Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos"

Transcrição

1 Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: / Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL DIADEMA Benefício: 42/ Espécie: APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO Recorrente: CARLOS ALBERTO DE ALMEIDA Recorrido: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS Assunto: INDEFERIMENTO Relator: Relatório O presente processo refere-se ao pedido de aposentadoria por tempo de contribuição, formulado na Agência da Previdência Social de Diadema/SP, em 14/04/2014, pelo segurado Senhor CARLOS ALBERTO DE ALMEIDA, contando com 48 anos de idade, que foi indeferido por falta de tempo de contribuição, atividades descritas nos DSS 8030 e Laudos Técnicos não foram considerados especiais pela Perícia Médica. Foram apresentados os seguintes documentos: (Evento 03, Doc. Processo Administrativo) - DSS 8030 da empresa Esquadrias Metálicas Ideal Ltda., período de 01/09/1980 a 17/09/1986 (fls. 04/05); - Perfil Profissiográfico Previdenciário/PPP da empresa Transportadora Grande ABC Ltda., período de 13/12/1988 a 12/06/1991 (fls. 06/07); - PPP da empresa Transportadora Grande ABC Ltda., período de 15/07/1991 a 23/04/1992 (fls. 09/10); - PPP da empresa Metra - Sistema Metropolitano de Transportes Ltda., período de 01/05/1997 a 06/10/2011 (fls. 12/13) Os autos foram encaminhados à análise técnica de atividade especial, realizada pelo perito médico do INSS, ante os laudos e documentos exibidos, na qual concluiu por não enquadrar os período de 01/09/1980 a 17/09/1986 a 01/05/1997 a 06/10/2011, como atividade especial, sob a justificativa de que não há LTCAT para ruído: DSS 8030, extemporânea e não há fatores de risco no PPP, restando a análise prejudicada. (fls. 14/15) Mediante a documentação apresentada, o INSS apurou 33 anos, 00 mês e 20 dias de tempo de contribuição, equivalente a 384 meses de carência em contribuições considerada, até a data de 14/04/2014. (fls. 16/17) Deste modo, o benefício fora indeferido por falta de tempo de contribuição até 16/12/1998 ou até a Data de Entrada do Requerimento/DER, atividades descritas nos DSS 8030 e Laudos Técnicos não foram consideradas especiais pela Perícia Médica. (fls. 21/22) Ciência do Segurado acerca do indeferimento do benefício foi obtida em 01/07/2014, consoante AR acostado aos autos no Evento 04 (Doc. Aviso de Recebimento). Irresignado com a denegatória, em 01/07/2014, o Segurado interpôs recurso solicitando reanálise do período de insalubridade da empresa Esquadrias Metálicas Ideal Ltda. e da empresa Metra, onde se encontra em atividade desde 26/11/1992. Na oportunidade, o Segurado juntou aos autos suas Carteiras de Trabalho e Previdência Social/CTPS. (Evento 01, Doc. Recurso Ordinario)

2 Em pesquisa feita pelo Instituto, não foram localizadas ações judiciais de mesmo objeto em nome do Segurado. (Evento 05, Doc. Manifestação sobre ação judicial) O INSS apresentou contrarrazões recursais em 09/12/2014, ratificando os termos do indeferimento. Na sequência, encaminhou os autos a esta 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos da Previdência Social para análise e julgamento do feito. (Evento 07, Doc. Contrarrazões INSS). Diligências preliminares foram emitidas por este Conselheiro Relator a fim de que fossem redigitalizado os documentos constantes dos autos e, posteriormente, redigitalizada a CTPS apresentada pelo interessado. (Eventos 12 e 18) Foi atendido o pedido e redigitalizado os autos e a CTPS do interessado. Assim, através de despacho, os autos retornaram a esta 2ª Composição da 13ª Junta de Recursos da Previdência Social para reanálise a apreciação do feito. (Evento 21) Inclusão em Pauta Incluído em Pauta no dia 18/08/2015 para sessão nº 0408/2015, de 18/08/2015. Voto EMENTA: APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. INDEFERIMENTO. FALTA DE TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. ESPECIALIDADE DE PERÍODOS. ENQUADRAMAENTO INDEVIDO. NÃO PREENCHIMENTO DE REQUISITOS LEGAIS. MANUTENÇÃO DO ATO RECORRIDO. IMPOSSIBILIDADE. LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: ART. 201, 7º, I, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL, DE 1988; ART.S 56, 64, 1º, 68, 2º E 3º E 305, 1º, DO REGULAMENTO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL/RPS, APROVADO PELO DECRETO Nº 3.048/1999; ART. 57 DA LEI Nº 8.213/1991. RECURSO CONHECIDO E NEGADO Em face do relatório apresentado e, que os pressupostos de admissibilidade estão presentes, sobretudo a tempestividade do recurso, nos termos do 1º, do artigo 305, do Regulamento da Previdência Social aprovado pelo Decreto nº 3.048/99, segue-se à análise do mérito. A aposentadoria é a prestação por excelência da Previdência Social, substituindo em caráter permanente, ou pelo menos duradouro, os rendimentos do segurado e assegurando sua subsistência e daqueles que dele dependem. Trata-se de garantia constitucional, minuciosamente tratada no art. 201, 7º, I, da Constituição Federal, de 1988, com nova redação dada pela Emenda Constitucional 20, de 1998, bem como na legislação infraconstitucional, no Regulamento da Previdência Social RPS, aprovado pelo Decreto nº 3.048/1999, sobretudo em seu art. 56. O benefício pleiteado exige como pressuposto carência mínima de 35 anos, se do sexo masculino, ou, de 30 anos de tempo de contribuição, se do sexo feminino. In verbis: Art A previdência social será organizada sob a forma de regime geral, de caráter contributivo e de filiação obrigatória, observados critérios que preservem o equilíbrio financeiro e atuarial, e atenderá, nos termos da lei, a: (redação dada pela Emenda Constitucional nº 20, de 1998) 7º É assegurada aposentadoria no regime geral de previdência social, nos termos da lei, obedecidas as seguintes condições: I - trinta e cinco anos de contribuição, se homem, e trinta anos de contribuição, se mulher; Art. 56. A aposentadoria por tempo de contribuição será devida ao segurado após trinta e cinco anos de contribuição, se homem, ou trinta anos, se mulher, observado o disposto no art. 199-A. Nos termos da legislação previdenciária, o tempo de serviço exercido alternadamente em atividade comum e atividade profissional em condições especiais que sejam ou venham a ser considerados prejudiciais à saúde ou à integridade física será somado, após a respectiva conversão, para complementação do benefício.

3 No que se refere ao período especial, a legislação previdenciária até 28/04/1995 reconhecia os períodos como especiais, quando laborados de acordo com o agente nocivo a que estivera exposto e de acordo com sua função, contudo após a publicação da Lei n de 29 de abril de 1995, a qual alterou o artigo 57 da Lei nº 8.213/1991, o legislador passou a exigir, para o cômputo do tempo de serviço como especial, a comprovação da efetiva exposição a agentes nocivos à saúde nas atividades desempenhadas, com caráter de habitualidade e permanência. A partir de 05 de março de 1997, data da publicação do Decreto nº 2.172/1997 o segurado deverá comprovar a exposição de modo habitual, permanente, não ocasional e nem intermitente aos agentes nocivos constantes do anexo IV deste decreto, conforme inteligência do art. 66 do Decreto nº 2.172/97. O 1º do art. 64 do RPS aprovado pelo Decreto nº 3.048/99 dispõe que a concessão da aposentadoria especial dependerá de comprovação pelo segurado, perante o Instituto Nacional do Seguro Social, do tempo de trabalho permanente, não ocasional nem intermitente, exercido em condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física, durante o período mínimo fixado no caput. Sobre a questão, na redação do Decreto nº de 18 de setembro de 2003, que alterou o art. 68 do RPS aprovado pelo Decreto n º 3.048/99, o legislador estabelece: Art 68. "A relação dos agentes nocivos químicos, físicos, biológicos ou associação de agentes prejudiciais à saúde ou à integridade física, considerados para fins de concessão de aposentadoria especial, consta do Anexo IV. (...) 2º A comprovação da efetiva exposição do segurado aos agentes nocivos será feita mediante formulário denominado perfil profissiográfico previdenciário, na forma estabelecida pelo Instituto Nacional do Seguro Social, emitido pela empresa ou seu preposto, com base em laudo técnico de condições ambientais do trabalho expedido por médico do trabalho ou engenheiro de segurança do trabalho. (Redação dada pelo Decreto nº 4.032, de 2001). 3 o Do laudo técnico referido no 2 o deverá constar informação sobre a existência de tecnologia de proteção coletiva, de medidas de caráter administrativo ou de organização do trabalho, ou de tecnologia de proteção individual, que elimine, minimize ou controle a exposição a agentes nocivos aos limites de tolerância, respeitados o estabelecido na legislação trabalhista. (redação dada pelo Decreto nº 4.882, de 2003)." Ressalta-se que com o cancelamento da súmula 32 da TNU, são considerados: 1) 80 decibéis, na vigência do Decreto /64. 2) 90 decibéis, a partir de 6 de março de 1997 (vigência do Decreto n /97). 3) 85 decibéis, a partir da edição do Decreto de 18 de novembro de Em relação ao uso dos EPIs a ser considerado insalubre e à extemporaneidade dos dados ambientais, respectivamente, temos as Súmulas 09 e 68 da Turma Nacional de Uniformização/TNU de Jurisprudência, que disciplinam: Súmula 09 da TNU: O uso de Equipamento de Proteção Individual (EPI), ainda que elimine a insalubridade, no caso de exposição a ruído, não descaracteriza o tempo de serviço especial prestado. (03/12/1998) Súmula nº 68: "O laudo pericial não contemporâneo ao período trabalhado é apto à comprovação da atividade especial do segurado." A controvérsia objeto do requerimento do recurso visa a concessão de aposentadoria por tempo de contribuição com o reconhecimento das atividades exercidas em condições especiais nos períodos de 01/09/1980 a 17/09/1986 e de 01/05/1997 a 06/10/2011, os quais não foram considerados pelo INSS, havendo somente o cômputo em tempo comum. Ademais, vê-se que o INSS realizou análise da especialidade dos períodos de 13/12/1988 a 12/06/1991 e de 15/07/1991 a 23/04/1992, e os enquadrou como atividade especial, no Código do Anexo III do Decreto nº /1964, conforme se vê no resumo de documentos para cálculo de tempo de contribuição às fls. 16/17 dos autos, portanto, são incontroversos.

4 Passamos então, a análise de tais períodos não reconhecidos e não analisados pela perícia médica do INSS/Instituto Nacional do Seguro Social: DSS 8030 da empresa Esquadrias Metálicas Ideal Ltda. Período de 01/09/1980 a 17/09/1986: Atividade profissional: Ajudante de serralheiro. Agentes nocivos fumos metálicos e poeiras. No formulário DSS 8030 consta informação que a empresa não possui Laudo Técnico pericial. Desta forma, resta a análise do formulário prejudicada, não sendo cabível o reconhecimento de atividade especial do período, pois não ha habitualidade frente aos agentes nocivos indicados. PPP da empresa Metra - Sistema Metropolitano de Transportes Ltda. Período de 01/05/1997 a 06/10/2011: Cargo: Motorista. Não há exposição a fatores de risco. Ainda que o Segurado tenha exercido o cargo de motorista, contudo, não é cabível o enquadramento por função motorista, vez que a Lei nº 9.032/1995 e o Decreto nº 2.172/1997 passaram a exigir efetiva prova acerca da insalubridade alegada, não bastando a mera denominação do cargo para que seja presumidamente considerado insalubre ou perigosa a atividade. Desta forma, indevido o reconhecimento da especialidade do período. Desta feita, tendo em vista que os documentos acostados ao requerimento administrativo não alteram a contagem elaborada pelo INSS, ratifica-se a decisão proferida pelo INSS, sendo considerado que o Recorrente NÃO FAZ JUS à concessão da aposentadoria por tempo de contribuição, conforme pleiteado, mantendo tempo insuficiente para sua concessão. CONCLUSÃO: Por todo o exposto, VOTO no sentido de que SE CONHEÇA DO RECURSO interposto pelo interessado, para, no mérito, NEGAR-LHE PROVIMENTO de reconhecimento de períodos especiais, sem garantir-lhe a concessão do benefício de aposentadoria por tempo de contribuição por não preenchimento dos requisitos mínimos legais, nos termos da fundamentação. Relator(a) Declaração de Voto Conselheiro(a) concorda com voto do relator(a). CAROLINA ANDREA BUSTAMANTE ITURRIETA Conselheiro(a) Suplente Representante das Empresas Declaração de Voto Presidente concorda com voto do relator(a). MARISTELA BOSQUE FERREIRA Presidente Decisório Nº Acórdão: 3269 / 2015 Vistos e relatados os presentes autos, em sessão realizada hoje, ACORDAM os membros da 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos do CRPS, em CONHECER DO RECURSO E NEGAR-LHE PROVIMENTO, POR UNANIMIDADE, de acordo com o voto do(a) Relator(a) e sua fundamentação.

5 Participou, ainda, do presente julgamento, o(a) Conselheiro(a) CAROLINA ANDREA BUSTAMANTE ITURRIETA. Relator(a) MARISTELA BOSQUE FERREIRA Presidente

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.584279/2016-99 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.282842/2014-25 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL JUNDIAÍ-ELOY

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.009202/2014-72 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL ALEGRETE Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.514484/2015-14 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SALVADOR-CENTRO

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.484282/2015-22 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL AMERICANA Benefício:

Leia mais

09ª JR - Nona Junta de Recursos

09ª JR - Nona Junta de Recursos 09ª JR - Nona Junta de Recursos Documento: 0152.988.122-3 Tipo do Processo: BENEFíCIO Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SOROCABA ZONA NORTE-APSSZN Nº de Protocolo do Recurso: 35624.003988/2010-96

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 18ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.470324/2015-48 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO LEOPOLDO

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.101763/2014-22 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL PIRACICABA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Nº de Protocolo do Recurso: 36096.004564/2011-16 Unidade de Origem: APS João Pessoa Sul/PB Documento: 148.945.331-5

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.247906/2014-41 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.137302/2013-15 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Moacir Ap. M. Pereira OAB SP 116.800

Moacir Ap. M. Pereira OAB SP 116.800 Bem vindos à Palestra Moacir Ap. M. Pereira OAB SP 116.800 Sócio-proprietário do escritório APARECIDO INÁCIO e PEREIRA Advogados Associados, com atuação voltada às áreas Trabalhista e Sindical, Professor

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 12ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 12ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 12ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.175989/2014-60 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL RIO DE JANEIRO-COSME

Leia mais

PARECER Nº, DE 2005. RELATOR: Senador AUGUSTO BOTELHO I RELATÓRIO

PARECER Nº, DE 2005. RELATOR: Senador AUGUSTO BOTELHO I RELATÓRIO PARECER Nº, DE 2005 Da COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS, em decisão terminativa, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 208, de 2005, que altera a redação do art. 58 da Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, para

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 956.110 - SP (2007/0123248-2) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS PROCURADOR : KEILA NASCIMENTO SOARES E OUTRO(S) RECORRIDO

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200970510101919/PR RELATOR : Juíza Federal Ana Beatriz Vieira da Luz Palumbo RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS ANTONIO MOURA SOARES RECORRIDO

Leia mais

TERCEIRA TURMA RECURSAL JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS SEÇÃO JUDICIÁRIA DO PARANÁ

TERCEIRA TURMA RECURSAL JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS SEÇÃO JUDICIÁRIA DO PARANÁ Autos nº: 201070560014978 Relator: Juiz Federal Eduardo Appio Recorrente: Ademir José Moreira Recorrente: Instituto Nacional do Seguro Social Recorrido: Os mesmos Juízo: Vara do JEF Cível de Guarapuava

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.383098/2015-66 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL NOVA VENÉCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 10ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 10ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 10ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.186421/2013-93 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.034761/2014-11 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL FLORIANÓPOLIS-CENTRO

Leia mais

CARTILHA SOBRE DIREITO À APOSENTADORIA ESPECIAL APÓS A DECISÃO DO STF NO MANDADO DE INJUNÇÃO Nº 880 ORIENTAÇÕES DA ASSESSORIA JURIDICA DA FENASPS

