ÍNDICE - 11/12/2004 O Dia (RJ)... 2 Coluna... 2 A Gazeta (ES)... 3 Cidade... 3 Folha de Londrina (PR)... 4 Economia... 4

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÍNDICE - 11/12/2004 O Dia (RJ)... 2 Coluna... 2 A Gazeta (ES)... 3 Cidade... 3 Folha de Londrina (PR)... 4 Economia... 4"

Transcrição

1 ÍNDICE - O Dia (RJ)... 2 Coluna... 2 COLUNA DO SERVIDOR... 2 Transferência impedida... 2 A Gazeta (ES)... 3 Cidade... 3 Remédio irregular é substituído... 3 Folha de Londrina (PR)... 4 Economia... 4 Fiscais não poderão interditar lavouras por uso de glifosato... 4 Folha de Londrina (PR)... 5 Espaço Aberto... 5 Remédio é bom quando funciona... 5 Diário de Pernambuco (PE)... 6 Editorial... 6 Controle e saúde

2 O Dia (RJ) Coluna COLUNA DO SERVIDOR Transferência impedida Servidores estão impedidos de mudar de órgão em período eleitoral. A transferência de funcionários está vetada de acordo com decisão unânime da Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Duas servidoras foram à Justiça alegando que a transferência se deu de maneira forçada, com o propósito de punição. Elas foram removidas da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para o Ministério da Saúde. O ministro do STJ Paulo Medina votou pela anulação da transferência, alegando que a redistribuição das funcionárias se deu em período eleitoral, infringindo regra já existente no regimento-geral da administração. 2

3 A Gazeta (ES) Cidade Remédio irregular é substituído Michelly Lauer A Secretaria de Estado de Saúde (Sesa) vai substituir o medicamento Carbazol, que faz parte da lista dos 130 remédios que tiveram a fabricação e distribuição proibidas pela Agência Nacional da Vigilância Sanitária (Anvisa). A assessoria de imprensa da Sesa informou que o contrato com o laboratório que fabrica o Carbazol, indicado para problemas de saúde mental, foi cancelado, na última terça-feira, e aberto processo de compra emergencial do remédio com o mesmo princípio ativo, fabricado por outro laboratório. A assessoria disse que comprimidos do produto foram repassados para secretarias municipais de saúde entre primeiro de novembro e o último dia oito. Mas restaram mil comprimidos na farmácia da Sesa, que equivale a R$ 7 mil. Na secretaria de Saúde de Vitória, o remédio detectado é o clindamicina - antibiótico, e os 200 comprimidos já foram recolhidos de uma unidade de saúde. Somente depois do recolhimento será feita uma nova compra. Na secretaria de Saúde de Vila Velha, 60 mil comprimidos do Aminotil - broncodilatador, foram retirados das unidades de saúde. Será feito um novo pedido de medicamento similar ainda nesta semana. 3

4 Folha de Londrina (PR) Economia Fiscais não poderão interditar lavouras por uso de glifosato Curitiba O Ministério da Agricultura registrou o uso do herbicida glifosato, Roundy Ready, da Monsanto, para ser aplicado na pós-emergência da soja transgênica. Essa medida complementa a MP, comemorou Ágide Meneguette, presidente da Faep. Segundo ele, com esse registro os fiscais da Secretaria de Estado da Agricultura (Seab) não podem mais interditar as lavouras, com base na lei dos Agrotóxicos. Os fiscais autuavam os produtores porque essa prática não era permitida. O glifosato é um dessecante e não era permitido seu uso na pós-emergência porque matava as ervas daninhas em volta da soja e a planta de soja também. Com a soja transgênica, o dessecante só mata as ervas daninhas, preservando a planta geneticamente modificada. Para o secretário Orlando Pessuti, cabe agora à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Ministério da Saúde avaliar a tolerância desse resíduo químico nos derivados de soja, consumidos pela população. Segundo ele, haverá mais resíduos nesses produtos porque o Ministério da Agricultura elevou a tolerância ao glifosato em 50 vezes.''eses produtos passam a ter 50 vezes mais resíduos de agrotóxicos do que tinham antes. É caso de Saúde Pública'', avisou. Pessuti disse que espera que essa medida do Ministério da Agricultura tenha respaldo em estudos científicos que comprovem que a tolerância em relação ao produto não seja prejudicial ao ser humano e ao meio ambiente. Até agora, só a Monsanto obteve o registro do seu produto.(v.c.) 4

5 Folha de Londrina (PR) Espaço Aberto Remédio é bom quando funciona Existem três tipos de medicamentos hoje em dia. Os éticos, os genéricos e os similares. Você sabe qual a diferença? Quando um médico receita um remédio, ele sabe o efeito que aquele medicamento fará no organismo, a dose adequada, os efeitos colaterais, eventuais interações medicamentosas, etc. O objetivo é a melhora da saúde, o alívio de sintomas e, principalmente, a qualidade de vida da pessoa. Os medicamentos chamados éticos são aqueles que são vendidos através de receituário médico e que, devido à confiabilidade da prática clínica e dos laboratórios farmacêuticos, são recomendados aos clientes. Os genéricos, por outro lado, trouxeram grandes benefícios. Além da qualidade, que é controlada pela Anvisa, que testa sua biodisponibilidade e bioequivalência, isto é, a dose e absorção correta destes, eles fizeram com que os preços dos outros medicamentos também baixassem. Mas junto com as vantagens, vieram também as desvantagens. Aproveitando-se da onda dos genéricos, muitos balconistas de farmácias ''empurram'' os chamados similares. A pessoa chega à farmácia com uma receita médica e o balconista apresenta outro medicamento diferente alegando que é um ''genérico'' e que, além disso, é mais barato. Só que muitas vezes é um similar, cuja eficácia não foi testada pela Anvisa. Segundo pesquisa realizada pela empresa Ipsus Opinium-Worlwide Social e Opinion Research para o grupo Pró-Genérico, 34% dos balconistas oferecem, espontaneamente, alternativas de medicamentos diferentes das prescritas nas receitas médicas apresentadas no balcão da farmácia; das alternativas oferecidas, 42% são medicamentos chamados similares incentivados (medicamentos bonificados, nos quais os balconistas recebem comissões sobre as vendas). Um medicamento similar não goza da confiabilidade da prática clínica ou do selo de um grande laboratório farmacêutico, nem do teste de eficácia realizado pela Anvisa. Um medicamento cuja dose ou efeito é incerto é extremamente perigoso. É como se estivéssemos dirigindo um veículo, cuja direção não respondesse às manobras no volante. O barato pode sair caro. Aliás, pode sair muito caro. Para evitar este risco, não permitam que, sob nenhum aspecto, sua receita seja trocada na farmácia e façam suas compras em grandes redes ou em uma farmácia de confiança, para que este risco seja diminuído. A receita médica é um documento e a sua troca é crime. Zelar pela saúde é dever não só dos médicos, mas dos pacientes também. Também é responsabilidade daqueles que vendem os medicamentos. ALBERTO TOSHIO OBA é médico gastroenterologista em Londrina Alberto Toshio Oba 5

