Uma peça estratégica para o seu negócio

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Uma peça estratégica para o seu negócio"

Transcrição

1 Uma peça estratégica para o seu negócio

2 INFORMAÇÃO GERAL DA EMPRESA CASO DE SUCESSO EM IMPLEMENTAÇÃO BI PERGUNTAS E RESPOSTAS

3 Fundada em 1997, Habber Tec é uma empresa especializada na oferta de soluções de valor acrescentado na área de Business Intelligence (BI). Oferecemos produtos e serviços inovadores em áreas como a análise do ciclo de vida de clientes, a qualidade de dados, a gestão de processos, a análise de risco ou o suporte à decisão. Habber Tec Portugal (desde 2008) Habber Tec Peru (desde 2013) Habber Tec Espanha (desde 1997) Habber Tec Moçambique (desde 2014) Habber Tec Brasil (desde 2009) Desde 1997, com uma forte presença no Mercado Ibérico e Latino Americano. Escritórios em Madrid, Lisboa, São Paulo, Curitiba, Lima e Maputo. Mais de 200 consultores. Experiência e know-how em diferentes negócios, tecnologias e culturas. Ferramentas de Software que são um complemento de valor acrescentado para os nossos clientes. 50 certificações IBM BPM 2013 IBM Smart Process Award

4 Soluções Inteligentes para Empresas Competitivas

5 Clientes Habber Tec América do Sul Espanha Portugal

6 INFORMAÇÃO GERAL DA EMPRESA CASO DE SUCESSO EM IMPLEMENTAÇÃO BI PERGUNTAS E RESPOSTAS

7 O Problema Análise de Performance de Equipa Comercial 34 Delegados de informação médica 5 Equipas 38 Marcas 134 Apresentações 410 Bricks 49 Especialidades Resultado: 1,5 meses para criação de relatório Avaliação Janeiro Avaliação Fevereiro Avaliação Março Avaliação Abril Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho

8 A Necessidade Reduzir o tempo necessário à criação desta análise Principais problemas a resolver: Diversas fontes de dados: Implicava efetuar pedidos a 3 departamentos diferentes, elevada dependência de terceiros Diferentes nomenclaturas: As mesmas entidades tinham nomes distintos consoante a fonte de dados Controlo da Informação: Após carregamento num ficheiro Excel nada garante o refrescamento da informação ou previne a sua alteração Análise em Tempo Útil: Seria, obviamente, necessária a redução do intervalo de tempo desde a disponibilização dos dados até à disponibilização da informação

9 A proposta Habber Tec Desenvolvimento de uma solução de data warehousing e reporting que permitisse responder às necessidade do cliente, e, simultaneamente, permitir um conjunto alargado de análises adicionais. Operacional ETL Staging ETL DW DW Cubos OLAP/Reports Disseminação

10 A proposta Habber Tec - Ferramentas ETL: Microsoft SQL Server Integration Services Staging/DW: Microsoft SQL Server Reporting: Microsoft SQL Server Reporting Services Cubos OLAP: Microsoft SQL Server Analysis Services A escolha assentou neste conjunto de ferramentas por permitirem, sem custos adicionais de licenciamento (o cliente já utilizava este motor de base de dados), a construção de uma solução completa e eficiente. Permite ainda a evolução futura para modelos de data mining, master data management e data quality, novamente sem incorrer em custos adicionais de licenciamento.

11 Fontes de Dados Base de Dados SQL Server: Dados sobre vendas a distribuidores Cubos OLAP SQL Server: Dados sobre vendas a clientes finais Ficheiros CSV: Dados sobre visitas a médicos Ficheiros Excel: Dados sobre hierarquia de produtos, etc. Objectivos: Carregar Unificar Processar

12 Área de Staging A área de staging é uma base de dados concebida para integrar e tratar os dados provenientes de diversas origens, servindo de base para a implementação do data warehouse. O objetivo é o de agregar numa única fonte toda a informação dos sistemas operacionais, reduzindo o impacto nesses mesmos sistemas. Permite ainda uma maior facilidade no cruzamento dos dados, bem como uma área para tratamento dos mesmos. Através da criação de processos de carregamento de staging, deverá ser possível a manipulação de informação off-memory, armazenamento de informação temporária e validações pré e pós carregamento.

13 Área de Staging - Na nossa solução Criação de dicionários de mapeamento Unificar conceitos, como por exemplo marcas, apresentações e pessoas. Criação de estruturas intermédias de cálculo Estruturas para armazenamento de variáveis intermédias reutilizadas em várias fórmulas Cruzamento de conceitos Garantir que os conceitos, depois de mapeados são cruzados e possuem a mesma referência. Validação de consistências referenciais Por exemplo, garantir que apenas foram registadas visitas a especialidades definidas na solução.

14 ETL Extract Transform Load ETL é o processo pelo qual os dados são extraídos das suas fontes, transformados e enriquecidos e posteriormente carregados num repositório central de informação. Fonte 1 Fonte 2 Fonte 3 O objetivo de um sistema de ETL é o de efetuar a leitura, transformação e carregamento de dados, partindo de diversas fontes de dados e terminando num repositório centralizado. Um sistema de ETL deverá permitir a extração de dados provenientes de diversos sistemas heterogéneos, tratá-los consoante as regras de negócios da empresa e por fim, proceder ao seu carregamento no data warehouse. ETL Através da criação de processos de ETL é possível a automatização dos carregamentos bem como o processamento e gestão de erros decorrentes de problemas de qualidade de dados ou eventuais inconsistências, permitindo assim além do carregamento, a deteção de problemas nas fontes de dados. Além da atividade principal de carregamento de um repositório central, um sistema ETL deverá permitir igualmente a exportação de dados em diversos formatos, para utilização por outros sistemas. Destino

