Crescimento guiado para correção de joelhos unidos e pernas arqueadas em crianças

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Crescimento guiado para correção de joelhos unidos e pernas arqueadas em crianças"

Transcrição

1 INFORMAÇÃO AO PACIENTE Crescimento guiado para correção de joelhos unidos e pernas arqueadas em crianças O sistema de crescimento guiado eight-plate quad-plate

2 INTRODUÇÃO As crianças necessitam de orientação e correção delicada em muitos aspectos de suas vidas. Para um número significativo de crianças em que as pernas arqueadas ou joelhos unidos não são corrigidos espontaneamente pelo crescimento, poderá ocorrer dor e/ou dificuldade em correr. Essas crianças podem se beneficiar de um - procedimento cirúrgico pouco invasivo que implica a inserção de um pequeno dispositivo chamado eight-plate. A eight-plate guia o crescimento, permitindo uma correção natural, segura e gradual do alinhamento dos membros. Crescer é difícil para as crianças e para os pais! Com a utilização da eight-plate, o cirurgião pode corrigir deformidades nos membros de forma precisa e seletiva, de maneira que o seu filho possa continuar a crescer sem problemas -forte e direito. Continue a leitura para obter mais informações sobre a correção de deformidades dos membros usando a eight-plate e um procedimento chamado hemiepifisiodese. JOELHOS UNIDOS E PERNAS ARQUEADAS Durante o crescimento normal do esqueleto, os membros têm compri-mento igual e estão alinhados corretamente dos quadris aos tornozelos. No entanto, algumas anomalias congênitas, infecção, lesão ou outros problemas podem fazer com que os ossos longos da perna (por ex. tíbia, fêmur) cresçam desalinhados.

3 Esse desalinhamento pode provocar deformidades articulares da perna, conhecidas como deformidades em valgo (joelhos unidos) ou em varo (pernas arqueadas). Nessas situações, o uso normal da perna é dificultado e andar ou correr pode provocar dor. Infelizmente, a utilização de talas não é eficaz no tratamento destes problemas. A correção de deformidades dos membros requer um dos seguintes procedimentos cirúrgicos: uma osteotomia ou um procedimento minimamente invasivo chamado hemiepifisiodese. PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS DE CORREÇÃO A correção usando o método de osteotomia é um procedimento cirúrgico significativo que implica o corte do osso desalinhado, a adição ou remoção de uma porção do osso (conforme o tipo de deformidade) e o realinhamento do osso. O osso realinhado precisa ser fixado no local com pinos ou com uma combinação de placa e parafusos, seguido de uma tala. Outra alternativa é fixar o osso realinhado no local usando pinos nos segmentos ósseos ou conectando os mesmos a uma montagem externa. Além dos riscos inerentes a este tipo de cirurgia, a criança precisa passar um longo período no hospital e evitar a liberação de carga durante um certo tempo, seguido de sessões de fisioterapia. Em muitos casos, podem ser necessárias diversas cirurgias de osteotomia para corrigir totalmente o alinhamento do osso. epifisiodese - uma cirurgia para parar a atividade de uma placa de crescimento. Os efeitos podem ser permanentes ou temporários hemiepifisiodese - fixar ou restringir um lado (medial ou lateral) da placa de crescimento com um implante fêmur - o osso longo da coxa tíbia - o osso maior da perna entre o joelho e o tornozelo (canela) alinhamento normal - as crianças mais jovens devem ser capazes de estar em pé com os joelhos e os tornozelos se tocando simultaneamente valgo - uma angulação para dentro do joelho, em que os tornozelos estão separados enquanto os joelhos se tocam; joelhos unidos varo - uma angulação para fora do joelho, em que os joelhos estão separados enquanto os tornozelos se tocam; pernas arqueadas osteotomia - cortar um osso em dois segmentos

4 Por outro lado, a correção usando hemiepifisiodese é um método cirúrgico muito menos invasivo para correção de deformidades angulares patológicas. Epifisiodese é um termo que deriva do grego em que fise significa placa de crescimento e dese significa fixação. Este procedimento, tradicionalmente conhecido como grampeamento epifisário, utiliza grampos cirúrgicos (usualmente 2 ou 3) em um lado da fise, restringindo o seu crescimento e, ao mesmo tempo, permitindo o crescimento contínuo no lado oposto, sem instrumentais. O objetivo é permitir o realinhamento através do crescimento. Dito de maneira mais simples, o crescimento do osso é restringido em um dos lados da deformidade enquanto continua no outro lado. Gradualmente, o osso fica realinhado e a deformidade é corrigida. Uma vez que o osso não é cortado (como acontece com uma osteotomia), não existe risco neurovascular, instabilidade do corte ou um período significativo de consolidação. fise - placa de crescimento próxima de uma das extremi-dades dos ossos longos (fêmur e tíbia) que permite o alongamento. Estas fecham naturalmente ao atingir a maturidade (nas meninas, aos 14 anos de idade, nosmeninos, aos 16, aproximadamente) implante - dispositivo inserido em um tecido durante um determinado período de tempo que não é absorvido pelo corpo lateral - ladoexterno, distante do centro ou do plano mediano medial - lado interno próximo da linha mediana Fise (placa de crescimento) Lado lateral Fêmur Implante Lado medial Tíbia

5 Apesar do fato de o grampeamento epifisário ser usado com êxito há mais de 50 anos, existem desvantagens e limitações ao uso de grampos. Os grampos são implantes em U, rígidos que não permitem flexibilidade durante o crescimento e realinhamento do osso. Além disso, os grampos comprimem a placa de crescimento em um lado. O planejamento cirúrgico para a colocação precisa dos grampos é complicado. Além disso, quando implantes rígidos como os grampos são confrontados com as forças geradas pela fise (crescimento), eles podem migrar, dobrar ou quebrar e comprometer os resultados. A remoção ou revisão dos grampos pode ser difícil, levando à correção inadequada (ou excessiva) da deformidade. CORREÇÃO ATRAVÉS DE CRESCIMENTO GUIADO USANDO A EIGHT-PLATE DA ORTHOFIX A técnica eight-plate de crescimento guiado supera as desvantagens associadas aos métodos de grampeamento tradicionais e pode oferecer a seu filho uma melhor correção da deformidade angular patológica. A eight-plate da Orthofix ou placa de crescimento guiado é um dispositivo único em forma de oito com o tamanho de um clipe de papel que permite a correção gradual da deformidade do membro do seu filho. A eight-plate fixa um dos lados da placa de crescimento. Conforme o lado oposto da fise continua expandindo e crescendo, os parafusos divergem na placa, atuando assim como uma verdadeira dobradiça. Esta ação de dobradiça também evita a compressão da placa de crescimento que está sendo guiada. E graças a sua flexibilidade, a possibilidade da placa ou parafusos quebrarem após a força exercida pelo crescimento ósseo é muito pequena.

