Ainda há mais por vir. Como obter sucesso na proteção do meio ambiente. Tecnologia Voith para ursos polares. Por que o carbono é o futuro #2 2013

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ainda há mais por vir. Como obter sucesso na proteção do meio ambiente. Tecnologia Voith para ursos polares. Por que o carbono é o futuro #2 2013"

Transcrição

1 A REVista PARA os Voithtianos Report # Foco na eficiência de recursos Ainda há mais por vir Insight Como obter sucesso na proteção do meio ambiente No local Tecnologia Voith para ursos polares Marcos Por que o carbono é o futuro

2 Rubrik Benjamin Markle, inspetor de qualidade da Voith Hydro em York, nos EUA, verificando a espessura de tinta com um medidor de espessura de filme seco na tampa externa da turbina da usina de Ohio River. EXPEDIENTE Editor: Voith GmbH Comunicação Corporativa St. Pöltener Straße Heidenheim, Alemanha Responsável: Lars A. Rosumek Redação: Markus Woehl, Gudrun Köpf Contato com a redação: Telefone: Fax: Em colaboração com: Facts & Figures GmbH, uma empresa Gruner + Jahr AG & Co KG Impressão: Leograf Gráfica e Editora Ltda. Referências de fotografias: Dawin Meckel: Titel, S. 3, S. 8, S. 9, S. 20, S. 24, S. 25, S. 26, S. 28, S. 29, S. 36; AP Photo/Polfoto, Stine Bidstrup: S. 4, S. 30; Hans Herbig: S. 4, S. 34, S. 35; Rüdiger Nehmzow: S. 4 5, S ; Sikorski & Friends: S. 5, S. 37; Clifford Shirley: S. 5, S , S. 41; Corbis: S. 5, S. 16; Manfred Schwellies: S. 5, S. 14, S. 33; Jörg Sikorski: S. 7; Andrew Holbrooke/Corbis: S. 7; The White House: S. 8; Getty Images: S. 10, S. 38; Michael Trippel/laif: S. 15; Dado Galdieri/Bloomberg via Getty Images: S. 17; Michael Engmann: S. 18; Izabel Gazeta: S. 18; Christian Wesser: S. 29; EPA/Thomas Lekfeldt Denmark Out: S. 30; Adam Mørk/3XN: S. 31; Jesper Iversen: S. 31; Bernd Jonkmanns: S. 32; S. 38; Micha Wolfson, Ulm: S. 39; Theodor Barth/laif: S. 41; Joerg Modrow/laif: S. 41; Voith: sonstiges Bildmaterial Copyright: Cópias ou reprodução de artigos e imagens somente após prévia aprovação por parte da Voith GmbH. Papel: A Voith Report é impressa nos idiomas alemão, inglês, português e chinês. 2 report 2/2013

3 editorial Prezados Voithianos, Ao longo de um período de mais de 140 anos, a nossa empresa conseguiu crescer, experimentar e criar mudanças com profundas consequências tecnológicas, econômicas e comerciais, e reinventar-se continuamente sem perder a sua essência porque nós da Voith sempre acreditamos que podemos mudar o futuro. Para isso, foram e são necessárias estratégias claras que levem a empresa adiante, e de forma contínua, em seus diferentes campos de atuação. Esta nova edição da Voith Report também reflete isso, ao tratar de uma série de temas de conteúdo estratégico. A seção Foco desta edição, por exemplo, retrata como os recursos podem ser utilizados de forma inteligente para combinarem benefícios econômicos e ecológicos garantindo assim a sustentabilidade tanto da empresa como de seus projetos. Outro artigo relata como a Voith está modernizando usinas hidrelétricas e, dessa forma, melhorando a sua eficiência no mundo inteiro. Depois disso, você poderá entender por que o manejo florestal sustentável não é apenas um assunto da moda para fabricantes de papel responsáveis, mas sim uma necessidade econômica e como a Voith está ajudando os seus clientes do setor papeleiro a utilizarem matérias-primas e energia de forma mais econômica. A seção Insight apresenta os principais destaques do relatório semestral, para então tratar de outros temas que também falam do futuro. Exemplos são a iniciativa além dos planos sobre como pretendemos fazer da Voith uma empresa líder mundial em assuntos de proteção ambiental. Finalmente, na seção Marcos, você poderá conhecer os projetos de pesquisa aos quais a Voith Composites está se dedicando com o objetivo de promover a aplicação industrial do carbono um material que muitos consideram como o material do futuro. Desfrutem da leitura! Atenciosamente Lars A. Rosumek Senior Vice President Corporate Communications report 2/2013 3

4 Rubrik ÍNDICE FOCO 10 Economizando tudo menos ideias MUNDIAL A eficiência de recursos é uma combinação ideal de economia e ecologia e isso se aplica tanto à Voith, como aos seus clientes. 12 Ganhando um novo impulso VENEZUELA/ALEMANHA A Voith está modernizando usinas hidrelétricas, e assim aumentando a sua eficiência seja na América Latina ou na Floresta Negra. 16 Negócio renovável BRASIL/SUÉCIA Fabricantes de papel e de celulose estão garantindo as suas reservas de matéria-prima graças a um manejo florestal sustentável ao mesmo tempo em que contribuem com o meio ambiente. 19 Passo a passo rumo à maior eficiência MUNDIAL A nova linha de produtos BlueLine da Voith contribui para que fabricantes economizem água, energia e fibras e consequentemente dinheiro. 02 EXPEDIENTE 03 EDITORIAL 06 NOTAS 4 report 2/2013

5 rubrik INSIGHT NO LOCAL MARCOS PANORAMA 20 carta aos colaboradores MUNDIAL Mensagem do Dr. Hubert Lienhard. 22 Mantendo-se estável MUNDIAL Resultados do primeiro semestre do ano fiscal de 2012/ Na base da confiança MUNDIAL Um novo mecanismo de alerta para fortalecer o sistema de Compliance da Voith. 26 A arquitetura do amanhã MUNDIAl Programa VT 2020 começa bem. 28 Uma questão de todos MUNDIAL Torsten Kallweit fala sobre proteção ambiental. 30 Tecnologia Voith para ursos polares COPENHAGEN A Voith realizou um excelente trabalho no novo aquário e no zoológico da capital dinamarquesa. 32 Babá de máquinas MUNDIAL Engenheiros de comissionamento supervisionam o início da operação de máquinas de papel. 33 Operações mais que importantes. CRAILSHEIM A série Especialistas da Voith apresenta Bernhard Schust, um especialista em componentes de partida utilizados na indústria de mineração. 34 O material do futuro GARCHING A Voith Composites está promovendo a aplicação industrial do carbono. 36 Os riscos também estão no escritório MUNDIAL O número de acidentes de trabalho caiu drasticamente na Voith. Ulrich Weiße explica que podemos melhorar ainda mais. 37 Uma ligação engenhosa MUNDIAL Uma nova série sobre tecnologias básicas desenvolvidas pela Voith apresenta o acoplamento hidrodinâmico. 38 Apresentação brilhante LOS ANGELES Os envelopes do Oscar são feitos em papel produzido em uma máquina Voith. 39 Novos membros da diretoria da empresa HEIDENHEIM Voith Hydro e Voith Industrial Services. 39 Paixão por pessoas e por tecnologia HEIDENHEIM Dr. Siegbert Etter se aposenta 40 Seguindo os passos dos grandes exploradores SUÉCIA Magnus Wenna apresenta Västerås. report 2/2013 5

6 Notas Os estudantes convidados para o 1º Acampamento Voith estavam visivelmente entusiasmados com o evento. Valiosos laços de amizade CHINA O início de uma longa amizade muitas vezes é marcado por um passeio. Foi exatamente isso que alguns estudantes chineses realizaram com a Voith no dia 21 de janeiro: eles foram convidados a participar do 1º Acampamento Voith, com duração de dois dias. O principal objetivo do acampamento foi mostrar aos estudantes o trabalho que a Voith vem realizando na China na esperança de chamar a atenção desses jovens talentos para a empresa o quanto antes. O programa incluiu uma visita ao Service Center Corporativo, em Xangai, bem como visitas a todas as quatro Dentre outras atividades, o programa incluiu visitas às quatro unidades fabris da Voith em Xangai e Kunshan. fábricas da empresa na China: a unidade da Paper, em Kunshan, e as unidades da Hydro, Industrial Services e Turbo, em Xangai. Embora alguns desses jovens também fossem vencedores do concurso de fotografia intitulado Procure a Voith, todos os participantes ali eram beneficiários de bolsas de estudo concedidas pela empresa para alunos das faculdades técnicas das universidades de Tongji, Zhejiang e Xi an Jaotong. Essas universidades são conhecidas por suas excepcionais faculdades de engenharia, ciências e por seus institutos de pesquisa de primeira classe além de graduandos altamente qualificados. Com esse programa anual de excursão, a Voith deseja chamar a atenção desses talentos o mais cedo possível. Esperamos tornar-nos conhecidos e desejados como empregadores graças a nossa cooperação com essas universidades, afirma Lily Wang, Gerente de RH da Voith China. E até o momento, o plano parece estar dando certo: os participantes do primeiro Acampamento Voith estavam entusiasmados e podiam muito bem se ver trabalhando para a Voith depois de formados. // 6 report 2/2013

