Sistema Comercial G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sistema Comercial G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores"

Transcrição

1 Tabela de Clientes Além de registrar os dados principais do cliente, pode-se registrar vários contatos, endereço de cobrança e de entrega (se forem diferentes do principal). Cada cliente tem um registro de perfil que contém informações especiais que serão tratados pelo sistema, como: Espécie de Cliente, Limite de Crédito, Tabela de Preço utilizada, Descontos Especiais, Com e Sem Crédito, Transportadora Padrão, Representante que o atende, e muito mais... Pode-se efetuar listas com filtros por Representante, UF, Cidade, Bairro ou Espécie de Cliente e ainda ordená-los pelo Código, Nome Fantasia, Razão Social, Cidade ou Bairro. Existe ainda duas formas de emitir a Mala Direta, podendo ser impresso em Impressoras à Laser ou Jato de Tinta em 3 modelos de folhas da PIMACO ou em formulário contínuo de uma coluna, ou seja, uma etiqueta em baixo da outra. Tabela de Representantes Esse registro permite manter os dados dos representantes sempre atualizados. Permite ainda o controle de comissões a pagar e já pagas para cada representante (vendedor). Cada representante tem um registro de perfil que contém informações especiais que serão tratados pelo sistema, como: Percentual de Comissão e se é um Representante ou Telemarketing, Dados para Depósito Bancário, entre outros dados... Pode-se efetuar listas com filtros por UF, Cidade ou Bairro e ainda ordenálos pelo Código, Nome Fantasia, Razão Social, Cidade ou Bairro. Existe ainda duas formas de emitir a Mala Direta podendo ser impresso em Impressoras à Laser ou Jato de Tinta em 3 modelos de folhas da PIMACO ou em formulário contínuo de uma coluna, ou seja, uma etiqueta em baixo da outra. Tabela de Fornecedores Além de registrar os dados principais do fornecedor, pode-se registrar vários contatos facilitando a pesquisa das pessoas quando necessário. Cada fornecedor tem um registro de perfil que contém informações especiais que serão tratados pelo sistema, como: Conta Despesa Homologada (Centro de Custo), Carteira Padrão, Dados para Depósito Bancário, Descontos Padrões para Compras, e muito mais... Pode-se efetuar listas com filtros por UF, Cidade ou Bairro e ainda ordenálos pelo Código, Nome Fantasia, Razão Social, Cidade ou Bairro. Existe ainda duas formas de emitir a Mala Direta podendo ser impresso em Impressoras à Laser ou Jato de Tinta em 3 modelos de folhas da PIMACO ou em formulário contínuo de uma coluna, ou seja, uma etiqueta em baixo da outra. 1

2 Tabela de Grupos de Produto Esse cadastro serve para agrupar os produtos em determinados blocos, facilitando a apresentação dos produtos em listas como Tabelas de Preços, Inventário, Saldos, etc... Tabela de Produtos O arquivo de produtos é na verdade o banco de dados principal para controle de vendas, compras e estoque. Sem ele esses módulos não operam. Existem alguns dados que serão necessários e outros opcionais durante o cadastramento do produto. Alguns terão incidências nos cálculos dos pedidos como ICMS reduzido, IPI, Repasse de ICMS, entre outros... Pode-se registrar seu próprio código, o original de fábrica, descrição do produto com até 60 caracteres, código de barras, 9 tabelas diferentes de preços de venda, preço de promoção, particularidades para acesso do telemarketing, entre outros... Alguns dados não são obrigatórios, porém podem fazer falta em algumas rotinas no futuro como o código de classificação fiscal do produto, pois além de imprimir na nota fiscal, serão utilizados na geração dos arquivos estaduais para o sistema SINTEGRA, NF-e e sem eles o validador gera erro na consistência dos dados. Tabela de Transportadoras Pode-se registrar as transportadoras que sua empresa costuma trabalhar regularmente, ou aquelas indicadas pelo cliente. Pode-se também registrar transportadores contratados para controle de romaneio. Nesse caso, o sistema permite ainda controlar serviços prestados por esses contratados, como % sobre a NF, valor por KM rodado, valor adicional por NF, etc... Pode-se efetuar listas com filtros por UF, Cidade ou Bairro e ainda ordenálos pelo Código, Nome Fantasia, Razão Social, Cidade ou Bairro. 2

3 Tabela de Conta Corrente Nesse cadastro, além de registrar as contas de sua empresa, pode-se registrar desde as contas referentes até o caixa interno, e serão utilizados no lançamento bancário, consolidação diária, etc... O movimento de cada conta começará sempre no dia seguinte ao da implantação do saldo. Tabela de Portadores O registro de portadores tem como finalidade o controle das cobranças e agrupamento dos títulos em carteiras específicas, facilitando os filtros no momento das pesquisas. Pode-se separar as carteiras em Ativada e Desativada. Existem ainda outros detalhes como taxa de juros mensal e valor do registro de cada título que poderá ser utilizado em contas a receber na lista para desconto, onde o sistema apura a taxa de desconto para cada título e quanto à operadora está cobrando por título, resultando no valor exato que irá receber se forem descontar esses títulos. O portador controla ainda a forma de cálculo da comissão do representante, sendo crédito do valor em conta do representante ou débito da diferença, valor menos a comissão. Tabela de Ocorrências Necessário para o controle das liquidações do financeiro, além de controlar lançamentos de juros, descontos, entre outros. No Sistema Financeiro, o usuário pode controlar toda a movimentação dos títulos e carteira utilizando somente os lançamentos das ocorrências. Tabela de Históricos O registro de históricos serve basicamente para facilitar as digitações repetidas que são constantes em comentários de títulos, pagamentos, recebimentos, lançamentos bancário, etc... 3

