Solução de Call Center - PUC Marlus Raasch Stocchero. Curso de Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Solução de Call Center - PUC Marlus Raasch Stocchero. Curso de Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná"

Transcrição

1 Solução de Call Center - PUC Marlus Raasch Stocchero Curso de Redes e Segurança de Sistemas Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, 05 dezembro de 2009 Resumo O objetivo deste trabalho é mostrar um resumo da solução que foi implantada no Call Center da PUC em junho de Com a adequação de um novo sistema na estrutura já existente, foi possível elevar o nível de serviço, melhorar a qualidade e possuir um sistema mais personalizável. Três áreas de negócios foram incluídas neste projeto: HELPDESK, SIGA e DSC. Serão expostos alguns recursos, facilidades e benefícios alcançados com a implementação e a gestão que foi possível realizar. Em geral, houve um ganho de produtividade, tendo com base o acompanhamento dos relatórios gerados e pela satisfação exposta dos clientes, bem como agregou mais valor as áreas de negócio e, por conseqüência, a própria instituição APC. A solução pode ser implantada em outros ambientes corporativos, desde que seja ajustada às necessidades e características do cliente. 1. Descrição do problema Antes da implementação, os setores contavam apenas com um sistema de call center de forma receptiva, sem interações multimídias, sem consulta em banco de dados, sem integração, pobre. Funcionava apenas com algumas facilidades básicas que a própria central telefônica dispõe e de forma primária, sem controle, impossível de gestão. Para obter alguns relatórios eram necessárias manipulações em planilhas descentralizadas e redundantes, além da inconsistência nos dados devido à falta de padronização. Um dos maiores problemas era a falta de gestão e de controle do serviço dos atendentes, relacionado com a demanda de ligações. Também era difícil mensurar o fluxo das ligações, qualidade de indicadores, tamanho correto da equipe, recuperar informações da chamada recebida/efetuada, entre outras necessidades, e dados esses exigidos então pela Diretoria de Tecnologia. Era impossível realizar um tratamento das chamadas abandonadas para um feedback posterior ao cliente, quase nunca o atendimento em primeiro nível era resolutivo e acabava demandando para o segundo nível (atendimento no local). Quando havia a necessidade de saber o histórico do atendente, para quem ele ligou, quanto tempo ficou em produção, pausa ou indisponível, não era possível. Muito menos poder avaliar o desempenho daquele atendente, para o coordenador ajustá-lo a outra função, outro local, ou simplesmente demiti-lo. Enfim, a falta deste conjunto de soluções e ferramentas, gerava problemas diretamente ligados a produção e melhoria de processos. SIGA Sistema Integrado de Gestão Acadêmica DSC - Diretoria de Serviços Compartilhados

2 Figura 1: Cenário antes da implementação Neste cenário (Figura 1), os ramais dos atendentes eram programados para tocar em seqüência aleatória, utilizando uma programação na central. Os ramais pilotos (1558, 2010 e 1515) eram criados na central como tipo hunt (grupo), virtualizado, o qual a própria central telefônica escolhia aleatoriamente para quem encaminharia a chamada entrante, desde que o ramal não estivesse ocupado. O fluxo era assim: 1º - O cliente liga para o Helpdesk, ; 2º - A central telefônica redireciona diretamente para o ramal do grupo; 3º - Já dentro do grupo a central escolhe um aleatoriamente, desde que esteja desocupado; 4º - Chamada oferecida ao atendente. Alguns problemas mais críticos do antigo Call Center 1.1 Falta de controle e de tratamento das ligações Diariamente as áreas recebem uma grande quantidade de ligações, mas não existia nenhum controle sobre esses números. Era difícil conseguir um relatório ou verificar em tempo real quem esta ligando, o tempo da chamada, a origem da chamada. Um problema agravante era o fato de não ter o tratamento de chamadas, ou seja, se todos os ramais estivessem ocupados, a central telefônica simplesmente

3 descartava a ligação retornando tom de ocupado ao cliente, gerando uma impressão para ele de desconsideração do seu problema. Quando o cliente ficava na espera, ele escutava uma musica padrão que a central tocava, e a necessidade era de anúncios de marketing durante a espera do cliente para ser atendido. 1.2 Problemas para dimensionar a equipe e controlar suas atividades Sem a melhoria do Call Center, era difícil dimensionar o tamanho ideal da equipe, pois não era possível saber a relação entre o fluxo de ligações e o número de atendentes necessário. Não era possível monitorar as atividades do atendente, enviar avisos instantâneos e nem gerar relatórios das atividades. 1.3 Sem relatórios para gestão A falta de relatórios, era sem duvida, o maior problema do administrador. Contávamos apenas com relatórios do tarifador, porém muito básico e inconsistente. Não conseguíamos gerar relatórios de chamadas abandonadas, por atendente, por período, etc., o que tornava praticamente impossível a apresentação de um relatório consistente e de fato real à Diretoria. Sem os relatórios não era possível uma gestão eficiente de trabalho. 1.4 Redirecionamentos de chamadas para plantão Quando a DSC e HELPDESK passaram a ter escala de plantão após horário, existia uma deficiência no roteamento das ligações após o expediente porque havia a necessidade de intervenção humana. Após o final do turno, era necessário o atendente direcionar as chamadas do ramal através de um código no telefone, para um celular de plantão; um siga-me. Às vezes o atendente que chegava para trabalhar noutro turno esquecia de retirar o desvio das ligações, e as chamadas era perdidas ou abandonadas por falta de atendimento. 1.4 Baixa resolução no primeiro contato Pelo fato de não haver interatividade com base de conhecimento, roteamento para especialistas específicos e filtros, o problema do cliente dificilmente era resolvido no primeiro contato e geralmente era direcionado, sob demanda, para atendimento no local. DESCRIÇÕES DAS DUAS SOLUÇÕES QUE FORAM UTILIZADAS O primeiro sistema que foi utilizado na PUC foi da CTvoicer. Esta solução não foi bem aceita devido ao grande volume de chamadas, e também por utilizarmos algumas centrais de borda (nas pontas) que o sistema não geria. Outro ponto negativo é que a integração entre a CTvoicer e a central Siemens Hipath 4000 tinha problema freqüentemente, talvez por falta de correta configuração ou mesmo por incompatibilidade. O suporte técnico também deixava a desejar. Os técnicos da empresa alegavam que não davam suporte e sempre punham a culpa na central Siemens.

