qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq"

Transcrição

1 qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui Programa Antitabagismo Nossa Vida Mais Viva opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg 19/12/2014 hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc vanessa.becker vbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc vbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg hjklzxcvbnmrtyuiopasdfghjklzxcvbn mqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwert yuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopas

2 APRESENTAÇÃO O Programa Antitabagismo Nossa vida mais viva é um projeto direcionado para a sensibilização e tratamento quanto ao uso do Tabaco dentro do ambiente de trabalho, junto aos servidores de todos os setores da autarquia, e seus familiares, em decorrência da regulamentação da Lei Antitabaco através do Decreto Federal nº 8262/14. Realizado dentro do ambiente e horário de rotina, com exceção para algumas atividades que foram desenvolvidas fora da autarquia. Com o objetivo de estimular a adesão voluntária do servidor, por meio da educação, na busca por um Estilo da Vida mais saudável. O Programa foi coordenado pela COGEMAS em parceria com a Secretaria de Saúde de Brusque. Com duração de 06 meses, teve seu término em dezembro de 2014, com um público previsto de 40 a 50 participantes (incluindo os familiares). As ações foram acompanhadas por palestras educativas, ações preventivas, motivação para hábitos saudáveis, atividades individuais e em grupos, gerenciamento de estresse e ansiedade e pesquisas internas para levantamento de dados e avaliação dos resultados. O tratamento médico e a atividade física foram consideradas neste programa, fatores-chave para o fortalecimento do processo de mudança. INTRODUÇÃO Este relatório destina-se a apresentar o resultado do processo de Monitoramento e Avaliação das ações desenvolvidas durante o Programa Nossa Vida Mais Viva, desenvolvido pela COGEMAS no ambiente do SAMAE de Brusque. 2

3 Interessa-nos, compartilhar o processo e os resultados obtidos através do acompanhamento das atividades. Este monitoramento foi realizado através de métodos de observação e análise dos efeitos obtidos, tanto os imediatos, quanto os de médio e longo prazos. A nosso ver, o programa possibilitou a produção de um modelo de intervenção cujos efeitos, em vários aspectos, bastante positivos, levaram a COGEMAS a fortalecer o desejo de manter tais práticas, permitindo, ainda aos servidores se beneficiarem dos resultados. Mantendo assim um controle social no enfrentamento de doenças decorrentes do uso do tabaco por fumantes ativos e passivos. E, evidentemente, oferecer contribuições a outras instituições e órgãos interessados na questão. O monitoramento teve como princípio acompanhar em tempo oportuno as ações, permitindo a reestruturação das atividades sempre que necessário para desta forma alcançar os objetivos. AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO ATIVIDADES DESENVOLVIDAS Apresentamos aqui, de forma sistematizada e resumida, as principais conclusões e resultados obtidos nas diferentes etapas do projeto Nossa Vida Mais Viva. Os gráficos e informações aqui dispostos são resultantes das atividades/processos de monitoramento e avaliação (M&A) colocados em prática desde a fase inicial do projeto, e que foram sendo desenvolvidos ao longo de toda a sua execução. Todas as etapas de M&A foram desenvolvidas de forma participativa, envolvendo a equipe da COGEMAS, servidores e 3

4 apoiadores, com vistas à problematizarão (discussão e reflexão) em torno do tema, situações, opiniões, etc. Primeira Etapa O clima favorável à manutenção do novo comportamento foi criado através de reunião e apresentação de vídeo a todos os servidores 4

5 fonte 1 tabagismo_no_samae Foi divulgado o programa através de palestra para todos os servidores deixando bem claro que a adesão ao processo de parar de fumar seria voluntário e que contaríamos com a parceria da Sec. de Saúde que disponibilizaria médico para avaliação e medicação se necessário. 5

6 fonte 2 Foram feitas ações dinâmicas a fim de estimular hábitos saudáveis como trilhas ecológicas e palestras; 6

7 fonte: fazem trilha ecologica A participação dos servidores nas atividades foi bastante produtiva, tendo adesão de servidores do SINSEB e SAMAE além de pessoas da comunidade, tanto na caminhada (ANEXO 1)quanto na trilha ecológica. 7

8 A trilha se deu no bairro Zantão, acima da captação do SAMAE, no Morro Pelado, o percurso contou com 7 km de subida e 2,2 km de descida, perfazendo um total de 9,2 km a uma altitude de 465 m, com dificuldade media/alta(anexo 2). Todos que fizeram a trilha, total de 23 pessoas entre 5 e 65 anos, (ANEXO 3,4,5) receberam um certificado de participação, enaltecendo as qualidades observadas pelos colegas. Durante o processo, houve resistência de alguns servidores que continuavam a fumar no corredor da área técnica, o que levou outros servidores a exigir da COGEMAS uma postura. Estes servidores foram chamados para uma conversa, onde foi explicado todas as conseqüências da poluição tabagista e solicitado que não fumassem mais naquele local, procurando uma área aberta e esclarecendo que, a partir do mês de dezembro não mais poderiam fumar no ambiente de trabalho, devendo se deslocar ate o portão. 8

9 Todos que nos procuraram em sua grande maioria trouxeram palavras de incentivo ao programa. Foram distribuídos em pontos estratégicos, como próximo ao relógio ponto, cartazes com informações relevantes sobre a Poluição Tabagista. 9

10 ATIVIDADE VERIFICAÇÃO Fixação de cartazes Durante o mês de julho foram fixados cartazes na Área técnica (02); ETA (01); Posto de 10

11 Atendimento (01); Micrositemas (05) Encontro com Médico Reunião Dinâmica, Apresentação do Programa " Nossa Vida mais Viva" "Ar puro, pulmão limpo" Passeio SI Zantão Acompanhamento medico Não realizado Na sede da Associação do SAMAE foram reunidos os servidores para esta pratica Lista de presença de 23 participantes, distribuição de frutas e água. Não realizado Treinar ou informar os gerentes sobre: Como podem apoiar os funcionários que tentam parar. Não realizado Como podem garantir o cumprimento das normas e quais as medidas disciplinares Esta etapa tinha por objetivos: Criar clima favorável à manutenção do novo comportamento; 11

