Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro"

Transcrição

1 Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201601_a_201604_BRL-DPVAT.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 1

2 Sobre este documento: 1 - Este documento destina-se aos clientes da I4PRO Informática Ltda e tem o propósito de resumir dados públicos do Sistema de Estatísticas da SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), permitindo aos leitores uma visão clara e simples de como o mercado segurador se comportou dentro de um determinado período de tempo. 2 - O documento é dividido em 3 partes: Análise por Grupos de Ramos SUSEP, Análise por Ramos SUSEP e Análise por Empresas. As análises apresentam três gráficos por item analisado: o primeiro demonstra relevâncias + sinistralidades, o segundo demonstra a evolução de prêmio emitido no período e o terceiro demostra a evolução de sinistralidade no período. Ao final, emitimos um comentário resumo do item analisado. 3 - A I4PRO não garante a precisão dos dados da fonte(susep) e não sugere estratégias baseadas em tendências atuais do mercado segurador, visto que, estas tendências podem não se verificar no futuro.os critérios de consolidação de dados e de apresentação de gráficos são uma decisão da I4PRO Informática Ltda. 4 - Dúvidas, sugestões ou solicitações de correção em critérios de consolidação ou de apresentação de gráficos devem ser encaminhadas para IMPORTANTE: Este documento não considera o ramo 0588-DPVAT. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 2

3 Análise por Grupos de Ramos SUSEP Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 3

4 Resumo dos Grupos de Ramos SUSEP O mercado apresenta vários grupos de ramos com emissão de prêmio (15) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 60,70%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 62,99 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 10,73% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 4

5 Grupo de Ramos 01-Patrimonial O grupo de ramos 01-Patrimonial apresenta vários competidores (56) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 96,03%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 39,49 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 74,41% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ACE SEG / SULAMERICA NAC / LIBERTY / HDI SEG / CHUBB DO BRASIL / SULAMERICA CIA / AUSTRAL / FAIRFAX / MITSUI SUMITOMO / AXA / SAFRA / QBE / BANCO FATOR / ALFA / BERKLEY / EXCELSIOR / XL / NOBRE SEG / SWISS RE / TRAVELERS / PAN / GENERALI / SANCOR / ARGO / USEBENS / AZUL / HSBC / BANESTES / ALIANÇA BR / UNIMED P / INVESTPREV / POTTENCIAL / BB AUTO / ESSOR / ALSEG / GENTE), perfazendo outros R$ 483,59 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 5

6 Grupo de Ramos 02-Riscos Especiais O grupo de ramos 02-Riscos Especiais apresenta vários competidores (11) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 76,06%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 19,43 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 133,10% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 6

7 Grupo de Ramos 03-Responsabilidades O grupo de ramos 03-Responsabilidades apresenta vários competidores (41) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 13,62 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 14,20% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (GENERALI / BANCO FATOR / AXA / CAIXA SEG / SWISS RE / SULAMERICA NAC / ITAU SEGUROS / EXCELSIOR / SAFRA / ZURICH S SEG / ALIANÇA BR / HDI SEG / RSA GROUP / MITSUI SUMITOMO / QBE / AUSTRAL / ALFA / INDIANA / SANCOR / INVESTPREV / POTTENCIAL), perfazendo outros R$ 33,46 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 7

8 Grupo de Ramos 04-Cascos (RUNOFF) O grupo de ramos 04-Cascos (RUNOFF) apresenta poucos competidores (2) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 0,27 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 270,46% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 8

9 Grupo de Ramos 05-Automóvel (sem DPVAT) O grupo de ramos 05-Automóvel (sem DPVAT) apresenta vários competidores (33) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 64,52%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 64,25 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 0,68% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (NOBRE SEG / SUHAI / BANESTES / SANCOR / CARDIF SEG / AIG / GENTE / ESSOR / ASSURANT / QBE / USEBENS / VIRGINIA), perfazendo outros R$ 129,72 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 9

10 Grupo de Ramos 06-Transportes O grupo de ramos 06-Transportes apresenta vários competidores (32) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 76,51%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 2,48 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 22,11% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (XL / AXA / HDI SEG / INVESTPREV / STARR / SWISS RE / ALIANÇA BR / GENERALI / QBE / ITAU AUTO/RE / GENTE / ALFA), perfazendo outros R$ 57,89 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 10

11 Grupo de Ramos 07-Riscos Financeiros O grupo de ramos 07-Riscos Financeiros apresenta vários competidores (39) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 84,67%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 21,87 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 9,08% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ZURICH MINAS / SBCE / ACE SEG / AIG / CHUBB DO BRASIL / LIBERTY / NOBRE SEG / YASUDA MARÍTIMA / QBE / INVESTPREV / CARDIF SEG / XL / SAFRA / MITSUI SUMITOMO / SULAMERICA CIA / EXCELSIOR / GENERALI), perfazendo outros R$ 40,91 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 11

12 Grupo de Ramos 08-Riscos de Crédito (RUNOFF) O grupo de ramos 08-Riscos de Crédito (RUNOFF) apresenta poucos competidores (3) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 0,99 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 49,97% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 12

13 Grupo de Ramos 09-Pessoas Coletivo O grupo de ramos 09-Pessoas Coletivo apresenta vários competidores (63) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 31,08%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 89,36 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 2,95% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (SAFRA V&P / ACE SEG / YASUDA MARÍTIMA / PREVISUL / QBE / ALLIANZ / CHUBB DO BRASIL / GENERALI / LIBERTY / ALSEG / CAPEMISA V&P / SINAF / SABEMI / RSA GROUP / AXA / BANESTES / ALFA V&P / AIG / STARR / MBM / USEBENS / ASSURANT / CENTAURO V&P / SANCOR / INDIANA / GENTE / MITSUI SUMITOMO / HDI SEG / UNIAO / NOBRE SEG / BB AUTO / INVESTPREV V&P / SULAMERICA NAC / INVESTPREV / ITAU BMG / COSESP / FAIRFAX / ALIANÇA BA / OMINT / EXCELSIOR / BRADESCO SEG / HDI GLOBAL / ANGELUS), perfazendo outros R$ 832,59 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 13

14 Grupo de Ramos 10-Habitacional O grupo de ramos 10-Habitacional apresenta vários competidores (18) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 24,81%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 2,65 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 0,67% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 14

15 Grupo de Ramos 11-Rural O grupo de ramos 11-Rural apresenta vários competidores (29) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 67,65%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 60,27 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 10,69% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (BERKLEY / ICATU / ACE SEG / ALFA / RSA GROUP / AIG), perfazendo outros R$ 0,55 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 15

16 Grupo de Ramos 13-Pessoas Individual O grupo de ramos 13-Pessoas Individual apresenta vários competidores (41) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 34,19%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 127,81 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 4,26% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (PORTO SEGURO V&P / CAIXA SEG / METLIFE S&P / VIRGINIA / TOKIO MARINE / OMINT / SANCOR / BANESTES / CAPEMISA V&P / CENTAURO V&P / AIG / AZUL / ALIANÇA BR / SULAMERICA NAC / PREVISUL / INVESTPREV V&P / RSA GROUP / ALSEG / SAFRA V&P / USEBENS / ZURICH MINAS), perfazendo outros R$ 15,46 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 16

17 Grupo de Ramos 14-Marítimos O grupo de ramos 14-Marítimos apresenta vários competidores (18) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 5,00 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 123,11% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 17

