INFORMATION. Banco BPI, S.A. informs having received from CaixaBank, S.A. the following communication with the annexes that are mentioned there.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INFORMATION. Banco BPI, S.A. informs having received from CaixaBank, S.A. the following communication with the annexes that are mentioned there."

Transcrição

1 Banco BPI, S.A. Publicly held company Head Office: Rua Tenente Valadim, no.284, Porto, Portugal Share capital: Registered in Oporto C.R.C. and corporate body no INFORMATION Banco BPI, S.A. informs having received from CaixaBank, S.A. the following communication with the annexes that are mentioned there. (Translation added by Banco BPI from a communication originally received in Portuguese) Dear Sirs, Please find attached hereto a copy of the material fact releases identified below published this morning by CaixaBank, S.A., through the website of the Spanish supervisor Comisión Nacional de Valores following the preliminary announcement of the voluntary public tender offer for the acquisition of the share capital of Banco BPI, S.A.: CaixaBank hereby reports that, on the date hereof, it has announced in the Information Disclosure System of the Portuguese Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) its intention to launch a public tender offer ( Offer ) for the acquisition of ordinary shares representing the share capital of Portuguese bank Banco BPI, S.A CaixaBank files presentation regarding Voluntary Tender Offer for Banco BPI, S.A CaixaBank files Spanish and English versions regarding the Preliminary Announcement of General and Voluntary Takeover offer over shares representing the share capital of Banco BPI, S.A. As per CMVM s request, we request the release of these documents through the CMVM information disclosure system." Porto, 17 February 2015 Banco BPI, S.A. Annexes: the above mentioned.

2 SIGNIFICANT EVENT CaixaBank hereby reports that, on the date hereof, it has announced in the Information Disclosure System of the Portuguese Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) its intention to launch a public tender offer ( Offer ) for the acquisition of ordinary shares representing the share capital of Portuguese bank Banco BPI, S.A. ( BPI ). Attached hereto is the Preliminary Announcement of the Offer, as published on the website of the CMVM. The Offer is voluntary, with a price of 1.33 euros per share payable in cash. The consideration offered is equivalent to BPI s 6 months volume-weighted average share price and, therefore, qualifies as equitable as per Portuguese regulation. The Offer is directed to all the outstanding shares of BPI not currently held by CaixaBank, and its effectiveness is subject to: (i) reaching acceptances representing more than 5.9% of outstanding shares, so that, together with CaixaBank s 44.1% current shareholding, CaixaBank's shareholding is greater than 50% after the Offer, and (ii) the elimination of the 20% voting cap set out in article 12.4 of the bylaws of BPI. The removal of such voting cap requires the approval of at least 75% of share capital attending and represented at the general shareholders meeting of BPI, at which the voting rights of CaixaBank will be limited to 20%. CaixaBank intends to continue supporting the management of BPI, whose prudent and effective management successfully protected BPI from the instability that has affected the financial system over the last years. CaixaBank s also intends that BPI continues as listed company after the end of the Offer, taking into account those shareholders, including those that are represented in BPI s board of directors, that decide not to tender their shares in the Offer. The transaction is expected to have a positive impact on CaixaBank s future earnings per share (EPS) from completion date. The impact on CaixaBank s fully-loaded CET1 ratio is estimated, on a preliminary basis, to be between 80 bps and 140 bps, assuming acceptance rates of 5.9% %. CaixaBank s target is to maintain a capital ratio (fully-loaded CET1) above 11% after the transaction in order to continue to be among the most capitalised European banks. A conference call will be held at 10 am CET to present the transaction to analysts and investors, whose written materials shall be previously released as a relevant fact. The instructions to participate in this conference call may be obtained in CaixaBank will continue to inform the market promptly of any future material events in connection with the Offer. Barcelona, 17 February 2015.

3 CaixaBank, S.A. Sede: Avenida Diagonal, 621 Barcelona Capital Social: ,00 Matriculada no Registo Comercial de Barcelona com o C.I.F A (Oferente) ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E VOLUNTÁRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DO BANCO BPI, S.A. Nos termos e para os efeitos do disposto nos artigos 175.º e 176.º do Código dos Valores Mobiliários ( Cód.VM ), torna-se pública a decisão de lançamento pelo Caixabank, S.A. ( Oferente ) de uma oferta pública geral e voluntária de aquisição de ações representativas do capital social do Banco BPI, S.A. ( Oferta ), nas condições constantes deste Anúncio Preliminar e dos demais documentos da Oferta: 1. O Oferente é o CaixaBank, S.A., sociedade anónima, titular do C.I.F. A , com sede na Avenida Diagonal, 621, em Barcelona, Espanha, matriculada no Registo Comercial de Barcelona, folha B-41232, e inscrita no Registo Administrativo Especial do Banco de Espanha, sob o número 2100, com o capital social integralmente subscrito e realizado de ,00 (cinco mil setecentos e catorze milhões, novecentos e cinquenta e cinco mil e novecentos euros). 2. A Sociedade Visada é o Banco BPI, S.A., sociedade aberta, com sede na Rua Tenente Valadim, 284, no Porto, com o número único de matrícula e de identificação fiscal , e com o capital social, integralmente subscrito e realizado, de ,98 (mil duzentos e noventa e três milhões, sessenta e três mil, trezentos e vinte e quatro euros e noventa e oito cêntimos). 3. O objeto da Oferta é constituído pela totalidade das ações ordinárias, escriturais e nominativas, sem valor nominal, representativas do capital social e dos direitos de voto da Sociedade Visada ( Ação ou Ações ), com exclusão das que sejam detidas diretamente pelo Oferente. As Ações encontram-se admitidas à negociação no mercado regulamentado Euronext, gerido pela Euronext Lisbon Sociedade Gestora de Mercados Regulamentados, S.A. ( Euronext Lisbon ). 4. Tanto quanto é do conhecimento do Oferente, a Sociedade Visada não tem emitidos quaisquer outros valores mobiliários da natureza dos referidos no n.º 1 do artigo 187.º do Cód.VM. 5. A Oferta é geral e voluntária, obrigando-se o Oferente, nos termos e condições previstos neste Anúncio Preliminar e nos demais documentos da Oferta, a adquirir a totalidade das Ações objeto da presente Oferta que, até ao termo do respetivo prazo, forem objeto de válida aceitação pelos destinatários da Oferta.

4 6. Apenas poderão ser objeto de aceitação as Ações que, na data de encerramento da Oferta, se encontrem integralmente realizadas, com todos os direitos inerentes e livres de quaisquer ónus, encargos e responsabilidades, bem como de quaisquer limitações ou vinculações, nomeadamente quanto aos respetivos direitos patrimoniais e/ou sociais, ou à sua transmissibilidade. 7. A aceitação da Oferta pelos seus destinatários fica submetida ao cumprimento dos respetivos requisitos legais e regulamentares, incluindo os constantes de lei estrangeira quando os destinatários da Oferta a ela estejam sujeitos. 8. Tanto quanto é do conhecimento do Oferente, são imputáveis ao Oferente, na presente data, nos termos do artigo 20.º, n.º 1, do Cód.VM, 44,29% (quarenta e quatro vírgula vinte e nove por cento) dos direitos de voto na Sociedade Visada correspondentes a (seiscentos e quarenta e dois milhões, quatrocentas e sessenta e duas mil, quinhentas e trinta e seis) Ações, representativas de 44,10% (quarenta e quatro vírgula dez por cento) do capital social da Sociedade Visada. Os direitos de voto detidos pelo Oferente na Sociedade Visada são ainda imputáveis, na presente data, à Criteria CaixaHolding, S.A.U., titular de 58,91% (cinquenta e oito vírgula noventa e um por cento) dos direitos de voto no Oferente, a qual é por sua vez dominada pela Fundación Bancaria Caixa d Estalvis i Pensions de Barcelona, La Caixa, titular de 100% (cem por cento) dos respetivos direitos de voto, nos termos do artigo 20.º, n.º 1, alínea b), do Cód.VM. Para estes efeitos, a percentagem dos direitos de voto do Oferente na Sociedade Visada foi calculada por referência à totalidade dos direitos de voto inerentes à totalidade das Ações cujos direitos de voto não se encontram suspensos, considerando, de acordo com a comunicação ao mercado da Sociedade Visada de 18 setembro de 2014, disponível no sistema de difusão de informação da CMVM, a existência de (seis milhões, duzentas e trinta e seis mil, cento e vinte e nove) ações próprias, correspondentes a 0,43% (zero vírgula quarenta e três por cento) do capital social da Sociedade Visada. 9. A contrapartida oferecida é de (um euro e trinta e dois vírgula nove cêntimos) por Ação, a pagar em numerário, que corresponde a um valor total da Oferta de ,63 (mil e oitenta e dois milhões quatrocentos e dezanove mil e seiscentos euros e sessenta e três cêntimos), deduzido de qualquer montante (ilíquido) que venha a ser atribuído a cada Ação, seja a título de dividendos, de adiantamento sobre lucros de exercício ou de distribuição de reservas, fazendo-se tal dedução a partir do momento em que o direito ao montante em questão tenha sido destacado das Ações e se esse momento ocorrer antes da liquidação da Oferta. 10. A contrapartida oferecida cumpre os critérios constantes do n.º 1 do artigo 188.º do Cód.VM e representa: a) o preço médio ponderado das Ações no mercado regulamentado Euronext, nos seis meses imediatamente anteriores à data deste Anúncio Preliminar, o qual é de (um euro e trinta e dois vírgula nove cêntimos) por Ação; b) um prémio de 27% (vinte sete por cento) em relação ao último preço de fecho das Ações da Sociedade Visada no Euronext, no dia anterior à data do presente Anúncio Preliminar, o qual é de (um euro e quatro vírgula três cêntimos) por Ação.