12 Divulgar de forma clara todas as etapas do programa para que cada colaborador possa tomar sua decisão de forma voluntária; Implantar ações dinâmicas; Criar condições para que os envolvidos atuem de forma participativa com opiniões, questionamentos e sugestões; Mostrar para o servidor que o programa serve também a seus interesses fazendo com que ele assuma a sua responsabilidade; Todos os objetivos foram alcançados, apesar da parceria com a Secretaria de Saúde ter ficado bastante a desejar, não tivemos palestra com o médico, nem a primeira avaliação com os interessados em deixar o vicio do cigarro. Em contato com a Secretaria agendamos para a próxima fase (ANEXO 09-21). Segunda Etapa Iniciou-se a segunda etapa com uma palestra no auditório da Faculdade São Luis, com o médico psiquiatra Dr. Humberto Fornari, sobre os malefícios e a dificuldade de se lidar com o vício(anexo 2). Após a palestra nove servidores aderiram voluntariamente ao programa com a assinatura do termo simbólico de comprometimento (ANEXO 6). As caminhadas na Beira Rio (ANEXO 7), todas as segundas após o expediente, obtiveram a adesão de servidores e familiares, apoiando a causa e os que queriam para de fumar. Cerca de 15 pessoas iniciaram as caminhadas (ANEXO 8). Porem não houve continuidade, pois a cada semana diminuía o numero de pessoas. Esta prática será retomada no ano de 2015, corrigindo a forma de incentivo e divulgação. 12

13 Também houve uma dificuldade enorme em conseguir o tratamento através da saúde pública, uma vez que a parceria com a secretaria não se desenvolvia (ANEXO 09-21). Um dos servidores conseguiu manter-se abstêmio por um mês, voltando a fumar, os demais conseguiram ficar alguns dias somente. Foram colocados adesivos nos carros da autarquia, para que não se fumasse dentro dos veículos.. Adesivo para frota ATIVIDADE Confecção e colocação dos adesivos nos veículos Assinatura do termo simbólico eu me VERIFICAÇÃO Foram confeccionados e colocados em todos os veículos da autarquia 9 servidores aderiam 13

14 comprometo Combate ao Stress e ansiedade (quick massagem e/ou acupuntura) Palestra financeira A Economia do cigarro" Acompanhamento medico Caminhada em Família ao programa Não realizado não realizada Não realizada Todas as 2as feiras as 17:30h com percurso de 5Km Esta etapa teve como objetivos: Proibir o uso de cigarros e afins dentro dos veículos da autarquia. Inclusão dos familiares no programa; Oferecer e encaminhar para tratamento, conforme orientação dos profissionais de saúde, o servidor que aderir voluntariamente ao programa antitabaco. Desta vez nem todos os objetivos foram alcançados, mais uma vez por não haver comprometimento da parceira Secretaria de Saúde, que alegou não ter profissionais capacitados para o programa. E apesar de termos chego ao consenso de que os servidores seriam atendidos na Unidade de Atenção Básica do Maluche, não nos informaram os procedimentos a serem tomados para que estes atendimentos fossem realizados (ANEXO 09-21). 14

15 Quanto a palestra financeira que seria um estimulo a economia ao deixar de fumar não ocorreu pois não houve retorno da Escola de Administração Pública. Terceira Etapa Esta etapa não obteve seus objetivos concluídos no ano de 2014, ficando para o ano de 2015 a implementação através de normativa da Política para Ambiente de Trabalho Livres do Fumo e colocação a placa com ambiente 100% livre de cigarro. ATIVIDADE Palestra Atividade Recreativa com a família Premiação dos servidores que conseguiram parar de fumar Colocação da placa "Ambiente 100% Livre da Fumaça de Cigarro" VERIFICAÇÃO Transferida para janeiro Transferida para janeiro Não realizada Transferida para janeiro 15

16 Placa na entrada da autarquia Avaliação dos indicadores: Número de fumantes - 14 Aderiram ao programa após a implementação da política. 3 meses 6 meses 12 meses 3 9* 10 * destes, 3 já haviam aderido ao programa nos três primeiros meses. Quanto a observância das normas pelos empregados, pode-se constatar que os servidores em geral aderiram as novas regras, com pequena relutância de alguns. 16

17 Não houve necessidade de mudanças físicas no ambiente da autarquia para apoiar a implementação da política, pois não havia fumódromo para ser desativado, apena foi colocado uma placa proibindo o cigarro nos pátios e áreas comuns da autarquia, nas demais áreas já era proibido fumar. O nível de satisfação dos servidores no tangente ao programa foi o dos melhores, o que nos encorajou a prosseguir com o programa no decorrer de Ficando assim a Quarta Etapa com as Campanhas permanentes nos dias 31 de maio e 29 de agosto, Dia Mundial Sem Tabaco e Dia Nacional de Combate ao fumo respectivamente, como datas para dar continuidade ao programa além da Atividade Recreativa em Família. Ainda queremos conseguir o médico para atender a todos que querem parar de fumar e não conseguem sozinhos. CONCLUSÃO A conclusão foi que o projeto continua sendo válido e tecnicamente adequado. Entretanto, serão necessárias algumas mudanças na divulgação e incentivo das atividades propostas e nas relações e ações da SECRETARIA DE SAÚDE para assegurar o alcance dos objetivos e metas propostas. Brusque, 19 de dezembro de Vanessa C. Setragni Becker Comissão de Gestão de Meio Ambiente do SAMAE 17