7 Notas 14 anos de confiabilidade TARNOWO PODGÓRNE Desde a sua entrada em operação, em 1998, um ônibus fabricado pela MAN e operado pela empresa polonesa de transporte TBUS havia completado exatos quilômetros transportando passageiros na linha que liga as cidades de Posen e Tarnowo Podgórne, até a sua transmissão precisar do primeiro recondicionamento, em Não é de se estranhar: trata-se de uma transmissão automática DIWA.3E da Voith, projetada para aplicações pesadas como, por exemplo, o tráfego para-e- -anda de ônibus urbano. Depois do recondicionamento da transmissão na filial polonesa da Voith, o ônibus já está operando novamente de forma confiável. // Acostumado à pressão Colaboradores da linha de montagem do Vorecon, em Crailsheim, demostram a sua solidariedade com os colegas brasileiros. SÃO PAULO A Voith fornecerá outros 28 Vorecons Variadores de velocidade variável a produção de petróleo offshore no Atlântico brasileiro. Em 2012, a Voith havia assinado outro contrato para o fornecimento de 60 Vorecons para a mesma finalidade. Os variadores serão utilizadas em embarcações especiais que extraem o petróleo do campo Cessão Onerosa. O petróleo cru chega à superfície misturado com água e gás. O gás é então comprimido e bombeado de volta ao campo de petróleo. Conforme varia a densidade do gás, é necessário ajustar a rotação dos compressores e essa é a missão que o Vorecon cumpre. // Batendo o recorde mundial sem motorista Assento na primeira fileira, normalmente ocupada pelo condutor, mas aqui com passageiros do Metro de Dubai. Dubai Tudo fica melhor quando se está na frente. Como a vista, por exemplo: pela grande janela panorâmica na cabine do trem é possível ver o mundo sobre os trilhos elevados que entrecortam os gigantes arranha-céus no horizonte. E não há uma cabine de condutor para bloquear a vista. Sob o céu azul, o sol ilumina tudo com a sua luz brilhante. Os trilhos atravessam esta cidade localizada no Golfo. O objetivo do Emirado de Dubai é impressionar o mundo com seus edifícios e o trem operado pelo Metro de Dubai parece ter saído de uma ficção científica. Principalmente por trafegar sem condutor. E é isso que possibilita o belo panorama no primeiro vagão do trem (não sem encarecer um pouco o seu bilhete). O metrô sem condutor consta até mesmo do livro Guiness de recordes, já que, com sua linha de 76 quilômetros de extensão, este é o maior trem da categoria a trafegar sem maquinista. E isso só é possível com tecnologia confiável e é aí que entra a Voith: os engates de todos os 87 trens do fabricante japonês KinkiSharyo são fabricados pela Voith. Impossível estar mais à frente... // report 2/2013 7

8 Notas Focado em experiência Hans-Peter Keitel reunido com o presidente dos EUA, Barack Obama. HEIDENHEIM O Conselho Supervisor e o Comitê dos Acionistas da Voith têm um novo membro: o Prof. Dr. Hans-Peter Keitel foi eleito na assembleia de acionistas realizada em fevereiro para integrar ambos os Conselhos. Ele sucederá o Sr. Jürgen Weber. Nascido em 1947, Keitel formou-se engenheiro civil, ergonomista e economista. Sua carreira teve início na Lahmeyer International, em Frankfurt, levando-o posteriormente a empresas como Hochtief e RWE. Em 2005, Keitel foi eleito presidente da Federação da Indústria Civil da Alemanha e, de 2009 a 2012, ele foi presidente da Federação das Indústrias da Alemanha. Estamos felizes por termos conseguido trazer para a Voith uma pessoa tão distinta e experiente na indústria alemã como o Prof. Dr. Keitel, afirma Dr. Manfred Bischoff, Presidente do Comitê de Acionistas e do Conselho Supervisor da Voith. A empresa familiar Voith ganhará muito ao poder contar com a rica experiência e o enorme conhecimento de relações industriais do Prof. Dr. Keitel no trabalho do Conselho dos Acionistas e o Conselho Supervisor. // Tranquilidade no convés OMASTRAND A embarcação Siem Moxie, com o exclusivo formato de proa X-Bow, desenvolvido pela empresa norueguesa Ulstein, foi equipada pela primeira vez com dois propulsores Voith Schneider (VSP). Ela deverá deixar o estaleiro em 2014 para prestar serviços em diversos parques eólicos offshore. Os barcos X-Bow não têm bulbo de proa, e a parte frontal do seu casco é inclinada para trás, ficando acima da linha d água, o que permite um menor arraste, menor consumo de combustível e reagem com menor sensibilidade às correntes marítimas. Os VSPs comandados eletronicamente respondem pela propulsão, direcionamento e estabilização de rolagem, garantindo assim uma posição estável do Siem Moxie no mar. // Uma animação computadorizada do Siem Moxie. Todos a bordo Os detalhes do Global Graduate Program serão definidos em conjunto pelo participante e por um mentor. MUNDIAL A Voith iniciará o Programa Global de Graduados (GGP em Inglês), novo programa de trainees unificado para todas as divisões do Grupo, destinado a jovens profissionais e recém-formados, em substituição aos programas realizados em paralelo até então. O GGP tem o objetivo de desenvolver talentos em nível global e de fomentar a sinergia, tanto entre países como entre as divisões. Os participantes definirão os detalhes do programa com um mentor do respectivo departamento e com o coordenador regional de RH. Será composto por um treinamento básico, um período de experiência no exterior, e uma fase de especialização. Com duração de 18 meses, incluindo quatro etapas em cada uma das divisões, sendo uma delas no exterior, terá como foco o aprendizado e desenvolvimento de novas habilidades por treinamentos práticos na empresa, e teóricos fora do ambiente de trabalho. Os candidatos deverão ser universitários formados, possuir experiência internacional, ter domínio da língua inglesa e, no máximo, 18 meses de experiência profissional. // 8 report 2/2013

9 Fazendo cada vez melhor Notas MUNDIAL Assim como demonstram as grandes equipes desportivas no mundo inteiro, o sucesso de longo prazo só é possível quando as pessoas se esforçam continuamente pelo desempenho de ponta, sem se darem por satisfeitas com a conquista de um título. É por isso que a Voith lançou o conceito de excelência durante a Conferência do Grupo de Desde então, algumas iniciativas já trouxeram resultados positivos para algumas unidades. Com base nessa experiência, a Voith agora lança a iniciativa para o Grupo inteiro. Jürgen Lochner, Gerente da Equipe de Excelência Corporativa, descreve o objetivo: O programa Voith dá apoio aos processos de melhoria em toda a empresa, promovendo-os por meio da exploração de sinergias e de novas estratégias. Na área de Operações, o programa será iniciado com a Operational Excellence, com foco em seis áreas de atuação: segurança e saúde no trabalho/ambiente, ordem e limpeza, confiabilidade em entregas e estoques, produtividade e flexibilidade, qualidade de processos e, por fim, liderança e motivação. Lochner explica o que isso significa na prática: Por exemplo, para se aumentar a produtividade, não é necessário que os colaboradores trabalhem com maior velocidade, mas que trabalhem com maior foco e de forma mais prática. Isso possibilita a eliminação de atividades e caminhos desnecessários para que, por exemplo, não seja necessário movimentar 15 vezes um componente em produção, mas apenas duas vezes. Neste primeiro momento, a Equipe de Excelência Corporativa identificou uma série de questões. Uma delas é a abordagem conjunta para todas as divisões do grupo que está sendo desenvolvida e adotada para o programa Isso in- clui, entre outros, métodos e indicadores de desempenho unificados para toda a Voith. A equipe também dá assistência aos projetos de melhorias de cada unidade com o objetivo de aprofundar a compreensão dos colaboradores em relação a processos excelentes e ao desperdício, e assim estabelecer resultados mensuráveis rapidamente. Os treinamentos também são o foco. Por isso, no futuro, serão padronizados no mundo inteiro pela escola de treinamento além de visitas a empresas que servem como referência, garantindo um nível de conhecimento uniforme do mais alto nível. Nós queremos ajudar todos os funcionários a desenvolverem uma consciência mais profunda sobre as possibilidades de melhoria, afirma Lochner já que a Excelência não pode ser imposta de cima para baixo; ela deve fazer parte das experiências diárias de cada um. // A excelência deve fazer parte das experiências diárias de cada um. report 2/2013 9

