaga na escola foi um pouco maior que as vagas oferecidas. procura por vaga na escola superou em muito o número de vagas oferecidas. 39. NST NO, QUL O O PRNPL RTÉRO UTLZO PR ORMÇÃO S TURMS NST SOL? omogeneidade quanto à idade (alunos com a mesma idade). omogeneidade quanto ao rendimento escolar (alunos com rendimento similar). eterogeneidade quanto à idade (alunos com idades diferentes). eterogeneidade quanto ao rendimento escolar (alunos com rendimentos diferentes). Outro critério. Não houve critério. 40. NST NO, QUL O O PRNPL RTÉRO PR TRUÇÃO S TURMS OS PROSSORS? J Preferência dos professores. scolha dos professores, de acordo com a pontuação por tempo de serviço e formação. Professores experientes com turmas de aprendizagem mais rápida. Professores experientes com turmas de aprendizagem mais lenta. Manutenção do professor com a mesma turma. Revezamento dos professores entre as séries. Sorteio das turmas entre os professores. tribuição pela direção da escola. Outro critério. Não houve critério. 41. NST SOL, Á LUM ÇÃO PR RUÇÃO S TXS NONO? 42. NST SOL, Á LUM ÇÃO PR RUÇÃO S TXS RPROVÇÃO? Não há ação, embora exista o problema. Não há ação, porque nesta escola não há esse tipo de problema. Sim, mas com resultados ainda insatisfatórios. Sim, com resultados satisfatórios. Sim, mas ainda não avaliamos o resultado. Não há ação, embora exista o problema. Não há ação, porque nesta escola não há esse tipo de problema. Sim, mas com resultados ainda insatisfatórios. Sim, com resultados satisfatórios. Sim, mas ainda não avaliamos o resultado. 4/7

5 Questionários S Questionário do iretor 43. NST SOL, Á LUM ÇÃO PR O RORÇO SOLR À PRNZM OS LUNOS (MONTOR, UL RORÇO, RUPRÇÃO T.)? 44. NST SOL, NQU OM QU RQUÊN VOÊ SUT OM OS PROSSORS MS OM O OJTVO MLORR O NSNO PRNZM OS LUNOS. lgumas vezes. requentemente. Sempre ou quase sempre. omando das Questões 45 a 49 NQU OM QUL RQUÊN SÃO SNVOLVS S SUNTS TVS PR MNMZR S LTS OS LUNOS NST NO NST SOL: lgumas vezes. requentemente. Sempre ou quase sempre. 45. Os professores conversam com os alunos para tentar solucionar o problema. 46. Os pais/responsáveis são avisados por comunicação da escola. 47. Os pais/responsáveis são chamados à escola para conversar sobre o assunto em reunião de pais. 48. Os pais/responsáveis são chamados à escola para conversar sobre o assunto individualmente. 49. escola envia alguém à casa do aluno. omando das Questões 50 a 55 NQU OM QUL RQUÊN VOÊ SNVOLVU S SUNTS TVS NST NO NST SOL: 50. esenvolveu atividades extracurriculares em esporte. 51. esenvolveu atividades extracurriculares em artes. 52. esenvolveu projetos temáticos (ex.: bullying, meio ambiente, desigualdades sociais, etc). 53. Neste ano, a escola promoveu eventos para a comunidade. 54. Os espaços desta escola são utilizados para eventos promovidos pela comunidade. 55. Neste ano, a comunidade colaborou com trabalho voluntário para esta escola. (por exemplo, desenvolvendo atividades, ajudando na manutenção da escola etc). lgumas vezes. requentemente. Sempre ou quase sempre. 56. QUNTOS STUNTS OM ÊN OU NSSS SPS STUM NST SOL NST NO? Nenhum. ntre 1 e 5 alunos. ntre 6 e 10 alunos. ntre 11 e 20 alunos. Mais de 20 alunos. omando das Questões 57 a 61 VL OS SUNTS SPTOS M RLÇÃO À SSL NST SOL: 57. NRSTRUTUR SOL É QU ÀS PSSOS OM ÊN OU NSSS SPS? 58. SOL POSSU SL RURSOS MULTUNONS PR TNMNTO UONL SPLZO ()? Sim, mas pouco adequada. Sim, suficientemente adequada. Não possui sala de recursos. Sim, mas com poucos recursos. Sim, com recursos suficientes. 59. VOÊ POSSU ORMÇÃO SPÍ PR TRLR OM STUNTS OM ÊN OU NSSS SPS? 60. OS PROSSORS ST SOL POSSUM ORMÇÃO SPÍ PR TRLR OM STUNTS OM ÊN OU NSSS SPS? Sim, mas apenas em uma área/deficiência. Sim, em mais de uma área/deficiência. Sim, mas em número insuficiente. Sim, em número suficiente. 61. OS MS UNONÁROS ST SOL POSSUM ORMÇÃO PR TRLR OM STUNTS OM ÊN OU NSSS SPS? Sim, mas em número insuficiente. Sim, em número suficiente. 5/7