6 O PROCEDIMENTO CIRÚRGICO A implantação da eight-plate é realizada com anestesia e demora cerca de uma hora. Durante o procedimento, o cirurgião realiza uma incisão de 2 a 3 cm (aproximadamente 1 polegada) na fise do osso a ser corrigido. A Eight-Plate é fixada ao osso com dois pequenos parafusos de titânio. No caso de joelhos unidos, a eight-plate é colocada no lado medial do osso (ou seja, lado interno); no caso de pernas arqueadas, a eight-plate é colocada no lado lateral do osso (ou seja, lado externo). As deformidades múltiplas podem ser tratadas durante esse mesmo procedimento, inserindo uma eight-plate por fise. A incisão é fechada, geralmente com suturas absorvíveis. Após a recuperação da anestesia, o seu filho pode ser levado para casa. RECUPERAÇÃO PÓS-OPERATÓRIA A técnica eight-plate de crescimento guiado implica trauma e dor cirúrgicos mínimos em comparação com uma osteotomia. Não há necessidade de gesso; as muletas são opcionais (para conforto) e raramente é necessário fisioterapia. A criança é incentivada a andar e a retomar as suas atividades se possível, incluindo esportes quando o conforto o permitir, o que geralmente acontece em um prazo de 3 semanas. Trevan aos 2 anos de idade começou a apresentar os sintomas da displasia esquelética hereditária, baixa estatura, marcha gingada e dores no quadril e nos joelhos. Ele recebeu a placa Eigth-Plate de crescimento guiado e, em um ano, suas pernas se endireitaram e os sintomas foram todos resolvidos. A Eight-Plate permitiu a Trevan receber o tratamento ainda na infância e ter suas deformidades corrigidas sem grandes cirurgias, sem a realização da osteotomia e sem internação. Agora, Trevan vem desfrutando de uma vida normal e uma infância ativa.

7 A CORREÇÃO É FEITA GRADUALMENTE AO LONGO DO TEMPO A eight-plate restringe temporariamente o crescimento em um dos lados da placa óssea enquanto o crescimento natural pode continuar no lado oposto. Ao longo do tempo (geralmente entre alguns meses e um ano), a deformidade é corrigida gradualmente. Para assegurar a correção em tempo adequado e correta, a criança precisa ser vista pelo cirurgião a cada 3 meses para a realização de um check-up. Se a criança não puder ser consultada pelo cirurgião a cada 3 meses, por exemplo, devido à distância, outro médico deverá realizar radiografias das pernas (a imagem mais exata será uma vista de comprimento completo na posição em pé). Envie essas radiografias ao cirurgião que implantou a eight-plate. Quando a deformidade estiver corrigida, o cirurgião irá remover a eight-plate com anestesia em uma cirurgia ambulatorial. no momento da cirurgia vários meses até um ano { } Algumas vezes, as crianças necessitam de correção adicional. E se essa correção for necessária para uma deformidade articular, pode estar certo de que você e seu filho não estão sós. Sabemos que as cirurgias em nossas crianças podem ser traumáticas para você e para eles, mas o crescimento guiado com a utilização da eight-plate permite uma correção consistente e resultados clínicos gratificantes.

8 PERGUNTAS FREQUENTES A eight-plate é permanente? Não, ela deverá ser removida quando a deformidade estiver corrigida. Durante quanto tempo a eight-plate pode ser mantida no local? Durante o tempo necessário para a correção da deformidade. O intervalo de tempo usual é de 6-18 meses. Quais são as indicações para a aplicação da eight-plate? Qualquer tipo de deformidade que, de outra forma, necessitaria de osteotomia em um paciente com placas de crescimento abertas ou diferença de comprimento que, de outro modo, necessitariam de epifisiodese. É necessário gesso após a aplicação da eight-plate? Não é necessário gesso. O paciente pode voltar para casa no dia da cirurgia? Sim, geralmente os pacientes podem voltar para casa no próprio dia da cirurgia. Existem limitações ou precauções relacionadas com a liberação de carga? Normalmente, os pacientes são encorajados por seus médicos a realizar liberação de carga imediata e movimentação precoce. Com que frequência o paciente deverá retornar para um check-up? Os pacientes devem ser examinados pelo menos uma vez a cada 3 meses, a fim de monitorar o seu crescimento e definir quando a placa deve ser removida. Existe alguma contraindicação em relação à eight-plate? A eight-plate não deve ser usada em deformidades em adultos (quando as placas de crescimento já estiverem fechadas) ou nos casos em que a placa de crescimento tenha fechado, por exemplo, devido a traumatismo ou infecção. Qual é a idade e/ou altura recomendada para implantação de uma eight-plate em um paciente? Uma vez que a eight-plate não suporta peso corporal após ter sido implantada, a altura do paciente não é importante. A eight-plate pode ser usada com êxito em pacientes com idade entre 18 meses e 17 anos, desde que a criança ainda esteja em crescimento (esqueleto imaturo). O uso da eight-plate está limitado a joelhos unidos e pernas arqueadas? Não, ela pode ser usada para corrigir outras deformidades angulares, como deformidades de flexão ou extensão do joelho; valgo, deformidades de extensão ou flexão do tornozelo; deformidade em varo do cotovelo; e deformidades de flexão/extensão do punho ou desvio radial/ulnar. O seu distribuidor é: Fabricado por: Orthofix Inc Plano Pkwy, Lewisville, Texas U.S.A , Orthofix do Brasil Ltda Rua Alves Guimarães, Pinheiros - São Paulo - SP - Brasil CEP: Telefone Fax ext EP-0601-PL-BR DA 11/15 Instruções de uso: Veja a embalagem efetiva para Instruções de uso. Cuidado: As leis federais (EUA) restringem a venda deste dispositivo somente mediante pedido médico.o procedimento cirúrgico apropriado é de responsabilidade do médico. As técnicas cirúrgicas são fornecidas como uma orientação informativa. Cabe a cada cirurgião avaliar a adequabilidade de uma técnica com base em suas credenciais e experiência médicas pessoais. Consulte as Instruções de uso fornecidas com o produto para obter informações específicas sobre as indicações de uso, contra-indicações, advertências, precauções, efeitos adversos e esterilização.

