PLANEJAMENTO ANUAL GRUPO IV (4 ANOS) Desenvolvimento físico-motor: Pula em um pé só sem perder o equilíbrio. Consegue recortar com facilidade uma

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANEJAMENTO ANUAL GRUPO IV (4 ANOS) Desenvolvimento físico-motor: Pula em um pé só sem perder o equilíbrio. Consegue recortar com facilidade uma"

Transcrição

1 PLANEJAMENTO ANUAL GRUPO IV (4 ANOS) Desenvolvimento físico-motor: Pula em um pé só sem perder o equilíbrio. Consegue recortar com facilidade uma figura utilizando tesoura. É possível que ainda não seja capaz de amarrar os cadarços. Apresenta maior controle das atividades motoras. Desenvolvimento emocional: Pode ter amigos imaginários. Testa o poder de limites dos outros. Os seus estados emocionais alcançam os extremos, ou seja, passa da alegria à tristeza com rapidez. Desenvolvimento sensorial e cognitivo: O vocabulário conta com mais de 1500 palavras. Elabora um grande número de perguntas. Aprende e canta canções simples. Revela facilmente assuntos pessoais a terceiros. Tenta ser muito independente. Aumenta sua compreensão do conceito tempo. Compreende ordens com frases negativas. Começa a compreender que os desenhos simbólicos podem representar objetos reais. Articula bem: vogais e consoantes, constrói frases bem elaboradas. Desenvolvimento social: Gosta de brincar com outras crianças. Gosta de imitar as atividades dos adultos. Aprende a partilhar e a aceitar regras. OBJETIVOS GERAIS Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, confiante em suas capacidades e percepção de suas limitações; Descobrir e conhecer progressivamente seu próprio corpo, suas potencialidades e seus limites, desenvolvendo e valorizando hábitos de cuidado com a própria saúde e bem-estar; Estabelecer vínculos afetivos e de troca entre adultos e crianças, fortalecendo sua autoestima e ampliando gradativamente suas possibilidades de comunicação e interação social; Estabelecer e ampliar cada vez mais as relações sociais, aprendendo aos poucos a articular seus interesses e pontos de vista, interagindo com os demais, respeitando a diversidade e desenvolvendo atitudes de ajuda e colaboração; Observar e explorar o ambiente com atitude de curiosidade, percebendo-se cada vez mais como integrante, dependente e agente transformador do meio ambiente, valorizando atitudes que contribuem para sua conservação; Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; Utilizar as diferentes linguagens (corporal, musical, plástica, oral e escrita) ajustadas às diferentes intenções e situações de comunicação, de forma a compreender e ser compreendido, expressar suas idéias, sentimentos, necessidades e desejos e avançar no seu processo de construção de significados, enriquecendo cada vez mais sua capacidade expressiva; Conhecer algumas manifestações culturais, de interesse, respeito e participação,

2 valorizando a diversidade; Oportunizar a construção da identidade e autonomia: fortalecendo a auto-estima, promovendo situações nas quais os estudantes possam desenvolver suas habilidades físicas e mentais; usando sua imaginação e criatividade, com ênfase à afetividade, a cooperação, socialização e organização; favorecendo a interpretação da realidade; estabelecendo relações entre novas informações e a realidade dos estudos para construir conhecimento, compreendendo a sociedade e interagindo nela. OBJETIVOS ESPECIFÍCOS Valorizar a relação adulto/criança e criança/criança, para o desenvolvimento da sua autonomia; Proporcionar a criança um conhecimento matemático que favoreça o desenvolvimento do seu raciocino lógico concretamente, Promover a vinculação do discurso oral com o texto escrito; Promover a integração do grupo, a socialização das crianças e o desenvolvimento psicomotor (coordenação motora ampla, fina e coordenação viso motora; Organizar atividades para que a criança amplie seus conhecimentos na compreensão do mundo no qual está inserida; Desenvolver o espírito de coleguismo, companheirismo e solidariedade; Reconhecer o próprio corpo e a aceitar as diferenças entre os colegas; Observar e explorar o meio ambiente; Ampliar a comunicação visual, verbal, corporal e escrita nas diferentes relações sociais; Levar a criança a perceber as diferenças que existem entre elas; Orientar as crianças sobre a importância da higiene e uma boa alimentação pra ter uma vida saudável; Incentivar a curiosidade natural, estimular as atitudes científicas, investigativas e questionadoras; Proporcionar trocas de brinquedos entre as crianças; Descobrir e explorar o corpo, utilizando-o como meio de comunicação e expressão; Realizar atividade de forma calma, com o intuito de relaxar corporalmente; Desenvolver a expressão oral e escrita, bem como a interpretação de textos. ÁREAS DO CONHECIMENTO Ø LINGUAGEM ORAL E LINGUAGEM ESCRITA Ø Desenvolver a capacidade de comunicação verbal; Ø Conscientizar de que fala de maneira diferente de acordo com o nosso interlocutor, o ambiente em que nos encontramos os objetivos que temos em cada ato comunicativo etc.; Ø Expressar desejos, necessidades, sentimentos, pensamentos por meio da fala; Ø Narrar suas vivências; Ø Ouvir, com interesse, a leitura de história e poesias. Ø Familiarizar-se, aos poucos, com a escrita, por meio do contato com diversos portadores de texto (livro, histórias em quadrinha). Ø Desenvolver a percepção visomotora e a discriminação auditiva e visual; Ø Reconhecer o traçado correto das vogais e consoantes maiúsculas; Ø CONHECIMENTO LÓGICO MATEMÁTICO Ø Estabelecer aproximações com algumas noções matemáticas sobre situações do seu dia-a-dia, como: contar, localizar no espaço e no tempo mais próximo da criança. Colocar em ordem (sem estabelecer, ainda, um critério); Ø Reconhecer e valorizar os números, as operações numéricas, as contagens orais e as

