1 Acesso ao SIIFSE. 1.1 Homepage do SIIFSE. SIIFSE - Manual do Utilizador QREN. O acesso ao Sistema é efectuado através do endereço siifse.igfse.pt.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1 Acesso ao SIIFSE. 1.1 Homepage do SIIFSE. SIIFSE - Manual do Utilizador QREN. O acesso ao Sistema é efectuado através do endereço siifse.igfse.pt."

Transcrição

1 SIIFSE Manual d Utilizadr QREN Versã de Dezembr de 2007

2 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1 Acess a SIIFSE 1.1 Hmepage d SIIFSE O acess a Sistema é efectuad através d endereç siifse.igfse.pt. Na hmepage utilizadr tem a pssibilidade de aceder a módul já existente referente a QCAIII, u ptar pr aceder a módul relativ a QREN. Adicinalmente s utilizadres prmtres pdem aceder à página ( Pedir Palavra-passe ) para efectuar seu regist n Sistema e bter um utilizadr e uma palavra-passe de frma a pderem aceder à aplicaçã. O acess à aplicaçã n módul QREN u n módul QCAIII é efectuad através d link crrespndente, send transferid para a página inicial de cada um ds períds de prgramaçã. Os regists ds utilizadres existentes actualmente n Sistema mantêm-se, pdend s mesms aceder a Sistema ns dis móduls da aplicaçã. Para s utilizadres cm perfil prmtr (entidades titulares), perfil de entrada n QREN é análg a d QCAIII. Para s utilizadres ds tips Central e Gestr, perfil assciad n QCAIII mantém-se, send necessári efectuar a sua parametrizaçã para QREN. N cas de um utilizadr que nã tenha perfil assciad n QREN, será dispnibilizada uma mensagem de alerta a infrmar d fact e é impedid seu acess à aplicaçã n módul QREN. Pr utr lad, utilizadres cm perfil Central u Gestr que sejam criads n QREN, nã pdem aceder a Sistema n módul QCAIII. 2 de 34

3 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Barra de Menu: Opçã de Menu Pedir Palavra-passe para aceder à página Pedir Palavra-passe ; Opçã de Menu Recuperar Palavra-passe para aceder à página Recuperar Palavra-passe ; Área de Navegaçã Lateral Esquerda: Btã Ajuda para acess a uma janela cm um cnjunt de instruções e esclareciments; Área de Navegaçã Lateral Direita: Link Help Desk para aceder à página cm s cntacts d IGFSE e PO s; Área de Navegaçã Central: Lg QCAIII para aceder à página inicial d módul QCAIII; Lg QREN para aceder à página inicial d módul QREN; Link clique aqui (verificar se está registad) para aceder à página Verificar Regist Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: A clicar n Lg QCAIII acedems a módul QCAIII; A clicar n Lg QREN acedems a módul QREN; A clicar n link clique aqui (verificar se está registad) acedems à página Verificar Regist. 3 de 34

4 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1.2 Página Inicial QCAIII A ptar pr aceder a QCAIII, utilizadr é redireccinad para a respectiva página inicial. Para aceder a Sistema utilizadr necessita de inserir utilizadr e a palavra-passe. Na eventualidade d utilizadr se ter enganad n módul que quer aceder, é dispnibilizad um link para a página inicial d QREN Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Entrar para aceder à aplicaçã n módul QCAIII; Btã Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã Iníci para vltar à hmepage d SIIFSE; Link QREN para aceder directamente à página inicial da aplicaçã QREN Validações Sã efectuadas as seguintes validações: A cnfirmar n btã Entrar s camps utilizadr e palavra-passe têm que se encntrar preenchids; O utilizadr têm que estar registad n Sistema e a sua palavra-passe tem que se encntrar crrectamente digitada; 4 de 34

5 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Cas utilizadr nã tenha ainda perfil QREN atribuíd, acess é-lhe vedad, send-lhe expsta uma mensagem: O utilizadr nã pde aceder à área pretendida. Deverá cntactar a sua área de gestã para assegurar a crrecta cnfiguraçã Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Entrar faz lgin n SIIFSE módul QCAIII acedend às funcinalidades que estã assciadas a perfil d respectiv utilizadr; Cas a passwrd d utilizadr seja idêntica à atribuída aquand da criaçã d utilizadr, seja pela funcinalidade de criaçã de nvs utilizadres, seja pr emissã d fíci, utilizadr, após lgin é redireccinad para a página de alteraçã de passwrd. É dad a utilizadr um alerta, sugerind que a sua cnta será inactivada cas nã mdifique a passwrd; Cas utilizadr nã mdifique a sua palavra-passe à mais de 90 dias, após lgin é redireccinad para a página de alteraçã de passwrd; É dad a utilizadr um alerta, sugerind que a sua cnta será inactivada cas nã mdifique a passwrd; Cas utilizadr nã tenha s dads de regist cmplet de acrd cm nv frmulári de regist de entidades QREN, u seja é um utilizadr QCAIII u efectuu apenas regist prvisóri, é redireccinad para a página de regist de entidade; este redireccinament é efectuad sempre que a entidade nã tenha sid aprvada pel IGFSE e nã exista pel mens um regist pendente de aprvaçã. 1.3 Página Inicial QREN 5 de 34

6 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN A ptar pr aceder a QREN, utilizadr é redireccinad para a respectiva página inicial. Para aceder a Sistema utilizadr necessita de inserir utilizadr e a palavra-passe. Na eventualidade d utilizadr se ter enganad n módul que quer aceder, é dispnibilizad um link para a página inicial d QCAIII Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Entrar para aceder à aplicaçã n módul QREN; Btã Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã Iníci para vltar à hmepage d SIIFSE; Link QCAIII para aceder directamente à página inicial da aplicaçã QCAIII Validações Sã efectuadas as seguintes validações: A cnfirmar n btã Entrar s camps utilizadr e palavra-passe têm que se encntrar preenchids; O utilizadr tem que estar registad n Sistema e a sua palavra-passe tem que se encntrar crrectamente digitada Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Entrar faz lgin n SIIFSE módul QREN acedend às funcinalidades que estã assciadas a perfil d respectiv utilizadr; Cancelar nã efectua lgin n SIIFSE e limpa tds s camps e mensagens de err existentes. 6 de 34

7 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1.4 Recuperar Palavra-Passe Nesta página serã transmitidas as instruções necessárias para utilizadr prmtr recuperar a palavra-passe. Nesta página serã transmitidas as instruções necessárias para utilizadr prmtr recuperar a palavra-passe. 7 de 34

8 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Iníci para aceder à página de iníci Hmepage. 1.5 Verificar Regist de Entidade Através desta funcinalidade utilizadr pderá verificar que já se encntra registad Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Iníci para aceder à página de iníci Hmepage; Pesquisar para verificar se a entidade já se encntra registada; Link clique aqui (esqueceu palavra-passe) para aceder à página Recuperar Palavrapasse ; Link clique aqui (bter palavra-passe) para aceder à página Pedir Palavra-passe Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Verificar se Númer de Identificaçã Fiscal intrduzid é válid. 8 de 34

9 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Pesquisar verifica se a entidade já se encntra registada, devlvend uma mensagem de acrd cm resultad da pesquisa. 1.6 Pedir Palavra-Passe Para um nv utilizadr prmtr se registar n SIIFSE deverá slicitar as credenciais de acess. É através desta funcinalidade que é pssível efectuar essa peraçã. Os dads reclhids sã s seguintes: Nº de Identificaçã Fiscal; Nme; ; Telefne; Fax; Endereç; Códig Pstal; Códig de Validaçã. Após preenchiment crrect ds referids dads, é dispnibilizad um utilizadr e a respectiva palavra-passe, de frma a ser pssível aceder a Sistema. 9 de 34