Programa Antitabagismo Nossa Vida Mais Viva

Programa Antitabagismo Nossa Vida Mais Viva Programa Antitabagismo Nossa Vida Mais Viva COGEMAS - COMISSÃO GESTORA DE MEIO AMBIENTE DO SAMAE DE BRUSQUE Uma ação voltada ao interesse dos servidores em obter um ambiente limpo de fumaça e apoio aos

Leia mais

Programa Anti-tabagismo Ascenda essa Idéia

Programa Anti-tabagismo Ascenda essa Idéia 15 Programa Anti-tabagismo Ascenda essa Idéia Irene Lourenço de Oliveira Educação Física - PUCCAMP Especialista em Gestão da Qualidade de Vida na Empresa - UNICAMP APRESENTAÇÃO O Programa Antitabagismo

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq LITERATURA wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui INFANTIL opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq Infrações, Penalidades e Medidas Administrativas wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui

Leia mais

Projeto Unimed Vida 2012. Projeto Unimed Vida 2012

Projeto Unimed Vida 2012. Projeto Unimed Vida 2012 Rev.00 Aprovação: 22/12/2011 Pg.: 1 de 4 Número de escolas participantes: 20 Projeto Unimed Vida 2012 Público alvo: escolas municipais, estaduais e particulares 1 com ensino fundamental completo de Blumenau.

Leia mais

Programa Nacional de Controle do Tabagismo AMBIENTE LIVRE DO TABACO

Programa Nacional de Controle do Tabagismo AMBIENTE LIVRE DO TABACO Programa Nacional de Controle do Tabagismo AMBIENTE LIVRE DO TABACO Coordenação de Vigilância em Saúde do Trabalhador Gerência de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador Superintendência de

Leia mais

ROTEIRO PARA JANTAR DE GALA

ROTEIRO PARA JANTAR DE GALA qwertyuiopasdfghjklzxcvbmqwertyui opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc vbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui ROTEIRO PARA JANTAR DE GALA opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg

Leia mais

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE O Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE visa fortalecer a missão de desenvolver a nossa terra e nossa gente e contribuir para

Leia mais

Escola Cidadã Sangue Novo no Hemoce

Escola Cidadã Sangue Novo no Hemoce PARCERIA Escola Cidadã Sangue Novo no Hemoce Ajudando a formar cidadãos transformadores que salvam vidas através da doação de sangue. Um projeto da Captação de Doadores e Diretoria de Hemoterapia 1. CONTEXTUALIZAÇÃO

Leia mais

CATÁLOGO DE AULAS DIGITAIS. wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui CACHOEIRA PAULISTA

CATÁLOGO DE AULAS DIGITAIS. wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui CACHOEIRA PAULISTA Qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg

Leia mais

Relatório aos respondentes Pesquisa sobre Resíduos de Serviços de saúde. opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc

Relatório aos respondentes Pesquisa sobre Resíduos de Serviços de saúde. opasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfg hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui Relatório aos respondentes Pesquisa

Leia mais

Estel Serviços Industriais Ltda Av. Presidente Castelo Branco, S/N Centro Empresarial - Aracruz - ES CEP: 29192-503 www.estel.com.br / Tel.

Estel Serviços Industriais Ltda Av. Presidente Castelo Branco, S/N Centro Empresarial - Aracruz - ES CEP: 29192-503 www.estel.com.br / Tel. Estel Serviços Industriais Ltda Av. Presidente Castelo Branco, S/N Centro Empresarial - Aracruz - ES CEP: 29192-503 www.estel.com.br / Tel.: (27) 3256 9393 1 - Objetivo 2 - Documentos de Referência 3 -

Leia mais

2010 Great Place to Work. Todos os direitos reservados. 1

2010 Great Place to Work. Todos os direitos reservados. 1 1 As Melhores Empresas para Trabalhar e a Qualidade de Vida Ruy Shiozawa CEO - Great Place to Work 07.Dez.2010 2 Great Place to Work - Missão Construir uma sociedade melhor, ajudando empresas a transformar

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual para Implantação do Programa Peso Saudável. (Versão preliminar - em fase de diagramação)

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual para Implantação do Programa Peso Saudável. (Versão preliminar - em fase de diagramação) MINISTÉRIO DA SAÚDE Manual para Implantação do Programa Peso Saudável (Versão preliminar - em fase de diagramação) Brasília DF 2013 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO

Leia mais

1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano. Vamos falar sobre isso?

1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano. Vamos falar sobre isso? 1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano Vamos falar sobre isso? Algumas estatísticas sobre Saúde Mental Transtornos mentais são frequentes e afetam mais de 25% das pessoas

Leia mais

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015 V.4 - N.4 - Setembro de 2015 Vilma Lúcia da Silva 05 Assessora de Comunicação do Parque da Cidade Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal Só no mês de setembro o Parque da Cidade recebeu

Leia mais

Seguro saúde - Primeira Etapa do Projeto

Seguro saúde - Primeira Etapa do Projeto Seguro saúde - Primeira Etapa do Projeto 01 Pesquisa de mercado em busca das melhores opções de acordo com o perfil e realidade de sua empresa, apresentando as melhores companhias de Seguros e Empresas

Leia mais

PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA

PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA PROJETO MUTIRÃO DA CARONA SOLIDÁRIA INTRODUÇÃO A mobilidade das cidades tem se tornado um desafio cada vez maior com o passar do tempo. Em 10 anos, a frota de automóveis e motocicletas cresceu 400% no

Leia mais

O QUE É O AMBIENTAÇÃO?