Artroscopia do Cotovelo

Artroscopia do Cotovelo Artroscopia do Cotovelo Dr. Marcello Castiglia Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo Artroscopia é uma procedimento usado pelos ortopedistas para avaliar, diagnosticar e reparar problemas dentro

Leia mais

Dr. Josemir Dutra Junior Fisioterapeuta Acupunturista Acupunturista Osteopata Especialista em Anatomia e Morfologia. Joelho

Dr. Josemir Dutra Junior Fisioterapeuta Acupunturista Acupunturista Osteopata Especialista em Anatomia e Morfologia. Joelho Dr. Josemir Dutra Junior Fisioterapeuta Acupunturista Acupunturista Osteopata Especialista em Anatomia e Morfologia Joelho O joelho é a articulação intermédia do membro inferior, é formado por três ossos:

Leia mais

Lesões Meniscais. O que é um menisco e qual a sua função.

Lesões Meniscais. O que é um menisco e qual a sua função. Lesões Meniscais Introdução O menisco é uma das estruturas mais lesionadas no joelho. A lesão pode ocorrer em qualquer faixa etária. Em pessoas mais jovens, o menisco é bastante resistente e elástico,

Leia mais

Pedus. Técnica Cirúrgica

Pedus. Técnica Cirúrgica Técnica Cirúrgica com cunha 1. Características do produto Estabilidade angular. Orifícios de combinação. Isto torna possível usar parafusos com e sem estabilidade angular. Parafusos e placas de titânio.

Leia mais

Ortopedia e Traumatologia

Ortopedia e Traumatologia Ortopedia e Traumatologia Fixação Interna Orthofix A Orthofix é uma companhia reconhecida mundialmente no desenvolvimento de soluções para fixação externa e interna na área de Traumatologia e Ortopedia.

Leia mais

Artroplastia Total do Joelho. Manual para Pacientes. Dr. Richard Prazeres Canella

Artroplastia Total do Joelho. Manual para Pacientes. Dr. Richard Prazeres Canella Artroplastia Total do Joelho Manual para Pacientes Dr. Richard Prazeres Canella Florianópolis SC Introdução O joelho, para o médico, é a junção do fêmur (osso da coxa) com a tíbia (osso da perna). Também

Leia mais

CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS

CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS Informações ao paciente Contém: 1. Explicação geral sobre cirurgias ortognáticas, 2. Perguntas e respostas, A cirurgia ortognática, também chamada de ortodontia cirúrgica, é um tipo

Leia mais

Osteoporose. Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes*

Osteoporose. Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes* Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes* * Fisioterapeuta. Pós-graduanda em Fisioterapia Ortopédica, Traumatológica e Reumatológica. CREFITO 9/802 LTT-F E-mail: laisbmoraes@terra.com.br Osteoporose

Leia mais

LESÕES DOS ISQUIOTIBIAIS

LESÕES DOS ISQUIOTIBIAIS LESÕES DOS ISQUIOTIBIAIS INTRODUÇÃO Um grande grupo muscular, que se situa na parte posterior da coxa é chamado de isquiotibiais (IQT), o grupo dos IQT é formado pelos músculos bíceps femoral, semitendíneo

Leia mais

É uma fratura comum que ocorre em pessoas de todas as idades. Anatomia. Clavícula

É uma fratura comum que ocorre em pessoas de todas as idades. Anatomia. Clavícula Fratura da Clavícula Dr. Marcello Castiglia Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo É uma fratura comum que ocorre em pessoas de todas as idades. Anatomia O osso da clavícula é localizado entre o

Leia mais

Fraturas e Luxações do Cotovelo em Adultos:

Fraturas e Luxações do Cotovelo em Adultos: Fraturas e Luxações do Cotovelo em Adultos: Fraturas do cotovelo em adultos: l As fraturas correspondem 31.8% dos traumas em cotovelo no adulto; l Freqüência: cabeça do rádio 39,4%; luxação do cotovelo

Leia mais

3. Pressione o cotovelo, com a maior força possível com a outra mão, em direção ao outro ombro. Fique nesta posição por 10 segundos. Repita 3X.

3. Pressione o cotovelo, com a maior força possível com a outra mão, em direção ao outro ombro. Fique nesta posição por 10 segundos. Repita 3X. THIAGO MURILO EXERCÍCIOS PARA DEPOIS DO TÊNIS 1. Em Pé de costas para um canto de parede flexione a sua perna mais forte para frente, alinhe a coluna e leve os braços para trás até apoiar as palmas das

Leia mais

Dor no Ombro. Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo. Dr. Marcello Castiglia

Dor no Ombro. Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo. Dr. Marcello Castiglia Dor no Ombro Dr. Marcello Castiglia Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo O que a maioria das pessoas chama de ombro é na verdade um conjunto de articulações que, combinadas aos tendões e músculos

Leia mais

1-) Instruções de Uso da Joelheira Suporte da Fusion para mulheres e homens

1-) Instruções de Uso da Joelheira Suporte da Fusion para mulheres e homens Instrução de Uso Suporte para Joelho Breg 1-) Instruções de Uso da Joelheira Suporte da Fusion para mulheres e homens Aplicação do suporte de joelho para a perna A. Soltar todas as 6 tiras e dobrar as

Leia mais

PT CONTORNO CORPORAL 1

PT CONTORNO CORPORAL 1 PT CONTORNO CORPORAL 1 2 PAIXÃO INSPIRANDO A CIÊNCIA. 3 SILIMED HÁ 35 ANOS LANÇANDO AS NOVAS GERAÇÕES DE IMPLANTES DE SILICONE NO MUNDO. Criada em 1978, no Rio de Janeiro, a Silimed atende as áreas de

