Catálogo Nacional de Compras Públicas. Manual de Fornecedores

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Catálogo Nacional de Compras Públicas. Manual de Fornecedores"

Transcrição

1 10 de Julho de 2009

2 Índice 1. Introdução Objectivo Fornecedor AQs/CPAs Contratos Grupos AQ/CPA Carregamento e Actualização do Catálogo Introdução Guia passo a passo Verificação dos dados (XML) contra o esquema (XSD) Submeter o XML Artigos do Contrato Página 2 de 23

3 1. Introdução 1.1. Objectivo Este documento tem por objectivo a descrição das funcionalidades da aplicação CNCP Catálogo Nacional de Compras Públicas específicas aos fornecedores, nomeadamente a criação de actualizações e o carregamento de ficheiros. Página 3 de 23

4 2. Fornecedor Após a autenticação do utilizador é visualizado um ecrã com uma lista de fornecimentos e uma lista de utilizadores ambas referentes à entidade fornecedora a que pertence. À esquerda, e no topo do ecrã, encontram-se opções que serão descritas nos pontos seguintes AQs/CPAs Estão disponíveis através do link AQs/CPAs do menu central, logo acima da barra lateral. Ao clicar no link o utilizador é enviado para o ecrã AQs/CPAs que contém uma lista com todos os AQs dispostos por páginas, podendo ser ordenados pelas colunas apresentadas (cor laranja) Visualizar Figura Listar AQs/CPAs Através do link existente na descrição do concurso ilustrado na figura anterior (cor vermelha), o utilizador entrará no respectivo ecrã desse Acordo Quadro. O utilizador pode consultar os dados do AQ, visualizar os seus contratos e dos seus concorrentes e grupos os associados Contratos A informação está disponível por contratos e distribuída pelos vários fornecedores constantes do AQ.. Esta informação está disposta por páginas e pode ser ordenada pelas colunas apresentadas, conforme ilustrado na figura seguinte (cor laranja). Cada linha/ contrato da lista tem três links em que os dois primeiros dizem respeito ao número do acordo (cor vermelha) e ao estado (cor amarela) do contrato. Estes links permitem a navegação para o ecrã de visualização. O terceiro link encontra-se no fornecedor (cor verde) e permite a navegação para o ecrã de visualização dessa entidade fornecedora. Página 4 de 23

5 Figura Listar Contratos A mensagem de sucesso Contrato apagado com sucesso. ser-lhe-á apresentada Criar Actualização ao AQ O AQ possibilita a actualização e a descontinuidades de artigos no contrato. A actualização do AQ pressupõe a actualização de artigos no contrato sem haver alteração do n.º de ordem. A descontinuidade do AQ pressupõe a descontinuidade de artigos, sem que haja recurso à inserção de novos artigos. Para actualizar os artigos presentes no contrato, o fornecedor deve clicar em Nr. Acordo, conforme se visualiza na figura anterior e, seguidamente cliclar em Criar Actualização. Após esta acção receberá uma mensagem de sucesso ou insucesso conforme ilustrado na figura seguinte (cor verde). Figura Seleccionar Criar Actualização 2.3. Grupos AQ/CPA No ecrã dos dados do contrato encontra-se uma lista dos grupos associados ao AQ. Esta informação está disposta por páginas e pode ser ordenada pelas colunas apresentadas, conforme ilustrado na figura seguinte (cor laranja). Figura 2-4 Listar Grupos Associados do AQ Página 5 de 23

6 Descarregar Esquema Através do link existente no esquema do grupo ilustrado na figura anterior, o utilizador pode descarregar o esquema do grupo para posterior importação de artigos a fim de proceder à actualização dos artigos no contrato. Página 6 de 23

7 3. Carregamento e Actualização do Catálogo 3.1. Introdução Seguindo as melhores práticas do mercado, as submissões iniciais de catálogos e respectivas actualizações são efectuadas através de formato XML. Um ficheiro XML é um ficheiro em formato texto que é estruturado segundo um conjunto de regras padrão. Sabendo que cada lote tem um conjunto específico de características próprias, torna-se necessário forçar o ficheiro XML a seguir uma certa estrutura de forma a este ser directamente mapeado para as definições do lote. Isso é conseguido através de um esquema XSD. Um esquema XSD não é mais que um ficheiro que não apenas define mas também permite validar a estrutura de um ficheiro XML. Existe um esquema XSD para cada lote existente no CNCP, estando estes disponíveis para descarregamento. Terão de ser gerados tantos ficheiros XML como quantos lotes se pretender carregar ou actualizar. O próximo capítulo exemplifica este processo utilizando a ferramenta Microsoft Excel Guia passo a passo Obter o Esquema XSD O utilizador navega até ao AQ que pretende e clica na ligação relativa ao lote sobre o qual deseja actualizar, tal como mostra a imagem seguinte: Figura 3-1 Obter Esquema O CNCP pedirá então para guardar um ficheiro XSD no computador do utilizador. Para efeitos de exemplo, esse ficheiro é guardado no Desktop ( Ambiente de Trabalho ) Configurar o Excel Antes de avançar, é necessário configurar o Excel para mostrar as opções de tratamento XML/XSD. Para isso, o utilizador abre as opções do Excel, acedendo ao Office Button ( Botão Office ) e depois em Excel Options ( Opções do Excel ). Página 7 de 23

8 Figura 3-2 Opções do Excel De seguida activa a opção Show Developer tab in the Ribbon ( Mostrar separador Programador no Friso ), como exemplificado na figura seguinte: Página 8 de 23

9 Figura 3-3 Activar separador Developer É então visível o separador Developer ( Programador ): Figura 3-4 Friso Developer Página 9 de 23

