Relatório de Estágio no âmbito da Componente de Formação em Contexto de Trabalho

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relatório de Estágio no âmbito da Componente de Formação em Contexto de Trabalho"

Transcrição

1 Instituto Politécnico de Coimbra Instituto Superior de Engenharia de Coimbra Curso de Especialização Tecnológica Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos Relatório de Estágio no âmbito da Componente de Formação em Contexto de Trabalho Planear, Instalar e Configurar Serviços de Redes Informáticas Gabriela Quaresma COIMBRA, Julho de 2012

2 Instituto Politécnico de Coimbra Instituto Superior de Engenharia de Coimbra Planear, Instalar e Configurar Serviços de Redes Informáticas 03/04/2012 a 23/07/2012 Gabriela Quaresma Orientador: Eng.º Filipe Cardoso Técnico Superior Tutor na Instituição: Eng.º Amâncio Santos Professor Adjunto

3 Agradecimentos Em primeiro lugar gostaria de agradecer ao ISEC (Instituto Superior Engenharia de Coimbra), pela oportunidade de poder estagiar e pelas condições oferecidas. Ao meu orientador, Eng.º Filipe Cardoso pelo apoio sempre presente durante a realização do estágio, pela motivação e compreensão prestada. Ao meu tutor na Instituição (ISEC), Eng.º Amâncio Santos, pela orientação dada e pela disponibilidade demonstrada. Ao membro do gabinete técnico Luís Neves, pela grande ajuda dada quando foi necessário e pela compreensão. A todos os colegas de estágio pelo companheirismo e amizade. Aos meus pais por todo o apoio e paciência, pois sem eles não teria a oportunidade de poder realizar este curso. A toda a minha família pela motivação e encorajamento que me demonstraram. Ao meu namorado Pedro Neves, pela grande paciência, pelo incentivo e pela presença incansável ao longo de todo o estágio. Aos meus amigos, pelo apoio prestado e pela amizade nunca esquecida. A todos um obrigado por permitirem a realização deste estágio. iii

4 Índice 1. Introdução Enquadramento Empresarial Caracterização do Estágio Instalação e configuração de um servidor de cópias de segurança de dados Cópias de segurança (Backups) Tipos de backups Implementação do Backup Instalação e configuração de ferramentas de gestão de redes informáticas Nagios Versão Instalação do Nagios em Ubuntu Linux Instalação de plugins do Nagios Instalação e configuração de um servidor de Configuração do Nagios Ficheiro principal de configuração Ficheiro de recursos Ficheiro de configuração dos comandos Ficheiro de configuração do servidor Ficheiro de configuração dos contactos Ficheiro de configuração dos serviços Ficheiro de configuração de todos os servidores e serviços Ficheiro de configuração das impressoras e serviços Ficheiro de configuração dos switches e serviços NSClient GLPI Instalação do GLPI Configuração do MySQL Instalação de plugins no GLPI PhpMyAdmin OCS Inventory NG OCS Inventory NG Agents Conclusão Referências iv

5 Índice de Ilustrações Ilustração 1- Esquema da implementação dos backups... 4 Ilustração 2 - Backups normais e incrementais dos arquivos do computador Deis-mars.isec.pt.. 5 Ilustração 3 - Agendamento das tarefas dos arquivos do computador Deis-mars.isec.pt... 5 Ilustração 4 - Script... 5 Ilustração 5 - Nagios... 6 Ilustração 6 - Ficheiro de configuração do Postfix Ilustração 7 - Mensagem recebida através da aplicação Nagios Ilustração 8 - NSClient Ilustração 9 - GLPI Ilustração 10 - Endereço (http:// /phpmyadmin) Ilustração 11 - PhpMyAdmin Ilustração 12 - OCS Inventory NG v

6 Definições e Acrónimos SSH Secure Shell (permite a conexão com outro computador na rede) HTTP Hypertext Transfer Protocol (Protocolo de Transferência de Hipertexto) GLPI Gestionnaire libre de parc informatique (Gestão grátis de equipamentos de informática) NSClient++ (Aplicação usada para monitorizar sistemas operativos Windows) OCS inventory NG Open Computer and Software Inventory Next Generation GPL Gnu General Public License (software livre) Apache Servidor Web Livre SQL Structure Query Language Helpdesk serviço de apoio a utilizadores para suporte e resolução de problemas técnicos CGI Configuration File for Nagios (Ficheiro de configuração do Nagios) FAQ Frequently Asked Questions (Perguntas mais frequentes) vi

7 1. Introdução Este relatório tem como objectivo documentar todo o processo pelo qual a aluna passou, a fim de conseguir concluir o estágio do curso de Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos, no âmbito da Componente de Formação em Contexto de Trabalho. Este documento é claro e objectivo, de modo a que facilmente se entenda a maneira como foram desenvolvidas todas as actividades no decorrer do estágio. 2. Enquadramento Empresarial O estágio decorreu no gabinete técnico inserido no Departamento de Engenharia Informática e de Sistemas, ministrado pelo ISEC (Instituto Superior Engenharia de Coimbra). O gabinete técnico tem como objectivos assegurar a instalação, manutenção e configuração de toda a infra-estrutura informática do departamento e prestar apoio técnico directo a todos os utilizadores da comunidade do DEIS (funcionários docentes, não docentes e alunos) na resolução de problemas de diversos tipos, tais como problemas de hardware, software, entre outros. 3. Caracterização do Estágio Este estágio serviu para proporcionar um contacto directo com a actividade profissional realizada pelo gabinete técnico bem como para dar a oportunidade de adquirir experiência nos domínios relevantes. A realização do estágio tem como objectivos: Planeamento, instalação e configuração de um servidor de cópias de segurança dos dados relevantes do Departamento de Engenharia Informática e de Sistemas. Planeamento, Instalação e configuração de ferramentas de gestão de redes informáticas. 1

8 4. Instalação e configuração de um servidor de cópias de segurança de dados 4.1. Cópias de segurança (Backups) Cópia de segurança, é uma cópia de um dispositivo de armazenamento de dados, para que em caso da perda dos dados originais (e.g.: a eliminação de ficheiros substancialmente importantes para o utilizador ou para o sistema, corrupção de dados, etc) possam ser restaurados Tipos de backups Backup normal Com backups normais apenas é necessário efectuar a cópia mais recente dos dados para que estes possam ser restaurados posteriormente. Um backup normal é caracterizado por utilizar uma combinação de dois tipos de backups falados mais adiante, respectivamente os backups normal e incremental e por isso exigir menos espaço de armazenamento tornando-o assim o método mais rápido de fazer um backup. No entanto, a recuperação de dados pode ser difícil e lenta pois o conjunto de dados (previamente salvaguardados) pode estar armazenados em vários discos. Um backup normal não verifica se o arquivo de dados foi alterado desde o último backup efectuado, copiando assim tudo indiscriminadamente para este, tendo ou não modificações nos dados copiados. Esta é a razão pela qual os backups normais não são efectuados todos os dias Backup incremental Ao contrário dos backups normais, os backups incrementais verificam em primeiro lugar se o horário de alteração de um arquivo de dados é mais recente do que o horário do seu último backup. Se não for, o arquivo não é modificado desde o último backup. Por outro lado, se a data de modificação for mais recente que a data do último backup efectuado, o arquivo de dados é modificado. Assim, os backups incrementais são efectuados ao final de cada dia, de modo a que os dados que tenham sofrido alterações sejam salvaguardados. 2

