dígitos. altura (mm) 10

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "dígitos. altura (mm) 10"

Transcrição

1 ±,QVWDODomR Este equipamento é de fixação em, por meio de duas presilhas, cujo aperto é realizado por parafuso. As dimensões para a abertura são indicadas na figura1. O esquema de ligação é mostrado na figura 2. ±$SUHVHQWDomR 1 Manual de instalação e operação Contador/Totalizador CDL339N-110/220Vca-P188 &'/ ±(VSHFLILFDo}HV Caixa material tipo ABS dimensões mm 75 / 75 / 95 do mm 67 Tensão de alimentação Alimentação para sensor Saída a relé Entradas Vca (50Hz ou 110 / Hz). Vcc / ma 12 / 40 (máx.) quantidade 2 Contato NA ( rmalmente aberto ) Contatos capacidade 250Vca p/ carga resistiva. tempo de operação 10 comutação (ms). desoperação 5 contador quantidade 2 tipo sensor NPN ou PNP, ou contato seco. velocidade de variável de 1Hz a 500 Hz de contagem acordo com o valor do filtro. reset quantidade 1 tipo sensor NPN, ou contato seco Display de 6 tipo led s laranja dígitos. altura (mm) S1 S2 9 8 Programação por meio de teclas frontais três níveis de configuração, 2 protegidos por código 4 5 C1 C2 7 6 ±5HFXUVRV Este equipamento possui dois contadores deminados de Contador 1 e Contador 2, onde o Contador 2 pode ser utilizado como Display de visualização dos contadores. acumulador, dependendo da configuração. O valor deles é visualizado Led de indicação do estado da saída 1 Led de indicação do estado da saída 2 Led de indicação do Contador 1 selecionado. Led de indicação do Contador 2 selecionado. Tecla de decremento. Tecla de reset. Tecla de incremento. Tecla de função. em um display de seis dígitos, e a seleção é feita pela tecla. Os led s (CONTADOR1 e CONTADOR2) irão indicar qual o contador está sendo visualizado. Possui duas saídas a relé (contato seco), com led s de sinalização para indicar seu estado (SAÍDA1 e SAÍDA2). Ele dispõe de fonte de alimentação para o sensor. Possui três entradas de sinal para contato seco, sensor NPN ou PNP. Duas entradas são para os contadores, a terceira entrada é utilizada para o reset remoto. Estas entradas possuem filtros digitais, necessários para evitar-se erros de contagem em ambientes com ruído elétrico. As mesmas podem trabalhar com encoder, dependendo da configuração. A velocidade máxima de contagem é de 500Hz ( 500 pulsos por segundo), a qual depende do valor do filtro, podendo variar de 1Hz até 500Hz. Para uso com contato seco, recomenda-se um valor acima de 100ms. Fazendose o cálculo ( 1 / valor do filtro ), pode-se determinar qual a velocidade máxima do contador. 1 / 5

2 Possui os recursos de Fator de correção e Fator de Multiplicação, podendo, seu valor, ter até três casas após a vírgula, dependendo da configuração. Os contadores também podem ser visualizados com até três casas após a vírgula. O reset pode ser feito de duas formas: manual (frontal e remoto), e automático, totalmente configuráveis. Os dois temporizadores possuem quatro escalas de tempo (0.1s a s, 0,01 a s, 0.1min a min e 0.01 a min) e também são totalmente configuráveis, assim como formas as de disparo, reset e atuação deles sobre as saídas. Quando estiver ocorrendo uma temporização, o ponto do primeiro dígito permanecerá piscando. O valor máximo configurável para o preset dos contadores, fatores de correção e multiplicação é de Seu valor fica reduzido para se for usada uma casa após vírgula, se forem usadas duas casas após a vírgula e se forem usadas três casas após a vírgula. Os dois contadores possuem parâmetros individuais para a configuração da quantidade de casas após a vírgula. ±1tYHLVGHFRQILJXUDomRGRFRQWDGRU Para acessar os parâmetros de configuração pressione a tecla. Aparecerá a mensagem display. Este equipamento possui três níveis de configuração e cada nível possui um código diferente, servindo de proteção para que pessoas não autorizadas, não modifiquem os parâmetros. Para sair da programação e salvar os valores alterados, basta pressionar a tecla por 2 segundos. Ao passar pelo último parâmetro o equipamento também sairá da programação, salvando os parâmetros alterados.!" Possui o código 000, basta apenas pressionar vamente a tecla para ter acesso aos preset ś do contador1, contador2, temporizador1 e temporizador2. #!" Possui o código 547. Inicialmente estará piscando o digito da unidade, utilizando-se a tecla tecla coloque o valor 7. Pode-se utilizar a se for necessária. Passe agora para o próximo digito, pressionando a tecla, da mesma forma, coloque o valor 4 na dezena. Para o digito da centena é o mesmo procedimento e deve-se colocar o valor 5. Quando houver o valor 547 display, confirme o código com a tecla, dando acesso ao ajuste dos preset ś do fator de correção e do fator de multiplicação. Se o valor do código não estiver correto e ele for confirmado, será acessado o Nível1. #!" Possui o código 324. Inicialmente estará piscando o digito da unidade, utilizando-se a tecla tecla coloque o valor 4. Pode-se utilizar a se for necessária. Passe agora para o próximo digito, pressionando a tecla, da mesma forma, coloque o valor 2 na dezena. Para o digito da centena é o mesmo procedimento e deve-se colocar o valor 3. Quando houver o valor 324 display, confirme o código com a tecla, dando acesso a todos os parâmetros de configuração, que vão determinar o modo de funcionamento deste contador. Se o valor do código não estiver correto e ele for confirmado, será acessado o Nível1. Ao entrar Nível1, a mensagem aparecerá display por 2 segundos, após será visualizado o valor anterior programado para o preset do Contador1. Neste momento, o contador está pronto para receber um vo valor, o qual deve ser feito dígito por dígito, utiliza-se as teclas e para mudar o valor, e a tecla para mudar o dígito. Após confirmar o último dígito, o contador passará para o próximo parâmetro. A mensagem aparecerá. Após 2 segundos será visualizada o valor anterior programado para o preset do Contador2. Neste momento o equipamento está pronto para receber um vo valor. O procedimento é o mesmo do Contador1. Confirmando o último digito passa-se para o parâmetro seguinte o qual terá a mensagem, a qual permanecerá por 2 segundos, após será visualizado o valor programado anteriormente para o Temporizador1. Repetindo-se o procedimento chega-se ao último parâmetro deste nível. A mensagem aparecerá por 2 segundos, em seguida será visualizado o valor programado anteriormente para o Temporizador2. Repetindo-se o procedimento e confirmando o último digito, a configuração do Nível1 estará encerrada, com valores sendo gravados na memória. Entrando-se Nível2, a mensagem aparecerá por 2 segundos, sendo visualizado em seguida o valor programado anteriormente para o Fator de Correção. Neste momento o contador estará pronto para receber um vo valor, o qual deve ser feito dígito por dígito, utiliza-se as teclas e para mudar o valor, e a tecla para mudar o dígito. Após confirmar o último dígito, o contador passará para o próximo parâmetro. A mensagem permanecerá por 2 segundos, sendo visualizado após, o valor programado anteriormente para o Fator de Multiplicação. O procedimento é mesmo do parâmetro anterior. Ao confirmar-se o último dígito, encerra-se a configuração do nível 2, com seus valores sendo gravados na memória. Obs.: - Se não for utilizado o fator de correção, seu valor deve ficar em 1. - Se não for utilizado o fator de multiplicação, seu valor deve ficar em 1. Ao entrar Nível3 tem-se acesso aos parâmetros de configuração do contador os quais são descritos abaixo. Para alterar seus valores utiliza-se as teclas e, confirma-se com a tecla, passando para o próximo parâmetro. 2 / 5