6 Diário de Pernambuco (PE) Editorial Controle e saúde A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vem de adotar providências drásticas para a retirada do mercado de cerca de 130 remédios da categoria "similares". Não se trata de medicação "de marca", nem dos chamados "genéricos", cujo licenciamento se rege por normas próprias que não se confundem com as alusivas aos remédios "similares". Em geral, a medicação similar se destina a combater enfermidades de risco considerável - o chamado alto risco -, a exemplo da hipertensão, asma e epilepsia. Incluem-se entre os remédios em apreço os anticoagulantes em geral. A Agência deve ter lá as suas razões para a adoção de uma medida vigorosa e surpreendente. Alega que os laboratórios, que manipularam e fabricaram os remédios similares, tinham prazo para a realização de provas de qualidade e segurança. No domínio da fabricação, a Agência vem de proibir também o processamento de cerca de outras 230 drogas averbadas de similares. Numa campanha desse tipo, na qual se faz indiscutível o empenho de autoridade médico-sanitária para limitar o risco à saúde e mesmo o risco de vida de milhares, quiçá milhões de indivíduos, é entretanto necessário que a retirada legal dos remédios em apreço não venha a interromper o tratamento em curso de tantos pacientes. Esta é a primeira garantia que a população requer da autoridade. O dirigente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Cláudio Mierovitich, deu essa garantia, ao afirmar à Imprensa que existem produtos alternativos "de marca" ou "genéricos" equivalentes na rede de distribuição de produtos farmacêuticos e farmácias do varejo. Explicou os motivos centrais da campanha de apreensão, afirmando que a autoridade pública "deseja que todos os remédios similares sejam equiparáveis aos que eles copiam". Coisas sucedem neste País que não têm explicação aparente, nem muito menos justificação satisfatória do ponto de vista da população. Esta não se acha interessada nas fórmulas, nem tampouco no significado dos testes de bioequivalência e biodisponibilidade. Definições científicas, ou não, deixam de ter qualquer significado para o paciente que precisa ter assegurada a seqüência do respectivo tratamento. O que espanta, o que surpreende é que decorra o enorme prazo para a realização dos testes de qualidade e segurança dos medicamentos, sem que as partes diretamente envolvidas na questão mexam uma palha sequer. De repente, não mais que de repente, a própria autoridade pública toma aquele susto, porque alguém da burocracia médico-sanitária se advertiu de que em breve, em pequeníssimo lapso de tempo, inúmeros remédios se acham sem condições de estar à venda em todo o território nacional. De repente, o piloto se deu conta de que a aeronave saiu do chão sem combustível. Sim, felizmente, havia margem para a manobra urgente, e foi a determinação para a imediata retirada dos similares das prateleiras do comércio farmacêutico. Mas a sociedade tem o direito de saber, no fecho do laborioso processo de reexame das drogas retiradas, se algumas delas já não estariam sem condições de ser ingeridas e metabolizadas pelo organismo das pessoas afetadas. Neste caso, têm as pessoas o direito de saber se a ingestão de drogas impróprias ao consumo lhes causou eventualmente algum dano irreversível ou insanável. 6

7 O problema, portanto, não se limita a retirar os similares do mercado, mas vai ao âmago destas indagações consentâneas. 7

ÍNDICE - 06/08/2004 O Estado de S.Paulo... 2 Geral...2 Folha de S.Paulo... 3 Opinião...3 O Dia (RJ)... 4 Ciência & Saúde...4

ÍNDICE - 06/08/2004 O Estado de S.Paulo... 2 Geral...2 Folha de S.Paulo... 3 Opinião...3 O Dia (RJ)... 4 Ciência & Saúde...4 ÍNDICE - O Estado de S.Paulo...2 Geral...2 EUA vão investigar remédio regulador do colesterol...2 Folha de S.Paulo...3 Opinião...3 PAINEL DO LEITOR...3 Genéricos...3 O Dia (RJ)...4 Ciência & Saúde...4

Leia mais

(' / (' / (' / (' / //// '''' *) *) *) *) (' (' (' (' DC > DC DC 7[ > DC 7[ DC DC L I DC ` > 7[ DC L I ` JI 7[ Db ;< 7[ Db L= ; : G DC BA? ; :II W c Y 00 0 0 && & &.& ( (((,, ---- + + + + &&&& %&!! $ #"

Leia mais

CLIPPING SINFARMIG RETORNO DE MÍDIA PESQUISA GENÉRICOS

CLIPPING SINFARMIG RETORNO DE MÍDIA PESQUISA GENÉRICOS CLIPPING SINFARMIG RETORNO DE MÍDIA PESQUISA GENÉRICOS Fonte: Jornal Estado de Minas - Caderno Opinião Fonte: Agência Brasil Fonte: Jornal Hoje em Dia - Carderno Economia Fonte: Jornal O Tempo VERSÕES

Leia mais

ÍNDICE - 19/08/2004 Correio Braziliense...2 Brasil...2 O Globo...3 Economia...3 Gazeta Mercantil...4 Gazeta Mercantil...4 Nacional...

ÍNDICE - 19/08/2004 Correio Braziliense...2 Brasil...2 O Globo...3 Economia...3 Gazeta Mercantil...4 Gazeta Mercantil...4 Nacional... ÍNDICE - Correio Braziliense...2 Brasil...2 Notas...2 saúde...2 Remédio sem propaganda...2 O Globo...3 Economia...3 Farmácias não vão poder anunciar remédios...3 Glaxo abre mão de patente na China...3

Leia mais

Acesso a Medicamentos no Brasil Nave 5 Consultores Empresariais Ltda. Pharma Business Knowledge. Delivered.