3 noções espaciais em situações variadas do cotidiano; Ø Comunicar ideias matemáticas, hipóteses, processos utilizados e resultados encontrados em situações-problema relativos a quantidades, espaços físicos e medida, utilizando a linguagem oral e a linguagem matemática; Ø Ter confiança em sua capacidade nas próprias estratégias para lidar com situações matemáticas novas, utilizando sues conhecimentos prévios. Ø NATUREZA E SOCIEDADE Ø Experimentar e utilizar os recursos de que dispões para satisfazer suas necessidades essenciais; Ø Expressar seus desejos, sentimentos, vontades e desagrados e agir com progressiva autonomia; Ø Familiarizar-se com a imagem do próprio corpo, conhecer seus limites e capacidades e as sensações que experimenta; Ø Cuidar do próprio corpo, executando ações relacionadas à saúde e à higiene; Ø Relacionar com um número crescente de crianças; Ø Ter uma imagem positiva de si, ampliando a sua autoconfiança, identificando cada vez mais suas limitações e possibilidades e agindo de acordo com elas; Ø Identificar e enfrentar situações de conflito, utilizando seus recursos pessoais e do grupo, respeitando as outras crianças e adultos e exigindo reciprocidade; Ø Valorizar ações de cooperação e solidariedade, desenvolvendo atitudes de ajuda e colaboração e compartilhando suas vivenciais; Ø Adotar hábitos de auto cuidado, valorizando as atitudes relacionadas com a higiene, alimentação, conforto, segurança, proteção do corpo e cuidados com a aparência; Ø Identificar sua pertinência aos diversos grupos dos quais participa; Ø Respeitar as regras de convivência e os acordos dos grupos dos quais participa; Ø Explorar o ambiente relacionar-se com as pessoas, estabelecer contato com pequenos animais, plantas e objetos diversos; Ø Interessar-se pelo ambiente social e pela natureza, formulando perguntas, imaginando soluções para compreendê-los, manifestando opiniões próprias sobre os acontecimentos físicos e sociais, buscando informações e confrontando ideias. Ø MOVIMENTO Ø Ampliar as possibilidades expressivas do próprio movimento, utilizando gestos diversos e o ritmo corporal nas suas brincadeiras, danças, jogos e demais situações de interação; Ø Explorar diferentes qualidades e dinâmicas do movimento, como força, velocidade, resistência e flexibilidade, conhecendo, gradativamente, os limites e potencialidades do próprio corpo; Ø Controlar, gradualmente, o próprio movimento, ajustando suas habilidades aos jogos, brincadeiras, danças e situações. Ø ARTES VISUAIS Ø Interessar-se pelas próprias produções, pelas das outras crianças e pelas diversas obras artísticas com as quais entra em contato; Ø Produzir trabalhos de artes, utilizando a linguagem do desenho, da pintura, da modelagem da colagem da construção; Ø Desenvolver o gosto, o cuidado e o respeito pelo processo de produção e a criação. CONTEÚDOS Ø LINGUAGEM ORAL Roda de conversa

4 Poema Hora do conto Hora da novidade Parlenda, adivinha, trava-língua, ditado popular, quadrinha, brincadeira de roda Obra de arte Interpretação de imagens Ø LINGUAGEM ESCRITA Traços e desenhos Interpretação de imagens Escrita espontânea Identificação de letras (memória auditiva e visual) Vogais Encontros vocálicos Consoantes Composição de palavras Ø CONHECIMENTO LÓGICO MATEMÁTICO Discriminação visual: cores (primárias e secundárias). Noções de geometria: círculo, quadrado, triângulo e retângulo. Noções de posição: dentro/fora, em cima/embaixo, em frente/atrás, perto/longe, alto/baixo, cumprido/curto. Noções de grandeza: muito/pouco/nenhum, leve/pesado, estreito/largo, curto/longo, maior/menor. Noções de tempo: dia/noite, antes/depois, o que aconteceu primeiro. Noções de massa e de capacidade: mais/menos, cheio/vazio, grande/pequeno, alto/baixo. Noções de quantidade: mais/menos, muito/pouco. Noções de agrupamento: com um ou mais critérios Numerais de 0 a 10. Ø NATUREZA E SOCIEDADE ü GEOGRAFIA Eu Família Moradias Escola Meio de transporte Educação para o trânsito Profissões Meio de comunicação ü CIÊNCIAS NATURAIS Corpo humano e crescimento Higiene Boa alimentação Os sentidos Paisagens e seus componentes Animais Plantas

5 ü HISTÓRIA Datas comemorativas Ø ARTES VISUAIS Pintura Recorte e colagem Desenho Modelagem Reciclagem Colagem Ø MOVIMENTO Percepção visual Percepção auditiva Coordenação motora global RECURSOS DIDÁTICOS Cartazes Vídeos Músicas Cd Fantoches Quadro negro Giz de cera Lápis de escrever Lápis de colorir Atividades de acordo com o conteúdo Passeios Culinária Experiências Jogos Brincadeiras Livros paradidáticos Livros literários Projetos a serem desenvolvidos ao longo do ano OBSERVAÇÃO Este planejamento poderá ser modificado no decorrer do ano letivo. Ele é totalmente maleável. E será adaptado de acordo com a sala de aula. Não se trata de um planejamento individual, sofrerá modificações de acordo com o interesse ou não dos alunos. Podendo ser alterado a qualquer momento, sobre qualquer circunstância. A avaliação deverá ocorrer durante todo o processo de aprendizagem de forma justa e humana, considerando-se o ritmo de cada criança. Para avaliar o desenvolvimento da criança é necessário compreender como ela constrói suas hipóteses, que processos utilizam para chegar às suas conclusões: fazer uma leitura das suas manifestações, de seus conflitos e avanços cognitivos em situações de aprendizagem. Além disso, é preciso respeitar os seus feitos e compreendê-la como um ser social ativo em processo de transformações contínuas. O objetivo principal da avaliação na Educação Infantil é obter informações referentes ao

6 desenvolvimento das crianças e verificar a necessidade das alterações nas estratégias adotadas em sala de aula. A avaliação deverá abordar o domínio do conteúdo, o desenvolvimentos das habilidades, os hábitos e as atitudes, com a coleta de dados qualitativos e quantitativos. Não se pode deixar de considerar os aspectos emocionais de cada criança. É necessário não só avaliar a criança, mas também o ensino, o que inclui aluno, professor, escola e família, entre outros fatores que interferem no desenvolvimento da criança. A avaliação deverá responder às seguintes perguntas: A criança está se desenvolvendo conforme o esperado? A escola é um ambiente agradável e estimulante? A família está participando do processo de aprendizagem da criança? A observação do professor é um instrumento de avaliação especialmente importante na Educação Infantil, pois a maioria das crianças ainda não domina a leitura e a escrita e estão aprendendo a representar o conhecimento construído socialmente. Portanto, cabe ao professor a missão de acompanhar o desempenho de cada aluno na busca pela definição de melhores estratégias de ensino. DISCIPLINAS: Este Planejamento tem por objetivo somente te nortear sobre as atividades realizadas durante o ano com as turmas de Jardim I e Jardim II, podendo ser adaptadas para cada idade... PORTUGUÊS E LINGUAGEM - OBJETIVO Ampliar a coordenação viso-motora, na busca do desenvolvimento integral da criança. Desenvolver vocabulário, linguagem e a comunicação entre os alunos. Reconhecer,ler e escrever vogais encontros vocálicos e o alfabeto. Desenvolver interesse e atenção por músicas, leitura, histórias e escrita. Preparar o aluno para que fique apto ao processo de alfabetização no Pré 3º Estágio. Iniciação as famílias silábicas. CONTEÚDO Período Preparatório: traçar linhas (retas, curvas, sinuosas e mistas), desenho livre, labirinto, pintura, recorte, colagem, pontilhado, atividade gráficas e no caderno pedagógico, etc. Estudo das vogais: reconhecer, ler, traçar e escrever as vogais. Encontros Vocálicos: identificar, ler e escrever, palavras formadas apenas por encontros vocálicos. Estudo do Alfabeto: identificar visual e auditivamente as letras do alfabeto, cobrir e copiar as letras maiúsculas e minúsculas (de imprensa e cursiva). Famílias Silábicas: proporcionar aos alunos atividades referentes as famílias silábicas, de forma natural e espontânea, pois terão continuidade no Pré 3º Estágio. ESTRATÉGIA Utilizar: caderno, atividades gráficas, desenho, pintura colagem, recorte e o material escolar. Confeccionar cartazes, murais, parlendas, poesias e etc.