18 Grupo de Ramos 15-Aeronáuticos O grupo de ramos 15-Aeronáuticos apresenta vários competidores (10) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se diminuição média de 9,09 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 125,62% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 18

19 Grupo de Ramos 16-Microsseguros O grupo de ramos 16-Microsseguros apresenta vários competidores (13) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 6,76%. Em relação ao Prêmio Emitido, observou-se crescimento médio de 3,38 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 1,14% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 19

20 Análise por Ramos SUSEP Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 20

21 Resumo dos Ramos SUSEP O mercado apresenta muitos ramos com emissão de prêmio (98) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 60,70%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 62,99 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 10,73% por mês na Sinistralidade. Além dos 20 ramos apresentados no gráfico existem outros ramos com emissão (0748 / 0990 / 1102 / 1101 / 1381 / 0984 / 0234 / 0520 / 1198 / 1068 / 0622 / 0310 / 0167 / 0929 / 0746 / 1390 / 0655 / 0116 / 1433 / 0628 / 1377 / 0378 / 1535 / 1130 / 0969 / 1417 / 0115 / 0141 / 1601 / 1369 / 1528 / 0776 / 0623 / 1329 / 1537 / 0749 / 0632 / 0870 / 0980 / 0524 / 0987 / 0274 / 0638 / 1387 / 0525 / 1602 / 0433 / 1597 / 0860 / 0644 / 1384 / 1164 / 1107 / 0652 / 1457 / 0656 / 0112 / 1103 / 1383 / 0658 / 0173 / 0994 / 1428 / 0743 / 1336 / 0745 / 1108 / 1104 / 0936 / 1380 / 0111 / 0457 / 0981 / 0747 / 0750 / 0272 / 0740 / 0313), perfazendo outros R$ 3929,25 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 21

22 Ramo Incêndio Tradicional O ramo Incêndio Tradicional apresenta apenas uma companhia com emissão de prêmio no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,00 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de ,15% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 22

23 Ramo Assistência Bens em Geral O ramo Assistência Bens em Geral apresenta poucos competidores (4) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 27,55%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,03 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 5,73% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 23

24 Ramo Compreensivo Residencial O ramo Compreensivo Residencial apresenta vários competidores (41) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 32,08%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 4,29 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 4,24% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (AXA / SANCOR / USEBENS / QBE / SAFRA / GENERALI / AZUL / BANESTES / FAIRFAX / EXCELSIOR / INVESTPREV / ALIANÇA BR / BB AUTO / ASSURANT / ESSOR / AIG / UNIMED P / NOBRE SEG / ALSEG / GENTE), perfazendo outros R$ 803,02 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 24

25 Ramo Roubo O ramo Roubo apresenta vários competidores (12) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 26,54%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 1,01 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 4,13% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 25

26 Ramo Compreensivo Condomínio O ramo Compreensivo Condomínio apresenta vários competidores (15) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 80,39%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 1,15 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 6,27% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 26

27 Ramo Compreensivo Empresarial O ramo Compreensivo Empresarial apresenta vários competidores (41) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 62,03%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 4,01 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 10,68% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (TRAVELERS / RSA GROUP / HDI SEG / NOBRE SEG / AIG / SWISS RE / SANCOR / FAIRFAX / ARGO / AXA / QBE / HDI GLOBAL / UNIMED P / ALIANÇA BR / INVESTPREV / ESSOR / USEBENS / CARDIF SEG / GENTE), perfazendo outros R$ 678,06 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 27

28 Ramo Lucros Cessantes O ramo Lucros Cessantes apresenta vários competidores (34) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 96,38%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,37 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 30,31% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (HDI SEG / CAIXA SEG / LIBERTY / ARGO / NOBRE SEG / HDI GLOBAL / QBE / UNIMED P / GENERALI / SANCOR / INVESTPREV), perfazendo outros R$ 37,19 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 28

29 Ramo Riscos de Engenharia O ramo Riscos de Engenharia apresenta vários competidores (33) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 2,56 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 57,01% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (PORTO SEGURO / ARGO / NOBRE SEG / GENERALI / CHUBB DO BRASIL / POTTENCIAL / PAN / SULAMERICA CIA / MITSUI SUMITOMO / ITAU SEGUROS / SULAMERICA NAC), perfazendo outros R$ 138,15 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 29

30 Ramo Riscos Diversos (inclui Tum, Fid e Vidros) O ramo Riscos Diversos (inclui Tum, Fid e Vidros) apresenta vários competidores (43) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 42,39%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 4,29 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 6,95% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ARGO / HDI GLOBAL / AUSTRAL / PAN / HDI SEG / EXCELSIOR / GENERALI / MITSUI SUMITOMO / CAIXA SEG / NOBRE SEG / AXA / HSBC / LIBERTY / SAFRA / TRAVELERS / USEBENS / VIRGINIA / BANESTES / SULAMERICA NAC / ALFA / GENTE), perfazendo outros R$ 579,42 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 30

31 Ramo Global de Bancos O ramo Global de Bancos apresenta poucos competidores (5) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 15,69%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,10 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 154,25% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 31

32 Ramo Extensão de Garantia - Bens em Geral O ramo Extensão de Garantia - Bens em Geral apresenta vários competidores (15) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 21,58%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 15,00 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,43% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 32

33 Ramo Riscos Nomeados e Operacionais O ramo Riscos Nomeados e Operacionais apresenta vários competidores (28) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 19,58 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 472,49% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (SWISS RE / GENERALI / LIBERTY / SANCOR / TRAVELERS / CAIXA SEG), perfazendo outros R$ 840,94 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 33

34 Ramo Riscos de Petróleo O ramo Riscos de Petróleo apresenta vários competidores (11) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 90,31%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 22,07 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 158,01% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 34

35 Ramo Satélites O ramo Satélites apresenta apenas uma companhia com emissão de prêmio no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi negativa. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 2,64 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,00% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 35

36 Ramo R.C. de Administradores e Diretores - D&O O ramo R.C. de Administradores e Diretores - D&O apresenta vários competidores (18) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 49,00%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 10,14 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 14,44% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 36

37 Ramo R.C. Geral O ramo R.C. Geral apresenta vários competidores (41) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 4,83 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 4,57% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (LIBERTY / SWISS RE / SULAMERICA NAC / ITAU SEGUROS / SAFRA / ZURICH S SEG / ALIANÇA BR / RSA GROUP / MITSUI SUMITOMO / BANCO FATOR / NOBRE SEG / EXCELSIOR / QBE / AUSTRAL / ALFA / INDIANA / SANCOR / UNIMED P / INVESTPREV / POTTENCIAL), perfazendo outros R$ 277,30 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 37

38 Ramo R.C. Profissional O ramo R.C. Profissional apresenta vários competidores (25) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 22,97%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 2,08 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 54,90% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (RSA GROUP / PORTO SEGURO / AXA / SULAMERICA NAC), perfazendo outros R$ 73,96 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 38

39 Ramo Marítimos (Run-off) O ramo Marítimos (Run-off) apresenta poucos competidores (2) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,27 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 630,76% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 39

40 Ramo Acidentes Pessoais de Passageiros - APP O ramo Acidentes Pessoais de Passageiros - APP apresenta vários competidores (28) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 6,53%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,86 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 0,59% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (BANESTES / GENTE / CAIXA SEG / INDIANA / AIG / SANCOR / CARDIF SEG), perfazendo outros R$ 173,85 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 40

