Publicidade. Colectânea Estatística.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Publicidade. Colectânea Estatística."

Transcrição

1 162

2 Publicidade. Colectânea Estatística Quadro 1 - Resumo Anual do Investimento e Inserções Publicitárias por Meio, 2002 a Quadro 2 - Evolução dos Investimentos e Inserções Mensais por Meio, Quadro 3 - Evolução dos Investimentos e Inserções Mensais por Meio, 2009 (cont.) Quadro 4 - Investimento publicitário por sector de actividade (Top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 5 - Ranking de Anunciantes em Televisão (Top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 6 - Ranking de Anunciantes em Rádio (Top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 7 - Ranking de Anunciantes em Publicidade Exterior (Top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 8 - Ranking de Anunciantes em Imprensa (excluindo Imprensa Regional) (Top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 9 - Peso Percentual do Investimento por Agência Criativa e Meio (Top 15), Quadro 10 - Peso Percentual do Investimento por Agência de Meios e Meio (Top 15), Quadro 11 - Repartição do Investimento por Meio e Sector de Actividade (top 15), 2009 (milhares de euros) Quadro 12 - Repartição do Investimento por Meio e Anunciante (top 10), 2009 (milhares de euros) Figura 1 - Evolução do Investimento Publicitário (milhares de euros), 2002 a Figura 2 - Taxa Anual de Variação Percentual dos Investimentos por Meio, 2002 a Figura 3 - Taxa de Variação Percentual de Investimento por Meio, de 2002 para Figura 4 - Taxa de Variação Percentual do Investimentos em Cinema de 2003 para Figura 5 - Evolução das Inserções Publicitárias por Meios (%), 2002 a Figura 6 - Evolução do Investimento Publicitário Mensal por Meios, Figura 7 - Evolução das Inserções publicitárias mensais por meio, Figura 8 - Investimento publicitário na Imprensa por Género (milhares de euros),

3 Publicidade. Colectânea Estatística. Quadro 1 - Resumo Anual do Investimento e Inserções Publicitárias por Meio, 2002 a 2009 Televisão Investimento Inserções Imprensa Investimento Inserções Outdoor Investimento Inserções (000) Rádio Investimento Inserções Cinema Investimento Inserções Total Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Nota: Investimento em Milhares de Euros e a Preços de Tabela. Inserções em Outdoor em Milhares. Figura 1 - Evolução do Investimento Publicitário (milhares de euros), 2002 a 2009 Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Edição OberCom. Nota: Investimento em milhares de Euros e a Preços de Tabela. 164

4 Figura 2 - Taxa Anual de Variação Percentual dos Investimentos por Meio, 2002 a 2009 Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Edição OberCom. Figura 3 - Taxa de Variação Percentual de Investimento por Meio, de 2002 para 2009 Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Edição OberCom. 165

5 Figura 4 - Taxa de Variação Percentual do Investimentos em Cinema de 2003 para 2009 Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Edição OberCom. Figura 5 - Evolução das Inserções Publicitárias por Meios (%), 2002 a 2009 Fonte: Anuário de Media e Publicidade, Marktest. Edição OberCom. 166

6 Quadro 2 - Evolução dos Investimentos e Inserções Mensais por Meio, 2009 Total 2009 Jan Fev Mar Abr Maio Jun Televisão Investimento Inserções Imprensa Investimento Inserções Outdoor Investimento Inserções (000) Rádio Investimento Inserções Cinema Investimento Inserções Investim. Total Quadro 3 - Evolução dos Investimentos e Inserções Mensais por Meio, 2009 (cont.) Total 2009 Jul Ago Set Out Nov Dez Televisão Investimento Inserções Imprensa Investimento Inserções Outdoor Investimento Inserções (000) Rádio Investimento Inserções Cinema Investimento Inserções Investim. Total

7 Figura 6 - Evolução do Investimento Publicitário Mensal por Meios, Edição OberCom. Figura 7 - Evolução das Inserções publicitárias mensais por meio, Edição OberCom. 168

8 Quadro 4 - Investimento publicitário por sector de actividade (Top 15), 2009 (milhares de euros) Investimento 2009 % do Total 1 Higiene Pessoal ,2 2 Industria Alimentação ,6 3 Comercio ,0 4 Serviços E Equipamento De Comunicação ,6 5 Industria Automóvel ,8 6 Bebidas ,5 7 Bancos e outras inst.mon.e financ ,8 8 Higiene do lar ,6 9 Artigos E Serviços Recreativos E Culturais ,3 10 Industria Farmacêutica ,1 11 Serviços Prestados A Colectividade ,9 12 Audio-Visual, Fotografia E Cinema ,3 13 Serviços Pessoais ,9 14 Ind. Do Papel, Artes Gráficas E Edição De Publicações ,5 15 Electrodomésticos e outros ,0 Total Quadro 5 - Ranking de Anunciantes em Televisão (Top 15), 2009 (milhares de euros) Investimento 2009 % do Total 1 L'Oreal - Portugal Lda ,3 2 Modelo Continente Hipermercados SA ,8 3 Procter & Gamble ,4 4 Unilever - JM ,1 5 Reckitt Benckiser ,4 6 Portugal Telecom ,4 7 Pingo Doce - Distrib. Alimentar SA ,5 8 Lactogal-Prod. Alimentares SA ,3 9 Vodafone Telecel-Comun. Pessoais SA ,1 10 Zon Multimédia ,8 11 Danone Portugal SA ,7 12 Telecomunicações Móveis Nacionais ,3 13 Optimus Telecomunicações SA ,1 14 Sumol + Compal ,1 15 Glaxo Smithkline ,8 Total

