LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO GRRF. Manual de Especificação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO GRRF. Manual de Especificação"

Transcrição

1 Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS GRRF LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO GRRF Manual de Especificação Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 1

2 INTRODUÇÃO Sobre a GRRF A Lei 9491/97, de 09 de setembro de 1997, estabeleceu ao empregador o recolhimento na conta vinculada do trabalhador do FGTS devido sobre a remuneração do mês anterior à rescisão, do mês da rescisão, do aviso prévio indenizado, inclusive o valor da multa rescisória quando de demissão sem justa causa ou culpa recíproca. O Recolhimento rescisório atualmente é realizado por meio do formulário Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS e da Contribuição Social - GRFC, sendo que o mesmo é de preenchimento manual pelo empregador. Como forma de tornar essa obrigação do empregador menos onerosa, a CAIXA, na qualidade de Agente Operador do FGTS, disponibiliza, para utilização a partir de novembro de 2006, um sistema que permite a geração da Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS - GRRF, de forma eletrônica e segura que será disponibilizada após a transmissão das informações dos trabalhadores constantes do recolhimento, por meio do Conectividade Social. Esse sistema denominado Aplicativo Cliente da GRRF irá trabalhar com a utilização de informações geradas a partir da folha de pagamento do empregador, conforme o leiaute descritivo a seguir. O presente leiaute destina-se às empresas desenvolvedoras de aplicação de Folhas de Pagamento e para aquelas que utilizam suas próprias aplicações para que sejam efetuadas as devidas adaptações em seus sistemas com vistas a gerar o arquivo para validação pelo aplicativo GRRF. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 2

3 Formato Obrigatório do Arquivo de Entrada Antes de realizar a validação do registro do arquivo de entrada de dados, a pessoa responsável pela carga do arquivo deverá verificar se os registros estão organizados segundo os critérios hierárquicos definidos e se os mesmos possuem o tamanho pré-estabelecido de 360 bytes cada. Esta seção apresenta o tipo de registro utilizado, a sua descrição e situação, a fim de que você possa obter todas as informações pertinentes quanto aos procedimentos necessários para efetuar a formatação obrigatória para o arquivo de folha de pagamento do GRRF. Cada registro possui o tamanho fixo de 360 bytes. As duas primeiras posições de cada registro representam o Tipo de Registro que pode assumir diferentes valores, conforme a tabela apresentada a seguir. O arquivo gerado deve chamar-se GRRF.RE e deverá estar no formato ASCII. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 3

4 ALTERAÇÕES VERSÃO ANTERIOR Exclusão da crítica quanto à obrigatoriedade de preenchimento do CNAE quando empregado doméstico FPAS 868 Retirada da crítica obrigatória do CNAE Fiscal da Empresa ser Campo 14 - Registro 10 Retirada da crítica quanto ao preenchimento do campo Data Início Aviso Prévio Campo 22 Registro 40 e quando do preenchimento, inserção da crítica data válida, devendo ser maior que a data de admissão e menor que a data de movimentação Retirada da crítica quanto ao prazo máximo de 30 dias para Aviso Prévio Trabalhado Exclusão da obrigatoriedade de informação de saldo rescisório podendo ser preenchido com R$ 0,00 (zero) ou permanecer sem preenchimento Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 4

5 HIERARQUIA DOS REGISTROS Tipo do Descrição Situação Registro 00 Informações do responsável (header do Obrigatório. arquivo). 1 por arquivo. 10 Informações da empresa (header da empresa). Obrigatório. Pelo menos 1 por 00 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa). 40 Registro de Recolhimento Rescisório do Trabalhador. Obrigatório. Deve estar associado a um registro tipo 10 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). 41 Informações Complementares Informações Financeiras do TRCT 42 Informações Complementares Informações Financeiras do TRCT (continuação) 43 Informações Complementares Competências não recolhidas Registro opcional, na hierarquia do arquivo. Se existir, deve ter correspondência com um registro tipo 40 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). Este registro será implementado futuramente e somente deverão ser utilizados quando autorizados pela CAIXA. Registro opcional, na hierarquia do arquivo. Se existir, deve ter correspondência com um registro tipo 41 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). Este registro será implementado futuramente e somente deverão ser utilizados quando autorizados pela CAIXA. Registro opcional, na hierarquia do arquivo. Deve estar associado a um registro tipo 40 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). Não deve ser informado quando tratar-se de recolhimento de dissídio. Pode haver 0, 1 ou N registros tipo 43, para a mesma chave. 44 Informações Complementares Competências recolhidas e não processadas 45 Informações Complementares Competências recolhidas e não individualizadas Registro opcional, na hierarquia do arquivo. Deve estar associado a um registro tipo 40 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). Não deve ser informado quando tratar-se de recolhimento de dissídio. Pode haver 0, 1 ou N registros tipo 44, para a mesma chave. Registro opcional, na hierarquia do arquivo. Deve estar associado a um registro tipo 40 (chave: Tipo de Inscrição + Inscrição da Empresa + PIS/PASEP/CI + Data Admissão + categoria). Não deve ser informado quando tratar-se de recolhimento de dissídio. Pode haver 0, 1 ou N registros tipo 45, para a mesma chave. 90 Registro Trailler Obrigatório. 1 por arquivo. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 5

6 Classificando o arquivo GRRF.RE O Arquivo GRRF.RE deve estar classificado de acordo com a descrição abaixo: Registros 10 classificar por inscrição da empresa (campos 2 e 3); Registros 40 a 45 classificar por PIS/PASEP, data de admissão e categoria do trabalhador (campos 06, 07 e 08) Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 6

7 Validando os registros de entrada Neste capítulo você obterá as informações necessárias para efetuar a validação de seu arquivo de folha de pagamento. Observações: Os campos que possuírem (*) após o nome fazem parte da chave de indexação do registro. Os campos que tiverem o nome em negrito indicam que o seu conteúdo é obrigatório. Na coluna Tipo, utilizamos as seguintes siglas: A: Alfabético NA: Alfanumérico N: Numérico V: Valor D: Data Sempre que existir um campo texto, alfabético ou alfanumérico, o mesmo deverá ser alinhado à esquerda e preenchido com brancos à direita. Caso não seja informado, deverá ser totalmente preenchido com brancos. Sempre que existir um campo de valor, o mesmo deverá ser alinhado à direita e preenchido com zeros à esquerda. Caso não seja informado, deverá ser totalmente preenchido com zeros. Sempre que existir um campo numérico, o mesmo deverá ser alinhado à direita e preenchido com zeros à esquerda. Caso não seja informado, deverá ser totalmente preenchido com zeros. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações 7

8 REGISTRO TIPO 00 Informações do Responsável (Header do arquivo) Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1. Tipo de Registro (*) N Campo obrigatório. Sempre Brancos (*) AN Campo obrigatório. Preencher com brancos. 3 Tipo de Remessa N Campo obrigatório. Só pode ser 2 (GRRF ), 4 (Comunicar movimentação). 5 (CSE-Extrato Rescisório), 6 (Emissão do TRCT), 7 (Simular cálculo GRRF). As opções 4, 5, 6 e 7 serão implementadas futuramente e somente deverão ser utilizadas quando autorizadas pela CAIXA. 4. Tipo de Inscrição Responsável N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI) 5. Inscrição do Responsável N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 6. Nome Responsável (Razão Social) AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Pode conter apenas caracteres de A a Z e números de 0 a Nome Pessoa Contato A Campo obrigatório. Νão pode conter número. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Pode conter apenas caracteres de A a Z. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 00 8

9 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 8. Logradouro, rua, nº, andar, apartamento AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a Bairro AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a CEP N Campo obrigatório. Número de CEP válido. Permitido apenas, números diferentes de , , ou Cidade AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a Unidade da Federação A Campo obrigatório. Deve constar da tabela de unidades da federação. 13. Telefone Contato N Campo obrigatório. Deve conter no mínimo 02 dígitos válidos no DDD e 07 dígitos no telefone. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 00 9

10 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 14. Endereço INTERNET Contato AN Campo opcional. Endereço INTERNET válido. 15. Data Recolhimento GRRF D Campo Obrigatório Data válida Informar a data em que se pretende efetuar o pagamento das guias rescisória. Deve estar dentro do período de vigência do edital (Tabela de Índices do FGTS) carregado. 16. Brancos AN Preencher com brancos. 17. Final de Linha AN Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 00 10