41 Ramo Extensão de Garantia - Auto O ramo Extensão de Garantia - Auto apresenta vários competidores (6) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 15,47%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,04 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,04% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 41

42 Ramo Carta Verde O ramo Carta Verde apresenta vários competidores (8) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 7,09%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,03 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 2,98% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 42

43 Ramo Automóvel - Casco O ramo Automóvel - Casco apresenta vários competidores (31) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 68,96%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 39,78 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 0,65% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (CARDIF SEG / BANESTES / INDIANA / SANCOR / AIG / NOBRE SEG / GENTE / QBE / USEBENS / ESSOR), perfazendo outros R$ 7115,44 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 43

44 Ramo Assistência e Outras Coberturas - Auto O ramo Assistência e Outras Coberturas - Auto apresenta vários competidores (22) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 43,95%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 6,37 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 1,71% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (USEBENS / BANESTES), perfazendo outros R$ 662,06 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 44

45 Ramo Resp Civil Facultativa Veículos - RCFV O ramo Resp Civil Facultativa Veículos - RCFV apresenta vários competidores (26) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 61,15%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 18,95 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 0,53% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (SANCOR / INDIANA / BANESTES / AIG / GENTE / ACE SEG), perfazendo outros R$ 2181,63 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 45

46 Ramo Transporte Nacional O ramo Transporte Nacional apresenta vários competidores (26) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 79,90%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 3,36 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 28,74% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ALIANÇA BR / GENERALI / HDI SEG / AXA / QBE / SWISS RE), perfazendo outros R$ 238,02 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 46

47 Ramo Transporte Internacional O ramo Transporte Internacional apresenta vários competidores (26) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 62,74%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 6,12 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 46,25% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ALIANÇA BR / SULAMERICA CIA / AXA / QBE), perfazendo outros R$ 148,30 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 47

48 Ramo R.C.T. Rod Interest e Internac - RC Ônibus O ramo R.C.T. Rod Interest e Internac - RC Ônibus apresenta poucos competidores (3) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 71,13%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,33 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 37,27% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 48

49 Ramo R.C. Facultativa Veículos - RCFV Ônibus O ramo R.C. Facultativa Veículos - RCFV Ônibus apresenta vários competidores (12) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 63,09%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 2,26 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 8,00% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 49

50 Ramo R.C. Transp Carga Viagem Int - RCTR-VI-C O ramo R.C. Transp Carga Viagem Int - RCTR-VI-C apresenta vários competidores (14) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 40,13%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,11 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 10,87% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 50

51 Ramo R.C. Transp Ferroviário Carga RCTF-C O ramo R.C. Transp Ferroviário Carga RCTF-C apresenta poucos competidores (4) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi negativa. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,53 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 30,76% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 51

52 Ramo R.C. Tr Viagem Int pess ou não-carta Azul O ramo R.C. Tr Viagem Int pess ou não-carta Azul apresenta poucos competidores (4) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 38,44%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,27 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 18,39% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 52

53 Ramo R.C. Transp Aéreo Carga - RCTA-C O ramo R.C. Transp Aéreo Carga - RCTA-C apresenta vários competidores (19) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 92,22%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,07 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 78,40% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 53

54 Ramo R.C. Transp Rodoviário Carga - RCTR-C O ramo R.C. Transp Rodoviário Carga - RCTR-C apresenta vários competidores (25) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 73,55%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 2,33 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 6,62% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (HDI SEG / XL / GENERALI / STARR / QBE), perfazendo outros R$ 240,66 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 54

55 Ramo R.C. Transp Desvio de Carga - RCF-DC O ramo R.C. Transp Desvio de Carga - RCF-DC apresenta vários competidores (25) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 1,33 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 23,65% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (XL / QBE / STARR), perfazendo outros R$ 119,71 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 55

56 Ramo R.C. Transp Aquaviário Carga - RCA-C O ramo R.C. Transp Aquaviário Carga - RCA-C apresenta vários competidores (13) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,02 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 35,06% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 56

57 Ramo R.C. Op Transp Multimodal - RCOTM-C O ramo R.C. Op Transp Multimodal - RCOTM-C apresenta apenas uma companhia com emissão de prêmio no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 21,57%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,40 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de nan por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 57

58 Ramo Stop Loss O ramo Stop Loss apresenta poucos competidores (2) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 50,11%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,04 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 34,88% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 58

59 Ramo Garantia de Obrigações Públicas (Run-off) O ramo Garantia de Obrigações Públicas (Run-off) apresenta vários competidores (8) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi negativa. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,00 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 451,68% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 59

60 Ramo Fiança Locatícia O ramo Fiança Locatícia apresenta vários competidores (22) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 42,10%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 2,69 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 4,06% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (CHUBB DO BRASIL / GENERALI), perfazendo outros R$ 123,55 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 60

61 Ramo Crédito Interno O ramo Crédito Interno apresenta vários competidores (15) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 3,29 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 2,00% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 61

62 Ramo Crédito à Exportação O ramo Crédito à Exportação apresenta vários competidores (6) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 65,36%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,55 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 86,70% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 62

63 Ramo Garantia Segurado - Setor Público O ramo Garantia Segurado - Setor Público apresenta vários competidores (27) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 15,67%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 16,58 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,67% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (YASUDA MARÍTIMA / SAFRA / ALIANÇA BR / INVESTPREV / XL / EXCELSIOR), perfazendo outros R$ 499,37 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 63

64 Ramo Garantia Segurado - Setor Privado O ramo Garantia Segurado - Setor Privado apresenta vários competidores (27) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,02 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 207,98% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 64

65 Ramo Crédito Doméstico Risco Comercial (Run-off) O ramo Crédito Doméstico Risco Comercial (Run-off) apresenta poucos competidores (2) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 89,70%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,09 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 29,59% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 65

66 Ramo Crédito Doméstico Risco Pessoa Física (Runoff) O ramo Crédito Doméstico Risco Pessoa Física (Run-off) apresenta poucos competidores (3) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,90 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 133,41% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 66

67 Ramo Seguro Funeral O ramo Seguro Funeral apresenta vários competidores (37) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 21,83%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,87 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 1,99% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ALFA V&P / LIBERTY / ITAU SEGUROS / CENTAURO V&P / GENERALI / MAPFRE / CARDIF V&P / CHUBB DO BRASIL / YASUDA MARÍTIMA / ALLIANZ / UNIAO / GENTE / RSA GROUP / MITSUI SUMITOMO / SABEMI / USEBENS), perfazendo outros R$ 124,34 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 67

68 Ramo Perda Cert de Hab de Vôo - PCHV O ramo Perda Cert de Hab de Vôo - PCHV apresenta apenas uma companhia com emissão de prêmio no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi negativa. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,00 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,00% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 68

69 Ramo Viagem O ramo Viagem apresenta vários competidores (14) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 30,55%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 1,09 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 2,00% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 69

70 Ramo Prestamista (exceto Habitacional e Rural) O ramo Prestamista (exceto Habitacional e Rural) apresenta vários competidores (46) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 19,61%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 44,21 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 2,30% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (ALSEG / SULAMERICA P&P / YASUDA MARÍTIMA / USEBENS / QBE / INDIANA / ASSURANT / SABEMI / ALFA V&P / SANCOR / UNIMED V / CHUBB DO BRASIL / LIBERTY / AXA / CENTAURO V&P / BANESTES / MAPFRE VIDA / ACE SEG / NOBRE SEG / UNIAO / MBM / ITAU V&P / GENERALI / INVESTPREV), perfazendo outros R$ 2181,88 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 70

