Mercado Brasileiro de Relógios 2011

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mercado Brasileiro de Relógios 2011"

Transcrição

1 Mercado Brasileiro de Relógios Preparado pelo Centro de Estudos, Pesquisas, e Desenvolvimento CREBi Research Nota: Este trabalho desenvolvido pelo CREBi.com pode ser reproduzido livremente, desde que citada a fonte.

2 1. Introdução Da mesma forma como publicou o estudo Comércio Internacional de Joias e Relógios do Brasil, o CREBi Research está apresentando a 1a versão do estudo-pesquisa Mercado Brasileiro de Relógios, o único até então sobre o mercado nacional de relógios de nosso conhecimento. O CREBi.com se esforça para mostrar a realidade do mercado, podendo ocorrer diferenciações para mais ou para menos. A metodologia de cálculo do CREBi.com está apresentada junto com o descritivo de cada segmento. Como se trata de um estudo de grande envergadura realizado com recursos próprios em prol da comunidade, o CREBi.com espera que a partir de 2015 este trabalho esteja totalmente estruturado. Este estudo se divide em 4 partes: - Faturamento do setor - Número de empregados - Posição do setor no mundo - Perspectivas para Acredita-se com este trabalho, será possível dimensionar este segmento no Brasil e traçar planos para seu desenvolvimento. 2

3 2. Faturamento do setor No quadro a seguir, mostra-se o faturamento de em totalizado em produção interna, importação e exportação. Simultaneamente, apresenta-se o faturamento do varejo de relógios distribuídos por 3 segmentos de venda. Brazilian Watches Revenues Faturamento Brasileiro de Relógios 2010 Total Domestic Export Import Total % Production 2010X Finished Products (Produtos Acabados) Wrist Watches/Pocket/Panels (Relógios de Pulso/Bolso/Painéis) Alarm Clock/Point Watch (Despertadores/Relógios Ponto) Total Watch Parts (Peças p/relógios) Mechanisms (Mecanismos/Maquinismos Boxes/Bracelets/Accessories - (Caixas/Pulseiras/Acessórios) Technical Service (Assistência Técnica) Total Total Watch Retail (Varejo Relógios) No Specialized Stores * (Lojas não especializadas) Specialized Stores * (Lojas especializadas) Luxury Watches Stores * (Lojas de Relógios de luxo) Total TOTAL Geral R$ TOTAL in US$ 1,127,143 1,342,853 Notas: 1. Valor em R$ mil 2 Os itens * estão em análise superficial e em reformulação. 3. A metodologia de cálculo encontra-se disponível neste estudo. 4. A produção interna é calculada em números aproximados conforme as variáveis para cada item. 3

4 Produtos Acabados O grupo formado por relógios de pulso e outros e despertadores e relógios de ponto, mecanismos de tempo para indústrias. Relógios O mercado brasileiro é formado por aproximadamente 38 fabricantes de relógios, sendo 35% deles pertencentes ao Pólo Relojoeiro de Manaus. Base para cálculo Pelo faturamento obtido das 5 empresas (tipo S.A.) em e 2010, foi possível projetar o faturamento total do setor pelo uso de diversas variáveis, entre elas a participação de mercado, mais a contabilização de dados de produtos ilícitos. Para confirmar e testar o valor obtido extrapolou-se o valor obtido com diversos sistemas de referência que permitem gerar e transmitir a aceitação dos resultados. Outros (despertadores, relógios de ponto, circuitos de tempo) Este grupo inclui relógios de parede, despertadores, relógios de ponto, relógios para fins industriais. O segmento de relógios de ponto (aproximadamente 8 empresas contabilizadas) devem ter um grande desenvolvimento. Acredita-se que devem superar 200% em seu faturamento, mais de 100 mil sistemas podem ser vendidos em 2012, devido a obrigação do governo brasileiro de mudar o sistema de cartões de ponto. Base para cálculo Pelo faturamento obtido das 2 empresas em 2010, foi possível projetar o faturamento total do setor pelo uso de diversas variáveis, entre elas a participação de mercado. Para confirmar e testar o valor obtido extrapolou-se o valor obtido com diversos sistemas de referência que permitem gerar e transmitir a aceitação dos resultados. Peças para Relógios Embora este grupo seja formado por mecanismos e acessórios, para fins de mercado interno, foi considerado como de Assistência Técnica. Assistência Técnica Pelo menos de 3 dos grandes produtores nacionais (Technos, Dumont e Orient) consideram um percentual de 1% a 4% em relação ao valor relacionado com A.T. Para este estudo, levamos em conta o percentual maior, pois não incluímos este valor no varejo que é mais representativo na ordem de 7% a 12% do faturamento total, pois nossa pesquisa não abrangeu este dado. Base para cálculo Tomamos a média de 4% do faturamento industrial, pois não foi possível calcular os dados do varejo.. Varejo de Relógios O varejo de relógios no Brasil ocorre de 3 grandes formas no Brasil: 4