4 SISTEMA UTILIZADO 2 Siemens Hipath Procenter Enterprise V7.0 Com a implementação do Procenter Enterprise na estrutura existente, foi possível agregar mais valores dispondo de um sistema mais robusto com mais facilidades de gerenciamento, ferramentas e recursos próprios. Foi criado um roteamento geral, e todas as chamadas com os destinos 1558, 2010 e 1515, foram direcionadas para a URA, juntamente com o Procenter, se encarregavam de encaminhar para as filas corretas. O Procenter Enterprise é a solução em Call Center da Siemens que oferece uma moderna tecnologia como ferramenta de relacionamento com o cliente. Figura 2: Cenário após a implementação Nesse sistema, quem gerencia as ligações é o Procenter juntamente com a URA que entrega as chamadas aos atendentes pela central telefonica. O sistema, baseado nas informações digitadas pelo cliente, obedece ao fluxo estabelecido criado pelo administrador. O cliente escuta a mensagem, seleciona a sua opção e é direcionado para a escolha feita. Serviços de troca de senha, consulta de chamados, consulta de boletos, saldo devedor, se torna possível porque o Procenter fica integrado com outros sistemas da PUC, como por exemplo, ao AD e Banco de Dados. O método de roteamento usado é baseado em grupos. Para cada ligação que a Central Telefônica encaminha para URA, um canal (ramal da URA) é ocupado. Neste momento o cliente fica utilizando o ramal até ser atendido pelo atendente, e então o canal é liberado para entrada de outra chamada. No Procenter existe uma conexão Direta pela placa de rede NIC2 a fim de monitorar em tempo real os serviços do Procenter, a cada 20 segundos o Procenter envia sinal para a Central Telefônica informando seu status de on-line. Se caso haja algum problema de perda desta conexão, a Central opera em modo de contingência e alerta o administrador através de mensagens.

5 Outro periférico muito utilizado no sistema do Procenter é o display de parede. Um dispositivo externo fixado na parede ou em algum visível por todos, o qual o administrador tem a possibilidade de criar e divulgar mensagens instantâneas sem atrapalhar o trabalho da equipe. O Informix é o banco de dados utilizado pelo Procenter para armazenar e consultar as informações necessárias. Banco fica instalado no próprio servidor. No computador do coordenador existe o Procenter Manager que está instalado e configurado com o ultimo path disponibilizado pela Siemens. O coordenador entra com sua senha no sistema e consegue utilizar toda ferramenta de gerenciamento. No computador do atendente existe o Procenter Client, que está instalado e configurado com o ultimo path disponibilizado pela Siemens. O atendente entra com sua senha no sistema e insere o ramal da PA (ponto de atendimento) que está atendendo, desde que este ramal esteja cadastrado na central telefônica como ponto de atendimento. O fluxo ficou assim: 1º - O cliente liga para o Help-Desk, º - A central telefônica reconhece o piloto e encaminha para o Procenter 3º - O Procenter analisa as opções digitadas e encaminha para o fluxo escolhido a URA por sua vez é responsável pela interatividade na árvore das escolhas; 5º - Baseado nas opções digitadas pelo cliente, segue-se o fluxo criado; 6º - Se atendido os requisitos, a chamada é oferecida ao atendente. 2.1 Requisitos de hardware para instalação do SERVIDOR Hipath Procenter Enterprise V7.0 O Processo de instalação do servidor Procenter não será demonstrado devido a sua extensão, mas poderá ser obtido no manual de instalação disponibilizado no ato da contratação do serviço. 2.2 Hipath Procenter Manager: Login Ferramenta de gerenciamento do Procenter, projetado para fornecer ao supervisor do call center informações em tempo real dos agentes e dos grupos, informando a quantidade de ligações em fila, total de ligações abandonadas, tempo médio de atendimento, tempo médio de abandono e status dos agentes (fone fora do gancho, atendendo ligação externa/interna, em pausa para lanche, café, banheiro, reunião, etc).

6 Figura 3: tela de login Manager Para ingressar no Procenter Manager, é necessária a autenticação. Cada acesso utiliza uma licença e para este ambiente somente o administrador te acesso. 2.3 Hipath Procenter Manager: Administration Center Figura 4: Administration Center É no Administration Center que são cadastrados os atendentes com ID, nome, senha e qual grupo ele vai participar. É aqui também que os recursos do atendente como, Pausa e Indisponibilidade são cadastrados. Entre outras funcionalidades. Exemplo: Motivo de Pausa: Cadastro das ausências produtivas tipo: pausa papirus, pausa consultando Motivo de Indisponibilidade: Cadastro das ausências improdutivas tipo: Banheiro, lanche. Motivos de Wrap-up: Cadastro dos problemas comum de ocorrer: Computador na liga, dificuldades na rede, impressora não funciona, ramal mudo. 2.3 Hipath Procenter Manager: Broadcaster Center

7 Figura 5: Broadcast Center No Broadcast Center e configurado os avisos em tempo real para os atendentes. Mensagens instantâneas são lançadas na tela do sistema ou em um display de parede fixado num local visível por todos que fica configurado via TCP/IP ou DB9. Exemplos: Display de parede: Aviso num display visível por todos inclusive pessoas externas do setor: Aviso aos clientes sobre matricula, aviso geral ao setor de maneira explicita. Broadcaster: Aviso na tela do atendente especifico ou para o grupo geral: Atenção! Tempo elevado de atendimento, Aviso: A partir das 13h o sistema Eureka estará indisponível por 30 minutos. 2.4 Hipath Procenter Manager: Report Center Figura 6: Report Center

8 No Report Center, são agendados, criados, consultados ou modificados relatórios. Existem inúmeros relatórios possíveis de extrair do sistema. Na seqüência serão mostrados alguns mais usados. É possível gerar relatórios imediatos ou programados, diários, semanais, mensais e por períodos. Também pode se tirar relatórios por atividade do atendente e por ramal monitorado. Os relatórios podem ser vistos em tela, exportados ou até encaminhados por para o coordenador Hipath Procenter Manager: Report Center: relatórios Relatório por atividade por usuário: No relatório por atividade é possível saber todo o tramite das ligações atendidas por um determinado atendente. Assim fica fácil mapear qualquer contestação referente ao atendimento da chamada. Foi resumido. Relatório por fila: Neste relatório é possível saber todo historio da fila do departamento, com muitas informações e totalmente ajustável. Foi resumido.