9 Os backups incrementais são usados em conjunto com um backup normal. (e.g.: um backup completo semanal, com incrementais diários) Backup diferencial Backups diferenciais são backups semelhantes aos incrementais na medida em que ambos podem fazer salvaguardar dados apenas de ficheiros modificados. No entanto, os backups diferenciais são acumulativos, i.e. se um dado ficheiro foi modificado, este continua então a ser incluído em todos os backups diferenciais (até o próximo backup normal). Isto significa que cada backup diferencial contém todos os ficheiros modificados desde o último backup normal, possibilitando assim uma restauração completa apenas com o último backup normal e o último backup diferencial. 3

10 4.2. Implementação do Backup Os backups foram realizados em dois servidores, servidor deis-backups e deisbackups2. No servidor deis-backups existem 5 discos, sendo que um é para o sistema operativo que a máquina corre e os restantes contêm cada um o seu backup. (Eg.: disco E para o backup 1, disco F para o backup 2, disco G para o backup 3 e disco H para o backup 4), onde cada backup corresponde a uma semana, ou seja 4 discos para as 4 semanas do mês. Os tipos de backups que foram implementados durante a realização do estágio, foram respectivamente o backup normal e o backup incremental. O backup normal é feito ao domingo (no caso particular do DEIS), copiando assim completamente todos os arquivos e substituindo os backups já existentes. O backup incremental é feito todos os dias da semana, menos ao domingo e acrescenta ao backup normal os ficheiros que sofreram modificações (caso haja modificações. No caso de não existirem alterações de ficheiros então o backup não se realiza). Como mostra na figura 1, pode-se ver o esquema implementado, foram feitos backups na omega.isec.pt às pastas Deis e Disciplinas 2011/2012 e a todos os arquivos do computador Deis-mars.isec.pt. Deis omega.isec.pt Disciplinas Disco E Backup 1 Disco F Backup 2 Deis-mars.isec.pt Deis-backups.isec.pt Disco G Backup 3 Disco H Backup 4 Ilustração 1- Esquema da implementação dos backups 4

11 Ilustração 2 - Backups normais e incrementais dos arquivos do computador Deis-mars.isec.pt Ilustração 3 - Agendamento das tarefas dos arquivos do computador Deis-mars.isec.pt Na deis-backups2 foi inserido um script que possibilita a realização de um backup mensal no omega, da pasta Disciplinas 2011/2012, da pasta Deis e do computador MARS. Ilustração 4 - Script 5

12 5. Instalação e configuração de ferramentas de gestão de redes informáticas Os seguintes softwares, Nagios e Glpi, foram instalados e configurados no sistema operativo Ubuntu Linux (32bits) que corre num Hypervisor Esxi que por sua vez é gerido através da aplicação vsphere (VMware Sphere Client*). * Client vsphere refere-se a uma aplicação que permite a gestão de uma instalação vsphere. Um cliente vsphere pode operar em dispositivos tão diversos como um ipad ou Windows PC desktop. O cliente vsphere fornece um administrador com acesso às principais funções de vsphere sem a necessidade de aceder directamente a um servidor vsphere Nagios Versão Nagios é uma aplicação de monitorização, distribuída sob a licença GPL. Pode monitorizar tanto hosts (computadores, impressoras, switches, routers) bem como serviços (Ftp, http, ping, entre outros), alertando os gestores de rede sempre que ocorram problemas. Quando um serviço ou equipamento que falhou é colocado novamente a funcionar de forma correcta o Nagios envia uma mensagem aos gestores de rede de que o problema foi solucionado. Ilustração 5 - Nagios 6

13 5.2. Instalação do Nagios em Ubuntu Linux Antes de se instalar o Nagios deve-se primeiro instalar os seguintes requisitos: Efectuar download de uma lista de pacotes actualizados #sudo apt-get update Apache #sudo apt-get install apache2 Open SHH #sudo apt-get install openssh-server PHP #sudo apt-get install libapache2-mod-php5 GCC compiler and development libraries #sudo apt-get install build-essential Gd e gd-devel #sudo apt-get install libgd2-xpm-dev De seguida deve-se criar um utilizador e um grupo responsável pela utilização do Nagios. /usr/sbin/useradd -m -s /bin/bash nagios3 nagios3 - criação do utilizador *-m : cria o diretório home se ele não existir *-s : o nome do shell que será disponível para o usuário /usr/bin/passwd nagios - criação de uma palavra-passe para o utilizador nagios3 /usr/sbin/groupadd nagios - criação de um grupo para o utilizador nagios3 mkdir/tmp/downloads - criação de um diretório de ficheiros temporários para armazenar os downloads efectuados. 7

14 Depois da criação do utilizador e do grupo, deve-se então fazer o download e descompactá-lo. Download: wget Descompactação do arquivo baixado: cd /tmp/downloads tar -xzvf nagios tar.gz cd nagios make all Instalação dos ficheiros binários, scripts de inicialização, arquivos de exemplos de configuração e permissões nos directórios de comando externo e do arquivo de configuração do apache. make install make install-init make install-config make install-commandmode make install-webconf Criação da conta do nagiosadmin para acesso à interface web no nagios. htpasswd -c /usr/local/nagios/etc/htpasswd.users nagiosadmin *-c: Esta opção é usada para criar o ficheiro passwd, se já existir ele vai ser rescrito. Terminada a instalação do Nagios, devem ser efectuadas algumas configurações para que o mesmo possa funcionar. Os arquivos de configuração já foram instalados no diretório /etc/nagios3. Estes arquivos devem funcionar bem para iniciar o Nagios. Deve fazer-se apenas uma alteração antes de o nagios poder ser iniciado: Editar o arquivo de configuração /etc/nagios3/conf.d/contacts_nagios.cfg e alterar o endereço de associado com a definição contacto nagiosadmin para o endereço que se quer usar para receber os alertas. 8

15 5.3. Instalação de plugins do Nagios Download: Wget tar.gz Descompactação do arquivo baixado: cd /tmp/downloads tar -xzvf nagios-plugins tar.gz cd nagios-plugins Compilação dos plugins:./configure --with-nagios-user=nagios --with-nagios-group=nagios make install Verificação se os arquivos de configuração estão correctos: /usr/local/nagios/bin/nagios -v /usr/local/nagios/etc/nagios.cfg Reiniciar o Nagios: /etc/init.d/nagios3 restart 9

