CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO INTERMEDIÁRIO DE CAPACITAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA OS NITs

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO INTERMEDIÁRIO DE CAPACITAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA OS NITs"

Transcrição

1 1

2 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO INTERMEDIÁRIO DE CAPACITAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA OS NITs 17 a 21 de setembro de 2007 JUSTIFICATIVA: Este Curso está sendo realizado com base em um Protocolo de Intenções assinado entre o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e a Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia do Paraná (SETI), por intermédio da Agência Paranaense de Propriedade Industrial APPI e da Rede Paranaense de Propriedade Intelectual, com o objetivo de capacitar recursos humanos para as atividades de difusão dos sistemas de propriedade industrial e de disseminação da importância da informação tecnológica contida nos documentos de. PÚBLICO ALVO Gestores de tecnologia dos Núcleos de Inovação Tecnológica NITs do Estado do Paraná. CARGA HORÁRIA 40 horas REALIZAÇÃO: REDE PARANAENSE DE GESTÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL Data: 17 a 21 de setembro de Horário: 08:00 às 18:00 horas. LOCAL: SETI / TECNOCENTRO Rua Prefeito Lothário Meissner, Jardim Botânico Curitiba Paraná 2

3 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE CAPACITAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA OS NITs OBJETIVO: Apresentar uma visão dos aspectos legais que envolvem a Propriedade Intelectual para os Núcleos de Inovação Tecnológica do Estado do Paraná, com ênfase na sua importância como agente estratégico no processo da proteção ao conhecimento, contribuindo para a inovação e o desenvolvimento nacional. QUADRO DE HORÁRIOS Intermediário 17 a 21 de setembro de 2007 segunda terça-feira quarta-feira quinta-feira sexta-feira em áreas especificas (mecânica ou biotecnologia) em áreas especificas (mecânica ou biotecnologia) Transferência de tecnologia Transferência de tecnologia almoço almoço Almoço almoço almoço PCT PCT 3

4 REDAÇÃO DE PATENTES (16 horas) Introdução Dispositivos legais: artigos 24, 25, 41 e 50 Ato Normativo 127 Grupos de trabalho para redação de pedidos de patente Exemplo I Grupos de trabalho para redação de pedidos de patente Exemplo II Apresentação dos grupos de trabalho Discussão e avaliação PATENTES EM ÁREAS ESPECÍFICAS (4 horas) Matérias passíveis de proteção Ressalvas da Lei PCT (4 horas) Noções Básicas sobre PCT Fundamentos e Objetivos Brasil Receptor, Brasil Designado Vantagens e Desvantagens TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA (4 horas) Conceito de tecnologia; Transferência de tecnologia; o Modalidades; o Conceito; o O contrato; Evolução da Legislação sobre Transferência de Tecnologia; o Fase Inicial; o A criação do INPI; A Diretoria de Contratos; A Lei 5772/71 O Ato Normativo nº 15 e outros normativos importantes; o As reformas; De 1989 a 1996 Após

5 Instrumentos jurídicos atualmente utilizados; o Legislação de propriedade Intelectual; o Legislação de comércio Exterior e capital estrangeiro; o Legislação tributária; o Legislação antitruste; O papel do INPI na averbação dos contratos e os efeitos da averbação na legislação brasileira; O Ato Normativo nº135/97 o Averbação ou registro Tipos de contrato; Conteúdo dos contratos e principais cláusulas; o Serviço de apoio prestado pela Diretoria de Contratos; Processo de negociação de contratos; Alguns indicadores. BUSCA EM BANCOS DE PATENTES (12 horas) Importância da Informação Tecnológica o Rastreamento de novas tecnologias o Prospecção tecnológica o Monitoramento de concorrentes o Importância para a competitividade Documentos de Patente o Sua estrutura o Códigos INID (internationally agreed Numbers for the Identification of Data) o Indexação o Referências Recuperação de dados nos acervos de o Demonstração com exemplos práticos o Aula Prática Recuperação De Dados Nos Bancos Virtuais 5

6 INTEGRANTES DA REDE PARANAENSE DE GESTÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL Faculdades Curitiba FIEP/SENAI/NOPI Núcleo de Orientação em PI IAPAR - Instituto Agronômico do Paraná IEP - Instituto de Engenharia do Paraná LACTEC - Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento PTI BRASIL - Fundação Parque Tecnológico Itaipu PUC-PR - Pontifícia Universidade Católica do Paraná. REPARTE - Rede Paranaense de Incubadoras e Parques Tecnológicos TECPAR/APPI - Instituto de Tecnologia do Paraná/Agência Paranaense de Propriedade Industrial UEL/ INTUEL - Universidade Estadual de Londrina/ Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da UEL UEPG - Universidade Estadual de Ponta Grossa. UEM - Universidade Estadual de Maringá. UENP - Universidade Estadual do Norte do Paraná UFPR - Universidade Federal do Paraná. UNICENTRO - Universidade Estadual do Centro-Oeste UNIOESTE - Universidade Estadual do Oeste do Paraná UTFPR - Universidade Tecnológica Federal do Paraná UTP - Universidade Tuiuti do Paraná 6

II WORKSHOP TEMAS DIVERSOS DA PROPRIEDADE INTELECTUAL

II WORKSHOP TEMAS DIVERSOS DA PROPRIEDADE INTELECTUAL II WORKSHOP TEMAS DIVERSOS DA PROPRIEDADE INTELECTUAL OBJETIVO: disseminar a cultura da proteção do conhecimento nas Instituições paranaenses de P, D e I. CARGA HORÁRIA: 3:45 horas REALIZAÇÃO: SECRETARIA

