EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº /2014 DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS - LTR-SPI-0308

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 14000159/2014 DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS - LTR-SPI-0308"

Transcrição

1 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº /2014 DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS - LTR-SPI-0308 A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS - ECT Empresa Pública, criada pelo Decreto-lei nº 509, de 20/03/69, por meio da Diretoria Regional de São Paulo-Interior, mediante a utilização de recursos de tecnologia da informação INTERNET realizará o presente Pregão Eletrônico, que será regido pela Lei /02 e Decreto 5.450/05, com aplicação subsidiária da Lei 8.666/93 e suas alterações, Lei Complementar 123/06, Decreto 6.204/07 e Lei /07 e demais disposições aplicáveis, bem como pelas regras e condições estabelecidas neste Edital. INFORMAÇÕES IMPORTANTES Início do acolhimento das propostas: 05/08/2014 às 08:30 h. Data de Abertura das Propostas: 15/08/2014 às 08:30 h. * Data do Pregão e horário da Disputa: 15/08/2014 às 09:30 h. Impugnação/Remessa de Documentos: fax (14) ou Entrega de Documentos Originais: Endereço: CPL/DR/SPI Praça Dom Pedro II, º andar Centro BAURU/SP Formalização de Consultas: Até 03 (três) dias úteis anteriores à data fixada para abertura da sessão pública, informando o nº da licitação, pelo * Limite do Acolhimento das propostas: mesmos horários e data da Abertura das Propostas. PGE LTR-SPI /67

2 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DA LICITAÇÃO 1. DO OBJETO 1.1. A presente licitação tem como objeto a prestação de serviço de transporte rodoviário de cargas LTR-SPI-0308, discriminados no quadro abaixo, conforme Especificação Técnica e demais condições deste Edital e seus Anexos. LOTE ITEM CÓDIGO DA LINHA TRAJETO VALOR MÁXIMO ACEITO PARA O ITEM LTR-SPI-0308 Conforme Apêndice 01 do Contrato R$ ,28 VALOR GLOBAL MÁXIMO DO ITEM / GRUPO (LOTE): R$ ,28 (trezentos e trinta e nove mil, duzentos e vinte e um reais e vinte e oito centavos). PATRIMÔNIO LÍQUIDO MÍNIMO (1): R$ ,70 (vinte e sete mil, cento e trinta e sete reais e setenta centavos). PATRIMÔNIO LÍQUIDO MÍNIMO (2): R$ ,13 (trinta e três mil, novecentos e vinte e dois reais e treze centavos) 1.2. O Patrimônio Líquido Mínimo (1) e (2) a ser comprovado pela licitante refere-se às exigências contidas no subitem do APÊNDICE 2 deste Edital. 2. RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS 2.1. As despesas decorrentes da contratação, objeto deste Pregão, correrão por conta dos recursos consignados na: CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTÁRIA/CONTÁBIL Conta Orçamentária Descrição TRANSPORTE NACIONAL LINHA TRONCO REGIONAL 3. APÊNDICES e ANEXOS APÊNDICE 01 DO EDITAL - MODELOS DE ATESTADOS E PROPOSTA. I) Proposta Econômica; I-A) Planilha de Custos: II) Atestado de Capacidade Técnica; APÊNDICE 02 DO EDITAL - EXIGÊNCIAS PARA HABILITAÇÃO APÊNDICE 03 DO EDITAL - CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO EM CONSÓRCIO. ANEXO 01 - MINUTA DE CONTRATO PGE LTR-SPI /67

3 APÊNDICE 01 DO CONTRATO FICHA(S) TÉCNICA(S) DA(S) LINHA(S) APÊNDICE 02 DO CONTRATO FATV FICHA DE AVALIAÇÃO TÉCNICA DE VEÍCULO APÊNDICE 03 DO CONTRATO REGISTRO DIÁRIO DE VIAGEM E OCORRÊNCIAS - RDVO ANEXO 02 ESPECIFICAÇÃO TECNICA APÊNDICE 01 DO ANEXO 02 - Especificação Técnica da Linha APÊNDICE 02 DO ANEXO 02 - Especificação Técnica dos Veículos APÊNDICE 03 DO ANEXO 02 - Especificação Técnica da Película Auto-Adesiva APÊNDICE 04 DO ANEXO 02 - Especificação Técnica da Comunicação Visual PGE LTR-SPI /67

4 CONDIÇÕES GERAIS DA LICITAÇÃO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. O Pregão Eletrônico será realizado em sessão pública, por meio da internet, mediante condições de segurança - criptografia e autenticação - em todas as suas fases Os trabalhos serão conduzidos por empregado da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, denominado Pregoeiro, mediante a inserção e monitoramento de dados gerados ou transferidos para o sistema eletrônico Comprasnet, constante da página eletrônica da ECT, na opção Para Fornecedores - > Licitações, ou diretamente no site 2. OBJETO DO PREGÃO 2.1. A descrição detalhada do objeto da presente licitação consta do ANEXO 1 deste Edital Para fins da presente licitação, a incidência tributária a ser considerada para o objeto em questão será o Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre as Prestações de Serviços de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicações ICMS. 3. FORMALIZAÇÃO DE CONSULTAS 3.1. Observado o prazo legal, a licitante poderá formular consultas pelo (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) indicado no preâmbulo deste Instrumento, até 03 (três) dias úteis anteriores à data fixada para a abertura da sessão pública, informando o número da licitação As consultas serão respondidas no campo ESCLARECIMENTOS, no link correspondente a este Edital, na página de licitações eletrônicas da ECT ou diretamente no site 4. RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS, ABERTURA DA SESSÃO PÚBLICA E INÍCIO DA DISPUTA DE PREÇOS 4.1. A PROPONENTE deverá observar as datas e os horários-limite previstos para a abertura da sessão, atentando também para a data e horário para o início da disputa de preços, conforme disposto no preâmbulo deste Edital. 5. REFERÊNCIA DE TEMPO 5.1. Todas as referências de tempo no Edital, no Aviso e durante a Sessão Pública observarão obrigatoriamente o horário de Brasília DF e, dessa forma, serão registradas no sistema eletrônico e na documentação relativa ao certame Para efeito desta licitação, o horário comercial compreende o período das 08h00min às 12h00min e das 13h00min às 17h00min dos dias em que haja expediente na Sede da Diretoria Regional de São Paulo Interior. 6. CONDIÇÕES GERAIS 6.1. A participação neste Pregão implica a aceitação, plena e irrevogável, das normas constantes do presente Edital e dos seus Anexos Não poderão participar do presente Pregão, Pessoas Físicas ou Jurídicas que estejam enquadradas nos seguintes casos: PGE LTR-SPI /67

5 a) suspensas de licitar e impedidas de contratar com a ECT ou impedidas de licitar e contratar com a União, enquanto durar a suspensão ou o impedimento; a.1) Matriz e filial(is) serão consideradas como única pessoa jurídica. A penalidade aplicada à matriz atinge(m) a(s) filial(is) e vice-versa. b) declaradas inidôneas para licitar ou contratar com a Administração Pública, enquanto perdurar o motivo determinante da punição ou até que seja promovida a reabilitação; b.1) Matriz e filial(is) serão consideradas como única pessoa jurídica. A penalidade aplicada à matriz atinge(m) a(s) filial(is) e vice-versa. c) que se encontrem sob falência decretada, concordata/recuperação judicial e extrajudicial, concurso de credores, dissolução ou liquidação; d) sociedades integrantes de um mesmo grupo econômico que utilizem recursos materiais, tecnológicos ou humanos em comum; d.1) sociedades integrantes de um mesmo grupo econômico, assim entendidas aquelas que tenham diretores, sócios ou representantes legais comuns, exceto se demonstrado que não agem representando interesse econômico em comum; e) empregado ou dirigente da ECT ou responsável pela licitação, que tenha atuação direta ou indireta nas fases da licitação ou da contratação em tela, bem como seus parentes consangüíneos ou por afinidade até o terceiro grau (ex.: cônjuge, companheiro, pais, avós, filhos, netos, irmãos, tios, sobrinhos, cunhados, sogro e genro) A participação de consórcio de empresa será permitida, desde que esta condição seja declarada na proposta econômica escrita e que sejam cumpridas as demais exigências contidas no Apêndice A subcontratação não será admitida A participação de cooperativa será admitida na presente licitação, desde que não haja relação de subordinação entre esta e os cooperados, sendo os serviços prestados em caráter coletivo e com absoluta autonomia dos cooperados. 7. REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME 7.1. O certame será conduzido pelo Pregoeiro, que terá, em especial, as seguintes atribuições: a) coordenar o processo licitatório; b) receber, examinar e decidir as impugnações e consultas ao Edital; c) conduzir a sessão pública na internet; d) verificar a conformidade da proposta com os requisitos estabelecidos no instrumento convocatório; e) dirigir a etapa de lances; f) desclassificar propostas indicando os motivos; g) verificar e julgar as condições de habilitação; h) receber, examinar e decidir os recursos, encaminhando à Autoridade Competente quando mantiver sua decisão; i) indicar o vencedor do certame; j) adjudicar o objeto, quando não houver recurso; k) conduzir os trabalhos da equipe de apoio; l) encaminhar o processo devidamente instruído à autoridade superior e propor a homologação. PGE LTR-SPI /67

6 - CREDENCIAMENTO NO SISTEMA COMPRASNET Para acesso ao sistema eletrônico, os interessados em participar do Pregão deverão dispor de chave de identificação e senha pessoal (intransferíveis), obtidas previamente por meio de credenciamento no Sistema de Cadastramento Unificado de fornecedores SICAF e perante o sistema eletrônico provido pela Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) do Ministério do Planejamento, Orçamento e gestão, por meio do sítio Os interessados em se credenciar ao sistema Comprasnet poderão obter maiores informações na Central de Serviços SERPRO, telefone: , ou na cartilha do fornecedores, disponível na opção Para Fornecedores -> Regulamentação na página de licitações eletrônicas da ECT, ou diretamente no site As pessoas jurídicas ou empresas individuais deverão credenciar representantes, para o recebimento da chave de identificação e senha pessoal, junto ao SICAF, atribuindo poderes para formular propostas e lances de preços e praticar todos os demais atos e operações no sistema O cadastro no SICAF poderá ser iniciado no Portal de Compras do Governo Federal Comprasnet, no sítio onde o interessado, ao acessar o SICAF, solicitará login e senha para iniciar os procedimentos relativos ao cadastramento A chave de identificação e a senha poderão ser utilizadas em qualquer pregão eletrônico, salvo quando canceladas por solicitação do credenciado ou por iniciativa do administrador do sistema É de exclusiva responsabilidade do usuário o sigilo da senha, bem como seu uso em qualquer transação efetuada diretamente ou por seu representante, não cabendo ao órgão administrador do sistema ou à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos a responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros O credenciamento da PROPONENTE e de seu representante legal junto ao sistema eletrônico implica a responsabilidade legal pelos atos praticados e a presunção de capacidade técnica para realização das transações inerentes ao pregão eletrônico Nenhum representante legal poderá representar mais de uma empresa licitante nesta licitação A PROPONENTE deverá comunicar imediatamente ao órgão administrador do sistema qualquer acontecimento que possa comprometer o sigilo ou a inviolabilidade do uso da senha, para imediato bloqueio de acesso. - PARTICIPAÇÃO A participação no Pregão Eletrônico se dará por meio da digitação da senha pessoal e intransferível do representante credenciado e subseqüente encaminhamento da proposta de preços, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, observadas a data e horário-limite estabelecidos no preâmbulo deste Edital O acesso ao sistema eletrônico é feito pela página de compras eletrônicas da ECT ou pelo site opção ACESSO SEGURO É recomendável que as licitantes apresentem suas propostas com antecedência, não deixando para cadastrá-las no dia do certame. O sigilo das propostas é garantido pelo administrador do sistema e apenas na data e horário previstos para a abertura, as propostas tornam-se publicamente conhecidas Quando se tratar da disputa de um grupo (lote), obrigatoriamente caberá às licitantes cotar todos os itens, como condição de participação. PGE LTR-SPI /67

7 Quando do registro das propostas no sistema eletrônico, deverá ser incluída a descrição do objeto ofertado, conforme disposto no Art. 21 do Decreto nº /05, sob pena de desclassificação da proposta O encaminhamento de proposta pressupõe o pleno conhecimento e atendimento às exigências de habilitação previstas no Edital. A PROPONENTE declarará no sistema, antes de registrar sua proposta, que cumpre plenamente os requisitos de habilitação exigidos neste Edital, sujeitando-se às sanções legais na hipótese de declaração falsa Como requisito de habilitação, as PROPONENTES deverão declarar em campo próprio do sistema, sob as penas da Lei: a) ATENDIMENTO AO ART. 27, INCISO V da LEI 8666/93, acrescido pela Lei n o 9.854/99, que não emprega menor de dezoito anos em trabalho noturno, perigoso ou insalubre e não emprega menor de dezesseis anos; b) DE INEXISTÊNCIA DE FATO IMPEDITIVO PARA A HABILITAÇÃO: que, até a presente data, inexiste(m) fato(s) impeditivo(s) para a sua habilitação, estando ciente da obrigatoriedade de declarar ocorrências posteriores; c) DE CONHECIMENTO DO INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO: ter recebido todos os documentos e informações, conhecer e acatar as condições para o cumprimento das obrigações objeto da Licitação. d) DE ELABORAÇÃO INDEPENDENTE DE PROPOSTA: que a proposta apresentada foi elaborada de maneira independente, que não tentou influir na decisão de qualquer outro potencial participante desta licitação, e que com estes ou com outras pessoas não discutiu nem recebeu informações As Microempresas/Empresas de Pequeno Porte/Cooperativas (ME/EPP/COOP) para exercerem o direito de preferência estabelecido na Lei Complementar 123/2006, deverão declarar em campo próprio do sistema o tipo de segmento de empresa que representam e que atendem plenamente aos requisitos do Art. 3º da referida Lei. A falta desta declaração no sistema implicará na perda desse direito A PROPONENTE será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome no sistema eletrônico, declarando e assumindo como firmes e verdadeiras suas propostas e lances, inclusive os atos praticados diretamente ou por seu representante, não cabendo ao administrador do sistema ou a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros A declaração falsa relativa ao cumprimento dos requisitos de habilitação e proposta sujeitará a PROPONENTE às sanções previstas neste edital A validade da proposta será de, no mínimo, 120 (cento e vinte) dias, contados a partir da data da sessão pública do Pregão Caberá à PROPONENTE acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão pública do pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão O prestador de serviço responde independentemente da existência de culpa, pelos danos causados por defeitos relativos à prestação do serviço, consoante às regras emanadas na Lei 8.078/90. - ABERTURA A partir do horário previsto no preâmbulo deste Edital, a sessão pública na internet será aberta por comando do Pregoeiro. PGE LTR-SPI /67

8 7.17. Até a abertura da sessão, as PROPONENTES poderão retirar ou substituir a proposta anteriormente apresentada Quando da inclusão da proposta, é vedado inserir qualquer elemento (na proposta, anexos ou informações adicionais), que possa identificar a PROPONENTE, sob pena de desclassificação O Pregoeiro verificará as propostas apresentadas, desclassificando aquelas que não estejam em conformidade com os requisitos estabelecidos neste Edital Nesta etapa, as propostas apresentadas com valor superior ao Valor Máximo publicado neste Edital não serão objeto de desclassificação A desclassificação de proposta será sempre fundamentada e registrada no sistema, com acompanhamento em tempo real por todos os participantes O sistema ordenará, automaticamente, as propostas classificadas pelo Pregoeiro, sendo que somente estas participarão da fase de lance Classificadas as propostas, o Pregoeiro dará início à fase competitiva, quando então as PROPONENTES poderão encaminhar lances exclusivamente por meio do sistema eletrônico Aberta a etapa competitiva, os representantes das PROPONENTES deverão estar conectados ao sistema na sala virtual de disputa para participar da sessão de lances. A cada lance ofertado, a PROPONENTE será imediatamente informada de seu recebimento e respectivo horário de registro e valor A PROPONENTE poderá oferecer lance inferior ao valor do seu último lance, ainda que superior ao do primeiro colocado da disputa Não serão aceitos dois ou mais lances iguais, prevalecendo para fins de classificação aquele que for recebido e registrado em primeiro lugar pelo sistema Os lances ofertados serão no valor global do item. Na contratação serão considerados os valores unitários dos itens constantes da proposta econômica escrita. Para estes valores, serão consideradas SOMENTE 2 (duas) casas decimais, desprezando-se as demais Quando a disputa for por valor global do grupo (lote), os lances ofertados serão nos valores dos itens. A cada lance ofertado (por item), o sistema eletrônico atualizará automaticamente o valor global do grupo (lote), sagrando-se arrematante a licitante que ofertar o menor valor global do grupo (lote) Durante o transcurso da sessão pública, as PROPONENTES serão informadas, em tempo real, dos seus respectivos últimos lances registrados no sistema, bem como do menor lance registrado. O sistema não identificará os autores dos lances registrados O tempo normal da etapa de lances da sessão pública será encerrado por decisão do Pregoeiro, dando início ao tempo aleatório O tempo aleatório será controlado pelo sistema eletrônico, o qual encaminhará aviso de fechamento iminente dos lances, podendo transcorrer período de tempo de até 30 (trinta minutos), aleatoriamente determinado pelo sistema, findo o qual será automaticamente encerrada a recepção de lances No caso de desconexão do Pregoeiro, no decorrer da etapa de lances, se o sistema eletrônico permanecer acessível às PROPONENTES, os lances continuarão sendo recebidos, sem prejuízo dos atos realizados. PGE LTR-SPI /67