71 Ramo Educacional O ramo Educacional apresenta vários competidores (12) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,11 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 2,86% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 71

72 Ramo Acidentes Pessoais O ramo Acidentes Pessoais apresenta vários competidores (59) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 17,57%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 14,88 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 1,98% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (PREVISUL / YASUDA MARÍTIMA / ICATU / CARDIF V&P / RIO GRANDE / QBE / ALSEG / LIBERTY / RSA GROUP / CAIXA SEG / GENERALI / PAN / MBM / SINAF / ALFA V&P / ALLIANZ / CENTAURO V&P / ASSURANT / HDI SEG / GENTE / INVESTPREV / NOBRE SEG / ITAU BMG / UNIAO / BANESTES / INVESTPREV V&P / STARR / AXA / AIG / USEBENS / BRADESCO SEG / MITSUI SUMITOMO / SANCOR / OMINT / HDI GLOBAL / EXCELSIOR / ALIANÇA BA / COSESP / ANGELUS), perfazendo outros R$ 1469,91 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 72

73 Ramo Doenças Graves ou Doença Terminal O ramo Doenças Graves ou Doença Terminal apresenta vários competidores (21) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 12,90%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 4,12 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 3,14% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (RIO GRANDE), perfazendo outros R$ 184,14 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 73

74 Ramo Desemprego/Perda de Renda O ramo Desemprego/Perda de Renda apresenta vários competidores (19) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 23,33%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,06 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 7,06% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 74

75 Ramo Eventos Aleatórios O ramo Eventos Aleatórios apresenta vários competidores (34) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 28,46%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,76 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 5,51% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (GENTE / YASUDA MARÍTIMA / MBM / SULAMERICA P&P / HSBC / CENTAURO V&P / CARDIF V&P / ALSEG / USEBENS / RSA GROUP / ALFA V&P / ASSURANT / LIBERTY / OMINT), perfazendo outros R$ 201,48 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 75

76 Ramo Vida O ramo Vida apresenta vários competidores (60) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 45,80%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 25,05 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 3,67% por mês na Sinistralidade. Além das 20 companhias apresentadas no gráfico existem outros participantes deste segmento (MAPFRE / CHUBB DO BRASIL / MONGERAL AEGON / PREVISUL / ALSEG / ACE SEG / AXA / BANESTES / CAPEMISA V&P / SINAF / ALFA V&P / QBE / SAFRA V&P / PAN / CARDIF V&P / MBM / MITSUI SUMITOMO / RSA GROUP / GENTE / AIG / CENTAURO V&P / ITAU BMG / SANCOR / UNIAO / HDI SEG / SULAMERICA NAC / NOBRE SEG / COSESP / INVESTPREV V&P / STARR / FAIRFAX / ASSURANT / ALIANÇA BA / EXCELSIOR / OMINT / SABEMI / USEBENS / HDI GLOBAL / BRADESCO SEG / INVESTPREV), perfazendo outros R$ 3331,41 milhões em prêmio emitido. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 76

77 Ramo VGBL / VAGP / VRGP / VRSA / VRI O ramo VGBL / VAGP / VRGP / VRSA / VRI apresenta apenas uma companhia com emissão de prêmio no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi negativa. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se diminuição média de 0,15 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de nan por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 77

78 Ramo Seg Hab Ap Mercado - Prestamista O ramo Seg Hab Ap Mercado - Prestamista apresenta vários competidores (18) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 28,33%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 1,82 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 1,97% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 78

79 Ramo Seg Hab Ap Mercado - Demais Coberturas O ramo Seg Hab Ap Mercado - Demais Coberturas apresenta vários competidores (15) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 7,57%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,60 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 2,30% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 79

80 Ramo Seg Hab fora do Sist Fin da Habitação O ramo Seg Hab fora do Sist Fin da Habitação apresenta vários competidores (6) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 34,53%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 0,22 milhões de reais por mês, com correspondente diminuição média de 0,71% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 80

81 Ramo Seguro Agrícola sem cobertura do FESR O ramo Seguro Agrícola sem cobertura do FESR apresenta vários competidores (11) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi de 56,76%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 16,39 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 7,34% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 81

82 Ramo Seguro Agrícola com cobertura do FESR O ramo Seguro Agrícola com cobertura do FESR apresenta poucos competidores (3) no período de JAN/2016 a ABR/2016, quando a sinistralidade média de mercado foi superior a 100%. Em relação ao Prêmio Emitido pelo mercado neste período, observou-se crescimento médio de 20,88 milhões de reais por mês, com correspondente crescimento médio de 38,06% por mês na Sinistralidade. Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016 a ABR/2016 Página 82

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2015 a SET/2015 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201501_a_201509_BRL.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2015

Leia mais

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2015 a OUT/2015 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201501_a_201510_BRL-DPVAT.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2015

Leia mais

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2015 a SET/2015 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201501_a_201509_BRL-DPVAT.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2015

Leia mais

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2015 a JAN/2016 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201501_a_201601_BRL-DPVAT.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2015

Leia mais

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro

Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro Emissão entre JAN/2016 a MAR/2016 [Arquivo Resumo_SUSEP_de_201601_a_201603_BRL.pdf] Análise I4PRO do Mercado Segurador Brasileiro - Emissão entre JAN/2016

Leia mais

ANÁLISE DOS PRÊMIOS EMITIDOS GRUPOS / UNIDADE DA FEDERAÇÃO I SEMESTRE 2014

ANÁLISE DOS PRÊMIOS EMITIDOS GRUPOS / UNIDADE DA FEDERAÇÃO I SEMESTRE 2014 ANÁLISE DOS PRÊMIOS EMITIDOS GRUPOS / UNIDADE DA FEDERAÇÃO I SEMESTRE 2014 lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 PRÊMIOS EMITIDOS: De acordo com os números divulgados pela SUSEP (07/08/2014)

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA I TRIMESTRE - 2012

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA I TRIMESTRE - 2012 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA I TRIMESTRE - 2012 1 INTRODUÇÃO: A SUSEP divulgou os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao I Trimestre de 2011. Esses números são calcados

Leia mais

VIDA EM GRUPO JAN A AGOSTO 2015 1- MERCADO GLOBAL:

VIDA EM GRUPO JAN A AGOSTO 2015 1- MERCADO GLOBAL: VIDA EM GRUPO JAN A AGOSTO 1- MERCADO GLOBAL: O segmento de Vida em Grupo detém o segundo lugar no ranking de vendas do Mercado, representando 10,92% das vendas totais em contra 10,48% do ano passado.