7 Histórias, músicas, vídeo e livros. Atividades com sucatas (ex: embalagens). Jogos, brincadeiras e material pedagógico. Avaliação contínua e diária através da participação, interesse e execução das atividades feita pelos alunos. Correção das lições e atividades. Verificação da aprendizagem: leitura, identificação e assimilação das atividades, exercícios gráficos. MATEMÁTICA - OBJETIVO Desenvolver e ampliar os conceitos matemáticos para que os alunos possam executar as atividades propostas com interesse, atenção e principalmente que ocorra assimilação e aprendizagem. Identificar números, cores, formas geométricas, medidas, etc. Desenvolver raciocínio lógico-matemático. Desenvolver o processo de adição. CONTEÚDO Estruturas Lógicas: discriminação: semelhanças e diferenças; conjuntos; identificação/comparação. Numerais: revisão dos números (0 até 9), idéia de unidade, número 0 (zero), unidade e dezena, idéia de ordinal, números de 0 até 20, quantidades: igual/diferente, mais/menos, cheio/vazio. Operação com Números: adição: total até 9. Espaço e forma: traçado de linhas: curvas (aberto/fechado), posicionamento: frente/ atrás, em cima/embaixo, dentro/fora, longe/perto, primeiro/último, direita/esquerda; identificação de figuras geométricas (círculo, triângulo, retângulo, quadrado). Medidas: tamanho: maior/menos, grande/pequeno; espessura: grosso/fino, largo/estreito. Fração: inteiro/metade. ESTRATÉGIA Utilizar: figuras, desenhos, cartazes, lousa, material escolar, caderno quadriculado, atividades gráficas. Confeccionar: cartazes, murais, fichas, números. Recorte, colagem e pintura. Atividade com sucatas. Músicas e histórias. Jogos, brincadeiras e material pedagógico. Avaliação através das atividades realizadas pelos alunos e correções das lições, sempre verificando a participação, interesse e aprendizagem. Avaliação contínua e diária desenvolvendo raciocínio lógico-matemático. ARTES PLÁSTICAS - OBJETIVO Desenvolver a potencialidade criadora de cada aluno, respeitando suas naturais limitações.

8 Desenvolver habilidades e formas próprias desenhando, pintando, construindo e modelando. Desenvolver o domínio de técnicas, instrumentos e procedimentos expressivos. Desenvolver a habilidade de discriminar cor, forma, dimensão, espaço, harmonia. CONTEÚDO Desenho. Pintura. Impressão. Recorte. Alinhavo. Tapeçaria. Colagem. Modelagem. Dobradura. Montagem. Construção. ESTRATÉGIA Atividades gráficas como desenhos, para pintura, recorte e colagem. Tinta, pincel, cola, tesoura, papel de diferentes tipos, formas e cores. Revista, jornal e sucata. Barbante, lã, linhas, madeira, argila, algodão, gesso, garrafa, etc. Avaliação será continua e diária através dos trabalhos e atividades realizados pelos alunos, com a finalidade de desenvolver: criatividade, interesse, espontaneidades, autoestima, capricho, atenção, curiosidade, raciocínio, cooperação, companheirismo e a motivação. CIÊNCIAS - OBJETIVO Identificar as diversas partes do corpo e suas funções. Formar bons hábitos de higiene e saúde. Identificar o valor nutritivo e a procedências dos alimentos. Identificar e observar o processo de germinação e crescimento das plantas. Identificar, distinguir e caracterizar os animais. Desenvolver habilidades como: observação, analise, descrição, classificação e medida. Explorar o ambiente em que vive. CONTEÚDO As Partes do Corpo/Higiene e Saúde/Órgãos do sentido. Alimento/Culinária. Plantas/Horticultura. Animais. ESTRATÉGIA Explorar o meio em que estamos. Confecção de cartazes, desenhos, figuras, fotos, atividades gráficas. Pinturas colagens, recortes. Horta.

9 Passeios, excursões. Atividades com os próprios alunos (jogos e brincadeiras). Músicas, histórias, diálogos, conversa dirigida, atividade com sucatas. Alimentos (frutas, verduras, legumes). Avaliação contínua e diária através das atividades e exercícios realizados e executados pelos alunos, com a finalidade de desenvolver: interesse, atenção, cooperação, espontaneidade, aprendizagem, capacidades de observação, análises e etc. INTEGRAÇÃO SOCIAL - OBJETIVO Adaptar a criança à escola e à vida social. Promover condições de um convívio agradável. Desenvolver atitudes de polidez, respeito e cooperação. Adquirir habilidades sociais. Compreender a necessidade da cooperação de todos os membros da família e da escola, entre si. Desenvolver: atividades e conhecimentos sociais, habilidades de disciplina, independência e habilidades quanto ao trabalho. CONTEÚDO Eu/Família. Casa/Comunidade. Escola. Meios de Transporte/Meios de Comunicação. Datas Comemorativas: (Alguns exemplos) Páscoa, Dia do Índio, Dia das Mães, Festa Junina, Dia dos Pais, 07 de Setembro, Dia das Crianças, Primavera, Dia da Árvore, Natal e outros. ESTRATÉGIA Desenhos, cartazes, músicas, jogos, brincadeiras, atividades com sucata, folhas (atividades gráficas), pintura, recortes e colagens. Festas, bailes, exposição, excursão ou passeios. Avaliação contínua através das atividades e exercícios realizados e propostos aos alunos, no qual se verifica o: interesse, assimilação, compreensão, aprendizagem, comportamento, espontaneidade, capacidade, cooperação, participação e a execução das atividade. OBJETIVOS SÓCIO-EMOCIONAIS Desenvolve hábitos de asseio: pedir para ir ao banheiro, lavar as mãos, limpar o nariz, etc. habituá-lo a usar os clichês sociais. Exemplo: Por favor, muito obrigado, com licença, etc. Permitir que a criança seja independente. Deixa-la explorar ao máximo os objetos e brinquedos. Levar a criança a brincar com os outros do grupo.