16 5.4. Instalação e configuração de um servidor de e- mail Para que o Nagios possa enviar notificações via (quando acontece algum problema com algum host ou serviço), deve instalar-se um serviço de , neste caso instalou-se o postfix. #sudo apt-get install postfix Depois da instalação deve-se editar o ficheiro: /etc/postfix/main.cf Tal como mostra na imagem seguinte deve-se editar o myhostname e o mydestination. Ilustração 6 - Ficheiro de configuração do Postfix Com o serviço Postfix assim instalado e a funcionar existe agora um serviço de e- mail disponível para os utilizadores do servidor do Nagios. A imagem seguinte mostra um exemplo de uma mensagem recebida através da aplicação Nagios. Ilustração 7 - Mensagem recebida através da aplicação Nagios 10

17 5.5. Configuração do Nagios Para se ter o Nagios a funcionar como é desejado deverão ser configurados certos ficheiros importantes para o bom funcionamento do mesmo Ficheiro principal de configuração /etc/nagios3/nagios.cfg Este é o ficheiro de configuração que define os vários directórios que o Nagios utiliza. Estes directórios incluem os caminhos para várias pastas onde o Nagios necessita de verificar os ficheiros requeridos e outros parâmetros que decidem como o funciona Ficheiro de recursos /etc/nagios3/resources.cfg Ficheiro onde é armazenado várias informações tais como os nomes dos utilizadores, as palavras-passe, etc Ficheiro de configuração dos comandos /etc/nagios3/commands.cfg Este ficheiro de configuração fornece alguns exemplos de definições de alguns comandos onde pode fazer referência a definições de hosts, serviços e contactos Ficheiro de configuração do servidor /etc/nagios3/conf.d/localhost_nagios2_cfg Ficheiro onde é inserido o servidor que se quer monitorizar. Ex: define host{ use generic-host ; Name of host template$ host_name deis-network alias deis-network address parents esxi } 11

18 Ficheiro de configuração dos contactos /etc/nagios3/conf.d/contacts_nagios2_cfg Ficheiro onde são inseridos os contactos do(s) utilizador(s) para o caso de acontecer algum problema nos servidores o administrador receber uma notificação. Exemplo: define contact{ contact_name gabriela alias gabriela service_notification_period 24x7 host_notification_period 24x7 service_notification_options w,u,c,r host_notification_options d,r service_notification_commands notify-service-by- host_notification_commands notify-host-by- } Ficheiro de configuração dos serviços /etc/nagios3/conf.d/services_nagios2_cfg Este ficheiro serve para identificar quais os serviços que se quer gerir nos servidores. Exemplo: # check that ping-only hosts are up define service { hostgroup_name service_description check_command use notification_interval be renotified } ping-servers PING check_ping!100.0,20%!500.0,60% generic-service 0 ; set > 0 if you want to 12

19 Ficheiro de configuração de todos os servidores e serviços /etc/nagios3/objects/windows.cfg Neste ficheiro são inseridos todos os servidores que se pretende monitorizar e todos os serviços que os servidores têm a correr. Foram inseridos os servidores principais do DEIS (Departamento de Engenharia de Informática e de Sistemas): Deis-backups, Deis-backups2, Deis-bd, Deis-files, Deis-iso, Deis-lock, Deismirrors, Deis-network, Deis-web, esxi, esxi-2, e omega. Os principais serviços para gestão dos servidores são: PING (mostra se o servidor está conectado á rede), memória (mostra a memória que o servidor contém), espaço em disco (mostra o espaço que tem ocupado e o espaço que ainda tem livre), uptime (diz á quanto tempo o servidor está ligado), CPU load (mostra a percentagem de utilização do CPU). Exemplo de um servidor: ################### Omega ############## define host{ use win host_name omega alias Omega Server address parents Switch-Sala-Servidores } Exemplo de um serviço: define service { use generic-service host_name omega service_description PING check_command check_ping!100.0,20%!500.0,60% } 13

20 Ficheiro de configuração das impressoras e serviços /etc/nagios3/objects/printer.cfg Neste ficheiro são inseridas as impressoras que vão ser monitorizadas e os serviços que vão permitir a gestão das impressoras. Exemplo de uma impressora: define host{ use generic-printer ; Inherit default values from a$ host_name ImpressoraBox3 ; The name we're giving to this$ alias samsung ; A longer name associated with the printer address ; IP address of the printer } Exemplo de um serviço: define service{ use generic-service host_name ImpressoraBox3 service_description PING check_command check_ping!3000.0,80%!5000.0,100% normal_check_interval 10 retry_check_interval 1 } Ficheiro de configuração dos switches e serviços Neste ficheiro são inseridos os switches que vão ser monitorizados e os serviços que vão permitir geri-los. Exemplo de um switch: define host{ use generic-switch ; Inherit default values from a $ host_name Switch-Sala-Servidores ; The name we're giving to this s$ alias Bastidor-Central ; A longer name associated with the $ address ; IP address of the switch parents Bastidor-Central } 14

21 Exemplo de um serviço: # Create a service to PING to switch define service{ use generic-service ; Inherit values from a template host_name Switch-Sala-Servidores ; The name of the host t$ service_description PING ; The service description check_command check_ping!200.0,20%!600.0,60% ; The command u$ normal_check_interval 5 ; Check the service every 5 min$ retry_check_interval 1 ; Re-check the service every mi$ } 5.6. NSClient++ Pretende ser um serviço de monitorização simples, poderoso e seguro para os sistemas operativos Windows. Foi desenvolvido para a aplicação Nagios, mas provavelmente poderia com poucas ou nenhumas alterações, ser integrado em qualquer outro software de monitorização que suporta a execução de ferramentas de utilizador. Sem a instalação deste serviço nos computadores, a aplicação Nagios não terá acesso a nenhuma informação. Ilustração 8 - NSClient ++ 15

22 6. GLPI GLPI é uma aplicação livre, distribuída sob a licença GPL para a gestão de todo o equipamento informático e helpdesk. A aplicação GLPI é composta por um conjunto de serviços web escrito em PHP, para identificar e gerir todos os componentes de hardware e de software. Principais funcionalidades: - Inventário de todos os computadores, periféricos, rede, impressoras, etc. - Localização geográfica do hardware por área (sala, piso, etc). - Gestão das empresas e documentos ligados aos elementos dos inventários. - Gestão das informações comerciais e financeiras (compra, garantia e extensão). - Gestão do estado do hardware. - Gestão dos pedidos de intervenção para todos os tipos de hardware do inventário. - Interface do utilizador final para pedido de intervenção. - Gestão do software instalado em cada computador inventariado. - Reserva de equipamentos. - Gestão de um sistema de base de conhecimentos hierárquicos (FAQ), gestão de uma FAQ pública. - Criação de relatórios sobre o hardware. Ilustração 9 - GLPI 16