4 Contas a Pagar Permite registrar, além das notas e títulos, pequenas despesas diárias em forma de fichas. Todos os lançamentos são registrados por fornecedor, portador e conta despesa, sendo opcional a informação do departamento. Dessa forma pode-se depois obter informações agrupadas por vencimentos, fornecedores, portadores, despesas ou departamentos. Neste módulo o usuário pode ainda emitir cheques avulsos, por lote (conforme seleção do usuário), cópia de cheque, efetuar o lançamento bancário e liquidar os títulos numa única rotina simples e rápida. Em Consulta por Período, o usuário visualiza rapidamente os títulos a pagar ordenados por vencimento ou emissão, sendo o intervalo de pesquisa informado pelo usuário de acordo com sua necessidade, visualizando somente os títulos em aberto ou os liquidados. Pode-se ainda efetuar filtros específicos por Fornecedor, Portador, Conta Despesa ou Departamentos, facilitando a visualização e procura dos títulos à pagar. Uma vez apresentado os títulos, o usuário poderá visualizar seus detalhes bastando apenas clicar sobre o título desejado. Contas a Receber Esse módulo pode receber entrada de valores manuais, via ficha de serviço (automático) e/ou via pedido de venda faturado (automático). Pode-se consultar e listar as carteiras filtrando por período (Emissão ou Vencimento), por cliente, por portador e por representante. Permite emitir boletos de cobrança, duplicatas, resumo geral, carta de anuência, recibo de quitação, aviso de cobrança e instrução bancária. Em Consulta por Período, o usuário visualiza rapidamente os títulos a receber ordenados por vencimento ou emissão, visualizando somente os títulos em aberto ou os liquidados. Uma vez apresentado os títulos, o usuário poderá visualizar seus detalhes bastando apenas clicar sobre o título desejado, podendo ainda verificar os dados do pedido de venda que gerou essa cobrança. Cobrança Eletrônica - Layout CNAB 400 O sistema gera arquivo texto automaticamente, coletando as informações nas tabelas e no contas a receber para o envio aos bancos e seguindo o padrão CNAB (Centro Nacional de Automação Bancária), órgão da FEBRABAN (Federação Brasileira dos Bancos), com algumas adaptações às necessidades de cada banco. Estão disponíveis no sistema os bancos mais utilizados, porém se sua empresa utiliza outro banco, forneça o layout para a geração dos dados e incluiremos em nosso sistema. A rotina além de gerar o arquivo para transmissão, também recebe os dados enviados pelos bancos e grava nos títulos o número bancário gerado após o processamento e liquida automaticamente os títulos recebidos (liquidados normalmente ou através de cartório), tudo simples e rápido. É uma rotina muita utilizada pelos usuários do Sistema Comercial G3. 4

5 Registro de Cheques Pré-Datado O sistema controla também os cheques pré-datados recebidos dos clientes, tendo a opção de controlar ainda o repasse desses cheques aos fornecedores. É muito importante essa rotina, pois determina a frequência com que os clientes liquidam suas carteiras e como fazem isso. Existe ainda função automática de repasse dos cheques em lote, onde através de uma pesquisa pode-se transferir rapidamente os cheques entregues á algum fornecedor. Pode-se ainda emitir várias listas para controle e visualização. Controle das Comissões As comissões são controladas pelo sistema em forma de conta corrente do representante (créditos e débitos). Os créditos serão lançados a partir das vendas integradas ao financeiro e os débitos poderão ser lançados pelo usuário, formando assim um extrato de comissões e outros lançamentos para cada representante. A cada período pode-se emitir uma lista das comissões e saber exatamente quanto cada representante tem a receber (já com os débitos devidamente lançados). Após o pagamento da comissão, o usuário lança um débito de pagamento dessa comissão e zera o saldo da conta do representante, e assim por diante... Resumo Financeiro O resumo financeiro é composto pelo fluxo de caixa, mapa gerencial, geração de arquivo para envio ao SCI e/ou SERASA. O fluxo de caixa pode ser visualizado mensalmente, diariamente ou detalhadamente. Pode ser selecionado somente os registros em aberto ou compor um fluxo de caixa dos compromissos realizados durante um determinado período. Em ambos os casos o sistema permite que o usuário informe o valor acumulado dos bancos ou que seja levantado automaticamente pelo sistema. Ainda no fluxo de caixa o sistema projeta os recebimentos para o DDL informado, geralmente esse DDL é 1, pois o cliente paga hoje e o banco credita somente amanhã na conta corrente, e os vencimentos que estiverem projetados para o fim de semana serão colocados automaticamente para a segunda-feira, deixando o fluxo de caixa o mais exato possível. Quanto ao SCI e SERASA, o sistema dispõe de geração de dados em TXT que podem ser enviados para as respectivas empresas contratadas. Isso gera um valor menor no momento da consulta do CNPJ. 5

6 Implantação Saldo Inicial Permite ao usuário registrar o saldo inicial de cada produto e visualizar os movimentos de entrada e saída (acumulados) mês a mês. Essa implantação de saldo é a quantidade final do ano anterior ou a quantidade contada no momento da implantação do sistema. O saldo de cada mês é atualizado automaticamente, conforme o registro de seus movimentos de entrada e saída processados manualmente ou através de lançamentos automáticos, como a baixa dos pedidos de venda, etc... A quantidade em reserva apresentada refere-se aos pedidos liberados para o faturamento e que ainda não foram baixados pela rotina de baixa automática. Carteira significa que os pedidos foram somente digitados e não liberados para o faturamento. Ficha de Entrada / Saída (Manual) Todo lançamento que registra uma movimentação no estoque de entrada ou de saída recebe o nome de CARDEX. A digitação dessa ficha espelha os movimentos que farão parte integrante do CARDEX de cada produto. O sistema registra uma ficha para cada movimentação (entrada ou saída) de um ou mais produtos e após a impressão e verificação do usuário, deve-se confirmar a atualização. Após a confirmação é que o sistema irá registrar as quantidades lançadas, preços e custos. Dessa forma, pode efetuar lançamentos de compras de mercadoria, estornos, ajustes, devoluções, trocas, e muito mais. Essas fichas podem receber o número da Nota Fiscal do fornecedor, das fichas numeradas internamente ou até serem numeradas automaticamente pelo sistema. Conferência da Ficha de Entrada via EAN13/14 O sistema disponibiliza uma interface para a conferência dos produtos via código de barras EAN13 (por produto) ou EAN14 (por embalagem fechada), o que facilita em muito a conferência. Essa rotina permite maior eficiência e rapidez na conferência dos produtos à serem estocados. Depois de lido e conferido, o sistema emite uma relação com as divergências (se houver) e uma outra lista já com as locagens para facilitar o armazenamento. 6

7 Saldos e Preços Atuais Permite consultar rapidamente saldos e preços dos produtos, além de poder filtrá-los por fornecedor e/ou grupo de produtos. O usuário pode iniciar uma pesquisa a partir de um determinado código de produto, pelo código da fábrica, pela descrição do produto ou ainda pelo grupo. Pode ainda pesquisar a partir da informação digitada ou pesquisar essa informação no banco de dados todo. Uma forma clássica de pesquisa é quando o usuário necessita encontrar todos os produtos de uma linha, por exemplo: GOL. Digita-se GOL e solicita-se ao sistema que pesquise em todo o banco de dados. Serão apresentados, por exemplo: Lanterna do GOL 98, Friso Lateral do GOL 4 Portas, Spoiler Dianteiro do GOL 2009, e assim por diante... Lista de Preço e / ou Promoção Toda impressão é feita em vídeo através do utilitário Crystal Reports, podendo visualizar exatamente como será impresso, se for necessário, o usuário poderá imprimir todas as páginas ou somente aquela que desejar além de poder selecionar a impressora que deverá imprimir o documento (instaladas ou disponíveis na rede). Este utilitário permite ainda que o usuário exporte os dados do relatório para outros aplicativos como EXCEL, WORD, TXT, PDF, HTML, entre outros, além de poder enviá-los através de , ou publicá-los diretamente em seu site na internet. Pode-se selecionar qual tabela de preço (de 1 até 9) que será impressa nessa lista, qual a forma de apresentação e quais os dados serão impressos, deixando a lista o mais padronizado para a sua empresa. Alteração na Tabela de Preço em Vigor Esta rotina é útil para ajustes de preços na tabela (de 1 à 9), aplicação de fatores para ajustes ou simplesmente cópia de uma tabela para outra. Permite zerar qualquer tabela, além de poder filtrar um intervalo de produtos, um fornecedor ou um grupo de produto. A rotina permite aumentar ou diminuir valores através do tipo de cálculo selecionado, além de poder atualizar ou zerar o preço mínimo de cada produto. 7