6 Questionários S Questionário do iretor VSÃO SOR MRN SOLR - ostaríamos de saber a sua opinião sobre a merenda oferecida nesta escola. omando das Questões 62 a 66 M RLÇÃO À MRN SOLR, OMO VOÊ VL OS SUNTS SPTOS: nexistente. Ruim. Razoável. om. Ótimo. 62. Recursos financeiros. 63. Quantidade de alimentos. 64. Qualidade dos alimentos. 65. spaço físico para cozinhar. 66. isponibilidade de funcionários. VSÃO SOR OS PROLMS SOL UL STÃO - ostaríamos de saber a sua opinião sobre os principais problemas desta escola e as dificuldades que você encontra na gestão escolar. omando das Questões 67 a 76 O UNONMNTO SOL O ULTO POR LUM OS SUNTS PROLMS? 67. nsuficiência de recursos financeiros. 68. nexistência de professores para algumas disciplinas ou séries. 69. arência de pessoal administrativo. Sim, pouco. Sim, moderadamente. Sim, muito. 70. arência de pessoal de apoio pedagógico (supervisor, coordenador, orientador educacional). 71. alta de recursos pedagógicos. 72. nterrupção das atividades escolares. 73. lto índice de faltas por parte dos professores. 74. lto índice de faltas por parte dos alunos. 75. lta rotatividade do corpo docente. 76. ndisciplina por parte dos alunos. omando das Questões 77 a 80 ONSR S ONÇÕS XSTNTS PR O XRÍO O RO RTOR NST SOL: 77. á interferência de atores externos em sua gestão? 78. á apoio de instâncias superiores? 79. á troca de informações com diretores de outras escolas? 80. á apoio da comunidade à sua gestão? RURSOS NNROS LVROS ÁTOS - ostaríamos de saber as fontes de recursos que contribuem para o funcionamento desta escola e sobre os livros didáticos. 81. sta escola recebeu neste ano apoio financeiro do governo federal? 82. sta escola recebeu neste ano apoio financeiro do governo estadual? 83. sta escola recebeu neste ano apoio financeiro do governo municipal? 84. sta escola recebeu neste ano apoio financeiro de empresas ou doadores individuais? 85. Para a escolha do livro didático, esta escola utilizou o uia de Livros idáticos do M? 86. OMO S U SOL O LVRO ÁTO NST NO? Não sei. oi escolhido de forma participativa pelos professores. oi escolhido por somente alguns membros da equipe escolar. oi escolhido por órgãos externos à escola. oi escolhido de outra maneira. 6/7

7 Questionários S Questionário do iretor omando das Questões 87 a 89 NST NO, NST SOL, OORRRM S SUNTS STUÇÕS: Não Sei. 87. Os livros chegaram em tempo hábil para o início das aulas. 88. altaram livros para os alunos. 89. Os livros escolhidos foram os recebidos. VOLÊN N SOL - ostaríamos de saber sobre a ocorrência de fatos que afetam a segurança nesta escola. omando das Questões 90 a 99 SOR OS TOS LSTOS XO, S LS ONTRM OU NÃO ST NO, NST SOL: 90. gressão verbal ou física de alunos a professores ou funcionários da escola. 91. gressão verbal ou física de alunos a outros alunos da escola. 92.Você foi vítima de atentado à vida. 93. Você foi ameaçado por algum aluno. 94. Você foi vítima de furto (sem uso de violência). 95. Você foi vítima de roubo (com uso de violência). 96. lunos frequentaram a escola sob efeito de bebida alcoólica. 97. lunos frequentaram a escola sob efeito de drogas ilícitas. 98. lunos frequentaram a escola portando arma branca (facas, canivetes etc). 99. lunos frequentaram a escola portando arma de fogo. omando das Questões 100 a 108 NST SOL, Á PROJTOS NS SUNTS TMÁTS: 100. Violência Os malefícios do uso de drogas Racismo Machismo e homofobia ullying Sexualidade e gravidez na adolescência esigualdades sociais iversidade religiosa Meio ambiente. NSNO RLOSO - ostaríamos de saber sobre as atividades de ensino religioso que ocorreram nesta escola. omando das Questões 109 a 111 NST SOL, O NSNO RLOSO: Não há aula de ensino religioso É de presença obrigatória Segue uma religião específica Nesta escola há atividades alternativas para os estudantes que não queiram participar das aulas de ensino religioso. 7/7

QUESTIONÁRIO. Senhor(a) Professor(a),

QUESTIONÁRIO. Senhor(a) Professor(a), 2013 QUSTIONÁRIO O PROSSOR Senhor(a) Professor(a), O Sistema Nacional de valiação da ducação ásica, S, é composto por dois tipos de instrumentos de avaliação: as provas aplicadas aos estudantes e os questionários

Leia mais

Questionário do Professor

Questionário do Professor [cole aqui a etiqueta de identificação] (105 x 35 mm) Pesquisa Internacional da OCDE sobre Ensino e Aprendizagem (TALIS) Questionário do Professor Versão Pesquisa (MS-12-01) [Português, Brasil] Coordenação

Leia mais

CHAMADA PARA O PROCESSO SELETIVO PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM SAÚDE E PREVENÇÃO NAS ESCOLAS AO USO DE ÁLCOOL, TABACO, CRACK E OUTRAS DROGAS.

CHAMADA PARA O PROCESSO SELETIVO PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM SAÚDE E PREVENÇÃO NAS ESCOLAS AO USO DE ÁLCOOL, TABACO, CRACK E OUTRAS DROGAS. CHAMADA PARA O PROCESSO SELETIVO PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM SAÚDE E PREVENÇÃO NAS ESCOLAS AO USO DE ÁLCOOL, TABACO, CRACK E OUTRAS DROGAS. A Diretoria do Centro de Educação da Universidade Federal

Leia mais

CALENDÁRIO - PED EDUCAÇÃO INFANTIL Grupo 092 - Janeiro/2012 CursoID 345 - GradeID 458

CALENDÁRIO - PED EDUCAÇÃO INFANTIL Grupo 092 - Janeiro/2012 CursoID 345 - GradeID 458 Grupo 85 - CALENDÁRIO - PED EDUCAÇÃO INFANTIL CursoID 345 - GradeID 458 Estrutura do Calendário Antes de utilizar o Calendário do Curso, leia atentamente o Manual do Aluno de EAD para que possa entender

Leia mais

CALENDÁRIO - PEDAGOGIA Grupo 87 - Agosto/2011

CALENDÁRIO - PEDAGOGIA Grupo 87 - Agosto/2011 Estrutura do Calendário Antes de utilizar o Calendário do Curso, leia atentamente o Manual do Aluno de EAD para que possa entender o processo de avaliação, disciplinas, estrutura curricular e duração.

