MUDANÇA DO CLIMA E ESTRATÉGIAS EMPRESARIAIS:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MUDANÇA DO CLIMA E ESTRATÉGIAS EMPRESARIAIS:"

Transcrição

1 MUDANÇA DO CLIMA E ESTRATÉGIAS EMPRESARIAIS: INVENTEARIOS DE EMISSÕES E METODOLOGIAS Carlos Henrique Delpupo 28 / 05 / 2010

2 CONTEÚDO 1.Visão geral 2. Inventário de Emissões 4. Mercado de carbono 5. Riscos e oportunidades em projetos 6. Conclusões

3 Fonte: UNEP 2006 O EFEITO ESTUFA

4 MUDANÇA DO CLIMA

5 POTENCIAL DE AQUECIMENTO GLOBAL PAG -medida desenvolvida pelo IPCC que simplifica o modo como uma determinada quantidade de GEE contribui para o aquecimento global. GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) Dióxido de Carbono (CO 2 ) FONTES TÍPICAS PAG EM 100 ANOS Queima de combustíveis fósseis. 1 1 Metano (CH 4 ) Óxido Nitroso (N 2 O) HFCs Perfluorcarbonos Hexafluoreto de Enxofre (SF 6 ) Queima de combustíveis fósseis, pilha de carvão (manuseio), decomposição anaeróbica de matéria orgânica, uso de explosivos. Queima de combustíveis fósseis, decomposição de matéria orgânica rica em nitrogênio. Vazamento de gases em processos de refrigeração e em equipamentos de ar condicionado, uso de alguns solventes. Fornos de alumínio são as principais fontes de emissão. Vazamento de isolantes de transformadores e outros equipamentos elétricos Fonte: IPCC 2006.

6 CONSIDERAÇÕES PARA A INDÚTRIA Transição para uma economia de baixo carbono Redução de Emissões + Novos Valores e Ativos Ativos mais valiosos : Responsabilidade Socioambiental, Capital Intelectual e Reputação. novo modelo de gestão

7 INVENTÁRIO DE EMISSÕES

8 O QUE ÉUM INVENTÁRIO? Expressão de todas as fontes relevantes de GEE em uma empresa; Desenvolvido de acordo com procedimentos e práticas recomendadas por protocolos e normas ISO; Provê principalmente apoio no direcionamento e otimização de recursos empregados em projetos que atuem na mitigação das emissões.

9 MOTIVAÇÕES Aderência e atestado de conformidade a ISO 14064; Orientar disclosuree política da organização para mudanças climáticas; Sustentar tecnicamente projetos de mitigação; Revelar oportunidades de MDL e outros projetos de mitigação; Conhecer com precisão as emissões de GEE; Inclusão de informações do inventário em relatórios contendo indicadores de sustentabilidade; Firmar o pioneirismo da marca.

10 ÍNDICES E QUESTIONÁRIOS Índice de Sustentabilidade Empresarial - ISE Dow Jones Sustainability Index- DJSI Carbon Disclosure Project - CDP Global Reporting Initiative GRI IBrX-50 Índice carbono eficiência

11 PREMISSAS Aplicabilidade Integralidade Consistência Transparência Conservadorismo

12 ETAPAS ANO BASE LIMITES DO INVENTÁRIO FONTES DE EMISSÃO DEFINIÇÃO DO ESCOPO CÁLCULO DAS EMISSÕES RESULTADOS FINAIS

13 ESCOPO Escopo 1 Emissões Diretas Escopo 2 Emissões Indiretas -Energia Elétrica Adquirida Escopo 3 Emissões Indiretas Figura 4: Emissões Mundias de GEE. Fonte: ISO 14064

14 FONTES NEUTRAS São as emissões de CO 2 oriundas de fontes renováveis: - combustão de biomassa (etanol); - resíduos que serão reciclados; - CO 2 como gás de arraste proveniente de fonte renovável.

15 CÁLCULO DE EMISSÕES Para estimar as emissões de GEE, geralmente usa-se a relação abaixo: (1) Emissão = Qa x FEa E emissões de GEE (ton CO2e) Q quantidade de insumo FE fator de emissão a tipo de insumo

16 METODOLOGIAS 2006 IPCC Guidelines for National GHG Inventories GHG Protocol ISO Fatores de Emissão (EPA / DEFRA / Etc..) Outras (Ex: Metodologias setoriais)

17 IPCC e INVENTÁRIOS NACIONAIS Programa de Inventários Nacionais do IPCC início em 1991 Força Tarefa em Inventários Nacionais de Gases de Efeito Estufa criada em 1999 Objetivos eatividades do Programa Desenvolver e refinar uma metodologia internacionalmente acordada para estimar ereportar as emissões nacionais líquidas (emissões remoções ões) ) de gases de efeito estufa Encorajar o uso desta metodologia pelos países membros do IPCC e da Convenção ão-quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC).