10 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN As credenciais de acess a Sistema sã cmuns, send pssível a um utilizadr aceder à aplicaçã tant na vertente QCAIII, cm na vertente QREN. A mudança da palavra-passe pr parte d utilizadr é brigatória aquand d primeir acess à aplicaçã n módul QREN, send utilizadr redireccinad para a respectiva funcinalidade Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Iníci para aceder à página de iníci Hmepage; Cnfirmar para registar/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Os camps assinalads cm asterisc sã de preenchiment brigatóri; A inserçã d Códig de validaçã pr parte d utilizadr deverá ser igual a dispnibilizad n ecrã aquand d pedid se palavra-passe; Dimensões ds camps; É verificada a existência d regist d Nº de Identificaçã Fiscal na base de dads. Cas mesm já exista é dispnibilizada uma mensagem a infrmar utilizadr dessa situaçã. Assim cm é verificad se númer fiscal intrduzid é válid Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Cnfirmar regista a infrmaçã digitada n ecrã e navega para a página a Credenciais de Acess ; 10 de 34

11 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1.7 Credenciais de Acess Nesta página serã dispnibilizadas as credenciais de acess a utilizadr Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Iníci para aceder à página de iníci Hmepage; Link clique aqui (imprimir) permite imprimir as credencias de acess a SIIFSE dispnibilizadas n ecrã; Link clique aqui (página inicial) para aceder à Hmepage Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Link clique aqui (imprimir) Imprime as credenciais de acess a SIIFSE dispnibilizadas n ecrã; Link clique aqui (página inicial) acess à Hmepage. 11 de 34

12 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1.8 Help Desk Nesta página serã dispnibilizads s cntacts d IGFSE e ds PO s Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Iníci para aceder à página de iníci Hmepage. 12 de 34

13 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 1.9 Alteraçã de Palavra-Passe O ecrã Alteraçã de Passwrd destina-se exclusivamente à alteraçã da passwrd d utilizadr activ (pr utilizadr activ entende-se utilizadr que efectua lgin n sistema). Esta página é acedida através d menu Gestã de Acesss u é apresentada brigatriamente a utilizadr d Sistema sempre que: a palavra-passe seja igual à inicialmente gerada (seja pr via da criaçã de utilizadres, u pr via da geraçã de fíci para entidades prmtras); após nventa dias da última actualizaçã. O ecrã apresenta s dads d utilizadr (Utilizadr u lgin e Nme d Utilizadr) e slicita preenchiment da palavra-passe antiga, bem cm a palavra-passe nva, também aqui será necessári cnfirmar a palavra-passe intrduzida. Sempre que a entidade nã tenha s dads de regist de entidade cmplets, de acrd cm nv frmulári QREN, será, após mdificar a passwrd, redireccinad para a página de regist de dads da entidade. 13 de 34

14 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Cnfirmar para cnfirmar a alteraçã da passwrd; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã lateral Listagem para retrnar à página de Administraçã utilizadres. Link Nrmas de Utilizaçã SIIFSE abre uma nva janela cm a Plítica de Privacidade e Terms de Utilizaçã frnecida pel IGFSE Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: N cas da palavra-passe antiga intrduzida nã crrespnder à mesma aparecerá a mensagem A palavra-passe antiga intrduzida nã está crrecta. ; N cas da nva palavra-passe intrduzida ter mens de 8 caracteres aparecerá a mensagem A nva palavra-passe tem que ter n mínim 8 caracteres ; N cas da cnfirmaçã da palavra-passe intrduzida ser diferente da nva palavra-passe deverá aparece a mensagem A cnfirmaçã da palavra-passe nã cincide cm a nva palavra-passe. ; N cas da nva palavra-passe intrduzida ser igual à antiga deverá aparece a mensagem A palavra-passe nva tem que ser diferente da antiga Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Tds s camps sã de preenchiment brigatóri; Os camps palavra-passe e cnfirmaçã de palavra-passe têm de ser iguais; O camp palavra-passe tem de ter n mínim 8 caracteres e ser diferente da palavra-passe anterir; Validar se a palavra-passe antiga intrduzida crrespnde à mesma. Assim, cm verificar se a nva palavra-passe é diferente da antiga Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: 14 de 34

15 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Cnfirmar altera a palavra-passe actual e navega para a página Administraçã de Utilizadres. 2 Regist de Entidades É através da funcinalidade Regist de Entidades que é pssível efectuar regist das Entidades n Sistema. Este módul está acessível através d menu Regist, sub-menu Entidades, sub-sub-menu Regist de Entidades, cm ilustrad na figura acima. 15 de 34

16 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 2.1 Lista de Entidades Este ecrã apresenta a lista de Entidades, send dispnibilizada a seguinte infrmaçã: Nº da Entidade; NIF; Estad; Denminaçã; Nme cntact; Lgin. Os resultads da listagem pdem ser filtrads cm base ns critéris de pesquisa: NIF; Denminaçã; Mrada; Códig Pstal; NUTS III; Estad: Activa (Regist de Entidade aprvad); Pendente (Regist de Entidade a aguardar aprvaçã); 16 de 34

17 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Rejeitada (Regist de Entidade rejeitad); Regist Prvisóri (Regist de Entidade em fase de alteraçã) Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã lateral Inserir para inserir uma nva entidade n Sistema; Btã lateral Alterar para alterar s dads da entidade seleccinada na listagem; Btã lateral Cnsultar para cnsultar s dads da entidade seleccinada na listagem; Btã Pesquisar para filtrar a listagem cm base ns critéris intrduzids; Btã Cancelar para fazer reset as critéris de pesquisa; Navegar na listagem de pedids apresentads: << para s 10 anterires; >> para s 10 seguintes; Caixa de navegaçã cm intervals de 10 regists Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: A clicar em Alterar e Cnsultar e, se nã estiver seleccinad um regist, deverá aparecer a mensagem Seleccine um element da lista ; Cas pretenda alterar uma entidade n estad Extinta, Históric, Pendente u Rejeitada, deverá aparecer a seguinte mensagem Só pderá realizar essa peraçã para as entidades Activas Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Alterar e Cnsultar pressupõe a esclha de uma entidade da lista de entidades; Nã é pssível alterar regist de uma entidade que esteja n estad Pendente; Para evitar múltipls pedids de alteraçã, cas exista um regist pendente de aprvaçã, enquant este nã fr aprvad pel IGFSE, nã é pssível efectuar alterações à entidade Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: 17 de 34

18 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Inserir navega para a página Regist de Entidade em md inserçã; Alterar navega para a página Regist de Entidade em md alterar; Cnsultar navega para a página Regist de Entidade em md cnsulta. 2.2 Regist de Entidade 18 de 34

19 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 19 de 34

20 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Esta funcinalidade é acedida pel btã lateral Inserir / Alterar, a partir da listagem de entidades. Permite Regist/Alteraçã da infrmaçã relativa à Entidade, nmeadamente: Identificaçã: Denminaçã; Acrónim; NIF; NISS; Sede Scial; Códig Pstal; Telefne; Fax; ; Página de Internet; Caracterizaçã: Natureza juridical; Dimensã da entidade (para entidades cm natureza jurídica Outras cm fins lucrativs ): 20 de 34

21 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN A entidade é uma empresa? Sim Nã Se sim, classifique-a: PME: Sim Se sim: Média Empresa Pequena Empresa Micr Empresa Capital Scial; Matrícula; Data de Cnstituiçã; Iníci da Actividade; Tip de Entidade; Âmbit (Lcal, Reginal, Nacinal e Nã Aplicável); Perfil dminante da entidade: Frmadra; Empregadra; Outrs Operadres; Classificaçã (CAE): Actividade Principal; Actividade Secundária 1; Actividade Secundária 2; Actividade Secundária 3; Cntacts: Pessa a cntactar; Carg; Endereç; Códig Pstal; Telefne; ; Fax Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã Cnfirmar para inserir/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Btã Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; 21 de 34

