CICLO PDCA POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO EMPRESARIAL Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CICLO PDCA POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO EMPRESARIAL Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges"

Transcrição

1 Versão 2.0 CICLO PDCA CICLO PDCA POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO EMPRESARIAL Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges Data: 02/12/2014 Considerando processo como sendo uma série de ações ou operações visando um resultado, qualidade como sendo uma propriedade positiva de um processo, e a importância da análise e melhoria de processos dentro de uma instituição, apresentamos neste trabalho, de maneira simplificada, um método de gestão voltado para a análise e melhoria de processos chamado Ciclo PDCA. A Segurança da Informação tem como estrutura a implementação de um conjunto de controles, incluindo políticas, processos, procedimentos, estruturas organizacionais e funções de software e hardware. Esses controles precisam ser estabelecidos, implementados, monitorados, analisados criticamente e melhorados de acordo com as necessidades. Tendo por base a Segurança da Informação, faremos a análise do processo de implementação de Políticas de Segurança da Informação e, através de ciclos contínuos, iremos verificar propor e realizar mudanças necessárias para aperfeiçoarmos cada vez mais o nosso processo. A. EJAMENTO DA IMTAÇÃO: Objetivos; Metas. (Planejar) Sistemas de Gestão Empresarial Página 1

2 a. Objetivo: Elaborar uma política de segurança, que esteja de acordo com a visão e missão da empresa, visando à proteção da informação contra ameaças, com o intuito de garantir a continuidade dos serviços e minimizar os riscos. b. Metas: Operacionalizar o Plano de Segurança da Informação no prazo de 1 (um) ano. I. Programa de Segurança da Informação Métodos: Montar uma equipe, composta por representantes de todos os níveis organizacionais e equipe técnica de segurança da informação, para criação do Plano de Segurança da Informação. Essa equipe terá como responsabilidade o controle, planejamento, implementação e avaliação das Políticas de Segurança da Informação. II. Programa de Treinamento de Pessoas Métodos: Realizar treinamentos específicos e eficazes para os colaboradores dos níveis tático e operacional. Adotar políticas de motivação e bom relacionamento de pessoal. III. Programa de Capacitação de Gestores Métodos: Realizar capacitação específica para os gestores. Adotar políticas de motivação e bom relacionamento de pessoal. B. IMTAÇÃO, AVALIAÇÃO E ANÁLISE: (Fazer) Educar e treinar; Executar. a. Educar e Treinar: Sistemas de Gestão Empresarial Página 2

3 I. Verificar todo o levantamento feito na fase de planejamento da política de segurança da informação e realizar as modificações necessárias (sistema, controle de acesso, backups, etc.). II. Reunião entre gestores e projetistas do sistema de gestão empresarial para levantamento das possibilidades de alterações e/ou inclusões de funcionalidade de segurança no sistema. III. Realizar treinamento/capacitação específico para os funcionários. b. Executar: I. Coletar Dados: i. Verificar relatórios de acessos aos sistemas, situação de equipamentos (hardware), backups realizados, etc.. ii. Levantar aspectos positivos e negativos. II. Comparar com o Planejamento: i. Analisar dados das pesquisas e comparar com o planejamento realizado. C. ANÁLISE DA POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO: Identificação do processo; Identificação do problema; Identificação das causas do problema. (Checar) a. Identificação do Problema: Dificuldade de implantação das Políticas de SI. b. Identificação das Causas do Problema: I. Software: Sistemas de Gestão Empresarial Página 3

4 1. Softwares desatualizados; 2. Firewall com configuração errada; 3. Instalação do software realizada de modo indevido; 4. Funcionalidades do software insuficientes. II. Hardware: i. Comunicação com o servidor central (cabeamento, roteadores, switches, etc.); ii. Configuração errada de acessos; iii. Problema de memória (física); iv. Máquina obsoleta ou defeituosa; III. Funcionários: i. Falta de capacitação/informação; ii. Desmotivação; IV. Gestão: i. Desqualificação; ii. Falta de liderança; iii. Autoritarismo; iv. Assédio moral; v. Excesso de confiança. D. MELHORIA DA POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SOLUÇÕES Identificação de alternativas e soluções; (Agir) a. Identificação de Alternativas de Soluções: Sistemas de Gestão Empresarial Página 4