O QUE É O AMBIENTAÇÃO? PROJETO PILOTO O QUE É O AMBIENTAÇÃO? É o projeto que pretende inserir os valores sócio- ambientais na administração pública do Estado, por meio de iniciativas que possibilitem a mudança de comportamento

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq Meio Ambiente e Cidadania Apostila da aula teórica Julho de 2010 Priscila

Leia mais

Cigarro agride não fumantes

Cigarro agride não fumantes Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Cigarro agride não fumantes Para impedir o tabagismo passivo, cidades criam leis de proibição do fumo

Leia mais

SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA

SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA SIPAT INTEGRADA CPFL ENERGIA Autores: Allan Bueno dos Santos Frederico Prestupa Neto CPFL Energia Apoio Fidelidade: RESUMO As CIPA s (Comissões Interna de Prevenção de Acidentes) realizavam a SIPAT (Semana

Leia mais

AÇÕES EFETIVAS DE GERENCIAMENTO DO STRESS OCUPACIONAL: Desafio de Conciliar Embasamento Científico e Planejamento Estratégico

AÇÕES EFETIVAS DE GERENCIAMENTO DO STRESS OCUPACIONAL: Desafio de Conciliar Embasamento Científico e Planejamento Estratégico AÇÕES EFETIVAS DE GERENCIAMENTO DO STRESS OCUPACIONAL: Desafio de Conciliar Embasamento Científico e Planejamento Estratégico Sâmia Simurro Novembro/2011 FATOS SOBRE O STRESS Inevitável Nível positivo?

Leia mais

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos Projeto SeparAção INTRODUÇÃO Há muito tempo o homem vem utilizando os recursos naturais que ele encontra em seu habitat e a cada ano que passa, novas formas de uso são descobertas. O maior problema dessa

Leia mais

ESCOLA PROMOTORA DE SAÚDE

ESCOLA PROMOTORA DE SAÚDE ESCOLA PROMOTORA DE SAÚDE ÁREA 100% LIVRE DE FUMAÇA ESCOLA PROMOTORA DE SAÚDE O QUE É EPS? ESCOLA QUE PROPORCIONA UM ENTORNO MAIS SAUDÁVEL, SEGURO E APROPRIADOS PARA CONVIVER PROMOVENDO SAÚDE E QUALIDADE

Leia mais

PROJETO MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA: CONVIVÊNCIA, CIDADANIA, SAÚDE E LAZER

PROJETO MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA: CONVIVÊNCIA, CIDADANIA, SAÚDE E LAZER SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ESCOLA AGROTÉCNICA FEDERAL DE UBERLÂNDIA Fazenda Sobradinho, s/ nº, Município de Uberlândia, CEP: 38.400-974, telefone: (34) 3233-8800 Fax: (34) 3233-8833,

Leia mais

Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial. 1º Encontro 2011 Aspectos Legais do Voluntariado 09/02/2011

Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial. 1º Encontro 2011 Aspectos Legais do Voluntariado 09/02/2011 Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial 1º Encontro 2011 Aspectos Legais do Voluntariado 09/02/2011 Introdução Uma das principais características legais do voluntariado é o não vínculo empregatício,

Leia mais

LP EMPREENDIMENTOS CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO LTDA

LP EMPREENDIMENTOS CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO LTDA PROGRAMA DE GESTÃO DE SMS Procedimento Operacional Os comentários e sugestões referentes a este documento devem ser encaminhados à Gerência de Operações, indicando o item a ser revisado, a proposta e a

Leia mais

Pesquisa de Clima Organizacional

Pesquisa de Clima Organizacional Pesquisa de Clima Organizacional Que CLIMA é esse? Clima Organizacional: Atmosfera psicológica característica que existe em cada organização, podendo referirse ao ambiente humano dentro de um departamento,

Leia mais

COMPANHIA ENERGÉTICA DO MARANHÃO - CEMAR

COMPANHIA ENERGÉTICA DO MARANHÃO - CEMAR COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DO TRABALHO CIPA MODELO CEMAR UMA CIPA DE SUCESSO! Autor José Eduardo Santos de Sousa COMPANHIA ENERGÉTICA DO MARANHÃO - CEMAR RESUMO O presente trabalho tem

Leia mais

TRATAMENTO DE DADOS: PESQUISA SOBRE O NÚMERO DE FUMANTES NO CAMPUS DA ULBRA DE GUAÍBA

TRATAMENTO DE DADOS: PESQUISA SOBRE O NÚMERO DE FUMANTES NO CAMPUS DA ULBRA DE GUAÍBA TRATAMENTO DE DADOS: PESQUISA SOBRE O NÚMERO DE FUMANTES NO CAMPUS DA ULBRA DE GUAÍBA Ismael Bridi 1 Carine B. Loureiro 2 Paulo Samarani 3 RESUMO Em pesquisa realizada entre os alunos do campus da ULBRA

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 102/2007. Autor: Vereador Carlos Juliano Budel.

PROJETO DE LEI Nº 102/2007. Autor: Vereador Carlos Juliano Budel. PROJETO DE LEI Nº 102/2007 Dispõe sobre a Campanha Antitabagismo nas Unidades de Ensino da Rede Pública Municipal. Autor: Vereador Carlos Juliano Budel. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná,

Leia mais

A Empresa Recursos Humanos, Administração de Empresas e Seguros

A Empresa Recursos Humanos, Administração de Empresas e Seguros A Empresa A POLLO Consultoria de Benefícios e Corretora de Seguros é uma empresa, com 14 anos de mercado, especializada em planejar, elaborar, implantar e administrar projetos voltados para as áreas da

Leia mais

COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA

COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA COLETA SELETIVA SOLIDÁRIA O órgão público federal que aderiu ao Projeto Esplanada Sustentável PES, será considerado sustentável no tema Coleta Seletiva Solidária (Decreto 5.940/06), se alcançar 90% das

Leia mais

PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA DO SERVIDOR DO IPAMV: COMPROMISSO COM A VIDA

PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA DO SERVIDOR DO IPAMV: COMPROMISSO COM A VIDA 5.1 Nome da Iniciativa ou Projeto PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA DO SERVIDOR DO IPAMV: COMPROMISSO COM A VIDA 5.2 Caracterização da Situação Anterior A partir de 2005, houve início uma