11 REGISTRO TIPO 10 Informações da Empresa (Header da empresa ) Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1. Tipo de Registro (*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição - Empresa (*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). Para empregador doméstico (FPAS 868) só pode acatar CEI. 3. Inscrição da Empresa (*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. Para empregador doméstico (FPAS 868) só pode acatar CEI. 4. Zeros (*) N Campo obrigatório. Preencher com zeros. 5. Nome Empresa/ Razão Social 6. Logradouro, rua, nº, andar, apartamento AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a 9. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de EspecificaçõesJUNHOI/2007 REGISTRO 10 11

12 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 7. Bairro AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a CEP N Campo obrigatório. Número de CEP válido. Permitido, apenas, números diferentes de , , ou Cidade AN Campo obrigatório. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Permitido apenas caracteres de A a Z e números de 0 a Unidade da Federação A Campo obrigatório. Deve existir na tabela de unidades da federação. 11. Telefone N Campo obrigatório. Deve conter no mínimo 02 dígitos válidos no DDD e 07 dígitos no telefone. 12. CNAE FISCAL N Campo obrigatório. Número válido de CNAE FISCAL.. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de EspecificaçõesJUNHOI/2007 REGISTRO 10 12

13 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 13. SIMPLES (Para indicar se o empregador é microempresa ou empresa de pequeno porte que optou pelo recolhimento do imposto simplificado e para determinar a empresa isenção da Contribuição Social). 14. FPAS (Informar o código referente à atividade econômica principal da empresa que identifica as contribuições ao Fundo de Previdência e Assistência Social e a terceiros) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 - Não Optante; 2 Optante; 3 Optante - faturamento anual superior a R$ ,00 ; 4 Não Optante - Produtor Rural Pessoa Física (CEI e FPAS 604 ) com faturamento anual superior a R$ ,00. 5 Não Optante Empresa com Liminar para não recolhimento da Contribuição Social Lei Complementar 110/01, de 26/06/ Optante - faturamento anual superior a R$ ,00 - Empresa com Liminar para não recolhimento da Contribuição Social Lei Complementar 110/01, de 26/06/2001. Deve sempre ser igual a 1ou 5 para FPAS 582 e 639. Deve sempre ser igual a 1 para o FPAS 868 (empregador Doméstico). Somente poderá informar simples igual a 4 para FPAS 604 e o Tipo de Inscrição da Empresa "CEI" N Campo obrigatório. Deve ser um FPAS válido. Para empregador doméstico deve ser igual a 868 e: Tipo de Inscrição da Empresa deve ser CEI. 15. Brancos AN Campo obrigatório. Preencher com brancos. 16. Final de Linha AN Campo obrigatório. Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de EspecificaçõesJUNHOI/2007 REGISTRO 10 13

14 REGISTRO TIPO 40 Registro de Recolhimento Rescisório do Trabalhador Permitido apenas para as categorias de trabalhador 01, 02, 03, 04, 05, 06 e 07. (Categoria 02 será implementada futuramente e somente deverá ser utilizada quando autorizada pela CAIXA). Permitido apenas para as movimentações I1, I2, I3, I4, H, J, L ou M (Movimentações U1, U2 e U3, H, J e M serão implementadas futuramente e somente deverão ser utilizadas quando autorizadas pela CAIXA). Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1. Tipo de Registro (*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição Empresa (*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3. Inscrição da Empresa (*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 4. Tipo de Inscrição-Tomador/ Obra Const. Civil 5. Inscrição Tomador/Obra Const. Civil (Destinado à informação da inscrição da empresa tomadora de serviço nos recolhimentos de prestação de serviços, obra de construção civil e dirigente sindical) N Campo opcional. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). Se não informado preencher o campo com zeros N Campo opcional. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. Se não informado preencher o campo com zeros 6. PIS/PASEP (*) N Campo obrigatório. Número de PIS/PASEP válido. 7. Data Admissão (*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual à data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador 07. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 14

15 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 8. Categoria Trabalhador (*) (Código deve estar contido na N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 05, 06 ou 07. tabela Categoria do 02 somente para tipo de remessa igual a 4 ou 5. Trabalhador indicada ao final 06 somente para Tipo de Inscrição igual a CEI. deste Manual). 06 somente para FPAS igual a Nome Trabalhador A Campo obrigatório. Não pode conter número. Não pode conter caracteres especiais. Não pode haver caracteres acentuados. Não é permitido mais de um espaço entre os nomes. Não é permitido três ou mais caracteres iguais consecutivos. A primeira posição não pode ser branco. Pode conter apenas caracteres de A a Z. 10. Número CTPS N Campo obrigatório para as categorias 01, 03, 04, 06 e 07. Não deverá ser informado para categoria 05. Não deve ser todo composto pelo mesmo digito. 11. Série CTPS N Campo obrigatório para as categorias 01, 03, 04, 06 e 07. Não deverá ser informado para categoria 05. Não deve ser todo composto pelo mesmo digito. 12. Sexo N Campo Obrigatório Só pode ser : 1 Masculino 2 Feminino Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 15

16 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 13. Grau de Instrução N Campo obrigatório Só pode ser: 01 Analfabeto 02 Até 4ª série incompleta do 1º grau 03 4ª série completa do 1º grau 04 5ª a 8ª série incompleta do 1º grau 05 1º grau completo 06 2º grau incompleto 07 2º grau completo 08 Superior Incompleto 09 Superior Completo 10 Pós-Graduação/Especialização 11 Mestrado 12 Doutorado 13 Pós-Doutorado 14. Data de Nascimento D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor que a data de admissão. Deve ser maior a 01/01/ Quantidade de Horas trabalhadas por semana N Campo Obrigatório 16. CBO - Código Brasileiro de Ocupação AN Campo Obrigatório. Utilizar os quatro primeiros dígitos do grupo Família do novo CBO, acrescentando zeros a esquerda.(00 + XXXX onde XXXX é o código da família do novo CBO a qual pertence o trabalhador). Deve ser igual a para categoria 06 (empregado doméstico). Não deverá ser igual a para categoria diferente de 06 (empregado doméstico). Código família deve estar contido na tabela do novo CBO. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 16

17 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 17. Data de Opção (Indicar a data em que o trabalhador optou pelo FGTS) D Campo obrigatório. Formato DDMMAAAA. Deve ser maior ou igual que a data de admissão. Deve ser menor ou igual que a data de movimentação. Deve ser maior ou igual que a data de admissão e limitada a 05/10/1988 quando a data de admissão for menor que 05/10/1988. Deve ser igual a admissão quando a data de admissão for maior ou igual a 05/10/1988. Não pode ser menor que 01/01/1967. Para a categoria 06 deve ser maior ou igual a 01/03/2000. Para as categorias 01 e 03 deve ser maior ou igual a 01/01/1967. Para a categoria 05 deve ser maior ou igual a 02/06/ Código de Movimentação AN Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. Acatar somente I1, I2, I3, I4 ou L. Não pode acatar código de movimentação I4 para categoria diferente de 06. Não pode acatar código de movimentação I1 para categoria 06. Acatar H, J ou M se tipo de remessa igual a 4. S1, S2, U1, U2 e U3, H, J ou M para implementação futura. 19. Data de Movimentação D Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. Formato DDMMAAAA.. Deve ser uma data válida, considerando como data de afastamento o dia imediatamente anterior ao efetivo afastamento. Não deverá ser menor que 16/02/ Código de Saque AN Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. Só pode ser 01, 02, 03 ou 04 (06, 05 e 05A implementação futura). Para tipo de remessa igual a 2, aceitar 01,02, 03, 04. Se código de movimentação = H, J ou M, este campo deve ficar em branco. Campo deve ser alinhado à esquerda. 21. Aviso Prévio N Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. 1 Trabalhado; 2 Indenizado. 3 Ausência/dispensa Deverá ser preenchido com 1 ou 3 para Código de Movimentação I3. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 17

18 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 22. Data Início do Aviso Prévio D Campo obrigatório se campo Aviso Prévio igual a 1 ou 3. Formato DDMMAAAA. Deve ser maior ou igual a data de Admissão e menor ou igual a data de Movimentação. Não deve ser preenchido se Aviso Prévio for igual a 2 Indenizado. 23. Reposição de Vaga A Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. Só pode ser: S Sim ( haverá reposição da vaga) N Não ( A vaga não será reposta) 24. Data da Homologação Dissídio Coletivo AN Campo Opcional. Deve ser uma data válida. Formato DDMMAAAA 25. Valor Dissídio V Campo obrigatório se o campo Data da Homologação do Dissídio estiver preenchido. Informar o valor do FGTS referente ao dissídio. 26. Remuneração mês anterior a rescisão (se não recolhido) Destinado à informação da remuneração + 13ª salário paga, devida ou creditada ao trabalhador no mês anterior ao da competência. 27. Remuneração - mês da rescisão (Destinado à informação da remuneração + 13ª salário paga, devida ou creditada ao trabalhador no mês da rescisão.) V Campo opcional. Não deve ser preenchido se campo Data da Homologação do Dissídio estiver preenchido. Não deve ser preenchido se a Data de Admissão e a Data de Movimentação estiverem no mesmo mês V Campo opcional. Não deve ser preenchido se campo Data da Homologação do Dissídio estiver preenchido. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 18