10 Fazer com que a criança não fixe em um único colega. Mante-la ocupada. Levar a criança a participar das atividades de grupo.

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2010. Infantil II Segmento I

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2010. Infantil II Segmento I Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2010 Infantil II Segmento I PLANO DE CURSO 2009 INFANTIL II Disciplina: ARTES Série: INFANTIL II Segmento: I COMPETÊNCIAS HABILIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS -

Leia mais

Todas as atividades que seu(sua) filho(a) realiza na escola, em todas as áreas de conhecimento, estão relacionadas aos objetivos de aprendizagem.

Todas as atividades que seu(sua) filho(a) realiza na escola, em todas as áreas de conhecimento, estão relacionadas aos objetivos de aprendizagem. Brasília, 24 de fevereiro de 2014. Senhores Pais e/ou Responsáveis, Neste documento, listamos os conteúdos e objetivos referentes às aprendizagens pretendidas para os alunos do Maternal II, durante o 1º

Leia mais

PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE

PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE Disciplina Eixos temáticos (conteúdos) Habilidades prioritárias a serem desenvolvidas pelo educando. Matemática Natureza e Arte Ampliação do vocabulário; Coordenação motora; Linguagem

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL II OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações;

Leia mais

INFORMATIVO 2015 GRUPO

INFORMATIVO 2015 GRUPO INFORMATIVO 2015 GRUPO 5 Considerar a criança como sujeito é levar em conta, nas relações que com ela estabelecemos, que ela tem desejos, ideias, opiniões, capacidade de decidir, de criar, e de inventar,

Leia mais

PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE

PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE PLANEJAMENTO 1º BIMESTRE DISCIPLINA CONTEÚDO HABILIDADES/COMPETÊNCIAS PORTUGUÊS - Construção da identidade social e do grupo; Linguagem oral Linguagem oral Desenvolver a coordenação visomotora, a criatividade

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL. PRÉ I Professoras Caroline e Ana Lucia Habilidades vivenciadas no 2º bimestre 2011

EDUCAÇÃO INFANTIL. PRÉ I Professoras Caroline e Ana Lucia Habilidades vivenciadas no 2º bimestre 2011 EDUCAÇÃO INFANTIL Prezados Pais e/ou Responsáveis, Estamos vivenciando o segundo bimestre letivo e o processo de aprendizagem representa pra nós, motivo de alegria e conquistas diárias. Confiram as habilidades

Leia mais

Planejamento Anual. 1º Ano. Ensino Fundamental

Planejamento Anual. 1º Ano. Ensino Fundamental Planejamento Anual 1º Ano Ensino Fundamental Língua Portuguesa 2 Objetivos: 1. Utilizar as mais diferentes linguagens para comunicar-se e expressar suas ideias; 2. Adquirir o hábito de ouvir, falar e organizar

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS De acordo com o PCN e o Referencial Curricular da Educação Infantil, a instituição deve criar um ambiente

Leia mais

INFORMATIVO 2015 GRUPO 3

INFORMATIVO 2015 GRUPO 3 INFORMATIVO 2015 GRUPO 3 3 Considerar a criança como sujeito é levar em conta, nas relações que com ela estabelecemos, que ela tem desejos, ideias, opiniões, capacidade de decidir, de criar, e de inventar,

Leia mais

Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85.901-150 Toledo - Paraná

Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85.901-150 Toledo - Paraná Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85.901-150 Toledo - Paraná Plano de Trabalho Docente 2014 Educação Infantil Estimulação

Leia mais

ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE

ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE Unidade II ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL Profa. Ana Lucia M. Gasbarro A formação pessoal e social da criança, áreas de conhecimento e desenvolvimento da criança Introdução A importância

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL Disciplina: NATUREZA e SOCIEDADE Ano: INFANTIL IV Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4 EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4 1º VOLUME ARTES VISUAIS O FAZER ARTÍSTICO Criação de desenhos, pinturas e colagens, com base em seu próprio repertório. Exploração das possibilidades oferecidas por diferentes

Leia mais

Plano Anual. Interação e socialização da criança no meio social familiar e escolar. Ampliação progressiva do conhecimento do mundo.

Plano Anual. Interação e socialização da criança no meio social familiar e escolar. Ampliação progressiva do conhecimento do mundo. Centro Educacional Mundo do Saber Maternal II Ano Letivo: 2013 Tema: A fazenda do tio Chico Professora: Heloiza Regina Gervin Plano Anual Eu sou tio Chico, um menino muito esperto e que adora brincar e

Leia mais

Pré-Escola 4 e 5 anos

Pré-Escola 4 e 5 anos PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR Secretaria Municipal da Educação e Cultura SMEC DIÁRIO DE CLASSE Educação Infantil Pré-Escola 4 e 5 anos DIÁRIO DE CLASSE ESCOLA: CRE: ATO DE CRIAÇÃO DIÁRIO OFICIAL / /

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2010. Educação Infantil I Segmento I

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2010. Educação Infantil I Segmento I Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2010 Educação Infantil I Segmento I Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Ano: Infantil I Segmento: I COMPETÊNCIAS HABILIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS - ALUNOS EIXOS TEMÁTICOS/CONTEÚDOS

Leia mais

Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85901-150 Toledo Paraná

Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85901-150 Toledo Paraná Escola Bem-Me-Quer - Educação Infantil e Ensino Fundamental, na Modalidade Educação Especial Rua Bonfim, 1621 - CEP 85901-150 Toledo Paraná Plano de Trabalho Docente 2014 Educação Infantil Pré Escolar

Leia mais

Planificação Anual da Sala dos 5anos

Planificação Anual da Sala dos 5anos Nome do Aluno: Janine Colaço Reis Planificação Anual da Sala dos 5anos Calendarizaçã o (mês) Áreas de conteúdo/ Conteúdos Curriculares Competências Situações de aprendizagem/ Estratégias Recursos Humanos/

Leia mais

PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL 1. Tema: Boa alimentação Área de abrangência: (x) Movimento (x) Musicalização (x) Artes Visuais (x) Linguagem Oral e Escrita (x) Natureza e Sociedade (x) Matemática 2. Duração:

Leia mais

Propiciar a socialização da criança através da participação numa comunidade mais ampla, onde descubra e domine regras próprias do convívio social.

Propiciar a socialização da criança através da participação numa comunidade mais ampla, onde descubra e domine regras próprias do convívio social. EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

VISÃO: ser referência na comunidade na área de educação Infantil

VISÃO: ser referência na comunidade na área de educação Infantil VISÃO: ser referência na comunidade na área de educação Infantil NOSSA MISSÃO: Por meio da educação formar cidadãos felizes, independentes, éticos e solidários VALORES: Respeito, honestidade, boa moral

Leia mais

Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1

Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1 JUSTIFICATIVAS PARA O MATERIAL PEDAGÓGICO 2014 Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1 01-Tela de arte para pintura 30x40: usada no contexto do projeto de artes plásticas. O objetivo

Leia mais

CONTEÚDO ANUAL 2016 OBJETIVOS GERAIS:

CONTEÚDO ANUAL 2016 OBJETIVOS GERAIS: CONTEÚDO ANUAL 2016 SEGMENTO: Ensino Fundamental I SÉRIE: 1º ano OBJETIVOS GERAIS: Criar condições para o desenvolvimento integral das crianças, considerando as possibilidades de aprendizagem que apresentam,

Leia mais

Centro Educacional Mundo do Saber. Turma: Jardim 1 A. Professora: Lucia Helena Schmoeller. Projeto: Turma dos Smurfs.

Centro Educacional Mundo do Saber. Turma: Jardim 1 A. Professora: Lucia Helena Schmoeller. Projeto: Turma dos Smurfs. Centro Educacional Mundo do Saber Turma: Jardim 1 A Professora: Lucia Helena Schmoeller Projeto: Turma dos Smurfs Justificativa Em uma vila em encantada moram duendes azuis que se chamam smurfs que completa

Leia mais

MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 2º BIMESTRE 1º ANO

MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 2º BIMESTRE 1º ANO ENSINO FUNDAMENTAL Cruzeiro 3213-3838 Octogonal 3213-3737 www.ciman.com.br MAPA DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS 2º BIMESTRE 1º ANO Formação Pessoal e Social Identidade e Autonomia Posturas de Estudante Conteúdos

Leia mais

Critérios Gerais de Avaliação

Critérios Gerais de Avaliação Critérios Gerais de Avaliação Educação Pré-Escolar 2014/15 CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR A avaliação é um elemento integrante e regulador da prática educativa em cada nível de educação e

Leia mais

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg.

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg. CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013 Unidade 1 Vamos à escola PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2012/2013 Unidade 2 Uma árvore de Natal muito familiar Mês: Outubro/Novembro/Dezembro Objetivos

Leia mais

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM

CURRÍCULO 1º ANO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM CURRÍCULO do ENSINO UNDAMENTAL LINGUAGEM ORALIDADE Formar frases com seqüência e sentido. Relacionar palavras que iniciam com vogais. Associar primeira letra/som em palavras iniciadas por vogal. Falar

Leia mais

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar Anexos I Objetivos para a Educação Pré-Escolar Domínio da Matemática CONHECI MENTO DO MUNDO FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL 3 ANOS 1.º PERÍODO Independência/Autonomia Saber o seu nome Conhecer e utilizar o seu

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2015 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE OBJETIVOS GERAIS Desenvolver o pensamento artístico, estético e crítico; Estimular a percepção visual e

Leia mais

Critérios de Avaliação

Critérios de Avaliação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO EANES LOBATO Critérios de Avaliação Educação Pré Escolar Departamento Educação Pré Escolar Ano letivo 2013/2014 A avaliação do processo permite reconhecer a pertinência e sentido

Leia mais

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança Planificação Anual Professor: Gabriela Maria R. D. T. L. C. Silva Disciplina: Ano: préescolar Turma: I Ano letivo: 2014-2015 Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Facilitar a adaptação

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 3 PROGRAMAÇÃO DE CONTEÚDOS 2º. VOLUME. Programação de conteúdos/conhecimentos privilegiados

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 3 PROGRAMAÇÃO DE CONTEÚDOS 2º. VOLUME. Programação de conteúdos/conhecimentos privilegiados EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 3 PROGRAMAÇÃO DE CONTEÚDOS 2º. VOLUME Programação de conteúdos/conhecimentos privilegiados Unidade 4 O mundo secreto das tocas e dos ninhos Unidade 5 Luz, sombra e ação! Unidade

Leia mais

Projeto de intervenção

Projeto de intervenção Projeto de intervenção Tema: trabalhando com artes na educação infantil. Por: Cristiane Salvador Batista¹ Vivalda de Jesus Souza² INTRODUÇÃO Pretende-se por meio deste projeto Trabalhando Com Artes Na

Leia mais

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Agrupamento de Vale de Ovil Escola Básica e Secundária do Vale de Ovil Código 345702 CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A avaliação é qualitativa e contínua com o objectivo de reconhecer

Leia mais

PRÉ-ESCOLAR. critérios de avaliação 2015/2016

PRÉ-ESCOLAR. critérios de avaliação 2015/2016 PRÉ-ESCOLAR critérios de avaliação 2015/2016 Aprovado em Conselho Pedagógico a 1 de Setembro de 2015 Índice I. Introdução / Enquadramento Normativo. 2 II. Finalidades.. 3 III. Princípios. 4 IV. Processo

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

Programação da 3ª Etapa 2º Período Educação Infantil

Programação da 3ª Etapa 2º Período Educação Infantil Programação da 3ª Etapa 2º Período Educação Infantil Prezados Pais: Este material foi preparado com o objetivo de oferecer a vocês informações sobre o trabalho que será realizado com as crianças durante

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016 Critérios de Avaliação da Educação Pré-Escolar Página 1 Introdução O princípio consensualmente partilhado de que a avaliação é um elemento integrante e regulador

Leia mais

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar ÁREA DA FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL SOCIALIZAÇÃO Desenvolver atitudes procedimentos e conceitos Interiorizar valores espirituais morais e críticos Desenvolver

Leia mais

MARCOS DE APRENDIZAGEM EDUCAÇÃO INFANTIL 0 a 3 Anos

MARCOS DE APRENDIZAGEM EDUCAÇÃO INFANTIL 0 a 3 Anos Prefeitura Municipal do Salvador Secretaria Municipal da Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP MARCOS DE APRENDIZAGEM EDUCAÇÃO INFANTIL 0 a 3 Anos COMPETÊNCIA CONTEÚDO

Leia mais

OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL. A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades:

OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL. A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades: OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL V - 2012 A prática da educação infantil deve se organizar de modo que as crianças desenvolvam as seguintes capacidades:

Leia mais

SUGESTÃO DE PLANEJAMENTO 1 º BIMESTRE JARDIM II EDUCAÇÃO INFANTIL

SUGESTÃO DE PLANEJAMENTO 1 º BIMESTRE JARDIM II EDUCAÇÃO INFANTIL [ SUGESTÃO DE PLANEJAMENTO 1 º BIMESTRE JARDIM II EDUCAÇÃO INFANTIL 1ª Semana 2ª Semana 3ª Semana 4ª Semana (novidades/curiosidades sobre as férias / adaptação).. Produção Oral. Falando sobre a Família.

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL APRONIANO MARTINS DE OLIVEIRA

CENTRO EDUCACIONAL APRONIANO MARTINS DE OLIVEIRA OBJETIVOS GERAIS: Rua Emílio Castelar, 32 Fone/Fax: (0 84) 3316-9509 / 3314-0076 Mossoró/RN PROPOSTAS CURRICULARES EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma independente,

Leia mais

A LINGUAGEM ESCRITA COMO UMA DAS MÚLTIPLAS

A LINGUAGEM ESCRITA COMO UMA DAS MÚLTIPLAS A LINGUAGEM ESCRITA COMO UMA DAS MÚLTIPLAS LINGUAGENS DA CRIANÇA Professor(a), no tema anterior, A criança de seis anos no ensino fundamental, falamos sobre quem são e como são essas crianças que ingressam

Leia mais

Jussara / Thaís TEMA TRANSVERSAL 2016: SOMENTE UM CORAÇÃO GENEROSO PODE AMAR O PRÓXIMO SEM MEDIDA!. EVENTO / DATA COMEMORATIVA:

Jussara / Thaís TEMA TRANSVERSAL 2016: SOMENTE UM CORAÇÃO GENEROSO PODE AMAR O PRÓXIMO SEM MEDIDA!. EVENTO / DATA COMEMORATIVA: TEMA TRANSVERSAL 2016: SOMENTE UM CORAÇÃO GENEROSO PODE AMAR O PRÓXIMO SEM MEDIDA!. PROGRAMAÇÃO DA 2ª ETAPA Jussara / Thaís MATERNAL II Ter fé é acreditar naquilo que você não vê; a recompensa por essa

Leia mais

Conteúdo Curricular Nível Iniciação

Conteúdo Curricular Nível Iniciação 1. Classe: Iniciação (4 horas) equivalente a Jardim de Infância 2. Objetivo geral Iniciar os alunos com maiores dificuldades de aprendizagem na escolaridade especial. Dar continuidade a escolaridade especial

Leia mais

Planejamento. Anual 2016 Educação Infantil. Maternal III

Planejamento. Anual 2016 Educação Infantil. Maternal III Planejamento Anual 2016 Educação Infantil Maternal III Em nossa ação educativa, pretendemos colaborar para todos trabalharem pela harmonia nas relações entre os homens e os povos, fundada no amor ao outro,

Leia mais

Plano de Trabalho com Projetos

Plano de Trabalho com Projetos PREFEITURA DE JARAGUÁ DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL Plano de Trabalho com Projetos 1. Identificação: Escola Municipal de Ensino Fundamental Renato Pradi Professora:

Leia mais

Exposição e relato de experiências de Objetos Educacionais Construção de Instrumentos Musicais Artesanais. Rio Verde GO

Exposição e relato de experiências de Objetos Educacionais Construção de Instrumentos Musicais Artesanais. Rio Verde GO EMEFTI PROFESSOR WALDYR EMRICH PORTILHO GESTORA: GERLIANESANTANA GOUVEIA CABRAL COORD. ÁREA: ARISTÓTELES MESQUITA DE LIMA NETTO PROFESSORA SUPERVISORA: ELIZANGELA F. RODRIGUES Exposição e relato de experiências

Leia mais

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE COLÉGIO CENECISTA PADRE MANOEL GOMEZ GONZALEZ Rua Oliveira Lima, 462 - Nonoai-RS Fone: (0xx54) 3362-1300

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE COLÉGIO CENECISTA PADRE MANOEL GOMEZ GONZALEZ Rua Oliveira Lima, 462 - Nonoai-RS Fone: (0xx54) 3362-1300 CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE COLÉGIO CENECISTA PADRE MANOEL GOMEZ GONZALEZ Rua Oliveira Lima, 462 - Nonoai-RS Fone: (0xx54) 3362-1300 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO. 1. Dados de identificação PLANO

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA 1ª ETAPA MATERNAL 3 ANOS

PROGRAMAÇÃO DA 1ª ETAPA MATERNAL 3 ANOS Programação da 1ª Etapa Maternal 3 Educação Infantil PROGRAMAÇÃO O FATO DE DAR JÁ SUPÕE O MÉRITO DE RECEBER. Sto. Agostinho DA 3ª ETAPA Prezados Pais: Vocês estão recebendo a programação do trabalho pedagógico

Leia mais

COLÉGIO MAGNUM BURITIS

COLÉGIO MAGNUM BURITIS COLÉGIO MAGNUM BURITIS ENSINO FUNDAMENTAL PROGRAMAÇÃO 1ª ETAPA / 2013 MATERNAL III PROGRAMAÇÃO DA 1ª ETAPA 2013 MATERNAL 3 ANOS Organize suas atividades de forma ordenada, dando a cada uma o seu tempo

Leia mais

Planejamento Anual. Pré-Escola I. Educação Infantil. Prof.ª Rosilene

Planejamento Anual. Pré-Escola I. Educação Infantil. Prof.ª Rosilene Planejamento Anual Pré-Escola I Educação Infantil Prof.ª Rosilene A CRIANÇA DE 4 ANOS O desenvolvimento de uma criança não ocorre de forma linear. As mudanças ocorrem de forma gradual e estão relacionadas

Leia mais

CONTEÚDO ANUAL - EDUCAÇÃO INFANTIL

CONTEÚDO ANUAL - EDUCAÇÃO INFANTIL CONTEÚDO ANUAL - EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO Identificar símbolos do próprio nome e dos amigos; Expressar desejos, sentimentos, pensamentos, vontades e necessidades por meio das

Leia mais

Programação da 1ª Etapa Maternal 3 anos Educação Infantil

Programação da 1ª Etapa Maternal 3 anos Educação Infantil Programação da 1ª Etapa Maternal 3 anos Educação Infantil Prezados Pais: Nunca falamos tanto em autonomia, quando tratamos da educação dos mais novos. Está muito claro para nós que o processo de construção

Leia mais

Condutas psicomotoras: brinquedos tradicionais e diversões de antigamente ainda encantam?