5 I. Software: Verificação periódica das configurações dos computadores e monitoramento de sistemas por técnicos qualificados. Atualização e monitoramento de sistemas de gestão empresarial. II. Hardware: Monitoramento permanente da rede, manutenção constante da rede física. Verificação das necessidades de configuração dos computadores por técnicos capacitados. Monitoramento de controles de acesso. III. Funcionários: Investimentos em capacitação e treinamento dos funcionários e realização de avaliações periódicas de desempenho. Realização de entrevistas com os funcionários, políticas de motivação e aumento de produtividade. IV. Gestão: Investimento em processos seletivos específicos para contratação dos gestores, onde sejam verificadas as competências necessárias para desempenho do cargo, investimento em políticas de desenvolvimento pessoal e, se necessário, acompanhamento psicológicos. Políticas de desenvolvimento pessoal e integração entre colaboradores, e, se for o caso, realização de demissões preventivas. A implementação efetiva de Políticas de Segurança da Informação - PSI por grandes organizações ainda é um grande desafio a ser superado. Muitas vezes, apenas a fase do planejamento é concluída, mas a execução não acontece devido a questões financeiras e/ou culturais da instituição. Deve-se salientar que a implementação do PSI auxiliada pelo Ciclo PDCA deve ser incremental, ou seja, seu desenvolvimento deve ser fomentado de forma contínua. Após a fase action o ciclo deve rodar novamente para que as alternativas de solução possam ser concretizadas nas próximas fases, novos problemas sejam identificados e novas soluções sejam propostas. Sistemas de Gestão Empresarial Página 5

CONTRATO DE SERVIÇO - SLA GOVERNANÇA DE TI Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges

CONTRATO DE SERVIÇO - SLA GOVERNANÇA DE TI Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges Versão 1.0 CONTRATO DE SERVIÇO - SLA GOVERNANÇA DE TI Responsáveis: Ana Luíza Cruvinel, Maikon Franczak e Wendel Borges Data: 02/12/2014 SUMÁRIO 1. ACORDO GERAL... 2 2. METAS E OBJETIVOS... 2 3. RESPONSÁVEIS...

Leia mais

Levantamento dos Ativos

Levantamento dos Ativos Segurança da Informação LUSANA SOUZA NATÁLIA BATUTA MARIA DAS GRAÇAS TATIANE ROCHA GTI V Matutino Prof.: Kelly Alves Martins Sumário 1. INTRODUÇÃO... 2 2. LEVANTAMENTO DE ATIVOS... 2 3. LEVANTAMENTO DE

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 Versão 1.0 1 APRESENTAÇÃO O Planejamento

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES () Versão 2.0 08/08/2014 Política de Segurança da Informação e Comunicações - SUMÁRIO 1 FINALIDADE... 2 2 ABRANGÊNCIA... 2 3 CONCEITOS... 2 3.1 Autenticidade...

Leia mais

Objetivos. PDI - Plano Diretor de Informática. O que é? Como é feito? Quanto dura sua elaboração? Impactos da não execução do PDI

Objetivos. PDI - Plano Diretor de Informática. O que é? Como é feito? Quanto dura sua elaboração? Impactos da não execução do PDI Objetivos Assegurar que os esforços despendidos na área de informática sejam consistentes com as estratégias, políticas e objetivos da organização como um todo; Proporcionar uma estrutura de serviços na

Leia mais

REFLEXÃO. (Warren Bennis)

REFLEXÃO. (Warren Bennis) RÉSUMÉ Consultora nas áreas de Desenvolvimento Organizacional e Gestão de Pessoas; Docente de Pós- Graduação; Coaching Experiência de mais de 31 anos na iniciativa privada e pública; Doutorado em Administração;

Leia mais

Análise e Projeto de Sistemas

Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Gerenciamento de Projetos Conteúdo: Introdução Aula: I Prof.: Eude Lacerda E-mail: eude.lacerda@ifnmg.edu.br Apresentação Introdução ao gerenciamento de projetos de software

Leia mais

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE Introdução

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE Introdução GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE Introdução Considerações iniciais Qualidade: Grau de perfeição, de precisão, de conformidade a um certo padrão. É conceito multidimensional, isto é, o cliente avalia a qualidade

Leia mais

1. Problemas da Falta de Planejamento PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA (PDI)

1. Problemas da Falta de Planejamento PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA (PDI) PLANO DIRETOR DE INFORMÁTICA (PDI) Também denominado Plano Diretor de Tecnologia da Informação, ou simplesmente Plano de Informática, é um planejamento composto do levantamento das necessidades da empresa

Leia mais

b) supervisionar o cumprimento desta política pelas entidades integrantes do Sistema Sicoob;

b) supervisionar o cumprimento desta política pelas entidades integrantes do Sistema Sicoob; 1. Esta Política institucional de gestão de pessoas: Política institucional de gestão de pessoas a) é elaborada por proposta da área de Gestão de Pessoas da Confederação Nacional das Cooperativas do Sicoob

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Competências Analista 1. Administração de recursos de infra-estrutura de tecnologia da informação 2.