19 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 28 Aviso Prévio Indenizado - (Destinado à informação da remuneração + 13ª Salário devido ao trabalhador, a título de aviso prévio indenizado.) 29. Indicativo Pensão Alimentícia 30. Percentual de Pensão Alimentícia V Campo obrigatório se aviso prévio for igual a 2 Indenizado. Se informado deve ter 2 casas decimais válidas. Não deve ser preenchido se Aviso Prévio for igual a 1 Trabalhado, 3 Ausência/Dispensa A Campo obrigatório, exceto para tipo de remessa igual a 5. Deve ser igual a N (Não existe Pensão Alimentícia) ou P (Percentual da Pensão Alimentícia) ou V (Valor da Pensão Alimentícia) V Campo obrigatório se Indicativo de Pensão = P (Percentual). Se Indicativo de Pensão = N (Não) ou V (Valor), este campo deve ser preenchido com zeros. 31. Valor de Pensão Alimentícia V Campo obrigatório se Indicativo de Pensão = V (Valor). Se Indicativo de Pensão = N (Não) ou P (Percentual), este campo deve ser preenchido com zeros. 32 CPF N Campo opcional. Informar o CPF do trabalhador. 33 Banco da conta do trabalhador 34 Agência da conta do trabalhador 35 Número da conta bancária do trabalhador N Campo Opcional. Número identificador da Instituição bancária aonde o trabalhador possui conta bancária N Campo Opcional. Número identificador da agência bancária no banco informado no campo anterior, sem o dígito verificador N Campo Opcional. Número identificador da conta bancária do trabalhador. Para os casos de Dígito verificador com caracter alfa, informar 0(zero) para este. 36 Saldo para Fins Rescisórios N Campo Opcional. Valor do saldo para fins rescisórios informado pela empresa que será base de cálculo da multa rescisória. Esse campo deverá ser preenchido com zeros quando informado valor no campo Valor Dissídio. 37 Brancos AN Campo obrigatório. Preencher com brancos. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/ REGISTRO 40

20 38. Final de Linha AN Campo obrigatório. Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO Manual de Especificações JUNHO/2007 REGISTRO 40 20

21 REGISTRO TIPO 41 Informações Complementares Informações financeiras do TRCT. Se informado, deve estar vinculado a um registro tipo 40. Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1 Tipo de registro(*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição da empresa(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3 Inscrição da Empresa(*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 4. Tipo de Inscrição-Tomador/ Obra Const. Civil(*) 5. Inscrição Tomador/Obra Const. Civil (*) (Destinado à informação da inscrição da empresa tomadora de serviço nos recolhimentos de prestação de serviços, obra de construção civil e dirigente sindical) N Campo opcional. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI) N Campo opcional. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 6 PIS/PASEP/CI(*) N Campo obrigatório. 7 Data de Admissão(*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual a data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador Categoria(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 05, 06 ou Dias trabalhados com N Campo opcional direito a Saldo de salário 10 Saldo de salário Valor V Campo opcional. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 41 21

22 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 11 13º Salário ( /12 avos) N Campo opcional 12 13º Salário - Valor V Campo opcional º Salário indenizado ( /12 avos) N Campo opcional 14 13º Salário indenizado Valor V Campo opcional. 15 Férias Vencidas Valor V Campo opcional. 16 Férias Proporcionais ( / N Campo opcional avos) 17 Férias Proporcionais - Valor V Campo opcional. 18 1/3 salário - Férias V Campo opcional. 19 Salário-família - Dias N Campo opcional Informar a quantidade de dias levados em consideração para o cálculo do salário-família. 20 Salário-família - Valor V Campo opcional. 21 Adicional noturno - Valor V Campo opcional. 22 Comissões Valor V Campo opcional. 23 Gratificações Valor V Campo opcional. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 41 22

23 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 24 Horas extras - Quantidade N Campo Opcional Informar a quantidade de horas extras realizadas 25 Horas Extras - Valor V Campo opcional. 26 Adicional de insalubridade/periculosidad e Valor V Campo opcional. 27 Dedução Previdência V Campo opcional. 28 Dedução 13 º salário Previdência V Campo opcional. 29 Dedução Adiantamentos V Campo opcional. 30 Dedução Imposto de Renda IRRF V Campo opcional. 31 Branco AN Preencher com brancos 32 Final de linha AN Campo obrigatório Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 41 23

24 REGISTRO TIPO 42 Informações Complementares Informações financeiras do TRCT (Continuação). Se informado, deve estar vinculado a um registro tipo 41. Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1 Tipo de registro(*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição da empresa(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3 Inscrição da Empresa(*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 4. Tipo de Inscrição-Tomador/ Obra Const. Civil(*) N Campo opcional. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 5. Inscrição Tomador/Obra Const. Civil (*) (Destinado à informação da inscrição da empresa tomadora de serviço nos recolhimentos de prestação de serviços, obra de construção civil e dirigente sindical) N Campo opcional. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 6 PIS/PASEP/CI(*) N Campo obrigatório. 7 Data de Admissão(*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual a data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador Categoria(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 05, 06 ou Outros Créditos AN Campo opcional Informar o tipo de crédito a que se refere o campo 10 Outros Créditos Valor N Campo opcional. 11 Outros Créditos AN Campo opcional Informar o tipo de crédito a que se refere o campo Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 42 24

25 12 Outros Créditos Valor N Campo opcional. 13 Outros Créditos AN Campo opcional Informar o tipo de crédito a que se refere o campo 14 Outros Créditos Valor N Campo opcional. 15 Outros Créditos AN Campo opcional Informar o tipo de crédito a que se refere o campo 16 Outros Créditos Valor N Campo opcional. 17 Outras deduções AN Campo opcional Informar o tipo de dedução a que se refere o campo 18 Outras deduções Valor N Campo opcional. 19 Outras deduções AN Campo opcional Informar o tipo de dedução a que se refere o campo 20 Outras deduções Valor N Campo opcional. 21 Outras deduções AN Campo opcional Informar o tipo de dedução a que se refere o campo 22 Outras deduções Valor N Campo opcional. 23 Brancos Preencher com brancos 24 Final de linha Campo obrigatório Deve ser uma constante * para marcar fim de linha Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 42 25

26 REGISTRO TIPO 43 Informações Complementares Competências não recolhidas Este registro não deve ser informado para recolhimento de dissídio, código de movimentação I3 e categoria do trabalhador 05. Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1 Tipo de registro(*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição da empresa(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3 Inscrição da Empresa(*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 4. Campo Destinado a zeros(*) N Campo Obrigatório Preencher com zeros 5 PIS/PASEP/CI(*) N Campo obrigatório. Número de PIS/PASEP válido. 6 Data de Admissão(*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual a data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador Categoria(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 06 ou Competência D Campo obrigatório 9 Valor V Campo obrigatório. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 43 26

27 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 10 Competência D Campo opcional 11 Valor V Campo opcional. 12 Competência D Campo opcional 13 Valor V Campo opcional. 14 Competência D Campo opcional 15 Valor V Campo opcional. 16 Competência D Campo opcional 17 Valor V Campo opcional. 18 Competência D Campo opcional Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 43 27

28 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 19 Valor V Campo opcional. 20 Competência D Campo opcional 21 Valor V Campo opcional. 22 Competência D Campo opcional 23 Valor V Campo opcional. 24 Competência D Campo opcional 25 Valor V Campo opcional. 26 Competência D Campo opcional 27 Valor V Campo opcional. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 43 28

29 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 28 Competência D Campo opcional 29 Valor V Campo opcional. 30 Competência D Campo opcional 31 Valor V Campo opcional. 32 Competência D Campo opcional 33 Valor V Campo opcional. 34 Competência D Campo opcional 35 Valor V Campo opcional. 36 Branco AN Preencher com brancos 37 Final de linha AN Campo obrigatório Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 43 29