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE 2010 X 2009

MERCADO BRASILEIRO DE 2010 X 2009 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS 2010 X 2009 1 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESULTADOS DE 2010 X 2009 A SUSEP divulgou hoje os números do Mercado de Seguros referente ao Exercício de 2010. Essa divulgação

Leia mais

(MLRV) SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: No seguro de vida podem ser contratadas garantias de morte ou invalidez, ambas por acidente

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA 2015 RANKING DE OPERADORAS COM E SEM VGBL E INDICADORES OPERACIONAIS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS E PREVIDÊNCIA 2015 RANKING DE OPERADORAS COM E SEM VGBL E INDICADORES OPERACIONAIS E PREVIDÊNCIA 2015 RANKING DE OPERADORAS COM E SEM VGBL E INDICADORES OPERACIONAIS 04/02/2016 1 Esse estudo vem apresentar o ranking brasileiro de seguradoras do Execício de 2015 com e sem o produto financeiro

Leia mais

CASTIGLIONE SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A SET DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

CASTIGLIONE SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A SET DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO VIDA EM GRUPO JAN A SET DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: No seguro de vida podem ser contratadas garantias de morte ou invalidez, ambas por acidente

Leia mais

Já considerando o VGBL temos um crescimento nominal de 11,44% ou real de 0,86% (praticamente acompanhou a inflação).

Já considerando o VGBL temos um crescimento nominal de 11,44% ou real de 0,86% (praticamente acompanhou a inflação). INTRODUÇÃO: Nesse estudo apresento o desempenho do Mercado de Seguros em termos de volume de prêmios emitidos e resultados por grupo / seguradora nas versões com e sem o produto financeiro VGBL e a estrutura

Leia mais

ANEXO (TABELA DE RAMOS E GRUPOS) Bens em Geral

ANEXO (TABELA DE RAMOS E GRUPOS) Bens em Geral ANEXO (TABELA DE RAMOS E GRUPOS) Nome 01 Patrimonial 12 Assistência Bens em Geral informadas no Ramo Riscos Diversos (0171). Engloba as operações de seguro de garantia estendida/complementação de garantia,

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. 1º Semestre/2010

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. 1º Semestre/2010 RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL 1º Semestre/2010 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Setembro/2010 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br 1 SUMÁRIO:

Leia mais

CASTIGLIONE SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A SETEMBRO DE 2015 SUSEP SES

CASTIGLIONE SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A SETEMBRO DE 2015 SUSEP SES SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A SETEMBRO DE 2015 SUSEP SES 1 1- INTRODUÇÃO: O Seguro de Acidentes Pessoais garante o pagamento de uma indenização aos beneficiários em caso de morte acidental, em caso de

Leia mais

CASTIGLIONE SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A OUTUBRO DE 2015 SUSEP SES

CASTIGLIONE SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A OUTUBRO DE 2015 SUSEP SES SEGURO JAN A OUTUBRO DE 2015 SUSEP SES 1 1- INTRODUÇÃO: O Seguro de Acidentes Pessoais garante o pagamento de uma indenização aos beneficiários em caso de morte acidental, em caso de invalidez permanente

Leia mais

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JULHO 2014 NÚMEROS SUSEP SES

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JULHO 2014 NÚMEROS SUSEP SES ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JULHO NÚMEROS SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Como sabemos a SUSEP, no intuito de aperfeiçoar as avaliações

Leia mais

(MLRV) TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 TRANSPORTES NACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Lamentavelmente a SUSEP alterou a estrutura de resultados não mais detalhando os prêmios

Leia mais

[ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF]

[ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF] [ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF] ESTUDO DE MERCADO REFERENTE AO TOTAL ARRECADADO ENTRE PRÊMIOS E CONTRIBUIÇÕES NO MERCADO Realizado Acumulado - 2009 / 2010 -

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras 2014 Ranking das - 2014 1 2 Ranking das - 2014 Mensagem do Presidente Crescendo em situação econômica desafiadora Costumo dizer que atuamos em um setor que segue crescendo, até mesmo, em momentos desfavoráveis

Leia mais

(MLRV) SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO ACIDENTES PESSOAIS JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: O Seguro de Acidentes Pessoais garante o pagamento de uma indenização aos beneficiários

Leia mais

(MLRV) SEGURO EMPRESARIAL JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO EMPRESARIAL JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: O Seguro Empresarial vem sofrendo baixas expressivas em função da situação econômica do País. Baixo

Leia mais

RESENHA DO RESULTADO DO MERCADO DE SEGUROS. Faturamento e Rentabilidade dos Segmentos de Seguros, Previdência Privada e Capitalização.

RESENHA DO RESULTADO DO MERCADO DE SEGUROS. Faturamento e Rentabilidade dos Segmentos de Seguros, Previdência Privada e Capitalização. RESENHA DO RESULTADO DO MERCADO DE SEGUROS Janeiro a Dezembro de 2008 Faturamento e Rentabilidade dos Segmentos de Seguros, Previdência Privada e Capitalização. Dados Realizados em 2008 e Estimados para

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras 2013 Ranking das - 2013 1 2 Ranking das - 2013 Mensagem do Presidente Ambiente favorável ao corretor O Sincor-SP tem a satisfação de apresentar mais uma edição do Ranking das, assinado pelo economista

Leia mais

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Setembro 2014

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Setembro 2014 Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Setembro 2014 Rua Senador Dantas, nº 74 11º andar Cep 20.031-205 Rio de Janeiro RJ Brasil Tel: +55 21 2510-7914 Fax: +55 21 2510-7930 e-mail: fenaprevi@fenaprevi.org.br

Leia mais

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Como sabemos a SUSEP, no intuito de aperfeiçoar as avaliações

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras Ranking das Seguradoras 2010 Mensagem do Presidente Não há progresso sem mudanças O processo de mudança continua a cada instante que passa. Não vivemos uma época de mudanças, mas uma mudança de época.

Leia mais

CENÁRIO: NOVA REPRESENTAÇÃO CONFEDERAÇÃO DE SEGUROS E RESPECTIVAS FEDERAÇÕES

CENÁRIO: NOVA REPRESENTAÇÃO CONFEDERAÇÃO DE SEGUROS E RESPECTIVAS FEDERAÇÕES CENÁRIO: NOVA REPRESENTAÇÃO CONFEDERAÇÃO DE SEGUROS E RESPECTIVAS FEDERAÇÕES = 2 DADOS Federação Nacional de Seguros Gerais - Fenseg Fundada em 07 de fevereiro de 2007 Endereço: Rua Senador Dantas, 74

Leia mais

ANEXO I-A Constituição da provisão de IBNR todos os ramos de seguros, exceto seguros de Vida do grupo Pessoas Individual e seguros dotais

ANEXO I-A Constituição da provisão de IBNR todos os ramos de seguros, exceto seguros de Vida do grupo Pessoas Individual e seguros dotais ANEXO I-A Constituição da provisão de IBNR todos os ramos de seguros, exceto seguros de Vida do grupo Pessoas Individual e seguros dotais Art. 1º Para os ramos que estão em run-off, deverão ser utilizados

Leia mais

ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS

ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS Fl. 9 da CIRCULAR SUSEP N o 395, de 3 de dezembro de 2009. ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS Grupo Nome do Grupo Identificador Nome 01 Patrimonial 12 Assistência Bens em Geral informadas no Ramo Riscos

Leia mais

(MLRV) TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Lamentavelmente a SUSEP alterou a estrutura de resultados não mais detalhando os

Leia mais

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Como sabemos a SUSEP, no intuito de aperfeiçoar as avaliações de

Leia mais

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NACIONAL E DA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF. Período de Referência: Dezembro de 2012

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NACIONAL E DA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF. Período de Referência: Dezembro de 2012 ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR NACIONAL E DA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF Período de Referência: Dezembro de 2012 Dezembro de 2012 Os dados apresentados foram extraídos da base SUSEP, a qual