9 2.5 Hipath Procenter Manager: Design Center É nesse local onde se cria todo fluxo estratégico, roteamentos e configurações para encaminhamento das chamadas. No canto esquerdo existem também alguns recursos, com o, por exemplo, inserção de arquivos WAV e Origens monitoradas. Figura 7: Design Center 2.7 Hipath Procenter Manager: Telephony Center É no Telephony Center que configura os dados do servidor, banco de dados, IP da URA, alocação de portas, etc. A estratégica definida para alocação de portas é configurada no Call Director e depende de cada empresa, na PUC ficou definido 50% para processamento em fila e outros 50% para estratégia de roteamento. Figura 8: Telephony Center - Geral Na figura 9, é onde fica configurada as entradas da URA como: IP, porta e nome. Também é definido o tamanho da memória da URA instalada, em nosso caso é de 8 minutos mas será ampliado para 16 minutos.

10 2.6 Mídia Callback Figura 9: Telephony Center Processamento de Voz Quando o volume de ligações recebidas ultrapassa a capacidade de atendimento de um grupo receptivo, observa-se o surgimento de fila e abandono. Nestes casos, a plataforma de Call Center pode capturar as ligações excedentes registrando o nome e o telefone do cliente para encaminhá-las para o Procenter ao receber estas pendências de retorno, o Callback as distribui entre os agentes do grupo responsável pelo cliente. O Callback possui inúmeros relatórios de controle que informam o número de ligações transbordadas e o tempo médio de retorno por grupo e por atendente. Nesta solução as chamadas abandonadas ficam registradas em banco de dados. O sistema aguarda uma queda de tráfego que gere agentes livres, e nesta condição as chamadas são recuperadas da base de dados e discadas automaticamente. O atendente recebe as chamadas com o cliente na linha, como quando o cliente está ligando. ROTEAMENTOS 3.0 Roteamento Principal (Origem >> Destino) Figura 10: Roteamento Principal É neste Roteamento inicial que o Procenter identifica o De > Para que o cliente queira chegar. É possível criar N encaminhamentos. Ex. *,1515 (qualquer origem para o destino 1515). O ramal de timeout serve para um possível problema no sistema, então automaticamente o Procenter encaminha para o Timeout, que pode ser um ramal do administrador ou mesmo um tom de ocupado para o cliente.

11 3.1 Roteamento SIGA (*,1515) Figura 11: Roteamento SIGA Nesse esquema de roteamento, foi definido todo o fluxo da chamada e cada componente tem uma função determinada. 1º - o sistema verifica se a fila escolhida encontra-se dentro do horário de atendimento (ajustado conforme cada empresa), Caso sim, e segue o fluxo segue. Caso não, uma mensagem do horário de atendimento é informada e desconecta o cliente; 2º - O sistema verifica se existe algum agente logado. Se sim, encaminha adiante e encaminha para interação com a URA. Caso contrário, desconecta o cliente. Aqui é possível encaminhar a chamada para um celular de plantão ou um número externo, por exemplo. 3º - Após escolhido a opção desejada, o sistema encaminha a chamada. Caso seja uma consulta de valores, é feita a consulta ao Banco de dados e retornado o valor ao cliente. Dentro da Fila, existem determinados atendentes cadastrados para atender aquela determinada fila (as). 3.2 Processamento de fila Figura 12: Processamento de fila O processamento de fila é uma facilidade que mantém a chamada em tratamento enquanto aguarda um atendente desocupar. Neste ambiente é possível lançar uma musica institucional ou propaganda da empresa enquanto o cliente espera. Após determinado tempo (no caso, 3 minutos), o sistema recalcula o tempo de espera e informa ao cliente. Essa média é feitas das ultimas 10 chamadas. O

12 componente de tempo de espera calcula e apresentam ao cliente, diversas estimativas como tempo na fila, posição na fila, etc. Assim que um atendente desocupa, o cliente sai da fila de processamento enviado par ao grupo destinado. Um cliente na fila de processamento fica ocupando um canal da URA. 3.3 URA (Unidade de Resposta Audível) A URA é o equipamento que interage e encaminhamento as chamadas juntamente com o Procenter, baseada no que foi definido de roteamento. É onde fica fisicamente a chamada em tratamento, etc. A capacidade da URA varia conforme modelo, a utilizada foi um modelo com 16 canais (2 placas de 8 canais) e o tempo de gravação depende da memória instalada. Os canais são divididos entre as áreas que utilizam SBX ou XMU, a diferença é em algumas funcionalidades como capacidade de slot para ampliação e memória para gravação de mensagens. Se todos os canais estiverem ocupados, na próxima chamada a URA direciona para o ramal de Timeout, conforme já comentado anteriormente. Essa plataforma permite o atendimento eletrônico prévio de todas as chamadas, oferecendo menus interativos que melhoram o atendimento através de consultas eletrônicas em bancos de dados e atualizações de informações. Servem também para direcionar as chamadas que requerem atendimento humano para o agente com maior capacidade para atendê-la. Figura 13: URA Unidade de Resposta Audível 4 Hipath Procenter Client Projetado para servir como ferramenta de apoio ao agente do Call Center. O KS Virtual fornece em tempo real, status dos agentes, números de ligações em fila, número de agentes disponíveis no grupo, número de ligações abandonadas no grupo, tempo médio de atendimento, total de ligações recebidas e originadas pelo agente e identificação do número do telefone do cliente. Esta ferramenta tem por finalidade aumentar a produtividade dos agentes e do grupo. 4.1 Requisitos de hardware para instalação do Hipath Procenter Client

13 4.2 Hipath Procenter Client : Login Figura 14: Tela de Login Para ingressar no Procenter Client, é necessária a autenticação do atendente. Cada login utiliza uma licença e para este ambiente o atendente tem acesso. 4.3 Hipath Procenter Client : Menu do Client Figura 15: Barra de ferramenta Client Assim que o atendente entra no sistema uma barra de tarefas fica iniciado na parte superior do vídeo, onde o atendente pode acessar várias funções do sistema. Pode alterar sua disponibilidade, saber seu tempo do estado, fazer consultas no banco de dados, fica atento aos tempos de atendimento, chamadas na fila, e visualiza o broadcast que o administrador envia com informações importantes.