3 Configura o número de casas após a vírgula para o Contador1: Incrementa com pulso na entrada 1, decrementa com pulso na entrada 2. Configura o número de casas após a vírgula para o Contador2: Configura a entrada de pulso para o Contador2. Conta com pulso na entrada 1. Conta com pulso na entrada 2. Incrementa quando o Contador1 atinge o preset Incrementa quando o Temporizador1 atinge Incrementa quando o Temporizador2 atinge Acumula o valor do Contador1 quando este atinge o preset ou reset. $ Assume o mesmo valor do Contador1 durante a operação. Configura o número de casas após a vírgula para o Fator de Correção e Fator de Multiplicação. Determina a base de tempo para o Temporizador1. 0,01 s até 9999,99 s. 0,1 s até 99999,9 s. 0,01 min até 9999,99 min. 0,1 min até 99999,9 min. Determina a base de tempo para o Temporizador2. 0,01 s até 9999,99 s. 0,1 s até 99999,9 s. 0,01 min até 9999,99 min. 0,1 min até 99999,9 min. Configura as formas de reset manual para o Contador1. Habilita todos os reset ś. Reset apenas na alimentação. Reset apenas frontal. 3 Reset apenas remoto. 4 Reset frontal e remoto. Configura as formas de reset manual para o Contador2. Habilita todos os reset ś. Reset apenas na alimentação. Reset apenas frontal. 3 Reset apenas remoto. 4 Reset frontal e remoto. Configura a entrada de pulso para o Contador1. Conta com pulso na entrada 1. Conta com pulso na entrada 2. Entrada 1 e 2 trabalham com encoder. Parâmetro reservado para aplicações futuras. Configura a reação dos relés quando os contadores atingem o seus preset ś. Relé 1 desliga quando o Contador1 atinge Relé 2 desliga quando o Contador2 atinge Relé 1 liga quando o Contador1 atinge Relé 2 desliga quando o Contador2 atinge Relé 1 desliga quando o Contador1 atinge Relé 2 liga quando o Contador2 atinge Relé 1 liga quando o Contador1 atinge Relé 2 liga quando o Contador2 atinge Relé 1 liga quando o Contador1 atinge Relé 1 desliga quando o Contador2 atinge Relé 2 liga quando o Contador2 atinge Relé 1 desliga quando o Contador1 atinge Relé 2 liga quando o Contador1 atinge Relé 2 desliga quando o Contador2 atinge Habilita e configura o reset automático para o Contador1. atingir atingir Habilita e configura o reset automático para o Contador2. atingir atingir 3 / 5

4 Configura as formas de reset manual para o Temporizador1. Habilita reset frontal e remoto. Configura as formas de reset manual para o Temporizador2. Habilita reset frontal e remoto. Configura o disparo para o Temporizador1. Contador1 atingir Contador2 atingir Temporizador2 atingir Configura o disparo para o Temporizador2. Contador1 atingir Contador2 atingir Temporizador1 atingir Determina qual a atuação do Temporizador1 sobre os relés. Atua sobre os relés 1 e 2. Não atua sobre os relés. Atua apenas sobre o relé 1. Atua apenas sobre o relé 2. Determina qual a atuação do Temporizador2 sobre os relés. Atua sobre os relés 1 e 2. Não atua sobre os relés. Atua apenas sobre o relé 1. Atua apenas sobre o relé 2. Configura a reação dos relés quando o Temporizador1 atinge Relé 1 e relé 2 desligam quando o Temporizador1 atinge Relé 1 e relé 2 ligam quando o Temporizador1 atinge o preset. Relé 1 liga e relé 2 desliga quando o Temporizador1 atinge Relé 1 desliga e relé 2 liga quando o Temporizador1 atinge Configura a reação dos relés quando o Temporizador2 atinge Relé 1 e relé 2 desligam quando o Temporizador2 atinge Relé 1 e relé 2 ligam quando o Temporizador2 atinge o preset. Relé 1 liga e relé 2 desliga quando o Temporizador2 atinge Relé 1 desliga e relé 2 liga quando o Temporizador2 atinge Habilita e configura o reset automático do Temporizador1. atingir atingir Habilita e configura o reset automático do Temporizador2. atingir atingir Configura a reação dos relés momento do reset manual. Relé 1 e relé 2 desligam quando houver um reset. Relé 1 e relé 2 ligam quando houver um reset. Relé 1 liga e relé 2 desliga quando houver um reset. Relé 1 desliga e relé 2 liga quando houver um reset. Ajuste do valor do filtro digital para a entrada 1. A sua escala este valor em zero o filtro não atua. O valor mínimo recomendado é de 2ms, o que permite uma contagem com freqüência de até 500Hz (500 pulsos por segundo), que é o máximo recomendado para este equipamento. Com este valor em 999 a freqüência máxima de contagem será de 1Hz (1 pulso por segundo). Para uso com contato seco, recomenda-se um valor acima de 100ms. Ajuste do valor do filtro digital para a entrada 2. A sua escala este valor em zero o filtro não atua. O valor mínimo recomendado é de 2ms, o que permite uma contagem com freqüência de até 500Hz (500 pulsos por segundo), que é o máximo recomendado para este equipamento. Com este valor em 999 a freqüência máxima de contagem será de 1Hz (1 pulso por segundo). Para uso com contato seco, recomenda-se um valor acima de 100ms. 4 / 5

5 Ajuste do valor do filtro digital para a entrada 3. A sua escala este valor em zero o filtro não atua. Esta entrada é utilizada somente para reset exter, por isso este filtro pode ficar com um valor alto, acima de 100ms. ± 'LPHQV}HVGRHTXLSDPHQWR meres garantem uma velocidade maior de contagem. Valores maiores aumentam a rejeição a interferência por ruído. + )*( '(, )*( '( As dimensões indicadas abaixo estão em milímetros / S1 S2 C1 C % & % & Figura 2. ±2EVHUYDo}HVJHUDLV - A seleção do contador a ser visualizado display, é feita na Figura 1. tecla de incremento. A cada toque a visualização é trocada, sendo indicada pelos led ś C1 para o Contador1 e C2 para o Contador2. - Este equipamento possui fator de correção e de multiplicação que são aplicados para o Contador1. Os quais podem ser também aplicados para o Contador2, se o parâmetro F2.3 for programado com o valor 6. Neste caso o Contador2 assume o mesmo valor do Contador1, o que se torna útil quando necessita-se de dois preset ś para a mesma medida. Assim temos um contador com dois preset ś, porém sacrifica-se assim a função de acumulador ou de segundo contador, pois este é utilizado como o segundo preset do Contador1. - A velocidade máxima de contagem é de 500Hz (500 pulsos por segundo). ±(VTXHPDGHOLJDomR Abaixo é indicada a forma de ligação das entradas para qualquer tipo de sensor óptico, magnético, capacitivos, NPN ou PNP e contato seco. O filtro, para a respectiva entrada, deve ser ajustado de acordo com o tipo de sinal. Para contato seco, recomenda-se o uso de um valor acima de 100ms. Para sensores indutivos, ópticos ou capacitivos, valores entre 2ms e 999ms podem ser testados. Valores Para resolver quaisquer dúvidas, entre em contato cosco ou acesse o site. Sistemas Eletrônicos Av. Oscar Cirilo Ritzel, 195 Fone: (51) B. 25 de Julho, Campo Bom, RS Cep * O fabricante reservar-se o direito de alterar qualquer especificação sem aviso prévio. 5 / 5

CM8000TC. Manual do Usuário

CM8000TC. Manual do Usuário CM8000TC Manual do Usuário R Descrição Geral O CM8000TC é um temporizador microprocessado com 2 setpoints. Possui display a LED de 6 dígitos com escala em horas, minutos e segundos. A programação dos setpoints

Leia mais

CPM800C3. Manual do Usuário

CPM800C3. Manual do Usuário CPM800C3 Manual do Usuário R Descrição Geral O CPM800C3 é um contador com tecnologia microprocessada. Possui 3 setpoints para contagem, reset manual ou automático, tempo de saída ajustável, filtro de entrada

Leia mais

Manual de instalação e operação AMPERÍMETRO TRIFÁSICO MICROCONTROLADO. PTL286N - 110/220Vca - P243 37/ $35(6(17$d 2 &$5$&7(5Ë67,&$6 3 4 5

Manual de instalação e operação AMPERÍMETRO TRIFÁSICO MICROCONTROLADO. PTL286N - 110/220Vca - P243 37/ $35(6(17$d 2 &$5$&7(5Ë67,&$6 3 4 5 $35(6(17$d 2 Manual de instalação e operação MPERÍMERO RIFÁSICO MICROCONROLDO 1 2 6 9 8 7 PL286N - 110/220Vca - P243 37/ 6 &$5$&7(5Ë,&$6 3 4 5 O PL é um amperímetro trifásico microcontrolado versátil,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DEMARCADOR RODOVIÁRIO

MANUAL DE INSTRUÇÕES DEMARCADOR RODOVIÁRIO MANUAL DE INSTRUÇÕES DEMARCADOR RODOVIÁRIO MDMR-3P/III 1 Equipamento Fabricado por: SENSORES INDUSTRIAIS MAKSEN LTDA Rua José Alves, 388 Mogi Guaçu - SP CNPJ 04.871.530/0001-66 I.E. 455.095.131.110 www.maksen.com.br

Leia mais

* Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada).

* Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada). PROGRAMADOR HORÁRIO MANUAL DE INSTRUÇÕES MTZ622R - 90~240VCA - P504 VERSÃO.0 ABRIL/202 * Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada). 3.2 DIMENSÕES PLACA IHM:

Leia mais

Manual de Instruções. Posicionador e Incrementador Modelo PIS-01/72. Cód.: Frontal. Conexões Elétricas. Introdução

Manual de Instruções. Posicionador e Incrementador Modelo PIS-01/72. Cód.: Frontal. Conexões Elétricas. Introdução Introdução Características Técnicas O posicionador e incrementador Samrello é um equipamento utilizado para o comando de posicionamento dos eixos em máquinas e processos, em diversas áreas e aplicações.

Leia mais

Manual de Operações. Estação Auto-Manual AMS-1. www.innowatt.ind.br

Manual de Operações. Estação Auto-Manual AMS-1. www.innowatt.ind.br Manual de Operações Estação Auto-Manual AMS-1 www.innowatt.ind.br 1 INTRODUÇÃO Obrigado por ter escolhido um produto INNOWATT. Para garantir o uso correto e eficiente, é imprescindível a leitura completa

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Temporizador Automático / Relógio Programador de Horário Para Acionamento Automático de Sirenes e Outros Equipamentos Código: AFKITPROG 2 O REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO REP O Relógio Acionador Automático

Leia mais

3.5 SAÍDAS DE CONTROLE * Saída 1: Saída do Compressor. Saída à relé, máx. 2A, carga resistiva. * Saída 2: Saída do degelo.

3.5 SAÍDAS DE CONTROLE * Saída 1: Saída do Compressor. Saída à relé, máx. 2A, carga resistiva. * Saída 2: Saída do degelo. (63(&,,&$d (6 1Ë9(/'(352*5$0$d 2 &$5$&7(5Ë67,&$6 O MJS é um controlador digital microcontrolado projetado para aplicações de refrigeração, atuando no controle do compressor, nos ciclos de degelo, nos ventiladores

Leia mais

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3.2 CARACTERÍSTICAS DE SOFTWARE 1. CARACTERÍSTICAS O CLG535R é um controlador programável que integra os principais recursos empregados em uma automação industrial. Dispõe integrado

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Indicador Microprocessado ITM44. Versão: 1.xx / Rev.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Indicador Microprocessado ITM44. Versão: 1.xx / Rev. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Indicador Microprocessado ITM44 Versão: 1.xx / Rev. 03 ÍNDICE Item Página 1. Introdução... 02 2. Características... 02 3.

Leia mais

PS 9100. Contadora e Classificadora de Moedas

PS 9100. Contadora e Classificadora de Moedas Contadora e Classificadora de Moedas ÍNDICE 1 Identificação : 2 Instalação: 2.1 Conteúdo: 2.2 Desembalagem : 2.3 Instruções de Instalação : 3 Documentos : 3.1 Especificações das Moedas : 3.2 Condições

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO AP6 Central de Alarme Particionada www.compatec.com.br 2 www.compatec.com.br 3 4. Dimensões do produto... 5. Conhecendo o seu produto... 7 5.1 Conhecendo as funções da central...

Leia mais

MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES

MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES ANTES DE LIGAR O DISPOSITIVO, AJUSTE A CHAVE SELETORA DE TENSÃO, LOCALIZADA NA PARTE INTERNA DO APARELHO, CONFORME ILUSTRAÇÃO 13. 1 O display informa hora/minuto intercalado

Leia mais

Menu de Programação e Operação - Amperímetro Digital - Família GC 2009 Microcontrolado.

Menu de Programação e Operação - Amperímetro Digital - Família GC 2009 Microcontrolado. Operação - Amperímetro Digital - Família GC 2009 Microcontrolado. Com dois reles independentes para controle ou alarme, contatos reversíveis tipo SPDT e Sinal de Saída para Retransmissão da Amperagem medida

Leia mais

Manual de Parametrização pela IHM

Manual de Parametrização pela IHM Manual de Parametrização pela IHM Liberando acesso para modo de parametrização Pressione o botão para aparecer à seguinte tela: A senha de fábrica é: 0000 Caso tenha alterado a senha, coloque a senha atual.

Leia mais

Mapeamento de memória e programação da IHM do controlador CP-WS41/8DO8DI4AO2AI2TAI

Mapeamento de memória e programação da IHM do controlador CP-WS41/8DO8DI4AO2AI2TAI Comércio e Manutenção de Produtos Eletrônicos Manual CP-WS1 Mapeamento de memória e programação da IHM do controlador CP-WS41/8DO8DI4AO2AI2TAI PROXSYS Versão 1.0 Março-2013 Controlador Industrial CP-WS1

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Unidade Discadora Telefônica - Para Monitoramento Remoto Até 5 Números Código: AFDISC A unidade discadora telefônica para monitoramento remoto, código AFDISC é um equipamento que deve ser instalado em

Leia mais

PCT-3001 plus. Display LCD

PCT-3001 plus. Display LCD PCT3 plus CONTROLADOR DIGITAL DE PRESSÃO PARA CENTRAIS DE REFRIGERAÇÃO Ver.2 DESCRIÇÃO Controlador de pressão para sistemas de refrigeração que controla os estágios de sucção (compressores) e de descarga

Leia mais

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ.

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ. 8 Tecla Cancelar. Utilizado para retorno de nível de programação. 9 Tecla Enter. Utilizado para acessar programação. Obs.: Todas as teclas podem ser utilizadas no diagrama Ladder. 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Leia mais

CRONÔMETRO MICROPROCESSADO

CRONÔMETRO MICROPROCESSADO O equipamento possui um display de alta resolução e 6 botões: CRONÔMETRO MICROPROCESSADO www.maxwellbohr.com.br (43) 3028-9255 LONDRINA PR 1 - Introdução O Cronômetro Microprocessado é um sistema destinado

Leia mais

Contador Digital Up/Down

Contador Digital Up/Down MANUAL DE OPERAÇÃO Contador Digital Up/Down C100D HNI Cód. 90.506.1010 Programa Executivo: C100D HNI v.1.0 Modelos: 220VAC, 127VAC, 24VAC e 12VDC e 24VDC 40-000-0129 Rev. A fevereiro 2008. ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO:...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO KPBT-XT Rev. 1.1 de 15/10/2014

MANUAL DO USUÁRIO KPBT-XT Rev. 1.1 de 15/10/2014 _ MANUAL DO USUÁRIO KPBT-XT Rev. 1.1 de 15/10/2014 Descrição do Produto: Figura 1.0 - KPBT-XT O KPBT XT é um keypad amplificado de parede ideal para a instalação em residências, ambientes corporativos,

Leia mais

CENTRAL DE ALARME BRISA 4 PLUS

CENTRAL DE ALARME BRISA 4 PLUS CENTRAL DE ALARME BRISA 4 PLUS Parabéns, Você acaba de adquirir uma central de alarme modelo Brisa 4 Plus produzida no Brasil com a mais alta tecnologia de fabricação. 1- PAINEL FRONTAL Led REDE: Indica

Leia mais

Manual de Instruções. Deve operar em ambientes isentos de gases corrosivos, poeiras inflamáveis ou materiais explosivos.

Manual de Instruções. Deve operar em ambientes isentos de gases corrosivos, poeiras inflamáveis ou materiais explosivos. Modelo: RPCF 3/ 12 Introdução O é apropriado para um eficiente controle da energia reativa das instalações elétricas. Ele é dotado de um microcontrolador com um poderoso algoritmo de otimização do fator

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Central de Detecção e Alarme Contra Incêndio V260 Imagem Central V260 36 Laços Manual de Instalação Leia atentamente o manual antes do manuseio do equipamento ÍNDICE 1 COMANDOS E SINALIZAÇÕES DA CENTRAL

Leia mais

Manual de operações e instruções

Manual de operações e instruções Manual de operações e instruções Transmissor e Indicador de Vazão de Ar TIVA Com display LCD Rua Cincinati, 101 - São Paulo -SP Tel. / Fax (011) 5096-4654 - 5096-4728. E-mail: vectus@vectus.com.br Para

Leia mais

Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K

Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K Imagem meramente ilustrativa Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K 1 Sumário Apresentação... 3 1. Fixação do Equipamento... 3 2. Estrutura e Funções... 4 3. Conexões... 4 4. Conexão com outros acessórios...

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Discador GSM

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Discador GSM MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO www.compatec.com.br Indice: 1. Caracterísitcas... 2 2. Leds... 3 3. Programando os números telefonicos... 4 3.1. Para apagar números individualmente... 4 3.2. Para apagar

Leia mais

TECLADO VIAWEB TOUCH

TECLADO VIAWEB TOUCH TECLADO VIAWEB TOUCH GUIA DE USUÁRIO V1.0 R1.00 Julho 2013 Teclado Touch - 1 2 - Guia do Usuário Teclado VIAWEB TOUCH Sumário INDICAÇÕES DO TECLADO...3 MENU DE PROGRAMAÇÃO...4 ACESSAR MENU...5 OPÇÕES PARA

Leia mais

- -Pressionando essa tecla podemos diminuir os valores a serem ajustados no menu de programação.

- -Pressionando essa tecla podemos diminuir os valores a serem ajustados no menu de programação. Apresentação 1 Display LCD 2 Tecla + (aumentar) 3 Tecla Seleção 4 Tecla (diminuir) 5 Tecla Motor manual 6 Tecla Reset contador 7 Led Indica painel ligado 8 Led resistência ligada 9 Led Prensa ligada 10

Leia mais

3.2 DIMENSÕES PLACA IHM: * Peso aproximado: 205g. * Dimensões para fixação na parte interna da parede: 120,8x120, 8x5,2 mm.

3.2 DIMENSÕES PLACA IHM: * Peso aproximado: 205g. * Dimensões para fixação na parte interna da parede: 120,8x120, 8x5,2 mm. 3. ESPECIFICAÇÕES 4.1 MODO DE OPERAÇÃO 3.1 GERAIS * Displays touchscreen; * Controle de dia e hora via RTC (Real-Time Clock), com bateria interna; * Duas agendas com memória para até 56 eventos (liga/desliga)

Leia mais

Hamtronix CONTROLE REMOTO DTMF. CRD200 - Manual de Instalação e Operação. Software V 2.0 Hardware Revisão B

Hamtronix CONTROLE REMOTO DTMF. CRD200 - Manual de Instalação e Operação. Software V 2.0 Hardware Revisão B Hamtronix CRD200 - Manual de Instalação e Operação Software V 2.0 Hardware Revisão B INTRODUÇÃO Índice...01 Suporte On-line...01 Termo de Garantia...01 Em Caso de Problemas (RESET)...01 Descrição do Produto...02

Leia mais

Central de alarme ANM 2004 MF / ANM 2008 MF

Central de alarme ANM 2004 MF / ANM 2008 MF Central de alarme ANM 2004 MF / ANM 2008 MF Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A central de alarme ANM 2004/2008 MF é compacta e de fácil programação, possui

Leia mais

Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:...

Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:... 0 Conteúdo Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:... 4 1.2 Acesso através do teclado (digitando a matrícula):...

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204. Versão 1.XX / Rev.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204. Versão 1.XX / Rev. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204 Versão 1.XX / Rev. 1 Índice Item Página 1. Introdução...02 2. Características...02

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado CCM44. Versão 0.xx / Rev.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado CCM44. Versão 0.xx / Rev. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado CCM44 Versão 0.xx / Rev. 03 Índice Ítem Página 1. Introdução... 02 2. Características...

Leia mais

3.1.2 CONTROLE REMOTO * Alimentação: 12V - 1 pilha A23. * Alcance: 15 metros sem obstáculos.

3.1.2 CONTROLE REMOTO * Alimentação: 12V - 1 pilha A23. * Alcance: 15 metros sem obstáculos. 1. CARACTERÍSTICAS CONTROLADOR DE TEMPERATURA PARA AQUECIMENTO SOLAR E AUTOMAÇÃO DE PISCINA MTZ621R - 90~240VCA - P551 MANUAL DE INSTRUÇÕES VERSÃO 1.2 - JAN/2014 2.2 CONTROLE REMOTO 3.3 SENSOR DE TEMPERATURA

Leia mais

MD-50 Plus. Com a senha mestre são permitidas todas as funções de programação do módulo. A senha de fábrica é 5-6-7-8.

MD-50 Plus. Com a senha mestre são permitidas todas as funções de programação do módulo. A senha de fábrica é 5-6-7-8. MD-50 Plus DESCRIÇÃO DO PRODUTO Com esse equipamento você pode monitorar qualquer central de alarme convencional ou eletrificador. Ele possui 4 entradas e uma saída PGM que pode ser acionada por telefone

Leia mais

KPF08 e KPF-12. Controladores de Fator de Potência. [1] Introdução. [4] Grandezas medidas. [2] Princípio de funcionamento.

KPF08 e KPF-12. Controladores de Fator de Potência. [1] Introdução. [4] Grandezas medidas. [2] Princípio de funcionamento. [1] Introdução Controladores de fator de potência são instrumentos utilizados para medição e compensação de potência reativa em instalações elétricas. O fator de potência, definido pela razão entre potência

Leia mais

WT-1000 LED INDICADOR DE PESAGEM

WT-1000 LED INDICADOR DE PESAGEM WT-1000 LED INDICADOR DE PESAGEM Manual do usuário Rev0 21/03/2006 Índice 1 Funções das teclas Página 2 2 Operação Página 2 2.1 Carregando a Bateria Página 2 2.2 Zero Manual Página 3 2.3 Função de Tara

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado C130. V.1.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado C130. V.1. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Controlador Digital Microprocessado C130 V.1.01 / Revisão 4 ÍNDICE Item Página 1. Introdução...01 2. Características...01

Leia mais

Manual do Usuário - Telefone e Facilidades. www.integrati.com.br

Manual do Usuário - Telefone e Facilidades. www.integrati.com.br Manual do Usuário - Telefone e Facilidades www.integrati.com.br Introdução Este Treinamento foi elaborado para auxiliá-lo na utilização do novo sistema de telefonia Alcatel-Lucent. A seguir, apresentaremos

Leia mais

Medidor ultrassónico de nível com indicação em painel para montagem em parede.

Medidor ultrassónico de nível com indicação em painel para montagem em parede. ECR-SC Comércio e Assistencia Técnica Ltda. Rua das Cerejeiras, 80 Ressacada CEP 88307-330 Itajaí SC Fone: (47) 3349 6850 Email: vendas@ecr-sc.com.br Medidor ultrassónico de nível com indicação em painel

Leia mais

Comprador: Endereço: Cidade: Bairro: CEP: Revendedor: Fone: Data da venda: / / ID: P18407 - Rev. 1

Comprador: Endereço: Cidade: Bairro: CEP: Revendedor: Fone: Data da venda: / / ID: P18407 - Rev. 1 A instalação por outrem implicará em exclusão da garantia em decorrência de defeitos causados pela instalação inadequada. Somente técnico autorizado está habilitado a abrir, remover, substituir peças ou

Leia mais

CR20I MANUAL DO USUÁRIO

CR20I MANUAL DO USUÁRIO CR20I MANUAL DO USUÁRIO R Índice Descrição Geral... 3 Aplicações... 3 Características Técnicas... 3 Modo de Operação... 3 Programação... 4 Esquema de Ligações... 9 Dimensões (mm)... 10 2 Indicador CR20IG

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L MANUAL TÉCNICO SUMÁRIO CARACTERÍSTICAS GERAIS... 3 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 PAINEL... 4 FUNÇÕES DO PAINEL... 4 FUNÇÕES INTERNAS PLACA DE CONTROLE... 6 FUNÇÕES INTERNAS

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

MICROMASTER 4 Criando funções lógicas (Blocos Livres) no MM420

MICROMASTER 4 Criando funções lógicas (Blocos Livres) no MM420 MICROMASTER 4 Criando funções lógicas (Blocos Livres) no MM420 Edição 08.2007 A&D CS Suporte Técnico Drives HotLine Índice 1. Introdução 2. Criando uma porta lógica "AND" no MM420 3. Criando uma porta

Leia mais

PAINEL DE ALARME ACTIVE 10 E 10 LITE

PAINEL DE ALARME ACTIVE 10 E 10 LITE PAINEL DE ALARME ACTIVE 0 E 0 LITE - FUNÇÕES BÁSICAS. VISUALIZAÇÃO DOS PROBLEMAS NO SISTEMA Para visualizar os problemas, pressione a tecla P por segundos. O led SISTEMA começa a piscar, continue pressionando

Leia mais

NOTA IMPORTANTE Claro cliente, muito obrigado por ter escolhido a balança eletrônica UMA, da Casa Bugatti. Como a maioria dos eletrodomésticos, esta balança deve ser usada com cuidado e atenção para prevenir

Leia mais

1C.71 CRONOTERMOSTATO SEMANAL TOUCH SCREEN. fig. 1. fig. 2. fig. 3

1C.71 CRONOTERMOSTATO SEMANAL TOUCH SCREEN. fig. 1. fig. 2. fig. 3 fig. Ò www.findernet.com C. CRONOERMOSAO SEMANAL OUCH SCREEN fig. CARACERÍSICAS ÉCNICAS................... LEGENDA DO DISPLAY........ CONFIGURAÇÕES BÁSICAS................. / CONFIGURAÇÃO MANUAL DA EMPERAURA............

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03 1 Introdução: Os indicadores possuem uma entrada analógica configurável por software, que permite a conexão de diverstos tipos de sensores de temperatura e outras grandezas elétricas sem a necessidade

Leia mais

Manual de utilização do módulo NSE METH 3E4RL

Manual de utilização do módulo NSE METH 3E4RL INSTALAÇÃO 1 - Baixe o arquivo Software Configurador Ethernet disponível para download em www.nse.com.br/downloads-manuais e descompacte-o em qualquer pasta de sua preferência. 2 - Conecte a fonte 12Vcc/1A

Leia mais

Aparelho Mod. 4028/4029

Aparelho Mod. 4028/4029 Aparelho Mod. 4028/4029 Monofone Regulador de Inclinação Indicador Luminoso Piscando Verde: Entrada de chamada Piscando Vermelho : Alarme Teclas Programáveis Navegação Teclas de Funções Programáveis Teclas

Leia mais

Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma

Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma Linha de Produtos * Monitores de Válvulas Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma Calibração automática Sensoriamento totalmente eletrônico do posicionamento da válvula LEDs Extra Brilho para indicação

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO BALANÇA ROR LINHA RS

MANUAL DE OPERAÇÃO BALANÇA ROR LINHA RS MANUAL DE OPERAÇÃO BALANÇA ROR LINHA RS ÍNDICE I - INTRODUÇÃO... 02 II - RECEBENDO SUA BALAÇA ROR... 02 III - MONTAGEM DO EQUIPAMENTO... 02 IV - LIGANDO SUA BALANÇA... 03 V - RECURSOS PARA OPERAÇÃO...

Leia mais

Motores Energia Automação Tintas PFW01. Controlador Automático do Fator de Potência. Manual de Instalação e Operação

Motores Energia Automação Tintas PFW01. Controlador Automático do Fator de Potência. Manual de Instalação e Operação Motores Energia Automação Tintas PFW01 Controlador Automático do Fator de Potência Manual de Instalação e Operação Atenção Você está utilizando um equipamento que trabalha com tensões elevadas. Atenção

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MAC 155ED +55 (16) 33833818

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MAC 155ED +55 (16) 33833818 A SSISTÊNCIAS T ÊCNICAS AUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33833818 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP 15990-668

Leia mais

EQUIPAMENTOS. Manual de Operação. FE35i. MAN 011 Versão 1.0. Teto. Piso EQUIPAMENTOS LTDA.

EQUIPAMENTOS. Manual de Operação. FE35i. MAN 011 Versão 1.0. Teto. Piso EQUIPAMENTOS LTDA. EQUIPAMENTOS EQUIPAMENTOS LTDA. FE35i Teto C Piso C F 1 Alto 2 3 Faixa 4 EQU IPAMENTO S LT DA. São Ca rlos - SP Fo ne : (16 )3307-6 474 Manual de Operação MAN 011 Versão 1.0 Aconselhamos que as instruções

Leia mais

FACILITY TOP HÍBRIDA. Manual Técnico MANUAL TÉCNICO AUTOMATIZADOR PARA PORTÕES DESLIZANTES MONDIALE. P19165 - Rev. 1

FACILITY TOP HÍBRIDA. Manual Técnico MANUAL TÉCNICO AUTOMATIZADOR PARA PORTÕES DESLIZANTES MONDIALE. P19165 - Rev. 1 MANUAL TÉCNICO AUTOMATIZADOR PARA PORTÕES DESLIZANTES P19165 - Rev. 1 MONDIALE 1 ÍNDICE DIAGRAMA DE CONEXÕES...4 Principais características... 5 Funções do led SN...5 Entrada PARA Trava...6 botões (+)

Leia mais

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação.

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação. Indicador Digital Processos MODO DE USO Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional ABB Automação Hartmann & Braun Dados Técnicos (NRB5180) Entrada -mvdc: -Vdc -madc Alimentação

Leia mais

CLP s9300. CLP s9300 revisão 1 - Página 1 de 8

CLP s9300. CLP s9300 revisão 1 - Página 1 de 8 CLP s9300 CLP s9300 revisão 1 - Página 1 de 8 Controlador Lógico Programável s9300 Descrição: O CLP s9300 (Controlador Lógico Programável) é o módulo que possui um alto nível de integração entre seus componentes.

Leia mais

Painel de Mensagens TXT 010556 TXT 010764 TXT 020764. Manual do Usuário

Painel de Mensagens TXT 010556 TXT 010764 TXT 020764. Manual do Usuário Painel de Mensagens TXT 010556 TXT 010764 TXT 020764 Manual do Usuário A GPTRONICS está capacitada a fabricar produtos de excelente qualidade e oferecer todo o suporte técnico necessário, tendo como objetivo

Leia mais

Manual de Operação ibus Teclado 32i Modelo: ibus - Teclado

Manual de Operação ibus Teclado 32i Modelo: ibus - Teclado ibus Manual de Operação ibus Teclado 32i Modelo: ibus - Teclado Este produto está homologado pela ANATEL, de acordo com os procedimentos regulamentados pela Resolução 242/2000, e atende aos requisitos

Leia mais

Presys Instrumentos e Sistemas

Presys Instrumentos e Sistemas Versão Especial - Entrada para encoder de saída dupla e reset externo Solicitante Responsável: Depto.: _ As informações contidas nesta folha têm prioridade sobre aquelas do manual técnico do instrumento.

Leia mais

CENTRAL DE ALARME ASD-260 SINAL/VOZ

CENTRAL DE ALARME ASD-260 SINAL/VOZ CENTRAL DE ALARME ASD-60 SINAL/VOZ Parabéns, Você acaba de adquirir uma central de alarme modelo ASD-60 produzida no Brasil com a mais alta tecnologia de fabricação. - PAINEL FRONTAL Led REDE: Indica que

Leia mais

Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1

Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1 Manual de instruções Controlador RGB DMX CRGB-V1 Índice - 1 Características técnicas...2-1.1 Instalação...4-2 Menu...4-2.1 Navegando no Menu...5-2.2 Efeitos...6-2.3 Operação...6-3 Configuração DMX 512...7-3.1

Leia mais

Manual de Configuração e Operação

Manual de Configuração e Operação ALFA INSTRUMENTOS ELETRÔNICOS LTDA Manual de Configuração e Operação Última alteração Número do documento 21/02/2013 10:38 Este documento contém os procedimentos de configuração e operação do sistema de

Leia mais

Manual Técnico. Gabinete 45 CMPC. para notebooks educacionais

Manual Técnico. Gabinete 45 CMPC. para notebooks educacionais Manual Técnico Gabinete 45 CMPC para notebooks educacionais 01 Sobre o produto Armazenamento transporte e carga: - 45 Notebooks Educacionais + Notebook do professor Segurança: - Totalmente fabricado em

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Renz Multimedidor MGG-92 ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 3 1.1 Aplicação 2.0 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2.1 Mecânicas 2.2 Elétricas 2.3 Grandezas Elétricas medidas e/ou calculadas 3.0

Leia mais

Máx Unid Padrão. Mín 1 / 0.1 0/0 0/0 0/0 0/0 100 / 6.9 100 / 6.9 100 / 6.9 999 150.0 / 302 5.0/9 2 -50.0 / -58 0.1/1 1 / 0.

Máx Unid Padrão. Mín 1 / 0.1 0/0 0/0 0/0 0/0 100 / 6.9 100 / 6.9 100 / 6.9 999 150.0 / 302 5.0/9 2 -50.0 / -58 0.1/1 1 / 0. PCT6 plus CONTROLADOR DIGITAL DE PRESSÃO PARA CENTRAIS DE REFRIGERAÇÃO Ver. PCT6VT74. DESCRIÇÃO O PCT6 plus é um controlador de pressão para ser utilizado em centrais de refrigeração que necessitem de

Leia mais

VÍDEO PORTEIRO SENSE E VIVA-VOZ SENSE. Manual de Instalação

VÍDEO PORTEIRO SENSE E VIVA-VOZ SENSE. Manual de Instalação VÍDEO PORTEIRO SENSE E VIVA-VOZ SENSE Manual de Instalação Manual de Instalación Installation Manual HDL da Amazônia Indústria Eletrônica LTDA. Av. Abiurana, 1150 - Distrito Indústrial Manaus - AM - Cep:

Leia mais

CR20T. Manual do Usuário

CR20T. Manual do Usuário CR20T Manual do Usuário R 1 Índice Descrição Geral... 3 Aplicações... 3 Características Técnicas... 3 Modo de Operação... 4 Programação...4 Diagrama em blocos do menu... 5 Diagramas de funcionamento...

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÕES AHC CRANE 21644

MANUAL DE OPERAÇÕES AHC CRANE 21644 MANUAL DE OPERAÇÕES AHC CRANE 21644 PÁGINA DO AHC Na figura acima são exibidas as seguintes informações: 1- Velocidade do cabo. 2- Pressão do Nitrogênio no Compensador do AHC. 3- Carga máxima permitida

Leia mais

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda Versão para atualização do Gerpos Retaguarda A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES INDICADOR DIGITAL IDP204

MANUAL DE INSTRUÇÕES INDICADOR DIGITAL IDP204 MANUAL DE INSTRUÇÕES INDICADOR DIGITAL IDP204 VERSÃO WEB JUNHO/2008 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Display : Led vermelho de alto brilho (13 mm). Teclado : 4 teclas ( Menu,Entra,Sobe e Desce ) Configuração:

Leia mais

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003 AL-2003 Manual do usuário Anunciador de Alarme MAN-PT-DE-AL2003 Rev.: 1.00-12 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso AL-2003. Para garantir o uso correto e eficiente do AL-2003, leia este manual

Leia mais

Horímetro Digital H100-A HNI

Horímetro Digital H100-A HNI MANUAL DE OPERAÇÃO Horímetro Digital H100-A HNI Programa Executivo: H100A HNI v.1.2 Modelos: 220VAC, 127VAC, 24VAC e 12-24VDC 40-000-0101 Rev. C dezembro 2008. ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO:... 3 2. INSTALAÇÃO

Leia mais

Contador de Eventos modelo C-2020 V1.0M240611 Contador digital com 10 setpoint programável Registro Parcial Registro totalizador

Contador de Eventos modelo C-2020 V1.0M240611 Contador digital com 10 setpoint programável Registro Parcial Registro totalizador Contador de Eventos modelo C2020 V.0M2406 Contador digital com 0 setpoint programável Registro Parcial Registro totalizador Características Contador de eventos digital (Totalizador de Eventos ) Contador

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Ultrassom Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13 Sensor Smart Ultrassom 1. Introdução Os sensores de ultrassom ou ultrassônicos são sensores que detectam

Leia mais

Manual de instalação e configuração do módulo de saídas NSR-08

Manual de instalação e configuração do módulo de saídas NSR-08 Manual de instalação e configuração do módulo de saídas NSR-08 Sumário DESCRIÇÃO GERAL...4 VANTAGENS...4 CARACTERÍSTICAS...4 LED DE STATUS DO MODULO...4 ESQUEMA DE LIGAÇÕES...5 LIGAÇÃO DO CABO DE COMUNICAÇÃO...6

Leia mais

Guia de Usuário Teclado sensível ao toque TM40

Guia de Usuário Teclado sensível ao toque TM40 Guia de Usuário Teclado sensível ao toque TM40 1 Índice Página Principal... 1 Menu... 3 Modo Anunciador... 9 Slide Show... 9 Planta Baixa... 9 Status... 9 Zona... 9 Info... 9 Menu.... 3 Funções de Segurança...