Acesso a Medicamentos no Brasil Nave 5 Consultores Empresariais Ltda. Pharma Business Knowledge. Delivered. Acesso a Medicamentos no Brasil Pharma Business Knowledge. Delivered. O artigo abaixo foi escrito e publicado como encarte nos Arquivos Brasileiros de Cardiologia e no Guia da Farmácia, em Abril de 2010,

Leia mais

ÍNDICE - 10/05/2005 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 hemoderivados Tribuna da Imprensa (RJ)... 4 Ciência / Ambiente...4

ÍNDICE - 10/05/2005 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 hemoderivados Tribuna da Imprensa (RJ)... 4 Ciência / Ambiente...4 ÍNDICE - O Estado de S.Paulo...2 Vida&...2 UFRJ tem receita para País economizar com hemoderivados...2 Tribuna da Imprensa (RJ)...4 Ciência / Ambiente...4 Brasil pode produzir e economizar com hemoderivados...4

Leia mais

BIBLIOTECA ARTIGO Nº 48

BIBLIOTECA ARTIGO Nº 48 BIBLIOTECA ARTIGO Nº 48 MUITO BARULHO POR NADA - COMO COMPLICAR A EXPLICAÇÃO Autores - Marcos Lobo De Freitas Levy e Silvia V. Fridman A ANVISA prevê a elaboração de uma nova resolução para permitir a

Leia mais

Sobre a incompetência do sistema de registro de agrotóxicos

Sobre a incompetência do sistema de registro de agrotóxicos Sobre a incompetência do sistema de registro de agrotóxicos Reginaldo Minaré A produção agrícola ocupa posição de destaque na comunidade brasileira, produz, de fato, os alimentos necessários à população

Leia mais

Guia do Professor. Esta atividade poderá ser realizada, satisfatoriamente, em uma aula de 50 minutos.

Guia do Professor. Esta atividade poderá ser realizada, satisfatoriamente, em uma aula de 50 minutos. Caro Professor, O principal objetivo do projeto RIVED é oferecer aos professores do Ensino Médio novos recursos didáticos, em forma de módulos, para a melhoria da aprendizagem dos alunos em sala de aula.

Leia mais

DÚVIDAS MAIS FREQUENTES NO BALCÃO DA FARMÁCIA

DÚVIDAS MAIS FREQUENTES NO BALCÃO DA FARMÁCIA DÚVIDAS MAIS FREQUENTES NO BALCÃO DA FARMÁCIA Neste módulo vamos tratar de situações que envolvem dúvidas quanto à melhor maneira de agir e as práticas permitidas ou não pela legislação, mas que, comumente,

Leia mais

ÍNDICE - 01/02/2005 O Globo...2 O País...2 Folha de S.Paulo...3 Folha de S.Paulo...3 São Paulo/ SAÚDE...3 O Dia (RJ)...4 Ciência...

ÍNDICE - 01/02/2005 O Globo...2 O País...2 Folha de S.Paulo...3 Folha de S.Paulo...3 São Paulo/ SAÚDE...3 O Dia (RJ)...4 Ciência... ÍNDICE - O Globo...2 O País...2 Anvisa manda retirar 44 produtos do mercado...2 Folha de S.Paulo...3 Folha de S.Paulo...3 São Paulo/ SAÚDE...3 Casal e filha de 17 anos morrem por suposta intoxicação em

Leia mais

MEDICAMENTOS GENÉRICOS

MEDICAMENTOS GENÉRICOS MEDICAMENTO GENÉRICO Uma importante conquista para a saúde pública no Brasil 15 anos 15 anos , 15 ANOS DE BENEFÍCIOS PARA A SOCIEDADE BRASILEIRA. Ao completar 15 anos de existência no país, os medicamentos

Leia mais

MANDAMENTOS DO USO CORRETO DOS MEDICAMENTOS

MANDAMENTOS DO USO CORRETO DOS MEDICAMENTOS ELIEZER J. BARREIRO NATALIA MEDEIROS DE LIMA MANDAMENTOS DO USO CORRETO DOS MEDICAMENTOS ISBN 978-85-910137-1-5 INCT INOFAR/ Portal dos Fármacos 2009 DOS MEDICAMENTOS INCT INOFAR/ Portal dos Fármacos 2009

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 7.064, DE 2014 (Dos Srs. Alexandre Roso e Paulo Foletto)

PROJETO DE LEI N.º 7.064, DE 2014 (Dos Srs. Alexandre Roso e Paulo Foletto) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 7.064, DE 2014 (Dos Srs. Alexandre Roso e Paulo Foletto) Dispõe sobre o recolhimento de medicamentos vencidos e a devolução de medicamentos excedentes ainda em validade,

Leia mais

ÍNDICE - 14/08/2004 Correio Braziliense...2 Brasil...2 Jornal de Brasília...5 Cartas...5 A Gazeta (ES)...6 Grande Vitória...6

ÍNDICE - 14/08/2004 Correio Braziliense...2 Brasil...2 Jornal de Brasília...5 Cartas...5 A Gazeta (ES)...6 Grande Vitória...6 ÍNDICE - Correio Braziliense...2 Brasil...2 R$ 100 mil doados para campanha...2 Entenda o caso...3 Empresas negam interesse eleitoral...3 Jornal de Brasília...5 Cartas...5 Cartas dos Leitores...5 Cosmético...5

Leia mais

Folha de Londrina (PR) 02/02/2006 Saúde Vigilância Sanitária Vigilância Sanitária Anvisa Saúde Saúde Anvisa Anvisa Saúde Anvisa Saúde

Folha de Londrina (PR) 02/02/2006 Saúde Vigilância Sanitária Vigilância Sanitária Anvisa Saúde Saúde Anvisa Anvisa Saúde Anvisa Saúde Folha de Londrina (PR) Geral Saúde investiga mortes de bebês no Paraná Sete crianças teriam morrido em circunstâncias parecidas em hospitais de Curitiba e Apucarana Curitiba- A Vigilância Sanitária Estadual,

Leia mais

ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo... 2 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia...

ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo... 2 O Estado de S.Paulo... 2 Vida&...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia... ÍNDICE - 12/06/2005 O Estado de S.Paulo...2 O Estado de S.Paulo...2 Vida&...2 Rede de bancos poderá facilitar transplantes...2 Revista IstoÉ...4 MEDICINA & BEM-ESTAR/Epidemia...4 Nem tão exemplar...4 O

Leia mais

O Globo 01/02/2007 País Anvisa desiste de proibir produção e venda do Ponstan Importação de Feldene, no entanto, continua suspensa

O Globo 01/02/2007 País Anvisa desiste de proibir produção e venda do Ponstan Importação de Feldene, no entanto, continua suspensa O Globo País Anvisa desiste de proibir produção e venda do Ponstan Importação de Feldene, no entanto, continua suspensa BRASÍLIA. Dois dias depois de suspender o uso, a venda, a fabricação e a distribuição

Leia mais

AGROTÓXICOS E SAÚDE. Yamira Rodrigues - CCC Coletivo de Comunicação da Campanha

AGROTÓXICOS E SAÚDE. Yamira Rodrigues - CCC Coletivo de Comunicação da Campanha AGROTÓXICOS E SAÚDE Yamira Rodrigues - CCC Coletivo de Comunicação da Campanha Uma das matérias mais comentadas na nossa página no facebook foi com relação às amostras de alimentos com resíduos de agrotóxicos.