9 7.30. Quando a desconexão do Pregoeiro persistir por tempo superior a 10 (dez) minutos, a sessão do pregão na forma eletrônica será suspensa e reiniciada somente após comunicação às PROPONENTES participantes, no endereço eletrônico utilizado para divulgação. DIREITO DE PREFERÊNCIA DA MICROEMPRESA/EMPRESA DE PEQUENO PORTE/ COOPERATIVA - (ME/EPP/COOP) Encerrada a etapa de lances da sessão pública, ainda na sala de disputa, o sistema eletrônico identificará automaticamente as ME/EPP/COOP, e examinará situação de empate: Entende-se por empate aquelas situações em que as propostas apresentadas pelas ME/EPP/COOP, beneficiadas pelo regime diferenciado e favorecido estabelecido na Lei Complementar 123/06, sejam iguais ou até 5% (cinco por cento) superiores à proposta de menor preço. Ocorrendo o empate, proceder-se-á da seguinte forma: a) a licitante em situação de empate, melhor classificada, será convocada para apresentar novo lance no prazo de 05 (cinco) minutos, controlados pelo sistema, a contar da convocação eletrônica, sob pena de preclusão do direito. Nesta fase somente a empresa convocada poderá oferecer novo lance, obrigatoriamente abaixo da primeira colocada; b) não havendo manifestação da licitante convocada para apresentar novo lance no prazo de 05 (cinco) minutos, o sistema verificará se há outra situação de empate, para que haja a convocação das remanescentes; c) no caso de propostas apresentadas pelas licitantes com valores equivalentes, estas não serão consideradas iguais e a classificação será feita conforme a ordem de apresentação das propostas; d) não havendo situação de empate, o Pregoeiro encerrará a disputa do lote A condição de empate não se aplica se a proposta de menor preço tiver sido apresentada por licitantes beneficiadas pelo regime diferenciado e favorecido da Lei Complementar 123/ Na hipótese da não-contratação de licitante favorecida pela Lei Complementar 123/06, a empresa autora da proposta de menor preço originalmente apresentada voltará à condição de primeira classificada Após o encerramento da disputa do lote, o Pregoeiro examinará a proposta classificada em primeiro lugar quanto à compatibilidade do preço em relação ao valor estimado para a contratação, observados os prazos para prestação do serviço, as especificações técnicas, os parâmetros mínimos de desempenho e de qualidade, tributos e encargos, custos diretos e indiretos e as demais condições definidas neste Edital O Pregoeiro poderá encaminhar, pelo sistema eletrônico, no acesso identificado, solicitação de contraproposta à PROPONENTE que tenha apresentado a proposta classificada em primeiro lugar, para que seja obtida melhor proposta, observado o critério de julgamento, não se admitindo negociar condições diferentes daquelas previstas neste Edital. A negociação será realizada por meio do sistema, podendo ser acompanhada pelas demais PROPONENTES Encerrada a etapa de lances e após a classificação final das propostas, o Pregoeiro convocará a PROPONENTE, no sistema eletrônico Comprasnet, para enviar a proposta econômica e planilha de custos (Apêndice 1, modelos I e IA), adequadas ao último lance: por meio do sistema (cópias digitalizadas e anexadas em arquivo único) ou para o indicado no preâmbulo deste Edital (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) ou remetida para o fax INDICADO NO CAMPO INICIAL INFORMAÇÕES IMPORTANTES deste Edital, no prazo de até 01 (um) dia útil A apresentação da proposta e planilha de custos originais ao Pregoeiro deverá ocorrer no prazo máximo de até 03 (três) dias úteis, a contar da aceitação da proposta econômica no sistema, no endereço também indicado no campo acima mencionado. PGE LTR-SPI /67

10 Implicará em desclassificação da PROPONENTE a não apresentação da Proposta e da planilha de custos nos prazos acima definidos Ainda, por meio da opção CONVOCAR ANEXO, do sistema, o pregoeiro poderá solicitar outros documentos que por ventura for necessário. 8. CRITÉRIO DE JULGAMENTO 8.1. Para o julgamento das propostas será adotado o critério de menor preço global Em se tratando de cooperativa, para efeitos de julgamento das propostas, deverá ser registrado no sistema Comprasnet o valor global total, ou seja, incluindo a incidência de 3% (três por cento) referente a contribuição previdenciária ao INSS (a ser efetuada pela CONTRATANTE), em conformidade com o inciso IV do Art. 22 da Lei 8.212/91 c/c 20 do Art. 201 do Decreto 3.048/ Se a proposta ou o lance de menor valor não for aceitável, ou se a PROPONENTE desatender às exigências habilitatórias, o Pregoeiro examinará a proposta ou o lance subsequente, observando primeiro a situação de empate detectada automaticamente pelo sistema e a ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta que atenda o Edital No julgamento das propostas e da habilitação, o Pregoeiro poderá sanar erros ou falhas que não alterem a substância das propostas, dos documentos e sua validade jurídica, mediante despacho fundamentado, registrado em ata e acessível a todos, atribuindo-lhes validade e eficácia para fins de classificação e habilitação A classificação se dará em ordem crescente dos preços cotados, sendo considerada vencedora, a PROPONENTE que cotar/negociar o menor preço global, segundo o Modelo de Proposta constante neste Edital A licitante arrematante deverá apresentar a cópia e o original da proposta econômica e da planilha de custos, conforme modelos disponíveis neste Edital, no valor do menor lance cotado ou negociado, nos prazos e formas fixadas No momento da apresentação da(s) proposta(s) escrita(s) será(ao) admitido(s) ajuste(s) no(s) valor(es) do(s) item(ns) e no valor global do grupo, desde que não haja aumento no valor global arrematado e o(s) ajuste(s) no valor total do(s) item(ns) não ultrapasse(m) o(s) valor(es) máximo(s) publicado(s) neste Edital Serão desclassificadas as propostas que, após eventuais ajustes, apresentarem valor global do grupo ou total de qualquer item superior ao publicado neste Edital Caso a licitante arrematante esteja enquadrada como cooperativa, deverá apresentar a proposta escrita destacando o menor lance cotado ou negociado com os 3% (três por cento) referente a contribuição previdenciária ao INSS e o preço final sem esse percentual, correspondendo esse último ao valor a ser contratado Constatado o atendimento a TODAS as exigências fixadas no Edital, o Pregoeiro declarará a licitante como vencedora, sendo-lhe adjudicado o objeto do referido Pregão, caso não haja recurso. - HABILITAÇÃO Os documentos de habilitação jurídica, qualificação econômico-financeira e regularidade fiscal e trabalhista serão verificados, preferencialmente, por meio do Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores - SICAF, conforme Art. 25 1º e 2º do Decreto 5.450/05, para comprovar a regularidade de situação do autor da proposta, avaliada na forma da Lei 8.666/93, sendo que as informações para PGE LTR-SPI /67

11 cadastramento no SICAF estão disponíveis no site Será verificado, também, o cumprimento às demais exigências para habilitação contidas neste Edital A licitante arrematante que não possuir cadastro no SICAF deverá apresentar todos os documentos de habilitação relacionados no Apêndice 2 deste Edital O CNPJ da licitante utilizado no cadastramento de sua proposta econômica deverá ser o mesmo compreendido no SICAF e em todos os documentos de habilitação. Se a licitante for a matriz, todos os documentos deverão estar em nome da matriz, e se a licitante for a filial, todos os documentos deverão estar em nome da filial, exceto aqueles documentos que, pela própria natureza, comprovadamente, forem emitidos somente em nome da matriz A licitante arrematante deverá apresentar os documentos de habilitação complementares solicitados no subitem 1.3 do Apêndice 2 deste Edital Os documentos relativos aos requisitos não compreendidos no SICAF e exigidos para habilitação neste certame, deverão ser anexados (cópias digitalizadas em arquivo único) ao sistema Comprasnet no acesso identificado, ou enviados para o (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) indicado no preâmbulo deste Edital ou remetidos por fax, no prazo de até 01 (um) dia útil, contado a partir da aceitação da proposta econômica no sistema COMPRASNET, sob pena de inabilitação Os documentos originais ou as cópias autenticadas deverão ser apresentados ao Pregoeiro, no prazo de 03 (três) dias úteis, contados a partir da aceitação da proposta econômica no sistema COMPRASNET, no endereço indicado no preâmbulo deste Edital, sob pena de a licitante arrematante ser inabilitada do certame A licitante ME/EPP/COOP, beneficiada pelo regime diferenciado e favorecido da Lei Complementar 123/06, deverá apresentar toda a documentação exigida para habilitação, mesmo havendo alguma restrição na regularidade fiscal Havendo alguma restrição na regularidade fiscal, será assegurado prazo de 02 (dois) dias úteis, prorrogáveis por igual período, para regularização da documentação, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que a proponente for declarada vencedora do certame A prorrogação do prazo será concedida quando requerida pela licitante favorecida, salvo se houver urgência na contratação, devidamente justificada A não apresentação de documentação fiscal devidamente regularizada, no prazo concedido pela Administração, acarretará a perda do direito à adjudicação, sem prejuízos das sanções previstas neste Edital. 9. IMPUGNAÇÃO AO EDITAL E RECURSOS 9.1. Decairá do direito de impugnação dos termos do Edital de Pregão, perante a ECT, qualquer pessoa que não se manifestar até 02 (dois) dias úteis antes da data fixada para abertura da Sessão do Pregão, apontando as falhas e irregularidades que o viciaram A impugnação será recebida, preferencialmente, por meio eletrônico via internet, no (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) indicado no preâmbulo do edital Caberá ao Pregoeiro decidir sobre a impugnação no prazo de até 24 (vinte e quatro) horas de seu recebimento A apresentação de impugnação, após o prazo estipulado no subitem 9.1., não a caracterizará como tal, recebendo tratamento como mera informação Dos atos e decisões relacionados com o Pregão cabe Recurso, na forma da legislação vigente. PGE LTR-SPI /67

12 9.4. Encerrada a etapa de lances, as licitantes deverão consultar regularmente o sistema para verificar se foi declarada a vencedora e se está liberada a opção para interposição de recurso. A partir da liberação, as licitantes terão 24 (vinte e quatro) horas para manifestar sua intenção de recorrer, com o registro da síntese de suas razões O Recurso dependerá de manifestação motivada da licitante, durante a Sessão Pública, em campo e prazo próprios do sistema, com registro da síntese das suas razões, sendo-lhes concedido o prazo de 03 (três) dias, com exceção dos casos previstos no subitem 9.7, para apresentar as razões de recurso relacionadas à intenção manifestada, ficando as demais licitantes desde logo intimadas para, querendo, apresentarem contra-razões em igual prazo, que começará a contar do término do prazo do recorrente, sendo-lhes assegurada vistas dos elementos indispensáveis à defesa dos seus interesses A falta de manifestação motivada da licitante quanto à intenção de recorrer, bem como a não apresentação das razões de recurso, importará na decadência desse direito, ficando o Pregoeiro autorizado a adjudicar o objeto à licitante declarada vencedora Não será aceito o Recurso, cujas razões não estejam relacionadas àquelas manifestadas na intenção de recorrer O Recurso contra a decisão do Pregoeiro terá efeito suspensivo e o seu acolhimento importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis de aproveitamento Os Recursos contra as decisões de anulação ou revogação do Pregão e aplicação das penalidades de advertência, multa e impedimento de licitar e contratar com a União deverão ser interpostos no prazo de 05 (cinco) dias úteis a contar da intimação do ato A intimação do ato de anulação ou revogação do Pregão será feita mediante publicação na imprensa oficial As impugnações e os recursos interpostos fora do prazo legal e/ou subscritos por representante não habilitado legalmente ou não identificado no processo para responder pela PROPONENTE não serão conhecidos O recurso será dirigido à autoridade superior, por intermédio da que praticou o ato recorrido, a qual poderá reconsiderar sua decisão, no prazo de 05 (cinco) dias úteis, ou, neste mesmo prazo, fazê-lo subir, devidamente informado, para decisão Decididos os recursos e constatada a regularidade dos atos praticados, a Autoridade Competente fará a adjudicação do objeto da licitação à licitante vencedora. 10. PENALIDADES Aquele que deixar de entregar documentação exigida no Edital, apresentar documentação falsa, ensejar o retardamento da execução do certame, não mantiver a proposta dentro do prazo de validade, comportar-se de modo inidôneo, fizer declaração falsa ou cometer fraude fiscal, ficará sujeito às seguintes sanções, sem prejuízo da reparação dos danos causados à ECT: a) advertência: será aplicada quando a ocorrência, devidamente justificada pela licitante, não recomende a aplicação de penalidades mais gravosas; b) multa: no percentual de 10% (dez por cento) sobre o valor estimado da contratação, salvo quando a ocorrência, devidamente justificada pela licitante, restrinja à aplicação da penalidade de advertência ou a não-penalização; PGE LTR-SPI /67

13 c) impedimento de licitar e contratar com a União e descredenciamento no SICAF: pelo período de até 05 (cinco) anos, salvo quando a ocorrência, devidamente justificada pela licitante, recomende a aplicação de penalidades menos gravosas; Ensejará a aplicação de multa no percentual de 20% (vinte por cento) sobre o valor global adjudicado, sem prejuízo da aplicação das penalidades acima, a licitante que, convocada dentro do prazo de validade de sua proposta: a) recusar-se, injustificadamente, a assinar o Termo de Contrato; b) não mantiver as condições de habilitação A multa deverá ser recolhida nas Agências dos Correios, no prazo de 05 (cinco) dias úteis a contar da intimação, sob pena de cobrança judicial As penalidades serão registradas no SICAF Não serão aplicadas penalidades na ocorrência de casos fortuitos, força maior ou razões de interesse público, devidamente comprovados As penalidades serão aplicadas com observância dos princípios da ampla defesa e do contraditório. 11. CONTRATAÇÃO A contratação será formalizada mediante a assinatura do Contrato Como condição para celebração do Contrato, a licitante adjudicatária deverá manter as mesmas condições de habilitação A licitante adjudicatária deverá apresentar a documentação exigida na habilitação, porventura vencida após a realização do pregão, devidamente atualizada, como condição indispensável para a assinatura do Contrato, sem prejuízo das demais disposições previstas neste Instrumento A licitante adjudicatária terá o prazo de 05 (cinco) dias úteis, contados a partir da convocação, que se dará por meios eletrônicos, carta com AR (Aviso de Recebimento), telegrama ou fax, para assinar o Contrato, sob pena de aplicação das sanções previstas neste Edital A assinatura do Contrato estará condicionada à comprovação da regularidade fiscal da LICITANTE ADJUDICATÁRIA Ocorrendo qualquer das hipóteses passíveis de aplicação de penalidade no certame, reserva-se a ECT o direito de, independentemente de qualquer aviso ou notificação, convocar as licitantes remanescentes na ordem de classificação ou revogar a licitação Na convocação das licitantes remanescentes, será observada a classificação final da Sessão originária do Pregão e as situações de empate detectadas automaticamente pelo sistema, devendo a(s) convocada(s) apresentar(em) os documentos de habilitação válidos As licitantes remanescentes se obrigam a atender a convocação e a assinar o Contrato no prazo fixado pela ECT, ressalvados os casos de vencimento das respectivas Propostas, sujeitando-se às penalidades previstas neste Edital no caso de recusa ou de não atendimento às condições de habilitação A Minuta do Contrato, constante neste Edital, estabelecerá a forma de pagamento e demais condições de contratação. PGE LTR-SPI /67

14 12. DISPOSIÇÕES FINAIS DA LICITAÇÃO A presente licitação não importa necessariamente em contratação, podendo a ECT revogá-la, no todo ou em parte, por razões de interesse público, derivadas de fato superveniente comprovado ou anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação, mediante ato escrito e fundamentado, disponibilizado no sistema para conhecimento dos participantes da licitação A PROPONENTE é responsável pela fidelidade e legitimidade das informações prestadas e dos documentos apresentados em qualquer fase da licitação. A falsidade de qualquer documento apresentado ou a inverdade das informações nele contidas implicará na imediata desclassificação da licitante que o tiver apresentado É facultado ao Pregoeiro ou autoridade superior: a) efetuar, em qualquer fase da licitação, consultas ou promover diligências com vistas a esclarecer ou complementar a instrução do processo, interpretando as normas em favor da ampliação da disputa entre os interessados, desde que não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança da contratação; b) relevar erros formais ou simples omissões em quaisquer documentos, para fins de classificação da licitante e habilitação, desde que sejam irrelevantes, não firam o entendimento da proposta e o ato não acarrete violação aos princípios básicos da licitação; c) convocar as licitantes para quaisquer esclarecimentos porventura necessários ao entendimento de suas propostas O desatendimento de exigências formais não essenciais não importará no afastamento da licitante, desde que seja possível a aferição da sua qualificação e a exata compreensão da sua proposta As normas que disciplinam este Pregão serão sempre interpretadas em favor da ampliação da disputa entre as licitantes, desde que não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança da contratação As dúvidas decorrentes da interpretação deste Edital e as informações adicionais, que se fizerem necessárias à elaboração das propostas, deverão ser apresentadas exclusivamente por meio eletrônico via internet ( ) (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes), indicado no preâmbulo deste Instrumento ao Pregoeiro, com antecedência de até 03 (três) dias úteis antes da data de abertura da Sessão Os pedidos de esclarecimentos não constituirão, necessariamente, motivos para que se altere a data e o horário do Pregão As questões formuladas, bem como as respostas de interesse geral, serão divulgadas para todos os que retiraram o Edital, resguardando-se o sigilo quanto à identificação da empresa consulente As alterações do Edital que afetarem a formulação da proposta serão comunicadas aos interessados que o retiraram, disponibilizadas no site e divulgadas, pela mesma forma que se deu texto original, reabrindo-se o prazo inicialmente estabelecido As alterações do Edital que não afetarem a formulação da proposta serão comunicadas aos interessados, conforme disposto neste Edital, não sendo alterada a data da Sessão do Pregão As situações não previstas neste Edital, inclusive as decorrentes de caso fortuito ou de força maior, serão resolvidas pelo Pregoeiro ou pela Autoridade Competente, desde que pertinentes com o objeto do Pregão, e observadas a legislação em vigor. PGE LTR-SPI /67

15 12.9. Na contagem dos prazos estabelecidos neste Edital e seus Anexos, excluir-se-á o dia do início e incluir-se-á o do vencimento; só se iniciam e vencem os prazos em dias de expediente na unidade da ECT promotora do evento Este Edital e seus Anexos, bem como a Proposta vencedora, farão parte integrante do Instrumento Contratual, como se nele estivessem transcritos. 13. FORO É competente o Foro da Justiça Federal, Seção Judiciária de Bauru/SP, para dirimir quaisquer dúvidas oriundas do presente Pregão. Bauru/SP, 04 de agosto de Eneias Francisco Pereira Rosa Pregoeiro(a) DR/SPI PORTARIA Nº /2013 PGE LTR-SPI /67