18 Manuais do IPCC para Inventários Nacionais de Gases de Efeito Estufa Manual de 1995 Manual Revisado de 1996 Guia de Boa Prática ticae Tratamento de Incertezas de 2000 (GPG 2000) Guia de Boa Prática para Uso da Terra, Mudança do Uso da Terra eflorestas de 2003 (GPG/LULUCF /LULUCF) Manual de 2006 IPCC e INVENTÁRIOS NACIONAIS

19 GHG PROTOCOL Fundado em 1998 Iniciativa do WRI e WBCSD Parceria entre ONGs e empresas Método padronizado para contabilizar GEE Iniciativa politicamente neutra

20 GHG PROTOCOL Emissões atribuíveis ao projeto Emissões atribuíveis á empresa Emissões atribuíveis á empresa Emissões atribuíveis ao produto GHG Protocol for Project Accounting A Corporate Accounting and Reporting Standard A Corporate Accounting and Reporting Standard + (draft) Scope 3 Accounting and Reporting Standards (draft) Product Life Cycle Accounting and Reporting Standard

21 GHG PROTOCOL Uso de GHG Protocol no mundo Programa Brasileiro de GHG Protocol Realidade local

22 ISO Parte 1 - Especificação e orientação a organizações para quantificação e elaboração de relatórios de emissões e remoções de gases de efeito estufa; Parte 2 - Especificação e orientação a projetos para quantificação, monitoramento e elaboração de relatórios das reduções de emissões ou da melhoria das remoções de gases de efeito estufa; Parte 3 - Especificação e orientação para a validação e verificação de declarações relativas a gases de efeito estufa.

23 OUTRAS Fontes diversas para fatores de emissões IPCC, EPA, DEFRA, Fontes locais ; Modelos setoriais - International Aluminium Institute, International Council for Forest and Paper Associations, International Iron and Steel Institute, the WBCSD Cement Sustainability Initiative, and the International Petroleum Industry Environmental Conservation Association (IPIECA). GHG Protocol compatível com modelos setoriais.

24 CONCLUSÕES E APRENDIZADO

25 POSICIONAMENTO PARA O FUTURO Considerações Gerais Grandes incertezas dificultam tomada de decisão quando o cenário ainda não está claro; Necessidade de conhecimento de sua exposição aos riscos e avaliação de oportunidades Inventários de emissões; Bom entendimento dos mecanismos de flexibilização e incentivos a redução de emissões; Incertezas sobre regulações e formato das mesmas. Impacto em competitividade e necessidade de foco nas nossas vantagens comparativas; Ajuste de fronteiras como tendência.

26

27 Obrigado! Carlos Henrique Delpupo (11)

estufa para setores agropecuários

estufa para setores agropecuários Simpósio de Mercado de Carbono pós COP15 e Código Florestal para o Sistema Cooperativista Inventário de gases de efeito fi estufa para setores agropecuários Inventário de gases de efeito estufa para setores

Leia mais

Empresas e as mudanças climáticas

Empresas e as mudanças climáticas Empresas e as mudanças climáticas O setor empresarial brasileiro, por meio de empresas inovadoras, vem se movimentando rumo à economia de baixo carbono, avaliando seus riscos e oportunidades e discutindo

Leia mais

Metodologias para medir pegada carbônica. Stephen Russell World Resources Institute

Metodologias para medir pegada carbônica. Stephen Russell World Resources Institute Metodologias para medir pegada carbônica Stephen Russell World Resources Institute O que é uma pegada carbônica? Empresa Fonte Instalação GHG Protocol Inventário Nacional Ferramentas de cálculo GHG Protocol

Leia mais

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 UNIDADE DE NEGÓCIO CARBONO - UNICAR Efluentes e Resíduos Inventários

Leia mais

Dimensão Mudanças Climáticas

Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas 2 Sumário CRITÉRIO I POLÍTICA... 3 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO... 3 CRITÉRIO II GESTÃO... 5 INDICADOR 2. RESPONSABILIDADE...