Leia mais

Manual de cuidados pré e pós-operatórios

Manual de cuidados pré e pós-operatórios 1. Anatomia O quadril é uma articulação semelhante a uma bola no pegador de sorvete, onde a cabeça femoral (esférica) é o sorvete e o acetábulo (em forma de taça) é o pegador. Esse tipo de configuração

Leia mais

MODELO DE INSTRUÇÃO DE USO

MODELO DE INSTRUÇÃO DE USO Página 1 MODELO DE INSTRUÇÃO DE USO PONTEIRAS DE DESNERVAÇÃO POR RF NÃO ESTÉREIS DESCRIÇÃO DO DISPOSITIVO As Ponteiras de Desnervação por RF da NeuroTherm, são eletrodos sensores de temperatura destinados

Leia mais

Urgências Ortopédicas em Clínica Pediátrica. Dr. Celso Rizzi Ortopedista Pediátrico do INTO

Urgências Ortopédicas em Clínica Pediátrica. Dr. Celso Rizzi Ortopedista Pediátrico do INTO Urgências Ortopédicas em Clínica Pediátrica Dr. Celso Rizzi Ortopedista Pediátrico do INTO Placa de Crescimento Epífise Metáfise Diáfise Metáfise Placa de Crescimento Epífise Osso Imaturo na Criança Fraturas

Leia mais

C A T Á L O G O D E P R O D U T O S FIXADORES EXTERNOS

C A T Á L O G O D E P R O D U T O S FIXADORES EXTERNOS C A T Á L O G O D E P R O D U T O S FIXADORES EXTERNOS A CPMH A empresa CPMH foi fundada 2010 e está entre as empresas especializadas que oferecem pesquisa, desenvolvimento e fabricação de instrumental

Leia mais

2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS 2.1 LSP20 2.1 LSP30 2.1 LSP25 2.1 LSP35 1 FINALIDADE

2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS 2.1 LSP20 2.1 LSP30 2.1 LSP25 2.1 LSP35 1 FINALIDADE LÂMINA SAGITTAL PLUS 8 8 8 8 1 FINALIDADE 2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS A Lâmina Sagittal Plus é uma ferramenta que em conjunto com a Serra Sagittal Plus¹ é destinada às seguintes aplicações: Osteotomia

Leia mais

Quesitos da função prática. Antropometria

Quesitos da função prática. Antropometria Quesitos da função prática Antropometria breve histórico Filósofos, teóricos, artistas e arquitetos estudaram, ao longo da história, as proporções do corpo humano; antropometria física: viagens de Marco

Leia mais

Cisto Poplíteo ANATOMIA

Cisto Poplíteo ANATOMIA Cisto Poplíteo O Cisto Poplíteo, também chamado de cisto de Baker é um tecido mole, geralmente indolor que se desenvolve na parte posterior do joelho. Ele se caracteriza por uma hipertrofia da bolsa sinovial

Leia mais

Fisioterapia nas Ataxias. Manual para Pacientes

Fisioterapia nas Ataxias. Manual para Pacientes Fisioterapia nas Ataxias Manual para Pacientes 2012 Elaborado por: Fisioterapia: Dra. Marise Bueno Zonta Rauce M. da Silva Neurologia: Dr. Hélio A. G. Teive Ilustração: Designer: Roseli Cardoso da Silva

Leia mais

RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO

RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO Mário Yoshihide Kuwae 1, Ricardo Pereira da Silva 2 INTRODUÇÃO O antebraço e cotovelo apresentam características distintas quanto a cobertura cutânea, nas lesões

Leia mais

Manual de Instruções Aparelho Abdominal

Manual de Instruções Aparelho Abdominal Manual de Instruções Aparelho Abdominal Parabéns, você acabou de adquirir o Aparelho Abdominal! Um produto ideal para você cuidar da sua saúde e do seu corpo no conforto da sua casa. Temos certeza que

Leia mais

Semiologia Ortopédica Pericial

Semiologia Ortopédica Pericial Semiologia Ortopédica Pericial Prof. Dr. José Heitor Machado Fernandes 2ª V E R S Ã O DO H I P E R T E X T O Para acessar os módulos do hipertexto Para acessar cada módulo do hipertexto clique no link

Leia mais

11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES

11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES 11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES O futsal, como outras modalidades, está associado a certos riscos de lesões por parte dos jogadores. No entanto, estudos científicos comprovaram que a incidência de lesões

Leia mais

Manual do Usuário BT200

Manual do Usuário BT200 Manual do Usuário BT200 INFORMAÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA Por favor, mantenha este manual em local seguro para referência. 1. É importante que se leia todo este manual antes de montar e utilizar o equipamento.

Leia mais

fundação portuguesa de cardiologia Nº. 12 Dr. João Albuquerque e Castro REVISÃO CIENTÍFICA: [CIRURGIA VASCULAR DO CENTRO HOSPITALAR LISBOA CENTRAL]

fundação portuguesa de cardiologia Nº. 12 Dr. João Albuquerque e Castro REVISÃO CIENTÍFICA: [CIRURGIA VASCULAR DO CENTRO HOSPITALAR LISBOA CENTRAL] fundação portuguesa de cardiologia TUDO O QUE DEVE SABER SOBRE ANEURISMAS DA AORTA ABDOMINAL Nº. 12 REVISÃO CIENTÍFICA: Dr. João Albuquerque e Castro [CIRURGIA VASCULAR DO CENTRO HOSPITALAR LISBOA CENTRAL]

Leia mais

Especificações dos Robôs: 1. O robô deverá caber em um quadrado cujas dimensões internas serão de 20 cm por 20 cm.