9 Quadro 4 - Ranking de Anunciantes em Rádio (Top 15), 2009 (milhares de euros) Investimento 2009 Rádio % do Total 1 Grupo Banco Espírito Santo ,5 2 Vodafone Telecel-Comun.Pessoais SA ,1 3 Santa Casa Da Misericórdia De Lisboa ,0 4 Modelo Continente Hipermercados SA ,5 5 Lojas LIDL Companhia ,2 6 Media Markt Companhia ,5 7 Galp Energia SGPS SA ,3 8 Grupo Banco Comercial Português ,2 9 Automóveis Citroen SA ,2 10 Renault Portuguesa ,1 11 Optimus Telecomunicações SA ,8 12 Multiópticas Unipessoal ,2 13 Fiat Auto Portuguesa SA ,1 14 Global Noticias Publicações SA ,9 15 Companhia Port. De Hipermecados ,6 Total Quadro 5 - Ranking de Anunciantes em Publicidade Exterior (Top 15), 2009 (milhares de euros) Investimento 2009 Outdoor % do Total 1 Unilever-JM ,5 2 Vodafone Telecel-Comun. Pessoais SA ,7 3 Santa Casa Da Misericórdia De Lisboa ,5 4 Optimus Telecomunicações SA ,5 5 Portugal Telecom ,7 6 Modelo Continente Hipermercados SA ,2 7 Coca Cola (Portugal) Refrigerantes ,1 8 Telecomunicações Moveis Nacionais ,9 9 Unicer - Bebidas de Portugal SA ,7 10 Ford Lusitana SA ,5 11 Tempus Internacional Lda ,2 12 SIVA - Soc. Import. Veículos Automóveis ,1 13 Sumol + Compal ,9 14 Beiersdorf Portuguesa Lda ,4 15 Agência Nac. P/ Qualificação 4,365 0,0 Total

10 Quadro 6 - Ranking de Anunciantes em Imprensa (excluindo Imprensa Regional) (Top 15), 2009 (milhares de euros) Investimento 2009 Imprensa (excluindo Imprensa Regional) % do Total 1 L'oreal-Portugal Lda ,1 2 Impala-Soc. Editorial Lda ,7 3 Global Noticias Publicações SA ,6 4 Vodafone Telecel-Comun.Pessoais SA ,3 5 Santa Casa Da Misericórdia De Lisboa ,0 6 Telecomunicações Moveis Nacionais ,8 7 Cofidis SA ,6 8 Grupo Banco Espírito Santo ,0 9 Tempus Internacional Lda ,3 10 Optimus Telecomunicações SA ,4 11 Mercedes Benz Portugal ,8 12 Unilever-JM ,5 13 Portugal Telecom ,4 14 Zon Multimédia ,4 15 EDP - Electricidade de Portugal SA ,1 Total Figura 8 - Investimento publicitário na Imprensa por Género (milhares de euros), Edição OberCom. 171

11 Quadro 7 - Peso Percentual do Investimento por Agência Criativa e Meio (Top 15), 2009 Televisão Imprensa Outdoor Rádio Cinema Total 1 Euro Rscg Lisboa 15,5 12,6 19,2 19,8 18,1 15,7 2 Publicis Publicidade Lda 9,0 6,7 5,7 5,0 2,0 8,4 3 Bbdo Portugal-Agencia De Publicidade 8,0 9,1 7,8 16,3 13,5 8,4 4 Y&R Red Cell 8,2 8,7 5,7 5,6 7,5 8,0 5 Mccann Erickson Portugal Publicidade 7,6 9,8 9,0 4,0 8,4 7,7 6 Ogilvy & Mather Portugal Publicidade 7,3 10,5 9,0 8,2 0,4 7,6 7 Tbwa\Lisboa 7,2 9,8 9,5 7,7 5,5 7,6 8 Partners 7,0 5,8 7,8 1,7 11,6 6,8 9 J.Walter Thompson Publicidade 6,4 7,6 7,4 8,1 21,5 6,7 10 Grey Group 5,9 2,6 2,6 1,7 0,4 5,3 11 Lowe Ativism 4,4 2,7 3,8 3,3 1,9 4,2 12 Fuel 4,1 2,4 3,3 4,6 0,1 3,9 13 Leo Burnett Publicidade 3,8 2,8 2,6 8,7 0,7 3,8 14 Draftfcb 2,8 5,0 3,8 2,7 0,2 3,0 15 Brandia Central 2,8 4,0 2,6 2,5 8,4 2,9 Total (dos 50) Quadro 8 - Peso Percentual do Investimento por Agência de Meios e Meio (Top 15), 2009 Televisão Imprensa Outdoor Rádio Cinema Total 1 Initiative 12,9 7,7 11,5 7,0 10,0 12,1 2 Mpg 10,9 8,2 5,6 9,3 1,8 10,2 3 Mediaedge:Cia 10,1 11,0 6,8 14,8 5,0 10,2 4 Carat 9,8 7,9 11,0 9,3 7,5 9,6 5 Arena 8,1 6,3 10,6 11,6 8,3 8,2 6 Tempo Omd 7,1 7,6 11,6 12,4 39,1 7,7 7 Mediacom Portugal 7,7 6,6 5,6 3,5 0,4 7,3 8 Zenithoptimedia 7,4 5,9 3,9 0,9 2,4 6,8 9 Mindshare 6,7 4,5 4,7 4,7 4,5 6,3 10 Espaço OMD 6,2 4,8 7,2 2,7 5,3 6,0 11 Brandconnection 5,2 2,6 4,9 1,4 10,1 4,8 12 Starcom Mediavest Group 3,7 2,7 2,0 5,1 0,8 3,5 13 Executive Media 1,8 8,8 8,5 8,7 0,5 3,1 14 Nova Expressão - Agência de Meios Sa 1,0 13,7 1,8 7,2 0,4 2,4 15 Universal Maccann 1,5 1,6 4,2 1,4 3,8 1,7 Total