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 396/2013 Naprix, Vastarel, Lasix, Carvedilol, Atorvastatina, Aspirina

RESPOSTA RÁPIDA 396/2013 Naprix, Vastarel, Lasix, Carvedilol, Atorvastatina, Aspirina RESPOSTA RÁPIDA 396/2013 Naprix, Vastarel, Lasix, Carvedilol, Atorvastatina, Aspirina SOLICITANTE Dra. Sabrina da Cunha Peixoto Ladeira. Juiza de Direito NÚMERO DO PROCESSO 13 007501-7 DATA 07/11/2013

Leia mais

Receita de sucesso. Três anos após a efetiva adoção BALANÇO DE TRÊS ANOS MOSTRA QUE GENÉRICOS VIERAM PARA FICAR, MAS É PRECISO CONSOLIDAR CONQUISTAS

Receita de sucesso. Três anos após a efetiva adoção BALANÇO DE TRÊS ANOS MOSTRA QUE GENÉRICOS VIERAM PARA FICAR, MAS É PRECISO CONSOLIDAR CONQUISTAS CIÊNCIA SAÚDE Receita de sucesso BALANÇO DE TRÊS ANOS MOSTRA QUE GENÉRICOS VIERAM PARA FICAR, MAS É PRECISO CONSOLIDAR CONQUISTAS Três anos após a efetiva adoção no país, os genéricos atendem a mais de

Leia mais

ÍNDICE - 02/09/2004 O Globo... 2 Cartas...2 Folha de S.Paulo... 3 Folha de S.Paulo... 3 São Paulo/ SAÚDE...3

ÍNDICE - 02/09/2004 O Globo... 2 Cartas...2 Folha de S.Paulo... 3 Folha de S.Paulo... 3 São Paulo/ SAÚDE...3 ÍNDICE - O Globo...2 Cartas...2 Cartas dos leitores...2 Excesso de farmácias...2 Folha de S.Paulo...3 Folha de S.Paulo...3 São Paulo/ SAÚDE...3 Anvisa retira cinco inseticidas da relação de produtos que

Leia mais

PESQUISA INÉDITA DO CREMESP. 93% dos médicos recebem brindes e benefícios das empresas farmacêuticas e de equipamentos

PESQUISA INÉDITA DO CREMESP. 93% dos médicos recebem brindes e benefícios das empresas farmacêuticas e de equipamentos PESQUISA INÉDITA DO CREMESP 93% dos médicos recebem brindes e benefícios das empresas farmacêuticas e de equipamentos 80% dos médicos recebem visitas de representantes da indústria de medicamentos Estudo

Leia mais

Procedimento Administrativo IV 1.30.001.005532/2011-08 RECOMENDAÇÃO MPF/PRRJ/GAB/AMLC N 01/2012

Procedimento Administrativo IV 1.30.001.005532/2011-08 RECOMENDAÇÃO MPF/PRRJ/GAB/AMLC N 01/2012 Procedimento Administrativo IV 1.30.001.005532/2011-08 RECOMENDAÇÃO MPF/PRRJ/GAB/AMLC N 01/2012 O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL, pelos Procuradores da República abaixo firmados, no uso de suas atribuições

Leia mais

MEDICAMENTOS. CAPACITAÇÃO EM FARMACOLOGIA PARA AS EQUIPES DE SAÚDE BUCAL Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal 2015

MEDICAMENTOS. CAPACITAÇÃO EM FARMACOLOGIA PARA AS EQUIPES DE SAÚDE BUCAL Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal 2015 MEDICAMENTOS CAPACITAÇÃO EM FARMACOLOGIA PARA AS EQUIPES DE SAÚDE BUCAL Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal 2015 Parceria: Farmácia Escola da UFRGS - Programa Farmácia Popular Programa de Pós-Graduação

Leia mais

Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes Transgênicas de Milho 1 João Carlos Garcia 2 e Rubens Augusto de Miranda 2

Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes Transgênicas de Milho 1 João Carlos Garcia 2 e Rubens Augusto de Miranda 2 XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012 Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes Transgênicas de Milho 1 João Carlos Garcia 2 e Rubens Augusto

Leia mais

COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO E PARECERES PARECER n.º 007/2013

COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO E PARECERES PARECER n.º 007/2013 COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO E PARECERES PARECER n.º 007/2013 Aprovado na 523ª Reunião Ordinária de Plenário de 26 de agosto de 2013. 1. Do Fato Assunto: Dispensação de medicamentos pelo Técnico de Enfermagem.

Leia mais

Mentira: O homem não precisa plantar transgênicos Mentira: As plantas transgênicas não trarão benefícios a sociedade

Mentira: O homem não precisa plantar transgênicos Mentira: As plantas transgênicas não trarão benefícios a sociedade Como toda nova ciência ou tecnologia, ela gera dúvidas e receios de mudanças. Isto acontece desde os tempos em que Galileo afirmou que era a Terra que girava em torno do Sol ou quando Oswaldo Cruz iniciou

Leia mais

Medicamento O que é? Para que serve?