Leia mais

PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO

PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO PESQUISA DATAPOPULAR: PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SÃO PAULO OBJETIVOS QUALIDADE NAS ESCOLAS Mapear percepções de Professores, Pais e Alunos de São Paulo sobre o que

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA DOS CURSOS SUPERIORES

REGULAMENTO DA MONITORIA DOS CURSOS SUPERIORES REGULAMENTO DA MONITORIA DOS CURSOS SUPERIORES Considerando o artigo 84 da LDB nº 9.394/96 o qual estabelece que: Os discentes da educação superior poderão ser aproveitados em tarefas de ensino e pesquisa

Leia mais

REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS

REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS JUNHO/2011 CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares Art. 1º. Os cursos de Pós Graduação Lato Sensu da Faculdade de Tecnologia

Leia mais

Palavras-Chave: docência, alfabetização, letramento.

Palavras-Chave: docência, alfabetização, letramento. O PROCESSO DE ALFABETIZAR, LETRANDO- UMA VIVÊNCIA NO PIBID/CAPES/ULBRA Nanci Tereza Félix Veloso Sílvia Maria Barreto dos Santos ULBRA- Cachoeira do Sul RESUMO Este trabalho relata os percursos metodológicos

Leia mais

PLANO DE AÇÃO SOE - 2014

PLANO DE AÇÃO SOE - 2014 Colégio Batista de Palmas PLANO DE AÇÃO SOE - 2014 PLANO DE AÇÃO Introdução Na instituição escolar, o orientador educacional é um dos profissionais da equipe de gestão. Ele trabalha diretamente com os

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. PROCESSO SELETIVO 2015-2º. semestre

MANUAL DO CANDIDATO. PROCESSO SELETIVO 2015-2º. semestre MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO 2015-2º. semestre Caro Candidato, Este é o manual do processo seletivo para o 2º. semestre de 2015 para os cursos de Licenciatura em Pedagogia e Letras-Língua Portuguesa

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO Vestibular Premiado

MANUAL DO CANDIDATO Vestibular Premiado FACULDADE NACIONAL DE EDUCAÇÃO E ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ - FANEESP MANUAL DO CANDIDATO Vestibular Premiado www.faneesp.edu.br ADMINISTRAÇÃO Direção Geral: Vergínia Aparecida Mariani INESUL Londrina Diretora

Leia mais

EDITAL INTERNO 005/2016

EDITAL INTERNO 005/2016 EDITAL INTERNO 005/2016 Dispõe sobre a seleção de candidatos à monitoria para o 1º semestre de 2016 na. O Diretor da, de acordo com o aprovado pela Congregação, faz publicar o presente edital para o processo

Leia mais

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP

REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA FACULDADE DE APUCARANA FAP Regulamento do Curricular Supervisionado do Curso de Graduação em Pedagogia - Licenciatura Faculdade de

Leia mais

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO DE FORMADORES

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO DE FORMADORES O Programa de Certificação de Formadores busca capacitar profissionais da área da educação como formadores de professores e gestores educacionais. Com esta certificação, os formadores poderão oferecer

Leia mais

III ENCONTRO PROGRAMA DE BOLSA AUXÍLIO RESULTADO QUESTIONÁRIO BOLSISTAS

III ENCONTRO PROGRAMA DE BOLSA AUXÍLIO RESULTADO QUESTIONÁRIO BOLSISTAS III ENCONTRO PROGRAMA DE BOLSA AUXÍLIO 1. Há quanto tempo você participa do Programa de bolsa-auxílio do Instituto Girassol? Até 1 ano 3 De 1 a 2 anos 8 De 2 a 3 anos 3 De 2 a 3 anos 21% Até 1 ano 22%

Leia mais

EDITAL Nº 115/ 2014 CIPEAD/PROGRAD/UFPR

EDITAL Nº 115/ 2014 CIPEAD/PROGRAD/UFPR EDITAL Nº 1/ 2014 CIPEAD/PROGRAD/UFPR RESULTADO FINAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS PARA ATUAR NO CURSO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS - EJA NA DIVERSIDADE. A Universidade Federal do

Leia mais

12 DE JUNHO, DIA DE COMBATE A EXPLORAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA NO PIBID DE GEOGRAFIA

12 DE JUNHO, DIA DE COMBATE A EXPLORAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA NO PIBID DE GEOGRAFIA 12 DE JUNHO, DIA DE COMBATE A EXPLORAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL: RELATO DE EXPERIÊNCIA NO PIBID DE GEOGRAFIA Resumo O presente trabalho tem como objetivo relatar uma experiência desenvolvida no Programa

Leia mais

REGULAMENTO PARA A REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

REGULAMENTO PARA A REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS DE GUANAMBI Distrito de Ceraíma, s/n - Zona Rural - Cx Postal

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERTANEJA Estado do Paraná

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERTANEJA Estado do Paraná LEI COMPLEMENTAR Nº 53/2014 DE 29 DE AGOSTO DE 2014 Súmula: DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DE CARGOS DE PROVIMENTO EFETIVO DE PROFESSOR EM CAMPOS ESPECIFICOS NOS TERMOS DA LEI COMPLEMENTAR MUNICIPAL Nº 029/2010,

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR EIO DE DETERINANTES Dtrmt um mtrz su orm Sj mtrz: O trmt st mtrz é: Emlo: Vmos suor o sstm us quçõs om us óts y: y y Est sstm quçõs o sr srto orm mtrl: y Est qução r três mtrzs:.