CARTILHA SOBRE DIREITO À APOSENTADORIA ESPECIAL APÓS A DECISÃO DO STF NO MANDADO DE INJUNÇÃO Nº 880 ORIENTAÇÕES DA ASSESSORIA JURIDICA DA FENASPS CARTILHA SOBRE DIREITO À APOSENTADORIA ESPECIAL APÓS A DECISÃO DO STF NO MANDADO DE INJUNÇÃO Nº 880 ORIENTAÇÕES DA ASSESSORIA JURIDICA DA FENASPS 1. Que entidades conseguiram no Supremo Tribunal Federal

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200970530026113/PR RELATOR : Juiz Federal José Antonio Savaris RECORRENTES : ANTONIO COSTA CONSTANTINO e INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL RECORRIDOS : OS MESMOS

Leia mais

RESOLUÇÃO CRP-16 Nº 005/2012

RESOLUÇÃO CRP-16 Nº 005/2012 RESOLUÇÃO CRP-16 Nº 005/2012 Institui procedimentos para solicitação e efetivação de cancelamento da inscrição de pessoa física junto ao CRP-16 e dá outras providências. Revoga a resolução CRP 16 nº. 003/2009.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO AGRAVO LEGAL EM APELAÇÃO CÍVEL Nº 0000720-74.2007.4.03.9999/SP 2007.03.99.000720-4/SP RELATOR : Juiz Federal Convocado Silvio Gemaque APELANTE :

Leia mais

PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO

PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO ELABORAÇÃO: COMISSÃO DO CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO Presidente Antonio Augusto Silva Pereira de Carvalho Coordenador

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200770500043010/PR RELATOR : Juíza Luciane Merlin Clève Kravetz RECORRENTE : SYLVIO DE ALMEIDA SILVA RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS VOTO Trata-se

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Nº de Protocolo do Recurso: 36994.001921/2010-71 Unidade de Origem: APS Alfenas/GEX Varginha/MG Documento: 42/150.380.270-9

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0012063-04.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO AGRAVADO: JULIANA SILVA DE OLIVEIRA RELATOR: Des. EDUARDO DE AZEVEDO PAIVA EMENTA AGRAVO DE INSTRUMENTO. FAZENDA

Leia mais

V I S T O S, relatados e discutidos estes autos de

V I S T O S, relatados e discutidos estes autos de EMENTA RECURSO ORDINÁRIO, provenientes da CURITIBA - PR, sendo Recorrentes ADVOGADO ASSOCIADO - VÍNCULO DE EMPREGO - NÃO CONFIGURADO - Comprovado que a parte autora firmou "contrato de associação com advogado"

Leia mais

INSS ALTERA MAIS UMA VEZ AS CONDIÇÕES PARA A CONCESSÃO DA APOSENTADORIA ESPECIAL IMPONDO NOVOS ÔNUS PARA AS EMPRESAS

INSS ALTERA MAIS UMA VEZ AS CONDIÇÕES PARA A CONCESSÃO DA APOSENTADORIA ESPECIAL IMPONDO NOVOS ÔNUS PARA AS EMPRESAS INSS ALTERA MAIS UMA VEZ AS CONDIÇÕES PARA A CONCESSÃO DA APOSENTADORIA ESPECIAL IMPONDO NOVOS ÔNUS PARA AS EMPRESAS Jaques Sherique - Engenheiro de Segurança do Trabalho, Presidente da ABPA-SP 2º Vice-Presidente

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.409.688 - SP (2013/0336707-5) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : EDS ELECTRONIC DATA SYSTEMS

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2.ª Turma Recursal dos Juizados Especiais Federais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2.ª Turma Recursal dos Juizados Especiais Federais 1 Recurso Cível JEF: 2009.70.55.000196-1 Recorrente(s): CELSO BANG FIGUEREDO Recorrido(s): INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS Relator: Juiz Federal Leonardo Castanho Mendes RELATÓRIO Trata-se de

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Acórdão 1a Turma PODER JUDICIÁRIO FEDERAL RECURSO ORDINÁRIO. CERCEAMENTO DE DEFESA. NULIDADE. Quando o juiz determina a produção de determinada prova, imperativo é que as partes, em seu dever de contribuir

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Número do Processo: 35183.001237/2015-86 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL CURITIBA-CÂNDIDO

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Protocolo: 35475.000930/2013-94 Tipo do Processo: Benefício Unidade de Origem: APS Jaú/SP Nº de Protocolo do Recurso:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO : Desembargadora Federal : SP125127 GIUSEPPE ALEXANDRE COLOMBO LEAL e outro RELATÓRIO A Excelentíssima Senhora Desembargadora Federal (Relatora):

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Nº de Protocolo do Recurso: 35551.000744/2009-19 Unidade de Origem: APS Frederico Westphalen/RS Documento: 0146.911.094-3

Leia mais

EMENTA CIVIL - DANOS MORAIS - NEGATIVA NA CONCESSÃO DE PASSE LIVRE EM VIAGEM INTERESTADUAL - TRANSPORTE IRREGULAR - INDENIZAÇÃO DEVIDA.

EMENTA CIVIL - DANOS MORAIS - NEGATIVA NA CONCESSÃO DE PASSE LIVRE EM VIAGEM INTERESTADUAL - TRANSPORTE IRREGULAR - INDENIZAÇÃO DEVIDA. Órgão: 1ª Turma Recursal dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais Classe: ACJ Apelação Cível no Juizado Especial N. Processo: 2007.09.1.022383-7 Apelante:VIAÇÃO TRANSPIAUÍ SÃO RAIMUNDENSE LTDA Apelado:

Leia mais

Nota Técnica nº 446/2010/COGES/DENOP/SRH/MP. ASSUNTO: Averbação de tempo de serviço. Referência: Processo Administrativo nº 10176.

Nota Técnica nº 446/2010/COGES/DENOP/SRH/MP. ASSUNTO: Averbação de tempo de serviço. Referência: Processo Administrativo nº 10176. MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais Coordenação-Geral de Elaboração, Sistematização e Aplicação das Normas Nota

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO A C Ó R D Ã O (C S J T) BL/rk/BL CONSULTA. DECISÃO DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO FAVORÁVEL AO DIREITO À PERCEPÇÃO DO ABONO DE PERMANÊNCIA POR SERVIDOR QUE FAZ JUS À APOSENTADORIA ESPECIAL.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO EMENTA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO EMENTA nteiro Teor (4842046) de 8 03/03/2016 09:31 PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO APELAÇÃO CÍVEL Nº 0009189-59.2013.4.03.6100/SP 2013.61.00.009189-0/SP RELATOR APELANTE ADVOGADO APELADO(A)

Leia mais

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 DISPÕE SOBRE APROVAÇÃO DO REGIMENTO INTERNO DAS JUNTAS ADMINISTRATIVAS DE RECURSOS DE INFRAÇÕES JARI DO MUNICÍPIO DE CUIABÁ MT. O prefeito Municipal de Cuiabá-MT,

Leia mais

PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO

PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO : CONSULTA INTERESSADO : FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES DE FELIZ NATAL GESTOR : DANIELA DICÉLIA SCARIOT RELATOR : CONSELHEIRO-SUBSTITUTO JOÃO BATISTA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social Conselho Pleno Nº de Protocolo do Recurso: 35397.000486/2011-15 Unidade de Origem: APS Itapira/SP Documento: 0154.169.464-0 Recorrente:

Leia mais

RECORRIDA DÉCIMA TURMA DA JUNTA DE REVISÃO FISCAL

RECORRIDA DÉCIMA TURMA DA JUNTA DE REVISÃO FISCAL PUBLICAÇÃO DA DECISÃO DO ACÓRDÃO No D.O. 16 / 10 / 2014 Fls.: 30 SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Processo nº E-04 / 180.405/2012 Sessão de 16 de julho de 2014 SEGUNDA CÂMARA RECURSO Nº - 51.632 ACÓRDÃO Nº 12.116

Leia mais

PROCESSO Nº TST-RR-4919-70.2012.5.12.0028. A C Ó R D Ã O (8ª Turma) GMMEA/apm/lf

PROCESSO Nº TST-RR-4919-70.2012.5.12.0028. A C Ó R D Ã O (8ª Turma) GMMEA/apm/lf A C Ó R D Ã O (8ª Turma) GMMEA/apm/lf I - AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA. PROCESSO ELETRÔNICO PORTADOR DE DEFICIÊNCIA. CONTRATAÇÃO DE OUTRO EMPREGADO NAS MESMAS CONDIÇÕES. AUSÊNCIA DE PROVA

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200870580000930/PR RELATORA : Juíza Ana Beatriz Vieira da Luz Palumbo RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS RECORRIDO : DIRCÉLIA PEREIRA 200870580000930

Leia mais

Advogados: Marcio Chachamovich e Guilherme Portanova Av. Soledade, 442 Porto Alegre RS Fone: (51) 30263811

Advogados: Marcio Chachamovich e Guilherme Portanova Av. Soledade, 442 Porto Alegre RS Fone: (51) 30263811 Advogados: Marcio Chachamovich e Guilherme Portanova Av. Soledade, 442 Porto Alegre RS Fone: (51) 30263811 Esta modalidade de serviço é voltada para os trabalhadores em atividade, e consiste na realização

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA EMENTA PREVIDENCIÁRIO. APOSENTADORIA. CONTAGEM DE TEMPO DE SERVIÇO EXERCIDO EM CONDIÇÕES ESPECIAIS. COMPROVAÇÃO POR MEIO DE FORMULÁRIO PRÓPRIO. POSSIBILIDADE ATÉ

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO Dra. Thais Riedel Apresentação Palestrante Formação Acadêmica: Faculdade de Direito Faculdade de Ciências Políticas Especialização em Processo Civil Especialização

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo XXXVI CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO

Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo XXXVI CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo XXXVI CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO 2015 Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo Recolocação Profissional Perfil

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0701.11.038426-3/001 Númeração 0384263- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Versiani Penna Des.(a) Versiani Penna 14/11/2013 25/11/2013 EMENTA: APELAÇÃO

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E RECONHECIMENTO DO DIREITO AOS SERVIDORES PÚBLICOS

APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E RECONHECIMENTO DO DIREITO AOS SERVIDORES PÚBLICOS 2015 APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E RECONHECIMENTO DO DIREITO AOS SERVIDORES PÚBLICOS Márcia Touni Advocacia 18/03/2015 APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE E RECONHECIMENTO

Leia mais

RECURSO- RECURSO VOLUNTÁRIO ACÓRDÃO 4A JJF Nº 0378-04/02

RECURSO- RECURSO VOLUNTÁRIO ACÓRDÃO 4A JJF Nº 0378-04/02 CONSELHO FISCAL DO ESTADO DA BAHIA PROCESSO- A.I. Nº 022198.0415/02-6 RECORRENTE- AMÉRICA SUPER TRADER LTDA. RECORRIDA- FAZENDA PÚBLICA ESTADUAL RECURSO- RECURSO VOLUNTÁRIO ACÓRDÃO 4A JJF Nº 0378-04/02

Leia mais

LUIZ ANTONIO SOARES DESEMBARGADOR FEDERAL RELATOR

LUIZ ANTONIO SOARES DESEMBARGADOR FEDERAL RELATOR Apelação Cível - Turma Espec. II - Tributário Nº CNJ : 0100686-34.2014.4.02.5006 (2014.50.06.100686-0) RELATOR : LUIZ ANTONIO SOARES APELANTE : PARANÁ GRANITOS LTDA ADVOGADO : EDGAR LENZI E OUTROS APELADO

Leia mais

MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO. (para servidores militares)

MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO. (para servidores militares) TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO nº 260/2013 ARQUIVOS DE IMPORTAÇÃO (para servidores militares) VERSÃO 2014 Layout para a importação

Leia mais

RELATÓRIO. Informações do MM. Juízo a quo, às fls. 55/56, comunicando a manutenção da decisão agravada.

RELATÓRIO. Informações do MM. Juízo a quo, às fls. 55/56, comunicando a manutenção da decisão agravada. RELATOR : DESEMBARGADOR FEDERAL ALBERTO NOGUEIRA AGRAVANTE : FRANCISCO RECAREY VILAR ADVOGADO : MARCIO ANDRE MENDES COSTA AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL ORIGEM : TERCEIRA VARA FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (200151015086382)

Leia mais

PARECER N.º 104/CITE/2014

PARECER N.º 104/CITE/2014 PARECER N.º 104/CITE/2014 Assunto: Parecer relativo a queixa sobre a recusa de autorização de trabalho em regime de horário flexível, pedido pela trabalhadora com responsabilidades familiares ao Laboratório,

Leia mais

PROCESSO: 0000461-54.2010.5.01.0038 RTORD

PROCESSO: 0000461-54.2010.5.01.0038 RTORD ACÓRDÃO 7ª TURMA TERCEIRIZAÇÃO. ENQUADRAMENTO. CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Não demonstrada a ilicitude na terceirização dos serviços, as vantagens salariais previstas em norma coletiva inerente à categoria

Leia mais

Faço uma síntese da legislação previdenciária e das ações que dela decorreram. 1. A LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA

Faço uma síntese da legislação previdenciária e das ações que dela decorreram. 1. A LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA DECISÃO: O INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL-INSS ajuíza suspensão de segurança em face de decisão da 1ª Turma Recursal do Juizado Especial Federal Cível de São Paulo que antecipou 21.416 (vinte e um

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº201070500116485/PR RELATORA : Juíza Narendra Borges Morales RECORRENTE : KANAYO TAKII NITTA E JULIANE NITTA RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Acórdão 5a Turma Comprovado pelo laudo pericial que o Reclamante laborava em condições perigosas, devido o adicional de periculosidade. Vistos, relatados e discutidos os presentes autos de RECURSO ORDINÁRIO

Leia mais

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO PROPOSTA DE RESOLUÇÃO Regulamenta a Lei Estadual nº 11.170/2008, dispondo sobre a progressão funcional dos servidores no âmbito do Poder Judiciário do Estado da Bahia. O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA

Leia mais

MPS Ministério da Previdência Social SPS Secretaria de Políticas de Previdência Social. A Regulamentação das Aposentadorias Especiais

MPS Ministério da Previdência Social SPS Secretaria de Políticas de Previdência Social. A Regulamentação das Aposentadorias Especiais MPS Ministério da Previdência Social SPS Secretaria de Políticas de Previdência Social A Regulamentação das Aposentadorias Especiais Brasília - DF, 14 de setembro de 2010 Quantidade de Servidores da União,

Leia mais

Vistos, relatados e discutidos os presentes autos de recurso interposto por GIOVANNI ALVISI JARDIM.

Vistos, relatados e discutidos os presentes autos de recurso interposto por GIOVANNI ALVISI JARDIM. Recurso nº. : 147.460 Matéria : IRPF - Ex(s): 2001 Recorrente : GIOVANNI ALVISI JARDIM Recorrida : 5ª TURMA/DRJ-BELO HORIZONTE/MG Sessão de : 27 de julho de 2006 RENDIMENTOS - MOLÉSTIA GRAVE - ISENÇÃO

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União Referência: 00077.000030/2013-55 Assunto: Recursos interpostos por cidadão à CGU contra decisão denegatória de acesso à informação, com fundamento no art. 23 do Decreto n o 7.724, de 16 de maio de 2012.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 660.284 - SP (2004/0071142-4) RELATORA RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : PANAMERICANO ARRENDAMENTO MERCANTIL S/A : MANUEL MAGNO ALVES E OUTROS : ALEXANDRE ALMADA DANTAS

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO Referência: 60502.002325/2013-21 Assunto: PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DESPACHO Recurso contra decisão proferida pelo Comando da Aeronáutica - COMAER, que negou provimento ao pedido de acesso à informação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 494.366 - PE (2002/0172296-0) RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA RECORRENTE : COOPERATIVA DE SERVIÇOS MÉDICOS GRUPO MATERNO INFANTIL DE PERNAMBUCO ADVOGADO : CARLOS ALBERTO AQUINO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 0044606-60.2014.4.01.0000/GO (d) R E L A T Ó R I O

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 0044606-60.2014.4.01.0000/GO (d) R E L A T Ó R I O 21 100 PODER JUDICIÁRIO R E L A T Ó R I O O Exmo. Sr. Desembargador Federal JIRAIR ARAM MEGUERIAN (Relator): Trata-se de agravo de instrumento interposto pela Associação Aparecidense de Educação, mantenedora

Leia mais

DESENVOLVIMENTO VÁLIDO E REGULAR DO PROCESSO - QUESTÃO DE ORDEM PÚBLICA - EXTINÇÃO DO FEITO SEM JULGAMENTO DO MÉRITO - ART. 557, DO CPC.

DESENVOLVIMENTO VÁLIDO E REGULAR DO PROCESSO - QUESTÃO DE ORDEM PÚBLICA - EXTINÇÃO DO FEITO SEM JULGAMENTO DO MÉRITO - ART. 557, DO CPC. AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 929977-6, DO FORO REGIONAL DE FAZENDA RIO GRANDE DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA - VARA CÍVEL E ANEXOS AGRAVANTE : ROBERTO GOMES DA SILVA AGRAVADO : BANCO SANTANDER

Leia mais

EDITAL EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA EMBRAPA HORTALIÇAS

EDITAL EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA EMBRAPA HORTALIÇAS EDITAL EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA EMBRAPA HORTALIÇAS Processo de Recrutamento e Avaliação da Habilitação de Candidatos ao Cargo de Chefe-Geral da Embrapa Hortaliças O Presidente

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho)

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPUTADO POLICARPO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) Dispõe sobre a criação de cargos de

Leia mais

P O D E R J U D I C I Á R I O

P O D E R J U D I C I Á R I O Número de Ordem Pauta Não informado Registro: 2011.0000035249 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Agravo de Instrumento nº 0565228-16.2010.8.26.0000, da Comarca de Monte Aprazível, em

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR JOÃO ALVES DA SILVA ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL N. 200.2011.007481-8/001 RELATORA : Vanda Elizabeth Marinho Juíza Convocada APELANTE : Adriano Damasceno

Leia mais

Portal Nacional de Direito do Trabalho www.pndt.com.br. Resolução nº 485 do MPS

Portal Nacional de Direito do Trabalho www.pndt.com.br. Resolução nº 485 do MPS Portal Nacional de Direito do Trabalho www.pndt.com.br Resolução nº 485 do MPS MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL DOU de 09/07/2015 (nº 129, Seção 1, pág. 52) RESOLUÇÃO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO PROCESSO Nº 009.707/2015 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2013 OBJETO: Registro de preços para eventual contratação de empresa especializada na prestação de serviços de controle sanitário integrado no combate

Leia mais

Em Despacho nº 715/2011/GFIS/SER/ANAC, de 11/05/2011 (fls. 12 do processo

Em Despacho nº 715/2011/GFIS/SER/ANAC, de 11/05/2011 (fls. 12 do processo DECISÃO JR Nº PROC. ADM.: 60800.084264/2011-85 Nº PROC.: 619.177/08-0 Nº DATA AI/NI: 141 e 142/SAC-GR/2006 31/08/2006 NOME DO INTERESSADO: S.A VIAÇÃO AEREA RIO-GRANDENSE EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL Nº DATA

Leia mais

: DES. FEDERAL VLADIMIR SOUZA CARVALHO - 2ª TURMA

: DES. FEDERAL VLADIMIR SOUZA CARVALHO - 2ª TURMA Tribunal Regional Federal da 5ª Região PJe-AGRAVO DE INSTRUMENTO 0800442-29.2015.4.05.0000 AGRAVANTE (Relatório) O desembargador federal Vladimir Souza Carvalho: Cuida-se de agravo de instrumento interposto

Leia mais

2ª TURMA RECURSAL JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS SEÇÃO JUDICIÁRIA DO PARANÁ

2ª TURMA RECURSAL JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS SEÇÃO JUDICIÁRIA DO PARANÁ Processo nº 2008.70.62.001065-5 Relatora: Juíza Federal Andréia Castro Dias Recorrente: Instituto Nacional do Seguro Social INSS Recorrido: PATRICK JUNIOR MORETTI, representado por TEREZINHA ZINO DE GOIS

Leia mais

Universidade de São Paulo. Departamento de Recursos Humanos da CODAGE. Divisão de Saúde, Higiene, Segurança e Medicina do Trabalho

Universidade de São Paulo. Departamento de Recursos Humanos da CODAGE. Divisão de Saúde, Higiene, Segurança e Medicina do Trabalho Universidade de São Paulo Departamento de Recursos Humanos da CODAGE Divisão de Saúde, Higiene, Segurança e Medicina do Trabalho PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO P.P.P. PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO

Leia mais

Nº 70018581652 COMARCA DE NOVO HAMBURGO A C Ó R D Ã O

Nº 70018581652 COMARCA DE NOVO HAMBURGO A C Ó R D Ã O LEI MARIA DA PENHA. MEDIDAS PROTETIVAS DE URGÊNCIA. AFASTAMENTO DO AGRESSOR DO LOCAL DE TRABALHO DA VÍTIMA. Em boa hora, a Lei 11.340/2006, chamada de Lei Maria da Penha, inseriu no ordenamento jurídico

Leia mais

PARECER Nº 250/2015. Sob esse tema o art. 60 da Consolidação das Leis do Trabalho - Decreto Lei 5452/4, assim dispõe:

PARECER Nº 250/2015. Sob esse tema o art. 60 da Consolidação das Leis do Trabalho - Decreto Lei 5452/4, assim dispõe: PARECER Nº 250/2015 ANÁLISE DA PORTARIA DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO (MTE) Nº 702, DE 28/05/2015, PUBLICADA NO DOU DO DIA 29, QUE ESTABELECE REQUISITOS PARA A PRORROGAÇÃO DE JORNADA EM ATIVIDADE

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0055626-48.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: JAQUELINE MACIEL LOURENÇO DA SILVA

AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0055626-48.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: JAQUELINE MACIEL LOURENÇO DA SILVA AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0055626-48.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: JAQUELINE MACIEL LOURENÇO DA SILVA AGRAVADO: INSTITUTO ANALICE LTDA RELATOR: DES. AUGUSTO ALVES MOREIRA JUNIOR AGRAVO DE INSTRUMENTO. DIREITO

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO B JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200870610012515/PR RELATOR : Juíza Narendra Borges Morales RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS RECORRIDO : ILDETE VIANA AMORIM DE MORAIS VOTO

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 10 16/04/2013 SEGUNDA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 667.692 SÃO PAULO RELATOR : MIN. RICARDO LEWANDOWSKI AGTE.(S) :SUDARCY SANSAO

Leia mais

DESPACHO DE JULGAMENTO

DESPACHO DE JULGAMENTO DESPACHO DE JULGAMENTO Referência: 99902.000265/2013-34 Assunto: Recurso interposto por cidadã à CGU, com fundamento no art. 23 do Decreto n o 7.724, de 16 de maio de 2012, contra negativa de acesso. I

Leia mais

Informativo 26/2015. SEGURO-DESEMPREGO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS Resolução nº 754, de 26.08.15

Informativo 26/2015. SEGURO-DESEMPREGO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS Resolução nº 754, de 26.08.15 Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 SEGURO- DESEMPREGO Resolução Nº 754, de 28.08.15 Informativo 26/2015 SEGURO-DESEMPREGO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS Resolução nº 754, de 26.08.15 O Ministério

Leia mais

REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO

REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO DOS CONTRATANTES Art. 1º - Pela matrícula, a Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, doravante denominada FITO e o Aluno e/ou Responsável Financeiro estabelecem recíprocos

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO NONA CÂMARA CÍVEL Apelação nº 0006551-75.2006.8.19.0003 Apelante: DULCINÉIA TEODORO SERENO Apelante: MUNICÍPIO DE ANGRA DOS REIS Apelante: MINISTÉRIO PÚBLICO Apelados: OS MESMOS Relator: DES. CARLOS EDUARDO

Leia mais

RELATÓRIO. Após regularmente processados, vieram-me conclusos os autos por distribuição por sucessão, em abril de 2015.

RELATÓRIO. Após regularmente processados, vieram-me conclusos os autos por distribuição por sucessão, em abril de 2015. PROCESSO Nº: 0802480-48.2014.4.05.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO RELATOR(A): DESEMBARGADOR(A) FEDERAL IVAN LIRA DE CARVALHO (CONVOCADO) - 2ª TURMA RELATÓRIO O EXMO. DESEMBARGADOR FEDERAL IVAN LIRA DE CARVALHO

Leia mais

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0054-06/99-1 Identidade do documento: Acórdão 54/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas. Centro Psiquiátrico Pedro II. Exercício de 1997. Garantias

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Fundação Universidade de Brasília UNB. RELATÓRIO Data Teor

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Fundação Universidade de Brasília UNB. RELATÓRIO Data Teor PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 2480.024/201-15 Assunto: Restrição de acesso: Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 3.150, DE 2008 Dispõe sobre as condições de trabalho dos assistentes sociais. Autor: Deputada ALICE PORTUGAL Relator: Deputado

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 106.421 - SP (2009/0126372-1) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN AGRAVANTE : ASSOCIAÇÃO SAÚDE DA FAMÍLIA : MARCO ANTÔNIO OLIVA AGRAVADO : CAIO CÉSAR FERRACIOLI FERREIRA

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL

APOSENTADORIA ESPECIAL FUNDAMENTO LEGAL Artigo 201, 1º, CF/88 Artigo 57 e 58 da Lei 8213/91 Artigo 64 a 70, do Decreto 3048/99 Artigo 246 a 299 da IN 77/2015 CONCEITO É o benefício previdenciário devido ao segurado que tenha

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União Referência: 25820.006230/2013-82 Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão/Entidade recorrido: Recorrente: Recurso contra decisão denegatória

Leia mais

Preparo comprovado às fls. 49/52.

Preparo comprovado às fls. 49/52. Acórdão 8a Turma RECURSO ORDINÁRIO. DANO MORAL. ACIDENTE DO TRABALHO. AMPUTAÇÃO DE PARTE DO DEDO POLEGAR DA MÃO DIREITA. A lesão psicofísica, com sequela que causa incapacidade para o trabalho - ainda

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO C

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO C JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº201070630010993/PR RELATORA : Juíza Andréia Castro Dias RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL RECORRIDA : MARIA APARECIDA FERNANDES DE OLIVEIRA V O T

Leia mais

ANÁLISE MARCELO BECHARA DE SOUZA HOBAIKA

ANÁLISE MARCELO BECHARA DE SOUZA HOBAIKA CONSELHEIRO RELATOR ANÁLISE NÚMERO E ORIGEM: 201/2013-GCMB DATA: 22/03/2013 MARCELO BECHARA DE SOUZA HOBAIKA 1. ASSUNTO Pedido formulado por BRASIL TELECOMUNICAÇÕES S/A, Concessionária do Serviço de TV

Leia mais