1. Introdução à Gerência

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1. Introdução à Gerência"

Transcrição

1 1. Introdução à Gerência 1

2 Gerência de redes: conjunto de ferramentas, procedimentos e políticas usadas para manter o funcionamento, saúdee eficiênciade uma rede, independente de seu tamanho ou finalidade. Gerência integrada: ferramentas e procedimentos que podem cooperar entre si, possibilitando a definição de políticas homogêneas em um ambiente heterogêneo. 2

3 Gerência de redes: monitorar e manter o funcionamento da rede feito através da própria rede conexões, dispositivos (hubs, switchs,...) Gerência de sistemas: monitorar e manter dispositivos individuais pode ser feito local ou remotamente backups, softwares, no-breaks, usuários,... 3

4 As redes tendem a crescer em: extensão serviços heterogeneidade complexidade usuários A operação da rede torna-se crítica: os recursos tornam-se indispensáveis mais problemas podem ocorrer 4

5 Elementos ativos da rede: roteadores, switchs, firewalls,... Servidores Serviços básicos: DNS, SMTP,... Serviços de aplicação: DBMS, WWW Clientes softwares instalados controle de acesso... 5

6 Dominar a complexidade dimensão da rede, profusão de serviços,... Melhorar a qualidade de serviço detectar gargalos, aumentar estabilidade Balancear necessidades segurança, desempenho, recursos, serviços Reduzir tempo de manutenção eliminar fragilidades, criar redundâncias Controlar custos contabilização 6

7 Gerenciar consiste em: monitorar a operação controlar dispositivos e serviços A complexidade pode ser abordada: automatizando procedimentos integrando ferramentas usando padrões de gerência construindo sistemas hierárquicos 7

8 Configuração Falha Desempenho Segurança Contabilidade 8

9 Conexões físicas e lógicas entre dispositivos. Modo de operação de cada dispositivo. Pode ser separada em três aspectos: Inventory Configuration Provisioning 9

10 Inventory: conjunto de dispositivos na rede, do software e hardware presente nesses dispositivos e sua informação estática. Configuration: mapa indicando as conexões entre componentes do inventário. Provisioning: parâmetros operacionais modificáveis que especificam o comportamento de cada dispositivo. 10

11 Detectar e resolver rapidamente situações que degradam o funcionamento da rede: Determinar a origem da falha Isolar a falha do restante da rede Reconfigurar a rede para diminuir impacto da falha Reparar ou trocar componentes com falha 11

12 Tem precedência sobre as demais áreas. Pode ser reativa ou pró-ativa: reativa: reage às falhas na medida em que ocorrem. pró-ativa: busca detectar falhas antes que elas ocorram. A gerência pró-ativa é onerosa. 12

13 Assegurar uma capacidade de tráfego mínima na rede. Assegurar que os dispositivos podem tratar o tráfego presente na rede. Baseia-se em dados colhidos da rede: erros de CRC, time-outs, retransmissões, taxa de ocupação de canais de comunicação Dados históricos são importantes 13

14 Proteção das informações Controle de acesso ao sistema Monitorar uso dos recursos Criar, manter e examinar log-files Muito importante em sistemas abertos Essencial em hospedeiros (hosts) conectados à Internet 14

15 Ter uma ideia clara do uso dos recursos cobrar pelos serviços utilizados planejar crescimento da rede detectar abusos no uso dos recursos Informação de contabilização deve ter acesso restrito. 15

16 Clientes desktop e aplicações de front-end configurações e dispositivos locais Middleware redes de comunicação serviços básicos (DNS, Wins,...) Servidores Sistemas e aplicações Segurança Infraestrutura (backups, energia,...) 16

17 Baseado em uma estrutura cliente/servidor agente: age como servidor de informações de gerência gerente: consulta os agentes para obter informações 17

18 Agente: Network Management Entity executa um processo agente interage com os dispositivos físicos coleta, mantém e oferece informações de gerência responde a pedidos de informação e comandos 18

19 Gerente: Network Management Application consultas e ações sobre os agentes executa um software de gerência interage com o operador do sistema 19

20 As atividades de gerência compõe um ciclo: Coleta de dados: monitoração (automática) dos recursos gerenciados. Diagnóstico: tratamento e análise dos dados coletados para delinear o problema. Ação: controle sobre os recursos gerenciados para corrigir o problema. 20

21 Dados fluem dos agentes ao gerentes Pooling: interações tipo pedido/resposta iniciadas pelo gerente, solicitando dados podem ser específicas ou genéricas Event reporting: indicações de ocorrência de eventos importantes iniciadas pelo agente podem ser periódicas ou ocasionais 21

22 relacionadas à configuração de dispositivos mudam com pouca freqüência Exemplo: número de portas de um equipamento (switch, roteador) 22

23 relacionadas a eventos do sistema podem mudar com frequência Exemplo: estado de uma porta de roteador (ativa, não ativa) 23

24 derivadas das informações dinâmicas agregam informações úteis à gerência Exemplo: percentual de colisões em uma porta de switch 24

25 requests Management entity Managed objects responses Management application notifications Management protocol operations Management agent events MIB Management database 25

26 Application: responsável pelas interações com o usuário Database: concentrar informações e armazenar dados históricos Protocol: transferência de dados entre agentes e gerente Entity: dispositivo de rede ou hospedeiro Agent: software de gerenciamento no dispositivo Objects: elementos gerenciáveis pelo agente 26