Leia mais

X Encontro de Propriedade Intelectual e Comercialização de Tecnologia. Redes de Propriedade Intelectual no Brasil

X Encontro de Propriedade Intelectual e Comercialização de Tecnologia. Redes de Propriedade Intelectual no Brasil Rede Temática de Propriedade Intelectual, Cooperação,Negociação e Comercialização de Tecnologia X Encontro de Propriedade Intelectual e Comercialização de Tecnologia Redes de Propriedade Intelectual no

Leia mais

CURSO SOBRE LEI DE INOVAÇÃO

CURSO SOBRE LEI DE INOVAÇÃO CURSO SOBRE LEI DE INOVAÇÃO 27 a 29 de fevereiro de 2008 Local: SETI / NITPAR Av. Prefeito Lothário Meissner, 350 Jardim Botânico CURITIBA - PR Apoio: Realização: 1 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO SOBRE

Leia mais

CARGA HORÁRIA: 40 horas QUADRO DE HORÁRIOS. Segunda 05/04. Terça 06/04. Quarta 07/04. Quinta 08/04. Sexta 09/04. Horário.

CARGA HORÁRIA: 40 horas QUADRO DE HORÁRIOS. Segunda 05/04. Terça 06/04. Quarta 07/04. Quinta 08/04. Sexta 09/04. Horário. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 05 a 09 de abril de 2010 Centro de Treinamento do INPI- Praça Mauá, 07/ 10 o andar, RJ Informações: cursos@inpi.gov.br

Leia mais

CURSO DE INTRODUÇÃO À PROPRIEDADE INTELECUAL REPITTec

CURSO DE INTRODUÇÃO À PROPRIEDADE INTELECUAL REPITTec CURSO DE INTRODUÇÃO À PROPRIEDADE INTELECUAL REPITTec Período: 09 a 13 de Julho de 2012 Local: UNEB: Universidade Estadual da Bahia Endereço: Rua Silveira Martins, 2555 Cabula. Salvador - BA I. OBJETIVO

Leia mais

LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista

LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista INSTITUIÇÃO CURSO NOTA DA CAPES CENTRO UNIVERSITÁRIO CAMPOS DE ANDRADE (UNIANDRADE)

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 31 de agosto a 04 de setembro de 2009 UNESP BAURU- SP

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 31 de agosto a 04 de setembro de 2009 UNESP BAURU- SP CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 31 de agosto a 04 de setembro de 2009 UNESP BAURU- SP OBJETIVO: Apresentar uma visão atualizada dos mecanismos

Leia mais

13 a 17 de setembro. Terça 14/09. Quarta 15/09. Desenho Industrial. Patentes I. Desenho Industrial. Patentes I. Indicação Geográfica

13 a 17 de setembro. Terça 14/09. Quarta 15/09. Desenho Industrial. Patentes I. Desenho Industrial. Patentes I. Indicação Geográfica CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA Local: Auditório Dr. Henrique Mello- Universidade Corporativa do Sistema Eletrobras (Unise), Edifício Sede da

Leia mais

Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Estrutura Organizacional Seti CIÊNCIA e TECNOLOGIA C&T ENSINO SUPERIOR Tecpar Simepar Fundação Araucária IEES UNIVERSIDADES E FACULDADES UGF

Leia mais

Curso Geral Módulo EaD DL 101P BR

Curso Geral Módulo EaD DL 101P BR Curso Geral Módulo EaD DL 101P BR OBJETIVO: Apresentar uma visão atualizada dos mecanismos de proteção das criações intelectuais, enfocando o arcabouço legal brasileiro e as atribuições do INPI. CARGA

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 13 a 17 de abril de 2009 São João Del-Rei- MG

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 13 a 17 de abril de 2009 São João Del-Rei- MG CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO BÁSICO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA GESTORES DE TECNOLOGIA 13 a 17 de abril de 2009 São João Del-Rei- MG OBJETIVO: Apresentar uma visão atualizada dos mecanismos de proteção

Leia mais

O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná

O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná III Workshop sobre Ensino de IHC Cuiabá 05/11/2012 IHC 12 O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná Sílvia Amélia Bim e Clodis Boscarioli

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DA PREVIDÊNCIA DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS GERÊNCIA EXECUTIVA DA ESCOLA DE GOVERNO - 2009 MAR ABR MAI

SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DA PREVIDÊNCIA DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS GERÊNCIA EXECUTIVA DA ESCOLA DE GOVERNO - 2009 MAR ABR MAI REUNIÕES DELIBERATIVAS, PROGRAMÁTICAS E TÉCNICAS CONSELHO SUPERIOR DA ESCOLA DE GOVERNO 1 1 1 2 CENTROS FORMADORES, RAS INSTITUIÇÕES 2 2 7 4 15 CÂA TÉCNICA - PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO DO SERVIDOR MUNICIPAL

Leia mais

REGULAMENTO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UTFPR CAPÍTULO I DA FINALIDADE E LEGISLAÇÃO DE REFERÊNCIA

REGULAMENTO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UTFPR CAPÍTULO I DA FINALIDADE E LEGISLAÇÃO DE REFERÊNCIA REGULAMENTO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UTFPR CAPÍTULO I DA FINALIDADE E LEGISLAÇÃO DE REFERÊNCIA Art. 1º O presente Regulamento tem por finalidade regulamentar as atividades de propriedade intelectual

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2008

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2008 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2008 1 MISSÃO Promover a proteção dos conhecimentos gerados e desenvolvidos na Universidade, aproximando a produção científica de suas aplicações práticas e mercadológicas, transformando