8 Digitação da Contagem dos Produtos De vez em quando, o usuário necessita atualizar as quantidades de seu estoque, e solicita uma contagem dos produtos que poderá ser impressa pelo sistema, a fim de facilitar o apontamento. Uma vez com essa contagem na mão, o usuário digita os produtos e o saldo contado, registrando as quantidades. No sistema, então se imprime a lista da contagem para verificação e efetua a atualização do estoque através dessa lista digitada. O sistema irá checar cada produto digitado e se o saldo encontrado for diferente do digitado, irá efetuar o lançamento de entrada ou saída automaticamente, ajustando a quantidade do produto para o saldo contado. Somente serão atualizados os produtos com diferença entre o digitado e o saldo calculado pelo sistema, o restante não será alterado. Normalmente se utiliza códigos específicos de movimentação do estoque para o ajuste pela contagem que já estão disponíveis para o usuário selecionar. Ficha para o Cliente / Representante Garantia O sistema permite controlar as garantias dos produtos vendidos e retornados para reparo ou troca por defeito ou qualquer outro problema. O usuário efetua uma ficha de garantia para o cliente ou para o representante, alegando ter recebido o produto com defeito e encaminha para o fornecedor para a verificação. Esse processamento ajuda no controle das mercadorias além de garantir o bom andamento das peças recebidas. É importante ter controle sobre as garantias, pois na maioria das empresas esse processo é o que mais dá dor de cabeça, porque normalmente some as mercadorias e ninguém sabe informar se recebeu, se encaminhou, se já voltou do fornecedor, etc... Ficha para o Fornecedor Garantia Normalmente após ter registrado a ficha de garantia do cliente ou representante, deve-se remeter as mercadorias aos respectivos fornecedores. O sistema permite gerar fichas para o fornecedor de forma automática, agrupando os produtos que estão atrelados ao código daquele fornecedor. Essa ficha é encaminhada, juntamente com os respectivos produtos e após a avaliação, conserto ou reparo, o fabricante devolve os produtos dando ou não a garantia. Esse retorno é registrado na ficha do fornecedor e automaticamente interliga à ficha do cliente e se o cliente ou representante ligar para saber de seus produtos, o usuário pode prontamente informar o status da ficha. 8

9 Tabelas de Preço do Fornecedor É um processo aberto ao usuário para registrar os preços praticados pelo fornecedor dos produtos. Registra-se os valores nas tabelas, custo e venda de cada produto a fim de facilitar as negociações e a confecção dos pedidos de compra. Essa tabela ficará disponível e poderá ser utilizada para ajustar os preços de venda das mercadorias de forma rápida e eficaz. Com base em cálculos efetuados através de fatores ou percentuais, o sistema ajusta esses valores e o usuário poderá a qualquer momento atualizar sua lista de preço de venda. Além dessas funções a rotina ainda fornece filtros para o usuário processar os referidos cálculos, como intervalo de códigos, especificação do grupo, tabela normal e futura, etc... Pedido de Compra O pedido de compra poderá ser registrado manualmente. O sistema registra uma ficha para cada pedido de compra, que poderá ser enviado pelo fax, , transferido para Word, Excel, PDF, HTML, etc... Todo o pedido pode ser visualizado em tempo real, enquanto o usuário vai digitando, facilitando a conclusão e elaboração do pedido. Outros dados podem fazer parte do pedido como nome do vendedor, comprador e dados como condições de pagamento além de 3 linhas específicas para observações (se houverem). No momento da impressão pode-se incluir ou não os dados da empresa como Razão Social, Endereço completo e CNPJ, para facilitar a entrega e faturamento dos produtos. Pedido de Compra Automático O pedido de compra automático facilita a confecção das compras, onde o sistema levanta os dados conforme as opções indicadas pelo usuário (sugerido em função das informações colhidas). Após o cálculo do processamento, será apresentado uma sugestão de compra, e o usuário poderá marcar aqueles produtos que são necessários para a compra no momento. Após essa avaliação o usuário pode gerar automaticamente o pedido de compra e enviá-lo ao respectivo fornecedor. 9

10 Registra um Pedido de Venda Sem dúvida alguma, é o centro das informações do Sistema Comercial G3. Através do pedido de venda é que se inicia a venda ou um simples orçamento ao cliente. O sistema colhe as informações referentes ao cliente, representante, transportadora, produtos, quantidade, valores, descontos, etc..., gerando um pedido de venda. O usuário poderá ter senha habilitada para registrar um pedido de venda ou somente um orçamento ao cliente. Outro usuário poderá ter o poder de transformar um simples orçamento em um pedido real. O sistema carrega o perfil do cliente automaticamente, como descontos, representante, transportadora, etc... e o usuário poderá alterar se necessário. Liberação Eletrônica A liberação eletrônica transformará um pedido de venda em pedido a faturar, reservando os produtos no estoque (que estarão em separação). Também aqui, somente o usuário com a senha habilitada e com o valor de limite de liberação autorizado poderá liberar os pedidos para faturamento. Pode parecer um exagero, mais é a forma mais segura de controlar os pedidos digitados, com controle de alguém responsável para tal operação. Dependendo da senha do usuário, pode-se até liberar um pedido mesmo que algum dos produtos não tenha saldo suficiente no estoque. Após a liberação eletrônica é que se pode emitir a Nota Fiscal, caso contrário o pedido ficará registrado somente como um pedido de venda. Carta de Correção O sistema dispõe de uma rotina fácil e simples para a geração de carta de correção, tanto para clientes, fornecedores ou até transportadoras. Todas as informações referentes a uma carta de correção estão disponíveis para o usuário, bastando apenas selecionar os itens necessários e completar com as alterações inerentes à correção. O sistema permite ainda que a partir da carta de correção imprima no envelope, como se fosse uma etiqueta com os dados para envio da carta de correção. 10