12 Quadro 9 - Repartição do Investimento por Meio e Sector de Actividade (top 15), 2009 (milhares de euros) Total 2009 TV Imprensa Outdoor Rádio Cinema Higiene Pessoal 581, ,453 41,576 18,186 1, Indústria Alimentação 514, ,451 16,503 16,107 3, Comercio 493, ,952 31,497 26,273 23, Serviços e Equipamento De Comunicação 394, ,855 32,421 40,949 13,496 6,537 Industria Automóvel 358, ,642 48,837 40,660 28, Bebidas 265, ,446 14,338 26,242 1,493 8,117 Bancos e Outras Inst. Monet. E Financeiras 236, ,691 48,199 9,815 18, Higiene do Lar 229,51 220,123 2,970 6, Artigos e Serviços Recreativos e Culturais 217,097 98,501 76,489 18,735 21,385 1,987 Industria Farmacêutica 209, ,523 25,102 9,187 8, Serviços Prestados a Colectividade 159,709 89,857 36,677 19,295 12,289 1,59 Audiovisual, Fotografia e Cinema 133, ,020 10,354 8,129 3,865 1,217 Serviços Pessoais 120,802 75,587 21,794 12,297 11, Ind. do Papel, Artes Gráficas e Edição de Publicações 102,641 44,582 39,667 6,729 11, Electrodomésticos e Outros 81,798 57,936 12,144 6,970 4, Quadro 10 - Repartição do Investimento por Meio e Anunciante (top 10), 2009 (milhares de euros) Televisão Imprensa Outdoor Rádio Cinema Total 1 L'Oreal-Portugal Lda Modelo Continente Hipermercados SA Procter & Gamble Unilever-JM Reckitt Benckiser Portugal Telecom Vodafone Telecel-Comun.Pessoais SA Pingo Doce - Distrib.Alimentar SA Telecomunicacoes Moveis Nacionais Zon Multimédia

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

Investimento publicitário 2013 Rankings

Investimento publicitário 2013 Rankings Investimento publicitário 2013 Rankings Ran 2012 Ran 2013 TOP 30 ANUNCIANTES Jan a Dez/2013 Jan a Dez/2012 R$ (000) R$ (000) 2 1 UNILEVER BRASIL 4.583.558 3.057.969 1 2 CASAS BAHIA 3.358.342 3.523.609

Leia mais

Investimentos em mídia crescem 7% em 2012

Investimentos em mídia crescem 7% em 2012 Investimentos em mídia crescem 7% em 0 Investimentos em mídia crescem 7% em 0 Levantamento do IBOPE Media aponta setores e anunciantes que mais investiram em publicidade, além do ranking das agências São

Leia mais

MUNDIAL DE FUTEBOL MOVIMENTA O INVESTIMENTO PUBLICITÁRIO NO 1º SEMESTRE DE 2014

MUNDIAL DE FUTEBOL MOVIMENTA O INVESTIMENTO PUBLICITÁRIO NO 1º SEMESTRE DE 2014 Veículo: Ibope Publicação Online 0 de agosto de 0 MUNDIAL DE FUTEBOL MOVIMENTA O INVESTIMENTO PUBLICITÁRIO NO º SEMESTRE DE 0 0/08/0 Unilever segue na liderança como o maior anunciante e, entre os 0 maiores,

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

Unilever assume a liderança de maior anunciante, diz IBOPE Media.

Unilever assume a liderança de maior anunciante, diz IBOPE Media. Unilever assume a liderança de maior anunciante, diz IBOPE Media. Unilever assume a liderança de maior anunciante, diz IBOPE Media Segundo Monitor Evolution, depois de anos o anunciante volta a liderar

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a)

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a) Peso (b) Variações homólogas (%) Tendência (x100) (c) Média Mensal (%) (d) 10 6 euros Var. 2013 2014 abr-15 mai-15 T9 T6 T3 M9 M6 M3 % Dif. (p.p.) t-1 Empréstimos - -7.9-6.9-6.5-6.7 0.13 3 5-0.6-0.2-0.2

Leia mais

PRÉMIOS SAPO 2014 - SHORTLIST

PRÉMIOS SAPO 2014 - SHORTLIST 1.1 SETOR AUTOMÓVEL MBOARD PROJECT Mercedes-Benz BBDO Portugal - Agência de Publicidade Galp - Portugal é Mundial Galp J. Walter Thompson Publicidade Novo Renault Captur Renault Portugal S.A. OMD OMG Digital

Leia mais

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 -

PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - PESQUISA MENSAL DO COMERCIO VAREJISTA DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2016 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico Coordenação de Campo: Roberto Guerra SUMÁRIO

Leia mais

Maria Alexandra Valderrabano Quadros Largo Vitorino Damásio, 3C, Estúdio 12 1200-872 Lisboa 91 416 02 93 / 21 248 96 07 alex@alexquadros.

Maria Alexandra Valderrabano Quadros Largo Vitorino Damásio, 3C, Estúdio 12 1200-872 Lisboa 91 416 02 93 / 21 248 96 07 alex@alexquadros. Maria Alexandra Valderrabano Quadros Largo Vitorino Damásio, 3C, Estúdio 12 1200-872 91 416 02 93 / 21 248 96 07 alex@alexquadros.pt EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL Jan - Dez 2008 - FASHION SPOT projecto estratégico

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12 JANEIRO 2,8451 2,7133 2,4903 2,3303 2,1669 1,9859 1,7813 1,6288 1,4527 1,3148 1,1940 1,0684 FEVEREIRO 2,8351 2,6895 2,4758 2,3201 2,1544 1,9676 1,7705 1,6166 1,4412 1,3048 1,1840 1,0584 MARÇO 2,8251 2,6562

Leia mais

Relatório Tipo Dezembro de 20XX

Relatório Tipo Dezembro de 20XX Relatório Tipo Dezembro de 20XX Alvim & Rocha Consultoria de Gestão, Lda. Tel.: 22 831 70 05; Fax: 22 833 12 34 Rua do Monte dos Burgos, 848 Email: mail@alvimrocha.com 4250-313 Porto www.alvimrocha.com

Leia mais

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016 Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado do Paraná Safra 2016/2017 Mar/16 0,6048 0,6048 0,6048 66,04 73,77 Abr 0,6232 0,6232 0,5927 64,72 72,29 Mai 0,5585 0,5878 0,5868

Leia mais

As Marcas nos Social Media 2014 - Menções nos social media e presença no Facebook

As Marcas nos Social Media 2014 - Menções nos social media e presença no Facebook Alimentação Becel Sim Sim Alimentação Danone Sim Sim Alimentação Donuts Sim Sim Alimentação Iglo Sim Não Alimentação Kinder Sim Sim Alimentação Kit Kat Sim Sim Alimentação Knorr Sim Sim Alimentação Mentos

Leia mais

Análise de Conjuntura

Análise de Conjuntura Análise de Conjuntura Novembro 2006 Associação Industrial Portuguesa Confederação Empresarial Indicador de Sentimento Económico O indicador de sentimento económico de Outubro de 2006 apresenta uma melhoria

Leia mais

SÍNTESE DE CONJUNTURA

SÍNTESE DE CONJUNTURA SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal novembro 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 5 Comércio internacional...