Leia mais

Estratégias de Proteção e Comercialização dos Resultados de Pesquisas de Universidades e Centros de P&D: Redação de Patentes Avançado

Estratégias de Proteção e Comercialização dos Resultados de Pesquisas de Universidades e Centros de P&D: Redação de Patentes Avançado P FÓRUM NACIONAL DE GESTORES DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA GESTÃO DE ATIVOS DE PI WIPO/PI/BR15 ORIGINAL: ENGLISH DATA: MAIO, 2015 Estratégias de Proteção e Comercialização dos Resultados de

Leia mais

II WTR PoP-PR. II Workshop de Tecnologia de Redes Ponto de Presença da RNP no Paraná

II WTR PoP-PR. II Workshop de Tecnologia de Redes Ponto de Presença da RNP no Paraná II WTR PoP-PR II Workshop de Tecnologia de Redes Ponto de Presença da RNP no Paraná Data: 17 e 18 de setembro de 2015 Local: Salão Nobre do Edifício da Administração na Universidade Federal do Paraná Centro

Leia mais

Coordenadoria de Propriedade Intelectual da Secretaria de Negócios

Coordenadoria de Propriedade Intelectual da Secretaria de Negócios Coordenadoria de Propriedade Intelectual da Secretaria de Negócios Coordenadoria de Propriedade Intelectual Apresentação dos Analistas Processo Interno O que fazemos Gestão do processo de acesso, coleta

Leia mais

RESOLUÇÃO UNIV N o 31 DE 27 DE JULHO DE 2011.

RESOLUÇÃO UNIV N o 31 DE 27 DE JULHO DE 2011. RESOLUÇÃO UNIV N o 31 DE 27 DE JULHO DE 2011. Aprova o novo Regulamento da Agência de Inovação e Propriedade Intelectual da Universidade Estadual de Ponta Grossa, e revoga a Resolução UNIV n o 27, de 20

Leia mais

GOVERNO DO PARRANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO

GOVERNO DO PARRANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO GOVERNO DO PARRANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO PAR-FORMAÇÃO DOCUMENTO 2 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DEMANDAS E PROPOSTA PARA O ATENDIMENTO DAS PRIORIDADES ESTADUAIS DE FORMAÇÃO

Leia mais

1. Preâmbulo. nas áreas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado.

1. Preâmbulo. nas áreas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado. EDITAL Nº 04/03 Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Unidade Gestora do Fundo Paraná Programa Universidade sem Fronteiras SETI USF Subprograma Incubadora dos Direitos Sociais -

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONCESSÃO BPT 3 REGIÃO NORTE

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONCESSÃO BPT 3 REGIÃO NORTE UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONCESSÃO BPT 3 REGIÃO NORTE MESTRADO CLIMA E AMBIENTE (INPA - UEA) 4 4 27 5 0 22 27 100,00% 8 0 8 0,00% 40,91% MEDICINA TROPICAL 3 4 36 17 7 10 34 94,44% 6 3 9 11,76%

Leia mais

Profª.. MSc. Silvana Pimentel de Oliveira Manaus/2009

Profª.. MSc. Silvana Pimentel de Oliveira Manaus/2009 Profª.. MSc. Silvana Pimentel de Oliveira Manaus/2009 SECT- AM: Missão e Diretrizes A SECT foi criada para formular e gerir políticas estaduais de C&T buscando articular os esforços os de fazer com que

Leia mais

Não dá direito ao Registro no CRQ

Não dá direito ao Registro no CRQ Instituição Curso Situação Apogeu - CEPC - Centro Educação Tecnológica Cascavel Técnica Ambiental Ênfase em Águas e Resíduos CEEP Centro de Educação Profissional de Curitiba Técnico em Química Industrial

Leia mais

Programa Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação CURSO

Programa Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação CURSO CURSO Capacitação Empresarial em Gestão da Inovação, Inteligência de Negócios, Propriedade Intelectual e Internacionalização de Empresas Datas e Locais: 16 e 17 de abril: das 8:30 às 17:15 Endereço: Av.

Leia mais

Inserção Internacional dos NITs Brasileiros

Inserção Internacional dos NITs Brasileiros Inserção Internacional dos NITs Brasileiros Denise Gregory Diretora de Cooperação para o Desenvolvimento INPI Seminário ETT/PUC-RS: Um decênio da história na gestão de PI e Transferência de Tecnologia

Leia mais

CURSO GERAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL À DISTÂNCIA DL 101P BR

CURSO GERAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL À DISTÂNCIA DL 101P BR CURSO GERAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL À DISTÂNCIA DL 101P BR OBJETIVO: Apresentar uma visão global e atualizada dos mecanismos de proteção das criações intelectuais, enfocando o arcabouço legal brasileiro

Leia mais

Gestão da Propriedade Industrial

Gestão da Propriedade Industrial Gestão da Propriedade Industrial ZEA DUQUE VIEIRA LUNA MAYERHOFF Rio de Janeiro Julho/2009 Sistema de Propriedade Intelectual Consiste em um conjunto de instrumentos importantes para o processo de Inovação:

Leia mais

Biotecnologia Ambiental

Biotecnologia Ambiental Ambiental 1º MÓDULO 27 28 29 (AGOSTO) Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira (27/08) Sexta-feira (28/08) Sábado (29/08) //Marco //Marco Ambiental 2º MÓDULO 17 18 19 (SETEMBRO) Segunda-feira