10 Foco 10 report 2/2013

11 Foco Economizando tudo menos ideias Modernização de usinas hidrelétricas, gestão florestal sustentável e simplificação de processos para o desenvolvimento de melhores produtos esses exemplos demonstram o que a Voith e os seus clientes estão fazendo para economizar energia, água e matérias-primas, de modo a usar o tempo, dinheiro, tecnologia e ideias da forma mais eficiente possível. Tudo isso em conformidade com a máxima adotada por toda empresa inteligente: não ao desperdício. report 2/

12 Foco Ganhando um novo impulso Às vezes, até mesmo os gigantes precisam de carinho. E é por isso que a Voith está trabalhando intensamente no mundo inteiro para modernizar usinas hidrelétricas, trazendo-as à tecnologia de ponta da atualidade. É assim que a empresa prepara essas usinas para o futuro tornando-as também mais eficientes. 12 report 2/2013

13 Foco Guri II Venezuela Um lago de enormes proporções A barragem da usina hidrelétrica de Guri II represa as águas do rio Caroní. A usina hidrelétrica de Guri II (a Central Hidroeléctrica Simón Bolívar ) está instalada junto à represa de km² de Guri, no estado venezuelano de Bolívar. A represa do rio Caroní foi construída na década de 1960 e, em termos de superfície, ela é a 11ª maior represa do planeta. Depois de passar por diversas modernizações, a usina operada pela empresa Electricidad del Caroní agora conta com uma capacidade instalada de mais de MW, o que faz dela a terceira maior usina hidrelétrica do mundo. Teoricamente, ela tem a capacidade para abastecer por volta de 70% de toda a demanda energética da Venezuela. Contudo, uma parte da energia ali produzida também é exportada para países vizinhos, como o Brasil e a Colômbia. Em algum lugar próximo do rio Caroní, na Venezuela, existe uma cidade em que as ruas são pavimentadas com ouro ou pelo menos era isso que acreditava Sir Walter Raleigh, o famoso descobridor britânico do século XVI. Embora a sua busca pela lendária El Dorado tenha fracassado, inúmeros aventureiros do mundo inteiro seguiram o seu rastro ao longo do rio Caroní à procura de ouro e diamantes. Naturalmente em vão. E o que nenhum deles poderia imaginar é que o verdadeiro tesouro não estava na mítica El Dorado, mas no próprio rio. Graças às suas íngremes quedas e à sua gigantesca vazão média de m³ por segundo, o rio Caroní é excepcionalmente adequado para a geração de grandes montantes de energia hidrelétrica. E é por isso que há cerca de 50 anos os venezuelanos começaram a construir a represa de Guri, com sua usina hidrelétrica de enorme potência. Hoje em dia, depois de repetidas repotenciações, a usina atingiu uma potência instalada que supera os MW. Isso a coloca em 3º entre as maiores usinas hidrelétricas do mundo inteiro além de fazê-la a mais importante usina geradora de eletricidade da Venezuela. Estatisticamente, Guri supre aproximadamente 70% da demanda energética do país, afirma Telmo Gomes, gerente do projeto. Dessa forma, quedas de produção ou até mesmo paradas de partes da usina causariam impactos em toda a economia do país. Ainda bem que grandes usinas hidrelétricas como essa são, em geral, extremamente robustas e longevas. Entretanto, até mesmo os gigantes precisam de carinho de vez em quando, além de um tratamento de rejuvenescimento para assegurar a geração contínua de eletricidade verde e acessível. É por isso que há algum tempo a operadora da usina no rio Caroní decidiu realizar um rejuvenescimento geral em Guri II. E foi assim que a Voith assumiu um papel crítico no maior projeto de modernização de uma usina hidrelétrica report 2/

14 Foco do mundo, segundo Gomes. No projeto, o escopo da Voith inclui o fornecimento de duas das cinco novas turbinas, e dez reguladores de velocidade, além de outros equipamentos. A primeira dessas unidades já está gerando eletricidade, e a segunda entrará em operação até o fim de Até meados de 2016, a Voith terá finalizado o seu trabalho em Guri II. A usina então estará preparada para operar pelas próximas décadas produzindo ainda mais eletricidade sem emissões de CO². Depois da modernização, será possível aumentar a potência máxima das cinco máquinas de Guri II em 40 MW, e então cada uma atingirá 770 MW, afirma Gomes. A Voith dispõe de sólida experiência e expertise na repotenciação de usinas hidrelétricas, em que aplica a tecnologia mais moderna do mercado. Atualmente, cerca de um terço do volume total do mercado é aplicado em projetos de manutenção e modernização no mundo inteiro, e essa tendência está aumentando, afirma Lars Meier, Engenheiro-chefe da Voith Hydro nos EUA. Na maioria dos casos, esses projetos cumprem dois objetivos: preparar as usinas para o futuro e melhorar a sua eficiência. Às vezes, é suficiente reparar ou substituir alguns componentes individuais. Mas muitas vezes, como no caso de Guri II, são substituídos grandes componentes de turbinas, geradores ou bombas. Tipicamente, essas substituições vêm acompanhadas por um novo projeto para o aumento da eficiência ou adequação da usina a novas condições operacionais como no caso da operadora obter uma concessão para utilizar um maior volume de água na usina. O maior desafio nas modernizações, contudo, é a pressão de tempo, afirma Meier. O cliente obtém o seu lucro com a venda da eletricidade gerada pela usina. E é por isso que precisamos garantir que a usina volte a operar o mais rápido possível. Por exemplo, cada nova turbina de 770 MW de Guri II gera eletricidade equivalente a US$ diários. Por isso, cada dia e até mesmo cada hora perdidos para a realização de uma modernização custa uma verdadeira fortuna. Além disso, as usinas hidrelétricas também são indispensáveis para a garantia de uma oferta estável de eletricidade: uma grande usina hidrelétrica desligada da rede provoca um impacto significativo no abastecimento de energia. Dieter Schwarz sabe muito bem disso, porque na Voith ele é o responsável, dentro outros projetos, pela modernização da usina reversível de Wehr. Localizada nas proximidades da cidade de Wehr, no sul da Alemanha, a usina é operada pela Schluchseewerk AG. A poucos quilômetros de distância da fronteira com a Suíça, um discreto conduto percorre 1,3 km por dentro da montanha de Hornberg até chegar à enorme casa de força da planta, localizada a 600 m abaixo da superfície da terra. Quando a água proveniente do reservatório superior impulsiona as quatro turbinas da planta a uma vazão de L por segundo, a usina hidrelétrica de Wehr gera eletricidade Uma parte da contribuição que a Voith Heidenheim deu para a modernização da usina hidrelétrica reversível de Wehr foi a fabricação dos novos geradores da usina. 14 report 2/2013

15 Foco Wehr Alemanha O alto do sul A usina reversível de Wehr, localizada no sul do estado de Baden-Württemberg, foi construída entre 1968 e Operando à capacidade total, a usina gera uma potência média de aproximadamente 910 MW, o que faz dela a usina reversível mais potente do estado, com uma capacidade para gerar energia para cerca de um milhão de pessoas. A usina da operadora Schluchseewerk AG fica em caverna, ou seja, as suas máquinas operam debaixo da superfície da terra. O reservatório superior da usina contém aproximadamente 4,4 milhões de m³ de água e está localizado a uma altura de mais de m, o que faz dela a represa mais alta da Alemanha. A usina reversível de Wehr é uma planta em caverna, instalada a 600 metros abaixo da terra. O que pode ser visto da usina é principalmente o seu reservatório superior. suficiente para abastecer a demanda de cerca de um milhão de pessoas. A usina tem aproximadamente 40 anos, o que é um bom motivo para a decisão da operadora de modernizar os seus principais componentes. Schwarz e sua equipe se concentraram principalmente na instalação dos novos geradores, o que fizeram em tempo recorde: Nós conseguimos trocar um rotor no prazo de apenas três meses e meio, embora o contrato previsse um período de seis meses para fazê-lo, afirma Schwarz. Fatores importantes para esse sucesso foram, dentre outros, a equipe de montagem experiente e motivada que tínhamos em Wehr, bem como o acompanhamento rigoroso de cada passo do projeto e da montagem, o que nos permitia tomar quaisquer medidas necessárias rapidamente. Além disso, o bom trabalho em equipe com o cliente também desempenhou um papel importante, bem como o fato de que todos os componentes foram programados e entregues muito antes da sua efetiva data de instalação. É impressionante ver como esta usina é silenciosa, embora tenha uma capacidade de 910 MW com suas quatro máquinas funcionando à potência máxima. Essa potência é comparável à de uma usina a carvão de grande porte. Dentro da caverna, só é possível ouvir um zunido suave quando a usina está gerando eletricidade. E o mesmo vale para as bombas que bombeiam a água de volta para o reservatório em cima na montanha. A mudança do modo de operação de geração para bombeamento leva apenas um minuto. Esse é o tipo de flexibilidade que torna as usinas reversíveis tão importantes para a transição rumo a uma matriz energética mais verde na Alemanha: pelo fato da energia gerada por turbinas eólicas e sistemas fotovoltaicos variar intensamente, outras fontes de energia, como a usina de Wehr, precisam ter capacidade de operar de forma significativamente mais flexível. Antigamente, a usina mudava o seu modo operacional umas duas vezes ao dia atualmente, no entanto, isso costuma acontecer umas dez vezes ao dia e, no futuro, poderá tornar-se ainda mais frequente. E com a tecnologia dos equipamentos modernizada, a usina agora está melhor preparada para isso. // report 2/