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA HORÁRIO 2015.2 1 SEMESTRE SALA 01 TURMA: EDF 317-1

EDUCAÇÃO FÍSICA HORÁRIO 2015.2 1 SEMESTRE SALA 01 TURMA: EDF 317-1 1 SMSTR SL 01 TURM: F 317-1 H SGUN TRÇ QURT QUNT SXT SÁ NTOM TOR NTOM TOR NTOM TOR SPÉ. HST. SOS SPÉ. HST. SOS SPÉ. HST. SOS NTOM NTOM PSOLOG PNS. PGÓGO ÁT PNS. PGÓGO ÁT SPORT LZR SO T. OM. XPRSSÃO. FORMÇÃO

Leia mais

Anexo 7. Questionário on line para a comunidade externa

Anexo 7. Questionário on line para a comunidade externa Anexo 7. Questionário on line para a comunidade externa Anexo 8. Padrão de respostas do questionário do estudante aplicados aos alunos do ENADE 2009 e 2010. Os dados foram estimados a partir do relatório

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES EM PESQUISA AÇÃO PARA A MELHORIA NA QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BÁSICA - FAPEAL /CAPES/ UNEAL

PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES EM PESQUISA AÇÃO PARA A MELHORIA NA QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BÁSICA - FAPEAL /CAPES/ UNEAL ESTADO DE ALAGOAS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação - PROPEP Fone: (82) 3521-3379. E-mail: propep@uneal.edu.br PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES EM

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO Curso: Pedagogia - vespertino Disciplina: EDM0323 - Metodologia do ensino de português: a alfabetização. Docente: Prof.ª Nilce da Silva Aluna (nºusp): Flávia

Leia mais

COOPERAÇÃO PARANÁ UTAH PROCESSO SELETIVO: CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES PELO ESTADO DE UTAH (USA)

COOPERAÇÃO PARANÁ UTAH PROCESSO SELETIVO: CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES PELO ESTADO DE UTAH (USA) COOPERAÇÃO PARANÁ UTAH PROCESSO SELETIVO: CONTRATAÇÃO DE PROFESSORES PELO ESTADO DE UTAH (USA) Considerando o Memorando de Entendimento entre a Secretaria de Educação do Estado de Utah, EUA, e a Secretaria

Leia mais

Regimento ento de Estágio Supervisionado Licenciatura em Pedagogia

Regimento ento de Estágio Supervisionado Licenciatura em Pedagogia Regimento ento de Estágio Supervisionado Licenciatura em Pedagogia OBJETIVO GERAL De acordo com a Resolução CNE/CP nº 1 do Inciso IV, Art. 8º, o Estágio Supervisionado deve ser entendido como uma proposta

Leia mais

EDITAL INTERNO 24/2015 Dispõe sobre a seleção de candidatos à monitoria para o segundo semestre de 2015 na Faculdade de Tecnologia de Americana.

EDITAL INTERNO 24/2015 Dispõe sobre a seleção de candidatos à monitoria para o segundo semestre de 2015 na Faculdade de Tecnologia de Americana. EDITAL INTERNO 24/2015 Dispõe sobre a seleção de candidatos à monitoria para o segundo semestre de 2015 na. O Diretor da, de acordo com o aprovado pela Congregação, faz publicar o presente edital para

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO PORTARIA Nº. 035/2016/GS/SEDUC/MT

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO PORTARIA Nº. 035/2016/GS/SEDUC/MT ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO PORTARIA Nº. 035/2016/GS/SEDUC/MT Dispõe sobre os procedimentos do processo de IMPLANTAÇÃO DE EDUCAÇÃO INTEGRAL EM TEMPO INTEGRAL, para Educação Básica/MT.

Leia mais

A INFLUÊNCIA DO JOGO NA APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA

A INFLUÊNCIA DO JOGO NA APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA A INFLUÊNCIA DO JOGO NA APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA Maria de Lourdes Meinerz da Silva Escola Municipal de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima- Santa Rosa RS jaimar_sr@yahoo.com.br Daiani Finatto

Leia mais

CALENDÁRIO - PED CULTURA E LITERATURA Grupo 096 - Maio/2012 CursoID 543 - GradeID 650

CALENDÁRIO - PED CULTURA E LITERATURA Grupo 096 - Maio/2012 CursoID 543 - GradeID 650 CursoID 543 - GradeID 650 Estrutura do Calendário Antes de utilizar o Calendário do Curso, leia atentamente o Manual do Aluno de EAD para que possa entender o processo de avaliação, disciplinas, estrutura

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2016/1 AGENDADO

EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2016/1 AGENDADO EDITAL PROCESSO SELETIVO TRADICIONAL 2016/1 AGENDADO 1. O (a) Diretor (a) do (a) Faculdade Cenecista de Vila Velha FACEVV, com sede no município Vila Velha/ES, torna público, na forma regimental e em consonância

Leia mais

QUESTIONÁRIO DO ESTUDANTE

QUESTIONÁRIO DO ESTUDANTE Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Diretoria de Avaliação da Educação Superior Coordenação Geral do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA O PREENCHIMENTO DAS VAGAS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Edital nº 07/2015 SELEÇÃO EM REGIME CELETISTA

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Edital nº 07/2015 SELEÇÃO EM REGIME CELETISTA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Edital nº 07/2015 SELEÇÃO EM REGIME CELETISTA A) INSCRIÇÕES: No período de 20 a 22 de maio de 2015, de forma presencial. Não serão aceitas inscrições enviadas por correio.

