CORPO FREUDIANO ESCOLA DE PSICANÁLISE SEÇÃO RIO DE JANEIRO PROGRAMAÇÃO INÍCIO: 07 de agosto FORMAÇÃO BÁSICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CORPO FREUDIANO ESCOLA DE PSICANÁLISE SEÇÃO RIO DE JANEIRO PROGRAMAÇÃO 2012.2. INÍCIO: 07 de agosto FORMAÇÃO BÁSICA"

Transcrição

1 CORPO FREUDIANO ESCOLA DE PSICANÁLISE SEÇÃO RIO DE JANEIRO PROGRAMAÇÃO INÍCIO: 07 de agosto FORMAÇÃO BÁSICA MÓDULO: REAL, SIMBÓLICO E IMAGINÁRIO Quintas-feiras, horário: 9:30 às 11:30h, semanal APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS: 06 DE DEZEMBRO FORMAÇÃO PERMANENTE TERÇA-FEIRA SEMINÁRIO: ARTICULAÇÕES ENTRE PSICANÁLISE E DIREITO Com Heloneida Neri - Horário: 13:30 às 15:00, semanal Freud argumentou que o quadro psicológico de um acusado não atenua sua responsabilidade criminal e, dessa forma, a psicanálise não deve ser utilizada para explicar o comportamento criminal de alguém. Lacan, por sua vez, nos adverte que a psicanálise amplia o campo das indicações de um tratamento possível do criminoso como tal evidenciando a existência de crimes que só têm sentido se compreendidos numa estrutura fechada da subjetividade. Nossa ênfase neste ano recairá sobre os conceitos de culpabilidade e responsabilidade nos campos do Direito e da Psicanálise. GRUPO DE ESTUDOS: PULSÃO Com Marcia Soares da Silveira Werneck - Horário: 15:00 às 16:30, semanal Trieb, pulsão, é um dos pilares na construção teórica da obra de Freud. Para Lacan a pulsão é um dos conceitos fundamentais da psicanálise, assim como a repetição, o inconsciente e a transferência. A proposta desse grupo de estudos é, a partir da leitura de textos de Freud e Lacan, estudarmos o conceito de pulsão com suas implicações e articulações na teoria e na clínica psicanalítica. Não há nenhuma necessidade de ir muito longe numa análise de adulto, basta ser alguém que pratica com crianças para conhecer esse elemento que constitui o peso clínico de cada um dos casos que temos que manipular e que se chama pulsão (LACAN, Jacques O Seminário livro 11, Os Quatro Conceitos fundamentais da Psicanálise). 1

2 GRUPO DE ESTUDOS: LEITURA DO SEMINÁRIO, LIVRO 11: OS QUATRO CONCEITOS FUNDAMENTAIS DA PSICANÁLISE DE J. LACAN 1964 Com Maria Teresa Gomes Teixeira - Horário: 16:30 às 18:00, quinzenal A proposta do estudo deste Seminário é aprofundar os quatro conceitos fundamentais: inconsciente, repetição, transferência e pulsão, na tentativa do entrelaçamento, em especial, à interpretação psicanalítica. Retomar tais conceitos é sustentar que a teoria e a práxis caminham juntas em psicanálise. GRUPO DE PESQUISA: SEXUALIDADE FEMININA Com Maria Teresa Gomes Teixeira - 16:30 às 18:00 quinzenal Início: 14 de agosto O que faz com que a feminilidade seja um enigma? Norteados por este enigma, pelo mistério do "tornar-se mulher", ampliaremos nossa leitura sobre o tema da sexualidade feminina, indo além de S. Freud, com a lógica do não-todo de Jacques Lacan: dialética entre ser e ter, no âmbito do gozo suplementar. SECRETARIA CLÍNICA O CASO DO HOMEM DOS LOBOS Horário: 18:00 às 19h30 semanal Com Nadiá Paulo Ferreira e Analistas em Formação Dando continuidade a proposta da Secretaria Clínica de retomar os casos clínicos de Freud, vamos estudar O Caso Homem dos lobos. Apresentação do Seminário de Lacan: Evair Marques Bibliografia básica: FREUD, Sigmund. História de uma neurose infantil (1918 [1914]) LACAN, Jacques. O Seminário: o homem dos lobos ( ) seminário inédito OBHOLZER, Karin. Conversas com o homem dos lobos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, Col. Transmissão da Psicanálise 34. SEMINÁRIO: A PSICANÁLISE E A LEI - LEITURA DE OS TRÊS TEMPOS DA LEI, DE ALAIN DIDIER- WEILL Com Marco Antonio Coutinho Jorge - Horário: 19:30 às 21:00, semanal (exceto a última terça-feira do mês) Seminário preparatório para o III Encontro Nacional e III Colóquio Internacional do Corpo Freudiano em Fortaleza, de 11 a 13 de outubro de Os participantes do seminário constituirão cartéis em torno de assuntos específicos ligados ao tema geral, visando a produção de trabalhos para o III Encontro. Neste semestre será estudado o livro Os três tempos da lei, de Alain Didier-Weill. Bibliografia: DIDIER-WEILL, Alain. Os três tempos da lei. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, Bibliografia complementar: 2