Especificações dos Robôs: 1. O robô deverá caber em um quadrado cujas dimensões internas serão de 20 cm por 20 cm. Nome da Modalidade: Sumô controlado por fio Número de robôs por partida: Dois (2) Duração da partida: 3 minutos Classe de peso dos robôs: 3,005 kg Dimensões dos robôs: Conforme abaixo Especificações do

Leia mais

IU Fixador Externo Linear Orthofix Ossos Curtos reg. 10392060077 rev01 17/09/2015

IU Fixador Externo Linear Orthofix Ossos Curtos reg. 10392060077 rev01 17/09/2015 IU Fixador Externo Linear Orthofix Ossos Curtos reg. 10392060077 rev01 17/09/2015 Instrução de Uso FIXADOR EXTERNO LINEAR ORTHOFIX-OSSOS CURTOS Indicação de Uso/ Finalidade Os modelos que compõem o cadastro

Leia mais

Forma de Apresentação O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares é constituído dos seguintes componentes:

Forma de Apresentação O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares é constituído dos seguintes componentes: Instruções de Uso Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares ORTHOFIX para Colocação e Ajuste dos Fixadores Externos Modulares Finalidade O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares tem

Leia mais

E S T U D O D O M O V I M E N T O - V

E S T U D O D O M O V I M E N T O - V 1 Pronação A pronação corresponde ao movimento que coloca a face palmar da mão virada para trás, colocando o 1º dedo (polegar) da mão mais próximo do plano sagital. Supinação A supinação corresponde ao

Leia mais

GUIA DO PACIENTE. Dynesys Sistema de Estabilização Dinâmica. O Sistema Dynesys é o próximo passo na evolução do tratamento da dor lombar e nas pernas

GUIA DO PACIENTE. Dynesys Sistema de Estabilização Dinâmica. O Sistema Dynesys é o próximo passo na evolução do tratamento da dor lombar e nas pernas GUIA DO PACIENTE Dynesys Sistema de Estabilização Dinâmica O Sistema Dynesys é o próximo passo na evolução do tratamento da dor lombar e nas pernas Sistema de Estabilização Dinâmica Dynesys O Sistema Dynesys

Leia mais

VOCÊ CONHECE SUA PISADA?

VOCÊ CONHECE SUA PISADA? ANO 2 www.instituodetratamentodador.com.br VOCÊ CONHECE SUA PISADA? Direção: Dr José Goés Instituto da Dor Criação e Diagramação: Rubenio Lima 85 8540.9836 Impressão: NewGraf Tiragem: 40.000 ANO 2 Edição

Leia mais

Artrodese do cotovelo

Artrodese do cotovelo Artrodese do cotovelo Introdução A Artrite do cotovelo pode ter diversas causas e existem diversas maneiras de tratar a dor. Esses tratamentos podem ter sucesso pelo menos durante um tempo. Mas eventualmente,

Leia mais

Dossier Informativo. Osteoporose. Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal

Dossier Informativo. Osteoporose. Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal Dossier Informativo Osteoporose Epidemia silenciosa que afecta 800.000 pessoas em Portugal 2008 1 Índice 1. O que é a osteoporose? Pág. 3 2. Factores de risco Pág. 4 3. Prevenção Pág. 4 4. Diagnóstico

Leia mais

LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR

LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR Anatomia O ligamento cruzado anterior (LCA) é um dos ligamentos mais importantes para a estabilidade do joelho. Considerado um ligamento intra-articular, sua função

Leia mais

Redação Dr. Maurício de Freitas Lima. Edição ACS - Assessoria de Comunicação Social Maria Isabel Marques - MTB 16.996

Redação Dr. Maurício de Freitas Lima. Edição ACS - Assessoria de Comunicação Social Maria Isabel Marques - MTB 16.996 2 Redação Dr. Maurício de Freitas Lima Edição ACS - Assessoria de Comunicação Social Maria Isabel Marques - MTB 16.996 Produção e Projeto Gráfico Designer Gráfico: Patricia Lopes da Silva Edição - Outubro/2012

Leia mais

Inspiron 14. Manual de serviço. 5000 Series. Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001

Inspiron 14. Manual de serviço. 5000 Series. Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001 Inspiron 14 5000 Series Manual de serviço Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001 Notas, avisos e advertências NOTA: uma NOTA indica informações importantes que

Leia mais

Reabilitação fisioterapêutica do idoso com osteoporose

Reabilitação fisioterapêutica do idoso com osteoporose Definição Reabilitação fisioterapêutica do idoso com osteoporose Distúrbio osteometabólico, de origem multifatorial, caracterizado pela diminuição da densidade mineral óssea e deterioração de sua micro

Leia mais

Capa (esse texto não será impresso) Dr. Celso Rios Dr. Renato Cabral. Manual de Orientação ao Paciente de IMPLANTES DENTÁRIOS

Capa (esse texto não será impresso) Dr. Celso Rios Dr. Renato Cabral. Manual de Orientação ao Paciente de IMPLANTES DENTÁRIOS Capa (esse texto não será impresso) Dr. Celso Rios Dr. Renato Cabral Manual de Orientação ao Paciente de IMPLANTES DENTÁRIOS Página propositalmente em branco Este foi o melhor investimento que fiz em toda

Leia mais

ESTUDO RADIOLÓGICO DA PELVE

ESTUDO RADIOLÓGICO DA PELVE ESTUDO RADIOLÓGICO DA PELVE Sínfise púbica Classificação: sínfise Movimentos permitidos: mobilidade bidimensional e rotação de uns poucos milímetros em conjunto com a deformação da pelve quando na sustentação

Leia mais

Fratura da Porção Distal do Úmero

Fratura da Porção Distal do Úmero Fratura da Porção Distal do Úmero Dr. Marcello Castiglia Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo O cotovelo é composto de 3 ossos diferentes que podem quebrar-se diversas maneiras diferentes, e constituem

Leia mais

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design.

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design. MANUAL DE INSTRUÇÕES MODELO ABC DESIGN PRIMO Moldura de Alumínio leve Alças giratórias em 360 graus 4 posições de regulagem de encosto Rodas dianteiras giratórias e bloqueáveis. toldo removível Testado

Leia mais

Epson SureColor F6070 Manual de instalação

Epson SureColor F6070 Manual de instalação Epson SureColor F6070 Manual de instalação 2 Remoção da embalagem e montagem da impressora Leia todas estas instruções antes de usar a sua impressora. Também siga todos os alertas e instruções indicados

Leia mais

Reparação de prolapsos de órgãos pélvicos

Reparação de prolapsos de órgãos pélvicos Reparação de prolapsos de órgãos pélvicos O prolapso de órgão pélvico é uma condição muito comum, principalmente em mulheres maiores de quarenta anos. Estima-se que a metade das mulheres que têm filhos

Leia mais

Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho

Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho PÓS-OPERATÓRIO Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho Estes exercícios são importantes para aumentar a circulação em seus pés e pernas e prevenir coágulos sanguíneos. Eles também são

Leia mais

Ergonomia Corpo com Saúde e Harmonia

Ergonomia Corpo com Saúde e Harmonia Ergonomia Corpo com Saúde e Harmonia Dr. Leandro Gomes Pistori Fisioterapeuta CREFITO-3 / 47741-F Fone: (16) 3371-4121 Dr. Paulo Fernando C. Rossi Fisioterapeuta CREFITO-3 / 65294 F Fone: (16) 3307-6555

Leia mais

Os Parafusos para Centronail Haste de Titânio Orthofix são construídos em liga de titânio ASTM 136.