Leia mais

Inventário de Emissões e Estratégias de Neutralização. Desafios dos Projetos de Crédito de Carbono

Inventário de Emissões e Estratégias de Neutralização. Desafios dos Projetos de Crédito de Carbono Inventário de Emissões e Estratégias de Neutralização Desafios dos Projetos de Crédito de Carbono Julho 2009 Sobre a GSS Empresa com atuação focada no desenvolvimento de projetos e prestação de consultorias

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa GEE Sabesp: Ano Base 2007 1º Seminário Estadual sobre Mudanças Climáticas e Saneamento Diretoria de Tecnologia, Empreendimentos e Meio Ambiente T Superintendência

Leia mais

NECESSIDADE DE CONHECIMENTO DAS EMISSÕES NOS PROCESSOS PRODUTIVOS. Inventários de Emissões

NECESSIDADE DE CONHECIMENTO DAS EMISSÕES NOS PROCESSOS PRODUTIVOS. Inventários de Emissões NECESSIDADE DE CONHECIMENTO DAS EMISSÕES NOS PROCESSOS PRODUTIVOS Inventários de Emissões O QUE É UM INVENTÁRIO? Um inventário corporativo de emissões diretas e indiretas de gases de efeito estufa é a

Leia mais

Dimensão Mudanças Climáticas

Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas 2 Sumário CRITÉRIO I POLÍTICA... 3 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO... 3 CRITÉRIO II GESTÃO... 5 INDICADOR 2. RESPONSABILIDADE...

Leia mais

índice 1. Introdução...6 1.1. Histórico...6 1.2. Base, objetivos e limites do Guia Metodológico..7 1.3. Orçamento de Emissões de GEE...

índice 1. Introdução...6 1.1. Histórico...6 1.2. Base, objetivos e limites do Guia Metodológico..7 1.3. Orçamento de Emissões de GEE... Trabalho Realizado no Âmbito do índice Iniciativa, Realização e Patrocínio deste Guia: 1. Introdução...6 1.1. Histórico...6 1.. Base, objetivos e limites do Guia Metodológico..7 1.3. Orçamento de Emissões

Leia mais

Questionário ISE. Dimensão Mudanças Climáticas Mudança do Clima

Questionário ISE. Dimensão Mudanças Climáticas Mudança do Clima Questionário ISE Dimensão Mudanças Climáticas Mudança do Clima 2016 Sumário CRITÉRIO I POLÍTICA... 3 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO... 3 CRITÉRIO II GESTÃO... 6 INDICADOR 2. RESPONSABILIDADE...

Leia mais

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014 INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2014 A liberação de gases de efeito estufa (GEE) associada às atividades humanas em todo o mundo é reconhecida como a principal causa das mudanças climáticas que vem sendo observadas

Leia mais

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011 Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011 Resumo Este documento apresenta o Inventário corporativo de Emissões Diretas e Indiretas

Leia mais

PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL. Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa

PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL. Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa PROGRAMA BRASILEIRO GHG PROTOCOL Utilizando o inventário de emissões de GEE como ferramenta de gestão corporativa São Paulo, 03 de setembro de 2013 VI SEMINÁRIO HOSPITAIS SAUDÁVEIS - SHS 2013 EMISSÕES

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa. Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa. Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa Relatório de Atividades em Evento de Sustentabilidade FIESC 2012 Julho de 2012 A natureza criou o tapete sem fim que recobre a superfície da terra. Dentro

Leia mais

Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE. Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima

Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE. Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima Inventários e monitoramento das emissões e remoções de GEE Gustavo Luedemann Coordenação-Geral de Mudanças Globais de Clima HISTÓRICO UNFCCC IPCC Comunicação Nacional do Brasil Política Nacional sobre

Leia mais

White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa

White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa White Paper Inventário de Gases de Efeito Estufa O que você precisa saber? Inventário de Gases de Efeito Estufa O que você precisa saber? Sumário Objetivo... 2 Parte 1 - Entendendo o Inventário de Gases

Leia mais

O FUTURO NÓS CONSTRUÍMOS

O FUTURO NÓS CONSTRUÍMOS O FUTURO NÓS CONSTRUÍMOS As Cidades e a COP 21 - Mudanças Climáticas e os Reflexos para a Indústria da Construção do Brasil Iniciativas da Indústria da Construção Inventários de Emissão de Gases de Efeito

Leia mais

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas:

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas: Relatório de Emissões de Carbono Camarote Expresso 2222 Carnaval Salvador 2010 Introdução As atividades da humanidade têm aumentado como nunca visto a concentração de gases poluidores na atmosfera. Alguns

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012]

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012] Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012] INVENTÁRIO: X Completo INVENTÁRIO VERIFICADO POR: X Terceira parte Data: 21/01/2014 Preparador de Relatório: EGGEE/GAZIN Airton

Leia mais

Política de mudanças climáticas. Versão resumida

Política de mudanças climáticas. Versão resumida Política de mudanças climáticas Versão resumida 29/06/2015 objetivo A política de Mudanças Climáticas da Oi visa estabelecer o direcionamento estratégico e orientar as decisões relativas à temática da

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa RL Sistemas de Higiene Ltda. 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. Ano de Referência 2013