3 DIDIER-WEILL, Alain. Invocações - Dionísio, Moisés, São Paulo e Freud. Rio de Janeiro: Companhia de Freud, Un mystère plus lointain que l'inconscient. Paris: Aubier, QUARTA-FEIRA GRUPO DE PESQUISA: PSICANÁLISE E CULTURA Com Evair Marques - Horário: 9:30 às 11:00, quinzenal Início: 08 de agosto Nossa proposta visa aprofundar a discussão em torno de algumas questões ligadas à cultura contemporânea. Identificamos alguns traços ou conceitos-chave formulados por pensadores e críticos da sociedade pós-moderna. Lembramos que Lacan inaugurou um movimento que continua ainda hoje: a ligação da Psicanálise com outras disciplinas, e recomendava que o analista deveria sempre alcançar a subjetividade de sua época. O retorno a Freud e a Lacan orientam nossa busca de uma reflexão sobre a cultura na qual estamos inseridos. GRUPO DE ESTUDOS: LEITURA DO SEMINÁRIO, LIVRO 5: AS FORMAÇÕES DO INCONSCIENTE Com Evair Marques Horário: 9:30 às 11:00, quinzenal Início: 15 de agosto O Grupo vai continuar a leitura do Seminário de Lacan a partir do capítulo XVI As insígnias do Ideal, refletindo sobre as relações entre o eu, o Ideal do eu e o eu ideal, destacando com Lacan que o Ideal do eu desempenha uma função mais tipificadora no desejo do sujeito. SEMINÁRIO: FUNDAMENTOS TEÓRICOS DA PSICANÁLISE PARA O ESTUDO DA LITERATURA LEITURA DO SEMINÁRIO AS FORMAÇÕES DO INCONSCIENTE, LIVRO 5 DE JACQUES LACAN Com Nadiá Paulo Ferreira - Horário: 16:00 às 17:30, Semanal Início: 14 de agosto Local: UERJ, Instituto de Letras, Sala de Literatura Portuguesa, 11º andar, Bloco F, Sala QUINTA-FEIRA SEMINÁRIO: O GOZO EM JACQUES LACAN Com Nadiá Paulo Ferreira - Horário: 12:00 às 13:30, semanal Início: 16 de agosto O retorno a Freud: a Coisa (das Ding), a pulsão, a morte, o prazer, o gozo. O significante como barreira e causa do gozo. O objeto a. A função fálica. Outro como gozo no singular X Outro como lugar dos significantes. As diferentes modalidades de gozo e suas articulações com o real, o simbólico e o imaginário. Finalidade: percorrer os seminários de Lacan para traçar a construção do conceito de gozo e suas articulações com o real, o simbólico e o imaginário. Funcionamento: Os participantes receberão com antecedência a indicação dos seminários em que aparecem as referências ao gozo para serem trabalhados durante os encontros. Atividade semanal 3

4 TOXICOMANIAS E RESPONSABILIDADE Com Heve Barros - Horário: 12:00 às 13:30h, semanal Reprimir duramente o uso de drogas passou a ser a prioridade do governo nas políticas de ação social. Sem escolha, o usuário é recolhido e encarcerado em asilos que, muitas vezes, não têm sequer programas de saúde. Terá o sujeito liberdade para se responsabilizar, ao escolher a droga como substituto ao gozo, para sempre faltoso, como tratamento químico do mal-estar, como diz Freud? Como pensar em liberdade de escolha, em nossos tempos, se há um esvaziamento da responsabilização do sujeito na sua dessubjetivação? Qual o papel da psicanálise nesse contexto? Nossa proposta para esse ano é pesquisar o uso de drogas e os métodos e técnicas de substituição e de redução de danos. Construir uma reflexão sobre os programas de saúde pública e suas leis como expressão do biopoder higienista e segregativo, que faz girar o discurso da ciência, contribuindo grandemente para sua transformação em discurso capitalista. Bibliografia Básica: COTTET, Serge. Criminologia Lacaniana in: asephallus Revista Eletrônica do Núcleo Sephora.2010 FREUD, Sigmund. El Malestar em la Cultura Vol. XXI (1930 [1929]).Bueno Aires: Amorrortu, 1996 FREDA, Francisco-Hugo. SPLD. In: A Vocação do Êxtase. Rio de Janeiro: Imago, FOUCAULT, Michel História da Sexualidade.. Rio de Janeiro Edições Graal, 1998 COUTINHO JORGE, Marco Antonio Fundamentos da Psicanálise de Freud a Lacan vol. 1, As bases conceituais. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2005 LACAN, Jacques. A Ciência e a Verdade. In: Escritos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, SANTIAGO, Jésus. A Droga do Toxicômano. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001 SEMINÁRIO: PSICANÁLISE COM CRIANÇAS Com Teresinha Costa - Horário: 13:30h às 15:00h, semanal A infância é uma das mais ricas fontes de investigação da psicanálise. O objetivo desse seminário é apresentar o percurso de alguns teóricos que se dedicaram a trabalhar com crianças. Destacamos a contribuição de Melanie Klein, Winnicott e os teóricos da Escola francesa de psicanálise. Também serão apresentados os fundamentos teóricos trazidos por Lacan a esse domínio. GRUPO DE ESTUDOS: PSICANÁLISE E MATEMÁTICA Com Antonio Borges - Horário: 14:30h às 16:00h, quinzenal Quando tomamos contato com os seminários de Lacan, passamos também a conviver com conceitos como topologia, real, simbólico, imaginário, corte, um, Φ, entre outros; conceitos que também pertencem ao campo da Matemática. O Grupo de Estudos Psicanálise e Matemática tem por objetivo investigar as interrelações entre as duas áreas de estudos partindo das associações propostas por Lacan. 4

5 SEXTA-FEIRA OFICINA CLÍNICA E DE PESQUISA: As psicoses, suas suplências e a instituição de saúde mental Coordenação: Sonia Leite - Horário: sextas-feiras as de 13:00 às 14:00h, quinzenal Local: CPRJ (Centro Psiquiátrico do RJ) (Para participar é necessário entrar em contato com a coordenação: A oficina tem como proposta a troca de experiência clínica sobre as psicoses, aliado ao estudo teórico da temática, a partir de textos de Freud, Lacan e da psiquiatria clássica. A Oficina encontrase articulada a um projeto de pesquisa vinculado ao Programa de Pós Graduação em Psicanálise da UERJ. EVENTO: III Encontro Nacional e III Colóquio Internacional do Corpo Freudiano Escola de Psicanálise A PSICANÁLISE E A LEI Fortaleza, 11, 12 e 13 de outubro de Mais informações em 5

Núcleo 2.6 Psicanálise: práticas clínicas e saúde

Núcleo 2.6 Psicanálise: práticas clínicas e saúde Núcleo 2.6 Psicanálise: práticas clínicas e saúde DEPARTAMENTOS ENVOLVIDOS: Psicodinâmica e Métodos e Técnicas COORDENADOR: Regina Fabbrini PROFESSORES: Paula Regina Peron Alexandre Chafran de Bellis Teresa

Leia mais

APO TAME TOS SOBRE A A GÚSTIA EM LACA 1

APO TAME TOS SOBRE A A GÚSTIA EM LACA 1 APO TAME TOS SOBRE A A GÚSTIA EM LACA 1 Elza Macedo Instituto da Psicanálise Lacaniana IPLA São Paulo, 2008 A angústia é um afeto Lacan (2005) dedica o Seminário de 1962-1963 à angústia. Toma a experiência

Leia mais

Megalomania: amor a si mesmo Raquel Coelho Briggs de Albuquerque 1

Megalomania: amor a si mesmo Raquel Coelho Briggs de Albuquerque 1 Megalomania: amor a si mesmo Raquel Coelho Briggs de Albuquerque 1 Alfredo estava na casa dos 30 anos. Trabalhava com gesso. Era usuário de drogas: maconha e cocaína. Psicótico, contava casos persecutórios,