30 REGISTRO TIPO 44 Informações Complementares Competências recolhidas e não processadas Este registro não deve ser informado para recolhimento de dissídio, código de movimentação I3 e categoria do trabalhador 05. Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1 Tipo de registro(*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição da empresa(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3 Inscrição da Empresa(*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido Campo Destinado a zeros(*) N Campo Obrigatório Preencher com zeros 6 PIS/PASEP/CI(*) N Campo obrigatório. Número de PIS/PASEP válido. 7 Data de Admissão(*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual a data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador Categoria(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 06 ou Competência D Campo obrigatório 10 Valor V Campo obrigatório. 11 Competência D Campo opcional Leiaute de Folha de Pagamento VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 44 30

31 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 12 Valor V Campo opcional. 13 Competência D Campo opcional 14 Valor V Campo opcional. 15 Competência D Campo opcional 16 Valor V Campo opcional. 17 Competência D Campo opcional 18 Valor V Campo opcional. 19 Competência D Campo opcional 20 Valor V Campo opcional. Leiaute de Folha de Pagamento VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 44 31

32 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 21 Competência D Campo opcional 22 Valor V Campo opcional. 23 Competência D Campo opcional O MM/AAAA da competência não deverá ser anterior à Data de Opção. O MM/AAAA da competência não deverá ser posterior à Data de Movimentação. 24 Valor V Campo opcional. 25 Competência D Campo opcional 26 Valor V Campo opcional. 27 Competência D Campo opcional 28 Valor V Campo opcional. 29 Competência D Campo opcional Leiaute de Folha de Pagamento VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 44 32

33 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 30 Valor V Campo opcional. 31 Competência D Campo opcional 32 Valor V Campo opcional. 33 Competência D Campo opcional 34 Valor V Campo opcional. 35 Competência D Campo opcional 36 Valor V Campo opcional. 37 Brancos AN Preencher com brancos. 38 Final de linha AN Campo obrigatório Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 44 33

34 REGISTRO TIPO 45 Informações Complementares Competências recolhidas e não individualizadas. Este registro não deve ser informado para recolhimento de dissídio, código de movimentação I3 e categoria do trabalhador 05. Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1 Tipo de registro(*) N Campo obrigatório. Sempre Tipo de Inscrição da empresa(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 1 (CNPJ) ou 2 (CEI). 3 Inscrição da Empresa(*) N Campo obrigatório. Se Tipo Inscrição = 1, então número esperado CNPJ válido. Se Tipo Inscrição = 2, então número esperado CEI válido. 4. Campo Destinado a zeros(*) N Campo Obrigatório Preencher com zeros 6 PIS/PASEP/CI(*) N Campo obrigatório. Número de PIS/PASEP válido. 7 Data de Admissão(*) D Formato DDMMAAAA. Campo obrigatório. Deve ser menor ou igual a data de competência informada. Deve ser maior ou igual a 22/01/1998, para a categoria de trabalhador 04. Deve ser maior ou igual a 20/12/2000, para a categoria de trabalhador Categoria(*) N Campo obrigatório. Só pode ser 01, 03, 04, 06 ou Competência D Campo obrigatório 10 Valor V Campo obrigatório. 11 Competência D Campo opcional Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 45 34

35 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 12 Valor V Campo opcional. 13 Competência D Campo opcional 14 Valor V Campo opcional. 15 Competência D Campo opcional 16 Valor V Campo opcional. 17 Competência D Campo opcional 18 Valor V Campo opcional. 19 Competência D Campo opcional 20 Valor V Campo opcional. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 45 35

36 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 21 Competência D Campo opcional 22 Valor V Campo opcional. 23 Competência D Campo opcional 24 Valor V Campo opcional. 25 Competência D Campo opcional 26 Valor V Campo opcional. 27 Competência D Campo opcional 28 Valor V Campo opcional. 29 Competência D Campo opcional Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 45 36

37 Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 30 Valor V Campo opcional. 31 Competência D Campo opcional 32 Valor V Campo opcional. 33 Competência D Campo opcional 34 Valor V Campo opcional. 35 Competência D Campo opcional 36 Valor V Campo opcional. 37 Brancos Preencher com brancos. 38 Final de linha AN Campo obrigatório Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 45 37

38 REGISTRO TIPO 90 Registro Trailler Nome do Campo De Até Tam. Tipo Crítica 1. Tipo de Registro (*) N Campo obrigatório. Sempre Marca de Final de Registro (*) AN Campo obrigatório. De 3 a 53 deve ser Brancos AN Campo obrigatório. Preencher com brancos. 4. Final de Linha AN Campo obrigatório. Deve ser uma constante * para marcar fim de linha. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/2007 REGISTRO 90 38

39 Tabelas A seguir, você encontra algumas tabelas utilizadas pela GRRF, as quais poderão ser úteis quando da geração do arquivo de folha de pagamento. Tabela de Categorias de Trabalhador Cód. Categoria 01 Empregado; 02 Trabalhador Avulso 03 Trabalhador não vinculado ao RGPS, mas com direito ao FGTS; 04 Empregado sob contrato de trabalho por prazo determinado (Lei n 9.601/98); 05 Diretor não-empregado beneficiário do FGTS 06 Empregado Doméstico; 07 Menor Aprendiz ( Lei /2000); Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/

40 Tabela de Código de Movimentação Cód Situação I1 Rescisão, sem justa causa, por iniciativa do empregador; I2 Rescisão por culpa recíproca ou força maior; I3 Rescisão por término do contrato a termo; I4 Rescisão, sem justa causa, do contrato de trabalho do empregado doméstico, por iniciativa do empregador ; H Rescisão, com justa causa, por iniciativa do empregador; J Rescisão do contrato de trabalho por iniciativa do empregado; L Outros motivos de rescisão do contrato de trabalho; M Mudança de regime jurídico. Leiaute de Folha de Pagamento GRRF VERSÃO 2.0 Manual de Especificações MAI/

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema:

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema: Manual de Preenchimento Aplicativo Cliente - GRRF Versão 2.0.2 APRESENTAÇÃO O Sistema GRRF Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS foi elaborado com o propósito de agilizar o processamento dos recolhimentos

Leia mais

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2015 REGISTRO TIPO-0

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2015 REGISTRO TIPO-0 RAIS - CARTELA ANO-BASE 2015 REGISTRO TIPO-0 007 a 020 14 Número Inscrição CNPJ/CEI do 1º estabelecimento do arquivo 021 a 022 02 Alfanum Prefixo do 1º estabelecimento do arquivo 023 a 023 01 Número Tipo

Leia mais

Problemas ao gerar SEFIP x Soluções

Problemas ao gerar SEFIP x Soluções Problemas ao gerar SEFIP x Soluções 1. Orientações cadastrais... 3 1.1. Empresas usuárias... 3 1.2. Departamentos... 3 1.2.1. SEFIP com o código 115 ou 905... 3 1.2.2. SEFIP com o código 150 ou 907...

Leia mais

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato

Leia mais

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial ANEXO I TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE

Leia mais

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0 RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0 007 a 020 14 Número Inscrição CNPJ/CEI do 1º estabelecimento do arquivo 021 a 022 02 Alfanum Prefixo do 1º estabelecimento do arquivo 023 a 023 01 Número Tipo

Leia mais

REST LAYOUT TÉCNICO ARQUIVO REMESSA

REST LAYOUT TÉCNICO ARQUIVO REMESSA REST LAYOUT TÉCNICO ARQUIVO REMESSA Versão: 2.9.6 ABRIL/2010 CARACTERÍSTICAS DOS ARQUIVOS NOTAS PRELIMINARES Tamanho de cada registro - 245 bytes Campos Numéricos - Alinhar a direita, zeros à esquerda

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR DISCRIMINAÇÃO DAS VERBAS RESCISÓRIAS [C]

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR DISCRIMINAÇÃO DAS VERBAS RESCISÓRIAS [C] TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 03.965.584/0015.23 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) Avenida Presidente Kennedy, 4400 05 Município Olinda

Leia mais

II - Termo de Homologação sem ressalvas - Anexo III; e. III - Termo de Homologação com ressalvas - Anexo IV.

II - Termo de Homologação sem ressalvas - Anexo III; e. III - Termo de Homologação com ressalvas - Anexo IV. PORTARIA N o 1621 DE 14 DE JULHO DE 2010 Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe

Leia mais

SISPAG - SISTEMA DE CONTAS A PAGAR ITAÚ

SISPAG - SISTEMA DE CONTAS A PAGAR ITAÚ SISPAG - SISTEMA DE CONTAS A PAGAR ITAÚ Intercâmbio Eletrônico de Arquivos Layout de Arquivos CNAB - Versão 080 Índice 1. Noções Básicas... 3 2. Informações Técnicas... 6 2.1 Intercâmbio de Informações...