5 - Lojas não especializadas compreendidas por grandes lojas de departamento, magazines regionais, lojas de material esportivo, lojas de vestuário, lojas de artigos de surfe, lojas de eletroeletrônicos, supermercados, atacadistas, lojas online, clubes de compra e outros tipos de varejistas. Este é um canal bem explorado pela indústria relojoeira e não explorado pela indústria de jóias no Brasil, ao contrário do que acontece em outros países. É lastimável que a indústria de joias não tenha aberto os olhos para este canal de distribuição. Anos atrás, o CREBi.com promoveu encontros neste sentido com pequena repercussão. Infelizmente, nossa indústria precisa de renovação e há uma força ao contrário para que isto não ocorra. E assim assistimos constantemente fabricantes lamentando-se, porque muitos varejistas estão produzindo, o ouro está alto, o mercado estreitando-se, etc., embora a solução esteja bem na sua frente. Hoje, a maioria dos relógios vendidos em lojas não especializados é direcionada à classe média e classificada em um destes segmentos de acordo com a marca: Clássico: 50% Esporte: 25% Moda: 25% Base de cálculo Dados pesquisados pelo CREBi.com para seu ABC_JR Anuário Brasileiro do Comércio de Jóias e Relógios atesta que existem quase 10 mil pontos de venda de relógios ativos no Brasil em lojas não especializadas. É exatamente este mercado que os industriais de joias do Brasil perdem. É uma lástima; - Lojas especializadas determinadas por relojoarias, joalherias, ótica, lojas de acessórios de moda, quiosques franqueados e lojas de artigos para presentes. Base de cálculo Estamos com dificuldades para determinar o número de relojoarias puras, pois há uma mescla de produtos joalheiros e de ótica, contudo chegou-se a número a ser testado e confirmado de Dados apresentados em balanços de 5 companhias pesquisadas, onde o produto prioritário sejam relógios. - Lojas de relógios de luxo, ou seja, relojoarias ou joalherias de venda de marcas de luxo, como Rolex (30% do mercado), Cartier (11% do mercado) e mais outras 40 marcas de renome internacional de luxo vendidas no Brasil. No Brasil, foram estimadas no máximo 220 joalherias e relojoarias que vendem marcas de luxo. Base de cálculo Dados pesquisados pelo CREBi.com para seu ABC_JR Anuário Brasileiro do Comércio de Jóias e Relógios. 5

6 Número de Empregados e Empresas Industrialização O mercado relojoeiro no Brasil é composto por menos de 100 indústrias ativas, tomando-se os fabricantes ou montadores ou importadores de relógios de diversos tipos. Nesta indústria, contabilizamos funcionários com uma média de 32 funcionários por indústria. O Pólo Relojoeiro de Manaus tem aproximadamente diretos e 600 indiretos. Espalhados pelo Brasil temos mais funcionários, inclusive na área comercial. Varejo Estamos estudamos melhor este setor, pois há uma mescla de outros segmentos principalmente joias e óculos e ainda não foi possível contabilizar a prioridade de produtos de cada ponto para aplicarmos a taxa de empregados por ponto. Não calcularemos os empregados de lojas não especializadas, pois trabalham também com outros produtos. 7

7 3. Posição do Brasil no mundo Ao contrário de joias, onde o Brasil consegue uma posição entre os 15 primeiros do mundo, nos relógios, o Brasil é o 39o do mundo e o 4o da América Latina, depois do México, Portugal, Argentina e Panamá, segundo os dados da FH - Federação da Inústria Relojoeira da Suíça, o mais importante instituto do setor no mundo. As importações brasileiras da Suíça foram de US$ 44 milhões em 2009 e US$ 48 milhões em Para, a FH calcula aproximadamente US$ 71 milhões, um aumento de 50%. O CREBi.com projetou uma venda de relógios de luxo ao redor de US$ 42 milhões, embora nem todos os relógios de luxo tenham o precioso selo Swiss Made. Mas a melhor notícia é que temos um vasto mercado para crescer. Se comparamos os valores de outros paises latino-americanos, como Espanha com US$ 410 milhões, México com US$ 226 milhões, Portugal com US$ 117 milhões, Argentina com US$ 59 milhões, e Panamá (uma espécie de Paraguai para os latinos amercanos do norte) com 52 milhões, sente-se que o Brasil é um mercado de US$ 300 milhões somente para Suiça. Por que isto não acontece? A FH se queixa que o Brasil, embora um mercado ainda iem alta expansão, tem altas taxas de importação e muita burocracia, fato esse que fez que a Swatch desimplatasse sua fábrica no Brasil na década de 90 para não se submeter essas obrigações. Corajoso o saudoso Nicholas Hayek. Já foi tentado de tudo pelos suíços, inclusive com o apoio do IBGM. Mas nada foi conseguido. A FH vai mais além, a contravenção em relógios de luxo é um fato inegável nas grandes cidades do Brasil. Em São Paulo, a FH cooperou em setembro do ano passado nas batidas junto com a polícia em lojas, quando foram aprendidos milhares de relógios suíços falsificados. Quando as taxações de importação, a FH diz que não há nenhuma razão para isto, pois a indústria de relógios suíça não compete de nenhuma forma com a indústria local. E como exemplo cita o Chile onde existe uma taxa de importação de 10%, mais um adicional de luxo de 15% e uma taxa VAT de 19%. No Brasil, no final das contas, é de 110% na saída da alfândega, até a importação de cerveja é mais barata. Apesar de tudo, a posição do Brasil no mundo da relojoaria precisa ser revista depois deste estudo. Afinal, dos US$ 29 bilhões que é o faturamento total do mercado mundial de relógios de todos os tipos (US$ 11 bilhões nos Estados Unidos), o Brasil já participa com US$ 1.3 bilhão, quase 5% do bolo total. 8

8 4. Perspectivas para O mercado de relógios é considerado pelos fabricantes nacionais como estabilizado sem crescimento nos últimos 3 anos, para alguns até com decréscimo. Como este é nosso primeiro estudo, não é possível confirmar este dado. A história da indústria de relógios é cheia de percalços. A tecnologia é o maior inimigo do relógio, e pode acabar com ele no formato existente atualmente. Mas os industriais, por sua vez, sabem usar a tecnologia a seu favor. São inovativos e manejam o marketing como ninguém e isto os tem salvado do abismo por diversas vezes. Agora, um relojoeiro suíço comprou os restos da sucata de aço inox do Titanic para fazer relógios. São ideias desta categoria que salvam os relojoeiros. 2. Mercado de relógios a nível mundial é de US$ 29 bilhões, sendo US$ 11 bilhões nos Estados Unidos com um crescimento mundial a base de 4%. 2. O mercado brasileiro pode ser dividido em 4 segmentos conforme o preço: a - Preço para o mercado de massa: abaixo de R$ 100; b - Preço para o mercado para classe média entre R$ 101 e R$ 500; c - Preço para o mercado para classe alta entre R$ 501 e R$ 1.500; d - Preço para o mercado de luxo acima de R$ A indústria nacional se concentra principalmente nos itens a e b, e a importação exclusiva no item d. Nota: Este é nosso primeiro estudo neste setor. Assim, necessita-se de maior profundidade técnica de nossa equipe para obtermos melhores resultados ao contrário do que acontece com joias, onde o CREBi.com é líder inconteste no setor de informações joalheiras, em análises, estudos e pesquisas. 9

