1-Restrições de horário à marcação do ponto. O empregador não poderá determinar uma faixa horária para que os funcionários marquem o ponto.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1-Restrições de horário à marcação do ponto. O empregador não poderá determinar uma faixa horária para que os funcionários marquem o ponto."

Transcrição

1

2 Em 21/08/2009, foi publicada a Portaria 1.510/2009, pelo MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), para regulamentar o uso do REP (Registrador Eletrônico de Ponto). A Portaria 1.510/2009 foi dividida em duas etapas: 1ª- Etapa Software 2ª- Etapa Hardware

3 O SREP (Sistema de Registro Eletrônico de Ponto) deve registrar fielmente as marcações efetuadas, não sendo permitida qualquer ação que desvirtue os fins legais a que se destina. Nesta etapa o MTE definiu os seguintes requisitos como preponderantes: 1-Restrições de horário à marcação do ponto. O empregador não poderá determinar uma faixa horária para que os funcionários marquem o ponto. 2- Marcação automática do ponto, utilizando-se horários predeterminados ou o horário contratual. - O software de tratamento de ponto, não terá mais esta opção de gerar automaticamente o ponto do funcionário.

4 3- Fica proibida a alteração dos dados registrados no equipamento. -Neste caso, a informação que for registrada no relógio de ponto, deverá constar no relatório de ponto do funcionário, com a ressalva que o empregador poderá incluir, alterar e excluir determinadas marcações, mas para isso haverá a necessidade de justificar o motivo de tal alteração, a justificativa da alteração manual é feita através do Sistema LPE.

5 -Inclusão de registros justificados. Esta opção é lançada somente individual. Opção: Movimentação Registros reais Incluir registros

6 - Criar registros justificados. Esta opção poderá ser lançada tanto individual, selecionado ou geral. Opção: Movimentação Registros reais Gerar registros

7 -Exclusão de registros deverá constar uma justificativa. Opção: Movimentação Registros reais.

8 -O tipo marcação pré-assinalada é para ser utilizado quando o empregador utilizar a previsão legal de pré-assinalação dos intervalos intra-jornada para repouso/alimentação. Neste caso as entradas e saidas do intervalo não serão registradas no REP, mas deverão constar no AFDT com a sinalização de horário pré-assinalado P. Opção: Cadastro Funcionários Registra Intervalo

9 -A partir desta atualização, o campo PIS no cadastro de funcionários passará a ser obrigatório, portanto todos os cadastros de funcionários que não constarem este campo preenchido deverão ser atualizados, pois será necessário na impressão do espelho de ponto. Opção: Cadastro Funcionários Dados pessoais PIS.

10 4- Estabelece formatos de relatórios e arquivos digitais de registro de ponto que o empregador deverá manter e apresentar a fiscalização do trabalho. - No Sistema LPE estes arquivos já estão disponíveis nos formatos solicitados: Opção: Relatórios Portaria Arquivo fiscal

11 - O empregador ainda poderá emitir os relatórios de ponto para os funcionários, conforme modelo utilizado antes da publicação da portaria. Modelo do relatório para o fiscal O relatório da Portaria 1.510/2009, só se faz necessário quando solicitado pelo fiscal do trabalho. Opção: Relatórios Portaria Espelho de ponto

12 PRAZO O MTE determinou o prazo de 3 meses para as empresas empregadoras adequarem seu software às exigências da Portaria 1.510/2009. O prazo expirou em 21/11/2009 e as empresas que não atualizarem o software de gestão poderão ter problemas em caso de uma fiscalização. Para as empresas que atualizarem o programa, a LógicaBR Informática enviará o ATESTADO TÉCNICO E TERMO DE RESPONSABILIDADE referente à adequação do software de tratamento de ponto e deve ser apresentado para o fiscal do trabalho se for solicitado.

13 Registrador Eletrônico de Ponto - REP é o equipamento de automação utilizado exclusivamente para o registro de jornada de trabalho e com capacidade para emitir documentos fiscais e realizar controles de natureza fiscal, referentes às entradas e às saidas dos empregados nos locais de trabalho. Para esta etapa os principais pontos da Portaria 1.510/2009 são: 1- Obriga a emissão de comprovante da marcação a cada registro efetuado no REP.

14 2- Os equipamentos que possuírem a função de ponto e acesso, não serão permitidos. -Catraca na portaria que controla tanto o acesso como o ponto dos funcionários. - Controlador de acesso em portas, que pode tanto controlar quem entra na sala, como o ponto dos funcionários, etc. 3- Empresas terceirizadas não poderão utilizar o relógio de ponto da tomadora de serviço para marcações de ponto de seus funcionários. - Neste caso, a terceirizada deverá adquirir um equipamento REP para seu uso.

15 4- O equipamento REP, terá um dispositivo, especial de memória não-volátil, onde o fiscal do trabalho poderá retirar os dados registrados direto no equipamento. 5- O equipamento REP, poderá apenas trabalhar em modo de operação Batch. - Neste caso, o modo real-time que é utilizado para gravar os dados direto no banco de dados do software sem gravar na memória do equipamento não será permitido. Apenas será permitido o modo Batch que grava os dados na memória do equipamento para depois serem coletados pelo programa.