11 Conferência do Pedido de Venda via EAN 13/14 O sistema disponibiliza uma interface para a conferência dos produtos via código de barras EAN13 (por produto) ou EAN14 (por embalagem fechada), o que facilita em muito a conferência. Essa rotina permite maior eficiência e rapidez na conferência dos produtos que serão separados através da ordem de separação. Depois de lido e conferido, o sistema emite uma relação com as divergências (se houver) e ajusta o pedido de venda se a contagem for diferente do pedido, isso se o usuário autorizar. Evita principalmente a entrega de produtos que não constam no pedido original de venda. Lista - Vendas no Período Simples e rápido o sistema emite listas das vendas, com os dados de cada pedido e pode ser classificado por data da entrada (vendas) ou pela data de saída (faturamento). Pode-se ainda filtrar um determinado cliente, representante, portador ou ambos. Essa lista poderá ser resumida ou completa com todos os dados do pedido. Emissão da NF Fatura ou NF Eletrônica O sistema emite a NFF (Nota Fiscal Fatura) através dos pedidos liberados para faturamento. O layout da NFF é configurado através de um editor que possibilita ao usuário ajustar as colunas e os dados que serão impressos na NFF. As impressões são convertidas para caixa alta e os caracteres especiais serão substituídos por caracteres que a impressora aceite sem problemas, caso típico de Ç, Á, Õ, etc. O layout de impressão é configurado rapidamente. No caso de sua empresa emitir NF-e (Nota Fiscal Eletrônica), o Sistema Comercial G3 está preparado para gerar um arquivo TXT para importação no Programa Emissor de NF-e da Secretaria da Fazenda (SEFAZ). Basta selecionar o pedido e gerar o arquivo. Depois inicializar a sequência de passos no programa da SEFAZ (Validar, Assinar, Transmitir e Imprimir o DANFE). Importante enfatizar que este processo elimina a digitação direta no Programa Emissor de NF-e da SEFAZ. 11

12 ABC por Cliente O ABC é o resumo das vendas realizadas durante um determinado período classificando os clientes em ordem decrescente de venda, ou seja, da maior venda acumulada para a menor. Dessa forma pode-se verificar quais são os melhores clientes e adotar políticas diferenciadas para estimular as vendas junto a esses clientes preferenciais. O sistema permite que seja indicado um determinado período dentro do ano corrente, podendo ser diário, semanal, quinzenal, mensal, trimestral, semestral ou até todo o ano. Pode-se ainda efetuar filtros por Cidade, UF e Espécie de Cliente. ABC por Representante O ABC é o resumo das vendas realizadas durante um determinado período classificando os representantes em ordem decrescente de venda, ou seja, da maior venda acumulada para a menor. Dessa forma pode-se verificar quais são os melhores representantes e adotar políticas diferenciadas para estimular as vendas junto aos representantes aumentando ainda mais as suas vendas. O sistema permite que seja indicado um determinado período dentro do ano corrente, podendo ser diário, semanal, quinzenal, mensal, trimestral, semestral ou até todo o ano. Pode-se ainda efetuar filtros por Cidade e UF. ABC por Produto O ABC é o resumo das vendas realizadas durante um determinado período classificando os produtos em ordem decrescente de venda ou de quantidade, ou seja, da maior venda acumulada ou maior quantidade acumulada para a menor. Dessa forma pode-se verificar quais são os produtos mais vendidos em valores e/ou quantidades e aumentar ou adotar uma política de vendas com mais qualidade. O sistema permite que seja indicado um determinado período dentro do ano corrente, podendo ser diário, semanal, quinzenal, mensal, trimestral, semestral ou até todo o ano. Pode-se ainda efetuar filtros por Cliente, Representante, Fornecedor ou Grupo de Produto. 12

13 ABC por Período O ABC é o resumo das vendas realizadas durante um determinado período classificando dia a dia. Dessa forma pode-se verificar dia a dia o volume das vendas e ajustar o faturamento para lastrear os dias de maior volume para outros dias de menores volumes, fazendo com que a empresa trabalhe melhor em mais dias. O sistema permite que seja indicado um determinado período dentro do ano corrente, podendo ser diário, semanal, quinzenal, mensal, trimestral, semestral ou até todo o ano. Se optar por imprimir o ABC por Período, o sistema fará automaticamente um gráfico de barras com os valores diários para melhor acompanhamento e visualização do faturamento do período. ABC por UF O ABC é o resumo das vendas realizadas durante um determinado período classificando pela UF (Unidade da Federação) e dentro do período indicado em ordem decrescente de venda. Dessa forma pode-se verificar por UF o volume das vendas e melhorar a atividade de atendimento e vendas nas regiões onde o volume é menor. O sistema permite que seja indicado um determinado período dentro do ano corrente, podendo ser diário, semanal, quinzenal, mensal, trimestral, semestral ou até todo o ano. Se optar por imprimir o ABC por UF, o sistema fará automaticamente um gráfico em forma de pizza com os valores de cada UF para melhor acompanhamento e visualização do faturamento por região. 13

14 Habilitar e Desabilitar Senhas de Acesso O sistema permite que um (a) administrador (a) da empresa gerencie as senhas e habilite ou desabilite os acessos aos seus módulos. As senhas poderão ser criadas com até 50 caracteres (nome e/ou senha), restringindo alguns acessos por segurança. Permite ainda que essas senhas sejam trocadas automaticamente pelo próprio usuário de dias em dias definido pelo (a) administrador (a). Passado os dias indicado para a troca da senha, o sistema solicitará automaticamente ao usuário que seja trocado sua senha, evitando que outros usuários vejam ou decorem a senha de outro (a) usuário (a). Fechamento Anual O sistema trabalha e registra os dados em períodos anuais, ou seja, todos os bancos de dados são armazenados em diretórios com o nome idêntico ao ano em processo. Exemplo: Ano Corrente C:\G3\E001\2009\(banco de dados)... Ano Corrente C:\G3\E001\2010\(banco de dados)... Ano Corrente C:\G3\E001\2011\(banco de dados)... e assim por diante. No final de cada período anual, o sistema exige que um (a) usuário (a) experiente efetue o Fechamento Anual, onde o sistema cria o subdiretório com o próximo ano e transfere as informações necessárias para esse diretório. Com isso o sistema separa anualmente os movimentos registrados com a utilização do sistema, resguardando os dados anteriores. Perfis dos Módulos do Sistema O perfil guarda as informações mais importantes que orientam o sistema para determinados processos, facilitando o manuseio pelo usuário. Entre esses controles estão numeradores de fichas, alíquotas de impostos, numerador de NFF e NFS, e muito mais. Cada módulo tem seu perfil com suas particularidades conforme a necessidade do projeto. Esses dados poderão sofrer alterações durante o processo de atualização do sistema. 14

Sistema representação G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores

Sistema representação G3.ss. Tabela de Clientes. Tabela de Representantes. Tabela de Fornecedores Tabela de Clientes Além de registrar os dados principais do cliente, pode-se registrar vários contatos, o endereço de cobrança e de entrega (se forem diferentes do principal). Cada cliente tem um registro

Leia mais

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios,

O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, O AR_AUTOMAÇÃO ou AR_RETAGUARDA, é um programa feito principalmente para o gerenciamento da empresa, neste módulo encontram-se todos os relatórios, parte financeira, entrada de mercadorias entre outros.