Medicamento O que é? Para que serve? Medicamento O que é? Para que serve? Os Medicamentos são produtos farmacêuticos, tecnicamente obtidos ou elaborados, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico (Lei nº

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DISMED MAIS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DISMED MAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA DISMED MAIS O PROGRAMA DISMED MAIS ("PROGRAMA"), desenvolvido pela empresa DISMED DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS OLÍMPIA LTDA, sociedade por cotas de responsabilidade limitada, estabelecida

Leia mais

Hermann Blumenau - Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal FARMACOLOGIA. Professor Bruno Aleixo Venturi

Hermann Blumenau - Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal FARMACOLOGIA. Professor Bruno Aleixo Venturi Hermann Blumenau - Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal FARMACOLOGIA Professor Bruno Aleixo Venturi Farmacologia fármacon: drogas lógos: estudo É a ciência que estuda como os medicamentos

Leia mais

Pesquisa Clínica. Orientações aos pacientes

Pesquisa Clínica. Orientações aos pacientes Pesquisa Clínica Orientações aos pacientes 2009 Ministério da Saúde. É permitida a reprodução total ou parcial desta obra, desde que citada a fonte. Tiragem: 1000 exemplares Criação, Informação e Distribuição

Leia mais

Aula 7: Controle Sanitário (Lei 5991/73) Profa. Camila Barbosa de Carvalho

Aula 7: Controle Sanitário (Lei 5991/73) Profa. Camila Barbosa de Carvalho Aula 7: Controle Sanitário (Lei 5991/73) Profa. Camila Barbosa de Carvalho Lei 5991/73 Dispõe sobre o controle sanitário do comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos, e dá outras

Leia mais

Componente Curricular: Deontologia e Bioética Farmacêutica PLANO DE CURSO

Componente Curricular: Deontologia e Bioética Farmacêutica PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Autorizado pela Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35 Componente Curricular: Deontologia e Bioética Farmacêutica Código: FAR - 106 Pré-requisito: - Período

Leia mais

SENADO FEDERAL CONSULTORIA LEGISLATIVA ESTUDO Nº 376, DE 2003

SENADO FEDERAL CONSULTORIA LEGISLATIVA ESTUDO Nº 376, DE 2003 SENADO FEDERAL CONSULTORIA LEGISLATIVA ESTUDO Nº 376, DE 2003 Referente à STC nº 200305985, da Senadora LÚCIA VÂNIA, solicitando subsídios para a audiência pública a ser realizada no âmbito da Subcomissão

Leia mais

Clipping Farmacêutico

Clipping Farmacêutico Clipping Farmacêutico 18 de Setembro de 2015. Índice - Mercosul fará compra conjunta de remédios - Sem marca definida - Brasileira Eurofarma compra fábrica da Sanofi na Argentina - Cade aprova venda de

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.813, DE 22 DE JUNHO DE 2006. Aprova a Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos e dá outras providências.

Leia mais

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

AMAJUM. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. No próximo dia 7 de outubro, o povo brasileiro retorna às urnas, desta vez para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Produção: Ação conjunta: Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso Parceiro:

Leia mais

Genéricos - Guia Básico. Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461

Genéricos - Guia Básico. Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461 Autor: Cesar Roberto CRF-RJ: 7461 Versão 3.00 2001 Introdução: Este guia visa a orientar o profissional farmacêutico sobre os genéricos, e como este deve proceder na hora de aviar uma receita nesta nova

Leia mais

EFEITOS ADVERSOS A MEDICAMENTOS

EFEITOS ADVERSOS A MEDICAMENTOS EFEITOS ADVERSOS A MEDICAMENTOS INTRODUÇÃO As informações contidas neste folheto têm a finalidade de orientar as pessoas que passaram ou que podem passar pela experiência não-desejada dos efeitos adversos

Leia mais

CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS

CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS CONHECENDO MELHOR A FARMÁCIA E SEUS PRODUTOS No Brasil, a venda de medicamentos é feita em estabelecimentos devidamente registrados em órgãos específicos que visam a monitorar a venda correta desses produtos,

Leia mais

Tema: Informações técnicas sobre a substituição do Depakene pelo Ácido Valpróico genérico em crises convulsivas.

Tema: Informações técnicas sobre a substituição do Depakene pelo Ácido Valpróico genérico em crises convulsivas. Data: 19/11/2012 Nota técnica18/2012 Solicitante Des. Vanessa Verdolim Hudson Andrade 1ª Câmara Cível - TJMG Medicamento Material Procedimento Cobertura x Tema: Informações técnicas sobre a substituição

Leia mais

Grupo de Maternidades Santa Joana

Grupo de Maternidades Santa Joana Eleita em 2009 a Melhor Maternidade do Brasil; 61 anos de história; Grupo de Maternidades Santa Joana Acreditação ONA (Organização Nacional de Acreditação) Nível 3; Mais de 1500 funcionários; 191 leitos;

Leia mais

As árvores transgênicas

As árvores transgênicas documento informativo - wrm Arvores Transgênicas Movimento Mundial pelas Florestas As árvores transgênicas Até agora o debate sobre os organismos geneticamente modificados- também chamados de transgênicos-

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE RESOLUÇÃO Nº 251, DE 07 DE AGOSTO DE 1997

CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE RESOLUÇÃO Nº 251, DE 07 DE AGOSTO DE 1997 CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE RESOLUÇÃO Nº 251, DE 07 DE AGOSTO DE 1997 Plenário do Conselho Nacional de Saúde em sua Décima Quinta Reunião Extraordinária, realizada no dia 05 de agosto de 1997, no uso de

Leia mais

Art. 6º O farmacêutico responsável por farmácia homeopática terá auxiliares de sua confiança.

Art. 6º O farmacêutico responsável por farmácia homeopática terá auxiliares de sua confiança. Decreto nº 57.477, de 20 de dezembro de 1965 Dispõe sobre manipulação, receituário, industrialização e venda de produtos utilizados em homeopatia e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando

Leia mais

POSICIONAMENTO DO INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA ACERCA DOS AGROTÓXICOS

POSICIONAMENTO DO INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA ACERCA DOS AGROTÓXICOS POSICIONAMENTO DO INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA ACERCA DOS AGROTÓXICOS O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), órgão do Ministério da Saúde, tem como

Leia mais

Os 1 Item(ns) da lista de documentos que não foram cumprido(s):

Os 1 Item(ns) da lista de documentos que não foram cumprido(s): Agência Nacional de Vigilância Sanitária Unidade de Atendimento e Protocolo - UNIAP Listagem de Encaminhamento de Documentação em Caráter Precário Data: 14.11.05 EMPRESA: ANCHIETA INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Leia mais

Valor Econômico 23/02/2007 Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK

Valor Econômico 23/02/2007 Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK Valor Econômico Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK Sérgio Bueno Criada pelo médico gaúcho Fernando Kreutz, de 39 anos, uma vacina terapêutica contra o câncer da próstata pode

Leia mais

Audiência Pública Senado Federal Comissão de Assuntos Econômicos Subcomissão de Marcos Regulatórios. Brasília, 1º de outubro de 2007

Audiência Pública Senado Federal Comissão de Assuntos Econômicos Subcomissão de Marcos Regulatórios. Brasília, 1º de outubro de 2007 Audiência Pública Senado Federal Comissão de Assuntos Econômicos Subcomissão de Marcos Regulatórios Brasília, 1º de outubro de 2007 A ANVISA Autarquia sob regime especial Independência administrativa e

Leia mais

Prescrição Médica. Medicina. Prática Médica. Prática Médica. Do latim ars medicina : arte da cura.