16 Compromisso A LógicaBR tem a satisfação de informar ao nossos clientes que estamos trabalhando com a primeira linha de equipamentos certificados e aprovados sem ressalvas, que é o novo modelo X REP-520 da TRIX Tecnologia atendendo em toda sua plenitude à Portaria 1.510/2009 e o órgão certificador indicado pelo MTE. X REP-520 Primeiro Equipamento Aprovado e Certificado!!!

17 Entre em contato conosco, para maiores esclarecimentos através: Telefones: / site: Administração: Desenvolvimento: Suporte: Comercial: Produção:

As melhores soluções para sua empresa. Programação. Gentileza desligar seu celular e/ou rádio.

As melhores soluções para sua empresa. Programação. Gentileza desligar seu celular e/ou rádio. As melhores soluções para sua empresa. Programação Gentileza desligar seu celular e/ou rádio. As melhores soluções para sua empresa. Missão: Proporcionar às empresas brasileiras alta-performance na gestão

Leia mais

PORTARIA MTE nº 1510/2009 NOVAS REGRAS SOBRE O CONTROLE ELETRÔNICO DE PONTO

PORTARIA MTE nº 1510/2009 NOVAS REGRAS SOBRE O CONTROLE ELETRÔNICO DE PONTO PORTARIA MTE nº 1510/2009 NOVAS REGRAS SOBRE O CONTROLE ELETRÔNICO DE PONTO Neste fascículo de Uma entrevista com o Advogado, apresentamos o conteúdo de artigo enviado pelo Ministério do Trabalho e Emprego

Leia mais

NOVO SISTEMA E NOVAS REGRAS PARA O REGISTRO DE MARCAÇÃO DE PONTO ELETRÔNICO AUTOR: José Adeildo Nicolau da Costa*

NOVO SISTEMA E NOVAS REGRAS PARA O REGISTRO DE MARCAÇÃO DE PONTO ELETRÔNICO AUTOR: José Adeildo Nicolau da Costa* NOVO SISTEMA E NOVAS REGRAS PARA O REGISTRO DE MARCAÇÃO DE PONTO ELETRÔNICO AUTOR: José Adeildo Nicolau da Costa* O que é o novo registro de ponto? É o Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP -

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS ASSUNTO: ESPELHOS DE PONTO, COMPROVANTES E ARQUIVOS 11. O REP poderá emitir um comprovante de marcação de ponto por dia? Não. É obrigatória a emissão de um comprovante a cada batida.

Leia mais

EVENTO 25/03/2010 Ponto Eletrônico Portaria 1.510/09 MTE. digicon

EVENTO 25/03/2010 Ponto Eletrônico Portaria 1.510/09 MTE. digicon EVENTO 25/03/2010 Ponto Eletrônico Portaria 1.510/09 MTE Palestrante Alencar Berwanger Gerente de Produto Senior Sistemas Agenda Aspectos Gerais da Portaria Impacto nas Empresas Alterações nos Sistemas

Leia mais

a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados;

a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; Observação: Essa página se propõe a responder, exclusivamente, perguntas sobre o Sistema de Registro Eletrônico de Ponto SREP, previsto na Portaria nº 1.510/2009. Perguntas sobre outros temas como direitos

Leia mais

a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados;

a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; b. Estabelece requisitos para

Leia mais

*REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO

*REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO SICAP NEWS Ano 2 nº 19 Informativo Mensal Março 2010 *REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO * Base Legal: Art. 74 da CLT e Portaria 1.510/2009, do MTE Conforme dispõe o 2º do art. 74 da CLT, estão obrigados à anotação

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO JORNADA DE TRABALHO JORNADA DE TRABALHO 18/05/2011

JORNADA DE TRABALHO JORNADA DE TRABALHO JORNADA DE TRABALHO 18/05/2011 - Quadro de Horário Segundo a Art 74 da CLT a empresa deve afixar em lugar visível o quadro de horário. - Sistema alternativo de Controle de Jornada O Ministério aprovou através da portaria nº 1120, este

Leia mais

Novas Implementações Sistema de Ponto WinPto. Foi implementado um novo folder com complemento de cadastro, conforme figura:

Novas Implementações Sistema de Ponto WinPto. Foi implementado um novo folder com complemento de cadastro, conforme figura: Novas Implementações Sistema de Ponto WinPto 1. Cadastro de funcionários: Foi implementado um novo folder com complemento de cadastro, conforme figura: b 2. cadastro de empresas, foi acrescentado campo

Leia mais

DUVÍDAS FREQUENTES SOBRE PONTO ELETRÔNICO

DUVÍDAS FREQUENTES SOBRE PONTO ELETRÔNICO DUVÍDAS FREQUENTES SOBRE PONTO ELETRÔNICO 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados;

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Dispensa Registro de Marcações no Intervalo de Trabalho - Batidas Pré-Assinaladas

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Dispensa Registro de Marcações no Intervalo de Trabalho - Batidas Pré-Assinaladas Dispensa Registro de Marcações no Intervalo de Trabalho - Batidas Pré-Assinaladas 16/04/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação...

