Edital de Seleção Pública de Projetos Sociais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Edital de Seleção Pública de Projetos Sociais"

Transcrição

1

2 Disposições Gerais As inscrições dos projetos serão aceitas com a entrega física do projeto, acompanhado de CD ROM com a versão digitalizada, nos escritórios das Regionais da CEMAR (relação ANEXO I), ou por meio do site da CEMAR ( ou pelo Regional CEMAR Norte: Alameda A, Quadra SQS, Loteamento Quintadinha, n 100, Altos do Calhau, São Luis MA Cep: Regional CEMAR Centro: Br 316, Km 361, Nº 132, Bacabal MA - Cep: Regional CEMAR Sul: Rodovia Br 010, Km 01, S/N, Imperatriz MA. Cep: Regional CEMAR Leste: Praça São José Nº 08 Centro - Timon MA Cep: Data de inicio 07/03/2013 Data Final: 19/04/ 2013 Passo a passo do envio dos projetos Opção - Anexar Formulário de Apresentação de Projetos e Planilha Orçamentária Anexo II - Anexar todos os documentos necessários Anexo III - Inserir no assunto do Projeto [NOME DA INSTITUIÇÃO] - Aguardar de confirmação contendo o número para acompanhamento. Caso não receba em até 3 dias úteis, entre em contato pelos telefones: (98) ou Opção Entrega Física - Imprimir a planilha descritiva e orçamentária - Imprimir toda a documentação relacionada - Salvar a versão do projeto com planilhas descritiva e orçamentária em CD ROM - Entregar projeto físico acompanhado de CD Rom em envelope identificado com o assunto Projeto Social para Seleção em um dos endereços descritos acima (municípios segundo a regional no Anexo I) - Recebimento de protocolo no ato da entrega. Neste protocolo constará um número para acompanhamento.

3 1 Apresentação A Companhia Energética do Maranhão CEMAR, por meio do seu Programa de Responsabilidade Socioambiental, torna público que abre seu primeiro Edital para Seleção de Projetos Sociais 2013/14, que visa a concessão de Patrocínio para projetos socioambientais, a serem realizados no Estado do Maranhão, em conformidade com as condições e exigências estabelecidas neste Edital. 2- Objetivo 2.1 Apoiar ações socioambientais propostas por organizações sem fins lucrativos da sociedade que visem sustentabilidade, nas suas dimensões econômica, social e ambiental. 2.2 Selecionar até 8 (oito) projetos de reforma/ construção e ou compra de equipamentos em todo o Maranhão para Investimento Social da CEMAR. Sendo escolhidos 02 (dois) projetos por Regional Administrativa da CEMAR (Leste, Norte, Centro e Sul).(Lista de Munícipios por regional no anexo I). 3 Geral 3.1 O PROPONENTE deve seguir, rigorosamente, as Instruções. A não observância de quaisquer de suas disposições poderá levar à desclassificação do PROJETO, independentemente dos motivos que possam ser alegados. 3.2 É de responsabilidade do PROPONENTE certificar-se, periodicamente, quanto a emissão de eventuais avisos, mudanças e/ou esclarecimentos sobre este EDITAL, os quais serão disponibilizados no Site da CEMAR ( no link SUSTENTABILIDADE EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. É importante que o PROPONENTE acesse o referido Site previamente à inscrição do PROJETO Não será aceita, em nenhuma hipótese, a inscrição e entrega do PROJETO de forma diferente do previsto nas instruções estabelecidas neste EDITAL. A correção de eventual erro deverá ser feita somente via internet, através de uma nova inscrição do mesmo projeto. 3.4 A inscrição do PROJETO poderá ser mediante a entrega do projeto digitado e impresso em uma única cópia, acompanhado de CD ROM com a versão digitalizada, nas sedes Administrativas da CEMAR, ou pela Internet conforme definido nestas instruções.

4 3.5 Não será aceito, em nenhuma hipótese, a inclusão de documentos e/ou anexos para compor o PROJETO, diferente do previsto nestas instruções ou após o encerramento do prazo de publicação do EDITAL. 3.6 Os direitos autorais relativos a estudos, relatórios, vídeos e outros produtos intelectuais afins ao projeto e nele utilizados serão considerados propriedade dos autores. A CEMAR reserva-se ao direito de utilizar essas obras, no todo ou em parte, na divulgação do programa e na disseminação dos métodos e estratégias empregados no projeto, respeitadas as disposições referentes aos direitos de autor. 3.7 A CEMAR não se responsabilizará pelo fornecimento de inconsistente para a comunicação com o PROPONENTE durante o período de avaliação e/ou seleção dos PROJETOS. É de responsabilidade do PROPONENTE verificar seus s diariamente, bem como sua pasta de SPAM e dar o retorno nos prazos estipulados. 4 Recursos Disponíveis 4.1 A CEMAR disponibilizará para o ano de 2013 e 2014 a importância de R$ ,00 (dois milhões de reais) para investimento em projetos sociais com recursos próprios. 4.2 Fica a critério da CEMAR aumentar ou diminuir a quantidade de projetos, podendose chegar até 08 (oito) projetos. 4.3 Não será realizado nenhum tipo de repasse financeiro ao projeto selecionado. A CEMAR será responsável pela administração do recurso e execução da obra e compra de itens necessários, segundo orçamento do projeto selecionado e diálogo com o PROPONENTE beneficiado. 4.4 Cada projeto inscrito deverá apresentar um orçamento máximo de R$ ,00 (duzentos e cinquenta mil reais). 4.5 A critério da CEMAR o projeto poderá ser patrocinado no seu valor total de até R$ ,00 (duzentos e cinquenta mil reais) ou parcial. 5 Condições de Participação 5.1 A participação no processo de seleção é totalmente gratuita. 5.2 A evolução do processo de seleção será divulgada somente no site e por meio da Assessoria de Imprensa da CEMAR. 5.3 Poderão participar do presente Edital de Seleção apenas pessoas jurídicas, que

5 sejam organizações sem fins lucrativos e estejam regularmente constituídas e legalizadas há, pelo menos, um ano. 5.4 A inscrição deverá ser feita pelo representante legal do PROPONENTE ou por seu procurador autorizado na forma de seu Estatuto Social. 5.5 O simples ato de inscrição no processo de seleção deste Edital tem caráter de adesão do PROPONENTE, de forma irrevogável e irretratável, a todas as regras deste Edital. 5.6 A participação no processo de seleção também implica na responsabilização pessoal e intransferível dos PROPONENTES e/ou seus representantes legais, no que se refere à veracidade das informações fornecidas à CEMAR. 5.7 A CEMAR não se responsabilizará pelas inscrições que não forem completadas por problemas de servidor, de transmissão de dados, de linha telefônica ou em provedores de acesso dos usuários, seja por casos fortuitos ou de força maior, bem como aquelas inscrições que apresentarem dados incorretos, incompletos ou inverídicos, sendo que estas serão automaticamente eliminadas na Primeira Etapa Seleção Inicial, cabendo ao PROPONENTE assegurar-se do correto envio da inscrição Não são passíveis de patrocínio os PROJETOS: a) ilegais ou que prejudiquem a imagem da Empresa; b) que estimulem o uso de álcool ou de outras drogas; c) que incentivem qualquer forma de violência; d) que causem ou possam vir a causar impacto socioambiental negativo; e) de cunho religioso e/ou político-partidário; f) ligados a jogos de azar e/ou especulativos; g) de natureza discriminatória; h) que provoquem maus tratos a animais; i) Fora do Estado do Maranhão. 5.9 Não serão admitidos para análise, projetos sociais propostos por: j) proponentes que não desfrutem de idoneidade fiscal e creditícia; k) colaboradores da CEMAR e parentes dos colaboradores, com grau de parentesco até terceiro grau; n) proponentes de projetos de patrocínio que estejam inadimplentes junto à administração pública e/ou junto a CEMAR; p) organizações sindicais.

6 6 Processo de Inscrição 6.1 Recomendações passo a passo para o PROPONENTE fazer a INSCRIÇÃO do projeto na INTERNET. a) Acesse link CEMAR SUSTENTABILIDADE EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS, e faça o download (baixar) do edital e leia atentamente. Em caso de dúvidas, o PROPONENTE poderá solicitar esclarecimentos pelo ou pelos telefones (98) ou b) Faça download dos formulários (Anexos I, II, III, IV) e salve em área segura do seu computador. d) Levante toda a documentação exigida (Anexo III). Preencha o Formulário de Apresentação do Projeto (Anexo II) com auxílio do Roteiro de Apresentação de Projetos (Anexo IV). Os campos do Formulário de Apresentação do Projeto (Anexo II) foram propositadamente limitados em quantidade de linhas especificados no mesmo. Portanto, cada tópico deverá ser preenchido de forma objetiva e sucinta. Utilize a metodologia do Roteiro de Apresentação de Projetos (Anexo IV). Faça, em seguida, o preenchimento da planilha orçamentária, detalhando todos os gastos da proposta do projeto. 7 Categorias de projetos 7.1 O presente edital é voltado para Projetos que envolvam Obras civis destinadas à instalação, expansão, reforma e outras benfeitorias e/ou Aquisição de máquinas, equipamentos e materiais permanentes Os projetos não deverão gerar nenhum custo adicional além daquele proposto no projeto aprovado. A CEMAR não se responsabilizará pela manutenção posterior à obra realizada. O PROPONENTE deverá comprovar a sustentabilidade do projeto inscrito. 7.3 Os projetos aprovados serão acompanhados pela equipe técnica da CEMAR em parceria com os representantes das regionais, por meio de ferramentas específicas, alinhadas aos indicadores gerais de resultados do Investimento Social da CEMAR. 7.4 Estão aptos a se inscrever os projetos em fase de planejamento ou em andamento, em uma das áreas de atuação abaixo: Educação: Reforma ou Construção de escolas e creches comunitárias; Reforma de áreas de convivência social (centros comunitários culturais, dentre

7 outros...); Construção de brinquedotecas, centros de capacitação, dentre outros; Compra de Equipamentos e Mobiliários Geração de Renda: Projetos de empreendedorismo comunitário que possibilitem a criação de novas unidades produtivas e a expansão das já existentes; Projetos de empreendedorismo ambiental que contemplem reciclagem; Projetos que já tenham histórico de indicadores de pelo menos 1 (um) ano. Não serão apoiados projetos em fase de concepção. 7.5 Todos os projetos deverão apresentar documentação exigida (ANEXO III). O não envio da documentação junto ao Formulário de Apresentação de Projetos (Anexo II) desclassificará o projeto. 8- Contrapartidas 8.1 O PROPONENTE terá que permitir a instalação de placas ou material publicitário similar que registre a participação da CEMAR no projeto. 8.2 A CEMAR reserva-se o direito de utilizar, quando julgar oportuno, produtos, imagens, fotos e vídeos dos participantes do projeto em suas ações de comunicação, sem quaisquer ônus, consoantes os termos contratuais referentes aos direitos de autor. 8.3 Os termos contratuais entre o representante legal do projeto e os autores que o conceberam devem contemplar a extensão da cessão de direito de utilização de imagens e produtos para as ações de comunicação da CEMAR. 9 Avaliação e Seleção dos Projetos 9.1 Os PROJETOS serão avaliados segundo as etapas e critérios descritos a seguir: Primeira Etapa A Triagem da Primeira fase terá caráter eliminatório Nessa etapa serão verificadas a documentação enviada e o formato de apresentação do projeto. A documentação será analisada em relação à legislação e aos requisitos do EDITAL Segunda Etapa - Triagem qualitativa Triagem composta por equipe multidisplicinar composta por Comitê Interno da CEMAR, representantes da sociedade civil organizada que tenham competência

8 técnica e representatividade na sociedade Terceira etapa - Visita Técnica Serão selecionados até 24 (vinte e quatro) projetos para serem visitados pela equipe da Área de Responsabilidade Social, onde as visitas atestarão a veracidade das informações recebidas. Os projetos com melhor avaliação serão selecionados para fase final. Até 16 (dezesseis) projetos passarão para a Fase Final Etapa Final A Presidência, juntamente coma Diretoria da CEMAR, elegerão os projetos aprovados para Financiamento PONTUAÇÃO 10.1 Os PROJETOS serão avaliados pelos seguintes critérios: Alinhamento às Diretrizes: Alinhamento aos objetivos e ao foco do Investimento Social da CEMAR. Relevância Social: apresenta diagnóstico social que justifique a sua atuação e o grau de importância e abrangência em relação ao atendimento das necessidades e prioridades da comunidade para a inclusão social. Viabilidade: dispõe de equipe técnica, capacidade operacional e institucional viáveis, em relação ao objetivo proposto, contando com outros recursos financeiros próprios ou de parceiros. Potencial de Continuidade: conta com parcerias de outros setores/empresas ou desenvolve alternativas para a manutenção/continuidade do projeto. Avaliação de Processos e Resultados: apresenta indicadores para o monitoramento e avaliação do processo e dos resultados. 11 Divulgação do Resultado da Avaliação 11.1 A divulgação dos projetos selecionados para Investimento Social será feita no site da CEMAR, até o dia 20/08/ Serão selecionados até 08 (Oito) projetos para serem executados até Novembro de A comunicação aos PROPONENTES dos PROJETOS desclassificados será de forma individual, via eletrônico. Caso a instituição não tenha , a comunicação

9 será feita via telefone válido Os Projetos classificados e não selecionados para Investimento, por insuficiência orçamentária, ficarão arquivados em nosso banco de dados, por um período de 24 (vinte e quatro) meses, para o caso de novas oportunidades de financiamentos da empresa. 12 Formalização do Investimento Realizado 12.1 Os Projetos Sociais aprovados para Investimento da CEMAR serão formalizados por Convênio garantindo a efetividade e cumprimento do projeto aprovado, com os ajustes necessários entre PROPONENTE E CEMAR. 13 Relação de Anexos Anexo I Relação de Municípios por Regional Administrativa da CEMAR Anexo II Formulário de Apresentação de Projetos (planilhas descritiva e orçamentária) Anexo III Documentação Exigida Anexo IV - Roteiro de Apresentação de Projetos

Disposições Gerais. Atenção para o prazo de inscrição. Data de inicio 11/01/2016. Data Final: 29/01/2016. Passo a passo do envio dos projetos

Disposições Gerais. Atenção para o prazo de inscrição. Data de inicio 11/01/2016. Data Final: 29/01/2016. Passo a passo do envio dos projetos Disposições Gerais As inscrições dos projetos serão aceitas com a entrega física do projeto com plano de trabalho, planilha orçamentária, folha de apresentação à Cemar e certificado de mérito ou protocolo

Leia mais

Edital. Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância

Edital. Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância Edital Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância 1. OBJETIVO 1.1. Este edital tem o objetivo de apoiar financeiramente projetos de extensão universitária voltados a ações para o desenvolvimento

Leia mais

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 1. APRESENTAÇÃO 1.1. O Instituto Consulado da Mulher, ação social da marca Consul, torna público que estão abertas as

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO O Instituto Telemar, torna público, para conhecimento dos interessados, que

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. As presentes disposições visam regulamentar o Programa Parceiros em Ação, instituído pela Área de Responsabilidade Social do BANCO

Leia mais

11º Mostra de Ações Socioambientais 2015 REGULAMENTO

11º Mostra de Ações Socioambientais 2015 REGULAMENTO Centro das Indústrias do Estado de São Paulo Grupo de Trabalho de Meio Ambiente - GTMA Grupo de Trabalho em Responsabilidade Social GTRS Diretoria Regional em Jacareí 11º Mostra de Ações Socioambientais

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO

PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO Criado em 2006, o é responsável por gerenciar o investimento social do Grupo HSBC Brasil e tem como missão contribuir para o desenvolvimento

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA DE CONVÊNIOS Nº 01/2015

CHAMADA PÚBLICA DE CONVÊNIOS Nº 01/2015 CHAMADA PÚBLICA DE CONVÊNIOS Nº 01/2015 OBJETO: Este Edital de Chamada Pública visa à seleção de propostas de convênio a serem celebradas com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Goiás (CAU/GO), que

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014 EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014 1. DO OBJETO 1.1. O presente edital tem por objeto realizar uma chamada pública nacional para seleção de projetos sociais. O edital destina-se às organizações

Leia mais

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais, e CAPÍTULO I DO FUNDO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 4139, DE 11 DE SETEMBRO DE 2013. Regulamenta o Fundo Municipal de Esporte e Lazer e o Incentivo ao Esporte e Lazer e dá outras providências. O PREFEITO DE GOIÂNIA, no

Leia mais

Programa CRM de Patrocínios. Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2

Programa CRM de Patrocínios. Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2 Programa CRM de Patrocínios Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2 1. OBJETO 1.1 A CRM COMPANHIA RIOGRANDENSE DE MINERAÇÃO torna público, para conhecimento dos interessados, que receberá inscrições

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Para Seleção de Projetos Sociais Para Patrocínio da ELETROSUL

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Para Seleção de Projetos Sociais Para Patrocínio da ELETROSUL EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Para Seleção de Projetos Sociais Para Patrocínio da ELETROSUL A ELETROSUL - Centrais Elétricas S.A., por intermédio da Assessoria de Responsabilidade Social - ARS, torna público

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica

REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica 1. O PRÊMIO O Prêmio CISER de Inovação Tecnológica, doravante denominado PRÊMIO, promovido pela Cia. Industrial H. Carlos Schneider (CISER),

Leia mais

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento.

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento. PROGRAMA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS FUNDEP REGULAMENTO PARA CADASTRAMENTO DE PROJETOS UFMG A Fundep//Gerência de Articulação de Parcerias convida a comunidade acadêmica da UFMG a cadastrar propostas de acordo

Leia mais

PREFEITURA DE MACAPÁ FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA

PREFEITURA DE MACAPÁ FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA PREFEITURA DE MACAPÁ FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA EDITAL Nº 01/2015 FUMCULT- PMM SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ESPETÁCULOS DE TEATRO PARA O PROJETO CIRCUITO NATALINO 2015 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAPÁ, através

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 Instituto Marca de Desenvolvimento Socioambiental - IMADESA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 >> Leia com atenção o Edital antes de preencher o formulário para apresentação de projetos. I.

Leia mais

POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE

POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE A Política de Patrocínio da Cagece que compreende o apoio financeiro concedido a projetos institucionais, culturais, sociais, ambientais e esportivos de iniciativa de terceiros,

Leia mais

Programa de Patrocínio das Empresas Eletrobras a Eventos do Setor Elétrico 2016

Programa de Patrocínio das Empresas Eletrobras a Eventos do Setor Elétrico 2016 Programa de Patrocínio das Empresas Eletrobras a Eventos do Setor Elétrico 2016 Edital de Seleção Pública de Patrocínio a Eventos do Setor Elétrico Programa de Patrocínio das Empresas Eletrobras a Eventos

Leia mais

REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009. Mídias Locativas

REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009. Mídias Locativas REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009 Mídias Locativas O Edital Mídias Locativas Vivo arte.mov 2010 é uma iniciativa do arte.mov Festival Internacional de Arte em Mídias Móveis Projeto aprovado

Leia mais

Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação

Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação EDITAL 003/2011 1º. Circuito de Residências de Arte, Tecnologia e Educação Telinha de Cinema #ResTelinha# 1. Objeto

Leia mais

R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014

R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014 R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014 O Grupo Educacional Opet, por meio de mídias eletrônicas divulga o Regulamento do Concurso Cultural O

Leia mais

REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA

REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA Este documento descreve as práticas gerais de uso do PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA do Grupo Paranaense de Comunicação, administrado pelo Instituto GRPCOM. O PROJETO

Leia mais

Novas Formas de Aprender e Empreender

Novas Formas de Aprender e Empreender Novas Formas de Aprender e Empreender DÚVIDAS FREQUENTES 1. Sobre o Prêmio Instituto Claro, Novas Formas de Aprender e Empreender 1.1. O que é o Prêmio? O Prêmio Instituto Claro Novas Formas de Aprender

Leia mais

b) Descrição, objetivo e justificativa do projeto, apresentando detalhadamente o conjunto de ações a ser realizado e cronograma físico-financeiro;

b) Descrição, objetivo e justificativa do projeto, apresentando detalhadamente o conjunto de ações a ser realizado e cronograma físico-financeiro; EDITAL DE OCUPAÇÃO DA CASA DA LEITURA / 2015 Dúvidas frequentes: 1) Quem pode participar? Resposta: Estão habilitadas a participar do EDITAL DE OCUPAÇÃO DA CASA DA LEITURA 2015, empresas de produções artísticas,

Leia mais

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO O DIRETOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS, nomeado pela

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. DA ATUAÇÃO

1. APRESENTAÇÃO 2. DA ATUAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO Cooperativa é uma sociedade de pessoas, com forma e caráter jurídico próprio, de natureza civil, constituídas para prestar serviços aos cooperados. Sua missão é promover a qualidade de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIRETORIA DE INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO EDITAL DE APOIO À INOVAÇÃO 2015 A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE),

Leia mais

EDITAL PROPPI Nº 012/2015 APOIO A PROJETOS COOPERATIVOS DE PESQUISA APLICADA, DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO.

EDITAL PROPPI Nº 012/2015 APOIO A PROJETOS COOPERATIVOS DE PESQUISA APLICADA, DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO. EDITAL PROPPI Nº 012/2015 APOIO A PROJETOS COOPERATIVOS DE PESQUISA APLICADA, DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO. O Pró-Reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA EDITAL DE ABERTURA PROGRAD Nº 19 DE 26 DE ABRIL DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA VAGA DE SUPORTE TÉCNICO AVA NA EQUIPE MULTIDISCIPLINAR DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UFGD A PRÓ-REITORA DE ENSINO

Leia mais

Rua Deputado Antônio Edú Vieira, 999 - Bairro: Pantanal - CEP 88.040-901 - Florianópolis-SC - Site: www.eletrosul.gov.br

Rua Deputado Antônio Edú Vieira, 999 - Bairro: Pantanal - CEP 88.040-901 - Florianópolis-SC - Site: www.eletrosul.gov.br A ELETROSUL - Centrais Elétricas S.A., através da Assessoria de Responsabilidade Social - ARS, torna público que realizará Chamada Pública para Patrocínios de Projetos Sociais, conforme instruções deste

Leia mais

PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO

PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO Art. 1º O Prêmio EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS,

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O R E G U L A M E N T O S Ã O L U Í S / 2 0 1 6 A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) por meio da Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Empreendedorismo (PROEXCE) - Departamento de Assuntos Culturais (DAC),

Leia mais

EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016

EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016 EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016 A Universidade Regional de Blumenau, através da Divisão de Cultura, comunica que

Leia mais

1. CONCEITOS 2. DOS OBJETIVOS DA PRÉ-INCUBAÇÃO

1. CONCEITOS 2. DOS OBJETIVOS DA PRÉ-INCUBAÇÃO Instituto Federal do Espírito Santo IFES Programa de pré-incubação do Núcleo Incubador Campus Colatina e Itapina Edital de Seleção de Empreendimentos de Base Tecnológica - Nº 01/2014 Os Diretores Gerais

Leia mais

EDITAL DE SUBMISSÃO DE TRABALHOS E RODAS DE CONVERSA DO II COIMAMA

EDITAL DE SUBMISSÃO DE TRABALHOS E RODAS DE CONVERSA DO II COIMAMA EDITAL DE SUBMISSÃO DE TRABALHOS E RODAS DE CONVERSA DO II COIMAMA 1. DO OBJETIVO E ORGANIZAÇÃO 1.1. O presente concurso tem como objetivo incentivar a participação dos acadêmicos e profissionais da saúde

Leia mais

SELO DE MÉRITO ABC/FNSHDU EDIÇÃO 2014

SELO DE MÉRITO ABC/FNSHDU EDIÇÃO 2014 SUMÁRIO ITEM SUMÁRIO 1 1. DOS OBJETIVOS 2 2. DAS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO E DA PREMIAÇÃO 2 3. DO PROCEDIMENTO DA INSCRIÇÃO 3 4. DAS CATEGORIAS 3 4.1 Projetos de impacto regional, com foco em ações de

Leia mais

MÉRITO LOJISTA 2014. 1.2. A ação ocorre na cidade de Bento Gonçalves, no período de 15 de fevereiro a 9 de abril de 2015.

MÉRITO LOJISTA 2014. 1.2. A ação ocorre na cidade de Bento Gonçalves, no período de 15 de fevereiro a 9 de abril de 2015. MÉRITO LOJISTA 2014 Considerações: Tradicional reconhecimento ao empreendedorismo no setor, o Prêmio Mérito Lojista é uma promoção da Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves que visa a distinguir

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA INCUBADORA TECNOLÓGICA E DO AGRONEGÓCIO DE MOSSORÓ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA INCUBADORA TECNOLÓGICA E DO AGRONEGÓCIO DE MOSSORÓ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA INCUBADORA TECNOLÓGICA E DO AGRONEGÓCIO DE MOSSORÓ CHAMADA Nº. 01/2016 IAGRAM A Incubadora Tecnológica

Leia mais

EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN)

EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) A Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação do Instituto Federal do Paraná (IFPR),

Leia mais

EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS

EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS EDITAL FAPESB 002/2013 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E/OU TECNOLÓGICOS A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia FAPESB, no uso das suas atribuições, torna público o presente Edital

Leia mais

EDITAL DE PROJETOS INSTITUTO LOJAS RENNER E ONU MULHERES - 2016

EDITAL DE PROJETOS INSTITUTO LOJAS RENNER E ONU MULHERES - 2016 EDITAL DE PROJETOS INSTITUTO LOJAS RENNER E ONU MULHERES - 2016 1. DO OBJETO 1.1. O presente edital tem por objeto realizar uma chamada pública nacional para a seleção de projetos que contribuam para o

Leia mais

Tipo de Documento: Documentos do SGQ Data de Emissão: 25/08/2010 Data de revisão: 12/01/2016

Tipo de Documento: Documentos do SGQ Data de Emissão: 25/08/2010 Data de revisão: 12/01/2016 Página 1 de 8 EDITAL Nº 02/2016 A INCIT - Incubadora de Empresas de Base Tecnológica de Itajubá torna público que estarão abertas às inscrições para o processo seletivo de novas startups para o Programa

Leia mais

II Chamada Pública de Projetos Comunitários No. 1/2016

II Chamada Pública de Projetos Comunitários No. 1/2016 II Chamada Pública de Projetos Comunitários No. 1/2016 A Tabôa Fortalecimento Comunitário é uma entidade sem fins lucrativos que fomenta o empreendedorismo e o fortalecimento das organizações de base comunitária.

Leia mais

PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013

PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013 PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013 A MINISTRA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE, no uso de suas atribuições, e tendo em vista o disposto na Lei nº 10.683, de 28 de maio de 2003, Decreto nº 6.101, de

Leia mais

XIV FESTIVAL DE MÚSICA EDUCADORA FM EDITAL Nº /2016

XIV FESTIVAL DE MÚSICA EDUCADORA FM EDITAL Nº /2016 1 CONCURSO PARA PREMIAÇÃO DE OBRAS MUSICAIS INÉDITAS E GRAVADAS XIV FESTIVAL DE MÚSICA EDUCADORA FM EDITAL Nº /2016 O IRDEB INSTITUTO DE RADIODIFUSÃO EDUCATIVA DA BAHIA, fundação pública vinculada à SEC

Leia mais

Edital de Pauta Galeria do MABEU 2013

Edital de Pauta Galeria do MABEU 2013 Edital de Pauta Galeria do MABEU 2013 EDITAL DE PAUTA GALERIA DO MABEU/CCBEU 2013 O presente Edital tem por objeto a seleção pública de projetos para EXPOSIÇÕES na Galeria de Artes do MABEU. As inscrições

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 008 2014. OBJETO: Credenciamento de Examinadores

ATO CONVOCATÓRIO 008 2014. OBJETO: Credenciamento de Examinadores ATO CONVOCATÓRIO 008 2014 OBJETO: Credenciamento de Examinadores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de

Leia mais

EDITAL PÚBLICO DE SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIOAMBIENTAIS TAM 2012

EDITAL PÚBLICO DE SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIOAMBIENTAIS TAM 2012 EDITAL PÚBLICO DE SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIOAMBIENTAIS TAM 2012 Ao longo dos últimos anos, a TAM Linhas Aéreas S/A ( TAM ) vem estruturando seu investimento socioambiental de forma a concentrar esforços

Leia mais

ALDEIA SOLIDÁRIA REGULAMENTO

ALDEIA SOLIDÁRIA REGULAMENTO ALDEIA SOLIDÁRIA REGULAMENTO 1. Apresentação 1.1. Conceitos Gerais O projeto Aldeia Solidária é uma ação de Responsabilidade Social do Aldeia das Águas Park Resort. A empresa entende a necessidade de promover

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 045/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 045/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 045/2015 Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Brasil UNISOL, entidade sem fins econômicos, com sede

Leia mais

Programa de Auxílio à Pós-Graduação Stricto Sensu Acadêmico Notas Capes 5 e 6

Programa de Auxílio à Pós-Graduação Stricto Sensu Acadêmico Notas Capes 5 e 6 Chamada Pública 17/2014 Programa de Auxílio à Pós-Graduação Stricto Sensu Acadêmico Notas Capes 5 e 6 Acordo Capes/Fundação Araucária A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Leia mais

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO Sumário 1. O EDITAL... 2 1.1. Natureza e objetivos... 2 1.2. Princípios orientadores... 2 1.3. Foco temático do edital... 2 2. QUEM PODE PARTICIPAR...

Leia mais

POLÍTICA DE APOIO A PROJETOS SOCIAIS

POLÍTICA DE APOIO A PROJETOS SOCIAIS sicoobcentro.com.br POLÍTICA DE APOIO A PROJETOS SOCIAIS Cooperativa de Crédito *Esta Política de Apoio a Projetos Sociais é baseada no projeto da Cooperativa Sicoob Credip* ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO...3

Leia mais

REGULAMENTO Concurso Cultural "Primeiros Passos

REGULAMENTO Concurso Cultural Primeiros Passos REGULAMENTO Concurso Cultural "Primeiros Passos O concurso cultural denominado Primeiros Passos" é promovido pelas BRASSCOM - Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação,

Leia mais

5 As duplas candidatas deverão realizar as inscrições nas Secretarias da Uniguaçu, no valor de R$ 40,00, no período de 19 de agosto a 05 de setembro

5 As duplas candidatas deverão realizar as inscrições nas Secretarias da Uniguaçu, no valor de R$ 40,00, no período de 19 de agosto a 05 de setembro REGULAMENTO AVOZ Regulamento para inscrição dos candidatos que participarão do Concurso de Interpretes Musicais, intitulado A voz, em comemoração aos 13 anos das Faculdades Integradas Vale do Iguaçu (Uniguaçu),

Leia mais

1.2.1. O Concurso é aberto a todos os participantes inscritos no Congresso Eventos Brasil, sem limite de idade.

1.2.1. O Concurso é aberto a todos os participantes inscritos no Congresso Eventos Brasil, sem limite de idade. CONCURSO DE FOTOGRAFIA REGULAMENTO Tema do Concurso: A Vida é um Evento 1. O CONCURSO 1.1. DA REALIZAÇÃO 1.1.1 O Concurso de Fotografias da ABEOC Brasil tem caráter exclusivamente cultural, sem qualquer

Leia mais

1. DA AUTORIZAÇÃO 2. DO OBJETO

1. DA AUTORIZAÇÃO 2. DO OBJETO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES SECRETARIA DE INCLUSÃO DIGITAL AVISO DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 02, DE 4 DE OUTUBRO DE 2012 PROGRAMA COMPUTADORES PARA INCLUSÃO A União, por intermédio da Secretaria de Inclusão

Leia mais

7º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIAS COOPEREMBRAER Tema: Olímpiadas 2016 Meu esporte favorito é... REGULAMENTO

7º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIAS COOPEREMBRAER Tema: Olímpiadas 2016 Meu esporte favorito é... REGULAMENTO 7º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIAS COOPEREMBRAER Tema: Olímpiadas 2016 Meu esporte favorito é.... REGULAMENTO A Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da Embraer comunica a todos os seus associados,

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014

CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014 CHAMADA PÚBLICA DE PATROCÍNIO Nº 01/2014 DO OBJETO: Esta Chamada Pública de Patrocínio visa à seleção de projetos a serem patrocinados pelo CAU/BR, que sejam relevantes para o desenvolvimento da Arquitetura

Leia mais

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. O Programa Calendário Cultural edição 2015 é uma iniciativa da Fundação FEAC, desenvolvida pelo Escritório de Projetos,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC EDITAL

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC EDITAL UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA NUEC EDITAL A Universidade Federal Fluminense (UFF), por intermédio da Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) e do

Leia mais

REGULAMENTO DO DESAFIO ESCOLAR ESCOLA SOLIDÁRIA DO TRANSFORMA

REGULAMENTO DO DESAFIO ESCOLAR ESCOLA SOLIDÁRIA DO TRANSFORMA REGULAMENTO DO DESAFIO ESCOLAR ESCOLA SOLIDÁRIA DO TRANSFORMA Promovido pelo Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016, associação civil, de natureza desportiva, com sede na Rua Ulysses Guimarães

Leia mais

COOPERATIVA AGROPECUÁRIA FAMILIAR DE CANUDOS, UAUÁ E CURAÇÁ Edital concurso cultural de Literatura de Cordel 7º Festival Regional do Umbu

COOPERATIVA AGROPECUÁRIA FAMILIAR DE CANUDOS, UAUÁ E CURAÇÁ Edital concurso cultural de Literatura de Cordel 7º Festival Regional do Umbu Edital concurso cultural de Literatura de Cordel 7º Festival Regional do Umbu 1. PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO 1.1 A Cooperativa Agropecuária Familiar de Canudos, Uauá e Curaçá (COOPERCUC), promove durante o 7º

Leia mais

EDITAL Associação Aliança Empreendedora Projeto Geração Empreendedora 1/2014

EDITAL Associação Aliança Empreendedora Projeto Geração Empreendedora 1/2014 EDITAL Associação Aliança Empreendedora Projeto Geração Empreendedora 1/2014 EDITAL PARA TRANSMISSÃO DE METODOLOGIA DE APOIO A MICROEMPREENDEDORES INDIVIDUAIS A Aliança Empreendedora é uma organização

Leia mais

Política de Associação

Política de Associação Política de Associação Constam a seguir as orientações e os termos que definem a relação entre os associados e a Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação. 1. Informações Gerais A Rede Brasileira de

Leia mais

[ Das condições de participação ] 5ª edição / 2011

[ Das condições de participação ] 5ª edição / 2011 5ª edição / 2011 EDITAL DO Programa Liz de Doação e Patrocínio Sonhar, planejar, executar e crescer, esses são os ingredientes necessários para que um projeto se torne realidade e a Empresa de Cimentos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL A unidade nacional do Sescoop Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo, personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA O presente documento tem como objetivo disponibilizar a divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC Santa Catarina para regulamentação dos

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016

CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016 CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CARGO TEMPORÁRIO DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO PARA ATUAR

Leia mais

CONVOCATÓRIA PARA O PROGRAMA TEMPORADA DE PROJETOS 2016

CONVOCATÓRIA PARA O PROGRAMA TEMPORADA DE PROJETOS 2016 CONVOCATÓRIA PARA O PROGRAMA TEMPORADA DE PROJETOS 2016 A Temporada de Projetos do Paço das Artes, um dos programas mais importantes da instituição, abre a Convocatória 2016. A Temporada é um espaço aberto

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria do Turismo, Esporte e do Lazer Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul - FUNDERGS

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria do Turismo, Esporte e do Lazer Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul - FUNDERGS EDITAL Nº 03/2015 PEQUENAS OBRAS E REFORMAS EM GINÁSIOS ESPORTIVOS, CANCHAS, QUADRAS ESPORTIVAS, ESTÁDIOS, CAMPOS DE FUTEBOL E OUTROS ESPAÇOS DESTINADOS À PRÁTICA DE ESPORTES E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE MACAÉ FUNEMAC SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE MACAÉ FUNEMAC SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA EDITAL N 06/2016 DE SELEÇÃO DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº. 06/2016 CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 05/2016 A FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE MACAÉ, instituição municipal de ensino superior, fundação pública,

Leia mais

REGULAMENTO DO 44º SALÃO DE ARTE CONTEMPORÂNEA LUIZ SACILOTTO

REGULAMENTO DO 44º SALÃO DE ARTE CONTEMPORÂNEA LUIZ SACILOTTO REGULAMENTO DO 44º SALÃO DE ARTE CONTEMPORÂNEA LUIZ SACILOTTO O Secretário de Cultura e Turismo no uso de suas atribuições legais e considerando as disposições da Lei Municipal nº 5.901/82 e posteriores

Leia mais

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP 2015 ÍNDICE 1. Introdução... 2 2. Dos Objetivos Específicos... 2 3. Dos Envolvidos

Leia mais

REGULAMENTO 6 Prêmio ANTF de Fotografia - 2011

REGULAMENTO 6 Prêmio ANTF de Fotografia - 2011 REGULAMENTO 6 Prêmio ANTF de Fotografia - 2011 1. Objetivo: O 6º Prêmio ANTF de Fotografia tem como objetivo mostrar o desenvolvimento do setor ferroviário de carga brasileiro através de imagens expressivas

Leia mais

Edital de Seleção 2014

Edital de Seleção 2014 Edital de Seleção 2014 A Agência de Desenvolvimento do Turismo dos Campos Gerais e Rota dos Tropeiros do Paraná torna público, para conhecimento dos interessados, que receberá inscrições para o processo

Leia mais

Edital de seleção para formação em gestão de Organizações da Sociedade Civil Fundação Tide Setubal 2011

Edital de seleção para formação em gestão de Organizações da Sociedade Civil Fundação Tide Setubal 2011 Edital de seleção para formação em gestão de Organizações da Sociedade Civil Fundação Tide Setubal 2011 INTRODUÇÃO A Fundação Tide Setubal nasce em 2005 para ressignificar e inovar o trabalho pioneiro

Leia mais

REGULAMENTO. 5. Imagens premiadas serão apresentadas na exposição Avistar2015 e poderão ser publicadas em um catálogo.

REGULAMENTO. 5. Imagens premiadas serão apresentadas na exposição Avistar2015 e poderão ser publicadas em um catálogo. REGULAMENTO Sobre o Concurso 1. O Concurso de Fotografia Aves Ameaçadas - (Concurso) tem como objetivo estimular o registro e a conservação das aves brasileiras ameaçadas. ameaçadas. 2. O Concurso é realizado

Leia mais

5. Um mesmo aluno não poderá integrar mais de uma equipe.

5. Um mesmo aluno não poderá integrar mais de uma equipe. Regulamento Desafio FACAMP DESAFIO DA BOLSA DE VALORES BM&F BOVESPA O DESAFIO FACAMP 2016 Desafio da Bolsa de Valores BM&F BOVESPA, realizado pela FACAMP - Faculdades de Campinas tem por finalidade principal

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 038/11

PROCESSO SELETIVO 038/11 PROCESSO SELETIVO 038/11 O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO SESC, ADMINISTRAÇÃO REGIONAL NO ESTADO DO PARANÁ, pessoa jurídica de direito privado, Entidade de Educação e Assistência Social sem fins lucrativos,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre a instituição do Prêmio Experiências Educacionais Inclusivas - A escola aprendendo com as diferenças,

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS

REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS MULTIPLUS S.A. Rua Ministro Jesuíno Cardoso, 454, 2ª Andar Vila Nova Conceição - São Paulo SP CNPJ nº 11.094.546/0001-75 Nesta promoção

Leia mais

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL EDITAL DE SELEÇÃO E FINANCIAMENTO DE PROJETOS ESCOTEIROS -1/2013 A União dos Escoteiros do Brasil torna público o Edital para seleção e financiamento de projetos escoteiros,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 002/2016

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 002/2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 002/2016 1 NÚMERO E TÍTULO DO PROJETO Projeto OEI/BRA/14/001 - Desenvolvimento de Metodologias Institucionais destinadas à Consolidação

Leia mais

1 Concurso Cartão de Natal - IMEPAC

1 Concurso Cartão de Natal - IMEPAC CONCURSO FOTOGRÁFICO CARTÃO DE NATAL IMEPAC O INSTITUTO MASTER DE ENSINO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS, situado na Avenida Minas Gerais, 1889, Centro, na cidade de Araguari/MG, inscrita no CNPJ sob o n.º 11.010.877/0001-80,

Leia mais

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS

COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS COMUNICADO DE PROCESSO SELETIVO Nº 0589-2012-01 ASSISTENTE DE SERVIÇOS JURÍDICOS DIRETORIA JURÍDICA R$ 3.380,66 40 HORAS SEMANAIS DRH-SS-SE 0589-2012-01 A Diretoria de Recursos Humanos do SESI-SP abre

Leia mais

CHAMADA INTERNA Nº 01/2012/Gabinete/IFBAIANO PROGRAMA CIÊNCIA ITINERANTE Programa de Fomento à Institucionalização do Projeto Escola Itinerante

CHAMADA INTERNA Nº 01/2012/Gabinete/IFBAIANO PROGRAMA CIÊNCIA ITINERANTE Programa de Fomento à Institucionalização do Projeto Escola Itinerante MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO GABINETE DA REITORIA CHAMADA INTERNA Nº 01/2012/Gabinete/IFBAIANO PROGRAMA

Leia mais

CONCURSO PARA CRIAÇAO LOGOTIPO DA REVISTA ELETRÔNICA MARUPIÍRA DO CURSO DE PEDAGOGIA DA UEPA

CONCURSO PARA CRIAÇAO LOGOTIPO DA REVISTA ELETRÔNICA MARUPIÍRA DO CURSO DE PEDAGOGIA DA UEPA GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E EDUCAÇÃO EDITAL Nº 005 /2013 CCSE/UEPA, de 23 de setembro de 2013. CONCURSO PARA CRIAÇAO LOGOTIPO DA REVISTA ELETRÔNICA

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE 1. DO CONCURSO 1.1. Fica instituído o Concurso Gata do Vale realizado pelo Portal Aconteceu no Vale e TV em Foco, para eleger a garota mais linda dos Vales do Jequitinhonha,

Leia mais

Política de investimento esportivo 3M

Política de investimento esportivo 3M 1. Objetivo Política de investimento esportivo 3M A presente política tem por finalidade estabelecer os critérios para investimento em projetos e programas esportivos e que sejam passíveis de usufruírem

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA EDITAL CONJUNTO IMEA/PRPPG N 02/2014 PROGRAMA DE AUXÍLIO À EDITORAÇÃO DE LIVROS PROEDIT-UNILA 2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA EDITAL CONJUNTO IMEA/PRPPG N 02/2014 PROGRAMA DE AUXÍLIO À EDITORAÇÃO DE LIVROS PROEDIT-UNILA 2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA EDITAL CONJUNTO IMEA/PRPPG N 02/2014 PROGRAMA DE AUXÍLIO À EDITORAÇÃO DE LIVROS PROEDIT-UNILA 2014 O Coordenador do Instituto Mercosul de Estudos Avançados

Leia mais

EDITAL 001/2016 APRESENTAÇÃO. A Fundação Municipal de Educação (FME), considerando o

EDITAL 001/2016 APRESENTAÇÃO. A Fundação Municipal de Educação (FME), considerando o EDITAL 001/2016 EDITAL PARA APOIO A PROJETOS EDUCACIONAIS FORMULADOS POR UNIDADES E/OU PROFISSIONAIS DA REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, COM O OBJETIVO DE APRIMORAR A QUALIDADE DOS PROCESSOS DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Leia mais

Art. 6º A inscrição deverá ser realizada de acordo com a ficha constante no anexo I, desta Lei.

Art. 6º A inscrição deverá ser realizada de acordo com a ficha constante no anexo I, desta Lei. LEI Nº 1.947, DE 13 DE OUTUBRO DE 2015. Autoriza o Poder Executivo a premiar os Profissionais da Educação Básica, na categoria de Gestor e Professor, da Rede Municipal de Ensino, que obtiverem experiências

Leia mais

EDITAL 01/2016 PRIMEIRO PASSO COACHING

EDITAL 01/2016 PRIMEIRO PASSO COACHING EDITAL 01/2016 PRIMEIRO PASSO COACHING No âmbito de suas atribuições, a Diretora da Primeiro Passo Coaching, com base no evento Conexão Primeiro Passo/ 2016, a ser realizado em 16 e 17 de abril de 2016,

Leia mais

EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT

EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT EDITAL PROPeq/UFMT DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES - Maio de 2015 I) OBJETIVOS: O Edital de Apoio à participação de pesquisadores

Leia mais

ESCOLA DE ENGENHARIAS E CIÊNCIAS EXATAS. EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA 2015.1 / e-labora (PROJETOS DE PESQUISA APLICADA)

ESCOLA DE ENGENHARIAS E CIÊNCIAS EXATAS. EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA 2015.1 / e-labora (PROJETOS DE PESQUISA APLICADA) ESCOLA DE ENGENHARIAS E CIÊNCIAS EXATAS (PROJETOS DE PESQUISA APLICADA) 1. EDITAL A Universidade Potiguar UnP, através da Escola de Engenharias e Ciências Exatas, torna público o presente Edital, pelo

Leia mais