27 Protocol stack acesso à rede MIB access acesso aos dados dos dispositivos Management data transport service protocolo de transporte de informações Application element módulos básicos das aplicações Management application Unified user interface 27

28 Management application Appl element Unified user interface Appl element Management data transport service MIB Access module Appl element Management application Appl element Protocol stack MIB network 28

29 Pontes entre ambientes de gerência integração de ambientes distintos Protocolos de gerência SNMP, CMIP, HTTP,... Protocolos de rede TCP/IP, SPX/IPX,... Formato das informações MIBs SNMP, OSI, formatos proprietários 29

30 Aplicação de gerência API de gerência X Protocol stack A API de gerência X Protocol stack A Mapeamento rede API de gerência Y Protocol stack B Agente de gerência API de gerência B Protocol stack B 30

31 Anos 70: Mainframes Gerência centralizada Anos 80: Redes locais Estruturação hierárquica (manager of managers) Sistemas proprietários fechados Anos 90: Gerência distribuída (DSM) Gerência distribuída aberta (ODSM) Tendências anos 2000: Gerência via Web, Java, Corba CORBA: Common ObjectRequestBrokerArchitecture(arquitetura padrão criada pelo ObjectManagement Grouppara estabelecer e simplificar a forma de troca de dados entre sistemas distribuídos heterogêneos). 31

32 Centralizada um único centro de controle acesso total a todos os dispositivos pouco escalável sensível a falhas inadequada à evolução das redes Distribuída estrutura hierárquica de gerência gerentes locais cuidam dos recursos locais centro de controle acessa gerentes locais diminuição do tráfego de gerência maior escalabilidade eliminação de pontos únicos de falha 32

33 Complexa em ambientes distribuídos Principais problemas: ambientes heterogêneos execução distribuída (sincronização) aplicações particionadas em cliente/servidor Abordagens: Manager of managers Distributed System Management Open Distributed System Management 33

34 Arquitetura em três níveis: Entry points: coleta de informação Service points: filtragem, gerência local Focal point: visão unificada dos recursos Principais sistemas: IBM Netview, ATT&T AccuMaster, Digital PolyCenter Em desuso, por serem sistemas fechados A maioria já não existe mais 34

35 Uso de tecnologia cliente/servidor servidores coletam dados da rede cliente pode consultar vários servidores cliente com interface gráfica a objetos Toaster platforms : abordagem plug & play APIs públicas Middleware específico para gerência Estação de gerência Management Database Exemplos: SunNet Manager, Cabletron Spectrum, Novell NMS 35

36 Open DSM = DSM usando padrões abertos X/Open: DME: OMG: OSI/IETF: DMTF: APIs de gerência arquiteturas de gerência ORBs e serviços a objetos middleware específico gerência de desktop 36

37 Interface orientada a objetos representação visual dos elementos gerenciados Aplicações de gerência falhas, segurança, desempenho, operações,... Base de dados de gerência dados coletados da operação do sistema Serviços de base APIs para acesso a protocolos e serviços Middleware específico CMIP, SNMP (o nosso foco), CORBA,... 37

38 Manager interface configuration problems operations Management applications security change performance Management information database CMIP SNMP NMVT ORB Mail DCE devices devices mainframes objects users applications 38

39 Arquitetura de gerência OSI Gerência usando SNMP Gerência via Web Gerência com objetos CORBA 39

40 SNMP Simple Network Management Protocol Criado pela IETF em 1988 Projetado inicialmente para monitorar redes simples Dominante em redes TCP/IP CMIP Common Management Information Protocol Proposto pela ISO no início dos anos 90 Controle (complexo) de redes complexas Muito presente em redes de telefonia nos anos 90 Hoje a telefonia aderiu ao SNMP 40

41 MIB Management Information Base Dados mantidos pelos elementos gerenciados Informação com estrutura hierárquica SMI Structure of Management Information Define notações, formatos, tipos, nomes,... Usa como base a notação formal ASN.1 (Abstract Syntax Number One) 41

42 iso(1) org(3) dod(6) internet(1) directory(1) mgmt(2) mib-2(1) system(1) interfaces(1) tcp(6) udp(7) Object ID is udpindatagrams udpnoports udpinerrors udpoutdatagrams 42

43 Voltado à monitoração de redes simples Pode ser embutido em hardware simples Muito usado em redes TCP/IP Comandos e tipos de dados fixos Poucos tipos de mensagens estrutura bastante simples Usa UDP/IP baixo nível de tráfego de gerência protocolo de transporte sem conexão não confiável (perda de pacotes) Comandos e respostas assíncronas 43

44 RMON - Remote Network Monitoring extensão da MIB-II para gerência Facilidades para monitoração e coleta Remendo sobre SNMP e MIB RMON-2 Coleta de informações mais abrangente SNMP-V2 estrutura de segurança melhorada comunicação entre gerentes (método inform) MIB e SMI aumentadas: novos tipos de dados SNMP-V3 estrutura de segurança melhorada (login/senha, criptografia) 44

45 Arquitetura em camadas de serviços: SMFA System Management Functional Areas: falta, contabilidade, configuração, desempenho, segurança SMF System Management Functions CMISE CMIS: Common Management Information Services CMIP: Common Management Information Protocol 45