Leia mais

Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP. Informações úteis para o Empregador. Versão 1.2

Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP. Informações úteis para o Empregador. Versão 1.2 Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP Portaria MTE 1.510/2009 Informações úteis para o Empregador Versão 1.2 1 Sumário 1 PONTOS IMPORTANTES DA PORTARIA 1.510/2009... 3 1.1 Definições... 4 1.2

Leia mais

Ponto Microsis. Sistema de Registro Eletrônico de Ponto

Ponto Microsis. Sistema de Registro Eletrônico de Ponto Ponto Microsis Sistema de Registro Eletrônico de Ponto Ponto Microsis Visando atender as constantes atualizações da CLT, em particular, a última Portaria vigente - 1510/2009 (consulte http://portal.mte.gov.br/pontoeletronico),

Leia mais

As novas regras para a marcação do ponto eletrônico

As novas regras para a marcação do ponto eletrônico As novas regras para a marcação do ponto eletrônico Portaria 1.510 de 28/08/2009 Dra. Vanessa Cardone Benício Adv ogados Ass ociados ABREVIAÇÕES REP: Registro Eletrônico de Ponto SREP: Sistema de Registro

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTASERESPOSTAS 1.QuaissãoosprincipaispontosdaPortariaMTE1.510/2009? a.proíbetodotipoderestriçãoàmarcaçãodeponto,marcaçõesautomáticasealteraçãodosdadosregistrados; b. Estabelece requisitos para o equipamento

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS ASSUNTO: OUTROS ASSUNTOS RELACIONADOS AO SREP 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas

Leia mais

PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009

PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009 PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009 O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe conferem o inciso II do parágrafo único do art. 87 da Constituição Federal e os arts.

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 85, DE 26 DE JULHO DE 2010

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 85, DE 26 DE JULHO DE 2010 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 85, DE 26 DE JULHO DE 2010 Disciplina a fiscalização do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP, regulamentado pela Portaria nº 1.510, de 21 de agosto de 2009, e fixa prazo

Leia mais

SREP SISTEMA DE REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO

SREP SISTEMA DE REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO SREP SISTEMA DE REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO Perguntas e Respostas extraídas do site do Ministério do Trabalho em 02/2011. 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a) Proíbe todo tipo

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS ASSUNTO: REP REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO 2. Quando a portaria entra em vigor? Na data de sua publicação, 25/08/2009, exceto para o uso do REP, cujo início da obrigatoriedade depende

Leia mais

REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO

REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO REGISTRO ELETRÔNICO DE PONTO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 85, DE 26 DE JULHO DE 2010- MTE- DOU 27.07.2010- Disciplina a fiscalização do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto SREP regulamentado pela Portaria

Leia mais

REP Relógio Eletrônico de Ponto. Perguntas e Respostas

REP Relógio Eletrônico de Ponto. Perguntas e Respostas REP Relógio Eletrônico de Ponto Perguntas e Respostas 1. VIGÊNCIA E PRAZOS 2. CADASTRAMENTOS, ATESTADOS TÉCNICOS E CERTIFICAÇÃO DO REP 3. REP REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO 4. PROGRAMA DE TRATAMENTO 5.

Leia mais

Prof. Rogério Alves de Oliveira

Prof. Rogério Alves de Oliveira As novas regras do Ministério do Trabalho para o CONTROLE DE PONTO Portaria n o 1.510, de 21 de agosto de 2009. Facilitador Bacharel em Direito Formação em Dinâmica dos Grupos Especialização em Administração

Leia mais

AFD - Arquivo-Fonte de Dados arquivo gerado a partir dos dados armazenados na MRP.

AFD - Arquivo-Fonte de Dados arquivo gerado a partir dos dados armazenados na MRP. Ponto Eletrônico SIGLAS E DEFINIÇÕES SREP - Sistema de Registro Eletrônico de Ponto: é o conjunto de equipamentos e programas informatizados destinado à anotação por meio eletrônico da entrada e saída

Leia mais

BE.004 - PONTO ELETRÔNICO.

BE.004 - PONTO ELETRÔNICO. .: BE.004 - Ponto Eletrônico :. file://q:\boletim\extraordinario\2010-05-24-be004\ponto Eletronico.htm Page 1 of 1 1/6/2010 BE.004 - PONTO ELETRÔNICO. As empresas com mais de 10 empregados estão obrigadas

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO N o 2.839 DE 2010 Susta a Portaria nº 1.510 do Ministério do Trabalho e Emprego, de 21 de agosto de 2009, publicada

Leia mais

Evento Portaria 1510. Conceitos, aspectos legais e suas perspectivas. Os desafios das Empresas para se adequar a Portaria do MTE 1510