Estudo e Estatísticas do Comércio Exterior do Brasil de Joias e Relógios relativas ao 1 o semestre de 2009

Estudo e Estatísticas do Comércio Exterior do Brasil de Joias e Relógios relativas ao 1 o semestre de 2009 Estudo e Estatísticas do Comércio Exterior do Brasil de Joias e Relógios relativas ao 1 o semestre de 2009 Um trabalho CREBi.com Estudo e Estatísticas do Comércio Exterior Brasileiro de Joias e Relógios

Leia mais

NOTA SOBRE O COMÉRCIO EXTERIOR NA AMÉRICA DO SUL

NOTA SOBRE O COMÉRCIO EXTERIOR NA AMÉRICA DO SUL fevereiro 2010 NOTA SOBRE O COMÉRCIO EXTERIOR NA AMÉRICA DO SUL Paulo Roberto Delgado * Gracia Maria Viecelli Besen* Na presente década, verificou-se forte expansão do comércio externo nos países da América

Leia mais

A Maior plataforma de relacionamento da América Latina entre consumidores e empresas.

A Maior plataforma de relacionamento da América Latina entre consumidores e empresas. A Maior plataforma de relacionamento da América Latina entre consumidores e empresas. Consumidores Empresas Pesquisar Reclamar Comparar Responder Replicar Resolver O ReclameAQUI é um elo de ligação entre

Leia mais

O Setor em Grandes Números. Situação Atual e Perspectivas do Mercado Interno e Externo

O Setor em Grandes Números. Situação Atual e Perspectivas do Mercado Interno e Externo O Setor em Grandes Números Situação Atual e Perspectivas do Mercado Interno e Externo I - CADEIA PRODUTIVA NÚMERO ESTIMADO DE EMPRESAS EM 2012 Lapidação / Obras de pedras 350 INDÚSTRIA Joalheria ouro e

Leia mais

Desafios do Comércio Exterior Brasileiro. Desafios do Comércio Exterior Brasileiro

Desafios do Comércio Exterior Brasileiro. Desafios do Comércio Exterior Brasileiro Desafios do Comércio INTERCÂMBIO COMERCIAL BRASIL / MERCOSUL Desafios do Comércio Balança Comercial Brasileira INTERCÂMBIO COMERCIAL BRASIL / MERCOSUL Desafios do Comércio Evolução da Balança Comercial

Leia mais

Estrutura Acionária e Organograma

Estrutura Acionária e Organograma Estrutura Acionária e Organograma Estrutura Acionária Diretoria Administração e Outros 39,9% 32,0% 22,6% 5,5% Joaquim Ribeiro CEO Formado em economia Harvard University Experiência anterior: Shoptime,

Leia mais

Capítulo 03 Mercados regionais

Capítulo 03 Mercados regionais Capítulo 03 Mercados regionais As organizações decidem atuar no mercado global quando sabem que o crescimento externo será maior do que o interno. Nesse sentido, a China é um dos mercados para onde as

Leia mais

O Impacto do Regime de Tributação Simplificada no Setor Eletroeletrônico

O Impacto do Regime de Tributação Simplificada no Setor Eletroeletrônico O Impacto do Regime de Tributação Simplificada no Setor Eletroeletrônico Maio de 2008 Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos A indústria brasileira de eletrônica de consumo A

Leia mais

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS www.prochile.gob.cl O Chile surpreende pela sua variada geografia. Suas montanhas, vales, desertos, florestas e milhares de quilômetros de costa, o beneficiam

Leia mais

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013.

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. ------------------------------------------- DUKE UNIVERSITY NEWS e FGV Notícias Duke University Office of News & Communications http://www.dukenews.duke.edu

Leia mais

TERRA DESENVOLVE O SUNDAYTV, SERVIÇO DE VÍDEO ON DEMAND

TERRA DESENVOLVE O SUNDAYTV, SERVIÇO DE VÍDEO ON DEMAND julho/2012 Case de Sucesso TERRA DESENVOLVE O SUNDAYTV, SERVIÇO DE VÍDEO ON DEMAND Para publicar um case no Portal IT4CIO, entre em contato pelo e-mail comunicacao@it4cio.com. PERFIL Terra é parte da Telefônica

Leia mais

Organizações internacionais Regionais

Organizações internacionais Regionais Organizações internacionais Regionais Percurso 4 Geografia 9ºANO Profª Bruna Andrade e Elaine Camargo Os países fazem uniões a partir de interesses comuns. Esses interesses devem trazer benefícios aos

Leia mais

Relatório Anual Comércio Internacional de Joias do Brasil 2015

Relatório Anual Comércio Internacional de Joias do Brasil 2015 Relatório Anual Comércio Internacional de Joias do Brasil 2015 Preparado pelo Centro de Estudos, Pesquisas, e Desenvolvimento CREBi.com Nota: Este trabalho desenvolvido pelo CREBi.com pode ser reproduzido

Leia mais

P E R S P E C T I V A S D O T U R I S M O

P E R S P E C T I V A S D O T U R I S M O P E R S P E C T I V A S D O T U R I S M O Brasil JULHO 2011 P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O b r a s i l Introdução Com a realização de megaeventos esportivos como a Copa do Mundo FIFA 2014 e os

Leia mais

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO REGIÃO OESTE

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO REGIÃO OESTE FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO ANÁLISE CONJUNTURAL DO MÊS DE NOVEMBRO DE 2013 REGIÃO OESTE Este relatório, referente ao mês de NOVEMBRO de 2013, da Pesquisa Conjuntural

Leia mais

Comentários gerais. desta publicação. 5 O âmbito de atividades da pesquisa está descrito com maior detalhamento nas Notas técnicas

Comentários gerais. desta publicação. 5 O âmbito de atividades da pesquisa está descrito com maior detalhamento nas Notas técnicas Comentários gerais Pesquisa Anual de Comércio - PAC investiga a estrutura produtiva do A segmento empresarial do comércio brasileiro, sendo os resultados referentes a 2012 divulgados neste volume. A pesquisa

Leia mais

Mercado Brasileiro de Joias 2014

Mercado Brasileiro de Joias 2014 Mercado Brasileiro de Joias Preparado pelo Centro de Estudos, Pesquisas, e Desenvolvimento CREBi.com Nota: O trabalho desenvolvido pelo CREBi.com pode ser reproduzido livremente, desde que citada a fonte.