23 6.1. Instalação do GLPI Procedimentos Iniciais Antes de se iniciar o processo de instalação e configuração do GLPI é necessário verificar se algumas das dependências já se encontram instaladas no servidor. Supondo que o GLPI e o OCSInventory serão instalados no mesmo servidor, os requisitos são os seguintes: Um servidor Apache2 Suporte a PHP 5 MySQL Integração PHP LDAP SSH #sudo apt-get install apache2 php5 mysql-server php5-mysql Após tudo instalado é necessário reiniciar o apache # /etc/init.d/apache2 restart Configuração do MySQL Depois de instalar todos os pacotes, deve-se criar uma palavra-passe para o utilizador do MySQL server (por razões de segurança). mysqladmin -u root password 'password' Criação do glpidb database que mais tarde será usado pelo GLPI -u root -p enter password : ******* mysql> create database glpidb; Criação de um utilizador do glpi com palavra-passe mysql>grant all privileges on glpidb.* to mysql>identified by 'glpiuser_password'; 17

24 Criação das permissões do MySQL mysql> grant all privileges on glpidb.* to identified by 'glpi'; mysql> quit De seguida, faz-se o download e a descompactação da aplicação do GLPI. Download: cd/var/www Wget https://forge.indepnet.net/attachments/download/1210/glpi tar.gz Descompactação do arquivo baixado: tar -xzvf glpi tar.gz Para a instalação do GLPI é necessário dar permissão de execução a algumas pastas: # chmod 777 /var/www/glpi/files/ # chmod 777 /var/www/glpi/config/ # chmod 777 /var/www/glpi/files/_dumps # chmod 777 /var/www/glpi/files/_sessions # chmod 777 /var/www/glpi/files/_cron # chmod 777 /var/www/glpi/files/_cache # chmod 777 /var/www/glpi/files/_log Por fim basta ir ao endereço que foi configurado, no cado do (DEIS) foi (http:// /glpi) e configurar o GLPI. 18

25 6.2. Instalação de plugins no GLPI Donwload: Wget https://forge.indepnet.net/attachments/download/1199/glpimonitoring-0.80_1.3rc2.tar.gz Descompactação do arquivo baixado: tar -xzvf glpi-monitoring-0.80_1.3rc2.tar.gz O conteúdo do plugin será descompactado num subdirectório <nome do plugin>. De seguida deve-se copiar ou mover o diretório descompactado no diretório "plugins" para a sua raiz do GLPI eg:. / var / www / glpi / plugins). Nota: Como o directório foi copiado para outro directório, provavelmente terá que ser necessário mudar as permissões, utilizando o comando chmod, pois o utilizador do Apache terá que ter permissão para "ler" e "executar" o diretório e o seu conteúdo. Por fim, basta ir á aplicação do GLPI e iniciar o plugin instalado. 19

26 6.3. PhpMyAdmin Para se poder administrar a base de dados do glpi basta instalar o phpmyadmin. Phpmyadmin é uma ferramenta que serve para gerir uma base de dados MySQL através de um browser. Para instalar é necessário a introdução do comando: #sudo apt-get install phpmyadmin. Como mostra na imagem seguinte, basta aceder ao endereço (no caso do DEIS foi o endereço e forneçer o login root e a senha que foi definida durante a instalação do phpmyadmin. Para contornar a opção de inserir no web browser o endereço IP de onde está instalado o serviço, este deveria ser registado no servidor de DNS do Instituto Superior de Engenharia de Coimbra. Ilustração 10 - Endereço (http:// /phpmyadmin) Ilustração 11 - PhpMyAdmin 20

27 6.4. OCS Inventory NG É uma aplicação grátis que interage directamente com o GLPI. Esta aplicação é feita para auxiliar um administrador de rede ou de sistemas a controlar a configuração de computadores e software que estão instalados na rede. Disponibiliza a configuração tanto de máquinas físicas como de máquinas virtuais, mostra os discos rígidos que contém, memória, CD-ROM, etc. Esta aplicação disponibiliza ainda informação detalhada acerca do sistema operativo utilizado, todo o software instalado nas máquinas e quais os dispositivos periféricos que estão a utilizar (ex: monitor, rato, impressora, teclado, etc.) OCS Inventory também é capaz de detectar todos os dispositivos activos na rede, como switches, routers e dispositivos autónomos através do protocolo snmp OCS Inventory NG Agents É um software grátis que se instala nos computadores. Quando este é instalado, toda a informação acerca do hardware e do software do computador é enviada para o servidor que está à escuta num determinado porto. O servidor por sua vez encarrega-se de criar um ambiente gráfico de fácil compreensão por forma a tornar fácil a sua interpretação. Ilustração 12 - OCS Inventory NG 21

28 7. Conclusão Este estágio tendo como objectivo finalizar o CET de IMRSI do departamento de Engenharia Informática e de Sistemas do Instituto Superior de engenharia de Coimbra, providenciou à aluna um contacto directo com ferramentas que não foram leccionadas no âmbito do CET, o que foi extremamente gratificante para a sua formação. Este estágio foi de facto uma mais-valia tanto para o DEIS como para a aluna que aprendeu bastante no decorrer do mesmo. Assim, espera-se que este trabalho possa um dia ser continuado para que o DEIS possa ter ferramentas de monitorização de dispositivos de rede ainda melhores. 22

29 8. Referências Nagios Enterprises, Edgewall Software, Jean-Mathieu Doléans & Fréderic Ginioux, Jean-Mathieu Doléans, OCS Inventory Team, Debian Help, Jean-Mathieu Doléans & Fréderic Ginioux,

INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX DEBIAN 6.0

INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX DEBIAN 6.0 INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX DEBIAN 6.0 Gerson Ribeiro Gonçalves www.websolutti.com.br MANUAL DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO NAGIOS DEBIAN 1. INSTALANDO NAGIOS-CORE Para todo administrador

Leia mais

INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX CENTOS 5.7

INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX CENTOS 5.7 INSTALANDO E CONFIGURANDO NAGIOS NO LINUX CENTOS 5.7 Gerson Ribeiro Gonçalves www.websolutti.com.br MANUAL DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO NAGIOS CENTOS 1. INSTALANDO NAGIOS-CORE Para todo administrador

Leia mais

Necessidades de Gerenciamento: Software de Gerenciamento:

Necessidades de Gerenciamento: Software de Gerenciamento: Necessidades de Gerenciamento: - Por menor e mais simples que seja, uma rede de computadores precisa ser gerenciada a fim de garantir, aos seus usuários, a disponibilidade de serviços a um nível de desempenho

Leia mais

Nagios Trabalhando em Maquina Virtual

Nagios Trabalhando em Maquina Virtual Nagios Trabalhando em Maquina Virtual Anderson Rodrigo Antunes Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, novembro de 2010 Resumo Este

Leia mais

Por padrão o Nagios é instalado em /usr/local/nagios. Os próximos passos são: # make install-ini -> para instalar o script de inicialização do nagios.