14 4.4 Hipath Procenter Client : Wrap-up Figura 16: Tela de Log A tela de Wrap-up é lançada para o atendente sempre que uma chamada é oferecida a ele. Nesta tela é possível visualizar várias informações como, origem da chamada, de qual fila veio, prioridade, dados do contato (CR, departamento), assim como as informações do tempo de atendimento. 5 Conclusão A solução implantada atendeu a demanda das áreas de negócio que necessitavam de um gerenciamento e gestão completo dos atendimentos e tinham como meta melhorar a qualidade utilizando novos recursos de telefonia. O Procenter Enterprise V7.0 atende até hoje muito bem todas as necessidades que temos, e também foi incorporado no mesmo contrato de manutenção da Central Telefônica Hipath 4000 Siemens. 6 - Bibliografia [1]http://enterprise.siemens.com/open/br/pt/default.aspx [2]http://www.ctvoicer.com.br/ [3]http://www.telnext.com.br/

CoIPe. Telefonia com Tecnologia

CoIPe. Telefonia com Tecnologia CoIPe Telefonia com Tecnologia Qualidade de voz e mais 1.Economia 2.Integração 3.Autonomia 4.Ferramentas de Produção 5.Bilhetagem completa Recursos Fundamentais 1.Dados de Cadastro Campo com informações

Leia mais

TACTIUM IP com Integração à plataforma n-iplace. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM IP Guia de Funcionalidades com n-iplace

TACTIUM IP com Integração à plataforma n-iplace. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM IP Guia de Funcionalidades com n-iplace Tactium Tactium IP IP TACTIUM IP com Integração à plataforma n-iplace Guia de Funcionalidades 1 Independência de localização e redução de custos: o TACTIUM IP transforma em realidade a possibilidade de

Leia mais

TACTIUM IP com Integração à plataforma Dígitro EasyCall. Guia de Funcionalidades. Tactium IP IP

TACTIUM IP com Integração à plataforma Dígitro EasyCall. Guia de Funcionalidades. Tactium IP IP IP TACTIUM IP com Integração à plataforma Dígitro EasyCall Guia de Funcionalidades 1 Independência de localização e redução de custos: o TACTIUM IP transforma em realidade a possibilidade de uso dos recursos

Leia mais

CoIPe Telefonia com Tecnologia

CoIPe Telefonia com Tecnologia CoIPe Telefonia com Tecnologia A proposta Oferecer sistema de telefonia digital com tecnologia que possibilita inúmeras maneiras de comunicação por voz e dados, integrações, recursos e abertura para customizações.

Leia mais

Tactium IP. Tactium IP. Produtividade para seu Contact Center.

Tactium IP. Tactium IP. Produtividade para seu Contact Center. TACTIUM IP com Integração à plataforma Asterisk Vocalix Guia de Funcionalidades 1 Independência de localização e redução de custos: o TACTIUM IP transforma em realidade a possibilidade de uso dos recursos

Leia mais

------------------------------------------------------------------------- *** Recuperação de senha através do link:

------------------------------------------------------------------------- *** Recuperação de senha através do link: YEALINK SIP-T22P SÍNTESE DE FUNCIONALIDADES VOIP Função de Teclas Permitir aos usuários o acesso ao Voice Mail; Redirecionar ligações ao se ausentar; CUIDADO; (ativa o último nº registrado na memória)

Leia mais

Conceitos. Qual é a infra-estrutura de um Call Center? Uma central de atendimento é composta por:

Conceitos. Qual é a infra-estrutura de um Call Center? Uma central de atendimento é composta por: 1 Conceitos Call Center - O que é? Denominamos Call Center ou Central de Atendimento ao conjunto de soluções e facilidades (Equipamentos, Sistemas e Pessoal) que tem como objetivo fazer o interface entre

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul 1 ANEXO VII QUADRO DE QUANTITATIVOS E ESPECIFICAÇÕES DOS ITENS Item Produto Quantidade 1 Aparelhos IP, com 2 canais Sip, visor e teclas avançadas, 2 70 portas LAN 10/100 2 Servidor com HD 500G 4 GB memória

Leia mais

SUMÁRIO VISÃO GERAL RECURSOS ESPECIFICAÇÕES DESIGN ALERTAS FUNÇÕES ESPECIAIS. Benefícios Características Gerais

SUMÁRIO VISÃO GERAL RECURSOS ESPECIFICAÇÕES DESIGN ALERTAS FUNÇÕES ESPECIAIS. Benefícios Características Gerais 1 SUMÁRIO 4 5 VISÃO GERAL Benefícios Características Gerais 5 RECURSOS Controle de PAS IP Controle em tempo real 6 7 8 9 10 11 12 13 14 14 15 ESPECIFICAÇÕES Capacidade Alertas Novo Design Funções Especiais

Leia mais

O Contato com seus clientes é personalizado? Ferramenta de envio de mensagens pré-gravadas!

O Contato com seus clientes é personalizado? Ferramenta de envio de mensagens pré-gravadas! O Contato com seus clientes é personalizado? Ferramenta de envio de mensagens pré-gravadas! A Talktelecom Líder na América Latina em telefonia computadorizada Compete no mercado desde 1992 com soluções

Leia mais

Sistema M75S. Sistema de comunicação convergente

Sistema M75S. Sistema de comunicação convergente Sistema M75S Sistema de comunicação convergente O sistema M75S fabricado pela MONYTEL foi desenvolvido como uma solução convergente para sistemas de telecomunicações. Com ele, sua empresa tem controle

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Módulo de operação Ativo Bem vindo à Vorage CRM! Nas próximas paginas apresentaremos o funcionamento da plataforma e ensinaremos como iniciar uma operação básica através do nosso sistema,

Leia mais

YEALINK SIP-T22P. Função de Teclas SÍNTESE DE FUNCIONALIDADES VOIP. Permitir aos usuários o acesso ao Voice Mail;

YEALINK SIP-T22P. Função de Teclas SÍNTESE DE FUNCIONALIDADES VOIP. Permitir aos usuários o acesso ao Voice Mail; YEALINK SIP-T22P SÍNTESE DE FUNCIONALIDADES VOIP Função de Teclas Permitir aos usuários o acesso ao Voice Mail; Redirecionar ligações ao se ausentar; CUIDADO; (ativa o último nº registrado na memória)

Leia mais

Manual do Usuário - Telefone e Facilidades. www.integrati.com.br

Manual do Usuário - Telefone e Facilidades. www.integrati.com.br Manual do Usuário - Telefone e Facilidades www.integrati.com.br Introdução Esta apresentação foi elaborada para auxiliá-lo na utilização do novo sistema de telefonia Alcatel-Lucent. A seguir apresentaremos

Leia mais

Contact@Net 300. Contact@Net 300 é uma poderosa Solução para Centrais de Atendimento (Call Center) totalmente integrada ao SOPHO is3000.