Os Parafusos para Centronail Haste de Titânio Orthofix são construídos em liga de titânio ASTM 136. Instruções de Uso Parafuso para Centronail Haste de Titânio Orthofix e Características do Produto Os Parafusos para Centronail Haste de Titânio Orthofix são construídos em liga de titânio ASTM 136. Os

Leia mais

Instalação da Corrente

Instalação da Corrente Instalação da Corrente Nivelando e Alinhando Todos os componentes devem estar nívelados e alinhados corretamente, para que a corrente e as rodas dentadas possa ter um tempo de vida mais longo. As duas

Leia mais

O que é Impacto Fêmoro-acetabular. Autores: O que é o quadril? Dr. Henrique Berwanger Cabrita

O que é Impacto Fêmoro-acetabular. Autores: O que é o quadril? Dr. Henrique Berwanger Cabrita O que é Impacto Fêmoro-acetabular PUBLICADO POR QUADRIL RECIFE Autores: Dr. Henrique Berwanger Cabrita Doutor em Ortopedia pela Universidade de São Paulo Assistente do Grupo de Quadril do Instituto de

Leia mais

TREINAMENTO DE FORÇA RELACIONADO A SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA

TREINAMENTO DE FORÇA RELACIONADO A SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA TREINAMENTO DE RELACIONADO A SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA Como regra geral, um músculo aumenta de força quando treinado próximo da sua atual capacidade de gerar força. Existem métodos de exercícios que são

Leia mais

Capsulite Adesiva ou Ombro Congelado Congelado

Capsulite Adesiva ou Ombro Congelado Congelado 1 Consiste em uma articulação do ombro com dor e rigidez que não pode ser explicada por nenhuma alteração estrutural. Obs: Embora seja comum o uso destes termos nas aderências pós traumáticas do ombro,

Leia mais

BCPP TUBE PLATE 95 O. Técnica Cirúrgica. 51.30 - Placa Tubo BCPP - 95 o

BCPP TUBE PLATE 95 O. Técnica Cirúrgica. 51.30 - Placa Tubo BCPP - 95 o BCPP TUBE PLATE 95 O Técnica Cirúrgica 51.30 - BCPP Tube Plate Materiais Titânio - Ti 6Al 4V ELI ASTM F-136 ISO 5832-3 Aço Inoxidável ASTM F-138 ISO 5832-1 Indicações A é indicada para as seguintes fraturas

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA CENTRO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA Prof. Dr. Victor H. A. Okazaki http://okazaki.webs.com Material de Apoio: Desenvolvimento & Aprendizado

Leia mais

Reumatismos de Partes Moles Diagnóstico e Tratamento

Reumatismos de Partes Moles Diagnóstico e Tratamento Reumatismos de Partes Moles Diagnóstico e Tratamento MARINA VERAS Reumatologia REUMATISMOS DE PARTES MOLES INTRODUÇÃO Também denominado de reumatismos extra-articulares Termo utilizado para definir um

Leia mais

MMII: Perna Tornozelo e Pé

MMII: Perna Tornozelo e Pé MMII: Perna Tornozelo e Pé Perna:Estruturas anatômicas Articulações visualizadas Incidências 1- AP Indicação Patologias envolvendo fraturas, corpos estranhos ou lesões ósseas. Perfil Indicação - Localização

Leia mais

Artroplastia (prótese) total de joelho

Artroplastia (prótese) total de joelho Artroplastia (prótese) total de joelho A prótese do joelho está indicada quando o joelho apresenta quadro de artrite (artrose) moderada à grave ou por ou por limitação de atividades simples, como caminhar

Leia mais

Instrução de Uso. Nome Comercial: Fios Rígidos para Fixação de Fragmentos. Nome Técnico: 2700104 - Pino e fio rígidos não absorvíveis

Instrução de Uso. Nome Comercial: Fios Rígidos para Fixação de Fragmentos. Nome Técnico: 2700104 - Pino e fio rígidos não absorvíveis ORTHOFIX Brasil Ltda. Rua Alves Guimarães, 1216 Pinheiros - São Paulo - SP CEP: 05410-002 CNPJ: 02 690.906 / 0001-00 Fone / Fax: 11-3087-2266 Email: orthofix@orthofix.com.br Site: www.orthofix.com.br Instrução

Leia mais

Teste de Flexibilidade

Teste de Flexibilidade Teste de Flexibilidade Introdução O teste de Fleximetria foi aprimorado pelo ICP à partir do teste do Flexômetro de LEIGHTON deve ser aplicado com a intenção de se coletar informações sobre o funcinamento

Leia mais

Programa Corporativo Fitness Timbu

Programa Corporativo Fitness Timbu Programa Corporativo Fitness Timbu O que é? Series de exercícios físicos que utilizam movimentos naturais do ser humano, como pular, correr, puxar, agachar, girar e empurrar. O praticante ganha força,

Leia mais

SISTEMA DE FUSÃO INTRA-ÓSSEA ENDO-FUSE 137900-5. Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem:

SISTEMA DE FUSÃO INTRA-ÓSSEA ENDO-FUSE 137900-5. Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem: SISTEMA DE FUSÃO INTRA-ÓSSEA ENDO-FUSE 137900-5 Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem: English (en) Deutsch (de) Nederlands (nl) Français (fr) Español (es) Italiano (it) Português (pt) -

Leia mais

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes?