Leia mais

NO IFRN / CAMPUS MOSSORÓ

NO IFRN / CAMPUS MOSSORÓ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRO-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ Pró reitoria de Pesquisa e Pós graduação Instituto Básico de Humanidades

UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ Pró reitoria de Pesquisa e Pós graduação Instituto Básico de Humanidades UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ Pró reitoria de Pesquisa e Pós graduação Instituto Básico de Humanidades Programa de Pós graduação em Desenvolvimento Humano: Formação, Políticas e Práticas Sociais Instruções gerais

Leia mais

Ações do Ministério da Educação no enfrentamento ao Trabalho Infantil

Ações do Ministério da Educação no enfrentamento ao Trabalho Infantil MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão Diretoria de Políticas de Educação em Direitos Humanos e Cidadania Ações do Ministério da Educação no enfrentamento

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. 5 Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM DOCÊNCIA PARA O ENSINO EM SAÚDE Unidade

Leia mais

EDITAL PROGRAD Nº 05/2014

EDITAL PROGRAD Nº 05/2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PROGRAMAS ESPECIAIS EM EDUCAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID EDITAL PROGRAD

Leia mais

Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA

Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA Edital nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A ESCOLHA DE ORIENTADOR DE ESTUDOS DO PNAIC PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA A Secretaria Municipal de Educação e Cultura do Município

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDUCAÇÃO INCLUSIVA EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na

Leia mais

SELEÇÃO DE PROFESSORES CONTEUDISTAS PARA ELABORAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO PARA CURSOS DE EXTENSÃO EDITAL VII

SELEÇÃO DE PROFESSORES CONTEUDISTAS PARA ELABORAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO PARA CURSOS DE EXTENSÃO EDITAL VII SELEÇÃO DE PROFESSORES CONTEUDISTAS PARA ELABORAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO PARA CURSOS DE EXTENSÃO EDITAL VII O Diretor Acadêmico da Faculdade Ateneu, a seguir denominada FATE, no uso de suas atribuições

Leia mais

Faculdade de Ribeirão Preto. Núcleo de Prática Acadêmica (NPA)

Faculdade de Ribeirão Preto. Núcleo de Prática Acadêmica (NPA) Faculdade de Ribeirão Preto Núcleo de Prática Acadêmica (NPA) Manual de orientações para o cumprimento do Estágio Curricular e elaboração do Trabalho de Conclusão de Curso - TCC LETRAS 2011 ORIENTAÇÕES

Leia mais

GESTÃO DEMOCRÁTICA EDUCACIONAL

GESTÃO DEMOCRÁTICA EDUCACIONAL GESTÃO DEMOCRÁTICA EDUCACIONAL Nanci Cunha Vilela Rost ; Amanda Carvalho ; Edimara Soares Gonçalves ; Juliane Rocha de Moraes BILAC, Faculdade de pedagogia Bilac, graduação em Pedagogia, nancirost@hotmail.com

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

RELATÓRIO FINAL DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO FEFISA FACULDADES INTEGRADAS DE SANTO ANDRÉ Educação Física - Licenciatura (Nome) RELATÓRIO FINAL DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO Santo André 2015 (Nome - Turma) RELATÓRIO FINAL DO ESTÁGIO CURRICULAR

Leia mais

1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Manaus,05 de Abril de 2013.

1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Manaus,05 de Abril de 2013. 1º EDITAL DE PRORROGAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO 001/2013. Por determinação do SENAR-AR/AM, fica prorrogado o prazo de inscrições para o Processo Seletivo SENAR-AR/AM 001/2013, até as 18 horas do dia 12 de

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online ENSINO LÚDICO EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação na Modalidade

Leia mais

UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA. 1. Licenciatura Plena

UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA. 1. Licenciatura Plena UNIVERSIDADE CAMILO CASTELO BRANCO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO PEDAGOGIA 1. Licenciatura Plena Prática de Gestão Escolar da Educação Básica Prática de Coordenação e Orientação Educacional da Educação

Leia mais

Prefeitura Municipal de Santo Antonio de Jesus Secretaria de Educação

Prefeitura Municipal de Santo Antonio de Jesus Secretaria de Educação Prefeitura Municipal de Santo Antonio de Jesus Secretaria de Educação PORTARIA DE CHAMADA PUBLICA Nº 01/ 2014 De 04 de fevereiro de 2014 Estabelece normas para o cadastramento, credenciamento e seleção

Leia mais

INCLUSÃO: POSSIBILIDADES DA PSICOLOGIA ESCOLAR RESUMO

INCLUSÃO: POSSIBILIDADES DA PSICOLOGIA ESCOLAR RESUMO INCLUSÃO: POSSIBILIDADES DA PSICOLOGIA ESCOLAR RESUMO INTRODUÇÃO: Experiência de Estágio de Núcleo Básico III com crianças do Ensino Fundamental sobre Inclusão. OBJETIVO: conscientizar a aceitação das

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES Silva.A.A.S. Acadêmica do curso de Pedagogia (UVA), Bolsista do PIBID. Resumo: O trabalho

Leia mais

CURSO PREPARATÓRIO PARA OAB 1ª FASE IX EXAME DE ORDEM UNIFICADO 2º SEMESTRE 2012 EDITAL DE SELEÇÃO

CURSO PREPARATÓRIO PARA OAB 1ª FASE IX EXAME DE ORDEM UNIFICADO 2º SEMESTRE 2012 EDITAL DE SELEÇÃO CURSO PREPARATÓRIO PARA OAB 1ª FASE IX EXAME DE ORDEM UNIFICADO 2º SEMESTRE 2012 EDITAL DE SELEÇÃO NOME DO CURSO Preparatório para Exame da OAB 1ª Fase COORDENAÇÃO Professor Ms. Wagner Antônio Alves ÁREA

Leia mais

1 Histórico do Curso e Proposta Pedagógica: 1.1 Histórico:

1 Histórico do Curso e Proposta Pedagógica: 1.1 Histórico: 1 Histórico do urso e Proposta Pedagógica: 1.1 Histórico: stamos na luta há muito tempo por esta conquista na educação, somos 127 professores que se formaram no Projeto çaí e desde lá a política sobre

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 015/2009-CONSUNIV-UEA ESTÁGIO SUPERVISIONADO