Leia mais

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC 1. Diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenar

Leia mais

Plano de Segurança da Informação

Plano de Segurança da Informação Faculdade de Tecnologia Plano de Segurança da Informação Alunos: Anderson Mota, André Luiz Misael Bezerra Rodrigo Damasceno. GTI 5 Noturno Governança de tecnologia da informação Prof. Marcelo Faustino

Leia mais

Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores

Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores Automação de back-office Estratégia e gestão financeira Melhoria de processos e indicadores 01 A Inside foi fundada com o objetivo de levar fundamentos de estratégia e gestão às empresas que buscam crescer

Leia mais

PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PLANO DE CAPACITAÇÃO DA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO COMITÊ GESTOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (CGTI) JULHO/2012 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email:

Leia mais

Simplificando a TECNOLOGIA

Simplificando a TECNOLOGIA 3 Simplificando a TECNOLOGIA SEGURANÇA DESENVOLVIMENTO BANCO DE DADOS S O L U Ç Õ ES E M T E C N O L O G I A MISSÃO VISÃO Contribuir com o sucesso dos Clientes através da Ser a melhor provedora de Soluções

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos carlos@oficinadapesquisa.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Estrutura de um Sistema de Informação Vimos

Leia mais

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e PDTI - Definição Instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de Tecnologia da Informação que visa atender às necessidades tecnológicas e de informação de um órgão ou entidade

Leia mais

Política Nacional de Gestão de Pessoas no Governo Lula. uma construção negociada e inovadora

Política Nacional de Gestão de Pessoas no Governo Lula. uma construção negociada e inovadora Política Nacional de Gestão de Pessoas no Governo Lula uma construção negociada e inovadora POLÍTICA DE GESTÃO DE PESSOAS A construção de uma política de gestão de pessoas para o Governo Federal tem por

Leia mais

Programas Maliciosos. 2001 / 1 Segurança de Redes/Márcio d Ávila 182. Vírus de Computador

Programas Maliciosos. 2001 / 1 Segurança de Redes/Márcio d Ávila 182. Vírus de Computador Programas Maliciosos 2001 / 1 Segurança de Redes/Márcio d Ávila 182 Vírus de Computador Vírus de computador Código intruso que se anexa a outro programa Ações básicas: propagação e atividade A solução

Leia mais

Gestão de Segurança a da. Estadual da Bahia

Gestão de Segurança a da. Estadual da Bahia Gestão de Segurança a da Informação no Governo Estadual da Bahia 1 www.fortic.ba.gov.br Fatores motivadores. Crescente aumento das ameaças eletrônicas e o maior uso de Tecnologia da Informação nas transações

Leia mais

Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP.

Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP. Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP. Av. Paulo VI, 1.922 Perdizes São Paulo - SP Tel.: (11) 3875.1000 www.mpesolucoes.com.br POR QUE CONTRATAR OS SERVIÇOS DA MPE

Leia mais

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SISTEMATIZAÇÃO DOS RESULTADOS Atendendo a solicitação do CNMP, o presente documento organiza os resultados

Leia mais

Ano: 2012 MATRIZ DE COMPETÊNCIAS COMPORTAMENTAIS. Realiza Consultoria Empresarial Ltda. www.consultoriarealiza.com.br www.flaviopimentel.com.

Ano: 2012 MATRIZ DE COMPETÊNCIAS COMPORTAMENTAIS. Realiza Consultoria Empresarial Ltda. www.consultoriarealiza.com.br www.flaviopimentel.com. Ano: 2012 MATRIZ DE COMPETÊNCIAS COMPORTAMENTAIS Realiza Consultoria Empresarial Ltda. www.consultoriarealiza.com.br www.flaviopimentel.com.br MATRIZ DE COMPETÊNCIAS COMPORTAMENTAIS Alinhadas às Diretrizes

Leia mais

Visão, Missão e Valores do Grupo Bravante

Visão, Missão e Valores do Grupo Bravante CÓDIGO DE ÉTICA O Grupo Bravante apresenta a todos os seus colaboradores o seu Código de Ética. O objetivo deste é definir com clareza os princípios e valores éticos que norteiam todos os procedimentos

Leia mais

Monografia apresentada ao Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Brasília Curso de Especialização em Gestão da Segurança da

Monografia apresentada ao Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Brasília Curso de Especialização em Gestão da Segurança da Monografia apresentada ao Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Brasília Curso de Especialização em Gestão da Segurança da Informação e Comunicações 1 - Há milhões e milhões de anos

Leia mais

gladiador INTERNET CONTROLADA

gladiador INTERNET CONTROLADA gladiador INTERNET CONTROLADA funcionalidades do sistema gladiador sistema Gerenciamento de usuários, gerenciamento de discos, data e hora do sistema, backup gladiador. Estações de Trabalho Mapeamento

Leia mais

Apresentação. Empresarial SOLUÇÕES EM TI

Apresentação. Empresarial SOLUÇÕES EM TI Apresentação Empresarial 2013 2014 SOLUÇÕES EM TI Ins tucional A Empresa Empresa focada na gestão de tecnologia da informação, que visa proporcionar a seus clientes redução dos gastos com TI, monitoramento

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Serviços de informática. Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS

TERMO DE REFERÊNCIA. Serviços de informática. Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS TERMO DE REFERÊNCIA Serviços de informática Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS 1 I VISITA IN LOCO No dia 24 de junho de 2014 na sede da Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS realizamos

Leia mais

Planejamento estratégico

Planejamento estratégico Planejamento estratégico Coordenadoria de Tecnologia da Informação 2015-2018 1. Estrutura atual da Coordenadoria de Tecnologia da Informação A coordenadoria é hoje responsável pelos setores de Informática

Leia mais

Enterprise Quality Management [EQM] Excelência em Gestão da Qualidade

Enterprise Quality Management [EQM] Excelência em Gestão da Qualidade Enterprise Quality Management [EQM] Excelência em Gestão da Qualidade A Gestão da Qualidade Total, do inglês Total Quality Management - TQM é uma estratégia de administração completa que tem como objetivo

Leia mais

ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR

ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR DENOMINAÇÃO DO CARGO: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Desenvolver e implantar sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidades do

Leia mais

COMPLIANCE RICARDO BREIER PRIVADO. Advogados Associados. breier.adv.br

COMPLIANCE RICARDO BREIER PRIVADO. Advogados Associados. breier.adv.br COMPLIANCE PRIVADO RICARDO BREIER Escritório Vinculado ao Conselho Consultivo do International Center of Economic Penal Studies (ICEPS), em New York. Advogados Associados breier.adv.br RICARDO BREIER Advogados

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação O bem mais importante que as empresas possuem, sem dúvida, são as informações gerenciais, sendo muito importantes para a tomada de decisões. Com o crescimento da internet

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TI com base na ITIL

Gerenciamento de Serviços de TI com base na ITIL Gerenciamento de Serviços de TI com base na ITIL Information Technology Infrastructure Library ou Biblioteca de Infraestrutura da Tecnologia da Informação A TI de antes (ou simplesmente informática ),

Leia mais

CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA

CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA Quem Somos A Vital T.I surgiu com apenas um propósito: atender com dedicação nossos clientes. Para nós, cada cliente é especial e procuramos entender toda a dinâmica

Leia mais

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV Certificação ISO/IEC 27001 SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação A Experiência da DATAPREV DATAPREV Quem somos? Empresa pública vinculada ao Ministério da Previdência Social, com personalidade

Leia mais

METODOLOGIA DE IMPLANTAÇÃO INFOECIA. Introdução

METODOLOGIA DE IMPLANTAÇÃO INFOECIA. Introdução Introdução O objetivo deste documento é descrever de uma forma simplificada, o processo implantação de sistemas corporativos da Infoecia. Neste documento é apresentado o ciclo de vida padrão dos projetos

Leia mais

2º PERÍODO TECNOLOGIA EM SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO RELATÓRIO ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES

2º PERÍODO TECNOLOGIA EM SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO RELATÓRIO ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC 2º PERÍODO TECNOLOGIA EM SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO GOIÂNIA 2015 PROJETO INTEGRADOR RELATÓRIO ARQUITETURA E ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES GRUPO: ALLAN BERG CARLOS SILVA JUAN CARLOS

Leia mais

Modelo de Questionário de Desligamento

Modelo de Questionário de Desligamento RECRUTAMENTO E SELEÇÃO Planejamento Recrutamento Seleção Integração 1ª Etapa Surgimento de uma vaga - Dispensas do empregador (demissões); - Pedidos de demissão (saídas voluntárias demissionários); - Mortes;

Leia mais

ANALISTA DE RH Cód.: 0187

ANALISTA DE RH Cód.: 0187 ANALISTA DE RH Cód.: 0187 Realizar o processo de recrutamento e seleção, fazendo triagem de currículos, organizando o banco de currículos e agendamento de entrevistas; Realizar as entrevistas e emitir

Leia mais

Código de Conduta Ética do Laboratório Sabin. Nossos Princípios, Valores e Crenças

Código de Conduta Ética do Laboratório Sabin. Nossos Princípios, Valores e Crenças Código de Conduta Ética do Laboratório Sabin Nossos Princípios, Valores e Crenças Gestão Empresarial e Práticas Organizacionais 1. Relacionamentos 1.1. Com colaborador 1.2. Com clientes e fornecedores

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE

ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE Introdução O administrador de redes geovanegriesang@ifsul.edu.br www.geovanegriesang.com Gerenciamento de redes Gerenciamento de rede é o ato de iniciar, monitorar e modificar

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO SGDCOM/PROGEP/UFPB

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO SGDCOM/PROGEP/UFPB ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO SGDCOM/PROGEP/UFPB Os quadros deste anexo formam um roteiro para elaboração dos Planos de Trabalho (PTS e PTI) de Gestão de Desempenho por Competência. Dentro

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Torres Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Gestão