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes? Implantes Dentários O que são implantes ósseos integrados? São uma nova geração de implantes, introduzidos a partir da década de 6O, mas que só agora atingem um grau de aceitabilidade pela comunidade científica

Leia mais

Úmero Proximal. Sistema de Placa Úmero Proximal

Úmero Proximal. Sistema de Placa Úmero Proximal Indicações Fraturas de 2, 3 e 4 fragmentos. Fraturas reconstituíveis da cabeça do úmero. Fraturas Patológicas. Indicações especiais tais como Pseudo-artroses e Osteotomias de correção. 1 Propriedades do

Leia mais

INSTRUÇÕES DE USO. Eimattstrasse 3 Eimattstrasse 3 PRODUTO NÃO ESTÉRIL CE 0123

INSTRUÇÕES DE USO. Eimattstrasse 3 Eimattstrasse 3 PRODUTO NÃO ESTÉRIL CE 0123 INSTRUÇÕES DE USO Nome Técnico: Nome Comercial: Sistema para Fixação da Coluna Vertebral Sistema de Fixação Rígida de Placas Especiais para Coluna Tóraco Lombar Anterior Fabricante: Distribuidor: Synthes

Leia mais

INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO

INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO POSTURA INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO *Antigamente : quadrúpede. *Atualmente: bípede *Principal marco da evolução das posturas em 350.000 anos. *Vantagens: cobrir grandes distâncias com o olhar, alargando seu

Leia mais

NORMA ISO 14004. Sistemas de Gestão Ambiental, Diretrizes Gerais, Princípios, Sistema e Técnicas de Apoio

NORMA ISO 14004. Sistemas de Gestão Ambiental, Diretrizes Gerais, Princípios, Sistema e Técnicas de Apoio Página 1 NORMA ISO 14004 Sistemas de Gestão Ambiental, Diretrizes Gerais, Princípios, Sistema e Técnicas de Apoio (votação 10/02/96. Rev.1) 0. INTRODUÇÃO 0.1 Resumo geral 0.2 Benefícios de se ter um Sistema

Leia mais

Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem:

Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem: PT SISTEMA DE ANCORAGEM DE SUTURA G-FORCE PEEK-OPTIMA 144880-0 Os seguintes idiomas estão incluídos nesta embalagem: English (en) Deutsch (de) Nederlands (nl) Français (fr) Español (es) Italiano (it) Português

Leia mais

Roteiro para Instrumentação da Técnica de Parafuso de Compressão

Roteiro para Instrumentação da Técnica de Parafuso de Compressão Roteiro para Instrumentação da Técnica de Parafuso de Compressão Roteiro para Instrumentação da Técnica de Parafuso de Compressão O tipo de compressão gerada por um parafuso é designado compressão interfragmentária

Leia mais

INSTRUÇÃO DE USO THRESHOLD PEP

INSTRUÇÃO DE USO THRESHOLD PEP INSTRUÇÃO DE USO THRESHOLD PEP O dispositivo Threshold PEP foi concebido para proporcionar terapia por pressão expiratória positiva (PEP). Quando utilizada com a técnica de tosse huff, a terapia PEP ajuda

Leia mais

O PROJETO. A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos

O PROJETO. A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos O PROJETO A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos usuários diferentes exercícios que possibilitam trabalhar grupos musculares diversos, membros superiores, inferiores, abdominais

Leia mais

Indoor Cycle Actividades de Grupo Pré-Coreografadas Telma Gonçalves

Indoor Cycle Actividades de Grupo Pré-Coreografadas Telma Gonçalves Actividades de Grupo Pré-Coreografadas Telma Gonçalves Metodologia do Indoor Cycle Em foco... Década de 80 Inspirado no ciclismo outdoor Simulação de ciclismo outdoor 2 Segurança Características Intensidade,

Leia mais

Mega Tricycle 3 em 1. Manual de montagem e uso. Importante - Leia todas as instruções antes de iniciar a montagem.

Mega Tricycle 3 em 1. Manual de montagem e uso. Importante - Leia todas as instruções antes de iniciar a montagem. Mega Tricycle 3 em 1 Manual de montagem e uso Idade sugerida 1 a 3 anos. Importante - Leia todas as instruções antes de iniciar a montagem. Instruções de uso e de montagem (Guardar para consultas futuras).

Leia mais

IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO

IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO 1 IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS PORQUE PODEM SER COLOCADOS QUANDO PODEM SER COLOCADOS COMO

Leia mais

EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO

EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO 1. Quais as funções do esqueleto? 2. Explique que tipo de tecido forma os ossos e como eles são ao mesmo tempo rígidos e flexíveis. 3. Quais são as células ósseas e como

Leia mais

Planejamento Cirúrgico

Planejamento Cirúrgico Planejamento Cirúrgico Embora existam aspectos inerentes ao procedimento cirúrgico, a inter-relação entre esta etapa e a confecção da prótese consiste em um fator preponderante para o sucesso da reabilitação.

Leia mais

Metalo. Modular. Sistema de Andaimes em Alumínio. Instruções Técnicas

Metalo. Modular. Sistema de Andaimes em Alumínio. Instruções Técnicas Metalo Modular Sistema de Andaimes em Alumínio Instruções Técnicas Modular_AF4.indd 1 Modular Índice Favor observar: Nestas instruções técnicas, encontram-se todas as informações e indicações importantes

Leia mais

LER/DORT. www.cpsol.com.br

LER/DORT. www.cpsol.com.br LER/DORT Prevenção através s da ergonomia DEFINIÇÃO LER: Lesões por Esforços Repetitivos; DORT: Doenças Osteomusculares Relacionadas ao Trabalho; São doenças provocadas pelo uso inadequado e excessivo

Leia mais

ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA

ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA Ao manusear correntes de motosserra, sempre há o risco de acontecer pequenos cortes nos dedos e na própria mão. Ao romper uma corrente,

Leia mais

Arranque Rápido de Press Brake Productivity

Arranque Rápido de Press Brake Productivity Como começar Arranque Rápido de Press Brake Productivity Obrigado por comprar um produto de qualidade fabricado pela Wila Durante mais de 80 anos, a Wila forneceu Porta-ferramentas, Ferramentas e Acessórios

Leia mais

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão André Montillo UVA Lesões Traumáticas do Membro Superior Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão e Braço Fratura da Escápula Fratura da Clavícula Luxação Acrômio-clavicular

Leia mais

!"#$%&'#()(%*+%(%&),*(-*./0* 1&#"234#-'*%*.4,#2)56%'*(%*/#-7%28"#2)*9:;<=>?@* Lista de Exercícios Figura 1: Ex. 1

!#$%&'#()(%*+%(%&),*(-*./0*  1&#234#-'*%*.4,#2)56%'*(%*/#-7%28#2)*9:;<=>?@* Lista de Exercícios Figura 1: Ex. 1 ! *!"#$%&'#()(%*+%(%&),*(-*./0* "#$%&'!(#!)$*#$+,&-,.!/'(#0,*#1!#!"-2$3-,4!5'3-,-4!670-3,(,4!8!")"5! )$*#$+,&-,!9-'1:(-3,!;!1&#"234#-'*%*.4,#2)56%'*(%*/#-7%28"#2)*9:;?@** < '! =>,(&-1#4%&#!