RESOLUÇÃO Nº 015/2009-CONSUNIV-UEA ESTÁGIO SUPERVISIONADO RESOLUÇÃO Nº 015/2009-CONSUNIV-UEA ESTÁGIO SUPERVISIONADO CAPÍTULO I DA NATUREZA DO ESTÁGIO Art. 1º. Os estágios obrigatórios ou não-obrigatórios, de estudantes de curso de graduação da Universidade do

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CENTRO DE COMUNICAÇÃO, LETRAS E ARTES CURSO DE ARTES VISUAIS - LICENCIATURA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CENTRO DE COMUNICAÇÃO, LETRAS E ARTES CURSO DE ARTES VISUAIS - LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CENTRO DE COMUNICAÇÃO, LETRAS E ARTES CURSO DE ARTES VISUAIS - LICENCIATURA Licenciatura Normativa do estágio Curricular Supervisionado do curso de Artes Visuais Título

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA CENTRO DE ARTES, HUMANIDADES E LETRAS CAHL CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA CENTRO DE ARTES, HUMANIDADES E LETRAS CAHL CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA CENTRO DE ARTES, HUMANIDADES E LETRAS CAHL CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA ESTÁGIO SUPERVISIONADO I - ATIVIDADE DE OBSERVAÇÃO ELABORAÇÃO DE DIAGNÓSTICO SOBRE

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO-SENSU EM PSICOPEDAGOGIA Modalidade Semipresencial EDITAL DE SELEÇÃO

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO-SENSU EM PSICOPEDAGOGIA Modalidade Semipresencial EDITAL DE SELEÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO-SENSU EM PSICOPEDAGOGIA Modalidade Semipresencial EDITAL DE SELEÇÃO Regulamentação de Pós-Graduação Lato-Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de

Leia mais

Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012

Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012 Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012 Rio de Janeiro, 19 / 06 / 2013 1 - Introdução 2 - Objetivos 3 - Coleta dos Dados 4 - Instrumentos de Coleta 5 - Temas abordados 6 - Universo da Pesquisa 7 - Análise

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OETE COORDENADORIA DA UAB/MEC-UNICENTRO EDITAL Nº 021/2015 - UAB/MEC-UNICENTRO SELEÇÃO DE TUTORES

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OETE COORDENADORIA DA UAB/MEC-UNICENTRO EDITAL Nº 021/2015 - UAB/MEC-UNICENTRO SELEÇÃO DE TUTORES SELEÇÃO DE TUTORES PARA ACOMPANHAMENTO, ATENDIMENTO E APOIO A ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS (NEE) DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU - ESPECIALIZAÇÃO - MODALIDADE A DISTÂNCIA - A Coordenação

Leia mais

"Teacher for Future" compartilhamento de experiências didáticas multiculturais

Teacher for Future compartilhamento de experiências didáticas multiculturais O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia convida para o curso: "Teacher for Future" compartilhamento de experiências didáticas multiculturais. Objetivos: Este curso visa permitir um pequeno

Leia mais

Resultado da Avaliação das Disciplinas

Resultado da Avaliação das Disciplinas Avaliação Curso Direito Imobiliário Registral Aplicado aos Bens Públicos DISCIPLINAS: 1- Propriedade e demais direitos reais 2- Modos de aquisição e perda da propriedade e demais direitos reais CARGA HORÁRIA:

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VOLTA REDONDA PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NA 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO DA FEVRE

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VOLTA REDONDA PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NA 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO DA FEVRE O Diretor Presidente da FEVRE, no uso de suas atribuições, faz saber que estarão abertas as inscrições para o PROCESSO SELETIVO visando ao ingresso na 1ª série do Ensino Médio MATUTINO dos Colégios da

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC Rua Almirante Teffé, 637 2º andar Centro CEP 24.030-085 Telefone: (21) 2629-2478 / 2629-2479 e-mail: nuecproex.uff@gmail.com

Leia mais

Processo Seletivo INESUL 2016

Processo Seletivo INESUL 2016 Processo Seletivo INESUL 2016 EDITAL Nº 04/2015 18 de dezembro de 2015 A Direção Acadêmica do Instituto de Ensino Superior de Londrina - INESUL, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, de acordo

Leia mais

Ensino Fundamental 6 ao 9 ano ou 5ª a 8ª série

Ensino Fundamental 6 ao 9 ano ou 5ª a 8ª série Cole aqui a etiqueta de identificação (105 x 35 mm) Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) Pesquisa Internacional sobre Ensino e Aprendizagem (TALIS) 2013 Questionário do Professor

Leia mais

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO - COPPG

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO - COPPG FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO - COPPG EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE ARACRUZ PIBIC/2011-2012 A Coordenação de Pesquisa, Graduação e Pós-Graduação da

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS NÚCLEO DE EXTENSÃO LICOM / LÍNGUAS PARA A COMUNIDADE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO

Leia mais

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO REDE NACIONAL DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO BÁSICA CATÁLOGO DOS CURSOS Coordenação Institucional: Profª. Dra. Flavia Mendes de Andrade e Peres Coordenadores

Leia mais

PREFEITURA DE NOVA VENÉCIA GABINETE DO PREFEITO RETIFICAÇAO E ALTERAÇAO DO EDITAL N 001/2013

PREFEITURA DE NOVA VENÉCIA GABINETE DO PREFEITO RETIFICAÇAO E ALTERAÇAO DO EDITAL N 001/2013 RETIFICAÇAO E ALTERAÇAO DO EDITAL N 001/2013 O PREFEITO DE NOVA VENÉCIA, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo inciso XXI, Artigo 64 da Lei Orgânica Municipal e através da Comissão Especial,

Leia mais

Formação Profissional de Professores/as em Gênero, Sexualidade, Orientação Sexual e Relações Étnico Raciais

Formação Profissional de Professores/as em Gênero, Sexualidade, Orientação Sexual e Relações Étnico Raciais Formação Profissional de Professores/as em Gênero, Sexualidade, Orientação Sexual e Relações Étnico Raciais O que é o GDE É um curso de Aperfeiçoamento, na modalidade a distância, com carga horária de