Leia mais

Abril / 2016. 25 Segunda-feira 17h, 18h e 19h 25 e 26/04. 27 Quarta-feira 17h, 18h e 19h 27 e 28/04. 29 Sexta-feira 17h, 18h e 19h 29/04 e 02/05

Abril / 2016. 25 Segunda-feira 17h, 18h e 19h 25 e 26/04. 27 Quarta-feira 17h, 18h e 19h 27 e 28/04. 29 Sexta-feira 17h, 18h e 19h 29/04 e 02/05 Cursos Abril / 2016 25 Segunda-feira 17h, e 19h 25 e 26/04 27 Quarta-feira 17h, e 19h 27 e 28/04 29 Sexta-feira 17h, e 19h 29/04 e 02/05 Cursos Maio / 2016 02 Segunda-feira 17h, e 19h 02 e 03/05 04 Quarta-feira

Leia mais

Palestrante: Lucimara Oldani Taborda Coimbra

Palestrante: Lucimara Oldani Taborda Coimbra Apresentação: Capacitar e formar servidores e gestores públicos ampliando seus conhecimentos de forma prática para tornar para tornar mais ágeis as Contratações Públicas. Legislação Pregão: Lei n.º 10.520/02,

Leia mais

A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DE GEOGRAFIA NO PARANÁ ATRAVÉS DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL (PDE)

A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DE GEOGRAFIA NO PARANÁ ATRAVÉS DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL (PDE) A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DE GEOGRAFIA NO PARANÁ ATRAVÉS DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL (PDE) INTRODUÇÃO Ana Claudia Biz anaclaudiabiz@yahoo.com.br UNIOESTE-FBE O texto que segue

Leia mais

PROGRAMA DE MESTRADO EM BIOENERGIA Área de concentração Biocombustiveis

PROGRAMA DE MESTRADO EM BIOENERGIA Área de concentração Biocombustiveis PROGRAMA DE MESTRADO EM BIOENERGIA Área de concentração Biocombustiveis IAPAR EMBRAPA TECPAR TECPAR INSTITUIÇÕES ASSOCIADAS: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA-PR) Instituto Agronômico

Leia mais

RELATÓRIO DO ENCONTRO DE PESQUISADORES ENVOLVIDOS COM INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NA UFPEL

RELATÓRIO DO ENCONTRO DE PESQUISADORES ENVOLVIDOS COM INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NA UFPEL RELATÓRIO DO ENCONTRO DE PESQUISADORES ENVOLVIDOS COM INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NA UFPEL No dia 06 de fevereiro de 0, às h, reuniram-se, no Auditório do Prédio B da Epidemiologia, alguns pesquisadores

Leia mais

Cooperação Técnica para Modernização dos Serviços Relativos à Propriedade Industrial

Cooperação Técnica para Modernização dos Serviços Relativos à Propriedade Industrial Programa 0393 PROPRIEDADE INTELECTUAL Objetivo Garantir a propriedade intelectual e promover a disseminação de informações, visando estimular e diversificar a produção e o surgimento de novas tecnologias.

Leia mais

PARANÁ FALA INGLÊS NA UEPG: PERSPECTIVAS E DEFASIOS PARA A MOBILIDADE INTERNACIONAL

PARANÁ FALA INGLÊS NA UEPG: PERSPECTIVAS E DEFASIOS PARA A MOBILIDADE INTERNACIONAL 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( X) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO (

Leia mais

FACULDADE ESTADUAL DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE UNIÃO DA VITÓRIA FAFI (09 PROJETOS APROVADOS)

FACULDADE ESTADUAL DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE UNIÃO DA VITÓRIA FAFI (09 PROJETOS APROVADOS) Municípios onde acontecem as atividades do Programa de Extensão Universidade Sem Fronteiras, relacionados às respectivas Instituições proponentes dos projetos aprovados FACULDADE ESTADUAL DE FILOSOFIA,

Leia mais

RESOLUÇÃO CA N o 353 DE 17 DE OUTUBRO DE 2011.

RESOLUÇÃO CA N o 353 DE 17 DE OUTUBRO DE 2011. RESOLUÇÃO CA N o 353 DE 17 DE OUTUBRO DE 2011. Aprova a assinatura do Termo de Cooperação Técnica a ser celebrado entre a Secretaria de Estado da Justiça SEJU, a Secretaria de Estado do Planejamento e

Leia mais

Divulgação de Tecnologias

Divulgação de Tecnologias Divulgação de Tecnologias Marcus Julius Zanon Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior SETI Instituto de Tecnologia do Paraná - TECPAR Núcleo de Inovação Tecnológica do Paraná - NITPAR Coordenado

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL - PET 7 INSTITUIÇÕES 370 GRUPOS REGIÃO NORTE - 8 INSTITUIÇÕES

Leia mais

Glauco Arbix Observatório da Inovação Instituto de Estudos Avançados - USP. Senado Federal Comissão de infra-estrutura Brasília, 10.08.

Glauco Arbix Observatório da Inovação Instituto de Estudos Avançados - USP. Senado Federal Comissão de infra-estrutura Brasília, 10.08. No mundo mundo de hoje, é preciso preciso correr muito pra ficar no mesmo mesmo lugar. (Rainha (Rainha Vermelha Vermelha para a Alice) Glauco Arbix Observatório da Inovação Instituto de Estudos Avançados

Leia mais

Lei de Inovação, Universidades e Núcleos de Inovação

Lei de Inovação, Universidades e Núcleos de Inovação Lei de Inovação, Universidades e Núcleos de Inovação Prof. Oswaldo Massambani Diretor A Política de Desenvolvimento Produtivo Autonomia Universitária 24º. 25º. 3º. 4º. 5º. 7º. 8º. 9º. 10º. 23º. 1º. 2º.