Leia mais

Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil

Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil Integração social e Segregação real: uma questão para as medidas socioeducativas no Brasil Fídias Gomes Siqueira 1 Andréa Maris Campos Guerra 2 [...] a gente carecia de querer pensar somente nas coisas

Leia mais

Quadro Geral de Disciplinas do PPGP

Quadro Geral de Disciplinas do PPGP Quadro Geral de s do PPGP Obrigatórias CR CH Metodologia de Pesquisa 4 60 Metodologias Específicas - Linha Psicanálise: teoria e clínica 4 60 Metodologias Específicas - Linha Psicologia e Sociedade 4 60

Leia mais

Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna

Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna Violência Simbólica: possíveis lugares subjetivos para uma criança diante da escolha materna Henrique Figueiredo Carneiro Liliany Loureiro Pontes INTRODUÇÃO Esse trabalho apresenta algumas considerações,

Leia mais

O trauma da poesia inconsciente

O trauma da poesia inconsciente O trauma da poesia inconsciente Marlise Eugenie D Icarahy Psicanalista, doutoranda do Programa de pós-graduação em Psicanálise da UERJ e psicóloga da Prefeitura do Rio de Janeiro. O complexo de Édipo,

Leia mais

IV Congresso Internacional de Psicopatologia Fundamental X Congresso Brasileiro de Psicopatologia Fundamental. Curitiba, de 04 a 07 de Julho de 2010.

IV Congresso Internacional de Psicopatologia Fundamental X Congresso Brasileiro de Psicopatologia Fundamental. Curitiba, de 04 a 07 de Julho de 2010. IV Congresso Internacional de Psicopatologia Fundamental X Congresso Brasileiro de Psicopatologia Fundamental. Curitiba, de 04 a 07 de Julho de 2010. Os nomes dos modos de sofrimentos atuais, ou, Transtornos

Leia mais

A sua revista eletrônica CONTEMPORANEIDADE E PSICANÁLISE 1

A sua revista eletrônica CONTEMPORANEIDADE E PSICANÁLISE 1 A sua revista eletrônica CONTEMPORANEIDADE E PSICANÁLISE 1 Patrícia Guedes 2 Comemorar 150 anos de Freud nos remete ao exercício de revisão da nossa prática clínica. O legado deixado por ele norteia a

Leia mais

2- Ruptura com o Gozo Fálico: como Pensar a Neurose e a Psicose em Relação à Toxicomania?

2- Ruptura com o Gozo Fálico: como Pensar a Neurose e a Psicose em Relação à Toxicomania? 2- Ruptura com o Gozo Fálico: como Pensar a Neurose e a Psicose em Relação à Toxicomania? Giselle Fleury(IP/UERJ), Heloisa Caldas(IP/UERJ) Para pensar, neste trabalho, a neurose e a psicose em relação

Leia mais

Feminilidade e Angústia 1

Feminilidade e Angústia 1 Feminilidade e Angústia 1 Claudinéia da Cruz Bento 2 Freud, desde o início de seus trabalhos, declarou sua dificuldade em abordar o tema da feminilidade. Após um longo percurso de todo o desenvolvimento

Leia mais

Rafael Saliba Regis Fundação de Assistência Especializada de Nova Lima - FAENOL

Rafael Saliba Regis Fundação de Assistência Especializada de Nova Lima - FAENOL QUANDO A CLÍNICA ENCONTRA A ESCOLA: O TRATAMENTO DO AUTISMO E AS SAÍDAS POSSÍVEIS DE UMA INCLUSÃO Rafael Saliba Regis Fundação de Assistência Especializada de Nova Lima - FAENOL Rua Divinópolis, 318/201,

Leia mais

PODERES DO PSICANALISTA

PODERES DO PSICANALISTA Estados Gerais da Psicanálise: Segundo Encontro Mundial, Rio de Janeiro 2003 PODERES DO PSICANALISTA Nelisa Guimarães O título tem o duplo sentido de discutir o que pode um psicanalista na clínica a partir

Leia mais

Resumos. Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica

Resumos. Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Teoria Psicanalítica Inovação em psicanálise: rumos e perspectivas na contemporaneidade Quarta-feira 10/6 10h30-12h Mesa-redonda Saúde mental e psicanálise

Leia mais

FANTASIAS SEXUAIS INFANTIS, AS CRIANÇAS FALAM. A intenção deste trabalho foi escutar crianças pequenas a respeito da

FANTASIAS SEXUAIS INFANTIS, AS CRIANÇAS FALAM. A intenção deste trabalho foi escutar crianças pequenas a respeito da FANTASIAS SEXUAIS INFANTIS, AS CRIANÇAS FALAM Maria Elisa França Rocha A intenção deste trabalho foi escutar crianças pequenas a respeito da sexualidade, bem como conhecer suas fantasias e as teorias que

Leia mais

Do todos iguais ao um por um Oscar Zack

Do todos iguais ao um por um Oscar Zack Opção Lacaniana online nova série Ano 2 Número 6 novembro 2011 ISSN 2177-2673 Oscar Zack O espetáculo não é um conjunto de imagens, mas uma relação social entre as pessoas mediatizadas pelas imagens. Guy

Leia mais

O exterior da inclusão e a inclusão do exterior

O exterior da inclusão e a inclusão do exterior O exterior da inclusão e a inclusão do exterior www.voxinstituto.com.br O tema do V Simpósio Derdic- "Mecanismos de exclusão, estratégias de inclusão" permitiu que a problemática da inclusão social do

Leia mais

EX-SISTO, LOGO SÔO. O modo como soa o título do presente trabalho já nos faz suspeitar de que se trata de

EX-SISTO, LOGO SÔO. O modo como soa o título do presente trabalho já nos faz suspeitar de que se trata de EX-SISTO, LOGO SÔO Eriton Araújo O modo como soa o título do presente trabalho já nos faz suspeitar de que se trata de um aforismo. Mas, para que mais um aforismo para o sujeito da psicanálise? Se considerarmos

Leia mais

Clínica Psicanalítica e Ambulatório de Saúde Mental

Clínica Psicanalítica e Ambulatório de Saúde Mental Clínica Psicanalítica e Ambulatório de Saúde Mental Trabalho apresentado na IV Jornada de Saúde Mental e Psicanálise na PUCPR em 21/11/2009. A prática da psicanálise em ambulatório de saúde mental pode

Leia mais

8 Andréa M.C. Guerra

8 Andréa M.C. Guerra Introdução A loucura sempre suscitou curiosidade, temor, atração. Desde a época em que os loucos eram confinados em embarcações errantes, conforme retratado na famosa tela Nau dos loucos, de Hieronymus

Leia mais

Clínica psicanalítica com crianças

Clínica psicanalítica com crianças Clínica psicanalítica com crianças Ana Marta Meira* A reflexão sobre a clínica psicanalítica com crianças aponta para múltiplos eixos que se encontram em jogo no tratamento, entre estes, questões referentes

Leia mais

UM ESTUDO SOBRE A TOXICOMANIA ATRAVÉS DE UM GRUPO PSICOTERAPÊUTICO.