Evento Portaria 1510. Conceitos, aspectos legais e suas perspectivas. Os desafios das Empresas para se adequar a Portaria do MTE 1510 Evento Portaria 1510 Conceitos, aspectos legais e suas perspectivas Os desafios das Empresas para se adequar a Portaria do MTE 1510 O Que Rege a Portaria 1510? Portaria MTE 1510 de 21 de Agosto de 2009

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; b. Estabelece

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; b. Estabelece

Leia mais

Adequação do Ponto Eletrônico à Portaria MTE nº 1.510

Adequação do Ponto Eletrônico à Portaria MTE nº 1.510 Adequação do Ponto Eletrônico à Portaria MTE nº 1.510 Produto : Ponto Eletrônico - versão P10 País : BRASIL Data : 16/12/2009 A TOTVS S.A., na condição de desenvolvedora e provedora do sistema empresarial

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Quais são os principais pontos da Portaria MTE 1.510/2009? a. Proíbe todo tipo de restrição à marcação de ponto, marcações automáticas e alteração dos dados registrados; b. Estabelece

Leia mais

PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009

PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009 PORTARIA Nº 1.510, DE 21 DE AGOSTO DE 2009 O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe conferem o inciso II do parágrafo único do art. 87 da Constituição Federal e os arts.

Leia mais

Ponto Eletrônico - PORTARIA Nº 1.510, DE 21/08/2009

Ponto Eletrônico - PORTARIA Nº 1.510, DE 21/08/2009 Ponto Eletrônico - PORTARIA Nº 1.510, DE 21/08/2009 O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições que lhe conferem o inciso II do parágrafo único do art. 87 da Constituição Federal

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO N o 2.839 DE 2010

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO N o 2.839 DE 2010 COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO N o 2.839 DE 2010 Susta a Portaria nº 1.510 do Ministério do Trabalho e Emprego, de 21 de agosto de 2009, publicada

Leia mais

DECRETO Nº. 044/2013

DECRETO Nº. 044/2013 DECRETO Nº. 044/2013 DISPÕE SOBRE HOMOLOGAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA QUE DISPÕE SOBRE PROCEDIMENTOS PARA O REGISTRO DE FREQUÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS, ESTABELECENDO ROTINAS NO ÂMBITO DA PREFEITURA

Leia mais

Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP Portaria MTE 1.510/2009

Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP Portaria MTE 1.510/2009 Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP Portaria MTE 1.510/2009 Informações úteis para o Fabricante de Programa de Tratamento de Registro de Ponto Versão 2.0 Sumário 1. Introdução...4 2. Formato

Leia mais

As melhores soluções para sua empresa. Core business. Soluções em software, hardware para acesso e segurança e cartões de identificação.

As melhores soluções para sua empresa. Core business. Soluções em software, hardware para acesso e segurança e cartões de identificação. As melhores soluções para sua empresa. Core business Soluções em software, hardware para acesso e segurança e cartões de identificação. As melhores soluções para sua empresa. REP-Relógio Eletrônico de

Leia mais

PORTARIA 1.510. Os impactos sobre as MPEs

PORTARIA 1.510. Os impactos sobre as MPEs PORTARIA 1.510 Os impactos sobre as MPEs A PORTARIA 1.510 O que é? Regulamentação do MTE Muda as regras de fabricação e uso de Relógios e Sistemas de Ponto Novas obrigações para empresas usuárias e fabricantes

Leia mais

A SOLUÇÃO EM AUTOMAÇÃO COMERCIAL

A SOLUÇÃO EM AUTOMAÇÃO COMERCIAL Futura Ponto (REP) A SOLUÇÃO EM AUTOMAÇÃO COMERCIAL Website: www.futurasistemas.com.br Telefone: (11) 3227-8984/ (11) 3929-8980 ÍNDICE Futura Ponto (REP)...03 Configurações Iniciais...04 Cadastrar Empresa...05

Leia mais

ÍNDICE. Futura Ponto (REP)...03. Configurações Iniciais...04. Cadastrar Horário...05. Configurar Hora Extra...07. Cadastrar Departamento...

ÍNDICE. Futura Ponto (REP)...03. Configurações Iniciais...04. Cadastrar Horário...05. Configurar Hora Extra...07. Cadastrar Departamento... Futura Ponto (REP) ÍNDICE Futura Ponto (REP)...03 Configurações Iniciais...04 Cadastrar Horário...05 Configurar Hora Extra...07 Cadastrar Departamento...10 Cadastrar Função...11 Cadastrar Funcionário...12

Leia mais

Art. 1º - Disciplinar o registro eletrônico de ponto e a utilização do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP.