Leia mais

Estruturação do setor de Propriedade Intelectual na UFAM NIT UFAM Manaus, 29/09/2006 Missão Promover e apoiar o conhecimento gerado e desenvolvido na UFAM, para que possa ser disseminado e disponibilizado

Leia mais

OS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A PÓS- GRADUAÇÃO DO NORDESTE

OS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A PÓS- GRADUAÇÃO DO NORDESTE OS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A PÓS- GRADUAÇÃO DO NORDESTE Maria Rita de Morais Chaves Santos (UFPI) Coordenação Regional FORTEC NE Coordenação NIT UFPI REDE NIT - NE Mrita/ufpi/2008 PERFIL Maria

Leia mais

GESTÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE TECNOLOGIA INPI/DIRTEC/CGTEC

GESTÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE TECNOLOGIA INPI/DIRTEC/CGTEC GESTÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE TECNOLOGIA INPI/DIRTEC/CGTEC 1 INTRODUÇÃO APRESENTAÇÃO Contexto do módulo Gestão e Comercialização de Tecnologia Serviços de apoio da DIRTEC/CGTEC Perspectivas de análise da

Leia mais

3.260.292 habitantes Taxa crescimento População: 2% (8 anos) IDH: 0,824 26 municípios

3.260.292 habitantes Taxa crescimento População: 2% (8 anos) IDH: 0,824 26 municípios Números Curitiba 1.828.092 habitantes TaxaCrescimentoPopulação: 1,8% (8 anos) TaxaCrescimentoAnualPIB: 3,8% (5 anos) PIB 2008 (estimado): R$ 39,2 bi (US$ 20 bi) 5º PIB do Brasil PIB per Capita: R$ 21.447

Leia mais

Escala horária de propaganda em rede para televisão 08/10/2010 a 29/10/2010

Escala horária de propaganda em rede para televisão 08/10/2010 a 29/10/2010 Justiça Eleitoral Página 1 de 5 Cargo: Presidente Data da propaganda: 08/10/2010 SEXTA-FEIRA PARA O BRASIL SEGUIR MUDANDO 13:00:00 13: 20:30:00 20:40:00 O Brasil Pode Mais 13: 13:20:00 20:40:00 20:50:00

Leia mais

CALENDÁRIO DE AVALIAÇÕES 1º PERÍODO LETIVO AV2 6º ANO

CALENDÁRIO DE AVALIAÇÕES 1º PERÍODO LETIVO AV2 6º ANO 6º ANO 17/04 quarta-feira Ciências 18/04 quinta-feira 19/04 sexta-feira Informática 25/04 quinta-feira Matemática 26/04 sexta-feira Inglês 29/04 segunda-feira Historia 30/04 terça-feira Geografia Música

Leia mais

CATÁLOGO DE PATENTES DAS INSTITUIÇÕES DE PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DO PARANÁ

CATÁLOGO DE PATENTES DAS INSTITUIÇÕES DE PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DO PARANÁ 1 ORGANIZADORES ARIANE MARCELA CÔRTES KELEN SBOLLI MARCUS JULIUS ZANON COLABORADORES LEANDRO CÉSAR MOREIRA SANTOS MARIA LUIZA STEFANELO SANDRA DO CARMO CATÁLOGO DE PATENTES DAS INSTITUIÇÕES DE PESQUISA,

Leia mais

Universidade Estadual de Ponta Grossa COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO CPS COMISSÃO UNIVERSIDADE PARA OS ÍNDIOS CUIA

Universidade Estadual de Ponta Grossa COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO CPS COMISSÃO UNIVERSIDADE PARA OS ÍNDIOS CUIA CERTIDÃO Certifico que o presente Edital foi afixado no mural da CPS Campus Uvaranas Prédio da Reitoria próximo a sala 110, no dia 15/08/2011. EDITAL N.º 001/2011 CUIA Publica vagas e procedimentos relativos

Leia mais

MARINHA DO BRASIL SECRETARIA DE CIÊNCIA, TECNOLOGIAE INOVAÇÃO DA MARINHA NORMAS PARA PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL NA MB

MARINHA DO BRASIL SECRETARIA DE CIÊNCIA, TECNOLOGIAE INOVAÇÃO DA MARINHA NORMAS PARA PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL NA MB Anexo(5), da Port nº 26/2011, da SecCTM MARINHA DO BRASIL SECRETARIA DE CIÊNCIA, TECNOLOGIAE INOVAÇÃO DA MARINHA NORMAS PARA PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL NA MB 1 PROPÓSITO Estabelecer orientações

Leia mais

Carga horária: 648 horas

Carga horária: 648 horas Programa do curso MBA Gestão da Inovação em Saúde Carga horária: 648 horas 1 14 Ciclo Inovação, Propriedade Intelectual e Transferência [de Tecnologia Carga horária: 216 horas 15 MÊS MÓDULO TEMA PERÍODOS

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS período

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS período ANEXO IV (apenas para os aprovados e após a entrada na incubação) QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS período *Obrigatório Parte superior do formulário Responsável pelas Informações: * Informações

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE PATENTES DO JAPÃO

ADMINISTRAÇÃO DE PATENTES DO JAPÃO ADMINISTRAÇÃO DE PATENTES DO JAPÃO PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE FORMADORES WIPO/SMES/LIS/14/INF/1 PROV ORIGINAL: INGLÊS DATA: 28 DE JANEIRO DE 2014 Programa de Formação de Formadores sobre a Gestão Eficaz de

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS PERÍODO

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS PERÍODO ANEXO IV QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS PERÍODO *Obrigatório Parte superior do formulário Responsável pelas Informações: * Informações Básicas A empresa Nome/ Razão Social da Empresa:

Leia mais

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria Relações Empresariais e Comunitárias Agência de Inovação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria Relações Empresariais e Comunitárias Agência de Inovação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria Relações Empresariais e Comunitárias Agência de Inovação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria Relações Empresariais e Comunitárias

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013.