46 accounting Specific Management Functional Areas fault security performance configuration System Management Functions object state relationship alarm security Event-report log workload test summarization access accounting CMISE Services get set action create delete event-report CMIP Managed node 46

47 Ações manager-agent & manager-manager Orientado a conexão CMOT: CMIP over TCP/IP CMOL: CMIP over LLC (camada de enlace) Serviços Set: obtém valor ou conjunto de valores Event_Report: agente informa evento Action: invoca função com parâmetros Create: cria novas instâncias de objetos gerenciáveis Delete: deleta instâncias de objetos gerenciáveis 47

48 DMI - Desktop Management Interface DMTF - Desktop Management Task Force Gerencia componentes do desktop hardware e software interfaces com diversos fabricantes Um agente DMI representa o desktop Permite a integração com SNMP, CMIP,... 48

49 Management application Management interface Service layer Component interface MIF database Hardware/software components 49

50 Component Interface acesso aos componentes básicos carregada dinamicamente Service layer serviços genéricos independentes de componentes Management Interface File (MIF) Descrições dos elementos gerenciados Fornecidas pelos fabricantes Management Interface permite acesso local ao agente DMI acesso externo via CMIP, SNMP,... 50

51 Browsers = clientes universais Gerência de rede e de desktop agentes com suporte a HTTP sistemas de gerência com interface HTTP Esforços de padronização WBEM - Web-Based Enterprise Management JMAPI - Java Management API 51

52 HTTP Elemento gerenciado HTTP server Agente de gerência Interface do usuário (browser) HTTP HTTP server SNMP Elemento gerenciado Aplicação de gerência SNMP Agente de gerência 52

1. Introdução à Gerência

1. Introdução à Gerência 1. Introdução à Gerência Gerência de redes: conjunto de ferramentas, procedimentos e políticas usadas para manter o funcionamento, saúdee eficiênciade uma rede, independente de seu tamanho ou finalidade.

Leia mais

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com Gerenciamento e Administração de Redes 2 Gerência de Redes ou Gerenciamento de Redes É o controle de qualquer objeto passível de ser monitorado numa estrutura de

Leia mais

Gerenciamento de Redes - Evolução. Gerenciamento de Rede. Gerenciamento de Rede NOC NOC

Gerenciamento de Redes - Evolução. Gerenciamento de Rede. Gerenciamento de Rede NOC NOC s - Evolução 1970s 1970s 1980s 1980s Dispositivos 1990s 1990s Browser A Web Server Mainframe Estação Gerenciadora Browser C Browser B NOC (Network( Operation Center) Conjunto de atividades para manter

Leia mais

Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes

Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes Aula 5 - Projeto de Lei 2126/11 (Marco Civil da Internet). Gerência de Redes de Computadores Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes Objetivos Específicos - Entender

Leia mais

Top-Down Network Design

Top-Down Network Design Top-Down Network Design Chapter Nine Developing Network Management Strategies Copyright 2010 Cisco Press & Priscilla Oppenheimer Gerencia da Rede Contribui para atingir os objetivos dos requisitos Contribui

Leia mais

Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento

Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento Cássio D. B. Pinheiro pinheiro.cassio@ig.com.br cassio.orgfree.com Sumário Padronizações Gerência OSI Gerência TCP/IP SNMP MIB-II RMON SNMPv2 11/5/2007 Gerência

Leia mais

Protocolos de gerenciamento

Protocolos de gerenciamento Protocolos de gerenciamento Os protocolos de gerenciamento têm a função de garantir a comunicação entre os recursos de redes homogêneas ou não. Com esse requisito satisfeito, operações de gerenciamento

Leia mais

Gerência de Redes de Computadores Gerência de Redes de Computadores As redes estão ficando cada vez mais importantes para as empresas Não são mais infra-estrutura dispensável: são de missão crítica, ou

Leia mais

Gerenciamento de Redes

Gerenciamento de Redes Gerenciamento de Redes As redes de computadores atuais são compostas por uma grande variedade de dispositivos que devem se comunicar e compartilhar recursos. Na maioria dos casos, a eficiência dos serviços

Leia mais

Lista 3 Exercícios de Gestão de Redes

Lista 3 Exercícios de Gestão de Redes 1. Quais os fatores que contribuem para o sucesso de uma operação de gerenciamento? O sucesso de uma operação de Gerenciamento depende dos seguintes fatores: O sistema de gerenciamento invocador deve ter

Leia mais

Rede de Computadores II

Rede de Computadores II Rede de Computadores II Slide 1 SNMPv1 Limitações do SNMPv1 Aspectos que envolvem segurança Ineficiência na recuperação de tabelas Restrito as redes IP Problemas com SMI (Structure Management Information)

Leia mais

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont.

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont. Gerência de Rede A importância estratégica crescente das redes envolve: Aplicações indispensáveis à organização Quanto mais complexo o ambiente maior o risco de coisas erradas acontecerem. Como manter

Leia mais

ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO. Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC.

ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO. Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC. ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC. Introdução 2 A gerência de redes é decomposta nas tarefas de monitoração e controle das

Leia mais

Capítulo 9. Gerenciamento de rede

Capítulo 9. Gerenciamento de rede 1 Capítulo 9 Gerenciamento de rede 2 Redes de computadores I Prof.: Leandro Soares de Sousa E-mail: leandro.uff.puro@gmail.com Site: http://www.ic.uff.br/~lsousa Não deixem a matéria acumular!!! Datas

Leia mais

O que são DNS, SMTP e SNM

O que são DNS, SMTP e SNM O que são DNS, SMTP e SNM O DNS (Domain Name System) e um esquema de gerenciamento de nomes, hierárquico e distribuído. O DNS define a sintaxe dos nomes usados na Internet, regras para delegação de autoridade

Leia mais

Desafios de Gerência e Segurança de Redes

Desafios de Gerência e Segurança de Redes Desafios de Gerência e Segurança de Redes Elias Procópio Duarte Jr. DInfo /UFPR Itaipu - Julho de 2003 E.P. Duarte Jr. - UFPR Roteiro Sistemas Integrados de Gerência de Redes Funcionalidade O Desafio da

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Princípios de Gerência de Redes Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Maio de 2011 1 / 13 Introdução Foi mostrado que uma rede de computadores consiste

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Instituto de Ciências Exatas Departamento de Ciência da Computação Lista de exercícios Gerência de Redes,Turma A, 01/2010 Marcelo Vale Asari 06/90708 Thiago Melo Stuckert do Amaral

Leia mais

Redes de Computadores II

Redes de Computadores II Redes de Computadores II Slide 1 Gerenciamento de Redes Gerenciamento de redes inclui o fornecimento, a integração e a coordenação de hardware, software e elementos humanos para monitorar, testar, configurar,

Leia mais

Aula 01 Introdução ao Gerenciamento de Redes

Aula 01 Introdução ao Gerenciamento de Redes Aula 01 Introdução ao Gerenciamento de Redes Leonardo Lemes Fagundes leonardo@exatas.unisinos.br São Leopoldo, 15 de outubro de 2004 Roteiro Apresentação da disciplina Objetivos Conteúdo programático Metodologia

Leia mais

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes EN-3610 Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt Santo André, julho de 2013 Roteiro PARTE I Apresentação da Disciplina Apresentação do Professor Metodologia

Leia mais

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 9. Gerenciamento de rede 9-3. 2005 by Pearson Education

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 9. Gerenciamento de rede 9-3. 2005 by Pearson Education Redes de computadores e a Internet Capítulo 9 Gerenciamento de rede 9-3 Gerenciamento de rede Objetivos do capítulo: Introdução ao gerenciamento de redes Motivação Componentes principais Ambiente de gerenciamento

Leia mais

Cliente/Servidor. Conceitos Gerais. Graça Bressan. Graça Bressan/LARC 2000 1

Cliente/Servidor. Conceitos Gerais. Graça Bressan. Graça Bressan/LARC 2000 1 Cliente/Servidor Conceitos Gerais Graça Bressan Graça Bressan/LARC 2000 1 Forças de marketing que conduzem à arquitetura cliente/servidor "Cliente/Servidor é um movimento irresistível que está reformulando

Leia mais

GESTÃO Falhas Contabilidade Configuração Desempenho Segurança. FALHAS Determinar a falha Isolar a falha da rede Reconfigurar a rede Corrigir a falha

GESTÃO Falhas Contabilidade Configuração Desempenho Segurança. FALHAS Determinar a falha Isolar a falha da rede Reconfigurar a rede Corrigir a falha SCENÁRIO Recursos Controlo de custos Protocolos diversos Exigência dos utilizadores Diversidade de aplicações Controlo de acesso a aplicações e bases de dados Aumento qualitativo e quantitativo da area

Leia mais

Gerência de Redes. Profa. Márcia Salomão Homci mhomci@hotmail.com

Gerência de Redes. Profa. Márcia Salomão Homci mhomci@hotmail.com Gerência de Redes Profa. Márcia Salomão Homci mhomci@hotmail.com Plano de Aula Histórico Introdução Gerenciamento de Redes: O que é Gerenciamento de Redes? O que deve ser gerenciado Projeto de Gerenciamento

Leia mais

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES 1 Resumo 2 INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES Parte 7 Introdução à Gerência de Redes Introdução Segurança SNMPv1, SNMPv2 Segurança SNMPv3 Prof. Pedro S. Nicolletti (Peter), 2013 Introdução 3 4 Com o

Leia mais

5º Semestre. AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento)

5º Semestre. AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento) Disciplina: Gerência de Redes Professor: Jéferson Mendonça de Limas 5º Semestre AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento) 2014/1 Agenda de Hoje Evolução da Gerência

Leia mais

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES 1 INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES Parte 7 Introdução à Gerência de Redes Prof. Pedro S. Nicolletti (Peter), 2013 Resumo 2 Conceitos Básicos de SNMP Introdução Arquitetura MIB Segurança SNMPv1, SNMPv2

Leia mais

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes EN-3610 Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes Gerenciamento baseado na Web Prof. João Henrique Kleinschmidt Gerenciamento baseado na Web Web browser Acesso ubíquo Interface Web vs Gerenciamento baseado

Leia mais

SISTEMAS DISTRIBUIDOS

SISTEMAS DISTRIBUIDOS 1 2 Caracterização de Sistemas Distribuídos: Os sistemas distribuídos estão em toda parte. A Internet permite que usuários de todo o mundo acessem seus serviços onde quer que possam estar. Cada organização

Leia mais

Capítulo 8 - Aplicações em Redes

Capítulo 8 - Aplicações em Redes Capítulo 8 - Aplicações em Redes Prof. Othon Marcelo Nunes Batista Mestre em Informática 1 de 31 Roteiro Sistemas Operacionais em Rede Modelo Cliente-Servidor Modelo P2P (Peer-To-Peer) Aplicações e Protocolos