16 (Modelo I) APÊNDICE 1 MODELO DE PROPOSTA ECONÔMICA 1. Razão Social da Empresa: CNPJ Nº: Validade da Proposta:... dias (no mínimo 120 (cento e vinte) dias) 4. Prazo de Pagamento: conforme Edital A Unidade da Federação na qual será emitido o documento fiscal é Apresentamos nossa proposta para PRESTAÇÃO DE SERVIÇO, na forma de Pregão Eletrônico, referente ao objeto do Pregão n o /2014, acatando todas as estipulações consignadas no Edital, conforme abaixo: LOTE ITEM CÓDIGO DA LINHA LTR-SPI-0308 TRAJETO Conforme Apêndice 01 do Contrato PREÇO MENSAL DO ITEM (R$) (A) VIGÊNCIA DA LINHA (meses) (B) 12 PREÇO TOTAL DO ITEM (R$) (C) = (A) x (B) 6.1. Valor Global Total:... OBS: DEVERÁ SER REGISTRADO NO SISTEMA COMPRASNET O VALOR GLOBAL DO ITEM/GRUPO. OBS: Em se tratando de cooperativa, deverá ser registrado no sistema o VALOR GLOBAL TOTAL, ou seja, incluindo a incidência do percentual referente à contribuição previdenciária ao INSS, em conformidade com exigido em Edital. Na proposta escrita deverá destacar o menor lance cotado ou negociado, com o percentual referente ao INSS, e o preço final, sem esse percentual, correspondendo esse último ao valor a ser contratado. 7. No preço estão contidos todos os custos e despesas diretas e indiretas, tributos incidentes, encargos sociais, previdenciários, trabalhistas e comerciais, taxa de administração e lucro, materiais e mão-de-obra a serem empregados, seguros, fretes, rotulagem, embalagens, e quaisquer outros necessários ao fiel e integral cumprimento do objeto do Edital e seus Anexos. 8. Declaramos que tomamos conhecimento de todas as informações e condições para o cumprimento das obrigações objeto desta licitação e que atendemos todas as condições do Edital. 9. Declaro que não estou participando sob a forma de consórcio. (LEMBRETE: quando for o caso). OU 9. Declaro, como empresa líder do Consórcio...(nome da empresa, CNPJ), que estamos participando sob a forma de consórcio, cujo nome de registro é...(nome do consórcio) e as empresas participantes são...(nome das empresas, CNPJ); PRAZOS E FORMAS PARA APRESENTAÇÃO: UF, de de 20.. CARIMBO/CNPJ E ASSINATURA DO REPRESENTANTE DA EMPRESA 1. A licitante arrematante deste Pregão deverá encaminhar a Proposta e as Planilhas de Custos, devidamente ajustadas ao seu último lance, observados os valores total do(s) item(ns) e global máximos publicados nas Condições Específicas da Licitação, após o encerramento do Pregão: por meio do sistema eletrônico Comprasnet (cópias digitalizadas e anexadas em arquivo único), por (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) ou por fax, no prazo de até 01 (um) dia útil; o original, no prazo de até 03 (três) dias úteis. 2. A não apresentação da Proposta e da Planilha de Custos, nos prazos acima definidos, implicará na sua desclassificação. PARA QUE SEJA PROVIDENCIADO O CADASTRO DO FORNECEDOR, DEVERÃO SER ENCAMINHADOS, POR OU FAX, OS DADOS ABAIXO: 1. Inscrição Estadual: Inscrição Municipal: Endereço: Telefone:... Fax: Banco:... Agência:... Conta Corrente: Representante da Empresa: Cargo:... RG:... CPF: PGE LTR-SPI /67

17 APÊNDICE 1 (Modelo I A) MODELO DE PLANILHA DE CUSTOS PARA APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA ECONÔMICA LICITAÇÃO Nº / LINHA: PLANILHA DE COMPOSIÇÃO DE PREÇO - LINHA REGULAR 1. CARACTERÍSTICAS DA LINHA A Pontos Terminais: B Número de Viagens semanais (ida e volta) C Percurso Médio Mensal (PM) km D Quantidade de Veículos (QV) E Quantidade de Motoristas (QM) F Preço do Combustível (Proposto) R$/L Para os itens de "A" a "D" extrair os dados constantes do Anexo 1 do Edital 2. ESPECIFICAÇÕES DO VEÍCULO A Capacidade de carga em peso ton B Capacidade de carga em volume m3 C Combustível utilizado D Rendimento do combustível km/l E Potência mínima do motor F Torque G Fabricante H Modelo I Ano de Fabricação J Valor do Veículo R$ 3. FATORES DE CUSTO 3.1. CUSTOS VARIÁVEIS FATOR VALOR MENSAL R$ (1) VALOR POR KM R$/km (2) % (sobre o PML) A Parcela do Custo Combustível (PCC) 0,00% B Lubrificantes 0,00% C Pneus e Câmaras 0,00% D Manutenção 0,00% E Lavagem e Lubrificação 0,00% F 0,00% G Outros Custos Variáveis (3) 0,00% H SOMA-1 (CV) - - 0,00% 3.2. CUSTOS FIXOS A Depreciação 0,00% B Licenciamento 0,00% C Seguros (obrigatório e/ou facultativo) 0,00% D Seguro da carga 0,00% E Remuneração do Motorista 0,00% F Encargos Sociais 0,00% G Gerenciamento de risco 0,00% H Instalação de equipamento de rastreamento 0,00% I Operação do sistema de rastreamento 0,00% J 0,00% K Outros Custos fixos (4) 0,00% L SOMA-2 (CF) - - 0,00% M CUSTO OPERACIONAL (CO = CV + CF) - - 0,00% 3.3. ADMINISTRAÇÃO E LUCRO (AL) - 0,00% TAXA = % SOBRE CUSTO OPERACIONAL = (AL/CO) IMPOSTOS A ICMS 0,00% B ISS 0,00% C PIS 0,00% D COFINS 0,00% E CPP 0,00% F Outros Impostos (5) 0,00% G SOMA-3 (IMP) - - 0,00% ALIQUOTA = % SOBRE (CUSTO OPERACIONAL + ADM E LUCRO) PREÇO MENSAL DA LINHA (PML = CV+CF+AL+IMP) % (1) Custo Mensal = Despesa Mensal Fixa (independe da quilometragem percorrida) (2) Custo por km = Despesa Variável e/ou Rateio da Despesa Mensal Fixa pela quilometragem percorrida (3), (4) e (5) - Discriminar. Se necessário inserir mais linhas. PGE LTR-SPI /67

18 ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO 1. Os valores por Km deverão conter 04 (quatro) casas decimais. 2. Os itens constantes na Planilha poderão ser alterados conforme o caso concreto. 3. Preenchimento da planilha é obrigatório e a não apresentação implicará em desclassificação da proposta; 4. Tributos sobre o faturamento (PML), aplicar: a) optantes do lucro presumido: PIS/PASEP - 0,65% e COFINS - 3,00% b) optantes do lucro real: PIS/PASEP - 1,65% e COFINS - 7,6% c) optantes do Simples Nacional Informar o percentual no campo total de Tributos d) não contemplar na planilha IRPJ e CSLL 5. A licitante deverá indicar na planilha se é optante do SIMPLES NACIONAL e qual o regime de tributação (lucro real ou lucro presumido), além de indicar o código FPAS. 6. As empresas sediadas fora do Estado de São Paulo deverão incluir na planilha de custos o percentual de 12% (doze por cento) referente ao ICMS, conforme dispõe o Decreto n.º de 30/10/2008, cuja responsabilidade pelo recolhimento cabe à ECT 7. Valor do veículo: utilizar como referência a tabela FIPE em relação ao modelo ofertado acrescido dos equipamentos exigidos (baú, plataforma, celular, etc.); 8. Licenciamento: a base de cálculo é o valor do veículo utilizado de acordo com seu ano de fabricação, ao qual é aplicada a alíquota regional do IPVA (Lei nº de 23/12/2008), acrescentando-se o valor da respectiva taxa; 9. Seguros: contemplar, no mínimo, o valor base do prêmio anual referente ao seguro obrigatório DPTAV (Lei nº 6.194, de 19/12/1974), atualizada com as alterações trazidas pelas Leis 8441/92, /07 e /09; 10. Salário: para fins de composição do valor do salário deverá ser observado, no mínimo, o piso salarial estabelecido em convenção coletiva de trabalho e a carga horária definida em ficha técnica; PGE LTR-SPI /67

19 APÊNDICE 1 (Modelo II) ATESTADO DE CAPACIDADE TÉCNICA (Este modelo é um exemplo de como será avaliada a qualificação técnica da licitante) Atestamos para os devidos fins que a empresa (nome e CNPJ da empresa prestadora de serviços) estabelecida à (endereço completo), na categoria de prestadora de serviços de... (indicar o objeto da contratação), objeto desta licitação, prestou serviços para esta empresa (nome e CNPJ da empresa emitente), na condição de cliente usuária dos serviços especificados abaixo, no período de / / a / / : SERVIÇOS:... N.º CONTRATO:... DE.../.../... VALOR PARCIAL/GLOBAL (R$):... (se possível). Atestamos ainda, que tais serviços foram executados de acordo com os parâmetros técnicos de qualidade exigidos e no prazo pactuado, não existindo, em nossos registros, até a presente data, fatos que desabonem sua conduta e responsabilidade com as obrigações assumidas....,...de...de CARIMBO E ASSINATURA DA DECLARANTE CONDIÇÃO DE ACEITABILIDADE: a) os atestados podem ser emitidos pela mesma pessoa jurídica, contudo deverão reportar-se a relações contratuais distintas, caso a licitante deseje apresentar mais de um atestado; b) a omissão de qualquer item acima previsto será analisada pelo Pregoeiro, que decidirá pela validação ou não do Atestado de Capacidade Técnica, desde que não comprometa a análise da qualificação técnica e o atestado se encontre pertinente e compatível em características e prazos com o objeto da licitação. c) não serão aceitos atestados emitidos para outras empresas que não sejam aquelas que efetivamente tenham assinado o contrato com a emitente. PGE LTR-SPI /67

20 DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO APÊNDICE 2 1. A habilitação parcial da licitante arrematante será verificada em consonância ao Inciso XIII do Art. 4º da Lei /02 e Art. 27 da Lei 8.666/93, para comprovar a regularidade de situação do autor da proposta A regularidade da licitante arrematante será verificada, preferencialmente, por meio do Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores - SICAF, em relação aos documentos por ele abrangidos Além da situação regular perante o SICAF, a licitante arrematante deverá apresentar os documentos relacionados no subitem O(s) documento(s) vencido(s) ou não cadastrado(s) no SICAF deverá(ao) ser apresentado(s) nas formas e prazos estabelecidos no subitem 2 deste Apêndice Caso a licitante arrematante não possua cadastro no SICAF deverá apresentar os seguintes documentos: - HABILITAÇÃO JURÍDICA A comprovação do ramo de sua atividade será feita, conforme o caso, por meio de: a) registro comercial, no caso de empresa individual; b) o ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor, devidamente registrado, em se tratando de sociedades comerciais e, no caso de sociedades por ações, acompanhado de documentos de eleição de seus Administradores; c) inscrição do ato constitutivo, no caso de sociedades civis, acompanhada de prova de diretoria em exercício; d) decreto de autorização, em se tratando de empresa ou sociedade estrangeira em funcionamento no País, e ato de registro ou autorização para funcionamento expedido pelo órgão competente, quando a atividade assim o exigir Os documentos em apreço deverão estar acompanhados de todas as alterações ou da consolidação respectiva O ramo de atividade da empresa deverá ser pertinente ao objeto licitado; - QUALIFICAÇÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA Balanço Patrimonial e Demonstrações Contábeis, exigidos na forma da lei, para comprovar que possui Patrimônio Líquido igual ou superior ao(s) valor(es) indicado(s) no subitem 1.1 das Condições Específicas da Licitação deste Edital Os balanços patrimoniais e as demonstrações contábeis, do último exercício social, deverão ser apresentados de acordo com a legislação e normas contábeis que regem a matéria, vedada a sua substituição por balancetes ou balanços provisórios As sociedades constituídas no exercício em curso ou com menos de 1 (um) ano deverão apresentar o balanço de abertura ou intermediário, conforme o caso. PGE LTR-SPI /67

21 A comprovação do Patrimônio Líquido será feita mediante o cálculo obtido pelos valores constantes de Ativo Total e Passivo Total e o seu resultado não poderá ser menor que o(s) valor(es) estipulado(s) no subitem 1.1 PATRIMÔNIO LÍQUIDO MÍNIMO (1) das Condições Específicas da Licitação, devendo ainda apresentar todos os índices relativos à boa situação financeira maior que 1,0 (um) As licitantes que apresentarem qualquer dos índices relativos à boa situação financeira igual ou menor que 1,0 (um), deverão possuir Patrimônio Líquido igual ou superior ao(s) valor(es) estipulado(s) no subitem 1.1. PATRIMÔNIO LÍQUIDO MÍNIMO (2) das Condições Específicas da Licitação deste Edital, sob pena de inabilitação Para a obtenção dos Índices de Liquidez Geral (LG), Solvência Geral (SG) e Liquidez Corrente (LC), relativos à boa situação financeira, serão efetuados os cálculos abaixo: Ativo Circulante + Realizável a Longo Prazo ILG = ; Passivo Circulante + Passivo Não Circulante Ativo Total ISG = ; Passivo Circulante + Passivo Não Circulante Ativo Circulante ILC = ; Passivo Circulante Caso a licitante apresente a melhor proposta em mais de um lote, deverá comprovar Patrimônio Líquido igual ou superior ao somatório dos Patrimônios Líquidos dos referidos lotes, sob pena de ser inabilitada do(s) lote(s) posterior(es) arrematado(s) O Patrimônio Líquido poderá ser atualizado pelo IGPM-FGV quando o Balanço estiver encerrado há mais de 3 (três) meses da data da licitação Prova de regularidade para com: - REGULARIDADE FISCAL E TRABALHISTA - I Fazenda federal (Certidão de Quitação de Tributos e Contribuições Federais e Certidão quanto à dívida Ativa da União); II Fazenda estadual/distrital; III Fazenda municipal (mobiliária e imobiliária); IV INSS Certidão Negativa de Débito/INSS; V FGTS Certificado de Regularidade do FGTS A licitante arrematante deverá apresentar os seguintes documentos complementares: a) Certidão negativa de falência e concordata/recuperação judicial e extrajudicial expedida pelo distribuidor da sede da pessoa jurídica, ou, quando for o caso, de execução patrimonial, expedida no domicílio da pessoa física; a.1) caso não esteja expressa na Certidão o seu prazo de validade, deverá ser considerado válido para os efeitos deste Edital, quando expedida nos 180 (cento e oitenta) dias, a contar da data da emissão do documento; PGE LTR-SPI /67

22 a.2) Por força do disposto no art. 2º da Lei /05, as Cooperativas estão desobrigadas de apresentar a Certidão Negativa de Falência e Recuperação Judicial/Extrajudicial, entretanto, deverão apresentar declaração própria de não haver contra si qualquer processo de liquidação judicial ou extrajudicial; b) Atestado(s) de Capacidade Técnica, fornecido(s) por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove(m) a aptidão da licitante para o desempenho de atividade pertinente e compatível com o ramo de atividade de acordo com o objeto deste Edital, conforme APÊNDICE 1 do Edital; c) Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT), expedida gratuita e eletronicamente, para comprovar a inexistência de débitos inadimplidos perante a Justiça do Trabalho, nos termos do Art. 642-A da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), de acordo com o disposto na Lei nº /2011; d) Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Carga (RNTRC), dentro do prazo de validade, emitido pela Agência Nacional de Transportes Terrestres - ANTT, de acordo com a Resolução ANTT- 3056/2009, atualizada pela Resolução nº 3.336/2009, publicada no DOU de 13/03/ Os documentos exigidos neste Apêndice, bem como aqueles, porventura, vencidos no SICAF, deverão ser encaminhados no prazo de até 01 (um) dia útil, sendo anexados (cópias digitalizadas em arquivo único) ao sistema Comprasnet no acesso identificado ou enviados para o (arquivo no tamanho máximo de 2 megabytes) indicado no preâmbulo deste Edital ou remetidos para o fax INDICADO NO CAMPO INICIAL INFORMAÇÕES IMPORTANTES deste Edital, contados a partir da aceitação da proposta econômica no sistema COMPRASNET, sob pena de inabilitação Os documentos originais ou as cópias autenticadas deverão ser apresentados ao Pregoeiro, inclusive a Proposta Econômica original, juntamente com a Planilha de Custo, devidamente ajustada ao seu último lance para análise e conferência, no prazo máximo de até 03 (três) dias úteis, contados a partir da aceitação da proposta econômica no sistema COMPRASNET, no endereço também indicado no campo acima mencionado, sob pena de inabilitação Na forma da Lei Complementar 123/06, no caso de Microempresa - ME / Empresa de Pequeno Porte EPP / Cooperativa COOP, havendo restrição na regularidade fiscal, será assegurado prazo de 02 (dois) dias úteis, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que a licitante for classificada como vencedora na disputa dos lances ou na fase de negociação, prorrogáveis por igual período, quando requerida pela licitante, para a regularização da documentação, pagamento ou parcelamento do débito e emissão de certidão negativa, sendo que, após esse prazo, será inabilitada do certame. 3. A verificação pelo Pregoeiro nos sites oficiais das entidades emissores de certidões constitui meio legal de prova. 4. Não serão aceitos protocolos de entrega ou solicitação de documentos expedidos por quaisquer órgãos, em substituição aos documentos exigidos neste Edital e seus Anexos. 5. O não cumprimento das exigências contidas neste Apêndice implicará na inabilitação da licitante do certame, ficando, também sujeita às penalidades previstas neste Edital. 6. Quando se tratar de Cooperativa, além dos documentos acima exigidos, deverá apresentar relação nominal e respectiva qualificação (identidade, CPF, endereço, número de inscrição de autônomo junto ao INSS - NIT) de todos os cooperados que farão parte da equipe que executará o objeto licitado, sendo absolutamente vedado o fornecimento de mão de obra. 7. As empresas e as pessoas físicas que apresentarem registros impeditivos nos Cadastros Nacionais de Empresas Inidôneas e Suspensas CEIS, disponível no portal da transparência, e de Condenações Cíveis por Ato de Improbidade Administrativa, disponível no Portal do Conselho Nacional de Justiça/CNJ, serão inabilitadas, conforme disposto no Acórdão TCU nº /11 Plenário. * * * * * PGE LTR-SPI /67

23 CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO EM CONSÓRCIO APÊNDICE A constituição de consórcios observará a legislação brasileira que rege o assunto e as exigências previstas neste Edital e seus Anexos. O somatório dos Patrimônios Líquidos dos consorciados deverá ser 30% (trinta por cento) superior aos estabelecidos no Edital, inexigível este acréscimo para os consórcios compostos, em sua totalidade, por Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, assim definidas em lei O Patrimônio Líquido de cada consorciado, exceto da empresa líder, deverá ser proporcional ao seu percentual de participação no consórcio A empresa líder do consórcio deverá comprovar um Patrimônio Líquido igual ou superior a 50% (cinqüenta por cento) do valor exigido no item 1.1. deste Apêndice Não será permitida a participação de empresa consorciada, na mesma licitação, mediante mais de um consórcio ou isoladamente Cada consorciado responderá solidariamente pelos atos praticados em consórcio, tanto na fase de licitação, quanto na de execução contratual O consórcio interessado em participar da licitação deverá apresentar os documentos constantes do APÊNDICE 2 do Edital, de cada um dos seus consorciados O representante do consórcio, além de apresentar os documentos exigidos para cada um dos consorciados, deverá apresentar também os relacionados a seguir: a) comprovação de compromisso, público ou particular de constituição do consórcio, subscrito pelos representantes legais ou procuradores dos consorciados, com poderes específicos para a prática deste ato, bem como a definição do percentual de participação econômico-financeira de cada um; b) compromisso expresso de que os consorciados apresentarão, antes da assinatura do Contrato, o instrumento de constituição do consórcio, devidamente aprovado pela autoridade competente de cada consorciado; c) indicação da empresa responsável pelo Consórcio, que deverá atender as seguintes condições de liderança: c.1) representar o consórcio perante a ECT durante a execução contratual; c.2) prestar as informações necessárias à ECT para as obtenções das licenças e registros referentes ao objeto desta licitação; d) declaração de que o prazo de duração do consórcio coincidirá, no mínimo, com a vigência contratual, acrescido de 12 (doze) meses; e) declaração de que o consórcio não terá a sua composição ou constituição alterada ou modificada, sem prévia e expressa anuência da ECT, até o término da execução do objeto licitado; f) detalhamento da participação prevista de cada consorciado na execução do objeto licitado durante a vigência do Contrato, bem como a definição de suas obrigações e responsabilidades, indicando o percentual de participação em relação ao objeto da licitação; g) declaração expressa de responsabilidade solidária de todos os consorciados pelos atos praticados na fase de licitação, bem como pelo fiel cumprimento do Contrato; PGE LTR-SPI /67

24 h) compromisso expresso de que será providenciado o arquivamento nos termos do Parágrafo Único do Art. 279 da Lei 6.404/76, do instrumento de constituição do consórcio no Registro do comércio local de sua sede e respectiva publicação da certidão de arquivamento ou registrado no Cartório de Registros de Títulos e Documentos, conforme a natureza das pessoas consorciadas e o registro no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica CNPJ, com anterioridade à assinatura do Contrato Deverão ser promovidos, antes da celebração do Contrato, a constituição e o registro do consórcio nos termos do compromisso referido na alínea a do subitem deste Apêndice Para efeito de comprovação da qualificação técnica, o consórcio poderá utilizar o somatório dos quantitativos (atestados e certificações) de cada consorciado. * * * * * PGE LTR-SPI /67

25 CONTRATO nº.../20.. ANEXO 1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS LTR-SPI-0308 CONTRATANTE: CNPJ : INSCRIÇÃO ESTADUAL: ENDEREÇO: CEP: TELEFONE: FAX: REPRESENTANTE(S): AUTORIDADE COMPETENTE 1: DOCUMENTO DE IDENTIDADE: CPF: AUTORIDADE COMPETENTE 2: DOCUMENTO DE IDENTIDADE: CPF: CONTRATADA: CNPJ : INSCRIÇÃO ESTADUAL: ENDEREÇO: CEP: TELEFONE: FAX : REPRESENTANTE(S): DOCUMENTO DE IDENTIDADE: CPF: ENDEREÇO: TELEFONE: FAX: PGE LTR-SPI /67

26 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DA CONTRATAÇÃO 1. OBJETO E PREÇO 1.1. A presente contratação tem como objeto a prestação de serviços de transporte rodoviário de cargas LTR-SPI-0308, discriminados no quadro abaixo, conforme ANEXO 2 do Edital - Especificações Técnicas e demais condições deste Instrumento e seus Anexos. LOTE ITEM CÓDIGO DA LINHA LTR-SPI TRAJETO Conforme apêndice 01 do Contrato QTDE VEICULOS VEÍCULO (capacidade de carga) PERCURSO MÉDIO MENSAL (km) DURAÇÃO DA LINHA (meses) 01 7,5 ton e 42 m³ ,00 12 VALOR TOTAL DO ITEM 1.2. O valor global para o presente contrato é de R$... (...), composto das seguintes parcelas: Código da Linha Percurso Médio Mensal "PM" Parcela Custo Fixo "PCF" (R$/mês) Parcela Custo Combustível "PCC" (R$/km) Parcela Demais Custos Variáveis "PCV" (R$/km) Administração e Lucro "ADL" (%) Impostos Taxas e Demais Tributos "IMP" (%) Preço Médio Mensal da Linha "PML" (R$/mês) Preço Médio Por KM "PK" (R$/km) (A) (B) (C) (D) (E) (F) (G) (H) (I =H/B) LTR- SPI ,00 2. AVALIAÇÃO TÉCNICA DO VEÍCULO CONTRATADO 2.1. Será exigida da CONTRATADA a apresentação dos veículos para avaliação técnica, em conformidade com as condições previstas no Apêndice 2 deste Instrumento PRAZO DE APRESENTAÇÃO DOS VEÍCULOS: a CONTRATADA deverá agendar e apresentar o veículo para vistoria, no prazo de até 05 (cinco) dias úteis anteriores a data de início da execução dos serviços LOCAL DE APRESENTAÇÃO DOS VEÍCULOS: Qualquer dos endereços abaixo relacionados: CTO BAURU Endereço: Rua Izzet Farah, 2-88 Distrito Industrial Bauru/SP - CEP: Fone: (14) CTO CAMPINAS Endereço: Rua Clark, 3401 Macuco Valinhos/SP - CEP: Fone: (19) , CTO RIBEIRÃO PRETO Endereço: Rua Antonio Fernandes Figueroa, Lagoinha Ribeirão Preto/SP - CEP.: Fone: (16) , PGE LTR-SPI /67

27 CTO SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Endereço: Rua Roque de Campos Teixeira, 155 Distrito Industrial São José do Rio Preto/SP - CEP: Fone: (14) CTO SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Endereço: Av. Dr. Sebastião Henrique da Cunha Pontes, 4400 São José dos Campos/SP - CEP.: FONE: (12) CTO SOROCABA Endereço: Rua Padre Vieira, 68 Barcelona Sorocaba/SP - CEP.: FONE: (15) DO RESULTADO DA AVALIAÇÃO: O resultado da avaliação será formalizado à CONTRATADA por meio de CARTA Havendo desconformidade(s) essa(s) será(ão) comunicada(s) à CONTRATADA por meio de CARTA DE ADVERTÊNCIA, na qual estarão relacionados os itens que não atenderam as exigências da Especificação Técnica, os quais deverão estar devidamente corrigidos quando do início da prestação dos serviços Será exigida da CONTRATADA a retirada da comunicação visual relativa à marca e logo dos CORREIOS dos veículos deste contrato após seu término ou após a substituição de veículo PRAZO DE APRESENTAÇÃO DOS VEÍCULOS: a CONTRATADA deverá disponibilizar os veículos para vistoria no prazo de até 15 dias úteis a partir dos eventos previstos no item Havendo desconformidades, a Contratada estará sujeita as sanções previstas no presente contrato e na legislação, bem como à comunicação dos fatos aos órgãos e autoridades competentes para todos os fins legais, inclusive penais, conforme o caso O veículo apresentado na vistoria para início da prestação dos serviços, denominado veículo titular, bem como o motorista, só poderão ser substituídos após prévia comunicação e autorização da contratante; A substituição do veículo para as manutenções preventivas deverá ser informada a contratante com antecedência mínima de 2 (dois) dias úteis, e ainda, informada a data do retorno do veículo titular A substituição do veículo, por qualquer motivo, deverá ser feita somente por veículo que atenda a todas as características exigidas nas especificações previstas no contrato para veículo titular Nos casos de substituição temporária, fica dispensado o atendimento ao item 1.4. do Apêndice 2 do Anexo 1, no que se refere a cor, porém deve ser obedecida a comunicação visual especifica para veículos temporários Os veículos eventualmente apresentados que não atendam as especificações, poderão ser recusados, e fica resguardado a Contratante o direito de embarcar a carga em outros meios, sendo neste caso, os trechos considerados não realizados, sujeito às cominações previstas no contrato Todas as comunicações a que se referem o item 2.3 e seus subitens devem ser feitas por carta com aviso de recebimento. PGE LTR-SPI /67

28 3. VIGÊNCIA CONTRATUAL 3.1 O período de vigência do presente Contrato será de 12 (doze) meses, com início em.../.../..., podendo ser prorrogado por iguais e sucessivos períodos, limitados a 60 (sessenta) meses A prorrogação será realizada mediante Termo Aditivo Em caso de não interesse da prorrogação, por qualquer das partes, deverá ocorrer manifestação expressa em contrário em até 120 (cento e vinte) dias antes do término do prazo contratual Caso não ocorra a prorrogação do contrato na data de seu aniversário e se houver concordância do CONTRATADO, o mesmo poderá continuar a execução dos serviços, sem interrupção, até a contratação de seu substituto, pelo período de até 90 (noventa) dias, mantendo-se as mesmas condições e os mesmos preços estabelecidos no Contrato, observados o limite de 60 (sessenta meses) 4. EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS 4.1. Os serviços terão início na data de início da vigência do Contrato, estipulada no subitem Os serviços serão executados, conforme descrito no Apêndice 1 deste Instrumento. 5. PEDÁGIO 5.1. RESSARCIMENTO: O ressarcimento do Pedágio à CONTRATADA será feito em conformidade com a legislação vigente O ressarcimento do Pedágio será feito juntamente com o pagamento dos serviços prestados, através de depósito em conta bancária da CONTRATADA A CONTRATADA deverá destacar o valor total mensal do Pedágio em documento fiscal/fatura específica para seu pagamento Para itinerários com cobrança eletrônica de Pedágio, a CONTRATADA deverá providenciar a instalação do dispositivo correspondente nos veículos ALTERAÇÕES: A CONTRATADA deverá informar à CONTRATANTE, imediatamente após a implementação, as eventuais alterações no valor da tarifa de Pedágio que venham a ocorrer dentro do período de vigência do Contrato A CONTRATANTE deverá promover as alterações no montante dos pagamentos, quando necessário, em virtude das alterações nas tarifas do Pedágio no itinerário contratado. 6. DA FORMA DE PAGAMENTO 6.1. O(s) pagamento(s) será(ão) efetuado(s) por meio de depósito bancário, conforme dados a seguir: BANCO:... (...) AGÊNCIA:... CONTA CORRENTE:... PGE LTR-SPI /67

29 7. GARANTIA DE EXECUÇÃO CONTRATUAL 7.1. Será exigida quando o valor total adjudicado à CONTRATADA for superior a R$ ,00 (cento e sessenta mil reais), de acordo com as condições contidas na Cláusula Décima Primeira das Condições Gerais deste Contrato Em caso de garantia em dinheiro, a CONTRATADA deverá depositar o valor em nome da CONTRATANTE em uma Agência de Correios, mencionando o código (Código SARA). Feito o depósito, a cópia do comprovante deverá ser enviada a Gerência de Administração. 8. DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS 8.1. As despesas decorrentes da prestação do serviço objeto deste Contrato correrão por conta da seguinte classificação orçamentária: Conta Orçamentária CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTÁRIA/CONTÁBIL Descrição TRANSPORTE NACIONAL LINHA TRONCO REGIONAL 8.2. Este Contrato é oriundo do Pregão Eletrônico n.º /2014, homologado por meio do Relatório... de.../.../ A gestão deste Contrato será feita: Por parte da CONTRATANTE: ÁREA GESTORA ADMINISTRATIVA e OPERACIONAL: 9. DA GESTÃO DO CONTRATO GERÊNCIA DE ENCAMINHAMENTO E ADMINISTRAÇÃO DA FROTA GENAF/DR/SPI TELEFONE/FAX: (14) / ÁREA GESTORA ADMINISTRATIVA: TELEFONE: FAX: Por parte da CONTRATADA: NOME DO GESTOR: TELEFONE: FAX: PGE LTR-SPI /67

30 CONDIÇÕES GERAIS DA CONTRATAÇÃO CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO 1.1. O presente Contrato tem como objeto a prestação de serviço de transporte rodoviário de cargas, conforme Especificação Técnica e demais detalhamentos e condições constantes neste Contrato e seus Anexos. CLÁUSULA SEGUNDA - DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA 2.1. Manter todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação, durante todo o período desta contratação Executar os serviços em estrita observância aos detalhamentos constantes neste Instrumento e seus Anexos Emitir documento fiscal válido, dos serviços efetivamente prestados, apresentando-o à CONTRATANTE até o 5º (quinto) dia útil do mês subsequente ao da prestação do serviço, bem como nele discriminar: o código da linha, o período a que se refere, o número e o objeto deste Contrato A CONTRATADA deverá emitir documento fiscal válido com o mesmo CNPJ que consta neste Instrumento e na Proposta Econômica Caso a CONTRATADA possua mais de uma contratação com a CONTRATANTE, deverá emitir documentos fiscais distintos Caso a CONTRATADA seja MICROEMPRESA-ME ou EMPRESA DE PEQUENO PORTE-EPP, optante do SIMPLES NACIONAL, fica condicionada na emissão dos documentos fiscais, inclusive os emitidos por meio eletrônico, a inutilização dos campos destinados à base de cálculo e ao imposto destacado, de obrigação própria, devendo constar, no campo destinado as informações complementares, ou, em sua falta, no corpo de documento, por qualquer meio gráfico indelével, as expressões: DOCUMENTO EMITIDO POR ME OU EPP PELO SIMPLES NACIONAL Aceitar, nas mesmas condições contratuais, acréscimos ou supressões que se fizerem necessárias, até o limite de 25% (vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado deste Instrumento, facultada a supressão além desse limite, mediante acordo entre as partes Reparar, corrigir, às suas expensas, no todo ou em parte, os serviços em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções Responder, diretamente, por furto, roubo e por quaisquer perdas, danos ou prejuízos que vier a causar à CONTRATANTE ou a terceiros, decorrentes de sua ação ou omissão, dolosa ou culposa, na execução desta contratação, independentemente de outras cominações contratuais ou legais a que estiver sujeita Não será exigido o seguro da carga, entretanto em caso de opção da CONTRATADA pela contratação do citado seguro, o valor médio estimado da carga para esta finalidade será, conforme a capacidade de carga do veículo, de: a) R$ ,00 (quinze mil reais) para furgões e/ou utilitários até 1,5 toneladas; b) R$ ,00 (vinte e dois mil reais) para caminhões de 3 toneladas; c) R$ ,00 (cinqüenta mil reais) para caminhões de 8 toneladas; d) R$ ,00 (oitenta mil reais) para caminhões de 14 toneladas; e) R$ ,00 (cento e vinte mil reais) para caminhões de 19 toneladas; f) R$ ,00 (cento e cinqüenta mil reais) para caminhões de 25 toneladas. PGE LTR-SPI /67

31 Em caso de sinistro cujo valor da indenização seja superior ao valor da apólice, será de responsabilidade da CONTRATADA o pagamento da diferença Os valores apurados a título de indenização serão atualizados monetariamente, com base na variação pro rata tempore do IGPM (FGV) verificada entre a data da indenização da ECT aos seus clientes e do seu efetivo recolhimento pela CONTRATADA à CONTRATANTE Responsabilizar-se por todos e quaisquer ônus e encargos previdenciários, fiscais, trabalhistas e comerciais resultantes da execução desta contratação A inadimplência da CONTRATADA, com referência aos encargos acima, não transfere à CONTRATANTE a responsabilidade por seu pagamento, nem poderá onerar o objeto desta contratação Disponibilizar os veículos relacionados com a execução deste Contrato, submetendo-os à inspeção e/ou supervisão da CONTRATANTE para verificação das exigências contratuais, antes do início da execução das linhas e/ou sempre que solicitado, prestando a esta os esclarecimentos cabíveis Permitir o acompanhamento de empregado da CONTRATANTE, em todas as operações inerentes ao presente Contrato, desde que devidamente autorizado pelo Órgão competente da Diretoria Regional de origem da viagem ou da Administração Central, livre de quaisquer despesas A fiscalização pela CONTRATANTE não exclui nem reduz a responsabilidade da CONTRATADA por quaisquer irregularidades, ainda que resultante de imperfeições técnicas, vícios redibitórios e, na ocorrência destes, não implica em co-responsabilidade da CONTRATANTE ou de seus agentes ou prepostos Manter sigilo sobre quaisquer dados, informações, documentos, especificações técnicas ou comerciais e inovações da CONTRATANTE de que venha ter conhecimento, não podendo, sob qualquer pretexto divulgá-las, reproduzi-las ou utilizá-las, sob as penas da lei, mesmo depois de encerrada a presente contratação Responder por todos e quaisquer ônus suportados pela CONTRATANTE, decorrente de eventual condenação trabalhista proposta por seus empregados, autorizando, desde já, a retenção dos valores correspondentes aos créditos existentes deste Contrato e de outros porventura existentes entre as partes e, inclusive da garantia contratual Substituir, imediatamente, sem qualquer ônus para a CONTRATANTE, sempre que exigido, qualquer prestador de serviço, cuja atuação, permanência ou comportamento sejam julgados prejudiciais, inconvenientes ou insatisfatórios Responsabilizar-se pela execução dos serviços contratados, obrigando-se a reparar, exclusivamente às suas custas e dentro dos prazos estabelecidos, todos os erros, falhas, omissões e quaisquer outras irregularidades verificadas na execução dos serviços, indenizando a CONTRATANTE ou terceiros por qualquer dano ou prejuízo causados à mesma, a seus servidores ou a terceiros, decorrente desses erros, falhas, omissões ou irregularidades Aceitar a colocação e retirada de material promocional da ECT nos veículos, sem ônus para CONTRATADA Não afixar qualquer adesivo ou similar nos veículos sem a permissão da CONTRATANTE Manter adequada estrutura de apoio e/ou representação, com plantão permanente de 24 (vinte e quatro) horas, dotada de telefone fixo, celular, fax e endereço eletrônico, para atendimento às solicitações da CONTRATANTE e a eventuais emergências como: acidentes, defeito mecânico ou avarias nos veículos, problemas de saúde do motorista, entre outras correlatas, de forma a prontamente restabelecer a prestação do serviço. PGE LTR-SPI /67

32 Prosseguir a execução do serviço, se necessário, em outro veículo, próprio ou não, por sua conta e sob sua inteira responsabilidade, nos casos de interrupção da viagem, paradas para manutenção, reparos decorrentes de acidentes, força maior ou qualquer outro motivo, devendo essa providência ser imediatamente comunicada à CONTRATANTE, além de ser lançada no Registro Diário de Viagem e Ocorrências RDVO Deverá dispor de preposto preparado para fornecer à CONTRATANTE informações sobre localização do veículo em trânsito a qualquer momento, eventuais acidentes e demais ocorrências que possam prejudicar a realização da viagem. O referido preposto deverá ter poder decisório para tomada de providências objetivando a execução deste Contrato Designar para a execução das tarefas inerentes a este Contrato somente motoristas devidamente habilitados, com boa apresentação pessoal e em número suficiente, sendo expressamente proibido o uso de bermudas, chinelos e camisetas tipo regata, quando a serviço da CONTRATANTE Apresentar à CONTRATANTE relação de pessoal a ser alocado na execução dos serviços deste Contrato, contendo dados pessoais de identificação, mantendo-a rigorosamente atualizada Não efetuar o transporte de pessoas não autorizadas pela CONTRATANTE Apresentar os veículos de acordo com as especificações técnicas anexas deste Instrumento Será admitida, sob inteira responsabilidade da CONTRATADA, a utilização de veículos de terceiros para o início das operações, limitada ao prazo de 90 (noventa) dias contados a partir da assinatura do Contrato, desde que comunicado à CONTRATANTE antes da vistoria inicial, através de carta ou Também será admitida, sob inteira responsabilidade da CONTRATADA, a utilização de veículos de terceiros, desde que devidamente autorizado pela CONTRATANTE e exclusivamente para os casos de parada para manutenção, substituição de veículo em pane na viagem. O total de utilização de veículos de terceiros nestas situações não poderá ultrapassar a 10% (dez por cento) do total de viagens previstas neste Instrumento Para os veículos de terceiros que porventura forem utilizados, fica dispensado o atendimento ao item 1.4. do Anexo 2, no que se refere a cor, porém deve ser obedecida a comunicação visual para veículo temporário Cumprir as condições estabelecidas em Ficha Técnica, fazendo os lançamentos dos eventos extraordinários no Registro Diário de Viagem e Ocorrências RDVO, instituído pela CONTRATANTE com o objetivo de regular as atividades cotidianas de cada veículo contratado O motorista da CONTRATADA deverá assinar o RDVO de cada viagem Não havendo previsão de partida, por qualquer motivo, até 30 (trinta) minutos após o horário previsto, fica resguardado à CONTRATANTE o direito de embarcar a carga em outros meios, sendo, neste caso, os trechos considerados como não realizados, sujeito às cominações previstas neste instrumento contratual Solicitar, sempre que possível, a supervisão da CONTRATANTE, quando necessário o transbordo de carga Transportar somente carga disponibilizada pela CONTRATANTE Responsabilizar-se pela carga disponibilizada pela CONTRATANTE, assumindo-a a partir de seu recebimento até entrega no destino previsto, sendo esta considerada efetivamente entregue quando da assinatura do preposto da CONTRATANTE no RDVO. PGE LTR-SPI /67

33 2.26. Garantir a proteção da carga no interior do veículo contra umidade e poeira, bem como sua inviolabilidade, inclusive com aplicação de selo/lacre de segurança pela CONTRATANTE quando o serviço exigir, cabendo ao motorista ou representante da CONTRATADA a responsabilidade de acompanhamento das operações, incluindo fechamento e abertura de baús, bem como de registro formal nos documentos instituídos O fechamento e abertura de baús inclui a colocação e remoção de cadeado metálico Orientar as operações de carregamento/descarregamento do veículo executadas pelo pessoal da CONTRATANTE ou, nas escalas em que essas operações lhe forem delegadas, observado o Registro de Viagem, ou nos casos de necessidade de transbordo da carga, como acidentes ou pane do veículo, executá-las por sua conta exclusiva, inclusive com alocação de pessoal e equipamentos Aceitar os cancelamentos de viagens motivados por feriados oficiais (municipais, estaduais e federais), quando comunicados pela CONTRATANTE Providenciar registro no Regime Especial do Vale-Pedágio junto à Agência Nacional de Transportes Terrestres ANTT, bem como cumprir as demais disposições contidas nas Condições Específicas da Contratação. CLÁUSULA TERCEIRA - DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE 3.1. Fiscalizar a execução desta contratação e subsidiar a CONTRATADA com informações e/ou comunicações úteis e necessárias ao melhor e fiel cumprimento das obrigações Efetuar os pagamentos devidos à CONTRATADA, conforme o cronograma previsto neste Instrumento Comunicar à CONTRATADA toda e qualquer ocorrência que interfira na execução dos serviços, objeto desta contratação Fornecer todas as informações necessárias para emissão do documento fiscal Encaminhar à Seguradora, dentro do prazo de validade da(s) Apólice(s), cópia das Notificações de Descumprimento Contratual, enviadas à CONTRATADA, para fins de caracterização da expectativa de sinistro, conforme previsto nos arts. 769 e 771 do Código Civil, quando for o caso de garantia sob a modalidade Seguro-Garantia Elaborar e fornecer à CONTRATADA a Ficha Técnica, para regulamentar os serviços a serem prestados, contendo o itinerário da linha, os horários, a freqüência, as distâncias, e toda e qualquer informação relevante à sua execução Cada linha terá uma codificação própria e uma Ficha Técnica específica Manter, nas escalas indicadas em Ficha Técnica, pessoal próprio especializado, que disponibilizará os volumes a serem carregados e receberá os que forem descarregados Nas suas Unidades Operacionais, a CONTRATANTE deverá disponibilizar os equipamentos necessários às operações de carregamento e descarregamento dos veículos Preencher em cada ponto de parada os dados relativos à carga embarcada/desembarcada, horários, motivos de eventuais atrasos e demais ocorrências relevantes já codificadas no RDVO, em duas vias, das quais uma será disponibilizada para a CONTRATADA imediatamente após o encerramento da jornada O RDVO será utilizado como instrumento para avaliação do desempenho da CONTRATADA O preposto da CONTRATANTE deverá assinar o RDVO de cada viagem. PGE LTR-SPI /67

34 3.9. Aplicar os selos/lacres de segurança nas fechaduras das carrocerias dos veículos, na presença do condutor, efetuando a respectiva anotação no RDVO Efetuar o ressarcimento das despesas com pedágio à CONTRATADA, conforme estabelecido nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento. CLÁUSULA QUARTA DO VALOR E DOS PREÇOS 4.1. Valor global: conforme disposto nas Condições Específicas deste Instrumento No preço estão incluídos todos os custos e despesas diretas e indiretas, tributos incidentes, encargos sociais, previdenciários, trabalhistas e comerciais, taxa de administração e lucro, materiais e mão-de-obra a serem empregados, seguros, despesas com transporte, hospedagem, diárias, alimentação, e quaisquer outros necessários ao fiel e integral cumprimento desta contratação Os valores do pedágio não integram os preços dos serviços ora contratados. Entretanto, estas despesas, quando existentes, serão de responsabilidade da CONTRATANTE, nos termos do Regime Especial do Vale-Pedágio da Agência Nacional de Transportes Terrestres ANTT Caso a CONTRATADA apresente veículo com capacidade de carga inferior à prevista neste Contrato, em caráter excepcional, desde que haja concordância da CONTRATANTE, a linha poderá ser executada com veículo de capacidade inferior à especificada, porém sem prejuízo da aplicação da penalidade prevista neste Instrumento. Nesta condição, o preço por quilômetro de cada trecho da linha será obtido pela aplicação da seguinte expressão: onde: PK2=PK1x(CVA/CVC) PK2 = preço por quilômetro do trecho da linha, considerando o veículo utilizado para a realização do serviço; PK1 = preço por quilômetro do trecho da linha, considerando o veículo previsto neste Contrato; CVA = CAPACIDADE EM TONELADAS DO VEÍCULO APRESENTADO CVC = CAPACIDADE EM TONELADAS DO VEÍCULO PREVISTO NESTE CONTRATO No caso de ser apresentado veículo com capacidade de carga superior à prevista neste Contrato não haverá alteração no valor da viagem, salvo se houver interesse da CONTRATANTE em utilizar a capacidade excedente desse veículo. Neste último caso, será aplicada a mesma sistemática acima prevista para o cálculo do preço por quilômetro. CLÁUSULA QUINTA DO PAGAMENTO 5.1. Os pagamentos do Preço Mensal da Linha (PML) serão efetuados à CONTRATADA no 15 o (décimo quinto) dia útil do mês subseqüente ao da prestação dos serviços, após o atesto, pela CONTRATANTE, dos documentos fiscais correspondentes, conforme previsto nas Condições Específicas da Contratação A Parcela Custo Fixo (PCF) será paga conforme o valor mensal previsto na planilha de formação de preços, independentemente de feriados e cancelamentos de viagens por parte da CONTRATANTE, proporcionalmente aos dias trabalhados, no caso de início ou término de linha no meio do mês, deduzindose eventuais faltas registradas no RDVO No caso de falta de veículo para execução da linha, a parcela PCF será descontada à razão de 1/30 (um trinta avos) para cada falta verificada, independentemente da aplicação das penalidades previstas As parcelas Custo Combustível (PCC) e Demais Custos Variáveis (PCV) serão pagas sobre as quilometragens constantes nas Fichas Técnicas, descontando-se eventuais faltas registradas no RDVO. PGE LTR-SPI /67

35 Os acréscimos ou reduções de percursos, devidamente autorizados por preposto da ECT ou determinados por fatores alheios à vontade das partes, como nos casos de queda de barreiras, interdição de vias e outros correlatos, desde que devidamente registrados no RDVO, ensejarão ajustes no pagamento conforme expressão a seguir: onde: PE1 = (PCC+PCV) * KM1 PE1 = Parcela Extra, a ser acrescida ou deduzida do PML (R$); PCC = Parcela Custo Combustível vigente no mês de execução do serviço (R$/km) ; PCV = Parcela Demais Custos Variáveis (R$/km); KM1 = Quilometragem extraordinária efetivamente realizada ou não-realizada, apurada no RDVO A Parcela Custo Combustível (PCC), apresentada na planilha de formação de preços, será atualizada mensalmente de acordo com a variação do preço ao consumidor médio mensal regional, para o tipo de combustível indicado na citada planilha, obtido no site da ANP ( na página Resumo II Dados Região Sudeste/Estado SP, conforme expressão a seguir: onde: PCC1 = PCC0 * (PMM1/PMM0) PCC1 = Parcela Custo Combustível atualizada; PCC0 = Parcela Custo Combustível do mês de apresentação da proposta, na licitação; PMM1 = Preço ao consumidor médio mensal estadual-sp, do mês anterior ao da prestação dos serviços; PMM0 = Preço ao consumidor médio mensal estadual-sp, do mês de apresentação da proposta na licitação Caso o órgão governamental deixe de promover a apuração e a divulgação dos preços dos combustíveis e tal atribuição não venha a ser absorvida por nenhum outro órgão oficial, a sistemática para atualização da Parcela Preço Combustível passará a ser aquela descrita na Cláusula Sexta deste Contrato Os pagamentos das parcelas Administração e Lucro e Impostos serão efetuados com base nos respectivos percentuais previstos originalmente na planilha de custos Havendo disponibilidade e interesse da CONTRATANTE, bem como solicitação da CONTRATADA, o pagamento eventualmente poderá ser antecipado, mediante desconto, nos termos do Art. 40, Inciso XIV, letra d da Lei 8.666/93 e nas regras estabelecidas no site da ECT, acessando: Para fins de pagamento a CONTRATADA deverá apresentar, juntamente com o documento fiscal, os seguintes documentos: a) Certidão Negativa de Débito do INSS; b) Certificado de Regularidade com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço FGTS; c) Certidão Conjunta de Regularidade com a Fazenda Federal (Quitação de Tributos e Contribuições Federais e Dívida Ativa da União da Fazenda Federal); d) Certidão Negativa de Tributos Estaduais e Municipais, emitida pelos respectivos órgãos. e) Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas - CNDT, emitida pelos respectivos órgãos. PGE LTR-SPI /67

36 1.6. A não-apresentação da Certidão Negativa de Débito do INSS, bem como do Certificado de Regularidade do FGTS e da Certidão Negativa de Débito (CND) relativa aos Tributos Federais, Estaduais e Municipais e da Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT), ou a irregularidade destas, não acarretará retenção do pagamento. Entretanto, a CONTRATADA será comunicada quanto à apresentação de tais documentos em até 30 (trinta) dias, sob pena de rescisão contratual e demais penalidades cabíveis Decorrido o prazo acima, persistindo a irregularidade, o Contrato poderá ser rescindido, sem prejuízo das demais penalidades cabíveis Concomitante à comunicação à CONTRATADA, a CONTRATANTE oficiará a ocorrência ao INSS no caso da CND; à Caixa Econômica Federal no caso do CRF; à Receita Federal no caso de CND relativa aos Tributos Federais e no caso dos Tributos Estaduais e Municipais, aos seus respectivos órgãos Caso o serviço seja recusado e/ou o documento fiscal apresente incorreção e/ou seja apresentado após o 5º (quinto) dia útil do mês subsequente ao da prestação dos serviços, o serviço será considerado como não prestado e o prazo de pagamento será contado após a data de regularização, observado o prazo do atesto Quaisquer alterações nos dados bancários deverão ser comunicadas à CONTRATANTE, por meio de carta, ficando sob inteira responsabilidade da CONTRATADA os prejuízos decorrentes de pagamentos incorretos devido à falta de informação Correrão por conta da CONTRATADA o ônus do prazo de compensação e todas as despesas bancárias decorrentes da transferência de crédito A CONTRATANTE efetuará as retenções dos tributos incidentes no faturamento, de acordo com a legislação vigente O CNPJ, que deverá constar no(s) documento(s) fiscal(is) apresentado(s), deverá ser o mesmo CNPJ que a CONTRATADA utilizou neste Instrumento O faturamento dos documentos fiscais terá como referência o local da prestação dos serviços definido nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento Não havendo expediente na CONTRATANTE no dia do pagamento ou outro evento, a data para o adimplemento da obrigação será prorrogada para o primeiro dia útil imediato Ocorrendo atraso de pagamento por culpa da CONTRATANTE, será procedida a atualização monetária decorrente desse atraso, com base na variação pro rata tempore do IGP-M (FGV), verificada entre a data prevista para o pagamento e a data em que esse for efetivado A CONTRATANTE não acatará a cobrança por meio de duplicatas ou qualquer outro título, em bancos ou outras instituições do gênero, tampouco a cessão/negociação do crédito que implique na sub-rogação de direitos Os pagamentos efetuados pela CONTRATANTE não isentam a CONTRATADA de suas obrigações e responsabilidades assumidas Cancelamentos de viagens motivados por feriados oficiais e por falta de carga não geram direito ao pagamento das parcelas de Custo Combustível (PCC) e Demais Custos Variáveis (PCV). CLÁUSULA SEXTA DA ATUALIZAÇÃO DO PREÇO 6.1. O primeiro reajuste será calculado pela variação do índice pactuado entre o segundo mês anterior ao da apresentação da proposta na licitação e o segundo mês anterior ao da data do primeiro aniversário do PGE LTR-SPI /67

37 Contrato. Os próximos reajustes ocorrerão sempre que decorridos 12 (doze) meses do último reajuste concedido, aplicando a variação do índice pactuado Excetuando-se a Parcela Custo Combustível (PCC), que será atualizada mensalmente, as parcelas PCF e PCV serão reajustadas de acordo com a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo IPCA, apurada pelo IBGE, observadas as fórmulas seguintes: PCF1 = PCF0 * (I1/I0) onde: PCV1 = PCV0 * (I1/I0) PCF1 = Parcela Custo Fixo reajustada; PCF0 = Parcela Custo Fixo vigente na data prevista para reajuste contratual; PCV1 = Parcela Demais Custos Variáveis reajustada; PCV0 = Parcela Demais Custos Variáveis vigente na data prevista para reajuste contratual; I1 = I0 = número-índice relativo ao segundo mês anterior ao da data de aniversário do Contrato; número índice relativo ao segundo mês anterior ao da data de apresentação da proposta (no caso do primeiro reajuste contratual) ou do último reajuste aplicado, conforme o caso. CLÁUSULA SÉTIMA - DAS ALTERAÇÕES CONTRATUAIS 7.1. Este Contrato poderá ser alterado, com as devidas justificativas, nos seguintes casos: Unilateralmente, pela CONTRATANTE, quando: a) houver modificação do Projeto ou das especificações, para melhor adequação técnica aos seus objetivos; b) necessária a modificação do valor contratual em decorrência de acréscimo ou diminuição quantitativa de seu objeto, nos limites previstos neste Instrumento Por acordo entre as partes, quando: a) necessária a modificação do modo e/ou do cronograma de execução do serviço, em face de verificação técnica da inaplicabilidade dos termos contratuais originários; b) necessária à modificação da forma de pagamento, por imposição de circunstâncias supervenientes, mantido o valor inicial atualizado, vedada a antecipação do pagamento com relação ao cronograma financeiro fixado, sem a correspondente contraprestação dos serviços; c) para restabelecer a relação que as partes pactuaram inicialmente entre os encargos da CONTRATADA e a retribuição da CONTRATANTE para a justa remuneração dos serviços, objetivando a manutenção do equilíbrio econômico-financeiro inicial do Contrato, na hipótese de sobrevirem fatos imprevisíveis ou previsíveis, porém de consequências incalculáveis, retardadores ou impeditivos da execução do ajustado, ou ainda em caso de força maior, caso fortuito ou fato do príncipe, configurando álea econômica extraordinária e extracontratual. d) conveniente à substituição da garantia de execução contratual, se for o caso As alterações serão procedidas mediante os seguintes instrumentos: APOSTILAMENTO: para as alterações que envolverem as seguintes situações: a) as atualizações, compensações ou penalizações financeiras decorrentes das condições de pagamento aqui previstas; b) o empenho de dotações orçamentárias suplementares, até o limite do seu valor corrigido; PGE LTR-SPI /67

38 TERMO ADITIVO: alterações não abrangidas pelo apostilamento, que ensejarem modificações deste Instrumento ou do seu valor Os Termos Aditivos ou Apostilas farão parte deste Instrumento, como se nele estivessem transcritos. CLÁUSULA OITAVA - DAS PENALIDADES 8.1. Pela inexecução total ou parcial deste Contrato, a CONTRATANTE poderá aplicar à CONTRATADA as seguintes sanções, sem prejuízo das responsabilidades civil e criminal, garantida a ampla defesa e o contraditório: Advertência: será aplicada quando ocorrer o descumprimento das obrigações assumidas, que não causem prejuízo à CONTRATANTE, podendo ser cumulada com a penalidade de multa Multa: aplicada nos seguintes casos: Multa de mora: a) atraso na disponibilização dos veículos para vistoria: 0,1% (zero vírgula um por cento) do valor global atualizado deste Instrumento, por dia de atraso, até o limite de 05 (cinco) dias, quando poderá ensejar a rescisão deste Contrato; b) O atraso injustificado na execução dos serviços contratados em relação aos prazos fixados neste Contrato: b.1) Trechos de até 500 km: b.1.1) 10% (dez por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 30 (trinta) minutos e inferior a 60 (sessenta) minutos; b.1.2) 15% (quinze por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 60 (sessenta) minutos e inferior a 90 (noventa) minutos; b.1.3) 20% (vinte por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 90 (noventa) minutos e inferior a 2 (duas) horas; b.1.4) 30% (trinta por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 02 (duas) horas, limitado a 12 (doze) horas. b.2) Trechos de 501 a km: b.2.1) 10% (dez por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 60 (sessenta) minutos e inferior a 90 (noventa) minutos; b.2.2) 15% (quinze por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 90 (noventa) minutos e inferior a 2 (duas) horas; b.2.3) 20% (vinte por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto PGE LTR-SPI /67

39 estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 2 (duas) horas e inferior a 2h30 (duas horas e trinta minutos); b.2.4) 30% (trinta por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 2h30 (duas horas e trinta minutos), limitado a 24 (vinte e quatro) horas. b.3) Trechos acima de km: b.3.1) 10% (dez por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 90 (noventa) minutos e inferior a 2 (duas) horas; b.3.2) 15% (quinze por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 2 (duas) horas e inferior a 2h30 (duas horas e trinta minutos); b.3.3) 20% (vinte por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 2h30 (duas horas e trinta minutos) a 3 (três) horas; b.3.4) 30% (trinta por cento) do valor do trecho a ser executado ou do trecho executado, se ocorrer atraso, respectivamente, na apresentação do veículo, na origem, e/ou na chegada em cada ponto estabelecido na Ficha Técnica, igual ou superior a 3 (três) horas, limitado a 36 (trinta e seis) horas; b.4) O atraso injustificado no início da prestação dos serviços, sujeitará a CONTRATADA à multa de 50% (cinqüenta por cento) do valor das viagens previstas e não realizadas, além de não caber qualquer outro pagamento, limitado a 48 (quarenta e oito) horas, quando poderá ensejar a rescisão contratual; b.5) Após os prazos-limite anteriores, caso não haja rescisão, os percentuais de multas serão dobrados e aplicados sobre a totalidade das horas em atraso; c) ocorrência de atrasos em qualquer outro prazo previsto neste Instrumento não abrangidos pelas alíneas anteriores (substituição de prestador de serviço, entrega de documentos ou outros relacionados às operações, exceto atrasos relativos a horários de linhas): 0,1% (um décimo por cento) do valor global atualizado deste Instrumento para cada evento ou por dia de atraso; d) atraso na apresentação/reposição/complementação da garantia de execução contratual, quando essa exigência estiver contida nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento, nos moldes da CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA deste Contrato: 1% (um por cento) do valor total da garantia prestada, por dia útil de atraso, até o limite de 10 (dez) dias úteis Demais multas: a) ocorrência de quaisquer outros tipos de descumprimentos contratuais não abrangidos no subitem anterior: 0,1% (um décimo por cento) do Valor Global atualizado deste Instrumento para cada evento; b) nas ocorrências a seguir discriminadas: 10% (dez por cento) do valor do respectivo trecho, por evento: b.1) transportar pessoas não autorizadas pela CONTRATANTE; b.2) transportar cargas não disponibilizadas pela CONTRATANTE; b.3) motorista trajado indevidamente; PGE LTR-SPI /67

40 b.4) utilização de veículo com capacidade de carga inferior à especificada; b.5) veículo operando em desacordo com as especificações técnicas exigidas; c) não realização dos trechos programados, por falta de veículo: 60% (sessenta por cento) do valor do trecho, além de não caber qualquer pagamento; d) na ocorrência de irregularidades que caracterizem crimes ambientais ou de qualquer outra natureza (transporte de animais silvestres, plantas, armas, drogas ou congêneres), sem prejuízo das demais cominações contratuais e legais: 100% (cem por cento) do valor do trecho previsto, por evento; e) na rescisão do Contrato, com base nas hipóteses previstas nas alíneas a a m do subitem deste Instrumento, será aplicada multa de 20% (vinte por cento) do valor global atualizado deste Instrumento; f) não-apresentação/reposição/complementação da garantia de execução contratual, após o limite do prazo constante na alínea d do subitem , na forma estabelecida neste Instrumento: 20% (vinte por cento) do valor total da garantia prestada, quando for o caso As multas de mora são independentes entre si, podendo ser aplicadas isoladamente ou cumulativamente e estão limitadas a 20% (vinte por cento) do valor global atualizado deste Instrumento As demais multas são independentes entre si, podendo ser aplicadas isoladas ou cumulativamente, ficando, porém, o total das multas limitado ao valor global atualizado deste Instrumento As multas de mora e demais multas são independentes entre si, podendo ser aplicadas isoladas ou cumulativamente, ficando, porém, o total das multas limitado ao valor global atualizado deste Instrumento Em caso de descumprimento deste Contrato, além das penalidades acima previstas, a CONTRATADA responderá a título de indenização complementar, nos termos do Parágrafo Único do Art. 416 do Código Civil, por quaisquer danos, prejuízos e lucros cessantes sofridos pela CONTRATANTE Não serão aplicadas multas decorrentes de casos fortuitos, força maior ou razões de interesse público, devidamente comprovados O valor da multa e os prejuízos causados pela CONTRATADA serão executados pela CONTRATANTE, nos termos das alíneas do subitem 9.6. deste Instrumento Impedimento de licitar e contratar com a União e descredenciamento no SICAF, pelo período de até 05 (cinco) anos, nos seguintes casos: a) não-manutenção de situação regular em relação à documentação de habilitação; b) se a CONTRATADA der causa à rescisão unilateral deste Contrato, por descumprimento de suas obrigações; c) apresentação de documentos falsos ou falsificados; d) cometimento de falhas ou fraudes na execução deste Contrato As penalidades serão aplicadas com observância aos princípios da ampla defesa e do contraditório As sanções de advertência e impedimento de licitar e contratar com a União poderão ser aplicadas juntamente com as de multa, facultada a defesa prévia da CONTRATADA, no prazo de 5 (cinco) dias úteis, a contar do recebimento da comunicação das mesmas, cujas razões, em sendo procedentes, poderão isentá-la das penalidades; caso contrário aplicar-se-á a sanção cabível. PGE LTR-SPI /67

41 8.4. Da aplicação das penalidades previstas nesta Cláusula caberá recurso O recurso será dirigido à autoridade superior, por intermédio da que praticou o ato recorrido, a qual poderá reconsiderar sua decisão, no prazo de 5 (cinco) dias úteis ou, neste mesmo prazo, fazê-lo subir, devidamente informado, para decisão As penalidades serão registradas no SICAF. CLÁUSULA NONA - DA RESCISÃO 9.1. O presente Contrato poderá ser rescindido, sem prejuízo das penalidades previstas na Cláusula Oitava: Por ato unilateral da CONTRATANTE, quando ocorrer: a) o não-cumprimento ou cumprimento irregular de Cláusulas contratuais, especificações técnicas, projetos ou prazos; b) a lentidão do seu cumprimento, levando a CONTRATANTE a comprovar a impossibilidade da conclusão do serviço, nos prazos estipulados; c) atraso injustificado na execução dos serviços; d) paralisação do serviço, sem justa causa e prévia comunicação à CONTRATANTE; e) não-manutenção das condições de habilitação exigidas na licitação; f) descumprimento do disposto no Inciso V do Art. 27 da Lei 8.666/93, sem prejuízo das sanções penais cabíveis; g) subcontratação total do objeto deste Contrato; h) subcontratação parcial do objeto deste Contrato, quando prevista em edital, associação da CONTRATADA com outrem, cessão ou transferência, total ou parcial, bem como a fusão, cisão ou incorporação, sem expressa anuência da CONTRATANTE; i) desatendimento das determinações regulares da autoridade designada para acompanhar e fiscalizar a sua execução, assim como, a de seus superiores; j) cometimento de falhas na execução deste Contrato; k) decretação de falência da CONTRATADA; l) dissolução da sociedade da CONTRATADA; m) alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da CONTRATADA, que prejudique a execução deste Contrato; n) razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento, justificadas e determinadas pela máxima autoridade da esfera administrativa a que está subordinada a CONTRATANTE e exaradas no processo administrativo a que se refere este Contrato; o) caso fortuito ou força maior, regularmente comprovados, impeditivos da execução deste Contrato Amigavelmente, por acordo entre as partes, desde que haja conveniência para a CONTRATANTE, reduzida a termo no Processo Administrativo. PGE LTR-SPI /67

42 Judicialmente, nos termos da legislação É prevista a rescisão, ainda, nos seguintes casos: COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI a) supressão, por parte da CONTRATANTE, acarretando modificação além do limite de 25% (vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado deste Contrato, estabelecido à época da celebração deste Instrumento, devidamente corrigido até a data da supressão, ressalvados os casos de concordância da CONTRATADA; b) suspensão de sua execução, por ordem escrita da CONTRATANTE, por prazo superior a 120 (cento e vinte) dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda, por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório de indenização pelas sucessivas e contratualmente imprevistas desmobilizações e mobilizações e outras previstas, assegurado à CONTRATADA, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; c) ocorrendo atraso superior a 90 (noventa) dias dos pagamentos devidos pela CONTRATANTE, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, assegurado à CONTRATADA o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação Os casos de rescisão contratual serão formalmente motivados nos autos do Processo Administrativo, assegurado o contraditório e a ampla defesa A rescisão unilateral ou amigável deverá ser precedida de autorização escrita e fundamentada da Autoridade Competente Quando a rescisão ocorrer com base nas alíneas n e o do subitem e alíneas a, b e c do subitem 9.2., sem que haja culpa da CONTRATADA, será esta ressarcida dos prejuízos regularmente comprovados que houver sofrido, se for o caso A rescisão por ato unilateral da CONTRATANTE, exceto quando se tratar de casos fortuitos, força maior ou razões de interesse público, acarretará as seguintes consequências, sem prejuízo das sanções previstas em lei ou neste instrumento: a) retenção dos créditos decorrentes deste Contrato, até o limite dos prejuízos causados à CONTRATANTE; b) retenção dos créditos existentes em outras contratações, porventura vigentes entre a CONTRATANTE e a CONTRATADA, até o limite dos prejuízos causados; c) retenção/execução da garantia contratual, quando essa exigência estiver contida nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento, para ressarcimento da CONTRATANTE dos valores das multas e indenizações a ela devidos Caso a retenção não possa ser efetuada, no todo ou em parte, na forma prevista nas alíneas acima, a CONTRATADA será notificada para, no prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar do recebimento da notificação, recolher o respectivo valor em Agência indicada pela CONTRATANTE, sob pena de imediata aplicação das medidas judiciais cabíveis. CLÁUSULA DÉCIMA - DA VIGÊNCIA 10.1 Conforme disposto nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento. CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA DA GARANTIA DE EXECUÇÃO CONTRATUAL A CONTRATADA comprovará, quando essa exigência estiver contida nas Condições Específicas da Contratação deste Instrumento, no prazo de 10 (dez) dias úteis a contar da data da publicação do extrato PGE LTR-SPI /67

43 do Contrato no Diário Oficial da União, a efetivação da garantia de execução contratual, em percentual equivalente a 5% (cinco por cento) do valor global deste Contrato, podendo optar por uma das seguintes modalidades: a) caução em dinheiro ou títulos da dívida pública, devendo estes ter sido emitidos sob a forma escritural, mediante registro em sistema centralizado de liquidação e de custódia autorizado pelo Banco Central do Brasil e avaliados pelos seus valores econômicos, conforme definido pelo Ministério da Fazenda; b) seguro-garantia; c) fiança bancária Caso não seja apresentada garantia até o dia do primeiro pagamento, o valor correspondente será retido para a constituição da mesma sob a modalidade caução em dinheiro O desconto no pagamento para constituição da garantia não afasta a aplicação da penalidade cabível pelo atraso, prevista na Cláusula Oitava deste Instrumento A CONTRATADA poderá a qualquer tempo, solicitar a substituição da garantia contratual por outra modalidade, conforme previsto na Cláusula Sétima deste Instrumento Quando apresentada Carta de Fiança ou Apólice de Seguro-Garantia, é indispensável que a cobertura da garantia alcance todas as obrigações previstas em Contrato, principal e acessória A CONTRATADA poderá apresentar mais de 01 (uma) apólice para o atendimento integral das obrigações contratadas A garantia só será aceita, e a exigência contratual atendida, após a cobertura integral das obrigações pactuadas neste instrumento Se a opção da garantia recair em seguro garantia ou fiança bancária, no título apresentado deverá constar expressamente: a) cobertura da responsabilidade decorrente de aplicação de multas de caráter punitivo; b) cobertura da responsabilidade decorrente de desrespeito às obrigações previdenciárias, fiscais, trabalhistas e comerciais resultantes da execução do Contrato; c) vigência da garantia, observado o prazo previsto no subitem 11.5; d) cláusulas de inalienabilidade e de irrevogabilidade; e) cláusula de renúncia do fiador aos benefícios dos artigos 827 e 835 do Código Civil Brasileiro, somente para Fiança Bancária. f) o prazo máximo de pagamento da indenização de 30 (trinta) dias A Carta de Fiança ou Apólice de Seguro-Garantia deverá ser acompanhada do rol exaustivo da documentação necessária à caracterização do sinistro para fins de indenização A validade da garantia deverá ultrapassar em 90 (noventa) dias a vigência do contrato de que trata a Cláusula Décima. PGE LTR-SPI /67

44 11.6. No caso de haver acréscimo no valor deste Contrato, a CONTRATADA se obriga a fazer a complementação da garantia no prazo máximo de 72 (setenta e duas) horas, a contar da data da publicação do extrato do Termo Aditivo no Diário Oficial da União Se o valor da garantia for utilizado em pagamento de quaisquer obrigações, inclusive indenização a terceiros, a CONTRATADA se obriga a fazer a respectiva reposição, no prazo máximo e improrrogável de 72 (setenta e duas) horas, a contar da data que for notificada pela CONTRATANTE A garantia prestada será liberada ou restituída após cessadas todas as obrigações assumidas pela CONTRATADA A garantia, quando prestada em dinheiro, será liberada ou restituída atualizada monetariamente com base na variação pro rata tempore do IGP-M (FGV), verificada entre a data da prestação efetiva e a da devolução. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA DA CONTRATAÇÃO E SUBORDINAÇÃO LEGAL As partes CONTRATANTES submetem-se às condições ora acordadas e aos ditames da Lei /02 e o Decreto 5.450/05 e, subsidiariamente, da Lei 8.666/93, Lei Complementar 123/06, Lei / Constituirão partes integrantes deste Contrato: o Edital, seus Anexos, e a Proposta Econômica da CONTRATADA A CONTRATANTE providenciará a publicação do extrato do presente Contrato na imprensa oficial, nos termos da legislação vigente. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA DO FORO É competente o Foro da Justiça Federal, Seção Judiciária de Bauru/SP, para dirimir quaisquer dúvidas, porventura oriundas do presente Contrato. E, por estarem justas e CONTRATADAS assinam as partes o presente Contrato, em 02 (duas) vias de igual teor e forma e para um só efeito de direito, na presença de 02 (duas) testemunhas abaixo assinadas. Bauru,... de... de PELA CONTRATANTE NOME/CARGO PELA CONTRATADA NOME/CARGO TESTEMUNHAS: 1) NOME: CPF: 2) NOME: CPF: PGE LTR-SPI /67

45 FICHA(S) TÉCNICA(S) DA(S) LINHAS(S) APÊNDICE 1 DO CONTRATO PGE LTR-SPI /67

46 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

47 FATV - FICHA DE AVALIAÇÃO TÉCNICA DE VEÍCULO APÊNDICE 2 DO CONTRATO PGE LTR-SPI /67

48 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

49 REGISTRO DIÁRIO DE VIAGENS E OCORRÊNCIAS RDVO APÊNDICE 3 DO CONTRATO REGISTRO DIÁRIO DE VIAGENS E OCORRÊNCIAS RDVO (LTR e LTN) EMPRESA EXECUTANTE Nº DA FOLHA / CÓDIGO DA LINHA Nº DA VIAGEM DATA DE INÍCIO DATA DE TÉRMINO MATRÍCULA OU RG CONDUTOR PLACA OU IDENTIFICAÇÃO ITINERÁRIO HODÔMETRO 1 : : 2 : : 3 : : 4 : : 5 : : 6 : : 7 : : 8 : : 9 : : 10 : : 11 : : 12 : : 13 : : 14 : : 15 : : C A R G A HORÁRIO CÓDIGO E M B A R Q U E D E S E M B A R Q U E ATRASO CHEGADA PARTIDA CDL CAF MA ML CX OBJ. CDL CAF MA ML CX OBJ. LEGENDA: CDL CONTEINER DESMONTÁVEL LEVE CAF CONTEINER ARAMADO FIXO MA MALA ML MALOTE CX - CAIXETA OBJ. OBJETOS SIMPLES E REGISTRADOS A DESCOBERTO C Ó D I G O S D E A T R A S O (C- PROBLEMAS NA RODOVIA (C-5) PNEU FURADO (P-1) EXCESSO DE CARGA (P-5) AGUARDANDO CARGA / DESCARGA (C- 1) PROBLEMAS CLIMÁTICOS (C-6) VEÍCULO RETIDO PELA POLÍCIA (P-2) EFETIVO REDUZIDO (P-6) MANUTENÇÃO DO VEÍCULOS (C- 2) PROBLEMAS MECÂNICOS / ELÉTRICOS (C-7) S/ JUSTIFICATIVA P/ TRANSPORTADORA (P-3) CARGA MAL ACONDICIONADA (P-7) S/ JUSTIFICATIVA PELA ECT + A52 (C- 3) CANCEL. PARADA POR ORDEM DA ECT (P-4) ATEND. SIMULT. A OUTRAS LINHAS (0-0) OUTROS: FW0033/03 4) PGE LTR-SPI /67

50 ABAST. INTERNO ABASTECIMENTO EXTERNO HODÔMETRO QUANT. (em litros) QUANT. (em litros) VALOR ( R$ ) NOME DO POSTO 1 2º 3º º Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) Nº DO(S) SELO(S) TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: TRAS: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: LAT: RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA RUBRICA OCORRÊNCIAS: CUBAGEM INFERIOR A m³ SEM PINTURA PADRONIZADA TONELAGEM INFERIOR A t INFILTRAÇÃO DE ÁGUA / POEIRA VIAGEM EXTRA SEM A LEGENDA A SERVIÇO DA ECT HODÔMETRO QUEBRADO PROBLEMAS DE ILUM. INTERNA DO BAÚ BAÚ S/ SEGURANÇA P/ CARGA APRES. PESSOAL FORA DOS PADRÕES OBSERVAÇÕES: INSTRUÇÃO AO CONDUTOR: Havendo necessidade, motivada por acidente ou outro imprevisto, ligar para o fone: ASSINATURA DO CONDUTOR ASSINATURA DO CHEFE DA UNIDADE (ATESTO DAS INFORMAÇÕES) PGE LTR-SPI /67

51 ANEXO 2 APENDICE 1 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DA LINHA 1. Número das Linhas: LTR-SPI Quantidade de Veículos (QV): 01 (Um) 1.2. Capacidade dos Veículos (tonelagem e cubagem): 7,5 Toneladas / 42m³ 1.3. Carga horária da linha*: 286: Data de ativação: 08/12/ Quilometragem diária prevista: ª a 6ª feira: 455 km Sábado: 116 km 1.6. Quilometragem Mensal Prevista Total: ,00 km 1.7. Pontos principais de parada e horários: Conforme Fichas Técnicas 1.8. Acessórios: Telefone Celular: Sim Rastreamento e Monitoramento: Não Piso roletado: Não Sistema de Posicionamento Global (GPS): Sim Plataforma Hidráulica Retrátil: Sim com capacidade para kg, medindo 1,80m de comprimento e 2,40m de largura. * Considerar carga horária normal de trabalho mensal por motorista 190:40, conforme Manual de Transporte da ECT - Módulo 12 Capitulo 1. PGE LTR-SPI /67

52 APÊNDICE 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS CAMINHÃO 7,5 TONELADAS ANEXO ESPECIFICAÇÕES BÁSICAS: 1.1. Ano de fabricação: Serão aceitos somente veículos novos (zero km) Equipamentos: Os veículos deverão ser apresentados com os equipamentos, acessórios e itens de segurança exigidos e permitidos pelo CTB - Código de Trânsito Brasileiro e pelo CONTRAN Conselho Nacional de Trânsito Emissão de poluentes: Os veículos deverão atender às normas e aos limites de emissão de poluentes estabelecidos pelo PROCONVE Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores. Deverão ainda possuir a LCVM Licença para Uso da Configuração do Veículo ou Motor, exigida pelo IBAMA Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis Cor e Programação Visual: Os veículos deverão ser apresentados na cor amarela padrão ECT (Correios), na cabine e no baú, devendo receber identificação visual (adesivos e inscrições) conforme especificado pelo Guia Técnico para Projetos de Comunicação Visual da ECT (APÊNDICE 2 do ANEXO 2, item 1 a 5), podendo ser feita por adesivação ou pintura Telefone celular: os veículos deverão ser dotados de aparelho de telefone celular, sem ônus para a ECT, visando estabelecer, a qualquer momento, contato entre os motoristas, a CONTRATANTE e a CONTRATADA Sistema de Posicionamento Global (GPS): os veículos deverão ser dotados de aparelho de GPS, sem ônus para a ECT, permitindo ao motorista traçar percursos e rotas constantes na Ficha Técnica. 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS: Características gerais: veículo automotor destinado ao transporte de carga postal entre unidades operacionais e de/para grandes clientes. Tal carga poderá ser compreendida por até dois paletes aeronáuticos, carga unitizada em contêineres aramados ou desmontáveis leves ou ainda unitizada em caixetas ou outro tipo de unitizador DETALHAMENTO DAS CARACTERÍSTICAS DO CAMINHÃO PARA 7,5 TONELADAS: Estado do veículo (chassi e baú): Serão aceitos somente veículos em perfeitas condições técnicas e de operação e que ofereçam segurança e garantia da integridade da carga transportada Tipo: Caminhão com carroceria tipo baú para transporte de carga postal. PGE LTR-SPI /67

53 Capacidade de carga útil (lotação) / PBT: Mínimo de kg (sete mil e quinhentos quilos) / mínimo de kg (dezesseis mil quilos). A lotação é definida como o Peso em Ordem de Marcha + Peso da Carroceria/Implementos subtraídos do PBT (Peso Bruto Total) A aferição da comprovação da capacidade de carga útil / PBT será efetuada através da plaqueta original do fabricante do baú, afixada no mesmo, e dados apresentados no CRLV do veículo. Não será aceito para esta finalidade pintura aposta na cabine do caminhão ou no baú Motor: ciclo Diesel Potência do motor: A potência do motor deverá atingir, no mínimo, 170 CV, conforme ABNT ISO1585: Veículos Rodoviários Código de Ensaio de Motores Potência Líquida Efetiva Relação potência/peso: A relação Potência Máxima / Peso Bruto Total deverá ser, no mínimo, 10 CV/t. Entende-se por Peso Bruto Total (PBT), a soma do peso do veículo em ordem de marcha e a Carga Útil (lotação). A Carga Útil, por sua vez, inclui a carga transportada propriamente dita, o condutor e acompanhante(s) Velocidade máxima à rotação máxima: a partir de 95 km/h Tração: 4 x Pneus e rodas: os pneus (inclusive sobressalente) deverão possuir capacidade de carga e código de velocidade compatível com o veículo e carga a ser transportada Pneus sobressalentes: o veículo deverá possuir um conjunto roda/pneu sobressalente completo Pressurização automática dos pneus: O veículo deverá estar dotado de sistema automático de regulagem de pressão dos pneus com manômetros indicadores e alarme da perda de pressão Freios: O sistema de freio de serviço deverá ser pneumático de duplo circuito. O freio de estacionamento deverá ser do tipo Spring Brake Retrovisores externos: deverá estar equipado com retrovisor externo do lado direito conforme exigido e permitido pelo Código de Trânsito Brasileiro e pelo CONTRAN Conselho Nacional de Trânsito. Os retrovisores deverão ser instalados com braços prolongadores adequados à largura do baú de forma a permitir a retrovisão adequada DETALHAMENTO DAS CARACTERÍSTICAS DA CARROCERIA (BAU): Caixa de Carga: O baú deverá ser estruturado em perfis de duralumínio. A união das chapas deverá conter calafetante para vedação e impermeabilização, de forma que não permita infiltrações no baú Pintura da Caixa de Carga: deverá ser feita na cor Amarelo - ECT (Padrão Correios). PGE LTR-SPI /67

54 Assoalho: O assoalho deverá ser construído em chapa de aço carbono com superfície antiderrapante ( pé-de-galinha ), com capacidade para suportar cargas transportadas por paleteiras ou transpaleteiras elétricas (apoio pontual) de no mínimo kgf. A largura e a altura internas não poderão ser inferiores à estabelecida para o vão livre da porta. Deverá ser pintado na mesma cor externa do baú Portas traseiras: O baú não deverá possuir porta lateral. A porta traseira deverá ser do tipo 02 folhas, estruturada em perfis de duralumínio, com abertura total (270º), revestida externamente em chapa lisa de duralumínio de, no mínimo, 0,8 mm de espessura, semelhante às utilizadas nas laterais externas do baú, de forma a preservar a homogeneidade do conjunto, com trava e fecho para colocação de cadeado metálico e lacre de segurança. O sistema de fechamento deverá utilizar haste externa, dotada de excêntrico (tipo gancho), superior e inferior. Deverá ainda possuir fixadores metálicos ou plásticos para que se mantenha travada na posição de abertura máxima (270º), batente de proteção para evitar danos nas laterais quando da abertura das portas. As dobradiças de ambas as folhas da porta deverão ter os pinos soldados, de forma a impedir a remoção da porta. O quadro traseiro deverá ser paleteiro Iluminação Interna: seis luminárias fluorescentes 2 x 15 Watts (mín.), com acendimento simultâneo pela cabina e não dependentes de outros sistemas de iluminação do veículo, com sinal luminoso de advertência no painel para indicar que a iluminação está acesa. As luminárias deverão ser fixadas no teto conforme ilustração do subitem Erro! Fonte de referência não encontrada.10.4 Iluminação interna do baú, de forma a garantir uma altura livre de no mínimo 2,59 m em relação ao nível do assoalho Revestimento interno - proteção dos painéis: as laterais e painel dianteiro do interior do baú deverão possuir rodapé em compensado à prova d água de 30 cm de altura, 15 mm de espessura, recoberto com chapa de aço lisa, cujo acabamento na sua extremidade, junto ao quadro traseiro, seja alinhado com o mesmo, com vedação total em sua extremidade superior, garantindo a inexistência de frestas entre o rodapé e a lateral do baú. Para que não ocorra nenhum espaço entre essa proteção e o painel lateral da carroceria, no vão deverá ser instalado perfil em Z ou L, com vedação composta de produto adesivo e selante à base de poliuretano ( sikaflex ou similar). Tal proteção deverá ser pintada na cor cinza claro ou galvanizada. A camada de adesivo/selante deverá ser prolongada verticalmente sobre os painéis dianteiro e lateral, até cerca de 5 mm, de forma a garantir a inexistência de frestas. Também, não deverá haver frestas entre tais painéis e o assoalho de carga. Como opção, poderá ser instalado perfil nervurado em chapa galvanizada com espessura mínima de 1,25 mm, fixado na estrutura lateral por parafusos e com acabamento plástico na parte superior, encaixado na extremidade superior do perfil nervurado e prensado na lateral do baú de maneira que não ocorra nenhum espaço entre a chapa lateral e o referido perfil nervurado. Para garantia de maior vedação deverá ser aplicado entre o perfil nervurado e o acabamento plástico adesivo/selante à base de poliuretano ao longo do seu comprimento. Ainda no painel dianteiro, deverá ser instalada chapa de aço com espessura mínima de 6 mm (1/4 ), pintada na cor amarela e 400 mm de altura a partir do assoalho em toda a largura do painel frontal visando resistir aos impactos dos garfos das paleteiras, durante os procedimentos de carga/descarga dos contêineres. Acima deste ponto, devem ser instalados três perfis ondulados, iguais aos utilizados no acabamento interno, até a altura de 1,3 metros, a fim de oferecer proteção contra os impactos da carga. PGE LTR-SPI /67

55 A partir desta proteção até o teto, deverá possuir perfis ondulados em aço galvanizado, largura mínima de 70 mm, medida mínima da ondulação de 15 mm e espaçamento máximo de 250 mm. Essa proteção deverá ser intercalada com o barramento perfurado de posicionamento das barras de travamento da carga Amarração da carga: Nas laterais, no sentido longitudinal, centralizado nas alturas de 0,80 e 1,60 metros a partir do assoalho da carroceria e alinhado aos perfis metálicos, deverá haver barramento perfurado, com espaçamento entre furos de 200 mm, para posicionamento de cinta de amarração para fixação da carga. Deverão ser fornecidas 02 (duas) cintas de amarração, conforme especificado a seguir. ganchos nas extremidades para acoplamento no barramento perfurado; catraca de tensionamento com dispositivo de travamento; dispositivo de rápido destravamento da catraca. Largura mínima de 50 mm. Comprimento total de mm (1.300 mm na parte fixa) Outros: externamente ao baú, deverá conter: porta estepe(s) com dispositivo de trava, escada retrátil no quadro traseiro (acesso ao baú pela porta esquerda). Pegamãos no quadro traseiro, lados direito e esquerdo (sem comprometer a área livre do quadro) DETALHAMENTO DAS CARACTERÍSTICAS DA TRAVA PARA AS PORTAS DE BAÚ DE CAMINHÃO: Finalidade - trava para baú de caminhão destinado ao transporte de cargas postais, materiais e equipamentos entre unidades operacionais, de/para clientes em linhas contratadas. o Porta Traseira Localização aproximada da trava PGE LTR-SPI /67

56 Detalhamento construtivo da trava de segurança para portas de baú de caminhão: trava de Segurança para portas de baú de caminhão, instalada nas hastes de abertura das portas traseiras do baú de carga, visando dificultar ações de arrombamento para extravios da carga: Trava construída em aço carbono, pintada em esmalte sintético, cor prata, constituída por dois perfis em U, sendo uma fixa e outra deslizante em perfil I, conforme segue: 1) Perfil U : espessura mínima de 5 mm, comprimento mínimo de 110 mm, largura interna 45 a 50 mm e altura interna 75 a 80 mm; 2) Perfil em I perfurado, também construído em aço carbono, comprimento mínimo de 550 mm, perfil I (40 x 40 x 5 mm). Os furos devem ter diâmetro mínimo de 12 mm, espaçamento entre centros mínimo de 20 mm. Pino elástico no final do curso; 3) Aplicação da trava: o perfil U' móvel deve deslizar no perfil I até abraçar as hastes de abertura das portas e permitir a colocação de cadeado de latão maciço; 4) Cadeado: Cadeado de latão maciço, com haste em aço cementado e cromado com diâmetro mínimo da haste de travamento de 10 mm, dimensão mínima de 60 mm (largura), dupla trava, chave tipo Yale ou Tetra Chave. OBS.: A remoção da trava e a conseqüente abertura da porta somente deve ser possível com a abertura e retirada do cadeado. DIMENSÕES GERAIS DO PERFIL U : 75 mm 45 mm 110 mm PGE LTR-SPI /67

57 DIMENSÕES DO BAÚ - CAMINHÃO PARA KG: A D C B CAPACIDADE VOLUMÉTRICA: 42,00 m³; LOTAÇÃO KG. A= Comprimento interno mínimo = 6,50 m, ajustado conforme dimensões e capacidades de carga do chassi de maneira a assegurar correta distribuição de carga nos eixos; B= Altura do solo à face superior do piso do baú: - Máxima descarregado: de 1,25 a 1,32 m - Mínima carregado: de 1,10 a 1,25 m C= Altura mínima do vão livre da porta = 2,62 m D= Largura mínima do vão livre da porta = 2,47 m Número de posição de contêineres aramados*: 24. *Obs: Considerado o peso médio de 330 kg por contêiner aramado carregado. Obs.: A largura interna não poderá ser inferior à estabelecida para o vão livre da porta Iluminação interna do baú: PGE LTR-SPI /67

58 PLATAFORMA HIDRÁULICA CONVENCIONAL / RETRÁTIL: CAPACIDADE DE ELEVAÇÃO MÍNIMA DE 1000 e 1500 kg Características gerais: plataforma elevatória de carga veicular instalada na traseira do veiculo, atendendo as características constantes da Tabela 1 (figura abaixo), em função de capacidade mínima de carga útil dos veículos. Quando houver exigência de plataforma hidráulica, deverão apresentar as seguintes especificações: Tabela 1 - Dimensões da Plataforma elevatória em função do tipo de caminhão Características de plataforma elevatória de carga veicular Capacidade de elevação de carga mínima (kg) Capacidade de carga útil mínima do caminhão (kg) (curto ou longo) Tipo de Plataforma Convencional Retrátil Largura mínima da mesa (mm) Comprimento mínimo Detalhamento das características das plataformas convencional / retrátil: Plataforma elevatória de carga com acionamento eletro-hidráulico em 12 ou 24 VCC (Volts em corrente contínua), altura mínima de elevação até o assoalho do baú do caminhão e com área de trânsito em chapa antiderrapante. Capacidade de tráfego mínima sobre a mesa apoiada em doca de kg. O equipamento deverá possuir roletes para minimizar o atrito da mesa com o solo e interruptor geral que interrompe a alimentação elétrica da unidade de comando. Elevação de carga mínima a 600 mm (a partir do início da mesa), funcionamento através de cilindros hidráulicos, camisas de aço trefilado sem costura, com hastes retificadas e revestidas de cromo duro ou submetidas a Nitro-carbonetação em banho de sal, com posterior oxidação, velocidade máxima de elevação de 0,1 m/s, válvulas de segurança contra ruptura de mangueiras, com área de trânsito em chapa antiderrapante, tipo pé-de-galinha PGE LTR-SPI /67

59 APÊNDICE 03 ANEXO 02 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DA PELÍCULA AUTO-ADESIVA PGE LTR-SPI /67

60 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

61 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

62 APÊNDICE 04 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DA COMUNICAÇÃO VISUAL ANEXO 02 PGE LTR-SPI /67

63 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

64 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

65 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

66 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

67 PGE LTR-SPI /67 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/DR/SPI

OBJETO: SERVIÇO DE AGENCIAMENTO DE RESERVAS DE HOSPEDAGENS NO MUNICÍPIO DE JUNDIAÍ/SP.

OBJETO: SERVIÇO DE AGENCIAMENTO DE RESERVAS DE HOSPEDAGENS NO MUNICÍPIO DE JUNDIAÍ/SP. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 15000021/2015 DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO OBJETO: SERVIÇO DE AGENCIAMENTO DE RESERVAS DE HOSPEDAGENS NO MUNICÍPIO DE JUNDIAÍ/SP. A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 15000137/2015 - AC TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 15000137/2015 - AC TIPO: MENOR PREÇO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 15000137/2015 - AC TIPO: MENOR PREÇO PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PRESTADORA DE ALIMENTAÇÃO COLETIVA NOS TERMOS DO INCISO II, ARTIGO 12º DA PORTARIA

Leia mais

AQUISIÇÃO DE ELETROELETRÔNICOS E ELETRODOMÉSTICOS

AQUISIÇÃO DE ELETROELETRÔNICOS E ELETRODOMÉSTICOS EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 14000177/2014 DR/SPI AQUISIÇÃO DE ELETROELETRÔNICOS E ELETRODOMÉSTICOS COM DIFERENCIAL DE ICMS SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS TIPO: MENOR PREÇO A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS

Leia mais

AQUISIÇÃO DE BENS COM DIFERENCIAL DE ICMS

AQUISIÇÃO DE BENS COM DIFERENCIAL DE ICMS EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 14000113/2014 DR/SC AQUISIÇÃO DE BENS COM DIFERENCIAL DE ICMS TIPO: MENOR PREÇO AQUISIÇÃO DE SUPORTE PARA GUARDA E RECARGA DE CELULAR, POR MEIO DO SISTEMA DE REGISTRO DE

Leia mais

Adequação de Seis Unidades de Atendimento - Reven 11 e Reven 12 - DR/SPM

Adequação de Seis Unidades de Atendimento - Reven 11 e Reven 12 - DR/SPM EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N o 14000283 GERAD/DR/SPM TIPO: MENOR PREÇO Adequação de Seis Unidades de Atendimento - Reven 11 e Reven 12 - DR/SPM A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS - ECT Empresa

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni torna público

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul.

Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul. LEI Nº 13.179, DE 10 DE JUNHO DE 2009 Business Online Comunicação de Dados Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul. A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Faço

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará, às 15 horas do dia 16 de julho de 2009, licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO, conforme autorização da Senhora Chefe do DEAFI,

Leia mais

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 A UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Curitiba,

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 14000246/2014-DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO COM DIFERENCIAL DE ICMS PARA OS ITENS DE MATERIAIS

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 14000246/2014-DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO COM DIFERENCIAL DE ICMS PARA OS ITENS DE MATERIAIS EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 14000246/2014-DR/SPI TIPO: MENOR PREÇO COM DIFERENCIAL DE ICMS PARA OS ITENS DE MATERIAIS PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANOBRA, ADEQUAÇÕES ÀS NORMAS DA ABNT NNBR-14039 E NBR

Leia mais

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license.

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license. DECRETO Nº 5.450, DE 31 DE MAIO DE 2005 Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

Instruções para Cotação Eletrônica 152/2014

Instruções para Cotação Eletrônica 152/2014 Instruções para Cotação Eletrônica 152/2014 (Inciso II do Art. 24 da Lei nº 8.666/93 c/c Portaria nº 306, de 13 de dezembro de 2001). A União, por intermédio do Instituto Nacional de Câncer José Alencar

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 009/2015

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 009/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 009/2015 TIPO: MENOR PREÇO OBJETO: Prestação de serviço de Produção/Organização de evento de Integração/Bem Estar no Trabalho - Festival Nacional de Música, Jogos Internos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº.

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 67/2009 Processo nº: 23000.086744/2009-55 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO

Leia mais

Manual da Central de Compras

Manual da Central de Compras Sistema de Compras Eletrônicas - COE Manual da Central de Compras Portal Compras RS Portal Pregão On-Line Banrisul Portal Compras PROCERGS Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Administração

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA COTAÇÃO ELETRÔNICA 150/2015. (Inciso II do Art. 24 da Lei nº 8.666/93 c/c Portaria nº 306, de 13 de dezembro de 2001).

INSTRUÇÕES PARA COTAÇÃO ELETRÔNICA 150/2015. (Inciso II do Art. 24 da Lei nº 8.666/93 c/c Portaria nº 306, de 13 de dezembro de 2001). Fl. Rub. INSTRUÇÕES PARA COTAÇÃO ELETRÔNICA 150/2015 (Inciso II do Art. 24 da Lei nº 8.666/93 c/c Portaria nº 306, de 13 de dezembro de 2001). A União, por intermédio do Instituto Nacional de Câncer José

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, CONFORME ANEXO I DO EDITAL. O MUNÍCIPIO DE CACHOEIRINHA,

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000183/2011-59

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000183/2011-59 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000183/2011-59 1. DA JUSTIFICATIVA 1.1 Dotar de melhores condições de trabalho a sala 12, da SUREG/AM, na qual atuam os empregados designados para compor

Leia mais

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 PROCESSO : 50600.000884/2006-13 Tipo de Licitação:

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO

COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

ESTADO DO PARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2010/010

ESTADO DO PARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2010/010 1 O, por intermédio do TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS, doravante denominado TCM/PA, CNPJ nº 04.789.665/0001-87, com sede na Travessa Magno de Araújo nº 474, bairro do Telégrafo na cidade de Belém, Estado

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 15/2014 PROCESSO N.º 23341.000141/2014-71

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 ATA DO REGISTRO DE PREÇOS CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DE PRESTAÇÃO DE

Leia mais

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO SELEÇÃO PÚBLICA Nº: 075/2015 PROCESSO Nº 6389/2015/FAPEPE INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO DATA MÁXIMA PARA ENVIO DA PROPOSTA ELETRÔNICA: 05/06/2015 às 16H00min. DATA SESSÃO DE

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo:

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo: A Superintendência de Seguros Privados SUSEP, no Estado do Rio de Janeiro, mediante Pregoeiro designado pela Portaria SUSEP n 2.527, de 11 de outubro de 2006, torna público que realizará às 14 (catorze)

Leia mais

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5.

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5. TERMO DE REFERÊNCIA I DO OBJETO 1.1. Contratação de pessoa jurídica especializada para prestação de serviço de limpeza e desinfecção de caixa d água para subseção de Dourados/MS do Coren/MS, conforme as

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 O DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE torna público para conhecimento

Leia mais

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0 PREGÃO PE - 31/2015 - SULGÁS A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul - SULGÁS torna público, através de seu Pregoeiro designado, que realizará licitação por meio da utilização de recursos de

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia -, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni designado pela Ordem

Leia mais

ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO...

ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO... ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO...6 5ESCLARECIMENTO E IMPUGNAÇÃO DO ATO CONVOCATÓRIO...7 6ENVIO DA PROPOSTA

Leia mais

Estado de Rondônia Prefeitura do Município de Alto Paraíso/RO Comissão Permanente de Licitação - CPL

Estado de Rondônia Prefeitura do Município de Alto Paraíso/RO Comissão Permanente de Licitação - CPL EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 039/CPL/2015 PROCESSO N.º 1-191/2015 1. PREÂMBULO (Art. 40º da Lei nº 8.666/93) - (Art. 3º, IV e 4º; VI Lei nº 10.520/02). 1.1 O Município de Alto Paraíso Estado de Rondônia,

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS n.º 25 /2014 PROCESSO n.º 62/2013 (Protocolo nº 6.007). PREGÃO ELETRÔNICO n.º 49/2013 VALIDADE: 12 (doze) meses Aos quatorze dias do mês de abril do ano de dois mil e quatorze,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005. PESSOA JURÍDICA: ENDEREÇO: CNPJ DA PESSOA JURÍDICA:

Leia mais

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006. PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos

Leia mais

LICITAÇÃO COM RESERVA DE COTA DE ATÉ 25% PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 34/2015

LICITAÇÃO COM RESERVA DE COTA DE ATÉ 25% PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 34/2015 LICITAÇÃO COM RESERVA DE COTA DE ATÉ 25% PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 34/2015 A FUNDAÇÃO DE ATENDIMENTO SÓCIOEDUCATIVO DO PARÁ - FASEPA, inscrita no CNPJ sob o nº 84.154.186/0001-23,

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL N.º 013/2016 TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL N.º 013/2016 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL N.º 013/2016 TIPO: MENOR PREÇO SERVIÇO DE GUARDA, EXPEDIÇÃO E RECEBIMENTO DE CARGA POSTAL JUNTO A ESTAÇÃO RODOVIÁRIA DE SANTA CRUZ DO SUL/RS. DESTINADO EXCLUSIVAMENTE À PARTICIPAÇÃO

Leia mais

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 /

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 05/2016

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 05/2016 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EBSERH-EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 05/2016 PROCESSO Nº 23113.016521/2015-00 OBJETO Registro de

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14 Processo n o. 89/14. Pregão 48/14. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE SANTA ROSA DE VITERBO E A EMPRESA AIR LIQUIDE BRASIL LTDA. Aos 27 (vinte

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016.

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016. ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016. VALIDADE: 12 meses Aos dezoito dias do mês de março de 2016, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal,

Leia mais

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO.

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. CAMPUS RIO DE JANEIRO EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2012 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA A DIAGRAMAÇÃO, A PUBLICAÇÃO E A IMPRESSÃO DE LIVRO Página 1 de 29 LICITAÇÃO EXCLUSIVA PARA MICROEMPRESAS

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 1 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ 1. DA CONVOCAÇÃO: CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 1. DO TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 1.1 A Fundação de Ciência e Tecnologia, torna público o presente Termo de Dispensa de Licitação, autorizada no expediente

Leia mais

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005 1 ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005 A Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALEMG), conforme autorização expedida

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 (CONVÊNIO MTE/SPPE/CODEFAT No. 003/2007 DIEESE) O DEPARTAMENTO INTERSINDICAL DE ESTATÍSTICA E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS - DIEESE, CNPJ n.º 60.964.996/0001-87,

Leia mais

SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016

SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016 SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016 Aos três dias do mês de junho de 2015, o Município de Santo Antônio da Patrulha/RS, neste

Leia mais

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO.

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. REITORIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 15/2011 AQUISIÇÃO DE AR CONDICIONADO PARA A REITORIA E O CAMPUS RIO DE JANEIRO DO IFRJ Página 1 de 30 LICITAÇÃO EXCLUSIVA PARA MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO 01/2010 Processo nº 0.000.000.001735/2010-31 VALIDADE 12 (DOZE) MESES ATA Nº 1/2010 No dia 21 de dezembro do ano de dois mil e dez, no CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 136/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO ALMOFADA PARA CARIMBO, TINTA PARA CARIMBO, FITA ADESIVA LARGA E COLA EM BASTÃO, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE

Leia mais

Edital de convite para

Edital de convite para CÂMARA MUNICIPAL DE ARVOREZINHA EDITAL DE CONVITE N.º 004/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 006/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO E ABERTURA DOS ENVELOPES DA DOCUMENTAÇÃO: 13/11/2014,

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA N 108/2014 CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO Processo n.º 23370.000471.2014-19

COTAÇÃO ELETRÔNICA N 108/2014 CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO Processo n.º 23370.000471.2014-19 COTAÇÃO ELETRÔNICA N 108/2014 CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO Processo n.º 23370.000471.2014-19 1 - OBJETO: Cotação Eletrônica para Aquisição de Mesas de Xadrez para a Direção de Extensão do do IFRS. 2

Leia mais

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 Ref.: Convênio n 001/2008: Convênio celebrado entre a Agência Nacional de Águas - ANA e Associação Brasileira de Águas Subterrâneas

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 ! " TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 PROCESSO Nº 1.825/2005 Regime Jurídico: Lei nº 8.666/93, alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: TOMADA DE PREÇOS O CONSELHO REGIONAL

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MATO GROSSO COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO SEÇÃO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MATO GROSSO COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO SEÇÃO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS PREGÃO ELETRÔNICO nº. 19/2010 PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO nº. 6.032/2010 TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO POR LOTE. COMPRA: Entrega imediata. Início do acolhimento das propostas eletrônicas: A partir de

Leia mais

LEITOR DE CODIGO DE BARRA PREÂMBULO

LEITOR DE CODIGO DE BARRA PREÂMBULO LEITOR DE CODIGO DE BARRA PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 / 21

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação,

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado, DECRETO N 42.434, DE 09 DE SETEMBRO DE 2003, DOERS. Regulamenta, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, a modalidade de licitação denominada pregão, por meio eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

ATA DE REGISTRIO DE PREÇOS Nº 007/2014

ATA DE REGISTRIO DE PREÇOS Nº 007/2014 ATA DE REGISTRIO DE PREÇOS Nº 007/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO N. º 002/2014 MODALIDADE DE PREGÃO PRESENCIAL PROCESSO Nº 2014 0001 1954 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES Aos 28 dias do mês de fevereiro de 2014, na

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 018/2016 PREGÃO PRESENCIAL N 007/2016 PROC. ADM. MC/ RN Nº 1602020002

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 018/2016 PREGÃO PRESENCIAL N 007/2016 PROC. ADM. MC/ RN Nº 1602020002 O, inscrito no CNPJ nº 08.106.510/0001-50, com sede na Praça João de Góes, nº 167, centro, Cruzeta/ RN, CEP: 59.375-000, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, Sr. Erivanaldo Aquino Dantas, doravante

Leia mais

EDITAL SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARTICIPAÇÃO AMPLA COMPETITIVIDADE

EDITAL SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARTICIPAÇÃO AMPLA COMPETITIVIDADE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA HOSPITAL UNIVERSITÁRIO PROF. POLYDORO ERNANI DE SÃO THIAGO Rua Maria Flora Pausenwang, s/n Caixa Postal n. 5199 Campus Universitário Trindade

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20130052/CODECE BANCO BRASIL Nº 521394

COTAÇÃO ELETRÔNICA TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20130052/CODECE BANCO BRASIL Nº 521394 ANEXO ÚNICO DO DECRETO ESTADUAL Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000120/2011-01

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000120/2011-01 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PROCESSO Nº: 21218.000120/2011-01 1 JUSTIFICATIVA 1.1 Justifica-se essa aquisição pela necessidade de atendimento à demanda de Aparelhos Telefônicos efetuada pelas diversas

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 127/2015 Contrato para a contratação de suporte técnico, com direito de atualização de versões, para 15 (quinze) licenças de uso flutuantes do

Leia mais

OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE BUFFET

OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE BUFFET PREGÃO ELETRÔNICO Nº 026/2013 OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE BUFFET 1 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 026/2013 RECIBO Nº 026/2013-PRODEPA Razão Social: CNPJ Nº Endereço: E-mail: Cidade: Estado Telefone: Fax: Nome

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 98/2015

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 98/2015 1 ABMNT MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EBSERH-EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SERGIPE EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO SRP (SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS) Nº 98/2015 PROCESSO Nº

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2012 Processo LIC 2012/000125

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2012 Processo LIC 2012/000125 Processo LIC 2012/000125 PREÂMBULO O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, órgão de fiscalização do exercício profissional, regido pelo Decreto-Lei nº 9.295/1946, alterado pela

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 23/2015

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 23/2015 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 23/2015 O ESTADO DO PARÁ, através da FUNDAÇÃO DE ATENDIMENTO SÓCIOEDUCATIVO DO PARÁ - FASEPA, inscrita no CNPJ sob o nº 84.154.186/0001-23, sediada na Rua DIOGO MOIA, N.º 1101, Bairro

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/2011 Processo 7.497/08/2011-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 138/TJPA/2014 Processo PA-PRO-2014/02128

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 138/TJPA/2014 Processo PA-PRO-2014/02128 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 138/TJPA/2014 Processo PA-PRO-2014/02128 O TJPA, CNPJ nº. 04.567.897/0001-90, por meio da pregoeira designada pela Portaria nº. 009/2014 - SA, publicada na edição do Diário

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 093/2014 Contrato para fornecimento e instalação de unidade de backup padrão LTO-5,, autorizado pelo Senhor Eduardo Cardoso,, Secretário de Administração

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 Processo nº. 200910267000429 Data da Realização: 09/12/2009 Horário: 09:00 horas Local: www.comprasnet.go.gov.br DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 A FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul MUNICIPIO DE ERECHIM PREFEITURA MUNICIPAL Praça da Bandeira, 354 Fone: 54 520 7000 99700-000 Erechim RS

Estado do Rio Grande do Sul MUNICIPIO DE ERECHIM PREFEITURA MUNICIPAL Praça da Bandeira, 354 Fone: 54 520 7000 99700-000 Erechim RS MINUTA 175/2014 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º /2014 PROCESSO N.º 8287/2014 - PREGÃO PRESENCIAL N.º 153/2014 AQUISIÇÃO DE PEÇAS PARA CONSERTO DA MÁQUINA M-65 - SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS PÚBLICAS E HABITAÇÃO

Leia mais

EDITAL DE CONVITE nº. 002/2016

EDITAL DE CONVITE nº. 002/2016 EDITAL DE CONVITE nº. 002/2016 Tipo de Licitação: Menor preço global Data abertura: 26/04/2016 Horário: 14:30hs Local: Sede do Conselho Regional de Odontologia do Distrito Federal SCN, Quadra 1, Ed. Central

Leia mais

ANEXO I MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA 1 OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA 1.1. Contratação de empresa especializada, para o eventual

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Rua Esteves Júnior, n. 68, Centro, Florianópolis/SC, CEP 88015-130 Fone: (48) 3251-3700 www.tre-sc.jus.br PREGÃO N. 095/2014 (Protocolo n. 38.206/2014) O TRIBUNAL

Leia mais

ANEXO VI ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA.

ANEXO VI ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA. PREGÃO Nº 011/2007 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA. Processo nº 041.000.045/2007. VALIDADE: 12

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES PROCESSO LICITATÓRIO Nº 003/2016 TOMADA DE PREÇO Nº 003/2016 Aldoir Godois Vezaro, Prefeito Municipal de São Pedro das Missões RS, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 54/2011 Republicação Processo 7.242/03/2011-EOF

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005

PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005 PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005 PROCESSO Nº: 01.208/2005 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Data: 21 / 12 /2005 Horário Abertura: 09:00 horas Local: www.comprasnet.gov.br A Companhia Nacional de Abastecimento

Leia mais

SEGURO CAMINHÃO IVECO PREÂMBULO

SEGURO CAMINHÃO IVECO PREÂMBULO SEGURO CAMINHÃO IVECO PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 / 21 de setembro

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4 Contrato AJDG n.º 031/2013 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO AMPLO N o 4/2010 PROCESSO N o 53500.000211/2010

EDITAL DE PREGÃO AMPLO N o 4/2010 PROCESSO N o 53500.000211/2010 EDITAL DE PREGÃO AMPLO N o 4/2010 PROCESSO N o 53500.000211/2010 A AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES - ANATEL, com sede no SAUS, Quadra 06, Bloco H, Edifício Ministro Sérgio Motta, na cidade de Brasília

Leia mais

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15 COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15 EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE FORTALECIMENTO E FOMENTO DOS FESTIVAIS GASTRONÔMICOS NO

Leia mais

O Município de Presidente Kennedy, Estado do Espírito Santo, torna público que por intermédio de sua pregoeira

O Município de Presidente Kennedy, Estado do Espírito Santo, torna público que por intermédio de sua pregoeira PREÂMBULO FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE PRESIDENTE KENNEDY O Município de Presidente Kennedy, Estado do Espírito Santo, torna público que por intermédio de sua pregoeira oficial, realizará licitação na modalidade

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071, confirmando a retirada deste edital pela internet.

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 40/2012 PROCESSO Nº 00190.024252/2012-86 A Diretoria de Gestão Interna da Controladoria-Geral da União da Presidência

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 114/2013 OBJETO: AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE DIGITAL, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 14/10/2013 15h00min. LIMITE PARA

Leia mais

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO PREFEITURA MUNICIPAL DE SOLEDADE SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E AGRICULTURA EDITAL TOMADA DE PREÇOS Nº 38/2015 TIPO MENOR PREÇO EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do 2. CONDIÇÕES PARA CREDENCIAMENTO 2.1. Poderão participar deste Credenciamento, as empresas que: 2.1.1 Atendam a todas as exigências deste Edital, inclusive quanto à documentação constante deste instrumento

Leia mais