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. Ano de Referência 2013 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro Ano de Referência 2013 Junho de 2014 RELATÓRIO TÉCNICO Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa ano base 2014 junho 2015 Conselho Superior do Sistema Eletrobras Consise Comitê de Operação, Planejamento, Engenharia e Meio Ambiente Copem Coordenador:

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2016 Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 Bosque da Saúde Cuiabá/MT www.acaoverde.org.br (65) 3611 1606 Sumário

Leia mais

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA Versão 1.0 XXX.YY 22 a 25 Novembro de 2009 Recife - PE GRUPO XI GRUPO DE ESTUDO DE IMPACTOS AMBIENTAIS - GIA IMPLEMENTAÇÃO DO

Leia mais

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 A liberação de gases de efeito estufa (GEE) associada às atividades humanas em todo o mundo é reconhecida como a principal causa das mudanças climáticas que vem sendo observadas

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Gases de Efeito Estufa Inventário de Gases de Efeito Estufa Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Nicole Celupi - Three Phase Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Institucional A Three Phase foi criada em

Leia mais

JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO

JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO Agenda Introdução Definição dos limites de um inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa Limites Operacionais Identificando e Calculando emissões

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro

Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro RELATÓRIO TÉCNICO Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro Ano de referência: 2012 Outubro de 2013 RIO DE JANEIRO - RJ Rio de Janeiro RJ. Telefone: +55-21-3256-7968

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2014

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2014 DATA: 25/07/2014 FL.: 1/19 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2014 CLIENTE Nome Departamento Data Visto Aprovado - - - - Aprovado sem Comentários Aprovado com Comentários Não Aprovado

Leia mais

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE

Roberto Strumpf 01.06.2011. Mensuração e Gestão de GEE Roberto Strumpf 01.06.2011 Mensuração e Gestão de GEE Conteúdo A economia de baixo carbono Mensuração de emissões Programa Brasileiro GHG Protocol Gestão de emissões Plataforma Empresas Pelo Clima Economia

Leia mais

Programa de Registro Público de Emissões de GEE de Minas Gerais 16/3/2015

Programa de Registro Público de Emissões de GEE de Minas Gerais 16/3/2015 Programa de Registro Público de Emissões de GEE de Minas Gerais 16/3/2015 Legislação aplicada Decreto Estadual n 45.229, de 3 de dezembro de 2009 Decreto Estadual n 46.674, de 17 de dezembro de 2014 Deliberação

Leia mais

EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010)

EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010) EMISSÕES DO SETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS E EFLUENTES LÍQUIDOS (2009-2010) Sumário Executivo De acordo com a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), adotada em 1992, as mudanças

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias de transformação

Leia mais

DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS

DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS DIMENSÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS CONTEÚDO CRITÉRIO I - POLÍTICA... 2 INDICADOR 1: COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO... 2 CRITÉRIO II GESTÃO... 3 INDICADOR 2: RESPONSABILIDADES... 3 INDICADOR 3: PLANEJAMENTO/GESTÃO

Leia mais

Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE

Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE Demandas e escalas para a contabilidade de emissões de Gases de Efeito Estufa - GEE Secretaria de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento X Convenção do Clima UNFCCC é um tratado ambiental

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Cosmeticos SA 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 20/04/2010

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Metodologia, resultados e ações CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS CARTA ABERTA AO BRASIL Compromissos Assumidos A. Publicar anualmente o

Leia mais

CDP Supply Chain 2012 - Pedido de Informações

CDP Supply Chain 2012 - Pedido de Informações CDP Supply Chain 2012 - Pedido de Informações O conjunto de perguntas a seguir compõe o Pedido de Informação do CDP Supply Chain 2012. Solicita-se as companhias que respostas às perguntas através do Online

Leia mais

Dimensão Ambiental GRUPO IF

Dimensão Ambiental GRUPO IF Dimensão Ambiental GRUPO IF Serviços Financeiros Instituições Financeiras, Seguradoras Dimensão Ambiental 119 GRUPO IF... 118 CRITÉRIO I - POLÍTICA... 120 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO

Leia mais

Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono

Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono Inventário de Emissões de GEE: Ferramenta Estratégica para uma Economia de Baixo Carbono Temas abordados 1. Quem somos 2. Efeito estufa e aquecimento global 3. Marco regulatório 4. O inventário de emissões

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa. Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa. Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011 2011 Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Evento: CORRIDA ESPERANÇA - 2011 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. A GREEN CO 2.... 3 2.1. VISÃO.... 3 2.2. MISSÃO.... 3 2.3. OBJETIVOS.... 3 2.4. VALORES....