Leia mais

Período de Referência: Dezembro de 2010 [ ESTUDO RERERENTE AO MERCADO SEGURADOR NACIONAL NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF

Período de Referência: Dezembro de 2010 [ ESTUDO RERERENTE AO MERCADO SEGURADOR NACIONAL NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF Período de Referência: Dezembro de 2010 [ ESTUDO RERERENTE AO MERCADO SEGURADOR NACIONAL NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF ] ABRANGÊNCIA DO SINDSEG Os dados apresentados foram extraídos da

Leia mais

MARGEM DE TRANSPORTES 2010 JAN A SET/2012. lcastiglione@uol.com.br - 11-992836616

MARGEM DE TRANSPORTES 2010 JAN A SET/2012. lcastiglione@uol.com.br - 11-992836616 MARGEM DE TRANSPORTES 2010 JAN A SET/2012 1 CONCEITOS E FONTES: Esse estudo tomou por base as informações divulgadas pela SUSEP através do sistema SES de 2010, 2011 e de jan a set/2012. Esses números foram

Leia mais

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN 2015:

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN 2015: 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 07/03/2015 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao mês de janeiro 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco de dados SES o

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Até Outubro/2004

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Até Outubro/2004 RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL Até Outubro/2004 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Janeiro/2005 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br Rating de Seguros

Leia mais

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO 2014 NÚMEROS SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Como sabemos a SUSEP, no intuito de aperfeiçoar

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras Ranking das Seguradoras 0 Mensagem do Presidente O mercado e a bússola Mais uma vez, temos a satisfação de publicar o ranking das companhias seguradoras, uma vez que um dos grandes desafios do setor é

Leia mais

PAINEL OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DO MERCADO DE SEGUROS MINEIRO. Seguros de Pessoas

PAINEL OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DO MERCADO DE SEGUROS MINEIRO. Seguros de Pessoas PAINEL OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DO MERCADO DE SEGUROS MINEIRO Seguros de Pessoas SEGUROS DE PESSOAS Brasil por UF SP e RJ detém 60% do mercado; MG se mantém em 3º no Brasil, com 7,6% de participação;

Leia mais

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Maio 2014

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Maio 2014 Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Maio 2014 Rua Senador Dantas, nº 74 11º andar Cep 20.031-205 Rio de Janeiro RJ Brasil Tel: +55 21 2510-7914 Fax: +55 21 2510-7930 e-mail: fenaprevi@fenaprevi.org.br

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS I BIMESTRE -2013 1 O segmento de Automóveis encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 4,3 bilhões contra R$ 3,4 bilhões de 2012, um crescimento

Leia mais

IMPACTO DOS CUSTOS DOS CONFLITOS NAS SEGURADORAS

IMPACTO DOS CUSTOS DOS CONFLITOS NAS SEGURADORAS IMPACTO DOS CUSTOS DOS CONFLITOS NAS SEGURADORAS 1. Dimensionamento dos conflitos --- sinistros judiciais 2. Distribuição por ramos e por tempo 3. Visão Global --- Impacto no mercado 4. As experiências

Leia mais

SEGURO PRESTAMISTA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES

SEGURO PRESTAMISTA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES SEGURO PRESTAMISTA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: As características do seguro prestamista fazem com que o período de vigência seja de acordo

Leia mais

AUTOMÓVEIS JAN A ABRIL 2015

AUTOMÓVEIS JAN A ABRIL 2015 AUTOMÓVEIS JAN A ABRIL 2015 Como sabemos a modalidade de Automóveis ainda é o carro-chefe do segmento de seguros. Desde a renúncia fiscal (IPI), aumento de crédito e taxa de juros mais coerentes, que a

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL 2008 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Março/2009 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br 1 SUMÁRIO: I) Critérios II)

Leia mais

Normas gerais em seguro privado: concorrência e regulação de sinistro (Seminário Nova Lei Geral de Seguros 2012) CADE USP

Normas gerais em seguro privado: concorrência e regulação de sinistro (Seminário Nova Lei Geral de Seguros 2012) CADE USP Normas gerais em seguro privado: concorrência e regulação de sinistro (Seminário Nova Lei Geral de Seguros 2012) A lessandro O c tav iani CADE USP Agenda 1. Análise de voto do CADE BB Mapfre (2012) 2.

Leia mais

RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012

RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012 RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012 1 ANÁLISE RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS: Essa análise está calcada nos números divulgados pela SUSEP referente ao período de jan a maio de 2012 através

Leia mais

AUTOMÓVEIS JAN A JUNHO 2015

AUTOMÓVEIS JAN A JUNHO 2015 AUTOMÓVEIS JAN A JUNHO 2015 Como sabemos a modalidade de Automóveis ainda é o carro-chefe do segmento de seguros. Desde a renúncia fiscal (IPI), aumento de crédito e taxa de juros mais coerentes, que a

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL I BIMESTRE -2013 1 O segmento de RC Geral encerrou o I Bimestre com um volume de produção de R$ 130 milhões contra R$ 124 milhões de 2012, um crescimento nominal

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS I BIMESTRE -2013 1 O segmento de Transportes Internacionais encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 85 milhões contra R$ 84 milhões

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras Ranking das Seguradoras º- semestre 202 Mensagem do Presidente O que mudou em 202. O agrupado de informações sobre um determinado grupo é fundamental para que possamos avaliar o comportamento de cada um

Leia mais

Ranking das. Seguradoras

Ranking das. Seguradoras Ranking das Seguradoras 2016 Mensagem do Presidente Mesmo no ano difícil de 2016, setor apresenta crescimento em alguns ramos O Ranking das Seguradoras é um tradicional estudo do Sincor-SP, bastante aguardado

Leia mais

SEGUROS DE RESPONSABILIDADES DADOS SUSEP JAN A AGOSTO - 2012

SEGUROS DE RESPONSABILIDADES DADOS SUSEP JAN A AGOSTO - 2012 SEGUROS DE RESPONSABILIDADES DADOS SUSEP JAN A AGOSTO - 2012 1 INTRODUÇÃO: Esses números foram extraídos do sistema de informações da SUSEP SES o qual é formado através dos FIPES que as seguradoras enviam

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Ano de 2006

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Ano de 2006 RANKING DAS SEGURADORAS Ano de 2006 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Março/2006 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br 1 SUMÁRIO: I) Critérios II)

Leia mais

ANÁLISE PRODUTOS 2014 SEGURO GARANTIA I TRIMESTRE DE 2014

ANÁLISE PRODUTOS 2014 SEGURO GARANTIA I TRIMESTRE DE 2014 ANÁLISE PRODUTOS 2014 SEGURO GARANTIA I TRIMESTRE DE 2014 lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Lamentavelmente esse estudo será restrito ao volume de prêmios não tendo, por

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Ano de 2005

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. Ano de 2005 RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL Ano de 2005 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Março/2006 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br 1 SUMÁRIO: I) Critérios

Leia mais

De fato a situação poderá se complicar em função da situação econômica do País.

De fato a situação poderá se complicar em função da situação econômica do País. 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 21/09/2015 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a julho de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco de

Leia mais

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A SET 2015:

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A SET 2015: 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 26/10/2015 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a setembro de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Superintendência de Seguros Privados

MINISTÉRIO DA FAZENDA Superintendência de Seguros Privados MINISTÉRIO DA FAZENDA Superintendência de Seguros Privados CIRCULAR SUSEP nº XXX, de X de XXXX de 2013 Estabelece critérios para fins de cálculo da provisão de sinistros ocorridos e não avisados (IBNR)

Leia mais

Ranking das. Seguradoras

Ranking das. Seguradoras Ranking das Seguradoras 2015 Mensagem do Presidente Setor sente reflexos da economia e deve retomar crescimento O Ranking das Seguradoras é um tradicional estudo do Sincor-SP bastante aguardado pelo mercado.

Leia mais

O Cenário Atual do Mercado Segurador Brasileiro e suas Perspectivas. www.ratingdeseguros.com.br Francisco Galiza Junho/2010

O Cenário Atual do Mercado Segurador Brasileiro e suas Perspectivas. www.ratingdeseguros.com.br Francisco Galiza Junho/2010 O Cenário Atual do Mercado Segurador Brasileiro e suas Perspectivas www.ratingdeseguros.com.br Francisco Galiza Junho/2010 Sumário 1) Passado: História Econômica do Setor 2) Presente: Situação Atual 3)

Leia mais

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS GARANTIAS JAN A DEZ 2014 NÚMEROS SUSEP - SES (02/03/2015)

ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS GARANTIAS JAN A DEZ 2014 NÚMEROS SUSEP - SES (02/03/2015) ANÁLISE MERCADO DE SEGUROS JAN A DEZ 2014 NÚMEROS SUSEP - SES (02/03/2015) lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Como sabemos a SUSEP, no intuito de aperfeiçoar as avaliações

Leia mais

(MLRV) SEGURO RESIDENCIAL JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO RESIDENCIAL JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO RESIDENCIAL JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: O Seguro Residencial na atualidade tem um objetivo primordial à proteção das residenciais

Leia mais

ENDEREÇO: AV. PAULISTA, 1294, - 16º, 17º, 18º E 21º ANDARES - BELA VISTA

ENDEREÇO: AV. PAULISTA, 1294, - 16º, 17º, 18º E 21º ANDARES - BELA VISTA RELAÇÃO DE SEGURADORAS DPVAT ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: 03.502.099/0001-18 CÓDIGO FIP: 06513 ENDEREÇO: AV. PAULISTA, 1294, - 16º, 17º, 18º E 21º ANDARES - BELA VISTA CIDADE: SÃO PAULO - SP - CEP: 01310915

Leia mais

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF OUTUBRO DE 2015

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF OUTUBRO DE 2015 ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF OUTUBRO DE 2015 OUTUBRO DE 2015 Os dados apresentados foram extraídos da base SUSEP, a qual é composta de informações fornecidas pelas companhias

Leia mais

Como poderemos ver é uma modalidade de alta rentabilidade e dominada pelo canal banco.

Como poderemos ver é uma modalidade de alta rentabilidade e dominada pelo canal banco. MERCADO DE SEGUROS BRASILEIRO RESIDENCIAL JANEIRO A JULHO DE 2008 Esse poderá ser o primeiro grande produto do chamado micro seguro. De fato a dificuldade para sua aplicabilidade para as camadas menos

Leia mais

ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS. Nome do Ramo Sugestão de Alteração Justificativa ou. Assistência Bens em Geral. Compreensivo Residencial

ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS. Nome do Ramo Sugestão de Alteração Justificativa ou. Assistência Bens em Geral. Compreensivo Residencial ANEXO I TABELA DE RAMOS E GRUPOS Grupo 01 Patrimonial 12 Assistência Bens em Geral 01 Patrimonial 14 01 Patrimonial 16 Compreensivo Residencial Compreensivo Condomínio 01 Patrimonial 18 Compreensivo Empresarial

Leia mais

Como Classificar Pequenas e Médias Empresas no Setor de Seguros Princípio da Proporcionalidade. Sumário. Projeto nº 05 Ano 2012 1. APRESENTAÇÃO...

Como Classificar Pequenas e Médias Empresas no Setor de Seguros Princípio da Proporcionalidade. Sumário. Projeto nº 05 Ano 2012 1. APRESENTAÇÃO... Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. REVISÃO DOS CRITÉRIOS EXISTENTES... 1 2.1. FONTE EUROPEIA... 2 2.2. FONTE BRASILEIRA... 2 2.3. INSURANCE EUROPE... 3 2.4. ERNST&YOUNG... 3 3. DESCRIÇÃO DA ANÁLISE... 4 3.1.

Leia mais

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF JULHO DE 2017

ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF JULHO DE 2017 ESTUDO DO MERCADO SEGURADOR ABRANGÊNCIA DO SINDSEG MG/GO/MT/DF JULHO DE 2017 JULHO DE 2017 Os dados apresentados foram extraídos da base SUSEP, a qual é composta de informações fornecidas pelas companhias

Leia mais

Terra Report. Relatório do Mercado Brasileiro de Resseguros. número 11. Edição. Abril 2014

Terra Report. Relatório do Mercado Brasileiro de Resseguros. número 11. Edição. Abril 2014 Edição número 11 Abril 2014 Data de publicação: 24 de Julho de 2014 Terra Report Índice: Introdução... 3 Mercado Brasileiro de Seguros Gerais... 4 Mercado Brasileiro de Resseguros... 8 Resultado das Resseguradoras

Leia mais

(MLRV) SEGURO RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: As coberturas oferecidas pelo mercado podem ser básicas, especiais e adicionais.

Leia mais

SEGURO RISCOS RURAIS 2002 / JAN A SET - 2012

SEGURO RISCOS RURAIS 2002 / JAN A SET - 2012 SEGURO RISCOS RURAIS 2002 / JAN A SET - 2012 1 SEGURO RISCOS RURAIS Esse estudo tomou por base dados oficiais gerados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, IBGE e pela SUSEP (Superintendência

Leia mais

MERCADO SEGURADOR BRASILEIRO GARANTIA - TOTAL R$ 2010 % 2011 % %11/10. Prêmios Líquidos Emitidos R$ 260.843.284 100,0% R$ 313.271.

MERCADO SEGURADOR BRASILEIRO GARANTIA - TOTAL R$ 2010 % 2011 % %11/10. Prêmios Líquidos Emitidos R$ 260.843.284 100,0% R$ 313.271. MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS GARANTIA JAN A MAIO 2011 Esse foi um dos conjuntos que sofreram alterações em classificação de produtos. Pelo relatório da SUSEP passamos a ter somente dois ramos: Garantia

Leia mais

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Outubro 2013

Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Outubro 2013 Mercado de Seguros de Pessoas Dados Estatísticos Outubro 2013 Rua Senador Dantas, nº 74 11º andar Cep 20.031-205 Rio de Janeiro RJ Brasil Tel: +55 21 2510-7914 Fax: +55 21 2510-7930 e-mail: fenaprevi@fenaprevi.org.br

Leia mais

Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008

Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008 Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008 I) Critérios www.ratingdeseguros.com.br 1) Os dados usados serão os números de 2007 e do 1º Semestre de 2008. 2) Os prêmios serão dados nas

Leia mais

Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva

Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br Maio/2009 Sumário 1) Situação Atual 2) Mercado Segurador em 2015?? (1ª Pesquisa Dezembro/2008) 3) Mercado Segurador

Leia mais

(MLRV) SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: O seguro de Garantia Estendida tem como objetivo fornecer ao segurado, facultativamente

Leia mais

Auto. O coração do negócio. O coração do negócio

Auto. O coração do negócio. O coração do negócio Uma das características conhecidas do Grupo Itaú é a preocupação especial com seus clientes. Os funcionários seguem à risca a circular de 1962, que alertava a todos que a instituição vive de sua clientela.