Por padrão o Nagios é instalado em /usr/local/nagios. Os próximos passos são: # make install-ini -> para instalar o script de inicialização do nagios. Introdução Nagios é um programa open source de monitoramento de redes que verifica constantemente a disponibilidade do serviço, local ou remoto e avisa por meio de email ou celular sobre o problema ocorrido.

Leia mais

Instalação e Configuração do Nagios

Instalação e Configuração do Nagios Instalação e Configuração do Nagios O NAGIOS é um poderoso monitorar de Rede. Com ele é possível verificar o status de equipamentos ou da rede toda. Também é possível criar grupos de usuários para receber

Leia mais

Introdução ao Sistema. Características

Introdução ao Sistema. Características Introdução ao Sistema O sistema Provinha Brasil foi desenvolvido com o intuito de cadastrar as resposta da avaliação que é sugerida pelo MEC e que possui o mesmo nome do sistema. Após a digitação, os dados

Leia mais

Gerência de falhas, configuração e desempenho dos ativos de redes, servidores e serviços da Cooperativa Agropecuária Castrolanda. Alex Martins Garcia

Gerência de falhas, configuração e desempenho dos ativos de redes, servidores e serviços da Cooperativa Agropecuária Castrolanda. Alex Martins Garcia Gerência de falhas, configuração e desempenho dos ativos de redes, servidores e serviços da Cooperativa Agropecuária Castrolanda Alex Martins Garcia Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas

Leia mais

Monitoramento de Servidores e Infraestruturas

Monitoramento de Servidores e Infraestruturas Monitoramento de Servidores e Infraestruturas Aprenda como implementar um completo monitoramento do parque computacional e da rede de sua empresa, de maneira profissional PAULO ROBERTO JUNIOR HTTP://WWW.PAULOJR.INFO

Leia mais

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Conteúdo deste manual Introdução O guia de instalação... 3 Capítulo 1 Instalando o servidor Web Apache... 4 Teste de instalação do Apache... 9

Leia mais

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) JUNHO/2010

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) JUNHO/2010 PROCEDIMENTOS PARA INSTALAÇÃO DO OCS INVENTORY NG E GLPI NO SISTEMA COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) JUNHO/2010 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email:

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 Protocolo de rede... 3 Protocolo TCP/IP... 3 Máscara de sub-rede... 3 Hostname... 3

Leia mais

Tutorial Instalação e configuração do Wordpress

Tutorial Instalação e configuração do Wordpress Universidade Federal do Ceará Campus Quixadá Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Administração de Sistemas Operacionais Linux Professor: João Marcelo Tutorial Instalação e configuração

Leia mais

GLPI Guia de Instalação e Configuração

GLPI Guia de Instalação e Configuração GLPI Guia de Instalação e Configuração Autor: Edmilson de Novais Silva (Pajé) Criado em: 29/01/2010 Rev 0.1 Índice 1 GLPI Gestionnaire Libre de Parc Informatique...1 2 Instalação do GPLI no Servidor Linux...2

Leia mais

MSN-Proxy v0.7 no Debian 5 (Atualizado)

MSN-Proxy v0.7 no Debian 5 (Atualizado) Remontti MSN-Proxy v0.7 no Debian 5 (Atualizado) MSN-Proxy v0.7 no Debian 5 (Atualizado) Controle o uso do msn Messenger em sua rede. Desfrute de vários recursos, bem como log das conversas, aviso sobre

Leia mais

Openfire em Ação nos meios Corporativos

Openfire em Ação nos meios Corporativos Openfire em Ação nos meios Corporativos Hoje Empresas incorporam cada vez mais redes sociais e conhecimento de fácil acesso via internet, para que seus funcionários sejam aptos a lidar com tendências de

Leia mais

Implementação da ferramenta NAGIOS em uma rede corporativa de uma instituição financeira. Eider Jackson Conzatti

Implementação da ferramenta NAGIOS em uma rede corporativa de uma instituição financeira. Eider Jackson Conzatti Implementação da ferramenta NAGIOS em uma rede corporativa de uma instituição financeira. Eider Jackson Conzatti Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica

Leia mais

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site.

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Foi necessário configurar esse segundo adaptador, porque talvez seja necessário fazer o download de alguma

Leia mais

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO DO GLPI + OCS NO UBUNTU SERVER 9.04 E INTEGRAÇÃO ENTRE O GLPI, OCSINVENTORY E O ACTIVE DIRECTORY.

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO DO GLPI + OCS NO UBUNTU SERVER 9.04 E INTEGRAÇÃO ENTRE O GLPI, OCSINVENTORY E O ACTIVE DIRECTORY. TUTORIAL DE INSTALAÇÃO DO GLPI + OCS NO UBUNTU SERVER 9.04 E INTEGRAÇÃO ENTRE O GLPI, OCSINVENTORY E O ACTIVE DIRECTORY. Sumário Sumário... 2 Considerações Iniciais...3 Procedimentos Iniciais...3 Acessando

Leia mais

Monitorando. Serviços. com

Monitorando. Serviços. com Monitorando Serviços com Aluno: Higor Leonardo Ribeiro Barbosa SI-III Noturno Introdução: Nagios, aplicativo que essencialmente monitora ativos e serviços de rede. Algumas das características do Nagios

Leia mais

Palestra Nagios. Anderson Jacson contato@andersonjacson.com.br

Palestra Nagios. Anderson Jacson contato@andersonjacson.com.br Palestra Nagios Anderson Jacson contato@andersonjacson.com.br O que é? Nagios é uma poderosa aplicação de monitoração de rede de código aberto, distribuída sob a licença GPL. Ele pode monitorar tanto hosts

Leia mais

Instalação e Conguração do Xoops. Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007

Instalação e Conguração do Xoops. Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007 Instalação e Conguração do Xoops Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007 1 Sumário 1 O que é o Xoops? 3 2 Instalação do Xoops e Dependências 3 2.1 Instalação das Dependências...............................

Leia mais

Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura

Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura Implantação do Zabbix para monitoramento de infraestrutura Raphael Celuppi Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, Setembro 2009 Sumário

Leia mais

HOW TO Procedimento para instalar Aker Firewall virtualizado no ESXi 5.0

HOW TO Procedimento para instalar Aker Firewall virtualizado no ESXi 5.0 Procedimento para instalar virtualizado no Página: 1 de 15 Introdução Este documento abordará os procedimentos necessários para instalar o (AFW) virtualizado em um servidor ESXi. Será compreendido desde

Leia mais

Cacti. Dependências básicas Antes de instalar o Cacti é necessário realizar a instalação de suas dependências.

Cacti. Dependências básicas Antes de instalar o Cacti é necessário realizar a instalação de suas dependências. Cacti Segundo o site www.cacti.org, o Cacti é uma solução gráfica completa de rede desenvolvida para aproveitar o poder de armazenamento e funcionalidades gráficas do RRDTool's. Trata-se de uma interface

Leia mais

Uma poderosa ferramenta de monitoramento. Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP

Uma poderosa ferramenta de monitoramento. Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP Uma poderosa ferramenta de monitoramento Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP Abril de 2008 O que é? Características Requisitos Componentes Visual O que é?