Leia mais

Panorama Mundial (2013)

Panorama Mundial (2013) Panorama Mundial (2013) Produção mundial alcançou US$ 444 bilhões em 2013; Mesmo com os efeitos da crise internacional, registra 85% de crescimento desde 2004, a uma taxa média de 7% ao ano; 54% da produção

Leia mais

3.2 Madeira e Móveis. Diagnóstico

3.2 Madeira e Móveis. Diagnóstico 3.2 Madeira e Móveis Diagnóstico Durante a década de 90, a cadeia produtiva de madeira e móveis sofreu grandes transformações em todo o mundo com conseqüentes ganhos de produtividade, a partir da introdução

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Março 2013

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Março 2013 Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Março 2013 As exportações em março apresentaram aumento de +27,85% em relação a fevereiro. O valor exportado superou novamente a marca de US$ 1 bilhão, atingindo

Leia mais

Nota sobre o Comércio Exterior na América do Sul Nº 1. Paulo Roberto Delgado Gracia Maria Viecelli Besen

Nota sobre o Comércio Exterior na América do Sul Nº 1. Paulo Roberto Delgado Gracia Maria Viecelli Besen Nota sobre o Comércio Exterior na América do Sul Nº 1 Paulo Roberto Delgado Gracia Maria Viecelli Besen Curitiba 2010 GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ ROBERTO REQUIÃO - Governador SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO

Leia mais

2.3 Transformados Plásticos. Diagnóstico

2.3 Transformados Plásticos. Diagnóstico 2.3 Transformados Plásticos Diagnóstico A indústria de plásticos vem movendo-se ao redor do mundo buscando oportunidades nos mercados emergentes de alto crescimento. O setor é dominado por um grande número

Leia mais

Máquinas e Equipamentos de Qualidade

Máquinas e Equipamentos de Qualidade Máquinas e Equipamentos de Qualidade 83 A indústria brasileira de máquinas e equipamentos caracteriza-se pelo constante investimento no desenvolvimento tecnológico. A capacidade competitiva e o faturamento

Leia mais

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO PONTA GROSSA

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO PONTA GROSSA FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO PARANÁ PESQUISA CONJUNTURAL DO COMÉRCIO ANÁLISE CONJUNTURAL DO MÊS DE JANEIRO DE 2014 PONTA GROSSA Este relatório, referente ao mês de Janeiro de 2014, da Pesquisa Conjuntural

Leia mais

As diretrizes de consumo no Brasil

As diretrizes de consumo no Brasil As diretrizes de consumo no Brasil A visão do consumidor Luiz Goes A GS&MD Gouvêa de Souza Consultoria Empresarial Canais de distribuição / Centrais e redes de negócios/ Controladoria e finanças / Crédito

Leia mais

B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12

B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12 B2W Companhia Global do Varejo Divulgação de Resultados - 3T12 TELECONFERÊNCIA 3T12 Quarta-feira, 14 de novembro de 2012 Horário: 13:00 p.m. (Brasil) - 10:00 a.m. (US EST) Telefone: +55 (11) 4688.6361

Leia mais

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 São Paulo, 07 de Novembro de 2005 - O Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam exclusivamente no varejo eletrônico

Leia mais

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja Câmara Setorial da Citricultura Brasília, 6 de setembro de 2011. TRANSPARÊNCIA E INFORMAÇÃO AGO/2010 OUT/2010 NOV-DEZ/2010

Leia mais

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento sto de 2007 Apresentado por Fernando Chacon Diretor de keting de Cartões do Banco Itaú 1 O Cartão de Crédito na Economia 2 Cartões de Crédito x

Leia mais

Ações Reunião Extraordinária realizada no dia 30 de outubro de 2014

Ações Reunião Extraordinária realizada no dia 30 de outubro de 2014 R E L A Ç Õ E S I N T E R N A C I O N A I S Órgão Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior - MDIC Representação Efetiva Comitê de Coordenação de Barreiras Técnicas ao Comercio - CBTC

Leia mais

29/05/2012 13h37 - Atualizado em 30/05/2012 16h54

29/05/2012 13h37 - Atualizado em 30/05/2012 16h54 29/05/2012 13h37 - Atualizado em 30/05/2012 16h54 Empresa de cadeiras recruta talentos para superar concorrência chinesa Giroflex-Forma eleva produtividade em 30% com gestão e terceirização. Companhia

Leia mais

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões:

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões: Electrolux AB 1. Principais Características Matriz: Electrolux AB Localização: Estocolmo, Suécia Ano de fundação: 1901 Internet: www.electrolux.com Faturamento (2000): US$ 11.537 mi Empregados (2000):

Leia mais

1) Lançamento. 2) Conteúdo

1) Lançamento. 2) Conteúdo HIGHLIGHTS Apoio: Patrocinador: Realização: Versão Resumida a íntegra do Ranking é um benefício dos associados IBEVAR, entre em contato através do email contato@ibevar.org.br para maiores informações.

Leia mais

Perfil Institucional 2011

Perfil Institucional 2011 Perfil Institucional 2011 História AOC 1941 1951 1964 1969 1934 - A Admiral é fundada em Chicago, Illinois, por Ross Siragusa. 1947 - A Admiral inicia produção de televisores nos EUA, sendo um dos pioneiros

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012 Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012 As exportações em maio apresentaram aumento de +39,13% em relação a abril, continuando a superar a marca de US$ 1 bilhão, agora pela décima-sexta vez

Leia mais

Menores, mas com potencial de gigantes

Menores, mas com potencial de gigantes Menores, mas com potencial de gigantes 12 KPMG Business Magazine Empresas do mercado empreendedor ganham força com a expansão do consumo nos países emergentes O ano de 2008 foi um marco na história econômica

Leia mais

Relatório de Mercado Portugal

Relatório de Mercado Portugal Relatório de Mercado Portugal Maio/2011 Dados Gerais Área População Densidade Capital Moeda Idioma 92.090 km² 11 Milhões 115 hab/km² Lisboa Euro Português Indicadores Macroeconômicos (2010) PIB: US$ 247

Leia mais

CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS

CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS Iervolino, Fernando 1 RESUMO Nos últimos dez anos a indústria automobilística no Brasil passou por um período de forte

Leia mais

Panorama do Setor Exportador Brasileiro de Sementes Forrageiras: um Estudo Exploratório

Panorama do Setor Exportador Brasileiro de Sementes Forrageiras: um Estudo Exploratório Panorama do Setor Exportador Brasileiro de Sementes Forrageiras: um Estudo Exploratório Juliano Merlotto Mestre em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade

Leia mais

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39 p e r a T e x t o a l e s s a n d r a m o r i t a a l e s s a n d r a. m o r i t a @ s m. c o m. b r divulgaçãoo v t Lojas localizadas perto da casa do consumidor e que praticam preços difíceis de copiar.

Leia mais

Missão Empresarial EUA Flórida. 21 a 26 de Março 2015

Missão Empresarial EUA Flórida. 21 a 26 de Março 2015 Missão Empresarial EUA Flórida 21 a 26 de Março 2015 Apoiamos empresas a ter sucesso nos mercados internacionais Sobre nós Na Market Access prestamos serviços de apoio à exportação e internacionalização.

Leia mais

Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco

Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco O que é o NTCPE? O Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco/NTCPE é uma associação de direito privado, sem fins lucrativos.

Leia mais

BRASIL Comércio Exterior

BRASIL Comércio Exterior Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC BRASIL Comércio Exterior Novembro de 2014 Índice. Dados Básicos.

Leia mais

DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE

DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE SANTA CATARINA e BRASIL Desempenho econômico em 2013 INDICADOR SANTA CATARINA BR % % acumulado 2013/2012 % acumulado 2012/2011 acumulado 2013/2012 Produção Ind. (jan-ago)

Leia mais

S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES. Desempenho. RECEITA BRUTA (R$ Milhões)

S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES. Desempenho. RECEITA BRUTA (R$ Milhões) S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES Desempenho A área reúne as atividades de automação bancária e comercial, auto-atendimento, soluções e-business e Itec (área de provedor de soluções). Em 2003 somou receita bruta

Leia mais

Marketing. Política da distribuição. Prof. José M. Veríssimo

Marketing. Política da distribuição. Prof. José M. Veríssimo Marketing Política da distribuição Prof. José M. Veríssimo 1 Objectivos Identificar as formas de organização de canais de distribuição. Identificar as funções dos canais de distribuição. Compreender a

Leia mais

Economia Digital e Privacidade. Laura Fragomeni

Economia Digital e Privacidade. Laura Fragomeni Economia Digital e Privacidade Laura Fragomeni Roteiro Economia Digital Cenário Mundial O MercadoLivre Privacidade Propostas Legislativas Considerações Finais Economia Digital Cenário Mundial Usuários

Leia mais

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100

DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 VEÍCULO: TRIBUNA DO NORTE DATA: 24.07.15 EDITORIA: ECONOMIA VEÍCULO: BLOG COMUNICAR DATA: 22.07.15 EDITORIA: ECONOMIA DIA DOS PAIS 2015 SERÁ DE COMPRAS À VISTA E PRESENTES COM VALOR MÉDIO DE R$ 100 22

Leia mais

principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte

principal pilar da sua empresa  i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte principal pilar da sua empresa " i Ca,pitalh. setor é ret na 3ª pesquisa realizada pela Abras em parceria com a Deloitte Marcas próprias ganham espaço na casa do consumidor As marcas pertencentes aos supermercados

Leia mais

Projeto Setorial de Exportação. ABF Associação Brasileira de Franchising

Projeto Setorial de Exportação. ABF Associação Brasileira de Franchising Projeto Setorial de Exportação ABF Associação Brasileira de Franchising Abril / 2013 INTRODUÇAO A ABF A Associação Brasileira de Franchising é uma entidade sem fins lucrativos, criada em 1987. Hoje a ABF

Leia mais

Relogio Oris - De Pulso Masculinos Outras Marcas em Relógios Monday, June 09, 2014

Relogio Oris - De Pulso Masculinos Outras Marcas em Relógios Monday, June 09, 2014 Relogio Oris - De Pulso Masculinos Outras Marcas em Relógios Monday, June 09, 2014 Place: 180 Times: Monday, 04 January 2016 to Monday, 04 January 2016 Contact person: 180 E-Mail address: 72374@yahoo.com

Leia mais

SYMM CONSULTORIA TAILAN OLIVEIRA 2014

SYMM CONSULTORIA TAILAN OLIVEIRA 2014 GCV GESTÃO COMERCIAL PARA VAREJO SYMM CONSULTORIA TAILAN OLIVEIRA 2014 ABORDAGEM 1. O GESTÃO COMERCIAL PARA VAREJO 2. DIFICULDADE E DORES ATUAIS 3. COMO RESOLVER COM GCV 4. COMO GERIR FRANQUIA COM O GCV

Leia mais

Hermes Management Consulting T: +54 11 4393 2019 www.hermesmc.com.ar

Hermes Management Consulting T: +54 11 4393 2019 www.hermesmc.com.ar Análise dos custos nas agências de viagem e formas de aperfeiçoamento do setor Hermes Management Consulting T: +54 11 4393 2019 www.hermesmc.com.ar Análise dos custos nas agências de viagem e formas de

Leia mais

Desafios para a Indústria Eletroeletrônica

Desafios para a Indústria Eletroeletrônica Desafios para a Indústria Eletroeletrônica 95 O texto aponta as características das áreas da indústria eletroeletrônica no país e os desafios que este setor tem enfrentado ao longo das últimas décadas.

Leia mais

Jóias de ouro puro ou platina e jóias de metais preciosas com pedras preciosas.

Jóias de ouro puro ou platina e jóias de metais preciosas com pedras preciosas. 2 5 Jóias [Outros] 1. Definição da Categoria Jóias de ouro puro ou platina e jóias de metais preciosas com pedras preciosas. Números de HS Commodity 7113.19-021, 19-029 Jóias de Ouro 7113.11-000 Jóias

Leia mais

INVESTIMENTOS JAPONESES NO BRASIL

INVESTIMENTOS JAPONESES NO BRASIL INVESTIMENTOS JAPONESES NO BRASIL 23 de março de 2012 Yoshihiro Sawada Diretor-Presidente JETRO, São Paulo O que é a JETRO? Orgão governamental, vinculado ao METI: Ministry of Economy Trade and Industry

Leia mais

40.000 empregados Em mais de 250 municípios Brasileiros Presença em mais de 20 países

40.000 empregados Em mais de 250 municípios Brasileiros Presença em mais de 20 países 42º SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE ACIARIA 42º STEELMAKING SEMINAR - INTERNATIONAL NOVOS PROJETOS SIDERÚRGICOS Iran Oliveira de Medeiros GRUPO VOTORANTIM 1918 2010 Canadá Estados Unidos México Bahamas Colômbia

Leia mais

Mercado em Foco: Chile

Mercado em Foco: Chile Mercado em Foco: Chile EXPOMIN, 2014 Breve estudo com informações sobre as perspectivas de negócios da economia do Chile. Apresentamos também uma análise do comércio exterior de máquinas e equipamentos

Leia mais

PRESENÇA GLOBAL 010 L 2 A U N IO A R Ó T A L E R EUROPA EURÁSIA AMÉRICA DO SUL

PRESENÇA GLOBAL 010 L 2 A U N IO A R Ó T A L E R EUROPA EURÁSIA AMÉRICA DO SUL RELATÓRIO ANUAL 2010 RECEITA Em milhões de CHF VENDAS LÍQUIDAS por REGIÃO - 2010 2700 2400 2100 1800 1500 1200 900 600 300 0 +51 % +34 % +9% +13% +10% 2006 2007 2008 2009 2010 Europa 12 % África 7 % Eurásia

Leia mais

ARGENTINA Comércio Exterior

ARGENTINA Comércio Exterior Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC ARGENTINA Comércio Exterior Agosto de 2014 Índice. Dados Básicos.

Leia mais

Economia solidária e estratégias para o desenvolvimento do comércio justo

Economia solidária e estratégias para o desenvolvimento do comércio justo Economia solidária e estratégias para o desenvolvimento do comércio justo Rosemary Gomes FASE/FBES/FACES/RIPESS rgomes@fase.org.br Economia solidária : elementos para uma definição Atividades econômicas

Leia mais

Estudo sobre o aftermarket no Brasil

Estudo sobre o aftermarket no Brasil Estudo sobre o aftermarket no Brasil Seminário da Reposição Automotiva São Paulo, 14 de outubro de 2014 O Sindipeças, Sindirepa e Sincopeças, em conjunto com a Roland Berger, estão elaborando um novo estudo

Leia mais

CREBi Media Kit. Site CREBI Conforme relatórios de visitas emtidos em dezembro de 2008, temos os seguintes dados médios:

CREBi Media Kit. Site CREBI Conforme relatórios de visitas emtidos em dezembro de 2008, temos os seguintes dados médios: CREBi Media Kit Atualmente, somos a mais representativa mídia eletrônica do setor de jóias e afins e também já superamos em muito as maiores médias de outras categorias de mídia. O CREBi oferece três canais

Leia mais

Gráficos: Faturamento: População de animais de estimação:

Gráficos: Faturamento: População de animais de estimação: NOTÍCIAS Abinpet divulga dados consolidados do mercado pet referentes a 2013 Indústria nacional fatura R$ 15,2 bilhões e já representa 0,31% do PIB nacional De acordo com dados da Associação Brasileira

Leia mais

Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas

Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas RAFAEL GARCIA DIRETOR COMERCIAL CESCEBRASIL QUEM SOMOS A CESCEBRASIL é uma empresa especializada

Leia mais

Um puro sangue da raça Quarto de Milha custa entre R$ 6 mil e R$ 20 mil e uma simples cobertura de um reprodutor de elite pode valer R$ 20 mil

Um puro sangue da raça Quarto de Milha custa entre R$ 6 mil e R$ 20 mil e uma simples cobertura de um reprodutor de elite pode valer R$ 20 mil Um puro sangue da raça Quarto de Milha custa entre R$ 6 mil e R$ 20 mil e uma simples cobertura de um reprodutor de elite pode valer R$ 20 mil 18_Animal Business-Brasil O Brasil e as biotecnologias reprodutivas

Leia mais

VALOR E PARTICIPAÇÃO DAS EXPORTAÇÕES, POR FATOR AGREGADO E PAÍS DE DESTINO

VALOR E PARTICIPAÇÃO DAS EXPORTAÇÕES, POR FATOR AGREGADO E PAÍS DE DESTINO VALOR E PARTICIPAÇÃO DAS EXPORTAÇÕES, POR FATOR AGREGADO E PAÍS DE DESTINO 1 - CHINA 2 - ESTADOS UNIDOS 2014 34.292 84,4 4.668 11,5 1.625 4,0 6.370 23,6 5.361 19,8 13.667 50,6 2013 38.973 84,7 5.458 11,9

Leia mais

Relatório Anual: Levantamento das Ocorrências Contra Joalherias Brasil e Portugal 2010

Relatório Anual: Levantamento das Ocorrências Contra Joalherias Brasil e Portugal 2010 Relatório Anual: Levantamento das Ocorrências Contra Joalherias Brasil e Portugal 2010 Preparado pelo Centro de Estudos, Pesquisas e Desenvolvimento CREBi.com O CREBi.com apresenta o levantamento das ocorrências

Leia mais

RAIO X DA MODA NO CEARÁ

RAIO X DA MODA NO CEARÁ RAIO X DA MODA NO CEARÁ SAMUEL GONSALES Analista de Sistemas MBA em Gestão de Negócios PÓS em Sistemas Integrados de Gestão. Gerente de Produtos e-commerce responsável pelo e-millennium. Professor universitário

Leia mais

Resumo dos resultados da enquete CNI

Resumo dos resultados da enquete CNI Resumo dos resultados da enquete CNI Brasil - México: Interesse empresarial para ampliação do acordo bilateral Março 2015 Amostra da pesquisa No total foram recebidos 45 questionários de associações sendo

Leia mais

A JBS. A JBS tem seu capital listado na BM&FBovespa desde 2007. Perfil

A JBS. A JBS tem seu capital listado na BM&FBovespa desde 2007. Perfil Perfil GRI G4-3 G4-5 G4-7 S.A. é uma empresa de alimentos com 61 anos de tradição e líder global no processamento de proteína animal. Operando em mais de 20 países, a companhia atende uma base de mais

Leia mais

MÍDIA ESPECIALIZADA, DIVULGAÇÃO ACERTADA!

MÍDIA ESPECIALIZADA, DIVULGAÇÃO ACERTADA! MÍDIA ESPECIALIZADA, DIVULGAÇÃO ACERTADA! A HG Casa é uma revista profi ssional e dirigida ao mercado de artigos para casa com ênfase nos segmentos de Eletrodomésticos, Iluminação, Movelaria, Decoração,

Leia mais

FASHION LAW Avaliação de Marcas na indústria da Moda

FASHION LAW Avaliação de Marcas na indústria da Moda FASHION LAW Avaliação de Marcas na indústria da Moda Ana Cristina França de Souza ANEFAC Rio Diretoria de Inovação Diretor Executivo: César D. Carvalho 1 Melhor solução (funcional, conceitual, emocional)

Leia mais

Teleconferência e Webcast de Resultados 2T12

Teleconferência e Webcast de Resultados 2T12 Teleconferência e Webcast de Resultados 2T12 Quarta-feira, 15 de agosto de 2012 Horário: 12:00 p.m. (Brasil) - 11:00 a.m. (US EDT) Telefone: +55 (11) 4688.6361 - Código: B2W Webcast: www.b2winc.com/webcast2t12

Leia mais

Agenda Internacional 2009

Agenda Internacional 2009 Agenda Internacional 2009 CNI: estratégia institucional Visão Estratégica Mapa Estratégico Uma visão sobre o futuro do país e da indústria (2007-2015) Identifica prioridades estratégicas Participação de

Leia mais

"DIÁLOGOS COM O PODER JUDICIÁRIO SOBRE COMÉRCIO EXTERIOR" PIRATARIA, FALSIFICAÇÃO OUTRAS PRÁTICAS ILÍCITAS DECORRENTES

DIÁLOGOS COM O PODER JUDICIÁRIO SOBRE COMÉRCIO EXTERIOR PIRATARIA, FALSIFICAÇÃO OUTRAS PRÁTICAS ILÍCITAS DECORRENTES "DIÁLOGOS COM O PODER JUDICIÁRIO SOBRE COMÉRCIO EXTERIOR" PIRATARIA, FALSIFICAÇÃO OUTRAS PRÁTICAS ILÍCITAS DECORRENTES Edson Luiz Vismona Presidente presidente@fncp.org.br vismona@institutobrasillegal.org.br

Leia mais

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial 27/09/2011 Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial Estrutura da apresentação Perspectiva empresarial Doing Business 2011 Investimentos Estrangeiros e Comércio Exterior Complementaridade

Leia mais

Edição 3 - Dezembro 2009

Edição 3 - Dezembro 2009 Edição 3 - Dezembro 2009 Indicadores Categorias + vistas na internet (usuários únicos) 33,7 Telecomunicações e Serviços de Internet -10,5% +13% Buscadores, Portais e Comunidades 33,5 Ocasiões Especiais

Leia mais

com um olhar Apresentação Corporativa

com um olhar Apresentação Corporativa com um olhar Apresentação Corporativa O Grupo Luxottica MAIS DE 50 ANOS DE EXCELÊNCIA Figuras-Chave 1 Grupo >45 Marcas >75MN Armações Fabricadas 70.000 Pessoas >8MN Pacientes OneSight 72MN Clientes 4 Centros

Leia mais

Publicidade no portal e-bit e email marketing

Publicidade no portal e-bit e email marketing Mães e namorados Publicidade no portal e-bit e email marketing PACOTE DIA DAS MÃES São Paulo, 8 de março de 2012 Publicidade no site e E-mail Marketing Quem somos Buscapé Company Presente em grande parte

Leia mais

Pontes ao Sul: Argentina Brasil Laços com o Rio Grande do Sul. Consulado Geral da República Argentina em Porto Alegre Novembro 2015

Pontes ao Sul: Argentina Brasil Laços com o Rio Grande do Sul. Consulado Geral da República Argentina em Porto Alegre Novembro 2015 Pontes ao Sul: Argentina Brasil Laços com o Rio Grande do Sul Consulado Geral da República Argentina em Porto Alegre Novembro 2015 Vantagens e oportunidades da Argentina Alguns dados estruturais Com mais

Leia mais

Estudo de caso. Varejo/Atacado Força de vendas Estudo de caso comercial

Estudo de caso. Varejo/Atacado Força de vendas Estudo de caso comercial Estudo de caso Representantes de vendas da Diarco otimizam o sistema de pedidos em mais de 50.000 lojas em todo o país com a Mobile Empresa: Diarco é a principal empresa de comércio atacadista de auto-atendimento

Leia mais

Alguns aspectos da importação de alho pelo Brasil

Alguns aspectos da importação de alho pelo Brasil Alguns aspectos da importação de alho pelo Brasil Mariano César Marques* O Brasil é um importador líquido de alho; suas exportações, além de esporádicas, são pequenas. Existem dois tipos de importação:

Leia mais

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro Como a Copa do Mundo 214 vai movimentar o Turismo Brasileiro 9 dias O estudo As empresas Principais conclusões a 9 dias da Copa 1 principais emissores 1 Desempenho das cidades-sede Chegadas internacionais

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09)

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Publicada no D.O.U. nº 217, de 13/11/09 Seção 1 Página 183 e 184 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Aprova o registro profissional

Leia mais

Comentários gerais. consultoria em sistemas e processos em TI, que, com uma receita de R$ 5,6 bilhões, participou com 14,1% do total; e

Comentários gerais. consultoria em sistemas e processos em TI, que, com uma receita de R$ 5,6 bilhões, participou com 14,1% do total; e Comentários gerais Pesquisa de Serviços de Tecnologia da Informação - PSTI A investigou, em 2009, 1 799 empresas de TI com 20 ou mais Pessoas Ocupadas constantes do cadastro de empresas do IBGE e os produtos

Leia mais

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS PARA O DIA DOS PAIS 2014

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS PARA O DIA DOS PAIS 2014 Período de realização: 23 a 26 de junho de 2014 Pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa do Norte - IPEN Amostragem: 542 Margem de erro: 4,2% Esta pesquisa de Intenção de Compras para o Dia dos Pais

Leia mais

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008

Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Boletim de Conjuntura Econômica Dezembro 2008 Crise Mundo Os EUA e a Europa passam por um forte processo de desaceleração economica com indicios de recessão e deflação um claro sinal de que a crise chegou

Leia mais

LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA

LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA Curso Superior de Tecnologia em Comércio Exterior Exportação e Importação Gerência

Leia mais

in light eletro house supri shop linea domus outdoor living & garden

in light eletro house supri shop linea domus outdoor living & garden utility house in domus eletro house in light linea domus supri shop outdoor living & garden FEIRA PROFISSIONAL Reunir em um mesmo local e momento investidores e mercado-alvo, formando um ambiente de negócios

Leia mais

OLIVIA PALERMO P OLIVIA P ARA ALERMO P

OLIVIA PALERMO P OLIVIA P ARA ALERMO P MÍDIA KIT OLIVIA PALERMO PARA WWW.LIFESTYLEMAG.COM.BR BAIXE AGORA MESMO A LIFESTYLE MAGAZINE BRASIL EM PORTUGUÊS E INGLÊS EM SEU IPAD ACESSANDO A APPSTORE @lifestylemag 04 BRASIL FASHION TRAVEL WAY OF

Leia mais

Case Netshoes - Dos fundos de um estacionamento

Case Netshoes - Dos fundos de um estacionamento Renato Mendes Perfil Renato Mendes é considerado um dos executivos mais inovadores do Brasil. O motivo: ter criado e coordenado as estratégias do negócio Netshoes - empreendimento considerado o maior case

Leia mais

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015?

AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? AINDA DÁ PARA SALVAR O ANO? E O QUE ESPERAR DE 2015? Luís Artur Nogueira Jornalista e economista Editor de Economia da IstoÉ DINHEIRO Comentarista econômico da Rádio Bandeirantes Atibaia 17/05/2014 Qual

Leia mais

Implantação do Programa Visa Waiver. 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado

Implantação do Programa Visa Waiver. 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado Implantação do Programa Visa Waiver 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado Chegadas internacionais Brasil XAmérica Latina Turistas internacionais (milhões)

Leia mais

América Latina. Diferentes oportunidades

América Latina. Diferentes oportunidades América Latina Diferentes oportunidades Casa da América Latina Missão: estreitar relações culturais, cientificas e económicas entre AL e Portugal e vice-versa. Fundada em 1998, como uma divisão da Câmara

Leia mais

INVISTA EM SAÚDE. MYFIT FRANCHISING

INVISTA EM SAÚDE. MYFIT FRANCHISING INVISTA EM SAÚDE. MYFIT FRANCHISING Amigos Clientes, Parceiros e Colegas, A Marca MYFIT, lançada em 2014 no Brasil, nasceu para aproximar os praticantes e profissionais de atividades físicas dos mais inovadores

Leia mais

liderança em compras coletivas

liderança em compras coletivas Central de Cases GROUPON: liderança em compras coletivas www.espm.br/centraldecases Central de Cases GROUPON: liderança em compras coletivas Preparado pelo Prof. Marcus S. Piaskowy, da ESPM-SP. Este caso

Leia mais

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas

Hering inicia o ano com crescimento de 41% do EBITDA e salto de 35% em vendas Blumenau, 07 de maio de 2008 Cia. Hering (Bovespa: HGTX3), uma das maiores empresas de varejo e design de vestuário do Brasil, divulga os resultados do 1º trimestre de 2008 (1T08). As informações operacionais

Leia mais

Euromonitor International

Euromonitor International 1 O FUTURO DO SHOPPER BRASILEIRO. SERÁ TÃO ONLINE COMO O CONSUMIDOR AMERICANO? BRAZILIAN RETAIL WEEK 31 DE JULHO 2012 1. DEFINIÇÕES 2. PERFORMANCE: INTERNET RETAILING 3. PRINCIPAIS DRIVERS 4. TENDÊNCIA

Leia mais

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO SAIR DO LUGAR-COMUM PÃO DE AÇÚCAR UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO Só em São Paulo, a associação que reúne os supermercados tem mais de 50 empresas cadastradas. As lojas se espalham com um volume impressionante.

Leia mais