Leia mais

CURSISTAS A ESCOLA E A CIDADE: EDUCAÇÃO INTEGRAL

CURSISTAS A ESCOLA E A CIDADE: EDUCAÇÃO INTEGRAL UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS DEPARTAMENTO DE EMPREENDEDORISMO E GESTÃO EDITAL ESTABELECE NORMAS DO PROCESSO SELETIVO DE

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO

PRÓ-REITORIA DE ENSINO PRÓ-REITORIA DE ENSINO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO Regulamento do Programa de Monitoria de Ensino aprovado pelo Conselho Superior do IFS através da Resolução nº 07/CS/2011. Aracaju/SE

Leia mais

5. CALENDÁRIO a) Inscrição dos candidatos De 10/08/2015 a 17/08/2015 20/08/2015

5. CALENDÁRIO a) Inscrição dos candidatos De 10/08/2015 a 17/08/2015 20/08/2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA UNIPÊ PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL, PESQUISA E EXTENSÃO - PROPDEPE PROGRAMA INSITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EDITAL PARA A SELEÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 16/2015. 2.1. A atividade de monitoria acadêmica na graduação em 2015 será exercida pelos alunos regulares dos cursos de graduação.

EDITAL Nº 16/2015. 2.1. A atividade de monitoria acadêmica na graduação em 2015 será exercida pelos alunos regulares dos cursos de graduação. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Fundação Universidade Federal do ABC Pró-Reitoria de Graduação Av. dos Estados, 5001 Bairro Bangu Santo André - SP CEP 09210-580 Fone: (11) 4996.7983 gabinete.prograd@ufabc.edu.br

Leia mais

PIBIC 05/06. Departamento de Educação

PIBIC 05/06. Departamento de Educação PIBIC 05/06 Departamento de Educação Alunas: Sandra Mendes Moreira Orientadora: Tânia Dauster Título do Projeto: Escrita na Universidade Os Universitários e as Relações entre Leitura E Escrita ESCRITA

Leia mais

O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar

O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar O papel e a importância do Coordenador Pedagógico no espaço escolar Na classe, o trabalho dos pequenos, Jean Geoffroy, 1881. Fonte: http://www.wikigallery.org/ Coordenador ontem Até 1961 não existe a figura

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Educação

Programa de Pós-Graduação em Educação 52 URIARTE, Mônica Zewe. 33 Programa de Pós-Graduação em Educação Resumo: Este artigo apresenta informações sobre a experiência da UNIVALI quanto ao ensino de artes no Curso de Pedagogia, preparado para

Leia mais

ADITIVO 01/2016.1 EDITAL N 03 /2015

ADITIVO 01/2016.1 EDITAL N 03 /2015 ADITIVO 01/2016.1 EDITAL N 03 /2015 PROCESSO SELETIVO 2016.1 A FACULDADE DE TECNOLOGIA DO NORDESTE - FATENE, recredenciada pelo MEC, portaria n 259 de 24/03/2009, torna pública a abertura de inscrições

Leia mais

Gráfico de Barras. Página 3 de 21 30/06/2014 11:12:02. A renda total mensal de sua família se situa na faixa: A menos de 01 salário mínimo (R$ 678,00)

Gráfico de Barras. Página 3 de 21 30/06/2014 11:12:02. A renda total mensal de sua família se situa na faixa: A menos de 01 salário mínimo (R$ 678,00) Questão: 1 Qual o nível de instrução do seu pai? Página 1 de 21 30/06/2014 11:11:58 A Sem Escolaridade 421 B Nível fundamental incompleto (1º Grau) 2996 C Nível fundamental completo (1º Grau) 1226 D Nível

Leia mais

EDITAL 2 / 2015 DO PET ODONTOLOGIA SELEÇÃO DE NOVOS INTEGRANTES

EDITAL 2 / 2015 DO PET ODONTOLOGIA SELEÇÃO DE NOVOS INTEGRANTES EDITAL 2 / 2015 DO PET ODONTOLOGIA SELEÇÃO DE NOVOS INTEGRANTES O tutor do Programa de Educação Tutorial - PET, do Curso de Odontologia da Universidade Federal de Uberlândia, no uso de suas atribuições

Leia mais

ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Revista Linha Direta

ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Revista Linha Direta ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Valéria Araújo Quando crianças, adolescentes, jovens e familiares do distrito da Brasilândia

Leia mais

CAMPUS DE PARANAVAÍ Divisão de Extensão e Cultura EDITAL Nº. 001/2014. Processo Seletivo de Bolsistas de Extensão Universitária PIBEX/FA

CAMPUS DE PARANAVAÍ Divisão de Extensão e Cultura EDITAL Nº. 001/2014. Processo Seletivo de Bolsistas de Extensão Universitária PIBEX/FA CAMPUS DE PARANAVAÍ Divisão de Extensão e Cultura EDITAL Nº. 001/2014 Processo Seletivo de Bolsistas de Extensão Universitária PIBEX/FA A Divisão de Extensão e Cultura, em conformidade com a Chamada 012/2014

Leia mais

ECONS. Laboratório de Estudos. Caroline Lacerda

ECONS. Laboratório de Estudos. Caroline Lacerda ECONS Laboratório de Estudos Econômicos Caroline Lacerda Abril de 2015 Conteúdo Sobre o ECONS Corpo Técnico Atividades Site Institucional Banco de dados O que é o ECONS? O ECONS é voltado para a promoção

Leia mais

PESQUISA INSTITUCIONAL CAMPUS RIO DE JANEIRO. Cursos Técnicos Integrado ao Ensino Médio