5 11. O lançamento da Oferta encontra-se sujeito: a) à obtenção do registo prévio da Oferta junto da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, nos termos do disposto no artigo 114.º do Cód.VM; b) à obtenção das aprovações, não oposições e autorizações administrativas exigíveis nos termos da lei portuguesa ou de legislação comunitária ou estrangeira eventualmente aplicáveis, nomeadamente (i) a não oposição do Banco Central Europeu, nos termos previstos nos artigos 102.º e 103.º do Regime Geral de Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 298/92, de 31 de dezembro, e republicado pelo Decreto- Lei n.º 157/2014, de 24 de outubro e das disposições aplicáveis da Diretiva 2013/36/UE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 26 de junho de 2013, do Regulamento (UE) n.º 1024/2013, do Conselho, de 15 de outubro de 2013, e do Regulamento (UE) n.º 468/2014 do Banco Central Europeu, de 16 de abril de 2014; (ii) a não oposição da Autoridade de Supervisão dos Seguros e dos Fundos de Pensões, nos termos previstos no artigo 44.º do Decreto-Lei n.º 94-B/98, de 17 de abril, conforme alterado, e do artigo 38.º, n.º 2, do Decreto- Lei n.º 12/2006, de 20 de janeiro, conforme alterado; e (iii) a aprovação da Comissão Europeia, nos termos do Regulamento (CE) n.º 139/2004, do Conselho, de 20 de janeiro de 2004 relativo ao controlo de concentrações de empresas. 12. A eficácia da Oferta ficará condicionada à verificação das condições seguintes: a) à eliminação, até ao final do período de aceitação da Oferta, da limitação à contagem de votos em assembleia geral prevista no artigo 12.º, n.º 4 dos estatutos da Sociedade Visada, na atual redação, de forma a que não subsista qualquer limite à contagem dos votos emitidos por um só acionista, diretamente ou através de representante, em nome próprio ou como representante de outro acionista; e b) até à data e em resultado da liquidação física e financeira da Oferta, chegar a aceitações que ultrapassem 5,9% das Ações, de modo que, somado às Ações da Sociedade Visada detidas pelo Oferente na presente data, o Oferente seja titular de Ações representativas de mais de 50% (cinquenta por cento) do capital social da Sociedade Visada, após a liquidação da Oferta. 13. Nos termos do n.º 1, alínea a), e n.º 2 do artigo 189.º do Cód.VM, estão reunidos os pressupostos legais para que o Oferente beneficie da derrogação do dever de lançamento de uma oferta pública de aquisição subsequente, uma vez que a Oferta é geral e cumpre, na presente data, os requisitos relativos à contrapartida mínima previstos no artigo 188.º do Cód.VM. Comprovados estes pressupostos, e desde que o Oferente e/ou as entidades que com ele se encontram em alguma das situações previstas no artigo 20.º do Cód.VM não adquiram Ações a preço superior à contrapartida da Oferta até ao termo desta, o Oferente espera que a CMVM emita a declaração prevista no n.º 2 do artigo 189.º do Cód.VM mediante requerimento do Oferente na sequência da Oferta, nos termos do disposto no artigo 16.º do Regulamento da CMVM n.º 3/ Para os efeitos, designadamente, do disposto no artigo 128.º do Cód.VM, e com respeito pelo regime aí previsto, o Oferente desde já expressamente declara que a decisão de lançamento da Oferta se fundou e teve como pressuposto que, entre a data do presente Anúncio Preliminar e a data de encerramento da Oferta, não

6 ocorreu, nem ocorrerá, qualquer das seguintes circunstâncias com impacto significativo na situação patrimonial, económica e financeira da Sociedade Visada, vista em termos consolidados: a) adoção de deliberações pelos órgãos competentes da Sociedade Visada, ou de sociedades que com esta se encontrem em relação de domínio ou grupo, nos termos do artigo 21.º do Cód.VM, com sede em Portugal ou no estrangeiro (doravante, abreviadamente Relação de Domínio ou Grupo ) no sentido de: (i) emitir ações, obrigações ou outros valores mobiliários ou direitos equiparados que confiram direito à subscrição ou à aquisição de ações representativas do capital social da Sociedade Visada; (ii) emitir ações, obrigações ou outros valores mobiliários ou direitos equiparados que confiram direito à subscrição ou à aquisição de ações representativas do capital social de sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada; (iii) emitir valores mobiliários representativos de dívida, pela Sociedade Visada ou por sociedades que com ela se encontrem em Relação de Domínio ou Grupo, de valor superior a ,00 (mil milhões de euros); (iv) dissolver, transformar, fundir ou cindir a Sociedade Visada, ou sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada; (v) distribuir bens a acionistas da Sociedade Visada ou a acionistas minoritários de sociedades com as quais a Sociedade Visada se encontre em Relação de Domínio ou Grupo; (vi) alterar o contrato de sociedade da Sociedade Visada, exceto se se tratarem de alterações destinadas a assegurar a eliminação do limite à contagem dos votos constante do atual artigo 12.º, ou de sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada; (vii) amortizar ou extinguir por outra via ações da Sociedade Visada ou de sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada; (viii) adquirir, alienar ou onerar, bem como prometer adquirir, alienar ou onerar, ações da Sociedade Visada ou de sociedade em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada, salvo (i) para aceitação na Oferta ou (ii) se em cumprimento de obrigações contraídas até à data do Anúncio Preliminar da Oferta e que fossem do conhecimento público; (ix) perda, por qualquer forma, pela Sociedade Visada, da Relação de Domínio ou Grupo com alguma sociedade; b) prática de quaisquer atos pela Sociedade Visada, ou por sociedades que com ela se encontrem em Relação de Domínio ou Grupo, que não se reconduzam à respetiva gestão normal e corrente, ou que consubstanciem incumprimento dos deveres do órgão de administração previstos nos artigos 181.º e 182.º do Cód.VM, designadamente a adoção de medidas de efeito defensivo em

7 relação à Oferta e a alienação de ações próprias a terceiros, sem o consentimento prévio do Oferente; c) prática ou abstenção, pela Sociedade Visada, ou por sociedades que com ela se encontrem em Relação de Domínio ou Grupo, ou por qualquer outra entidade, de qualquer decisão ou ato ou a ocorrência de qualquer evento ou circunstância que pudesse resultar numa alteração patrimonial desfavorável relevante, não emergente do curso normal dos negócios, na situação da Sociedade Visada ou de sociedades que com ela se encontrem em Relação de Domínio ou Grupo, relativamente à situação evidenciada (i) no Relatório de Gestão e Contas divulgado em relação ao exercício terminado em 31 de dezembro de 2013, (ii) no Relatório de Gestão e Contas divulgado em relação a 30 de junho de 2014, (iii) no relatório de informação trimestral, divulgado em relação a 30 de setembro de 2014, (iv) no anúncio de resultados consolidados de 2014 (não auditados) e, quando exista, relativamente ao último balanço divulgado subsequentemente a essa data; d) Tornarem-se conhecidos factos não publicamente divulgados até à data do Anúncio Preliminar da Oferta que sejam suscetíveis de influenciar negativamente e de modo significativo a avaliação das Ações. 15. Igualmente para os efeitos do disposto no artigo 128.º do Cód.VM, e com respeito pelo regime aí previsto, consigna-se que a decisão de lançamento da Oferta se fundou no pressuposto de que, exceção feita à informação facultada nos documentos de prestação de contas aprovados pela Sociedade Visada anteriores à data deste Anúncio Preliminar de Oferta e à informação publicamente divulgada pela Sociedade Visada também à data deste Anúncio Preliminar da Oferta, não existirá qualquer disposição de qualquer acordo, contrato ou instrumento do qual seja parte a Sociedade Visada ou as sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada, nos termos da qual, como consequência do lançamento da Oferta, ou da aquisição ou proposta de aquisição pelo Oferente, no todo ou em parte, das Ações, e com impacto significativo na situação patrimonial, económica e financeira na Sociedade Visada, vista em termos consolidados: a) qualquer empréstimo ou dívida da Sociedade Visada ou de qualquer sociedade em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada que não seja imediatamente exigível se vença ou possa ser declarado imediatamente exigível, ou a capacidade de algum desses membros de contrair empréstimos ou dívidas seja diminuída ou inibida; b) seja permitida a criação de (ou se tornem eficazes) quaisquer direitos ou ónus em benefício de terceiros sobre todos ou parte dos negócios ou bens da Sociedade Visada ou de qualquer sociedade em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada; c) qualquer acordo, direito ou obrigação da Sociedade Visada ou de qualquer sociedade em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada cesse ou seja negativamente modificado ou afetado; d) o interesse ou negócio do Oferente, de sociedades com ele em relação de domínio ou grupo nos termos do artigo 21.º do Cód.VM, da Sociedade Visada ou de sociedades em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada em ou com, respetivamente, qualquer pessoa, firma,