Contact@Net 300. Contact@Net 300 é uma poderosa Solução para Centrais de Atendimento (Call Center) totalmente integrada ao SOPHO is3000. Contact@Net 300 Com o objetivo de maximizar a interação com o cliente, otimizar o serviço prestado e gerar novas receitas, várias empresas estão investindo cada vez mais em centrais de atendimento, dedicando

Leia mais

Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2

Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2 Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2 1 Sumário 1. Introdução... 3 2. LOGIN... 3 3. Cadastro... 3 3.1. Máquinas... 4 3.2. Tipo Telefone... 5 3.3. Feriados... 6 3.4. Campanhas... 7 3.5. Usuários... 16

Leia mais

Aparelho Digital Meridian M3902. Guia de Operações Básicas

Aparelho Digital Meridian M3902. Guia de Operações Básicas Aparelho Digital Meridian M3902 Guia de Operações Básicas ÍNDICE: ANTES DE COMEÇAR Instruções gerais do aparelho: 2 Para fazer uma chamada: 4 Para receber uma chamada: 4 Transferência de ligações: 4 Procure

Leia mais

Módulo Contact Solution

Módulo Contact Solution Módulo Contact Solution O Contact Solution é uma ferramenta completa e customizável de fácil utilização para análise dos registros de sua central de atendimento (Contact Center), com possibilidade de efetuar

Leia mais

ANEXO I REQUISITOS TÉCNICOS OBRIGATÓRIOS

ANEXO I REQUISITOS TÉCNICOS OBRIGATÓRIOS ANEXO I REQUISITOS TÉCNICOS OBRIGATÓRIOS 1. Infra-Estrutura A CONTRATADA será responsável por todas as instalações físicas, incluindo nesta relação os serviços de manutenção e toda a estrutura necessária

Leia mais

vdt IP PBX e CONTACT CENTER

vdt IP PBX e CONTACT CENTER vdt IP PBX e CONTACT CENTER CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS Configuração Híbrida : PAs via Softphones, Telefones analógicos, Telefones IP Fax em e-maill Aúdio e Vídeo conferência Mobilidade (ramais e agentes

Leia mais

Serviço Corporativo de Telefonia IP

Serviço Corporativo de Telefonia IP Universidade Federal de Santa Catarina Pró-Reitoria de Planejamento Superintendência de Governança Eletrônica e Tecnologia da Informação e Comunicação Departamento de Tecnologia da Informação e Redes Serviço

Leia mais

MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES

MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES Esse Manual tem como objetivo explicar todas as funções do novo sistema de abertura de chamados da Datacom Automações. Esse novo programa facilitará o atendimento entre

Leia mais

Manual de instalação Priority HIPATH 1100 versão 7.0

Manual de instalação Priority HIPATH 1100 versão 7.0 Manual de instalação Priority HIPATH 1100 versão 7.0 2014 Innova Soluções Tecnológicas Este documento contém 28 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Novembro de 2014. Impresso

Leia mais

CARTA CONVITE 010/2014 ANEXO II - TERMO DE REFERÊNCIA

CARTA CONVITE 010/2014 ANEXO II - TERMO DE REFERÊNCIA CARTA CONVITE 010/2014 ANEXO II - TERMO DE REFERÊNCIA 1. Implantação de Sistema de Call Center 1.1. O software para o Call Center deverá ser instalado em servidor com sistema operacional Windows (preferencialmente

Leia mais

Manual. Autonomus MANUAL DO INSTALADOR AUTONOMUS

Manual. Autonomus MANUAL DO INSTALADOR AUTONOMUS Manual Autonomus 1. Apresentação: A interface celular Pináculo AUTONOMUS dispõe de uma entrada para a conexão de linha telefônica convencional. Por utilizar um módulo celular GSM, ela dispensa o uso de

Leia mais

Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010.

Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010. Manual do Usuário Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010. Impresso no Brasil. Sujeito a alterações técnicas. A reprodução deste documento,

Leia mais

Manual de Instalação START PREMIUM V 3.2.14

Manual de Instalação START PREMIUM V 3.2.14 Manual de Instalação START PREMIUM V 3.2.14 1/48 Este documento possui 46 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Novembro de 2013. Impresso no Brasil. Sujeito a alterações técnicas.

Leia mais

Gravador Digital SUPER MONITOR Descrição Geral

Gravador Digital SUPER MONITOR Descrição Geral Gravador Digital SUPER MONITOR Descrição Geral Documento confidencial Reprodução proibida 1 Introdução Em um mundo onde as informações fluem cada vez mais rápido e a comunicação se torna cada vez mais

Leia mais

OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR

OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR fevereiro/2011 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 3 2 QUEM SOMOS?... 4 3 PRODUTOS... 5 3.1 SMS... 6 3.2 VOZ... 8 3.3 INFRAESTRUTURA... 12 3.4 CONSULTORIA... 14 4 SUPORTE... 14

Leia mais

Conheça o seu telefone

Conheça o seu telefone Conheça o seu telefone O nome MOTOROLA e sua logomarca estilizada M estão registrados no Escritório de Marcas e Patentes dos EUA. Motorola, Inc. 2008 Algumas funções do telefone celular dependem da capacidade

Leia mais

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 Pela grande necessidade de controlar a internet de diversos clientes, a NSC Soluções em Informática desenvolveu um novo produto capaz de gerenciar todos os recursos

Leia mais

PABX IP. Newtec Soluções Av. Deusdedith Salgado 1292, Teixeiras, Juiz de Fora, MG (32)3083-5409 (32)3025-5409 www.newtecsolucoes.com.

PABX IP. Newtec Soluções Av. Deusdedith Salgado 1292, Teixeiras, Juiz de Fora, MG (32)3083-5409 (32)3025-5409 www.newtecsolucoes.com. Informações O sistema O sistema foi desenvolvido com Asterisk, em uma plataforma OpenSource da Sangoma Company. Além das funcionalidades de um PABX convencional, o possibilita inúmeras tarefas, além de

Leia mais

Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0. www.sms.agenciaglobo.net

Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0. www.sms.agenciaglobo.net Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0 www.sms.agenciaglobo.net 1 ACESSO O SISTEMA 1.1 - Para acessar o sistema de envio entre no site http://sms.agenciaglobo.net/

Leia mais

Call Center Manual do agente. Nº do componente P1007893 01 11 de fevereiro de 2004

Call Center Manual do agente. Nº do componente P1007893 01 11 de fevereiro de 2004 Call Center Manual do agente Nº do componente P1007893 01 11 de fevereiro de 2004 2 Manual do agente do Call Center Copyright 2004 Nortel Networks Todos os direitos reservados. 2004. As informações contidas

Leia mais

Sistema de Gestão do Atendimento Fila Digital. Documentação para Usuário Final

Sistema de Gestão do Atendimento Fila Digital. Documentação para Usuário Final Sistema de Gestão do Atendimento Fila Digital Documentação para Usuário Final Conteúdo Conteúdo...2 Instalando o Sistema de Gestão do Atendimento (Fila Digital)...4...5 Instalando e configurando a máquina

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M 1. Introdução a política 2. Quem está elegível para solicitar suporte? 3. Horário de atendimento 4. Que tempo de resposta

Leia mais

Será que o número de linhas e o número de atendentes do meu serviço de atendimento está adequado?

Será que o número de linhas e o número de atendentes do meu serviço de atendimento está adequado? Alguma vez você você já deve ter se perguntado... Será que o número de linhas e o número de atendentes do meu serviço de atendimento está adequado? Quantos clientes minha empresa atende, por dia, por hora,

Leia mais

Hoje Relatórios de Supervisão

Hoje Relatórios de Supervisão HOJE - MÓDULO DE SUPERVISÃO DE CALL-CENTER Impresso em 27/2/2007 11:15 Distribuidor Autorizado Hoje Relatórios de Supervisão Índice 1. DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO DOS RELATÓRIOS DE SUPERVISÃO. 2 2. RELATÓRIOS.

Leia mais

EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015

EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015 Londrina, 07 de outubro de 2015. EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015 OBJETO: Art.1º. Constitui objeto desta licitação a aquisição de 01 (uma) Plataforma de Solução

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

Soluções para Automatizar. o atendimento e ter eficiência na central

Soluções para Automatizar. o atendimento e ter eficiência na central Soluções para Automatizar o atendimento e ter eficiência na central Soluções para Automatizar o atendimento e ter eficiência na central Automatizar o atendimento ao cliente significa redução de custos,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital

MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital MANUAL DO USUÁRIO NextCall Gravador Telefônico Digital DEZEMBRO / 2010 NEXTCALL GRAVADOR TELEFÔNICO DIGITAL Obrigado por adquirir o NextCall. Este produto foi desenvolvido com o que há de mais atual em

Leia mais

Documentation. HiPath 1100. Terminal de Operadora Telefone de sistema Profiset 3030. Guia rápido. Communication for the open minded

Documentation. HiPath 1100. Terminal de Operadora Telefone de sistema Profiset 3030. Guia rápido. Communication for the open minded Documentation HiPath 1100 Terminal de Operadora Telefone de sistema Profiset 3030 Guia rápido Communication for the open minded Siemens Enterprise Communications www.siemens.com/open Explicação dos símbolos

Leia mais

Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000

Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000 Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000 2013 Innova Soluções Tecnológicas Este documento contém 17 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Dezembro de 2013. Impresso

Leia mais

* MANUAL CLIENTE PARA UTILIZAÇÃO E ACESSO À PLATAFORMA TORPEDO CERTO

* MANUAL CLIENTE PARA UTILIZAÇÃO E ACESSO À PLATAFORMA TORPEDO CERTO * MANUAL CLIENTE PARA UTILIZAÇÃO E ACESSO À PLATAFORMA TORPEDO CERTO Este Manual visa orientar o operador da plataforma TORPEDO CERTO a conhecer e utilizar as funcionalidades do sistema conforme o índice

Leia mais

Comunicação interligando vidas

Comunicação interligando vidas Comunicação interligando vidas APRESENTAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL 1. INTRODUÇÃO O presente documento contém o projeto técnico comercial para prestação dos serviços de locação, suporte, consultorias da área

Leia mais

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet.

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. Prezado Cliente, A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. No Padrão 9 você encontrará novas funcionalidades, além de alterações

Leia mais

PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS. Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde

PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS. Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde ebook GRÁTIS PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde Primeiros passos para a otimização do call center em clínicas

Leia mais

Manual de instalação Priority 3.0 INTELBRÁS IMPACTA

Manual de instalação Priority 3.0 INTELBRÁS IMPACTA Manual de instalação Priority 3.0 INTELBRÁS IMPACTA 2014 Innova Soluções Tecnológicas Este documento contém 58 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Novembro de 2014. Impresso

Leia mais

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES O SMARTWEB é um servidor baseado na plataforma Mikrotik que permite o gerenciamento e controle de acessos à internet. Libera acesso

Leia mais

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com.

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com. Tactium Tactium CRManager CRManager TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades 1 O TACTIUM CRManager é a base para implementar a estratégia de CRM de sua empresa. Oferece todo o suporte para personalização

Leia mais

Especial ANATEL Como se adequar à nova legislação para empresas de telefonia

Especial ANATEL Como se adequar à nova legislação para empresas de telefonia Especial ANATEL Como se adequar à nova legislação para empresas de telefonia Introdução A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou em 20 de fevereiro de 2014 novas regras para provedores de

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS. Versão 1.0

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS. Versão 1.0 MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS Versão 1.0 SUMÁRIO 1. Descrição do Local de Acesso... 1 2. Módulo Registrar Diárias... 3 3. Módulo Aprovar Diárias... 11 4. Registrar Prestação de Contas...

Leia mais

MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ

MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ MANUAL CLIENTE SERVIÇO DE GERÊNCIA VOZ TODA A Qualidade GVT AOS OLHOS DOS CLIENTES. TODA A QUALIDADE GVT AOS SEUS OLHOS O Serviço de Gerência é uma ferramenta fundamental para garantir o melhor desempenho

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

PRÁTICOS E EFICIENTES, OS MICRO PABX GERAM ECONOMIA, FAZENDO SEU NEGÓCIO EVOLUIR.

PRÁTICOS E EFICIENTES, OS MICRO PABX GERAM ECONOMIA, FAZENDO SEU NEGÓCIO EVOLUIR. PRÁTICOS E EFICIENTES, OS MICRO PABX GERAM ECONOMIA, FAZENDO SEU NEGÓCIO EVOLUIR. Telefonia com qualidade, economia,baixa manutenção e simplicidade de que você precisa. Nunca foi tão SIMPLES aliar economia,

Leia mais

PBX. Guia do usuário

PBX. Guia do usuário Guia do usuário Como configurar o seu 01 Sumário Processo inicial de configuração...03 O início, tela de Boas vindas...05 Configurações do Ramal...06 Gerar relatórios...08 Lista telefônica...10 Adicionando

Leia mais

Manual de operação do Siemens OpenStage 15. Seção de Configuração SCCONFIG Departamento de Tecnologia da Informação DTI USP Versão 0.

Manual de operação do Siemens OpenStage 15. Seção de Configuração SCCONFIG Departamento de Tecnologia da Informação DTI USP Versão 0. Manual de operação do Siemens OpenStage 15 Seção de Configuração SCCONFIG Departamento de Tecnologia da Informação DTI USP Versão 0.9 São Paulo 2014 Índice 1 Informações gerais... 2 1.1 Versionamento...

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 Atendente... 3 1. Abrindo uma nova Solicitação... 3 1. Consultando Solicitações... 5 2. Fazendo uma Consulta Avançada... 6 3. Alterando dados da

Leia mais

Apresentação do UniSAC

Apresentação do UniSAC Apresentação do UniSAC Serviço de Atendimento ao Cliente Software: Softdesk Última atualização deste manual: 16/02/2015 A ferramenta O Softdesk é o software escolhido pelo Unimestre para a gestão de todos

Leia mais

Manual do Usuário de Telefone Analógico. Revisão 1.0 Julho 2010

Manual do Usuário de Telefone Analógico. Revisão 1.0 Julho 2010 Manual do Usuário de Telefone Analógico Revisão 1.0 Julho 2010 DECLARAÇÃO DE RESPONSABILIDADE A NEC reserva-se o direito de modificar as especificações, funções ou características a qualquer hora e sem

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Manual Portal de Serviços

Manual Portal de Serviços Manual Portal de Serviços O portal é um meio rápido e seguro que garante total autonomia ao Responsável das senhas possibilitando gerenciar, editar e criar novas salas. Para ter acesso você precisar ser

Leia mais

Manual do Usuário do ClaireExpress

Manual do Usuário do ClaireExpress Manual do Usuário do ClaireExpress Tudo o que você precisa saber para realizar uma teleconferência utilizando o ClaireExpress pode ser encontrado neste manual. Caso necessite de assistência adicional de

Leia mais

Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço)

Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço) 1. Login Para realizar o acesso à ferramenta de suporte FAPAM, basta acessar o endereço: http://www.fapam.edu.br/helpdesk/ Usuário: Número da Chapa - FAPAM Senha: Dígitos do CPF (sem pontos ou traço) 2.

Leia mais

A Talktelecom. Líder na América Latina. soluções em telecomunicações. pequenas, médias e grandes empresas. em telefonia computadorizada

A Talktelecom. Líder na América Latina. soluções em telecomunicações. pequenas, médias e grandes empresas. em telefonia computadorizada A Talktelecom Líder na América Latina em telefonia computadorizada Compete no mercado desde 1992 com soluções em telecomunicações Em plena sintonia com as novas tendências, continuamente desenvolve soluções

Leia mais

Manual Docente Online 2013 Lançamento de Notas e Currículo Mínimo

Manual Docente Online 2013 Lançamento de Notas e Currículo Mínimo Manual Docente Online 2013 Lançamento de Notas e Currículo Mínimo 1 CONTEÚDO Conteúdo..2 Introdução... 3 Como acessar o Portal?... 4 Lançamento de Notas... 6 Lançamento de Frequência para Programas / Projetos

Leia mais

Manual de uso do Gerente

Manual de uso do Gerente Manual de uso do Gerente Manual do Hypnobox: www.hypnobox.com.br/manual Índice Acessar o Hypnobox Endereço o www Login e Senha Tela Principal Perfil de acesso Editar Dados pessoais Fila de corretores Gerenciar

Leia mais

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Manual de utilização do sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Sistema integrado de controle médico Acesso... 3 Menu principal... 4 Cadastrar... 6 Cadastro de pacientes... 6 Convênios... 10

Leia mais

Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000

Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000 MANUAL DO USUÁRIO Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000 Este aplicativo roda em plataforma Windows e comunica-se com a ITC 4000 via conexão USB. Através do ITC 4000 Manager, o usuário

Leia mais

CONFORTO COM SEGURANÇA CONFORTO COM SEGURANÇA. 0 P27070 - Rev

CONFORTO COM SEGURANÇA CONFORTO COM SEGURANÇA. 0 P27070 - Rev P27070 - Rev. 0 1. RESTRIÇÕES DE FUNCIONAMENTO RECEPTOR IP ÍNDICE 1. Restrições de Funcionamento... 03 2. Receptor IP... 03 3. Inicialização do Software... 03 4. Aba Eventos... 04 4.1. Botão Contas...

Leia mais

Copyright 2008-2012 IN9 Mídia Soluções Digitais Inc. Todos os Direitos Reservados.

Copyright 2008-2012 IN9 Mídia Soluções Digitais Inc. Todos os Direitos Reservados. 1 Conteúdo Capítulo 1... 4 Introdução... 4 Capítulo 2... 5 Instalando o Sistema de Gestão do Atendimento... 5 Instalando e configurando a máquina do Totem... 8 Alterando o Arquivo de Configuração... 9

Leia mais

HiPath 1100. Communication for the open minded. Produto Beneficiado pela Legislação de Informática

HiPath 1100. Communication for the open minded. Produto Beneficiado pela Legislação de Informática HiPath 1100 A linha de equipamentos que proporciona à sua empresa uma solução em comunicação com qualidade e garantia de economia, eficiência e agilidade no atendimento. Produto Beneficiado pela Legislação

Leia mais

Sistema de tarifação para telefonia corporativa IP

Sistema de tarifação para telefonia corporativa IP Sistema de tarifação para telefonia corporativa IP 2011 ISO 9001 REGISTERED QUALITY SYSTEM O TARIFIKALL de ADPORTAS,, é um sistema de tarifação para telefonia IP que vai diminuir significativamente sua

Leia mais

Modelo R02 - Volume 2 - Operacional

Modelo R02 - Volume 2 - Operacional Modelo R02 - Volume 2 - Operacional INTRODUÇÃO Este manual foi elaborado com a finalidade de exemplificar todas as operações possíveis de serem executadas no equipamento. O equipamento Prisma Super Fácil

Leia mais

Manual de Instalação, Configuração e utilização do MG-Soft Server

Manual de Instalação, Configuração e utilização do MG-Soft Server Manual de Instalação, Configuração e utilização do MG-Soft Server V 1.7 www.pinaculo.com.br (51) 3541-0700 Sumário Apresentação... 3 1. Instalando o MG-Soft Server... 3 1.1. REQUISITOS MÍNIMOS... 3 1.2.

Leia mais

Sistema de Chamados Protega

Sistema de Chamados Protega SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. REALIZANDO ACESSO AO SISTEMA DE CHAMADOS... 4 2.1 DETALHES DA PÁGINA INICIAL... 5 3. ABERTURA DE CHAMADO... 6 3.1 DESTACANDO CAMPOS DO FORMULÁRIO... 6 3.2 CAMPOS OBRIGATÓRIOS:...

Leia mais

OCOMON PRIMEIROS PASSOS

OCOMON PRIMEIROS PASSOS OCOMON PRIMEIROS PASSOS O OCOMON ainda não possui um arquivo de Help para atender a todas questões relacionadas ao sistema. Esse arquivo serve apenas para dar as principais instruções para que você tenha

Leia mais

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware)

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware) 1.0 Apresentação 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware) 6.0 Instalando o Software Call Rec 7.0 Configuração do Software Call

Leia mais

MÓDULO 1.0 Tela inicial do sistema, onde é identificado o usuário pelo próprio CRO sendo coerente com a senha, lhe é permitido o acesso via WEB ao sistema DENTAL GROUP. Quando carrego a tela de menu já

Leia mais

MENSAGEM INTELIGENTE MANUAL DO USUÁRIO

MENSAGEM INTELIGENTE MANUAL DO USUÁRIO MENAGEM INTELIGENTE MANUAL DO UUÁRIO UMÁRIO 1. O que é Mensagem Inteligente?... 3 2. Como Utilizar... 3 3. Interface Telefônica... 5 3.1 Formas de interação... 5 3.1.1. Prompts... 5 3.1.2. Tecla * (estrela)...

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Universidade Federal de Mato Grosso Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Versão 2.1 2013 Cuiabá MT Sumário Usuários do SISCOFRE... 3 Fases

Leia mais

Manual. 1. Introdução... 4. 2. Instalação... 2.1. Iniciando Instalação... 2.2. Definindo URL:... 2.3. Configuração de IP e Porta de Comunicação:...

Manual. 1. Introdução... 4. 2. Instalação... 2.1. Iniciando Instalação... 2.2. Definindo URL:... 2.3. Configuração de IP e Porta de Comunicação:... Manual 1. Introdução... 4 2. Instalação... 2.1. Iniciando Instalação... 2.2. Definindo URL:... 2.3. Configuração de IP e Porta de Comunicação:... 5 5 6 6 3. Link de Acesso Remoto... 6 4. Estrutura Principal...

Leia mais

Qando falamos em VOIP

Qando falamos em VOIP Disc-OS, o SoftPABX tropicalizado Asterisk à moda brasileira CAPA Voltada para o mercado brasileiro, a distribuição Disc-OS veio para diminuir a linha de aprendizagem e facilitar a instalação do Asterisk

Leia mais

Solução para Central ACTIVE Leucotron. Opere seu ramal usando seu próprio computador!

Solução para Central ACTIVE Leucotron. Opere seu ramal usando seu próprio computador! Solução para Central ACTIVE Leucotron Opere seu ramal usando seu próprio computador! O software Contact Phone é rápido e fácil de usar, reúne todas as facilidades de um terminal KS físico mais os recursos

Leia mais

Regulamento SIGA. Versão 1.0. Outubro, 2013. Página 1 de 16

Regulamento SIGA. Versão 1.0. Outubro, 2013. Página 1 de 16 Regulamento SIGA Versão 1.0 Outubro, 2013 Página 1 de 16 Sumário Objetivo deste Regulamento...3 Introdução...4 Definição...4 O que é documento para o SIGA...4 Numeração dos documentos no SIGA...4 Disposição

Leia mais

HiPath 1100 HiPath 1120 HiPath 1130 HiPath 1150 HiPath 1190 Manual de usuário

HiPath 1100 HiPath 1120 HiPath 1130 HiPath 1150 HiPath 1190 Manual de usuário HiPath 11 HiPath 112 HiPath 113 HiPath 115 HiPath 119 Manual de usuário Introdução Introdução Os sistemas da familia HiPath 11 possuem facilidades, códigos de programação e operação semelhantes, com algumas

Leia mais

+55 47 2101-7444 ombudsmanti@datasul.com.br www.datasul.com.br SISTEMAS E INFRA-ESTRUTURA DIRETORIA DE PRODUTO E TECNOLOGIA

+55 47 2101-7444 ombudsmanti@datasul.com.br www.datasul.com.br SISTEMAS E INFRA-ESTRUTURA DIRETORIA DE PRODUTO E TECNOLOGIA +55 47 2101-7444 ombudsmanti@datasul.com.br www.datasul.com.br SISTEMAS E INFRA-ESTRUTURA DIRETORIA DE PRODUTO E TECNOLOGIA 22 ANOTAÇÕES ÍNDICE 1 PROCEDIMENTO 1.1 UTILIZAÇÃO DE E-MAIL 1.1.1 Forma de acesso

Leia mais

SIEMENS. euroset line 16. Manual de Instruções

SIEMENS. euroset line 16. Manual de Instruções SIEMENS euroset line 16 Manual de Instruções Apresentação: A partir de agora você tem a seu serviço o sistema "euroset line 16", que permitirá tornar ainda mais eficiente a sua comunicação telefônica.

Leia mais

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9 1. StickerCenter... 3 1.1. O que é?... 3 1.2. O que são Stickers?... 3 1.3. Como acessar o StickerCenter?... 3 1.4. Como atualizar o StickerCenter?... 3 2. Menu Broadcast Stickers... 4 2.1. O que é?...

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 2.1. Atualização... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 6 4.1. Tela Principal... 6 4.2.

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

ITCELL SOFTWARE SOFTCELL

ITCELL SOFTWARE SOFTCELL ITCELL SOFTWARE SOFTCELL 2.0 1.Sumário 2.1 Instalação do SoftCell...2 2.2 Instalação do driver de comunicação...7 5.1 Abrindo o Software SoftCell...11 5.2 Acessando a interface...12 5.3 Configuração da

Leia mais

Cappta Cartões Guia de Utilização

Cappta Cartões Guia de Utilização Cappta Cartões Guia de Utilização Bem-vindo! Obrigado por utilizar a solução Cappta Cartões, a maneira mais simples e rápida de aceitar todos os tipos de cartão no varejo. Este manual detalha as principais

Leia mais

Manual de Operação e Instalação do Sistema de Gravação Telefônica Rec All E1

Manual de Operação e Instalação do Sistema de Gravação Telefônica Rec All E1 Manual de Operação e Instalação do Sistema de Gravação Telefônica Rec All E1 1.0 Apresentação 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface do gravador Rec

Leia mais

Manual do Usuário CFCWeb BA

Manual do Usuário CFCWeb BA ÍNDICE Acesso ao sistema... 2 Tela Principal... 3 Cadastro de Candidatos... 5 Agenda Teórico... 6 Agenda Prático... 7 Consulta Agendamentos do Candidato por Serviço... 9 Cadastro de Grade Horária... 10

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...4 3 Como enviar torpedos...6 3.1 Envio

Leia mais