Estado do Rio Grande do Sul Município de Torres Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Gestão LEI MUNICIPAL N o 4.345, DE 22 DE OUTUBRO DE 2010. Cria e extingue cargos no Quadro de Servidores Públicos do. O PREFEITO MUNICIPAL DE TORRES, Estado do Rio Grande do Sul, em conformidade com o art. 93,

Leia mais

Engenharia de Software Qualidade de Software

Engenharia de Software Qualidade de Software Engenharia de Software Qualidade de Software O termo qualidade assumiu diferentes significados, em engenharia de software, tem o significado de está em conformidade com os requisitos explícitos e implícitos

Leia mais

GRUPO ALLMAQ IT SOLUTIONS

GRUPO ALLMAQ IT SOLUTIONS GRUPO ALLMAQ IT SOLUTIONS O Grupo ALLMAQ IT Solutions é uma empresa voltada à soluções corporativas na área da Tecnologia da Informação. Oferecemos soluções inovadoras, conciliando infraestrutura, software

Leia mais

Potencial PSI. Sistema RH. www.potencialpsi.com.br

Potencial PSI. Sistema RH. www.potencialpsi.com.br Sistema RH Sistema de RH RETENÇÃO ACOMPANHAMENTO CAPTAÇÃO DESLIGAMENTO Entrada do profissional no sistema DESENVOLVIMENTO Saída do profissional no sistema Recrutamento e Seleção Banco de talentos Projeto

Leia mais

Uma nova marca para um novo futuro

Uma nova marca para um novo futuro Uma nova marca para um novo futuro Há 10 anos no mercado, a INFOPLAN Soluções em Tecnologia, oferece um amplo portfólio de soluções em infraestrutura, que agrega Hardware, Software, Networking, Serviços

Leia mais

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA 0 Empresa Com mais de 15 anos de experiência no mercado, GÊNIO INFORMÁTICA é líder em seu segmento e se destaca na prestação de serviços em redes de computadores e instalação de CFTV (Câmeras de segurança).

Leia mais

Informe técnico: Segurança de endpoints Symantec Protection Suite Enterprise Edition Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria

Informe técnico: Segurança de endpoints Symantec Protection Suite Enterprise Edition Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria Visão geral O Symantec Protection Suite Enterprise Edition cria um ambiente de endpoints e mensageria protegido contra as complexas ameaças atuais,

Leia mais

A APLICAÇÃO FOI DRASTICAMENTE REDUZIDA

A APLICAÇÃO FOI DRASTICAMENTE REDUZIDA Bernardo Leite AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO HÁ TEMPOS... Objetivos principais: Aumento de salário Demissão CONCLUSÃO: A APLICAÇÃO FOI DRASTICAMENTE REDUZIDA A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO É um processo natural e

Leia mais

Suporte e Consultoria

Suporte e Consultoria Suporte e Consultoria São Paulo: (11) 2122 4211 - Campo Grande: (67) 4062 0039 - http://kuboit.com Nossos Serviços A KuboIT utiliza seus conhecimentos para fazer com que os sistemas da sua empresa estejam

Leia mais

ANALISTA DE RH Cód.: 0187

ANALISTA DE RH Cód.: 0187 ANALISTADERH Cód.:0187 AtribuiçõesdaFunção: Realizar o processo de recrutamento e seleção, fazendo triagem de currículos, organizando o banco de currículos e agendamento de entrevistas; Realizar as entrevistas

Leia mais

Gestão Financeira e Orçamentária. Professor Tirlê

Gestão Financeira e Orçamentária. Professor Tirlê Gestão Financeira e Orçamentária Professor Tirlê Gestão Financeira e Orçamentária Gerente de Distribuidora Alimentícia; Gerente Adm. Financeiro Eng. Civil; Gerente de Empresas de Agenciamento de Carga

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação INF-108 Segurança da Informação Gestão de Segurança da Informação Prof. João Henrique Kleinschmidt (slides cedidos pelo Prof. Carlos Kamienski - UFABC) Gerenciamento e Avaliação de Riscos Terminologia

Leia mais

agillize INFORMÁTICA APRESENTAÇÃO

agillize INFORMÁTICA APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO Alguns de Nossos Clientes e Parceiros Tecnologias Algumas tecnologias e certificações que consolidam a qualidade de nossos projetos Apresentação - Agillize Informática A Agillize Informática

Leia mais

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa Aécio Costa A segurança da informação é obtida a partir da implementação de um conjunto de controles adequados, incluindo políticas, processos, procedimentos, estruturas organizacionais e funções de software

Leia mais

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade...