8 sociedade, ou órgão, cesse ou seja substancial e negativamente modificado ou afetado; e) a Sociedade Visada ou qualquer sociedade em Relação de Domínio ou Grupo com a Sociedade Visada deixe de poder exercer o seu negócio utilizando a denominação atual. 16. Igualmente para os efeitos do disposto no artigo 128.º do Cód.VM, e com respeito pelo regime aí previsto, consigna-se que constitui pressuposto da decisão de lançamento da presente Oferta pelo Oferente que: a) em caso algum, a contrapartida, quer por Ação, quer pelo total das Ações objeto da Oferta, a oferecer no contexto da Oferta, venha a ser superior ao preço indicado no parágrafo 9, exceto se tal resultar da sua própria decisão; b) não ocorra qualquer alteração substancial nos mercados financeiros nacionais e internacionais e das respetivas instituições financeiras, não assumida nos cenários oficiais divulgados pelas autoridades até à data deste Anúncio Preliminar, que tenha um impacto substancial negativo na Oferta, excedendo os riscos a ela inerentes. Serão considerados como envolvendo uma alteração substancial nos mercados financeiros nacionais e internacionais e das respetivas instituições financeiras suscetível de ter um impacto substancial negativo na Oferta, entre outros, (i) qualquer declaração por parte de um Estado que integra a Zona Euro, ou por parte de outros Estados, de incumprimento, parcial ou total, de obrigações de reembolso de dívida; (ii) qualquer acordo de reestruturação de dívida por parte de um Estado da Zona Euro, ou por parte de outros Estados, com os seus credores; e/ou (iii) o abandono da Zona Euro, por parte de um Estado nela integrado, independentemente de esse abandono ser ou não voluntário. 17. O Oferente é uma sociedade que se encontra sujeita a regras equivalentes às previstas no artigo 182.º do Cód.VM, pelo que o órgão de administração da Sociedade Visada se encontra sujeito à regra de neutralidade (passivity rule) prevista nesse mesmo artigo 182.º do Cód.VM. No que diz respeito às matérias previstas no artigo 182.º-A, n.º 1 do Cód.VM, (a) os estatutos do Oferente não estabelecem quaisquer restrições (i) à transmissibilidade de ações ou de outros direitos que confiram o direito à sua aquisição ou (ii) ao exercício do direito de voto; (b) sem prejuízo do anterior, e tanto quanto é do conhecimento do Oferente, foi celebrado em 1 de agosto de 2012 e mantém-se atualmente em vigor um acordo parassocial entre um conjunto de acionistas do Oferente, que estabelece certas restrições à transmissibilidade das ações do Oferente detidas por esses acionistas e abrangidas pelo referido acordo parassocial. Os estatutos do Oferente não incluem, a este respeito, qualquer disposição estatutária que se reconduza a alguma das figuras previstas na regra de direito espanhol equivalente à prevista no n.º 1 do artigo 182.º-A do Cód.VM. 18. Refira-se ainda que o contrato de sociedade da Sociedade Visada inclui restrições ao exercício do direito de voto, não incluindo, em qualquer caso, qualquer disposição estatutária que se reconduza a alguma das figuras previstas no n.º 1 do artigo 182.º - A do Cód.VM. 19. Após a análise dos resultados da Oferta, e de acordo com as condições de mercado, a situação da Sociedade Visada e a liquidez das Ações após o período da Oferta, caso o Oferente venha a atingir ou a ultrapassar, diretamente ou nos

9 termos do n.º 1 do artigo 20.º do Cód.VM, (i) 90% (noventa por cento) dos direitos de voto correspondentes ao capital social da Sociedade Visada, e (ii) 90% (noventa por cento) dos direitos de voto abrangidos pela Oferta, por efeito da Oferta ou de outras operações legalmente permitidas e relevantes para o cálculo de tal percentagem, o Oferente reserva-se o direito de recorrer ao mecanismo da aquisição potestativa previsto no artigo 194.º do Cód.VM, o que implicaria a imediata exclusão da negociação em mercado regulamentado, ficando vedada a readmissão pelo prazo fixado na lei. O Oferente, caso não exerça os direitos referidos no parágrafo anterior, não tem intenção de requerer, na sequência da Oferta, nos termos do disposto na alínea a), do n.º 1, do artigo 27.º do Cód.VM, a perda da qualidade de sociedade aberta da Sociedade Visada, mantendo-se nesse caso as ações da Sociedade Visada admitidas à negociação no Euronext. 20. O Oferente prevê continuar a apoiar a equipa de gestão da Sociedade Visada depois da Oferta. Barcelona, 17 de fevereiro de 2015 O Oferente D. Gonzalo Gortázar Rotaeche Administrador-Delegado

10 Voluntary Tender Offer for Banco BPI, S.A. Barcelona, 17 February 2015

11 Disclaimer The purpose of this presentation is purely informative and the information contained herein is subject to, and must be read in conjunction with, all other publicly available information. In particular, regarding the data provided by third parties, neither CaixaBank, S.A. ( CaixaBank ), nor any of its administrators, directors or employees, is obliged, either explicitly or implicitly, to vouch that these contents are exact, accurate, comprehensive or complete, nor to keep them updated, nor to correct them in the case that any deficiency, error or omission were to be detected. Moreover, in reproducing these contents in any medium, CaixaBank may introduce any changes it deems suitable, may omit partially or completely any of the elements of this document, and in case of any deviation between such a version and this one, assumes no liability for any discrepancy. This document has at no time been submitted to the Comisión Nacional del Mercado de Valores (CNMV the Spanish Stock Markets regulatory body) and/or the Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM - the Portuguese Securities and Exchange Commission) for approval or scrutiny. In all cases its contents are regulated by the Spanish law applicable at time of writing, and it is not addressed to any person or legal entity located in any other jurisdiction. For this reason it may not necessarily comply with the prevailing norms or legal requisites as required in other jurisdictions. CaixaBank cautions that this presentation might contain forward-looking statements. While these statements represent our judgment and future expectations concerning the development of our business, a number of risks, uncertainties and other important factors could cause actual developments and results to differ materially from our expectations. Statements as to historical performance, historical share price or financial accretion are not intended to mean that future performance, future share price or future earnings for any period will necessarily match or exceed those of any prior year. Nothing in this presentation should be construed as a profit forecast. This presentation on no account should be construed as a service of financial analysis or advice, nor does it aim to offer any kind of financial product or service. In particular, it is expressly remarked here that no information herein contained should be taken as a guarantee of future performance or results. In making this presentation available, CaixaBank gives no advice and makes no recommendation to buy, sell or otherwise deal in CaixaBank shares, or any other securities or investment whatsoever. Any person at any time acquiring securities must do so only on the basis of such person s own judgment as to the merits or the suitability of the securities for its purpose and only on such information as is contained in such public information having taken all such professional or other advice as it considers necessary or appropriate in the circumstances and not in reliance on the information contained in this presentation. Without prejudice to legal requirements, or to any limitations imposed by CaixaBank that may be applicable, permission is hereby expressly refused for any type of use or exploitation of the contents of this presentation, and for any use of the signs, trademarks and logotypes which it contains. This prohibition extends to any kind of reproduction, distribution, transmission to third parties, public communication or conversion into any other medium, for commercial purposes, without the previous express permission of CaixaBank and/or other respective proprietary title holders. Any failure to observe this restriction may constitute a legal offence which may be sanctioned by the prevailing laws in such cases. In so far as it relates to results from investments, this financial information from the CaixaBank Group for FY 2014 has been prepared mainly on the basis of estimates. The information and figures included in this presentation for a Voluntary Tender Offer for BPI assume the completion of the transaction in the proposed terms and conditions. 2