15 ETL Na nossa solução Processamento de todas fontes de dados Implementação de fórmulas de cálculo, desde rentabilidade a eficiência Fonte 1 Fonte 2 Fonte 3 Cálculo de real vs objectivo Implementação de todas as regras de negócio explícitas ou implícitas ETL Destino

16 DW Data Warehouse Um data warehouse pode ser visto como um repositório central de informação, mas, para além da centralização, um DW permite igualmente a unificação de dados e conceitos transversalmente a uma organização. Esquema Relacional Apesar de suportado por um sistema de base de dados idêntico às bases de dados relacionais, um DW está organizado de modo diferente, permitindo obter um conjunto de vantagens. Um DW deverá ser desenhado de acordo com um esquema em estrela, enquanto que uma base de dados operacional é construída com base num esquema relacional. O esquema em estrela permite uma otimização para leitura, bem como a simplificação das queries que permitem obter os dados pretendidos. Um DW permite igualmente, ao integrar as diversas fontes de dados de uma organização, estabelecer um ponto único de consulta, definindo assim uma verdade global à organização. A integração de várias fontes de dados permite ainda o enriquecimento de conceitos através da incorporação de informação das várias fontes. Esquema em Estrela

17 DW Na nossa solução Armazenamento de toda a informação carregada e calculada pelo processo ETL Esquema Relacional Manutenção de histórico Otimização de leituras Esquema em Estrela

18 Relatórios O principal ponto de contacto de um sistema de BI com o utilizador final são os relatórios, que permitem a disseminação transversal de uma visão unificada da informação. O reporting corporativo elimina a criação de ilhas de informação contendo definições diferentes de indicadores, criando uma visão única da informação, alinhada com os objetivos da organização. A centralização de relatórios permite controlar facilmente o acesso à informação, através da definição de regras que regulem o acesso de determinados grupos de utilizadores a conjuntos fechados de dados. Por exemplo, permitir a visualização de relatórios automaticamente filtrados pelas permissões do utilizador. Um sistema de reporting corporativo deverá igualmente reduzir a carga de trabalho dos utilizadores, através da disseminação automática e calendarizada de relatórios pré-definidos. O utilizador ter à sua disposição vários tipos de relatórios. Desde relatórios fixos (estáticos) com ou sem parametrização, aos relatórios com interação entre si (dinâmicos), passando pela possibilidade de criar os seus próprios relatórios (ad hoc), para além da disponibilização de métricas e indicadores de performance, de uma forma gráfica otimizada, com uma interface bastante agradável e de fácil leitura (dashboards).

19 Relatórios Na nossa solução Disponibilização online de todos os relatórios prédefinidos Possibilidade de criação de assinaturas de relatórios Parametrização de relatórios Implementação de mecanismos de cache

20 Cubos OLAP Os cubos OLAP, ou bases de dados multidimensionais, permitem a transformação da informação em conceitos de negócio, possibilitando assim a capacidade dos utilizadores efetuarem as suas próprias análises. Os cubos OLAP traduzem os campos de uma base de dados em conceitos de negócio, permitindo a consulta de informação através de conceitos familiares aos utilizadores. Um cubo contém factos (o que é analisado) e dimensões (pelo que é analisado). Assim, um utilizador pode consultar, por exemplo, Vendas por Produtos, não tendo de ter qualquer conhecimento da estrutura de base de dados subjacente. Podemos visualizar um cubo OLAP como um cubo cujas arestas se encontram etiquetadas com as dimensões de análise (produtos, tempo, cliente), sendo possível obter os dados através da intersecção dessas arestas. Um cubo contem ainda agregações de dados pré-construídas, evitando o tempo de cálculo quando se utiliza uma base de dados tradicional. Por exemplo, um cubo pode agregar previamente dados ao nível do semestre, evitando a soma dos dias que o constituem.

21 Cubos OLAP Na nossa solução Suporte de todas as dimensões existentes no DW Suporte de todas as métricas existentes no DW Desenho de agregações para acelerar o acesso aos dados Mapeamento de todos os conceitos de negócio Possibilidade de um número enorme de análise ad-hoc

22 O resultado 5 Dimensões de análise Tempo Equipa Geografia Produto Especialidade Aproximadamente 15 métricas Vendas a armazenistas (quantidade e valor) Vendas a clientes finais (quantidade e valor) Número de visitas Custos operacionais 12 relatórios = 12 análises pré-definidas 1 cubo OLAP = análises ad-hoc Processamento mensal de duração inferior a 2 horas Entrega dos relatórios: Mensalmente Por A vários níveis hierárquicos Menos de 3 horas após a disponibilização dos dados Antes: 1,5 meses Trabalho humano Alto nível de retrabalho Depois: 3 horas Totalmente automatizado

23 INFORMAÇÃO GERAL DA EMPRESA CASO DE SUCESSO EM IMPLEMENTAÇÃO BI PERGUNTAS E RESPOSTAS

24 Perguntas e Respostas

25 Espanha Avd. Alberto Alcocer Madrid. Espanha T: F: PORTUGAL Av. Miguel Bombarda 36, 3ºF Lisboa. Portugal T: M: F: BRASIL Rua Eugênio de Medeiros 537 Pinheiros - São Paulo/SP brasil T: +55 (11) F: +55 (11) BRASIL Rua Francisco Rocha 62 Sala 1201-Batel Curitiba/PR brasil T: +55 (41) T: +55 (41) PERU Calle Loma Blanca, 162 Surco, Lima Lima 33 T: MOÇAMBIQUE Avda Marginal, n,º 9453, Casa C3 Maputo T: F:

Business Intelligence Conceitos, Metodologia de Desenvolvimento e Exemplos de BI

Business Intelligence Conceitos, Metodologia de Desenvolvimento e Exemplos de BI Matriz: Av. Caçapava, 527 CEP 90.460-130 Tecnopuc: Av. Ipiranga, 6681 Prédio 32 Sala 109 CEP 90.619-900 Porto Alegre - RS, Brasil Contate-nos: +55 (51) 3330.7777 contato@dbccompany.com.br www.dbccompany.com.br

Leia mais

As Tecnologias de Informação e Comunicação e os Sistemas de Informação nos Hospitais. Business Intelligence na Saúde. Perspetivas e Desafios

As Tecnologias de Informação e Comunicação e os Sistemas de Informação nos Hospitais. Business Intelligence na Saúde. Perspetivas e Desafios As Tecnologias de Informação e Comunicação e os Sistemas de Informação nos Hospitais Business Intelligence na Saúde Perspetivas e Desafios Agenda 1 2 3 4 5 6 7 Glintt Global Intelligent Technologies Glintt

Leia mais

Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri. Rodrigo Barrionuevo

Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri. Rodrigo Barrionuevo Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri Rodrigo Barrionuevo O que é Business Intelligence? Plataforma apoio a decisão Online Analytic Process OLAP Reporting & Ad Hoc Query Business

Leia mais

Modelação Dimensional 4

Modelação Dimensional 4 INTEGRAÇÃO E PROCESSAMENTO ANALÍTICO DE INFORMAÇÃO Modelação Dimensional 4 António Manuel Silva Ferreira UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA asfe@di.fc.ul.pt Sumário

Leia mais

Soluções de Inteligência de Negócio e Mercado

Soluções de Inteligência de Negócio e Mercado Soluções de Inteligência de Negócio e Mercado Fernando Garre e Majela Fortes Especialistas em consultoria de Business Intelligence / Data Warehouse Consultoria focada nas Soluções de Business Intelligence

Leia mais

Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA

Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA Case Study Pumangol Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA Com um projeto ambicioso que prevê a abertura de 200 postos de abastecimento de combustível em Angola até 2015,

Leia mais

Soluções de análise preditiva para optimizar os processos de negócio. João Pequito. Director Geral da PSE

Soluções de análise preditiva para optimizar os processos de negócio. João Pequito. Director Geral da PSE Soluções de análise preditiva para optimizar os processos de negócio João Pequito Director Geral da PSE Soluções de análise preditiva para optimizar os processos de negócio Qualquer instituição tem hoje

Leia mais

Interatividade aliada a Análise de Negócios

Interatividade aliada a Análise de Negócios Interatividade aliada a Análise de Negócios Na era digital, a quase totalidade das organizações necessita da análise de seus negócios de forma ágil e segura - relatórios interativos, análise de gráficos,

Leia mais

Business Intelligence para Computação TítuloForense. Tiago Schettini Batista

Business Intelligence para Computação TítuloForense. Tiago Schettini Batista Business Intelligence para Computação TítuloForense Tiago Schettini Batista Agenda Empresa; Crescimento de Dados; Business Intelligence; Exemplos (CGU, B2T) A empresa Empresa fundada em 2003 especializada

Leia mais

Uma estrutura (framework) para o Business Intelligence (BI)

Uma estrutura (framework) para o Business Intelligence (BI) Uma estrutura conceitural para suporteà decisão que combina arquitetura, bancos de dados (ou data warehouse), ferramentas analíticas e aplicações Principais objetivos: Permitir o acesso interativo aos

Leia mais

C l a s s S e r v i c e P r o v i d e r

C l a s s S e r v i c e P r o v i d e r G l o b a l C l a s s S e r v i c e P r o v i d e r Microsoft Mobile BI v.0.0.1 de 05/11/2015 Projetos Digitais 1 G l o b a l C l a s s S e r v i c e P r o v i d e r 1993: fundada como Integradora de Sistemas

Leia mais

Business Intelligence & Performance Management

Business Intelligence & Performance Management Como medir a evolução do meu negócio? Tenho informação para esta decisão? A medição da performance é uma dimensão fundamental para qualquer actividade de gestão. Recorrentemente, qualquer gestor vê-se

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Esp. Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com Sistemas de informação Disciplina: Introdução a SI Noções de sistemas de informação Turma: 01º semestre Prof. Esp. Marcos Morais

Leia mais

Business Intelligence: Desafios e Melhores Práticas

Business Intelligence: Desafios e Melhores Práticas Sucesu RJ - IV Congresso de Inteligência Competitiva Business Intelligence: Desafios e Melhores Práticas Eugenio Pedrosa Petrobras Roteiro Arquitetura de BI Evolução da BI nas Empresas Corporate Performance

Leia mais

DATA WAREHOUSE. Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago

DATA WAREHOUSE. Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago DATA WAREHOUSE Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago Roteiro Introdução Aplicações Arquitetura Características Desenvolvimento Estudo de Caso Conclusão Introdução O conceito de "data warehousing" data

Leia mais

A certificação fornecida por esta academia permite aos participantes poderem candidatar-se a cargos de Engenheiro de BI e Reporting.

A certificação fornecida por esta academia permite aos participantes poderem candidatar-se a cargos de Engenheiro de BI e Reporting. Especialista em Business Intelligence Programação e Bases de Dados - Percursos Com certificação Nível: Avançado Duração: 135h Sobre o curso O percurso Especialista em Business Intelligence prepara profissionais

Leia mais

Business Intelligence

Business Intelligence e-book Senior Business Intelligence 1 Índice 03 05 08 14 17 20 22 Introdução Agilize a tomada de decisão e saia à frente da concorrência Capítulo 1 O que é Business Intelligence? Capítulo 2 Quatro grandes

Leia mais

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence.

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence. Tópicos Avançados Business Intelligence Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence Roteiro Introdução Níveis organizacionais na empresa Visão Geral das

Leia mais

Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website.

Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website. marketing e comunicação SITE E IMAGEM INSTITUCIONAL Profissionais que pretendam adquirir conhecimentos, técnicas e metodologias, ao nível da comunicação online, através de um website. Entender o enquadramento

Leia mais

e-business A IBM definiu e-business como: GLOSSÁRIO

e-business A IBM definiu e-business como: GLOSSÁRIO Através do estudo dos sistemas do tipo ERP, foi possível verificar a natureza integradora, abrangente e operacional desta modalidade de sistema. Contudo, faz-se necessário compreender que estas soluções

Leia mais

Solução em Software e Automação Comercial

Solução em Software e Automação Comercial Solução em Software e Automação Comercial EMPRESA A Aps Informática é uma empresa de desenvolvimento de sistemas voltados para a gestão empresarial localizada em Recife, Pernambuco. Desde 1992 no mercado,

Leia mais

COMO IMPLEMENTAR UM SISTEMA DE BI

COMO IMPLEMENTAR UM SISTEMA DE BI Data Science FEUP 19 maio 2014 COMO IMPLEMENTAR UM SISTEMA DE BI Rui Afeiteira Gestor de projeto, BI4ALL Rui Afeiteira Gestor de projeto Business Intelligence Experiência Relevante Bacardi - Reengenharia

Leia mais

Chapter 3. Análise de Negócios e Visualização de Dados

Chapter 3. Análise de Negócios e Visualização de Dados Chapter 3 Análise de Negócios e Visualização de Dados Objetivos de Aprendizado Descrever a análise de negócios (BA) e sua importância par as organizações Listar e descrever brevemente os principais métodos

Leia mais

A versão básica disponibiliza a informação criada no Microsoft Navision em unidades de informação

A versão básica disponibiliza a informação criada no Microsoft Navision em unidades de informação O Business Analytics for Microsoft Business Solutions Navision ajuda-o a ter maior controlo do seu negócio, tomar rapidamente melhores decisões e equipar os seus funcionários para que estes possam contribuir

Leia mais

Business Intelligence

Business Intelligence 1/ 24 Business Intelligence Felipe Ferreira 1 Nossa empresa Jornal O Globo Jornais Populares Parcerias Grupo Folha Grupo Estado 2 1 Fundada em 1925 3100 funcionários 2 Parques Gráficos e SP Globo: 220

Leia mais

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio!

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio! Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP Otimize a Gestão do Seu Negócio! Universo da Solução de Gestão SENDYS ERP Financeira Recursos Humanos Operações & Logística Comercial & CRM Analytics & Reporting

Leia mais

Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação

Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação Mikael de Souza Fernandes 1, Gustavo Zanini Kantorski 12 mikael@cpd.ufsm.br, gustavoz@cpd.ufsm.br 1 Curso de Sistemas de Informação, Universidade

Leia mais

Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura

Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Apresentação Os projetos de Data Warehouse e Business Intelligence são dos mais interessantes e complexos de desenvolver

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DA SOLUÇÃO DE BUSINESS INTELLIGENCE EM UMA UNIVERSIDADE ESTADUAL, UTILIZANDO A FERRAMENTA EXCEL PARA MANIPULAÇÃO DOS DADOS

DESENVOLVIMENTO DA SOLUÇÃO DE BUSINESS INTELLIGENCE EM UMA UNIVERSIDADE ESTADUAL, UTILIZANDO A FERRAMENTA EXCEL PARA MANIPULAÇÃO DOS DADOS DESENVOLVIMENTO DA SOLUÇÃO DE BUSINESS INTELLIGENCE EM UMA UNIVERSIDADE ESTADUAL, UTILIZANDO A FERRAMENTA EXCEL PARA MANIPULAÇÃO DOS DADOS Flávio Augusto Lacerda de Farias Rogério Tronco Vassoler ** Resumo

Leia mais

Procesamiento Analítico con Minería de Datos

Procesamiento Analítico con Minería de Datos Procesamiento Analítico con Minería de Datos Analytical Processing com Data Mining Angelino Feliciano Morales Universidad Autónoma de Guerrero afmorales@uagro.mx René Edmundo Cuevas Valencia Universidad

Leia mais

As Novas Tecnologias de Dados, Inteligência Competitiva e Preditiva

As Novas Tecnologias de Dados, Inteligência Competitiva e Preditiva SEMINÁRIO TEMAS ESTRATÉGICOS DO AGROPENSA Pesquisa e Inovação em Automação e Tecnologias da Informação e Comunicação As Novas Tecnologias de Dados, Inteligência Competitiva e Preditiva Brasília, 12 de

Leia mais

Sobre o que falaremos nesta aula?

Sobre o que falaremos nesta aula? Business Intelligence - BI Inteligência de Negócios Prof. Ricardo José Pfitscher Elaborado com base no material de: José Luiz Mendes Gerson Volney Lagmman Introdução Sobre o que falaremos nesta aula? Ferramentas

Leia mais

Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI),

Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI), Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI), BUSINESS INTELLIGENCE (BI) O termo Business Intelligence (BI), popularizado por Howard Dresner do Gartner Group, é utilizado para definir sistemas orientados

Leia mais

MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM. Metadados

MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM. Metadados MBA Inteligência Competitiva BI/CPM 1 Data Warehousing PÓS-GRADUAÇÃO MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM Metadados Andréa Cristina Montefusco (36927) Hermes Abreu Mattos (36768) Robson Pereira

Leia mais

HP ajuda empresas a aumentar a eficiência da gestão de informação

HP ajuda empresas a aumentar a eficiência da gestão de informação HP ajuda empresas a aumentar a eficiência da gestão de informação Estudo indica que 70 por cento das empresas têm lacunas na abordagem holística à gestão de informação crítica para o seu negócio Lisboa,

Leia mais

Data Warehousing e OLAP

Data Warehousing e OLAP Data Warehousing e OLAP Jornadas de Engenharia Informática Instituto Politécnico da Guarda Henrique Madeira Departamento de Engenharia Informática Faculdade de Ciências e Tecnologia Universidade de Coimbra

Leia mais

PHC Logística CS. ππ Redução de custos operacionais ππ Inventariação mais correcta e fiável ππ Optimização do tempo

PHC Logística CS. ππ Redução de custos operacionais ππ Inventariação mais correcta e fiável ππ Optimização do tempo PHCLogística CS DESCRITIVO O módulo PHC Logística permite fazer o tracking total de uma mercadoria: desde a sua recepção, passando pelo seu armazenamento, até à expedição. PHC Logística CS A solução para

Leia mais

Técnicas de Business Intelligence na Análise de Dados de Produção. Rafael Deitos

Técnicas de Business Intelligence na Análise de Dados de Produção. Rafael Deitos Copyright 2014-15 OSIsoft, LLC. 1 Técnicas de Business Intelligence na Análise de Dados de Produção Presented by Felipe Trevisan Rafael Deitos Copyright 2014-15 OSIsoft, LLC. Sumário Contextualização Itaipu

Leia mais

Copyright 2003, SAS Institute Inc. All rights reserved. 60. Copyright 2003, SAS Institute Inc. All rights reserved. 62

Copyright 2003, SAS Institute Inc. All rights reserved. 60. Copyright 2003, SAS Institute Inc. All rights reserved. 62 Copyright 2003, SAS Institute Inc. All rights reserved. Agenda Human Capital Management João Miguel Alves Projecto ISCTE/SAS 2003-2004 Recursos Humanos Gestão de Recursos Humanos Sistemas Operacionais

Leia mais

Serviço Público Inteligente

Serviço Público Inteligente Serviço Público Inteligente Sistemas de BI, decidir com base em informação de qualidade 15 de maio de 2013 Auditório B, Reitoria UNL Patrocínio Prata Patrocinadores Globais APDSI Business Intelligence

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani Planejamento Estratégico de TI Prof.: Fernando Ascani Data Mining Os métodos tradicionais de Data Mining são: Classificação Associa ou classifica um item a uma ou várias classes categóricas pré-definidas.

Leia mais

Secção II. Fundamentos técnicos da gestão de bases de dados (continuação)

Secção II. Fundamentos técnicos da gestão de bases de dados (continuação) 1 Secção II Fundamentos técnicos da gestão de bases de dados (continuação) 2 Estruturas de bases de dados ƒ Relacionais ƒ Os elementos de dados são armazenados em tabelas simples. ƒ Pode ligar-se elementos

Leia mais

Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar

Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar Newton Shydeo Brandão Miyoshi Joaquim Cezar Felipe Grupo de Informática Biomédica Departamento

Leia mais

Curso Data warehouse e Business Intelligence

Curso Data warehouse e Business Intelligence Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Apresentação Os projetos de Data Warehouse e Business Intelligence são dos mais interessantes e complexos de desenvolver

Leia mais

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud

Leia mais

Seminário Business Intelligence

Seminário Business Intelligence Seminário Business Intelligence 1 Equipe: Eduardo Massao Kobayashi Jéssica Scheneider Schmidt João Matheus Piai Santos Renan Pinho Assi 2 Business Intelligence O termo Business Intelligence (BI), inteligência

Leia mais

TIC Tecnologias da Informação e Comunicação 10º Ano

TIC Tecnologias da Informação e Comunicação 10º Ano TIC Tecnologias da Informação e Comunicação 10º Ano Unidades Conteúdos Objectivos Gerais Nº Aulas (tempos) Módulo 1 Folha de Cálculo Microsoft Excel 2010 Introdução à folha de cálculo o Personalização

Leia mais

MANTENHA-SE INFORMADO

MANTENHA-SE INFORMADO MANTENHA-SE INFORMADO * O leitor consente, de forma expressa, a incorporação e o tratamento dos seus dados nos ficheiros automatizados da responsabilidade do Centro Atlântico, para os fins comerciais e

Leia mais

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Uma visão abrangente dos negócios Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Negócios sem barreiras O fenômeno da globalização tornou o mercado mais interconectado e rico em oportunidades.

Leia mais

Plataforma integrada para testes em arquitecturas orientadas a serviços

Plataforma integrada para testes em arquitecturas orientadas a serviços Plataforma integrada para testes em arquitecturas orientadas a serviços Índice Introdução... 2 A solução... 2 Plataforma Integrada (principais características)... 4 Eliminar limitações à execução de testes

Leia mais

Compartilhe. Desmistificando o BI Conceitos, estruturas e principais ferramentas

Compartilhe. Desmistificando o BI Conceitos, estruturas e principais ferramentas Desmistificando o BI Conceitos, estruturas e principais ferramentas INTRODUÇÃO Compartilhe Este e-book tem a intenção de trazer algumas informações básicas sobre BI, características de tipos de arquitetura,

Leia mais

BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin

BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin CUSTOMER SUCCESS STORY BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin PERFIL DO CLIENTE Setor: Serviços Financeiros Organização: BancoEstado de Chile Funcionários:

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR

MANUAL DO UTILIZADOR ÁREA RESERVADA MANUAL DO UTILIZADOR OUTUBRO 2015 Manual INDICE Introdução 5 Âmbito 4 Acesso Página Inicial Menu Encomenda Submenu Encomenda de Produtos TOP Produtos da Semana Pesquisa de Produtos Adição

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO PRODUTO. Mais que um software, o método mais eficaz para conciliar.

APRESENTAÇÃO DO PRODUTO. Mais que um software, o método mais eficaz para conciliar. APRESENTAÇÃO DO PRODUTO Mais que um software, o método mais eficaz para conciliar. Com Conciliac é possível conciliar automaticamente qualquer tipo de transação; Bancos, Cartões de Crédito e Débito, Contas

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling. Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios?

RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling. Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios? RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios? O CA ERwin Modeling fornece uma visão centralizada das principais definições de

Leia mais

GESTÃO DE EMPRESAS DE CONTABILIDADE

GESTÃO DE EMPRESAS DE CONTABILIDADE GESTÃO DE EMPRESAS DE CONTABILIDADE AUTOMATIZAÇÃO DE PROCESSOS GESTÃO DE EMPRESAS DE CONTABILIDADE Pensada especificamente para as Empresas de Contabilidade, esta solução ARTSOFT permite-lhe o controlo

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE NO AUXÍLIO DA GESTÃO DA INOVAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO UTILIZANDO SQL SERVER INTEGRATION SERVICES E MICROSTRATEGY.

BUSINESS INTELLIGENCE NO AUXÍLIO DA GESTÃO DA INOVAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO UTILIZANDO SQL SERVER INTEGRATION SERVICES E MICROSTRATEGY. Business Intelligence no auxílio da Gestão da Inovação: Um Estudo de Caso utilizando SQL Server Integration Services e Microstrategy Danieli de Paula 1 Resumo. Este artigo descreve algumas características

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE APLICADO NA GESTÃO ACADÊMICA

BUSINESS INTELLIGENCE APLICADO NA GESTÃO ACADÊMICA BUSINESS INTELLIGENCE APLICADO NA GESTÃO ACADÊMICA Marcio Rodrigo Teixeira e Mehran Misaghi Instituto Superior Tupy (IST) / Sociedade Educacional de Santa Catarina (SOCIESC) Campus Boa Vista, Joinville,

Leia mais

Aline França a de Abreu, Ph.D

Aline França a de Abreu, Ph.D Aline França a de Abreu, Ph.D igti.eps.ufsc.br 07 / 10/ 04 Núcleo de estudos Criado em 1997 - UFSC/EPS Equipe multidisciplinar, com aproximadamente 20 integrantes OBJETIVO Gerar uma competência e uma base

Leia mais

Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado

Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado DW OLAP BI Ilka Kawashita Material preparado :Prof. Marcio Vitorino Sumário OLAP Data Warehouse (DW/ETL) Modelagem Multidimensional Data Mining BI - Business

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE Prof. Fabio Purcino

BUSINESS INTELLIGENCE Prof. Fabio Purcino Aula Teste BUSINESS INTELLIGENCE Prof. Fabio Purcino Faça o download desta aula Use um leitor de QR Code Definição Business Intelligence é um conjunto de conceitos e técnicas que buscam extrair conhecimento

Leia mais

SAD. Paulo Silva, Rodolfo Ribeiro, Vinicius Tavares

SAD. Paulo Silva, Rodolfo Ribeiro, Vinicius Tavares SAD Paulo Silva, Rodolfo Ribeiro, Vinicius Tavares DataWarehouse Armazena informações relativas a uma organização em BD Facilita tomada de decisões Dados são coletados de OLTP(séries históricas) Dados

Leia mais

Complemento I - Noções Introdutórias em Data Warehouses

Complemento I - Noções Introdutórias em Data Warehouses Complemento I - Noções Introdutórias em Data Warehouses Esse documento é parte integrante do material fornecido pela WEB para a 2ª edição do livro Data Mining: Conceitos, técnicas, algoritmos, orientações

Leia mais

1 Descrição sumária. Varajão, Trigo e Barroso, O Gestor de Sistemas de Informação nas grandes empresas portuguesas, Computerworld, 2011.

1 Descrição sumária. Varajão, Trigo e Barroso, O Gestor de Sistemas de Informação nas grandes empresas portuguesas, Computerworld, 2011. O Gestor de Sistemas de Informação nas grandes empresas portuguesas João Varajão 1, António Trigo 2, João Barroso 1 1 Escola de Ciências e Tecnologia, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro 2 Instituto

Leia mais

product catalog 2013 Software Exportech made in

product catalog 2013 Software Exportech made in product catalog 2013 Software made in Exportech product catalog 2013 Conteúdo itime Software de Gestão de Assiduidades 07 itime Web Plataforma Web interactiva para Gestão de Assiduidades 15 iaccess Software

Leia mais

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4. SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.1 Armazenamento... 5 4.2 Modelagem... 6 4.3 Metadado... 6 4.4

Leia mais

Business Process Management

Business Process Management 1 Business Process Management O imperativo da eficiência operacional Na constante busca pelo aumento da eficiência operacional e diminuição dos custos, as organizações procuram optimizar os seus processos

Leia mais

Comércio Eletrônico AULA 09. Sistemas para Internet. Professora Ms Karen Reis

Comércio Eletrônico AULA 09. Sistemas para Internet. Professora Ms Karen Reis Comércio Eletrônico AULA 09 Professora Ms Karen Reis 2011 Sistemas para Internet 1 FEEDBACK Prova Continuada 2 EFEITO CHICOTE AO LONGO CADEIA DE SUPRIMENTOS Ampliação da variação da demanda ao longo da

Leia mais

O Programa Enfermeiros de Família. (Página intencionalmente deixada em branco)

O Programa Enfermeiros de Família. (Página intencionalmente deixada em branco) (Página intencionalmente deixada em branco) 2 Conteúdo A Saúde Quem Somos... O programa Enfermeiros de Família... O Enfermeiro de Família Saúde... O desafio de carreira... Principais competências e responsabilidades...

Leia mais

i9social Social Innovation Management Sobre

i9social Social Innovation Management Sobre i9social Social Innovation Management A inovação social é uma solução inovadora para um problema social, que é mais eficaz, eficiente e sustentável do que as soluções existentes, e a qual incrementa a

Leia mais

Business Intelligence para todos

Business Intelligence para todos Business Intelligence para todos CCFB - Rio de Janeiro DeciLogic - 2008 Eric Sarzana Diretor eric.sarzana@decilogic.com Agenda DeciLogic O que é o Business Intelligence? Porquê o Business Intelligence?

Leia mais

Inteligência Analítica e Mobilidade com Soluções SAP

Inteligência Analítica e Mobilidade com Soluções SAP Inteligência Analítica e Mobilidade com Soluções SAP Agenda Breve apresentação da ETZ A história da informação O que é Inteligência Analitica Mobilidade Desafios Portfolio SAP Business Analytics Demonstração

Leia mais

Agosto, 2012. Gestão de Processos de Negócio. Case WEG

Agosto, 2012. Gestão de Processos de Negócio. Case WEG Agosto, 2012 Gestão de Processos de Negócio Case WEG Por que Gestão de Processos? Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Por que Gestão de Processos? Por que a Gestão dos Processos?

Leia mais

FIGURA 9.1 Arquitetura do SQL Server Utility (adaptado de Microsoft)

FIGURA 9.1 Arquitetura do SQL Server Utility (adaptado de Microsoft) 9 9ADMINISTRAÇÃO MULTISSERVIDOR Uma das novidades mais interessantes que nos foi oferecida pelo SQL Server 2008 R2, e agora continuada no 2012, é a administração multisservidor. Esta potencialidade permite

Leia mais

Banco de Dados. Um momento crucial na organização dos dados é a forma com que cadastramos estes dados, a estrutura de armazenamento que criamos.

Banco de Dados. Um momento crucial na organização dos dados é a forma com que cadastramos estes dados, a estrutura de armazenamento que criamos. Banco de Dados O que é um Banco de Dados? Este assunto é muito vasto, tentaremos resumi-lo para atender as questões encontradas em concursos públicos. Já conhecemos o conceito de dado, ou seja, uma informação

Leia mais

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ Renan Felipe dos Santos Prof. Alexander Roberto Valdameri,Orientador ROTEIRO

Leia mais

Data Warehousing Visão Geral do Processo

Data Warehousing Visão Geral do Processo Data Warehousing Visão Geral do Processo Organizações continuamente coletam dados, informações e conhecimento em níveis cada vez maiores,, e os armazenam em sistemas informatizados O número de usuários

Leia mais

PHC POS BENEFÍCIOS. _Fácil adaptação dos utilizadores, fácil aprendizagem. _Controlo total sobre valores e stocks da loja

PHC POS BENEFÍCIOS. _Fácil adaptação dos utilizadores, fácil aprendizagem. _Controlo total sobre valores e stocks da loja Com a solucão de POS da PHC, além de deter o controlo total sobre a actividade da loja, consegue que os utilizadores se adaptem rapidamente à solucão, dada a facilidade de utilizacão. PHC POS Controle

Leia mais

DECLARAÇÃO DE RISCO DE INVESTIMENTO (OTC) De 15 de Fevereiro de 2012

DECLARAÇÃO DE RISCO DE INVESTIMENTO (OTC) De 15 de Fevereiro de 2012 DECLARAÇÃO DE RISCO DE INVESTIMENTO (OTC) De 15 de Fevereiro de 2012 1. Definições Instrumentos Financeiros OTC - são os instrumentos financeiros descritos no Regulamento de prestação de serviços para

Leia mais

VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL, S.R. DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL Despacho n.º 1009/2012 de 20 de Julho de 2012

VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL, S.R. DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL Despacho n.º 1009/2012 de 20 de Julho de 2012 VICE-PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL, S.R. DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL Despacho n.º 1009/2012 de 20 de Julho de 2012 O Decreto Regulamentar n.º 84-A/2007, de 10 de dezembro, alterado pelos Decretos

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani Planejamento Estratégico de TI Prof.: Fernando Ascani BI Business Intelligence A inteligência Empresarial, ou Business Intelligence, é um termo do Gartner Group. O conceito surgiu na década de 80 e descreve

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 04 Conceito Sistema de Informação é uma série de elementos ou componentes inter-relacionados que coletam (entrada), manipulam e armazenam (processo),

Leia mais

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas

Informática. Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação. Aula 3. Introdução aos Sistemas Informática Aula 3 Conceitos Básicos. Informação e Sistemas de Informação Comunicação Empresarial 2º Ano Ano lectivo 2003-2004 Introdução aos Sistemas A Teoria dos Sistemas proporciona um meio poderoso

Leia mais

ORÇAMEMENTO RETIFICATIVO N.º1/2014

ORÇAMEMENTO RETIFICATIVO N.º1/2014 Conselho de Administração ORÇAMEMENTO RETIFICATIVO N.º1/ CT/CA-026/PT ÍNDICE I. INTRODUÇÃO A. Introdução geral B. Preços C. Receitas D. Despesas II. MAPA DE RECEITAS E DESPESAS RECAPITULATIVO III. MAPA

Leia mais

Tecnologia nacional potencia sustentabilidade

Tecnologia nacional potencia sustentabilidade Tecnologia nacional potencia sustentabilidade 1 Tecnologia nacional potencia sustentabilidade O desenvolvimento de soluções inovadoras que melhoram a eficiência das organizações e a qualidade de vida das

Leia mais

Gestão de Performance por KPIs

Gestão de Performance por KPIs Gestão de Performance por KPIs Henrique Brodbeck Diretor, Brodbeck Consultores em Informática Henrique Brodbeck Brodbeck Consultores em Informática e UFRGS Business Intelligence - BI Termo guarda-chuva

Leia mais

LINHAS DE ORIENTAÇÃO RELATIVAS AO EXAME DE MARCAS COMUNITÁRIAS EFETUADO NO INSTITUTO DE HARMONIZAÇÃO NO MERCADO INTERNO (MARCAS, DESENHOS E MODELOS)

LINHAS DE ORIENTAÇÃO RELATIVAS AO EXAME DE MARCAS COMUNITÁRIAS EFETUADO NO INSTITUTO DE HARMONIZAÇÃO NO MERCADO INTERNO (MARCAS, DESENHOS E MODELOS) LINHAS DE ORIENTAÇÃO RELATIVAS AO EXAME DE MARCAS COMUNITÁRIAS EFETUADO NO INSTITUTO DE HARMONIZAÇÃO NO MERCADO INTERNO (MARCAS, DESENHOS E MODELOS) NOTA DO EDITOR E INTRODUÇÃO GERAL Índice 1 Objeto...

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO CENTRALIZADO (SIC) UTILIZADOR CONSUMIDOR

MANUAL DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO CENTRALIZADO (SIC) UTILIZADOR CONSUMIDOR MANUAL DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO CENTRALIZADO (SIC) UTILIZADOR CONSUMIDOR ÍNDICE Introdução e Objetivos... 7 Acesso ao SIC... 8 2.1. Página Inicial Consulta de informação... 10 2.1.1. Ícones relevantes

Leia mais

01/12/2009 BUSINESS INTELLIGENCE. Agenda. Conceito. Segurança da Informação. Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento.

01/12/2009 BUSINESS INTELLIGENCE. Agenda. Conceito. Segurança da Informação. Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento. BUSINESS INTELLIGENCE Agenda BI Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento Segurança da Objetivo Áreas Conceito O conceito de Business Intelligencenão é recente: Fenícios, persas, egípcios

Leia mais

Engenharia de Software e Sistemas Distribuídos. Enunciado Geral do Projecto

Engenharia de Software e Sistemas Distribuídos. Enunciado Geral do Projecto LEIC-A, LEIC-T, LETI, MEIC-T, MEIC-A Engenharia de Software e Sistemas Distribuídos 2 o Semestre 2013/2014 Enunciado Geral do Projecto O objectivo do projecto é criar uma solução informática que facilite

Leia mais

Processos como elo entre a TI e estratégia

Processos como elo entre a TI e estratégia RIO DE JANEIRO SÃO PAULO BRASÍLIA BELO HORIZONTE Processos como elo entre a TI e estratégia Leandro Jesus Copyright ELO Group 2012 - Confidencial Quem é a ELO Group? Consultoria de Transformação 1. Desdobramento

Leia mais

Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial

Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial Gerência da Informação nos Processos de Automação Industrial Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica Redes Industriais Professor Affonso Alessandro J. de Souza / Affonso Guedes Objetivos Discorrer

Leia mais

perspectivas e abordagens típicas de campos de investigação (Senra & Camargo, 2010).

perspectivas e abordagens típicas de campos de investigação (Senra & Camargo, 2010). 1 Introdução Os avanços na tecnologia da informação, bem como o crescimento da sociedade da informação através do uso da Internet, obrigaram os governos de inúmeros países, em seus mais variados níveis,

Leia mais

Data Warehousing. Leonardo da Silva Leandro. CIn.ufpe.br

Data Warehousing. Leonardo da Silva Leandro. CIn.ufpe.br Data Warehousing Leonardo da Silva Leandro Agenda Conceito Elementos básicos de um DW Arquitetura do DW Top-Down Bottom-Up Distribuído Modelo de Dados Estrela Snowflake Aplicação Conceito Em português:

Leia mais

GESTÃO DOS RECURSOS HUMANOS E QUALIDADE DE SERVIÇO Indicadores de Desempenho na Gestão de Recursos Humanos

GESTÃO DOS RECURSOS HUMANOS E QUALIDADE DE SERVIÇO Indicadores de Desempenho na Gestão de Recursos Humanos GESTÃO DOS RECURSOS HUMANOS E QUALIDADE DE SERVIÇO Indicadores de Desempenho na Gestão de Recursos Humanos Luis Gaspar da ROSA 1 ;Paulo OLIVEIRA 2 ;Paulo LOPES 3 RESUMO A conjuntura económica atual vem

Leia mais

DOMINE O EXCEL 2007. 16-09-2008 Fascículo 1

DOMINE O EXCEL 2007. 16-09-2008 Fascículo 1 DOMINE O EXCEL 2007 16-09-2008 Introdução ao Microsoft Excel 2007 O ambiente de trabalho O Friso e os Tabuladores do Excel 2007 O Excel possui várias versões sendo que, para a plataforma Windows, a mais

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP.

DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP. DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP. Eduardo Cristovo de Freitas Aguiar (PIBIC/CNPq), André Luís Andrade

Leia mais

CASO DE ESTUDO SOBRE SIG

CASO DE ESTUDO SOBRE SIG Laboratório Regional de Engenharia Civil Agência Regional da Energia e Ambiente da Região Autónoma da Madeira Câmara Municipal do Funchal Sistema Integrado para a Implementação de Sustentabilidade CASO

Leia mais

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio!

Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP. Otimize a Gestão do Seu Negócio! Soluções de Gestão Integradas SENDYS ERP Otimize a Gestão do Seu Negócio! Universo da Solução de Gestão SENDYS ERP SENDYS - Copyright 2007 SENDYS é uma marca proprietária da Readsystem, Lda. 2 Universo

Leia mais