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Relatórios...3 Mix de Compra...3 Peças >> Relatórios >> Mix de Compra Peças...3 Mix de Vendas...4 Peças >> Relatórios >> Mix de Venda Peças...4 Tabela de Preços...6 Peças

Leia mais

Para os demais formatos, o relatório será gerado mas virá com configurações incorretas.

Para os demais formatos, o relatório será gerado mas virá com configurações incorretas. Balancete Orçamentário Produto : TOTVS Gestão Patrimonial - 12.1.6 Processo : Relatórios Subprocesso : Balancete Orçamentário Data publicação da : 17/06/2015 O Balancete é um relatório contábil oficial

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 17/11/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.138a REA SSPlus 8.0

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO Acesse o site www.teubilhete.com.br, selecione a opção Teu Online, e clique no botão, preencha o formulário com os dados de sua empresa. Reúna duas vias impressas do Contrato

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 02/04/2016 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.188a REA SSPlus 8.0

Leia mais

Internet Banking. Outubro - 2012

Internet Banking. Outubro - 2012 Internet Banking Outubro - 2012 1 Índice 1. Início... Pg. 4 2. Menu Home... Pg. 5 3. Menu Conta Corrente... Pg. 7 3.1 Extratos Conta Corrente... Pg. 8 3.2 Extratos de Tarifas...Pg. 9 3.3 Informações Complementares...

Leia mais

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário Manual do Usuário Produto: EmiteNF-e Versão: 1.2 Índice 1. Introdução... 2 2. Acesso ao EmiteNF-e... 2 3. Configurações Gerais... 4 3.1 Gerenciamento de Usuários... 4 3.2 Verificação de Disponibilidade

Leia mais

Conta Fácil. Manual do usuário - 8 a. edição. Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros. fiscais.

Conta Fácil. Manual do usuário - 8 a. edição. Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros. fiscais. Conta Fácil Financeiro, compras, vendas, estoque, faturamento, cobrança, serviços e livros fiscais. Manual do usuário - 8 a. edição Tecnologia que simplifica Allsoft 1 Informática Ltda. Tecnologia que

Leia mais

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS:

TELA INICIAL: BOTÕES INICIAIS: Sumário 1. Tela Inicial... 02 2. Venda [F1]... 03 a. Cliente [F2]... 03 b. Importar [F9]... 04 c. Produtos [F3]... 04 d. Fechamento [F4]... 05 e. Impressão, Ponto de Referência e Observações... 07 f. Consulta

Leia mais

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1)

Portal do Fornecedor ANGELONI. Manual do usuário. (versão 1.1) Portal do Fornecedor ANGELONI Manual do usuário (versão 1.1) 1. Objetivo Este manual explica como funciona o Portal do Fornecedor ANGELONI. Todos os procedimentos para visualizar pedidos, gerar e enviar

Leia mais

APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER

APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER APOSTILA DE INTEGRAÇÃO CONTROLLER A integração de dados do Controller com a contabilidade, seja com o sistema Contábil ou com qualquer outro sistema, é feita através de lotes. Os lançamentos seguem a estrutura

Leia mais

Manual de Utilização do PDV Klavix

Manual de Utilização do PDV Klavix Manual de Utilização do PDV Klavix Página 1/20 Instalando a partir do CD Se você recebeu um CD de instalação, rode o programa Instalador que se encontra no raiz do seu CD. Ele vai criar a pasta c:\loureiro

Leia mais

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada.

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada. CONTAS A RECEBER CONSULTA E DE TÅTULOS ARQUIVOS > FINANCEIRO > CONTAS A RECEBER 1. ÅCONES PRINCIPAIS: SAIR LIMPAR LOCALIZAR ALTERAR PARCELA FINANCEIRO IMPRIMIR DESCONTAR BOLETOS ABRIR DOCUMENTO Sair da

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier isupplier Revisão 01 Setembro 2011 Sumário 1 Acesso ao portal isupplier... 03 2 Home Funções da Tela Inicial... 05 3 Ordens de Compra Consultar Ordens de Compra... 07 4 Entregas Consultar Entregas... 13

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 08/12/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.148a REA SSPlus 8.0

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 30/09/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.125a REA SSPlus 8.0

Leia mais

DESCRIÇÃO SUCINTA DO SISTEMA SCAP

DESCRIÇÃO SUCINTA DO SISTEMA SCAP Descrição Sucinta do Sistema - 2 - SUMÁRIO DESCRIÇÃO SUCINTA DO SISTEMA SCAP Light... 3 1 - O que é o Sistema SCAP Light... 3 2 - Características Gerais... 3 3 - Funcionalidades do Sistema SCAP Light...

Leia mais

Gestão inteligente de documentos eletrônicos

Gestão inteligente de documentos eletrônicos Gestão inteligente de documentos eletrônicos MANUAL DE UTILIZAÇÃO VISÃO DE EMPRESAS VISÃO EMPRESAS - USUÁRIOS (OVERVIEW) No ELDOC, o perfil de EMPRESA refere-se aos usuários com papel operacional. São

Leia mais

Curso Contas a Pagar / Receber Avançado

Curso Contas a Pagar / Receber Avançado MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Curso Contas a Pagar / Receber Avançado [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] Material Desenvolvido para a Célula

Leia mais

Modulo 10 FINANCEIRO CGAINFORMÁTICA. Retwin

Modulo 10 FINANCEIRO CGAINFORMÁTICA. Retwin Modulo 10 CGAINFORMÁTICA Retwin FINANCEIRO 2 Financeiro Sumário 8.1 Contas a receber... 3 8.1.1 Manutenção... 3 8.1.2 Relatórios (Contas a receber, recebidas, histórico, posição das contas, recebidas estático)...

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Geral Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema de Almoxarifado

Leia mais

1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS

1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS 1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS O faturamento do posto deve ser ágil e exato, para tanto as funcionalidades básicas que devem ser focadas são as de conferência de documentos e de configuração e validação das informações

Leia mais

MANUAL GESTOR MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail]

MANUAL GESTOR MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail] MANUAL GESTOR [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de e-mail] MANUAL AVANÇO MANUAL INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula de Materiais Autor: Equipe

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO/UTILIZAÇÃO DO PEDIDO ELETRÔNICO

MANUAL DE INSTALAÇÃO/UTILIZAÇÃO DO PEDIDO ELETRÔNICO MANUAL DE INSTALAÇÃO/UTILIZAÇÃO DO PEDIDO ELETRÔNICO 1. INSTALAÇÃO: Antes de iniciar a instalação do pedido eletrônico, entre em contato com o suporte da distribuidora e solicite a criação do código de

Leia mais

Histórico de mudanças no ERP

Histórico de mudanças no ERP 1:11:31 HW Sistemas e Computadores LTDA Data Inicial: 16/08/2014 - Data Final: 29/01/201 - Release 4.0.9.1 CAIXA AUXILIAR 4.0 Correção Correção 1.214 29/01/201 Após quitar parcial um crédito e valor do

Leia mais

Relatórios. Manual. Pergamum

Relatórios. Manual. Pergamum Relatórios Manual Pergamum Manual PER-MAN-005 Estatísticas Circulação de Materiais - Geral Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 1-4 1.1 PESQUISANDO ESTATÍSITICAS E RELATÓRIOS... 1-10 1.2 UTILIZANDO O MÓDULO RELATÓRIOS...