Leia mais

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2015 -

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2015 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - MARÇO 2015 - SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS DA PESQUISA...

Leia mais

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - NOVEMBRO 2015 -

ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - NOVEMBRO 2015 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico ÍNDICES DE PREÇOS DO SETOR DE SERVIÇOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (CE) - NOVEMBRO 2015 - SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS DA PESQUISA...

Leia mais

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4 SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal março 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 4 Comércio internacional...

Leia mais

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a)

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a) Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e (a) Peso (b) 10 6 euros Variações homólogas (%) Dif. (p.p.) Tendência (x100) (c) Média Mensal (%) (d) 2013 2014 set/15 out/15

Leia mais

SECTOR DA PUBLICIDADE

SECTOR DA PUBLICIDADE SECTOR DA PUBLICIDADE AEP / GABINETE DE ESTUDOS MAIO DE 2009 Índice 1. Introdução: a importância da publicidade... 1 1. Introdução: a importância da publicidade... 2 1. Introdução: a importância da publicidade...

Leia mais

Índice de Prevenção de Acidentes Laborais IPAL

Índice de Prevenção de Acidentes Laborais IPAL Índice de Prevenção de Acidentes Laborais IPAL Autor: Vinicius Silva Neves Ampla Energia e Serviços S.A. RESUMO O Índice de Prevenção de Acidentes Laborais IPAL, é um indicador de prevenção de acidentes

Leia mais

O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia e desceu 0.6 pontos na Área Euro.

O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia e desceu 0.6 pontos na Área Euro. Julho 2012 Jun-02 Jun-03 Jun-04 Jun-05 Jun-06 Jun-07 Jun-08 Jun-09 Jun-10 Jun-11 Jun-12 Indicador de Sentimento Económico O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia

Leia mais

SÍNTESE DE CONJUNTURA

SÍNTESE DE CONJUNTURA SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal maio 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 5 Comércio internacional...

Leia mais

E os vencedores são. Comunicado de Imprensa. Prémios SAPO 2014. Lisboa, 14 de novembro de 2014

E os vencedores são. Comunicado de Imprensa. Prémios SAPO 2014. Lisboa, 14 de novembro de 2014 Prémios SAPO 2014 E os vencedores são Lisboa, 14 de novembro de 2014 Já são conhecidos os vencedores da 14ª edição dos Prémios SAPO, que distinguiram os melhores trabalhos num dos mais exigentes desfiles

Leia mais

ASSOCIAÇÃO INDU STRIAL PORTU GU ESA CONFEDERAÇÃO EMPRESARIAL. Análise de Conjuntura

ASSOCIAÇÃO INDU STRIAL PORTU GU ESA CONFEDERAÇÃO EMPRESARIAL. Análise de Conjuntura ASSOCIAÇÃO INDU STRIAL PORTU GU ESA CONFEDERAÇÃO EMPRESARIAL Análise de Conjuntura Maio 2008 Indicador de Sentimento Económico O clima económico na União Europeia volta a deteriorar-se em Abril. Comparativamente

Leia mais

Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União Europeia (+0.2 pontos) quer na Área Euro (+0.7 pontos).

Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União Europeia (+0.2 pontos) quer na Área Euro (+0.7 pontos). Mai-04 Mai-05 Mai-06 Mai-07 Mai-08 Mai-09 Mai-10 Mai-11 Mai-12 Análise de Conjuntura Junho 2014 Indicador de Sentimento Económico Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA CONTRATO 07/2013 EXERCÍCIO 2013 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/13 nov/13 dez/13 Número da Nota Fiscal emitida - - - - - - 92 99 110 121/133-157 - - Depósitos realizados

Leia mais

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4 SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal janeiro 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 4 Comércio internacional...

Leia mais

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria Análise de Conjuntura Abril 2012 Indicador de Sentimento Económico Após uma melhoria em Janeiro e Fevereiro, o indicador de sentimento

Leia mais

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a)

Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e Sociedades não Financeiras (a) Empréstimos de Outras Instituições Financeiras Monetárias a Particulares e (a) Peso (b) 10 6 euros Variações homólogas (%) Dif. (p.p.) Tendência (x100) (c) Média Mensal (%) (d) 2013 2014 ago/15 set/15

Leia mais

O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer na União Europeia (+2.0 pontos), quer na Área Euro (+1.4 pontos).

O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer na União Europeia (+2.0 pontos), quer na Área Euro (+1.4 pontos). Nov-02 Nov-03 Nov-04 Nov-05 Nov-06 Nov-07 Nov-08 Nov-09 Nov-10 Nov-12 Análise de Conjuntura Dezembro 2012 Indicador de Sentimento Económico O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer

Leia mais

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 4 SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal julho 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 4 Comércio internacional...

Leia mais

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Safra 2015/2016 Mensal Acumulado Cana Campo (1) Cana Esteira (2) R$/Kg ATR R$/Kg ATR R$/Ton. R$/Ton. Abr/15 0,4909

Leia mais

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE DOCUMENTO 2 LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE 100.105.025 644425 10 10 fev/05 fev/10 9660 10/10/2005 13/10/2005

Leia mais

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Aquário 25 Dez 1939 Vênus Em Peixes 18 Jan 1940 Vênus Em Áries 12 Fev 1940 Vênus Em Touro 8 Mar 1940 Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Câncer 6 Maio 1940 Vênus Em Gêmeos 5 Jul 1940 Vênus Em

Leia mais

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 5

EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2. Atividade global... 2. Atividade setorial... 3. - Produção... 3. - Volume de negócios... 5 SÍNTESE DE CONJUNTURA Mensal fevereiro 2015 - Newsletter ÍNDICE EVOLUÇÃO DA ATIVIDADE ECONÓMICA... 2 Atividade global... 2 Atividade setorial... 3 - Produção... 3 - Volume de negócios... 5 Comércio internacional...

Leia mais

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria Análise de Conjuntura Maio 2011 Indicador de Sentimento Económico Os indicadores de sentimento económico da União Europeia e da Área

Leia mais

Em Abril de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou 0.9 pontos na União Europeia e diminuiu, 0.5 pontos, na Área Euro.

Em Abril de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou 0.9 pontos na União Europeia e diminuiu, 0.5 pontos, na Área Euro. Abr-04 Abr-05 Abr-06 Abr-07 Abr-08 Abr-09 Abr-10 Abr-11 Abr-12 Análise de Conjuntura Maio 2014 Indicador de Sentimento Económico Em Abril de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou 0.9 pontos

Leia mais

Análise de Resultados do Estudo sobre o Estado de Arte das Práticas de Sustentabilidade em Portugal

Análise de Resultados do Estudo sobre o Estado de Arte das Práticas de Sustentabilidade em Portugal Análise de Resultados do Estudo sobre o Estado de Arte das Práticas de Sustentabilidade em Portugal Release 2007 presentation by: to: on: Name of Person Location/company Insert date Índice Introdução...1

Leia mais

INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA

INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA ALTRI, S.G.P.S., S.A. (Sociedade Aberta) Rua General Norton de Matos, 68, Porto Matriculada na Conservatória do Registo Comercial do Porto sob o número único de matrícula e pessoa colectiva 502 293 225

Leia mais

GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. Nº 2 Fevereiro 2009

GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. Nº 2 Fevereiro 2009 Boletim Mensal de Economia Portuguesa Nº 2 Fevereiro 2009 Gabinete de Estratégia e Estudos Ministério da Economia e da Inovação GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais

Leia mais

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO

EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO EMPREGO E SALÁRIO DE SERVIÇOS DE SALVADOR (BA) - AGOSTO 2010 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico AD HOC Revisão Técnica: José Varela Donato SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS

Leia mais

Tabela 5.76 - Dez maiores ocorrências mensais registradas no PROCON Juiz de Fora, 2008

Tabela 5.76 - Dez maiores ocorrências mensais registradas no PROCON Juiz de Fora, 2008 Janeiro Fevereiro Telefonia celular 370 13,50 Telefonia celular 372 14,50 Cartão de crédito 334 12,19 316 12,31 294 10,73 Cartão de crédito 281 10,95 Banco comercial 230 8,39 Banco comercial 199 7,76 expansão,/compra

Leia mais

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48 25/05/2015 10:59:09 Página 1 Grupo: 000894 Prazo: 084 Prazo Restante: 062 Assembleia Atual: 023 11/06/2015 Vencimento: 08/06/2015 Participantes: 600 Cotas Vagas: 000 Característica: 1 SORTEIO - 1 SORTEIO

Leia mais

Fevereiro de 2014 INDICE DE PREÇOS NO CONSUMIDOR (IPC) MOÇAMBIQUE, (Base Dez.2010 = 100)

Fevereiro de 2014 INDICE DE PREÇOS NO CONSUMIDOR (IPC) MOÇAMBIQUE, (Base Dez.2010 = 100) INDICE DE PREÇOS NO CONSUMIDOR Moçambique Fevereiro de 2015 Base: Dezembro de 2010 Instituto Nacional de Estatística Índice de Preços no Consumidor Boletim Mensal Reprodução autorizada, excepto para fins

Leia mais

Nomeados. Sector Automóvel. Campanha: IQ Unique Anunciante: Toyota Caetano Portugal Agência: Caetsu Publicidade, SA

Nomeados. Sector Automóvel. Campanha: IQ Unique Anunciante: Toyota Caetano Portugal Agência: Caetsu Publicidade, SA Nomeados Sector Automóvel Campanha: IQ Unique Anunciante: Toyota Caetano Portugal Agência: Caetsu Publicidade, SA Campanha: Lançamento Novo BMW X1 Anunciante: BMW Agência: t_insight Campanha: Opel Astra

Leia mais

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIO GLOBAL Crescimento global de 3,4 % em 2013 O mundo retoma a média histórica de crescimento (3,4% a.a) Zona do Euro sai da recessão Os EEUU

Leia mais

Em Janeiro de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou +0.9 pontos na UE e +0.5 pontos na Área Euro 1.

Em Janeiro de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou +0.9 pontos na UE e +0.5 pontos na Área Euro 1. Jan-04 Jan-05 Jan-06 Jan-07 Jan-08 Jan-09 Jan-10 Jan-11 Jan-12 Análise de Conjuntura Fevereiro 2014 Indicador de Sentimento Económico Em Janeiro de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou +0.9

Leia mais

RANKING NACIONAL DE CRIATIVIDADE

RANKING NACIONAL DE CRIATIVIDADE RANKING NACIONAL DE CRIATIVIDADE 1 Global Diretores Criativos 1 Luciana Cani 2 Lourenço Thomaz Susana Sequeira 4 Nuno Jerónimo 5 Paulo Rocha 6 Diogo Anahory José Bomtempo 8 Tiago Canas Mendes 9 João Fernandes

Leia mais

Alturas mensais de precipitação (mm)

Alturas mensais de precipitação (mm) Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos AGUASPARANÁ - Instituto das Águas do Paraná Sistema de Informações Hidrológicas - SIH Alturas mensais de precipitação (mm) Estação: Município: Tipo: Altitude:

Leia mais

DAILY BRIEFING COMPORTAMENTO DOS MERCADOS 02 DE SETEMBRO DE 2011

DAILY BRIEFING COMPORTAMENTO DOS MERCADOS 02 DE SETEMBRO DE 2011 DAILY BRIEFING COMPORTAMENTO DOS MERCADOS 02 DE SETEMBRO DE 2011 p Índice ÍNDICE S&P 500... 2 ÍNDICE BOVESPA FUTURO OUT/11... 3 PETRÓLEO SPOT TIPO BRENT... 4 PETROBRÁS PN... 5 TAXA DE CÂMBIO SPOT USD/EURO...