16 Rubrik Foco Pequenas plantas, grande potencial: Estas mudas um dia se tornarão uma floresta. 16 report 2/2013

17 Foco Um negócio de crescimento Empresas modernas do setor de papel e celulose como a Fibria ou a SCA pensam no longo prazo e apostam no manejo florestal sustentável. Do contrário, a madeira jamais poderia constituir um recurso renovável. As copas das árvores se alinham em fileiras verdes claras até sumirem no horizonte. Em diversos locais, pode-se ver esse padrão sendo entrecortado por árvores mais escuras. Um mosaico de matizes verdes. Em plantações de árvores como esta, localizada no estado do Espírito Santo, no Brasil, o grupo Fibria planta árvores de eucaliptos para transformá- -las em celulose a matéria-prima para a fabricação de papel. No total, a empresa brasileira cultiva quase um milhão de hectares de floresta. E, no entanto, mais de dois terços desse total permanecerão intocados em seu estado natural. Nas faixas escuras que se intercalam com o verde claro das árvores de eucalipto, animais selvagens encontram seu habitat e contribuem para a diversidade da fauna nativa. Mas esse mosaico verde no Espírito Santo não é o único no mundo: cada vez mais fabricantes de celulose como a Fibria ou a SCA, da Suécia, apostam em um manejo florestal sustentável. Isso significa que elas utilizam as florestas de forma a promover a sua regeneração natural. E embora a proporção de papel recuperado utilizado na produção de papel tenha aumentado significativamente, a crescente demanda mundial por papel não pode ser suprida apenas por material reciclável. Além disso, as fibras virgens possuem propriedades diferentes das fibras extraídas de papel recuperado, o que significa que cada uma tem o seu próprio lugar na produção de papel. Para muitos fabricantes de celulose, há muito tempo que o manejo ambientalmente responsável vem constituindo uma parte importante de sua estratégia corporativa. Eles investem no cultivo de florestas como um recurso renovável e sustentável, e fazem questão de manter um equilíbrio ecológico adequado. Um exemplo dessas empresas é a SCA, que desde 1987 adotou uma cláusula de proteção da natureza em suas políticas corporativas que prevê a conservação da biodiversidade da flora e da fauna no cultivo das florestas próprias da empresa. Com aproximadamente 2,6 milhões de hectares de floresta na Suécia o que corresponde a metade do território nacional da Holanda a SCA figura entre as maiores proprietárias de florestas da Europa. A empresa cultiva aproximadamente dois milhões de hectares, deixando o resto da área para ser ocupada pela natureza. Para suprir suas plantações, a SCA cultiva 90 milhões de mudas em seus viveiros, e repõe cada árvore derrubada por três árvores novas. Foi assim que a empresa plantou 38 milhões de árvores em E o resultado disso é o crescimento da floresta exatamente porque está sendo O reflorestamento começa com o cultivo de mudas de árvores. report 2/

18 Foco Na verdade, o manejo florestal sustentável é uma questão muito simples: quem quer que utilize ma-deira como matéria-prima deve plantar mais árvores do que derruba. cultivada dessa forma. Além disso, a empresa pode se orgulhar de um saldo positivo de emissões de CO², já que as suas florestas absorvem mais dióxido de carbono do ar do que a empresa emite no cultivo, na produção industrial e em todo o transporte envolvido no processo. Os suecos também se preocupam em evitar emissões desnecessárias de CO² causadas por transportes distantes. Assim, cada fábrica de celulose da empresa processa apenas as árvores trazidas das florestas mais próximas a ela. Não bastasse isso, devido a um acordo existente com outras empresas, a SCA pode até mesmo permutar o seu estoque com outros proprietários de florestas localizados mais próximos a uma fábrica de celulose da SCA. O foco da SCA em práticas de ne- gócios éticas e a rigorosa proteção ambiental constituem uma vantagem competitiva e um diferencial comercial que impactam o nosso desempenho de forma positivamente afirma Jan Johansson, Presidente e CEO da SCA. É por isso também que, no ano passado, a empresa foi premiada em diversas categorias pela organização de proteção da natureza World Wide Fund for Nature (WWF) como a fabricante de papel mais ecológica do mundo. A empresa brasileira Fibria também obteve reconhecimento oficial por seu manejo florestal. Aproximadamente 80 por cento de seu estoque florestal foram certificados como sustentáveis por associações especializadas, como a Forest Stewardship Council (FSC, ou Conselho de Manejo Florestal). Em 2012, a Fibria plantou 68 milhões de mudas, que não apenas cumprem a sua função de fornecer madeira, mas também fixam o solo e absorvem o dióxido de carbono do ar com o seu crescimento. Apenas em 2012, as florestas próprias da empresa absorveram 3,8 milhões de CO² a mais do que o total que a empresa emitiu. Nós acreditamos firmemente que o nosso comprometimento nos permite tanto operar lucrativamente como fazer algo pela sociedade e a natureza, afirma o relatório de sustentabilidade da Fibria. E isso demonstra um pensamento de longo prazo. Afinal, as florestas estão entre os poucos recursos que podem se regenerar contanto que sejam cultivadas com um foco em responsabilidade ambiental e sustentabilidade. // 18 report 2/2013

19 Foco Passo a passo rumo à maior eficiência Com a nova linha de produtos Blueline da Voith, os fabricantes de papel podem economizar água, energia e fibras. Três componentes dessa nova linha já estão sendo aplicados com sucesso por fabricantes de papel. Em termos objetivos, o BlueLine é um novo portfolio de produtos da Voith para a preparação de massa na indústria de papel. Mas o mais interessante de tudo é a história da criação do projeto. Essa história começou há aproximadamente três anos, com uma análise muito racional da situação: Algumas etapas do processo da fabricação de papel mudaram muito pouco nas últimas décadas. Como antigamente, os papéis reciclados ainda precisam ser separados, limpos e ter toda a sua tinta de impressão removida. É por isso que muitos pensam que é difícil avançar nessa área. Mas lidar com essa questão foi apenas mais um incentivo para nós, afirma o Dr. Hans-Ludwig Schubert, responsável pela gestão de produtos da linha de negócio Projetos da Voith Paper e que lidera a equipe de desenvolvimento. Os requisitos para a inovação incluíam a introdução de maior sustentabilidade ao processo de preparação de massa ao mesmo tempo em que se aprimorava o processo. Ambos beneficiam o cliente. Para isso, a equipe de Schubert escolheu um caminho que talvez pudesse parecer desconfortável, mas que também era muito promissor. Eles não apenas realizaram aprimoramentos em máquinas existentes, mas questionaram alguns princípios fundamentais de funcionamento. E passo a passo foram chegando a novas descobertas que os levaram a conceitos de máquinas mais eficientes. Um exemplo é o InfiltraDiscfilter. Em primeiro lugar, o seu eixo central foi reprojetado, depois se juntou a isso um novo elemento de desaguamento e, finalmente, eles chegaram à ideia de aumentar a densidade da massa, o que novamente permite uma redução no tamanho dos filtros de discos todos eles pequenos avanços. E foi assim que foram desenvolvidos todos os componentes BlueLine até hoje, desde o InfiltraDiscfilter, passando pela máquina de extração de rejeitos IntensaMaXX até o desagregador Intensa- Pulper. Eles ajudam os fabricantes de papel a economizarem recursos como água, energia e fibras sem comprometer a qualidade do produto. Outro efeito positivo do projeto é que nós também estamos aproveitando para revisar e aprimorar os nossos próprios processos, afirma Schubert. E o projeto BlueLine ainda não está encerrado: até o momento, conseguimos levar três produtos ao mercado, mas a meta para o médio prazo é que o portfolio inclua todo o processo de preparação de massa. A mensagem para os clientes é que o Blueline é sinônimo de eficiência na utilização de recursos. // A nova máquina de extração de rejeitos IntensaMaxx se distingue por seu baixo desgaste e gasto de energia. report 2/