12 Executive Summary Strategically coherent transaction: in-depth knowledge of Banco BPI, S.A. ( BPI ) and Portugal developed since 1995 Proven management team and a solid franchise with best Iberian results in Comprehensive Assessment Align voting rights in BPI with economic rights Deliver sizeable synergies to accelerate recovery of BPI s efficiency and profitability in Portugal Recurrent EPS accretive from Year 1 with ROIC >10% by 2017 (1) and improving thereon Estimated fully-loaded CET1 impact of 110 bps (2) Closing estimated for 2Q 2015: conditional on >50% shareholding and removal of 20% voting cap (requiring broad shareholder support) (1) Based on Bloomberg broker consensus net income forecasts as of 27 January 2015 (2) 2014 Pro-forma Barclays retail business in Spain (c. 147bn RWAs) and assuming 75% shareholding by CABK post completion of the transaction. The range for 51%-100% is bps, respectively 3

13 Details of Proposed Transaction CaixaBank, S.A. ( CABK ) to launch a voluntary tender offer ( VTO ) for all shares in BPI not yet owned by CABK, representing 55.9% or million of outstanding BPI shares VTO price of per share payable in cash Price ( ) Implied premium (%) Previous day s closing (1) % Bloomberg consensus broker target price % Volume-weighted average share price over the last month % VTO price is equivalent to volume-weighted average share price over the last 6 months Implies P/TBV of 0.9x relative to 2.1bn tangible book value at 2014YE In addition to regulatory approvals, the VTO registered with the CMVM will be conditional upon: achieving an acceptance level of >5.9% to reach post-vto ownership of >50% removal of current 20% voting cap by Extraordinary General Meeting of BPI (current by-laws require 75% majority with no single shareholder exercising voting rights above 20%) (1) As of 16 February

14 BPI operates a leading banking franchise in Portugal and Angola BPI: key consolidated figures 2014 ( bn) Assets 42.6 Net loans 25.3 Client funds 35.4 Shareholder funds 2.1 Fully loaded CET1 ratio 8.6% (1) Loan to deposits ratio 84% (2) Recurrent cost-to-income ratio 64% (3) Cost of risk 0.70% NPL ratio 5.4% NPL coverage ratio 82% Leading market position in Portugal and Angola 2014 Portugal #4 bank by assets and loans #3 bank by deposits 1,430 ATMs (5) 31,882 point-of-sale terminals (5) Clients: 1.7 M Employees: 5,962 Angola (5) #4 bank by assets #3 bank by deposits with 16% (6) market share #1 bank by debit cards with 19% market share 371 ATMs (#2 with 14.5% market share) 6,564 point-of-sale terminals (#1 with 24% market share) Clients: 1.3 M Employees: 2, (4) branches Azores 13 Madeira < >50 7 (1) Proforma ratios under the special scheme applicable to deferred tax assets and the change in risk weightings for the indirect exposure to the Angolan State and to the National Bank of Angola (BNA) in Kwanza (2) Loans / customer deposits, calculated in accordance with Bank of Portugal Instruction 23/2011 (3) Excluding non-recurrent impacts in costs and revenues (4) Includes 13 international branches. Distribution as of 9M14 (5) As of December 2014 unless otherwise stated (6) As of October

15 Transaction Rationale BPI runs an attractive business Logical step for international expansion Expanding the partnership to enhance value Financially attractive Highly regarded and trusted management team An attractive and strong customer franchise Prudent risk management as evidenced by outperformance through the crisis BPI is well placed to benefit from the Portuguese economic recovery A logical step in CABK s international expansion given its knowledge of BPI and the Portuguese banking market, where CABK has been active since 1995 Low risk transaction: BPI has repaid State CoCos in full and passed the AQR/Stress test with ease Align CABK s economic and political interest in BPI Portugal exited EU/ECB/IMF assistance programme in May 2014 Assist BPI in recovering profitability in its banking business through synergy generation CABK high levels of liquidity, solvency and credit ratings will allow BPI to accelerate organic growth in Portugal Rebalance earnings towards Portugal Significant synergy potential of 130 MM per annum expected by 2017, with an NPV of 650MM Recurrent EPS accretive from Year 1 and ROIC > 10% by and increasing thereon CABK fully loaded CET1 to be reduced by an estimated 110 bps to 10.4% 2 (1) Based on Bloomberg broker consensus net income forecasts and a 75% uptake (2) Assumes 75% shareholding by CABK post completion of the transaction. The range for 51%-100% is bps, respectively. The 10.4% ratio includes the pro-forma impact of i) the acquisition of Barclays retail business in Spain (c. 147bn RWAs); and ii) of the 16 February 2015 Board proposal to pay in cash the last quarterly dividend payment related to the 2014 fiscal year. 6

16 Significant potential to generate synergies will lead to higher profitability Enhanced capital and liquidity position of a larger Group Opportunity to accelerate organic growth Reduced funding costs Implement initiatives to reduce costs and improve efficiency levels Streamlining of operational processes IT infrastructure and architecture optimisation Benefits from scale such as a joint procurement and outsourcing Enhance businesses inspired on CABK model and best practices Electronic payments /card business (prepaid, issuing & acquiring) and consumer finance Explore scale opportunities for Asset Management business Upgrade functionalities related to on-line and mobile banking Adapt tools to boost sales and cross-selling through the retail network, with special focus on bancassurance 1 Development of cross-border cooperation for specific segments and areas Investment Banking, Corporate Banking and Asset Management Risk management and audit best practices (1) JV with Allianz Portugal for P&C, credit and life-risk insurance business to be maintained 7

17 Estimated ~ 130 MM in annual synergies by 2017 Annual pre-tax synergies target ( MM) Recurrent 2014 cost-to-income ratio (%) ~130 ~ % 84.8% 56.5% 54.8% 2015E 2016E 2017E CABK BPI Portugal CABK + BPI Portugal PF w/o synergies CABK + BPI Portugal PF with synergies (2) Sharing of best practices to enable significant improvements in profitability over time NPV of synergies estimated at 0.65 bn Cost-to-income ratio of BPI Portugal expected to improve to c.50% by 2017E 1 (1) Based on Bloomberg consensus and full achievement of synergies (2) Does not include Barclays Spain retail business 8

18 Strong balance-sheet maintained post deal Estimated impact on capital % Pro-forma BBSAU and BPI, Dec % >11.0% NPL ratio (%) % 11.7% 9.7% 9.2% (110) bps BPI Peers CaixaBank CaixaBank + BPI PF 3 NPL coverage (%) 2014 Fully loaded CET1 ratio pro-forma BBSAU (5) Impact of BPI acquisition (1) Fully loaded CET1 ratio (5) Fully loaded CET1 Target Post transaction 82% 63% 55% 57% ~ bps impact on the fully-loaded CET1 ratio CABK FL CET1 target post-transaction > 11% BPI Peers CaixaBank CaixaBank + BPI PF (1) Assuming 75% shareholding by CABK post the completion of the transaction (2) Reported NPL and coverage ratios as of 31 December 2014 (3) Reflects the impact of BPI in CaixaBank s standalone ratios, excluding Barclays Bank Spain acquisition (4) Peers include Santander Totta, Novo Banco, CGD and BCP (5) The Dec 14 CET1 fully-loaded ratio figures include the pro-forma impact of the16 February 2015 Board proposal to pay in cash the last quarterly dividend payment related to the 2014 fiscal year 9

19 In summary: an attractive proposition for both BPI and CABK shareholders BPI shareholders 27% premium vs. previous day s (1) closing price 46% premium vs. volume-weighted average share price over the last month Efficiency and core profitability growth as a result of synergies Improved funding costs to benefit future lending growth Rebalance earnings towards Portugal CABK shareholders Logical move to control of BPI after initial investment in 1995 Align voting rights with CABK s share ownership in BPI Benefit from long-term growth potential of BPI Capture the value generated by synergies Positive recurrent EPS impact from year 1 and > 10% ROIC by 2017 (2) (1) 16 February 2015 (2) Based on Bloomberg broker consensus net income forecast for 2017E 10

20 Institutional Investors & Analysts Contact We are at your entire disposal for any questions or suggestions you may wish to make. To contact us, please call or write to us at the following address and telephone number:

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E VOLUNTÁRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DO BANCO BPI, S.A.

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E VOLUNTÁRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DO BANCO BPI, S.A. CaixaBank, S.A. Sede: Avenida Diagonal, 621 Barcelona Capital Social: 5.714.955.900,00 Matriculada no Registo Comercial de Barcelona com o C.I.F A-08663619 (Oferente) ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE

Leia mais

SIGNIFICANT EVENT. CaixaBank will continue to inform the market promptly of any future material events in connection with the Offer.

