PARCEIROS LOCAIS DA COTRI

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARCEIROS LOCAIS DA COTRI"

Transcrição

1 PARCEIROS LOCAIS DA COTRI PLAN IT AZ Amplify Me Australia AMSTAR Mexico Binti Safaris Kenya Capela Training England and Wales CEATM Slovenia, Croatia, Bosnia, Serbia, Montenegro, Kosovo, Macedonia China Ready Consulting Belgium, the Netherlands, Luxembourg Digital Innovation Asia Thailand, Laos, Cambodia, Vietnam, Myanmar HoteliTour France, Tunisia, Morocco Jin Journeys Peru Marlin Productions Mauritius PLAN IT AZ, LLC. United States of America Riordan s Travel Republic of Ireland, Northern Ireland Rossetto Solutions Italy, San Marino, Vatican Strathearn Green Scotland ToolBox Finland, Baltic States, European part of Russia Vation Ltd. New Zealand Edeluc Portugal, Angola, Mozambique, Cape Verde Membros de: Em parceria com:

2 Novos Turistas Chineses Em 2013, a China teve destaque no turismo mundial e tornou-se o país com maior número de turistas no estrangeiro, ultrapassando a Alemanha e os Estados Unidos da América, quer relativamente a viagens como duração das estadias. Mas não é apenas o número de turistas Chineses que está a aumentar; a crescente importância das viagens auto-organizadas está a proporcionar aos produtos de nicho e aos destinos menos conhecidos a oportunidade de atrair visitantes chineses mais ricos e sofisticados. Os Novos Turistas Chineses são um tipo de turistas que viaja, maioritariamente, para o estrangeiro e que se estão a expandir e a crescer rapidamente. Estes turistas estão dispostos a gastar mais se obtiverem serviços de qualidade e que transmitam confiança, obedecendo às especificidades dos costumes, valores e exigências Chinesas. Portanto, tornase cada vez mais importante, para todos os tipos de entidades ligadas ao turismo internacional, a melhoria e adaptação dos produtos e serviços oferecidos ao cliente Chinês, melhorando a imagem da empresa, instituição ou destino como uma que, utilizando a designação em inglês, é Welcoming Chinese, e assim aumentando a sua visibilidade no mercado do turismo Chinês. Como o podem ajudar os Chinese Tourists Welcoming - Serviços de Qualidade? A nível individual: O Programa de Formação Chinese Tourists Welcoming Está preparado para os turistas internacionais Chineses? oferece um profundo conhecimento sobre o turismo Chinês para o estrangeiro, premiando os participantes bem sucedidos nesta formação com o estatuto e certificado de Chinese Tourists Welcoming Quality Host. A nível empresarial ou institucional: O Chinese Tourists Welcoming Quality Label comunica e partilha no mercado Chinês que o seu negócio adaptou os seus serviços e oferta, aumentando assim a visibilidade e reconhecimento junto dos operadores turísticos, agências de viagens e turistas Chineses. Atrair Turistas Chineses Adaptar a Oferta Aumentar o Reconhecimento Ganhar visibilidade A nível de destinos: O Chinese Tourists Welcoming Destination Label coloca um destino ou região no mapa como um local de acolhimento para visitantes chineses. Os membros da Rede: Chinese Tourists Welcoming Destination network recebem atenção e reconhecimento crescentes e mais visitantes provenientes da China.

3 Os seus benefícios Os serviços da COTRI oferecem: Diferenciação Chinese Tourists Welcoming Trainings and Quality Labels Formações e Certificados de Qualidade Os Novos Turistas Chineses criam uma oportunidade para oferecer serviços especializados e produtos de nicho numa grande variedade de destinos. Pessoas, empresas, instituições e destinos têm de aprender como recebê-los e mostrar ao mercado Chinês a sua preparação e prontidão. A COTRI desenvolveu ferramentas para aumentar o conhecimento e a habilidade de as empresas se adaptarem, através de formações específicas, e para ganharem visibilidade através dos certificados obtidas, sob a rubrica de Chinese Tourists Welcoming (CTW). Estes são: Através do conhecimento e experiência no turismo Chinês no estrangeiro e com as ferramentas específicas de marketing para abordar determinados grupos-alvo de consumidores chineses Será entregue um certificado, reconhecido pelas autoridades oficiais Chinesas, e que poderá ainda ser exposto no seu estabelecimento. Visibilidade e Reconhecimento da marca Comunicando a capacidade adquirida e a prontidão para receber clientes Chineses, através da utilização dos certificados CTW Beneficiando das ferramentas de promoção da COTRI, como o website em língua chinesa e dos canais de social media na China Conhecimento Acesso permanente e actualizado a relevantes informações e dados qualitativos e quantitativos sobre o turismo chinês no estrangeiro CTW Quality Host O Programa de Formação CTW fornece, individualmente, uma profunda visão sobre o desenvolvimento, expectativas e necessidades dos turistas Chineses no estrangeiro. O programa de formação CTW é realizado pela COTRI, e pode ser online ou presencial. Os participantes que sejam bem sucedidos durante a formação adquirem o estatuto de Chinese Tourists Welcoming Quality Host. CTW Quality Label O CTW Quality Label permite que as empresas de qualquer dimensão façam uma introspecção, através da Auto-Análise dos seus produtos e serviços actuais e sobre a sua adequação para os turistas Chineses. Com o apoio da COTRI far-se-á, subsequentemente, o desenvolvimento de um Plano de Acção em 8 pontos para uma melhoria dos mesmos. Este certificado assegura maior aceitação e credibilidade no mercado Chinês. CTW Destination Label O CTW Destination Label oferece a cidades ou regiões a oportunidade de se posicionarem como Chinese Tourists Welcoming, através da participação na Rede Chinese Tourists Welcoming de Destinos, que está representado em feiras Chinesas, trocando experiências de boas práticas e aumentando a sua visibilidade para os operadores turísticos e agências de viagens na China.