PESQUISA INSTITUCIONAL CAMPUS RIO DE JANEIRO. Cursos Técnicos Integrado ao Ensino Médio PESQUISA INSTITUCIONAL CAMPUS RIO DE JANEIRO Cursos Técnicos Integrado ao Ensino Médio PESQUISA INSTITUCIONAL IFRJ - CAMPUS RIO DE JANEIRO CURSO TÉCNICO EM BIOTECNOLOGIA INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO 1 Capa

Leia mais

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância ATOS LEGAIS DO CURSO: Nome do Curso: Pedagogia Tempo de Integralização: Mínimo: 8 semestres Máximo: 14 semestres Nome da Mantida: Centro Universitário

Leia mais

Curso de Especialização em GESTAO DE SAÚDE PÚBLICA E MEIO AMBIENTE

Curso de Especialização em GESTAO DE SAÚDE PÚBLICA E MEIO AMBIENTE Curso de Especialização em GESTAO DE SAÚDE PÚBLICA E MEIO AMBIENTE ÁREA DO CONHECIMENTO: Saúde Meio Ambiente. NOME DO CURSO: Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, especialização em Gestão de Saúde Pública

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Laureate Brasil Educar é impregnar de sentido o que fazemos a cada instante! Paulo Freire SAIBA COMO UTILIZAR E BEM! O que você faz para conectar os seus estudos com

Leia mais

Plano de Ação da Orientação Educacional. 01- Introdução

Plano de Ação da Orientação Educacional. 01- Introdução Plano de Ação da Orientação Educacional 01- Introdução O contexto desafiante da atual sociedade brasileira, demanda progressivamente uma educação de qualidade. Tarefa de tal magnitude, exige uma concentrada

Leia mais

EDITAL Nº 05/2015.1. (Bacharelado) Turismo (Bacharelado) 50 Noturno Pedagogia (Licenciatura) 50 Noturno

EDITAL Nº 05/2015.1. (Bacharelado) Turismo (Bacharelado) 50 Noturno Pedagogia (Licenciatura) 50 Noturno EDITAL Nº 05/2015.1 A Diretora Geral da Faculdade de Ensino Regional Alternativa - FERA, no uso de suas atribuições legais, divulga, através desse Edital, as normas do Processo Seletivo Vestibular FERA/2015.1

Leia mais

Nº 005/2013 - EAD PROCESSO SELETIVO UNIFICADO 1º

Nº 005/2013 - EAD PROCESSO SELETIVO UNIFICADO 1º UNIMES Universidade Metropolitana de Santos Núcleo de Educação a Distância EDITAL Nº 005/2013 - EAD PROCESSO SELETIVO UNIFICADO 1º Semestre de 2014 Modalidade: Educação a Distância O Prof. Dr. Daniel Carreira

Leia mais

CAMPUS DE UNIÃO DA VITÓRIA Divisão de Extensão e Cultura

CAMPUS DE UNIÃO DA VITÓRIA Divisão de Extensão e Cultura CAMPUS DE UNIÃO DA VITÓRIA Divisão de Extensão e Cultura EDITAL Nº. 03/2015 Processo Seletivo de Bolsistas de Extensão Universitária PIBEX/FA - Vagas Remanescentes - A Divisão de Extensão e Cultura, em

Leia mais

APRENDIZAGEM A DISTÂNCIA APRENDENDO A APRENDER (E ENSINAR) A DISTÂNCIA

APRENDIZAGEM A DISTÂNCIA APRENDENDO A APRENDER (E ENSINAR) A DISTÂNCIA APRENDIZAGEM A DISTÂNCIA APRENDENDO A APRENDER (E ENSINAR) A DISTÂNCIA Gláucia Jorge CEAD-UFOP PRÁTICA DE LEITURA E PRODUÇAO DE TEXTOS (ACADÊMICOS) Disciplina ofertada para alunos dos cursos: Pedagogia

Leia mais

PROJETO EDUCANDO COM A HORTA ESCOLAR E A GASTRONOMIA PEHEG

PROJETO EDUCANDO COM A HORTA ESCOLAR E A GASTRONOMIA PEHEG PROJETO EDUCANDO COM A HORTA ESCOLAR E A GASTRONOMIA PEHEG CUIABÁ / MT 2013 EQUIPE GESTORA: INES WALKER EHRENBRIENK - DIRETORA NELY PEREIRA DA SILVA CARNEIRO - COORDENADORA JULIANA MOURA ALVES DAS NEVES

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS APLICADAS E EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS APLICADAS E EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS APLICADAS E EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL EDITAL 01/2015

Leia mais

Prefeitura Municipal de Petrolina Autarquia Educacional do Vale do São Francisco AEVSF Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina FACAPE

Prefeitura Municipal de Petrolina Autarquia Educacional do Vale do São Francisco AEVSF Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina FACAPE PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS, CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO, COMÉRCIO EXTERIOR, ECONOMIA, GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E SERVIÇO SOCIAL, POR

Leia mais

A MATEMÁTICA NO CARTÃO DE CRÉDITO

A MATEMÁTICA NO CARTÃO DE CRÉDITO A MATEMÁTICA NO CARTÃO DE CRÉDITO VIANA, Waldiléria Silva ENDLICH, Rafaela Saloméa de Oliveira Araki Resuno: Trata-se de um relato de experiência com uma atividade sugerida por alunas do programa PIBID/Ifes/Vitória/matemática.

Leia mais

EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE

EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE A Universidade Federal do Paraná (UFPR), por meio do, da

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2014/2. Solicito alteração da inscrição nº Nome do Candidato:, do curso, Turno, para o curso, do turno.

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2014/2. Solicito alteração da inscrição nº Nome do Candidato:, do curso, Turno, para o curso, do turno. EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2014/2 A Diretora Geral em exercício da Faculdade Católica de Uberlândia, no uso de suas atribuições regimentais e demais disposições legais, torna público o Edital do Processo

Leia mais