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013. REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013. PALMAS-TO MARÇO 2013 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 2 DA CATEGORIA... 2 FINALIDADE E OBJETIVOS...

Leia mais

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015 CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE ENERGIAS INTELIGENTES E FEIRA TECNOLÓGICA EDIÇÃO 2015 SUMÁRIO EXECUTIVO Data do Evento: 19 a 21 de outubro de 2015 Local: Hotel Bourbon Cataratas Convention & Spa / Foz do

Leia mais

Propriedade Intelectual e Inovação: Proteção para a valorização do conhecimento. Manaus, 29 de Maio de 2012

Propriedade Intelectual e Inovação: Proteção para a valorização do conhecimento. Manaus, 29 de Maio de 2012 Propriedade Intelectual e Inovação: Proteção para a valorização do conhecimento Manaus, 29 de Maio de 2012 Propriedade Intelectual= direito, outorgado pelo Estado por meio de leis específicas, por um prazo

Leia mais

Biotecnologia Agroalimentar/Agroindustrial

Biotecnologia Agroalimentar/Agroindustrial /Agroindustrial 1º MÓDULO 27 28 29 (AGOSTO) Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira (27/08) Sexta-feira (28/08) Sábado (29/08) II: II: /Agroindustrial 2º MÓDULO 17 18 19 (SETEMBRO) Segunda-feira

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO

ESPECIALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO CONCEPÇÃO DO CURSO O curso de Pós-graduação Lato Sensu Especialização em Propriedade Intelectual e Inovação faz parte do Programa de Capacitação dos

Leia mais

= EDITAL Nº 001/2014 - PPGB =

= EDITAL Nº 001/2014 - PPGB = = EDITAL Nº 001/2014 - PPGB = O Coordenador Geral do Programa de Pós-Graduação em Bioenergia Associação em Rede, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais. COMUNICA a abertura das inscrições

Leia mais

Estratégias de Comercialização de Ativos Intangíveis: formação de gestores. Rio de Janeiro, RJ 28 de Novembro, 2012

Estratégias de Comercialização de Ativos Intangíveis: formação de gestores. Rio de Janeiro, RJ 28 de Novembro, 2012 Estratégias de Comercialização de Ativos Intangíveis: formação de gestores Rio de Janeiro, RJ 28 de Novembro, 2012 Apresentação A OMPI O Brasil Formação de Gestores de Tecnologia e PI no Brasil parcerias

Leia mais

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013 Ministério da Educação - MEC Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes Diretoria de Avaliação - DAV Coordenação Geral de Avaliação e Acompanhamento - CGAA Propostas de

Leia mais

Ata da Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Distribuição de Cadáveres - CEDC. Reunião do dia 11 de julho de 2012

Ata da Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Distribuição de Cadáveres - CEDC. Reunião do dia 11 de julho de 2012 Ata da Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Distribuição de Cadáveres - CEDC. Reunião do dia 11 de julho de 2012 Aos onze dias do mês de julho do ano de dois mil e doze, às nove horas, na Secretaria

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS Art. 1 o. O Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia - NITTEC é um Órgão Executivo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS SENADO FEDERAL - 2012

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS SENADO FEDERAL - 2012 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS SENADO FEDERAL - 2012 Reitor João Carlos Gomes / Universidade Estadual de Ponta Grossa-Paraná Presidente/ ABRUEM FINANCIAM FINANCIAMENTO

Leia mais

PI Brasil e BRICS: A Construção de uma Agenda de Inserção Internacional do Sistema Brasileiro de PI

PI Brasil e BRICS: A Construção de uma Agenda de Inserção Internacional do Sistema Brasileiro de PI PI Brasil e BRICS: A Construção de uma Agenda de Inserção Internacional do Sistema Brasileiro de PI Jorge de P. C. Avila Presidente do INPI FIERGS Novembro de 2011 1. Contexto A institucionalidade da PI

Leia mais

O ensino de jornalismo e as novas Tecnologias da Informação e da Comunicação: desafios para o século XXI 1

O ensino de jornalismo e as novas Tecnologias da Informação e da Comunicação: desafios para o século XXI 1 O ensino de jornalismo e as novas Tecnologias da Informação e da Comunicação: desafios para o século XXI 1 Luis Otávio DIAS 2 Rosa Maria Cardoso DALLA COSTA 3 Universidade Federal do Paraná, Curitiba,

Leia mais

Busca do equilíbrio ACADEMIA

Busca do equilíbrio ACADEMIA Busca do equilíbrio Conquistar sustentabilidade financeira e qualificar recursos humanos são alguns dos principais objetivos dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) no Brasil POR CAMILA AUGUSTO Ilustrações:

Leia mais

Prof. Dr. José Marques Filho

Prof. Dr. José Marques Filho CURSO Professor: Prof. Dr. José Marques Filho Carga Horária: 40 horas Data: De 05 de agosto à 09 de agosto de 2013. LOCAL DO CURSO: Instituto de Engenharia do Paraná IEP Rua Emiliano Perneta, 174 CEP:

Leia mais

U S P I n o v a ç ã o

U S P I n o v a ç ã o O contexto Nacional e Estadual em prol da Inovação Autonomia Universitária 3º. 4º. 5º. 24º. 25º. 7º. 8º. 9º. 10º. 23º. 21º. 22º. 1º. 2º. 11º. 12º. 13º. 14º. 15º. 16º. 17º. 18º. 19º. 20º. A USP nesse contexto

Leia mais

Profa. Dra. Cristina Castro Lucas de Souza Depieri

Profa. Dra. Cristina Castro Lucas de Souza Depieri Inovação e Tecnológia na Gestão Pública Profa. Dra. Cristina Castro Lucas de Souza Depieri Doutorado em Administração (UnB) Mestrado em Contabilidade e Controladoria (UFMG) Graduação em Ciências Contábeis

Leia mais

Movimento Paraná Educando na Sustentabilidade

Movimento Paraná Educando na Sustentabilidade Movimento Paraná Educando na Sustentabilidade Sumário 1. Apresentação 4 2. Bases conceituais para o Movimento 6 2.1 Carta da Terra 6 2.2. Carta do Milênio 7 2.3. Pacto Global 8 2.3.1 PRME 9 2.3.1.1 Princípios

Leia mais

Política Industrial, transferência de tecnologia e propriedade industrial

Política Industrial, transferência de tecnologia e propriedade industrial Política Industrial, transferência de tecnologia e propriedade industrial Introdução aos debates Jorge de Paula Costa Avila VII REPICT Rio de Janeiro 14 de julho de 2004 Política Industrial, Competitividade

Leia mais

Apresentação de Resultados dos Núcleos de Inovação Tecnológica dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - IFSUDETEMG

Apresentação de Resultados dos Núcleos de Inovação Tecnológica dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - IFSUDETEMG Apresentação de Resultados dos Núcleos de Inovação Tecnológica dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - IFSUDETEMG Diretoria Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia NITTEC IF

Leia mais

Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional

Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional Gestão do Conhecimento Corporativo: a experiência da Itaipu Binacional I Simpósio de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciência da Informação Universidade Estadual de Londrina - UEL Londrina 06 de março de 2010

Leia mais

NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA

NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS PARA IMPLEMENTAÇÃO DOS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NOS INSTITUTOS QUE OPERAM NO ÂMBITO DA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CONTRATO 189-01/2012 RELATÓRIO 1 30.09.2012

Leia mais

V CONGRESSO BRASILEIRO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS Cenário Atual das Licitações e Contratos Administrativos

V CONGRESSO BRASILEIRO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS Cenário Atual das Licitações e Contratos Administrativos V CONGRESSO BRASILEIRO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS Cenário Atual das Licitações e Contratos Administrativos 19 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 Curitiba/PR O já consagrado Congresso Brasileiro de Licitações e Contratos

Leia mais

City Biodiversity Index. Curitiba - Paraná

City Biodiversity Index. Curitiba - Paraná Curitiba - Paraná (I.10) % de areas protegidas APAs,Parques, Bosques municipais e RPPNMs = 22,91% (I.10) % Total de áreas protegidas: 22,91% Fonte: Centro de Geoprocessamento da SMMA (I.11) Proporção

Leia mais

Perguntas e respostas sobre patentes da Fiocruz

Perguntas e respostas sobre patentes da Fiocruz Perguntas e respostas sobre patentes da Fiocruz Em que momento procurar a área de Patentes da Gestec? O pesquisador pode procurar a área de Patentes da Gestec através do Núcleo de Inovação Tecnológica

Leia mais

O USO DE JOGOS ELETRÔNICOS EDUCACIONAIS NAS DISCIPLINAS DOS CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA.

O USO DE JOGOS ELETRÔNICOS EDUCACIONAIS NAS DISCIPLINAS DOS CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA. O USO DE JOGOS ELETRÔNICOS EDUCACIONAIS NAS DISCIPLINAS DOS CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA. Caroline Kavan Bueno (PIBIC/FA), Ronaldo Schiaber, João Coelho Neto (Orientador), e-mail: carolinekavan@hotmail.com.

Leia mais

EDITAL CAPES N o 11/2014 - PRÓ-EQUIPAMENTOS INSTITUCIONAL RESULTADO FINAL - PROPOSTAS RECOMENDADAS

EDITAL CAPES N o 11/2014 - PRÓ-EQUIPAMENTOS INSTITUCIONAL RESULTADO FINAL - PROPOSTAS RECOMENDADAS CENTRO BRASILEIRO DE PESQUISAS FÍSICAS R$ 165.000,00 CENTRO DE DESENVOLVIMENTO DA TECNOLOGIA NUCLEAR R$ 165.000,00 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECN. CELSO SUCKOW DA FONSECA R$ 395.500,00 CENTRO FEDERAL

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PARANÁ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR NOTA Nº E- 222/2013

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PARANÁ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR NOTA Nº E- 222/2013 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DO PARANÁ PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR NOTA Nº E- 222/2013 A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS, empresa

Leia mais

O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná

O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná O que? Quando? E por quem? Uma investigação sobre o ensino de IHC nas universidades públicas do Estado do Paraná ABSTRACT Sílvia Amélia Bim Departamento de Ciência da Computação Universidade Estadual do

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2011-2012

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2011-2012 RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2011-2012 APRESENTAÇÃO A preocupação com a gestão do conhecimento produzida nos ambientes acadêmicos, e com sua transferência à sociedade, fez com que a UNISC, em 2002 instituísse