Leia mais

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5

Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 Atualização do Sistema T-Car-Win Versão 1.15.5 O sistema T-Car-Win está sendo atualizado para a versão 1.15.5. Esta versão tem o objetivo de agregar as seguintes funcionalidades ao sistema: Possibilidade

Leia mais

Informativo de Versão 18.09cb

Informativo de Versão 18.09cb Informativo de Versão 18.09cb Índice Resulth Business... 3 Movimento Cobrança Eletrônica / Remessa (Chamado 23025)... 3 Movimento Digitação e Emissão NF-e (Chamado 23538)... 4 Cadastro de Produtos (Chamado

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras

Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica. Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras MÓDULO Básico ÍNDICE Clientes / Fornecedores Comercial Expedição Estoque Compras 03 04 05 06 07 Faturamento Finanças Controle de Crédito Sintegra Cobrança Eletrônica 08 09 10 10 11 Esta apresentação exemplifica

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5

MANUAL DO USUÁRIO. SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5 MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA CONTÁBIL WEB versão: GA2.0.5 Atualizado em: 30/01/2010 Planeta Contábil 2009 Todos os Direitos Reservados (www.planetacontabil.com.br) 1/25 CONSIDERAÇÕES: Este manual é destinado

Leia mais

Table of Contents. WinThor 8. 1 15-Cobrança... Magnética. 1505 - Gerar Arq... Magnético Remessa CNAB 240

Table of Contents. WinThor 8. 1 15-Cobrança... Magnética. 1505 - Gerar Arq... Magnético Remessa CNAB 240 Table of Contents 8 1 15-Cobrança... Magnética 8 1501 - Gerar Arq.... Magnético Remessa CNAB 400 8 Como Gerar... Arquivo Magnético e Imprimir Relatório de Duplicatas 8 Gerar Arquivo Magnético... 10 Imprimir

Leia mais

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO:

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: PG DESPESAS COMO CADASTRAR UMA DESPESA 3 COMO PAGO UMA DESPESA 4 COMO ALTERAR OS DADOS DE UMA DESPESA 6 COMO EXLUIR UMA DESPESA 7 COMO FAÇO

Leia mais

Checklist dos Principais Processos do WinThor Atacado

Checklist dos Principais Processos do WinThor Atacado Checklist dos Principais Processos do WinThor Atacado Após atualizar a versão em ambiente de teste, faça o checklist abaixo executando todas as rotinas listadas. Esta validação dos principais processos

Leia mais

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Painel de recebíveis e Painel de linhas de crédito Versão 1.0 1 As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis

Leia mais

Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital

Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital Passo a Passo dos Relatórios de Venda no Sigla Digital Relatório de Vendas Página 1 de 7 Este é um dos principais módulos do Sigla Digital. Utilizado para gerar relatórios das vendas realizadas pelo Orçamento

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO DO SISTEMA ATUAL. Atende plenamente

LAUDO DE AVALIAÇÃO DO SISTEMA ATUAL. Atende plenamente EMPRESA MODELO LTDA. SOFTWAREHOUSE: PADRÃO INFORMÁTICA S.A. LAUDO DE AVALIAÇÃO DO SISTEMA ATUAL RESUMO GERAL DO SISTEMA Nota do Sistema atual Atende plenamente RESUMO DOS REQUISITOS AVALIADOS NO SISTEMA

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa 1 TRIBUTADA. MANUAL PARA EMISSÃO. 2014. INTRODUÇÃO A Nota Fiscal Eletrônica Avulsa - NF-e avulsa implementada pela Secretaria de Estado da Fazenda do

Leia mais

FS133.1. Sistema: Futura Server. Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa. Referência: FS133.1. Versão: 2016.07.04

FS133.1. Sistema: Futura Server. Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa. Referência: FS133.1. Versão: 2016.07.04 Como Baixar FS133.1 Boletos? Sistema: Futura Server Caminho: Contas a Receber>Boleto>Boleto Baixa Referência: FS133.1 Versão: 2016.07.04 Como Funciona: Esta tela é utilizada para gerar arquivos que informarão

Leia mais

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Cadastro das Contas a Pagar Acesse o módulo FINANCEIRO/

Leia mais

Vamos ver duas telas: Mesa e Itens de uma Mesa, como exemplo.

Vamos ver duas telas: Mesa e Itens de uma Mesa, como exemplo. 41 9 Restaurantes, Pizzarias, Hotéis, Casas Noturnas e similares Aos estabelecimentos como Restaurantes, há os controles de Atendentes, Quartos, Mesas, VIP (Cartões Pessoais de Consumação) e as comissões

Leia mais

Na primeira vez de usar:

Na primeira vez de usar: MANUAL DE USUÁRIO EV2014 Na primeira vez de usar: Veja a figura de estrutura de programa: CLIENTES DESTINATARIO PRODUTOS 2. PEDIDOS CÓDIGO DE TRIBUTOS 1.CADASTRO DE BANCO DE DADOS 3. NOTA FISCAL ELETRÔNICA

Leia mais

Auditoria Financeira

Auditoria Financeira Auditoria Financeira Processo de Uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

- No primeiro campo informe o numero da empresa que serão copiadas as informações.(ex: 9999)

- No primeiro campo informe o numero da empresa que serão copiadas as informações.(ex: 9999) 1 2 1. Duplicação das informações de uma empresa para outra Juntamente com a instalação do sistema Office encaminhamos anexada a empresa modelo, que contem cadastros que podem ser utilizados nas empresas

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário GuiaRápido SistemadeCobrança-Beneficiário GR SistemadeCobrança Beneficiário Índice 1 Introdução... 4 2 Público Alvo... 4 3 Pré-Requisitos... 4 4 Acessando o Sistema de Cobrança... 5 5 Cadastro... 6 5.1

Leia mais

VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE FINALIZAÇÃO: 10 JUN.

VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE FINALIZAÇÃO: 10 JUN. VERSÃO 5.12.0 VERSÃO 5.0.0 FINANCEIRO NEFRODATA ESTOQUE ACD2016 FINALIZAÇÃO: 10 JUN. 13 04 NOV.2014 FEV. 201313 JUN. 2016 PUBLICAÇÃO: Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades

Leia mais

Solicitação de Reposição? FS71.1

Solicitação de Reposição? FS71.1 Como Trabalhar com Solicitação de Reposição? FS71.1 Sistema: Futura Server Caminho: Estoque>Reposição>Reposição Referência: FS71.1 Versão: 2015.9.18 Como Funciona: Esta tela é utilizada para solicitar

Leia mais

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço.