UM ESTUDO SOBRE A TOXICOMANIA ATRAVÉS DE UM GRUPO PSICOTERAPÊUTICO. UM ESTUDO SOBRE A TOXICOMANIA ATRAVÉS DE UM GRUPO PSICOTERAPÊUTICO. GOMES, Katia Varela. Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo. Pesquisadora do LAPSO Laboratório de Estudos em Psicanálise

Leia mais

PSICANÁLISE E A QUESTÃO RELIGIOSA: A INSIGNIFICÂNCIA DO TRIUNFO

PSICANÁLISE E A QUESTÃO RELIGIOSA: A INSIGNIFICÂNCIA DO TRIUNFO PSICANÁLISE E A QUESTÃO RELIGIOSA: A INSIGNIFICÂNCIA DO TRIUNFO 2014 Matheus Henrique de Souza Silva Psicólogo pela Faculdade Pitágoras de Ipatinga-MG. Especializando em Clínica Psicanalítica na atualidade:

Leia mais

UMA TOPOLOGIA POSSÍVEL DA ENTRADA EM ANÁLISE 1

UMA TOPOLOGIA POSSÍVEL DA ENTRADA EM ANÁLISE 1 UMA TOPOLOGIA POSSÍVEL DA ENTRADA EM ANÁLISE 1 Celso Rennó Lima A topologia..., nenhum outro estofo a lhe dar que essa linguagem de puro matema, eu entendo por aí isso que é único a poder se ensinar: isso

Leia mais

Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América

Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América Almanaque on-line entrevista Uma questão para a AMP-América Entrevistada: Elisa Alvarenga Diretora Geral do IPSM-MG e Presidente da FAPOL (Federação Americana de Psicanálise de Orientação Lacaniana). E-mail:

Leia mais

Não temos tempo a perder 1

Não temos tempo a perder 1 Não temos tempo a perder 1 Ana Martha Wilson Maia Em entrevista concedida a uma revista brasileira, o filósofo Carl Honoré 2 descreve a pressão exercida sobre os pais para oferecerem uma infância perfeita

Leia mais

Feminilidade e Violência

Feminilidade e Violência Feminilidade e Violência Emilse Terezinha Naves O tema sobre a violência e a feminilidade apresenta-se, nas mais diversas áreas do conhecimento, como um tema de grande interesse, quando encontramos uma

Leia mais

A tópica lacaniana - simbólico, imaginário, real - e sua relação. com a função paterna

A tópica lacaniana - simbólico, imaginário, real - e sua relação. com a função paterna www.franklingoldgrub.com Édipo 3 x 4 - franklin goldgrub 7º Capítulo - (texto parcial) A tópica lacaniana - simbólico, imaginário, real - e sua relação com a função paterna (Salvo menção expressa em contrário,

Leia mais

Título: Entrevista com Fabián Naparstek

Título: Entrevista com Fabián Naparstek Título: Entrevista com Fabián Naparstek Autor: Didier Velásquez Vargas Psicanalista em Medellín, Colômbia. Psychoanalyst at Medellín, Colômbia. E-mail: didiervelasquezv@une.net.co Resumo: Entrevista com

Leia mais

Atualmente a responsabilidade na adolescência tem sido alvo de amplas

Atualmente a responsabilidade na adolescência tem sido alvo de amplas Título: Adolescência, violência e responsabilidade Atualmente a responsabilidade na adolescência tem sido alvo de amplas discussões nos meios de comunicação. O estudo teórico deste tema vem sendo recebido

Leia mais

Latusa digital ano 0 N 2 setembro de 2003

Latusa digital ano 0 N 2 setembro de 2003 Latusa digital ano 0 N 2 setembro de 2003 O forçamento da psicanálise * Ruth Helena Pinto Cohen ** A ciência moderna tende a excluir a poética de seu campo e a psicanálise, a despeito de ter nascido a

Leia mais

A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO

A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO 2014 Olga Cristina de Oliveira Vieira Graduada em Psicologia pela Universidade Presidente Antônio Carlos. Docente no Centro Técnico de Ensino Profissional (CENTEP). Especialização

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE POS GRADUAÇÃO LATO SENSU. Ano: 2014/2015

PROJETO PEDAGÓGICO DE POS GRADUAÇÃO LATO SENSU. Ano: 2014/2015 PROJETO PEDAGÓGICO DE POS GRADUAÇÃO LATO SENSU Ano: 2014/2015 1 - JUSTIFICATIVA A hospitalização pode ser experienciada como um dos momentos mais delicados e difíceis do processo do adoecer. Isso porque

Leia mais

Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970)

Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970) Autor e imagens na Revista Brasileira de Psicanálise (1967 1970) Prof. Me. Roger Marcelo Martins Gomes Universidade do Sagrado Coração, Bauru/SP e-mail: roger.gomes@usc.br Comunicação Oral Eixo 6 - Memória,

Leia mais

CINEMA, CULTURA E TRANSMISSÃO DA PSICANÁLISE. aspecto, a Arte e, principalmente, o Cinema, percebemos uma questão recorrente entre

CINEMA, CULTURA E TRANSMISSÃO DA PSICANÁLISE. aspecto, a Arte e, principalmente, o Cinema, percebemos uma questão recorrente entre CINEMA, CULTURA E TRANSMISSÃO DA PSICANÁLISE Tereza Raquel Tomé Adeodato Laéria Bezerra Fontenele Miguel Fernandes Vieira Filho Orlando Soeiro Cruxên Quando nos deparamos com a interseção entre Psicanálise

Leia mais

Estrutura Curricular do Programa de Pós-graduação em Psicologia UFSC (Atual) Cursos de Mestrado e Doutorado

Estrutura Curricular do Programa de Pós-graduação em Psicologia UFSC (Atual) Cursos de Mestrado e Doutorado Estrutura Curricular do Programa de Pós-graduação em Psicologia UFSC (Atual) Cursos de Mestrado e Doutorado Os cursos de Mestrado e Doutorado do PPGP/UFSC compreendem um conjunto de disciplinas obrigatórias