Leia mais

Servidor Apache - Instalação

Servidor Apache - Instalação Servidor - Instalação João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 24 relendo 2 / 24 relendo Um dos servidores mais utilizados do mundo Desenvolvimento iniciado em 1995 pela NCSA (National Center for Computer

Leia mais

Instalação do PHP no Linux

Instalação do PHP no Linux Instalação do PHP no Linux O código PHP está embutido diretamente nos documentos XHTML, embora esses segmentos de script sejam interpretados pelo servidor antes de serem entregues para o cliente, o que

Leia mais

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip Se, assim como a maioria, você possui um único PC ou notebook, uma opção para testar as distribuições Linux sem precisar mexer no particionamento do HD e instalar o sistema em dualboot, é simplesmente

Leia mais

Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits

Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits Hotspot com Ubuntu Server 11.04 32-Bits Fazendo as instalações Hardware e instalação do Ubuntu Hardware utilizado: Servidor com duas placas de rede; Notebook com conexão wireless e putty instalado; Roteador

Leia mais

Acronis Backup & Recovery 10 Server para Linux. Update 5. Guia da Instalação

Acronis Backup & Recovery 10 Server para Linux. Update 5. Guia da Instalação Acronis Backup & Recovery 10 Server para Linux Update 5 Guia da Instalação Índice 1 Antes da instalação...3 1.1 Componentes do Acronis Backup & Recovery 10... 3 1.1.1 Agente para Linux... 3 1.1.2 Consola

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás. Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores. Goiânia, 16 de novembro de 2014.

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás. Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores. Goiânia, 16 de novembro de 2014. Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores : Goiânia, 16 de novembro de 2014. Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Professor: Marissol Martins Alunos: Edy Laus,

Leia mais

Rede sob Controle com o NAGIOS

Rede sob Controle com o NAGIOS Rede sob Controle com o NAGIOS Carlos Coletti Assessoria de Informática carlos@unesp.br Agenda Conceitos de Monitoramento Nagios: histórico e funcionamento Instalação Os Arquivos de Configuração A Interface

Leia mais

OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime

OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime 1 of 9 23/6/2010 22:40 OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 28/04/2009 Introdução 2 of 9 23/6/2010 22:40 O que é

Leia mais

INTRODUÇÃO: 1 - Conectando na sua conta

INTRODUÇÃO: 1 - Conectando na sua conta INTRODUÇÃO: Com certeza a reação da maioria dos que lerem esse mini manual e utilizarem o servidor vão pensar: "mas porque eu tenho que usar um console se em casa eu tenho uma interface gráfica bonito

Leia mais

IPBRICK. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda.

IPBRICK. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. IPBRICK Manual de Instalação iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. Janeiro 2006 2 Copyright c iportalmais Todos os direitos reservados. Janeiro 2006. A informação contida neste documento está

Leia mais

Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA

Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA #20 Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA VITEC Versão 1.0 Agosto/2007 1 Revisões Versão Data Descrição 1.0.0 03/08/2007 Elaboração do Manual. Página 2 de 18 Índice 1 REVISÕES... 2 2 PRÉ-REQUISITOS...

Leia mais

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Brasília, 29 de junho de 2010 Sumário Licença deste Documento...3 Introdução ao Sistema de Atendimento...4 Características e módulos...4 Arquitetura...5

Leia mais

Impressão do Manual do Utilizador

Impressão do Manual do Utilizador bibliopac Interface WWW Versão 2003 Guia de instalação rápida Junho 2003 ATENÇÃO! Impressão do Manual do Utilizador No CD de instalação está disponível o ficheiro Interface WWW Manual.PDF. Este manual,

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama@cin.ufpe.br Instalando o APACHE, PHP (PHPADMIN), MySQL. Este tutorial

Leia mais

9.2 MySQL A instalação do MySQL trata-se de um procedimento relativamente fácil, já que iremos realizá-lo utilizando so repositórios do Linux.

9.2 MySQL A instalação do MySQL trata-se de um procedimento relativamente fácil, já que iremos realizá-lo utilizando so repositórios do Linux. 1 Aula 09 Servidor LAMP Linux-Apache-MySQL-PHP 9.1 Definição LAMP consiste no quarteto: Linux (Sistema Operacional); Apache (Servidor Web); MySQL (Servidor de Banco de Dados); e PHP (Ferramenta de Programação

Leia mais

Manual do Usuário. Resumo

Manual do Usuário. Resumo Manual do Usuário Grupo de Teleinformática e Automação (GTA) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) http://www.gta.ufrj.br 11 de fevereiro de 2008 Resumo O Grupo de Teleinformática e Automação (GTA/UFRJ)

Leia mais

EIC. Projecto I. Manual do Utilizador. Vídeo Vigilância Abordagem Open Source. Curso: Engenharia de Informática e Comunicações Ano Lectivo: 2005/2006

EIC. Projecto I. Manual do Utilizador. Vídeo Vigilância Abordagem Open Source. Curso: Engenharia de Informática e Comunicações Ano Lectivo: 2005/2006 EIC Engenharia de Informática e Comunicações Morro do Lena, Alto Vieiro Apart. 4163 2401 951 Leiria Tel.: +351 244 820 300 Fax.: +351 244 820 310 E-mail: estg@estg.iplei.pt http://www.estg.iplei.pt Engenharia

Leia mais

Servidor de FTP (Protocolo de Transferência de Ficheiros)

Servidor de FTP (Protocolo de Transferência de Ficheiros) Servidor de FTP (Protocolo de Transferência de Ficheiros) Disciplina: Administração e Segurança de Sistemas de Computadores Curso: Licenciatura em Engenharia Informática (4º ano) Docentes: Doutor Eng.

Leia mais

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux.

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux. INSTALL 2014-08-12 ================================================== Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador

Leia mais

Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux

Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux 1 of 11 23/6/2010 22:45 Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 20/10/2008 Introdução Caso não goste de ler textos, vá logo

Leia mais

1 # yum install -y mysql mysql-devel mysql-server php-mysql. Instalação do openssl (necessário para comunicação web segura) 1 # yum install -y openssl

1 # yum install -y mysql mysql-devel mysql-server php-mysql. Instalação do openssl (necessário para comunicação web segura) 1 # yum install -y openssl Introdução Openfire (antigo Wildfire) é um servidor multi-plataforma de colaboração em tempo real (RTC), licenciado sob a GPL e implementa o protocolo XMPP (Jabber). Possui clientes para Windows e Linux

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores

Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores Prof.: Roberto Franciscatto Introdução Perguntas iniciais O que você precisa colocar para funcionar? Entender a necessidade Tens servidor específico

Leia mais

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk Instalação do Sistema Treinamento OTRS Help Desk Sumário Instalação... 3 Recomendações...3 Requisitos de Instalação...5 Preparando a Instalação no CentOS 6.5 (64 bits)...5 Preparando a Instalação no Ubuntu