Leia mais

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14 31-jan-14 a - Juros 6.691.919,50 a - Juros 1.672.979,81 b - Amortização 3.757.333,97 b - Amortização 939.333,65 a - Saldo atual dos CRI Seniors (984.936.461,48) b - Saldo atual dos CRI Junior (246.234.105,79)

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Julho de 2015 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

1. (PT) - Correio da Manhã, 20/08/2013, Escassez de efectivos 1. 2. (PT) - Diário de Notícias da Madeira, 20/08/2013, Ordem dos Engenheiros 2

1. (PT) - Correio da Manhã, 20/08/2013, Escassez de efectivos 1. 2. (PT) - Diário de Notícias da Madeira, 20/08/2013, Ordem dos Engenheiros 2 Tema de Pesquisa: Internacional 20 de Agosto de 2013 Revista de Imprensa 20-08-2013 1. (PT) - Correio da Manhã, 20/08/2013, Escassez de efectivos 1 2. (PT) - Diário de Notícias da Madeira, 20/08/2013,

Leia mais

Associação Nacional dos Bancos de Investimento

Associação Nacional dos Bancos de Investimento Associação Nacional dos Bancos de Investimento Dados Estatísticos de Rentabilidade da Indústria de Fundos - Mar/2007 - Dados Estatísticos de Rentabilidade da Indústria de Fundos - Mar/2007 - Índice Quadro

Leia mais

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS

PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: ALUGUÉIS Agosto de 2014 APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte

Leia mais

Agência de Planeamento Estratégico e de Meios

Agência de Planeamento Estratégico e de Meios Agência de Planeamento Estratégico e de Meios As Empresas e as Indústrias Criativas: Redes & Parcerias_Apoios & Mecenatos Planeamento estratégico de Media 12 de Maio de 2009 Este estudo foi elaborado pela

Leia mais

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário Boletim Econômico e do Setor Portuário Junho de 2014 Sumário Indicadores da Economia Nacional... 2 O Produto Interno Bruto PIB no primeiro trimestre de 2014... 2 Os Índices de Inflação... 3 O Mercado de

Leia mais

Calendário Pós-graduação 2014 - Educação Infantil

Calendário Pós-graduação 2014 - Educação Infantil Calendário Pós-graduação 2014 - Educação Infantil Disciplina Data Início Data fim Atividade acadêmica ENTRADA 1 10/03/2014 20/12/2014 17/03/2014 24/03/2014 Gestão criativa e inovadora nas instituições

Leia mais

Vendas de Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica fora das Farmácias (MNSRM) janeiro - junho 2013

Vendas de Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica fora das Farmácias (MNSRM) janeiro - junho 2013 Vendas de Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica fora das Farmácias (MNSRM) janeiro - junho 2013 Gabinete de Estudos e Projetos do INFARMED I.P. (31 de julho de 2013) 1. Enquadramento 2. Sumário Executivo

Leia mais

anos MEDIA KIT 2014 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E GESTÃO DA SAÚDE www.tecnohospital.pt

anos MEDIA KIT 2014 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E GESTÃO DA SAÚDE www.tecnohospital.pt anos MEDIA KIT 2014 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E GESTÃO DA SAÚDE www.tecnohospital.pt Porquê anunciar na TecnoHospital? A TecnoHospital é uma revista técnica de engenharia, arquitetura

Leia mais

INFORME QUANTITATIVO. Esperamos que apreciem e se orgulhem da nossa entidade tanto quanto nos orgulhamos de trabalhar em prol da nossa profissão.

INFORME QUANTITATIVO. Esperamos que apreciem e se orgulhem da nossa entidade tanto quanto nos orgulhamos de trabalhar em prol da nossa profissão. INFORME QUANTITATIVO O CRCRS possui entre suas principais atribuições, efetuar o registro, fiscalizar o exercício da profissão contábil e prover a educação continuada como forma de qualificação e valorização

Leia mais

Projeto Musa do Brasileirão 2010

Projeto Musa do Brasileirão 2010 Projeto Musa do Brasileirão 2010 Projeto Projeto O Musa do Brasileirão inicia em 2010 sua quinta disputa de beleza e alegria. O objetivo do concurso é eleger uma linda candidata como musa do campeonato

Leia mais

Construção Civil. Identificar as características estruturais do segmento e suas transformações no tempo. Englobam diversos tipos de obras e serviços.

Construção Civil. Identificar as características estruturais do segmento e suas transformações no tempo. Englobam diversos tipos de obras e serviços. Construção Civil Construção Civil Identificar as características estruturais do segmento e suas transformações no tempo. Englobam diversos tipos de obras e serviços. edificações residenciais; edificações

Leia mais

Jerónimo Martins, SGPS, S.A. Resultados do Primeiro Trimestre de 2006

Jerónimo Martins, SGPS, S.A. Resultados do Primeiro Trimestre de 2006 Jerónimo Martins, SGPS, S.A. Resultados do Primeiro Trimestre de 2006 1. Sumário Para mais informação contactar: Cláudia Falcão claudia.falcao@jeronimomartins.pt (+351-21 752 61 05) Hugo Fernandes hugo.fernandes@jeronimomartins.pt

Leia mais

AUDIOVISUAL EM PORTUGAL

AUDIOVISUAL EM PORTUGAL AUDIOVISUAL EM PORTUGAL O Peso Económico do Sector Manuel Duque 11-10-2013 1 Com esta apresentação pretende-se: Analisar o comportamento económico do mercado nos últimos anos; Sensibilizar os presentes

Leia mais

EVENTOS E ATIVAÇÃO DE MARCA SHORTLIST

EVENTOS E ATIVAÇÃO DE MARCA SHORTLIST EVENTOS E ATIVAÇÃO DE MARCA SHORTLIST Categoria Sub categoria Título Agência Anunciante Eventos para o consumidor Eventos para o consumidor Barbeiro Yorn Action4 Yorn Eventos para o consumidor Eventos

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego. Abril 2011

Pesquisa Mensal de Emprego. Abril 2011 Diretoria de Pesquisas Coordenação de Trabalho e Rendimento Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2011 1 1 Rio de Janeiro, 26/05/2011 Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro O Janeiro

Leia mais

10.000.000,00 9.154.690,15 9.000.000,00 8.000.000,00 7.195.564,56

10.000.000,00 9.154.690,15 9.000.000,00 8.000.000,00 7.195.564,56 10.000.000,00 9.154.690,15 9.000.000,00 8.543.230,16 8.000.000,00 7.195.564,56 7.000.000,00 6.000.000,00 5.000.000,00 4.000.000,00 3.000.000,00 2.000.000,00 1.000.000,00 0,00 1.959.125,59 1.347.665,60

Leia mais

PRÉMIO CARREIRA Olga Pinto Pereira

PRÉMIO CARREIRA Olga Pinto Pereira PRÉMIO CARREIRA Olga Pinto Pereira JOVENS CRIATIVOS Título Autores Prémio The Most Unique Shopping FILIPE CARVALHO/PEDRO VINTÉM Prémio Lisbon Hot Discounts SÉRGIO GOMES/TIAGO RIBEIRO Menção Honrosa RELAÇÕES

Leia mais

Portugal As exportações no primeiro trimestre de 2016

Portugal As exportações no primeiro trimestre de 2016 Portugal As exportações no primeiro trimestre de 2016 Na análise dos dados do comércio internacional importa ter presentes dois factores: o primeiro, que estes estão sujeitos a revisões consideráveis ao

Leia mais

GERAL - Produtos e Serviços. copyright c Bindopor 2007 www.bindopor.pt

GERAL - Produtos e Serviços. copyright c Bindopor 2007 www.bindopor.pt GERAL Produtos e Serviços GERAL - Produtos e Serviços A Bindopor, fundada em 1985, dirige-se essencialmente aos mercados Comercial e Terciário, Hoteleiro, Cuidados de Saúde, Lazer e Entretenimento. Desenvolvemos

Leia mais

SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD

SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD Sociedade Aberta Capital Social: 39 000 000 euros Capital Próprio: (42.442.000) euros Sede Social: Estádio José Alvalade - Rua Professor Fernando da Fonseca, Lisboa

Leia mais

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005 O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005 Elaborado por: Maria Julieta Martins Coordenado por: Teresinha Duarte Direcção de Serviços de Estudos e Estratégia Turísticos Divisão de Recolha e Análise Estatística Índice

Leia mais

OPERAÇÕES DE FRETE/2011

OPERAÇÕES DE FRETE/2011 JAN (lta) 213.840 213.840 48.693,90 213.840 213.840 48.693,90 FEV 48.300 48.300 4.859,10 91.839 91.839 8.767,52 722.756 722.756 45.937,39 MAR 862.895 862.895 59.564,01 142.600 142.600 12.482,77 290.232

Leia mais

MEDIA KIT 2015 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, GESTÃO E ECONOMIA DO AMBIENTE. www.industriaeambiente.pt

MEDIA KIT 2015 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, GESTÃO E ECONOMIA DO AMBIENTE. www.industriaeambiente.pt MEDIA KIT 2015 REVISTA TÉCNICA DE ENGENHARIA, GESTÃO E ECONOMIA DO AMBIENTE www.industriaeambiente.pt Porquê anunciar na Indústria e Ambiente? A Indústria e Ambiente é uma revista técnica de engenharia,

Leia mais

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06

PAINEL 9,6% dez/07. out/07. ago/07 1.340 1.320 1.300 1.280 1.260 1.240 1.220 1.200. nov/06. fev/07. ago/06 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ASSESSORIA ECONÔMICA PAINEL PRINCIPAIS INDICADORES DA ECONOMIA BRASILEIRA Número 35 15 a 30 de setembro de 2009 EMPREGO De acordo com a Pesquisa

Leia mais

PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO

PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO Relatório de Abril de 28 PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO RELATÓRIO DE ABRIL DE 28 I INTRODUÇÃO O objetivo deste relatório é analisar os resultados da Pesquisa ADEMI no mês de abril de 28 no que diz

Leia mais

REPRESENTATIVIDADE. Lojas: 3.466 Check-outs: 29.150 Funcionários empregados: 239.381 Área de vendas: 3.728.435 m² Faturamento: R$ 68.789.659.505.

REPRESENTATIVIDADE. Lojas: 3.466 Check-outs: 29.150 Funcionários empregados: 239.381 Área de vendas: 3.728.435 m² Faturamento: R$ 68.789.659.505. BEM VINDOS! Araújo Superm. (CD) Arcos Bistek Superm. Bonanza Superm. Carvalho Superm. Center Box Superm. Central de Compras Cesta do Povo Chama Superm. Coop Da Praça Superm. Dia % Enxuto Epa Superm. Festval

Leia mais

Gestor(a): Desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira

Gestor(a): Desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira Gestor(a): Desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira Meta Meta 2 de 29 Meta 2 de 21 Meta 2 de 212 Meta 2 de 213 Descrição Identificar os processos judiciais mais antigos e adotar medidas concretas

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS. Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS. Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015 1 SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS Indicadores de Recursos Humanos- SES/SP Observatório de Recursos Humanos em Saúde SETEMBRO / 2015 Equipe Técnica: Adriana R. L. Carro -

Leia mais

https://govconta.caixa.gov.br/sigov/extrato/conta_individual/consultar.do 13/06/2014 350

https://govconta.caixa.gov.br/sigov/extrato/conta_individual/consultar.do 13/06/2014 350 Extratos CONSULTAS UTILITÁRIOS Conta Vinculada: / / 4030/006/00000049-7 Conta Referência: 4030/006/00000049-7 - Período: de: até: ou mês: Janeiro ano: 2013 Data Mov Nr. Doc. Histórico Valor (R$) Saldo

Leia mais

NCIA DAS. Palmas - TO

NCIA DAS. Palmas - TO PESQUISA DE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA NCIA DAS FAMÍLIAS Palmas - TO Janeiro 2010 SUMÁRIO Análise dos Resultados 3 Tabela 1 PEIC - Evolução nos últimos 13 meses 3 Tabela 2 PEIC Evolução nos últimos

Leia mais

Diretoria de Pesquisas Coordenação de Índices de Preços - COINP. Sistema Nacional de Índices de Preços ao Consumidor SNIPC.

Diretoria de Pesquisas Coordenação de Índices de Preços - COINP. Sistema Nacional de Índices de Preços ao Consumidor SNIPC. Diretoria de Pesquisas Coordenação de Índices de Preços - COINP Sistema Nacional de Índices de Preços ao Consumidor SNIPC IPCA julho 2014 Data 08/08/2014 IPCA Julho 0,01 % Junho 0,40 % IPCA Regiões - mês

Leia mais

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015

INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET. Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015 INFORMAÇÃO ESTATÍSTICA DO SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET 1.º TRIMESTRE DE 2015 Serviço de Acesso à Internet 1.º Trimestre de 2015 Versão / 8-5-2015 Índice SUMÁRIO... 4 1. Número de prestadores habilitados...

Leia mais

Dados Estatísticos Portabilidades. Setembro/2013

Dados Estatísticos Portabilidades. Setembro/2013 Dados Estatísticos Portabilidades Setembro/2013 Índice Termos Técnicos Utilizados... 3 Dados Quantitativos Evolução Mensal do Número de Portabilidades Cadastradas... 13 Apresentação de Resultados Tabela

Leia mais

ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC junho 2014

ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC junho 2014 ÍNDICES NACIONAIS DE PREÇOS AO CONSUMIDOR IPCA e INPC junho 2014 Rio de Janeiro, 08 de julho de 2014 SISTEMA NACIONAL DE ÍNDICES DE PREÇOS AO CONSUMIDOR COMENTÁRIOS Junho 2014 ÍNDICE NACIONAL DE PREÇOS

Leia mais

Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010

Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010 Notas sobre a divulgação do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) JUNHO/2010 Dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego para junho de 2010 confirmam a recuperação do emprego

Leia mais

COMUNICADO SDG Nº 02/2013

COMUNICADO SDG Nº 02/2013 COMUNICADO SDG Nº 02/2013 O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo divulga aos órgãos jurisdicionados da área municipal o calendário de obrigações para 2013 necessárias ao atendimento das exigências

Leia mais

OS GRANDES NÚMEROS DOS ANUNCINATES O MERCADO DA COMUNICAÇÃO EM PORTUGAL APAN/GRUPO CONSULTORES ANO 2011

OS GRANDES NÚMEROS DOS ANUNCINATES O MERCADO DA COMUNICAÇÃO EM PORTUGAL APAN/GRUPO CONSULTORES ANO 2011 OS GRANDES NÚMEROS DOS ANUNCINATES O MERCADO DA COMUNICAÇÃO EM PORTUGAL APAN/GRUPO CONSULTORES ANO 2011 INTRODUÇÃO A Associação Portuguesa de Anunciantes tem como um dos pilares da sua missão estimular

Leia mais

AUtilizaçãodeEnergiaSolar nasunidades Hoteleiras do Algarve

AUtilizaçãodeEnergiaSolar nasunidades Hoteleiras do Algarve AUtilizaçãodeEnergiaSolar nasunidades Hoteleiras do Algarve Armando Costa Inverno, António Hugo Lamarão ainverno@ualg.pt, alamarao@ualg.pt 14-02-2004 11:58:23 1 Alguns números Consumo de energia eléctrica

Leia mais

ADVOCACIA GERAL DA UNIAO Procuradoria Geral da Uniao Departamento de Calculos e Pericias - DECAP ( NECAP NO ESTADO DO

ADVOCACIA GERAL DA UNIAO Procuradoria Geral da Uniao Departamento de Calculos e Pericias - DECAP ( NECAP NO ESTADO DO FICHA FINANCEIRA REFERENTE A 2002 JAN FEV MAR ABR MAI JUN 00182 ADIANT.GRATIF.NATALINA - APOS. R 1 82118 GRAT.DES.TEC.ADM.L10404/GDATA R 1 142,12 142,12 142,12 142,12 142,12 142,12 63,00 63,00 63,00 70,00

Leia mais

Categoria Categoria 1 Categoria 2 Agencia Titulo Anunciante Resultados Finais

Categoria Categoria 1 Categoria 2 Agencia Titulo Anunciante Resultados Finais 1 RP PRÉMIOS XVII FESTIVAL CCP RELAÇÕES PÚBLICAS BRONZE RP CAUSAS SOCIAIS - Projeto Lá Tinha Projeto Lá Tinha Moinho da Juventude RP CAUSAS SOCIAIS - BAR Lisboa Inspirit Cacau Quente Inspirit RP MELHOR

Leia mais

rotulagem de energia eléctrica

rotulagem de energia eléctrica rotulagem de energia eléctrica ROTULAGEM DE ENERGIA ELÉCTRICA A produção e a distribuição de energia eléctrica são fundamentais para o desenvolvimento das sociedades. A rotulagem de energia eléctrica pretende

Leia mais

EMPREGO DO COMÉRCIO VAREJISTA AMPLIADO DO ESTADO DO CEARÁ (CE) - DEZEMBRO Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico

EMPREGO DO COMÉRCIO VAREJISTA AMPLIADO DO ESTADO DO CEARÁ (CE) - DEZEMBRO Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico EMPREGO DO COMÉRCIO VAREJISTA AMPLIADO DO ESTADO DO CEARÁ (CE) - DEZEMBRO 2016 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico SUMÁRIO 1. RESULTADOS SINTÉTICOS DA PESQUISA... 3 Ilustração

Leia mais

A INDÚSTRIA DE PRÉ-FABRICADOS DE CONCRETO. Fundação Getulio Vargas

A INDÚSTRIA DE PRÉ-FABRICADOS DE CONCRETO. Fundação Getulio Vargas A INDÚSTRIA DE PRÉ-FABRICADOS DE CONCRETO Fundação Getulio Vargas FGV Março 2015 A SONDAGEM ABCIC DESEMPENHO RECENTE DA CONSTRUÇÃO A Sondagem - Metodologia EMPRESAS A Sondagem - Metodologia Temas Pesquisados

Leia mais