SIGNIFICANT EVENT. CaixaBank will continue to inform the market promptly of any future material events in connection with the Offer. SIGNIFICANT EVENT CaixaBank hereby reports that, on the date hereof, it has announced in the Information Disclosure System of the Portuguese Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) its intention

Leia mais

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DO BANCO BPI, S.A.

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DO BANCO BPI, S.A. BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS,S.A. Sociedade Aberta Sede: Praça D.João I,, Porto Mat. CRC Porto: 40.043 NIPC: 501.525.882 Capital Social Registado: 3.257.400.827 Euros ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA

Leia mais

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA PORTUGAL TELECOM, SGPS, SA.

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA PORTUGAL TELECOM, SGPS, SA. SONAECOM, S.G.P.S., S.A. Sociedade Aberta Sede: Lugar do Espido, Via Norte, Maia Pessoa Colectiva nº 502 028 351 Matriculada na Conservatória de Registo Comercial da Maia sob o nº 45 466 Capital Social

Leia mais

Hecho relevante. Barcelona, a 17 de febrero de 2015.

Hecho relevante. Barcelona, a 17 de febrero de 2015. Hecho relevante CaixaBank comunica que en el día de hoy ha anunciado en la Comissão do Mercado de Valores Mobiliários portuguesa (CMVM) su intención de lanzar una oferta pública de adquisición (OPA) sobre

Leia mais

SONAECOM - S.G.P.S., S.A.

SONAECOM - S.G.P.S., S.A. SONAECOM - S.G.P.S., S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público Sede: Lugar do Espido - Via Norte - Maia sob o n.º único de matrícula e Pessoa Colectiva n.º 502 028 351 Capital Social:

Leia mais

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE TROCA DE OBRIGAÇÕES PELO BANIF BANCO INTERNACIONAL DO FUNCHAL, S.A. ( BANIF )

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE TROCA DE OBRIGAÇÕES PELO BANIF BANCO INTERNACIONAL DO FUNCHAL, S.A. ( BANIF ) Banif Banco Internacional do Funchal, S.A. Sede Social: Rua de João Tavira, n.º 30, 9004-509 Funchal, Portugal Capital Social: 780.000.000 Euros Matriculado na Conservatória do Registo Comercial do Funchal

Leia mais

PROJECTO DE ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA PORTUGAL TELECOM, SGPS, S. A.

PROJECTO DE ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA PORTUGAL TELECOM, SGPS, S. A. Sonaecom, S.G.P.S., S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público Sede: Lugar do Espido - Via Norte - Maia Matriculada na Conservatória do Registo Comercial da Maia sob o n.º único de

Leia mais

Banco Santander Totta, S.A.

Banco Santander Totta, S.A. NINTH SUPPLEMENT (dated 26 October 2011) to the BASE PROSPECTUS (dated 4 April 2008) Banco Santander Totta, S.A. (incorporated with limited liability in Portugal) 5,000,000,000 (increased to 12,500,000,000)

Leia mais

FIDELIDADE COMPANHIA DE SEGUROS, S.A.

FIDELIDADE COMPANHIA DE SEGUROS, S.A. FIDELIDADE COMPANHIA DE SEGUROS, S.A. Sede: Largo do Calhariz, 30, 1249-001 Lisboa Número de matrícula na C.R.C. de Lisboa e de identificação de pessoa coletiva: 500 918 880 Capital social: 381.150.000,00

Leia mais

SONAECOM - S.G.P.S., S.A

SONAECOM - S.G.P.S., S.A SONAECOM - S.G.P.S., S.A Sociedade Aberta Sede: Lugar do Espido, Via Norte, Maia Matrícula: Conservatória do Registo Comercial da Maia Número único de matrícula e de pessoa coletiva 502 028 351 Capital

Leia mais

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA EAbrief: Medida de incentivo ao emprego mediante o reembolso da taxa social única EAbrief: Employment incentive measure through the unique social rate reimbursement Portaria n.º 229/2012, de 03 de Agosto

Leia mais

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: Aviso BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA LOCALIZACAO: Lisbon N DE AVISO: LIS_20130927_00754_EUR DATA DE DISSEMINACAO: 27/09/2013 MERCADO: EURONEXT LISBON AVISO DA REALIZAÇÃO DA

Leia mais

Intercement Austria Holding GmbH

Intercement Austria Holding GmbH Intercement Austria Holding GmbH Sede: Hohenstaufengasse, n.º 10, 3.º Piso, 1010 Viena, Áustria Capital Social: 35.000 Inscrita no Tribunal do Comércio de Viena sob o número FN 358795s ANÚNCIO PRELIMINAR

Leia mais

PROJECTO ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES EMITIDAS PELA FUTEBOL CLUBE DO PORTO FUTEBOL, SAD

PROJECTO ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES EMITIDAS PELA FUTEBOL CLUBE DO PORTO FUTEBOL, SAD PROJECTO ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES EMITIDAS PELA FUTEBOL CLUBE DO PORTO FUTEBOL, SAD Na sequência da divulgação do anúncio preliminar em 2 de Outubro

Leia mais

SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público

SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público Sede Social: Av. Fontes Pereira de Melo, 14-10º, 1050-121 Lisboa N.º Pessoa Coletiva e

Leia mais

BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO

BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO BUSINESS TO WORLD COMPANHIA GLOBAL DO VAREJO 4Q08 Results Conference Call Friday: March 13, 2008 Time: 12:00 p.m (Brazil) 11:00 a.m (US EDT) Phone: +1 (888) 700.0802 (USA) +1 (786) 924.6977 (other countries)

Leia mais

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: SPORT LISBOA E BENFICA-FUTEBOL

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: SPORT LISBOA E BENFICA-FUTEBOL AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: Aviso SPORT LISBOA E BENFICA-FUTEBOL LOCALIZACAO: Lisbon N DE AVISO: LIS_20150629_00549_EUR DATA DE DISSEMINACAO: 29/06/2015 MERCADO: EURONEXT LISBON AVISO DA REALIZAÇÃO DA

Leia mais

TIM PARTICIPACOES SA

TIM PARTICIPACOES SA TIM PARTICIPACOES SA FORM 6-K (Report of Foreign Issuer) Filed 10/09/13 for the Period Ending 10/09/13 Telephone 551181130582 CIK 0001066116 Symbol TSU SIC Code 4813 - Telephone Communications, Except

Leia mais

SAP Best Practices Informações sobre disponibilidade e download para Clientes SAP e Parceiros SAP. Know-how setorial e global pré-configurado

SAP Best Practices Informações sobre disponibilidade e download para Clientes SAP e Parceiros SAP. Know-how setorial e global pré-configurado SAP Best Practices Informações sobre disponibilidade e download para Clientes SAP e Parceiros SAP Know-how setorial e global pré-configurado Índice 1.Disponibilidade dos pacotes SAP Best Practices 2.Efetuar

Leia mais

Technical Information

Technical Information Subject Ballast Water Management Plan To whom it may concern Technical Information No. TEC-0648 Date 14 February 2006 In relation to ballast water management plans, we would advise you that according to

Leia mais

News on Banks capital ratios. Instruction no. 28/2011, of the Bank of Portugal

News on Banks capital ratios. Instruction no. 28/2011, of the Bank of Portugal Novidades relativas rácios de capital de instituições de crédito Instrução n.º 28/2011 do Banco de Portugal Na sequência da recente subida das taxas de juros de depósitos oferecidas pelas instituições

Leia mais

SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público

SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público SEMAPA - SOCIEDADE DE INVESTIMENTO E GESTÃO, SGPS, S.A. Sociedade com o capital aberto ao investimento do público Sede Social: Av. Fontes Pereira de Melo, 14-10º, 1050-121 Lisboa N.º Pessoa Coletiva e

Leia mais

Perguntas & Respostas

Perguntas & Respostas Perguntas & Respostas 17 de Abril de 2008 Versão Portuguesa 1. O que é uma Certidão Permanente?...4 2. Como posso ter acesso a uma Certidão Permanente?...4 3. Onde posso pedir uma Certidão Permanente?...4

Leia mais

ANHANGUERA EDUCACIONAL PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF n.º 04.310.392/0001-46 NIRE 35.300.184.092 Publicly Held Company NOTICE TO THE MARKET

ANHANGUERA EDUCACIONAL PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF n.º 04.310.392/0001-46 NIRE 35.300.184.092 Publicly Held Company NOTICE TO THE MARKET ANHANGUERA EDUCACIONAL PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF n.º 04.310.392/0001-46 NIRE 35.300.184.092 Publicly Held Company NOTICE TO THE MARKET SOLICITATION OF PROXY ANHANGUERA EDUCACIONAL PARTICIPAÇÕES S.A. (

Leia mais

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES EMITIDAS PELA BRISA AUTOESTRADAS DE PORTUGAL, S.A.