4 Programa de Formação Chinese Tourists Welcoming Está Preparado para os Turistas Chineses? O programa de formação Chinese Tourists Welcoming Está preparado para os Turistas Chineses? é regularmente actualizado e tem sido leccionado pela COTRI desde 2009 e com elevada taxa de sucesso. Concede aos participantes dos sectores de viagens, turismo, hotelaria, retalho e restauração os conhecimentos necessários sobre a forma de atendimento dos visitantes Chineses, de acordo com as suas expectativas, preferências e necessidades. Os participantes bem sucedidos recebem o estatuto e certificado de Chinese Tourists Welcoming Quality Host. TORNE-SE NUM ESPECIALISTA EM TURISMO CHINÊS Programa de Formação Chinese Welcoming Tourists Está Preparado para os Turistas Internacionais Chineses? Formação Online Instituto do Turismo Chinês no Estrangeiro Formação em 6 módulos, cada um consiste em: - Pack de Estudo - Transferência da Teoria para a Prática - Guias de Revisão - Testes de Auto-Avaliação Teste de Avaliação Formação Presencial Workshop organizado pelo parceiro local da COTRI em diferentes localizações em todo o mundo 2 dias de Workshop: Formação em 6 módulos, cada um consiste em: - Apresentações da COTRI pelo Formador - Actividades em grupo - Debates e trocas de ideias Teste de Avaliação Certificado Chinese Tourists Welcoming Quality Host A formação é dada pela COTRI, permitindo aos participantes de qualquer parte do mundo a completar este curso sobre como melhor compreender, atrair e tratar os viajantes Chineses. Inclui também uma visão global sobre a actual situação do turismo Chinês no estrangeiro, perspectivas sobre os motivos e consequências da motivação, comportamento e expectativas dos turistas Chineses, um guia sobre a melhor forma de adaptação e comercialização dos produtos e apresentação dos serviços ao mercado do turismo Chinês e ferramentas de comunicação que se adaptem ao gosto Chinês. Adicionalmente, para cada módulo é apresentado um filme de introdução, casos práticos, perguntas de introspecção e são ainda fornecidos textos de apoio adicionais. Os resultados positivos de um exame composto por questões de escolha múltipla e uma pequena dissertação levam à obtenção do certificado de Chinese Tourism Welcoming Quality Host (Anfitriões Qualificados no Acolhimento de Turistas Chineses). Os participantes com este certificado vão ter o seu nome, contactos e associação empresarial no site de língua Chinesa do qual a COTRI tem parceria, WelcomingChineseTourists.cn, e que tem também o apoio dos social media nas actividades de marketing na China. O CTW Quality Host tem agora qualificações para liderar o processo para a empresa/organização em que está inserido adquirir o Chinese Tourism Welcoming Quality Label (Certificado de Qualidade no Acolhimento de Turistas Chineses).

5 Chinese Tourists Welcoming Quality Label O primeiro certificado a nível mundial dedicado à melhoria dos serviços para os Turistas Chineses no estrangeiro. Identifica a sua empresa ou organização, independentemente do tamanho, como fornecedora de serviços de alta qualidade para visitantes Chineses. Ajuda a ganhar visibilidade através dos sites de língua Chinesa com os quais a COTRI tem parceria, WelcomingChineseTourists.cn, e ainda pelos canais de social media Chineses, comunicação e serviços de relações públicas da COTRI. PROVE QUE A SUA EMPRESA ESTÁ PREPARADA PARA CLIENTES CHINESES - PASSO 1 Programa de Formação Chinese Tourstist Welcoming Programme - Está preparado para os Turistas Internacionais Chineses? realizado por, pelo menos, um membro da empresa (depende da dimensão) Formação Online Instituto do Turismo Chinês no Estrangeiro Chinese Welcoming Tourists Quality Host Formação Presencial Workshop organizado pelo parceiro local da COTRI em diferentes localizações em todo o mundo PASSO 2 Inquéritos para o Certificado de Qualidade devidamente preenchidos pela empresa ou instituição Auto-Análise e Plano de Acção em 8 Pontos Análise pela equipa de especialistas da COTRI Satisfatório Insatisfatório - Feedback & sugestões para melhoria - Submeter novamente no prazo de 30 dias Chinese Welcoming Tourists Quality Label As empresas ou instituições interessadas em obter CTW Quality Label são submetidos a um conjunto de inquéritos, nos quais fornecem informações detalhadas da sua Auto-Análise e o Plano de Acção em 8 pontos para o mercado Chinês. Os inquéritos aplicados vão ser submetidos a uma cuidadosa e rigorosa avaliação pelos especialistas da COTRI do Turismo Chinês no estrangeiro e, se necessário, será dada posteriormente uma resposta com sugestões de melhoria. As empresas e instituições que forem bem sucedidas serão premiadas com os Certificados Chinese Tourists Welcoming Quality. Os seus benefícios Diferenciação O Chinese Tourists Welcoming Quality Label tem a duração de dois anos para todo o marketing e comunicação Serão emitidos Certificados físicos e electrónicos pela COTRI. Visibilidade e Reconhecimento da Marca Página completa do perfil (inclui tradução gratuita) no site de língua Chinesa da COTRI, WelcomingChineseTourists.cn Promoção e divulgação adicionais nos canais de social media Chineses, comunicação e serviços de relações públicas da COTRI. Conhecimento Dois anos acesso gratuito à biblioteca onlinechinatourismfacts.com Este certificado pode ser renovado através de uma apresentação actualizada da Auto-Análise e do Plano de Acção em 8 pontos.

6 Chinese Tourists Welcoming Destination Label Um novo serviço de avaliação de qualidade, desenvolvido pela COTRI, para apoiar os destinos ou regiões e os seus parceiros de serviços de turismo a lidarem com os visitantes Chineses. Integra participantes do programa de formação para Quality Host (Anfitriões de Qualidade), do sector privado, e do Quality Label (Certificado de Qualidade) juntamente com o trabalho do departamento de marketing do destino em questão. Destination Marketing Organisations (DMO) (Organizações de Marketing do Destino) desses destinos ou regiões vão fazer parte da Rede CTW de Destinos (rede de destinos de acolhimento de turistas Chineses) para assinalar o seu compromisso para com os turistas da China em todo o destino. COLOQUE A SUA CIDADE/REGIÃO NO MAPA DOS VIAJANTES CHINESES Requerimento enviado por Destination Management Organization (DMO) Organizações de Marketing do Destino Compromisso na aquisição das qualificações necessárias até ao final do primeiro ano Por 10,000 camas de hotel ou Por 10,000 camas de hotel 10 CTW Quality Hosts 1 CTW Quality Label Chinese Tourists Welcoming Destination Label Os seus benefícios Diferenciação O Chinese Tourists Welcoming Destination Label tem a duração de 1 ano para todo o marketing e comunicação Serão emitidos Certificados físicos e electrónicos pela COTRI Membro na CTW Destination Network (rede CTW de Destinos). Visibilidade e Reconhecimento da Marca Membro na rede CTW de Destinos Chinese Tourists Welcoming Destination Network Para se tornar membro da Rede CTW de Destinos (CTW Destination Network), uma empresa ou instituição tem de se comprometer que, por cada camas de hotel, irá adquirir um CTW Quality Label ou 10 CTW Quality Host, antes do final do primeiro ano como membro desta rede. Nos anos seguintes, por cada renovação anual deste certificaso, o destino ou região tem de se comprometer a adquirir, pelo menos, mais um CTW Quality Label ou outros 10 CTW Quality Host. Página completa do perfil (inclui tradução gratuita) no site de língua Chinesa da COTRI, WelcomingChineseTourists.cn Promoção e divulgação adicionais nos canais de social media Chineses, comunicação e serviços de relações públicas da COTRI. Representação gratuita dos membros da CTW Destination Network em três feiras de turismo na China por ano. Participação de dois representantes na conferência anual da CTW Destination Network. Conhecimento Acesso gratuito à biblioteca online ChinaTourismFacts.com (no valor de 270 Euros).