Leia mais

Estudo comparativo entre duas täcnicas de avaliaåço da amplitude de movimento

Estudo comparativo entre duas täcnicas de avaliaåço da amplitude de movimento 1 Estudo comparativo entre duas täcnicas de avaliaåço da amplitude de movimento Joyce Ribeiro Caetano 1 Orientador: Ademir Schmidt ** Resumo Trata-se de uma revisåo de literatura feita por um grupo de

Leia mais

Conteúdo: Partes do corpo humano. Atividade física eleva a qualidade de vida. Cuidando das articulações. FORTALECENDO SABERES

Conteúdo: Partes do corpo humano. Atividade física eleva a qualidade de vida. Cuidando das articulações. FORTALECENDO SABERES 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I Conteúdo: Partes do corpo humano. Atividade física eleva a qualidade de vida. Cuidando das articulações. 3 CONTEÚDO

Leia mais

SAV - SISTEMA DE AGENDAMENTO DE VEÍCULOS

SAV - SISTEMA DE AGENDAMENTO DE VEÍCULOS SAV - SISTEMA DE AGENDAMENTO DE VEÍCULOS Introdução ao SAV Prezado Cliente SAV - Sistema de Agendamento de Veículos visa prover as empresas de transporte de um rápido, eficiente e consistente nível de

Leia mais

OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio

OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio São Paulo -2012 Introdução A esterilização bem sucedida dos instrumentais cirúrgicos

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação Suporte para amostras de pequeno porte e engastadas modelo SB-AP ATCP Engenharia Física Rua Lêda Vassimon, n 735-A - Ribeirão Preto - SP / Brasil CEP 14026-567 Telefone:

Leia mais

Traumaesportivo.com.br. Capsulite Adesiva

Traumaesportivo.com.br. Capsulite Adesiva Capsulite Adesiva Capsulite adesiva, também chamada de ombro congelado, é uma condição dolorosa que leva a uma severa perda de movimento do ombro. Pode ocorrer após uma lesão, uma trauma, uma cirurgia

Leia mais

Automatização. de Persianas

Automatização. de Persianas Automatização de Persianas Externas Índice Motores... 3 Motor para Tubo Octogonal 40 mm... 4 Motor para Tubo Octogonal 60 mm... 6 Fixação da Esteira... 8 Controles Remotos... 9 Transmissores Portáteis...

Leia mais

Diretrizes Assistenciais. UPA Ortopedia

Diretrizes Assistenciais. UPA Ortopedia Diretrizes Assistenciais UPA Ortopedia Versão eletrônica atualizada em fev/2012 DIRETRIZ DE ATENDIMENTO ORTOPÉDICO NAS UNIDADES DE PRIMEIRO ATENDIMENTO (UPAs) DO HOSPITAL ISRAELITA ALBERT EINSTEIN As Unidades

Leia mais

Artigo Descrição Núm. do artigo Cabo de conexão universal Cabo de conexão, fêmea-fêmea, universal

Artigo Descrição Núm. do artigo Cabo de conexão universal Cabo de conexão, fêmea-fêmea, universal Cabos Os cabos de tomada que se utilizam são especialmente robustos, fabricados por Amphenol (serie C 16 1/7pin) ou Binder (serie 693/7pin) para as balanças WL 103 e Fischer (tipo 104/4pin) para a WL 104.

Leia mais

O QUE ESPERAR DA CONSULTA

O QUE ESPERAR DA CONSULTA Manual do Paciente Manual do paciente O QUE ESPERAR DA CONSULTA O sucesso e a segurança do procedimento cirúrgico dependem de sua sinceridade durante a consulta. Você será questionado sobre sua saúde,

Leia mais

InTrac 787 Manual de Instruções

InTrac 787 Manual de Instruções 1 Manual de Instruções 2 Índice: 1. Introdução... 5 2. Observações importantes... 6 2.1 Verificando a entrega... 6 2.2 Instruções operacionais... 6 2.3 Uso normal... 7 2.4 Instruções de segurança... 7

Leia mais

ANEXO III.B- INSTRUCÕES DE USO

ANEXO III.B- INSTRUCÕES DE USO ANEXO III.B- INSTRUCÕES DE USO BOMBA CENTRÍFUGA DESCARTÁVEL PARA ASSISTÊNCIA CIRCULATÓRIA FLOPUMP IBC 6100S COM SENSOR DE FLUXO 1. INDICAÇÃO DO PRODUTO: A Bomba centrífuga descartável para assistência

Leia mais

Fisioterapia Personalizada a Domicilio

Fisioterapia Personalizada a Domicilio Fisioterapia Personalizada a Domicilio O atendimento a domicilio da Fisio e Saúde Sul, privilegia o conforto e a saúde de seus pacientes, realizando atendimento que proporciona SAÚDE, BEM-ESTAR e MELHORA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO HOSPITAL DE CLÍNICAS COMISSÃO DE CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR PROTOCOLOS DE CONTROLE DE INFECÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO HOSPITAL DE CLÍNICAS COMISSÃO DE CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR PROTOCOLOS DE CONTROLE DE INFECÇÃO Úlcera de Pressão Também conhecida como escara ou úlcera de decúbito. É definida como qualquer lesão causada por pressão não aliviada que resulta em danos nos tecidos subjacentes (subcutâneo, músculo,

Leia mais

Iluminação LED de nível alto

Iluminação LED de nível alto Iluminação LED de nível alto Sistemas de iluminação em linha com LED As séries E4, E5 e E7 da ETAP oferecem uma vasta gama de iluminação LED para espaços com pé direito elevado, como pavilhões industriais,

Leia mais