Leia mais

Manual do Usuário REV 2.0 MMD1 VSI VERSÃO 1.0 OPERAÇÃO

Manual do Usuário REV 2.0 MMD1 VSI VERSÃO 1.0 OPERAÇÃO Manual do Usuário REV 2.0 MMD1 VSI VERSÃO 1.0 OPERAÇÃO Parabéns! Você acaba de adquirir um produto de alta confiabilidade, projetado e construído dentro dos mais rígidos padrões de qualidade. A MEDLIQ

Leia mais

Console Bimanual CBM-W

Console Bimanual CBM-W Fabricado por Sensores Eletrônicos Instrutech 11 5031-5188 CBM CONSOLE BIMANUAL PULSO AJUSTE POWER S1 OUTPUT S2 MANUAL DO USUÁRIO Console Bimanual CBM-W Console Bimanual para acionamento em máquinas operatrizes

Leia mais

Guia do Usuário. Monitor de CO 2. Modelo CO200

Guia do Usuário. Monitor de CO 2. Modelo CO200 Guia do Usuário Monitor de CO 2 Modelo CO200 Introdução Parabéns pela sua compra deste Medidor de Dióxido de Carbono Modelo CO200. Este aparelho mede o nível de CO2, a temperatura do ar, umidade, data

Leia mais

MGE 144 Medidor Multigrandezas

MGE 144 Medidor Multigrandezas MGE 144 Medidor Multigrandezas Modo de uso do software IBIS_BE ABB Instrumentação 1 PROGRAMA IBIS BE Conexão Compatibilidade - Compatível com 486 8M RAM ou superior com 1 saída de comunicação serial disponível,

Leia mais

AVAL 3000 PORTA GIRATÓRIA. 8 áreas. Rod. Sc434, Cx postal 01-88495.000 - Garopaba - SC - Brasil 48 3254 8800 - www.mineoro.com.br

AVAL 3000 PORTA GIRATÓRIA. 8 áreas. Rod. Sc434, Cx postal 01-88495.000 - Garopaba - SC - Brasil 48 3254 8800 - www.mineoro.com.br PORTA GIRATÓRIA AVAL 3000 8 áreas Rod. Sc434, Cx postal 01-88495.000 - Garopaba - SC - Brasil 48 3254 8800 - www.mineoro.com.br 2014 - MINEORO - Indústria Eletrônica Ltda. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Temporizador Velocímetro CTV45/CTV78. Versão:1.xx / Rev.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Temporizador Velocímetro CTV45/CTV78. Versão:1.xx / Rev. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Contador Temporizador Velocímetro CTV45/CTV78 Versão:1.xx / Rev. 07 ÍNDICE Item Página 1. Especificações Técnicas... 02

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES BANHO SECO DIGITAL MODELOS D1100 E D1200. Representante: Ciencor Scientific Ltda www.ciencor.com.br Fone: (11) 3673-7809

MANUAL DE INSTRUÇÕES BANHO SECO DIGITAL MODELOS D1100 E D1200. Representante: Ciencor Scientific Ltda www.ciencor.com.br Fone: (11) 3673-7809 MANUAL DE INSTRUÇÕES BANHO SECO DIGITAL MODELOS D1100 E D1200 Representante: Ciencor Scientific Ltda www.ciencor.com.br Fone: (11) 3673-7809 1 MANUAL DE INSTRUÇÕES 1 ESPECIFICAÇÕES GERAIS : Faixa de temperatura

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. COMPOSIÇÃO DO TRANSMISSOR (Figura 1) DIVISÃO DESTE MANUAL. Este manual está dividido em duas partes:

MANUAL DE OPERAÇÃO. COMPOSIÇÃO DO TRANSMISSOR (Figura 1) DIVISÃO DESTE MANUAL. Este manual está dividido em duas partes: MANUAL DE OPERAÇÃO INTRODUÇÃO: O FLASH PRESENÇA MOTO foi desenvolvido especialmente para a utilização em Motos, porque o mercado necessita de um aparelho versátil, de pequenas dimensões e completo, que

Leia mais

Manual do Usuário Balança SA-110 WWW.ELGIN.COM.BR

Manual do Usuário Balança SA-110 WWW.ELGIN.COM.BR Manual do Usuário Balança SA-110 WWW.ELGIN.COM.BR Índice Capítulo 1: O Produto Acessórios que compõem o produto Função do modelo Capítulo 2: Instalação do Produto Instalação física Conexão a tomada Cabo

Leia mais

ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000

ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000 ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000 MANUAL DE INSTRUÇÕES ANALISADOR DE ENERGIA CEM1000 1.- INTRODUÇÃO: O analisador de energia CIBER modelo CEM1000, mede, calcula e totaliza as principais grandezas elétricas

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO DISCADORA DM-908

GUIA DE INSTALAÇÃO DISCADORA DM-908 GUIA DE INSTALAÇÃO DISCADORA DM-908 R ÍNDICE Característica do Aparelho... 3 Funcionamento Geral... 3 Painel Frontal... 3 Programação dos Telefones... 4 Apagando uma Posição de Memória... 4 Programação

Leia mais

LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO

LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO LASERTECK SOFTECK FC MANUAL DO USUÁRIO 2015 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 REQUISITOS DO SISTEMA... 3 3 INSTALAÇÃO... 3 4 O QUE MUDOU... 3 5 COMO COMEÇAR... 4 6 FORMULÁRIOS DE CADASTRO... 5 7 CADASTRO DE

Leia mais

Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000. www.acenodigital.com.br. Rua Porto Alegre, 212 Jd. Agari 43 3027-2255 Cep: 86.

Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000. www.acenodigital.com.br. Rua Porto Alegre, 212 Jd. Agari 43 3027-2255 Cep: 86. Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000 Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000 Este manual apresenta o funcionamento e os procedimentos de configuração e instalação dos painéis Aceno Digital, modelos

Leia mais

MADIS RODBEL SOLUÇÕES DE PONTO E ACESSO LTDA

MADIS RODBEL SOLUÇÕES DE PONTO E ACESSO LTDA MADIS RODBEL SOLUÇÕES DE PONTO E ACESSO LTDA Manual de operação Relógio MD 5705 Revisão 1.02 Maio de 2010 1 Índice Apresentação... 3 Display de LCD... 3 Leitor de crachás... 3 Leitor biométrico... 3 Teclado...

Leia mais