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. O sistema Megga Fransys trabalha em equipe com o revendedor permitindo a execução das rotinas

Leia mais

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1 MANUAL DO USUÁRIO 1 SUMÁRIO Tela de Login... 3 Telas de Atualização e Informação... 3 Cadastro de Clientes... 7 Cadastro de Grupos... 7 Cadastro de Subgrupos... 8 Cadastro de Fornecedores... 8 Cadastro

Leia mais

Aquisição. Manual APC

Aquisição. Manual APC Sumário 1. ORÇAMENTO... 1 1.1 CADASTRO DAS VERBAS...3 1.2 UNIDADE ORGANIZACIONAL...4 1.1.1 Orçamento...6 2. SUGESTÕES DE COMPRA... 1 1.3 ITENS...3 2.1.1 VISUALIZAÇÃO...7 1.4 CONSULTA GERAL E GERAÇÃO DE

Leia mais

MANUAL DEVOLUÇÃO INTEGRADA

MANUAL DEVOLUÇÃO INTEGRADA MANUAL DEVOLUÇÃO INTEGRADA Atualizado em Janeiro/2016 1 INTRODUÇÃO As devoluções de mercadorias ocorrem de DUAS formas: A) Caixa Aberta. Significa devolução de um ou mais itens de um determinado pedido.

Leia mais

Notas de versão. Versão 3.16.1.0

Notas de versão. Versão 3.16.1.0 Notas de versão Sistema Gescor Versão 3.16.1.0 Lançamento Abril/2016 Interface - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - 3 1. Nova interface e usabilidade do sistema.

Leia mais

Klavier Tecnologia da Informação. Klavier Sistemas Integrados. Contas a Pagar

Klavier Tecnologia da Informação. Klavier Sistemas Integrados. Contas a Pagar Klavier Sistemas Integrados Contas a Pagar Versão 3.00.003 2009 1 - Contas a Pagar O módulo Contas a Pagar contém toda a previsão de pagamentos futuros bem como o movimento pago e / ou em aberto da empresa.

Leia mais

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Item MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Página 1.Apresentação... 4 2.Funcionamento Básico... 4 3.Instalando o MCS... 4, 5, 6 4.Utilizando o MCS Identificando

Leia mais

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque. 11.8x. março de 2015. Versão: 5.0

TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque. 11.8x. março de 2015. Versão: 5.0 TOTVS Gestão Hospitalar Manual Ilustrado Movimentações de Estoque 11.8x março de 2015 Versão: 5.0 1 Sumário 1 Introdução... 3 2 Objetivos... 3 3 Movimentações de Estoque... 3 4 Parâmetros... 5 5 Cadastros...

Leia mais

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE?

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? O que é a Nota Fiscal Eletrônica? Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) tem como intuito emitir e armazenar eletronicamente, para fins fiscais,

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Manual de instalação e utilização do programa Faróis Vinco Pedidos

Manual de instalação e utilização do programa Faróis Vinco Pedidos Página 1 de 23 SUMÁRIO 1. Pré-requisitos do computador para instalação do sistema Faróis Vinco Pedidos... 2 2. Instalação do... 3 3. Executando o sistema pela primeira vez... 5 4. Menus do sistema... 6

Leia mais

Acompanhamento e Execução de Projetos

Acompanhamento e Execução de Projetos Acompanhamento e Execução de Projetos Manual do Usuário Atualizado em: 28/11/2013 Página 1/24 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ABRANGÊNCIA DO SISTEMA... 3 3. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 4. COMO ACESSAR O SISTEMA...

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br PARÂMETROS DE LANÇAMENTOS PARAMETRIZAÅÇO PARA O MÉDULO LANÅAMENTOS NO SISTEMA ARQUIVO > LANÅAMENTOS > PARÑMETROS E CONFIGURAÅÖES PREENCHIMENTO DAS GUIAS: 1. GUIA IMPOSTOS: a) Contas relacionadas à apuração

Leia mais

GERA GESTÃO E CONTROLE DE TÍTULOS: parte I

GERA GESTÃO E CONTROLE DE TÍTULOS: parte I Olá! Você verá a seguir um importante treinamento que vai facilitar suas atividades diárias! Ao acessá-lo pela primeira vez, procure assistir até o final. Caso não consiga, você poderá reiniciar de onde

Leia mais

Integração da Digitação de Eventos

Integração da Digitação de Eventos Integração da Digitação de Eventos Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 1 1.2. Conhecendo a Plataforma... 3 1.2.1. Seleção da Empresa... 3 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações...

Leia mais

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 O Mobility Gestão é um software de retaguarda para o segmento de Varejo, visando o controle total do estoque e movimentações de venda. Desenvolvido para trabalhar

Leia mais

Changelog 30/04/2015. Versão 3.0.001

Changelog 30/04/2015. Versão 3.0.001 Versão 3.0.001 Changelog 30/04/2015 RESUMO Parcelamento de itens de atendimento Importação de nota fiscal de fornecedores via arquivo xml Envio de boleto vencido atualizado por e-mail Central de Notificações

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br CONTAS A PAGAR CONSULTA E BAIXA EM CONTAS A PAGAR E CONTAS PAGAS ARQUIVOS > FINANCEIRO > CONTAS A PAGAR 1. CONSULTAS DE LANÅAMENTOS TÇTULOS FILTRO: CONTAS A PAGAR CONTAS PAGAS EXIBIR PRÉ- DATADOS SUSPENSAS

Leia mais

Nº Nome Telefone e-mail. É necessário está conectado com um usuário e senha que tenha permissão para acessar as opções abaixo descritas.

Nº Nome Telefone e-mail. É necessário está conectado com um usuário e senha que tenha permissão para acessar as opções abaixo descritas. PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO - POP Nº 1511.0008 DIRECTA SISTEMAS INTELIGENTES SISTEMA APLWEB DEPARTAMENTO(S) ALMOXARIFADO/EXPEDIÇÂO/DPA MÓDULO/MENU PRODUTOS/SERVIÇOS Versão do Documento Nº 1.0 Data

Leia mais

Alterações liberadas no período 21/09 a 06/10

Alterações liberadas no período 21/09 a 06/10 Alterações liberadas no período 21/09 a 06/10 Foram criados os seguintes relatórios para listagem de comissões de consultores e produtivos: o "Relatório 2058 - Comissão de Serviços por Consultor": Efetua

Leia mais

Manual Espelho de NF para Materiais

Manual Espelho de NF para Materiais Manual Espelho de NF para Materiais Índice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Vendas... 4 5 Acessando o Pedido... 5 5.1 Lista

Leia mais

Importa Danfe e Entrada de Mercadorias Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT?