22 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Btã Pesquisar para pesquisar a lcalidade, cncelh e distrit d códig pstal inserid; Btã lateral Listagem para retrnar à lista de Entidades; Cas a entidade tenha mais d que uma linha de históric, é dispnibilizad um link que permite visualizar s ecrãs acima em md de cnsulta para cada linha de históric Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Dimensões ds camps ; Os seguintes camps sã de preenchiment brigatóri: Denminaçã Scial; NIF; NISS; Sede Scial; Códig Pstal (nã sã permitids apartads); Telefne; Natureza jurídica; Dimensã de Entidade; Data de Iníci de Actividade; Tip de Entidade; Âmbit; Perfil Dminante; CAE da Actividade Principal; O NIF tem que ser um NIF válid; O tem de ter frmat adequad a um válid, e pel mens um. depis ; Os códigs pstais têm que ser válids (nã sã permitids apartads na mrada da sede scial da empresa); N cas de inserçã de uma nva entidade, a mesma nã se pde encntrar já activa n Sistema; N cas de uma entidade alterar seu NIF, este nã pde pertencer a utra entidade já activa n Sistema. 22 de 34

23 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Listagem regressa à lista de Entidades; Cnfirmar regista a infrmaçã intrduzida n ecrã e navega para tab seguinte. N tab Cntacts, sã nvamente efectuadas tdas as validações, para prever cas de utilizadr nã preencher s dads da entidade seguind a rdem sequencial ds tabs. Cas tds s camps brigatóris estejam preenchids, é criad um regist n estad Pendente. 3 Indicadres de Actividade O acess à funcinalidade é feit através da entrada de menu Regist, sub-menu Indicadres - Actividade, cnfrme ilustrad na figura abaix. Regist Indicadres... Actividade MENU DE TOPO 3.1 Indicadres de Actividade pr An 23 de 34

24 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Este ecrã apresenta uma listagem cm s ans de actividade da Entidade, para s quais será pssível cnsultar u inserir/alterar indicadres de actividade ( an inicial é an de iníci de actividade n regist de pessas), a lista apresenta an e a data na qual fi feita a última actualizaçã ds indicadres Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Btã lateral Alterar para inserir/alterar s indicadres de actividade para an seleccinad na listagem; Btã lateral Cnsultar para cnsultar s indicadres de actividade para an seleccinad na listagem Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê seguinte alerta: A clicar em Alterar u Cnsultar n cas de nã seleccinar previamente um regist da lista deverá aparecer a mensagem Tem que seleccinar um regist da lista Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Alterar e Cnsultar pressupõe a esclha d an a que se referem s indicadres Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Alterar navega para a página Indicadres An (xxxx) em md de ediçã; Cnsultar navega para a página Indicadres An (xxxx) em md de cnsulta. 24 de 34

25 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 3.2 Indicadres O presente ecrã é primeir de um cnjunt de quatr ecrãs e apresenta infrmaçã sbre s indicadres e caracterizaçã (NIF e denminaçã) da entidade estand a infrmaçã dispnibilizada, relativa as indicadres, dependente d tip de entidade, assim: Para entidades cm fins lucrativs a infrmaçã dispnível é: Vendas Líquidas + prestações de serviçs; Imbilizad crpóre e incrpóre; Despesas cm pessal; Situaçã líquida. Para entidade sem fins lucrativs a infrmaçã dispnível é: Origem: Qutizações; Subsídis; Dnativs; 25 de 34

26 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Outras Origens; Ttal; Outrs indicadres: Assciads; Beneficiáris; Utilizadres; Outrs Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Cnfirmar para inserir/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã lateral Listagem para retrnar à listagem Indicadres de Actividade pr An Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: A cnfirmar s dads e n cas ds valres registads serem mens que zer deverá aparecer a mensagem Os valres intrduzids devem ser maires u iguais a zer Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Os valres intrduzids devem ser maires u iguais a zer; Dimensões ds camps Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Listagem regressa à listagem Indicadres de Actividade pr An ; Cnfirmar regista a infrmaçã intrduzida n ecrã e navega para ecrã Dads sbre empreg. 26 de 34

27 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 3.3 Dads sbre Empreg 27 de 34

28 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Neste ecrã é intrduzida a infrmaçã relativa as Dads sbre Empreg, estand a infrmaçã dispnibilizada dependente d tip de entidade, designadamente: Para entidades cm fins lucrativs a infrmaçã dispnível é: Pessal a Serviç pr natureza de funções: Gestres; Pessal de Prduçã e Áreas afins; Pessal Administrativ e Financeir; Pessal da Área Cmercial; Outr Pessal; Ttal; Pessal a Serviç pr Nível de Qualificaçã: Quadrs Superires; Quadrs Médis; Encarregads, Cntramestres, Chefes de Equipa; Prfissinais altamente qualificads; Prfissinais semi qualificads; Prfissinais nã qualificads; Praticantes e aprendizes; Nível Descnhecid; Infrmaçã nã dispnível. Para entidades que respnderam afirmativamente a pergunta A entidade é uma empresa? n regist de pessas a infrmaçã dispnível é: Nº de Efectivs (assalariads, equiparads a assalariads, prprietáris gestres e sócis cm actividade regular). Para tdas as entidades a infrmaçã dispnível é: Pessal a Serviç pr Grau de Habilitaçã Académica: Até a 1º Cicl d Ensin Básic; 2º e 3º Cicls d Ensin Básic; Ensin Secundári; Bacharelat; Licenciatura; 28 de 34

29 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Mestrad; Dutrament; Grau descnhecid; Infrmaçã nã dispnível Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Cnfirmar para inserir/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã lateral Listagem para retrnar à página Indicadres de Actividade pr An Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: A cnfirmar s dads e n cas ds valres registads serem mens que zer deverá aparecer a mensagem Os valres intrduzids devem ser maires u iguais a zer Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Os valres intrduzids têm de ser maires u iguais a zer; Dimensões ds camps; N Pessal a Serviç pr Nível de Qualificaçã cas camp Infrmaçã nã dispnível seja preenchid s restantes camps nã deverã cnter valres, u se um destes últims se encntrar preenchid camp Infrmaçã nã dispnível nã deverá cnter valres; N Pessal a Serviç pr Grau de Habilitaçã Académica cas camp Infrmaçã nã dispnível seja preenchid s restantes camps nã deverã cnter valres, u se um destes últims se encntrar preenchid camp Infrmaçã nã dispnível nã deverá cnter valres Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Cnfirmar regista a infrmaçã intrduzida n ecrã e navega para ecrã Dads sbre a Frmaçã. 29 de 34

30 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 3.4 Dads sbre a Frmaçã Neste ecrã é intrduzida a infrmaçã relativa às actividades de carácter frmativ desenvlvidas pelas entidades, designadamente: Cust Ttal da Frmaçã e Apis Recebids: Cntribuiçã Privada; Fund Scial Eurpeu; Orçament da Segurança Scial; Orçament de Estad; Cntribuiçã Reginal; Cntribuiçã Lcal; Outrs Apis; Ttal; Caracterizaçã das pessas abrangidas pr Acções de Frmaçã Prfissinal Situaçã Face a Empreg: Empregads Cnta de Outrem: 30 de 34

31 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Interns /Externs; Empregads pr cnta Própria; Desempregads: Prcura 1º Empreg; Prcura Nv Empreg: DLD / Nã DLD; Inactivs: A frequentarem acções de educaçã u frmaçã; Outrs Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Cnfirmar para inserir/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã lateral Listagem para retrnar à listagem Indicadres de Actividade pr An Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: A cnfirmar s dads e n cas ds valres registads serem mens que zer deverá aparecer a mensagem Os valres intrduzids devem ser maires u iguais a zer Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Os valres intrduzids têm de ser maires u iguais a zer; Dimensões ds camps Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Cnfirmar regista a infrmaçã digitada n ecrã e navega para ecrã Dads sbre a Actividade Desenvlvida. 31 de 34

32 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN 3.5 Dads sbre a Actividade Desenvlvida 32 de 34

33 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN Neste ecrã é intrduzida a infrmaçã relativa as Dads sbre a Actividade Desenvlvida, estand a infrmaçã dispnibilizada dependente d perfil dminante da entidade e Acçã Tip, designadamente: Para tdas as entidades cm perfil dminante Empregadra a infrmaçã dispnível é: Actividade Frmativa: Tem estrutura de frmaçã; Tem quadr de frmadres permanentes; Nº de frmadres eventuais; Nº de pessas que frequentam acções de frmaçã prmvidas pela entidade, reclhend infrmaçã para frmaçã interna e externa; Para tdas as entidades cm candidaturas apresentadas às Acções Tip: , e Prgramas de Frmaçã Cnsultria; , e Prgramas de Frmaçã Cnselh; a infrmaçã dispnível é: Actividade de Cnsultria e de I&D nas áreas de frmaçã e ds recurss humans: Tem quadr de cnsultres permanentes; Nº de cnsultres eventuais; Tem metdlgias de intervençã (Próprias e Patenteadas); Descriçã ds trabalhs de cnsultria e I&D; Descriçã ds maires clients; Lista de publicações Operações Pssíveis Sã dispnibilizadas as seguintes perações: Cnfirmar para inserir/alterar a infrmaçã inserida n ecrã; Cancelar para fazer reset à infrmaçã intrduzida n ecrã; Btã lateral Listagem para retrnar à listagem Indicadres de Actividade pr An Alertas N cas d utilizadr nã crrespnder a cmprtament esperad, sistema prevê s seguintes alertas: 33 de 34

34 SIIFSE - Manual d Utilizadr QREN A cnfirmar s dads e n cas ds valres registads serem mens que zer deverá aparecer a mensagem Os valres intrduzids devem ser maires u iguais a zer Validações Sã efectuadas as seguintes validações: Dimensões ds camps; Em cas de respsta afirmativa à pergunta Tem quadr de frmadres permanentes? é necessári especificar númer, send este mair que zer; Em cas de respsta afirmativa à pergunta Tem quadr de cnsultres permanentes? é necessári especificar númer, send este mair que zer; Em cas de respsta negativa à pergunta Tem estrutura de frmaçã? tds s restantes camps da Actividade Frmativa nã pderã ser preenchids; Em cas de respsta negativa à pergunta Tem quadr de cnsultres permanentes? respectiv camp Quants? nã pderá ser preenchid, e brigatriamente terá que ser preenchid nº de cnsultres eventuais (mair que zer); Em cas de respsta negativa à pergunta Tem quadr de frmadres permanentes? respectiv camp Quants? nã pderá ser preenchid, e brigatriamente terá que ser preenchid nº de frmadres eventuais (mair que zer) Prcess O utilizadr tem as seguintes pções de navegaçã: Cnfirmar regista a infrmaçã digitada n ecrã e navega para ecrã Indicadres de Actividade pr An. 34 de 34

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE. Técnicos de Instalação e Manutenção de Edifícios e Sistemas. (TIMs)

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE. Técnicos de Instalação e Manutenção de Edifícios e Sistemas. (TIMs) MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA REGISTO DE Técnics de Instalaçã e Manutençã de Edifícis e Sistemas (TIMs) NO SISTEMA INFORMÁTICO DO SISTEMA NACIONAL DE CERTIFICAÇÃO ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS (SCE) 17/07/2014

Leia mais

Inscrição do Candidato ao Processo de Credenciamento

Inscrição do Candidato ao Processo de Credenciamento Inscriçã d Candidat a Prcess de Credenciament O link de inscriçã permitirá que candidat registre suas infrmações para participar d Prcess de Credenciament, cnfrme Edital. Após tmar ciência de td cnteúd

Leia mais

Integração do POPH no SIIFSE

Integração do POPH no SIIFSE Integraçã d POPH n SIIFSE Manual de Utilizadr Frmulári de Candidatura as Estágis Prfissinais na Administraçã Pública Lcal - 18 de Fevereir de 2008-1ª Versã ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 ENQUADRAMENTO E

Leia mais

SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR

SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR SOGILUB.NET MANUAL DO UTILIZADOR Índice Intrduçã... 3 Aspect Gráfic... 4 Regist na aplicaçã... 5 Recuperaçã de Códigs de Acess... 6 Área Reservada... 8 Entrar na Área Reservada... 8 Editar Perfil... 9

Leia mais

Integração do Rumos no SIIFSE

Integração do Rumos no SIIFSE Integraçã d Rums n SIIFSE Manual de Utilizadr Pedid de Alteraçã d Frmulári F01-12 de Agst de 2008-1ª Versã ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS...3 1.2 VISÃO GLOBAL DOS REQUISITOS FUNCIONAIS...3

Leia mais

Integração do POPH no SIIFSE

Integração do POPH no SIIFSE Integraçã d POPH n SIIFSE Manual d Utilizadr Frmulári de Candidatura às Acções Frmativas - 02 de Outubr de 2008-3ª Versã ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 4 1.1 ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS...4 2 PRINCIPAIS PRESSUPOSTOS...

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE N prcess de renvaçã de matrículas para an lectiv 2008/2009, e na sequência d plan de melhria cntínua ds serviçs a dispnibilizar as aluns, IPVC ferece, pela

Leia mais

Número de cédula profissional (se médico); Nome completo; 20/06/2014 1/7

Número de cédula profissional (se médico); Nome completo; 20/06/2014 1/7 Mdel de Cmunicaçã Sistema Nacinal de Vigilância Epidemilógica Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes d Sistema Nacinal de Vigilância Epidemilógica.

Leia mais

Novo Sistema Almoxarifado

Novo Sistema Almoxarifado Nv Sistema Almxarifad Instruções Iniciais 1. Ícnes padrões Existem ícnes espalhads pr td sistema, cada um ferece uma açã. Dentre eles sã dis s mais imprtantes: Realiza uma pesquisa para preencher s camps

Leia mais

H. Problemas/outras situações na ligação com a Segurança Social;

H. Problemas/outras situações na ligação com a Segurança Social; Mdel de Cmunicaçã Certificads de Incapacidade Temprária Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes n âmbit ds CIT Certificads de Incapacidade Temprária.

Leia mais

SITAF - Manual de Utilizador

SITAF - Manual de Utilizador SITAF - Manual de Utilizadr Entrega de Peças Prcessuais Nvembr 2009 SITAF Sistema de Infrmaçã ds Tribunais Administrativs e Fiscais Manual de Utilizadr Entrega de Peças Prcessuais Apresentaçã O frmulári

Leia mais

Integração do POPH no SIIFSE POPH

Integração do POPH no SIIFSE POPH Integraçã d POPH n SIIFSE POPH Manual de Utilizadr Execuçã Financeira -12 de Junh de 2008 - Versã 1 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 2 1.1. ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS...2 1.2. VISÃO GLOBAL DOS REQUISITOS FUNCIONAIS...2

Leia mais

CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativo Centro de Saúde

CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativo Centro de Saúde Cnsulta a Temp e Hras CTH - ALERT REFERRAL NOVAS FUNCIONALIDADES/Perfil Administrativ Centr de Saúde 2013 ALERT Life Sciences Cmputing, S.A.. Tds s direits reservads. A ALERT Life Sciences Cmputing, S.A.

Leia mais

MTur Sistema Artistas do Turismo. Manual do Usuário

MTur Sistema Artistas do Turismo. Manual do Usuário MTur Sistema Artistas d Turism Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 9 4.1. CADASTRAR REPRESENTANTE... 9 4.2. CADASTRAR

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÕES ON-LINE N prcess de renvaçã de matrículas para an lectiv 2010/2011, e na sequência d plan de melhria cntínua ds serviçs a dispnibilizar as aluns, IPVC ferece, pela

Leia mais

Versão 1.1.1.3. Descrição do produto, 2009. www.graycell.pt

Versão 1.1.1.3. Descrição do produto, 2009. www.graycell.pt Versã 1.1.1.3 Descriçã d prdut, 2009 www.graycell.pt 1 ENQUADRAMENTO A platafrma ask-it! é uma aplicaçã web-based que permite criar inquérits dinâmics e efectuar a sua dispnibilizaçã n-line. A facilidade

Leia mais

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente Sistema de Cmercializaçã de Radifármacs - Manual d Cliente O IEN está dispnibilizand para s seus clientes um nv sistema para a slicitaçã ds radifármacs. Este nv sistema permitirá a cliente nã só fazer

Leia mais

URGENTE AVISO DE SEGURANÇA HeartSine Technologies samaritan PAD 500P (Desfibrilhador de Acesso Público) Actualização do Software

URGENTE AVISO DE SEGURANÇA HeartSine Technologies samaritan PAD 500P (Desfibrilhador de Acesso Público) Actualização do Software URGENTE AVISO DE SEGURANÇA HeartSine Technlgies samaritan PAD 500P (Desfibrilhadr de Acess Públic) Actualizaçã d Sftware Cars Prprietáris d samaritan PAD 500P, O bjectiv desta carta é infrmar-vs sbre uma

Leia mais

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0 Manual d Nv Páti Revenda Versã 2.0 1 Cnteúd INTRODUÇÃO... 3 1.LOGIN... 4 2.ANUNCIANTE... 4 2.1 Listar Usuáris... 4 2.2 Criar Usuári... 5 2.2.1 Permissões:... 6 3.SERVIÇOS... 7 3.1 Serviçs... 7 3.2 Feirã...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Data: 11/09/2008 Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade Referencia: Help_Online_Antecedentes_Criminais.dc

Leia mais

Copyright 1999-2006 GrupoPIE Portugal, S.A. Manual Utilizador

Copyright 1999-2006 GrupoPIE Portugal, S.A. Manual Utilizador Reprts Relatóris à sua Medida Reprts Cpyright 1999-2006 GrupPIE Prtugal, S.A. Reprts 1. WinREST Reprts...5 1.1. Licença...6 1.2. Linguagem...7 1.3. Lgin...7 1.4. Página Web...8 2. Empresas...9 2.1. Cm

Leia mais

Modelo de Comunicação. Programa Nacional para a Promoção da Saúde Oral

Modelo de Comunicação. Programa Nacional para a Promoção da Saúde Oral Mdel de Cmunicaçã Prgrama Nacinal para a Prmçã da Saúde Oral Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e utilizadres d Sistema de Infrmaçã para a Saúde Oral

Leia mais

CTH - ALERT REFERRAL Novas funcionalidades do Software ALERT versão 2.6.1

CTH - ALERT REFERRAL Novas funcionalidades do Software ALERT versão 2.6.1 Cnsulta a Temp e Hras CTH - ALERT REFERRAL Nvas funcinalidades d Sftware ALERT versã 261 2013 ALERT Life Sciences Cmputing, SA Tds s direits reservads A ALERT Life Sciences Cmputing, SA dispnibiliza presente

Leia mais

Processos de Apoio do Grupo Consultivo 5.5 Suporte Informático Direito de Acesso à Rede

Processos de Apoio do Grupo Consultivo 5.5 Suporte Informático Direito de Acesso à Rede Prcesss de Api d Grup Cnsultiv 5.5 Suprte Infrmátic Direit de Acess à Rede Suprte Infrmátic - Dcuments 5.5 Âmbit e Objectiv Frmuláris aplicáveis Obrigatóris Obrigatóris, se aplicável Frmulári de Mapa de

Leia mais

MANUAL DOS GESTORES DAA

MANUAL DOS GESTORES DAA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - NTI MANUAL DOS GESTORES DAA MÓDULOS: M atrícula e P rgramas e C DP [Digite resum d dcument aqui. Em geral, um resum é um apanhad

Leia mais

DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE WSDL (Fundos de Compensação do Trabalho)

DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE WSDL (Fundos de Compensação do Trabalho) DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE WSDL (Funds de Cmpensaçã d Trabalh) Versã 1.1 16 de julh de 2015 1 Índice Índice... 2 INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVO... 4 SEGURANÇA... 5 DESCRIÇÃO DOS WEB SERVICE... 6 Serviç

Leia mais

Guia Sphinx: Instalação, Reposição e Renovação

Guia Sphinx: Instalação, Reposição e Renovação Guia Sphinx: Instalaçã, Repsiçã e Renvaçã V 5.1.0.8 Instalaçã Antes de instalar Sphinx Se vcê pssuir uma versã anterir d Sphinx (versões 1.x, 2.x, 3.x, 4.x, 5.0, 5.1.0.X) u entã a versã de Demnstraçã d

Leia mais

DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE Web Services (Fundos de Compensação do Trabalho)

DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE Web Services (Fundos de Compensação do Trabalho) DOCUMENTO DE APOIO À UTILIZAÇÃO DE Web Services (Funds de Cmpensaçã d Trabalh) Versã 1.0 21 de mai de 2015 1 Índice Índice... 2 INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVO... 4 SEGURANÇA... 5 DESCRIÇÃO DOS WEB SERVICE...

Leia mais

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION Orin Versã 7.74 TABELAS Clientes Na tela de Cadastr de Clientes, fi inserid btã e um camp que apresenta códig que cliente recebeu após cálcul da Curva ABC. Esse btã executa

Leia mais

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS Manual d Usuári Elabrad pela W3 Autmaçã e Sistemas Infrmaçã de Prpriedade d Grup Jmóveis Este dcument, cm tdas as infrmações nele cntidas, é cnfidencial e de prpriedade d Grup Jmóveis,

Leia mais

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão Manual de Operaçã WEB SisAmil - Gestã Credenciads Médics 1 Índice 1. Acess Gestã SisAmil...01 2. Autrizaçã a. Inclusã de Pedid...01 b. Alteraçã de Pedid...10 c. Cancelament de Pedid...11 d. Anexs d Pedid...12

Leia mais

Instruções auxiliares de preenchimento

Instruções auxiliares de preenchimento Instruções auxiliares de preenchiment Preenchiment n-line: Utilize Adbe Acrbat Reader, versã 7.0.5 u superir, qual pde ser btid em http://www.adbe.cm; Seleccine a pçã Preenchiment e envi n-line ; Recmenda-se

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE LAMEGO EDITAL

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE VISEU ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE LAMEGO EDITAL EDITAL CANDIDATURA AOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS (CTeSP) 2015 CONDIÇÕES DE ACESSO 1. Pdem candidatar-se a acess de um Curs Técnic Superir Prfissinal (CTeSP) da ESTGL tds s que estiverem

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA Manual de Us (Para Detentres de Bens) Infrmações adicinais n Prtal da Crdenaçã de Patrimôni: www.cpa.unir.br 2013 Cnteúd O que papel Detentr de Bem pde fazer?... 2 Objetiv...

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE ACESSOS À BASE DE DADOS DO IDIGITAL PARA TRANSFERÊNCIA DE FICHEIROS DE IDENTIFICAÇÃO ELECTRÓNICA DE OVINOS E CAPRINOS

SOLICITAÇÃO DE ACESSOS À BASE DE DADOS DO IDIGITAL PARA TRANSFERÊNCIA DE FICHEIROS DE IDENTIFICAÇÃO ELECTRÓNICA DE OVINOS E CAPRINOS Manual de Transferência de Ficheirs de Identificaçã electrónica (IDE) de vins e caprins SOLICITAÇÃO DE ACESSOS À BASE DE DADOS DO IDIGIT PARA TRANSFERÊNCIA DE FICHEIROS DE IDENTIFICAÇÃO ELECTRÓNICA DE

Leia mais

Âmbito do Documento. Modelo de Comunicação. Modelo de Comunicação. Prescrição Eletrónica Médica - Aplicação

Âmbito do Documento. Modelo de Comunicação. Modelo de Comunicação. Prescrição Eletrónica Médica - Aplicação Mdel de Cmunicaçã Prescriçã Eletrónica Médica - Aplicaçã Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes da aplicaçã de Prescriçã Eletrónica Médica

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO - DIVULGAÇÃO DE PESSOAS E OBJETOS

MANUAL DO USUÁRIO - DIVULGAÇÃO DE PESSOAS E OBJETOS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Referencia: Help_Online_Divulgaçã_Pessas_Objets.d c Versã: 01.00 Data: 27/08/2008 Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS Etapa 3 Cadastr d Prcess Seletiv O Presidente da CRM cadastra s dads d prcess n sistema. O prcess seletiv é a espinha drsal d sistema, vist que pr mei dele regem-se tdas as demais

Leia mais

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000

ISO 9001:2008 alterações à versão de 2000 ISO 9001:2008 alterações à versã de 2000 Já passaram quase it ans desde que a versã da ISO 9001 d an 2000 fi publicada, que cnduziu à necessidade de uma grande mudança para muitas rganizações, incluind

Leia mais

INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR

INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR A pertinência e valr demnstrad das valências d Cartã de Saúde Cfre, em razã d flux de adesões e pedids de esclareciment, trnam essencial dar evidência e respsta a algumas situações

Leia mais

Documentação de Versão Projeto Saúde e Segurança do Trabalho

Documentação de Versão Projeto Saúde e Segurança do Trabalho Prjet Saúde e Segurança d Trabalh DATA: tt/3/yy Pág 1 de 8 ÍNDICE ALTERAÇÕES IMPLEMENTADAS NA VERSÃO 2.2 DO SST... 2 ITENS DE MENU CRIADOS PARA A VERSÃO 2.2... 2 SEGURANÇA... 2 SAÚDE... 2 SAÚDE/AUDIOMETRIA...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO EVENTOS

MANUAL DO USUÁRIO EVENTOS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Data: 17-09-2008 Data: Aprvad: Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade Referencia: Help_Online_Events.dc

Leia mais

2. Condições a Observar pelas Empresas Beneficiárias. Síntese dos termos e condições gerais da Linha de Crédito PME Crescimento. Condições genéricas:

2. Condições a Observar pelas Empresas Beneficiárias. Síntese dos termos e condições gerais da Linha de Crédito PME Crescimento. Condições genéricas: 2. Cndições a Observar pelas Empresas Beneficiárias Síntese ds terms e cndições gerais da Linha de Crédit PME Cresciment ( presente dcument identifica as principais características da Linha de Crédit PME

Leia mais

Modelo de Negócios. TRABALHO REALIZADO POR: Antonio Gome- 2007009 // Jorge Teixeira - 2008463

Modelo de Negócios. TRABALHO REALIZADO POR: Antonio Gome- 2007009 // Jorge Teixeira - 2008463 Mdel de Negócis Trabalh n âmbit da disciplina de Mdelaçã de dads. Criaçã de uma platafrma utilizand as tecnlgias SQL PHP e Javascript.. TRABALHO REALIZADO POR: Antni Gme- 2007009 // Jrge Teixeira - 2008463

Leia mais

INDICE DE PREÇOS TURISTICO. Desenvolvido no quadro do Programa Comum de Estatística CPLP com o apoio técnico do INE de Portugal

INDICE DE PREÇOS TURISTICO. Desenvolvido no quadro do Programa Comum de Estatística CPLP com o apoio técnico do INE de Portugal INDICE DE PREÇOS TURISTICO Desenvlvid n quadr d Prgrama Cmum de Estatística CPLP cm api técnic d INE de Prtugal Estrutura da Apresentaçã INTRODUÇÃO. METODOLOGIA. FORMA DE CÁLCULO. PROCESSO DE TRATAMENTO.

Leia mais

Agenda. A interface de Agendamento é encontrada no Modulo Salão de Vendas Agendamento Controle de Agendamento, e será apresentada conforme figura 01.

Agenda. A interface de Agendamento é encontrada no Modulo Salão de Vendas Agendamento Controle de Agendamento, e será apresentada conforme figura 01. Agenda Intrduçã Diariamente cada um ds trabalhadres de uma empresa executam diversas atividades, muitas vezes estas atividades tem praz para serem executadas e devem ser planejadas juntamente cm utras

Leia mais

Channel. Colaboradores. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9

Channel. Colaboradores. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9 Channel Clabradres Tutrial Atualizad cm a versã 3.9 Cpyright 2009 pr JExperts Tecnlgia Ltda. tds direits reservads. É pribida a reprduçã deste manual sem autrizaçã prévia e pr escrit da JExperts Tecnlgia

Leia mais

Segue abaixo projeto para desenvolvimento de novo website para loja Virtual

Segue abaixo projeto para desenvolvimento de novo website para loja Virtual Lja Virtual Desenvlviment FrmigaNegócis Orçament: /2012 Cliente: Respnsável: Prjet: Lja virtual Telefne: Frmiga (MG), de de 2012 Intrduçã Segue abaix prjet para desenvlviment de nv website para lja Virtual

Leia mais

Exercícios de Java Aula 17

Exercícios de Java Aula 17 Exercícis de Java Aula 17 Link d curs: http://www.liane.cm/2013/10/curs-java-basic-java-se-gratuit/ 1. Faça um prgrama que peça uma nta, entre zer e dez. Mstre uma mensagem cas valr seja inválid e cntinue

Leia mais

INFORMAÇÃO GAI. Apoios às empresas pela contratação de trabalhadores

INFORMAÇÃO GAI. Apoios às empresas pela contratação de trabalhadores INFORMAÇÃO GAI Apis às empresas pela cntrataçã de trabalhadres N âmbit das plíticas de empreg, Gvern tem vind a criar algumas medidas de api às empresas pela cntrataçã de trabalhadres, n entant tem-se

Leia mais

CRC-MG Central de Registro Civil de Minas Gerais Certidão Online - Serventia. Manual do usuário

CRC-MG Central de Registro Civil de Minas Gerais Certidão Online - Serventia. Manual do usuário CRC-MG Central de Registr Civil de Minas Gerais Certidã Online - Serventia Manual d usuári Prefáci Data: 30/01/2015 Versã dcument: 1.0 1. COMO ACESSAR O MÓDULO DA CERTIDÃO ONLINE... 04 2. OPÇÕES DE PEDIDOS

Leia mais

Boletim Técnico. CAGED Portaria 1129/2014 MTE. Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização

Boletim Técnico. CAGED Portaria 1129/2014 MTE. Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização Bletim Técnic CAGED Prtaria 1129/2014 MTE Prdut : TOTVS 11 Flha de Pagament (MFP) Chamad : TPRQRW Data da criaçã : 26/08/2014 Data da revisã : 12/11/2014 País : Brasil Bancs de Dads : Prgress, Oracle e

Leia mais

- COMO PROCURAR EMPREGO -

- COMO PROCURAR EMPREGO - GUIA PRÁTICO - COMO PROCURAR EMPREGO - e 1 de 7 Técnicas de Prcura de Empreg...3 1. Aut Avaliaçã...3 2. Meis de Divulgaçã de Ofertas de Empreg...3 3. Carta de Apresentaçã...4 4. Curriculum Vitae...4 4.1.1.

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOGRAFIAS/IMAGENS

Leia mais

GESTÃO DE LABORATÓRIOS

GESTÃO DE LABORATÓRIOS Seminári Luanda, 26,27,28,29 e 30 de Mai de 2014 - Htel **** Guia Prática GESTÃO DE LABORATÓRIOS Finanças Assegure uma gestã eficaz de tdas as áreas 40 hras de Frmaçã Especializada Cnceits ecnómic-financeirs

Leia mais

Legenda da Mensagem de Resposta à Verificação de Elegibilidade (respostaelegibilidade)

Legenda da Mensagem de Resposta à Verificação de Elegibilidade (respostaelegibilidade) Legenda da Mensagem de Respsta à Verificaçã de Elegibilidade (respstaelegibilidade) Mensagem : Respta à verificaçã de elegibilidade (respstaelegibilidade) - Flux : Operadra para Prestadr Códig da mensagem

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOS DOS CONVÊNIOS...

Leia mais

Tutorial Sistema Porto Sem Papel

Tutorial Sistema Porto Sem Papel Tutrial Sistema Prt Sem Papel 8 ESTADIA CONVENCIONAL: A estadia cnvencinal é aquela em que a embarcaçã deseja executar uma peraçã de carga, descarga, carga/descarga, embarque/desembarque de passageirs

Leia mais

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO UC_REQ-MK_ACF-001 27/01/2015 00 1 / 12 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 Objetiv... 2 Públic Alv... 2 Escp... 2 Referências... 2 DESCRIÇÃO GERAL DO PRODUTO... 2 Características d Usuári... 2 Limites, Supsições e

Leia mais

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA O prcess de cntrle de estque de gôndla fi desenvlvid cm uma prcess de auxili a cliente que deseja cntrlar a quantidade de cada item deve estar dispnível para venda

Leia mais

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte

Manual do DEC Domicílio Eletrônico do Contribuinte GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA FAZENDA Crdenadria da Administraçã Tributária Diretria Executiva da Administraçã Tributária Manual d DEC Dmicíli Eletrônic d Cntribuinte Manual DEC (dezembr

Leia mais

Admissões para Creche e Pré-escolar 2016 / 2017

Admissões para Creche e Pré-escolar 2016 / 2017 Admissões para Creche e Pré-esclar 2016 / 2017 1ª Fase: Pré-candidatura Decrre entre 4 a 29 de Janeir (2016): - Ficha de candidatura devidamente preenchida e assinada (dispnível na Secretaria u n site:

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA

REGULAMENTO CONCURSO DE IDEIAS OESTECIM A MINHA EMPRESA 1. Intrduçã e Objetivs a) O Cncurs de Ideias OESTECIM a minha empresa pretende ptenciar apareciment de prjets invadres na regiã d Oeste sempre numa perspetiva de desenvlviment ecnómic e scial. b) O Cncurs

Leia mais

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO Um prject eurpeu em clabraçã cm a EHFA Eurpean Health and Fitness Assciatin, cm sede em Bruxelas Regist ds Prfissinais Intrduçã Estams numa fase em que a Tutela

Leia mais

Orientações para a Escrituração Contábil Digital (Sped Contábil) Versão 14.01 Soluções SPDATA

Orientações para a Escrituração Contábil Digital (Sped Contábil) Versão 14.01 Soluções SPDATA 2015 Orientações para a Escrituraçã Cntábil Digital (Sped Cntábil) Versã 14.01 Sluções SPDATA Equipe SAT Análise Desenvlviment e Qualidade de Sftware 07/04/2015 Sumári Objetiv... 3 Cnsiderações gerais...

Leia mais

Florianópolis, 25 de janeiro de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017

Florianópolis, 25 de janeiro de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017 Flrianóplis, 25 de janeir de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017 1) Cnsiderações Gerais: A Federaçã Nacinal ds Estudantes de Engenharia Civil

Leia mais

Instruções auxiliares de preenchimento

Instruções auxiliares de preenchimento Instruções auxiliares de preenchiment Preenchiment n-line: Utilize Adbe Acrbat Reader, versã 7.0.5 u superir, qual pde ser btid em http://www.adbe.cm; Seleccine a pçã Preenchiment e envi n-line ; Recmenda-se

Leia mais

Processador de Texto Funcionalidades Avançadas

Processador de Texto Funcionalidades Avançadas Prcessadr de Text Funcinalidades Avançadas ÍNDICE INTRODUÇÃO...4 MODELOS...4 Criar Mdels...5 MODELO NORMAL...6 Alterar mdel Nrmal.dtm...7 IMPRESSÃO EM SÉRIE MAILINGS...7 Cartas e mensagens de crrei electrónic...8

Leia mais

Em qualquer situação, deve ser incluída toda a informação que seja relevante para a análise e resolução da questão/problema.

Em qualquer situação, deve ser incluída toda a informação que seja relevante para a análise e resolução da questão/problema. Mdel de Cmunicaçã SIDC-Sistema Infrmaçã Descentralizad Cntabilidade Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes d Sistema de Infrmaçã Descentralizad

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS INDICE Descriçã básica...3 A. Quem pde acessar módul?... 3 Relações Ministeriais, Prcess...4 B. Etapas e Agentes... 4 C. Duraçã d prcess... 4 Atividades Permitidas as Usuáris d

Leia mais

Procedimentos para aceitação de materiais e equipamentos fornecidos à EDP Distribuição

Procedimentos para aceitação de materiais e equipamentos fornecidos à EDP Distribuição Julh 2010 Prcediments para aceitaçã de materiais e equipaments frnecids à EDP Distribuiçã DGF/Departament Gestã de Materiais e Equipaments Prcediments para aceitaçã de materiais e equipaments frnecids

Leia mais

Manual de configuração de equipamento Huawei G73. Huawei G73. Pagina 1

Manual de configuração de equipamento Huawei G73. Huawei G73. Pagina 1 Manual de cnfiguraçã de equipament Huawei G73 Huawei G73 Pagina 1 Índice 1. Breve intrduçã... 3 2. Guia rápid de utilizaçã...errr! Bkmark nt defined. 3. Serviçs e Funcinalidades suprtads...errr! Bkmark

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DO PORTO

FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DO PORTO FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DO PORTO C e n t r d e I n f r m á t i c a NORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA A FMUP dispõe de salas e labratóris de infrmática gerids pel Centr

Leia mais

OBJECTIVO. Ligação segura às redes públicas de telecomunicações, sob o ponto de vista dos clientes e dos operadores;

OBJECTIVO. Ligação segura às redes públicas de telecomunicações, sob o ponto de vista dos clientes e dos operadores; Prcediments de Avaliaçã das ITED ANACOM, 1ª ediçã Julh 2004 OBJECTIVO De acrd cm dispst n nº 1, d artº 22º, d Decret Lei nº 59/2000, de 19 de Abril (adiante designad cm DL59), a cnfrmidade da instalaçã

Leia mais

Promover a obtenção de AIM (Autorização de Introdução no Mercado) no estrangeiro de medicamentos criados e desenvolvidos em Portugal.

Promover a obtenção de AIM (Autorização de Introdução no Mercado) no estrangeiro de medicamentos criados e desenvolvidos em Portugal. SIUPI SISTEMA DE INCENTIVOS À UTILIZAÇÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL FICHA DE MEDIDA Apia prjects que visem estimular investiment em factres dinâmics de cmpetitividade, assciads à invaçã tecnlógica, a design

Leia mais

MS-PAINT. PAINT 1 (Windows7)

MS-PAINT. PAINT 1 (Windows7) PAINT 1 (Windws7) O Paint é uma funcinalidade n Windws 7 que pde ser utilizada para criar desenhs numa área de desenh em branc u em imagens existentes. Muitas das ferramentas utilizadas n Paint estã lcalizadas

Leia mais

Aplicações Clinicas. Patologia Clínica. Luís Lito

Aplicações Clinicas. Patologia Clínica. Luís Lito 0 Aplicações Clinicas Patlgia Clínica Luís Lit 1 Evluçã 1. 1993 - Infrmatizaçã parcial d Lab. de Química Clinica 2. 1996 - Inici da infrmatizaçã d Serviç de Patlgia Clínica Clinidata (sistema UNIX/COBOL

Leia mais

Actualização de reports personalidados 1

Actualização de reports personalidados 1 Actualizaçã de reprts persnalidads 1 Cnteúd Intrduçã...3 Atualizaçã da V13.00.03/27 para a V13.00.03/32 (Fiscalidade ambiental - verde)...3 Dcuments elabrads em Crystal reprts (.rpt)...3 Dcuments elabrads

Leia mais

PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014

PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014 QUALIDADE RS PGQP PROGRAMA GAÚCHO DA QUALIDADE E PRODUTIVIDADE PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP 2014 GUIA PARA CANDIDATURA SUMÁRIO 1. O PRÊMIO INOVAÇÃO PGQP... 3 1.1 Benefícis... 3 2. PREMIAÇÃO... 3 2.1 Diretrizes

Leia mais

WWW.CLICK-MENTAL.COM

WWW.CLICK-MENTAL.COM Fidelity Uma estratégia de fidelizaçã de clientes WWW.CLICK-MENTAL.COM Criad pr: Click Mental - Sistemas de Infrmaçã, Lda. Fidelity Uma estratégia de fidelizaçã de clientes O que é? O Fidelity é um sftware

Leia mais

Excluídas as seguintes definições:

Excluídas as seguintes definições: Prcediment de Cmercializaçã Cntrle de Alterações Entre PM AM.08 APLICAÇÃO DE PENALIDADE POR INSUFICIÊNCIA DE CONTRATAÇÃO E PENALIDADE POR INSUFICIÊNCIA DE LASTRO DE VENDA & PdC AM.10 MONITORAMENTO DE INFRAÇÃO

Leia mais

FKcorreiosg2_cp1 - Complemento Transportadoras

FKcorreiosg2_cp1 - Complemento Transportadoras FKcrreisg2_cp1 - Cmplement Transprtadras Instalaçã d módul Faça dwnlad d arquiv FKcrreisg2_cp1.zip, salvand- em uma pasta em seu cmputadr. Entre na área administrativa de sua lja: Entre n menu Móduls/Móduls.

Leia mais

Resumo Executivo - Funcionalidades 1 INTRODUÇÃO

Resumo Executivo - Funcionalidades 1 INTRODUÇÃO 1 INTRODUÇÃO A crescente cmplexidade ds prjets, a quantidade de infrmaçã que lhes está assciada e aument d númer de intervenientes n prcess cnstrutiv, transfrmaram a indústria da cnstruçã numa indústria

Leia mais

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas Versã: 3.0.0.48 Empresa: TrucksCntrl Slicitante: Diretria Respnsável: Fernand Marques Frma de Slicitaçã: e-mail/reuniã Analista de Negóci: Fábi Matesc Desenvlvedr: Fabian Suza Data: 24/09/2012 Sistema

Leia mais

O projeto Key for Schools PORTUGAL

O projeto Key for Schools PORTUGAL O prjet Key fr Schls PORTUGAL O teste Key fr Schls O teste Key fr Schls é cncebid para aplicaçã em cntext esclar e está de acrd cm Quadr Eurpeu Cmum de Referência para as Línguas O teste Key fr Schls permite

Leia mais

Informática II INFORMÁTICA II

Informática II INFORMÁTICA II Jrge Alexandre jureir@di.estv.ipv.pt - gab. 30 Artur Susa ajas@di.estv.ipv.pt - gab. 27 1 INFORMÁTICA II Plan Parte I - Cmplementar cnheciment d Excel cm ferramenta de análise bases de dads tabelas dinâmicas

Leia mais

O QUE É? Assinatura mensal Andante especialmente vocacionada para indivíduos e agregados familiares com menores recursos económicos.

O QUE É? Assinatura mensal Andante especialmente vocacionada para indivíduos e agregados familiares com menores recursos económicos. SOCIAL + O QUE É? Assinatura mensal Andante especialmente vcacinada para indivídus e agregads familiares cm menres recurss ecnómics. QUANTO CUSTA? Oferece um descnt de 25% face a preç da assinatura nrmal.

Leia mais

- Documentação, Informática e Desenvolvimento, Lda.

- Documentação, Informática e Desenvolvimento, Lda. - Dcumentaçã, Infrmática e Desenvlviment, Lda. Impressã de Cartões A impressã de cartões de identificaçã é feita através d prgrama DcbCard chamad pel módul de Empréstims na Ediçã de Leitres. Utiliza as

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CRIMINALÍSTICA EXAME PERICIAL

MANUAL DO USUÁRIO CRIMINALÍSTICA EXAME PERICIAL SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Referencia: Help_Onlinel_criminalística_exame_pericial.dc Versã: 01.00 Data: 14/03/2008 Data: 10/02/2009 Data: A autenticaçã

Leia mais

Processo TCar Balanço Móbile

Processo TCar Balanço Móbile Prcess TCar Balanç Móbile Tecinc Infrmática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centr Cascavel PR 1 Sumári Intrduçã... 3 Funcinalidade... 3 1 Exprtaçã Arquiv Cletr de Dads (Sistema TCar)... 4 1.1 Funcinalidade...

Leia mais

Legenda da Guia de Tratamento Odontológico

Legenda da Guia de Tratamento Odontológico Legenda da Guia de Tratament Odntlógic Term Registr NS Nº da n prestadr Num. d Camp na Númer da principal 3 Data da autrizaçã Senha senha 1 2 4 5 6 Nme d camp na Registr NS Númer da n prestadr Númer da

Leia mais

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco

Orientações e Recomendações Orientações relativas à informação periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de notação de risco Orientações e Recmendações Orientações relativas à infrmaçã periódica a apresentar à ESMA pelas Agências de ntaçã de risc 23/06/15 ESMA/2015/609 Índice 1 Âmbit de aplicaçã... 3 2 Definições... 3 3 Objetiv

Leia mais

Direitos e Obrigações no âmbito dos Acidentes Profissionais e Doenças Profissionais

Direitos e Obrigações no âmbito dos Acidentes Profissionais e Doenças Profissionais Cmunicaçã Direits e Obrigações n âmbit ds Acidentes Prfissinais e Denças Prfissinais Direits e Obrigações n âmbit ds Acidentes Prfissinais e Denças Prfissinais (Lei nº 98/2009 de 4 de Setembr) 1- QUEM

Leia mais

Sistema Hospitalar - Módulo Diagnóstico

Sistema Hospitalar - Módulo Diagnóstico Sistema Hspitalar - Módul Diagnóstic Manual d usuári Versã 2.3 [Este template faz parte integrante d Prcess de Desenvlviment de Sistemas da DTI (PDS-DTI) e deve ser usad em cnjunt cm as recmendações d

Leia mais

Em qualquer situação, deve ser incluída toda a informação que seja relevante para a análise e resolução da questão/problema.

Em qualquer situação, deve ser incluída toda a informação que seja relevante para a análise e resolução da questão/problema. Mdel de Cmunicaçã Prescriçã Eletrónica de Medicaments Revisã 2 Âmbit d Dcument O presente dcument traduz mdel de cmunicaçã entre Centr de Suprte da SPMS e clientes da Prescriçã Eletrónica de Medicaments

Leia mais

Manual GPESE/SISAAE -

Manual GPESE/SISAAE - Manual GPESE/SISAAE - Gestã Prcessual de Escritóri d Oficial Públic Cpyright Cas, 2012. Pág. 1/37 Versã: 1 Data: 10/12/2012 Autres: Jã Brites Distribuiçã: Oficiais Públics Históric Alterações: Versã Data

Leia mais

CIRCULAR N/ REFª: 62/15 DATA: 13/07/2015

CIRCULAR N/ REFª: 62/15 DATA: 13/07/2015 CIRCULAR N/ REFª: 62/15 DATA: 13/07/2015 Assunt: Fund de Cmpensaçã d Trabalh e Fund de Garantia de Cmpensaçã d Trabalh Nva Platafrma de serviçs ds Funds de Cmpensaçã Exms. Senhres, Na sequência de anterires

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Diretoria de Tecnologia da Informação

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Diretoria de Tecnologia da Informação 1.1.1.1 Cas de us Descmpactar e Cnverter arquivs d módul de Instruments de Planejament 1.1.1.1.1 Precndições 1. O cas de us de envi deve ter sid cncluíd cm sucess 1.1.1.1.2 Flux principal 1. O SICOM descmpacta

Leia mais

Manual. Autorizador da UNIMED

Manual. Autorizador da UNIMED Manual Prtal Autrizadr da UNIMED Pass a Pass para um jeit simples de trabalhar cm Nv Prtal Unimed 1. Períd de Atualizaçã Prezads Cperads e Rede Credenciada, A Unimed Sul Capixaba irá atualizar seu sistema

Leia mais