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Reduzir custo de TI; Identificar lentidões no ambiente de TI Identificar problemas de performance

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Art. 1º - A Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação DTIC da Universidade FEDERAL DO ESTADO DO RIO

Leia mais

Desenvolvimento e Capacitação de Servidores Públicos

Desenvolvimento e Capacitação de Servidores Públicos Desenvolvimento e Capacitação de Servidores Públicos I-Organização da Administração Pública A vida da sociedade organizada pressupõe uma organização racional do trabalho, constituída de uma hierarquia

Leia mais

Segurança Física de acesso aos dados

Segurança Física de acesso aos dados Segurança Física de acesso aos dados Segurança Física de acesso aos dados 1 A Segurança Física tem como objetivos específicos: ü Proteger edificações e equipamentos; ü Prevenir perda, dano ou comprometimento

Leia mais

Princípios de Empoderamento das Mulheres

Princípios de Empoderamento das Mulheres Princípios de Empoderamento das Mulheres Igualdade Significa Negócios Princípios de Empoderamento das Mulheres 1. Estabelecer liderança corporativa sensível à igualdade de Gênero, no mais alto nível. 2.

Leia mais

Lista de Exercícios - COBIT 5

Lista de Exercícios - COBIT 5 Lista de Exercícios - COBIT 5 1. O COBIT 5 possui: a) 3 volumes, 7 habilitadores, 5 princípios b) 3 volumes, 5 habilitadores, 7 princípios c) 5 volumes, 7 habilitadores, 5 princípios d) 5 volumes, 5 habilitadores,

Leia mais

Projeto SHOP CAR PLANO DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HUMANOS

Projeto SHOP CAR PLANO DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HUMANOS Projeto SHOP CAR PLANO DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HUMANOS Preparado por Wiglesson N. Rodrigues - Técnico de Informática Versão: 1.0 Aprovado por Data: 1. ORGANOGRAMA DO PROJETO Presidente

Leia mais

Auditoria de Sistemas FATEC 2011

Auditoria de Sistemas FATEC 2011 Auditoria de Sistemas FATEC 2011 Histórico 3.000 a.c. - Antropologistas encontraram registros de atividades de auditoria de origem babilônica ~2.000 a.c - No antigo Egito havia a necessidade de se ratificar

Leia mais

Agenda. ABCTec Risco Pesquisas sobre fraudes no Brasil e no Mundo Valores envolvidos e perfil do fraudador Como se proteger

Agenda. ABCTec Risco Pesquisas sobre fraudes no Brasil e no Mundo Valores envolvidos e perfil do fraudador Como se proteger Agenda ABCTec Risco Pesquisas sobre fraudes no Brasil e no Mundo Valores envolvidos e perfil do fraudador Como se proteger Quem é a ABCTec Atuando no mercado de TI desde 1996, a ABCTec está hoje focada

Leia mais

Internet Ampliando o contato com a comunidade escolar

Internet Ampliando o contato com a comunidade escolar Internet Ampliando o contato com a comunidade escolar Introdução Silvio Henrique FISCARELLI 1 I Adriana da Silva TURQUETTI 2 Saur (1995), no Primeiro Congresso Nacional de Informática Pública realizado

Leia mais

A TI E O PPA 2012-2015

A TI E O PPA 2012-2015 Governo do Estado de Mato Grosso Conselho Superior do Sistema Estadual de Informação e Tecnologia da Informação Sistema Estadual de Informação e Tecnologia da Informação WORKSHOP A TI E O PPA 2012-2015

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção

Curso de Engenharia de Produção. Organização do Trabalho na Produção Curso de Engenharia de Produção Organização do Trabalho na Produção Condicionantes da Estrutura Organizacional De acordo com Simeray ( 1970) é produto dos seguintes fatores: O valor do homem O conhecimento

Leia mais

Prof Elly Astrid Vedam

Prof Elly Astrid Vedam Prof Elly Astrid Vedam Despertar e saber lidar com os mecanismos de liderança e se preparar para a gestão de pequenos e médios negócios; Identificar conflitos no ambiente de seu negócio, calculando e avaliando

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS GESTÃO POR COMPETÊNCIAS STM ANALISTA/2010 ( C ) Conforme legislação específica aplicada à administração pública federal, gestão por competência e gestão da capacitação são equivalentes. Lei 5.707/2006

Leia mais

ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE

ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE ESPECIFICANDO ITENS DO SUPORTE RUA DO BOM PASTOR, 47; Sala 202; IPUTINGA RECIFE - PE CEP: 50670-260 - CNPJ: 14.668.041/0001-65 Fone: +55 (81) 3048-5649 / +55 (81) 4102-0316 Fax: +55 (81) 3048-5649 Email:

Leia mais

Erikson Diniz Benetti (UTFPR) eriksondb@yahoo.com.br Rui Francisco Martins Marçal (UTFPR) marçal@cefetpr.br

Erikson Diniz Benetti (UTFPR) eriksondb@yahoo.com.br Rui Francisco Martins Marçal (UTFPR) marçal@cefetpr.br Sistema informatizado para o controle e planejamento da manutenção em equipamentos que compõem a infraestrutura do sistema de informação de uma organização Erikson Diniz Benetti (UTFPR) eriksondb@yahoo.com.br

Leia mais

SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO!

SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO! SOLUÇÕES AMBIENTE SEGURO SEUS NEGÓCIOS DEPENDEM DISSO! O ambiente de Tecnologia da Informação (TI) vem se tornando cada vez mais complexo, qualquer alteração ou configuração incorreta pode torná-lo vulnerável

Leia mais

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA Documento elaborado pelo Grupo de Trabalho da Comissão de Normas

Leia mais

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Projeto Saber Contábil O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Alessandra Mercante Programa Apresentar a relação da Gestão de pessoas com as estratégias organizacionais,

Leia mais

Soluções em Armazenamento

Soluções em Armazenamento Desafios das empresas no que se refere ao armazenamento de dados Aumento constante do volume de dados armazenados pelas empresas, gerando um desafio para manter os documentos armazenados Necessidade de

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI)

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI) 00 dd/mm/aaaa 1/15 ORIGEM Instituto Federal da Bahia Comitê de Tecnologia da Informação ABRANGÊNCIA Este da Informação abrange todo o IFBA. SUMÁRIO 1. Escopo 2. Documentos de referência 3. Metodologia

Leia mais

FILOSOFIA EMPRESARIAL

FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL MISSÃO SACIAR NATURALMENTE A SEDE DOS GAÚCHOS. Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL VISÃO QUEREMOS SER

Leia mais

Apresentação. Objetivo. Conhecendo a Empresa. Visão. Missão. Princípios e Valores. Política Integrada da Qualidade

Apresentação. Objetivo. Conhecendo a Empresa. Visão. Missão. Princípios e Valores. Política Integrada da Qualidade Apresentação Conhecendo a Empresa Objetivo Visão Missão Princípios e Valores Política Integrada da Qualidade 2 P á g i n a F e r r a m e n t a s Apresentação A é uma empresa especializada em comercializar

Leia mais

Serviço HP IMC EAD Implementation

Serviço HP IMC EAD Implementation Serviço HP IMC EAD Implementation Dados técnicos O serviço HP IMC EAD Implementation tem o objetivo de fornecer a personalização do módulo Endpoint Admission Defense de acordo com as necessidades do Cliente

Leia mais

Soluções inteligentes para quem exige qualidade máxima.

Soluções inteligentes para quem exige qualidade máxima. Soluções inteligentes para quem exige qualidade máxima. QualityMax Serviços e Tecnologia Com a QualityMax Serviços e Tecnologia, o cliente deixa de ter problemas graças às soluções modernas e aderentes

Leia mais

SYSLOG - Sistema de Logística

SYSLOG - Sistema de Logística Integrantes (Grupo 3) Douglas Antony (Gerente) Bruno Sout Erika Nascimento Horácio Grangeiro Isaque Jerônimo Paulo Roriz Rodrigo Lima Versão:01.00 Data:18/05/2011 Identificador do documento:lr Versão do

Leia mais

RRelevância do curso. OObjetivo do curso. FFundamentação Teórica: ATENDIMENTO E POSTURA NO AMBIENTE DE TRABALHO. Público-alvo

RRelevância do curso. OObjetivo do curso. FFundamentação Teórica: ATENDIMENTO E POSTURA NO AMBIENTE DE TRABALHO. Público-alvo Vigilantes, vigias, porteiros ou interessados em ingressar nessas funções. A empresa que presta serviços de vigilância tem a grande preocupação de manter a segurança de seu cliente, mas também de não receber

Leia mais

A GESTÃO DA IMPLANTAÇÃO UM CAMINHO SEM VOLTA. Luciene P. da Silva Potenciano

A GESTÃO DA IMPLANTAÇÃO UM CAMINHO SEM VOLTA. Luciene P. da Silva Potenciano A GESTÃO DA IMPLANTAÇÃO UM CAMINHO SEM VOLTA Luciene P. da Silva Potenciano Enfermeira do Trabalho IMPLANTAÇÃO DA NR 32 EM GOIÁS Introdução Antes da NR32 não havia padronização que desse resposta a inúmeros

Leia mais

PROJETO DE INTEGRAÇÃO DE SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS COM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM PARA GESTÃO ACADÊMICA UTILIZANDO RECURSOS DE SOFTWARE LIVRE

PROJETO DE INTEGRAÇÃO DE SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS COM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM PARA GESTÃO ACADÊMICA UTILIZANDO RECURSOS DE SOFTWARE LIVRE PROJETO DE INTEGRAÇÃO DE SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS COM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM PARA GESTÃO ACADÊMICA UTILIZANDO RECURSOS DE SOFTWARE LIVRE 1 Aracaju SE - Setembro 2014 Edison Francisco de Carvalho

Leia mais

CASO DE SUCESSO MICROWARE

CASO DE SUCESSO MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: Jequiti Cosméticos SEGMENTO: Indústria JEQUITI INVESTE EM ESTRUTURA PRÓPRIA PARA GARANTIR MAIOR PROCESSAMENTO DE DADOS ÁREA DE ATUAÇÃO: Datacenter DEMANDA: Uma estrutura

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MENONITA FACULDADE FIDELIS BACHARELADO EM TEOLOGIA

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MENONITA FACULDADE FIDELIS BACHARELADO EM TEOLOGIA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MENONITA FACULDADE FIDELIS BACHARELADO EM TEOLOGIA OUVIDORIA REGULAMENTO CURITIBA 2012 Regulamento Ouvidoria Art. 1º Projeto de implantação da Ouvidoria nesta Faculdade apresentado

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA DE ECONOMIA E FINANÇAS 8ª INSPETORIA DE CONTABILIDADE E FINANÇAS DO EXÉRCITO 8ª ICFEx (1982)

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA DE ECONOMIA E FINANÇAS 8ª INSPETORIA DE CONTABILIDADE E FINANÇAS DO EXÉRCITO 8ª ICFEx (1982) EÉRCITO BRASILEIRO EÉRCITO 1. FINALIDADE Estabelecer os fundamentos e as diretrizes para o desenvolvimento da melhoria da gestão de Tecnologia de Informação na 8ª ICFE para o ano de 2010, estabelecendo

Leia mais

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux.

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux. A NOSSA HISTÓRIA A Infolux Informática possui seu foco de atuação voltado para o mercado corporativo, auxiliando micro, pequenas e médias empresas na tarefa de extrair o máximo de benefícios com investimentos

Leia mais

Descrição de proposta de abordagem para manutenção de diferentes Estruturas Organizacionais no SIS-MA, através de switch de base de dados.

Descrição de proposta de abordagem para manutenção de diferentes Estruturas Organizacionais no SIS-MA, através de switch de base de dados. Memorando Informação do Documento Autor: Paulo Grácio, Gestor Técnico Referência Doc.: CSWMZ-SISMA-2013-MMO- 00632 Contacto: pgracio@criticalsoftware.com Data: 2013-12-10 Versão: 1 Nome Projecto: Sistema

Leia mais

Guia de vendas Windows Server 2012 R2

Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Por que Windows Server 2012 R2? O que é um servidor? Mais do que um computador que gerencia programas ou sistemas de uma empresa, o papel de um servidor é fazer com

Leia mais

Carta para a Preservação do Patrimônio Arquivístico Digital Preservar para garantir o acesso

Carta para a Preservação do Patrimônio Arquivístico Digital Preservar para garantir o acesso Carta para a Preservação do Patrimônio Arquivístico Digital Preservar para garantir o acesso Considerando que a informação arquivística, produzida, recebida, utilizada e conservada em sistemas informatizados,

Leia mais

FERRAMENTA PARA GERAÇÃO DE IDÉIAS E SOLUÇÕES.

FERRAMENTA PARA GERAÇÃO DE IDÉIAS E SOLUÇÕES. Prof. Edson Costa Aildefonso FERRAMENTA PARA GERAÇÃO DE IDÉIAS E SOLUÇÕES. Qualquer um de nós que possua alguma experiência em trabalho de grupo sabe como é difícil desenvolver maneiras criativas para

Leia mais

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ANÁLISE DE SISTEMAS TALES ARAUJO MENDONÇA

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ANÁLISE DE SISTEMAS TALES ARAUJO MENDONÇA 1 UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ANÁLISE DE SISTEMAS TALES ARAUJO MENDONÇA RELATÓRIO DE PRÁTICA PROFISSIONAL CURRICULAR SUPERVISIONADA Juiz de Fora 2012 2 TALES ARAUJO

Leia mais

COMPATIBILIZANDO CADASTROS

COMPATIBILIZANDO CADASTROS COMPATIBILIZANDO CADASTROS EM PROJETO SIG Cristiane Vaz Domingues cristiane.vaz@uol.com.br FOTOGRAFIA Hoje nas instituiçõesições públicas existem: informações repetidas e/ou complementares distribuídas

Leia mais

Projeto: Implantação de Sistema Objetivo

Projeto: Implantação de Sistema Objetivo Projeto: Implantação de Sistema Objetivo Permitir ao aluno o contato com sistemas de informação gerenciais e com algumas fases de implantação de sistemas, como, análise do sistema, definição da matriz

Leia mais

SEMOLA, Marcos. Gestão da segurança da informação: uma visão executiva. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

SEMOLA, Marcos. Gestão da segurança da informação: uma visão executiva. Rio de Janeiro: Campus, 2003. Segurança da Informação - 2 Maio / 2008 SEMOLA, Marcos. Gestão da segurança da informação: uma visão executiva. Rio de Janeiro: Campus, 2003. 1 A segurança da informação é: uma área do conhecimento dedicada

Leia mais