7 COTRI China Outbound Tourism Research Institute é líder mundial. A COTRI é um instituto de pesquisa independente que fornece informação, formação, avaliação de qualidade, pesquisa e consultoria do mercado do turismo Chinês no estrangeiro. A COTRI é uma instituição privada independente registada na Alemanha. Para além da sede em Heide (Alemanha), existem outras três filiais na China (Pequim, Xangai e Cantão) e ainda parceiros (COTRI Country Partners) distribuídos em 27 países. A COTRI foi fundada em 2004, pelo Professor Dr. Wolfgang Georg Arlt, o seu actual director, perito em sinologia e no turismo e um investigador com mais de 30 anos de trabalho e experiência académica no turismo Chinês. Com os vastos conhecimentos científicos, culturais e industriais, a COTRI coopera com a maior parte das instituições e empresas, públicas e privadas, líderes no sector do Turismo na China e em todo o mundo. A COTRI é a pioneira do prestigioso Chinese Tourism Welcoming Award (prémio de Acolhimento de Turistas Chineses), apresentado desde 2004 a empresas e instituições como forma de reconhecimento da excepcional prática em lidar com turistas Chineses no estrangeiro. A COTRI atribuiu à EDELUC, já em 2009, o prémio de reconhecimento, CTW Award, pelo trabalho desenvolvido do turismo Chinês no estrangeiro, nomeadamente pela organização, em Novembro de 2008, dos Eventos de Promoção do Destino Portugal em Pequim e em Xangai. Desde 2014 que a EDELUC é a representante COTRI em Portugal. COTRI é membro da PATA Pacific Asia Travel Association e da ETOA European Tour Operator Association. COTRI apoia empresas e instituições por todo o mundo para negócios de sucesso e clientes Chineses satisfeitos.

Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação. Informação Adicional

Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação. Informação Adicional Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação Informação Adicional Informação adicional: COTRI EDELUC Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa Turismo de Portugal, IP Agenda do Evento Apoio O COTRI

Leia mais

Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação. Informação Adicional

Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação. Informação Adicional Lançamento COTRI em Portugal Sessão de Formação Informação Adicional Informação adicional: COTRI EDELUC Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa Turismo de Portugal, IP Agenda do Evento Apoio O COTRI

Leia mais

Açores no Mercado do Turismo Chinês Sessão de Formação. Informação Adicional

Açores no Mercado do Turismo Chinês Sessão de Formação. Informação Adicional Açores no Mercado do Turismo Chinês Sessão de Formação Informação Adicional Informação adicional: COTRI EDELUC Fundação Jardim José do Canto Agenda do Evento Apoio OCOTRI é um instituto de pesquisa independente

Leia mais

DESPESA EM I&D E Nº DE INVESTIGADORES EM 2007 EM PORTUGAL

DESPESA EM I&D E Nº DE INVESTIGADORES EM 2007 EM PORTUGAL DESPESA EM I&D E Nº DE INVESTIGADORES EM 2007 EM PORTUGAL Súmula dos dados provisórios do Inquérito ao Potencial Científico e Tecnológico Nacional, IPCTN, 2007 I DESPESA 1. Despesa em I&D nacional total

Leia mais

Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique. Consolidar o Futuro

Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique. Consolidar o Futuro Our innovative solutions wherever you need us. ABREU ADVOGADOS FERREIRA ROCHA & ASSOCIADOS Em parceria: Portugal Moçambique Consolidar o Futuro Abreu Advogados Ferreira Rocha & Associados 2012 PORTUGAL

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO(A) DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO(A) DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO(A) DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES PERFIL PROFISSIONAL Técnico/a de Agências de Viagens e Transportes Nível 3 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/6 ÁREA DE ACTIVIDADE

Leia mais

A Missão da CCILC. Desenvolvimento de redes de contactos de negócio entre Portugal, a China, a Europa e os Países de Língua Portuguesa

A Missão da CCILC. Desenvolvimento de redes de contactos de negócio entre Portugal, a China, a Europa e os Países de Língua Portuguesa A CCILC Criada em 1978, foi a primeira instituição que, de um modo sistemático, auxiliou ao desenvolvimento do relacionamento económico e comercial entre Portugal e a China. Conta com associados e parceiros

Leia mais

Estratégia Nacional de Educação para o Desenvolvimento. (2010-2015) ENED Plano de Acção

Estratégia Nacional de Educação para o Desenvolvimento. (2010-2015) ENED Plano de Acção Estratégia Nacional de Educação para o Desenvolvimento (2010-2015) ENED Plano de Acção Estratégia Nacional de Educação para o Desenvolvimento (2010-2015) ENED Plano de Acção 02 Estratégia Nacional de

Leia mais

Mónica Montenegro António Jorge Costa

Mónica Montenegro António Jorge Costa Mónica Montenegro António Jorge Costa INTRODUÇÃO... 4 REFERÊNCIAS... 5 1. ENQUADRAMENTO... 8 1.1 O sector do comércio em Portugal... 8 2. QUALIDADE, COMPETITIVIDADE E MELHORES PRÁTICAS NO COMÉRCIO... 15

Leia mais

Diagnóstico de Competências para a Exportação

Diagnóstico de Competências para a Exportação Diagnóstico de Competências para a Exportação em Pequenas e Médias Empresas (PME) Guia de Utilização DIRECÇÃO DE ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL Departamento de Promoção de Competências Empresariais Índice ENQUADRAMENTO...

Leia mais

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP Soluções integradas para a Indústria do turismo empresarial THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP A equipa da XYM Hospitality e os seus parceiros possuem vastos conhecimentos sobre a

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO

FACULDADE DE DIREITO FACULDADE DE DIREITO FACULDADE DE DIREITO SUMÁRIO A. Mestrado e Pós-Graduação em Direito em Língua Chinesa Língua veicular: Língua Chinesa Área de especialização: Variante em Ciências Jurídicas B. Mestrado

Leia mais

Normas de Admissão (Regulamento de Jóias e Quotas)

Normas de Admissão (Regulamento de Jóias e Quotas) Normas de Admissão (Regulamento de Jóias e Quotas) Capítulo I // Disposições Gerais As presentes normas têm como finalidade estabelecer as regras a que devem obedecer a admissão de novos associados da

Leia mais

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos.

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. 2015 Manual de Parceiro de Educação Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. Prêmios Reais, a Partir de Agora Bem-vindo ao Intel Technology Provider O Intel Technology Provider é um programa

Leia mais

BMEQualitySourcing.com: Vantagens para os clientes

BMEQualitySourcing.com: Vantagens para os clientes A base de dados exclusiva de fornecedores Gerida por uma das maiores Associações de Compradores de Materiais e Logística na Europa Conteúdo: Pequeno resumo e informações sobre o registo 1 1 BMEQualitySourcing.com:

Leia mais

Missão Empresarial Banco Asiático de Desenvolvimento (BAsD) Sector: Energia

Missão Empresarial Banco Asiático de Desenvolvimento (BAsD) Sector: Energia Missão Empresarial Banco Asiático de Desenvolvimento (BAsD) Sector: Energia Manila, 18 a 22 de Março de 2013 1 Enquadramento: No âmbito do Acordo de Parceiros celebrado entre a AICEP e o GPEARI (Ministério

Leia mais

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU Programas de MESTRADO Online MBA Master in Business Administration Mestrado em Direcção de Empresas Mestrado em Direcção de Marketing e Vendas Mestrado em Direcção Financeira Mestrado em Comércio Internacional

Leia mais

Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO

Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO O Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra torna pública a abertura de concurso para a atribuição de uma Bolsa de

Leia mais

DESCRIÇÃO DO TRABALHO. Directora Nacional, WWF Moçambique

DESCRIÇÃO DO TRABALHO. Directora Nacional, WWF Moçambique DESCRIÇÃO DO TRABALHO Título de posição: Responde a: Supervisiona: Localização: Gestor de Comunicação Directora Nacional, WWF Moçambique Todo pessoal de comunicações Maputo, Moçambique Data: 19 de Agosto

Leia mais

Introdução. A Indústria e Ambiente é a revista portuguesa líder de engenharia, gestão e economia ambiental.

Introdução. A Indústria e Ambiente é a revista portuguesa líder de engenharia, gestão e economia ambiental. Introdução A Indústria e é a revista portuguesa líder de engenharia, gestão e economia ambiental. Qualidade, fiabilidade e actualidade dos conteúdos, são características que lhe conferem um lugar de destaque

Leia mais

EDUCAÇÃO. Base para o desenvolvimento

EDUCAÇÃO. Base para o desenvolvimento EDUCAÇÃO Base para o desenvolvimento 1 Por que investir em educação? 2 Por que investir em educação? 1. Acesso à cidadania. 2. Aumento da renda pessoal (prêmio salarial): 10% por um ano a mais de escolaridade.

Leia mais

Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006

Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006 Curso e Learning Sistema de Gestão de Segurança da Informação Interpretação da norma NBR ISO/IEC 2700:2006 Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste

Leia mais

O ENOTURISMO. Conceito:

O ENOTURISMO. Conceito: Conceito: O conceito de enoturismo ainda está em formação e, a todo o momento, vão surgindo novos contributos; Tradicionalmente, o enoturismo consiste na visita a vinhas, estabelecimentos vinícolas, festivais

Leia mais

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Da União Europeia vão chegar até 2020 mais de 20 mil milhões de euros a Portugal. Uma pipa de massa, nas palavras do ex-presidente da Comissão

Leia mais

Q: Preciso contratar um numero de empregados para solicitar o visto E2? R: Não, o Visto E2 não requer um numero de empregados como o Visto Eb5.

Q: Preciso contratar um numero de empregados para solicitar o visto E2? R: Não, o Visto E2 não requer um numero de empregados como o Visto Eb5. RE: Visto E1 O E2 Visto E1 O E2 Q :Preciso contratar um advogado para solicitar o Visto E2? R: Sim, o visto E2 requer o conhecimento especializado da legislacao migratória e a experiência de um advogado

Leia mais

ACEF/1112/02397 Relatório preliminar da CAE

ACEF/1112/02397 Relatório preliminar da CAE ACEF/1112/02397 Relatório preliminar da CAE Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Universidade Do Minho A.1.a. Identificação

Leia mais

POWER-RH. organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS

POWER-RH. organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS POWER-RH Gestão estratégica a de mudança organizacional e individual - OS NOSSOS SERVIÇOS PARA EMPRESAS - A Power-rh Somos peritos em gestão estratégica de mudança organizacional e desenvolvimento humano.

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE UM CONSULTOR PARA PRESTAR APOIO ÀS ACTIVIDADES ELEITORAIS EM MOÇAMBIQUE

TERMOS DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE UM CONSULTOR PARA PRESTAR APOIO ÀS ACTIVIDADES ELEITORAIS EM MOÇAMBIQUE TERMOS DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE UM CONSULTOR PARA PRESTAR APOIO ÀS ACTIVIDADES ELEITORAIS EM MOÇAMBIQUE Local de trabalho: Maputo, Moçambique Duração do contrato: Três (3) meses: Novembro 2011

Leia mais

Pós-Graduação Gestão Hoteleira

Pós-Graduação Gestão Hoteleira Coordenação: Mestre Filipe Ferrão Pós-Graduação Gestão Hoteleira O Curso de Pós-Graduação em Gestão de Hotelaria visa proporcionar uma especializada, que alie o conhecimento das técnicas de gestão fundamentais

Leia mais

Estrutura da Apresentação

Estrutura da Apresentação The importance of Information and Communication Technologies for the development of Portuguese Wine Routes 21st 23rd JUNE OPORTO Estrutura da Apresentação 2. Tecnologias de Informação e Comunicação no

Leia mais

-AUDITORIA- PROTECÇÃO DE DADOS PESSOAIS. A sua protecção, com os melhores especialistas.

-AUDITORIA- PROTECÇÃO DE DADOS PESSOAIS. A sua protecção, com os melhores especialistas. -AUDITORIA- PROTECÇÃO DE DADOS PESSOAIS A sua protecção, com os melhores especialistas. Porquê a auditoria ao tratamento de dados pessoais? A regulamentação do tratamento de dados pessoais é uma área complexa

Leia mais

INTRODUÇÃO AO PROJETO LIFE 2

INTRODUÇÃO AO PROJETO LIFE 2 INTRODUÇÃO AO PROJETO LIFE 2 O projeto LIFE2 (Competências chave para a vida) visa ajudar os jovens a desenvolver, no decurso da sua formação profissional, as competências e confiança necessárias no mundo

Leia mais

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento Your global partner Quem Somos A NewEvents, constituída por profissionais com elevado Know-how, é uma empresa pioneira e especializada na organização, formação e consultoria internacional em Gestão e Marketing

Leia mais

Europass Curriculum Vitae

Europass Curriculum Vitae Europass Curriculum Vitae In pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada Institucional Rosa, Julieta Alves () Faculdade de Economia CIEO 8005 139 Faro Telefone(s) 289 800 900 (ext. 7161) 289 244 406

Leia mais

BHMS Business & Hotel Management School Um membro do Bénédict Education Group Switzerland

BHMS Business & Hotel Management School Um membro do Bénédict Education Group Switzerland BHMS Business & Hotel Management School Um membro do Bénédict Education Group Switzerland A BHMS Business & Hotel Management School está localizada na cidade de Lucerna e é membro do grupo suíço de escolas

Leia mais

Conteúdos. março2015 Newsletter http://www.ind-ecoefficiency.eu

Conteúdos. março2015 Newsletter http://www.ind-ecoefficiency.eu março2015 Newsletter http://www.ind-ecoefficiency.eu 6th Issue Caro leitor O projeto INDECO está em breve a chegar à sua conclusão bem-sucedida, termina em abril de 2015. Os parceiros do projeto estarão

Leia mais

RESUMO DAS PRINCIPAIS QUESTÕES PARA

RESUMO DAS PRINCIPAIS QUESTÕES PARA A implementação de políticas de apoio a crianças e jovens pertencentes a minorias étnicas que têm o inglês como língua adicional (incluindo a avaliação do impacto de igualdade) Ministério da Educação Janeiro

Leia mais

Health Management Future

Health Management Future 2012 Health Management Future COM O PATROCÍNIO DE O grupo BIAL tem como missão desenvolver, encontrar e fornecer novas soluções terapêuticas na área da Saúde. Fundado em 1924, ao longo dos anos BIAL conquistou

Leia mais

TRANSPORT LEARNING Cursos de formação para municípios e agências de energia

TRANSPORT LEARNING Cursos de formação para municípios e agências de energia TRANSPORT LEARNING Cursos de formação para municípios e agências de energia istockphoto Conteúdo Caro leitor, Sobre o projecto... 2 Criando uma base de conhecimento para as regiões de convergência da Europa...

Leia mais

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004)

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) por António Jorge Costa, Presidente do Instituto de Planeamento

Leia mais

Pixel. Aprenda Italiano em Florença Cursos Individuais para Estrangeiros

Pixel. Aprenda Italiano em Florença Cursos Individuais para Estrangeiros Certified Quality System in compliance with the standard UNI EN ISO 9001:2000. Certificate n SQ.41823. Pixel Aprenda Italiano em Florença Cursos Individuais para Estrangeiros CURSOS INDIVIDUAIS PARA ESTRANGEIROS

Leia mais

Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo

Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo www.pwc.pt Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo 16 Cláudia Coelho Diretora Sustainable Business Solutions da Turismo é um setor estratégico para a economia e sociedade nacional o que se reflete

Leia mais

Eixos Estratégicos Objectivos Estratégicos Objectivos Operacionais Acções. 1.1.1.Aumentar a oferta formativa nas áreas das artes e das tecnologias

Eixos Estratégicos Objectivos Estratégicos Objectivos Operacionais Acções. 1.1.1.Aumentar a oferta formativa nas áreas das artes e das tecnologias 1. Oferta Formativa 1.1. Dinamizar e consolidar a oferta formativa 1.1.1.Aumentar a oferta formativa nas áreas das artes e das tecnologias 1.1.2. Promover o funcionamento de ciclos de estudos em regime

Leia mais

A importância da internacionalização no desenvolvimento de base tecnológica e industrial de defesa nacional

A importância da internacionalização no desenvolvimento de base tecnológica e industrial de defesa nacional A importância da internacionalização no desenvolvimento de base tecnológica e industrial de defesa nacional Lisboa, 25 de Janeiro de 2013 A crescente influência dos Estados nas economias emergentes. A

Leia mais

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO

FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO FORMAÇÃO EM GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS NOS SECTORES HOTELEIRO E TURÍSTICO (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Março/Abril 2004) por António Jorge Costa, Presidente do Instituto de Planeamento

Leia mais

PANORAMA DO MERCADO Asiático

PANORAMA DO MERCADO Asiático Boletim PANORAMA DO MERCADO Asiático Edição nº 1 Julho/2015 Coordenação Geral de Mercados Americanos/Asiático - CGMA Diretoria de Mercados Internacionais - DMINT Apresentação A série Boletim Panorama dos

Leia mais

MBA especialização em GesTão De projectos

MBA especialização em GesTão De projectos MBA especialização em GESTão DE projectos FORMEDIA Instituto Europeu de Empresários e Gestores FORMEDIA e INSTITUTO EUROPEO DE POSGRADO FORMEDIA - Instituto Europeu de Empresários e Gestores A FORMEDIA

Leia mais

ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE

ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Universidade Da Beira Interior A.1.a. Identificação

Leia mais

Paisagem Cultural. Jacumã/PB

Paisagem Cultural. Jacumã/PB Paisagem Cultural Jacumã/PB São Francisco do Sul/SC Museu do Mar São Francisco do Sul/SC ações/ action Ampliação dos Tombamentos e constituição de uma Rede de Proteção do Patrimônio Estudos em andamento

Leia mais

O nosso compromisso com as empresas de âmbito internacional

O nosso compromisso com as empresas de âmbito internacional O nosso compromisso com as empresas de âmbito internacional UTC Fire & Security EMEA Soluções de segurança adaptadas às necessidades das empresas A UTC Fire & Security EMEA oferece uma vasta gama de soluções

Leia mais

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro Como a Copa do Mundo 214 vai movimentar o Turismo Brasileiro 9 dias O estudo As empresas Principais conclusões a 9 dias da Copa 1 principais emissores 1 Desempenho das cidades-sede Chegadas internacionais

Leia mais

Curso de Verão na University of Bridgeport Intercâmbio. Apresentação do Programa

Curso de Verão na University of Bridgeport Intercâmbio. Apresentação do Programa Curso de Verão na Intercâmbio Apresentação do Programa Índice Parceria entre e Centro Universitário Senac 3 4 O Curso 5 Público Alvo 5 Material e Metodologia utilizado no curso 5 Período e Local de realização

Leia mais

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES 2015 2 Formar gestores e quadros técnicos superiores, preparados científica e tecnicamente para o exercício de funções na empresa

Leia mais

申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交

申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交 申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交 Os candidatos a bolsas de mérito para estudos pós-graduados devem preencher on-line o boletim de candidatura.

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS FACTOS A Internet mudou profundamente a forma como as pessoas encontram, descobrem, compartilham, compram e se conectam. INTRODUÇÃO Os meios digitais, fazendo hoje parte do quotidiano

Leia mais

EDUCAÇÃO. Base do Desenvolvimento Sustentável

EDUCAÇÃO. Base do Desenvolvimento Sustentável EDUCAÇÃO Base do Desenvolvimento Sustentável 1 Por que investir em educação? 2 Por que investir em educação? 1. Acesso à cidadania. 2. Aumento da renda pessoal (prêmio salarial): 10% por um ano a mais

Leia mais

Permanente actualização tecnológica e de Recursos Humanos qualificados e motivados;

Permanente actualização tecnológica e de Recursos Humanos qualificados e motivados; VISÃO Ser a empresa líder e o fornecedor de referência do mercado nacional (na área da transmissão de potência e controlo de movimento) de sistemas de accionamento electromecânicos e electrónicos, oferecendo

Leia mais

3ª Conferência Internet, Negócio e Redes Sociais Confiança e Compromisso nos Canais Digitais

3ª Conferência Internet, Negócio e Redes Sociais Confiança e Compromisso nos Canais Digitais 3ª Conferência Internet, Negócio e Redes Sociais Confiança e Compromisso nos Canais Digitais 29 de setembro de 2014 Auditório da BMAG Apoio Patrocinadores Globais APDSI Internet, Negócio e Redes Sociais

Leia mais

GUIA DO VOLUNTÁRIO. Sociedade Central de Cervejas

GUIA DO VOLUNTÁRIO. Sociedade Central de Cervejas GUIA DO VOLUNTÁRIO Sociedade Central de Cervejas ÍNDICE 1. A RESPONSABILIDADE SOCIAL NA SCC: O NOSSO COMPROMISSO... 3 2. O NOSSO COMPROMISSO COM O VOLUNTARIADO... 4 2.1 A ESTRUTURAÇÃO DO VOLUNTARIADO EMPRESARIAL...

Leia mais

REGULAMENTO DO PROCESSO ESPECIAL DE ACREDITAÇÃO/RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE ENTIDADES CANDIDATAS À AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DOS MANUAIS ESCOLARES

REGULAMENTO DO PROCESSO ESPECIAL DE ACREDITAÇÃO/RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE ENTIDADES CANDIDATAS À AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DOS MANUAIS ESCOLARES REGULAMENTO DO PROCESSO ESPECIAL DE ACREDITAÇÃO/RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE ENTIDADES CANDIDATAS À AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DOS MANUAIS ESCOLARES CAPÍTULO I Âmbito de aplicação Artigo 1.º Objeto e âmbito

Leia mais

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra:

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra: MBA Pós - Graduação QUEM SOMOS Para pessoas que têm como objetivo de vida atuar local e globalmente, ser empreendedoras, conectadas e bem posicionadas no mercado, proporcionamos uma formação de excelência,

Leia mais

TURISMO DO PORTO E NORTE DE PORTUGAL, ER MAPA DE PESSOAL PARA O ANO DE 2013

TURISMO DO PORTO E NORTE DE PORTUGAL, ER MAPA DE PESSOAL PARA O ANO DE 2013 TURISMO DO PORTO E NORTE DE PORTUGAL, ER MAPA DE PESSOAL PARA O ANO DE 203 (PESSOAL DA FUNÇÃO PÚBLICA) PRESIDENCIA VICE-PRESIDÊNCIA (artigos 3.º, 5.º e 6.º dos Estatutos) Presidente da Direção Vice-Presidente

Leia mais

A PHC atingiu recentemente os 400 clientes Licença Garantida. No mercado há pouco mais de um ano, a modalidade que permite os clientes PHC renovarem a licença do seu software por três anos já representa

Leia mais

www.finaccount.com Vales Simplificados Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação

www.finaccount.com Vales Simplificados Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação www.finaccount.com Vales Simplificados Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação Índice 1. Vale Empreendedorismo 3 2. Vale Inovação 5 3. Vale Internacionalização 8 2 1 VALE EMPREENDEDORISMO

Leia mais

FN-HOTELARIA, S.A. UMA EMPRESA NO MUNDO!

FN-HOTELARIA, S.A. UMA EMPRESA NO MUNDO! UMA EMPRESA NO MUNDO! 1 UMA IMAGEM VALE MAIS QUE MIL PALAVRAS! Actualmente a FN-Hotelaria é uma empresa no mundo! Estamos presentes em alguns mercados internacionais: - São Tomé e Príncipe - Angola - Cabo

Leia mais

ANÚNCIO DE VAGA SECERTÁRIO DA COMISSÃO DA UNIÃO AFRICANA PARA O DIREITO INTERNACIONAL -10000517

ANÚNCIO DE VAGA SECERTÁRIO DA COMISSÃO DA UNIÃO AFRICANA PARA O DIREITO INTERNACIONAL -10000517 AFRICAN UNION UNION AFRICAINE UNIÃO AFRICANA Addis-Abeba (ETHIOPIE) P. O. Box 3243 Téléphone (251-11) 5517 700 Fax : 551 78 44 Website : www.au.int ANÚNCIO DE VAGA SECERTÁRIO DA COMISSÃO DA UNIÃO AFRICANA

Leia mais

RECONHECIMENTO 13. O que é ECTS? 14. Como se compara ECTS com sistemas de pontos de créditos noutros países? 15. O que é um Suplemento ao Diploma?

RECONHECIMENTO 13. O que é ECTS? 14. Como se compara ECTS com sistemas de pontos de créditos noutros países? 15. O que é um Suplemento ao Diploma? PMFs Perguntas Mais Frequentes Nesta página da web pode encontrar as respostas a todas as perguntas que talvez queira fazer sobre estudos musicais na Europa. Perguntas Mais Frequentes PORQUÊ EU? 1. Porque

Leia mais

Home Quem Somos Produtos Vantagens Contactos. Apresentação Criada por SPICAROS Presentation Created by SPICAROS info@spicaros.com www.spicaros.

Home Quem Somos Produtos Vantagens Contactos. Apresentação Criada por SPICAROS Presentation Created by SPICAROS info@spicaros.com www.spicaros. .1 Spicaros é o resultado de 30 anos de trabalho de uma equipa global, constituída por profissionais altamente qualificados em distintos sectores de negócio. Aliando uma quantidade ímpar de conhecimentos,

Leia mais

... ... Exemplos de inovações de produto...3 Bens...3 Serviços...4

... ... Exemplos de inovações de produto...3 Bens...3 Serviços...4 E X E M P L O S D E I N O V A Ç Ã O 2 0 0 8 2 Exemplos de Inovação Apresentação de alguns exemplos relacionados com os vários tipos de inovação para ajuda no preenchimento das questões relacionadas com

Leia mais

Protocolo Bilateral entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República de Angola sobre Facilitação de Vistos. Artigo 1.

Protocolo Bilateral entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República de Angola sobre Facilitação de Vistos. Artigo 1. Protocolo Bilateral entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República de Angola sobre Facilitação de Vistos Artigo 1.º (Objecto) O presente Protocolo tem por objecto a criação de um mecanismo

Leia mais

MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLÍTICA

MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLÍTICA MISSÃO, VISÃO, VALORES E POLÍTICA VISÃO Ser a empresa líder e o fornecedor de referência do mercado nacional (na área da transmissão de potência e controlo de movimento) de sistemas de accionamento electromecânicos

Leia mais

MANIFESTO. A voz dos adultos aprendentes nas acções de alfabetização na Europa

MANIFESTO. A voz dos adultos aprendentes nas acções de alfabetização na Europa QUEM SOMOS NÓS? MANIFESTO A voz dos adultos aprendentes nas acções de alfabetização na Europa Somos adultos que participam em acções de alfabetização oriundos da Bélgica, França, Alemanha, Irlanda, Holanda,

Leia mais

SAP Customer Success Story Turismo Hotel Urbano. Hotel Urbano automatiza controle financeiro e internaliza contabilidade com SAP Business One

SAP Customer Success Story Turismo Hotel Urbano. Hotel Urbano automatiza controle financeiro e internaliza contabilidade com SAP Business One Hotel Urbano automatiza controle financeiro e internaliza contabilidade com SAP Business One Geral Executiva Nome da Hotel Urbano Indústria Turismo Produtos e Serviços Comercialização online de pacotes

Leia mais

Mini-MBA de Marketing

Mini-MBA de Marketing Mini-MBA de Marketing Coordenador/Formador: José Guimarães Índice Designação do curso... 2 Duração Total... 2 Destinatários... 2 Perfil de saída... 2 Pré-Requisitos... 3 Objectivo Geral... 3 Objetivos

Leia mais

Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro

Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro NEWS RELEASE Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro Langley, Reino Unido, 12 de junho de 2014: A Travelport, empresa líder no segmento de comércio de viagens, que oferece

Leia mais

LÍDERES DA CPLP ENCONTRO DE JOVENS. Este desafio é nosso! Iº ENCONTRO DE JOVENS LÍDERES COMUNIDADE DE PAÍSES DA CPLP NA DIÁSPORA PORTUGUESA

LÍDERES DA CPLP ENCONTRO DE JOVENS. Este desafio é nosso! Iº ENCONTRO DE JOVENS LÍDERES COMUNIDADE DE PAÍSES DA CPLP NA DIÁSPORA PORTUGUESA ENCONTRO DE JOVENS Iº ENCONTRO DE JOVENS LÍDERES COMUNIDADE DE PAÍSES DA CPLP NA DIÁSPORA PORTUGUESA Aveiro, 22 a 24 de Junho de UNIVERSIDADE DE AVEIRO Entidades Promotoras Parceiros Apoios O que é o Festival

Leia mais

Relatório de Estágio. Análise dos dados constantes na Base de Dados das Rotas do Vinho

Relatório de Estágio. Análise dos dados constantes na Base de Dados das Rotas do Vinho Relatório de Estágio Análise dos dados constantes na Base de Dados das Rotas do Vinho Rui Neves Lisboa, 21 de Junho de 2011 Índice Introdução... 3 Caracterização da Base de Dados... 4 Recolha e validação

Leia mais

CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL

CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL DAS AMÉRICAS Washington D. C - março 2014 NOME CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA TEMA PALAVRAS-CHAVE REDE SOCIAL EMPRESARIAL : CONNECT AMERICAS PRÁTICA INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

Golfe e Turismo: indústrias em crescimento

Golfe e Turismo: indústrias em crescimento CAPÍTULO I CAPÍTULO I Golfe e Turismo: indústrias em crescimento O universo do golfe, bem visível hoje em muitos territórios, tem desde logo ao nível de contribuição uma relação de causa consequência com

Leia mais

ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13

ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13 ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 HISTÓRIA 02 OBJECTIVOS 02 CURSOS 04 CONSULTORIA 06 I&D 07 DOCENTES 08 FUNDEC & IST 09 ASSOCIADOS 10 PARCERIAS 12 NÚMEROS 13 QUEM SOMOS FUNDEC APRESENTAÇÃO HISTÓRIA OBJECTIVOS A

Leia mais

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010 Técnicas de Secretariado Departamento Comercial e Marketing Módulo 23- Departamento Comercial e Marketing Trabalho realizado por: Tânia Leão Departamento

Leia mais

Apresentação. Estamos no Mercado desde 1997 e criamos e produzimos conteúdos a partir dos interesses e desejos dos nossos clientes, a palavra-chave é

Apresentação. Estamos no Mercado desde 1997 e criamos e produzimos conteúdos a partir dos interesses e desejos dos nossos clientes, a palavra-chave é Apresentação A Companhia Própria é uma empresa de Formação Profissional e de Consultoria de Recursos Humanos que dirige a sua oferta sobretudo a executivos e grandes empresas tecnológicas. Estamos no Mercado