Art. 1º - Disciplinar o registro eletrônico de ponto e a utilização do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto - SREP. São Paulo, 25 de setembro de 2009. Senhor Ministro, Assunto: Portaria MTE 1510/2009 - Controle de Ponto Eletrônico Dirigimo-nos a Vossa Excelência para externar nossa preocupação quanto ao conteúdo da

Leia mais

SOLICITAR USUÁRIO E SENHA DE ACESSO GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS ATRIBUIR UM CONTADOR A UMA EMPRESA

SOLICITAR USUÁRIO E SENHA DE ACESSO GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS ATRIBUIR UM CONTADOR A UMA EMPRESA 1 Manual prático Pág. 2 Pág. 4 Pág. 9 Pág. 11 SOLICITAR USUÁRIO E SENHA DE ACESSO EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA DECLARAÇÃO DE NOTA FISCAL RECEBIDA GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS IMPOSTO

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS

PERGUNTAS E RESPOSTAS PERGUNTAS E RESPOSTAS ASSUNTO: REP REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO 2. Quando a portaria entra em vigor? Na data de sua publicação, 25/08/2009, exceto para o uso do REP, que se tornará obrigatório no dia

Leia mais

Madis Rodbel Lança equipamento de ponto que atende a portaria 1510 do MTE

Madis Rodbel Lança equipamento de ponto que atende a portaria 1510 do MTE No dia 21 de agosto de 2009, o Ministério do Trabalho e Emprego assinou a Portaria 1510, que regulamenta o Registro Eletrônico de Ponto - REP e a utilização do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto -

Leia mais

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA MEGASALE PAF-ECF 2 MEGASALE PAF-ECF Tabela de Conteúdo Introdução 4 Login Megasale PAF-ECF 5 Frente de Loja (E.C.F) 5 1 Buscando... uma Pré-Venda 9 2 Buscando... um DAV 12 Incluindo Pré-Venda 14 Incluindo

Leia mais

Sistema Futura Ponto. Aparecida Legori Futura Sistemas 27/05/2014

Sistema Futura Ponto. Aparecida Legori Futura Sistemas 27/05/2014 2014 Sistema Futura Ponto Aparecida Legori Futura Sistemas 27/05/2014 Índice Cadastro 1. Departamentos 2. Função 3. Empresa 4. Eventos 5. Feriados 6. Grade Horária 7. Justificativas 8. Funcionários 9.

Leia mais

Ponto On-line On-line

Ponto On-line On-line Ponto On-line On-line Ponto Funcionalidade Ponto On-Line O funcionário ao chegar ou sair de seu local de trabalho pode digitar, em um aparelho de telefonia móvel (Nextel) que está no local de trabalho,

Leia mais

Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS

Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS Manual prático Pág. 2 - EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS Pág. 8 - ATRIBUIR UM CONTADOR A UMA EMPRESA Pág. 9 - VERIFICAR REGISTRO DE RPS Pág. 11 - TRANSMISSÃO

Leia mais

PONTO ELETRÔNICO Portaria MTE n 1.510, de 21 de agosto de 2009

PONTO ELETRÔNICO Portaria MTE n 1.510, de 21 de agosto de 2009 PONTO ELETRÔNICO Portaria MTE n 1.510, de 21 de agosto de 2009 Introdução Em 21 de agosto de 2009 foi publicada, pelo Ministério do Trabalho e Emprego ( MTE ), a Portaria n 1.510, que tem por objetivo

Leia mais

Config. do módulo MSA com dispositivos REP.

Config. do módulo MSA com dispositivos REP. Config. do módulo MSA com dispositivos REP. 23/05/2011 Config. do módulo MSA com disp. REP. Sumário Sumário... 2 1 Configurando os novos serviços para os REP... 3 1.1 Configurando o devices.xml... 3 1.2

Leia mais

SAN.A.IN.NA 35. Controle de Acesso aos Serviços Disponíveis ao Fornecedor no Portal da Sanasa na INTERNET 1. FINALIDADE

SAN.A.IN.NA 35. Controle de Acesso aos Serviços Disponíveis ao Fornecedor no Portal da Sanasa na INTERNET 1. FINALIDADE ISO 91 1 / 7 SUMÁRIO: 1. FINALIDADE 2. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3. CONCEITOS BÁSICOS 4. SENHA DE CONTROLE DE ACESSO 5. ASSINATURA ELETRÔNICA 6. NORMAS QUE DEVERÃO SER CONSULTADAS ANTES DE GERAR O REQUERIMENTO

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Apresentação Este sistema faz parte do Portal NFS Digital e tem o intuito de ser utilizado por emissores de Nota Fiscal de Serviços

Leia mais

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL Versão 1.0 CARBON SYSTEM Manual do Software Ponto Legal Manual do PONTO LEGAL S O F T W A R E P A R A E M I S S Ã O D O R E L A T Ó R I O E S P E L H O D E P O N T O Manual do Ponto Legal Versão 1.0 Carbon

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA 1 NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA ANO 2012 2 Sumário 1 Nota Fiscal de Serviços eletrônica - NFS-e... 3 1.1 Considerações Iniciais... 3 1.2 Legislação... 3 1.3 Definição...

Leia mais

Você está em uma Nova Era! Era em que é possível otimizar o tempo para ganhar produtividade e qualidade.