20 Insight Prezados Colaboradores e Colaboradoras, Estamos distribuindo esta segunda edição recém-impressa da Voith Report de Estamos publicando esta edição da nossa revista para os colaboradores pouco tempo depois da divulgação do nosso relatório semestral de resultados de Foi um semestre em que trabalhamos com muita cautela, embora todos os nossos indicadores importantes tenham permanecido relativamente estáveis em relação aos níveis alcançados no mesmo período do ano anterior. Atualmente, para conseguirmos um crescimento mais robusto, falta-nos um impulso sustentável dos nossos mercados, além de condições conjunturais mais favoráveis. Neste momento, ainda não há qualquer sinal de que a situação contida que domina os nossos principais mercados irá se modificar até o final do ano, o que deverá fazer deste mais um ano de movimento lateral. Em especial, a situação na divisão Voith Paper está muito tensa. Essa divisão sofre intensamente com as modificações estruturais que os mercados de papel vêm enfrentando. Devido a isso, vivemos uma profunda recessão no setor de máquinas de papel. E apesar dessa situação, a Voith, como um todo, mantém uma posição estável e de elevada eficiência. E é exatamente nestas fases de menor crescimento e de demanda contida as quais já nos acostumamos a ver em nossa longa história que podemos contar com a força de sermos um Grupo com um portfolio variado de tecnologias e de serviços. Ocupamos uma posição sólida e de liderança em nossos mercados. Estamos bem posicionados internacionalmente e detemos todas as condições necessárias para fortalecermos a nossa presença ainda mais em nossas regiões, 20 report 2/2013

Press-release. Voith consegue superar conjuntura difícil 12/12/2012

Press-release. Voith consegue superar conjuntura difícil 12/12/2012 Press-release Voith consegue superar conjuntura difícil 12/12/2012 Terceiro melhor resultado operacional na história da empresa, apesar de mercado difícil para a Voith Paper Volume de negócios cresceu

Leia mais

Press Release. Voith promove constantes mudanças 2014-12-10

Press Release. Voith promove constantes mudanças 2014-12-10 Press Release Voith promove constantes mudanças 2014-12-10 Reversão da tendência em pedidos recebidos se estabiliza: volume de pedidos aumenta em 7% no ano fiscal de 2013/14 Vendas consolidadas e lucro

Leia mais

Schaeffler Global Technology Network. Juntos Movemos o Mundo

Schaeffler Global Technology Network. Juntos Movemos o Mundo Schaeffler Global Technology Network Juntos Movemos o Mundo Trabalhando juntos para transformar desafios em oportunidades A globalização abre ilimitadas oportunidades para as empresas, ao mesmo tempo

Leia mais

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES Por cerca de 50 anos, a série Boletim Verde descreve como a John Deere conduz os negócios e coloca seus valores em prática. Os boletins eram guias para os julgamentos e as

Leia mais

Apimec Florianópolis. Dezembro 2013

Apimec Florianópolis. Dezembro 2013 Apimec Florianópolis Dezembro 2013 Exoneração de Responsabilidades Esta apresentação não constitui uma oferta, convite ou pedido de qualquer forma, para a subscrição ou compra de ações ou qualquer outro

Leia mais

Cambambe I Uma parceria para fornecer energia a Angola

Cambambe I Uma parceria para fornecer energia a Angola Cambambe I Uma parceria para fornecer energia a Angola II A Voith apoia plenamente Angola e o seu povo no processo de reconstrução após três décadas de guerra civil. Temos dado a nossa contribuição nos

Leia mais

Análise das Necessidades do Cliente da SKF. Energia e Sustentabilidade

Análise das Necessidades do Cliente da SKF. Energia e Sustentabilidade Análise das Necessidades do Cliente da SKF Energia e Sustentabilidade Análise das Necessidades do Cliente da SKF Energia e Sustentabilidade A indústria responde por um terço de todo o consumo de energia.

Leia mais

People. Passion. Performance.

People. Passion. Performance. People. Passion. Performance. Apresentando Chicago Pneumatic É simples assim. Você tem trabalho a fazer e clientes a atender. A CP está aqui para ajudá-lo a realizar seu trabalho, sem compromisso. Nosso

Leia mais

Diretrizes de Sustentabilidade Carelink

Diretrizes de Sustentabilidade Carelink 1 Para a, o que é sustentabilidade? É a forma mais eficaz para alcançarmos resultados consistentes, buscando soluções integradas que envolvam aspectos sociais, tecnológicos, econômicos e ambientais, de

Leia mais

Soluções Completas para Pequenas Centrais Hidrelétricas

Soluções Completas para Pequenas Centrais Hidrelétricas Soluções Completas para Pequenas Centrais Hidrelétricas Answers for energy. Turbina Francis, gerador síncrono e unidade hidráulica Cubículos de média tensão Transformadores de distribuição Uma completa

Leia mais

Oportunidades de Mercado na Visão do Serviço Florestal Brasileiro

Oportunidades de Mercado na Visão do Serviço Florestal Brasileiro Oportunidades de Mercado na Visão do Serviço Florestal Brasileiro - 2º Congresso Florestal do Tocantins - André Luiz Campos de Andrade, Me. Gerente Executivo de Economia e Mercados do Serviço Florestal

Leia mais

um RH estratégico para hoje e para o futuro Construindo

um RH estratégico para hoje e para o futuro Construindo Construindo um RH estratégico para hoje e para o futuro ado o crescente foco executivo no capital humano, o RH tem uma oportunidade sem precedentes de se posicionar como um verdadeiro parceiro estratégico

Leia mais

Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição

Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição A atitude sustentável faz a diferença! 1. Apresentação Ser sustentável é agir a favor da vida, da dignidade humana, da sobrevivência de todos os seres vivos,

Leia mais

1 Área técnica administrativa. 2 Área de Soldagem

1 Área técnica administrativa. 2 Área de Soldagem Voith Hydro Manaus 1 2 3 4 5 1 Área técnica administrativa 2 Área de Soldagem 3 Oportunidades para mulheres. Jovem, que iniciou como soldadora, hoje é auxiliar administrativa da produção 4 Área de Jateamento

Leia mais

REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL

REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL Agenda ANRAP Remanufaturados no Mundo Remanufaturados no Brasil Conceito: O que é um Produto Remanufaturado? Vantagens do Produto Remanufaturado Ajudando a Preservar o

Leia mais

Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services

Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services Page 1/5, Março 11, 2015 Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services Especialista industrial, Ernst adota a mobilidade interligada ; Novos serviços telemáticos

Leia mais

Capítulo 1 Introdução ao Guia de Ferramentas

Capítulo 1 Introdução ao Guia de Ferramentas Capítulo 1 Introdução ao Guia de Ferramentas 1. OBJETIVO DO GUIA DE FERRAMENTAS Então você está pensando em começar ou expandir um negócio de energia limpa? Este é um guia passo a passo para que seu negócio

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 1 Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 O Conselho de Administração aprovou o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totais de US$ 224 bilhões, representando a média de US$ 44,8 bilhões

Leia mais

Mudança tecnológica na indústria automotiva

Mudança tecnológica na indústria automotiva ESTUDOS E PESQUISAS Nº 380 Mudança tecnológica na indústria automotiva Dyogo Oliveira * Fórum Especial 2010 Manifesto por um Brasil Desenvolvido (Fórum Nacional) Como Tornar o Brasil um País Desenvolvido,

Leia mais

COP 21 INDC BRASILEIRA

COP 21 INDC BRASILEIRA COP 21 Vinte e três anos após a assinatura da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), a 21 a Conferência das Partes (COP21), que será realizada em Paris (entre os dias 30 novembro

Leia mais

Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG

Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG Utilização do Google Earth e Google Maps na CEMIG Roberto Proença da Silva Carlos Alberto Moura Companhia Energética de Minas Gerais - CEMIG Superintendência de Tecnologia da Informação - TI Gerência de

Leia mais

Gestão Empresarial para a Sustentabilidade. Wilberto Lima Junior Diretor de Comunicação e Responsabilidade Social

Gestão Empresarial para a Sustentabilidade. Wilberto Lima Junior Diretor de Comunicação e Responsabilidade Social Gestão Empresarial para a Sustentabilidade Wilberto Lima Junior Diretor de Comunicação e Responsabilidade Social Klabin: Uma empresa líder 107 anos de tradição, inovação, liderança e sustentabilidade 17

Leia mais

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Procurando reduzir gastos com energia? Por que não aumentar a produtividade ao mesmo tempo? Reduzir os custos operacionais usando a energia com eficiência