Prescrição Médica. Medicina. Prática Médica. Prática Médica. Do latim ars medicina : arte da cura. Medicina Do latim ars medicina : arte da cura. Prescrição Médica Surge de reações instintivas para aliviar a dor ou evitar a morte. Prof. Dr. Marcos Moreira Prof. Adjunto de Farmacologia, ICB/UFJF Prof.

Leia mais

RESUMO SEMANAL DO SETOR Farmoquímico e Farmacêutico EDIÇÃO 30/14

RESUMO SEMANAL DO SETOR Farmoquímico e Farmacêutico EDIÇÃO 30/14 Caso não deseje receber este periódico, basta responder o presente e-mail colocando no Assunto "SUSPENDER ENVIO". RESUMO SEMANAL DO SETOR Farmoquímico e Farmacêutico EDIÇÃO 30/14 1 LEGISLAÇÃO 1.1 Aresto

Leia mais

Controle de Qualidade de medicamentos: conceito

Controle de Qualidade de medicamentos: conceito Controle de Qualidade de medicamentos: conceito Antes dos anos 70: Determinação da quantidade de princípio ativo presente no medicamento Depois de 1977: FDA/USA: Estudo de biodisponibilidade Equivalência

Leia mais

DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO ÚNICO

DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO ÚNICO LEI N 2.232, DE 11 DE MAIO DE 1998 Institui o Sistema Municipal de Vigilância Sanitária e contém outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE QUIRINÓPOLIS APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE

Leia mais

www.saude.gov.br (Portal da saúde) Farmácia Popular do Brasil

www.saude.gov.br (Portal da saúde) Farmácia Popular do Brasil www.saude.gov.br (Portal da saúde) Farmácia Popular do Brasil O Governo Federal criou o Programa Farmácia Popular do Brasil para ampliar o acesso aos medicamentos para as doenças mais comuns entre os cidadãos.

Leia mais

Amostra grátis de remédios: ANVISA regula a produção e dispensação

Amostra grátis de remédios: ANVISA regula a produção e dispensação Amostra grátis de remédios: ANVISA regula a produção e dispensação Profª Dra Roseli Calil / DEC Enfº Adilton D. Leite / SADP A ANVISA, através da RDC (RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA da Agência Nacional

Leia mais

Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados SNGPC: Inovando na qualidade de monitoramento e controle de medicamentos no Brasil

Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados SNGPC: Inovando na qualidade de monitoramento e controle de medicamentos no Brasil SNGPC: Inovando na qualidade de monitoramento e controle de medicamentos no Brasil SNGPC Ferramenta informatizada para captura de dados e geração de informação, a cerca da prescrição, dispensação e consumo

Leia mais

Prescrição e Dispensação de Medicamentos Genéricos e Similares Destaques da Legislação Vigente

Prescrição e Dispensação de Medicamentos Genéricos e Similares Destaques da Legislação Vigente Prescrição e Dispensação de Medicamentos Genéricos e Similares Destaques da Legislação Vigente Brasília, 21 de outubro de 2013. Processo nº: 25351.584974/2013-59 Tema da Agenda Regulatória 2013/2014 nº:

Leia mais

PROPOSTAS PARA A ESTRUTURAÇÃO DA ÁREA FARMACÊUTICA EM PERNAMBUCO

PROPOSTAS PARA A ESTRUTURAÇÃO DA ÁREA FARMACÊUTICA EM PERNAMBUCO PROPOSTAS PARA A ESTRUTURAÇÃO DA ÁREA FARMACÊUTICA EM PERNAMBUCO Documento elaborado a partir das discussões do Fórum Pernambucano de Valorização da Profissão Farmacêutica RECIFE/PE, AGOSTO DE 2014 Propostas

Leia mais

PARECER CRN-3 PRESCRIÇÃO DE SUPLEMENTOS NUTRICIONAIS

PARECER CRN-3 PRESCRIÇÃO DE SUPLEMENTOS NUTRICIONAIS PARECER CRN-3 PRESCRIÇÃO DE SUPLEMENTOS NUTRICIONAIS INTRODUÇÃO O Conselho Regional de Nutricionistas da 3º Região, no cumprimento de suas atribuições de orientar e disciplinar a prática profissional dos

Leia mais

Automedicação? Nunca mais

Automedicação? Nunca mais medicamentos-ok 3/20/07 01:33 PM Page 35 MEDICAMENTOS Automedicação? Nunca mais Dona Ofélia tem 89 anos. Apesar da idade avançada, ela continua lúcida e consegue até brincar com seus bisnetos. Dona Ofélia

Leia mais

Fique atento às exigências da Legislação Eleitoral

Fique atento às exigências da Legislação Eleitoral Fique atento às exigências da Legislação Eleitoral Em respeito à Legislação Eleitoral, agentes públicos e seus colaboradores devem observar as regras sobre a suspensão de publicidade de atos, programas,

Leia mais

Quais as vantagens do Benefício Farmácia?

Quais as vantagens do Benefício Farmácia? MENSAGEM DA GSAM/AMS Cumprindo o Acordo Coletivo de Trabalho de 2007/2008, a Petrobras Distribuidora implantou o Benefício Farmácia, que prevê condições especiais na aquisição de medicamentos pelos beneficiários

Leia mais

Índice. Farmácia de Manipulação Conhecendo uma farmácia de manipulação, suas vantagens e procedimentos... 2

Índice. Farmácia de Manipulação Conhecendo uma farmácia de manipulação, suas vantagens e procedimentos... 2 1 Índice Farmácia de Manipulação Conhecendo uma farmácia de manipulação, suas vantagens e procedimentos... 2 A Empresa Informações sobre a empresa, farmacêuticas responsáveis, instalações, diferenciais

Leia mais

DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA EMISSÃO DO ALVARÁ SANITÁRIO. Área de Medicamentos e Produtos de Interesse à Saúde (AMPIS)

DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA EMISSÃO DO ALVARÁ SANITÁRIO. Área de Medicamentos e Produtos de Interesse à Saúde (AMPIS) 1 DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA EMISSÃO DO ALVARÁ SANITÁRIO Área de Medicamentos e Produtos de Interesse à Saúde (AMPIS) DROGARIAS (CONFORME LEI FEDERAL 5991/73, RESOLUÇÃO RDC ANVISA 44/09 E OUTRAS PERTINENTES)