Condutas psicomotoras: brinquedos tradicionais e diversões de antigamente ainda encantam? Condutas psicomotoras: brinquedos tradicionais e diversões de antigamente ainda encantam? Profª. Ms. Cláudia Yazlle Profª. Ms. Gabriela Maffei 5 e 6 de junho Objetivos da aula de hoje As crianças de 4

Leia mais

Colégio Cor Jesu. Plano de Curso 2011. 1º ano Ensino Fundamental

Colégio Cor Jesu. Plano de Curso 2011. 1º ano Ensino Fundamental Colégio Cor Jesu Plano de Curso 2011 1º ano Ensino Fundamental Língua Portuguesa 1º ano Ensino Fundamental Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos Desenvolver a linguagem oral e corporal

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 Educação Infantil III Área de conhecimento: Linguagem Série: Infantil III Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

PLANEJAMENTO FEVEREIRO/MARÇO 2014

PLANEJAMENTO FEVEREIRO/MARÇO 2014 CENTRO EDUCACIONAL DA LAGOA PLANEJAMENTO FEVEREIRO/MARÇO 2014 PROJETO VENCER OU PERDER: O desafio da vida FEVEREIRO Valor do mês - AMIZADE Sentimento fiel de afeição, simpatia, estima ou ternura entre

Leia mais

Manual Institucional da Educação Infantil

Manual Institucional da Educação Infantil Manual Institucional da Educação Infantil Maple Bear Programa da Educação Infantil Aprendendo para a Vida Em um Ambiente Seguro, Acolhedor e Centrado na Criança Toda criança merece o melhor começo possível

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL IZA RIZZOTTI CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - 2 PERÍODO

CENTRO EDUCACIONAL IZA RIZZOTTI CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - 2 PERÍODO CENTRO EDUCACIONAL IZA RIZZOTTI CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - 2 PERÍODO Falar de educação é em primeiro lugar falar de ser humano. E falar de ser humano é pensar e sentir, deslocar-se de lugares e posições

Leia mais

Conteúdo Programático INFANTIL I

Conteúdo Programático INFANTIL I Conteúdo Programático INFANTIL I Composição oral Identificação Cor: vermelha Forma: círculo Posições: Dentro e fora Natureza e Sociedade Carnaval Páscoa Dia do Índio Estação do Ano: Outono Experiências

Leia mais

COLÉGIO MAGNUM BURITIS

COLÉGIO MAGNUM BURITIS COLÉGIO MAGNUM BURITIS ENSINO FUNDAMENTAL PROGRAMAÇÃO 1ª ETAPA / 2013 1º ANO PROGRAMAÇÃO DA 1ª ETAPA 2013 1º ANO A verdadeira unidade entre os homens é produzida, reforçada e protegida pela comunhão no

Leia mais

Programação da 2ª Etapa 2º Período Educação Infantil

Programação da 2ª Etapa 2º Período Educação Infantil Programação da 2ª Etapa 2º Período Educação Infantil Prezados Pais: Este documento foi preparado com o objetivo de oferecer a vocês informações sobre o trabalho que será realizado com as crianças durante

Leia mais

Propostas para melhorias da fala de crianças com síndrome de down

Propostas para melhorias da fala de crianças com síndrome de down Propostas para melhorias da fala de crianças com síndrome de down Resumo Esse vídeo pretende oferecer instrumentos aos professores da educação infantil e do ensino fundamental para as tarefas da educação

Leia mais

REGIMENTO ESCOLAR EDUCAÇÃO INFANTIL

REGIMENTO ESCOLAR EDUCAÇÃO INFANTIL INSTITUIÇÃO SINODAL DE ASSINTÊNCIA, EDUCAÇÃO E CULTURA - ISAEC ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL SINODAL SETE DE SETEMBRO NÃO-ME-TOQUE /RS REGIMENTO ESCOLAR EDUCAÇÃO INFANTIL 1 SUMÁRIO 1- CARACTERIZAÇÃO DA

Leia mais

Área de Formação Pessoal e Social

Área de Formação Pessoal e Social Área de Formação Pessoal e Social Identidade/ Auto-estima Independência/ Autonomia Convivência democrática/ Cidadania Brincar com o outro (s); Ouvir os outros; Saber identificar-se a si e o outro; Esperar

Leia mais

PROGRAMA DE CONTEÚDOS 2014

PROGRAMA DE CONTEÚDOS 2014 C O L É G I O L A S A L L E Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Guarani, 2000 - Fone (045) 3252-1336 - Fax (045) 3379-5822 http://www.lasalle.edu.br/toledo/ PROGRAMA DE 2014 DISCIPLINA: LINGUAGEM

Leia mais

Projecto Educativo. Onde nos leva uma Obra de Arte. Sala 2-3 Anos. Ano letivo 2015-2016. Educadora: Teresa Barata

Projecto Educativo. Onde nos leva uma Obra de Arte. Sala 2-3 Anos. Ano letivo 2015-2016. Educadora: Teresa Barata Projecto Educativo Onde nos leva uma Obra de Arte Ano letivo 2015-2016 Educadora: Teresa Barata Educação em Creche Introdução A Educação em Creche tem como finalidade principal satisfazer as necessidades

Leia mais

Para quê se lê. Para ler são necessárias algumas estratégias de construção de significados. Conheça algumas:

Para quê se lê. Para ler são necessárias algumas estratégias de construção de significados. Conheça algumas: A turminha da Educação Infantil desenvolve semestralmente os projetos de sala, dentre eles está o Projeto Pequenos Leitores, onde os alunos têm a oportunidade de apreciarem literaturas ricas em valores

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA 1º PERÍODO

PROGRAMAÇÃO DA 3ª ETAPA 1º PERÍODO 1º PERÍODO Prezados pais, Encaminhamos a Programação da 3ª Etapa de 2015, material que serve de apoio para o acompanhamento das habilidades que serão desenvolvidas. Lembramos que este planejamento é flexível

Leia mais

LIVRO DO PROFESSOR LIBRAS 1 O ANO 35. Espaços da escola. Encaminhamento

LIVRO DO PROFESSOR LIBRAS 1 O ANO 35. Espaços da escola. Encaminhamento Atividade 9 Espaços da escola Encaminhamento Leve os alunos para conhecer os espaços da escola: sala de leitura, informática, refeitório, quadra de futebol, parque, etc. Peça para os alunos registrarem

Leia mais

AVALIAÇÃO SEMESTRAL DO ALUNO Maternal I

AVALIAÇÃO SEMESTRAL DO ALUNO Maternal I Departamento Pedagógico Seção de Educação Infantil AVALIAÇÃO SEMESTRAL DO ALUNO Maternal I...a mudança da avaliação é fundamental para que deixe de atrapalhar a prática pedagógica e ajude a qualificá-la.