Leia mais

RESENHA CRITICAL REVIEW

RESENHA CRITICAL REVIEW CAMPOS, R. O. Psicanálise & Saúde Coletiva: Interfaces. São Paulo: Hucited, 2012, 172 p. A autora é médica, formada pela Universidad Nacional de Rosario (UNR), na Argentina, pós-graduada, no Brasil, pelo

Leia mais

Biotecnologia Ambiental

Biotecnologia Ambiental Ambiental 1º MÓDULO 27 28 29 (AGOSTO) Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira (27/08) Sexta-feira (28/08) Sábado (29/08) //Marco //Marco Ambiental 2º MÓDULO 17 18 19 (SETEMBRO) Segunda-feira

Leia mais

A importância teórica e prática do ensino de Jacques Lacan Palavras-chaves: Lacan, ensino, subversão, orientação. Zelma Abdala Galesi

A importância teórica e prática do ensino de Jacques Lacan Palavras-chaves: Lacan, ensino, subversão, orientação. Zelma Abdala Galesi A importância teórica e prática do ensino de Jacques Lacan Palavras-chaves: Lacan, ensino, subversão, orientação. Zelma Abdala Galesi As inúmeras homenagens prestadas durante o ano de 2001, ao centenário

Leia mais

Clarice Gatto. O traumático que a experiência psicanalítica torna comunicável

Clarice Gatto. O traumático que a experiência psicanalítica torna comunicável Clarice Gatto O traumático que a experiência psicanalítica torna comunicável Trabalho a ser apresentado na Mesa-redonda Poder da palavra no III Congresso Internacional de Psicopatologia Fundamental e IX

Leia mais

Considerações acerca da transferência em Lacan

Considerações acerca da transferência em Lacan Considerações acerca da transferência em Lacan Introdução Este trabalho é o resultado um projeto de iniciação científica iniciado em agosto de 2013, no Serviço de Psicologia Aplicada do Instituto de Psicologia

Leia mais

Histeria e Corporalidade: O Corpo histérico através dos tempos

Histeria e Corporalidade: O Corpo histérico através dos tempos Histeria e Corporalidade: O Corpo histérico através dos tempos Este trabalho tem por intuito verificar quais as transformações sofridas pelos sintomas histéricos ao longo dos anos. Esta indagação se deve

Leia mais

AFORISMOS DE JACQUES LACAN

AFORISMOS DE JACQUES LACAN AFORISMOS DE JACQUES LACAN Marco Antonio Coutinho Jorge (org.) O texto de Lacan, assim como o de Swedenborg, segundo Borges, é daqueles que expõe tudo com autoridade, com uma tranqüila autoridade. Ciente,

Leia mais

TÍTULO: AUTORES Instituição de Ensino Superior: E-mails: Área Temática: A Reforma Psiquiátrica Brasileira

TÍTULO: AUTORES Instituição de Ensino Superior: E-mails: Área Temática: A Reforma Psiquiátrica Brasileira TÍTULO: A CLÍNICA DA PSICOSE: UMA ARTICULAÇÃO NECESSÁRIA ENTRE A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, A PSICANÁLISE E A REFORMA PSIQUIÁTRICA AUTORES: Margarida Maria Elia Assad Cleide Pereira Monteiro João Mendes de

Leia mais

O SUJEITO SUPOSTO SABER E TRANSFERÊNCIA (The Subject Supposed to Know and Transference)

O SUJEITO SUPOSTO SABER E TRANSFERÊNCIA (The Subject Supposed to Know and Transference) O SUJEITO SUPOSTO SABER E TRANSFERÊNCIA (The Subject Supposed to Know and Transference) Maria Angélica Augusto de Mello Pisetta 1 Resumo: Palavras-chave: Abstract: Keywords: Neste artigo discutimos o conceito

Leia mais

A INFLUÊNCIA DE JACQUES LACAN NA PSICANÁLISE BRASILEIRA

A INFLUÊNCIA DE JACQUES LACAN NA PSICANÁLISE BRASILEIRA 1 A INFLUÊNCIA DE JACQUES LACAN NA PSICANÁLISE BRASILEIRA A presença do ensino de Lacan na psicanálise brasileira é hoje absoluta. Prova disso foi a recente participação brasileira no I Congresso da Convergencia

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR PESSOA FÍSICA MODALIDADE PRODUTO

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR PESSOA FÍSICA MODALIDADE PRODUTO TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR PESSOA FÍSICA MODALIDADE PRODUTO Número e Título do Projeto Função no Projeto BRA 08/021 Resultado: Produto: Atividades: Antecedentes: (breve histórico justificando

Leia mais

Diagnóstico: um sintoma? O diagnóstico em psiquiatria tem uma história. Sua principal função é de ser um instrumento

Diagnóstico: um sintoma? O diagnóstico em psiquiatria tem uma história. Sua principal função é de ser um instrumento Diagnóstico: um sintoma? Larissa de Figueiredo Rolemberg Mendonça e Manoel Tosta Berlinck (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC/SP) O diagnóstico em psiquiatria tem uma história. Sua principal

Leia mais

O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica.

O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica. O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica. Silvana Maria de Barros Santos Entre o século XVI a XIX, as transformações políticas, sociais, culturais e o advento da

Leia mais

A CORAGEM DE TOMAR A PALAVRA: REPRESSÃO, EDUCAÇÃO E PSICANÁLISE

A CORAGEM DE TOMAR A PALAVRA: REPRESSÃO, EDUCAÇÃO E PSICANÁLISE A CORAGEM DE TOMAR A PALAVRA: REPRESSÃO, EDUCAÇÃO E PSICANÁLISE Autores: Gleici Kelly de LIMA, Mário Ferreira RESENDE. Identificação autores: Bolsista IN-IFC; Orientador IFC-Videira. Introdução Qual seria

Leia mais

POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO DO PSICANALISTA NO CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 1

POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO DO PSICANALISTA NO CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 1 POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO DO PSICANALISTA NO CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 1 Fernanda Oliveira Queiroz de Paula 2 Joice de Paiva 3 RESUMO A pesquisa teve como objetivo investigar as possibilidades

Leia mais

Um percurso de nomes, objetos, angústia e satisfação

Um percurso de nomes, objetos, angústia e satisfação Opção Lacaniana online nova série Ano 3 Número 8 julho 2012 ISSN 2177-2673 Um percurso de nomes, objetos, angústia e satisfação Gresiela Nunes da Rosa Diante do enigma primeiro a respeito do desejo do

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA VERSÃO CURRICULAR. Professor(a): Fábio Roberto Rodrigues Belo Ano/Semestre: 2015/2

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA VERSÃO CURRICULAR. Professor(a): Fábio Roberto Rodrigues Belo Ano/Semestre: 2015/2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA VERSÃO CURRICULAR 2009/1 Professor(a): Fábio Roberto Rodrigues

Leia mais

Regimento. Lacaniana de Psicanálise - RJ. Escola Lacaniana de Psicanálise RJ. Movimento Lacaniano para a Psicanálise Freudiana

Regimento. Lacaniana de Psicanálise - RJ. Escola Lacaniana de Psicanálise RJ. Movimento Lacaniano para a Psicanálise Freudiana Regimento Boletim da Escola Interno Lacaniana de Psicanálise - RJ 2012 Escola Lacaniana de Psicanálise RJ Instituição Membro de Convergência Movimento Lacaniano para a Psicanálise Freudiana Boletim 2012

Leia mais

Jacques Lacan, La Chose Freudienne

Jacques Lacan, La Chose Freudienne N O T A S Jacques Lacan, La Chose Freudienne JACQUES LABERGE Tivemos ocasião de apresentar nesta revista obras de Françoise Dolto e de Maud Mannoni. Como o nome de vários lacanianos são e serão comuns

Leia mais

A RESPONSABILIDADE DO SUJEITO, A RESPONSABILIDADE DO ANALISTA E A ÉTICA DA PSICANÁLISE

A RESPONSABILIDADE DO SUJEITO, A RESPONSABILIDADE DO ANALISTA E A ÉTICA DA PSICANÁLISE A RESPONSABILIDADE DO SUJEITO, A RESPONSABILIDADE DO ANALISTA E A ÉTICA DA PSICANÁLISE Maria Fernanda Guita Murad Pensando a responsabilidade do analista em psicanálise, pretendemos, neste trabalho, analisar

Leia mais

A Outra: o delírio da histérica

A Outra: o delírio da histérica Opção Lacaniana online nova série Ano 2 Número 6 novembro 2011 ISSN 2177-2673 1 Ana Martha Maia e Maria Fátima Pinheiro Desde Freud, podemos dizer que a fantasia e o delírio são construções ficcionais

Leia mais

Índice. 5. A escola moderna alemã 64 6. Outras escolas penais 65

Índice. 5. A escola moderna alemã 64 6. Outras escolas penais 65 Índice Prefácio à 2ª edição Marco Aurélio Costa de Oliveira 7 Apresentação à 2ª edição Marco Antonio Marques da Silva 9 Prefácio à 1ª edição Nelson Jobim 11 Apresentação à 1ª edição Oswaldo Lia Pires 13

Leia mais

A Sublimação e a Clínica em Lacan. Eliane Mendlowicz

A Sublimação e a Clínica em Lacan. Eliane Mendlowicz A Sublimação e a Clínica em Lacan Eliane Mendlowicz O conceito de sublimação aparece na obra freudiana em 1897, nas cartas a Fliess (manuscrito L), quando Freud se perguntando sobre a histérica, descobre

Leia mais

O toxicômano e sua inscrição na modernidade

O toxicômano e sua inscrição na modernidade Cogito v.1 Salvador 1996 O toxicômano e sua inscrição na modernidade Luiz Alberto Leite Tavares * RESUMO O autor trata da função da droga no contexto da modernidade como substituto do sintoma, no sentido

Leia mais

Resistência e dominação na relação psicanalítica 1

Resistência e dominação na relação psicanalítica 1 1 Estados Gerais da Psicanálise: Segundo Encontro Mundial, Rio de Janeiro 2003 Resistência e dominação na relação psicanalítica 1 Maria Izabel Oliveira Szpacenkopf izaszpa@uol.com.br Psicanalista, Membro

Leia mais

EDITAL PPGCLIC nº 01/2015 Processo de Seleção para o Curso de Mestrado Acadêmico (ingresso em março de 2016)

EDITAL PPGCLIC nº 01/2015 Processo de Seleção para o Curso de Mestrado Acadêmico (ingresso em março de 2016) EDITAL PPGCLIC nº 01/2015 Processo de Seleção para o Curso de Mestrado Acadêmico (ingresso em março de 2016) A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Psicanálise: Clínica e Cultura, do Instituto de

Leia mais

O PSICANALITICAMENTE CORRETO E O QUE É DITO POLITICAMENTE INCORRETO Juçara Rocha Soares Mapurunga Henrique Figueiredo Carneiro

O PSICANALITICAMENTE CORRETO E O QUE É DITO POLITICAMENTE INCORRETO Juçara Rocha Soares Mapurunga Henrique Figueiredo Carneiro O PSICANALITICAMENTE CORRETO E O QUE É DITO POLITICAMENTE INCORRETO Juçara Rocha Soares Mapurunga Henrique Figueiredo Carneiro A expressão politicamente correto refere-se a uma política que consiste em

Leia mais

UMA EXPERIÊNCIA PSICOPEDAGÓGICA NA FACULDADE DE ENGENHARIA DA PUCRS

UMA EXPERIÊNCIA PSICOPEDAGÓGICA NA FACULDADE DE ENGENHARIA DA PUCRS UMA EXPERIÊNCIA PSICOPEDAGÓGICA NA FACULDADE DE ENGENHARIA DA PUCRS Jorge Ferreira da Silva Filho Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Viegas Ribas Pesquisador e Consultor Psicopedagógico

Leia mais

CLINICA DA ANSIEDADE: Um projeto terapêutico

CLINICA DA ANSIEDADE: Um projeto terapêutico CLINICA DA ANSIEDADE: Um projeto terapêutico De nossos antecedentes Existem instituições onde a psicanálise aplicada da orientação lacaniana tem lugar há muitos anos, como é o caso do Courtil e L Antenne

Leia mais

A sexualidade entre legados e interrogações. Palavras chave: psicanálise, sexualidade, ética, alteridade.