10 Ligar o Excel ao Esquema XSD O passo seguinte consiste em ligar o Excel ao Esquema XSD. Para isso o utilizador acede ao separador Developer ( Programador ) e depois ao botão Source ( Origem ). Isto mostra a barra lateral XML Source ( Origem XML ). Figura 3-5 Escolher Origem do XML De seguida escolhe o ficheiro XSD que corresponde ao lote que se deseja ligar. Isto é conseguido através dos botões XML Maps ( Mapas XML ) e depois Add ( Adicionar ): Página 10 de 23

11 Figura 3-6 Carregar Esquema do Documento É apresentada uma janela de escolha de ficheiro. O utilizador navega até ao Desktop ( Ambiente de Trabalho ) e escolhe XML Schema files (*.xsd) ( Ficheiros de esquema XML (*.xsd) ) nos tipos de ficheiro. A partir daí escolhe o ficheiro que guardou a partir do CNCP: Página 11 de 23

12 Figura 3-7 Carregar Esquema Após o ficheiro ter sido correctamente ligado, o Excel mostra a interpretação do mesmo, na barra lateral XML Source ( Origem XML ): Página 12 de 23

13 Figura 3-8 Carregar Esquema Note-se na figura anterior as divisões que qualquer lote tem: descontinuidades e actualizacoes. As actualizações de artigos e as descontinuacoes implica remoções. A forma mais simples consiste em mapear cada uma destas divisões numa folha ( sheet ) separada para cada tipologia de actualização. As tipologias actualizações e descontinuidades deverão ser efectuadas e mapeadas em ficheiros separados para serem submetidas e analisadas de uma forma autónoma. Para isso posiciona-se na célula A1 da Sheet 1 ( Folha 1 ), selecciona-se o elemento actualizações e utiliza-se o comando Map element ( Mapear elemento ). Página 13 de 23

14 Figura Mapeamento de Actualizações Página 14 de 23

15 Figura Mapeamento de Descontinuações Como o mapeamento da tipologia descontinuações se fará em separado, então esta efectuase sob o mesmo procedimento para a célula A1 da Sheet 1 ( Folha 1 ) e para o elemento descontinuações : Após mapear as divisões pretendidas, valida-se o mapa, através do comando Verify Map for Export ( Verificar mapa para exportação ): Página 15 de 23

16 Preenchimento do ficheiro Figura 3-11 Testar Formato Para preencher o ficheiro, aumenta-se o número de linhas que existem nas tabelas que o Excel construiu automaticamente em cada Sheet ( Folha ), com os artigos que se pretende actualizar ou remover. A tabela da Sheet ( Folha ) 1 corresponde às actualizações de artigos; as actualizações são efectuadas por número de ordem, sendo que o artigo deve ser completamente preenchido e devrá manter o mesmo do artigo a alterar(e não apenas as características que se pretende alterar). A tabela da Sheet ( Folha ) 2 corresponde às remoções de artigos; a remoção é efectuada por número de ordem. Página 16 de 23

17 Figura 3-12 Ficheiro Preenchido 3.3. Verificação dos dados (XML) contra o esquema (XSD) O Excel tem a capacidade de verificar se os dados introduzidos no XML estão de acordo com as especificações do XSD. Para isso activa-se uma opção do Excel, como se pode verificar na imagem seguinte: Página 17 de 23

18 Figura 3-13 Activar Verificação de Esquema Após isto, procede-se à exportação dos dados: Página 18 de 23

19 Figura 3-14 Exportação dos dados A exportação dos dados cria o ficheiro XML. Se algo não estiver de acordo com as especificações então veremos o aviso seguinte. Figura 3-15 XML Inválido Note-se que o ficheiro é sempre guardado, mesmo que esteja inválido Submeter o XML Após seleccionar a opção Importar o utilizador entrará no ecrã Importar artigos onde terá que seleccionar o ficheiro XML que foi guardado no passo anterior, carregando para isso, no Browser e seleccionar o ficheiro a importar. Depois de inserido o caminho para o ficheiro o utilizador terá que clicar no link Importar, conforme ilustrado na imagem seguinte (cor verde). Página 19 de 23

20 Figura 3-16 Submeter XML A página entrará num modo de actualização automática, efectuada a cada 5 segundos. Dependendo inteiramente do número de artigos, este processo poderá demorar vários minutos. O processo é atómico, ou seja, apenas é bem sucedido caso não aconteça qualquer erro. Se acontecer algum erro, nenhum artigo é carregado e a importação é cancelada. No caso de acontecer algum erro, a aplicação exibe até um máximo de 10 erros Submeter Através do link existente na descrição do contrato ilustrado na figura Figura 3-18 (cor vermelha), o utilizador entrará no ecrã Editar desse contrato. É também possível fazê-lo através dos links existentes na criação (coluna Criação) e estado (coluna Estado) do contrato, presente no histórico do contrato do ecrã visualizar. Em qualquer caso é necessário que o contrato se encontre com o tipo Acordo de Quadro ou Actualização e estado seja Por Submeter. O utilizador terá que premir o link Submeter para que seja enviado para o ecrã Submeter contrato conforme ilustrado na figura seguinte Artigos do Contrato Figura 3-17 Submeter Actualização Estão disponíveis a partir do ecrã editar/visualizar (para editar os artigos do contrato é necessário que este não se encontre submetido ou em actualização) contrato do concurso através do link Artigos, conforme ilustrado na figura seguinte (cor verde). Página 20 de 23