Leia mais

RMON Remote Network Monitoring

RMON Remote Network Monitoring RMON Remote Network Monitoring!"#$%&'(() $&*+, -. / /01 / 2 34 São dispositivos usados para estudar o trafego na rede como um todo, Produzem informação de sumário, incluindo estatísticas de erro, estatísticas

Leia mais

Gerência de Redes. Arquitetura de Gerenciamento. filipe.raulino@ifrn.edu.br

Gerência de Redes. Arquitetura de Gerenciamento. filipe.raulino@ifrn.edu.br Gerência de Redes Arquitetura de Gerenciamento filipe.raulino@ifrn.edu.br Sistema de Gerência Conjunto de ferramentas integradas para o monitoramento e controle. Possui uma interface única e que traz informações

Leia mais

LDAP - Tópicos. O que é um Diretório? Introdução. História do LDAP. O que é o LDAP? 5/22/2009

LDAP - Tópicos. O que é um Diretório? Introdução. História do LDAP. O que é o LDAP? 5/22/2009 LDAP - Tópicos Leoncio Regal Dutra Mestre em Engenharia Elétrica Telecomunicações leoncioregal@gmail.com Introdução Definições Funcionamento Segurança Otimizações do LDAP Exemplos Conclusão 2 Introdução

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS Tecnologia em Redes de Computadores 4ª Série Gerência de Redes A atividade prática supervisionada (ATPS) é um método de ensinoaprendizagem desenvolvido por meio de um

Leia mais

Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux

Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux Eduardo Júnior Administração de redes com GNU/Linux Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux Eduardo Júnior - ihtraum@dcc.ufba.br Gestores da Rede Acadêmica de Computação Departamento

Leia mais

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia UNISUL 2013 / 1 Universidade do Sul de Santa Catarina Engenharia Elétrica - Telemática 1 Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia Aula 3 Gerenciamento de Redes Cenário exemplo Detecção de

Leia mais

Revisão. Karine Peralta karine.peralta@pucrs.br

Revisão. Karine Peralta karine.peralta@pucrs.br Revisão Karine Peralta Agenda Revisão Evolução Conceitos Básicos Modelos de Comunicação Cliente/Servidor Peer-to-peer Arquitetura em Camadas Modelo OSI Modelo TCP/IP Equipamentos Evolução... 50 60 1969-70

Leia mais

SENAI - FATESG. Gerência de Redes. Prof. Antônio Pires de Castro Jr, M.Sc.

SENAI - FATESG. Gerência de Redes. Prof. Antônio Pires de Castro Jr, M.Sc. SENAI - FATESG Gerência de Redes Prof. Antônio Pires de Castro Jr, M.Sc. Introdução Redes de Computadores É um conjunto de computadores autônomos interconectados [Tanenbaum, 1997] Introdução Mainframe

Leia mais

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Protocolo O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Máquina: Definem os formatos, a ordem das mensagens enviadas e recebidas pelas entidades de rede e as ações a serem tomadas

Leia mais

Gerência de Redes. Introdução. filipe.raulino@ifrn.edu.br

Gerência de Redes. Introdução. filipe.raulino@ifrn.edu.br Gerência de Redes Introdução filipe.raulino@ifrn.edu.br Introdução Sistemas complexos com muitos componentes em interação devem ser monitorados e controlados. 2 Introdução A de gerência de redes surgiu

Leia mais

GERENCIAMENTO DE REDES. Prof. José Augusto Suruagy Monteiro

GERENCIAMENTO DE REDES. Prof. José Augusto Suruagy Monteiro GERENCIAMENTO DE REDES Prof. José Augusto Suruagy Monteiro Conteúdo Programático 2 Introdução Arquiteturas de Gerenciamento de Redes Bases de Informação de Gerenciamento (MIBs) Protocolo Simples de Gerenciamento

Leia mais

Gerenciamento de Redes de Computadores. Introdução ao Gerenciamento de Redes

Gerenciamento de Redes de Computadores. Introdução ao Gerenciamento de Redes Introdução ao Gerenciamento de Redes O que é Gerenciamento de Redes? O gerenciamento de rede inclui a disponibilização, a integração e a coordenação de elementos de hardware, software e humanos, para monitorar,

Leia mais

Capítulo 9 Gerenciamento de rede

Capítulo 9 Gerenciamento de rede Capítulo 9 Gerenciamento de rede Nota sobre o uso destes slides ppt: Estamos disponibilizando estes slides gratuitamente a todos (professores, alunos, leitores). Eles estão em formato do PowerPoint para

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Gestão de redes. Protocolo SNMP. Maio de 2010 1 Gestão de redes Gestão de redes refere-se neste contexto às actividades relacionadas com a manutenção do bom funcionamento de um conjunto

Leia mais

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s:

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s: Tecnologia em Redes de Computadores Redes de Computadores Professor: André Sobral e-mail: alsobral@gmail.com Conceitos Básicos Modelos de Redes: O O conceito de camada é utilizado para descrever como ocorre

Leia mais

Modelos de Redes em Camadas

Modelos de Redes em Camadas Modelos de Redes em Camadas Prof. Gil Pinheiro 1 1. Arquitetura de Sistemas de Automação Sistemas Centralizados Sistemas Distribuídos Sistemas Baseados em Redes Arquitetura Cliente-Servidor 2 Sistemas

Leia mais

Relatorio do trabalho pratico 2

Relatorio do trabalho pratico 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA INE5414 REDES I Aluno: Ramon Dutra Miranda Matricula: 07232120 Relatorio do trabalho pratico 2 O protocolo SNMP (do inglês Simple Network Management Protocol - Protocolo

Leia mais

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP HTTP (Hypertext Transfer Protocol ) Protocolo usado na Internet para transferir as páginas da WWW (WEB). HTTPS (HyperText Transfer

Leia mais

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP Modelo Arquitetural Motivação Realidade Atual Ampla adoção das diversas tecnologias de redes de computadores Evolução das tecnologias de comunicação Redução dos

Leia mais

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA GTL 16 14 a 17 Outubro de 2007 Rio de Janeiro - RJ GRUPO XVI GRUPO DE ESTUDO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO PARA SISTEMAS

Leia mais

RMON e RMON2 Remote Network Monitoring

RMON e RMON2 Remote Network Monitoring RMON e RMON2 Remote Network Monitoring Luciano Paschoal Gaspary O protocolo SNMP e a MIB-II ainda são amplamente utilizados para o gerenciamento de equipamentos de rede. Agentes de software presentes nesses

Leia mais

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross Redes Pablo Rodriguez de Almeida Gross Conceitos A seguir serão vistos conceitos básicos relacionados a redes de computadores. O que é uma rede? Uma rede é um conjunto de computadores interligados permitindo

Leia mais

Arquiteturas de Aplicações Distribuídas

Arquiteturas de Aplicações Distribuídas Arquiteturas de Aplicações Distribuídas Fernando Albuquerque 061-2733589 fernando@cic.unb.br www.cic.unb.br/docentes/fernando Tópicos Introdução. HTTP / CGI. API sockets. JDBC. Remote Method Invocation.

Leia mais

Sistema centralizado O Paradigma Cliente/Servidor

Sistema centralizado O Paradigma Cliente/Servidor centralizado O Paradigma Cliente/Servidor Computador central (mainframe) + conjunto de terminais + recursos centralizados recursos mainframe terminais 2 distribuído Relações entre entidades Grupo de computadores

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES Filipe Herbert da Silva 1, Marco Aurélio G. de Almeida 1, Jonhson de Tarso Silva 1, Karina Buttignon 1 1 Fatec Guaratinguetá,

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS

SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMAS OPERACIONAIS Turma de Redes AULA 06 www.eduardosilvestri.com.br silvestri@eduardosilvestri.com.br Estrutura do Sistema Operacional Introdução É bastante complexo a estrutura de um sistema operacional,

Leia mais

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes EN-3610 Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes Ferramentas de Gerenciamento de Redes Prof. João Henrique Kleinschmidt Gerenciamento baseado na Web Web browser Acesso ubíquo Interface Web vs Gerenciamento

Leia mais

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP Arquitetura TCP/IP Arquitetura TCP/IP INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP gatewa y internet internet REDE REDE REDE REDE Arquitetura TCP/IP (Resumo) É útil conhecer os dois modelos de rede TCP/IP e OSI. Cada

Leia mais

Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA

Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA O Protocolo SNMP Por Lécia de Souza Oliveira Índice Página 2... O que é SNMP? Histórico Página 3 e 4... Estrutura Geral do Sistema

Leia mais

Rede de Computadores II

Rede de Computadores II Rede de Computadores II Slide 1 Rede de Computadores II Internet Milhões de elementos de computação interligados: hosts, sistemas finais executando aplicações distribuídas Enlaces de comunicação fibra,

Leia mais

Network Management. Joao.Neves@fe.up.pt. João Neves, 2009

Network Management. Joao.Neves@fe.up.pt. João Neves, 2009 Network Management Joao Neves Digitally signed by Joao Neves DN: cn=joao Neves, o=feup, ou=deec, email=joao.neves@fe. up.pt, c=pt Date: 2009.12.16 00:12:07 Z G tã de Gestão d R Redes d Joao.Neves@fe.up.pt

Leia mais

Gerenciamento da rede ATM. Prof. José Marcos C. Brito

Gerenciamento da rede ATM. Prof. José Marcos C. Brito Gerenciamento da rede ATM Prof. José Marcos C. Brito 1 Princípios Gerais O SNMP (Simple Network Management Protocol) é o protocolo mais utilizado. Se o dispositivo ATM é gerenciado de uma estação de gerenciamento

Leia mais

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP Modelo Arquitetural Agenda Motivação Objetivos Histórico Família de protocolos TCP/IP Modelo de Interconexão Arquitetura em camadas Arquitetura TCP/IP Encapsulamento

Leia mais

Anderson Alves de Albuquerque

Anderson Alves de Albuquerque SNMP (Simple Network Management Protocol) Anderson Alves de Albuquerque 1 Introdução: O que é SNMP (Basicamente): Através de variáveis ou estruturas certos acontecimentos podem ser contabilizados (contados).