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM SAÚDE CAPÍTULO I DA CATEGORIA E FINALIDADE

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM SAÚDE CAPÍTULO I DA CATEGORIA E FINALIDADE REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM SAÚDE CAPÍTULO I DA CATEGORIA E FINALIDADE Art. 1º O Núcleo de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto

Leia mais

Avanços Tecnológicos no mundo da Universidade apoiados pelos NIT: o caso da UFPI. Prof. Dr. Sérgio Henrique B. de S. Leal

Avanços Tecnológicos no mundo da Universidade apoiados pelos NIT: o caso da UFPI. Prof. Dr. Sérgio Henrique B. de S. Leal Avanços Tecnológicos no mundo da Universidade apoiados pelos NIT: o caso da UFPI Prof. Dr. Sérgio Henrique B. de S. Leal São Luis, 09 de julho de 2010 INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Processo de aprendizagem contínuo

Leia mais

Guia de Cursos Superiores e Técnicos no Paraná.

Guia de Cursos Superiores e Técnicos no Paraná. CEAPPE - UFPR Guia de Cursos Superiores e Técnicos no Paraná. Elisa Moya Gomes, Ilana Cavichiolo, Karime Nogara, Luciana Valore, Paola Scalzo, Taia Albuquerque 05/11/2012 O Presente manual é resultado

Leia mais

Plano Plurianual 2012-2015

Plano Plurianual 2012-2015 12. Paraná Inovador PROGRAMA: 12 Órgão Responsável: Contextualização: Paraná Inovador Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - SETI As ações em Ciência, Tecnologia e Inovação visam

Leia mais

O PIBIC NAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS DO PARANÁ (1995-2005)

O PIBIC NAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS DO PARANÁ (1995-2005) O PIBIC NAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS DO PARANÁ (1995-2005) JORGE, Marcos - UEL mjeduc@gmail.com Resumo O debate em torno da reestruturação dos sistemas universitários, não é um fenômeno isolado, está presente

Leia mais

CAPACITAÇÃO PARA EMPRESÁRIOS DO PARANÁ E MATO GROSSO DO SUL EM EMPREENDEDORISMO INOVADOR: PROGRAMA UTFINOVA

CAPACITAÇÃO PARA EMPRESÁRIOS DO PARANÁ E MATO GROSSO DO SUL EM EMPREENDEDORISMO INOVADOR: PROGRAMA UTFINOVA CAPACITAÇÃO PARA EMPRESÁRIOS DO PARANÁ E MATO GROSSO DO SUL EM EMPREENDEDORISMO INOVADOR: PROGRAMA UTFINOVA Rosângela de Fátima Stankowitz Penteado Universidade Tecnológica Federal o Paraná, PPGTE, Curitiba,

Leia mais

A gestão da propriedade intelectual em um cenário de inovação aberta

A gestão da propriedade intelectual em um cenário de inovação aberta A gestão da propriedade intelectual em um cenário de inovação aberta Araken Alves de Lima Coordenador-Geral da Academia da Propriedade Intelectual, Inovação e Desenvolvimento (ACAD/INPI) Roteiro Apresentação

Leia mais

GESTÃO DE ATIVOS DE PROPIEDADE INDUSTRIAL REDAÇÃO DE PEDIDOS DE PATENTES. Workshop da OMPI sobre a Redação de Pedidos de Patentes

GESTÃO DE ATIVOS DE PROPIEDADE INDUSTRIAL REDAÇÃO DE PEDIDOS DE PATENTES. Workshop da OMPI sobre a Redação de Pedidos de Patentes P GESTÃO DE ATIVOS DE PROPIEDADE INDUSTRIAL REDAÇÃO DE PEDIDOS DE PATENTES OMPI/PI/SAN/14/INF/1 PROV. ORIGINAL:PORTUGUÊS DATA: Workshop da OMPI sobre a Redação de Pedidos de Patentes organizado pela Organização

Leia mais

Calendário de Provas 2014

Calendário de Provas 2014 Calendário de Provas 1º BIMESTRE (de 27/01/ a 02/04/) 25 de Fevereiro Terça-feira Horário de Aula Produção Textual 26 de Fevereiro Quarta-feira P1 de Português 27 de Fevereiro Quinta-feira Horário de Aula

Leia mais

CHAMADA INTERNA AGINT 01/2013 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO

CHAMADA INTERNA AGINT 01/2013 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE RELAÇÕES EMPRESARIAIS E COMUNITÁRIAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Inovação e Empreendedorismo A experiência da Inova Unicamp

Inovação e Empreendedorismo A experiência da Inova Unicamp Inovação e Empreendedorismo A experiência da Inova Unicamp Bastiaan Philip Reydon Inova Unicamp Seminário: Pesquisa e Inovação para melhores condições de trabalho e emprego 18 de Outubro de 2012, Brasilia

Leia mais

I CONGRESSO IDEHA DE SERVIDORES MUNICIPAIS

I CONGRESSO IDEHA DE SERVIDORES MUNICIPAIS I CONGRESSO IDEHA DE SERVIDORES MUNICIPAIS Apresentação FOZ DO IGUAÇU/PR - 04 A 06 DE DEZEMBRO DE 2013 Pela primeira vez, o Instituto IDEHA desenha um evento direcionado aos agentes públicos municipais

Leia mais

PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU POLÍTICA INSTITUCIONAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DO INTA

PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU POLÍTICA INSTITUCIONAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DO INTA PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU POLÍTICA INSTITUCIONAL DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DO INTA A propriedade intelectual abrange duas grandes áreas: Propriedade Industrial (patentes,

Leia mais