Leia mais

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. 1º Semestre/2009

RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL. 1º Semestre/2009 RANKING DAS SEGURADORAS BRASIL 1º Semestre/2009 Este estudo é patrocinado pelo SINCOR-SP (www.sincorsp.org.br) Setembro/2009 Responsável Técnico: Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br 1 SUMÁRIO:

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS ACIDENTES PESSOAIS RESULTADOS E INDICADORES JAN A MAIO 2010 09-07-2010 1 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS ACIDENTES PESSOAIS Esse conjunto encerrou o período com um volume de

Leia mais

(MLRV) SEGURO D&O JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO D&O JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO D&O JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: D&O é uma abreviação da expressão em inglês Directors and Officers Liability Insurance. Este seguro

Leia mais

:: SEI / CADE - 0056816 - Parecer ::

:: SEI / CADE - 0056816 - Parecer :: Página 1 de 9 Ministério da Justiça - MJ Conselho Administrativo de Defesa Econômica - CADE SEPN 515 Conjunto D, Lote 4 Ed. Carlos Taurisano, 2º andar - Bairro Asa Norte, Brasília/DF, CEP 70770-504 Telefone:

Leia mais

Classificação A Classificação do ramo Riscos de Engenharia compreende várias modalidades, enquadradas em duas grandes categorias:

Classificação A Classificação do ramo Riscos de Engenharia compreende várias modalidades, enquadradas em duas grandes categorias: MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RISCOS DE ENGENHARIA JAN A MAIO / 2011 Os Seguros de Riscos de Engenharia garantem, basicamente, a reposição de bens que tenham sofrido danos materiais, oferecendo cobertura

Leia mais

Ranking das Seguradoras

Ranking das Seguradoras Ranking das Seguradoras 0 Ranking das Seguradoras Ranking das Seguradoras - 0 Mensagem do Presidente A importância dos rankings O Sincor-SP está disponibilizando mais uma vez, a todo o mercado de seguros,

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL JAN A MAIO -2013 1 O segmento de Residencial encerrou o período com um volume de produção de R$ 804,8 milhões contra R$ 652,4 milhões de 2012, um crescimento nominal

Leia mais

A Margem de Contribuição do conjunto passou de 23,7% dos prêmios emitidos em 2014 para 21,9% em 2015.

A Margem de Contribuição do conjunto passou de 23,7% dos prêmios emitidos em 2014 para 21,9% em 2015. 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 09/06/2015 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a abril de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco de

Leia mais

PRÊMIO BANDEIRANTE 2015. XVI Edição. Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é?

PRÊMIO BANDEIRANTE 2015. XVI Edição. Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é? PRÊMIO BANDEIRANTE 2015 XVI Edição Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é? Idealizado pelo Sindicato dos Corretores e das Empresas Corretoras de Seguros, de Capitalização e de Previdência Privada

Leia mais

De forma geral serve como um elemento de apoio econômico, proporcionando segurança financeira ao investimento.

De forma geral serve como um elemento de apoio econômico, proporcionando segurança financeira ao investimento. MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RISCOS DE ENGENHARIA 12 MESES ENCERRADOS EM ABRIL DE 2009 O seguro de Riscos de Engenharia garante ao construtor a cobertura para os prejuízos que venha a sofrer em decorrência

Leia mais

A Margem de Contribuição do conjunto passou de 28,1% dos prêmios emitidos em 2014 para 22,1% em 2015.

A Margem de Contribuição do conjunto passou de 28,1% dos prêmios emitidos em 2014 para 22,1% em 2015. 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 30/07/2015 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a junho de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco de

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL JAN -2013 1 O segmento de Residencial encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 160 milhões contra R$ 125 milhões de 2012, um crescimento nominal

Leia mais

VOTO PROCESSO N.º 15414.001971/2008-48 DIRETOR ALEXANDRE PENNER

VOTO PROCESSO N.º 15414.001971/2008-48 DIRETOR ALEXANDRE PENNER VOTO ASSUNTO: MINUTA DE CIRCULAR QUE ESTABELECE A CODIFICAÇÃO DOS RAMOS DE SEGUROS E DISPÕE SOBRE A CLASSIFICAÇÃO DE COBERTURAS CONTIDAS EM PLANOS DE SEGUROS, PARA FINS DE CONTABILIZAÇÃO. PROCESSO N.º

Leia mais

MERCADO SEGURADOR BRASILEIRO SEGURO PRESTAMISTA 12 MESES ENCERRADOS EM ABRIL DE 2009 e 2008.

MERCADO SEGURADOR BRASILEIRO SEGURO PRESTAMISTA 12 MESES ENCERRADOS EM ABRIL DE 2009 e 2008. MERCADO SEGURADOR BRASILEIRO SEGURO PRESTAMISTA 12 MESES ENCERRADOS EM ABRIL DE 2009 e 2008. O Seguro de Vida Prestamista é um seguro que garante o recebimento da dívida de seus clientes. Destinado às

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS PRESTAMISTA RESULTADOS E INDICADORES JAN A MAIO 2010 09-07-2010 1 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS PRESTAMISTA Esse conjunto encerrou o período com um volume de vendas de R$

Leia mais

RELAÇÃO PROCESSOS DISTRIBUÍDOS À 35ª VARA CÍVEL REFERENTE A PAGAMENTO DE SEGURO DPVAT

RELAÇÃO PROCESSOS DISTRIBUÍDOS À 35ª VARA CÍVEL REFERENTE A PAGAMENTO DE SEGURO DPVAT RELAÇÃO PROCESSOS DISTRIBUÍDOS À 35ª VARA CÍVEL REFERENTE A PAGAMENTO DE SEGURO DPVAT SEGURADORAS PROCESSOS CAIXA SEGURADORA S/A 10.226.370-4 CAIXA SEGURADORA S/A 10.252.254-7 CAIXA SEGURADORA S/A 10.252.253-9

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RESIDENCIAL I BIMESTRE -2013 1 O segmento de Residencial encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 307 milhões contra R$ 247 milhões de 2012, um crescimento

Leia mais

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A DEZ 2015:

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A DEZ 2015: 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 01/02/2016 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a dezembro de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco

Leia mais

CASTIGLIONE SEGURO PRESTAMISTA JAN A SET DE 2015 SUSEP SES

CASTIGLIONE SEGURO PRESTAMISTA JAN A SET DE 2015 SUSEP SES SEGURO PRESTAMISTA JAN A SET DE 2015 SUSEP SES 1 1- INTRODUÇÃO: As características do seguro prestamista fazem com que o período de vigência seja de acordo com a cobertura individual. O início é às 24

Leia mais

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A NOV 2015:

1- INTRODUÇÃO: 2- RESULTADOS SUSEP JAN A NOV 2015: 1- INTRODUÇÃO: A SUSEP liberou no dia 11/01/2016 os números do Mercado de Seguros e Previdência referente ao período de jan a novembro de 2015. Cabe ainda lembrar que esses números se referem ao banco

Leia mais