A sexualidade entre legados e interrogações. Palavras chave: psicanálise, sexualidade, ética, alteridade. A sexualidade entre legados e interrogações Bárbara de Souza Conte 1 Resumo O trabalho discute a sexualidade, entendida a partir do legado de Freud, como uma ruptura do modelo moral da cultura, dando origem

Leia mais

O sujeito e os gozos #08

O sujeito e os gozos #08 nova série @gente Digital nº 8 Ano 2 Abril de 2013 Revista de Psicanálise O sujeito e os gozos Pierre Skriabine Isso goza e não sabe, nota Lacan na página 104 do seu Seminário Encore, no capítulo intitulado

Leia mais

CAPÍTULOS DE LIVROS AUTORES EBP. 1. Além do inconsciente, mais perto dos corpos

CAPÍTULOS DE LIVROS AUTORES EBP. 1. Além do inconsciente, mais perto dos corpos CAPÍTULOS DE LIVROS AUTORES EBP 1. Além do inconsciente, mais perto dos corpos ASSAD, S.; CALDAS, H.; GARCIA, C.; JIMENEZ, S.; MANDIL, R. A escrita dos afetos, em Felicidade e sintoma: ensaios para uma

Leia mais

Clínica-Escola de Psicologia: Ética e Técnica

Clínica-Escola de Psicologia: Ética e Técnica Clínica-Escola de Psicologia: Ética e Técnica Carlos Henrique Kessler Foi com muita satisfação que recebi o convite para colaborar com este Informativo, abordando o tema Clínica-escola de psicologia: ética

Leia mais

Devastação: um nome para dor de amor Gabriella Dupim e Vera Lopes Besset

Devastação: um nome para dor de amor Gabriella Dupim e Vera Lopes Besset Opção Lacaniana online nova série Ano 2 Número 6 novembro 2011 ISSN 2177-2673 Gabriella Dupim e Vera Lopes Besset No início da experiência analítica, foi o amor, diz Lacan 1 parafraseando a fórmula no

Leia mais

Psicanálise&Barroco em revista

Psicanálise&Barroco em revista Psicanálise&Barroco em revista (ISSN:1679-9887) www.psicanaliseebarroco.pro.br/revista Editorial Revista n.º 16 O lançamento do número 16 de Psicanálise & Barroco em Revista, fecha para nós, o anos de

Leia mais

Biotecnologia Agroalimentar/Agroindustrial

Biotecnologia Agroalimentar/Agroindustrial /Agroindustrial 1º MÓDULO 27 28 29 (AGOSTO) Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira (27/08) Sexta-feira (28/08) Sábado (29/08) II: II: /Agroindustrial 2º MÓDULO 17 18 19 (SETEMBRO) Segunda-feira

Leia mais

O AMOR NOSSO DE CADA DIA * Palavras chave: Amor; felicidade; sintoma; semblante

O AMOR NOSSO DE CADA DIA * Palavras chave: Amor; felicidade; sintoma; semblante O AMOR NOSSO DE CADA DIA * Palavras chave: Amor; felicidade; sintoma; semblante Heloisa Caldas ** Minha contribuição para este número de Latusa visa pensar o amor como um semblante que propicia um tratamento

Leia mais

outrarte: estudos entre arte e psicanálise

outrarte: estudos entre arte e psicanálise outrarte: estudos entre arte e psicanálise Álvaro de Campos, um dos heterônimos de Fernando Pessoa, é quem nos diz que Fernando Pessoa não existe, propriamente falando. Também já foi dito que o Livro do

Leia mais

Introdução. Caminante, no hay camino, Se hace el camino al andar Antonio Machado

Introdução. Caminante, no hay camino, Se hace el camino al andar Antonio Machado Introdução Caminante, no hay camino, Se hace el camino al andar Antonio Machado O presente trabalho tem como objetivo a discussão em torno da conceituação do afeto em psicanálise, através do diálogo entre

Leia mais

Introdução. instituição. 1 Dados publicados no livro Lugar de Palavra (2003) e registro posterior no banco de dados da

Introdução. instituição. 1 Dados publicados no livro Lugar de Palavra (2003) e registro posterior no banco de dados da Introdução O interesse em abordar a complexidade da questão do pai para o sujeito surgiu em minha experiência no Núcleo de Atenção à Violência (NAV), instituição que oferece atendimento psicanalítico a

Leia mais

Tudo o que gosto é ilegal, imoral ou engorda

Tudo o que gosto é ilegal, imoral ou engorda Tudo o que gosto é ilegal, imoral ou engorda Maria Cristina da Cunha Antunes Flávia Lana Garcia de Oliveira Introdução: O campo freudiano de orientação lacaniana trabalha segundo o axioma de que não há

Leia mais

A atuação do Residente de Psicologia nos Grupos de Pré-consulta *

A atuação do Residente de Psicologia nos Grupos de Pré-consulta * ARTIGOS A atuação do Residente de Psicologia nos Grupos de Pré-consulta * Raquel Moreira Pádova ** Introdução A questão que analiso neste trabalho, se refere à atuação do psicólogo nos grupos de pré-consulta

Leia mais

TÍTULO: A RESPOSTA DO PSICANALISTA UMA VIA DO AMOR E DA VERDADE. que esse trabalho se refere. Apesar do tema do trabalho não abordar esse conceito,

TÍTULO: A RESPOSTA DO PSICANALISTA UMA VIA DO AMOR E DA VERDADE. que esse trabalho se refere. Apesar do tema do trabalho não abordar esse conceito, 1 TÍTULO: A RESPOSTA DO PSICANALISTA UMA VIA DO AMOR E DA VERDADE Marisa De Costa Martinez i Tiago Ravanello ii Nem só a Arte e a Ciência servem; No trabalho há que mostrar paciência 1 São a fome e o amor

Leia mais

Angústia e sexualidade masculina

Angústia e sexualidade masculina Angústia e sexualidade masculina Palavras-chave: angústia, falo, órgão real, virilidade Sérgio Laia * Em psicanálise, a associação entre angústia e sexualidade masculina é geralmente abordada a partir

Leia mais

DIÁLOGOS A pluralidade e as singularidades em nossa transmissão

DIÁLOGOS A pluralidade e as singularidades em nossa transmissão DIÁLOGOS A pluralidade e as singularidades em nossa transmissão Diálogos da última edição deste Boletim trouxe os bastidores e um pouco da história dos nossos eventos. Desta feita, apontamos nossa mira

Leia mais

O lugar do psicanalista e o sintoma como fonte de mal-estar

O lugar do psicanalista e o sintoma como fonte de mal-estar O lugar do psicanalista e o sintoma como fonte de mal-estar Júlio Eduardo de Castro* Unitermos: psicanálise em intensão; sintoma; ética da psicanálise. Resumo Este artigo aborda a ética da psicanálise

Leia mais

A POSSIBILIDADE DE TRANSFORMAÇÃO EM ANÁLISE RESUMO. pela Psicanálise. No trabalho com pessoas que têm dificuldade na integração de amoródio