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013 Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. GHG PROTOCOL... 2 2.1 Premissas... 3 2.1.1 Definições... 3 2.1.1.1. Período... 3

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa LOJAS AMERICANAS S.A. 2010 Item na versão 2008 Item na versão 2009 Lista de modificações 2008-2009 Modificação nesta versão 1 1 Inserção de box com multipla

Leia mais

INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3. Uma visão geral dos requisitos da norma

INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3. Uma visão geral dos requisitos da norma INVENTÁRIO E VERIFICAÇÃO DE GEE ABNT NBR ISO14064: PARTES 1 E 3 Uma visão geral dos requisitos da norma FORTALECEMOS PROCESSOS, SISTEMAS E PESSOAS SGS é líder mundial em inspeções, testes, certificações

Leia mais

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa 2011 Inventário de GEE Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa Evento: -Super 9k Montevérgine -Prova Ciclística 9 de Julho 0 Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2015

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2015 DATA: 10/06/2015 FL.: 1/20 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA PROGEN 2015 CLIENTE Nome Departamento Data Visto Aprovado - - - - Aprovado sem Comentários Aprovado com Comentários Não Aprovado

Leia mais

PRIMEIRO INVENTÁRIO DE EMISSÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DA BAHIA. Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia - SEMA 2010

PRIMEIRO INVENTÁRIO DE EMISSÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DA BAHIA. Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia - SEMA 2010 PRIMEIRO INVENTÁRIO DE EMISSÕES ANTRÓPICAS DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DA BAHIA Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia - SEMA 2010 O Governo do Estado da Bahia, através da Secretaria do

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2014

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2014 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2014 Outubro/2014 VERSÃO 01 AUTOR Guilherme Pacheco Schuchter Belo Horizonte, MG Brasil guilherme@waycarbon.com COLABORADORES Jussara Utsch Belo Horizonte, MG Brasil jussara.utsch@scdcbrasil.com.br

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2011 Mercur S/A Nome fantasia: Mercur - CNPJ: 93.896.397/0001-22 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias

Leia mais

Inventário das emissões de gases de efeito estufa. Unilever Brasil Ltda 2010 21/07/2011 15:52

Inventário das emissões de gases de efeito estufa. Unilever Brasil Ltda 2010 21/07/2011 15:52 Inventário das emissões de gases de efeito estufa Unilever Brasil Ltda 2010 A - DADOS DA EMPRESA Unilever Brasil Ltda Endereço: Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, Itaim Bibi, 1309 - Cidade: São Paulo

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013]

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] INVENTÁRIO: X Completo INVENTÁRIO VERIFICADO POR: X Terceira parte Data: 10/03/2014 Preparador de Relatório: EGGEE/Quimicryl Simone

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 B2W - Companhia Digital Nome fantasia: B2W - CNPJ: 00.776.574/0001-56 Tipo da empresa: Controlada Setor econômico:

Leia mais

A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras

A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras A Importância da Elaboração dos Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa nas Capitais Brasileiras Emilio Lèbre La Rovere Coordenador, CentroClima/LIMA/PPE/COPPE/UFRJ 2º Encontro dos Secretários

Leia mais

Desafios na Gestão de Fornecedores emissões de âmbito 3 e outros

Desafios na Gestão de Fornecedores emissões de âmbito 3 e outros www.pwc.pt Desafios na Gestão de Fornecedores emissões de âmbito 3 e outros Cláudia Coelho, Senior Manager, Sustainable Business Solutions 3 de abril 2014 Os desafios na gestão da cadeia de fornecedores

Leia mais

Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima CIMGC

Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima CIMGC Comissão Interministerial de Mudança Global do Clima CIMGC RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013 2014 1 2 Sobre a CIMGC Em 09 de maio de 1992, na cidade de Nova York, a Organização das Nações Unidas aprovou o texto

Leia mais

Desafios da Gestão de Emissões no Setor de Engenharia e Construção. São Paulo, Dezembro de 2013

Desafios da Gestão de Emissões no Setor de Engenharia e Construção. São Paulo, Dezembro de 2013 Desafios da Gestão de Emissões no Setor de Engenharia e Construção São Paulo, Dezembro de 2013 1 Importância para os Negócios Riscos, Oportunidades, Padrões Internacionais 2 Quantificação de Emissões Metodologias,

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE - DMA/FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP

DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE - DMA/FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO FIESP Inventário GEE- São Paulo MAIO - 2014 Sumário - Base Legal Inventário - Sugestão para elaboração de inventário 2/40 Base Legal Lei 13.798 de 09 de

Leia mais

MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA SECRETARIA DE POLÍTICAS E PROGRAMAS DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO COORDENAÇÃO-GERAL DE MUDANÇAS GLOBAIS DE CLIMA

MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA SECRETARIA DE POLÍTICAS E PROGRAMAS DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO COORDENAÇÃO-GERAL DE MUDANÇAS GLOBAIS DE CLIMA PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORES O Projeto de Cooperação Internacional do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), BRA/05/G31 Elaboração da Segunda Comunicação Nacional

Leia mais

Introdução àpegada de carbono

Introdução àpegada de carbono Introdução àpegada de carbono Judith Sykes Gases de Efeito Estufa 1 Gases de Efeito Estufa Gas Concentration in 1988 (ppmv) GWP** Dióxido de carbono (CO 2 ) 365 1 Metano (CH 4 ) 1,75 23 Óxido nitroso (N

Leia mais

PMudanças Climáticas, a Secretaria

PMudanças Climáticas, a Secretaria APRESENTAÇÃO or intermédio da Coordenadoria de PMudanças Climáticas, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos/SEMA vem tomando decisões e realizando trabalhos voltados às mudanças climáticas.

Leia mais

2 Documento de Referência CarbonOk

2 Documento de Referência CarbonOk 2 Documento de Referência CarbonOk SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 5 2 PROGRAMA CARBONOK... 6 2.1 Missão... 6 2.2 Objetivos... 6 2.3 Valores... 7 2.4 Metodologia... 7 2.5 Atuação... 8 2.6 Responsável... 9 3

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2009 Natura Cosméticos S/A Nome fantasia: Natura Cosmeticos SA - CNPJ: 71.673.990/0001-77 Tipo da empresa: Matriz Setor

Leia mais

Pegada de Carbono. Carbon Footprint. Abril 2013

Pegada de Carbono. Carbon Footprint. Abril 2013 Pegada de Carbono Carbon Footprint Abril 2013 O que é pegada de carbono Carbon Footprint É o total de emissões de CO2 e de quaisquer outros gases (GEE), expressas em termos de carbono equivalentes de dióxido

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2009. Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa BM&FBOVESPA Ano 2009

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2009. Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa BM&FBOVESPA Ano 2009 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GEE 2009 1 2009 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa BM&FBOVESPA Ano 2009 2 SUMÁRIO EXECUTIVO Este documento apresenta o inventário de emissões de Gases de Efeito

Leia mais

Gestão de Emissões de Gases de Efeito Estufa Setor de Construção Civil

Gestão de Emissões de Gases de Efeito Estufa Setor de Construção Civil Gestão de Emissões de Gases de Efeito Estufa Setor de Construção Civil Rachel Biderman Furriela Coordenadora Adjunta Centro de Estudos em Sustentabilidade EAESP FGV rachel.biderman@fgv.br www.fgv.br/ces

Leia mais

FORMULÁRIO DO DOCUMENTO DE CONCEPÇÃO DE PROJETO PARA ATIVIDADES DE PROJETOS DE FLORESTAMENTO E REFLORESTAMENTO (MDL-FR-DCP) - Versão 01

FORMULÁRIO DO DOCUMENTO DE CONCEPÇÃO DE PROJETO PARA ATIVIDADES DE PROJETOS DE FLORESTAMENTO E REFLORESTAMENTO (MDL-FR-DCP) - Versão 01 MECANISMO DE DESENVOLVIMENTO LIMPO FORMULÁRIO DO DOCUMENTO DE CONCEPÇÃO DE PROJETO PARA ATIVIDADES DE PROJETOS DE FLORESTAMENTO E REFLORESTAMENTO (MDL-FR-DCP) 1 SUMÁRIO A. Descrição geral da atividade

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Deloitte Touche Tohmatsu Auditores Independentes - Fortaleza Nome fantasia: Deloitte - Fortaleza - CNPJ: 49.928.567/0013-55

Leia mais

Capítulo 1. Capítulo 2. Capítulo 3 CONTEÚDO. YPIRA: Integração dos setores de energia e florestal. A Planta Piloto da Bio-refinaria Jirau

Capítulo 1. Capítulo 2. Capítulo 3 CONTEÚDO. YPIRA: Integração dos setores de energia e florestal. A Planta Piloto da Bio-refinaria Jirau Proposta de investimento em Inovação e Sustentabilidade: Planta Piloto de Bio-refinaria Jirau Soluções para uso de madeira de SVA 8 de junho de 2016 CONTEÚDO Capítulo 1 YPIRA: Integração dos setores de

Leia mais

Mudanças Climáticas na Vale

Mudanças Climáticas na Vale 30/09/2011 Mudanças Climáticas na Vale Gerência de Nova Economia e Mudanças Climáticas Departamento de Desenvolvimento Sustentável Política de Sustentabilidade Operador Sustentável Legado Econômico, Social