21 Figura 3-18 Seleccionar Artigos Ao clicar no link o utilizador é enviado para uma página que contém os grupos associados ao concurso. Cada um dos grupos tem uma lista com todos os artigos dispostos por páginas podendo ser ordenados pelas colunas apresentadas, conforme ilustrado na figura seguinte (cor laranja) Remover Todos Figura 3-19 Listar Artigos do Fornecimento Após seleccionar a opção Remover todos ilustrada na figura anterior (cor amarela ), o utilizador entrará no ecrã remover artigos onde lhe será apresentado o número de artigos a remover. Em seguida o utilizador terá que premir o link Apagar conforme ilustrado na figura seguinte (cor verde). Figura Apagar Artigos A mensagem de sucesso Foram apagados <NÚMERO DE ARTIGOS> artigos. ser-lhe-á apresentada. Caso o utilizador não queira apagar os artigos terá que premir o link Cancelar (cor azul) voltando ao ecrã de visualização de artigos. Página 21 de 23

22 Importar Após seleccionar a opção Importar ilustrada na Figura 3-19 ( cor azul ), o utilizador entrará no ecrã Importar artigos onde terá que preencher o caminho para o ficheiro XML que contém os artigos. O ficheiro XML a importar terá que respeitar o esquema do grupo que pode ser descarregado premindo o link Descarregar esquema (XSD) (cor azul). Depois de inserido o caminho para o ficheiro o utilizador terá que premir o link Importar, conforme ilustrado na imagem seguinte (cor verde). Figura Importar Artigos Se o caminho para o ficheiro estiver correcto ser-lhe-á mostrada a mensagem de sucesso A importação de <NÚMERO DE LINHAS> linhas para o grupo <NOME DO GRUPO> foi bem sucedida, demorando menos de <NÚMERO DE SEGUNDOS> segundo(s)).. Para mais informações sobre a importação de artigos o fornecedor deverá consultar o capítulo Manipulação de Ficheiros XSD com Excel Visualizar Através do link existente no número de ordem do artigo ilustrado na Figura 3-19 (cor vermelha), o utilizador entrará no ecrã visualizar desse artigo onde poderá consultar os dados do mesmo. Figura 3-22 Submeter XML A página entrará num modo de actualização automática, efectuada a cada 5 segundos. Dependendo inteiramente do número de artigos, este processo poderá demorar vários minutos. O processo é atómico, ou seja, apenas é bem sucedido caso não aconteça qualquer erro. Se acontecer algum erro, nenhum artigo é carregado e a importação é cancelada. No caso de acontecer algum erro, a aplicação exibe até um máximo de 10 erros. Página 22 de 23

23 Após a submissão da actualização ou descontinuidade dos artigos do Contrato, deverá imprimir, substituindo o cabeçalho do esquema (folha de submissão) para o cabeçalho do Formulário de Actualização. Página 23 de 23

VERTENTE GESTÃO GLOBAL DE FICHEIROS E ADC S

VERTENTE GESTÃO GLOBAL DE FICHEIROS E ADC S VERTENTE GESTÃO GLOBAL DE FICHEIROS E ADC S PROCEDIMENTOS INICIAIS Opção Utilitários/Selecção de Empresas Em primeiro lugar deverá seleccionar e parametrizar quais as Empresas que irão utilizar o aplicativo.

Leia mais

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2.

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2. Manual do Fénix Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso Candidatura Online para o 2. º Ciclo SI (Versão 1.0) Maio 2011 Este manual tem como objectivo auxiliar na

Leia mais

Avaliação do Desempenho do. Pessoal Docente. Manual de Utilizador

Avaliação do Desempenho do. Pessoal Docente. Manual de Utilizador Avaliação do Desempenho do Pessoal Docente Manual de Utilizador Junho de 2011 V6 Índice 1 ENQUADRAMENTO... 4 1.1 Aspectos gerais... 4 1.2 Normas importantes de acesso e utilização da aplicação... 4 1.3

Leia mais

Facturação Guia do Utilizador

Facturação Guia do Utilizador Facturação Guia do Utilizador Facturação Como se utiliza 2 1 Como se utiliza Todas as opções do sistema estão acessíveis através do menu: ou do menu: O Menu caracteriza-se pelas seguintes funcionalidades:

Leia mais

Actualizaç ões e novas funcionalidades. Inoxnet. Versã o 1.70. (c) EBASE Lda. www.inoxnet.com

Actualizaç ões e novas funcionalidades. Inoxnet. Versã o 1.70. (c) EBASE Lda. www.inoxnet.com Actualizaç ões e novas funcionalidades Inoxnet Versã o 1.70 (c) EBASE Lda www.inoxnet.com Índice PORTAL DO INOXNET...3 Modelos... 3 Suporte... 3 Links ú teis... 3 BACK-OFFICE DO WEBSITE...3 Menu... 3 Editor

Leia mais

Manual do Gestor da Informação do Sistema

Manual do Gestor da Informação do Sistema Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto Licenciatura Informática e Computação Laboratório de Informática Avançada Automatização de Horários Manual do Gestor da Informação do Sistema João Braga

Leia mais

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi)

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Este módulo irá ensinar-lhe como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica usando o programa Prezi. A produção de uma apresentação

Leia mais

Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL

Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Índice Novo Serviço de Gestão de Mensagens... 3 Criar Mensagens... 4 Layout Criar Mensagens... 4 Processo Criar

Leia mais

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC www.estagiostic.gov.pt 1 Índice 1 Introdução 3 1.1 Programa de Estágios TIC 3 1.2 Objectivo da plataforma 3 1.3 Perfis 4 1.3.1 Escola 4 1.3.2 Empresa 4 1.3.3

Leia mais

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE MATRÍCULA ELECTRÓNICA Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE ÍNDICE 1 PREÂMBULO... 2 2 UTILIZAÇÃO PELOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO... 3 2.1 Matrícula Electrónica - Acesso através

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01 MANUAL DE UTILIZAÇÃO EcclesiaSoft 2012 v.01 1 CONTEÚDO 1. Apresentação:... 4 2. Instalação... 5 3. Configurações iniciais... 5 4. Secretaria... 6 4.1. Criação de uma nova ficha... 8 4.2. Listagem de Pessoas...

Leia mais

Manual de Utilizador. Caderno. Recursos da Unidade Curricular. Gabinete de Ensino à Distância do IPP. http://eweb.ipportalegre.pt. ged@ipportalegre.

Manual de Utilizador. Caderno. Recursos da Unidade Curricular. Gabinete de Ensino à Distância do IPP. http://eweb.ipportalegre.pt. ged@ipportalegre. Manual de Utilizador Caderno Recursos da Unidade Curricular Gabinete de Ensino à Distância do IPP http://eweb.ipportalegre.pt ged@ipportalegre.pt Índice RECURSOS... 1 ADICIONAR E CONFIGURAR RECURSOS...

Leia mais

PAINEL DE ADMINISTRADOR

PAINEL DE ADMINISTRADOR PAINEL DE ADMINISTRADOR IMPORTANTE: O Painel de administrador APENAS deverá ser utilizado pelo responsável do sistema. são: Nesta aplicação, poderá configurar todo o sistema de facturação. As opções do

Leia mais

COMO LIGAR E CONFIGURAR

COMO LIGAR E CONFIGURAR 1 2 GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA COMO LIGAR E CONFIGURAR carregar a bateria O utilizador deverá, em primeiro lugar, carregar a bateria do sistema. A primeira carga deverá ter um tempo ininterrupto de 6 horas.

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Conteúdo 3 Introdução 3 Do que necessita 4 Descrição geral da instalação 4 Passo 1: Procurar actualizações 4 Passo 2: Preparar o computador Mac para o Windows

Leia mais

Visão Artificial Para a Indústria. Manual do Utilizador

Visão Artificial Para a Indústria. Manual do Utilizador Visão Artificial Para a Indústria Manual do Utilizador Luis Fonseca Carvalho de Matos ( luis.matos@ua.pt ) Julho de 2007 Índice de conteúdos 1. Apresentação......1 1.Conceito de Funcionamento......1 2.

Leia mais

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária)

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) http://curriculum.degois.pt Março de 2012 Versão 1.5 1 Introdução O objectivo deste guia é auxiliar o utilizador

Leia mais

Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6

Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6 Universidade Católica Portuguesa Direcção de Sistemas de Informação Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6 Manual de utilização - Docentes DSI Outubro 2014 V2.6 ÍNDICE 1 OBJETIVO DESTE

Leia mais

Utilização das Ferramentas e Recursos da Comunidade @rcacomum

Utilização das Ferramentas e Recursos da Comunidade @rcacomum Utilização das Ferramentas e Recursos da Comunidade @rcacomum Investigadores Responsáveis: Maribel Santos Miranda e Professor Doutor António Osório Instituto Estudos da Criança Universidade do Minho http://www.nonio.uminho.pt/arcacomum

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO E-MAIL 12-2008 EQUIPA TIC

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO E-MAIL 12-2008 EQUIPA TIC MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO E-MAIL 12-2008 EQUIPA TIC OPÇÕES DE ACESSO Passo 1 Abrir o browser (Internet Explorer, Firefox ou outro) e escrever na barra de endereços mail.esmcastilho.pt ou email.esmcastilho.pt.

Leia mais

Manual de Inclusão e Exclusão de Disciplinas Online

Manual de Inclusão e Exclusão de Disciplinas Online Apresentação Este manual apresenta o processo de inclusão e exclusão de disciplinas que o aluno poderá realizar através do Espaço do Aluno. Inclusão/Exclusão Durante todo processo o aluno poderá alterar

Leia mais

Relatório SHST - 2003

Relatório SHST - 2003 Relatório da Actividade dos Serviços de Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho Relatório SHST - 2003 Programa de Recolha da Informação Manual de Operação Versão 1.0 DEEP Departamento de Estudos, Estatística

Leia mais

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02.

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2 Data criação: 26.02.2004 Faro R. Dr. José Filipe Alvares, 31 8005-220 FARO Telf.

Leia mais

Índice. Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação?

Índice. Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação? Índice Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação? Como efectuar uma operação de confirmação de estimativas? Como aceder ao Serviço de Certificação

Leia mais

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas Instruções para o participante no Curso de e-learning CONTEÚDO Pág. 1 Introdução 3 2 - Aceder ao site 2.1 Entrar em www.saude-mental.net 3 2.2 Aceder ao e-learning Saúde Mental 4 2.3 Introdução do seu

Leia mais

Descrição de Funcionalidades

Descrição de Funcionalidades Gestão de Expediente Descrição de Funcionalidades Registo de documentos externos e internos O registo de documentos (externos, internos ou saídos) pode ser efectuado de uma forma célere, através do preenchimento

Leia mais

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação...

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... Índice Introdução... 3 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... 4 II Entrada na Aplicação... 5 1. Informações... 6 1. Avaliação

Leia mais

Concurso Externo, Contratação Inicial e Reserva de Recrutamento

Concurso Externo, Contratação Inicial e Reserva de Recrutamento MANUAL DE INSTRUÇÕES Reclamação da Candidatura Eletrónica Concurso Externo, Contratação Inicial e Reserva de Recrutamento Tipo de candidato Externo e LSVLD Nos termos do Aviso n.º 3597-K/2016, publicado

Leia mais

Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação

Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação 1. INTRODUÇÃO...1 2. MÓDULO DE GESTÃO...2 2.1. ENTIDADES...3 2.1.1. TERCEIROS...4 2.1.1.1. CONSULTAR OS TERCEIROS...4 2.1.1.2. CRIAR UM TERCEIRO...5 2.1.1.3.

Leia mais

1. Criar uma nova apresentação

1. Criar uma nova apresentação MANUAL DO Baixa da Banheira, 2006 1. Criar uma nova apresentação Para iniciar uma sessão de trabalho no PowerPoint é necessário criar uma nova apresentação para depois trabalhar a mesma. Ao iniciar uma

Leia mais

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud

Leia mais

Sistema Integrado de Atendimento

Sistema Integrado de Atendimento Sistema Integrado de Atendimento Sistema Integrado de Atendimento. Um sistema moderno, completo e abrangente que modifica a realidade do atendimento de sua empresa, proporcionando maior segurança na tomada

Leia mais

Manual do Fénix. Gestão de Curriculum. SI 11-10-2010 (Versão 1.0)

Manual do Fénix. Gestão de Curriculum. SI 11-10-2010 (Versão 1.0) Manual do Fénix Gestão de Curriculum SI 11-10-2010 (Versão 1.0) Este manual tem como objectivo auxiliar a tarefa de gestão do portal curriculum por parte dos docentes. Índice Abreviaturas... 3 1. Entrar

Leia mais

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Índice 3 Introdução 4 Descrição geral da instalação 4 Passo 1: Verificar se existem actualizações 4 Passo 2: Preparar o computador Mac para o Windows 4 Passo

Leia mais

Capítulo 6 Movimentos

Capítulo 6 Movimentos Capítulo 6 Movimentos Neste capítulo pretende-se mostrar como se regista qualquer tipo de movimento. Começase por explicar como é composto o ecrã dos movimentos administrativos, todos os ícones a ele associados

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

Manual de candidatura por via electrónica

Manual de candidatura por via electrónica 2 Concursos de Pessoal Docente regulados pelo Decreto Legislativo Regional n.º /2009/M de de Junho. Ano Escolar 2009/2010 Manual de candidatura por via electrónica É essencial que leia este manual antes

Leia mais

CONTRATO a TERMO RESOLUTIVO Manual do Candidato

CONTRATO a TERMO RESOLUTIVO Manual do Candidato CONTRATO a TERMO RESOLUTIVO Manual do Lisboa, Setembro de 2007 Índice I Introdução... 3 II Inscrição Obrigatória. 4 III - Aplicação Contratação de Escola.......... 5 1. Acesso à aplicação Contratação de

Leia mais

Manual de Utilizador. //Internet Banking. BNI Online. www.bni.ao

Manual de Utilizador. //Internet Banking. BNI Online. www.bni.ao ÍNDICE Introdução Informações Gerais Acesso ao Serviço Fazer Login Documentos Electrónicos Posição Integrada Agenda Vencimentos Contas à Ordem Transferências Personalizar Financiamentos Moeda Estrangeira

Leia mais

Manual de Configuração das impressoras (Fotocopiadoras) do AES

Manual de Configuração das impressoras (Fotocopiadoras) do AES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SERTÃ Manual de Configuração das impressoras (Fotocopiadoras) do AES As impressoras pertencentes à rede administrativa do AES poderão ser instaladas em computadores pessoais,

Leia mais

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA wgig GIGrecibos Sistema de Emissão de Recibos de Donativos Para Igrejas Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA tel: 266403273 www.vibis.com 1 Conteúdo wgig... 1 Avisos legais...

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário CERTIDÕES UNIFICADAS Guia Rápido do Usuário CERTUNI Versão 1.0.0 CASA DA MOEDA DO BRASIL Conteúdo Acessando o Sistema... 3 Alterando Senhas... 3 Encerrando sua Sessão... 4 Gerando Pedido... 4 Alterando

Leia mais

1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link e instalar:

1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link e instalar: SigmaDoc INSTALAÇÃO/ACTUALIZAÇÃO Para efectuar a actualização, proceder do seguinte modo: 1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a qualidade dos serviços prestados pela autarquia. O seu novo ambiente de trabalho optimiza

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas

JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas Índice Índice 1. Facturação...1 1.1. Gestão de Notas de Honorários...2 1.1.1. Emitir uma Nota de Honorários...3 1.1.2. Consultar Notas de Honorários Emitidas... 18

Leia mais

Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI

Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI Documentação de Sistemas Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI Módulo de Protocolo Versão 1.17.0 Última revisão: 26/11/2015 2015 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos

Leia mais

www. t PAGINANAHORA Guia de gestão de conteúdos

www. t PAGINANAHORA Guia de gestão de conteúdos www. t PAGINANAHORA Guia de gestão de conteúdos PAGINANAHORA www.paginanahora.pt Bem-vindo ao Sistema e Gestão de Conteúdos! A partir deste sistema de backoffice poderá editar e personalizar o conteúdo

Leia mais

FAQ s para os Administradores do Sistema

FAQ s para os Administradores do Sistema FAQ s para os Administradores do Sistema Este documento disponibiliza FAQ s sobre vários temas. Clique sobre o tema que lhe interessa para aceder às respetivas FAQ s. FAQ s sobre a credenciação do Administrador

Leia mais

Manual do Utilizador. Janeiro de 2012.

Manual do Utilizador. Janeiro de 2012. Janeiro de 2012. Índice 1. Introdução 2 Geral 2 Específico 2 Configurável 2 2. Acesso ao adapro 3 3. Descrição 4 Descrição Geral. 4 Funcionalidades específicas de um processador de textos. 5 Documento

Leia mais

Manual do utilizador. Animal RFID Integrator. Universidade de Évora Escola de Ciências e Tecnologia

Manual do utilizador. Animal RFID Integrator. Universidade de Évora Escola de Ciências e Tecnologia Manual do utilizador Animal RFID Integrator Universidade de Évora Escola de Ciências e Tecnologia RESUMO Aplicação para recolha de informação no campo. O Animal RFID Integrator é um interface que permite

Leia mais

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora)

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora) ACÇÃO 4.2.2 REDES TEMÁTICAS DE INFORMAÇÃO E DIVULGAÇÃO GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora) União Europeia FEADER PRODER 1 INSTRUÇÕES PARA UMA CORRECTA

Leia mais

Descrição de Funcionalidades

Descrição de Funcionalidades Descrição de Funcionalidades Gestão de Expediente Registo de documentos externos e internos O registo de documentos (externos ou saídas) pode ser efectuado de uma forma célere, através do preenchimento

Leia mais

Criar um formulário do tipo Diálogo modal ; Alterar a cor de fundo de um formulário; Inserir botões de comando e caixas de texto;

Criar um formulário do tipo Diálogo modal ; Alterar a cor de fundo de um formulário; Inserir botões de comando e caixas de texto; FICHA OBJECTIVO Construir Construir formulários na base de dados Diplomas em Diário da República Um formulário é utilizado, em primeiro lugar, para introduzir, eliminar ou apresentar dados numa base de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA. Manual do Moodle- Sala virtual

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA. Manual do Moodle- Sala virtual UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA Manual do Moodle- Sala virtual UNIFAP MACAPÁ-AP 2012 S U M Á R I O 1 Tela de Login...3 2 Tela Meus

Leia mais

Acessos Convergentes. Manual de Configuração e Utilização

Acessos Convergentes. Manual de Configuração e Utilização Índice 1 Introdução... 4 1.1 Âmbito do Documento... 4 1.2 Acesso... 5 1.3 Autenticação... 5 2 Cliente... 6 2.1 Reencaminhamentos ou redireccionamentos... 6 2.1.1 Novo Plano de Redireccionamento... Error!

Leia mais

DOMINE O EXCEL 2007. 16-09-2008 Fascículo 1

DOMINE O EXCEL 2007. 16-09-2008 Fascículo 1 DOMINE O EXCEL 2007 16-09-2008 Introdução ao Microsoft Excel 2007 O ambiente de trabalho O Friso e os Tabuladores do Excel 2007 O Excel possui várias versões sendo que, para a plataforma Windows, a mais

Leia mais

Guia rápido de criação e gestão de um espaço no SAPO Campus

Guia rápido de criação e gestão de um espaço no SAPO Campus Guia rápido de criação e gestão de um espaço no SAPO Campus O SAPO Campus é uma plataforma online, disponível em http://campus.sapo.pt, que permite a comunicação e a colaboração entre membros de uma Instituição

Leia mais

Aplicação de RMAs - Instruções

Aplicação de RMAs - Instruções Aplicação de RMAs - Instruções 1 - Registo do Utilizador na Plataforma Existem duas possibilidades de um utilizador se registar na plataforma de RMAs. Utilizador com acesso ao site Utilizador sem acesso

Leia mais

Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias & Gestão de Ciclo de Vida de Locais de Venda MNSRM AVP003 Manual de Utilizador Externo - Comunicação

Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias & Gestão de Ciclo de Vida de Locais de Venda MNSRM AVP003 Manual de Utilizador Externo - Comunicação Sistema de Gestão de Ciclo de Vida de Farmácias & Gestão de Ciclo de Vida de Locais Manual de Utilizador Externo - Comunicação de Horários e Turnos Índice 1 Introdução... 4 1.1 Objetivo...4 1.2 Funcionalidades...5

Leia mais

Manual do utilizador da aplicação. MaisCondominio

Manual do utilizador da aplicação. MaisCondominio da aplicação MaisCondominio Este software destina-se a ser usado tanto por quem administra, apenas, um condomínio, como pelos profissionais, que administram vários condomínios. O MaisCondominio caracteriza-se

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PLATAFORMA DE INSCRIÇÕES ONLINE

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PLATAFORMA DE INSCRIÇÕES ONLINE A época de 2012/2013 terá um novo recurso para a Filiação e Inscrições em Provas para os Clubes, Equipas e Agentes Desportivos, tendo sido criada para o efeito uma nova Plataforma de Inscrições Online.

Leia mais

DotNetNuke. Gestão de Conteúdos. Módulos - II. Inserção de conteúdos nos módulos. Módulo de Text/HTML. Módulo de Sre-Notícias. Módulo de Sre-Formação

DotNetNuke. Gestão de Conteúdos. Módulos - II. Inserção de conteúdos nos módulos. Módulo de Text/HTML. Módulo de Sre-Notícias. Módulo de Sre-Formação Gestão de Conteúdos DotNetNuke Módulos - II Inserção de conteúdos nos módulos Módulo de Text/HTML Módulo de Sre-Notícias Módulo de Sre-Formação Conteúdos dos módulos Na lição: Módulos-I já foi dito que

Leia mais

ANEXO. Manual do utilizador

ANEXO. Manual do utilizador ANEXO Manual do utilizador A PARTE 1 Menu Principal A janela principal da aplicação é composta por uma zona destinada a mostrar a informação analítica (rodapé) e pelo Menu Principal, o qual contém opções

Leia mais

Introdução : 1. Temas Abordados no Livro 1. Novidades no Excel 2010 2. 1. Explorando o ExceI2010... 3. 1.1. O Microsoft Excel 3

Introdução : 1. Temas Abordados no Livro 1. Novidades no Excel 2010 2. 1. Explorando o ExceI2010... 3. 1.1. O Microsoft Excel 3 ~ Indice Introdução : 1 Temas Abordados no Livro 1 Novidades no Excel 2010 2 1. Explorando o ExceI2010...... 3 1.1. O Microsoft Excel 3 1.2. Acesso ao Microsoft Excel 3 1.3. Componentes do Ecrã de Abertura

Leia mais

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões:

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões: Akropole Catequista O Akropole Catequista em três tempos... Este texto é um pequeno manual de introdução ao Akropole Catequista. Umas das características deste programa é o facto deste não necessitar de

Leia mais

GUIA PARA O PREENCHIMENTO DOS FORMULÁRIOS ENTIDADE GESTORA ERP PORTUGAL

GUIA PARA O PREENCHIMENTO DOS FORMULÁRIOS ENTIDADE GESTORA ERP PORTUGAL GUIA PARA O PREENCHIMENTO DOS FORMULÁRIOS ENTIDADE GESTORA ERP PORTUGAL Versão: 1.0 Data: 05-06-2009 Índice Acesso e estados dos Formulários... 3 Escolha do Formulário e submissão... 4 Bases para a navegação

Leia mais

www.forumenfermagem.org

www.forumenfermagem.org Todos os conteúdos apresentados são propriedade dos referidos autores Retirado de: Comunidade On-line de Enfermagem www.forumenfermagem.org CENTROS DE SAÚDE (Versão Beta 2) BEJA Maio 2007 Pag. Entrar na

Leia mais

8. Perguntas e Respostas

8. Perguntas e Respostas Arquimedes Manual do Utilizador 185 8. Perguntas e Respostas 8.1. Aparência Para conservar a disposição na qual estão expostas as B.D. no ecrã e para que em posteriores sessões de trabalho tenham a mesma

Leia mais

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados Instituto Politécnico de Tomar Manual da Área de Secretariados Última actualização: 13 de Outubro de 2004 Índice Como aceder a Área de Secretariados...2 O que posso efectuar na Área de Secretariado (Acções)...4

Leia mais

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter Botão next na caixa de diálogo Se carregar em Cancel, o wizard é cancelado e podemos depois definir as propriedades

Leia mais

Explorar os comandos no friso Todos os separadores do friso têm grupos e todos os grupos têm um conjunto de comandos relacionados.

Explorar os comandos no friso Todos os separadores do friso têm grupos e todos os grupos têm um conjunto de comandos relacionados. Guia de Introdução O Microsoft Excel 2013 tem um aspeto diferente das versões anteriores, pelo que criámos este guia para ajudar a minimizar a curva de aprendizagem. Adicionar comandos à Barra de Ferramentas

Leia mais

Guia de Candidatura. Av. Duque D Ávila, 137 1069-016 Lisboa PORTUGAL Tel: 213 126 000 Fax: 213 126 001 www.dges.mctes.pt

Guia de Candidatura. Av. Duque D Ávila, 137 1069-016 Lisboa PORTUGAL Tel: 213 126 000 Fax: 213 126 001 www.dges.mctes.pt Av. Duque D Ávila, 137 1069-016 Lisboa PORTUGAL Tel: 213 126 000 Fax: 213 126 001 www.dges.mctes.pt Recomendações Gerais para Preenchimento do Formulário de Candidatura: Reunir informação: Para o correcto

Leia mais

Monitor de Comercialização - Proponente MT-212-00056-2

Monitor de Comercialização - Proponente MT-212-00056-2 Monitor de Comercialização - Proponente MT-212-00056-2 Última Atualização: 08/01/2015 Índice I Como acessar um Leilão II Informações básicas III Anexos IV Painel de Lances V Envio de Lances VI Prorrogação

Leia mais

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA Passos para Ligar 1. Verificar se o projector de Vídeo está ligado à corrente tomada do lado esquerdo do quadro, junto à porta, caso não esteja ligue a ficha tripla

Leia mais

Guia de Utilização. Acesso Universal

Guia de Utilização. Acesso Universal Guia de Utilização Índice PREÂMBULO...3 ACESSO À PLATAFORMA...3 ÁREA DE TRABALHO...4 APRESENTAR PROPOSTAS...9 RECEPÇÃO DE ADJUDICAÇÃO...18 PARAMETRIZAÇÃO DA EMPRESA...19 Acesso universal Proibida a reprodução.

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR

MANUAL DO UTILIZADOR MANUAL DO UTILIZADOR Índice 1 Apresentação... 3 2 Registo no ClinicBase... 3 3 Login... 3 4 Área Privada... 3 4.1 Os meus pacientes... 3 4.1.1 Criar novo Paciente... 3 4.1.2 Procura Paciente... 4 4.1.3

Leia mais

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc? » PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s - https://gesdoc.uevora.pt» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?» Aqui encontra algumas respostas às perguntas mais frequentes

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES NA27 REGI PRO MANUAL DE INSTRUÇÕES Pode agora fazer medições contínuas de ruído, com registo simultâneo de áudio, com um Sonómetro NA27 da RION e um PC DEZEMBRO DE 2011 NA27REGIPRO-001 2011-Adj163-Instrucoes-V01-006-VCR.docx

Leia mais

Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo :

Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo : MANUAL DA SUA CX DE EMAIL ( ROUNDCUBE ) Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo : 1. No centro da tela temos a lista de mensagens. Nesta lista serão exibidas as mensagens das pastas

Leia mais

RENT versão web. Manual de Utilizador para empresa Versão 2.0.0

RENT versão web. Manual de Utilizador para empresa Versão 2.0.0 RENT versão web Manual de Utilizador para empresa Versão 2.0.0 @ Copyright 2015 Desenvolvido pela Dória Software versão manual 2.0.0 Última actualização 16.03.2016 @Copyright 2015 Sobre o RENT I. O que

Leia mais

B2S SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, LDA. RUA ARTILHARIA UM, Nº 67 3º FRT. 1250-038 LISBOA TEL: 21 385 01 09 - FAX: 21 012 52 25 E-MAIL B2S@B2S.

B2S SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, LDA. RUA ARTILHARIA UM, Nº 67 3º FRT. 1250-038 LISBOA TEL: 21 385 01 09 - FAX: 21 012 52 25 E-MAIL B2S@B2S. Procedimentos Abertura/Fecho Ano Primavera V750 B2S SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, LDA. RUA ARTILHARIA UM, Nº 67 3º FRT. 1250-038 LISBOA TEL: 21 385 01 09 - FAX: 21 012 52 25 E-MAIL B2S@B2S.PT MCRC LISBOA 11492

Leia mais

Ajuda do software OBELISK top2 V3.0

Ajuda do software OBELISK top2 V3.0 Ajuda do software OBELISK top2 V3.0 Índice Índice 1 Introdução 2 2 Ajuda da ajuda 3 3 Iniciar o programa 3 4 Interface do utilizador 4 5 Configurações do programa 6 6 Programar comutações 8 7 Programar

Leia mais

KF2.4 MANUAL DE UTILIZADOR

KF2.4 MANUAL DE UTILIZADOR MANUAL DE UTILIZADOR Conteúdo Marcas comerciais IKIMOBILE é uma marca registada da Univercosmos, Lda., uma empresa do Grupo FF, com uma participação na Technology Solutions IT INT. Android e Google Search

Leia mais

Formação Microsoft Excel Nível Intermédio

Formação Microsoft Excel Nível Intermédio Formação Microsoft Excel Nível Intermédio António Araújo Silva - 2010 INTRODUÇÃO O presente documento procura efectuar a Planificação de uma acção de formação a decorrer nas instalações da Escola EBI de

Leia mais

Manual de Utilização - Backoffice

Manual de Utilização - Backoffice Manual de Utilização - Backoffice ÍNDICE 1. LOGIN DE ACESSO 2. SEPARADORES 2.1 PROMOÇÕES 2.2 GESTÃO DE CENTROS E LOJAS 2.3 GESTÃO DE PÁGINA DO LOJISTA 2.4 GESTÃO DE UTILIZADORES 2.5 ALERTAS 3. VALIDAÇÃO

Leia mais

Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6

Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6 Universidade Católica Portuguesa Direção de Sistemas de Informação Manual de Transição TWT Sítio de Disciplina para Moodle 2.6 Manual de utilização - Alunos DSI Outubro 2014 V2.6 ÍNDICE 1 OBJETIVO DESTE

Leia mais

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier isupplier Revisão 01 Setembro 2011 Sumário 1 Acesso ao portal isupplier... 03 2 Home Funções da Tela Inicial... 05 3 Ordens de Compra Consultar Ordens de Compra... 07 4 Entregas Consultar Entregas... 13

Leia mais

PROSPECT. Manual do Utilizador

PROSPECT. Manual do Utilizador PROSPECT Manual do Utilizador 1 Tabela de Conteúdos 1. INTRODUÇÃO...3 1.1 O QUE É O PROSPECT?... 3 2. ANTES DE COMEÇAR: DICAS PARA AJUDÁ-LO COM A SUA CANDIDATURA...4 3. ACESSO E SUBMISSÃO DE UMA CANDIDATURA

Leia mais

EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE. GestProcessos Online. Manual do Utilizador

EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE. GestProcessos Online. Manual do Utilizador EAmb V.1 ESPOSENDE AMBIENTE GestProcessos Online Manual do Utilizador GestProcessos Online GABINETE DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO EAmb Esposende Ambiente, EEM Rua da Ribeira 4740-245 - Esposende

Leia mais

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER Outubro 2010 INSTRUÇÕES PARA UMA CORRECTA UTILIZAÇÃO DO FORMULÁRIO Funcionamento genérico Os formulários estão disponíveis

Leia mais

Sistema de formação e certificação de competências

Sistema de formação e certificação de competências Sistema de Formação e Certificação de Competências Portal das Escolas Manual de Utilizador Docente Referência Projecto Manual do Utilizador Docente Sistema de formação e certificação de competências Versão

Leia mais

Arquimedes e Controle de Obra

Arquimedes e Controle de Obra 1 1. Arquimedes Servidor. Trabalho em modo multi-utilizador (Novo módulo) 1.1. Servidor de bases de dados do Arquimedes 1.1.1. Bases de dados remotas e locais 1.1.2. Configuração da acessibilidade às bases

Leia mais

MANUAL DE UTILIZADOR

MANUAL DE UTILIZADOR MANUAL DE UTILIZADOR Relatório Único Histórico de versões Versão Referência Autor Dt. Emissão Comentários 01 Relatório Único Teresa Barrote 2011/04/13 LOGIN RH Sumário 1. INTRODUÇÃO -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Como Alterar os dados da sua empresa, PT

Como Alterar os dados da sua empresa, PT 1 / 6 Como Alterar os dados da sua empresa 1. Vá para o Portal OB10 - Aceda a www.ob10.com - Clique no botão de "Início de Sessão". - Introduza as suas credenciais de início de sessão - Se necessitar de

Leia mais

O Manual do ssc. Peter H. Grasch

O Manual do ssc. Peter H. Grasch Peter H. Grasch 2 Conteúdo 1 Introdução 6 2 Usar o ssc 7 2.1 Gerir os utilizadores.................................... 7 2.1.1 Adicionar um utilizador.............................. 8 2.1.1.1 Associar-se

Leia mais

Resolução de avarias de MPEG

Resolução de avarias de MPEG Resolução de avarias de MPEG Esta secção é para utilizadores de cardiologia que visualizam MPEGs. Consulte os seguintes tópicos para o ajudarem a resolver problemas detectados ao visualizar MPEGs. Componentes

Leia mais

LeYa Educação Digital

LeYa Educação Digital Índice 1. Conhecer o 20 Aula Digital... 4 2. Registo no 20 Aula Digital... 5 3. Autenticação... 6 4. Página de entrada... 7 4.1. Pesquisar um projeto... 7 4.2. Favoritos... 7 4.3. Aceder a um projeto...

Leia mais