Leia mais

Objetivos Específicos

Objetivos Específicos Missão Promover a melhoria da qualidade de vida dos empregados do Prodest, através de ações específicas que estimulam e facilitam a mudança individual em busca de estilos de vida mais saudáveis. Programa

Leia mais

SEMAE de São Leopoldo: Pessoas Satisfeitas, Qualidade Garantida

SEMAE de São Leopoldo: Pessoas Satisfeitas, Qualidade Garantida SEMAE de São Leopoldo: Pessoas Satisfeitas, Qualidade Garantida Antonio Augusto Pereira Olinto é Coordenador de Administração e Finanças do Serviço Municipal de Água e Esgotos de São Leopoldo, Técnico

Leia mais

Como evitar 100 milhões de mortes pelo tabagismo

Como evitar 100 milhões de mortes pelo tabagismo Como evitar 100 milhões de mortes pelo tabagismo Thomas R. Frieden, MD, MPH Departamento de Saúde e Higiene Mental da Cidade de Nova York (New York City Department of Health and Mental Hygiene) 2007 Johns

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Novembro de 2013 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades participantes...

Leia mais

Oficina Gestão da Comunicação Interna segundo a NBR ISO 9001:08

Oficina Gestão da Comunicação Interna segundo a NBR ISO 9001:08 FORMAÇÃO DE RDs Oficina Gestão da Comunicação Interna segundo a NBR ISO 9001:08 www.standardconsultoria.com Tubarão, 28 de julho de 2010. FORMAÇÃO DE RDs CURSO DATA NUMERO DE EMPRESAS PARTICIPANTES NUMERO

Leia mais

Centro Universitário de Belo Horizonte UNI - BH. Maio de 2010

Centro Universitário de Belo Horizonte UNI - BH. Maio de 2010 Centro Universitário de Belo Horizonte UNI - BH Maio de 2010 APRESENTAÇÃO...3 Junior Achievement...3 Rede Junior Achievement...3 Voluntariado...4 Benefícios de quem atua como voluntário na Junior Achievement...4

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa RESOLUÇÃO DE MESA N.º 806/2007. (publicada no DOE nº 236, de 13 de dezembro de 2007) Dispõe sobre o Programa de Gerenciamento

Leia mais

RECICLANDO PELA VIDA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UM ÓRGÃO DA ADMINISTRAÇÃO PUBLICA

RECICLANDO PELA VIDA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UM ÓRGÃO DA ADMINISTRAÇÃO PUBLICA RECICLANDO PELA VIDA IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UM ÓRGÃO DA ADMINISTRAÇÃO PUBLICA Kelma Maria Nobre Vitorino (Orientadora) Química industrial pela UFC, 1988. Mestrado em Engenharia Sanitária e Ambiental

Leia mais

Unidade IV Os seres vivos e o meio ambiente.

Unidade IV Os seres vivos e o meio ambiente. A A Unidade IV Os seres vivos e o meio ambiente. A A Aula 24.2 Conteúdos: Inimigos da Saúde. Qualidade de Vida. A A Habilidade: Identificar alternativas para combater doenças e melhorar a qualidade de

Leia mais

MOC 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA

MOC 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA EIXO Macroação ATIVIDADES Compor a equipe técnica com experiências no trabalho de desenvolvimento de comunidade. Identificar

Leia mais

IMPORTÂNCIA E SIGNIFICADO DA CPA

IMPORTÂNCIA E SIGNIFICADO DA CPA Vida na ESIC 05/09/2012 Edição 8 IMPORTÂNCIA E SIGNIFICADO DA CPA No dia 23 de agosto, houve encontro de alguns professores e membros da Direção com o Prof. Luiz Carlos Pereira, da FAE. O assunto tratado

Leia mais

PROPOSTA DE AÇÕES PARA PROMOVER A QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES DA SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE POÇOS DE CALDAS - MG

PROPOSTA DE AÇÕES PARA PROMOVER A QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES DA SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE POÇOS DE CALDAS - MG CURSO DE ATUALIZAÇÃO Gestão das Condições de Trabalho e Saúde Dos Trabalhadores da Saúde PROPOSTA DE AÇÕES PARA PROMOVER A QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES DA SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE POÇOS

Leia mais

MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES

MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES Autores Antônio Alexandre Franco Thomaz Élson Lourenço Bomfim Inaldo Nóbrega da Cunha Filho PREMIUM CONSTRUÇÃO E INCORPORAÇÃO LTDA RESUMO No setor elétrico,

Leia mais

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade?

Começa por você! Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? Resultados das ações da Campanha De quem é a responsabilidade? CAMPANHA DE QUEM É A RESPONSABILIDADE? Início da Campanha outubro de 2009 Objetivo: Implementar a A3P e incentivar os servidores para adoção

Leia mais

REGULAMENTO ESCRITÓRIO DE PRÁTICAS DE GESTÃO CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE, FINALIDADE E DURAÇÃO

REGULAMENTO ESCRITÓRIO DE PRÁTICAS DE GESTÃO CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE, FINALIDADE E DURAÇÃO REGULAMENTO ESCRITÓRIO DE PRÁTICAS DE GESTÃO CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE, FINALIDADE E DURAÇÃO Artigo 1º A unidade acadêmico-gerencial modelo designado Escritório de Práticas de Gestão e com nome fantasia

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq Introdução a análise Histórica Feudalismo Fernando Del pozzo hjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxc

Leia mais

PrevSeguro. Agenda. Conceito e objetivo Critérios Vantagens Fluxo operacional Comunicação Estrutura da Campanha Mapa Tático

PrevSeguro. Agenda. Conceito e objetivo Critérios Vantagens Fluxo operacional Comunicação Estrutura da Campanha Mapa Tático PrevSeguro Agenda Conceito e objetivo Critérios Vantagens Fluxo operacional Comunicação Estrutura da Campanha Mapa Tático 01 Conceito e objetivo O que é o PrevSeguro? É um seguro de vida diferenciado

Leia mais

Relatório de Resultado Pesquisa de Clima Organizacional

Relatório de Resultado Pesquisa de Clima Organizacional CONSIDERAÇÕES INICIAIS Este relatório apresenta os resultados da de 2013 em contraste com os dados levantados em 2012. ASSUNTOS ABORDADOS Motivação Identifica os setores dos colaboradores que responderam

Leia mais

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas?

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense Ana Carolina S. Oliveira Psi. Esp. Dependência Química Importância Preocupação permanente de gestores

Leia mais

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Comissão Gestora do Plano de Gestão de Logística Sustentável UTFPR - Câmpus

Leia mais

EU PRATICO O BEM-ESTAR

EU PRATICO O BEM-ESTAR EU PRATICO O BEM-ESTAR LAZER EDUCAÇÃO BEM-ESTAR CULTURA Venha Viver o Sesc na Semana do Comércio em Movimento. Participe de atividades gratuitas: cursos, palestras, oficinas, minicursos, apresentações,

Leia mais

CALENDÁRIO 2014 MATERIAIS COMPLEMENTARES DIA 1 DE AGOSTO DIA DO ESTUDANTE

CALENDÁRIO 2014 MATERIAIS COMPLEMENTARES DIA 1 DE AGOSTO DIA DO ESTUDANTE DIA 1 DE AGOSTO DIA DO ESTUDANTE ATIVIDADE 1: GINCANA ESTUDANTIL 1. RESUMO DA AÇÃO 1.1 Proposta Organizar uma gincana para que os estudantes de diferentes salas possam participar e competir, com provas

Leia mais

Estratégia de Dinamização e de Divulgação

Estratégia de Dinamização e de Divulgação Estratégia de Dinamização e de Divulgação Plano de Ação de 2015 FEVEREIRO 2015 1 Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. VISÃO DA BOLSA DE TERRAS... 4 3. OBJETIVOS ESTRATÉGICOS - LINHAS GERAIS DA ESTRATÉGIA... 5

Leia mais

CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA

CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA LUCIANA PASCHOALIN (FUNDAÇÃO PALAVRA MÁGICA), GALENO AMORIM (OBSERVATÓRIO DO LIVRO E DA LEITURA). Resumo Em resposta ao diagnóstico e análise dos dados sobre o comportamento

Leia mais

DECRETO Nº 54.311, DE 7 DE MAIO DE 2009

DECRETO Nº 54.311, DE 7 DE MAIO DE 2009 Página 1 de 5 DECRETO Nº 54.311, DE 7 DE MAIO DE 2009 Institui a Política Estadual para o Controle do Fumo, regulamenta a Lei nº 13.541, de 7 de maio de 2009, que proíbe o consumo de produtos fumígenos,

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzx cvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnmq Poemas sinfônicos para Beethoven wertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyui

Leia mais

DESENVOLVENDO HABILIDADES CIÊNCIAS DA NATUREZA I - EM

DESENVOLVENDO HABILIDADES CIÊNCIAS DA NATUREZA I - EM Olá Caro Aluno, Você já reparou que, no dia a dia quantificamos, comparamos e analisamos quase tudo o que está a nossa volta? Vamos ampliar nossos conhecimentos sobre algumas dessas situações. O objetivo

Leia mais

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P CNPJ/MF 10.565.000/0001-92 CEP 50.030-230 CPF 342.246.884-68 CEP 52.041-170

PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P CNPJ/MF 10.565.000/0001-92 CEP 50.030-230 CPF 342.246.884-68 CEP 52.041-170 PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DA A3P 1. DADOS CADASTRAIS Órgão SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE Endereço CAIS DO APOLO, Nº 925, BAIRRO DO RECIFE Cidade RECIFE UF PE Nome do Responsável MARCELO AUGUSTO

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE GRUPO TERAPÊUTICO SOBRE RECICLAGEM DE MATERIAL DESCARTÁVEL NO CAPS CAMINHAR COMO ESTRATÉGIA EDUCATIVA EM SAÚDE MENTAL

DESENVOLVIMENTO DE GRUPO TERAPÊUTICO SOBRE RECICLAGEM DE MATERIAL DESCARTÁVEL NO CAPS CAMINHAR COMO ESTRATÉGIA EDUCATIVA EM SAÚDE MENTAL DESENVOLVIMENTO DE GRUPO TERAPÊUTICO SOBRE RECICLAGEM DE MATERIAL DESCARTÁVEL NO CAPS CAMINHAR COMO ESTRATÉGIA EDUCATIVA EM SAÚDE MENTAL BRAGA¹, João Euclides Fernandes FERNANDES², Mariana Camila Vieira

Leia mais

SIPAT - SEMANA INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO

SIPAT - SEMANA INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO SIPAT - SEMANA INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO É uma semana voltada à prevenção, tanto no que diz respeito a acidentes do trabalho quanto a doenças ocupacionais. É uma das atividades obrigatórias

Leia mais

Critérios de Elegibilidade Resolução CNAS nº08/2013 e Resolução CNAS nº10/2014

Critérios de Elegibilidade Resolução CNAS nº08/2013 e Resolução CNAS nº10/2014 Critérios de Elegibilidade Resolução CNAS nº08/2013 e Resolução CNAS nº10/2014 Municípios com alta incidência de trabalho infantil que apresentaram: a) mais de 250 casos de trabalho infantil ou com taxa

Leia mais

Qual é a função dos pulmões?

Qual é a função dos pulmões? Câncer de Pulmão Qual é a função dos pulmões? Os pulmões são constituídos por cinco lobos, três no pulmão direito e dois no esquerdo. Quando a pessoa inala o ar, os pulmões absorvem o oxigênio, que é levado

Leia mais

Formação de Voluntários em Programas Corporativos. Trabalho em Grupo Encontro de 08/06/2011

Formação de Voluntários em Programas Corporativos. Trabalho em Grupo Encontro de 08/06/2011 Formação de Voluntários em Programas Corporativos Trabalho em Grupo Encontro de 08/06/2011 Questão 1 A empresa tem uma estratégia definida? A empresa planeja a formação dos voluntários? Se sim, qual o

Leia mais

AMBIENTE DE TRABALHO LIVRE DO FUMO HISTÓRICO DE REVISÕES. Descrição da. Aprovado por: 29/10/2012 00 Emissão Inicial. Elaborado por: Attatiana Miranda

AMBIENTE DE TRABALHO LIVRE DO FUMO HISTÓRICO DE REVISÕES. Descrição da. Aprovado por: 29/10/2012 00 Emissão Inicial. Elaborado por: Attatiana Miranda Ministério da Saúde FIOCRUZ Fundação Oswaldo Cruz AMBIENTE DE TRABALHO LIVRE DO FUMO HISTÓRICO DE REVISÕES Data Revisão Descrição da Revisão Elaborado Revisado Aprovado 00 Emissão Inicial Sônia Gertner

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

Angra Surf Club. Clean Up Day 2015

Angra Surf Club. Clean Up Day 2015 Bituca 0 Angra Surf Club O Angra Surf Club é uma associação sem fins lucrativos, idealizada por surfistas e criada diante a perspectiva de atuação com esporte e preservação ambiental. A organ ização incorpora

Leia mais

Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A

Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A Programa de Gestão Ambiental Agosto de 2009 Programa de Gestão Ambiental Agosto de 2009 1 1. O Programa de Gestão Ambiental O Programa de Gestão Ambiental da

Leia mais

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS 2014 1 Índice 1. Contexto... 3 2. O Programa Cidades Sustentáveis (PCS)... 3 3. Iniciativas para 2014... 5 4. Recursos Financeiros... 9 5. Contrapartidas... 9 2 1. Contexto

Leia mais

Seminário Anual de Saúde 2013

Seminário Anual de Saúde 2013 Seminário Anual de Saúde 2013 Sustentabilidade dos programas de saúde: desafios e oportunidades Renato Barreiros Philips do Brasil 16 de maio de 2013 2013 Towers Watson. Todos os direitos reservados. Historicamente,

Leia mais

Soluções em TI ao alcance de todos

Soluções em TI ao alcance de todos Você sabia que a sua prefeitura, independentemente do tamanho, pode ser beneficiada com o uso de mais de 50 aplicações que fazem parte do Portal do Software Público Brasileiro? Soluções em TI ao alcance

Leia mais

Código de Ética e Conduta Empresarial

Código de Ética e Conduta Empresarial Código de Ética e Conduta Empresarial Índice 1. Introdução 2. Guia para o uso do Código de Conduta e Ética - O que é o Código? - Onde se aplica o Código? - Onde se pode ser encontrado o Código? - O Código

Leia mais

MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS

MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS Este documento tem o objetivo de apresentar algumas possibilidades de divulgação dos processos seletivos para ingresso de alunos no Instituto Federal do Espírito Santo.

Leia mais

Plano de Ação - GASA- 2012

Plano de Ação - GASA- 2012 Plano de Ação - GASA- 2012 O GASA vem atuando durante 7 anos no Colégio Impacto, com os alunos voluntários, como um grupo de ação sócio ambiental. Na área social, o GASA, sempre contribuiu com campanhas

Leia mais

Política do Programa de Voluntariado do Grupo Telefônica

Política do Programa de Voluntariado do Grupo Telefônica Política do Programa de Voluntariado do Grupo Telefônica INTRODUÇÃO O Grupo Telefônica, consciente de seu importante papel na construção de sociedades mais justas e igualitárias, possui um Programa de

Leia mais

PARE DE FUMAR! O GUIA DEFINITIVO DO ANTI TABAGISMO

PARE DE FUMAR! O GUIA DEFINITIVO DO ANTI TABAGISMO PARE DE FUMAR! O GUIA DEFINITIVO DO ANTI TABAGISMO INTRODUÇÃO Foi a partir dos anos 1950 que começaram a surgir políticas públicas mais contundentes com o objetivo de alertar a população sobre os malefícios

Leia mais

CONTANDO SAÚDE. Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul

CONTANDO SAÚDE. Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul CONTANDO SAÚDE Contadoria do Foro Central de Porto Alegre Responsáveis Técnicos: Magdala de Leon Distribuidora e

Leia mais

PROGRESSÃO NA CARREIRA

PROGRESSÃO NA CARREIRA EXEMPLOS Andrea Ximenes Andreia Calancha 9 de março de 2012 EXEMPLOS NÍVEL BÁSICO ORIENTAÇÃO PARA A QUALIDADE Copeira: atende as solicitações, faz café, detecta problemas com os produtos entre outras atividades

Leia mais

Certificações ISO 9001 por Setor Econômico no Brasil

Certificações ISO 9001 por Setor Econômico no Brasil Certificações ISO 9001 por Setor Econômico no Brasil 9000 8000 8690 7000 6000 5000 4000 3000 4709 3948 2000 1000 29 4 0 Indústria Comércio e Serviços Agropecuária Código Nace Inválido TOTAL Fonte: Comitê

Leia mais

Cultura do não Foco do RH no Departamento Pessoal Não alinhamento das estratégias de Gestão de Pessoas com as estratégias do MTur Pouco envolvimento

Cultura do não Foco do RH no Departamento Pessoal Não alinhamento das estratégias de Gestão de Pessoas com as estratégias do MTur Pouco envolvimento Cultura do não Foco do RH no Departamento Pessoal Não alinhamento das estratégias de Gestão de Pessoas com as estratégias do MTur Pouco envolvimento da alta direção nos eventos Desinteresse dos servidores

Leia mais

FORTALECENDO SABERES EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 3.1 Conteúdo: Atividade física preventiva.

FORTALECENDO SABERES EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 3.1 Conteúdo: Atividade física preventiva. CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 3.1 Conteúdo: Atividade física preventiva. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Habilidades: Entender os benefícios

Leia mais

aumentar a arrecadação?

aumentar a arrecadação? Como aumentar a arrecadação? Como economizar recursos públicos? Como modernizar a Gestão Pública? Como oferecer melhores serviços ao cidadão? Melhoria da Gestão com o uso de Tecnologia da Informação Melhore

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 853, DE 2003 (Do Sr. JOSÉ DIVINO) Dispõe sobre o teor máximo permitido de Alcatrão, Nicotina e Monóxido de Carbono (CO) por cigarro produzido e consumido em todo território Nacional.

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Faculdade de Comunicação Social. Aline Camargo Luciane Padilha Aragon Patrícia Lima da Silva

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Faculdade de Comunicação Social. Aline Camargo Luciane Padilha Aragon Patrícia Lima da Silva Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Faculdade de Comunicação Social Aline Camargo Luciane Padilha Aragon Patrícia Lima da Silva Porto Alegre 2008 Aline Camargo Luciane Padilha Aragon

Leia mais

Gestão da segurança e saúde na empresa

Gestão da segurança e saúde na empresa Gestão da segurança e saúde na empresa Código: A256597 Datas: 23 a 27 de setembro de 2013 Duração: 1 semana Sede: Brasília Idioma: Espanhol / Português Patrocinador: Serviço Social da Indústria (SESI)

Leia mais

PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO

PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO PROJETO TEMÁTICO Campanha de divulgação Do Programa de Responsabilidade Socioambiental do TJDFT VIVER DIREITO OBJETIVO A campanha teve por objetivo implantar na Instituição a cultura da responsabilidade

Leia mais

Programa de Ginástica Laboral

Programa de Ginástica Laboral Programa de Ginástica Laboral 1. IDENTIFICAÇÃO Nome: Programa de Ginástica Laboral (PGL) Promoção e Organização: Centro de Educação Física, Esportes e Recreação Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto.

Leia mais

Princípios de Convivência. #orgulhodeserdivino

Princípios de Convivência. #orgulhodeserdivino Princípios de Convivência #orgulhodeserdivino INTRODUÇÃO Princípio de respeito ao próximo: Não farei ao outro o que eu não quero que me faça. Este manual visa à apresentação clara das normas de convivência

Leia mais

Planejamento Estratégico 2013-2017 O NEP-MA RUMO A EXCELÊNCIA NA GESTÃO

Planejamento Estratégico 2013-2017 O NEP-MA RUMO A EXCELÊNCIA NA GESTÃO Planejamento Estratégico 2013-2017 O NEP-MA RUMO A EXCELÊNCIA NA GESTÃO O NEP-MA RUMO A EXCELÊNCIA NA GESTÃO POR QUE EXISTIMOS? NOSSA MISSÃO: Apoiar a construção de organizações públicas excelentes, premiando

Leia mais

Angra Surf Club. Clean Up Day 2012

Angra Surf Club. Clean Up Day 2012 Angra Surf Club O Angra Surf Club é uma associação sem fins lucrativos, idealizada por surfistas e criada diante a perspectiva de atuação com esporte e preservação ambiental. A organização incorpora pessoas

Leia mais

Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs?

Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs? QUATRO BARRAS 09/07/2007 Horário: das 13h às 17h30 Local: Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs? Grupo 01:

Leia mais

Quinta-feira, 26 de março de 2015

Quinta-feira, 26 de março de 2015 Quinta-feira, 26 de março de 2015 TRT-CE e Ministério Público realizam ação contra o trabalho infantil O Tribunal Regional do Trabalho do Ceará, em parceria com o Ministério Público do Trabalho e diversas

Leia mais

JORNADA DA MOBILIDADE

JORNADA DA MOBILIDADE DESCRIÇÃO DO CENÁRIO A imagem de uma cidade grande e frenética, cheia de carros já não é motivo de orgulho e o que antes era o símbolo do progresso e da prosperidade, agora, nos sufoca. Congestionamentos

Leia mais

CURSO DE ATUALIZAÇÃO. Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde

CURSO DE ATUALIZAÇÃO. Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde CURSO DE ATUALIZAÇÃO Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde CONSCIENTIZAÇÃO DOS SERVIDORES DA REDE FHEMIG QUANTO À IMPORTÂNCIA DA REALIZAÇÃO DO EAME PERIÓDICO Maria de Lourdes

Leia mais

OS ARGUMENTOS DOS OPOSITORES DO CONTROLE DO TABAGISMO: SUGESTÕES DE RESPOSTAS ÀS QUESTÕES MAIS FREQÜENTES

OS ARGUMENTOS DOS OPOSITORES DO CONTROLE DO TABAGISMO: SUGESTÕES DE RESPOSTAS ÀS QUESTÕES MAIS FREQÜENTES Organização Pan-Americana da Saúde, OS ARGUMENTOS DOS OPOSITORES DO CONTROLE DO TABAGISMO: SUGESTÕES DE RESPOSTAS ÀS QUESTÕES MAIS FREQÜENTES Programação Visual da Capa: Divisão de Comunicação Social/

Leia mais

Consultorias Associadas

Consultorias Associadas BEM VINDOS! 2013 Coordenação Geral : Coordenação Acadêmica: Somando Talentos : Consultorias Associadas CONSIDERAÇÕES GERAIS : A implantação da Escola de Líderes pelo Clube de RH vem de atender a uma necessidade

Leia mais