Leia mais

5/7/2010. Apresentação. Introdução. Ponto de vista do usuário. Curso Tecnologia em Telemática. Disciplina Administração de Sistemas Linux

5/7/2010. Apresentação. Introdução. Ponto de vista do usuário. Curso Tecnologia em Telemática. Disciplina Administração de Sistemas Linux Apresentação Servidor Web Administração de Sistemas Curso Tecnologia em Telemática Disciplina Administração de Sistemas Linux Professor: Anderson Costa anderson@ifpb.edu.br Assunto da aula Servidor Web

Leia mais

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Objetivo: Instalar e configurar o sistema operacional Linux CentOS e efetuar suas configurações iniciais. 1- Abra o Virtuabox e clique em novo, e configure conforme

Leia mais

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede Relató rió LikeWise, FTP e DHCP INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO Instalação e Configuração de Servidores de Rede Trabalho realizado por: Tiago Conceição Nº 11903 Índice

Leia mais

Secure Client. Manual do Usuário. IPNv2. Secure Client IPNv2

Secure Client. Manual do Usuário. IPNv2. Secure Client IPNv2 Secure Client Manual do Usuário IPNv2 Índice 2 de 23 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. OBJETIVO, APLICAÇÃO E DEFINIÇÕES... 4 a. Objetivos... 4 b. Aplicação... 4 c. Regras do sistema... 4 d. Configuração de hardware

Leia mais

Funcionalidades da ferramenta zabbix

Funcionalidades da ferramenta zabbix Funcionalidades da ferramenta zabbix Jordan S. Romano¹, Eduardo M. Monks¹ ¹Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS (FATEC PELOTAS) Rua Gonçalves Chaves,

Leia mais

Mandriva Pulse - Especificações e recursos

Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Brasil 2 de abril de 2015 Lista de Tabelas 1 Tabela resumo dos diferenciais do Pulse....................... 9 Lista de Figuras 1 Interface web do Mandriva

Leia mais

Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação

Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação Unidade de Ensino/Aprendizagem Tecnologias da Informação e Comunicação Conceitos Introdutórios Conceitos

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

Realizando inventário e gestão de hardware e software utilizando o OCS Inventory NG. Dario Kuceki Knopfholz

Realizando inventário e gestão de hardware e software utilizando o OCS Inventory NG. Dario Kuceki Knopfholz Realizando inventário e gestão de hardware e software utilizando o OCS Inventory NG Dario Kuceki Knopfholz Open Computer and Software Inventory Next Generation Objetivo Tecnologia Propiciar que o administrador

Leia mais

Relatório de Instalação do Windows 2003 Server

Relatório de Instalação do Windows 2003 Server Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Relatório de Instalação do Windows 2003 Server Instalação do Windows 2003 Server quarta-feira, 3 de dezembro de 2013 Índice Introdução...

Leia mais

Copyright 2001-2005 GrupoPIE Portugal, S.A.

Copyright 2001-2005 GrupoPIE Portugal, S.A. ComServer ComServer Linux A Restauração do Séc. XXI Copyright 2001-2005 GrupoPIE Portugal, S.A. 1. WinREST ComServer...5 1.1. Licença...5 1.2. Instalação e upgrade...6 1.3. Licenciamento...7 1.4. Interface...8

Leia mais

Manual Instalação MySQL/MariaDB em Linux

Manual Instalação MySQL/MariaDB em Linux Manual Instalação MySQL/MariaDB em Linux Conteúdo Introdução... 3 Pré requisitos... 3 Instalação MariaDB... 3 Instalação MySQL (Alternativa ao MariaDB)... 4 Preparar o MySQL/MariaDB para correr XD... 4

Leia mais

Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios

Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios Objetivos Detalhar conceitos sobre o sistema operacional Linux; Operar comandos básicos de sistemas Linux em modo Texto; Realizar a manutenção de arquivos

Leia mais

LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux

LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux FACULDADE PITÁGORAS Tecnólogo em Redes de Computadores Redes Sem fio Prof. Ulisses Cotta Cavalca LABORATÓRIO 0 Revisão GNU/Linux OBJETIVOS Rever os principais comandos do sistema

Leia mais

Descrição do Contexto Mostrar a necessidade de se usar essa ferramenta para monitoramento de rede e suas principais funcionalidades.

Descrição do Contexto Mostrar a necessidade de se usar essa ferramenta para monitoramento de rede e suas principais funcionalidades. Avaliação da Ferramenta Nagios Diego Graciano Damacena Pós Graduação em Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, Fevereiro de 2013 1 Introdução Este artigo o objetivo

Leia mais

Guia de Instalação e Configuração do Noosfero

Guia de Instalação e Configuração do Noosfero Guia de Instalação e Configuração do Noosfero Índice Instalação e Configuração do Noosfero...3 Instalação das dependências principais do Noosfero no Debian 7...3 Instalação do PostFix e SASL...3 Configuração

Leia mais

Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13

Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13 Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13 INSTALL 2010-05-20 ================================================== Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux ATENÇÃO:

Leia mais

Tutorial de Instalação

Tutorial de Instalação Tutorial de Instalação Instalação do Sneplivre 1.3.8 (fonte) em Asterisk 1.4.44 Distribuição Ubuntu Server 12.04 LTS (64 bits) Elaborado por: Urik B. da Silva E-mail: urikbs@gmail.com Atualizado em: 30/10/2012

Leia mais

Servidor de e-mail corporativo com Zimbra.

Servidor de e-mail corporativo com Zimbra. UNISUL Universidade do Sul de Santa Catarina Unisul TechDay 2013 Servidor de e-mail corporativo com Zimbra. Palestrante: Irineu Teza Nunes E-mail: irineu@idinf.com.br Website: www.idinf.com.br Blog: itnproducoes.blogspot.com

Leia mais

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon Trabalho de Sistema de Informações Aluno: Paulo Roberto Carvalho da Silva Instalação e configuração aplicativo Ocomon O trabalho tem como objetivo o estudo de caso,a instalação, configuração e funcionamento

Leia mais

Instalação de máquina virtual em Linux e MAC OSX. Serviços Informáticos. Unidade de Microinformática e Suporte ao Utilizador

Instalação de máquina virtual em Linux e MAC OSX. Serviços Informáticos. Unidade de Microinformática e Suporte ao Utilizador Instalação de máquina virtual em Linux e MAC OSX Serviços Informáticos Unidade de Microinformática e Suporte ao Utilizador Instituto Politécnico de Leiria Versão: 1.0 08-03-2011 Controlo do Documento Autor

Leia mais

SAD Gestor Gerenciador de Backup

SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gestor Gerenciador de Backup treinamento@worksoft.inf.br SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gerenciador de Backup Esse aplicativo foi desenvolvido para realizar cópias compactadas de bancos de dados

Leia mais

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4 Índice Introdução Librix...3 Software Livre...3 Manual Eletrônico...3 Opções de Suporte...3 Dicas para a Instalação Configuração de Dispositivos Básicos...4 Teclado...4 Mouse...5 Vídeo...5 Rede...6 Configuração

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get

Manual de Instalação. Instalação via apt-get Manual de Instalação Instalação via apt-get Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação......................................... 01 2 - Instalando o SIGA-ADM.................................................