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES EMITIDAS PELA BRISA AUTOESTRADAS DE PORTUGAL, S.A. Tagus Holdings S.à r.l. sociedade de responsabilidade limitada Sede: 6 rue Jean Monnet, L- 2180 Luxemburgo Matriculada no Registre de Commerce et des Sociétés do Luxemburgo sob o número: B 167224 Capital

Leia mais

MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY

MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY The Competent Authorities of the Portuguese Republic and the Government of Jersey in

Leia mais

SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009

SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009 SAP anuncia resultados do Segundo Trimestre de 2009 A SAP continua a demonstrar um forte crescimento das suas margens, aumentando a previsão, para o ano de 2009, referente à sua margem operacional Non-GAAP

Leia mais

Angola : business opportunities highlight

Angola : business opportunities highlight 13-01-2014 O Ministério da Energia e Águas da República de Angola, no âmbito do Plano de Desenvolvimento do Subsector Eléctrico de Angola alicerçado na Política e a Estratégia de Segurança Energética Nacional

Leia mais

Interface between IP limitations and contracts

Interface between IP limitations and contracts Interface between IP limitations and contracts Global Congress on Intellectual Property and the Public Interest Copyright Exceptions Workshop December 16, 9-12:30 Denis Borges Barbosa The issue Clause

Leia mais

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico 106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico B.7.1.1 Taxas de juro sobre novas operações de empréstimos (1) concedidos por instituições financeiras monetárias a residentes na área do euro (a) Interest rates

Leia mais

INTERNATIONAL CRIMINAL COURT. Article 98 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119

INTERNATIONAL CRIMINAL COURT. Article 98 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119 INTERNATIONAL CRIMINAL COURT Article 98 Agreement between the UNITED STATES OF AMERICA and CAPE VERDE Signed at Washington April 16, 2004 NOTE BY THE

Leia mais

CONCLUSÃO DO PROGRAMA DE SONDAGENS EM MALHA APERTADA NO PROJECTO DE OURO EM BOA FÉ REINÍCIO DA PERFURAÇÃO NO PROJETO DE TUNGSTENIO EM TABUAÇO

CONCLUSÃO DO PROGRAMA DE SONDAGENS EM MALHA APERTADA NO PROJECTO DE OURO EM BOA FÉ REINÍCIO DA PERFURAÇÃO NO PROJETO DE TUNGSTENIO EM TABUAÇO COMUNICADO À IMPRENSA 18 de Junho de 2014 GTP (TSX-V) P01 (FRANKFURT) COLTF - (OTCQX) CONCLUSÃO DO PROGRAMA DE SONDAGENS EM MALHA APERTADA NO PROJECTO DE OURO EM BOA FÉ REINÍCIO DA PERFURAÇÃO NO PROJETO

Leia mais

A Direção-Geral do Território disponibiliza aos seus clientes diversas modalidades de pagamento:

A Direção-Geral do Território disponibiliza aos seus clientes diversas modalidades de pagamento: Modalidades de Pagamento A disponibiliza aos seus clientes diversas modalidades de pagamento: Estações de CTT Cheque por Correio Depósito Bancário Transferência Bancária Balcão 'Loja da DGT' Estações dos

Leia mais

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES EMITIDAS PELA BRISA AUTOESTRADAS DE PORTUGAL, S.A.

ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES EMITIDAS PELA BRISA AUTOESTRADAS DE PORTUGAL, S.A. ANÚNCIO PRELIMINAR DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA GERAL E OBRIGATÓRIA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES EMITIDAS PELA BRISA AUTOESTRADAS DE PORTUGAL, S.A. Nos termos e para os efeitos do disposto nos artigos 175.º,

Leia mais

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements 05. Demonstrações Financeiras Financial Statements Demonstrações Financeiras Financial Statements 060 Balanços em 31 de Dezembro de 2007 e 2006 Balance at 31 December 2007 and 2006 Activo Assets 2007 2006

Leia mais

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO PELA TEIXEIRA DUARTE, S.A. DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES DA TEIXEIRA DUARTE ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES, S.A.

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO PELA TEIXEIRA DUARTE, S.A. DE OFERTA PÚBLICA GERAL DE AQUISIÇÃO DE ACÇÕES DA TEIXEIRA DUARTE ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES, S.A. TEIXEIRA DUARTE, S.A. Sede: Lagoas Park, Edifício 2, Porto Salvo, Oeiras Capital social: 287.880.799,00 Matriculada na Conservatória do Registo Comercial de Cascais sob o n.º único de matrícula e pessoa

Leia mais

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF Nº 02.558.115/0001-21 NIRE 33 300 276 963 COMUNICADO AO MERCADO

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF Nº 02.558.115/0001-21 NIRE 33 300 276 963 COMUNICADO AO MERCADO TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF Nº 02.558.115/0001-21 NIRE 33 300 276 963 COMUNICADO AO MERCADO A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. ( Companhia ) (BM&FBOVESPA: TIMP3; NYSE: TSU), comunica aos seus

Leia mais

(ISIN: PTBEMLOM0012) Mais se informa que a presente alteração de cupão se encontra reflectida na ficha técnica rectificada em anexo.

(ISIN: PTBEMLOM0012) Mais se informa que a presente alteração de cupão se encontra reflectida na ficha técnica rectificada em anexo. Reuters: BES.LS Bloomberg: BES PL www.bes.pt/investidor BANCO ESPÍRITO SANTO, S.A. informa sobre alteração de cupão e ficha técnica rectificada das obrigações subordinadas 41,550,000 Subordinated Step-Up

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

SAP fecha 2008 com Crescimento de Dois Dígitos

SAP fecha 2008 com Crescimento de Dois Dígitos SAP fecha 2008 com Crescimento de Dois Dígitos A SAP aumenta a um ritmo de 14% as receitas de software e de serviços relacionados com software em 2008 e apresenta um crescimento nas receitas totais de

Leia mais

http://www.sec.gov/archives/edgar/data/1038572/0001292814100009...

http://www.sec.gov/archives/edgar/data/1038572/0001292814100009... 1 de 5 18/05/2010 14:44 20-F/A 1 cbdform20f2008a.htm 20F 2008 A UNITED STATES SECURITIES AND EXCHANGE COMMISSION WASHINGTON, D.C. 20549 FORM 20-F/A Amendment No. 1 ANNUAL REPORT PURSUANT TO SECTION 13

Leia mais

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE AQUISIÇÃO PARCIAL E VOLUNTÁRIA SOBRE 12.750.000.001 ACÇÕES CATEGORIA B E 3.750

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE AQUISIÇÃO PARCIAL E VOLUNTÁRIA SOBRE 12.750.000.001 ACÇÕES CATEGORIA B E 3.750 METALGEST Sociedade de Gestão, SGPS, S.A. Sede Social: Rua da Torrinha, n.º 32 Funchal Capital Social: 51.603.790 Euros Matriculada na Conservatória do Registo Comercial do Funchal (ZFM) sob o número único

Leia mais

TRADUÇÃO LIVRE. GP INVESTMENTS, LTD. (a Sociedade )

TRADUÇÃO LIVRE. GP INVESTMENTS, LTD. (a Sociedade ) TRADUÇÃO LIVRE GP INVESTMENTS, LTD. (a Sociedade ) ATA da reunião do Conselho de Administração da Sociedade, realizada via conferência telefônica, em 15 de outubro de 2015, às 5:00 pm. CONSELHEIROS PRESENTES:

Leia mais

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements

05. Demonstrações Financeiras Financial Statements 05. Demonstrações Financeiras Financial Statements Demonstrações Financeiras Financial Statements 068 Balanços em 31 de Dezembro de 2008 e 2007 Balance at 31 December 2008 and 2007 Activo Assets 2008 2007

Leia mais

1 - Principais características das acções a emitir (código ISIN PTS3P8AM0001) 107,1428571428571 novas acçõe(s) por 1 direito(s)

1 - Principais características das acções a emitir (código ISIN PTS3P8AM0001) 107,1428571428571 novas acçõe(s) por 1 direito(s) AVISO DO EVENTO CORPORATIVO: Aumento de capital por subscrição SONAE INDUSTRIA - SGPS S.A. LOCALIZACAO: Lisbon N DO AVISO: LIS_20141105_01106_EUR DATA DE DISSEMINACAO: 05/11/2014 MERCADO: EURONEXT LISBON

Leia mais

Lloyd s no brasil. 2 anos após a abertura do mercado de resseguros MARCO ANTONIO DE SIMAS CASTRO

Lloyd s no brasil. 2 anos após a abertura do mercado de resseguros MARCO ANTONIO DE SIMAS CASTRO Lloyd s no brasil 2 anos após a abertura do mercado de resseguros MARCO ANTONIO DE SIMAS CASTRO July 2010 Lloyd s no Brasil abril 2008: O Lloyd s foi o primeiro ressegurador a receber a licença da SUSEP,

Leia mais

Parte 1 Part 1. Mercado das Comunicações. na Economia Nacional (2006-2010)

Parte 1 Part 1. Mercado das Comunicações. na Economia Nacional (2006-2010) Parte 1 Part 1 Mercado das Comunicações na Economia Nacional (2006-2010) Communications Market in National Economy (2006/2010) Parte 1 Mercado das Comunicações na Economia Nacional (2006-2010) / Part 1

Leia mais

USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 WORK PLAN FOR IMPLEMENTATION OF THE UNITED STATES PATENT AND

Leia mais

BANCO BPI, S.A. Sociedade Aberta

BANCO BPI, S.A. Sociedade Aberta BANCO BPI, S.A. Sociedade Aberta Sede: Rua Tenente Valadim, 284, Porto Matriculada na Conservatória do Registo Comercial do Porto sob o número único de matrícula e pessoa colectiva 501 214 534 Capital

Leia mais

JERÓNIMO MARTINS, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Capital Social: EUR 479.293.220,00 Pessoa Colectiva n.º: 500 100 144 C.R.C. Lisboa n.

JERÓNIMO MARTINS, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Capital Social: EUR 479.293.220,00 Pessoa Colectiva n.º: 500 100 144 C.R.C. Lisboa n. JERÓNIMO MARTINS, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Capital Social: EUR 479.293.220,00 Pessoa Colectiva n.º: 500 100 144 C.R.C. Lisboa n.º 8 122 RESTRUCTURING The need to adjust the level of equity in the balance

Leia mais

Instructions. Instruções

Instructions. Instruções Instructions ENGLISH Instruções PORTUGUÊS This document is to help consumers in understanding basic functionality in their own language. Should you have any difficulty using any of the functions please

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 14/2014

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 14/2014 TEXTO Brazil Leads Decline Among World's Biggest Companies THE losses OF São Paulo's stock market AND THE decline OF Brazil's real made Brazilian companies THE biggest losers among THE world's major companies,

Leia mais

MARFRIG GLOBAL FOODS S.A. PUBLIC COMPANY Taxpayer ID (CNPJ/MF): 03.853.896/0001-40 State Registry (NIRE): 35.216.957.541 NOTICE TO THE MARKET

MARFRIG GLOBAL FOODS S.A. PUBLIC COMPANY Taxpayer ID (CNPJ/MF): 03.853.896/0001-40 State Registry (NIRE): 35.216.957.541 NOTICE TO THE MARKET MARFRIG GLOBAL FOODS S.A. PUBLIC COMPANY Taxpayer ID (CNPJ/MF): 03.853.896/0001-40 State Registry (NIRE): 35.216.957.541 NOTICE TO THE MARKET MARFRIG GLOBAL FOODS S.A. ( Company or Marfrig ), pursuant

Leia mais

E o Vento Levou: A experiência da Fitch com Estudos de Vento. Bruno Pahl, Associate Director

E o Vento Levou: A experiência da Fitch com Estudos de Vento. Bruno Pahl, Associate Director E o Vento Levou: A experiência da Fitch com Estudos de Vento Bruno Pahl, Associate Director Agenda Panorama Geral: Porfolio de ratings da Fitch Produção real vs. Cenários da Fitch Perfomance financeira

Leia mais

TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-2. Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração

TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-2. Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-2 Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração A administração da TOTVS S.A. ( Companhia ) (BM&FBOVESPA: TOTS3) comunica aos Senhores Acionistas

Leia mais

DevOps. Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013. Accelerating Product and Service Innovation

DevOps. Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013. Accelerating Product and Service Innovation DevOps Carlos Eduardo Buzeto (@_buzeto) IT Specialist IBM Software, Rational Agosto 2013 1 O desenvolvedor O mundo mágico de operações Como o desenvolvedor vê operações Como operações vê uma nova release

Leia mais

BONUS TERMS & CONDITIONS. TeleTrade - DJ International Consulting Ltd. July 2015 **** TERMOS E CONDIÇÕES DE BÓNUS

BONUS TERMS & CONDITIONS. TeleTrade - DJ International Consulting Ltd. July 2015 **** TERMOS E CONDIÇÕES DE BÓNUS BONUS TERMS & CONDITIONS TeleTrade - DJ International Consulting Ltd July 2015 **** TERMOS E CONDIÇÕES DE BÓNUS TeleTrade - DJ International Consulting Ltd Julho 2015 1 Definitions Definições 1. TeleTrade

Leia mais

U M O L H A R S O B R E... A R E A L I D A D E S O C I E T Á R I A P O R T U G U E S A

U M O L H A R S O B R E... A R E A L I D A D E S O C I E T Á R I A P O R T U G U E S A i U M O L H A R S O B R E... A R E A L I D A D E S O C I E T Á R I A P O R T U G U E S A INFORMAÇÃO GERAL TAX & BUSINESS This Tax Information is intended for general distribution to clients and colleagues

Leia mais

protect decorate communicate

protect decorate communicate protect decorate communicate Make your Brand Talk. O seu produto. Um smartphone. Uma digitalização. E eis que o seu cliente mergulha num universo cintilante de marcas. Recebe informações sobre produtos,

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

Os direitos não exercidos no fim do período de subs crição expirarão

Os direitos não exercidos no fim do período de subs crição expirarão AVISO DO EVENTO CORPORATIVO: Aumento de capital por subscrição INTELLIGENT SENSING ANYWHERE LOCALIZACAO: Lisbon N DO AVISO: LIS_20150814_00713_ALT DATA DE DISSEMINACAO: 14/08/2015 MERCADO: ALTERNEXT LISBON

Leia mais

Banco Bradesco S.A. Calendar of Corporate Events - 2011

Banco Bradesco S.A. Calendar of Corporate Events - 2011 Calendar of Corporate s - 2011 Information on the Company Company Name Corporate Head Office Address Internet Address Investor Relations Officer Investor Relations Contact Newspapers in which corporate

Leia mais

CONDIÇÕES DAS OBRIGAÇÕES

CONDIÇÕES DAS OBRIGAÇÕES CONDIÇÕES DAS OBRIGAÇÕES 15.1. Admissão à negociação e código ISIN A presente admissão à negociação na Euronext Lisbon diz respeito às Obrigações com o código ISIN PTJMRJOE0005 e destina-se a permitir

Leia mais

ADJUSTMENTS IN BRAZIL S ECONOMIC POLICY IN 2015 WILL LIKELY PRODUCE MORE SUSTAINABLE GDP GROWTH RATES GOING FORWARD

ADJUSTMENTS IN BRAZIL S ECONOMIC POLICY IN 2015 WILL LIKELY PRODUCE MORE SUSTAINABLE GDP GROWTH RATES GOING FORWARD PRESENTATION APIMEC BRASÍLIA ADJUSTMENTS IN BRAZIL S ECONOMIC POLICY IN 2015 WILL LIKELY PRODUCE MORE SUSTAINABLE GDP GROWTH RATES GOING FORWARD 1 1 Brasília, February, 5th 2015 Ellen Regina Steter WORLD

Leia mais

Deposits and Withdrawals policy

Deposits and Withdrawals policy Deposits and Withdrawals policy TeleTrade-DJ International Consulting Ltd **** Política de Depósitos e Levantamentos TeleTrade-DJ International Consulting Ltd 2011-2015 TeleTrade-DJ International Consulting

Leia mais

TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-22. Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração

TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-22. Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração TOTVS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 53.113.791/0001-22 Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração A administração da TOTVS S.A. ( Companhia ) (BM&FBOVESPA: TOTS3) comunica aos Senhores Acionistas

Leia mais

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores THIS PROGRAM AIMS TO TOAST OUR CUSTOMERS WITH THE OPPORTUNITY TO DISCOVER AND EXPLORE THE FAIAL AND S. JORGE ISLANDS. WE HAVE A WIDE RANGE OF CULTURAL

Leia mais

Norma Regulamentar n.º 12/2010-R, de 22 de Julho Instituto de Seguros de Portugal

Norma Regulamentar n.º 12/2010-R, de 22 de Julho Instituto de Seguros de Portugal Norma Regulamentar n.º 12/2010-R, de 22 de Julho Instituto de Seguros de Portugal O Instituto de Seguros de Portugal aprovou hoje a Norma Regulamentar n.º 12/2010 R, relativa à utilização de fundos de

Leia mais

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL?