Você está em uma Nova Era! Era em que é possível otimizar o tempo para ganhar produtividade e qualidade. Você está em uma Nova Era! Era em que é possível otimizar o tempo para ganhar produtividade e qualidade. A Secullum traz sua experiência para atender as necessidades de sua empresa através do software

Leia mais

ECF Equipamento Emissor de Cupom Fiscal

ECF Equipamento Emissor de Cupom Fiscal ECF Equipamento Emissor de Cupom Fiscal 1. O que é ECF? R. É o equipamento devidamente autorizado pelo fisco e instalado no estabelecimento utilizado para a emissão de cupons fiscais em operações de vendas

Leia mais

Cadastrando um prestador de serviços: No menu lateral esquerdo do site, clique no link Prestadores e em seguida clique no botão Cadastrar-se.

Cadastrando um prestador de serviços: No menu lateral esquerdo do site, clique no link Prestadores e em seguida clique no botão Cadastrar-se. Cadastrando um prestador de serviços: No menu lateral esquerdo do site, clique no link Prestadores e em seguida clique no botão Cadastrar-se. Página 1 Preencha o formulário com todos os dados do prestador.

Leia mais

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174

Versão Liberada. www.gerpos.com.br. Gerpos Sistemas Ltda. info@gerpos.com.br. Av. Jones dos Santos Neves, nº 160/174 Versão Liberada A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível. A atualização da versão

Leia mais

Perguntas Frequentes de Desenvolvedores

Perguntas Frequentes de Desenvolvedores 1 Perguntas Frequentes de Desenvolvedores (Atualizado em 10/03/2014) 1. SUMÁRIO 2. POR ONDE EU COMEÇO?... 1 Sou desenvolvedor de Software (ou Software House) por onde começo?... 1 3. REGISTRO DA EMPRESA

Leia mais

Este manual foi desenvolvido usando a versão 3.4.81 do Ponto Secullum 3 e a versão 1.0.51 do Ponto Secullum 4.

Este manual foi desenvolvido usando a versão 3.4.81 do Ponto Secullum 3 e a versão 1.0.51 do Ponto Secullum 4. Migrando do Ponto Secullum 3 para o Ponto Secullum 4 A Secullum Sistemas de Ponto e Acesso vem através desse manual esclarecer as duvidas em relação a migração do sistema de Ponto Secullum 3 para o Ponto

Leia mais

Manual do ISSWEB. Soluções em softwares nas áreas públicas.

Manual do ISSWEB. Soluções em softwares nas áreas públicas. 1 Índice Introdução... 03 Declarante... 04 Autorização para declarar... 06 Acessando... 06 Notas Fiscais de Prestador... 07 Novo Movimento... 08 Lançamento de Notas Fiscais... 10 Imprimir relação de Notas

Leia mais

MANUAL PONTO ELETRÔNICO PORTAL RH

MANUAL PONTO ELETRÔNICO PORTAL RH MANUAL PONTO ELETRÔNICO PORTAL RH. 2012 ÍNDICE Tela inicial Portal RH... 3 Alteração de competência/mês... 4 Justificar Atrasos... 5 Lançamento de Atestado Médico... 7 Lançamento de Folgas... 10 Aprovação

Leia mais

Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo DECRETO Nº 13.381

Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo DECRETO Nº 13.381 Estado do Espírito Santo DECRETO Nº 13.381 Institui Regime Especial para dispensa da guarda e arquivo das Notas Fiscais de Serviços, condicionada à guarda e ao arquivo, pelo período decadencial, dos respectivos

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP SMALL BUSINESS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP SMALL BUSINESS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP SMALL BUSINESS ÍNDICE a) OBJETIVO...3 b) MODELO...3 c) ID REP c.1) Características Funcionais Genéricas...4 c.2) Características Operacionais Genéricas...5

Leia mais

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS DEPARTAMENTO DE PESSOAL

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS DEPARTAMENTO DE PESSOAL Copia Controlada nº Código: RHP07 V05 Emissão: 30/05/2012 Folha: 1/18 MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Registro de Ponto Copia Controlada nº Código: RHP07 V05 Emissão: 30/05/2012 Folha: 2/18 1 Conteúdo

Leia mais

Conhecimento de Transporte

Conhecimento de Transporte Página1 Conhecimento de Transporte No menu de navegação, este item é a opção para emissão e administração dos Conhecimentos de Transporte do sistema. Para acessar, posicione o mouse no local correspondente

Leia mais

Perguntas Frequentes de Desenvolvedores

Perguntas Frequentes de Desenvolvedores 1 Perguntas Frequentes de Desenvolvedores (Atualizado em 01/07/2014) SUMÁRIO 1. POR ONDE EU COMEÇO?... 1 Sou desenvolvedor de Software (ou Software House) por onde começo?... 1 2. REGISTRO DA EMPRESA JUNTO

Leia mais

Manual de Operação. Chega de preocupações. O Orion 6 cuida de tudo sozinho. Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda.

Manual de Operação. Chega de preocupações. O Orion 6 cuida de tudo sozinho. Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. Manual de Operação Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. Rua Rio Piquiri, 400 - Jardim Weissópolis Código Postal 83.322-010 Pinhais - Paraná - Brasil Chega de preocupações. O Orion 6 cuida de

Leia mais

Funcionários. Adicionar Funcionários. Abaixo na tela clicar no botão. *Dados obrigatórios: Matrícula, Nome, PIS e data de admissão

Funcionários. Adicionar Funcionários. Abaixo na tela clicar no botão. *Dados obrigatórios: Matrícula, Nome, PIS e data de admissão Funcionários Adicionar Funcionários Abaixo na tela clicar no botão *Dados obrigatórios: Matrícula, Nome, PIS e data de admissão Funcionários Aplicar escala a um funcionário Selecione o(s) funcionário(s)

Leia mais

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012)

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012) NFE Nota Fiscal eletrônica Versão 2.0 (07/2012) Sumário INTRODUÇÃO... 2 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA EMISSÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA... 3 2º VIA DE SOLICITAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE IMPRESSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS...

Leia mais

MANUAL ISS DIGITAL Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215

MANUAL ISS DIGITAL Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215 Av. Augusto de Lima, 479-15º Andar - Sala 1511 Centro - Belo Horizonte/MG CEP: 30.190-000 (31) 3201-1639 / Fax: (31) 3212-1215 1. INTRODUÇÃO Dispõe sobre o sistema eletrônico de gerenciamento de dados

Leia mais

Cadastro NOVO Bilhete Único - SPTRANS

Cadastro NOVO Bilhete Único - SPTRANS ÍNDICE 1. Objetivo...02 2. Cadastramento para emissão do NOVO Bilhete Único...3/10 3. Sessão Expirada...11/13 4. Etapas do Cadastro...14/16 5. Finalização do Cadastro...17/18 6. Pesquisa de Satisfação...19/19

Leia mais

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda Versão para atualização do Gerpos Retaguarda A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível.

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTÂNCIA VELHA

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTÂNCIA VELHA DECRETO MUNICIPAL N.º 102/2014, de 11 de dezembro de 2014. REGULAMENTA PROCEDIMENTOS, RELATIVOS A AIDOF, NOTAS FISCAIS DE SERVIÇO, ESCRITURAÇÃO FISCAL E REQUERIMENTOS E APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS

Leia mais

Nota Fiscal Avulsa Eletrônica

Nota Fiscal Avulsa Eletrônica Nota Fiscal Avulsa Eletrônica Manual do Usuário Belém PA 2012 1 Solicitar Nota Fiscal Avulsa Eletrônica...pag. 3 Acompanha Nota Fiscal Avulsa...pag. 7 Tipo de Consulta por Prestador do Serviço...pag. 7

Leia mais

ÍNDICE. 1.1 Em Login do Administrador o usuário do sistema vai digitar seu Nome de Usuário e a senha, que foi criado anteriormente.

ÍNDICE. 1.1 Em Login do Administrador o usuário do sistema vai digitar seu Nome de Usuário e a senha, que foi criado anteriormente. ÍNDICE Descrição 1.0 Acessos ao Sistema 1.1 Login do Administrador 1.2 Login do Fiscal 1.3 Login do Contribuinte 2.0 Menu Principal 2.1 Gerar NFS-e 2.1.1 Gerar NFS-e 2.2 Cadastros 2.2.1 Cadastro de Atividades

Leia mais

Ponto Eletrônico: novidades e orientações para implementação

Ponto Eletrônico: novidades e orientações para implementação Ponto Eletrônico: novidades e orientações para implementação Introdução Em 21 de agosto de 2009 foi publicada, pelo Ministério do Trabalho e Emprego ( MTE ), a Portaria n 1.510, que tem por objetivo disciplinar

Leia mais

RANFS - Registro Auxiliar de Nota Fiscal de Serviço. Perguntas e Respostas. Sistema. Versão 2.0 26/04/2010.

RANFS - Registro Auxiliar de Nota Fiscal de Serviço. Perguntas e Respostas. Sistema. Versão 2.0 26/04/2010. RANFS - Registro Auxiliar de Nota Fiscal de Serviço Perguntas e Respostas Sistema Versão 2.0 26/04/2010. 1- O que é RANFS? O RANFS é o Registro Auxiliar de Nota Fiscal de Serviço, um espelho das informações

Leia mais

Nota Técnica de GTI Orientações para prestação de contas dos projetos de P&D contratados pela Eletronorte

Nota Técnica de GTI Orientações para prestação de contas dos projetos de P&D contratados pela Eletronorte Local/Data: Brasília, 20 de setembro de 2013 GTI-003/2013 Fl. 1/7 Nota Técnica de GTI Orientações para prestação de contas dos projetos de P&D contratados pela Eletronorte 1. INTRODUÇÃO: A presente Nota

Leia mais

FORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS PRODUTOS:

FORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS PRODUTOS: O ID REP SB é um produto específico para controle de ponto de funcionários. Foi concebido dentro das especificações técnicas estabelecidas pelas novas regras de funcionamento de sistemas eletrônicos de

Leia mais

Manual da Nota Fiscal Eletrônica

Manual da Nota Fiscal Eletrônica Manual da Nota Fiscal Eletrônica Memory Informática Tabela de Conteúdos Meu Usuário Meu Perfil --------------------------------------------------------- 4 Minha Empresa Configurar Minha Empresa -------------------------------------