Leia mais

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 COMUNICADO No: 58 Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 10 de dezembro de 2015 (Genebra) - A International Air Transport Association (IATA) anunciou

Leia mais

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua TASCHIBRA Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua por Ademar do Amaral Jr Mestre em Administração pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (2007); Especialista

Leia mais

O Jeito Hydro de Ser. Nosso jeito de trabalhar

O Jeito Hydro de Ser. Nosso jeito de trabalhar O Jeito Hydro de Ser Nosso jeito de trabalhar O que nos faz diferentes? Se observarmos qualquer negócio como, por exemplo, um banco, um fabricante de janelas, uma metalúrgica, todos fazem as mesmas coisas

Leia mais

Uma Oportunidade Única de Negócio

Uma Oportunidade Única de Negócio Uma Oportunidade Única de Negócio no Setor de Ensino de Língua Ingles Por ser um empresário bem-sucedido, você certamente está em busca de novas oportunidades de ampliar seu negócio atual e maximizar o

Leia mais

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida

Soluções inteligentes em energia. Energia para a vida Soluções inteligentes em energia Energia para a vida O Brasil e o mundo contam com a nossa energia. A Prátil é uma empresa de soluções inteligentes em energia, que atua nos segmentos de infraestrutura

Leia mais

Bateria MRX de Ni-Cd A bateria compacta para reserva de alta energia ferroviária

Bateria MRX de Ni-Cd A bateria compacta para reserva de alta energia ferroviária Bateria MRX de Ni-Cd A bateria compacta para reserva de alta energia ferroviária Dezembro de 2009 Saft: fornecendo a energia para avançar o setor ferroviário A Saft é uma parceira de confiança das maiores

Leia mais

Fig. A: A imagem da rede total e da rede imediata de suprimentos Fonte: Slack, Nigel e outros. Administração da Produção

Fig. A: A imagem da rede total e da rede imediata de suprimentos Fonte: Slack, Nigel e outros. Administração da Produção Fascículo 5 Projeto da rede de operações produtivas Se pensarmos em uma organização que produza algo, é impossível imaginar que essa organização seja auto-suficiente, isto é, que produza tudo o que irá

Leia mais

RELATÓRIO DE VIAGEM ITAIPU BINACIONAL 17 A 20/10/2014 AUTOR: MARIO KENJI TAMURA DIA 17 PARA DIA 18/10

RELATÓRIO DE VIAGEM ITAIPU BINACIONAL 17 A 20/10/2014 AUTOR: MARIO KENJI TAMURA DIA 17 PARA DIA 18/10 RELATÓRIO DE VIAGEM ITAIPU BINACIONAL 17 A 20/10/2014 AUTOR: MARIO KENJI TAMURA DIA 17 PARA DIA 18/10 Iniciamos nossa viagem às 19h30 minutos em frente à ETEC e chegamos no dia 18/10 sábado às 09h45min.

Leia mais

Mercedes-Benz renova toda a linha de veículos comerciais no Brasil

Mercedes-Benz renova toda a linha de veículos comerciais no Brasil Corporativo Informação à Imprensa Mercedes-Benz renova toda a linha de veículos comerciais no Brasil Data: 23 de outubro de 2011 De forma inédita na indústria automobilística nacional, a Mercedes- Benz

Leia mais

Guia básico para implementação da PRODUÇÃO ENXUTA. Reduza suas perdas e melhore seus resultados.

Guia básico para implementação da PRODUÇÃO ENXUTA. Reduza suas perdas e melhore seus resultados. Guia básico para implementação da PRODUÇÃO ENXUTA Reduza suas perdas e melhore seus resultados. INSTITUCIONAL A Consustec é uma empresa com menos de um ano de mercado, com espírito jovem e um time extremamente

Leia mais

Eficiência e qualidade no processo de pintura

Eficiência e qualidade no processo de pintura Eficiência e qualidade no processo de pintura www.durr.com Experiência e Experiência e competência competência Eficiência de produção no processo de pintura A Dürr é líder mundial no planejamento e na

Leia mais

Identificando os tipos de fontes energéticas

Identificando os tipos de fontes energéticas Identificando os tipos de fontes energéticas Observe a figura abaixo. Nela estão contidos vários tipos de fontes de energia. Você conhece alguma delas? As fontes de energia podem ser renováveis ou não-renováveis,

Leia mais

Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral

Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral Imprensa São Paulo, 16 de junho de 2015 Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral O estudo foi baseado em uma pesquisa realizada

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática

Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática Posição da indústria química brasileira em relação ao tema de mudança climática A Abiquim e suas ações de mitigação das mudanças climáticas As empresas químicas associadas à Abiquim, que representam cerca

Leia mais

Técnicas passivas; Técnicas ativas.

Técnicas passivas; Técnicas ativas. Definição: a conservação de energia deve ser entendida como a utilização de uma menor quantidade de energia para a obtenção de um mesmo produto ou serviço através da eliminação do desperdício; Técnicas

Leia mais

fazem bem e dão lucro

fazem bem e dão lucro Melhores práticas de fazem bem e dão lucro Banco Real dá exemplo na área ambiental e ganha reconhecimento internacional Reunidos em Londres, em junho deste ano, economistas e jornalistas especializados

Leia mais

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Apoiar a empregabilidade pela melhora da qualidade do ensino profissionalizante UK Skills Seminar Series 2014 15 British Council UK Skills Seminar

Leia mais

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro.

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. www.accenture.com.br/carreiras www.facebook.com/accenturecarreiras www.twitter.com/accenture_vagas Quem somos A Accenture é uma

Leia mais

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem 8 A pesquisa indica ênfase na criação de valor, mais do que na economia de custos; o investimento em big data, na nuvem e na segurança é predominante CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em liderar

Leia mais

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento Mas ninguém diz violentas as margens que o comprimem. Bertold Brecht

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento Mas ninguém diz violentas as margens que o comprimem. Bertold Brecht Do rio que tudo arrasta se diz que é violento Mas ninguém diz violentas as margens que o comprimem Bertold Brecht Instalações Elétricas Prediais A ENG04482 Prof. Luiz Fernando Gonçalves AULA 3 Usinas Hidrelétricas

Leia mais

A visão e estratégia certas

A visão e estratégia certas "Não há dúvidas de que nosso setor está se transformando rapidamente e que a Cisco e a rede estão no centro das principais transições de mercado que estão a caminho. Acreditamos que nossa estratégia de

Leia mais

Envolva-se! Venha ser um membro do FSC!

Envolva-se! Venha ser um membro do FSC! Envolva-se! Venha ser um membro do FSC! O seu apoio é fundamental para continuarmos a trabalhar pelo futuro de nossas florestas, da fauna, da flora e dos povos que nela habitam. Um planeta com qualidade

Leia mais

18/06/2009. Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br.

18/06/2009. Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br. Marketing Ambiental Quando cuidar do meio-ambiente é um bom negócio. O que temos visto e ouvido falar das empresas ou associado a elas? Blog: www.tudibao.com.br E-mail: silvia@tudibao.com.br 2 3 Sílvia

Leia mais

Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano

Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano Investimentos da AES Brasil crescem 32% e atingem R$ 641 milhões nos primeiros nove meses do ano Valor faz parte de plano de investimentos crescentes focado em manutenção, modernização e expansão das operações

Leia mais

Faz sentido o BNDES financiar investimentos em infraestrutura em outros países?

Faz sentido o BNDES financiar investimentos em infraestrutura em outros países? Faz sentido o BNDES financiar investimentos em infraestrutura em outros países? Marcos Mendes 1 O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tem financiado a construção de infraestrutura

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013

CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013 CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013 Se surgirem dúvidas sobre a prática dos princípios éticos ou desvios de condutas, não hesite em contatar o seu superior ou o Comitê de Ética. SUMÁRIO O CÓDIGO DE

Leia mais

Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira

Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira AULA Fundação 4 MATRIZ Universidade ELÉTRICA Federal de Mato Grosso do Sul 1 Matriz Energética Aula 4 Matriz Elétrica Brasileira Prof. Márcio Kimpara Universidade Federal de Mato Grosso do Sul FAENG /

Leia mais

Valor Setorial Energia (Valor Econômico) 15/04/2015 Garantia para o sistema

Valor Setorial Energia (Valor Econômico) 15/04/2015 Garantia para o sistema Valor Setorial Energia (Valor Econômico) 15/04/2015 Garantia para o sistema Duas importantes medidas foram anunciadas no fim de março pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para tornar mais

Leia mais

Estudo de Caso nº 7. 2. Práticas de Responsabilidade Empresarial Tópicos Principais Área(s) Global(ais) de Enquadramento das Boas Práticas de RSE:

Estudo de Caso nº 7. 2. Práticas de Responsabilidade Empresarial Tópicos Principais Área(s) Global(ais) de Enquadramento das Boas Práticas de RSE: 1. Identificação da Empresa Nome da Empresa: Estudo de Caso nº 7 Triip Ltd. Sector de Actividade: Gráfica Actividade Principal: Impressão e design Cidade/País: Tartu, Estónia Ano de Fundação: 1993 Implantação

Leia mais

O que há de tão especial em nós? AkzoNobel Pulp and Performance Chemicals

O que há de tão especial em nós? AkzoNobel Pulp and Performance Chemicals O que há de tão especial em nós? AkzoNobel Pulp and Performance Chemicals Estamos por toda parte. E especialmente perto de você. Bem-vindo à AkzoNobel Pulp and Performance Chemicals Somos parte de uma

Leia mais

A REVISTA PARA VOITHIANOS #1 2014. à frente INSIGHT NO LOCAL

A REVISTA PARA VOITHIANOS #1 2014. à frente INSIGHT NO LOCAL A REVISTA PARA VOITHIANOS Report #1 2014 Foco Olhando à frente INSIGHT Como viver a diversidade NO LOCAL Como engenheiros da VOITH desafiam o VENTO e o clima Panorama Onde bate o CORAção de São Paulo Colaboradores

Leia mais

Comunicado à Imprensa

Comunicado à Imprensa Economy Página 1 de 6 Rede mundial de vendas e capacidade de produção expandidas para sustentar o crescimento contínuo Sucesso financeiro em 2013: Beckhoff Automation aumenta o faturamento em 7%, chegando

Leia mais

Enfrentar a crise climática vai ajudar a resolver a crise financeira a perspectiva do Greenpeace

Enfrentar a crise climática vai ajudar a resolver a crise financeira a perspectiva do Greenpeace Enfrentar a crise climática vai ajudar a resolver a crise financeira a perspectiva do Greenpeace Manaus Av. Joaquim Nabuco, 2367, Centro CEP: 69020-031 Tel.: +55 92 4009-8000 Fax: +55 92 4009-8004 São

Leia mais

Eficiência Energética

Eficiência Energética www.siemens.com.br/eficiencia-energetica Siemens Ltda. Av. Mutinga, 3800 05110-902 Pirituba São Paulo - SP Eficiência Energética www.siemens.com.br/eficiencia-energetica Sustentabilidade e Eficiência Energética

Leia mais

EXPLORE SEUS POTENCIAIS. Junte-se aos 128 concessionários mundiais que escolheram ser parceiros da FG Wilson.

EXPLORE SEUS POTENCIAIS. Junte-se aos 128 concessionários mundiais que escolheram ser parceiros da FG Wilson. Expanda seu portfólio de produtos e aumente o seu negócio com a marca líder GLOBAL na indústria. EXPLORE SEUS NEGÓCIOS POTENCIAIS Junte-se aos 128 concessionários mundiais que escolheram ser parceiros

Leia mais

SAE - Simpósio Novas Tecnologias na Indústria Automobilística

SAE - Simpósio Novas Tecnologias na Indústria Automobilística SAE - Simpósio Novas Tecnologias na Indústria Automobilística 13 de abril de 2009 1 O Papel da Tecnologia para o Futuro da GM Jaime Ardila Presidente, GM do Brasil & Operações Mercosul 2 O Papel da Tecnologia

Leia mais

Entrevista Inovação em dose dupla

Entrevista Inovação em dose dupla Entrevista Inovação em dose dupla Por Juçara Pivaro Foto: L. R.Delphim Uma importante aquisição no setor de empresas fornecedoras de ingredientes ocorreu em 2012, unindo duas grandes forças desse mercado,

Leia mais

Perguntas e Respostas Prêmio Petrobras SMES IV Edição

Perguntas e Respostas Prêmio Petrobras SMES IV Edição Perguntas e Respostas Prêmio Petrobras SMES IV Edição 1. Qual o objetivo do Prêmio Petrobras SMES IV Edição? O Prêmio Petrobras SMES IV Edição tem por objetivo estimular a força de trabalho da Companhia

Leia mais

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA Participantes: Dr. Roberto Simões, presidente do CDN (Conselho Deliberativo Nacional) e Dr. Carlos Alberto dos Santos, Diretor Técnico do Sebrae Nacional. Objetivo:

Leia mais

Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental

Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental 1 Melhoria do desempenho ambiental implementação do Sistema de Gestão Ambiental A Caixa Geral de Depósitos (CGD) tem implementado

Leia mais

Economia de Energia. Na Modernização de elevadores

Economia de Energia. Na Modernização de elevadores Economia de Energia Na Modernização de elevadores Importância do Elevador O elevador é o equipamento mais importante do edifício. Moradores de prédios passam em média meia hora por semana dentro do elevador.

Leia mais

Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com outros associados. Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com fornecedores

Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com outros associados. Conflito de Interesses - Relacionamento pessoal com fornecedores Conflito de Interesses Geral Conflito de Interesses - Investimentos Financeiros Conflito de Interesses - Brindes e Gratificações Conflito de Interesses - Emprego paralelo ao Walmart Conflito de Interesses

Leia mais

Companhia de Gás de São Paulo

Companhia de Gás de São Paulo Companhia de Gás de São Paulo Autora:Tatiana Helena Marques Orientadora: Profa. Ms. Ana Maria Santiago Jorge de Mello Mestre em Administração de Empresas Universidade Presbiteriana Mackenzie Introdução:

Leia mais

LOGÍSTICA CONFIÁVEL PARA A INDÚSTRIA EÓLICA. Segue

LOGÍSTICA CONFIÁVEL PARA A INDÚSTRIA EÓLICA. Segue LOGÍSTICA CONFIÁVEL PARA A INDÚSTRIA EÓLICA Segue Conteúdo Nós compreendemos NÓS COMPREENDEMOS SUAS EXIGÊNCIAS Nós compreendemos Você está em uma posição invejável. Crescendo em média 25% ao ano ao longo

Leia mais

PLANTAS PARA FABRICAÇÃO DE TUBOS HELICOIDAIS. Soluções sob medida com benefícios mensuráveis para o cliente

PLANTAS PARA FABRICAÇÃO DE TUBOS HELICOIDAIS. Soluções sob medida com benefícios mensuráveis para o cliente PLANTAS PARA FABRICAÇÃO DE TUBOS HELICOIDAIS Soluções sob medida com benefícios mensuráveis para o cliente GRUPO SMS Líder na fabricação de equipamentos e máquinas Sob o amparo da SMS Holding GmbH, o Grupo

Leia mais

1. Perfil de experiência 2. Carreira profissional

1. Perfil de experiência 2. Carreira profissional Klaus Hüssner Eng Químico Carreira profissional Marca Registrada KHProjekte Consultoria Empresarial Ltda. Rua São Paulo Antigo 500 Sala 193C 05684-011 São Paulo SP Brasil Tel: +55 (11) 7206 4752 Fax: +55

Leia mais

EBARA INDÚSTRIAS MECÂNICAS E COMÉRCIO LTDA. YOUR LIFE, OUR QUALITY, WORLDWIDE

EBARA INDÚSTRIAS MECÂNICAS E COMÉRCIO LTDA. YOUR LIFE, OUR QUALITY, WORLDWIDE EBARA INDÚSTRIAS MECÂNICAS E COMÉRCIO LTDA. YOUR LIFE, OUR QUALITY, WORLDWIDE QUALIDADE DESDE 1912 Fundada em 1912, no Japão, a EBARA é atualmente um dos principais fabricantes mundiais de máquinas industriais,

Leia mais

*Os pontos de vista expressados aqui são meus e não necessariamente representam aqueles do FDIC.

*Os pontos de vista expressados aqui são meus e não necessariamente representam aqueles do FDIC. Orientação Geral para Mandatos de Seguro de Depósito Eficazes Considerações importantes no Projeto de um Mandato Eficaz Disponibilidade de Recursos para um Sistema Eficaz de Seguro de Depósitos: Financiamentos,

Leia mais

Competitividade e Resultados: conseqüência do alinhamento de estratégia, cultura e competências.