Leia mais

LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO. Manual de Especificação

LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO. Manual de Especificação Sistema Empresa de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social - SEFIP LEIAUTE DE FOLHA DE PAGAMENTO Manual de Especificação - 1 - ÍNDICE INTRODUÇÃO Sobre o SEFIP 03 Base de Incidência 04 Requisitos

Leia mais

1.1 - COMPETÊNCIA Informar, no formato MM/AAAA, o mês/ano a que se referem as informações à Previdência Social e o recolhimento ao FGTS.

1.1 - COMPETÊNCIA Informar, no formato MM/AAAA, o mês/ano a que se referem as informações à Previdência Social e o recolhimento ao FGTS. 1.1 - COMPETÊNCIA Informar, no formato MM/AAAA, o mês/ano a que se referem as informações à Previdência Social e o recolhimento ao FGTS. NOTAS: 1. Para o FGTS, a competência deve ser igual ou posterior

Leia mais

Sefinnet Versão 3.00.0001-2011. Arquivo de Importação SefinNet

Sefinnet Versão 3.00.0001-2011. Arquivo de Importação SefinNet Sefinnet Versão 3.00.0001-2011 Arquivo de Importação SefinNet Abaixo estão as instruções para geração do arquivo de importação de dados do SefinNet. O objetivo do layout é auxiliar os desenvolvedores de

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE 09 CNPJ/CEI

Leia mais

HISTÓRICO DAS VERSÕES DO SEFIP E DAS TABELAS AUXILIARES DO INSS

HISTÓRICO DAS VERSÕES DO SEFIP E DAS TABELAS AUXILIARES DO INSS HISTÓRICO DAS VERSÕES DO SEFIP E DAS TABELAS AUXILIARES DO INSS Os indicativos (número e data) da Versão SEFIP, Tabelas do INSS e Tabela de Índices do FGTS podem ser visualizados no Menu Principal do SEFIP,

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Exportação de NFS-e Página 2 de 16 Índice ÍNDICE... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESPECIFICAÇÕES... 4 2.1. FORMATO DO ARQUIVO... 4 2.2. CONTEÚDO DO ARQUIVO... 4 2.3. TIPOS DE ARQUIVOS... 4 3. FORMATOS

Leia mais

Adiantamento: Informa o percentual de adiantamento porventura existente na empresa para os funcionários, valor será calculado sobre o salário base.

Adiantamento: Informa o percentual de adiantamento porventura existente na empresa para os funcionários, valor será calculado sobre o salário base. 20.1 Parâmetros Habilitação de Empresas 20. MANUAL DE SISTEMA DE FOLHA DE PAGAMENTO Rotina destinada a habilitar as empresas que vão utilizar o sistema, onde serão informados todos os dados necessários

Leia mais

Estabelece procedimentos pertinentes aos recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais.

Estabelece procedimentos pertinentes aos recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais. Circular CAIXA nº 548, de 19.04.2011 - DOU 1 de 20.04.2011 Estabelece procedimentos pertinentes aos recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais. A Caixa Econômica Federal -

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO

ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO ORDENS BANCÁRIAS ESTADOS E MUNICÍPIOS MANUAL DO USUÁRIO Ordens Bancárias Estados e Municípios Sumário 1. Introdução... 3 2. Público Alvo... 3 3. Características... 4 3.1. Modalidades e tipos de ordens

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E (Modelo II) 1 Introdução Este manual apresenta e detalha os procedimentos para a realização do processo

Leia mais

MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO. (para servidores militares)

MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO. (para servidores militares) TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO (para servidores militares) VERSÃO 2014 Layout para a importação

Leia mais

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 240 - SIACC Grau de sigilo #PÚBLICO DESCRIÇÃO DOS REGISTROS DO ARQUIVO REMESSA Descrição do Registro HEADER de Arquivo - 0 Campo De Até Picture Conteúdo 0.01 001 003 9(003) Código do Banco 0.02 004 007 9(004) Lote

Leia mais

Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local

Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local Manual para Cedentes com Sistema Próprio e utilização do Correspondente Bradesco Impressão Local Cobrança Com Registro Com a cobrança registrada o usuário deverá enviar ao banco um registro dos documentos

Leia mais

O Coordenador Da Administração Tributária, tendo em vista o disposto no Decreto nº 57.608, de 12 de dezembro de 2011, expede a seguinte portaria:

O Coordenador Da Administração Tributária, tendo em vista o disposto no Decreto nº 57.608, de 12 de dezembro de 2011, expede a seguinte portaria: Portaria CAT nº 6, de 19.01.2012 - DOE SP de 20.01.2012 Disciplina o cumprimento das obrigações principais e acessórias relativas ao regime especial previsto no Decreto nº 57.608, de 12 de dezembro de

Leia mais

LAYOUT FINAL DE PEDIDOS

LAYOUT FINAL DE PEDIDOS LAYOUT FINAL DE PEDIDOS Página 1 de 12 INDICE INDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3 CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 3 OBJETIVOS DO LAYOUT... 3 DESCRIÇÃO DOS CAMPOS... 3 PRODUTO VISA VALE... 4 ORGANIZAÇÃO DOS REGISTROS...

Leia mais

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 150 - SIACC

Leiaute do Arquivo Padrão FEBRABAN 150 - SIACC Arquivo com registros de 150 bytes próprios do sistema SIACC DESCRIÇÃO DOS REGISTROS DO ARQUIVO DESCRIÇÃO DO REGISTRO "A" - HEADER - DÉBITO AUTOMÁTICO E FOLHA DE PAGAMENTO Obrigatório em todos os arquivos

Leia mais

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Para iniciar a parametrização da Folha Phoenix com a finalidade da integração para o Contábil Phoenix ou Contábil de Terceiros, será necessário primeiro definir

Leia mais

Operações de Desconto LAYOUT TÉCNICO HSBC PADRÃO CNAB 400

Operações de Desconto LAYOUT TÉCNICO HSBC PADRÃO CNAB 400 Operações de Desconto LAYOUT TÉCNICO HSBC PADRÃO CNAB 400 Versão: JULHO/2007 01 Índice APRESENTAÇÃO Pág. 2 NOTAS PRELIMINARES Estrutura dos Arquivos Padrão CNAB Especificações Técnicas Gerais dos Arquivos

Leia mais

Soluções em Recebimentos. Manual Técnico

Soluções em Recebimentos. Manual Técnico Soluções em Recebimentos CNAB400/CBR641 Manual Técnico Layout de Arquivo Remessa para convênios na faixa numérica entre 1.000.000 a 9.999.999 (Convênios de 7 posições) Orientações Técnicas Versão Set/09

Leia mais

Número. Preenchimento

Número. Preenchimento Num. de casas Identificador Observação Referência Nome do campo Descrição Formato Obrigatório decimais do Mínimo Máximo Definição do registro 10 1 TipoReg Tipo de registro Numérico Sim 2 0 Fixo 2 2 Preencher

Leia mais

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Versão 2.1 12/11/2015 Alterações em relação à versão anterior Alterado: itens 23, 25, 30, 31, 34, 35, 37, 46, 47 e 48 Incluído: itens 14, 40, 41 e

Leia mais

ICMS do Estado do Rio Grande do Sul

ICMS do Estado do Rio Grande do Sul Page 1 of 9 ICMS do Estado do Rio Grande do Sul CAPÍTULO XXIV DA MICROEMPRESA, DO MICROPRODUTOR RURAL E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE 1.0 APURAÇÃO DO ICMS DEVIDO POR EPP 1.1 Apuração Centralizada 1.1.1 Na

Leia mais

COBRANÇA ELETRÔNICA. Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas. Padrão FEBRABAN/CNAB SIGCB 240 Posições SETEMBRO/2007

COBRANÇA ELETRÔNICA. Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas. Padrão FEBRABAN/CNAB SIGCB 240 Posições SETEMBRO/2007 COBRANÇA ELETRÔNICA Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas Padrão FEBRABAN/CNAB SIGCB 240 Posições SETEMBRO/2007 67.118 v006 micro 1 INDICE 1.0 Introdução... 03 1.1 Apresentação do Documento...