Leia mais

Qualidade Certificada em MBA

Qualidade Certificada em MBA Qualidade Certificada em MBA Qualidade Certificada em MBA Contribuir para a excelência dos cursos de MBA no Brasil, desenvolvendo parâmetros de qualidade que norteiem sua estruturação e oferta. Fundada

Leia mais

2. O Comitê adotou o projeto de ordem do dia que figura no documento PC-58/09 Rev. 1.

2. O Comitê adotou o projeto de ordem do dia que figura no documento PC-58/09 Rev. 1. PC 60/10 24 março 2010 Original: inglês P Decisões e Resoluções adotadas pelo Comitê de Promoção em sua 17 a reunião 1. O Comitê de Promoção, presidido pelo Sr. Mick Wheeler, de Papua-Nova Guiné, reuniu-se

Leia mais

DESENVOLVER E GERIR COMPETÊNCIAS EM CONTEXTO DE MUDANÇA (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Julho/Agosto 2004)

DESENVOLVER E GERIR COMPETÊNCIAS EM CONTEXTO DE MUDANÇA (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Julho/Agosto 2004) DESENVOLVER E GERIR COMPETÊNCIAS EM CONTEXTO DE MUDANÇA (Publicado na Revista Hotéis de Portugal Julho/Agosto 2004) por Mónica Montenegro, Coordenadora da área de Recursos Humanos do MBA em Hotelaria e

Leia mais

Regulamento. ARTIGO 1 (Objecto) O NUTRITION AWARDS, tem os seguintes objectivos:

Regulamento. ARTIGO 1 (Objecto) O NUTRITION AWARDS, tem os seguintes objectivos: Regulamento A Associação Portuguesa dos Nutricionistas e o Grupo GCI Gestores de Comunicação Integrada, com o apoio institucional do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação, em parceria com a Direcção-Geral

Leia mais

http://www.amoportugal.org/

http://www.amoportugal.org/ OBJETIVOS A promoção de eventos de âmbito nacional com recurso à mobilização de Voluntários e ao envolvimento de parcerias públicas e privadas gratuitas. O desenvolvimento da cooperação e da solidariedade

Leia mais

O PROJETO. 4 de Julho 2014. Lançamento oficial www.winetourismportugal.com. Início do Estudo do projeto. Concepção do Portal

O PROJETO. 4 de Julho 2014. Lançamento oficial www.winetourismportugal.com. Início do Estudo do projeto. Concepção do Portal O PROJETO 2012 Início do Estudo do projeto 2013 Concepção do Portal 4 de Julho 2014 Lançamento oficial www.winetourismportugal.com 2 QUEM SOMOS Primeiro portal em Portugal para o produto específico da

Leia mais

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades.

adaptados às características e expectativas dos nossos Clientes, de modo a oferecer soluções adequadas às suas necessidades. A Protteja Seguros surge da vontade de contribuir para o crescimento do mercado segurador nacional, através da inovação, da melhoria da qualidade de serviço e de uma política de crescimento sustentável.

Leia mais

Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas

Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas FACULDADE DE LETRAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO SEMINÁRIO QUALIDADE E EXCELÊNCIA NA SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas Nuno Rodrigues Observatório da Sociedade

Leia mais

ACEF/1314/21732 Relatório final da CAE

ACEF/1314/21732 Relatório final da CAE ACEF/1314/21732 Relatório final da CAE Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de Ensino Superior / Entidade Instituidora: Universidade De Lisboa A.1.a. Outras Instituições

Leia mais

Apoio à Internacionalização

Apoio à Internacionalização Apoio à Internacionalização Incentivos QREN Castelo Branco, 4 de outubro 2012 YUNIT Corporate: João Esmeraldo QREN - Sistema Incentivos Empresas I&DT - Investigação e Desenvolvimento Qualificação - Investimentos

Leia mais

SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros

SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros SciELO e o aperfeiçoamento da qualidade dos periódicos científicos brasileiros Fabiana Montanari Lapido Projeto SciELO FAPESP, CNPq, BIREME, FapUNIFESP Informação Conhecimento científico pesquisa científica

Leia mais

Regulamento do. Programa de Estágios Curriculares. no Ministério dos Negócios Estrangeiros

Regulamento do. Programa de Estágios Curriculares. no Ministério dos Negócios Estrangeiros Regulamento do Programa de Estágios Curriculares no Ministério dos Negócios Estrangeiros Preâmbulo Na sequência do acordo tripartido celebrado entre o Governo e os parceiros sociais em junho de 2008 e

Leia mais

Como Vender em Alemanha Uma acção à medida dos seus interesses

Como Vender em Alemanha Uma acção à medida dos seus interesses Como Vender em Alemanha Uma acção à medida dos seus interesses Ficha de Inscrição Encontre a resposta às suas dúvidas! Identifique a sessão pretendida: Porto AICEP (Rua António Bessa Leite, 1430-2.º andar)

Leia mais

ACEF/1112/20852 Relatório final da CAE

ACEF/1112/20852 Relatório final da CAE ACEF/1112/20852 Relatório final da CAE Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Fundação Minerva - Cultura - Ensino E Investigação

Leia mais

Indíce. Gráfico XII: Comparação da situação das sub-acções com o período homólogo de 2008

Indíce. Gráfico XII: Comparação da situação das sub-acções com o período homólogo de 2008 Indíce 1. Característica básica...1 Gráfico I: Distribuição em sexo Gráfico II: Distribuição em cidadãos e turistas Gráfico III: Distribuição em idade Gráfico IV: Distribuição dos turistas 2. Resultado

Leia mais

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT

Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Ciência sem Fronteiras : O Programa Brasileiro de Mobilidade Científica no CNPq/MCT Objetivos Avanço da ciência brasileira em tecnologia, inovação e competitividade, através da expansão da mobilidade internacional:

Leia mais

Termos de Referência

Termos de Referência MAPEAMENTO DE PARTES INTERESSADAS (PARCEIROS E DOADORES) Termos de Referência 1. Contexto O Fundo Mundial para a Natureza (WWF) tem vindo a trabalhar em Moçambique desde os meados dos anos 90 em áreas-chave

Leia mais

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial.

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. POWERING BUSINESS QUEM SOMOS A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. Desde 1987 que desenvolvemos um trabalho

Leia mais