Competitividade e Resultados: conseqüência do alinhamento de estratégia, cultura e competências. 1 Programa Liderar O Grupo Solvi é um conglomerado de 30 empresas que atua nas áreas de saneamento, valorização energética e resíduos. Como alicerce primordial de seu crescimento encontrase o desenvolvimento

Leia mais

2012 - Panorama Energético: Perspectivas para 2040

2012 - Panorama Energético: Perspectivas para 2040 212 - Panorama Energético: Perspectivas para Índice Fundamentos globais 2 Residencial/comercial 3 Transportes 4 Industrial 5 Geração de eletricidade 6 Emissões 7 Fornecimento e tecnologia 8 Conclusão 9

Leia mais

AULA 4 FLORESTAS. O desmatamento

AULA 4 FLORESTAS. O desmatamento AULA 4 FLORESTAS As florestas cobriam metade da superfície da Terra antes dos seres humanos começarem a plantar. Hoje, metade das florestas da época em que recebemos os visitantes do Planeta Uno não existem

Leia mais

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Nota de Imprensa Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Presidente mundial do Banco Santander apresenta em São Paulo o Plano Estratégico 2008-2010 para o A integração

Leia mais

PRÊMIO. Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A. Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar

PRÊMIO. Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A. Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar PRÊMIO 2012 Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar Data ou Período de Aplicação da Experiência: 2011 e 2012 Categoria

Leia mais

Conceito e Evolução da utilização da Energia

Conceito e Evolução da utilização da Energia Energia Limpa Agenda O que é energia limpa? Tipos de energia limpa Energia Hídrica Energia Eólica Energia Geotérmica Biomassa Energia Solar Energia do Mar O Brasil neste cenário Protocolo de Kyoto Conceito

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO DO PARCEIRO Soluções de garantia do serviço da CA Technologies você está ajudando seus clientes a desenvolver soluções de gerenciamento da TI para garantir a qualidade do serviço e a

Leia mais

Confiável, seguro e fácil de usar

Confiável, seguro e fácil de usar O que é o Carona Brasil? Uma empresa que proporciona o encontro de pessoas, através da web, que desejam se utilizar da carona como opção de transporte. O congestionamento nas grandes cidades é um problema

Leia mais

DESEMPENHO SOCIOAMBIENTAL

DESEMPENHO SOCIOAMBIENTAL DESEMPENHO SOCIOAMBIENTAL 3T11 Sumário Sumário...1 Índice de Tabelas...2 Índice de Figuras...3 Desempenho Socioambiental...4 Negócios com Ênfase Socioambiental...5 Ecoeficiência...7 Relações com Funcionários...9

Leia mais

C ELULOS E & P A P E L

C ELULOS E & P A P E L ELULOSE C & P A P E L C ELULOSE & P A P E L APRESENTAÇÃO A Revista CELULOSE & PAPEL surge no segmento para oferecer aos seus leitores uma nova oportunidade na busca da melhor informação do mercado e novos

Leia mais

Ministério das Relações Exteriores. Declaração Conjunta Brasil-Estados Unidos sobre Mudança do Clima Washington, D.C., 30 de junho de 2015

Ministério das Relações Exteriores. Declaração Conjunta Brasil-Estados Unidos sobre Mudança do Clima Washington, D.C., 30 de junho de 2015 Ministério das Relações Exteriores Assessoria de Imprensa do Gabinete Nota nº 259 30 de junho de 2015 Declaração Conjunta Brasil-Estados Unidos sobre Mudança do Clima Washington, D.C., 30 de junho de 2015

Leia mais

Comitê de Investimentos 07/12/2010. Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado

Comitê de Investimentos 07/12/2010. Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado Comitê de Investimentos 07/12/2010 Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado Experiências Internacionais de Quantitative Easing Dados do Estudo: Doubling Your Monetary Base and Surviving: Some International

Leia mais

Política Corporativa Setembro 2012. Política de Recursos Humanos da Nestlé

Política Corporativa Setembro 2012. Política de Recursos Humanos da Nestlé Política Corporativa Setembro 2012 Política de Recursos Humanos da Nestlé Autoria/Departamento Emissor Recursos Humanos Público-Alvo Todos os Colaboradores Aprovação Concelho Executivo, Nestlé S.A. Repositório

Leia mais

AB Volvo, 405 08 Gotemburgo, Suécia. Ref No 953810014, de agosto de 2009. The Volvo Way

AB Volvo, 405 08 Gotemburgo, Suécia. Ref No 953810014, de agosto de 2009. The Volvo Way AB Volvo, 405 08 Gotemburgo, Suécia Ref No 953810014, de agosto de 2009 The Volvo Way Índice Prefácio Nossa missão Os clientes em primeiro lugar Foco no cliente Objetivos claros Qualidade, segurança e

Leia mais

ITAIPU E SUA IMPORTÂNCIA NA MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA

ITAIPU E SUA IMPORTÂNCIA NA MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA ITAIPU E SUA IMPORTÂNCIA NA MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA Fórum Internacional A Sustentabilidade no Século XXI Joel de Lima - Diretoria Geral Brasileira Pelotas, 11 de novembro de 2010 RETROSPECTO HISTÓRICO:

Leia mais

Fornecer inovação usando uma estratégia padronizada de PLM O Teamcenter e o NX aumentam a produtividade e contribuem para o sucesso da missão

Fornecer inovação usando uma estratégia padronizada de PLM O Teamcenter e o NX aumentam a produtividade e contribuem para o sucesso da missão Fornecer inovação usando uma estratégia padronizada de PLM O Teamcenter e o NX aumentam a produtividade e contribuem para o sucesso da missão AT K Siemens PLM Software www.siemens.com/plm Desafios comerciais

Leia mais

Nossa História. Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa

Nossa História. Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa Nossa História Ajudando o mundo a produzir os alimentos de que precisa O desafio é imenso: acabar com a fome, dobrar a produção de alimentos até 2050 e ajudar a reduzir o impacto ambiental da agricultura

Leia mais

Histórico. Os Incentivos Fiscais

Histórico. Os Incentivos Fiscais Histórico Há mais de século eram plantadas no Brasil as primeiras mudas de eucalipto, árvore originária da Austrália. Desde então se originou uma história de sucesso: nascia a silvicultura brasileira.

Leia mais

A Geração de Valor, através da Gestão

A Geração de Valor, através da Gestão A Geração de Valor, através da Gestão Gilberto Crosa Diretor Industrial e Tecnologia INSTITUCIONAL Caxias do Sul Número de funcionários: 2.500 Área Total = 310.000 m² Área Construída = 58.100 m² NEGÓCIO

Leia mais

Por que a HEAVYLOAD? GERENCIAMENTO LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS CERTIFICAÇÃO IÇAMENTO E LANÇAMENTO TESTE DE CARGA MOVIMENTAÇÃO CARGAS CARGA MANUTENÇÃO

Por que a HEAVYLOAD? GERENCIAMENTO LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS CERTIFICAÇÃO IÇAMENTO E LANÇAMENTO TESTE DE CARGA MOVIMENTAÇÃO CARGAS CARGA MANUTENÇÃO Por que a HEAVYLOAD? Possibilidade garantida de contratar um único fornecedor com foco em: Gerenciamento dos Ativos; Desenvolvimento e implementação de novas tecnologias; Centro de Treinamento Próprio

Leia mais

R E S U M O E X E C U T I V O P R O G R A M A V E L O C I T Y S O L U T I O N P R O V I D E R. Janeiro 2011

R E S U M O E X E C U T I V O P R O G R A M A V E L O C I T Y S O L U T I O N P R O V I D E R. Janeiro 2011 Sede global: 5 Speen Street Framingham, MA 01701 EUA Tel.: +1 508-872-8200 Fax: +1 508-935-4015 www.idc.com W H I T E P A P E R D i r e c i o n a d o o C r e s c i m e n t o e E n t r e g a n d o V a l

Leia mais

Questionário de Governança de TI 2014

Questionário de Governança de TI 2014 Questionário de Governança de TI 2014 De acordo com o Referencial Básico de Governança do Tribunal de Contas da União, a governança no setor público compreende essencialmente os mecanismos de liderança,

Leia mais

/ Carregadores de Bateria / Tecnologia de Soldagem / Energia Solar. / Carregadores de Bateria para Intralogística.

/ Carregadores de Bateria / Tecnologia de Soldagem / Energia Solar. / Carregadores de Bateria para Intralogística. / Carregadores de Bateria / Tecnologia de Soldagem / Energia Solar / Carregadores de Bateria para Intralogística. / Desde 1946, desenvolvemos com paixão e vigor Carregadores de Bateria inovadores. Em

Leia mais

GUIA DE GESTÃO DE FROTAS SUSTENTÁVEIS

GUIA DE GESTÃO DE FROTAS SUSTENTÁVEIS GUIA DE GESTÃO DE FROTAS SUSTENTÁVEIS 1 INTRODUÇÃO Existe um consenso científico segundo o qual a mudança climática é impulsionada por aumentos das emissões de gases de efeito estufa causadas pelo homem,

Leia mais

Turbocompressor modelo ABS HST 20

Turbocompressor modelo ABS HST 20 Turbocompressor modelo ABS HST 20 Principais Aplicações O turbocompressor modelo ABS HST 20 é altamente adequado para as seguintes áreas de aplicação: Aeração de água, efluentes ou outros líquidos Flotação

Leia mais