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? Doing Business in Brazil: Pathways to Success, Innovation and Access under the Legal Framework Keynote Speaker: Mr. José Ricardo de Bastos Martins Partner of Peixoto

Leia mais

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks Intellectual Property IFAC Formatting Guidelines Translated Handbooks AUTHORIZED TRANSLATIONS OF HANDBOOKS PUBLISHED BY IFAC Formatting Guidelines for Use of Trademarks/Logos and Related Acknowledgements

Leia mais

Subject: The finance source/ new application/ project submission form COMPANY / PROJECT INFORMATION. Date of Submission: Registered Company Name

Subject: The finance source/ new application/ project submission form COMPANY / PROJECT INFORMATION. Date of Submission: Registered Company Name Subject: The finance source/ new application/ project submission form All questions must be answered in details to receive an informed response. All information & data are to be provided directly by the

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR Concurso com Previa Qualificação Convite para a Manifestação de Interesse

Leia mais

FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493)

FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493) DATA 27.4.1963 FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493) SUMÁRIO Torna público ter sido concluído em Camberra um acordo entre o governo português

Leia mais

Banco Bradesco S.A. Calendar of Corporate Events - 2010

Banco Bradesco S.A. Calendar of Corporate Events - 2010 Calendar of Corporate s - 2010 Information on the Company Company Name Corporate Head Office Address Internet Address Investor Relations Officer Investor Relations Contact Newspapers in which corporate

Leia mais

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS THE CAPITAL STRUCTURE: AN ANALYSE ON INSURANCE COMPANIES FREDERIKE MONIKA BUDINER METTE MARCO ANTÔNIO DOS SANTOS MARTINS PAULA FERNANDA BUTZEN

Leia mais

ANGOLA Legislação cambial Setembro 2013

ANGOLA Legislação cambial Setembro 2013 ANGOLA Legislação cambial Setembro 2013 Alterações à legislação cambial angolana Operações de invisíveis correntes (Aviso n.º 13/13) Amendments to the Angolan foreign currency legislation invisible current

Leia mais

EMPRÉSTIMO OBRIGACIONISTA OBRIGAÇÕES COLEP / 2014 2017 FICHA TÉCNICA

EMPRÉSTIMO OBRIGACIONISTA OBRIGAÇÕES COLEP / 2014 2017 FICHA TÉCNICA EMPRÉSTIMO OBRIGACIONISTA OBRIGAÇÕES COLEP / 2014 2017 FICHA TÉCNICA Emitente: Colep Portugal, S.A. Modalidade: Emissão de obrigações a taxa variável por oferta particular e direta. Moeda: Euro ( ). Montante

Leia mais

Drug registration in Brazil and inspectional framework

Drug registration in Brazil and inspectional framework Drug registration in Brazil and inspectional framework Registro de medicamentos no Brasil e cenário de inspeções internacionais September 2012 José Alexandre Buaiz Neto Drug types recognized by ANVISA

Leia mais

Conceito de tributação efectiva de lucros distribuídos

Conceito de tributação efectiva de lucros distribuídos 15 de Novembro de 2011 Tax Alert Conceito de tributação efectiva de lucros distribuídos For additional information, please contact: António Neves antonio.neves@pt.ey.com Carlos Lobo carlos.lobo@pt.ey.com

Leia mais

OFFICE. Office Background

OFFICE. Office Background OFFICE Office Background Since it was founded in 2001, steady growth has been registered by the office in the Brazilian market of corporate law, a field in which our services are exemplary. The consolidation

Leia mais

TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração

TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração A administração da TOTVS S.A. ( Companhia ) (BM&FBOVESPA: TOTS3) comunica aos Senhores Acionistas

Leia mais

ELEnA European Local ENergy Assistance

ELEnA European Local ENergy Assistance ECO.AP Programa de Eficiência Energética na Administração Pública ELEnA European Local ENergy Assistance Lisboa, 6/03/2015 Desafios 1 Conhecimento: a) Edifícios/equipamentos; b) Capacidade técnica; c)

Leia mais

Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional:

Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional: Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional: Se você está ativamente envolvido na prática da Cirurgia Plástica ou Reconstrutiva por menos de três (3)

Leia mais

A Importância da Informação Contabilística e do Relato Financeiro

A Importância da Informação Contabilística e do Relato Financeiro A Importância da Informação Contabilística e do Relato Financeiro Pedro Silva Ferreira Diretor do Departamento de Contabilidade e Controlo do Banco de Portugal 7 outubro 0 Lisboa XIII Conferência sobre

Leia mais

Reforma do IRC e OE 2014

Reforma do IRC e OE 2014 Fevereiro 2014 Audit Tax Outsourcing Consulting Corporate Finance Information Systems An independent member of Baker Tilly International Payroll IRS e Segurança Social Ameaças Conceito de regularidade

Leia mais

SÃO PAULO 916.321.967-00 CLÓVIS AUGUSTO MANFIO 063.986.528-35

SÃO PAULO 916.321.967-00 CLÓVIS AUGUSTO MANFIO 063.986.528-35 Corporate Legal Name ALARM-TEK ELETRONICA LTDA Trade Name ALARMTEK Address Calçada das Anêmonas, nº. 42 District Centro Comercial - Alphaville Zip Code 6453-5 Telephones 11 4191-7256 Corporate Tax Registration

Leia mais

TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração

TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração TOTVS S.A. CNPJ/MF nº 53.113.791/0001-22 (Companhia Aberta) Comunicado ao Mercado - Pedido Público de Procuração A administração da TOTVS S.A. ( Companhia ) (BM&FBOVESPA: TOTS3) comunica aos Senhores Acionistas

Leia mais

Sociodemographic profile Real delivery Panel IR% Total panelists: 10.382 90,7% Sex Man 4.231

Sociodemographic profile Real delivery Panel IR% Total panelists: 10.382 90,7% Sex Man 4.231 1 / 14 Bank Panel Portugal Features Panel size (ISO): 32.637 People profiled (ISO): 11.557 Estimated response rate (ISO): 41% Updated: 15/12/2014 Size (ISO): number of panelists according to ISO 26362

Leia mais

Conference Call 2Q13 and 1H13 Results

Conference Call 2Q13 and 1H13 Results Conference Call 2Q13 and 1H13 Results 2 Performance in the Negócios Internacionais Negócios domestic Nacionais and USA,Europa e international markets Exportações Márcio Utsch Net Revenue 3 Net revenue

Leia mais

RESOLUÇÃO (RESOLUTION) Nº2.689

RESOLUÇÃO (RESOLUTION) Nº2.689 RESOLUÇÃO (RESOLUTION) Nº2.689 Dispõe sobre aplicações de investidor não residente nos mercados financeiro e de capitais. (Concerning non-resident investments in the financial and capital markets). O BANCO

Leia mais

ADENDA AO PROSPETO DE OFERTA PÚBLICA CONCORRENTE GERAL E VOLUNTÁRIA DE AQUISIÇÃO DAS AÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA

ADENDA AO PROSPETO DE OFERTA PÚBLICA CONCORRENTE GERAL E VOLUNTÁRIA DE AQUISIÇÃO DAS AÇÕES REPRESENTATIVAS DO CAPITAL SOCIAL DA FIDELIDADE COMPANHIA DE SEGUROS, S.A. Sede: Largo do Calhariz, 30, 1249-001 Lisboa Registada na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa sob o número único de matrícula e pessoa coletiva: 500 918 880

Leia mais

Minutes of the Board of Directors Meeting held on March 29, 2010

Minutes of the Board of Directors Meeting held on March 29, 2010 ROSSI RESIDENCIAL S.A. Publicly-held Company Corporate Taxpayer s ID (CNPJ) 61.065.751/0001-80 - CVM Registry 16306 Company Registry (NIRE): 35.300.108.078 Minutes of the Board of Directors Meeting held

Leia mais

Project Management Activities

Project Management Activities Id Name Duração Início Término Predecessoras 1 Project Management Activities 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 2 Plan the Project 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 3 Define the work 15 dias Sex 05/10/12

Leia mais

GERDAU. 1 o Trim. 2001

GERDAU. 1 o Trim. 2001 GERDAU Informações Relevantes 2 o Trimestre de Senhores Acionistas: O ano de iniciou-se movido pelo bom desempenho econômico brasileiro do ano anterior: forte crescimento industrial, inflação sob controle,

Leia mais

Consultoria em Direito do Trabalho

Consultoria em Direito do Trabalho Consultoria em Direito do Trabalho A Consultoria em Direito do Trabalho desenvolvida pelo Escritório Vernalha Guimarães & Pereira Advogados compreende dois serviços distintos: consultoria preventiva (o

Leia mais

Governação Novo Código e Exigências da Função Auditoria

Governação Novo Código e Exigências da Função Auditoria Novo Código e Exigências da Função Auditoria Fórum de Auditoria Interna - IPAI 19 de Junho de 2014 Direito societário e auditoria interna fontes legais 1. CSC artigo 420,º, n.º 1, i) - fiscalizar a eficácia

Leia mais