A POSSIBILIDADE DE TRANSFORMAÇÃO EM ANÁLISE RESUMO. pela Psicanálise. No trabalho com pessoas que têm dificuldade na integração de amoródio A POSSIBILIDADE DE TRANSFORMAÇÃO EM ANÁLISE RESUMO Sandra C. Tschirner 1 Winnicott compreende que as técnicas psicanalíticas clássicas atenderiam a um grupo específico de pacientes, aos neuróticos, que

Leia mais

"Crise ou tentativa de cura? - desafios para uma clínica do sujeito numa enfermaria psiquiátrica". 1

Crise ou tentativa de cura? - desafios para uma clínica do sujeito numa enfermaria psiquiátrica. 1 V Congresso de Psicopatologia Fundamental "Crise ou tentativa de cura? - desafios para uma clínica do sujeito numa enfermaria psiquiátrica". 1 Autora: Lorenna Figueiredo de Souza. Resumo: O trabalho apresenta

Leia mais

Módulo 02 Professor Paulo Afonso Garrido de Paula 1

Módulo 02 Professor Paulo Afonso Garrido de Paula 1 Módulo 02 Professor Paulo Afonso Garrido de Paula 1 Vídeo Aula 1 2 O Direito da Criança e do Adolescente Vamos tratar do direito da criança e do adolescente. Uma primeira observação: quando se afirma a

Leia mais

GRUPO DE ESTUDOS: TRANSFERÊNCIA:- HISTÓRIAS DE (DES)AMOR SUELI SOUZA DOS SANTOS. 3º Encontro - 31 de agosto 2015. No começo era o amor (Cap.

GRUPO DE ESTUDOS: TRANSFERÊNCIA:- HISTÓRIAS DE (DES)AMOR SUELI SOUZA DOS SANTOS. 3º Encontro - 31 de agosto 2015. No começo era o amor (Cap. GRUPO DE ESTUDOS: TRANSFERÊNCIA:- HISTÓRIAS DE (DES)AMOR SUELI SOUZA DOS SANTOS 3º Encontro - 31 de agosto 2015 No começo era o amor (Cap.I) No primeiro capítulo do Livro 8, Lacan (1960-1961) inicia com

Leia mais

O corpo para a psicanálise: notas sobre inibição e psicossomática. 1

O corpo para a psicanálise: notas sobre inibição e psicossomática. 1 O corpo para a psicanálise: notas sobre inibição e psicossomática. 1 Miriam A. Nogueira Lima 2 1ª - O corpo para a psicanálise é o corpo afetado pela linguagem. Corpo das trocas, das negociações. Corpo

Leia mais

Entrelaçamentos entre Arte e Interpretação na Clínica Extensa Leila Souza Alves de Araújo

Entrelaçamentos entre Arte e Interpretação na Clínica Extensa Leila Souza Alves de Araújo Entrelaçamentos entre Arte e Interpretação na Clínica Extensa Leila Souza Alves de Araújo Entrelaçamentos entre Arte e Interpretação é o que se busca promover a partir da realização do Projeto Transformador:

Leia mais

O PSICANALISTA E A DITADURA DA IMAGEM. Ao ser indagado, em 1966, sobre o lugar que a psicanálise poderia ocupar junto

O PSICANALISTA E A DITADURA DA IMAGEM. Ao ser indagado, em 1966, sobre o lugar que a psicanálise poderia ocupar junto O PSICANALISTA E A DITADURA DA IMAGEM Vera Pollo Ao ser indagado, em 1966, sobre o lugar que a psicanálise poderia ocupar junto aos médicos, Lacan (1966/2011) responde o seguinte: pois o que está excluído

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA. Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012

DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA. Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012 DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012 As disciplinas de Psicologia do Desenvolvimento e Psicopatologia são integradas e serão

Leia mais

Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na

Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na 48 1.5. Aberastury: o nascimento de um neo-kleinianismo Reconhecida como uma das maiores autoridades no campo da análise infantil na Argentina, Arminda Aberastury fazia parte do grupo de Angel Garma, que

Leia mais

INSTITUTO SEDES SAPIENTIAE

INSTITUTO SEDES SAPIENTIAE Entretantos, 2014 Grupo: CURSO DE PSICANÁLISE Integrantes: Alcimar A. de Souza Lima, Ana Maria Sigal, Anna Maria Amaral, Cleide Monteiro, Décio Gurfinkel, Flávio Carvalho Ferraz, Heidi Tabacof, Isabel

Leia mais

Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança

Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança Contexto cultural contemporâneo: o declínio da função paterna e a posição subjetiva da criança Manuela Rossiter Infância - tempo de brincar, coisa séria. Sônia Pereira Pinto da Motta O atendimento de crianças

Leia mais

A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial.

A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial. A ética do tratamento psicanalítico: diagnóstico diferencial. Claudia Wunsch. Psicóloga. Pós-graduada em Psicanálise Clínica (Freud/Lacan) Unipar - Cascavel- PR. Docente do curso de Psicologia da Faculdade

Leia mais

O AUTISMO NA PSICANÁLISE E A QUESTÃO DA ESTRUTURA Germano Quintanilha Costa 1

O AUTISMO NA PSICANÁLISE E A QUESTÃO DA ESTRUTURA Germano Quintanilha Costa 1 O AUTISMO NA PSICANÁLISE E A QUESTÃO DA ESTRUTURA Germano Quintanilha Costa 1 I Introdução O objetivo deste trabalho é pensar a questão do autismo pelo viés da noção de estrutura, tal como compreendida

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA ANEXO II DA RESOLUÇÃO CEPEC Nº 952 EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA NÚCLEO COMUM Análise do comportamento O método experimental na análise das relações comportamentais complexas:

Leia mais

Negativo: espaço, tempo e história [1] espaço delimitado por um tempo e um momento que faz notação histórica

Negativo: espaço, tempo e história [1] espaço delimitado por um tempo e um momento que faz notação histórica Negativo: espaço, tempo e história [1] Marcela Toledo França de Almeida [2] Universidade de Brasília UnB O sujeito se funda pela ausência do que um dia fez marca em seu corpo, espaço delimitado por um

Leia mais

Narcisismo e cultura contemporânea

Narcisismo e cultura contemporânea Narcisismo e cultura contemporânea Flávia Ferro Costa Veppo José Juliano Cedaro A cultura hedonista, marcada pela ilusão na satisfação rápida e sempre possível, evidencia a ausência do elemento de barramento

Leia mais