Leia mais

Casa do Povo de Óbidos - Creche e Jardim de Infância Ano lectivo de 2011/2012 1

Casa do Povo de Óbidos - Creche e Jardim de Infância Ano lectivo de 2011/2012 1 PROJECTO DE VALÊNCIA DE CRECHE Ano lectivo de 2011/2012 1 Índice 1-INTRODUÇÃO... 1 2-PRINCÍPIOS GERAIS E OBJECTIVOS PEDAGÓGICOS DA CRECHE... 2 3-ÁREAS DE CONTEÚDO... 4 3.1 - ÁREA DE FORMAÇÃO PESSOAL E

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 1º PERÍODO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 Unidades/Conteúdos Tempos Oralidade -Escutar para

Leia mais

PROJETO MEIO AMBIENTE E RECICLAGEM. CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL CRESCER

PROJETO MEIO AMBIENTE E RECICLAGEM. CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL CRESCER PROJETO MEIO AMBIENTE E RECICLAGEM. CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL CRESCER PERIODO: JULHO E AGOSTO JUSTIFICATIVA: A educação Ambiental não deve ser tratada como algo distante do cotidiano dos alunos,

Leia mais

PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015

PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015 PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015 TURMA: Nível 3 PERÍODO: 23/02 a 22/05 DISCIPLINA/PROFESSOR/A OBJETIVO CONTEÚDOS Maria Helena Walber Criar desenhos, pinturas, modelagens, colagens a partir do próprio repertório;

Leia mais

COLÉGIO MAGNUM BURITIS

COLÉGIO MAGNUM BURITIS COLÉGIO MAGNUM BURITIS ENSINO FUNDAMENTAL PROGRAMAÇÃO 3ª ETAPA / 2014 MATERNAL III Srs. pais ou responsáveis, caros alunos, Vocês estão recebendo a programação da 3ª Etapa de 2014. Este material serve

Leia mais

COLÉGIO MARISTA SANTA MARIA - EDUCAÇÃO INFANTIL- PROJETO ADAPTAÇÃO: VAI COMEÇAR A BRINCADEIRA

COLÉGIO MARISTA SANTA MARIA - EDUCAÇÃO INFANTIL- PROJETO ADAPTAÇÃO: VAI COMEÇAR A BRINCADEIRA COLÉGIO MARISTA SANTA MARIA - EDUCAÇÃO INFANTIL- PROJETO ADAPTAÇÃO: VAI COMEÇAR A BRINCADEIRA NIVEL 1 TURMAS: 1, 2, 3 E 4. PROFESSORAS: ALINE, DANIELE, JOCELAINE E ROSEMARI. Projeto adaptação: Vivências,

Leia mais

Seus filhos na Pré-Escola

Seus filhos na Pré-Escola Seus filhos na Pré-Escola Petites sections Moyennes sections Grandes sections * "Só podemos dar duas coisas às nossas crianças: raízes e asas." * A nomenclatura brasileira para os anos da pré-escola varia

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL. DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL. DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2013 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE OBJETIVOS GERAIS Desenvolver o pensamento artístico, estético e crítico; Estimular a percepção visual

Leia mais

REFERENCIAL CURRICULAR NACIONAL PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL

REFERENCIAL CURRICULAR NACIONAL PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL REFERENCIAL CURRICULAR NACIONAL PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL Maria dos Prazeres Nunes 1 INTRODUÇÃO No Brasil a expansão da educação ocorre de forma lenta, mas, crescente nas últimas décadas. Com base nas determinações

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2015 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III OBJETIVOS GERAIS Construção da autoimagem e desenvolvimento da autoestima; Reconhecimento e descoberta do próprio

Leia mais

Plano de Trabalho com Projetos - Professor

Plano de Trabalho com Projetos - Professor PREFEITURA DE JARAGUÁ DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL Plano de Trabalho com Projetos - Professor 1. Identificação Escola Municipal de Ensino Fundamental Anna Töwe

Leia mais

GUIA PARA OS PAIS. Ensino fundamental 1º ANO

GUIA PARA OS PAIS. Ensino fundamental 1º ANO GUIA PARA OS PAIS Ensino fundamental 2015 Apresentação O Colégio Itamarati foi fundado em 1988 e desenvolve um trabalho centrado na capacidade de aprendizagem do aluno, em sintonia com as formulações mais

Leia mais

O mundo da gente. Educação Infantil 2 (4 ou 5 anos) Organização da coleção, conteúdos e sugestões de atividades complementares

O mundo da gente. Educação Infantil 2 (4 ou 5 anos) Organização da coleção, conteúdos e sugestões de atividades complementares O mundo da gente Educação Infantil 2 (4 ou 5 anos) Organização da coleção, conteúdos e sugestões de atividades complementares Célia Cúnico Beatriz Müller Maria do Rocio Torres Sônia Marangon Veima Vecchiatto

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL IV - 2012 OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL IV - 2012 OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL IV - 2012 OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Os PCNs indicam como objetivos da Educação Infantil que os alunos sejam capazes de: Expressar, manifestar

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Abril2014

Atividades Pedagógicas. Abril2014 Atividades Pedagógicas Abril2014 I A ADAPTAÇÃO Estamos chegando ao final do período de adaptação do grupo IA e a cada dia conhecemos mais sobre cada bebê. Começamos a perceber o temperamento, as particularidades

Leia mais

EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES

EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ROMEU CORREIA EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES EDUCAÇÃO PRÉ - ESCOLAR Ano Letivo: 2012-2013 Plano Curricular Simplificado Áreas de Conteúdo FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL Domínio

Leia mais

18. (Ausência de resposta).

18. (Ausência de resposta). Na sua opinião, a sua formação inicial contemplou de forma adequada o desenvolvimento de competências profissionais na área das Expressões Artísticas? Respostas Categorias 1. (Ausência de resposta). 2.

Leia mais

A CONSTRUÇÃO DO CURRÍCULO DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE CHAPECÓ SC

A CONSTRUÇÃO DO CURRÍCULO DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE CHAPECÓ SC A CONSTRUÇÃO DO CURRÍCULO DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE CHAPECÓ SC FIGUEIREDO, Anelice Maria Banhara - SME / Chapecó/SC anelicefigueiredo@gmail.com LORENZET, Simone Vergínia - SME

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL. * Título de um livro de Madalena Freire

EDUCAÇÃO INFANTIL. * Título de um livro de Madalena Freire EDUCAÇÃO INFANTIL * Título de um livro de Madalena Freire DE QUE EDUCAÇÃO FALAMOS? Educação bancária x Educação progressista, construtivista O ato de educar éum constante processo de libertaçãoda humanidade.

Leia mais

Oficina 18: TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO. Introdução

Oficina 18: TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO. Introdução Oficina 18: TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO Introdução Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) o conteúdo Tratamento da Informação, deve ser trabalhado de modo que estimule os alunos a fazer perguntas,

Leia mais

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio.

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio. MÚSICA A música é uma linguagem expressiva importante a ser incentivada desde os primeiros anos de vida. O trabalho com música na escola de Educação Infantil deve respeitar as diferenças regionais e suas

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo Linguagem Letras do alfabeto Nome próprio, nome da escola, histórias Nome das profissões, histórias, músicas Histórias, nome das plantas Histórias em quadrinho, brincadeiras, nome dos brinquedos Nome dos

Leia mais

3. Projetos de Trabalho

3. Projetos de Trabalho As propostas de organização curricular para os eixos de trabalho apresentados não devem restringir a criatividade e as decisões pedagógicas de cada escola ou educador, uma vez que as mesmas abrem possibilidades

Leia mais