Leia mais

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão:

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão: Módulo de Rescisão Para calcular a rescisão, é necessário informar para quem se deseja calcular (Código, Divisão, Tomador), depois informar tipo de dispensa, data de aviso prévio, data de pagamento, dias

Leia mais

ANEXO VI - PROCESSAMENTO DE DADOS

ANEXO VI - PROCESSAMENTO DE DADOS ANEXO VI - PROCESSAMENTO DE DADOS TABELA I - MANUAL DE ORIENTAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO 1.1. Este manual visa orientar a execução dos serviços destinados à emissão de documentos e escrituração de livros fiscais

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila

Leia mais

RESCISÃO DE CONTRATO

RESCISÃO DE CONTRATO RESCISÃO DE CONTRATO MTE altera novamente Portaria 1.621 que aprovou novos Termos de Rescisão O Ministério do Trabalho e Emprego, através da Portaria 1.057, de 6-7-2012, publicada no Diário Oficial de

Leia mais

INDIVIDUALIZAÇÃO DE VALORES COM O REMAG 4.2.2

INDIVIDUALIZAÇÃO DE VALORES COM O REMAG 4.2.2 INDIVIDUALIZAÇÃO DE VALORES COM O REMAG 4.2.2 ATENÇÃO: Para sistema operacional Windows XP, é recomendado a instalação prévia do SEFIP 5.4, pois esse procedimento realiza as configurações que o REMAG também

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila

Leia mais

Integração do GCA-Web com o sistema de Folha de Pagamento

Integração do GCA-Web com o sistema de Folha de Pagamento AncoraRh Informática R. Curitiba, 65 Pq. Erasmo Assunção S. André - SP CEP 09271-480 Fone: (11) 4401-1807 AncoraRh@AncoraRh.com.br www.ancorarh.com.br Integração do GCA-Web com o sistema de Folha de Pagamento

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR INTRODUÇÃO Trata-se de um recurso exclusivo para atender a necessidade de cálculos complementares de verbas rescisórias decorrentes de reajustes

Leia mais

VIA NOVA BENEFÍCIOS RH FÁCIL LAYOUT DO ARQUIVO MAGNÉTICO EPV PARA PEDIDOS

VIA NOVA BENEFÍCIOS RH FÁCIL LAYOUT DO ARQUIVO MAGNÉTICO EPV PARA PEDIDOS VIA NOVA BENEFÍCIOS RH FÁCIL LAYOUT DO ARQUIVO MAGNÉTICO EPV PARA PEDIDOS SUMÁRIO CAPÍTULO 1 FUNCINAMENTO DO SISTEMA Informações do arquivo 3 Formas de Entrega Processo do Cliente 4 Composições do arquivo

Leia mais

Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras DES-IF

Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras DES-IF Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras DES-IF TERMO DE REFERÊNCIA PREFEITURA DE BELO HORIZONTE Novembro/2008 Versão 1.0.1 1 Sumário 1 Sumário...2 2 Apresentação...5 3 Conceito...6

Leia mais

Ministério do Trabalho e Emprego

Ministério do Trabalho e Emprego . ANEXO I TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08

Leia mais

Estado de Sergipe TRIBUNAL DE CONTAS. LAYOUT DE ARQUIVOS TXT PARA IMPORTAÇÃO (Para a versão do SISAP Versão 610)

Estado de Sergipe TRIBUNAL DE CONTAS. LAYOUT DE ARQUIVOS TXT PARA IMPORTAÇÃO (Para a versão do SISAP Versão 610) LAYOUT DE ARQUIVOS TXT PARA IMPORTAÇÃO (Para a versão do SISAP Versão 610) 01 de agosto de 2012 SUMÁRIO 1 ESTRUTURA DOS ARQUIVOS... 5 1.1 ESTRUTURA... 5 1.2 CONVENÇÃO... 6 2 ARQUIVOS TXT POSSÍVEIS DE SEREM

Leia mais

Não muda legislação, muda procedimentos.

Não muda legislação, muda procedimentos. Versão 1.1 esocial Não muda legislação, muda procedimentos. esocial = Transparência Fiscal Circular n. 642, de 06/01/2014 Aprova e divulga o leiaute do Sistema de Escrituração Fiscal Digital das obrigações

Leia mais

https://top.solucaopublica.com.br/mantena/

https://top.solucaopublica.com.br/mantena/ 1) Acesso ao sistema NFS-e na WEB A comunidade terá acesso ao NFS-e através do Site da Prefeitura Municipal de Mantena. Para acessar o sistema da NFS-e, o contribuinte deverá acessar o site: https://top.solucaopublica.com.br/mantena/

Leia mais

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS. Desconto e Cessão de Crédito

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS. Desconto e Cessão de Crédito Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS Desconto e Cessão de Crédito Versão: Maio/2014 Central de Suporte Pessoa Jurídica Grande São Paulo: (11) 3175-8248 - Fax

Leia mais

FGTS ASSUNTOS TRABALHISTAS ANO XX - 2009-3ª SEMANA DE JANEIRO DE 2009 BOLETIM INFORMARE Nº 03/2009

FGTS ASSUNTOS TRABALHISTAS ANO XX - 2009-3ª SEMANA DE JANEIRO DE 2009 BOLETIM INFORMARE Nº 03/2009 ANO XX - 2009-3ª SEMANA DE JANEIRO DE 2009 BOLETIM INFORMARE Nº 03/2009 FGTS FGTS EM ATRASO - RECOLHIMENTO - TABELAS DE COEFICIENTES PARA CÁLCU- LOS - JANEIRO/2009 - VALIDADE: 12.01.2009 A 09.02.2009 Recolhimento

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II Folha Union> Cadastros> Empresas Treinamento Sistema Folha Union Módulo II FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO II - CADASTROS Cadastre as empresas (Condomínios) ou importe os dados utilizando o código do cadastro

Leia mais

Portaria MTE Nº 2685 DE 26/12/2011

Portaria MTE Nº 2685 DE 26/12/2011 Pag. 70 ISSN 1677-7042 Nº 248, terça-feira, 27 de dezembro de 2011 Portaria MTE Nº 2685 DE 26/12/2011 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão de

Leia mais

Arquivo leiaute de importação de Notas Fiscais Eletrônicas

Arquivo leiaute de importação de Notas Fiscais Eletrônicas Arquivo leiaute de importação de Notas Fiscais Eletrônicas TSE Tribunal Superior Eleitoral SEPEL2 / CSELE / STI / TSE 08 de setembro de 2014 Criação: SEPEL2 contas_sepel2@tse.jus.br Versão 1.0.0 Arquivo

Leia mais

Alteração de dados cadastrais de Participantes no PASEP 1) PARTICIPANTES - ALTERAÇÕES CADASTRAIS BATCH

Alteração de dados cadastrais de Participantes no PASEP 1) PARTICIPANTES - ALTERAÇÕES CADASTRAIS BATCH Alteração de dados cadastrais de Participantes no PASEP 1) PARTICIPANTES - ALTERAÇÕES CADASTRAIS BATCH A partir de 01.07.2003 os arquivos para alteração de participantes no PASEP terão novo formato devido

Leia mais

GIFUG/RJ Gerência de Filial Administrar FGTS RJ/ES

GIFUG/RJ Gerência de Filial Administrar FGTS RJ/ES GIFUG/RJ Gerência de Filial Administrar FGTS RJ/ES Palestra: O Empregador e o FGTS Realizada em 16 de fevereiro de 2009, no Auditório da CAIXA, Centro/RJ Nossa Missão Operar o FGTS com efetividade, viabilizando

Leia mais

Instruções de Impressão

Instruções de Impressão Instruções de Impressão 1. O modelo deverá ser plano e impresso em papel A4, na cor branca, com 297 milímetros de altura e 210 milímetros de largura em papel com, ao menos, 75 gramas por metro quadrado.

Leia mais

MANUAL PARA EMPRESAS ASSOCIADAS PAGAMENTOS - CNAB 240 FEBRABAN Versão: 01.1 Banco Cooperativo Sicredi S.A. Área de Cobrança e Pagamentos 07/05/2014

MANUAL PARA EMPRESAS ASSOCIADAS PAGAMENTOS - CNAB 240 FEBRABAN Versão: 01.1 Banco Cooperativo Sicredi S.A. Área de Cobrança e Pagamentos 07/05/2014 PAGAMENTOS PAG. FORNECEDORES E FOLHA DE PAGAMENTO CNAB 240 FEBRABAN Classificação da Informação: Uso Irrestrito Página 1 1 APRESENTAÇÃO Bem-vindo ao Manual para Empresas Conveniadas PAGAMENTOS - CNAB 240

Leia mais

MANUAL DO CLIENTE. Av. Conselheiro Aguiar, nº 4635, salas 407/408, Boa Viagem, Recife/PE 81-3325.0725 81-8639.0762

MANUAL DO CLIENTE. Av. Conselheiro Aguiar, nº 4635, salas 407/408, Boa Viagem, Recife/PE 81-3325.0725 81-8639.0762 MANUAL DO CLIENTE Av. Conselheiro Aguiar, nº 4635, salas 407/408, Boa Viagem, Recife/PE 81-3325.0725 81-8639.0762 www.hvrcontabil.com.br contato@hvrcontabil.com.br INTRODUÇÃO Este manual tem como finalidade

Leia mais

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança

Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança Banco Safra S.A. Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS CARTÃO DE PAGAMENTO PRODUTO 710 LAYOUT PADRÃO SAFRA 400 Versão: Dezembro 2008 Central de Atendimento a Clientes Telefones

Leia mais

INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP)

INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP) EntSeg INFORMAÇÕES AO DESENVOLVEDOR (ERP) Ano: 2015 Elaborada por: A. Linguanoto Tabelas Recebidas pelo Lúnet- Finalidade A Lúnet Soluções em Tecnologia, desenvolveu este manual técnico com a finalidade

Leia mais

R P A Convênio Débito Automático

R P A Convênio Débito Automático R P A Convênio Débito Automático MANUAL DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PADRÃO FEBRABAN/CNAB Versão 4.8 Dezembro/2013 HSBC Bank Brasil S.A. Banco Múltiplo PUBLIC ÍNDICE Item Assunto Página 1 INTRODUÇÃO. 02

Leia mais

Financeiro - Boleto : Remessa e Retorno

Financeiro - Boleto : Remessa e Retorno Financeiro - Boleto : Remessa e Retorno Objetivo Configurar Arquivos de Remessa; Gerar Arquivos de Remessa; Configurar Arquivo de Retorno; Receber arquivos de retorno do banco e efetuar a baixa das Contas

Leia mais

Anexo 1 - Resolução nº 188 1157/2013 - Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2013 Tribunal Superior do Trabalho 1

Anexo 1 - Resolução nº 188 1157/2013 - Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2013 Tribunal Superior do Trabalho 1 1 - Resolução nº 188 1157/2013 - Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2013 Tribunal Superior do Trabalho 1 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO ÓRGÃO ESPECIAL ANEXO I Guia depósito judicial Acolhimento do depósito

Leia mais

esocial EFD FOLHA DE PAGAMENTO

esocial EFD FOLHA DE PAGAMENTO Le f is c L e g i s l a c a o F i s c a l CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO RIO GRANDE DO SUL MINÁRIO DE ASSUNTOS CONTÁBEIS DE PORTO ALEGRE SEMINÁRIO ASSUNTOS CONTÁBEIS DE PORTO ALEGRE SEMINÁRIO DE

Leia mais

FGTS Manual de Orientações Recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais

FGTS Manual de Orientações Recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais FGTS Manual de Orientações Recolhimentos Mensais e Rescisórios ao FGTS e das Contribuições Sociais SUMÁRIO DA NORMA 1 CAPITULO I - FGTS RECOLHIMENTO MENSAL E RESCISÓRIO,5 1.1 FGTS - RECOLHIMENTO MENSAL,5

Leia mais

# CAMPO MOTIVO REFERÊNCIA LEGAL Cadastro da empresa (Tabela S-1000) Número de inscrição do contribuinte, CNPJ ou CPF # Campo Motivo

# CAMPO MOTIVO REFERÊNCIA LEGAL Cadastro da empresa (Tabela S-1000) Número de inscrição do contribuinte, CNPJ ou CPF # Campo Motivo ANEXO I 49 # CAMPO MOTIVO REFERÊNCIA LEGAL Cadastro da empresa (Tabela S-1000) Número de inscrição do contribuinte, CNPJ ou CPF # Campo Motivo 19-25 Informações de identificação do empregador (5) A partir

Leia mais

Anexo II - Instruções de Preenchimento

Anexo II - Instruções de Preenchimento Anexo II - Instruções de Preenchimento 11ª ª V IIA CONTR IIBUIINTE DADOS VENC IIMENTO DA GU IIA Vencimento Exercício DADOS DA ENTIIDADE S IIND IICAL Nome da entidade Código da entidade sindical Endereço

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.253, de 1/3/2012 - DOU 1 de 2/3/2012

Instrução Normativa RFB nº 1.253, de 1/3/2012 - DOU 1 de 2/3/2012 Instrução Normativa RFB nº 1.253, de 1/3/2012 - DOU 1 de 2/3/2012 Aprova o Programa Pedido de Restituição, Ressarcimento ou Reembolso e Declaração de Compensação (PER/DCOMP 5.1) e o leiaute do arquivo

Leia mais

ANO XXI - 2010-4ª SEMANA DE JULHO DE 2010 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2010 FGTS ASSUNTOS TRABALHISTAS

ANO XXI - 2010-4ª SEMANA DE JULHO DE 2010 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2010 FGTS ASSUNTOS TRABALHISTAS ANO XXI - 2010-4ª SEMANA DE JULHO DE 2010 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2010 FGTS FGTS EM ATRASO - RECOLHIMENTO - TABELAS DE COEFICIENTES PARA CÁLCU- LOS - JULHO/2010 - VALIDADE: 12.07.2010 A 09.08.2010 Recolhimento

Leia mais

GP Gestão de Pessoal. Vale Transporte

GP Gestão de Pessoal. Vale Transporte GP Gestão de Pessoal Vale Transporte SUMÁRIO 1. Módulo Vale Transporte... 3 1.1. Tabelas... 3 1.1.1. Empresa... 3 1.2. Linha... 5 1.3. Meio Transporte... 6 1.4. Período de Vale Transporte... 6 1.5. Tarifa...

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 C O N V E N Ç Ã O C O L E T I V A D E T R A B A L H O 2014/2015 SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DE ALIMENTAÇÃO DE RIO DO SUL E REGIÃO DO ALTO VALE DO ITAJAÍ SINTIAVI SINDICATO DAS INDÚSTRIAS

Leia mais

CONECTIVIDADE SOCIAL APLICATIVO WEB - INTERNET

CONECTIVIDADE SOCIAL APLICATIVO WEB - INTERNET CONECTIVIDADE SOCIAL APLICATIVO WEB - INTERNET Apresentação 1. Introdução O que é? O que é Portal Eletrônico de Relacionamento? Qual a finalidade? Por que utilizar? Quem utiliza? Participantes do processo

Leia mais

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE Versão 1.0.5 Março/2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 6 2.

Leia mais

Manual de Orientações Aplicativo Cliente ICP Versão 3.3

Manual de Orientações Aplicativo Cliente ICP Versão 3.3 Manual de Orientações Aplicativo Cliente ICP Versão 3.3 ÍNDICE INTRODUÇÃO...3 Legenda de Ícones...4 Legenda de Botões...5 ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS...6 CAPÍTULO I INSTALAÇÃO DO APLICATIVO CLIENTE...7 1.

Leia mais

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO Orientador Empresarial ORIENTAÇÕES PREVIDÊNCIA SOCIAL RETENÇÃO PREVIDENCIÁRIA COMPENSAÇÃO E RESTITUIÇÃO DE VALORES RETIDOS NAS CESSÕES

Leia mais

Banco Safra S.A Tradição Secular de Segurança

Banco Safra S.A Tradição Secular de Segurança Banco Safra S.A Tradição Secular de Segurança MANUAL DE TRANSFERÊNCIA DE ARQUIVOS PAGAMENTO A FORNECEDOR PRODUTO 701 LAYOUT PADRÃO SAFRA 400 Versão: Setembro 2014 Central de Suporte Pessoa Jurídica Grande

Leia mais

http://agenda.cenofisco.com.br/agenda/agenda.dll/infobase/5/11/13/170?f=templates&fn=document-fra...

http://agenda.cenofisco.com.br/agenda/agenda.dll/infobase/5/11/13/170?f=templates&fn=document-fra... 0 http://agenda.cenofisco.com.br/agenda/agenda.dll/infobase/5/11/13/170?f=templates&fn=document-fra... Outubro Notas Cenofisco: 1ª) Além das obrigações relacionadas neste Calendário, o assinante poderá,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO Manual de orientação para envio dos arquivos de consignações dos servidores e pensionistas, para atualização no banco de dados

MANUAL DO USUÁRIO Manual de orientação para envio dos arquivos de consignações dos servidores e pensionistas, para atualização no banco de dados MANUAL DO USUÁRIO Manual de orientação para envio dos arquivos de consignações dos servidores e pensionistas, para atualização no banco de dados SIAPE Sumário OBJETIVO...3 ONDE ENTREGAR O ARQUIVO...3 DATA

Leia mais

SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA

SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA Manual de Exportação de NFTS Instruções e Layout Versão 2.0 Para baixar a versão mais atualizada deste documento, acesse o endereço: http://www.nfpaulistana.prefeitura.sp.gov.br/informacoes_gerais.asp

Leia mais

Menu Diversos. S E F I P (em disquete) Exportação de dados para o programa SEFIP

Menu Diversos. S E F I P (em disquete) Exportação de dados para o programa SEFIP S E F I P (em disquete) Exportação de dados para o programa SEFIP Esta rotina exporta informações para o programa Sefip. Todas as informações serão exportadas e nenhum dado deverá ser preenchido manualmente.

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

Cartilha do SIMBA para as Instituições Financeiras

Cartilha do SIMBA para as Instituições Financeiras Considerando que o Lavagem de Dinheiro - tem como responsabilidade, dentre outras, realizar o processamento e a análise dos dados obtidos por meio de decisão judicial ou por intermédio de banco de dados

Leia mais

ANEXO I LAYOUT DOS REGISTROS - NOTA FISCAL DE SERVICO ELETROONICA- NFSe

ANEXO I LAYOUT DOS REGISTROS - NOTA FISCAL DE SERVICO ELETROONICA- NFSe Introdução ANEXO I LAYOUT DOS REGISTROS - NOTA FISCAL DE SERVICO ELETROONICA- NFSe Este manual tem como objetivo apresentar o layout utilizado pelo Sistema de Notas Fiscais de Serviços Eletrônicas da Prefeitura

Leia mais

ATO COTEPE ICMS Nº 24 DE 21/07/2010 DOU de 22/07/2010

ATO COTEPE ICMS Nº 24 DE 21/07/2010 DOU de 22/07/2010 SECRETÁRIO EXECUTIVO DO CONSELHO NACIONAL DE POLÍTICA FAZENDÁRIA - CONFAZ ATO COTEPE ICMS Nº 24 DE 21/07/2010 DOU de 22/07/2010 Dispõe sobre as especificações técnicas para a geração de arquivo eletrônico

Leia mais

Resolução 3.657/08. Leiaute do Arquivo de Movimento ACIC003 (CI03) Versão deste documento: 1.0.0

Resolução 3.657/08. Leiaute do Arquivo de Movimento ACIC003 (CI03) Versão deste documento: 1.0.0 Leiaute do Arquivo de Movimento ACIC003 (CI03) Versão deste documento: 1.0.0 Histórico de revisão Data Versão Descrição Autor 19/01/2009 1.0.0 Versão inicial. BACEN/DEINF/DINE6 BACEN/GENCE Sumário 1. Descrição

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO. 2 Periodicidade de Informação:

MANUAL DE ORIENTAÇÃO. 2 Periodicidade de Informação: Dispõe sobre o leiaute a ser utilizado nos arquivos a serem transmitidos para a Receita Estadual para fornecimento de informações de Nota Fiscal de Venda a Consumidor, modelo 2, modelo 1-1/A, ECF Antigo

Leia mais

Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas

Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas Intercâmbio de Informações entre Bancos e Empresas Padrão FEBRABAN 240 Posições Versão 08.7 21/09/2012 Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico,

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PATRONAL 2015 (Fetquim)

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PATRONAL 2015 (Fetquim) PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PATRONAL 2015 (Fetquim) CLÁUSULAS PARA DISCUSSÃO CLÁUSULA PRIMEIRA - VIGÊNCIA E DATA-BASE As partes fixam a vigência da presente Convenção Coletiva de Trabalho no período de 1º

Leia mais

LAYOUT ARQUIVO MAGNÉTICO

LAYOUT ARQUIVO MAGNÉTICO LAYOUT ARQUIVO MAGNÉTICO VIA NOVA BENEFÍCIOS LAYOUT DO ARQUIVO MAGNÉTICO EPV PARA PEDIDOS SUMÁRIO SESSÃO A Informações do arquivo 3 Composição do arquivo 4 SESSÃO B Arquivo EPV Nome do arquivo a ser importado

Leia mais

FAAP MÓDULO MÉDIA CÁLCULO DA MÉDIA ARITMÉTICA SIMPLES DAS 80% MAIORES BASES DE CONTRIBUIÇÃO. INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO (uso somente em Excel 2010)

FAAP MÓDULO MÉDIA CÁLCULO DA MÉDIA ARITMÉTICA SIMPLES DAS 80% MAIORES BASES DE CONTRIBUIÇÃO. INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO (uso somente em Excel 2010) FAAP MÓDULO MÉDIA CÁLCULO DA MÉDIA ARITMÉTICA SIMPLES DAS 80% MAIORES BASES DE CONTRIBUIÇÃO INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO (uso somente em Excel 2010) 1) O que é? É uma ferramenta de cálculo simplificado e automatizado

Leia mais

FOLHA DE PAGAMENTO. LAYOUT TROCA DE ARQUIVOS (Padrão Banco Real - Migrado) 200 posições

FOLHA DE PAGAMENTO. LAYOUT TROCA DE ARQUIVOS (Padrão Banco Real - Migrado) 200 posições FOLHA DE PAGAMENTO LAYOUT TROCA DE ARQUIVOS (Padrão Banco Real - Migrado) 200 posições Data desta Versão : Setembro de 2010 APRESENTAÇÃO Esse manual apresenta o novo layout 200 de Folha de Pagamento que

Leia mais

Conselho Regional de Técnicos em Radiologia CRTR 10ª REGIÃO/PR Serviço Público Federal

Conselho Regional de Técnicos em Radiologia CRTR 10ª REGIÃO/PR Serviço Público Federal ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO DE PESSOA FÍSICA 1. Solicitar os boletos para recolhimento da taxa de inscrição de pessoa física, da taxa de expedição da habilitação e da anuidade (proporcional), pelo e-mail:

Leia mais

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012 Indice Introdução...2 Conferindo os cadastros...2 Parâmetros Empresa...2 Cadastro de eventos...3 Centros de Custo (Obras)...3 Sindicatos...3 Funcionários...5 Gerando o arquivo para Rais...5 Outras informações

Leia mais

esocial 2.0: Nova realidade para Escritórios Contábeis e seus Clientes Cátia Maria Soares Medeiros 19/05/2015 Vitória - ES

esocial 2.0: Nova realidade para Escritórios Contábeis e seus Clientes Cátia Maria Soares Medeiros 19/05/2015 Vitória - ES esocial 2.0: Nova realidade para Escritórios Contábeis e seus Clientes Cátia Maria Soares Medeiros 19/05/2015 Vitória - ES Regulamentação O que existia: Ato Declaratório SUFIS 05/2013 de 17 de julho de

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA REMESSA DE DOCUMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA REMESSA DE DOCUMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA REMESSA DE DOCUMENTOS PARA CONTABILIZAÇÃO Através deste manual, a Tecnicont pretende orientar seus clientes e facilitar os procedimentos a serem realizados no envio de documentos

Leia mais

VISÃO GERAL DO E-SOCIAL

VISÃO GERAL DO E-SOCIAL VISÃO GERAL DO E-SOCIAL 1 VISÃO GERAL DO E-SOCIAL SUMÁRIO 1.0 Introdução......03 2.0 Considerações Iniciais......03 2.1 Objeto do esocial......03 2.2 Conceito do esocial......03 2.3 Objetivos do projeto......03

Leia mais

ANEXO ÚNICO. Regra de Descrição preenchimento

ANEXO ÚNICO. Regra de Descrição preenchimento ANEXO ÚNICO LEIAUTE DO ARQUIVO DA DECLARAÇÃO de Serviços Médicos e de Saúde - Dmed. Regras Gerais.. Estrutura de Arquivo:.. Exemplo de estrutura de declarante Pessoa Jurídica.. Leiaute do arquivo:.. Registro

Leia mais

Particularidades BB. Leiaute CNAB 240. julho / 2011

Particularidades BB. Leiaute CNAB 240. julho / 2011 Particularidades BB Leiaute CNAB 240 julho / 2011 Sumário Assunto página Últimas Alterações 3 Header de Arquivo 5 Header de Lote 6 Segmento P 8 Segmento Q 11 Segmento R 13 Segmento S 15 Segmento Y-01 16

Leia mais

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0 MANUAL ARRECADAWEB Versão 1.0 Page 1 of 29 O Sistema Arrecadaweb foi desenvolvido para facilitar a Entidade no controle de suas arrecadações, e disponibiliza para os Contadores um ambiente confiável para

Leia mais