Leia mais

Sustentabilidade Empresarial

Sustentabilidade Empresarial Política de Sustentabilidade como Instrumento de Competitividade São Paulo Out/2010 Laercio Bruno Filho 1 Desenvolvimento Sustentável 2 Aquecimento Global Word Population WORLD GDP 3 Questões Críticas

Leia mais

CDP Cities 2016. Atividade prática

CDP Cities 2016. Atividade prática CDP Cities 2016 Atividade prática A) Contexto da cidade e Governança. A cidade fictícia está localizada no litoral brasileiro, no estado de Santa Catarina. Possui 1,5 milhões de habitantes e atividade

Leia mais

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Gerente do Projeto: Luis F. M. Serrano Consultor: Victor Sette Gripp Período de Referência: 2012 São Paulo, Abril de 2013 Elaboração: INTRODUÇÃO

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 Plural Editora e Gráfica Ltda. Nome fantasia: Plural - CNPJ: 01.306.088/0001-37 Tipo da empresa: Holding Setor econômico:

Leia mais

ENTENDENDO OS REQUISITOS DE VERIFICAÇÃO DE INVENTÁRIOS DE GASES DE EFEITO ESTUFA

ENTENDENDO OS REQUISITOS DE VERIFICAÇÃO DE INVENTÁRIOS DE GASES DE EFEITO ESTUFA ENTENDENDO OS REQUISITOS DE VERIFICAÇÃO DE INVENTÁRIOS DE GASES DE EFEITO ESTUFA UMA DISCUSSÃO SOBRE A ESTRUTURA DA NORMA ISO 14064 E SUA APLICAÇÃO GLOBAL PARA INVENTÁRIOS E PROJETOS DE GEE Agosto de 2011

Leia mais

Confederação Nacional da Indústria

Confederação Nacional da Indústria Confederação Nacional da Indústria Brasília, novembro de 2010 mudança do clima COP 16: A Contribuição da Indústria Brasileira As Principais Mensagens Os esforços da indústria brasileira são uma importante

Leia mais

Guia de Orientações para Registro Público de Emissões de Gases de Efeito Estufa de Empreendimentos do Estado de Minas Gerais

Guia de Orientações para Registro Público de Emissões de Gases de Efeito Estufa de Empreendimentos do Estado de Minas Gerais Sistema Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Fundação Estadual do Meio Ambiente Diretoria de Pesquisa e Desenvolvimento Gerência

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Holding Setor econômico: C. Indústrias de

Leia mais

Inventário Corporativo de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) da ABIMAQ Associação

Inventário Corporativo de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) da ABIMAQ Associação Inventário Corporativo de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) da ABIMAQ Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos E-mail: bcb@braziliancarbonbureau.com.br Home Page: www.braziliancarbonbureau.com.br

Leia mais

As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações

As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações WORKSHOP ASPECTOS RELEVANTES DA PRÁTICA EMPRESARIAL EM GESTÃO AMBIENTAL CAMPINAS, 17 DE ABRIL 2010 As políticas públicas de mudanças climáticas e suas implicações Profa. Josilene T.V.Ferrer Estado de São

Leia mais

Relatório de Situação do Programa Voluntário de Registro Público de Emissões de Gases de Efeito Estufa do Estado de Minas Gerais

Relatório de Situação do Programa Voluntário de Registro Público de Emissões de Gases de Efeito Estufa do Estado de Minas Gerais Sistema Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Fundação Estadual do Meio Ambiente Diretoria de Pesquisa e Desenvolvimento Gerência

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010-

Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010- Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010- ÍNDICE Impactos das Mudanças Climáticas Conceitos Inventário de Gases de Efeito Estufa do Grupo Abril Ano 2010 Impactos das Mudanças Climáticas

Leia mais

Sustentabilidade e Mudança Climática

Sustentabilidade e Mudança Climática Sustentabilidade e Mudança Climática 23 de Setembro 2009 Definindo uma Estratégia Corporativa para lidar com Mudanças Climáticas de forma sustentável Aceitar que o debate está concluído Entender a sua

Leia mais

In Press Porter Novelli Inventário de Emissões Corporativas 2009

In Press Porter Novelli Inventário de Emissões Corporativas 2009 In Press Porter Novelli Inventário de Emissões Corporativas 2009 1 Sumário 1. Introdução 1.1. Empresa 1.2. Inventário 1.3. Metodologia de Cálculo 2. Determinação do Inventário 2.1. Limites do Inventário

Leia mais

RELATÓRIO DE SITUAÇÃO DO PROGRAMA VOLUNTÁRIO DE REGISTRO PÚBLICO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DE MINAS GERAIS Ano 2012