Importa Danfe e Entrada de Mercadorias Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT? Como lançar nota de entrada manualmente SAT? COMO LANÇAR NOTA DE ENTRADA MANUALMENTE PELO SAT? Entrada de Mercadorias É a reprodução integral de todas as notas de entrada de mercadoria na empresa. A entrada

Leia mais

Síntese de fluxo de máquinas e implementos

Síntese de fluxo de máquinas e implementos Síntese de fluxo de máquinas e implementos Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Objetivo... 3 Parâmetros para utilização do processo... 3 Cadastro

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E (Modelo II) 1 Introdução Este manual apresenta e detalha os procedimentos para a realização do processo

Leia mais

Manual sistema Laundry 4.0

Manual sistema Laundry 4.0 Manual sistema Laundry 4.0 Sistema para serviços de Lavanderia Comércios Empresa responsável Novacorp informática Fone (41) 3013-1006 E-mail marcio@novacorp.com.br WWW.novacorp.com.br Sumario 1 Este manual

Leia mais

Manual de utilização

Manual de utilização Manual de utilização 1 Índice Calendário... 3 Usuários... 4 Contato... 5 Alterar... 5 Excluir... 5 Incluir... 5 Feriados... 9 Nacionais... 9 Regionais... 9 Manutenção... 9 Obrigações... 9 Obrigações Legais...

Leia mais

Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e.

Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e. Conhecimento de Transporte Eletrônico OBJETIVO Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos O CIAF Hotelaria, é um sistema que permite ao administrador, gerenciar completamente sua empresa que presta serviço de hospedagem como hotéis e pousadas por exemplo. Facilmente você poderá cadastrar suas

Leia mais

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir:

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir: Visão Rápida do sistema Administrativo LC O sistema Administrativo LC é um sistema completo para administrar o seu escritório, loja ou comercio em geral. Nosso sistema pode ser customizado a necessidade

Leia mais

ADMINISTRADOR DE ESCRITÓRIO

ADMINISTRADOR DE ESCRITÓRIO Atualizado em 30/01/2013 ADM ADMINISTRADOR DE ESCRITÓRIO Veremos a seguir, algumas das funções do Adm, ajudando assim o melhor aproveito. Na tela abaixo ( Menu ) você encontrará o ícone de acesso ao sistema.

Leia mais

Manual do Visualizador NF e KEY BEST

Manual do Visualizador NF e KEY BEST Manual do Visualizador NF e KEY BEST Versão 1.0 Maio/2011 INDICE SOBRE O VISUALIZADOR...................................................... 02 RISCOS POSSÍVEIS PARA O EMITENTE DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA.................

Leia mais

Tutorial para emissão de NF-e

Tutorial para emissão de NF-e Tutorial para emissão de NF-e Conteúdo 1.Configuração do Módulo de NF-e... 2 1.1.Códigos Fiscais... 3 1.2.Contas Contábeis... 4 1.3.Conta corrente... 6 2.Emissão de NF-e... 8 2.1.Gerar NF-e... 9 2.2.NF-e

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076 Gestor Empresarial - Financeiro Release Versão 1.076 Maio/2013 Produto : AeroSoft Gestor Empresarial - Financeiro Versão : v1.076 Data Liberação : 21/04/2013 A seguir são apresentadas as novas funções

Leia mais

Adicionais. Grupo Acert - 1

Adicionais. Grupo Acert - 1 MÓDULOS Adicionais Grupo Acert - 1 ÍNDICE 1 - ESTOQUE 1.1- Balanço de Estoque 03 2 - FATURAMENTO/FINANCEIRO 2.1- Pagamento Eletrônico (Fornecedores) 2.2- Plug-in Cheque Custódia 06 07 3 - FISCAL e CONTÁBIL

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO (Sistema NFSE) Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br

GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO (Sistema NFSE) Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO () Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br Sumário Configurações iniciais... 3 Acessando o sistema... 3 Alterando a senha de acesso... 3 Cadastrando clientes... 4 Cadastrando

Leia mais

SiplanPRO 07.30 Novas funcionalidades e melhorias da Versão 07.30

SiplanPRO 07.30 Novas funcionalidades e melhorias da Versão 07.30 Novas funcionalidades e melhorias da Versão 07.30 1. Criada a nova tela Consulta de Procurações para visualizar as procurações digitalizadas. Nesta tela é possível pesquisar um cliente de Assessoria pelo

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

TUTORIAL HOMOLOGAÇÃO DE BOLETOS

TUTORIAL HOMOLOGAÇÃO DE BOLETOS Sumário Apresentação... 1 1. Cadastrar Banco... 2 2. Cadastrar Cobrança... 5 3. Permitir Acesso a Cobrança... 7 4. Inserir Dados Integração Bancária... 9 5. Importar Layout... 16 6. Gerar e imprimir boleto...

Leia mais

Manual de Uso do Módulo. MerchFinanças

Manual de Uso do Módulo. MerchFinanças Manual de Uso do Módulo MerchFinanças Bento Gonçalves Julho de 2010 Conteúdo 1. Introdução... 4 2. Menu Cadastros... 5 2.1. Bancos/Contas... 5 2.1.1. Agências... 5 2.1.2. Bancos... 6 2.1.3. Contas... 7

Leia mais

SIGA Manual -1ª - Edição

SIGA Manual -1ª - Edição SIGA Manual -1ª - Edição ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 4 2. MÓDULO DE PROCESSOS 4 3. ACESSO AO SISTEMA 4 3.1 Acessando o Sistema 4 3.2 Primeiro Acesso 5 3.3 Login do Fornecedor 5 o Teclado Virtual 5 o Máquina Virtual

Leia mais

Nova tela de relatórios

Nova tela de relatórios Nova tela de relatórios A tela de Relatórios do sistema foi remodelada com a finalidade de deixá-la mais intuitiva. Agora são menos agrupamentos de relatórios e cores separam os tipos de relatórios. Além

Leia mais

PROCEDIMENTO DO CLIENTE

PROCEDIMENTO DO CLIENTE PROCEDIMENTO DO CLIENTE Título: Manual da Loja Virtual. Objetivo: Como anunciar produtos e acompanhar as vendas. Onde: Empresa Quem: Cliente Quando: Início Através deste manual, veremos como anunciar e

Leia mais

Pergunte à CPA. Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência

Pergunte à CPA. Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência 30/04/2013 Pergunte à CPA Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência Apresentação: Helen Mattenhauer Oliveira 2 Conceito de Contingência para a NF- e A contingência é apenas de comunicação ou de

Leia mais

5 EDI - As montadores e suas distribuidoras

5 EDI - As montadores e suas distribuidoras 77 5 EDI - As montadores e suas distribuidoras No mundo, o setor automobilístico passa por uma forte transformação decorrente do processo de globalização associado à revolução tecnológica, que vem alterando

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais