VOTO. 3. Em 12/08/2013, a concessionária apresentou recurso, no qual requereu a reforma da decisão.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "VOTO. 3. Em 12/08/2013, a concessionária apresentou recurso, no qual requereu a reforma da decisão."

Transcrição

1 VOTO PROCESSO: / INTERESSADO: Companhia Energética do Ceará COELCE. RELATOR: Diretor Reive Barros dos Santos. RESPONSÁVEL: Diretoria - DIR. ASSUNTO: Recurso Administrativo interposto pela Companhia Energética do Ceará COELCE, em face do Auto de Infração nº AI/CEE/0023/2013, lavrado pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará ARCE, em decorrência de fiscalização da evolução do quantitativo de Ocorrências Significativas registradas no sistema elétrico da Concessionária durante os meses de agosto a outubro dos anos de 2007 a 2010, suas causas e possível responsabilidade do Agente. I RELATÓRIO Entre 11/11/2010 a 12/05/2011, a ARCE realizou ação fiscalizadora, no período de 11/11/2010 a 12/05/2011, que teve como objetivo verificar ocorrências no sistema elétrico da COELCE, entre os meses de agosto e outubro de 2010, assim como apurar a responsabilidade da empresa sobre a ocorrência registrada no dia 30/09/2010, que envolveu rede secundária sob sua responsabilidade, no bairro Jardim das Oliveiras, município de Fortaleza/CE. 2. Em 31/07/2013, a ARCE emitiu o Auto de Infração AI nº AI/CEE/0023/2013, com aplicação de penalidade de multa, no valor total de R$ ,15 (duzentos e oitenta e oito mil, cento e doze reais e quinze centavos), por ter observado 2 (duas) não conformidades, no âmbito da fiscalização realizada. 3. Em 12/08/2013, a concessionária apresentou recurso, no qual requereu a reforma da decisão. 4. Em 22/10/2013, ao analisar o recurso, a Diretoria da ARCE decidiu por unanimidade manter o Auto de Infração contra a COELCE e o valor da multa aplicada. 5. Em 18/11/2013, por meio da Carta n 088/Diretoria de Regulação/2013, a COELCE apresentou recurso à decisão do Conselho Diretor da ARCE. Após a emissão da decisão do juízo de reconsideração, a Agência Estadual encaminhou o processo à Diretoria da ANEEL para obtenção da decisão final. 6. Em 02/06/2014, na 22ª sessão de Sorteio Público Ordinário, o processo foi a mim distribuído. 7. Em 09/06/2014, o processo foi enviado à SFE pelo Memorando nº 292/2014-ASD/ANEEL, para manifestação sobre as questões levantadas pela COELCE em seu último recurso. 8. Em 26/07/2014, por meio da Nota Técnica nº 113/2014-SFE/ANEEL, a SFE recomendou conhecer e dar provimento parcial ao recurso interposto pela COELCE. 9. É o relatório.

2 II FUNDAMENTAÇÃO 10. Trata-se de recurso administrativo interposto pela COELCE contra o AI nº AI/CEE/0023/2013, lavrado pela ARCE, em decorrência de fiscalização sobre ocorrências verificadas, entre os meses de agosto e outubro de 2010, no sistema elétrico da COELCE, assim como apurar sua responsabilidade na ocorrência que envolveu a rede secundária no bairro Jardim das Oliveiras, no dia 30/09/ Na Nota Técnica nº 113/2014-SFE/ANEEL, a SFE apresenta um resumo das não conformidades apenadas no AI/CEE/0023/2013 e mantidas no Juízo de Reconsideração, conforme segue: Item Fato Gerador Não Conformidade N.1 N.2 Realização de procedimento que concorreu para ocorrência de curto-circuito que levou ao desligamento de unidades consumidoras. Manter condutores da rede secundária de tensão fora das distâncias mínimas de segurança, concorrendo para o surgimento de uma situação de risco para usuários. Descumprimento da primeira subcláusula da segunda cláusula do Contrato de Concessão, bem como dos incisos I e IV da Lei 8.987/1995. Descumprimento dos incisos III e VI da cláusula quinta do Contrato de Concessão, bem como dos incisos I e IV da Lei 8.987/ Com base na confirmação das não conformidades, a ARCE lavrou o AI nº AI/CEE/0023/2013, com a aplicação da pena de multa, no valor de R$ ,15 (duzentos e oitenta e oito mil, cento e doze reais e quinze centavos). A Tabela a seguir apresenta as não conformidades mantidas após análise do juízo de reconsideração pela ARCE: Item Enquadramento Penalidade Descrição Resolução nº 63/2004 Dosimetria (%) Valor (R$) N.1 Constitui infração, sujeita à imposição da penalidade de multa do Grupo I Inciso XV do Art. 4º da REN nº 63/2004 0, ,48 N.2 Constitui infração, sujeita a imposição da penalidade de multa do Grupo III Inciso XIV do Art. 6º da REN nº 63/2004 0, ,67 Total , Nesse sentido, foram avaliados pela SFE: (i) se as não conformidades apontadas adequavamse às irregularidades constatadas pela ação fiscalizadora, (ii) se essas não conformidades foram corretamente enquadradas na REN nº 63/2004, (iii) se a dosimetria utilizada foi coerente, satisfatoriamente justificada e atendeu à prática estabelecida pela SFE e (iv) se a Concessionária apresentou argumentos técnicos que justificassem a descaracterização das não conformidades ou a modificação das sanções impostas. 14. Consta, ainda, da Nota Técnica nº 113/2014-SFE/ANEEL, que a SFE verificou a conformidade do processo instruído pela ARCE quanto ao rito descrito na REN nº 63/2004 e ao julgamento técnico do mérito. Por fim, concorda com o posicionamento da ARCE, que apresentou as motivações adequadas para a

3 manutenção da penalidade. Entretanto, discorda apenas da dosimetria aplicada pela Agência Estadual para a não conformidade N A SFE indicou que nenhum fato novo foi apresentado no recurso pela Coelce, por isso manteve a avaliação efetuada pela ARCE para a não conformidade N.1, que considerou: a) a infração como de gravidade média por se tratar de descumprimento de dispositivos contratuais e legais que ocasionaram a ocorrência; b) médios danos para os usuários pois a ocorrência ocasionou interrupção no fornecimento por mais de 2 (duas) horas; c) não foi detectada vantagem auferida pela infratora. 16. Todavia, a SFE indicou que a Agência Estadual adotou em relação à abrangência, na dosimetria aplicada, de forma discricionária, um percentual de 70,00% do valor máximo previsto para o Grupo I, correspondendo a 0,00700% do valor da receita anual da COELCE. 17. Nesse particular, a SFE entende ser mais adequado estabelecer em relação à abrangência o percentual de 5,4%, pois este foi o percentual de unidades consumidoras atingidas pela ocorrência, ao invés do percentual de 70,00% adotado pela ARCE, calculada com base no número de consumidores da COELCE no ano de Dosimetria utilizada na penalidade referente à não conformidade e N.1: Condicionante Avaliação Ponderação* Resultado 1 - Gravidade da infração 50% G = 50% * p1 25,00% 2 - Danos para o serviço e para os usuários 50% D = 20% * p2 10,00% 3 - Vantagem auferida pela infratora 0% V = 20% * p3 0,0% 4 Percentual relativo às sanções administrativas irrecorríveis nos últimos quatro anos 100% S = 10% *p4 10,00% 5 - Percentual da Irregularidade ( ) 45,00% 6 Abrangência 5,4% 7 - Valor máximo da penalidade do Grupo I 0,01% 8 - Dosimetria (5 x 6 x 7) 0,000243% *São considerados os seguintes pesos: p1=50% para a gravidade (G), p2=20% para danos (D), p3=20% para vantagem auferida (V) e p4=10% para as sanções administrativas irrecorríveis nos últimos quatro anos (S), totalizando 100%. Valor este que multiplicado pela abrangência em porcentagem e pelo valor máximo da penalidade estabelecido pela Resolução n.º63/2004, resultará na percentual final da dosimetria a ser aplicado por esta SFE. NOTA: Os pesos adotados para cada uma das condicionantes da tabela acima foram definidos com base no poder discricionário do administrador público em fixar as penalidades a serem aplicadas aos agentes do setor elétrico, tendo como limites os percentuais máximos estabelecidos no Inciso X do art. 3º da Lei n.º 9.427, de 26 de dezembro de 1996 e na Resolução Normativa ANEEL n.º 63/ Logo, o valor da multa para a não conformidade N.1 fica reduzido de R$ ,48 (cento e oitenta e dois mil, quinhentos e quatorze reais e quarenta e oito centavos) para R$ 6.335,86 (seis mil, trezentos e trinta e cinco reais e oitenta e seis centavos).

4 19. Pelo exposto, considerando a soma das não conformidades N.1 e N.2, a SFE recomenda, no que concordo, que o valor da multa contra a Coelce seja reduzido de R$ ,15 (duzentos e oitenta e oito mil, cento e doze reais e quinze centavos) para R$ ,53 (cento e onze mil, novecentos e trinta e três reais e cinquenta e três centavos), no âmbito do AI nº AI/CEE/0023/2013. III DIREITO 20. Este voto fundamenta-se nos seguintes dispositivos legais e regulatórios: i) Lei nº 9.784/1999; (ii) REN nº 444/2001; (iii) REN nº 63/2004 e (iv) REN nº 273/2007. IV DISPOSITIVO 21. Diante do exposto e do que consta no Processo nº / , voto por conhecer e, no mérito dar provimento parcial ao Recurso Administrativo interposto Companhia Energética do Ceará COELCE, contra o Auto de Infração nº AI/CEE/0023/2013, lavrado pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará - ARCE, a fim de reduzir a penalidade de multa aplicada no valor de R$ ,15 (duzentos e oitenta e oito mil, cento e doze reais e quinze centavos) para R$ ,53 (cento e onze mil, novecentos e trinta e três reais e cinquenta e três centavos). Brasília, 17 de novembro de REIVE BARROS DOS SANTOS Diretor

5 AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL DESPACHO Nº, DE DE NOVEMBRO DE O DIRETOR-GERAL DA AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL, no uso de suas atribuições regimentais, de acordo com deliberação da Diretoria e o que consta do Processo nº / , resolve conhecer e, no mérito deferir, parcialmente, o Recurso Administrativo interposto pela Companhia Energética do Ceará COELCE, contra o Auto de Infração nº AI/CEE/0023/2013, lavrado pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará ARCE, a fim de reduzir a penalidade de multa aplicada no valor de R$ ,15 (duzentos e oitenta e oito mil, cento e doze reais e quinze centavos) para R$ ,53 (cento e onze mil, novecentos e trinta e três reais e cinquenta e três centavos). ROMEU DONIZETE RUFINO

VOTO. INTERESSADO: Coqueiros Transmissora de Energia S.A. CTE.

VOTO. INTERESSADO: Coqueiros Transmissora de Energia S.A. CTE. VOTO PROCESSO: 48500.003771/2014-58 INTERESSADO: Coqueiros Transmissora de Energia S.A. CTE. RELATOR: Diretor Reive Barros dos Santos. RESPONSÁVEL: Diretoria - DIR. ASSUNTO: Recurso Administrativo interposto

Leia mais

VOTO. PROCESSOS: 48500.003441/2014-62. INTERESSADO: Elektro Eletricidade e Serviços S/A. RELATOR: Tiago de Barros Correia. RESPONSÁVEL: DIR.

VOTO. PROCESSOS: 48500.003441/2014-62. INTERESSADO: Elektro Eletricidade e Serviços S/A. RELATOR: Tiago de Barros Correia. RESPONSÁVEL: DIR. VOTO PROCESSOS: 48500.003441/2014-62. INTERESSADO: Elektro Eletricidade e Serviços S/A. RELATOR: Tiago de Barros Correia. RESPONSÁVEL: DIR. ASSUNTO: Recurso Administrativo interposto pela Elektro - Eletricidade

Leia mais

FL. 1 de 6 VOTO PROCESSO: 48500.000092/2014-27. INTERESSADO: Copel Distribuição S.A. - Copel Dis. RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega

FL. 1 de 6 VOTO PROCESSO: 48500.000092/2014-27. INTERESSADO: Copel Distribuição S.A. - Copel Dis. RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega FL. 1 de 6 VOTO PROCESSO: 48500.000092/2014-27 INTERESSADO: Copel Distribuição S.A. - Copel Dis RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega RESPONSÁVEL: DIRETORIA DIR ASSUNTO: Recurso Administrativo interposto

Leia mais

RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE REGULAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TRANSMISSÃO SRT

RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE REGULAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TRANSMISSÃO SRT PROCESSO: 48500.003851/2013-22 INTERESSADA: Companhia Hidro Elétrica do São Francisco Chesf RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE REGULAÇÃO DOS SERVIÇOS DE TRANSMISSÃO

Leia mais

VOTO. INTERESSADAS: Transenergia Renovável S.A. TER, Transenergia São Paulo S.A. TSP, Goiás Transmissão S.A. GOT e MGE Transmissão S.A.

VOTO. INTERESSADAS: Transenergia Renovável S.A. TER, Transenergia São Paulo S.A. TSP, Goiás Transmissão S.A. GOT e MGE Transmissão S.A. VOTO PROCESSO: 48500.002881/2015-83. INTERESSADAS: Transenergia Renovável TER, Transenergia São Paulo TSP, Goiás Transmissão GOT e MGE Transmissão MGE RELATOR: Diretor Tiago de Barros Correia RESPONSÁVEL:

Leia mais

VOTO. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Transmissão e Distribuição SCT

VOTO. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Transmissão e Distribuição SCT VOTO PROCESSO: 48500.000787/2012-47 RELATOR: Diretor Romeu Donizete Rufino. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Transmissão e Distribuição SCT ASSUNTO: Declaração de utilidade

Leia mais

Vistos, relatados e discutidos os autos deste Processo, etc...

Vistos, relatados e discutidos os autos deste Processo, etc... Processo nº 0882272009-1 Acórdão nº 348/2011 Recurso HIE/CRF-454/2010 Recorrente : GERÊNCIA EXEC. DE JULGAMENTO DE PROCESSOS FISCAIS. Recorrida : BENEDITO SÁVIO ABRANTES DE OLIVEIRA. Preparadora : COLETORIA

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA FAZENDA CONSELHO DE RECURSOS TRIBUTÁRIOS

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA FAZENDA CONSELHO DE RECURSOS TRIBUTÁRIOS GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA FAZENDA CONSELHO DE RECURSOS TRIBUTÁRIOS RESOLUÇÃO N oss" /2012 1 a CÂMARA DE JULGAMENTO SESSÃO DE 23/11/2011-085 a SESSÃO EXTRAORDINÁRIA PROCESSO DE RECURSO N

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 363, DE 22 DE ABRIL DE 2009

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 363, DE 22 DE ABRIL DE 2009 AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 363, DE 22 DE ABRIL DE 2009 Estabelece as condições de atendimento por meio de Central de Teleatendimento - CTA das concessionárias e

Leia mais

CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS DO ESTADO DE RORAIMA RESOLUÇÃO Nº

CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS DO ESTADO DE RORAIMA RESOLUÇÃO Nº CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS DO ESTADO DE RORAIMA RESOLUÇÃO Nº 64/07 CÂMARA DE JULGAMENTO SESSÃO :51ª EM 30/08/07 PROCESSO : NUP-22001.04826/06-15 RECURSO DE OFICIO EMENTA: ICMS Multa acessória Entrada

Leia mais

Previdência 2011: Novos Valores do Salário de Contribuição e Salário- Família 2011 03/01/2011

Previdência 2011: Novos Valores do Salário de Contribuição e Salário- Família 2011 03/01/2011 Previdência 2011: Novos Valores do Salário de Contribuição e Salário- Família 2011 03/01/2011 A Portaria Interministerial 568 MPS-MF, de 31-12-2010, publicada no Diário Oficial de 3-1-2011, reajustou em

Leia mais

VOTO RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES DE GERAÇÃO SCG.

VOTO RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES DE GERAÇÃO SCG. VOTO PROCESSO: 48500.004555/2011-87. INTERESSADO: Vento de Santo Uriel S.A. RELATOR: Diretor Edvaldo Alves de Santana RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES DE GERAÇÃO SCG. ASSUNTO:

Leia mais

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0054-06/99-1 Identidade do documento: Acórdão 54/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas. Centro Psiquiátrico Pedro II. Exercício de 1997. Garantias

Leia mais

RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO

RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS COORDENAÇÃO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete do Desembargador Federal Marcelo Navarro

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete do Desembargador Federal Marcelo Navarro APELAÇÃO CRIMINAL (ACR) Nº 11023/RN (0004472-39.2010.4.05.8400) APTE : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL APDO : JARBAS CAVALCANTI DE OLIVEIRA ADV/PROC : JOSE ALEXANDRE SOBRINHO E OUTRO ORIGEM : 2ª VARA FEDERAL

Leia mais

JUSTIÇA DO TRABALHO DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA

JUSTIÇA DO TRABALHO DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA DIVISÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Objeto: Contratação de empresa para prestação do serviço de agenciamento de viagens (emissão, remarcação e cancelamento de passagens aéreas nacionais

Leia mais

VOTO. 4. Em 29 de macro de 2006, a Casa da Criança Palhacinho Triste apresentou recurso em face da decisão da CEEE.

VOTO. 4. Em 29 de macro de 2006, a Casa da Criança Palhacinho Triste apresentou recurso em face da decisão da CEEE. VOTO PROCESSO: 48500.003732/2011-16. INTERESSADOS: Casa da Criança Palhacinho Triste, Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica - CEEE, Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos

Leia mais

REDE ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº 61.584.140/0001-49 NIRE 35.300.029.780 Companhia Aberta PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO

REDE ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº 61.584.140/0001-49 NIRE 35.300.029.780 Companhia Aberta PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO REDE ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº 61.584.140/0001-49 NIRE 35.300.029.780 Companhia Aberta São Paulo, 15 de junho de 2011. PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO Assembléia Geral Extraordinária a realizar-se em 30/06/2011

Leia mais

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2014 / 2015

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2014 / 2015 RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2014 / 2015 Pelo presente instrumento particular, de um lado, o SINDICATO DOS PUBLICITÁRIOS, DOS AGENCIADORES DE PROPAGANDA E DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE PROPAGANDA DO

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA FAZENDA CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO CONSELHO DE CONTRIBUINTES E RECURSOS FISCAIS

ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA FAZENDA CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO CONSELHO DE CONTRIBUINTES E RECURSOS FISCAIS ACÓRDÃO Nº:042/2011 PROCESSO Nº: 2009/6040/503386 RECURSO VOLUNTÁRIO: 7.863 RECORRENTE: PLANETA VEÍCULOS E PEÇAS LTDA RECORRIDA: FAZENDA PÚBLICA ESTADUAL INSC. ESTADUAL: 29.391.964-0 EMENTA: ICMS Substituição

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO CEARÁ TERMO DE REFERÊNCIA

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO CEARÁ TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE VALE-REFEIÇÃO ELEIÇÕES 2016 1 OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada no fornecimento de 11.958 (onze mil, novecentos e cinquenta e oito) vales-refeições de valor

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JANDAIA DO SUL CNPJ: 75771204/0001-25

PREFEITURA MUNICIPAL DE JANDAIA DO SUL CNPJ: 75771204/0001-25 CONTRATO Nº. 48/2015 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE JANDAIA DO SUL E A EMPRESA PORTO SEGURO COMPANHIA DE SEGUROS GERAIS O Município de Jandaia do Sul pessoa jurídica

Leia mais

RESOLUÇÃO : Nº 31/11 CÂMARA DE JULGAMENTO SESSÃO : 44ª EM: 22/07/2011 PROCESSO : Nº 0132/2010 RECORRENTE : DIVISÃO DE PROCEDIMENTOS ADM.

RESOLUÇÃO : Nº 31/11 CÂMARA DE JULGAMENTO SESSÃO : 44ª EM: 22/07/2011 PROCESSO : Nº 0132/2010 RECORRENTE : DIVISÃO DE PROCEDIMENTOS ADM. RESOLUÇÃO : Nº 31/11 CÂMARA DE JULGAMENTO SESSÃO : 44ª EM: 22/07/2011 PROCESSO : Nº 0132/2010 RECORRENTE : DIVISÃO DE PROCEDIMENTOS ADM. FISCAIS RECORRIDO : A MESMA INTERESSADO : AUTUANTES : GIVALDO RAMOS/

Leia mais

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Acórdão: 20.740/12/1ª Rito: Ordinário PTA/AI: 01.000167519-71 Recurso Inominado: 40.

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Acórdão: 20.740/12/1ª Rito: Ordinário PTA/AI: 01.000167519-71 Recurso Inominado: 40. Acórdão: 20.740/12/1ª Rito: Ordinário PTA/AI: 01.000167519-71 Recurso Inominado: 40.100131449-19 Recorrente: Recorrida: Proc. Recorrente: Origem: EMENTA Nova Era Silicon S/A IE: 447437112.00-77 Fazenda

Leia mais

REGULAMENTO PROCESSUAL DA BSM

REGULAMENTO PROCESSUAL DA BSM REGULAMENTO PROCESSUAL DA BSM O Conselho de Supervisão da BM&FBOVESPA SUPERVISÃO DE MERCADOS (BSM), no uso das atribuições que lhe confere o Estatuto Social da entidade e após a autorização da Comissão

Leia mais

VOTO. INTERESSADO: Companhia Marumbi Transmissora de Energia S.A. RESPONSÁVEL: Superintendência de Regulação dos Serviços de Transmissão SRT.

VOTO. INTERESSADO: Companhia Marumbi Transmissora de Energia S.A. RESPONSÁVEL: Superintendência de Regulação dos Serviços de Transmissão SRT. VOTO PROCESSOS: 48500.002320/2014-01. INTERESSADO: Companhia Marumbi Transmissora de Energia S.A. RELATOR: Diretor Reive Barros dos Santos. RESPONSÁVEL: Superintendência de Regulação dos Serviços de Transmissão

Leia mais

JUSTIÇA DO TRABALHO SEÇÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA - SEDOR TERMO DE REFERÊNCIA

JUSTIÇA DO TRABALHO SEÇÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA - SEDOR TERMO DE REFERÊNCIA SEÇÃO DE DOCUMENTO DE REFERÊNCIA - SEDOR TERMO DE REFERÊNCIA Objeto: Aquisição de licenciamento da suíte de automação de escritório Microsoft Office 2010. TRT - SOF nº 272/10 1 1.0. OBJETO: Visa o presente

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR

TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR APELAÇÃO CÍVEL Nº 0489078-15.2012.8.19.0001 APELANTE: SKY BRASIL SERVIÇOS LTDA. APELADO: MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RELATORA:

Leia mais

Em Despacho nº 715/2011/GFIS/SER/ANAC, de 11/05/2011 (fls. 12 do processo

Em Despacho nº 715/2011/GFIS/SER/ANAC, de 11/05/2011 (fls. 12 do processo DECISÃO JR Nº PROC. ADM.: 60800.084264/2011-85 Nº PROC.: 619.177/08-0 Nº DATA AI/NI: 141 e 142/SAC-GR/2006 31/08/2006 NOME DO INTERESSADO: S.A VIAÇÃO AEREA RIO-GRANDENSE EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL Nº DATA

Leia mais

Considerações sobre recolhimento de imposto sobre doação de espécie nos Estados e no Distrito Federal

Considerações sobre recolhimento de imposto sobre doação de espécie nos Estados e no Distrito Federal Considerações sobre recolhimento de imposto sobre doação de espécie nos Estados e no Distrito Federal Conforme artigo 155, I, 1º, II, da Constituição Federal, o recolhimento do tributo em comento deverá

Leia mais

Art. 2º Para os efeitos desta Resolução serão considerados os seguintes conceitos e definições:

Art. 2º Para os efeitos desta Resolução serão considerados os seguintes conceitos e definições: RESOLUÇÃO NORMATIVA ANEEL Nº 398, DE 23 DE MARÇO DE 2010 Regulamenta a Lei nº 11.934, de 5 de maio de 2009, no que se refere aos limites à exposição humana a campos elétricos e magnéticos originários de

Leia mais

DECISÃO. Recurso interposto tempestivamente, conforme despacho de fls..

DECISÃO. Recurso interposto tempestivamente, conforme despacho de fls.. DECISÃO RELATOR: matrícula 1.064.742 RELATÓRIO Trata o presente processo de auto de infração, lavrado no dia 24.10.2006, em Porto Alegre, com fundamento no art. 302, III, n e p do Código Brasileiro de

Leia mais

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9 PROCESSO Nº UNIDADE GESTORA : : 1513-0/2014 (AUTOS DIGITAIS) FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDENCIA SOCIAL DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃOZINHO ASSUNTO : CONTAS ANUAIS DE GESTÃO EXERCÍCIO DE 2014 GESTOR

Leia mais

ORÇAMENTO 2014 QUADRO COMPARATIVO ENTRE A LEI Nº 9.979/13 E O PROJETO Nº 307/13

ORÇAMENTO 2014 QUADRO COMPARATIVO ENTRE A LEI Nº 9.979/13 E O PROJETO Nº 307/13 1 ORÇAMENTO 2014 QUADRO COMPARATIVO ENTRE A LEI Nº 9.979/13 E O PROJETO Nº 307/13 LEI Nº 9.979/13 Estima a receita e fixa a despesa do Estado para o exercício Financeiro de 2013. PROJETO DE LEI Nº 307/13

Leia mais

MERCANTIL DO BRASIL FINANCEIRA S.A. CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS Sede: Belo Horizonte Minas Gerais E S T A T U T O

MERCANTIL DO BRASIL FINANCEIRA S.A. CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS Sede: Belo Horizonte Minas Gerais E S T A T U T O MERCANTIL DO BRASIL FINANCEIRA S.A. CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS Sede: Belo Horizonte Minas Gerais CAPÍTULO I Denominação, Sede, Objeto e Prazo E S T A T U T O Art. 1º - A Mercantil do Brasil

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Acórdão 262/95 - Segunda Câmara - Ata 30/95 Processo nº TC 019.207/94-8 Responsável: Sara de Fátima Carneiro Delpino CPF: 293.709.496-15 Entidade: Fundação

Leia mais

ANÁLISE CONSELHEIRO RELATOR RODRIGO ZERBONE LOUREIRO

ANÁLISE CONSELHEIRO RELATOR RODRIGO ZERBONE LOUREIRO CONSELHEIRO RELATOR ANÁLISE NÚMERO E ORIGEM: 114/2014-GCRZ DATA: 16/10/2014 RODRIGO ZERBONE LOUREIRO 1. ASSUNTO Recurso Administrativo interposto pela NEXTEL TELECOMUNICAÇÕES LTDA, CNPJ nº 66.970.229/0001-67,

Leia mais

LEI Nº 9.847, DE 26.10.1999 - DOU 27.10.1999

LEI Nº 9.847, DE 26.10.1999 - DOU 27.10.1999 LEI Nº 9.847, DE 26.10.1999 - DOU 27.10.1999 Dispõe sobre a fiscalização das atividades relativas ao abastecimento nacional de combustíveis, de que trata a Lei nº 9.478, de 6 de agosto de 1997, estabelece

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DOS DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA GERÊNCIA DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR PROCON-MA

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DOS DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA GERÊNCIA DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR PROCON-MA FA nº 0109-009.244-4 CIP nº 92444/0109 Reclamante: Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Cidadania Reclamada: TIM Celular S/A DECISÃO Trata-se de reclamação formulada pela Secretaria de Estado dos

Leia mais

Encargos Financeiros 2016. Program a de Pó s - Gr adu ação La to Se ns u da FGV DIREIT O SP ( GV law)

Encargos Financeiros 2016. Program a de Pó s - Gr adu ação La to Se ns u da FGV DIREIT O SP ( GV law) Encargos Financeiros 2016 Programa de Pós-Graduação Lato Sensu da DIREITO GV (GVlaw) Valores dos cursos de 32 horas (para ingressantes no 1º semestre de 2016): R$ 3.045,00 (três mil e quarenta e cinco

Leia mais

CAPÍTULO III DA FORMA DE ELABORAÇÃO

CAPÍTULO III DA FORMA DE ELABORAÇÃO Instrução Normativa RFB Nº 1246 DE 03/02/2012 (Federal) Data D.O.: 06/02/2012 Dispõe sobre a apresentação da Declaração de Ajuste Anual do Imposto sobre a Renda referente ao exercício de 2012, ano-calendário

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 9.847, DE 26 DE OUTUBRO DE 1999. Conversão da MPv nº 1.883-17, de 1999 Dispõe sobre a fiscalização das atividades relativas

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE TRIBUTAÇÃO CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS R E L A T Ó R I O

RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE TRIBUTAÇÃO CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS R E L A T Ó R I O RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE TRIBUTAÇÃO CONSELHO DE RECURSOS FISCAIS PROCESSO N.º : 0031/2003 CRF PAT Nº : 0190/2001-1ª. U.R.T RECORRENTE : Queiroz Oliveira Comércio e Indústria Ltda. RECORRIDO :

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL

RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº 539-35.2015.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Relator: Ministro Gilmar Mendes Interessado: Tribunal Superior Eleitoral Dispõe sobre pesquisas eleitorais para o pleito

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado do Pará. A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5)

Tribunal de Contas do Estado do Pará. A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5) A C Ó R D Ã O Nº.44.000. (Processo nº.2002/50366-5) Assunto: Prestação de Contas referente ao Convênio nº. 05/2001, celebrado entre a ASSOCIAÇÃO AMAZÔNICA EVANGÉLICA e a SEOP. Responsável: Sr. GILBERTO

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul. Tribunal Pleno DELIBERAÇÃO AC00-395/2016

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul. Tribunal Pleno DELIBERAÇÃO AC00-395/2016 DELIBERAÇÃO AC00-395/2016 PROCESSO TC/MS : TC/6236/2013 PROTOCOLO : 1416034 TIPO DE PROCESSO : PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DE GESTÃO ÓRGÃO : FUNDO MUNICIPAL PARA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA DE AMAMBAI JURISDICIONADO

Leia mais

Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2

Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2 Ano 2015, Número 242 Brasília, quarta-feira, 23 de dezembro de 2015 Página 2 PRESIDÊNCIA (NÃO HÁ PUBLICAÇÕES NESTA DATA) SECRETARIA JUDICIÁRIA Coordenadoria de Acórdãos e Resoluções Resolução PUBLICAÇÃO

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004.

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Dispõe sobre o procedimento administrativo para aplicação de penalidades por infrações cometidas

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR. Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos

MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR. Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos 1 MINISTÉRIO DA SAÚDE AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos LEGENDA: EXC NR INC - Quadrículas sombreadas referem-se a textos revogados na Lei - Textos com

Leia mais

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Acórdão: 20.690/15/2ª Rito: Sumário PTA/AI: 01.000244282-97 Impugnação: 40.

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Acórdão: 20.690/15/2ª Rito: Sumário PTA/AI: 01.000244282-97 Impugnação: 40. Acórdão: 20.690/15/2ª Rito: Sumário PTA/AI: 01.000244282-97 Impugnação: 40.010137179-95 Impugnante: Origem: EMENTA Percival Firmato de Almeida IE: 327095499.00-62 DFT/Teófilo Otoni MERCADORIA ENTRADA DESACOBERTADA

Leia mais

VOTO. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração - SCG.

VOTO. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração - SCG. VOTO PROCESSO: 48500.005606/2014-31. INTERESSADO: Floraplac MDF Ltda. - Floraplac RELATOR: Diretor José Jurhosa Junior RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração - SCG. ASSUNTO:

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições,

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições, CONSELHOS COMUNITÁRIOS Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Vinculação: Finalidade: CONSELHOS COMUNITÁRIOS ORGAO COLEGIADO GABINETE DO PREFEITO Tornar os cidadãos parte ativa no exercício do governo, mediante

Leia mais

INTERESSADAS: Ecoprojeto Ltda. e Geração de Energia Sustentável Ltda. HGE. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração SCG.

INTERESSADAS: Ecoprojeto Ltda. e Geração de Energia Sustentável Ltda. HGE. RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração SCG. FL. 1 de 2 PROCESSO: 48500.001421/2003-41. INTERESSADAS: Ecoprojeto Ltda. e Geração de Energia Sustentável Ltda. HGE. RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega RESPONSÁVEL: Superintendência de Concessões

Leia mais

Lei nº 9.933, de 20 de Dezembro de 1999

Lei nº 9.933, de 20 de Dezembro de 1999 Lei nº 9.933, de 2 de Dezembro de 1999 O Presidente da República Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º - Todos os bens comercializados no Brasil, insumos, produtos

Leia mais

VOTO PROCESSO: 48500.003850/2012-05.

VOTO PROCESSO: 48500.003850/2012-05. VOTO PROCESSO: 48500.003850/2012-05. INTERESSADOS: Edifício Master Tower Ibirapuera, Eletropaulo Metropolitana Eletricidade de São Paulo S.A. - AES Eletropaulo, Agência Reguladora de Saneamento e Energia

Leia mais

VOTO RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES DE GERAÇÃO SCG

VOTO RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES DE GERAÇÃO SCG FL. 1 de 3 VOTO PROCESSO: 48000.002352/2013-18 INTERESSADO: Geração Biomassa Santa Cândida II S.A. RELATOR: Diretor André Pepitone da Nóbrega RESPONSÁVEL: SUPERINTENDÊNCIA DE CONCESSÕES E AUTORIZAÇÕES

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL

RESOLUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL RESOLUÇÃO Nº INSTRUÇÃO Nº CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Relator: Ministro Gilmar Mendes Interessado: Tribunal Superior Eleitoral Dispõe sobre pesquisas eleitorais para as eleições de 2016. O Tribunal

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA FAZENDA CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO-TRIBUTÁRIOTRIBUTÁRIO CONSELHO DE CONTRIBUINTES E RECURSOS FISCAIS

GOVERNO DO ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA FAZENDA CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO-TRIBUTÁRIOTRIBUTÁRIO CONSELHO DE CONTRIBUINTES E RECURSOS FISCAIS GOVERNO DO ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA FAZENDA CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO-TRIBUTÁRIOTRIBUTÁRIO CONSELHO DE CONTRIBUINTES E RECURSOS FISCAIS ACÓRDÃO N o : 012/2015 RECURSO VOLUNTÁRIO N o : 8.097 PROCESSO

Leia mais

Tipo/Nº do Documento: Data: Origem: Vigência: Resolução Homologatória nº1576 30/07/2013 ANEEL 07/08/2013

Tipo/Nº do Documento: Data: Origem: Vigência: Resolução Homologatória nº1576 30/07/2013 ANEEL 07/08/2013 LEGISLAÇÃO COMERCIAL Assunto: Homologa o resultado da sexta Revisão Tarifária Periódica RTP da Escelsa. Tipo/Nº do Documento: Data: Origem: Vigência: Resolução Homologatória nº1576 30/07/2013 ANEEL 07/08/2013

Leia mais

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Relatório de Demandas Externas n 00213.000123/2010-25 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

SECRETARIA ESTADUAL DE ASSISTÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL

SECRETARIA ESTADUAL DE ASSISTÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL Resolução SEADS - 8, de 5-8-2005 Dispõe sobre as Normas Operacionais Básicas para o Projeto Ação Jovem e dá providências correlatas A Secretária Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social, com fundamento

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos 1 de 12 29/01/2016 08:44 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 9.933, DE 20 DE DEZEMBRO DE 1999. Conversão da MPv nº 1.929, de 1999 Dispõe sobre as competências

Leia mais

PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO

PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO 1 PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO Altera a Lei nº 1456/2013, que dispõe sobre as taxas de serviços ambientais, institui seus valores, dispõem sobre sanções pelas

Leia mais

Dispõe sobre os valores de anuidades, contribuições, taxas, multas e emolumentos para o exercício de 2014.

Dispõe sobre os valores de anuidades, contribuições, taxas, multas e emolumentos para o exercício de 2014. Belo Horizonte, 19 de Novembro de 2013. Resolução Especial CREF6/MG 2013 Dispõe sobre os valores de anuidades, contribuições, taxas, multas e emolumentos para o exercício de 2014. O PRESIDENTE DO CONSELHO

Leia mais

PORTARIA Nº 146 /2011-DG BRASÍLIA, 16 DE JUNHO DE 2011.

PORTARIA Nº 146 /2011-DG BRASÍLIA, 16 DE JUNHO DE 2011. PORTARIA Nº 146 /2011-DG BRASÍLIA, 16 DE JUNHO DE 2011. DISPÕE SOBRE O PROCESSO DE INCENTIVO DE CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO DE IDIOMA ESTRANGEIRO NO ÂMBITO DA AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS

Leia mais

INTERESSADOS: Centro de Abastecimento de Gás TGB Ltda. e Companhia Paulista de Força e Luz CPFL Piratininga

INTERESSADOS: Centro de Abastecimento de Gás TGB Ltda. e Companhia Paulista de Força e Luz CPFL Piratininga PROCESSO: 48500.000553/2010-38 INTERESSADOS: Centro de Abastecimento de Gás TGB Ltda. e Companhia Paulista de Força e Luz CPFL Piratininga RELATOR: Diretor Julião Silveira Coelho RESPONSÁVEL: Diretoria

Leia mais

Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002

Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002 Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002 Ementa: Estabelece normas de organização, funcionamento e eleição, competências das Comissões de Ética Médica dos estabelecimentos

Leia mais

ORIENTAÇÕES AOS MUNICIPIOS TRANSFERÊNCIA DE ATIVOS DE I. P. APLICAÇÃO DA NOVA RESOLUÇÃO DA ANEEL

ORIENTAÇÕES AOS MUNICIPIOS TRANSFERÊNCIA DE ATIVOS DE I. P. APLICAÇÃO DA NOVA RESOLUÇÃO DA ANEEL ORIENTAÇÕES AOS MUNICIPIOS TRANSFERÊNCIA DE ATIVOS DE I. P. APLICAÇÃO DA NOVA RESOLUÇÃO DA ANEEL 17/12/2013 É preciso se atentar que a nova resolução aprovada pela ANEEL não apenas prorrogou o prazo limite

Leia mais

DOSIMETRIA DA SANÇÃO E REFORMATIO IN PEJUS

DOSIMETRIA DA SANÇÃO E REFORMATIO IN PEJUS DOSIMETRIA DA SANÇÃO E REFORMATIO IN PEJUS 05 de Outubro de 2010 Marcelo Bechara Procurador-Geral DOSIMETRIA DA SANÇÃO A metodologia de cálculo visa, densificar o principio da isonomia e da impessoalidade

Leia mais

CONSELHO DE CONTRIBUINTES SEGUNDA CÂMARA

CONSELHO DE CONTRIBUINTES SEGUNDA CÂMARA RECURSO VOLUNTÁRIO Nº: 359/2015. AUTO DE INFRAÇÃO: 1515363002141-3. RECORRENTE: ANA MARIA DE SOUSA LANCHONETE MEE. RECORRIDA: SECRETARIA DA FAZENDA. RELATORA: MARIA CRISTINA LAGES REBÊLLO CASTELO BRANCO

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA Nº 1.506, DE 5 DE ABRIL DE 2013.

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA Nº 1.506, DE 5 DE ABRIL DE 2013. AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA Nº 1.506, DE 5 DE ABRIL DE 2013. Homologa o resultado da terceira Revisão Tarifária Periódica RTP da Centrais Elétricas Matogrossenses

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 68, DE 26 DE MARÇO DE 2013.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 68, DE 26 DE MARÇO DE 2013. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 68, DE 26 DE MARÇO DE 2013. (Texto compilado) Regulamenta os mecanismos de progressão e promoção para os titulares dos cargos de provimento efetivo de Especialista em Regulação de

Leia mais

DUKE ENERGY INTERNATIONAL, GERAÇÃO PARANAPANEMA S.A. C.N.P.J. n o 02.998.301/0001-81 NIRE n o 35.300.170.563

DUKE ENERGY INTERNATIONAL, GERAÇÃO PARANAPANEMA S.A. C.N.P.J. n o 02.998.301/0001-81 NIRE n o 35.300.170.563 DUKE ENERGY INTERNATIONAL, GERAÇÃO PARANAPANEMA S.A. C.N.P.J. n o 02.998.301/0001-81 NIRE n o 35.300.170.563 Ata da 159ª Reunião do Conselho de Administração I. DATA, HORA E LOCAL: Aos 11 (onze) dias do

Leia mais

O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI N o 11.306, DE 16 DE MAIO DE 2006 Estima a receita e fixa a despesa da União para o exercício financeiro de 2006. O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Faço saber que o Congresso Nacional decreta

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado da Casa Civil Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado da Casa Civil Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro Processo nº. : Governo do Estado do Rio de Janeiro E-12/003/390/2014. Data de autuação: 24/06/2014. Concessionária: Assunto: CEG. Sessão Regulatória: 16/07/2015. OCORRÊNCIA REGISTRADA NA OUVIDORIA DA AGENERSA,

Leia mais

* 1º com redação determinada pela Lei 11.097/2005.

* 1º com redação determinada pela Lei 11.097/2005. LEI 9.847, DE 26 DE OUTUBRO DE 1999 Dispõe sobre a fiscalização das atividades relativas ao abastecimento nacional de combustíveis, de que trata a Lei 9.478, de 6 de agosto de 1997, estabelece sanções

Leia mais

22/4/2015 I. PARTES II. DISPOSIÇÕES CONTRATUAIS

22/4/2015 I. PARTES II. DISPOSIÇÕES CONTRATUAIS CONTRATO N 002/2015 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE BRASIL NOVO/ FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, E A SRª. CRISTIANE VANDRESSEN SHUEROFF, NA FORMA ABAIXO. I. PARTES CONTRATANTE MUNICÍPIO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO que entre si celebram, de um lado, o SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DE CELULOSE, PAPEL E PAPELÃO NO ESTADO DE MINAS GERAIS - SINPAPEL, e, de outro

Leia mais

Diário Oficial Poder Executivo Estado de São Paulo - Seção I GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN

Diário Oficial Poder Executivo Estado de São Paulo - Seção I GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN Diário Oficial Poder Executivo Estado de São Paulo - Seção I GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN Volume 123 - Número 57 - São Paulo, quarta-feira, 27 de março de 2013 RESOLUÇÃO SEDS 005, DE 26 DE MARÇO DE 2013

Leia mais

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 DISPÕE SOBRE APROVAÇÃO DO REGIMENTO INTERNO DAS JUNTAS ADMINISTRATIVAS DE RECURSOS DE INFRAÇÕES JARI DO MUNICÍPIO DE CUIABÁ MT. O prefeito Municipal de Cuiabá-MT,

Leia mais

DECISÃO. Regularmente notificada da lavratura do AI em 25/06/2007 (fls. 09).

DECISÃO. Regularmente notificada da lavratura do AI em 25/06/2007 (fls. 09). DECISÃO JR Nº PROC. ADM.: 60860.002907/2006-17 Nº PROC.: 627.732/11-2 Nº DATA AI/NI: 286/2SDSA-2/2007 14/05/2007 NOME DO INTERESSADO: VARIG - VIAÇÃO AÉREA RIOGRANDENSE S/A. EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL Nº DATA

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ipiranga do Norte

Prefeitura Municipal de Ipiranga do Norte Lei nº 400, de 21 de março de 2013. DISPÕE SOBRE IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE INSPEÇÃO MUNICIPAL - SIM DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL E VEGETAL NO MUNICIÍPIO DE IPIRANGA DO NORTE-MT E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

Processo Administrativo nº 05/08

Processo Administrativo nº 05/08 Processo Administrativo nº 05/08 Envolvida: Alpes Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários S.A. Assunto: Cadastramento e Identificação de Investidores Não-Residentes Conselheiro-Relator: Eduardo

Leia mais

SIMPLES - Sistema Integrado de Pagamento de Impostos e Contribuições das Micro e EPP Alíquotas e sua Destinação

SIMPLES - Sistema Integrado de Pagamento de Impostos e Contribuições das Micro e EPP Alíquotas e sua Destinação SIMPLES - Sistema Integrado de Pagamento de Impostos e Contribuições das Micro e EPP Alíquotas e sua Destinação Constituição Federal do Brasil art. 179; Decreto 3.000/99 arts. 185 a 206 (RIR/99); IN SRF

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.482, DE 31 DE MAIO DE 2007. Mensagem de veto Conversão da Mpv nº 340, de 2006 Efetua alterações na tabela do imposto de renda

Leia mais

JULGAMENTO DA REPRESENTAÇÃO ADMINISTRATIVA

JULGAMENTO DA REPRESENTAÇÃO ADMINISTRATIVA JULGAMENTO DA REPRESENTAÇÃO ADMINISTRATIVA FEITO: REPRESENTAÇÃO ADMINISTRATIVA REFERÊNCIA: EDITAL DA CONCORRÊNCIA Nº 001/2014 - COMPEL RAZÕES: JULGAMENTO DA PROPOSTA DE PREÇOS OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA

Leia mais

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS A Resolução da Secretária da Fazenda nº 108, publicada do DOE de hoje, institui o parcelamento especial dos débitos fiscais relativos ao ICMS decorrentes de fatos geradores

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011

MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011 MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA MONITORADA, INCLUINDO A INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSUMOS, PARA A SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO, QUE ENTRE

Leia mais

RESOLUÇÃO 23.190 INSTRUÇÃO Nº 127 CLASSE 19ª BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL. Relator: Ministro Arnaldo Versiani. Interessado: Tribunal Superior Eleitoral.

RESOLUÇÃO 23.190 INSTRUÇÃO Nº 127 CLASSE 19ª BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL. Relator: Ministro Arnaldo Versiani. Interessado: Tribunal Superior Eleitoral. RESOLUÇÃO 23.190 INSTRUÇÃO Nº 127 CLASSE 19ª BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL. Relator: Ministro Arnaldo Versiani. Interessado: Tribunal Superior Eleitoral. Dispõe sobre pesquisas eleitorais (Eleições de 2010).

Leia mais

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 Dispõe sobre processo de seleção externa de funcionários técnico-administrativos para atuarem na Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc, na Unoesc Campus de Joaçaba.

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO: 18/02/14 27 TC-005634/026/13 Contratante: Companhia do Metropolitano de São Paulo - METRÔ. Contratada: Transformers Serviços Automotivos Ltda. EPP. Autoridade(s) Responsável(is)

Leia mais

a) operações cobertas de venda de ações ou de lançamento de opções;

a) operações cobertas de venda de ações ou de lançamento de opções; Dispõe sobre a Constituição de funcionamento de Clubes de Investimento. O PRESIDENTE DA COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS torna público que o Colegiado, em sessão realizada nesta data, e de acordo com o

Leia mais

PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO

PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO CARTILHA DO ADVOGADO ELABORAÇÃO: COMISSÃO DO CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO Presidente Antonio Augusto Silva Pereira de Carvalho Coordenador

Leia mais

decorrentes de descumprimento total ou parcial de contrato fica regulamentado por

decorrentes de descumprimento total ou parcial de contrato fica regulamentado por c Poder Judiciário ctóáça INSTRUÇÃO NORMATIVA N5 24, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2013 Dispõe sobre o procedimento de apuração e aplicação de penalidades às empresas contratadas pelo Conselho Nacional de Justiça.

Leia mais

Nota Técnica nº 31/2012 SFF/ANEEL. Em 18 de janeiro de 2012.

Nota Técnica nº 31/2012 SFF/ANEEL. Em 18 de janeiro de 2012. Nota Técnica nº 31/2012 SFF/ANEEL Em 18 de janeiro de 2012. Processo: 48500.000692/2011-42 Assunto: Ressarcimento aos Estados e Municípios que tiveram eventual perda de receita decorrente da arrecadação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Gabinete do Prefeito

PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Gabinete do Prefeito MINUTA DE CONVÊNIO Convênio que celebram entre si o Município de Canoas e o Centro Integração Empresa Escola (CIEE/RS). O MUNICÍPIO DE CANOAS, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Rua

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS - ANA RESOLUÇÃO CONJUNTA Nº 03, DE 10 DE AGOSTO DE 2010

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS - ANA RESOLUÇÃO CONJUNTA Nº 03, DE 10 DE AGOSTO DE 2010 AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS - ANA RESOLUÇÃO CONJUNTA Nº 03, DE 10 DE AGOSTO DE 2010 Estabelecer as condições e os procedimentos a serem observados pelos concessionários

Leia mais

VOTO. INTERESSADOS: CPFL Centrais Geradoras Ltda. e CPFL Geração de Energia S.A.

VOTO. INTERESSADOS: CPFL Centrais Geradoras Ltda. e CPFL Geração de Energia S.A. VOTO PROCESSOS: 48100.001166/1996-85 e 48100.001168/1996-19. INTERESSADOS: CPFL Centrais Geradoras Ltda. e CPFL Geração de Energia S.A. RELATOR: Diretor José Jurhosa Junior RESPONSÁVEL: Superintendência

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 16, DE 28 DE JULHO DE 2015. O PLENO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE ALAGOAS, no uso das suas atribuições legais e regimentais,

RESOLUÇÃO Nº 16, DE 28 DE JULHO DE 2015. O PLENO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE ALAGOAS, no uso das suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO Nº 16, DE 28 DE JULHO DE 2015. ESTABELECE CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO DO AUXÍLIO-SAÚDE AOS SERVIDORES ATIVOS DO PODER JUDICIÁRIO DE ALAGOAS E ADOTA PROVIDÊNCIAS CORRELATAS. O PLENO DO TRIBUNAL

Leia mais

NOTA DE EMPENHO Nº 328

NOTA DE EMPENHO Nº 328 CNPJ Nº : 11.528.956/1-87 215 NOTA DE EMPENHO Nº 327 2 1 1. 12.361.511.244. Encargos Pessoal Magistério-FUNDEB 6% 3 1 9 11 3.1.9.11.1 VENCIMENTOS E SALÁRIOS 2.517.66,22 177.538,38 12.263,14 2.55.343,8

Leia mais