RELATÓRIO DE SITUAÇÃO DO PROGRAMA VOLUNTÁRIO DE REGISTRO PÚBLICO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DE MINAS GERAIS Ano 2012 SISTEMA ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS SECRETARIA DE ESTADO MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE DIRETORIA DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO GERÊNCIA

Leia mais

Levantamento do Perfil de Responsabilidade Socioambiental nas Organizações

Levantamento do Perfil de Responsabilidade Socioambiental nas Organizações Levantamento do Perfil de Responsabilidade Socioambiental nas Organizações Brasília, 19 de abril de 2011 BLOCOS TEMÁTICOS COMPROMISSO PLANEJAMENTO E GESTÃO DESEMPENHO SUSTENTÁVEL CONTRIBUIÇÃO COM O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas

VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas VERSÃO PRELIMINAR, PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA (MAIO/2015) Dimensão Mudanças Climáticas Dimensão Mudanças Climáticas 2 Sumário CRITÉRIO I POLÍTICA... 3 INDICADOR 1. COMPROMISSO, ABRANGÊNCIA E DIVULGAÇÃO...

Leia mais

Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo

Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo Status dos projetos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) no Brasil e no mundo 1º Período de compromisso do Protocolo de Quioto (2008-2012) (Data final de coleta de dados: 12/02/2014) O

Leia mais

Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil

Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil Relatório de Emissões Relatório Nacional de Emissões de Gases de Efeito Estufa na Aviação Civil Alexandre Filizola NEPA/SAR São José dos Campos, Junho de 2010 Objetivo Apresentar o trabalho que tem sido

Leia mais

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Inventário Corporativo de Gases do Efeito Estufa 2011 Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Gerente do Projeto: Iris Gobato Gercov Consultora: Adriane Elise de Assunção Flausino Consultor:

Leia mais

A Norma ISO 14064 Mudanças Climáticas. Vitor Feitosa Coordenador do SC-09 da ABNT/CB-38

A Norma ISO 14064 Mudanças Climáticas. Vitor Feitosa Coordenador do SC-09 da ABNT/CB-38 A Norma ISO 14064 Mudanças Climáticas Vitor Feitosa Coordenador do SC-09 da ABNT/CB-38 ISO WG5 Mudanças Climáticas ISO TC 207 - Environmental Management Working Group 5 Mudanças Climáticas Implantado em

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das de Gases de Efeito Estufa SADIA S/A 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 01/04/2010 Preparador

Leia mais

SUSTENTABILIDADE????

SUSTENTABILIDADE???? SUSTENTABILIDADE???? POPULAÇÃO MUNDIAL PRINCIPAIS PROBLEMAS GRANDES DESAFIOS DA HUMANIDADE: ÁGUA POTÁVEL FLORESTAS ALIMENTOS DIVERSIDADE BIOLÓGICA MORADIA GERAÇÃO DE ENERGIA ATMOSFERA, MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Leia mais

Gestão de energia: 2008/2009

Gestão de energia: 2008/2009 Gestão de energia: 2008/2009 Aula # T12 Energia e Ambiente Prof. Miguel Águas miguel.aguas@ist.utl.pt Dr. Eng. João Parente Efeito de estufa Aula # T12: Energia e ambiente Slide 2 of 53 Efeito de estufa

Leia mais

V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC

V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC Este documento é um dos volumes das Diretrizes Revisadas do IPCC de 1996 para Inventários Nacionais de Gases de Efeito Estufa. A série é composta por três livros:

Leia mais

PROGRAMA CAIXA CARBONO ZERO

PROGRAMA CAIXA CARBONO ZERO 1 RELATÓRIOS CGD NEUTRALIDADE CARBÓNICA 2010 PROGRAMA CAIXA CARBONO ZERO www.cgd.pt 2 1. A compensação de emissões como COMPROMISSO do Programa Caixa Carbono Zero A compensação de emissões inevitáveis

Leia mais

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Apoio Organização Realização Política de clima e inventário de GEE de

Leia mais

MDL e Eficiência Energética: Oportunidades no Setor Industrial

MDL e Eficiência Energética: Oportunidades no Setor Industrial Seminário de Oportunidades para Financiamento de Projetos de Eficiência Energética e MDL Fundação Getúlio Vargas MDL e Eficiência Energética: Oportunidades no Setor Industrial F U N D A Ç Ã O B R A S I

Leia mais

Papel do setor sucroenergético na mitigação das mudanças climáticas

Papel do setor sucroenergético na mitigação das mudanças climáticas Ethanol Summit Painel: Biocombustíveis e a Mitigação das Mudanças Climáticas Papel do setor sucroenergético na mitigação das mudanças climáticas Géraldine Kutas International Advisor, Brazilian Sugarcane

Leia mais