Leia mais

A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em inglês).

A grande tendência do momento é este termo computação nas nuvens ou cloud computing (em inglês). 1 of 6 23/6/2010 22:42 Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 12/01/2009 Introdução A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em

Leia mais

Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia

Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia Instituto Superior Politécnico Gaya Escola Superior de Ciência e Tecnologia Engenharia Informática Interligação e Gestão de Sistemas Informáticos 2006/2007 Interface WEB para Gestão de Máquinas Virtuais

Leia mais

Linux - Servidor de Redes

Linux - Servidor de Redes Linux - Servidor de Redes Servidor Web Apache Prof. Roberto Amaral WWW Breve histórico Início 1989 CERN (Centro Europeu de Pesquisas Nucleares) precisava de um meio de viabilizar o trabalho cooperativo

Leia mais

Monitorando Redes com o Nagios. Autor: Leonardo Henrique Machado

Monitorando Redes com o Nagios. Autor: Leonardo Henrique Machado Monitorando Redes com o Nagios Autor: Leonardo Henrique Machado Apresentação Recém formado em Ciência da Computação Estágio na administração da Rede do DCC/UFMG (implantação do Nagios) Monitoramento de

Leia mais

Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259

Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259 Curso Tecnológico de Informática Matriz de Exame de Equivalência de Tecnologias Informáticas Prova Prática - Código 259 Escola Secundária c/ 3.º Ciclo D. Dinis Ano Lectivo 2008/2009 Grupos Conteúdos Objectivos/Competências

Leia mais

No Fedora, instalamos os pacotes "mysql" e "mysql-server", usando o yum:

No Fedora, instalamos os pacotes mysql e mysql-server, usando o yum: Instalando o MySQL O MySQL é um banco de dados extremamente versátil, usado para os mais diversos fins. Você pode acessar o banco de dados a partir de um script em PHP, através de um aplicativo desenvolvido

Leia mais

Backup com Bacula. 05 de Março de 2010. Ponto de Presença da RNP no Espírito Santo. Sobre o Bacula. Comandos de console Interface Web.

Backup com Bacula. 05 de Março de 2010. Ponto de Presença da RNP no Espírito Santo. Sobre o Bacula. Comandos de console Interface Web. Backup com Bacula Ponto de Presença da RNP no Espírito Santo 05 de Março de 2010 Rômulo Furtado 1/46 Projeto Open Source História do Projeto Porque usar o Bacula Backup de qualquer cliente, de um Palm

Leia mais

INSTALANDO SISTEMA PFSENSE COMO FIREWALL/PROXY

INSTALANDO SISTEMA PFSENSE COMO FIREWALL/PROXY INSTALANDO SISTEMA PFSENSE COMO FIREWALL/PROXY Gerson R. G. www.websolutti.com.br PASSO A PASSO PARA INSTALAÇÃO DO PFSENSE 1. BAIXANDO O PFSENSE 2. INICIANDO A INSTALAÇÃO 3. CONFIGURAÇÃO BÁSICA INICIAL

Leia mais

Manual de Instalação ROAI

Manual de Instalação ROAI Manual de Instalação ROAI Bruna Fagundes Rócio 2012 Revisões Autor Motivo Data Bruna Fagundes Rócio Criação da Documentação Abril/2012 Bruna Fagundes Rócio Atualização Documentação Dezembro/2012 1. Objetivo

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Informação legal... 4 Frequently Asked Questions (FAQ)... 6 Quickstart Tutorial... 9

Informação legal... 4 Frequently Asked Questions (FAQ)... 6 Quickstart Tutorial... 9 Índice Introdução ao ELMS e ao MSDNAA... 3 Informação legal... 4 Frequently Asked Questions (FAQ)... 6 Quickstart Tutorial... 9 O presente documento destina se a auxiliar todos os alunos que sejam beneficiários

Leia mais

ATALIBA DE OLIVEIRA TEIXEIRA MARCELO LEAL DE ARAÚJO BARRÊTO GERENCIAMENTO DE SISTEMAS COM ZABBIX

ATALIBA DE OLIVEIRA TEIXEIRA MARCELO LEAL DE ARAÚJO BARRÊTO GERENCIAMENTO DE SISTEMAS COM ZABBIX ATALIBA DE OLIVEIRA TEIXEIRA MARCELO LEAL DE ARAÚJO BARRÊTO GERENCIAMENTO DE SISTEMAS COM ZABBIX CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) A DISTÂNCIA ADMINISTRAÇÃO EM REDESLINUX Resumo Este artigo

Leia mais

Manual de Instalação LOCKSS IBICT Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia

Manual de Instalação LOCKSS IBICT Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia Manual de Instalação LOCKSS IBICT Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia Elaborado por: Alexandre Faria de Oliveira Março de 2013 1 P á g i n a Sumário 1. Introdução... 3 2. Visão Geral...

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Backup

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Backup Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Prof.: Roberto Franciscatto Samba Samba Samba Samba Servidor de compartilhamento de arquivos e recursos de rede É compatível com

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION 1- Visão Geral Neste manual você aprenderá a instalar e fazer a configuração inicial do

Leia mais

Manual de instalação Servidor Orion Phoenix

Manual de instalação Servidor Orion Phoenix Manual de instalação Servidor Orion Phoenix Fevereiro/2011 Este documento se destina a instalação do Orion Phoenix na sua rede Versão 1.01 C ONTE ÚDO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. VISÃO GERAL... 3 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG

Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG Abril 2013 Sumário 1. Agente... 1 2. Onde instalar... 1 3. Etapas da Instalação do Agente... 1 a. Etapa de Instalação do Agente... 1 b. Etapa de Inserção

Leia mais

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Este artigo demonstra como configurar uma rede virtual para ser usada em testes e estudos. Será usado o VirtualBox

Leia mais

Algumas informações sobre a rede informática do ISA

Algumas informações sobre a rede informática do ISA Algumas informações sobre a rede informática do ISA Fernanda Valente Graça Abrantes A grande maioria dos computadores do Instituto Superior de Agronomia estão ligados entre si constituindo uma Intranet,

Leia mais

Instalação e configuração.

Instalação e configuração. Instalação e configuração. Preparando o sistema O ambiente proposto neste tutorial é o Debian Squezee. Primeiro, vamos atualizar o nosso sources.list. Para isso execute: # nano /etc/apt/sources.list Agora,

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos MÓDULO VIII Serviços de Redes Duração: 20 tempos Conteúdos (1) 2 Caraterizar, instalar

Leia mais