Leia mais

Motivação. as redes estão ficando cada vez mais importantes para as empresas

Motivação. as redes estão ficando cada vez mais importantes para as empresas Gerência de Redes Motivação as redes estão ficando cada vez mais importantes para as empresas não são mais infra-estrutura dispensável: são de missão crítica (não podem parar!) as redes são cada vez maiores

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES 09/2013 Cap.3 Protocolo TCP e a Camada de Transporte 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a leitura da bibliografia básica. Os professores

Leia mais

Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos

Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos seu proprietários. A sua rede deve está rigorosamente

Leia mais

Arquitetura de um sistema é a especificação de sua estrutura e de seus componentes

Arquitetura de um sistema é a especificação de sua estrutura e de seus componentes Arquiteturas e Modelos de sistemas Arquitetura Arquitetura de um sistema é a especificação de sua estrutura e de seus componentes Localização dos componentes e relação entre eles Objetivo: garantir que

Leia mais

Camada de Transporte

Camada de Transporte Camada de Transporte Conceitos Básicos Redes de Computadores A. S. Tanenbaum Mário Meireles Teixeira. UFMA-DEINF Protocolos Protocolo: Conjunto de regras e formatos usados para comunicação entre entidades,

Leia mais

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP

TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP TCP/IP TCP UDP IP HTTP HTTPS FTP TFTP TELNET POP3 IMAP SMTP SNMP DHCP HTTP (Hypertext Transfer Protocol ) Protocolo usado na Internet para transferir as páginas da WWW (WEB). HTTPS (HyperText Transfer

Leia mais

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF REDES ESAF 01 - (ESAF - Auditor-Fiscal da Previdência Social - AFPS - 2002) Um protocolo é um conjunto de regras e convenções precisamente definidas que possibilitam a comunicação através de uma rede.

Leia mais

Descritivo Técnico. SLAView - Descritivo Técnico Build 5.0 release 4 16/02/2011 Página 1

Descritivo Técnico. SLAView - Descritivo Técnico Build 5.0 release 4 16/02/2011 Página 1 Descritivo Técnico 16/02/2011 Página 1 1. OBJETIVO O SLAview é um sistema de análise de desempenho de redes IP por meio da monitoração de parâmetros de SLA (Service Level Agreement, ou Acordo de Nível

Leia mais

Nesta sessão introduziremos os conceitos básicos do Cacti, e como fazer para instalá-lo em seu computador.

Nesta sessão introduziremos os conceitos básicos do Cacti, e como fazer para instalá-lo em seu computador. Cacti é uma ferramenta gráfica de gerenciamento de dados de rede que disponibiliza a seus usuários uma interface intuitiva e bem agradável de se usar, sendo acessível a qualquer tipo de usuários. Este

Leia mais

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia UNISUL 2013 / 1 Universidade do Sul de Santa Catarina Engenharia Elétrica - Telemática 1 Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia Aula 4 Ferramentas de Gerência de Redes Sistema de Gerência

Leia mais

Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas

Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas Modelo de referência OSI. Modelo TCP/IP e Internet de cinco camadas Conhecer os modelo OSI, e TCP/IP de cinco camadas. É importante ter um padrão para a interoperabilidade entre os sistemas para não ficarmos

Leia mais

Administração de Redes I (LI) Ano, Semestre: 2, 1

Administração de Redes I (LI) Ano, Semestre: 2, 1 Administração de Redes I (LI) Ano, Semestre: 2, 1 Pedro M. M. Marques pedromarques.eng@gmail.com 1 OBJECTIVOS Compreender a importância da manutenção na conservação do bom estado de uma rede de comunicação;

Leia mais

Lista de Gerência de Redes

Lista de Gerência de Redes Universidade de Brasília Instituto de Ciências Exatas Departamento de Ciência da Computação Gerência de Redes,Turma A, 01/2010 Professor: João José Costa Gondim Aluno: Marcelo Vale Asari Matrícula: 06/90708

Leia mais

Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com

Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com Sistema de Gerenciamento Genérico Elementos Gerenciados Agentes Gerentes Bancos de Dados de Informações Protocolos para troca

Leia mais

Utilizando o Cricket para monitoração de Servidores. Sérgio A. Meyenberg Jr. Especialização em Redes e Segurança de Sistemas

Utilizando o Cricket para monitoração de Servidores. Sérgio A. Meyenberg Jr. Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Utilizando o Cricket para monitoração de Servidores Sérgio A. Meyenberg Jr Especialização em Redes e Segurança de Sistemas Curitiba, outubro de 2010 Resumo O objetivo deste Artigo é demonstrar as funcionalidades

Leia mais

Administração e Gerência de Redes Aula 2 Sistema de Gerência de Redes

Administração e Gerência de Redes Aula 2 Sistema de Gerência de Redes Administração e Gerência de Redes Aula 2 Sistema de Gerência de Redes Professor: Paulo Cesar E-mail: pccbranco@gmail.com Situação Vigente Manter uma rede funcional e operando, implica em lidar com uma

Leia mais

MONITORAÇÃO DE REDE. Prof. José Augusto Suruagy Monteiro

MONITORAÇÃO DE REDE. Prof. José Augusto Suruagy Monteiro MONITORAÇÃO DE REDE Prof. José Augusto Suruagy Monteiro 2 Capítulo 2 de William Stallings. SNMP, SNMPv2, SNMPv3, and RMON 1 and 2, 3rd. Edition. Addison-Wesley, 1999. Baseado em slides do Prof. Chu-Sing

Leia mais

Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes

Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes Arquitetura do Protocolo da Internet Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes Prof. Esp. Camilo Brotas Ribeiro cribeiro@catolica-es.edu.br Revisão AS ou SA; IGP e EGP; Vetor de Distância,

Leia mais

Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT

Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT Aluno : André Mafinski Orientador : Prof. Sérgio Stringari ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO - Introdução; - Gerenciamento de Redes; - Considerações;

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Capítulo 1 Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br - O que é a Internet? - Milhões de elementos de computação interligados: hospedeiros = sistemas finais - Executando aplicações

Leia mais

Apostila de Gerenciamento e Administração de Redes

Apostila de Gerenciamento e Administração de Redes Apostila de Gerenciamento e Administração de Redes 1. Necessidades de Gerenciamento Por menor e mais simples que seja uma rede de computadores, precisa ser gerenciada, a fim de garantir, aos seus usuários,

Leia mais

MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata.

MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata. MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata. A MIB é o conjunto dos objetos gerenciados. Basicamente são definidos três tipos de MIBs: MIB II, MIB experimental

Leia mais

CAPÍTULO 3 MIDDLEWARE. Para entender-se o aparecimento da tecnologia middleware é descrita a seguir, e, brevemente, a sua evolução.

CAPÍTULO 3 MIDDLEWARE. Para entender-se o aparecimento da tecnologia middleware é descrita a seguir, e, brevemente, a sua evolução. CAPÍTULO 3 MIDDLEWARE Para entender-se o aparecimento da tecnologia middleware é descrita a seguir, e, brevemente, a sua evolução. 3.1 ARQUITETURA CLIENTE/SERVIDOR Primeiramente, surgiu a arquitetura centralizada

Leia mais

AULA 01 INTRODUÇÃO. Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação

AULA 01 INTRODUÇÃO. Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação AULA 01 INTRODUÇÃO Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação CONCEITO Dois ou mais computadores conectados entre si permitindo troca de informações, compartilhamento de

Leia mais

Camadas da Arquitetura TCP/IP

Camadas da Arquitetura TCP/IP Camadas da Arquitetura TCP/IP A arquitetura TCP/IP divide o processo de comunicação em quatro camadas. Em cada camada atuam determinados protocolos que interagem com os protocolos das outas camadas desta

Leia mais

Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP

Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP Diego Fraga Contessa, Everton Rafael Polina Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento - CP Eletrônica S.A. Rua da Várzea 379 - CEP 91040-600 - Porto

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Gerenciamento de Redes Prof. Thiago Dutra Agenda n Introdução n O que Gerenciar? n Definição n Modelo de Gerenciamento n Infraestrutura de Gerenciamento

Leia mais

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS INTERNET PROTOCOLOS 1 INTERNET Rede mundial de computadores. Também conhecida por Nuvem ou Teia. Uma rede que permite a comunicação de redes distintas entre os computadores conectados. Rede WAN Sistema

Leia mais

Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins

Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Redes de Computadores Prof. Sergio Estrela Martins Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a leitura

Leia mais

Gerenciamento de rede. Alessandro C. Bianchini

Gerenciamento de rede. Alessandro C. Bianchini Gerenciamento de rede Alessandro C. Bianchini Apresentação Alessandro Coneglian Bianchini exerce a função de engenheiro na NEC Brasil, atuando na elaboração de projetos e implantação de VoIP, Wireless,

Leia mais

Gerencia de Rede (Desempenho) Professor: Guerra (Aloivo B. Guerra Jr.)

Gerencia de Rede (Desempenho) Professor: Guerra (Aloivo B. Guerra Jr.) Gerencia de Rede (Desempenho) Professor: Guerra (Aloivo B. Guerra Jr.) Unidade 3 3.1 Introdução 3.2. Definições 3.3. Motivações 3.4. Problemas 3.5. Desafios 3.6. Padronização e Arquitetura 3.7. Gerência

Leia mais

Princípios de Sistemas Distribuídos. Tecnologias utilizadas em sistemas distribuídos Aula 5

Princípios de Sistemas Distribuídos. Tecnologias utilizadas em sistemas distribuídos Aula 5 Princípios de Sistemas Distribuídos Tecnologias utilizadas em sistemas distribuídos Aula 5 Conceitos de comunicação entre processos Interprocess Communication (IPC) Sistemas distribuídos são construídos

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Ferramentas de gestão de rede Adriano Lhamas, Berta Batista, Jorge Pinto Leite Maio de 2007 Ferramentas de gestão de rede Necessidade O Internet Activities Board recomenda que todas as implementações IP

Leia mais

USO GERAL DOS PROTOCOLOS SMTP, FTP, TCP, UDP E IP

USO GERAL DOS PROTOCOLOS SMTP, FTP, TCP, UDP E IP USO GERAL DOS PROTOCOLOS SMTP, FTP, TCP, UDP E IP SMTP "Protocolo de transferência de correio simples (ou em inglês Simple Mail Transfer Protocol ) é o protocolo padrão para envio de e- mails através da

Leia mais

Arquitetura de Redes. Sistemas Operacionais de Rede. Protocolos de Rede. Sistemas Distribuídos

Arquitetura de Redes. Sistemas Operacionais de Rede. Protocolos de Rede. Sistemas Distribuídos Arquitetura de Redes Marco Antonio Montebello Júnior marco.antonio@aes.edu.br Sistemas Operacionais de Rede NOS Network Operating Systems Sistemas operacionais que trazem recursos para a intercomunicação

Leia mais