Leia mais

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br

Manual. Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha. www.atualy.com.br Manual Transmitindo arquivo da Nota Fiscal Gaúcha www.atualy.com.br ESCLARECENDO DÚVIDAS SOBRE A NOTA FISCAL GAÚCHA 1- O que é a Nota Fiscal Gaúcha? Nota Fiscal Gaúcha é um programa que, por meio da distribuição

Leia mais

Treinamento -Venda de Hardware Avulso

Treinamento -Venda de Hardware Avulso Treinamento -Venda de Hardware Avulso Venda de Hardware Avulso Apresentação Com o objetivo de automatizar o processo de venda e entrega das mídias criptográficas avulsas, a AC NOTARIAL RFB implementou

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 2.1. Atualização... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 6 4.1. Tela Principal... 6 4.2.

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota EBM ASSESSORIA E CONSULTORIA EM INFORMÁTICA LTDA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota (Site) Versão 2.0 Índice 1- Nota Fiscal Eletrônica De Serviços Nf-E 2- Prestadores 2.1-

Leia mais

MARQUE PONTO. Registrador Eletrônico de Ponto - Manual de Operação 1.3

MARQUE PONTO. Registrador Eletrônico de Ponto - Manual de Operação 1.3 w MARQUE PONTO Registrador Eletrônico de Ponto - Manual de Operação 1.3 1 2 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO 4 1.1. APRESENTAÇÃO 4 1.2. MODO DE USO 4 1.3. APRESENTAÇÃO E INFORMAÇÕES INICIAIS 5 2 FIXAÇÃO DO EQUIPAMENTO

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

NFePackSaaS GUIA DO USUÁRIO

NFePackSaaS GUIA DO USUÁRIO NFePackSaaS GUIA DO USUÁRIO Guia NFePackSaaS_v1.docx Página 1 de 11 Sumário 1 - Apresentação... 3 2 Configuração Inicial... 4 2.1 Menu Configurações... 5 Configurações... 5 Filiais... 6 2.2 Menu Serviço...

Leia mais

Plataforma Brasil Versão 3.0

Plataforma Brasil Versão 3.0 Plataforma Brasil Versão 3.0 Histórico de Revisão do Manual Versão do Sistema 3.0 Autor Data Descrição Assessoria Plataforma Brasil 29/06/2015 Criação do Documento OBS: Para sugestões, a fim de aprimorar

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e

MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e SUMÁRIO 1. INSTALAÇÃO 2. CADASTROS 2.1. CADASTRO DE USUÁRIO 2.2. CADASTRO DE MODALIDADE 2.3. CADASTRO DE PRODUTO 3. OPERAÇÃO 3.1. VENDA 3.2. CANCELAMENTO

Leia mais

Relatório Trabalhista

Relatório Trabalhista Rotinas de Pessoal & Recursos Humanos www.sato.adm.br - sato@sato.adm.br - fone (11) 4742-6674 Desde 1987 Legislação Consultoria Assessoria Informativos Treinamento Auditoria Pesquisa Qualidade Relatório

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ MANUAL DO USUÁRIO ACESSO AO SISTEMA

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ MANUAL DO USUÁRIO ACESSO AO SISTEMA O ISS-e é um sistema completo de gestão do ISS do Município de Maringá, composto pelos módulos de: - NFS-e (Nota Fiscal de Serviços Eletrônica) - DMS-e (Declaração Mensal de Serviços Eletrônica) - AIDF-e

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO PEDIDO DE USO DE ECF MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.0

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO PEDIDO DE USO DE ECF MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO PEDIDO DE USO DE ECF MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.0 Belém Agosto - 2013 1 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Identificação Acesso ao Sistema... 4 3. Painel

Leia mais

Palestrante: Thiago de Carvalho Moura

Palestrante: Thiago de Carvalho Moura Palestrante: Thiago de Carvalho Moura Última modificação: 24/02/2015 SAT-CFe 1º a emitir o cupom fiscal do SAT no interior do estado de São Paulo 2 O que é o SAT- CF-e? É um documento fiscal de existência

Leia mais

SIntegra Abordagem Completa Ferramentas Relacionadas.

SIntegra Abordagem Completa Ferramentas Relacionadas. SIntegra Abordagem Completa Ferramentas Relacionadas. 1 por Victory Fernandes No segundo artigo da série, foram abordados os conceitos gerais acerca da implementação do Sintegra, estruturação básica do

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

M a n u a l E m i s s ã o d e N F e I

M a n u a l E m i s s ã o d e N F e I M a n u a l E m i s s ã o d e N F e I Sistema Nota Fiscal eletrônica Versão 1.1 29/02/2008 Para emitir uma Nota Fiscal eletrônica o usuário deverá acessar a tela inicial do sistema WebISS, digitar o usuário

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP HOME

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP HOME ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS e OPERACIONAIS ID REP HOME ÍNDICE a) OBJETIVO...3 b) MODELOS...3 c) ID REP HOME c.1) Características Funcionais Genéricas...4 c.2) Características Operacionais Genéricas...5 c.3)

Leia mais