Leia mais

CURSO DE FARMÁCIA PLANO DE CURSO

CURSO DE FARMÁCIA PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de 01.11.12, DOU de 06.11.12 Componente Curricular: Deontologia e Bioética Farmacêutica - Farmáci Código: FAR - 116 Pré-requisito: Nenhum Período

Leia mais

Definido o contexto: monitoramento pós-liberação comercial de plantas geneticamente modificadas. Paulo Augusto Vianna Barroso

Definido o contexto: monitoramento pós-liberação comercial de plantas geneticamente modificadas. Paulo Augusto Vianna Barroso Definido o contexto: monitoramento pós-liberação comercial de plantas geneticamente modificadas Paulo Augusto Vianna Barroso Experimentação com OGM Regulada pela Lei de Biossegurança (11.105/2005) Experimentação

Leia mais

Clipping de notícias. Recife, 12 de agosto de 2015.

Clipping de notícias. Recife, 12 de agosto de 2015. Clipping de notícias Recife, 12 de agosto de 2015. Recife, 12 de agosto de 2015. Recife, 12 de agosto de 2015. Recife, 11 de agosto de 2015. Recife, 12 de agosto de 2015. 12/08/2015 USO INDISCRIMINADO

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI Nº 6.821, DE 2002 (DO SENADO FEDERAL) Altera o art. 7º da Lei nº 6.360, de 23 de setembro de 1976, que dispõe sobre a vigilância sanitária a que ficam

Leia mais

Os acessos do usuário a este site e sua utilização estão sujeitos à concordância dos termos e condições abaixo.

Os acessos do usuário a este site e sua utilização estão sujeitos à concordância dos termos e condições abaixo. Termos de uso Os acessos do usuário a este site e sua utilização estão sujeitos à concordância dos termos e condições abaixo. Dos objetivos Este site foi desenvolvido pela Saiteria (http://www.saiteria.com.br/)

Leia mais

ÍNDICE - 23/09/2006 Tribuna da Imprensa (RJ)...2 País/Cidades...2 Estado de Minas (MG)...3 Nacional...3 Folha de Londrina (PR)...4 Geral...

ÍNDICE - 23/09/2006 Tribuna da Imprensa (RJ)...2 País/Cidades...2 Estado de Minas (MG)...3 Nacional...3 Folha de Londrina (PR)...4 Geral... ÍNDICE - Tribuna da Imprensa (RJ)...2 País/Cidades...2 Presos mais 3 que traficavam remédios pela internet...2 Estado de Minas (MG)...3 Nacional...3 Federais prendem 19 patrulheiros...3 Folha de Londrina

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 3.998, de 2012

PROJETO DE LEI N.º 3.998, de 2012 1 COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR PROJETO DE LEI N.º 3.998, de 2012 Altera a Lei nº 9.656, de 3 de junho de 1998, que "dispõe sobre os planos e seguros privados de assistência à saúde", para incluir os

Leia mais

Conhecimento feito por Jornalistas

Conhecimento feito por Jornalistas Conhecimento feito por Jornalistas Lugar de jornalista não é só no jornal. É nos livros também, principalmente quando eles colocam em prática sua capacidade de informar com precisão, profundidade e didatismo.

Leia mais

Minuta RELATÓRIO. 2. Sr. Pedro Ivo Sebba Ramalho - adjunto do Presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)

Minuta RELATÓRIO. 2. Sr. Pedro Ivo Sebba Ramalho - adjunto do Presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Minuta RELATÓRIO Da audiência pública com vistas a obter informações e discutir sobre a pirataria de medicamentos, realizada em 25 de fevereiro de 2010 (4ª Reunião da Comissão de Assuntos Sociais, conjunta

Leia mais

Evolução dos casos de resistência ao glifosato no Paraná

Evolução dos casos de resistência ao glifosato no Paraná Evolução dos casos de resistência ao glifosato no Paraná Capim-marmelada e leiteiro são exemplos de grandes problemas que aconteceram nas lavouras de soja no início dos anos 80. Nesta mesma década, foram

Leia mais

Fortaleza, 17 e 18 de junho de 2010.

Fortaleza, 17 e 18 de junho de 2010. Fracionamento de medicamentos para dispensadores Parcerias: Defensoria Pública do Estado do Ceará; Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA Conselho Regional de Farmácia - CRF- CE Sindicato do

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA CONJUNTA SDA/SDC/ANVISA/IBAMA Nº 1, DE 24 DE MAIO DE 2011.

INSTRUÇÃO NORMATIVA CONJUNTA SDA/SDC/ANVISA/IBAMA Nº 1, DE 24 DE MAIO DE 2011. INSTRUÇÃO NORMATIVA CONJUNTA SDA/SDC/ANVISA/IBAMA Nº 1, DE 24 DE MAIO DE 2011. O SECRETÁRIO DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO - MAPA, o SECRETÁRIO DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI Nº. 313, DE 2007. Altera a Lei n.º 9.263, de 12 de janeiro de 1996, que regula o 7º do art. 226 da Constituição Federal, que trata do planejamento

Leia mais

Missão. Visão. Quem Somos

Missão. Visão. Quem Somos Quem Somos A Monsanto foi fundada em 1901 em Saint Louis, Missouri, nos Estados Unidos, e hoje possui 404 unidades em 67 países do mundo. Estamos no Brasil desde 1963 e contamos com o trabalho e a colaboração

Leia mais

O Acordo de Madrid relativo ao Registro. Internacional de Marcas e o Protocolo. referente a este Acordo: Objetivos,

O Acordo de Madrid relativo ao Registro. Internacional de Marcas e o Protocolo. referente a este Acordo: Objetivos, O Acordo de Madrid relativo ao Registro Internacional de Marcas e o Protocolo referente a este Acordo: Objetivos, Principais Características, Vantagens Publicação OMPI N 418 (P) ISBN 92-805-1313-7 2 Índice

Leia mais

Estabelece diretrizes socioambientais relativas ao processo de crédito do Itaú Unibanco para empresas.

Estabelece diretrizes socioambientais relativas ao processo de crédito do Itaú Unibanco para empresas. RISCO SOCIOAMBIENTAL Estabelece diretrizes socioambientais relativas ao processo de crédito do Itaú Unibanco para empresas. 1. OBJETIVO Formalizar os critérios socioambientais que são adotados pelo Itaú

Leia mais

Dagoberto C.Brandão PHC Pharma Consulting A PESQUISA CLÍNICA E REGISTRO DE MEDICAMENTOS

Dagoberto C.Brandão PHC Pharma Consulting A PESQUISA CLÍNICA E REGISTRO DE MEDICAMENTOS A PESQUISA CLÍNICA E REGISTRO DE MEDICAMENTOS REGISTRO DE MEDICAMENTO A ESTRUTURA DO DOSSIÊ LEGAIS DADOS DADOS ROTULAGEM PRODUÇÃO E CONTROLE DE QUALIDADE EFICÁCIA CIA E SEGURANÇA Registro de Medicamentos

Leia mais

VIGILÂNCIA SANITÁRIA:

VIGILÂNCIA SANITÁRIA: VIGILÂNCIA SANITÁRIA: O papel da AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA (ANVISA) e a atuação em Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados (GGPAF) FELIPE BENTO JUNG Especialista em Regulação

Leia mais

8 Balanço Social. 8.1. Política de Preços Mínimos

8 Balanço Social. 8.1. Política de Preços Mínimos 8 Balanço Social Ao participar da formulação e execução de políticas para o setor agroalimentar, com o objetivo de garantir o atendimento das necessidades de sustentação da renda do produtor e de segurança

Leia mais

REGISTRO DE MEDICAMENTOS

REGISTRO DE MEDICAMENTOS REGISTRO DE MEDICAMENTOS Deborah Masano Cavaloti Manira Georges Soufia 1 Como a Anvisa avalia o registro de medicamentos novos no Brasil Brasília, 20 de janeiro de 2005 No Brasil, os medicamentos são registrados

Leia mais

Agrícola ISO 9001 OHSAS 18001 ISO 22000 ISO 14001

Agrícola ISO 9001 OHSAS 18001 ISO 22000 ISO 14001 Agrícola ISO 9001 OHSAS 18001 ISO 22000 ISO 14001 1 Tema: PREPARO REDUZIDO E PLANTIO DIRETO Local: Ribeirão Preto - SP Palestrante: Hilário 2 LOCALIZAÇÃO Latitude: 20º28 41 S UAM Longitude: 47º52 21 W

Leia mais

Conselho Nacional de Controle Interno

Conselho Nacional de Controle Interno Veículo: Site Congresso em Foco Data: 13/07/2012 Editoria: Lei de Acesso Coluna: - Página: - Só 12% das prefeituras dão atenção a transparência Uma mesma pergunta foi feita às administrações de 133 cidades

Leia mais

25/06/2015 PRODUTOS FITOSSANITÁRIOS. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Câmpus de Jaboticabal DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO. Sinonímias: Agrotóxicos

25/06/2015 PRODUTOS FITOSSANITÁRIOS. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Câmpus de Jaboticabal DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO. Sinonímias: Agrotóxicos UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Câmpus de Jaboticabal Depto. Fitossanidade Tecnologia de Aplicação Introdução Cultivo de plantas graníferas (culturas anuais) na safra 2014/15: Área de 57,21 milhões de ha

Leia mais

REQUERIMENTO N DE 2013 (dos Srs. Fernando Francischini e Willian Dib)

REQUERIMENTO N DE 2013 (dos Srs. Fernando Francischini e Willian Dib) REQUERIMENTO N DE 2013 (dos Srs. Fernando Francischini e Willian Dib) Requer a realização de Audiência Pública com os convidados que indica para discutir a negativa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Leia mais

Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes de Milho

Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes de Milho Milho e Sorgo Inovação Tecnológica e Controle de Mercado de Sementes de Milho Sete Lagoas Março 2012 Economia do Uso de Novas Tecnologias A escolha racional do agricultor: Aumento da produtividade dos

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 853, DE 2003 (Do Sr. JOSÉ DIVINO) Dispõe sobre o teor máximo permitido de Alcatrão, Nicotina e Monóxido de Carbono (CO) por cigarro produzido e consumido em todo território Nacional.

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA,

O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA, LEI Nº 12.128, de 15 de janeiro de 2002 Procedência - Governamental Natureza PL 509/01 DO- 16.826 DE 16/01/02 * Revoga Leis: 11.403/00; 11.463/00; e 11.700/01 * Ver Lei Federal 8.974/95 Fonte ALESC/Div.Documentação

Leia mais

COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO

COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO PROJETO DE LEI N o 1.143, DE 2011 Proíbe a comercialização de produtos ópticos na condição que menciona. Autor: Deputado ARNALDO FARIA DE SÁ

Leia mais

PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA

PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS LABORATÓRIO DE TECNOLOGIA DOS MEDICAMENTOS PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA Prof. Pedro Rolim PANORAMA

Leia mais

RECOMENDAÇÃO Nº 02/2012 CGMP

RECOMENDAÇÃO Nº 02/2012 CGMP MINISTÉRIO PÚBLICO DA PARAÍBA PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CORREGEDORIA-GERAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RECOMENDAÇÃO Nº 02/2012 CGMP Recomenda aos Promotores de Justiça com atuação na área da proteção ao

Leia mais

A Dra. Giovanna Dimitrov possui mais de 22 anos de formada e vivência na área farmacêutica, onde o curso de Farmácia foi o primeiro passo para sua

A Dra. Giovanna Dimitrov possui mais de 22 anos de formada e vivência na área farmacêutica, onde o curso de Farmácia foi o primeiro passo para sua A Dra. Giovanna Dimitrov possui mais de 22 anos de formada e vivência na área farmacêutica, onde o curso de Farmácia foi o primeiro passo para sua carreira. Cursos como: Marketing, Merchandising aplicado,

Leia mais

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Código de Conduta de Negócios e Ética ECOLOGY BRASIL 1. Princípios Gerais O propósito deste Código é descrever os nossos padrões de ética de conduta de negócios.

Leia mais

1 O servidor somente poderá receber um adicional ou gratificação de que trata esta Orientação Normativa.

1 O servidor somente poderá receber um adicional ou gratificação de que trata esta Orientação Normativa. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão SECRETARIA DE RECURSOS HUMANOS ORIENTAÇÃO NORMATIVA Nº 2, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2010. Estabelece orientação sobre a concessão dos adicionais de insalubridade,

Leia mais

Programação para 2011

Programação para 2011 Visadoc Assessoria em Vigilância Sanitária e Regulatória Curso de Assuntos Regulatórios e Registro de Produtos - Aplicados à Vigilância Sanitária Por que participar? O Curso de Assuntos Regulatórios e

Leia mais